Issuu on Google+

64

jornal

julho 2013

COOPERFORTE Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Funcionários de Instituições Financeiras Públicas Federais Ltda. SCS / Quadra 9 / Torre C / 9º Andar – Ed. Parque Cidade Corporate – 70308-900 – Brasília / DF

Atualidade

Modernidade

Sustentabilidade

Página 4

Página 9

Página 10

Dia Internacional do Cooperativismo

Compras coletivas facilitam a vida

Literatura infantil ensina amor à natureza

Eleições Delegados Cooperforte Lançado processo eleitoral em que associados escolherão seus representantes Página 5


2

Jornal Cooperforte nº64

ECONOMIA DIA A DIA

Prosperidade: jogando também se aprende!

Todo mundo deseja ser próspero. Construir condições para viver sem preocupações financeiras, ter o que deseja e formar uma reserva que permita realizar projetos, inclusive um futuro de conforto, tranquilidade e bem-estar. Mas qual o caminho da prosperidade? Nem todo mundo sabe, mas quase sempre manter o bolso em dia depende mais de um bom comportamento financeiro do que do salário que se ganha. Prova disto é que muitas pessoas, mesmo tendo rendas mensais invejáveis, frequentemente se descuidam no controle das despesas e acabam pondo a conta bancária em apuros. Por outro lado, também são muitas as pessoas que, apesar de terem salários modestos, conseguem construir um patrimônio, formar reservas, realizar projetos. Tudo porque adotam atitudes financeiras saudáveis, que reduzem despesas e valorizam economia e racionalidade. O programa Economia dia a dia, da Cooperforte, existe para isso: difundir informações e dicas que auxiliem as pessoas na busca do consumo consciente, na racionalização das despesas, na adequada valorização do dinheiro – atitudes importantes para quem deseja equilíbrio financeiro. Como parte deste programa, a Cooperforte, no mês de junho, implementou duas inovações: disponibilizou, no canal eletrônico economiadiaadia.com.br, uma planilha que ajuda a organizar e controlar o orçamento financeiro pessoal e familiar e publicou, em sua página no Facebook, o social game Caminho da Felicidade. Trata-se de uma versão adulta do joguinho infantil de mesmo nome, publicado anteriormente no Jornal Cooperforte, com o objetivo de incentivar, por meio de charadas e brincadeiras, um comportamento financeiro promissor. Acesse, divirta-se e sucesso!

A UM CLIQUE, O RELATÓRIO COOPERFORTE À SUA DISPOSIÇÃO Desde o mês de abril está disponível, no site www.cooperforte.coop.br, o Relatório de Gestão 2012 da Cooperforte. Em 28 páginas, o documento apresenta o desempenho da Cooperativa no ano passado, em itens como quadro social, carteira de empréstimos, aplicações, capital e patrimônio líquido, entre outros. E também todo o trabalho realizado pela Cooperforte para oferecer, com excelência, soluções financeiras e serviços que contribuam para o bem-estar dos associados. Acesse o canal da Cooperforte no Youtube (www.youtube.com/canalcooperforte) e veja alguns destaques do Relatório 2012 apresentados em vídeo pelo Presidente José Valdir.


