Issuu on Google+

www.revistacorpoemente.com.br

Edição 15 • Ano 4• Março 2014 • Dourados e Região • Distribuição Gratuita

Atendimento multiprofissional, em um espaço moderno e acolhedor

A revista da saúde

SAÚDE OCULAR Os olhos precisam do médico oftalmologista. Pág. 30

DEMÊNCIA Idosos são os mais atingidos pela doença do século. Pág. 36

DERMO POSANGA Novo espaço prioriza atendimento ao cliente. Pág. 52

Dr. Thiago e Dra. Inah, Dra. Teresa e Dr. Walter inauguraram a Clínica Vitta, um espaço com serviços de ponta em Odontologia, Nutrição e Pilates que conserva o atendimento familiar e acolhedor. Pág. 25


Expediente Ano 4 - Nº 15 - Março 2014 Periodicidade: Trimestral Tiragem: 4.000 exemplares Distribuição: Gratuita

Editorial

Veja Dourados, de corpo e mente. Capa: Clínica Vitta Jornalista Responsável Irma Lupinetti Redação Irma Lupinetti Jhonatan Xavier José Roberto de Almeida Design Gráfico Denisbeder Duek Carvalho Elcio Colle Borges (estagiário) Assistente de Produção David Rezende Jhonatan Xavier Priscila Martins Fotos DHE Produções Revisão Maria Lupinetti Impressão Gráfica Regente CONTATOS COMERCIAIS atendimento@revistacorpoemente.com.br (067) 3422-0085 Maria Lupinetti David Rezende

Este ano se iniciou de forma auspiciosa para a cidade de Dourados. O município vive uma situação praticamente de pleno emprego e efetivamente ganhará muitas melhorias, na sua infraestrutura, com recursos já anunciados pelo poder público. Esse momento é tão positivo tal que chamou a atenção de especialistas da Revista Veja, cuja edição 2.362, de fevereiro, destaca Dourados nacionalmente como a segunda, entre dez cidades, com os melhores salários. A análise é qualitativa e, como se possa pensar, não representa uma situação em que todos em Dourados ganham mais de R$ 5 mil por mês, mas o que se vê com clareza é um grande avanço na condição de vida da população, em geral. Mostra disso é o crescimento da quantidade e da qualidade dos serviços de educação, saúde e beleza, com profissionais especializados investindo cada vez mais em seus segmentos, e outros tantos se instalando aqui, trazendo mais inovações. Como isso seria possível, sem haver uma grande demanda? E é com grande satisfação que a Revista Corpo & Mente vai conhecendo e mostrando ao público esse crescimento de Dourados, sendo até repetitiva, no sentido de dizer que a cidade não perde nada para muitas capitais, em termos de serviços de saúde. Os exemplos apresentados nesta edição não deixam dúvidas quanto a isso. Só para citar alguns, a Clínica Vitta, no segmento da odontologia, a Clínica Modena, também recém-inaugurada e que oferece diversas especialidades de cirurgia plástica, o Colégio Delphos, com seu ensino inovador e dedicado ao aluno, e profissionais verdadeiramente engrandecem suas profissões. Estão todos, de corpo e mente, trabalhando para que, no próximo levantamento da Veja, Dourados apareça ainda melhor na foto.

CORPO&MENTE

Os editores

www.revistacorpoemente.com.br Rua Hayel Bon Faker, 2.130 Jardim São Pedro - Cep 79826-110 Dourados MS CONTATOS LEITORES Opiniões, sugestões e críticas de leitores poderão ser encaminhadas ao e-mail: opiniao@revistacorpoemente.com.br Os artigos e depoimentos assinados não refletem, necessariamente, a opinião da Revista, e não devem ser considerados diagnóstico ou prognóstico médico. Anúncios, informes e propagandas são de inteira responsabilidade dos consultores, autores e/ou proprietários das empresas, clínicas e instituições que as administram ou gerenciam. É proibida a reprodução total ou parcial de conteúdos desta Revista, sem a autorização por escrito dos editores.

CORPO&MENTE


CORPO&MENTE

ÍNDICE Expediente

06

Editorial

06

Aparelhos autoligáveis: uma nova realidade ao seu alcance Dr. Fabrício Matheussi, especialista em Ortodontia e Ortopedia

Dicas para aumentar a longevidade de seu ar condicionado

12

Yoga é qualidade de vida Marinês Prado, professora de Yoga Clássico

Puericultura – Bebê com cinco meses Dr. Luiz Carlos de Arruda Leme, médico pediatra

Entenda o que é a endometriose e como a doença se desenvolve Dr. Clod Estéfano Burlim, médico ginecologista e obstetra

O Creme Biônico e o seu poder do rejuvenescimento

14

16

18

Ação parlamentar do deputado federal Geraldo Resende (PMDB)

História da estudante Thaíssa Leal, 1° lugar em medicina da UFGD

Uma nova cultura de estudos Colégio Delphos

22

Dr. Antonio Dituo Hattori, médico especializado em Endocrinologia e Metabologia

44

45

46 47

48

COI – Centro Odontológico Integrado Dr. Carlos Eduardo Medici Lemos, especialista em Implantodontia

50

Farmácia Posanga inaugura espaço de atendimento personalizado

52

Especial 25 anos - Laudir Munareto revigora a arte de servir como tradição familiar

56

26

28

Adriana Garritano Dourado, psicóloga

Resíduos Sólidos: a reciclagem é a solução? Vinicius Bertuol Aquino, engenheiro ambiental

O que é o Glaucoma Primário de Ângulo Fechado e os fatores de risco?

42

Exame de Bioimpedância - Para que serve?

Matéria de Capa

Doenças dos olhos podem ser silenciosas, por isto a importância do médico Oftalmologista

40

A vitória da determinação

Colégio Total traz inovações à educação dos nossos filhos

Maria Guilhermina Pereira Ortiz, farmacêutica

Conversar sobre sexo com a criança: como assim?

Entrevista com Dr. Douglas Menon, cirurgião plástico

20

24

Clínica Vitta - Odontologia de ponta, Nutrição e Pilates em um único espaço

Clínica Modena, a cirurgia plástica a serviço do bem estar físico e mental

Clínica da Mulher e Instituto da Mulher e da Criança: salto de qualidade na saúde pública

Informe Boa Brisa

Gastroclínica oferece, com exclusividade em Dourados, a Câmara Hiperbárica

Escola “Fair Play” utiliza bolas inteligentes para auxiliar iniciantes no tênis

30

34

Cirurgia Bariátrica: cuidados nutricionais pré e pós-operatórios Lilian Oliveira, nutricionista especializada em Obesidade e Emagrecimento

62

64

Dr. Marcos Massato Hirahata, médico oftalmologista

A arte de eternizar momentos Destaque para o fotógrafo Dirceu Hall

Demência – O mal do século atinge principalmente os idosos

68

36

Dr. Rôneo Reis Machado, médico psiquiatra

Onde Encontrar

CORPO&MENTE

69


i.com

n e g o n i l C :

!! com ! m e b a v Vi

Emagrece e só faz bem!!!

n e g o Clin !!! com:

Viva bem

COMPOSTO CHIA PSYLLÍUM BERINJELA COLÁGENO FIBRA DE MAÇÃ ALGAS MARINHAS LINHAÇA DOURADA

O Ã Ç O OM

PR

Pague

2 3

Leve

Promoção válida até 30/03/2014 ou enquanto durar o estoque. Fotos Ilustrativas.

Emagrece e só faz bem!!!

Matriz - Av. Marcelino Pires 2555, Centro - Dourados Filial - Av. Marcelino Pires 4473, Cabeceira Alegre - Dourados


CORPO&MENTE Correção Ortodôntica

Aparelhos autoligáveis: Uma nova realidade ao seu alcance. *Dr. Fabricio Matheussi

O

“borrachinhas” do método tradicional. Assim, o movimento acontece com muito mais liberdade, suavidade e rapidez, em relação aos aparelhos convencionais, mesmo aplicando-se menor força. O arco ortodôntico usado nos aparelhos autoligáveis são termo-ativados, ou seja, constituídos de uma liga especial, que é constantemente ativada pelo calor da boca. O aparelho autoligado causa uma Principais vantagens do apare- expansão da região média da maxila e lho autoligável em relação ao apa- da mandíbula, diminuindo a necessidarelho convencional: de de exodontias (extrações), durante o A força do aparelho convencional tratamento. Nesse tipo de aparelho, ocorre ainda perde efeito após algumas semanas da um acúmulo menor de bactérias, pois ativação, pois os alastics (borrachinhas) não utiliza as famosas borrachinhas cotêm vida útil de aproximadamente 21 loridas, usadas nos aparelhos convenciodias. Já o aparelho autoligável fica ativo nais, que facilitam na boca por muito acúmulo de resímais tempo, pois o As manutenções podem oduos nos braquearco ortodôntico é ser feitas em intervalos tes. preso diretamente As manutenàs travas do brámaiores do que os ções podem ser quete. Este é um dos principais fato- aparelhos convencionais. feitas em intervalos maiores res que fazem este método ser mais eficiente que os apare- do que os aparelhos convencionais, o que gera economia de tempo aos lhos convencionais. Nos aparelhos autoligáveis, o fio pacientes, (principalmente aos que metálico “desliza” livremente sem atri- estudam ou trabalham). A Ortodontia Matheussi oferece aos to e sem a interferência das populares

aparelho auto ligável é hoje a tecnologia mais moderna para tratamentos ortodônticos. Esse tipo de aparelho conta com um mínimo atrito entre o bráquete e o arco ortodôntico, podendo, assim, utilizar forças levíssimas sobre os dentes, o que aumenta o conforto e diminui em até 50% o tempo de tratamento, em relação aos tratamentos convencionais.

Dr. Fabrício Matheussi. seus pacientes os tratamentos com aparelhos ortodônticos convencionais e com os modernos autoligáveis, além do tratamento com aparelhos ortopédicos. E você, já sabe qual o tratamento mais indicado para o seu caso? A ORTODONTIA MATHEUSSI está aqui para solucionar o seu problema, procure-nos e veja qual é o melhor para o seu sorriso.

Dr. Fabricio Matheussi - CRO-MS 2571 Cirurgião Dentista • • •

Formado em Odontologia pela UNOESTE (Universidade do Oeste Paulista) 1995 Especialista em Ortodontia pela EAP Umuarama-Pr 2004 Especialista em Ortodontia e Ortopedia Facial Pela ABCD-MS 2007

Consultório Dourados (67) 3422-2002 Av. Weimar Gonçalves Torres, 1666 6º Andar SL.64/65 (Prédio das Araras)

Durante o uso, o efeito estético dos aparelhos autoligáveis é melhor do que os convencionais, e os resultados são alcançados em metade do tempo.

12

| Março de 2014

Consultório Maracaju (67) 3454-4405 Rua Pereira do lago, 2811 – Centro, (Apenas as sextas-feiras).


CORPO&MENTE Medicina Hiperbárica

Gastroclínica oferece com exclusividade em Dourados a Câmara Hiperbárica Fazendo o paciente respirar oxigênio puro, a Câmara Hiperbárica promove a cura das mais diversas patologias e infecções em que os meios convencionais não tiveram êxito.

A Câmara Hiperbárica e sua importância para os pacientes A câmara consiste em um equipamento médico fechado, que pode ser pressurizado com ar comprimido ou oxigênio puro.

A Câmara Hiperbárica, o funcionamento e tipos de doenças que podem ser tratadas A Oxigenoterapia Hiperbárica provoca o aumento da quantidade de oxigênio transportada pelo sangue, na ordem de 20 vezes o volume que circula em indivíduos que estão respirando ar ao nível do mar. Nestas condições, o oxigênio produzirá uma série de efeitos de interesse terapêutico, tratando de doenças e complicações tais como: • feridas de difícil cicatrização (como, por exemplo, nas nádegas de pessoas acamadas por um longo período e nos pés de diabéticos);

16

| Março de 2014

Foto: Cristiano Alencar

C

onsagrada mundialmente no tratamento de inúmeras patologias, a câmara hiperbárica é um equipamento utilizado na prática terapêutica da Oxigenotrapia Hiperbárica (OHB), unidade capaz de provocar um grande aumento da quantidade de oxigênio que é transportada pelo sangue, até as células e os tecidos do corpo. O aumento na quantidade de oxigênio que entra na circulação sanguínea é da ordem de 20 vezes, o que é fatal para vírus e bactérias que causam infecções. Mas o aumento da quantidade de oxigênio no sangue só é possível com alterações na pressão, o que é feito de forma controlada pelo médico, na Câmara Hiperbárica. Em Dourados, há cinco anos, a Gastroclínica mantém com exclusividade uma Câmara Hiperbárica, sob a responsabilidade do Dr. Ricardo Zocolaro Neto, especialista na Medicina Ortomolecular. Acomodando um paciente de cada vez, embora a Câmara seja muito utilizada, ainda é grande o número de pessoas que desconhecem os benefícios que ela proporciona aos pacientes. Saiba mais sobre o que esta técnica oferece a quem necessita:

A Câmara Hiperbárica propicia o aumento considerável da quantidade de oxigênio transportada pelo sangue

• normalização da cicatrização de feridas crônicas e agudas; • ativação das células relacionadas com a cicatrização de feridas complexas; • infecções graves com destruição muscular, de pele, ou gordura subcutânea; • lesões de bexiga, intestinos, ossos e cérebro, causadas tardiamente por radioterapia; • esmagamentos e amputações traumático; • infecção crônica dos ossos; • procedimentos de cirurgia plástica reparadora, quando se recobre uma ferida com pele ou músculos retirados de outra parte do corpo do próprio paciente, com risco de insucesso; • presença de bolhas de ar na corrente sanguínea (“embolia gasosa arterial”), complicação passível de ocorrer após a realização de alguns procedimentos médicos; • queimaduras extensas; • coleção de pus ou ar no cérebro, causados, respectivamente, por processo infeccioso e trauma; • combate a infecções bacterianas e por fungos; • compensação da deficiência de oxigênio decorrente de entupimentos

de vasos sanguíneos ou • vasos destruídos, como acontece em casos de esmagamentos e amputações; • neutralização de substâncias tóxicas e toxinas; • potencialização da ação de alguns antibióticos, tornando-os mais eficientes no combate às infecções; • tratamento de certos tipos de artrite e artrose, entre outras indicações.

Tempo duração da sessão e condições Geralmente a sessão dura 1 hora, não sendo necessário que o paciente seja internado e nem estar em jejum. Responsável Técnico

Dr. Ricardo Zocolaro Neto CRM-014 MS

GASTROCLÍNICA DOURADOS Rua João Rosa Góes, 1290 - Centro (esq. com Rua Monte Alegre)

Fone: (67) 3416-2700 - Fax: 3416-2714


CORPO&MENTE Caminhos para a paz

Yoga é qualidade de vida É

difícil explicar em palavras o que é Yoga, porque corremos o risco de não dar os créditos que esta ciência milenar realmente significa, mas posso afirmar que Yoga não é ginástica e não é religião, embora as aulas sejam um momento de interiorização e busca da essência divina que há em cada um de nós. Yoga não é para ser praticado somente nos templos ou espaços de aula de yoga, é uma filosofia de vida. As aulas são apenas gotinhas de tudo que podemos viver em nosso dia a dia. Yoga é para ser praticado na vida, é para ser vivido. Yoga é qualidade de vida. Cada vez mais tem aumentado a preocupação e a busca por uma vida melhor e mais saudável, queremos e necessitamos ser saudáveis fisicamente e emocionalmente, então, nada melhor do que unir o útil ao agradável. Com as práticas de yoga, cuidamos da alma e da mente, mas não ficamos parados, com as pernas cruzadas em lótus, entoando mantras. Como atividade física, Yoga atua na prevenção de doenças físicas e psíquicas.”

