__MAIN_TEXT__

Page 1

COOPERJORNAL | Julho 2015

1


EDITORIAL

EXPEDIENTE:

Palavra do Presidente

Amigo cooperado,

Em 2013 começamos a utilizar o slogan “A força do cooperado está aqui”, uma frase simples e que resume bem o papel que nos comprometemos a cumprir: oferecer produtos e serviços inovadores, que aprimorem a produção dos cooperados e contribuam para o desenvolvimento sustentável de sua produção. Temos trabalhado arduamente em busca de parcerias, projetos e bons negócios para que todos os associados da Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce vejam na produção leiteira um negócio rentável e promissor, para que se sintam seguros e fortalecidos frente às instabilidades do mercado lácteo. A crise que Brasil e outros países estão passando atualmente está em praticamente todos os setores da economia. Em nosso país o do agronegócio está tendo menos impacto, mas também está sendo afetado e vivemos num período de incertezas. Este é o momento em que a frase “Juntos somos mais fortes” se faz ainda mais adequada. E é nisso que somos diferentes das outras empresas. A nossa Cooperativa vai muito além da remuneração pelo leite, pois, aqui nós realmente somos a força do cooperado em todos os sentidos. Em tempos de crise a única coisa certa é que devemos mudar a qualquer custo. Uma boa metáfora para esta situação é tirar o S da palavra crise, e trabalhar em um novo horizonte de trabalho, dessa vez com a palavra CRIE. Criar oportunidades para alavancar nossos negócios e superar crises. Quando dizemos que a força do cooperado está aqui é porque ela está em todas as ferramentas que oferecemos aos cooperados, para criar, inovar e buscar um novo horizonte de trabalho na pecuária leiteira. A força está nos projetos e ações do Departamento de Campo, que proporciona o que existe de mais avançado para nosso rebanho e nossas plantações. Está nos projetos de educação que levam para o campo conhecimento e informação. A força do cooperado também está no Armazém da Cooperativa, que busca cotidianamente os melhores preços e métodos de entrega para facilitar o trabalho nas fazendas, sejam elas perto ou distantes de Valadares. Também fortalecemos os cooperados por meio dos nossos eventos, leilões, concursos leiteiros, feiras e exposições, que disseminam o que temos de melhor em genética e tecnologia. Acima de tudo a força está em sermos juntos os verdadeiros donos da Cooperativa. Juntos e fortalecidos sofreremos bem menos o impacto desta crise.

Sumário

Saudações cooperativistas!

2

COOPERJORNAL | Julho 2015

Conselho Administrativo Antônio Carlos Brandão Edson Constantino Ramos Fernando Antônio Ferreira Geraldo Antônio Birro Costa Guilherme Olinto Abreu Lima Resende João Marques Pereira Neto Mário Dias Leão Elias de Oliveira Alves Maurício Francisco de Souza Diretoria Executiva Guilherme Olinto Abreu Lima Resende Diretor-presidente João Marques Pereira Neto Vice-presidente Conselho Fiscal Ademar Feliciano Leite Gabriel Martins Neto José Barreto Lopes Marcos Leite Costa Orlando Pereira Mendes Turíbio Alves Modesto Edição Departamento de Comunicação e Eventos Juliana Rangel – 0018497/MG Textos Juliana Rangel Fotos Arquivo Cooperativa Ramalho Dias Colaboração Técnica Gilmar Oliveira (Gerente Geral) Pedro Repossi Júnior (Médico Veterinário) Roberto O. Costa Filho (Eng. Agrônomo) Marciano de Jesus (Educador Cooperativista) Projeto Gráfico e Diagramação Pop Comunicação Inteligente Tiragem – 2.500 exemplares Impressão – Gráfica Nacional

Rua João Dias Duarte, 1371/1395 Bairro São Paulo – 35030-220 Governador Valadares – MG Fone: (33) 3202-8300 cooperativagv@gmailcom


A força do cooperado está aqui ASSISTÊNCIA TÉCNICA Em 2009 a Cooperativa lançou o PDSCPL (Programa de Desenvolvimento da Cadeia Produtiva do Leite) que regimentou o atendimento técnico do Departamento de Campo aos cooperados. De acordo com o programa, cada cooperado tem direito a duas visitas anuais de um médico veterinário, que são pagas pela Cooperativa. Caso precise de mais visitas o cooperado as solicita à Cooperativa, e paga um valor diferenciado do mercado. Assim, a Cooperativa conta com uma equipe técnica composta por veterinários, engenheiro agrônomo e técnicos agrícolas que atendem às demandas dos Cooperados. Somente em 2014 foram realizados por meio da Cooperativa 1.618 atendimentos veterinários via PDSCPL, foram feitas 22.541 avaliações reprodutivas e 8.994 vacinações contra brucelose. Além disso, houve 54 visitas feitas pelo engenheiro agrônomo e 38 projetos de irrigação entregues.