julho 2013

Nas férias escolares, alegria rima com economia Passeios, shoppings, lanches, cinemas, clubes, parques de diversão... As férias de julho chegaram e quem tem filhos em idade escolar sabe: lazer extra para as crianças geralmente significa despesas extras para os adultos. Mas existem alternativas que ajudam a rimar alegria com economia. A primeira delas é planejar. Lembrar que é do seu bolso que sai o pagamento das contas e estabelecer a quantia que pode ser destinada para custear a programação de férias. Conhecido este valor, então é hora de compatibilizá-lo com as atividades recreativas que se pretende “patrocinar”. Deste modo não se compromete o orçamento mensal. Sovinice à parte, bom mesmo é gastar o mínimo possível. Por isso, pense em desenvolver atividades coletivas, como jogos, gincanas e campeonatos, envolvendo também os filhos de seus vizinhos. Os pais naturalmente participam, inclusive dividindo eventuais despesas. Isto vale até para sessões de cinema. Rodiziar, entre os vizinhos, exibições domésticas de DVDs infantis, com guaraná e pipoca, pode ser tão divertido para a garotada quanto econômico para os pais. Certo de que cultura é diversão e lazer, com muitas opções gratuitas, que tal incluir exposições, espetáculos musicais e visitas a museus na programação de férias dos filhos? Para os adolescentes, uma boa pedida é dar-lhes uma mesada extra para a programação de lazer. Assim, passará a ser deles a responsabilidade de fazer com que o valor recebido renda o máximo de diversão.

3


julho 2013

ATUALIDADE

A força do Cooperativismo “Empresas cooperativas continuam fortes em tempos de crise”. Este é o tema de 2013 do Dia Internacional do Cooperativismo, comemorado mundialmente no primeiro sábado de julho. A data foi criada há 91 anos pela Aliança Cooperativa Internacional - ACI, para destacar a importância global do Cooperativismo, como filosofia humanista e como fator de desenvolvimento e bem-estar. O tema 2013 valoriza a força do diferencial cooperativista face à instabilidade e à impermanência que ameaçam instituições financeiras de vários países europeus. Segundo o relatório Resiliência durante a recessão: o poder das cooperativas financeiras, da Organização Internacional do Trabalho - OIT, mesmo nestes tempos de crise, as cooperativas financeiras têm se saído melhor do que os bancos. Elas permanecem estáveis, apresentam melhor desempenho, mantêm fluxo de crédito e, indiretamente, continuam gerando empregos. Referindo-se ao relatório da OIT, a Diretora de Comunicação da ACI, Nicola Huckerby, atribuiu à participação e ao espírito coletivo dos cooperados as bases dos diferenciais que resultam em segurança, crescimento e estabilidade das cooperativas e em satisfação e bem-estar para os cooperados. Aliás, a este respeito, o associado Eurides José Tesseroli Siqueira, ao participar do Concurso Cultural Compartilhe Cooperforte, declarou:

A COOPERFORTE É COMPANHEIRA PARA A VIDA TODA!

Eurides Siqueira, com o filho Luís Henrique, na Rota das Cachoeiras

“Acredito no Cooperativismo e na união das pessoas. Sempre é mais fácil superar os problemas quando temos alguém com quem contar e normalmente os encontramos entre os familiares e os amigos. Assim considero a Cooperforte: da família. Sou uma pessoa simples, não tenho nenhuma grande história para contar, mas posso dizer da emoção de sentir-me cidadão de primeiro mundo ao tirar extrato via fax e fazer empréstimos por telefone, desde há muito tempo atrás. Como a vida dá voltas, em algumas horas a Cooperforte nos livrou das dívidas que tiravam nosso sono, noutras serviu-nos para aplicar o dinheiro com rendimento maior do que nos bancos. Mas o mais importante de tudo foi poder satisfazer pequenos sonhos da família. Como na foto – um passeio de férias, conhecendo a Rota das Cachoeiras, em Corupá/SC.”