Sobre mim Sou professora de Yoga Clássico há 13 anos, iniciei em novembro de 2000 dando aulas para crianças de 3 à 6 anos de idade, logo depois com turmas adultas, em 2002. Ainda morando e ministrando aulas em Campo Grande-MS, fui convidada a dar aulas em Camapuã-MS, duas vezes por semana, onde tive a oportunidade de trabalhar com minha primeira aluna gestante e também dava aulas de yoga para crianças da APAE e o Grupo da Melhor Idade da cidade, voluntariamente. Em 2003, mu-

18

| Março de 2014

Profª. Marinês Prado demonstra uma das posições do Yoga, a Kapodasana, que proporciona aumento da flexibilidade, tônus e força musculares, correção da estrutura óssea, além de paz e bem estar ao praticante.

Além de proporcionar alongamento, flexibilidade, força, resistência, tônus muscular, equilíbrio, bem estar e de corrigir a estrutura óssea, as aulas de yoga trabalham o sistema nervoso, a circulação sanguínea, energética e linfática, ensinando a consciência na respiração com diafragma, que ajuda a liberar endorfina e, até mesmo, curar doenças respiratórias, dentre outros benefícios. O objetivo final do Yoga é a iluminação ou samadhi, e

dei-me para Dourados-MS, onde duas vezes por semana ia para Rio Brilhante-MS lecionar yoga e, ainda, no SESC de Dourados, onde fiquei por sete anos, até abrir o Espaço de Yoga Clássico “Marinês Prado”. Convido você a fazer uma aula experimental gratuita, na qual poderá tirar suas dúvidas e vivenciar um momento somente teu, de relaxamento e paz.

Até uma próxima oportunidade, Paz e Bem. Namastê.

para alcançarmos este estágio de graça, precisamos aprender a ter autocontrole do corpo e da mente – e não é nada fácil parar e silenciar. Yoga é um caminho para nos levar à paz e à felicidade constante que tanto buscamos. Yoga não é uma prática misteriosa ou mágica. Yoga não faz nenhum milagre, mas com esta prática, você pode proporcionar mudanças maravilhosas em sua vida, tornando-se uma pessoa ainda mais determinada, forte, flexível e consciente.

Nas aulas de Yoga, a pessoa toma consciência da respiração com o diafragma, o que traz inúmeros benefícios físicos e psicológicos à pessoa. Espaço de Yoga Clássico Marinês Prado Telefone: (67) 9603-0651 Rua Cuiabá, 3.015, térreo E-mail: contato@yogams.com.br Site: www.yogams.com.br Facebook: Espaço de Yoga Clássico Marinês Prado


Puericultura com Dr. Arruda Leme* Prezada mamãe, é necessário que sua criancinha receba atenção pediátrica periódica para orientar todas as etapas da infância. As informações aqui contidas, não dispensam a orientação de seu pediatra de confiança.

Bebê com cinco Meses DESENVOLVIMENTO Nesta idade a criança começa a resistir à retirada de brinquedos (os segura e chora quando lhe são tomados), procura brinquedos fora de seu alcance, volta-se quando é chamada, mantém algum peso nas pernas e não deixa a cabeça cair quando é puxada para sentar. O bebê já conhece bem seus familiares, demonstrando satisfação à sua aproximação e estranha os desconhecidos, tendendo a reagir com choro quando abordados sem a devida preparação. Os estímulos recomendados são os mesmos dos quatro meses.

ALIMENTAÇÃO Bebês amamentados ao seio não necessitam ainda de outros alimentos. Nas crianças alimentadas, artificialmente, o cardápio é o mesmo dos quatro meses, com exceção do acréscimo de gema cozida (misturada à papa de cereais), introduzida aos poucos até uma gema ao dia. A mamadeira continua complementando cada refeição.

PREVENÇÃO DE ACIDENTES Não deixe a criança sozinha em lugares de onde possa cair e nem sob a guarda de outra criança. Evite a manipulação de água ou outros líquidos quentes com o bebê no colo; tome cuidado com os cigarros e com a temperatura da água do banho. Não dê alimentos em pedaços duros ou objetos pequenos para brincar evitando que a criança se engasgue e se sufoque. NÃO DÊ MEDICAMENTOS DE QUALQUER ESPÉCIE SEM RECEITA MÉDICA, ATÉ OS APARENTEMENTE INOCENTES, COMO AS GOTAS NASAIS. Os inseticidas são tóxicos, mesmo aqueles aplicados por dispositivos ligados à tomada elétrica. Ao transportar a criança em automóvel leve-a no banco traseiro em assentos especiais.

IMUNIZAÇÃO Vacine o seu bebê contra o meningococo C. Outras etapas - Bebê com um, dois, três e quatro meses são encontradas nas edições anteriores da Revista Corpo&Mente. Bebê com seis meses você acompanha na próxima edição da revista.

Dr. Luiz Carlos de Arruda Leme Médico Pediatra em Dourados desde 1975, CRM-MS 072 Formado em 1972 pela Faculdade de Medicina da USP/Ribeirão Preto. Residência em Pediatria no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP/Ribeirão Preto. Especialista em Pediatria pela Sociedade Brasileira de Pediatria Preceptor da disciplina de Pediatria - área de Puericultura - da UFGD

20


CORPO&MENTE Saúde da mulher

Entenda o que é a endometriose e como a doença se desenvolve * Dr. Clod Estéfano Burlim

A

endometriose é uma doença caracterizada pela presença de endométrio, fora do útero. O endométrio é camada que reveste internamente a cavidade uterina, sendo renovado mensalmente, por meio de descamação, durante o fluxo menstrual. Em algumas situações, esse tecido volta pelas trompas, alcança a cavidade pélvica e abdominal, gerando a endometriose. Pode acometer também, os ovários, as tubas e outros órgãos, como o intestino e a bexiga. As células do endométrio, na pelve (bacia), vão funcionar de forma semelhante às que estão revestindo o útero, isso quer dizer que elas vão “menstruar” também, e é essa menstruação no lugar errado que é responsável por grande parte dos sintomas da doença.

Mulheres com chances de desenvolver a doença Mulheres que têm algum parente de primeiro grau com o diagnóstico de endometriose devem ficar atentas, pois têm sete vezes mais chances de virem ter a doença. Outro fator importante é a nuliparidade, ou seja, mulheres que ainda não tiveram filhos, principalmente as acima de 25 anos. A doença que acomete mulheres entre os 25 e 35 anos. Entretanto, sabemos que o tempo entre o início dos sintomas e o diagnóstico definitivo da doença é de cerca de oito anos! Portanto, se o diagnós-

tico for feito aos 25-35 anos, a doença já começou faz tempo! Mulheres jovens, com queixa de cólicas menstruais progressivas, em alguns casos dor na relação sexual, provavelmente, têm endometriose. E, portanto, já estamos aptos a iniciarmos o tratamento. Cólicas que não melhoram com as medicações antiespasmódicas, anti-inflamatórias ou com pílula anticoncepcional, não são normais.

Principais sintomas Dor ao menstruar (dismenorréia), dor durante as relações sexuais (dispareunia), infertilidade, dor pélvica crônica, alterações menstruais, alterações intestinais, como dor ao evacuar (disquezia) e o aumento do hábito intestinal, durante a menstruação também podem causar sintomas urinários como dor ao urinar (disúria).

O que causa a doença? As causas da endometriose, apesar de inúmeros estudos, ainda são pouco conhecidas. Esses estudos se dividem em duas categorias - Primeiras Teorias e Teorias Atuais (ver quadro abaixo).

O tratamento O tratamento da endometriose deve ser individualizado e multidisciplinar. No entanto, alguns fatores precisam ser estabelecidos. Em primeiro lugar e o mais

importante é saber se vamos tratar uma paciente que quer engravidar (infertilidade) ou uma mulher que quer se livrar da dor. Outra coisa que deve ser estabelecida é o local e a forma da doença: se a doença está no ovário, no septo reto-vaginal, no intestino, na bexiga e se estiver no peritônio, se é superficial ou profunda. Estabelecendo o grau da doença, podemos lançar mão de tratamento medicamentoso ou cirúrgico.

Tratamentos cirúrgicos O melhor tratamento cirúrgico da endometriose é a Videolaparoscopia ou Laparoscopia. É uma cirurgia minimamente invasiva, usada para dois objetivos: diagnóstico e tratamento. É a melhor forma de tratar a endometriose e diversas outras doenças ginecológicas, como cistos de ovário, miomas dentre outras. Nessa cirurgia, após anestesia geral, são realizados pequenos cortes, geralmente, um na região do umbigo de 1 cm, e dois ou três outros logo acima da linha dos pelos pubianos, onde se insere uma ótica e outros instrumentos cirúrgicos. Com a ótica podemos visualizar toda a pelve e abdômen, permitindo o diagnóstico de qualquer alteração. Através da inserção de instrumentos pelas outras incisões podemos operar e tratar a maioria das doenças ginecológicas. Fonte: http://www.endometriose.med.br

Entenda a doença Primeiras teorias As primeiras teorias sobre o porquê do aparecimento da endometriose foram dadas por dois médicos, Cullen e Meyer que, no final do século XIX, propuseram que as células do peritônio (membrana que reveste a pelve e a maioria dos órgãos) poderiam sofrer uma transformação em células endometriais. Essa teoria jamais foi comprovada, porém, foi utilizada para explicar o aparecimento da doença em mulheres que não menstruavam. Em 1925 surgiu a primeira teoria cien-

22

| Março de 2014

tificamente provada e coube a Sampson descrever o fenômeno da menstruação retrógrada. Ele observou que, durante a menstruação, células do endométrio voltavam através das tubas e caiam dentro da pelve. A partir daí, Sampsom propôs que a causa da endometriose seria o refluxo do tecido endometrial através das tubas, durante o fluxo menstrual. Entretanto, na década de 80, descobriu-se que 90% de todas as mulheres têm menstruação retrógrada, no entanto, a endometriose não acomete 90% das mulheres.

Esse dado fez com que o refluxo de células endometriais, durante a menstruação, não mais bastasse para explicar a gênese da doença. A pergunta que surgiu foi sobre o porquê de algumas mulheres com menstruação retrógrada desenvolverem a doença e outras, não?! Foi aí que surgiram as teorias atuais. Teorias atuais Uma das explicações é conhecida como teoria imunológica. As células que voltam através das tubas, e caem na pelve,


CORPO&MENTE

Como preservar a fertilidade em mulheres com endometriose?

Ovário

Se não tratar, a doença pode levar à infertilidade

Tuba Derme

Pubis

A endometriose pode levar a infertilidade, porém, hoje em dia dispomos de inúmeras técnicas de reprodução assistida que podem ajudar a portadora da doença a engravidar. Outros fatores, como o tempo de infertilidade, tratamentos anteriores, se as tubas estão obstruídas ou não e, principalmente, a idade, devem ser levados em consideração. Após a avaliação de todos esses critérios, pode-

deveriam ser reconhecidas pelo sistema imunológico como não próprias àquele local. Depois, esse mesmo sistema teria o dever de destruir estas células. Outra hipótese é a que diz que o endométrio tópico, aquele que reveste o útero, pode sofrer algumas alterações que facilitam que estas células, ao atingir a cavidade pélvica, virem endometriose. Em um futuro próximo, provavelmente, as duas teorias vão se juntar e explicar de forma conjunta as razões do aparecimento da endometriose em apenas uma parcela das mulheres. Aí surge a pergunta: o que acontece com as mulheres que, de repente, desenvolvem uma alteração imunológica e outra

na camada que reveste o útero? Alguns trabalhos têm investigado o papel de poluentes ambientais, principalmente um conhecido como dioxina, na gênese da endometriose. A dioxina é um poluente universal, derivado da combustão de plásticos, borrachas, fabricação de produtos químicos e solventes, dentre outras fontes. Diversos estudos mostraram que a exposição a este poluente pode levar a alterações no sistema imunológico e, também, no endométrio. Seria a dioxina responsável por todas as alterações que levam a endometriose? Aí vem a mesma pergunta que fizemos acima, com relação a menstruação retrógrada: se todas as mulheres estão expostas

Útero

Reto

Vagina

Imagem Videolaparoscópica mos decidir qual é a melhor opção para conseguir a gravidez: se métodos simples, como estímulo da ovulação, o coito programado e a inseminação artificial, ou métodos mais complexos como a fertilização in vitro e ICSI (bebê de proveta). * Dr. Clod Estéfano Burlim CRM-MS: 6378 Formado pela Faculdade de Medicina de Vassouras-RJ em 2003; Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia pelo HSM (Hospital Santa Marcelina-SP) 2004-2006; Título de Especialista em Ginecologia e Obstetrícia FEBRASGO / AMB 2006; Especialização em Videolaparoscopia e Videohisteroscopia pelo HSM (Hospital Santa Marcelina-SP) 2008-2009; Membro da SOBRACIL (Sociedade Brasileira de Videocirurgia); Membro da SBE (Associação Brasileira de Endometriose e Ginecologia minimamente invasiva).

a este poluente, por que só algumas desenvolvem a endometriose? Mais uma alteração entra em jogo para tentar explicar este fenômeno. A de que alterações genéticas, chamadas de polimorfismos, fariam com que a dioxina não fosse corretamente eliminada do corpo e, como consequência, ela começaria a atuar, levando aos distúrbios já mencionados. Apesar dos inúmeros estudos, realizados na última década, a causa da endometriose ainda permanece obscura. Quanto mais peças deste enorme quebra-cabeça forem juntadas e conhecermos melhor o porquê da doença, mais seremos capazes de diagnosticar e tratar de forma mais adequada as mulheres atingidas pela doença.

Março de 2014 |

Fonte: http://www.endometriose.med.br

guimos mais obter óvulos, em casos de tentativa de fertilização in vitro. Algumas chegam até a parar de produzir óvulos e de menstruar (menopausa). Quando falamos em preservação de fertilidade pensamos em dois aspectos: O primeiro é o diagnóstico e a intervenção (clínica ou cirúrgica) o mais precocemente possível, impedindo que a doença avance. Nos casos de cistos de ovário, quando estes estão com cerca de 3 centímetros, devemos operar para preservar o tecido ovariano normal. Já em mulheres com doença avançada, com várias cirurgias, em que os ovários já foram operados e que se apresentam, novamente, com endometrioma, devemos pensar no congelamento de óvulos previamente à cirurgia. Este procedimento permite que, após a cirurgia, se houver poucos óvulos restantes, possamos contar com a retaguarda de óvulos congelados. Aponeurose

Sabemos que, quanto maior for o grau da endometriose, mais difícil será conseguir uma gestação espontânea. Mulheres com endometriose leve, se tratadas adequadamente, e a doença não evoluir, têm ótimas chances de, no futuro, quando a gravidez for desejada, conseguir isto de forma natural, mas quando a doença está avançada as dificuldades são maiores. Nesses casos, cirurgias extensas ou métodos de reprodução assistida serão necessários. Dentre as formas da doença que mais preocupam com relação ao potencial de futura gravidez é o endometrioma (cisto ovariano). Este cisto prejudica o tecido ovariano normal e, quanto maior for, mais aumenta o problema. Existem mulheres que, ao se removerem grandes endometriomas, a quantidade de ovário normal que sobra é tão pequena que não conse-

23


CORPO&MENTE Lançamento

O Creme Biônico e o seu poder do rejuvenescimento *Maria Guilhermina Pereira Ortiz

L

ançado no Congresso de Cosméticos, no final do ano passado, o Creme Biônico é um poderoso aliado na luta contra o envelhecimento cutâneo. Sabemos que com o passar dos anos, a pele vai perdendo a firmeza e a elasticidade, tornando-se flácida e enrugada, daí a procura por produtos que auxiliam no rejuvenescimento. De inovadora tecnologia, o Creme Biônico tem revolucionado o mercado de cosmético por ser bastante eficaz na luta contra o envelhecimento. Ele reverte o processo de envelhecimento por meio da comunicação celular, secretando fatores naturais de crescimento, melhorando as propriedades biomecânicas da pele e restabelecendo a síntese de colágeno e elastina, especialmente por conter em sua composição, o Celltocell®.