Acredito que a assistência técnica que a Cooperativa oferece é um grande diferencial, um dos pontos fortes da instituição. Posso solicitar duas visitas anuais, que são subsidiadas pela Cooperativa, e as outras eu pago, mas ainda com um valor melhor que o do mercado. Isso é muito bom e nos acostuma a contar sempre com este apoio. Os veterinários que me atendem são muito bons e cuidam de todo o rebanho, principalmente da parte reprodutiva. Nunca precisei buscar atendimento veterinário fora da Cooperativa.” Maria José Augusto Andrade Vilela - Gov. Valadares

BÔNUS A Cooperativa tem um grande diferencial de outras corporações: aqui o verdadeiro dono é o Cooperado. O objetivo não é o lucro da empresa, mas sim a melhor remuneração do Cooperado e a melhoria na qualidade de vida da família cooperativista. Toda a sobra que a instituição contabiliza é distribuída proporcionalmente a todos os cooperados. Todo cooperado que foi fiel à Cooperativa em 2014 e forneceu seu leite ininterruptamente entre os meses de janeiro e novembro recebeu em dezembro de 2014 o Bônus Fidelidade, referente à 30% da média de leite fornecida neste período. O valor total distribuído foi

de R$ 1.762.190,00 (um milhão, setecentos e sessenta e dois mil, cento e noventa reais). Em 2014 as sobras do Armazém foram de R$ 278.517,00 (duzentos e setenta e oito mil, quinhentos e dezessete reais). O Conselho deliberou que essa sobra, somada à reserva de investimento e desenvolvimento no valor de R$ 278.517,00 (duzentos e setenta e oito mil, quinhentos e dezessete reais), seja distribuída proporcionalmente em forma de ração, entre os cooperados que compraram no Armazém durante 2014, totalizando uma distribuição de R$ 557.034,00 (quinhentos e cinquenta e sete mil e trinta e quatro reais). COOPERJORNAL | Julho 2015

3


A FORÇA DO COOPERADO ESTÁ AQUI

CRÊ$ER LEITE – EDUCAMPO

Dia de Campo realizado com o primeiro grupo do Educampo

Este projeto da Cooperativa oferece todo o apoio técnico para a utilização de recursos da própria propriedade, dentro da realidade econômica de cada cooperado, sem grandes investimentos, de forma otimizada, por meio de um atendimento diferenciado realizado pelo técnico do Departamento de Campo da Cooperativa. Em 2014 a Cooperativa uniu o projeto Crê$er Leite ao projeto Educampo, do Sebrae, com o objetivo de acompanhar e orientar o cooperado através da capacitação gerencial e tecnológica, para melhorar a propriedade e a capacidade de produção. O projeto funciona por meio de uma consultoria baseada em diagnósticos, cálculos de custos, treinamentos, palestras, reuniões técnicas, visitas periódicas e atividades complementares em sua propriedade, para aplicar as técnicas que têm como foco o aumento da produtividade, controle de custos e sustentabilidade da atividade leiteira.

CRÊ$ER GENÉTICA - IATF | FIV É um projeto que moderniza a atividade leiteira e garante a qualidade de vida para a família cooperativista. Utilizando recursos da própria Cooperativa e subsídios de parceiros, o cooperado tem a oportunidade de melhorar a qualidade genética do seu rebanho, seja ele pequeno, médio ou grande, com um atendimento diferenciado realizado pelo técnicos do Departamento de Campo da Cooperativa. O projeto começou incentivando os cooperados a investir em Inseminação Artificial, logo avançou e passou à Inseminação Artificial em Tempo Fixo (IATF). Em 2014 a Cooperativa deu um passo ainda maior: lançou o programa de FIV (Fertilização In Vitro) dentro do Crê$er Genética e agora oferece a todos os cooperados o que existe de mais avançado em genética bovina em todo o país. A FIV uma técnica de reprodução que tem como objetivo obter pré-embriões de boa qualidade que serão transferidos, posteriormente, para a cavidade uterina. Esta técnica permite que se obtenha o melhor material genético dos pais, resultando em um embrião já sexado de alta qualidade. Além disso, controlando a reprodução do rebanho, o cooperado consegue diminuir o intervalo entre partos, e assim melhorar a produção. 4

COOPERJORNAL | Julho 2015

Participo do projeto Crê$er Leite - Educampo desde que ele foi lançado, em abril de 2014, e desde então venho tendo uma melhora significativa na produção da minha propriedade. O projeto me oferece orientações muito importantes, tanto na parte de gestão quanto na parte técnica, e isso tem me permitido um avanço muito grande em um curto espaço de tempo. Em apenas um ano consegui sair de uma produção de 250 litros/dia para 550. A produção média de vacas também melhorou bastante: antes eram 7,5 litros e passou para 11 litros. É um projeto muito bom e que é feito para quem quer crescer.”