4


5

Jornal Cooperforte nº64

PARTICIPAÇÃO DEMOCRÁTICA

Cooperforte realizará eleições para Delegados Seccionais. Participe! “As cooperativas são organizações democráticas, controladas pelos sócios, que participam ativamente do estabelecimento de políticas e da tomada de decisões.” Este princípio norteia o movimento cooperativista desde que foi criada a Cooperativa dos Probos Pioneiros de Rochdale, na Inglaterra, em 1844, e até hoje continua atual. Observando este fundamento e conforme prevê seu Estatuto Social, a Cooperforte iniciou, no dia 1º deste mês, o processo da eleição de delegados seccionais para o mandato 2014 / 2017. Os delegados seccionais são eleitos por voto direto dos associados e os representam nas Assembleias Gerais, quando são deliberados assuntos importantes para o corpo social. O processo eleitoral é conduzido pela Comissão Geral de Eleições – CGE, composta pelos associados Ney Seabra da Costa, Moody Melo da Silva e Luiz Carlos Romero Menon e amplamente divulgado no site www.cooperforte.coop.br/eleicao. Nele, você encontrará informações detalhadas sobre todo o processo – da candidatura à votação – inclusive o cronograma de atividades. Exemplo de modernidade, segurança e racionalidade, todo o processo eleitoral será on-line. Deste modo, tanto para inscrever candidaturas quanto para votar em seu candidato, os associados utilizarão seus dados pessoais cadastrados na Cooperforte para operações de autoatendimento eletrônico e telefônico. Se você ainda não tem seus dados cadastrados na Cooperforte, ligue para 0800 701 3766 ou 0800 61 3766 e fale com nossos analistas de relacionamento. Veja, nas páginas a seguir, o Edital de Convocação da Eleição de Delegados e o Comunicado Nº 1 da CGE.


6

Jornal Cooperforte nº64

EDITAL DE CONVOCAÇÃO - ELEIÇÃO DE DELEGADOS A COOPERFORTE, na forma dos Artigos 27 e 28 de seu Estatuto, convoca todos os associados em pleno gozo de seus direitos para participarem do processo de eleição de Delegados às Assembleias Gerais, em número de 30 (trinta), cuja votação ocorrerá no período de 14 a 31 de outubro de 2013, para mandato de 4 (quatro) anos – de 01/01/2014 a 31/12/2017. 2. O Regulamento de Eleições de Delegados encontra-se disponível no site www.cooperforte.coop.br/eleicao. 3. São requisitos para candidatar-se: a) Ter, na data da publicação deste edital, 18 (dezoito) anos completos ou ser emancipado, estar na plenitude de sua capacidade civil e em pleno gozo de seus direitos sociais e não exercer cargo de Conselheiro ou de Diretor na COOPERFORTE, nem ser empregado da cooperativa. b) Não estar incurso nas restrições legais para o exercício de cargos diretivos em sociedades anônimas, conforme a Lei 6.404/76, Artigo 147. c) Não estar em falta no cumprimento de obrigações assumidas com a Cooperativa, nem lhe ter causado prejuízo. d) Estar enquadrado no nível de risco “AA” ou “A” de acordo com os critérios estabelecidos pela COOPERFORTE, com base na Resolução n° 2682 de 21/12/99 do Conselho Monetário Nacional. e) Residir, na data da publicação deste edital, na jurisdição da seccional pela qual está se candidatando. 4. O associado interessado em concorrer ao pleito deverá realizar sua inscrição on-line pelo site www.cooperforte.coop.br/ eleicao/inscricao utilizando seus dados na cooperativa para autenticação. Alternativamente, na impossibilidade de utilização da inscrição on-line, poderá inscrever-se preenchendo o Formulário de Inscrição constante do site e entregar a via original (ou remeter por via postal) à Comissão Geral de Eleições no endereço: SCS Quadra 9 Lote C Torre C 9º andar – Edifício Parque Cidade Corporate – Asa Sul – Brasília – DF CEP 70308-200. Simultaneamente, para segurança e como protocolo (somente na alternativa impressa), encaminhar também pelo fax nº (61) 2191-7159 ou pelo endereço eletrônico cge2013@ cooperforte.coop.br. 5. No processo eleitoral serão observados o horário oficial de Brasília/DF e o seguinte calendário: Cronograma de Atividades julho/ 2013- Janeiro/ 2014 PRAZOS

ETAPAS

01/07/2013

Publicação deste Edital de Convocação

02/07 a 31/07/2013

Inscrição dos candidatos (término às 17 horas do dia 31/07/2013)