24

| Março de 2014

O Creme Biônico devolve à pele a comunicação celular, fazendo com que haja a reparação, regeneração e renovação de tecidos através da comunicação entre os queratinócitos e fibroblastos, as células mais importantes da pele. É uma verdadeira estratégia para ativar a produção de proteínas pela matriz celular, estimulando a síntese e liberação dos fatores de crescimento pelos queratinócitos, de forma natural e não invasiva. O produto melhora a textura e elasticidade da pele, aumenta a resistência e a tonicidade, ajuda a inverter o processo de envelhecimento, reestabelece a comunicação celular e é o único com comprovação de eficácia no aumento do colágeno e elastina direto na pele do paciente (in vivo). O Creme Biônico é capaz de aumen-

tar em mais de 115% de colágeno e mais de 25% de elastina em apenas duas semanas de uso. A diminuição das rugas e a redução da profundidade delas na pele, em especial às do contorno dos olhos é visível com o uso regular do produto. O Creme Biônico não tem um limite de idade para ser usado, mas logicamente que perdemos colágeno com o avançar dos anos. Digamos que poderia ser usado a partir dos 25 anos, mas depende muito da natureza da pele de cada pessoa. Indicado para uso diário, pode ser usado no rosto, colo e pescoço, de dia, antes do filtro solar, e à noite com a pele bem limpa. *Farmacêutica especializada em Farmacologia e Atenção Farmacêutica.


Sorria com mais vida. Atendimento em saúde e estética odontológica, nutrição e Pilates, em um espaço criado para o bem-estar.

Conheça, a seguir, o perfil da mais nova clínica de Dourados e os especialistas que formam uma família de profissionais dedicados à saúde e qualidade de vida dos seus pacientes.


CORPO&MENTE Clínica Vitta

Odontologia de ponta, Nutrição e Pilates em um único espaço Os irmãos Walter e Thiago Schoenherr, especializados em Implantes Dentários e Ortodontia, com dez anos de atuação em Dourados, inauguraram a Clínica Vitta, um espaço de saúde que privilegia o estilo de vida focado na saúde.

U

m ambiente moderno, aconchegante e de alto padrão. Esse é o perfil da recém-inaugurada Clínica Vitta, um espaço de saúde multi-especialidades que tem, como base, uma marca de confiabilidade em reabilitação dentária e de satisfação dos clientes, construída ao longo de dez anos, pelos cirurgiões dentistas Walter Vinicius e Thiago Augusto Schoenherr. Eles atuam em companhia da também cirurgiã dentista Inah Marina de Castro Pinto Schoenherr, e da nutricionista e educadora física Teresa Cristina Rosa Schoenherr – respectivamente, es-

O trabalho em família favorece o melhor relacionamento entre os profissionais e a qualidade do atendimento. posas do Dr. Thiago e do Dr. Walter – e essa parceria é responsável pelo confortante clima de atendimento familiar, que se experimenta na Clínica Vitta. Unidos por um mesmo objetivo, eles acreditam que esse é um dos grandes diferenciais da Clínica. “O trabalho em conjunto torna o dia a dia mais dinâmico e prático, talvez, isso se deva ao relacionamento pessoal entre os profissionais. Acreditamos que a família é a base de tudo, esta imagem é bem vista e contribui para um melhor atendimento”, diz o Dr. Walter Schoenherr. Ele é especialista em Implantodontia, tratamentos reconstrutivos e estéticos, enquanto que sua esposa, doutora Teresa Cristina, é especializada em Nutrição e Pilates, daí a natural oferta desses serviços de saúde, em ambientes próprios, na Clínica Vitta. Na outra frente de atendimento, os doutores Thiago e Inah SchoeDra. Inah Marina e Dr. Thiago Augusto Schoenherr

Dr. Walter Vinicius Schoenherr nherr são especializados em Ortodontia preventiva e corretiva. Dessa forma, oferecendo atendimento personalizado, em salas individuais, muito bem instaladas e equipadas com aparelhos de última geração, a Clínica Vitta une o trabalho em família com as vantagens de encontrar profissionais de áreas distintas no mesmo ambiente. Isso tudo favorece a qualidade dos serviços prestados e, especialmente, o bem-estar dos pacientes.

Profissionalismo e inovação são as bases do bom atendimento Vitta, do Latim Vita, em português significa Vida. Assim como o nome sugere, a Clínica Vitta chega para melhorar a qualidade de vida de seus pacientes. É o que se vê já na recepção, onde os pacientes são atendidos com tranquilidade e recebem atenção toda especial, desde o momento inicial, na elaboração de um tratamento personalizado, até o compromisso final, com o pós-atendimento. Aliados ao atendimento, há a comodidade de se integrarem, no mesmo espaço, as especialidades de Ortodontia e

26

| Março de 2014

Implantodontia, o que facilita a vida do paciente, quando precisa passar por procedimentos de uma ou de outra área. Esse conceito de integração é um dos pontos principais da Clínica Vitta, que oferece ainda tratamentos de clínica geral dentária. Na mesma linha de pensamento, o Dr. Thiago Schoenherr fala da relação entre o tratamento ortodôntico, a reabilitação das funções da mastigação ou mesmo estética de um paciente. E um sorriso bonito combina muito

bem com um corpo igualmente saudável e belo. No mesmo espaço o paciente tem a opção do Studio de Pilates, sob orientação da educadora física e nutricionista Teresa Cristina. Ela explica que bom condicionamento físico requer também uma boa educação alimentar, daqueles que praticam exercícios. Tanto a Odontologia quanto o Pilates trazem o conceito de promover saúde e de reabilitar o paciente, devolvendo, dessa maneira, a autoestima que, eventualmente, possa estar abalada.


CORPO&MENTE

Estrutura diferenciada “A Clínica Vitta é uma nova etapa profissional que tem o propósito de ampliar o bom serviço que já vinha sendo prestado anteriormente, mas com a qualidade e a responsabilidade redobrada”, diz o Dr. Walter Schoenherr. Ele explica que a Clínica dispõe de dez salas de atendimento especializado, estruturadas de acordo com as normas de biossegurança. Além disso, todo o prédio conta com sistema de vigilância e os ambulatórios contam com equipados de ponta, para todas as especialidades oferecidas, garantindo os cuidados necessários para um tratamento eficaz e satisfatório ao paciente.

Pilates personalizado

Teresa Cristina mantem o studio com equipamentos que integram Pilates à exerícios aeróbicos, visando mais eficiêcia nos resultados.

O Studio de Pilates da Clínica Vitta se destaca por combinar o alongamento e a reeducação postural do Pilates com exercícios que melhoram a função respiratória, promovendo a perda de peso e uma melhor condição física. “O Studio traz o diferencial de integrar atividades do Pilates convencional e o treino aeróbico, respeitando as diferenças individuais e os princípios de treinamento desportivo”, explica a orientadora, Teresa Cristina. Nesse Studio, o praticante

Dr. Walter Vinicius Schoenherr - CRO-MS 3511 Cirurgião Dentista - Implantodontia Graduado pela UFMS Especialista em Implantodontia pelo Esquadrão de Saúde da Base Aérea Campo Grande-MS Cirurgia Avançada Reconstrutiva NECO- Araçatuba-SP Reabilitação Oral e Prótese

Teresa Cristina Rosa Schoenherr - CREF 365-G / CRN 15.510 Graduada em Nutrição pela UCDB Graduada em Educação Física pela UFMS Pós graduada em Obesidade e Emagrecimento - UVA - RJ Formação Completa em Pilates - Universidade Estácio de Sá - MS

encontra os melhores aparelhos para a prática do Pilates. Aqui, o objetivo é proporcionar ao aluno uma atividade física com base no fortalecimento muscular, na flexibilidade, no alinhamento corporal e na respiração. Essa modalidade praticamente não tem restrições de idade, podendo ser exercitada por crianças, adultos e idosos. Esse atendimento também é indicado para pacientes em reabilitação motora, atletas, esportistas e pessoas que buscam deixar o sedentarismo.

Dr. Thiago Augusto Schoenherr - CRO-MS 3821 Cirurgião Dentista – Ortodontista Graduado pela Faculdade Ingá Especialista em Ortodontia pelo Esquadrão de Saúde da Base Aérea de Campo Grande-MS Credenciado na Técnica ESSIX Clear Aligner

Dra. Inah Marina de Castro Pinto Schoenherr - CRO-MS 4281 Cirurgiã Dentista – Ortodontista Graduada pela Universidade para o Desenvolvimento do Estado do Pantanal – UNIDERP Especialista em Ortodontia pelos Sindicato dos Odontologistas do MS Pós-Graduada em Ortodontia Preventiva e Interceptiva pela PROFIS – Bauru Credenciado na Técnica ESSIX Clear Aligner

(67) 3032–0060 clinicavittams@gmail.com Rua Monte Alegre, 2.150 – Vila Progresso Dourados MS

Março de 2014 |

27


CORPO&MENTE Educação sexual

Conversar sobre sexo com a criança: como assim? *Adriana Garritano Dourado

E

Pode trazer também noções bási- ça, desde pequena, ela pode também cas de saúde, como higienização e co- aprender as diferenças entre o sexo feinhecimento sobre as diferenças entre to com responsabilidade e sentimentos os sexos, gravidez, menstruação etc. positivos, prevenindo que no futuro ela Trabalhar essa temática também pode possa tratar sexo como algo banal. ter a ver com sua existência, visto que a Muitos pais têm bastante dificuldacriança pode ter sido adotada ou quan- de em conversar sobre sexo com seus do os pais recorreram à inseminações filhos, alegando que não tiveram acoartificiais: não convêm deixar somente lhimento adequado sobre a temática para a escola trabalhar essa temática, na infância, o que pode gerar diálogos tardiamente, concheios de mitos e siderando algutabus, dificultando Não existem regras mas situações a compreensão totalmente definidas, porém, da criança. Quanpeculiares e tão delicadas que soa linguagem deve ser aquela do isso ocorre mente a família seria pertinente que a criança entenda de poderá explicar. recorrer ao auxílio modo simplificado Não existem profissional e diviregras totalmendir com a criança, te definidas, porém, a linguagem deve quando não se sabe informar. Neste ser a que a criança entenda de modo caso, o diálogo verdadeiro é enfatizasimplificado, visto que, longos diálogos, do e a criança compreenderá que seus metodicamente explicados, cansam e pais têm dúvidas. Mas eles podem ser confundem as crianças menores, além esclarecidos e, depois, levar a orientade se perderem ou gerar angústias. Crí- ção para as crianças, o que costuma dar ticas e gozações podem inibir a criança certo e o vínculo afetivo de confiança é e, provavelmente, ela pode repetir com mantido, lembrando que a vivência sauoutras crianças o que dável da sexualidade está mais ligada às lhe é passado, às vezes, atitudes de cuidado, responsabilidade erroneamente. É mais e bem-estar do que a simples informacoerente esclarecer com ções científicas sobre o funcionamento simplicidade, respeitan- dos órgão sexuais. do o ritmo de dúvidas da Refletir sobre a sexualidade humana criança de acordo com é ir além do biológico, é compreendêa idade, atentando-se ao -la como expressão afetiva, envolvendo que ela vai perguntar. emoções, sentimentos e atitudes. Reflexões sobre o tema pode prevenir que ela trate a sexualidade de forma vulgar ou pre*Adriana Garritano Dourado conceituosa, além de CRP 14/01879-0 trazer cuidados sobre Psicóloga especialista em Gestalt-terapia e abuso sexual e respeito Psicopedagogia aos limites do corpo e Atendimento a crianças e adolescentes da orientação sexual do outro. Quando os pais Fone: 3421-0799 É no ambiente familiar que a criança faz os primeiros se permitem trabalhar a Rua Firmino Vieira De Mattos, 2180, questionamentos sobre o mundo. sexualidade com a crian- Clínica Santa Helena.

ducar um filho é como criar uma obra-prima, uma obra quase que artesanal, cujo resultado é alcançado a longo prazo e implica na construção da personalidade dele, seja qual for a temática a ser abordada. Geralmente, quando feita com paciência, coerência e sabedoria a probabilidade de que seu filho ou filha se torne mais saudável emocionalmente é maior, não levando em consideração fatores externos, que também influenciam em sua felicidade. Falar em sexo com a criança, desde cedo, traz a chance de a família desenvolver com ela uma relação de vínculo na qual o diálogo pode se perpetuar pela vida toda. E com diferentes assuntos. O primeiro ambiente em que a criança está inserida é a sua casa, e é nas relações familiares que, primeiramente, ela pode adquirir conhecimentos sobre o mundo e realizar questionamentos sobre tudo. Poder trabalhar sexualidade com a criança, desde pequena, implica em ensiná-la a conhecer seu corpo, sua história de vida, a exercitar sua cidadania e a dos outros com respeito.

28

| Março de 2014


CORPO&MENTE Saúde ocular

Doenças dos olhos podem ser silenciosas, por isto a importância do médico Oftalmologista. Da editoria

D

ados da Organização Mundial da Saúde (OMS) apontam que cerca de 180 milhões de pessoas em todo o mundo apresentam algum tipo de deficiência visual, dessas, 50 milhões já estão cegas. Os números evidenciam que a saúde dos olhos é muito importante e os cuidados com ela devem ser frequentes. Por isso é recomendado que se faça, periodicamente, consultas com um Oftalmologista. Mas por que um Oftalmologista? É muito comum encontrarmos pessoas que ainda desconhecem as habilidades de um especialista na área dos olhos e o seu comprometimento com a saúde ocular. É preciso conscientizar as pessoas de que o profissional responsável e apto a tratar dos olhos é o médico com especialidade em oftalmologia. Em sua formação, o Oftalmologista

30

| Março de 2014

completa o ciclo de seis anos do cur- Oftalmologista não se restringem apeso de medicina, e ainda se especializa nas à indicação do uso de lentes ou de na residência em oftalmologia por mais óculos, elas se aprofundam na saúde três anos, ficando apto a consultar, diag- ocular dos pacientes. Através de exames específicos, nosticar, prescrever, realizar cirurgias e a tratar as correções e eventuais distúr- como aferição da pressão intraocular bios da visão. e o exame no fundo do olho, o médico consegue um É importante lembrar, ainda, diagnóstico precom base que as aptidões O profissional responsável ciso, numa série de fado Oftalmologista vão muito além e apto a tratar dos olhos é o tores que se mana visão de detectar as médico, com especialidade nifestam alterações visude cada paciente. Só depois disso é ais mais comuns em oftalmologia. nas pessoas (uso possível ele saber se é necessário o de óculos), como uso de lentes ou por exemplo, o astigmatismo e a miopia. Abrangem óculos, assim como a prescrição de patologias mais sérias, como catarata, medicamentos, formas de tratamento, glaucoma, retinopatias e uveítes, entre os cuidados que se deve ter e o alerta outras. Portanto, as competências do para cada problema que se apresenta.


CORPO&MENTE

Crianças e pessoas acima dos 60 necessitam de mais atenção O que se lamenta é o fato de as doenças da visão serem silenciosas e geralmente se manifestarem em estágios avançados, o que diminui as chances de cura e a eficácia do tratamento. Grande parte das doenças é possível de serem evitadas e, na maioria das vezes passíveis de tratamento, daí a importância da consulta regular com o Oftalmologista, principalmente por sua atuação na prevenção. O alerta é maior às crianças, pois a visão se desenvolve até por volta dos sete anos de idade. Muitas vezes sozinhas elas não conseguem identificar suas dificuldades em enxergar e, em

muitos casos, os pais não percebem o que está se passando. Uma das recomendações é que a prevenção aos olhos inicie desde o nascimento. O Teste do Olhinho, por exemplo, que é feito ainda no berçário, pode detectar vários problemas como a catarata congênita, retinoblastoma e glaucoma congênito. Sendo identificadas, logo cedo, as chances de tratamento e recuperação visual são maiores. Outra fase que necessita de muita atenção é após os 60 anos de idade. É que ao longo da vida a visão regride e as doenças dos olhos começam a se

manifestar. Uma das incidências mais comuns é a catarata, patologia que consiste na opacidade parcial ou total do cristalino, que normalmente é uma lente transparente do olho. A outra é a DMRI, degeneração macular relacionado à idade, em que aparecem manchas que prejudicam a visão central. Apesar da gravidade, todas essas doenças são passíveis de tratamento e o quanto antes o problema for identificado, maiores serão as chances de cura. Para maior segurança, o ideal é agendar, periodicamente, uma consulta com o Oftalmologista, a quem se pode e deve confiar a saúde dos olhos.