Eu já participava do projeto Crê$er Genética da Cooperativa fazendo IATF nas minhas vacas, e já contabilizava bons resultados. Logo que soube que o projeto estava avançando e passaria a oferecer também a tecnologia de FIV, resolvi participar e estou muito satisfeito. Algumas bezerras, frutos das primeiras rodadas, já nasceram e já conseguimos perceber um animal diferenciado, o que é muito importante para nós que produzimos leite. O apoio da Cooperativa é fundamental tanto em preço e condições de pagamento como também em orientações técnicas. Estou muito satisfeito e certo de que vou participar das próximas rodadas.” Milton Vicente Lopes Barreto – Tarumirim

Elias de Oliveira Alves - Itabirinha


A FORÇA DO COOPERADO ESTÁ AQUI

CRÊ$ER CRIA E RECRIA DE BEZERRAS O Crê$er Cria e Recria de Bezerras Leiteiras orienta e acompanha todo o manejo, desde o nascimento até a fase adulta, para que as bezerras cresçam com o maior potencial, para destacarem em produção de leite. Com a implantação do programa de FIV, o manejo adequado das bezerras se faz ainda mais importante. São animais de alto padrão, filhos de vacas selecionadas e com a utilização de sêmen sexado, animais altamente produtivos, obtendo em três anos o que com outras técnicas levariam até 15 anos para atingir.

CRÊ$ER IRRIGAÇÃO

O Crê$er irrigação é um projeto novo e lançado em 2014 pela Cooperativa. Seu objetivo é ser um suporte ao projeto de melhoramento genético, uma vez que a alimentação adequada é fundamental para que os animais alto padrão genético expressem os potenciais de produção e reprodução. Os cooperados são atendidos pelo engenheiro agrônomo da Cooperativa que cria o projeto e orienta quanto à irrigação adequada, de acordo com o plantio e o terreno.

Hoje precisamos produzir mais e num menor espaço de terras. Então, utilizar a tecnologia é fundamental; sem ela não iremos a lugar algum. Fiz o projeto de irrigação com o engenheiro agrônomo da Cooperativa, e, mesmo sendo numa área pequena, estou tendo um retorno bastante satisfatório. Paula Januária Lopes (esposa do cooperado Nilton Borges) - Periquito

CRÊ$ER EDUCAÇÃO

É a compilação de todas as ações da Cooperativa voltadas para a Educação. O Centro de Formação do Cooperado, a Universidade do Leite, as Tardes de Campo, palestras e todas as atividades são realizadas com o objetivo de oferecer conhecimento e capacitação para melhorar a atuação de cooperados, seus funcionários e colaboradores da Cooperativa na cadeia produtiva do leite.

Eu e meu marido, que é cooperado, participamos dos Centros de Formação do Cooperado que aconteceram na Embrapa em Coronel Pacheco e também em Manhuaçu. Estamos sempre em busca de informação e conhecimento para conseguir trabalhar com qualidade e nos manter na atividade leiteira. Agora estamos participando da Universidade do Leite, que está sendo excelente e já tem nos permitido aplicar na fazenda conhecimentos que adquirimos nas aulas. Turíbio Modesto - Santa Maria do Suaçuí

COOPERJORNAL | Julho 2015

5


A FORÇA DO COOPERADO ESTÁ AQUI

COMITÊ EDUCATIVO Fundado em outubro de 1981 o Comitê Educativo da Cooperativa é considerado o primeiro do Estado. Divididos em 34 comunidades, os 1400 cooperados recebem a visita do educador cooperativista bimestralmente, para tratar de assuntos técnicos da produção de leite e questões administrativas da Cooperativa. Em toda a sua trajetória, o Comitê Educativo vem participando ativamente em decisões importantes.

Além das reuniões nas comunidades em toda primeira segunda-feira do mês é realizada uma reunião na sede da Cooperativa com todos os líderes das 34 comunidades. Nessa reunião, sempre com a presença da diretoria e membros dos conselhos de Administração e Fiscal, as lideranças têm a oportunidade de tratar dos assuntos solicitados pelos membros de suas comunidades.