02/07 a 09/08/2013

Análise dos pedidos de candidatura pela CGE

12/08/2013

Divulgação dos nomes dos candidatos inscritos

12/08 a 23/08/2013

Impugnação de candidaturas e recursos junto à Comissão Geral de Eleições (CGE)

12/08 a 30/08/2013

Julgamento das impugnações e recursos pela CGE

02/09/2013

Divulgação dos nomes dos candidatos aptos a serem votados

14/10 a 31/10/2013

Votação - início às 9 horas do dia 14/10/2013 - término às 17 horas do dia 31/10/2013

31/10/2013

Apuração dos votos pela CGE, após as 17 horas

31/10/2013

Divulgação do resultado da apuração

01/11 a 11/11/2013

Interposição de recursos sobre a apuração

04/11 a 22/11/2013

Exame e julgamento dos recursos sobre a apuração pela CGE

25/11 a 04/12/2013

Julgamento final, pelo Conselho de Administração, de assuntos relativos à nulidade do processo eleitoral

05/12/2013

Proclamação dos eleitos e divulgação do resultado final da eleição

01/01/2014

Início do mandato dos Delegados eleitos

6. A atribuição estatutária do Delegado é representar os associados nas Assembleias Gerais da Cooperativa. 7. Somente poderão votar associados admitidos até o dia da publicação deste edital e que na mesma data tenham, pelo menos, 16 (dezesseis) anos completos. 8. As instruções sobre o processo eleitoral serão divulgadas pela Comissão Geral de Eleições-CGE, por COMUNICADOS disponibilizados no site www.cooperforte.coop.br/eleicao, ou por correspondência especial. 9. Durante o período da eleição, serão disponibilizados no site www.cooperforte.coop.br/eleicao boletins diários de votação, totalizados por seccional. O resultado, por candidato, somente será divulgado após encerrada a votação, no referido site. 10. Os casos omissos serão resolvidos de conformidade com o artigo 20 do Regulamento de Eleições de Delegados. Brasília (DF), 27 de junho de 2013. JOSÉ VALDIR RIBEIRO DOS REIS Presidente


julho 2013

ELEIÇÃO DE DELEGADOS 2013 COMUNICADO CGE Nº 01, de 01/07/2013 A Comissão Geral de Eleições – CGE declara iniciado o processo eletivo para Delegados Seccionais da Cooperforte - mandato 01/01/2014 a 31/12/2017 - conforme Edital de Convocação publicado no Diário Oficial da União (01/07/2013) e disponibilizado no site www.cooperforte.coop.br/eleicao. Na condução do processo eleitoral serão observadas as orientações do Edital de Convocação, do Regulamento de Eleições de Delegados, disponíveis no site, demais legislações e normas pertinentes. A propósito, destaque-se os seguintes pontos:

INSCRIÇÃO E VOTAÇÃO

Nesta eleição, tanto para votar, quanto para candidatar-se, o associado utilizará seus dados cadastrados na Cooperforte. Em caso de dúvida ligue para a Central de Atendimento ao Cooperado (0800 701 3766 e 0800 61 3766).

PROPAGANDA ELEITORAL

A propaganda eleitoral caberá aos próprios candidatos, observados o Guia de Conduta Ética da Cooperforte, as orientações e normas de cada Instituição Financeira Pública Federal, do Banco Central do Brasil e das entidades parceiras, inclusive quanto ao trânsito interno e à afixação de cartazes.

FORNECIMENTO DE ETIQUETAS

O candidato poderá solicitar, uma única vez, acessando a ÁREA DO CANDIDATO, no site www.cooperforte.coop.br/eleicao, um jogo de etiquetas autoadesivas de associados por ele selecionados, para uso exclusivo na campanha.