Quando procurar o Oftalmologista? • Sempre que tiver algum sintoma ocular e como prevenção: • Logo ao nascer, a criança necessita da avaliação que pode ser feita tanto pelo pediatra, quanto pelo Oftalmologista, o conhecido teste do olhinho. Crianças com maiores probabilidade de alterações oculares, tais como as prematuras, com infecções ou outras anomalias devem ser sempre realizado um exame mais detalhado pelo Oftalmologista. • Uma nova avaliação oftalmológica, especializada, deverá ser feita entre os seis meses de vida e 1 ano de vida. • Dos 3 aos 5 anos de idade é grande o número de crianças que apresentam graves problemas de visão e fre-

quente necessidade de uso de óculos, e mesmo assim não se queixam de dor ou de desconfortos. • Dos 5 aos 19 anos, se não for identificada nenhuma alteração nos primeiros exames, as consultas deverão ser feitas a cada 1 ou 2 anos. • Entre os 20 e 39 anos a saúde ocular é muito boa e será difícil a pessoa desenvolver algum tipo de doença. Neste caso a consulta deverá ocorrer entre 2 a 3 anos. • Acima dos 40 anos de idade a avaliação oftalmológica deve ser feita anualmente e se houver alguma alteração, o Oftalmologista indicará qual a frequência das consultas. Essa é uma fase que exige uma atenção especial com a saúde ocular.

Dourados conta com a atuação de ótimos médicos da área Dr. Daniel Nogueira:  Dr. Ajax de Oliveira Leite:  Dr. Célio Kazuyuki Mioshi:  Dr. José Humberto Catelan:  Dr. Yoshinobu Yamasaki Dr. Letícia Mendonça Cattelan:  Dr. Renata Cesário Chaves:  Dr. Marcos Massato Hirahata:  Dr. Marco Antônio Pires Melo:  Dra. Adriane da Silva Chagas:

CRM-MS 5728 CRM-MS 3855 CRM-MS 4004 CRM-MS 288 CRM-MS 157 CRM-MS 6130 CRM-MS 2424 CRM-MS 5096 CRM-MS 4488 CRM-MS 4577

Dr. Luiz Gustavo G. Sacchi:  Dr. Guilherme A. Bonini:  Dra. Maria Carolina A. Bonini:  Dr. Mario Enami:  Dr. Eduardo Augusto S. Katayama  Dr. Laercio Shugi Hirahata  Dr. Elmo Fulioto Peres:  Dr. Alberto Araújo:  Dr. Edson Derzi:  Dr. James Leitum:  Dr. Ricardo B. Ribeiro: 

CRM-MS 5155 CRM-MS 6286 CRM-MS 6285 CRM-MS 758 CRM-MS 5627 CRM-MS 1370 CRM-MS 2615 CRM-MS 3692 CRM-MS 2284 CRM-MS 537 CRM-MS 3457

Março de 2014 |

31


CORPO&MENTE Glaucoma de ângulo fechado

O que é o Glaucoma Primário de Ângulo Fechado e os fatores de risco? *Dr. Marcos Massato Hirahata O glaucoma primário de ângulo fechado é uma das principais causas de cegueira no mundo e apesar de acometer aproximadamente 1/3 dos pacientes com glaucoma no mundo, esta condição causa a cegueira em um número semelhante ao glaucoma primário de ângulo aberto. Estes números demonstram o grau de agressividade dessa forma da doença, que precisa ser identificada e tratada adequadamente.

O que é? É o mecanismo pelo qual existe um fechamento parcial ou completo do ângulo

da câmara anterior, decorrente de condições anatômicas que propiciam aposição ou adesão da periferia da íris à sua parede externa, com frequente elevação da pressão intraocular (PIO) de forma aguda, intermitente ou crônica. O processo de fechamento angular primário pode levar, eventualmente, ao desenvolvimento da neuropatia óptica glaucomatosa.

Classificação do processo de fechamento angular por sintomas Forma aguda: Manifestação clínica mais agressiva/sintomática do processo de fechamento angular, geralmente unila-

teral. Os sintomas são dor ocular intensa, cefaléia, em geral, hemicrânia e ipsilateral, visão turva, visão de halos coloridos, náusea e vômitos. Forma intermitente: Quadro clínico semelhante ao da forma aguda, porém com manifestações mais brandas e recorrentes, que se resolvem espontaneamente. Os sintomas são visão de halos, dor ocular e/ou cefaléia ipsilateral leve no momento da crise. Forma crônica: Representam os casos em que o processo de fechamento angular ocorre de maneira assintomática. Neste caso os sintomas estão ausentes.

Fatores de risco para fechamento angular primário Demográficos

Oculares

Idade acima de 50 anos

Câmara rasa

Sexo feminino

Ângulo estreito

Ascendência oriental

Comprimento axial menor que a média

História familiar

Diâmetro da córnea menor que a média Curvatura da córnea maior que a média Hipermetropia Cristalino volumoso

Avaliação clínica Avaliação da profundidade periférica da câmara anterior pela classificação de Van Herick Biomicroscopia Gonioscopia Fundo de olho Testes provocativos Biomicroscopia ultra-sônica (UBM) Pentacam e Tomografia de coerência óptica (OCT)

Fonte: 2º Consenso de Glaucoma Primário de Ângulo Fechado – Sociedade Brasileira de Glaucoma (SBG)

34

| Março de 2014

Figura mostra olho com glaucoma agudo

Tratamento Fechamento angular primário: Não agudo: Iridectomia a Yag-laser; Tratamento medicamentoso: colírios; Iridoplastia periférica (persistência de fechamento aposicional); Cirurgia do Glaucoma (Trabeculectomia) e Remoção do cristalino

*Dr. Marcos Massato Hirahata

Agudo (URGÊNCIA OFTALMOLÓGICA): Tratamento clínico: Medicação via intravenosa, via oral e colírios miótico e anti-glaucomatosos; Depressão central da córnea e Paracentese de câmara anterior.

CRM-MS 5096 - Médico Oftalmologista Graduação em Medicina pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) Residência Médica em Oftalmologia (CNRM/MEC) – NHU/UFMS Especialização em Glaucoma e Catarata pelo Grupo Santa Casa de Belo Horizonte – MG Colaborador da Residência Médica em Oftalmologia – NHU/UFMS


CORPO&MENTE Demência

Mal do século atinge principalmente os idosos

C

onsiderada “o mal do século”, a demência ou esquecimento, perda da função cerebral, traz sérias consequências para o paciente e para seus familiares. Entre as mais comuns está o Alzheimer, doença neurodegenerativa que provoca o declínio das funções intelectuais, reduzindo as capacidades de trabalho e de a pessoa se relacionar socialmente. A perda da memória mais recente é o primeiro indício da doença. O médico psiquiatra Rôneo Reis Machado diz que a demência atinge principalmente as pessoas mais idosas, levando a sua gradual incapacidade. Segundo ele, como ainda não existe um tratamento cem por cento efetivo, é importante que ela seja diagnosticada precocemente, para que se possa postergar ao máximo a evolução do quadro e minimizar as suas consequências. Para Dr. Rôneo os cuidados são importantes e estar atento o quanto antes aos sinais da doença é uma forma de amenizar as consequências. “Trabalhar com idosos é sempre muito gratificante, especialmente, quando as famílias entendem a importância do acompanhamento médico”, pondera. Formado pela Universidade Fede-

Médico psiquiatra Rôneo Machado explica que a demência é uma doença neurodegenerativa.

às perguntas mais comuns, esclarecendo dúvidas relacionadas à doença.

Todo esquecimento é demência?

Os únicos recursos disponíveis para o controle da demência são os medicamentos que atuam retardando a sua evolução.

ral do Rio Grande do Sul (FURG), em 2008, tendo feito residência médica em Psiquiatria, o Dr. Rôneo atua em Dourados, como médico do Hospital Universitário. Ele atende também em seu consultório, na Clínica São Marco. Falando sobre Demência, Dr. Rôneo responde

36

| Março de 2014

Não. O nosso cérebro funciona selecionando o que vai armazenar, sendo comum esquecermos alguns objetos, datas ou nomes e, geralmente, lembramos os fatos mais marcantes da vida. Além disso, existem outros fatores que interferem diretamente sobre a memória, como depressão, uso de medicação, distúrbios do sono e outros.

O que é demência? A demência é uma doença mental caracterizada por progressiva alteração da memória, com declínio cognitivo, gerando impacto negativo sobre a capacidade de funcionamento do indivíduo, interferindo em suas atividades de trabalho, no convívio social, na relação familiar e até mesmo em atividades mais básicas, como a higiene pessoal e alimentação.

Os jovens também podem desenvolver essa doença? Sim. As demências podem ocorrer em qualquer idade; porém, a sua frequência aumenta com a idade, podendo atingir até a metade das pessoas com mais de 85 anos.

Quais as causas da demência? Não existe uma causa única, são dezenas de possíveis causas de demência, as mais comuns e mais estudadas até o momento são a Doença de Alzheimer, a Demência com corpos de Lewy, demência fronto-temporal e demência vascular.

Todos os idosos vão ficar dementes? Embora, quanto mais idoso o indivíduo maior seja a probabilidade de demência, nem todos, vão apresentar esta doença, mesmo no seleto grupo dos centenários, a demência não é uma regra.


CORPO&MENTE

Qual a importância de se diagnosticar a demência precocemente? Com a evolução do quadro, a pessoa fica cada vez mais dependente da ajuda dos outros, até mesmo para rotinas básicas, como a higiene pessoal e a alimentação. O diagnóstico de qualquer doença grave, em seus primeiros estágios, é de fundamental importância para o sucesso do seu tratamento. No caso da demência não é diferente, sabendo-se ainda que não temos a cura para este mal, os únicos recursos disponíveis são os medicamentos que atuam retardando a sua evolução. Sendo assim, quanto mais cedo os sintomas forem identificados, mais tempo o paciente manterá sua memória e demais funções cognitivas preservadas ou próximas dos padrões da normalidade.

Quais as doenças mais comuns? Entre elas, a mais comum é o Alzheimer. Só no Brasil existem cerca de 15 milhões de pessoas com mais de 60 anos de idade e, entre elas, seis por cento sofrem do Mal de Alzheimer, segundo dados da Associação Brasileira de Alzheimer (Abraz). Trata-se de uma doença neurodegenerativa que provoca o declínio das funções intelectuais, reduzindo as capacidades de trabalho e relação social. Com a evolução do quadro, a pessoa fica cada vez mais dependente da ajuda dos outros, até mesmo para rotinas básicas, como a higiene pessoal e a alimentação.

Como é feito o diagnóstico de demência em sua fase inicial? A apresentação das demências, comumente, é de uma pessoa idosa com queixa de progressiva dificuldade de memória para fatos recentes. Na suspeita de demência, em fase inicial, a história e a avaliação neuropsicológica são elementos essenciais para se confirmar o diagnóstico e para avaliar objetivamente o grau de comprometimento sofrido pelo paciente, até este momento.

Alzheimer: doença ligada ao envelhecimento afeta a memória recente

Quais são os exames necessários para a constatação da doença? Não há uma lista fixa de exames a ser solicitados, sendo estes individualizados para cada paciente. Mas há uma concordância quanto à necessidade de diagnóstico por imagem, através da tomografia computadorizada ou, preferencialmente, por ressonância magnética de crânio, para se afastarem outras patologias, como isquemias, hidrocefalia, tumores e hematomas. Também é através destes exames que podemos encontrar indícios que correlacionados com a história clínica e podem corroborar na identificação da causa mais provável de um quadro demencial.

Como é feito o tratamento da demência? Mais uma vez, tomarei como base a causa mais frequente de demência, neste caso é importante lembrar que o tratamento da doença de Alzheimer inclui pelo menos três aspectos fundamentais:

• O tratamento não farmacológico, que envolve a orientação aos familiares e cuidadores, a adequação do ambiente para facilitar o controle de alterações comportamentais e a reabilitação, visando preservar a autonomia funcional pelo maior tempo possível. • O tratamento farmacológico das comorbidades e das alterações do comportamento, tais como: agitação psicomotora, agressividade, insônia, ansiedade, depressão, psicose e outros que venham a surgir. • O tratamento específico da doença de Alzheimer, com medicamentos que atuam retardando a evolução da doença.

Rôneo Reis Machado CRM-MS 7517 Médico formado em 2008 pela Instituição de Ensino Superior: FURG (Fundação Universidade Federal do Rio Grande) Residência Médica em Psiquiatria na Associação de Caridade Santa Casa do Rio Grande - Rio Grande – RS

Março de 2014 |

37


Em frente a um dos maiores parques de lazer de Dourados, Localizado em frente ao Parque dos Ipês, o Instituto Bem Viver integra especialistas altamente qualificados das áreas da Psicologia, Medicina, Odontologia e Fonoaudiologia. A união desses profissionais resulta em maior praticidade e conforto familiar. Isso representa mais que comodidade. É a segurança que se deposita em todo um grupo de pessoas comprometidas com o bem-estar e a saúde de sua família.

Psicologia Medicina Odontologia Fonoaudiologia

(67) 3421-9412 e 3422-0282 Rua João Cândido Câmara, 1.669 – Vila Tonani - Dourados-MS

Ana Zulmira Pedroso Verão - Psicóloga Clínica CRP 14/00750-5 Viver com qualidade nos exige saber lidar com as situações circunstanciais e adversas de maneira aberta e receptiva, porém, nem sempre é possível sozinho. A gestalt-terapia é uma abordagem psicológica humanista, fenomenológicaexistencial que compreende o ser humano como totalidade: acredita em sua capacidade, em seu auto-realizar e descobrir seu potencial. Trabalha com a percepção e consciência, levando a pessoa a restaurar o contato consigo, com os outros e com o mundo, promovendo o processo de crescimento e desenvolve potencial para o enfrentamento. Psicóloga Clínica - Abordagem Humanista Gestalt Adolescente e Adulto Atuando na área há 25 anos | Diretora do Instituto de Psicologia Bem Viver

Dra. Elke Mascarenhas - Médica Alergologista, Imunologista Clínica e Pediatra CRM 4977 Muitas pessoas passam a vida com o nariz trancado ou coçando, coriza frequente, tosse diária, cansaço aos exercícios, coceiras e reações na pele, achando que são sintomas “normais”, mas na verdade, tudo isso pode ter uma causa alérgica. As doenças alérgicas vêm aumentando, e são muitas vezes subdiagnosticadas. O diagnóstico precoce e tratamento adequados aumentam a qualidade de vida do alérgico e de sua família. Em caso de suspeita procure seu Especialista. Formada em Medicina pela UFPR; Residência em Pediatria pelo Instituto Fernandes Figueira- FIOCRUZ- RJ; Especialização em Alergia e Imunologia pela UFPR; Especialização em Alergia Pediátrica pela UFPR; Título de Especialista em Alergia e Imunopatologia pela ASBAI e AMB.

Dra. Tatiane G. Leal Calumby - Médica Reumatologista e Clínica Geral CRM-MS 6706 A Reumatologia é uma especialidade médica ainda não muito conhecida, porém possui grande importância clínica. Visa especialmente a saúde óssea e articular garantindo uma melhor qualidade de vida para os pacientes. Dores e inchaços nas articulações, fraturas ao mínimo trauma, boca e olhos secos, pele endurecida, são alguns sinais que levantam a suspeita de uma doença reumática. Procure seu Especialista. Especialista em Reumatologia pela Sociedade Brasileira de Reumatologia (SBR); Reumatologia pelo Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo (HSPE); Clínica Médica pelo Hospital Universitário São José – FELUMA – Belo Horizonte; Graduação pela Universidade de Alfenas-MG.


você encontra um instituto de saúde para toda a família.

Dra. Luciana Martins - Especialista em Odontopediatria CRO MS - 1493 Na amplidão dos movimentos da criança, a saúde estampada num sorriso maroto e solto. A higiene de um belo sorriso sem dor. Simples cuidados que a escovação e uma odontologia preventiva desde os primeiros dentes decíduos, garantem na saúde do futuro sorriso adulto. Graduação pela UFMS; Especialização em Odontopediatria pela ABO-MS; Pós-graduação em Ortopedia Funcional dos Maxilares pela UNOESTE-SP; Pós-graduação em Ortodontia Corretiva pela ODONS-PR.