VOTAÇÃO

A votação ocorrerá das 09 horas do dia 14/10/2013 às 17 horas do dia 31/10/2013, horário de Brasília/DF, e será realizada pelo site www.cooperforte.coop.br/eleicao ou pelo telefone 0800 a ser oportunamente divulgado.

QUANTIDADE DE VAGAS

Serão eleitos 30 Delegados, assim distribuídos: SECCIONAIS

VAGAS

SECCIONAIS

VAGAS

SECCIONAIS

VAGAS

AC-AM-RO-RR

1

MA-PI

1

RJ – Interior

1

AL-SE

1

MG-Capital

1

RS – Capital

1

AP-PA

1

MG-Interior-ES

2

RS – Interior

1

BA - Capital

1

MS-MT

1

SC

1

BA - Interior

1

PB-RN

1

SP – Capital

2

CE

1

PE

1

SP – Interior

3

DF

4

PR

1

GO-TO

1

RJ-Capital

2

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

Informações adicionais podem ser obtidas junto à CGE pelo telefone (61) 2191-7154; fax (61) 21917159 e e-mail cge2013@cooperforte.coop.br. O horário de atendimento da Comissão Geral de Eleições – CGE é das 9 às 12 horas e das 14 às 17 horas, nos dias úteis. A COMISSÃO

7


8

Jornal Cooperforte nº64

DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS / 2013 janeiro ATIVO CIRCULANTE Disponibilidades Aplicações Interfinanceiras de Liquidez Títulos e Valores Mobiliários Relações Interfinanceiras Operações de Crédito Outros Créditos Outros Valores e Bens NÃO CIRCULANTE Realizável a Longo Prazo Operações de Crédito Outros Créditos Permanente Investimentos Imobilizado Diferido TOTAL DO ATIVO PASSIVO CIRCULANTE Depósitos Obrigações p/ Empréstimos e Repasses Outras Obrigações NÃO CIRCULANTE Exigível a Longo Prazo Outras Obrigações PATRIMÔNIO LÍQUIDO Capital Social Reservas Sobras Acumuladas TOTAL DO PASSIVO DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO Receitas da Intermediação Financeira Despesas da Intermediação Financeira RESULTADO BRUTO INTERMEDIAÇÃO FINANCEIRA Outras Receitas/Despesas Operacionais Ingresso de Depósitos Intercooperativos Outras Receitas Operacionais Despesas de Pessoal Despesas Administrativas Despesas Tributárias Outras Despesas Operacionais RESULTADO OPERACIONAL Resultado Não Operacional Despesas de Juros ao Capital RESULTADO NO MÊS

(R$ MIL)

Balancetes fevereiro março

abril

576.021 4 18.846 265.219 4.907 286.131 713 201 636.297 619.662 617.537 2.125 16.635 7.806 8.794 35 1.212.318

596.227 13 18.938 280.558 5.124 290.667 736 191 639.859 623.014 620.885 2.129 16.845 7.841 8.973 31 1.236.086

609.133 84 19.042 290.558 5.123 293.295 775 181 640.094 623.282 621.544 1.738 16.812 7.876 8.910 26 1.249.227

612.644 40 18.254 297.069 8.089 287.760 1.261 171 646.192 628.740 627.002 1.738 17.452 8.534 8.896 22 1.258.836

935.200 870.582 2.128 62.490 249 249 249 276.869 164.573 108.509 3.787 1.212.318 janeiro 16.553 (7.696) 8.857 (4.100) 33 1 (1.956) (1.657) (11) (510) 4.757 (20) (950) 3.787

953.576 886.902 2.140 64.534 341 341 341 282.169 165.925 108.509 7.735 1.236.086 fevereiro 16.069 (7.055) 9.014 (4.111) 28 – (2.036) (1.590) (13) (500) 4.903 – (955) 3.948

961.520 896.771 2.153 62.596 341 341 341 287.366 166.839 108.509 12.018 1.249.227 março 16.822 (7.468) 9.354 (4.108) 30 31 (2.045) (1.597) (11) (516) 5.246 (1) (962) 4.283