Dra. Patrícia Amaral - Endodontia Microscópica e Laserterapia CRO 1789 MS A odontologia vem sofrendo transformações nos últimos anos e a tecnologia gerando à endodontia maiores previsibilidades. O uso do microscópio operatório, aliado ao conhecimento científico, oferecem ao endodontista uma visão ampliada e iluminada dos canais radiculares, aumentando assim a segurança para o paciente. Da mesma forma, o ultrassom e o laser de baixa potência favorecem a eficiência da desinfecção da região periapical e as limas rotatórias, aliadas ao aparelho para medição do comprimento dos canais, diminuem o tempo das sessões. Formada pela UNOESTE de Presidente Prudente-SP; Pós graduada em Endodontia pela USP Bauru-SP; Pós graduada em Dentística Restauradora pelo Sindicato dos Odontologistas de MS.

Marta de Oliveira Falleiros Calemes - Fonoaudióloga CFFa: 127-MS Comunicar-se, expressar de forma clara e coerente pensamentos, experiências e necessidades! Ser capaz de fazer-se entender plenamente através da fala fortalece relações pessoais e profissionais. A fonoaudiologia contribui para isso estudando e tratando os distúrbios da comunicação. Através de técnicas e abordagens especificas a fonoaudióloga estimula e desenvolve habilidades cognitivas e linguísticas que estão envolvidas na elaboração interna da linguagem e que são externalizadas oralmente. Graduada Pela Puc/Campinas Especialização em Motricidade Oral/CEFAC; Aprimoramento em Linguagem e Cognição/CEFAC; Formação em Transtornos do Espectro do Autismo/MEMNON;


CORPO&MENTE Play and Stay

“Fair Play” utiliza bolas inteligentes para auxiliar iniciantes no tênis Por serem maiores e mais lentas que as ESTÁGIO convencionais, as bolas inteligentes são a alternativa para quem ainda não tem prática no esporte.

ESTÁGIO

VERMELHO

IDADE

5-8

VERMELHO

IDADE

BOLA

LARANJA

Move-se mais lenta 9 -quica 10 mais baixo que bola larana

5-8

O

Tênis é um dos esportes mais completos que existe, além de uma ótima opção de hobby. Quando é possível uni-lo aos equipaDivididas em cores, as Quadra mentos e tecnologias disponíveis que bolas são usadas em auxiliam nos treinamentos, a prática diversos estágios BOLA VERMELHO LARANJA VERDE do esporte fica ESTÁGIO ainda melhor. É uma As bolas, no tênis, são divididas modalidade que além de auxiliar no Até 10 anos, as bolas especiais se Move-se mais lenta e Move-se mais lenta e Professor Celso explica emagrecimento, IDADE traz outros benefí- por cores. adequam ao porte criança. 5 - amarelas, 8 9 -quica 10 mais 11 da acima baixo que a quica mais baixo que a que as vistas com mais cios como a flexibilidade do corpo. bola larana bola verde Ajuda a melhorar os reflexos, a coor- frequência, são muito mais rápidas e quicam mais alto. “Para dominá-las é denação motora e a capacidade cardiorrespiratória. Indicado para todas necessário um pouco mais de treino, as idades, atualmente o tênis não é já que elas exigem mais controle da equilíbrio, cálculos de mais visto como um esporte elitizado força, direção,Quadra distância, astúcia, enfim, competêne está acessível aBOLA todos que tenham cias que só são possíveis de se deBola Vermelha interesse em praticá-lo. Quique: 85-105 cm senvolver se tiver jogo”, ressalta. Em Dourados a academia “Fair Já, a bola vermelha, segundo o Move-se mais lenta e Quica mais baixo que a Play” está conquistando cada vez Move-se mais lenta e mais baixo quediâmetro a quica mais baixo que a bola amarela professor tem um pouco mais adeptos dessa prática. E para quica bolaelarana bola verde maior taxa de compressão equivaque todos os interessados consigam se desenvolver no esporte, de uma lente a 5% da amarela, por isso não forma eficaz e saudável, o professor quica tão alto. A bola laranja é indicade educação física, especialista em da para quem tem um pouco mais de Tênis de Campo,Quadra Celso Pinheiro de intimidade com o jogo, porém, com Souza, proprietário da academia, utili- pouca experiência ainda. Sua taxa de 50%Vermelha da bola amaBola Laranja za diferentes formas e equipamentos compressão é deBola rela. Por último, a bola verde,cmcom Quique: 85-105 Quique: 105-120 cm para o melhor desenvolvimento de compressão equivalente a 75% da seus alunos. amarela, é indicada para pessoas que já estão acostumadas a jogar tênis.

Bola Vermelha Quique: 85-105 cm

Entre esses equipamentos o uso das chamadas Bolas Inteligentes, usadas em competições infantis, também estão ajudando os iniciantes a melhorar o manejo e as formas de jogo. “Elas são um pouco mais lentas o que facilita para quem está começando a treinar”. Disse o professor Celso.

40

| Março de 2014

Bola Laranja Quique: 105-120 cm

(67) 8406-0399

Bola Verde Quique: 120-135 cm

Professor Celso Pinheiro - CREF/MS 2537-G

Sentido Hospital Universitário

Posto Taurus (Rotatória Clube Indaiá)

Fair Play Academia de Tênis

Rua Francisco Martins Viegas, 365 - Altos do Indaiá.


CORPO&MENTE Entrevista

Clínica Modena, a cirurgia plástica a serviço do bem estar físico e mental Recém-inaugurada, a Modena oferece espaços de muito bom gosto e profissionais de áreas que se completam; a Clínica é o mais novo referencial em cirurgia plástica, para Dourados e região.

S

egundo a Organização Mundial de Saúde (OM) a definição de saúde é: “um estado completo de bem estar físico, mental e social”. É nesse ponto que se intercalam a beleza e a estética, responsáveis por proporcionar às pessoas estarem de bem consigo mesmas e de serem importantes componentes da autoestima positiva. Inaugurada em Novembro do ano passado, em área nobre de Dourados, a Clínica de Saúde Modena já pode ser considerada um referencial nesse segmento. Com espaços modernos e sofisticados e médicos conceituados de diferentes áreas, a Clínica está conquistando cada vez mais as pessoas que se preocupam com a boa aparência, e que necessitam de cirurgias plásticas estéticas ou reparadoras. O cirurgião plástico Dr. Douglas Menon, diretor clínico e proprietário da Clínica Modena, é o entrevistado desta edição da Revista Corpo & Mente. Ele nos apresenta a Clínica, os procedimentos que oferece e fala da importância da cirurgia plástica para aqueles que buscam manter a autoestima alta.

C&M - Com que propósitos o senhor construiu a Clínica Modena?

C&M - E qual a importância de os profissionais dessas áreas estarem juntos, na Clínica? Dr. Douglas – Principalmente, para o paciente, que tem os profissionais de que necessita à sua disposição e, hoje em dia, o conceito de multiprofissionalidade é muito importante, quanto mais campos conseguirmos abranger, melhor.

ainda não é um candidato a cirurgia, o encaminhamos para o endocrinologista, que está aqui mesmo na Clínica. Ele, por sua vez, elabora um programa de redução de peso e melhora no condicionamento físico desse paciente. Só depois de ele estar mais próximo do peso ideal e apto a fazer a cirurgia plástica é que realizamos o procedimento.

C&M - Além da cirurgia plástica, quais são as outras especialidades o que a Clínica oferece?

C&M - Por favor, fale-nos suma situação específica sobre plástica?

C&M - Quais são os procedimentos que o senhor oferece na Clínica?

Dr. Douglas - Contamos com a parceria de outros profissionais da Medicina. Além da Dra. Aline, minha esposa, que é nefrologista, temos uma psicóloga, um endocrinologista geral e um médico especializado em endocrinologia esportiva.

Dr. Douglas - Muita gente acha que lipoaspiração é para perder peso, mas não, ela é só para retirar gordura localizada. Um exemplo comum é quando recebemos um paciente com excesso de peso, para fazer uma cirurgia plástica. Se ele

Dr. Douglas - Lifting facial, Rinoplastia, Blefaroplastia, Próteses de Mama, Mamoplastia redutora, Ginegomastia, Abdominoplastia, Lipoaspiração, Lipoescultura e Prótese de glúteo, às quais as mulheres estão aderindo muito.

Dr. Douglas - É um sonho que se realiza e temos como objetivo oferecer aos pacientes o melhor tratamento nas especialidades de cirurgia plástica e áreas afins, aliando investimentos nas mais atualizadas tecnologias e na capacitação de nossa equipe.

42

Dr. Douglas Menon: Ofereceremos os melhores tratamentos em cirurgia plástica, aliada ao conceito de multiprofissionalidade, abrangendo áreas que se complementam.

| Março de 2014


CORPO&MENTE

Quando a indicação cirúrgica vai muito além da estética C&M - O senhor defende que a cirurgia plástica e tratamentos estéticos vão além da busca pela beleza? Dr. Douglas - Com certeza. A plástica deixou de ser entendida como futilidade e passou a ser vista como um bem estar. Uma criança com orelhas de abano, por exemplo, muitas vezes fica fora do convívio social por conta das brincadeiras de outras crianças, do próprio bullying. Quando realizamos esse tipo de cirurgia, no pós-operatório, já percebemos a mudança de comportamento nessa criança e em sua própria fisionomia, que são nítidos e fazem bem a ela.

C&M - E as cirurgias reparadoras, são frutos do desejo de melhorar o visual ou da necessidade? Dr. Douglas - Este é outro ponto que se deve levar em consideração, pois as cirurgias plásticas reparadoras também atuam no bem estar físico e mental das pessoas. Por exemplo, elas auxiliam pessoas com sequelas de queimadura ou com alguma deformidade congênita. Esses tipos de cirurgia, muitas vezes, possibilitam e proporcionam a reinserção de uma pessoa na sociedade e dão a ela realização pessoal ou emocional.

C&M - E em relação à segurança, quais os cuidados que se deve ter com a cirurgia plástica? Dr. Douglas – Primeiramente, a plástica deve ser entendida como uma cirurgia! Não é apenas colocar silicone ou fazer uma lipoaspiração, todos esses procedimentos são cirurgias e é necessários tomar os devidos cuidados. Depois o paciente deve informar o médico sobre todo o seu histórico, por exemplo, quanto à alergia, ao uso de medicamentos, drogas e, principalmente, deve-se procurar um local adequado, dentro das leis e exigências para a realização dessas cirurgias. O que é mais importante que seja feito sempre por um cirurgião plástico, especializado, apto para fazer a sua cirurgia e, principalmente, que cumpra todas as normas exigidas pela Agência Nacional de Saúde (ANVISA) à risca, e com exatidão. É isso o que nós defendemos aqui na Clínica Modena.

“Nosso cliente é a pessoa interessada em cuidar de si mesma, preocupada não só com a sua beleza em si, mas com a saúde e bem estar do Corpo e Mente!”

C&M - Quem é o cliente da Modena? Dr. Douglas - É aquela pessoa que está interessada em cuidar de si mesma, preocupada não só com a sua beleza, em si, mas com a saúde e bem estar do Corpo e Mente! A Clínica é para todos e, hoje em dia, a cirurgia plástica está acessível a quem deseja fazê-la, independentemente de ser classe alta ou média. Estamos em frente a Escola Imaculada conceição aonde muitas pessoas vêm fazer caminhada. Esse é um público nosso, que se preocupa com a beleza e com a estética de seus corpos.

res, eles estão se demonstrando preocupados com a boa aparência e com a própria autoestima. Aqui, na Clínica, eles têm procurado pela lipoaspiração, para perder a barriguinha e para próteses peitoral, de panturrilha e bíceps. Claro que essa procura aqui em Dourados ainda é pequena em relação às grandes capitais, mas já temos homens se tornando adeptos da cirurgia plástica em busca de um visual perfeito.

C&M - É mais comum ver mulheres procurando os procedimentos e o que elas buscam?

(67) 3423-1037 Rua Olinda Pires de Almeida, 1.535 Dourados MS

Dr. Douglas - Apesar de essa realidade estar mudando, as mulheres ainda são maioria e o que elas mais buscam são procedimentos de lipoaspiração e próteses de mama e a de glúteo. Elas estão perdendo o medo e o preconceito com esse tipo de cirurgia, já sabem que não correm o risco de que não pareça natural.

Dr. Douglas Menon

C&M - E os homens, têm essa mesma

preocupação com a aparência? Dr. Douglas - Mesmo a procura não sendo tão grande, quanto a de mulhe-

Cirurgião Plástico – CRM 6594 •

• •

Membro Associado da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica; Residência Médica em Cirurgia Plástica – SOBRAPAR, Campinas; Residência Médica em Cirurgia Geral – Hospital Mário Gatti, Campinas; Graduação em Medicina – Universidade Federal da Grande Dourados.

Março de 2014 |

43


CORPO&MENTE Ação parlamentar

Instituto da Mulher e da Criança e Clínica da Mulher darão salto de qualidade na saúde pública

Deputado Geraldo Resende, em uma das audiências com o ex-ministro Alexandre Padilha, viabilizando recursos para a saúde de Dourados.

Recursos foram articulados pelo deputado federal Geraldo Resende, que é médico e membro da Frente Parlamentar da Saúde no Congresso Nacional

U

m novo patamar no atendimento prestado às usuárias do Sistema Único de Saúde (SUS) em Dourados e região vem sendo articulado há vários anos e está prestes a ser implantado. A estrutura consiste na ativação da Clínica da Mulher, construída no Jardim Água Boa (ao lado do antigo Centro Social Urbano – CSU), com equipamentos de ponta para diversos tipos de exame, e a construção de um novo hospital para atender mulheres e crianças de 38 municípios da Grande Dourados: o IMC – Instituto da Mulher e da Criança, que será edificado em área anexa ao Hospital Universitário (HU). Os recursos para a implantação dessa estrutura, no caso da Clínica da Mulher, vêm sendo articulados desde 2007 pelo deputado federal Geraldo Resende, que também é médico e foi secretário estadual de Saúde de Mato Grosso do Sul e hoje integra a Frente Parlamentar da Saúde no Congresso Nacional. Em relação ao IMC, as gestões, em parceria com a Universidade Federal da Grande

Dourados (UFGD) começaram em 2009. Com isso, em 2010 foram destinados R$ 12,9 milhões para a conta da Universidade, que ficou responsável, à época, pela execução do projeto.

Clínica da Mulher A Clínica da Mulher foi projetada para prestar atendimento especializado na prevenção e tratamento de doenças que acometem a saúde da mulher, com consultórios e equipamentos de última geração, fator que possibilitará que os exames tenham mais precisão no combate às doenças. Entre eles, estão aparelhos de ultrassonografia, mamografia, colposcopia e densitometria óssea. Para viabilizar a implantação desta unidade, Geraldo Resende garantiu no Ministério da Saúde, em parceria com a Prefeitura de Dourados, R$ 901.550,00. A Prefeitura aplicou mais R$ 369.094,15 como contrapartida, totalizando R$ 1.270.644,15. Para a compra dos equipamentos o parlamentar viabilizou R$ 443.487,93. Nesse convênio a contrapartida do Município é de R$ 23.477,07, totalizando R$ 466.965,00. “As mulheres de Dourados e região merecem ter uma estrutura como essa, a fim de que encontrem, na rede pública, o mesmo tipo de atendimento que é prestado nas melhores clínicas particulares”, salienta o deputado Geraldo Resende. No fechamento desta edição, as autoridades municipais definiram a data de 14 de março para a inauguração da Clínica da Mulher, na semana alusiva ao Dia Internacional da Mulher, que é comemorado em 8 de Março.

Instituto da Mulher e da Criança Clínica da Mulher: A obra (maquete) que estava em fase final de construção (foto), no fechamento desta edição.