946.559 918.159 2.165 26.235 341 341 341 311.936 179.879 115.509 16.548 1.258.836 abril 17.004 (7.502) 9.502 (3.934) 35 295 (2.083) (1.645) (11) (525) 5.568 (85) (953) 4.530

DIRETORIA EXECUTIVA José Valdir Ribeiro dos Reis (Presidente), Kédson Pereira Macêdo e Josué Martins Neto (Diretores). GERÊNCIA DE ADM. , FIN. E CONTABILIDADE Ardêmio João Brixner (Gerente) e Laércio Zipperer Villalba (Contador) (CRC DF 7386)

OUTRAS INFORMAÇÕES QUADRO SOCIAL Associados

janeiro 119.833

MODALIDADE

% AA-A

fevereiro 120.194

março 120.658

EMPRÉSTIMOS COOPERFORTE – TAXAS JUNHO / 2013 MODALIDADE % MODALIDADE B-H AA-A B-H

abril 121.014

% AA-A

B-H

Forte 60

1,5900

1,7900

Forte 24

1,3900

1,5900

Forte Rápido

1,5900

Forte 48

1,5900

1,7900

Forte 12

1,0900

1,2900

Forte 13º

1,7900

1,9900

Forte 36

1,4900

1,6900

Forte 6

0,7500

0,9500

Forte Mais Previ

1,5900

1,7900

TR JUNHO: 0,0000%


julho 2013

MODERNIDADE

Compras coletivas:

“Um mais um é sempre mais que dois” * Individualismo. Competitividade. Para muitos, estas são características ásperas e marcantes de nosso tempo, principalmente nas grandes corporações e nos maiores centros urbanos. Mas por outro lado, talvez seja em resposta a estas posturas que as filosofias cooperativista e colaborativa a cada dia mais se expandem, mais ganham força e se materializam em muitas formas. Compras em grupo, por exemplo. Este é o meio que muitas pessoas têm encontrado para adquirir, com economia, os produtos e serviços de que necessitam. De alimentos a materiais escolares. De materiais de construção a serviços de TV a cabo e adesão a clubes, entre muitos outros. A união pelo objetivo comum faz aumentar a quantidade ou o volume do que precisa ser adquirido ou contratado e isto pode facilitar bastante a negociação, de preços mais econômicos. No Brasil, o número de pessoas que se beneficiam da economia proporcionada pelas compras em grupo é bem maior do que se imagina. Segundo recente pesquisa do Instituto Data Popular, 2,5 milhões de brasileiros se unem para, coletivamente, realizar compras em comum. A mesma pesquisa identificou que, em relação a material escolar, 16% das famílias de classe C e 10% das famílias das classes A e B utilizam esta alternativa. Como se vê, não é apenas no ambiente virtual que as compras coletivas são vantajosas. Também no universo real, quando se compra em grupo, é possível conseguir bons descontos. Pensando nisto, que tal verificar em seu círculo de relacionamento (família, amigos, colegas de trabalho e vizinhos) quais necessidades são comuns e podem ser solucionadas por meio de compras colaborativas? Com certeza, este negócio pode trazer economia para todos!

* Beto Guedes, em O Sal da Terra

9


COOPERFORTE julho 2013 – nº 64

1.09.003.1

jornal

Mala Direta Postal

9912245459-DR/BSB

Cooperforte

COOPERANDO COM O PLANETA

Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Funcionários de Instituições Financeiras Públicas Federais Ltda. SCS – Quadra 9 – Torre C 9º Andar – Ed. Parque Cidade Corporate CEP: 70308-900 – Brasília / DF