44

| Março de 2014

O IMC - Instituto da Mulher e da Criança será um novo e moderno hospital de cinco andares, com serviços especializados nas áreas de ginecologia, obstetrícia

IMC terá prédio de 5 andares, com área de 10.000m² de construção e capacidade para 164 leitos.

e pediatria. O prédio terá 10 mil metros quadrados de área construída, com capacidade para 164 leitos. Também estão previstos espaços para o aprendizado dos estudantes de Medicina e dos demais cursos das áreas de saúde. Desde que conseguiu o empenho dos recursos para a construção do Instituto da Mulher e da Criança, o deputado Geraldo Resende vem fazendo diversas interlocuções junto ao Ministério da Saúde e à UFGD, cobrando o início da obra. Logo após o empenho da verba, foi contratada, pela UFGD, uma empresa para a confecção dos projetos, porém a mesma demonstrou não ter capacidade técnica, resultando no cancelamento do contrato. No final de setembro do ano passado a UFGD assinou convênio com a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), a qual assumiu a gestão do Hospital Universitário e de seus investimentos, entre eles, a execução e administração do futuro Hospital. Em reunião realizada no último dia 12 de fevereiro com Geraldo Resende, o diretor o diretor de Atenção à Saúde da EBSERH Celso Fernando Ribeiro de Araujo, garantiu que as obras de construção terão início até abril próximo.


1º lugar em Medicina CORPO&MENTE

A vitória da determinação Motivada por um sonho, com apoio da família e estimulada pelos professores, a estudante Thaíssa Leal perseverou e conquistou uma vaga no curso de Medicina da UFGD, e em primeiro lugar.

P

ara orgulho de sua família e de toda a cidade, foi uma jovem douradense que ficou em primeiro lugar, em um dos cursos mais concorridos em Mato Grosso do Sul. Ser médica é o seu sonho de vida. Por isso, para Thaíssa Gonçalves Leal, de 22 anos, já bastaria ter entrado no curso de medicina, da Universidade Federal da Grande Dourados, UFGD, o que ela conseguiu neste ano, sem a pretensão de ser a número 1. “Eu me assustei um pouco, é meio estranho ver que não tem ninguém com nota maior que a sua”, disse a estudante, com humildade. A estranheza decorre, provavelmente, das marcas deixadas pelas frustrações com que teve de lidar, desde que optou por não desistir. Durante quatro anos, suas tentativas não deram o resultado que ela queria, apesar de sempre estu-

Thaíssa Leal: é muito difícil você seguir à risca aquilo a que você se propõe.

dar muito e ter sido aprovada em dois cursos particulares de medicina. “Quando [a gente] não consegue, é muito frustrante, mas onde eu conseguia força para continuar? – sempre em casa, com meu pai e minha mãe”, lembra Thaíssa. Nesse período, tempo em que a maioria parte para o plano B, ou seja, para as opções secundárias, ela obteve notas e condições suficientes para entrar em qualquer outro curso superior que quisesse. Mas Thaíssa conta que jamais pensou em outra carreira, que não fosse a medicina, dizendo que a cada insucesso, ela refletia sobre o que não havia dado certo, para tentar corrigir na tentativa seguinte. E foi assim que, com a ajuda dos professores e de uma terapeuta, ela acabou entendendo que é preciso conter a ansiedade, cuidar bem do corpo e

Thaíssa com seus pais, Julião e Dalva: “só não estudamos para ela, no mais fizemos tudo o que pudemos”.

ser estratégico. “Eu estudava, estudava, sábado, domingo, era muito ansiosa (...) e fui levando assim, mas [há dois anos] eu percebi que mais uma vez não ia dar certo (...) daí, eu pensei, se não tinha dado certo antes, precisava fazer diferente”, e decidiu fazer terapia, “o Bosco [diretor do Delphos] sempre falava, quando você não consegue resolver um problema sozinha, você tem que procurar ajuda”. Com orientação da terapeuta, Thaíssa dominou a ansiedade e entendeu que precisava relaxar, se divertir, e ser estratégica nos estudos, pois já tinha o domínio de quase tudo nas matérias. Aqui ela fala da importância dos professores do Delphos nessa conquista. “Eles me ajudaram bastante, se dispuseram a me ensinar [pessoalmente] e assim eu fui evoluindo, principalmente no último ano, no pouquinho que faltava para eu conseguir (...) quando a gente começa a fazer cursinho, acha que é só estudar muito, muito que você vai conseguir, mas não é bem assim, então, eles conseguem passar isso para o aluno”. E diz que o diferencial, em termos de nota, foram os 1.000 pontos, nota máxima alcançada na redação, e questões de matérias que muitos estudantes negligenciam “por não serem de sua área de interesse”. Porém, na base de toda sua conquista, está a família. “Se não fosse a minha família, eu não teria conseguido, porque, além dos momentos de frustração, de quando sai o resultado e você não passa, tem a rotina, que é muito difícil, é muito difícil você seguir à risca aquilo a que você se propõe”, diz. Leia a entrevista exclusiva com Thaíssa Leal na íntegra, acessando a Revista Corpo & Mente na internet.

Março de 2014 |

45


CORPO&MENTE Educação

Uma nova cultura de estudos

A

té alguns anos, o curso de me- lada? - estudar é ir à esdicina da UFGD era um sonho cola, assistir às aulas, não quase irrealizável para a maioria é a cultura do estudo”. dos estudantes de Dourados. Nem tanto O professor explica que, para os alunos do Delphos, onde mais no sistema seguido pela da metade dos alunos busca a carreira maioria das escolas, o médica. Por isso, na escola, as aprova- adolescente tem coisas ções em medicina são recebidas com mais atraentes a fazer, no orgulho, mas com naturalidade. E o pri- horário em que não está meiro lugar Thaíssa Leal, é visto com na escola, do que ler e faentusiasmo. zer tarefas. “Quando se aprova em primeiro lu“Não podíamos ficar gar é como se fosse o troféu máximo parados, reclamando que para o aluno, para os pais e para nós, os adolescente não estuda, professores”, declarou o diretor, profes- que não é comprometido sor João Bosco, falando da perseveran- e, por outro lado, que os ça da sua ex-aluna. “A Thaíssa tem uma pais não acompanham, história de superação pois era muito ansio- Nós criamos um cenário sa nos primeiros anos de cursinho. Portan- diferente, um ambiente Professor João Bosco: O aluno encontra to, foi uma conquista onde o aluno fica na motivação aqui, porque ele está num lugar onde em que ela teve de a maioria estuda e ele tende a aderir ao grupo, escola mais tempo. enfrentar vários desafios”, disse. Além de várias aprovações em me- uma vez que, na maioria O horário integral é adotado em oudicina e nas faculdades mais concorri- das vezes, trabalham e, mesmo que tros países há muitos anos. E pesquisas das de Mato Grosso do Sul e de outros pudessem, os filhos nessa idade já não comprovam que, quanto mais tempo o estados, somente no curso de medicina aceitam a supervisão dos mesmos. Não aluno passa na escola, tendo atividades da UFGD, o Delphos aprovou pelo me- dava para ficar só reclamando da situ- de estudo, aprende mais. “O período nos quinze alunos. Se contar a unidade ação. Então nós criamos um cenário integral é fundamental, pois ele faz a de Campo Grande, o curso Nota 10, as diferente, um ambiente onde o aluno maior parte das atividades escolares na aprovações chegam a 50% das vagas. fica na escola mais tempo”, explicou escola: assiste às aulas, estuda sozinho, Neste ano, inclusive, a aluna Sara Mo- o professor. tira as dúvidas, recebe reforço e orientaraes Peixoto foi aprovada em 10º lugar Além disso, o professor Bosco falou ção e faz semanalmente as avaliações. para medicina da UFGD, ainda no 3º que esse ambiente, onde o aluno pra- Deixamos para ele fazer o mínimo fora ano do ensino médio do Delphos. ticamente “dá expediente”, como no do colégio, pois, em casa, o aluno deve Para quem não é do meio educacio- trabalho, faz muita diferença. “O aluno descansar, ter o seu lazer e conviver nal e não tem ideia do salto de qualida- encontra motivação aqui, porque está com a família. É como se ele tivesse um de que esses exemplos representam, num lugar onde todos estudam e tende expediente, como nós temos no trabasaiba que é muito grande e que se trata a aderir ao grupo. Assim, vemos vários lho”, argumenta Bosco. de uma nova referência de educação, alunos que entram com uma mentaliO outro pilar desse trabalho, como em Dourados. “Nós apostamos num dade convencional, mas vão descobrin- disse o professor, é a atenção às quesmodelo de mudança cultural, porque do o prazer de estudar e de conquistar tões emocionais, psicológicas e sociais aqui, no estado, qual é a cultura insta- aprovações”, declarou. de cada aluno ou aluna.

(67) 3421-5245

Colégio Delphos Nota 10 Rua Ponta Porã, 2.068 – Dourados MS

46

| Março de 2014


CORPO&MENTE

Colégio Total traz inovações à educação dos nossos filhos O Colégio que sucede a Escola Mace, em Dourados e Ponta Porã, traz a marca de uma educação voltada para formação de estudantes de alto desempenho. O Grupo N10 Educacional, mantenedor dos colégios Delphos de Dourados e Nota10 de Campo Grande, realizou a aquisição das escolas Mace de Dourados e de Ponta Porã, as quais passaram a ser denominadas COLÉGIO TOTAL – Dourados e COLÉGIO TOTAL – Ponta Porã. O Grupo N10 Educacional é formado pelos empreendedores Andrei Belo, Higor Tosta, João Bosco, João Carlos (Joca), José Afonso e Luciano Bassan. São jovens empresários da educação que dirigem o Curso e Colégio Nota Dez de Campo Grande e o Colégio Delphos de Dourados, instituições de ensino que, em poucos anos de existência, consolidaram-se por uma gestão moderna, pelos diferenciais apresentados e resultados obtidos. A atenção e orientação dispensadas aos alunos, a qualidade dos professores e da equipe de apoio, o funcionamento em período integral e a estrutura moderna e aconchegante são alguns dos diferenciais que resultaram em conquistas, como o alto nível de satisfação de alunos e de pais, o elevado índice de aprovações para diversos cursos e instituições do país, os primeiros lugares no ENEM e o recorde, no estado de Mato Grosso do Sul, em aprovações para o curso de medicina. Segundo o professor João Bosco, o Grupo N10 é uma empresa inovadora e jovem, porém, com maturidade de mercado, desenvolvida por experiências de sucesso, cuja gestão escolar está conectada à gestão moderna de negócios. “Em educação, as conquistas são frutos de um processo que demanda tempo, disciplina, paciência e paixão, para que possamos melhorar os resultados e nos mantermos em lugares de destaque”, diz Bosco. O investimento nos colégios TOTAL de Dourados e Ponta Porã demonstra a intenção concreta do Grupo N10 em

Alunos do Ensino Fundamental de 1º ao 5º ano estudam nas salas-ambiente.

gerar oportunidade de trabalho, bem como em valorizar e desenvolver o potencial dos jovens dessas regiões, colocando-os em pé de igualdade na busca da realização de sonhos e conquistas quando comparados aos jovens de outras cidades maiores, diz Luciano Bassan, um dos administradores do Grupo N10. Para atender às novas diretrizes da Escola e à evolução do número de alunos, o Colégio contratou novos profissionais - educadores e funcionários administrativos - aumentando o quadro de colaboradores em 30%. A meta do Grupo N10 Educacional é estabelecer um modelo para competir com renomadas instituicões do país, desenvolvendo novos conceitos e criando uma identidade: SONHE, ACREDITE E REALIZE.

Sonhar, acreditar e realizar É com essa filosofia que o Colégio Total iniciou suas atividades em Dourados e Ponta Porã, nas turmas de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. Na educação infantil e nas séries iniciais do Ensino Fundamental, o Total utiliza a metodologia focada no desenvolvimento das inteligências múltiplas do aluno e na sua formação integral como pessoa. A diretora do Colégio Total de Dourados, professora Sueli Cestari, conta que um dos diferenciais desse novo empreendimento é a característica dos administradores do Grupo N10, que são professores e empresários, logo, entendem melhor o processo de educar. “Os profissionais do N10 têm esse perfil de educadores e, com isso, avançaremos muito na consolidação de um projeto educacional sólido e moderno. Eles conhecem as necessidades dos alunos e dos professores, por isso, desenvolvem métodos que trazem qualidade e eficá-

cia à aprendizagem”, afirma. O Colégio Total atuará na mesma linha do Delphos, com a diferença de que as aulas não serão em período integral. Elas continuam no período convencional, mas com atividades em um segundo tempo. Neste início de ano letivo, estão sendo realizadas avaliações diagnósticas com todos os alunos da escola, com o objetivo de identificar as necessidades de cada um. Posteriormente, os alunos serão chamados à escola para receber atenção personalizada, focando nos pontos em que tenham mais dificuldades. Esse reforço será feito em contra período.

Ambiente afetivo e motivador Uma das marcas registradas das escolas do Grupo N10 é a presença de um ambiente afetivo e motivador. Os alunos percebem o apoio e o interesse de toda a equipe da escola em orientá-los e ajudá-los a evoluir em seus estudos e superar os desafios inerentes à sua faixa etária sempre com alegria e motivação.

Salas-ambiente As salas-ambiente são locais para os alunos das séries iniciais exercitarem suas múltiplas inteligências e conhecerem na prática o que dizem as teorias, em diversas disciplinas. “Quando a criança toca um objeto, seu cérebro imediatamente dá os comandos: vá devagar, sinta, perceba; então, nós temos que dar às crianças ambientes que instiguem o aprendizado delas”, comenta a diretora, referindo--se aos efeitos das salas no aprendizado dos alunos. As salas-ambiente somadas aos métodos do Grupo N10, vão possibilitar ao aluno múltiplas formas de aprender. Essa é a inovação que faz a diferença e torna a escola referencial em educação e qualidade em Dourados.

Março de 2014 |

47


CORPO&MENTE Avaliação do peso

Exame de BIOIMPEDÂNCIA... Para que serve? *Dr. Antonio Dituo Hattori

T

odos os dias, em nossos consultórios, deparamo-nos com pacientes portadores de hipertensão arterial, diabetes, hipotireoidismo e, principalmente, obesidade que, em geral, é a grande causadora das doenças descritas. Mas como avaliar se realmente estamos acima do peso? Pelo IMC, índice de massa corporal? IAC? Dobras cutâneas? Hoje, a resposta mais fidedigna é a Bioimpedância. Através da realização da bioimpedância é possível avaliar a quantidade de massa magra e de massa gorda de um indivíduo. Também permite avaliar a quantidade de gordura que é preciso perder, além de fornecer um cálculo do gasto metabólico basal; isto é, mostra a quantidade de calorias que um indivíduo precisa consumir para manter suas atividades fisiológicas básicas. Isso facilita a indicação da dieta a um paciente, visto que permite conhecer quais são suas necessidades calóricas diárias. O aparelho de bioimpedância mede o efeito da passagem pelo corpo de uma fraca corrente elétrica, que é imperceptível, medindo a resistência oferecida pelo corpo ao fluxo de energia. A massa magra possui um alto nível de água e eletrólitos, sendo menos resistente ao fluxo de

O aparelho avalia a quantidade de massas magra e gorda e o volume de gordura que é preciso perder.

energia do que a massa gorda. Este exame fornece dados sobre a composição corporal e leva em conta dados individuais, como sexo, peso, altura, idade, etnia e prática de atividade física. O exame é extremamente útil no acompanhamento de pacientes em tratamento para perda de peso; pois, nem sempre é possível ver, na balança, os resultados obtidos com a mudança dos hábitos alimentares e a prática de atividade física. A avaliação da composição corporal através da bioimpedância permite a observação e quantificação mais precisas das mudanças do tecido gorduroso e da massa muscular decorrentes do tratamento, quando realizado periodicamente. Por exemplo, muitas vezes, um paciente que entrou num programa de mu-

Dr. Antonio: Hoje a Bioimpedância é a forma mais fidedigna de avaliarmos se realmente estamos acima do peso.

dança de estilo de vida (implementando a prática de exercícios físicos regulares e dieta balanceada) não perde peso na balança, mas nota-se aparente diminuição das medidas corporais, devido à diminuição do percentual de gordura corporal e troca desta por massa muscular; ou seja, massa magra que, em volume, ocupa muito menos espaço que o mesmo peso de gordura. Logo o resultado é muito melhor do que se levássemos em conta apenas a perda de peso ponderal na balança comum! Serve também para acompanhamento de atletas e pessoas interessadas em saber como anda sua saúde e composição corporal que influencia diretamente na liberação de hormônios reguladores das funções diárias, como o cortisol, adrenalina, serotonina, melatonina e hormônios sexuais, melhorando, tanto a disposição quanto a performance esportiva/atlética, seja qual for o objetivo.