Sustentabilidade: criança que aprende, também ensina! Não é raro vermos crianças, em idade escolar, repreender adultos que cometem deslizes prejudiciais ao meio ambiente, à cidadania e até à ética. Isto porque, apesar da pouca idade, mas tendo aprendido na escola a importância de respeitar o próximo e o planeta, elas esperam dos mais velhos coerência e atitudes sustentáveis. Uma boa forma de colaborar para a conscientização infantil sobre estes assuntos é incluí-los nas conversas domésticas e mantê-los sempre em pauta. A seção Meu Planetinha, do portal Planeta Sustentável, pode ser muito útil neste sentido e, inclusive, recomenda a leitura de 33 livros pela garotada, entre os quais: A galinha que sabia ler – Uma galinha que vive entre livros ajuda um menino a cuidar dos rios e das florestas. Chapeuzinho vermelho e o lobo-guará – Nada de floresta nem lobo-mau. A vovó mora no cerrado, vizinha de um lobo-guará, amigo de Chapeuzinho Vemelho e louco por frutas. A felicidade das borboletas – Quem conta sua estória é uma bailarina cega, que enxerga com o coração. Deste modo, ela vence obstáculos e conquista seu sonho. Filhote de Cruz-Credo – Apelidos feios entristecem qualquer criança. Mas o menino Fabrício driblou legal esta situação e tornou-se o mais querido da escola. Sidney e Norman – Estória de dois porcos: Sem lobo por perto, dois porquinhos estão às voltas com um problema: manter saudável o relacionamento com os outros e com eles mesmos. A aventura de uma garrafa – Qual o destino de uma garrafa de vidro jogada fora? Para onde ela vai, por onde ela passa, o que ela vê, qual pode ser seu final? A semente da verdade – Um imperador, um avô e um menino que ama plantas não desprezam a ética nem a honestidade, mesmo quando o mundo está pelo avesso.

POSTOS DE ATENDIMENTO Brasília SCS – Quadra 2 – Bloco A – Térreo Edifício Casa de São Paulo (61) 3226-9727 / fax (61) 3225-2632 Belo Horizonte Rua Rio de Janeiro 750 – 7º andar (31) 3217 3362 / fax (31) 32173085 Porto Alegre Rua Uruguai 300 – 3º andar (51) 3224 2944 / fone/fax (51) 3224 2883 Rio de Janeiro Av. Nilo Peçanha 50, sala 1.612 – Ed. De Paoli (21) 2104 0953 / fax (21) 2220 0171 São Paulo Av. S. João 32 – 11º andar (11) 3106 6969 / fax (11) 3104 1679 DIRETORIA EXECUTIVA Presidente José Valdir Ribeiro dos Reis Diretores Josué Martins Neto Kedson Pereira Macedo CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Presidente José Valdir Ribeiro dos Reis Conselheiros Carlos de Araújo Barreto Francisco Legat Neto Hermas Renan Rodrigues Josebel Florêncio de Amorim Paulo Rochadel Lima Romildo Gouveia Pinto CONSELHO FISCAL Benedito Carlos Florêncio Silva Haroldo do Rosário Vieira Moysés Aparecido Berndt JORNALISTA RESPONSÁVEL Antonio Emilio da Costa MTb 5.200/83 – DRT/DF DESIGN GRÁFICO In Press Porter Novelli TIRAGEM 75.000 exemplares A Cooperforte, ciente de suas responsabilidades ambientais, utiliza papéis com certificação FSC (Forest Steawardship Council) na impressão deste material. Tal certificação garante que a matéria prima proveio e foi produzida de modo ecologicamente correto, socialmente justo e economicamente viável. Impresso na Gráfica Coronário, certificada na Cadeia de Custódia FSC. CONTATOS www.cooperforte.coop.br faleconosco@cooperforte.coop.br 0800 701 3766 0800 61 3766 fax (61) 2106 7260 Ouvidoria 0800 701 3766 opção 4 SAC 0800 701 3766 opção 3


6688d53299a734cb07b8e7d7449e2ccba65eaae7