E você, já fez sua avaliação corporal? Conheça a avaliação corporal com Bioimpedância na Clínica Modena. *Dr. Antonio Dituo Hattori Médico CRM-MS 5494 Graduado em Medicina na UFGD – Universidade Federal da Grande Dourados Pós-graduado em Endocrinologia e Metabologia pela Faculdade de Ciencia Médicas IPEMED –São Paulo /SP

48

| Março de 2014


CORPO&MENTE Sorriso perfeito

COI - Centro Odontológico Integrado Com tecnologia inovadora, ambiente sofisticado e profissionais altamente capacitados, dispomos de todos os recursos da odontologia moderna. Implantes Dentários / Prótese Protocolo

Por isso a necessidade de se buscar profissionais qualificados e especializados em IMPLANTODONTIA. Aqui, no COI - Centro Odontológico Integrado, você dispõe de tudo isso. Os mais recentes materiais EMAX CERAN, IN CERAN, aliando qualidade e estética ao seu tratamento.

Mais do que a maioria das pessoas costuma imaginar, num primeiro momento, os benefícios propiciados pelo implante dentário se estendem para além da Dr. Carlos Eduardo Medici Lemos própria estética – o que, por si só, já é algo bastante significativo. Entre outros proveitos, o implante dentário melhora a masFacetas Estéticas / Lentes de Contato tigação, o que facilita a digestão, contribuindo para a redução e/ ou tratamento de distúrbios gástricos. Não perca mais tempo. Ligue hoje e faça sua avaliação, telefone 3421-2810. A qualidade de vida, a autoestima e a melhoria nas condições de trabalho, dentre outros inúmeros benefícios, é o que o tratamento com implantes devolve ao paciente. As lentes de contato e as facetas dentais devolvem a cor natural dos dentes.

Nosso compromisso é oferecer resultados rápidos, seguros e de altíssima qualidade. O tratamento com Implantes e proteses protocolo, o paciente tem a sua reabilitação estética e funcional(mastigação), em até 72 hs. *Dr. Carlos Eduardo Medici Lemos CRO 3736 MS Especialista em Implantodontia Enxerto Ósseo Extração 3º Molar

(67) 3421-2810

R. Major Capilé, 1.467 - Dourados MS 50

| Março de 2014


CORPO&MENTE Novidade

Posanga inaugura espaço para atendimento personalizado

O Espaço Dermo Posanga proporciona privacidade, atendimento personalizado e permite ao cliente visualizar a fabricação dos produtos.

O

ano começou com excelentes novidades na Farmácia Posanga. Sempre pensando no bem estar do cliente, a empresa iniciou 2014 com a implantação do Espaço Dermo Posanga, um lugar reservado para que clientes e profissionais da área possam conhecer, experimentar e se informar sobre os produtos manipulados na farmácia. Segundo a farmacêutica e proprietária da Posanga, Yara Rigotti, o Espaço Dermo Posanga tem o propósito de garantir mais privacidade e um atendimento personalizado. “Criamos um atendimento privativo justamente para que as pessoas possam conhecer e provar nossos produtos, terem atendimento farmacêutico individualizado e personalizado, e decidir o que melhor se adequa às suas necessidades” ressalta Yara. A farmacêutica disse ainda que a ideia vinha sendo amadurecida há algum tempo. “Nós estávamos sentindo falta de um espaço específico e a nossa intenção, agora, é nos aproximar ainda mais das pessoas que atendemos”. Yara destaca a importância de poder sentir de perto as necessidades e preferências da clien-

52

| Março de 2014

tela e acompanhar os resultados e benefícios que os produtos proporcionam aos usuários. Instalado em ambiente aconchegante, no Espaço Dermo Posanga as pessoas podem ter mais privacidade e comodidade no atendimento, além disso, o local permite ao cliente visualizar a fabricação dos produtos e conferir de perto a dedicação da equipe que prima pela excelência em qualidade. No mesmo espaço o cliente também pode testar produtos e esclarecer eventuais dúvidas sobre a sua composição ou formas de uso. A farmacêutica Camila P. Alonso, uma das responsáveis pela manipulação dos produtos conta que o espaço também foi criado para que as pessoas pudessem conhecer e perceber esse diferencial da Posanga. “É importante possibilitar às pessoas o conhecimento de como os produtos que elas utilizam são produzidos por nós, que cuidamos para melhorar sua saúde, beleza e bem estar”, pondera. Outra vantagem do Espaço Dermo Posanga é que profissionais de áreas afins, relacionadas à saúde e beleza, como os esteticistas e dermatologistas, por

exemplo, podem usufruir do espaço para tirar suas dúvidas e conhecer melhor os produtos, assim como as novidades e lançamentos da Posanga durante o ano.

Catálogo de produtos

No catálogo de produtos da Posanga são encontradas as linhas de Higienização da pele, Tonificação, Esfoliação, Máscaras Faciais, Anti-Aging e Corporal, além da Linha Posanga For Man.


CORPO&MENTE

Qualidade é sempre uma prioridade na farmácia “Investimos muito na qualidade final dos nossos produtos manipulados, sejam medicamentos ou de estética corporal e facial”. Garantir a eficácia dos produtos e os excelentes resultados para os clientes são frutos de muito trabalho e dedicação. A qualidade de seus medicamentos sempre foi uma das maiores preocupações da empresa, por isso, todos os materiais e matéria prima utilizados nas composições passam por testes minuciosos, e só depois de aprovados chegam até o cliente. Yara garante que a qualidade é importante e uma prioridade na farmácia. “Investimos muito na qualidade final do nosso produto que é o medicamento manipulado, sempre feito com muito critério”, afirma ela orgulhosa por construir uma história de quase trinta anos de confiança e satisfação junto ao cliente. Outro ponto ressaltado por Yara

Ao centro, farmacêutica Yara Rigotti, proprietária da Posanga com as farmacêuticas responsáveis, Edina Massambani e Camila Panzetti Alonso.

é que a Farmácia Posanga segue as normas de Boas Práticas de Manipulação determinadas pela ANVISA, o que garante uma medicação ainda mais segura e eficaz. Além disso, a farmácia é certificada pela ANFARMAG, através do SINAMM, com excelência de qualidade, desde 2010. E nessa busca pela qualidade a composição dos manipulados faz gran-

de diferença. Camila explica que todos os produtos são desenvolvidos de forma que atendam as necessidades dos clientes. “Essa é uma das prioridades da Posanga, formular produtos com sensorial modificado, que não fiquem oleosos demais ou demorem a absorver. Todos são siliconados, de texturas leves e causam uma sensação muito agradável”, ressalta Camila. O Espaço Dermo Posanga fica no 8º andar, no Edificio Adelina Rigotti onde estão os laboratórios de manipulação. O local passou por uma modificação e reforma, para instalação do espaço dedicado aos clientes. O atendimento da Farmácia Posanga, continua no primeiro andar, oferecendo os excelentes produtos, com a tradição de atender sempre bem.

(67) 3423-4076

Av. Weimar Gonçalves Torres, 1.666 Centro - Dourados MS farmaciaposanga@hotmail.com

Março de 2014 |

53


CORPO&MENTE

Trajetória

Em 25 anos de dedicação, Laudir Munareto, revigora a arte de servir como uma tradição familiar

H

oje, o Buffet Laudir Festas é reconhecidamente um dos mais tradicionais  de Dourados e importante referência no segmento. Seu fundador, Laudir Munaretto, orgulha-se em dizer o quanto contribuiu para o amadurecimento desse mercado, trazendo sempre inovação e aprimoramento. Paixão e bom gosto na arte de servir fazem parte da trajetória deste grande empresário. Mas a apurada visão de negócios e empreendedorismo foram decisivos na construção de sua inspiradora história de sucesso.

O empresário relembra toda sua trajetória, em uma história cheia de inspiração.

Onde nasce a tradição Para Laudir, que cresceu acompanhando a trajetória de seu pai, de churrasqueiro a proprietário de churrascaria, aprender a cozinhar foi um caminho praticamentente natural. Com 10 anos de idade já ajudava no preparo da carne. Além desse dom, herdou de seu pai também uma grande facilidade em lidar com pessoas, sempre respeitando cada uma delas independentemente de sua origem ou posses, esbanjando simpatia e popularidade. Tanto que sua churrascaria, montada com esforço e ajuda de toda família, rapidamente expandiu para uma rede de 4 unidades na região, duas em Eldorado, uma em Iguatemy e outra em Itaquiraí. Porém para seu pai, apenas a popularidade não bastou para dar continuidade ao sucesso dos negócios e, por não dominar o controle administrativo das empresas, acabou perdendo tudo e vindo para Dourados.

O início de sua caminhada Assim, a grande aventura de Laudir mesmo, teve início por volta de 1988, quando, após ter trabalhado como churrasqueiro no Posto da Base e passado também pelo Restaurante Marrocos, iniciou seu trabalho no Kikão Restaurante onde, com a experiência que já tinha, assumiu a gerência e, paralelamente, tinha a liberdade de fazer pequenos eventos por conta própria e assim fundou o “Laudir Festas e Eventos”, que oferecia serviços de churrasqueiro completo.

56

| Março de 2014

O brinde dos noivos, sempre foi seu momento preferido

Nos anos 80, iniciou como garçom

Como gerente do Kikão, teve a oportunidade de implementar o, na época famoso, “self-service”. Até então o restaurante servia lanches, porções e bebidas, o foco não era em alimentação, e sim no atendimento como bar e lanchonete. Por dominar sobre cozinha e alimentação, Laudir teve segurança em implementar o sistema, montar o cardápio e inclusive preparar os pratos. Como cozinheiro, além do self service, que foi sucesso absoluto na cidade, Laudir criava também os pratos prontos do Kikão Restaurante, cuidando da harmonia de sabores, apresentação e sistema de pedidos.

A pausa decisiva Nessa época, era muito conhecido, tanto pelo trabalho no Kikão, como por seus atendimentos em pequenos eventos, churrascos, coquetéis, etc. Sua popularidade era tanta que em 1990, o Sr. Humberto Teixeira sugeriu que ele se candidatasse a vereador e, incentivado por várias pessoas, inclusive pelo proprietário do restaurante, Sr. Osmar que acreditava que ele tinha potencial, decidiu lançar sua candidatura. Em 1992, após dois anos se dividindo entre a gerência do restaurante, seus

eventos com o Buffet Laudir e a campanha política, quando se aproximou a época das eleições ele deixou o Kikão para se dedicar-se somente à campanha. Porém ao término da eleição, Laudir não foi eleito e viu-se em um momento decisivo em sua vida. Pois já havia deixado o trabalho como funcionário e percebia que sentia seu pequeno negócio de buffet o realizava. Então, mesmo com o convite do Sr. Eurides e Osmar para que ele voltasse para o Kikão Restaurante, ele estava decidido a buscar sua independência profissional e o traço empreendedor da família falou mais alto. E assim, com 6 bandejas de garçom e 24 copos de whisky, que era seu patrimônio na época, iniciou o que chama de uma grande aventura.

A grande aventura Com esse material, dois filhos pequenos e a esposa grávida do terceiro trabalhando ao seu lado, os pequenos coquetéis e eventos que faziam já o preocupavam, pois sentia que não oferecia segurança para o sustento de sua família, não tinha mais um salário que o assegurasse. Passou por dificuldades e nesse momento de desespero, lançou uma es-


CORPO&MENTE

Em poucos anos, já começava a ser reconhecido dentro de seu ramo. A dedicacão e paixão pelo que faz tornaram-se seus difereciais.

tratégia que mudou sua vida. Precisava aumentar seu serviço de qualquer jeito, então, um amigo da época lhe ofereceu para imprimir uns cartões de visita para divulgar o serviço e Laudir mandou colocar  “Trabalho por qualquer preço”. Com esse cartão nas mãos ia de porta em porta oferecendo o serviço. A estratégia deu tão certo que começou a surgir serviço todos os dias e ele não parava mais. E aí já não era só pelo cartão e sim por indicação, pois desde essa época seu diferencial sempre foi surpreender o cliente e oferecer mais do que ele esperava, além da qualidade do churrasco, fazia tudo com capricho, organizado, complementava o serviço com saladas e os acompanhamentos necessários para deixar o cliente despreocupado de tudo. No final do atendimento, os próprios cliente valorizavam o serviço e pagavam mais que o combinado inicialmente. Daí em diante o negócio só melhorou e a confiança que conquistava dos clientes, já assumia eventos inteiros de maior porte para organizar. assou a investir em materiais para locação e a proporção de crescimento chegou até o ponto que sua casa já não comportava mais esses materiais. Percebeu que tinha transformado sua casa em uma empresa e em 1995,

Quando dedicou-se à política, nos negócios, era apoiado pela família.

decidiu montar uma estrutura de locação com salão próprio. Incrementou cada vez mais os serviços, sempre em busca de inovação, uma característica muito forte de sua administração. Nesse período buscou a profissionalização, foi para Águas de São Pedro fazer cursos e especializar-se, pois sua visão era de continuar crescendo, evoluindo a empresa, buscando patamares cada vez mais altos, continuamente.

O meio Em 1998, reestruturou sua casa para montar a empresa em anexo, onde funciona até hoje. Depois de toda essa trajetória, Laudir orgulha-se em dizer, que a empresa prospera pois a família sempre esteve envolvida. Todos colaboraram e continuam colaborando. Vários de seus familiares passaram pela empresa onde adquiram experiência e hoje caminham com as próprias pernas em segmentos afins, seguem a trajetória da família. Não só familiares, como funcionários que acabam se tornando amigos e empresários do ramo inspirados e até apoiados pelo próprio Laudir, que tem alegria em compartilhar seus conhecimentos e experiências de vida. Seus colaboradores

Até hoje, não abre mão de executar o ponto alto da festa, o brinde!

sentem-se parte de uma grande família e absorvem  no clima da empresa a paixão por servir as pessoas com alegria e dar o melhor de si, por entender que elas confiaram os momentos mais importantes de sua vida, como o casamento, primeiro aniversário de um filho, a festa de 15 anos, ao Buffet Laudir. É com essa consciência que Laudir motiva sua equipe, além dos valores que tenta passar no dia a dia através de exemplos.

E a continuação... Hoje, o Buffet Laudir conta com os cinco membros da família como diretores da empresa, uma equipe de vinte funcionários fixos e mais uma rede de colaboradores temporários. A empresa é referência em alta gastronomia e materiais para locação em todo o sul estado e tem estrutura para realizar eventos de qualquer porte com toda segurança e pode atender até cinco eventos simultaneamente. Seu grande diferencial inovador e o alto padrão de qualidade conferem ao Buffet Laudir um posicionamento inquestionável dentro do segmento e a visão da empresa é a de manter essa linha contínua de evolução com a próxima geração da família Munaretto.

Março de 2014 |

57


CORPO&MENTE

Novidades na Pão & Cia Mais otimista do que nunca, a empresária Cenira Pagliarini Pinto dá notícias muito saborosas sobre a Pão & Cia. A primeira, está muito bem de saúde e espírito e a segunda é de que irá realizar um grande sonho, ‘repaginar’ a loja de pães mais charmosa de Dourados. “Fiquei um ano afastada, devido ao tratamento, mas agora está tudo bem e estou muito, muito feliz, porque é um sonho de vários anos que estou realizando, fazer essa reforma”, disse a empresária que passou por um tratamento contra o câncer, há dois anos. O projeto traz uma cafeteria com visual de bistrô, além da ampliação do setor de padaria. Mas a maior surpresa virá com os novos produtos que vêm aí, como o Pão da Jamaica, as Baguetes Italiana e de Campanha e as Ciabatas de provolone e de tomate seco. Aliás, várias dessas novidades já estão nas prateleiras da Pão & Cia. Para produzi-las, ela promoveu um treinamento para sua equipe de produção, com o mestre panificador Adão Soares Rodrigues, 55, um dos principais nomes da franquia em todo o país. Agora em fevereiro, Adão ficou cerca de 15 dias em Dourados, capacitando os funcionários e reciclando os processos da Pão & Cia, para ensinar novas receitas e manter os padrões de qualidade dos produtos, que são produzidos de forma

60

| Março de 2014

Cenira Pagliarini, aqui com o panificador Adão Soares, apresenta novos produtos e anuncia a reforma da padaria.

natural e sem o uso de aditivos. Ele diz que o principal segredo de um bom pão é o tempo de fermentação da massa. “Quanto mais ele demora a crescer, mais saboroso e cheiroso ele fica”, diz o padeiro, explicando que os pães da marca precisam de pelo menos sete horas, antes de serem levados ao forno. Nas padarias convencionais, esse tempo é de apenas duas horas. “Então, o tempo que o nosso pão ficou fermentando é o tempo que ele não fermentará no estômago do nosso cliente, aí, não causa azia, má digestão e dor no estômago”,

Saiba mais sobre a Pão & Cia de

conta o panificador. Dourados e a história da empresa, publicada na Edição 06, acessando a Revista Corpo & Mente na internet. Acesse de seu smartphone, apontando a câmera para o código abaixo.


CORPO&MENTE Cidadania

Resíduos Sólidos: A reciclagem é a solução? *Vinicius Bertuol Aquino

A

reciclagem é uma palavra mui- nais no processo e a recito difundida nos dias de hoje e clagem do alumínio que vem sendo utilizada como so- mantém suas característilução de um problema mundial que cas iniciais e finais no prosão os resíduos sólidos. Os resíduos cesso. Muitos materiais sólidos abrangem vários problemas podem ser reciclados e no país, que atinge níveis econômi- reaproveitados os exemcos, sociais e ambientais. A recicla- plos mais comuns são o o metal, o gem é a solução? vidro, o papel e o plástico. Palavra de origem inglesa recycle Conceito a parte vale ressaltar a (re = repetir, e cycle = ciclo), a re- importância da reciclagem e do reciclagem é o termo utilizado para aproveitamento, que minimizam a designar o reaproveitamento de utilização de fontes não renováveis, materiais beneficiados como maté- minimizam a exploração de fontes ria-prima para transformar em um naturais e diminuem a quantidade novo produto. de resíduos que vão para tratamento O conceito e destinação de reciclagem é final, como inCom a nova lei, espera-se apenas para os cineração e que a reciclagem e o materiais que disposição em reaproveitamento sejam quando transaterro. formados em A reciclautilizados como ferramentas novos produgem no Brasil de políticas ambientais e não teve um importos, preservam como a solução suas caractetante avanço rísticas iniciais. no segundo Sendo diferente o conceito de rea- semestre de 2010, quando foi sancioproveitamento, que transforma em nada a Lei nº 12.305, que instituiu a um novo produto mudando suas Política Nacional de Resíduos Sólidos, características iniciais. Podemos ci- pois está forçando o desenvolvimentar o reaproveitamento do papel que to de políticas para o setor sejam elas muda as características iniciais e fi- públicas ou privadas.

Com a nova lei e políticas que estão sendo discutidas e implantadas para minimizar os impactos decorrentes do ciclo dos resíduos sólidos, desde sua geração até o destino final, espera-se que a reciclagem e o reaproveitamento sejam utilizados como ferramentas de políticas ambientais e não como a solução. Sabe-se que a reciclagem no país não é alto sustentável quando trabalhado individualmente, ela precisa de muito volume (material reciclado) ou subsídio para se sustentar. Com políticas implantadas e subsídios impostos veremos que aumentaremos a qualidade de vida da população, diminuiremos os gastos com saúde pública, aumentaremos a geração de emprego e renda, diminuiremos os gastos públicos e privados com coleta, tratamento e destinação final de resíduos sólidos e incluiremos socialmente todos os envolvidos.

AMBIENTAL * Vinicius Bertuol Aquino Crea 12337/D-MS Engenheiro Ambiental da Oca Ambiental Telefone: (67) 8135-6696

www.ocaambiental.com.br 62

| Março de 2014


CORPO&MENTE Obesidade

Cirurgia Bariátrica: cuidados nutricionais pré e pós-operatórios *Lilian Oliveira

A

obesidade é considerada um dos * Não ingerir líquidos principais problemas de saúde durante as refeições. pública no Brasil e no mundo. O * Incluir frutas e verdutratamento da doença pode ser através ras diariamente, para gade mudanças no estilo de vida, por meio rantir boas quantidades de Lílian: A alimentação regrada e bem orientada de modificações no hábito alimentar, vitaminas e minerais. é fundamental para o sucesso da cirurgia. práticas de exercícios físicos e, até mes* Realizar exercícios fímo, com o uso de fitoterápicos. sicos, conforme orientação A cirurgia bariátrica é realizada quan- de um profissional. do a obesidade já chegou a um nível Após a cirurgia, ocorre 2ª etapa – Semipastosa (3ª e 4ª secrítico, ou seja, quando o indivíduo não uma redução na capacidade gástrica, alcançou sucesconsequentemen- mana) – Evolução para alimentos com so com nenhum te, diminuição consistência cremosa. Ex.: iogurtes, dos tratamentos As mudanças nos hábitos na capacidade vitaminas bem batidas, mingaus. 3ª etapa – Pastosa (5ª e 6ª semana) convencionais. absortiva de nualimentares devem Quando essa intrientes, sendo – Nessa etapa, ocorre uma estimulação ocorrer antes mesmo do necessário o uso maior na mastigação e digestão. Os alitervenção é recodevem ser em formas de purês, mendada, deve-se procedimento cirúrgico de suplementos vi- mentos considerar que a tamínicos. A dieta cremes, suflês, frutas amassadas ou rasnutrição pré e pósdeve ser dividida padas, carne desfiada ou moída, mingau, -operatória é fundamental para o suces- em etapas, de acordo com a tolerância caldo de feijão, arroz e massas bem cozidas e amassadas. so da cirurgia. do indivíduo. 4ª etapa – Branda (7ª e 8ª semana) As mudanças nos hábitos alimentares 1ª etapa – Líquida (1ª e 2ª semanas) devem ocorrer antes mesmo do proce- – Os alimentos devem ser ingeridos líqui- – Fase em que os alimentos são ingeridimento cirúrgico, para que haja prepa- dos, devidamente coados, caso necessá- dos já sólidos, mas que passam pelo proração para as mudanças consequentes rio, para que não haja risco de obstrução cesso de cocção. Ex.: carnes, em geral, pós-cirurgia. Entre os principais hábitos no esvaziamento gástrico e para uma cozidas, verduras e legumes refogados saudáveis, destacam-se: cicatrização mais rápida. Ex.: água, água e/ou cozidos. 5ª etapa – Geral (9ª semana em dian* Realizar seis refeições diárias, em de coco, caldos salgados, leite desnataporções adequadas. do, chás claros, caldo de carne cozida, te) – Dieta volta à consistência normal e variam-se os nutrientes ofertados por * Mastigar bem os alimentos vegetais batidos e coados. diversos alimentos, de acordo com a tolerância do paciente. É válido lembrar que a cirurgia não é “milagrosa”, que para um resultado com sucesso, é fundamental manter hábitos saudáveis sempre! Consulte um nutricionista para uma adequada avaliação e orientação nutricional individualizada. *Lilian Oliveira Nutricionista - CRN-3: 35.759/P

O acompanhamento profissional é fundamental na orientação e preparo dos alimentos, que devem ser liquidos e semi-pastosos nas primeiras semanas.

64

| Março de 2014

Graduada em Nutrição – Centro Universitário da Grande Dourados (UNIGRAN) Especializanda em Obesidade e Emagrecimento pela Universidade Estácio de Sá


CORPO&MENTE Fotografia

A arte de eternizar momentos O empresário e fotógrafo Dirceu Hall fala da importância da fotografia, em sua vida, e da responsabilidade em atender com qualidade

A

fotografia é a arte de eternizar momentos e é com essa responsabilidade que o fotógrafo Dirceu Hall atua há mais de dezoito anos, em Dourados. Sua história com a fotografia começa na década de 1990, quando um vizinho o chamou para ajudar a cobrir alguns eventos. “A partir daí eu me apaixonei pela arte de fotografar e, então, parei com tudo o que eu fazia, até então eu lecionava Biologia e passei a me dedicar a nova profissão”, lembra Dirceu. Em 2006, ele inaugura a DHE Produções, que hoje é parceira da Revista Corpo & Mente e responsável pela cobertura fotográfica e das filmagens da Expoagro, tendo ainda várias produções de vídeos empresariais e comerciais de TV. Mas é para o registro de eventos sociais, como casamentos, bodas e aniversários, produção de books e ensaios de modelos e grávidas que seu nome é mais lembrado em Dourados e na região. “Existem clientes que estão comigo há anos, alguns desde o início, fotografaram seus casamentos, aniversários dos seus filhos e agora o casamento desses filhos”, expressa Dirceu, feliz por compartilhar momentos tão importantes da vida as pessoas. Atualmente, é muito requisitado também para filmar nascimentos de bebês, sendo um dos poucos autorizados a entrar nas maternidades para fazer esse trabalho. Ele conta que “a confiança, a experiência adquirida ao longo desses anos, e o bom trabalho realizado, tornaram a DHE Produções uma empresa de respeito e admiração”.

Eternizando Emoções A vida é feita de momentos únicos, mas passageiros. Poder guardar esses momentos e ter a chance de relembrá-los é uma virtude que a foto e filmagem possibilitam. Formaturas, casamentos, nascimentos e aniversários são algumas das especialidades da DHE Produções. Para que esses momentos fiquem registrados, da melhor maneira, Dirceu sabe da importância e da necessidade de acompanhar a constante evolução no mundo da foto e filmagem. Por isso

68

| Março de 2014

Aficionado pela fotografia, Dirceu deixou a carreira de professor, há quase 20 anos, para se tornar fotógrafo e produtor de vídeos.

está sempre atualizando seus equipamentos e participando de cursos com os melhores profissionais da área e, acima de tudo, ouvindo o cliente, no intuito de conseguir transmitir os seus desejos e sentimentos, de modo a produzir o álbum e a filmagem personalizada. Mais do que simplesmente registrar o momento, Dirceu sabe da responsabilidade em transmitir a emoção pela fotografia. Por isso sua recompensa é realizar o seu trabalho com qualidade e eficiência, ciente de que se trata de um desafio prazeroso. “Emociono-me ao ver as pessoas viverem suas expectativas e emoções. Eu poder registar isso para a posteridade é muito bom, pois sei que se emocionarão ao reverem momentos únicos de suas vidas”, disse o fotógrafo.

Grandes Eventos Há alguns anos a DHE aposta em outro ramo da mídia que é a cobertura de

eventos de maiores proporções. Entre eles, a Expoagro, a Festa da Linguiça de Maracaju e eventos municipais, com transmissões ao vivo, sendo um grande parceiro dos seus promotores. Para isso, a DHE Produções conta com uma equipe competente, treinada e equipada com o que há de mais moderno, sempre buscando registar com perfeição, responsabilidade e qualidade. É o que a torna uma empresa de referência em Dourados e região.

(67) 3421-3775 / 9999-0707 Av. Marcelino Pires, 2.311, Centro - Dourados www.dheproducoes.com.br


Referência CORPO&MENTE

ONDE ENCONTRAR Dr. André Tetila CRO 2287/MS Especialista em pediatria, reabilitação oral, oclusão, prótese e implantes dentários. Rua Ciro Melo, 2276 - Centro Adriana Garritano Dourado CRP 14/01879-0 Psicóloga especialista em Gestalt-terapia e Psicopedagogia - crianças e adolescentes Clínica Santa Helena Fone: 3421-0799 - 8406-3046 Rua Firmino Vieira De Mattos, 2180 Dr. Antonio Dituo Hattori CRM- MS 5494 Endocrinologista Esportivo Clínica Modena Fone: 3423-1037 Rua Olinda Pires de Almeida, 1535 Dr. Clod Estéfano Burlim CRM 111318/SP Médico Cirurgião Ginecologista e Obstetra Fones: (67) 3421-3822 e 9289-0582 Rua Ediberto Celestino, 2855 Instituto de Psicologia Bem Viver Fones: 3421-9412 e 3422-0282 Rua João Cândido Câmara, 1.669 – Vila Tonani Ana Zulmira Pedroso Verão CRP 14/00750-5 Psicóloga Clínica Dra. Elke Mascarenhas CRM 4977 Médica Alergologista, Imunologista Clínica e Pediatra

Dr. Carlos Eduardo Medici Lemos CRO 3736 MS Especialista em Implantodontia Fone: 3421-2810 Rua Major Capilé, 1467 – Centro Dr. Douglas Menon CRM: 6594 Cirurgião plástico Clínica Modena Fone: 3423-1037 Rua Olinda Pires de Almeida, 1535 Dr. Fabricio Matheussi CRO: MS – CD-2571 Ortodontia Matheussi Ed. Adelina Rigotti, 6º andar - S.64 Fone: 3422-2002 Av. Weimar Gonçalves Torres, 1666 Lilian Oliveira CRN: 3: 35.759/P Nutricionista – Especialista em Obesidade e Emagrecimento Fone: 9612-5309 Rua Major Capilé, 2.205 Dr. Luiz Carlos de Arruda Leme CRM-MS 072 - Pediatra

Fone: 3421-4995 Rua Oliveira Marques, 2.370 Dr. Marcos Massato Hirahata CRM: MS - 5096 Oftalmologista Telefones: 3421-5317 | 3421-5377 Rua João Vicente Ferreira, 2.327 - Vila Planalto Marinês Prado Espaço de Yoga Clássico Fone: 9603-0651 Rua: Cuiabá, 3015 – Vila Sumat Dr. Ricardo Zocolaro Neto CRM-014 MS Especialista na Medicina Ortomolecular. Gastroclínica Dourados Fone: (67) 3416-2700 Rua João Rosa Góes, 1290 - Centro Dr. Rôneo Reis Machado CRM-MS 7517 Médico psiquiatra Clínica São Marco Sala 11 Fone: 9833-4050 Rua Major Capilé, 1422

Dra. Luciana Martins CRO MS – 1493 Especialista em Odontopediatria

Clinica Vitta (67) 3032–0060 Rua Monte Alegre, 2.150 – Vila Progresso

Dra. Patrícia Amaral CRO 1789 MS Endodontia Microscópica e Laserterapia Fones: 3427-6666 / 9974-7020

Dr. Walter Vinicius Schoenherr CRO-MS 3511 Cirurgião Dentista - Implantodontia

Marta de Oliveira Falleiros Calemes CFFa: 127-MS Fonoaudióloga

Dra. Tatiane G. Leal Calumby CRM-MS 6706 Médica Reumatologista e Clínica Geral Uniimagem Unidade de Diagnóstico por Imagem Rua Ciro Melo, 2.059 - Dourados MS Fone: 3420-5500 Responsável Técnico Dr. Clementino de Barros Wanderley Junior CRM MS 377

Dr. Thiago Augusto Schoenherr CRO-MS 3821 Cirurgião Dentista – Ortodontista Dra. Inah Marina de Castro Pinto Schoenherr CRO-MS 4281 Cirurgiã Dentista – Ortodontista Teresa Cristina Rosa Schoenherr CREF 365-G/CRN 15.510 Nutricionista e Educadora Física

Consulte mais profissionais em nosso site: www.revistacorpoemente.com.br facebook.com/revistacorpoemente twitter.com/corpoementems

69


Resp. TĂŠc: Dr. Francisco E. Casaro Nascimento - CRO 2582/MS

franquia



Revista Corpo e Mente - 15ª Edição