O comitê é muito importante porque é uma verdadeira escola de cooperativismo. As lideranças têm a oportunidade de levar aos gestores da Cooperativa as reinvindicações dos cooperados, bem como de levar para a comunidade as informações da Cooperativa. Assim, todos os cooperados ficam sempre atualizados e participam das decisões da Cooperativa. Francisco Pires (coordenador do Comitê Educativo) - Coroaci

ARMAZÉM O Armazém implantou em 2014 um sistema otimizado de logística que garante entrega agendada com eficiência e agilidade em todos os 57 municípios de atuação da Cooperativa. As regiões são divididas por leste, oeste, norte e sul. Assim, o cooperado pode comprar por telefone ou e-mail e a compra é entregue com data marcada em sua fazenda, sem que ele tenha que se deslocar a Governador Valadares. Além disso, a cada ano o Armazém da Cooperativa se torna mais forte, aumenta as vendas e consegue proporcionar mais produtos a um preço melhor a todos os cooperados e clientes.

IBITURUNA Em 2014 a marca Ibituruna foi readquirida pela Cooperativa e voltou a pertencer e integrar o patrimônio de todos os cooperados. A marca traz de volta a identidade que toda a região tem com ela, que foi criada há décadas pela Cooperativa.

6

COOPERJORNAL | Julho 2015

Ter a marca Ibituruna de volta é um orgulho para a família da Cooperativa e para toda a região de Valadares.”

Guilherme Olinto Resende - presidente da Cooperativa


Fazenda de cooperado é destaque na 81ª Expozebu

Vaca Nicarágua JF grande campeã do Concurso Leiteiro – Expozebu 2015, na categoria Guzerá PO Vaca Adulta

Entre os dias 3 e 6 de maio aconteceu em Uberaba, dentro da 81ª Expozebu, o tradicional concurso leiteiro das raças zebuínas, e a Fazenda Ygarapés, do cooperado Mica Figueirêdo, foi destaque, sendo mais uma vez campeã nas principais categorias. A Fazenda Ygarapés vence, novamente, duas das três categorias existentes. Na categoria Vaca Adulta, Nicarágua JF foi a grande campeã, alcançando o pico de 46,800kg e a média de 44,400kg. Na categoria Vaca Jovem, Palerma FIV JF foi a grande campeã da categoria, produzindo a média de 31,10kg. Em 2014 a Fazenda Ygarapés também teve muito destaque: não só venceu as duas categorias, mas também bateu recorde de produção com a vaca Manacá JF, primeira vaca da raça a ultrapassar os 50kg de produção/ dia (conforme foi noticiado na época aqui no Cooperjornal). No período da Expozebu deste ano a fazenda, mesmo sendo distante da região do Triângulo Mineiro, foi visitada por excursões internacionais. O primeiro grupo, coordenado pelo Sr. Álvaro Restrepo Castilho Y Olga Restrepo, era formado por venezuelanos e colombianos produtores rurais, técnicos e também pelo proprietário

da Embrioven, Sr. Gerardo Rumbos, que afirmou conhecer a genética JF, tendo adquirido embriões de Brida JF. Na visita ao escritório da fazenda, conheceu e fotografou as avós da Brida, Madona JF, primeira vaca JF a participar e vencer um concurso da raça, e a primeira recordista, Nuvem JF. Em outro dia, o grupo de Álvaro Velasquez Mejia, composto por criadores de guzerá da Colômbia, também tinha selecionadores donos de animais JF. Segundo Velasquez, o grupo representava os produtores rurais de seu país, que atualmente se organizam em torno de um trabalho em prol do guzerá, promovendo dias de campo, seminários e outros eventos que promovem não só a raça, mas os seus cruzamentos, sobretudo o guzolando. O conhecido guzerá JF tem nos seus 57 anos de seleção muita história para contar! Muitos recordes, muitos desafios vividos, muita persistência, trabalho e determinação marcam essa trajetória, iniciada em 1958 pelo pecuarista José Transfiguração Figueirêdo, pai de Mica Figueirêdo, falecido no dia 6 de maio, aos 88 anos.

COOPERJORNAL | Julho 2015

7


Cooperativa participa da 46ª Expoagro GV

Entre os dias 9 e 19 de julho acontece a 46ª Exposição Agropecuária de Governador Valadares no Parque de Exposições José Tavares Pereira. A Cooperativa tem uma participação tradicional na feira. Confira nossa programação

CONCURSO LEITEIRO A 38ª edição do Concurso Leiteiro da Cooperativa acontece entre os dias 15 e 19 de julho, durante a 46ª Expoagro. Esse é o evento mais tradicional da Cooperativa, tem uma importância histórica na produção de leite no leste de Minas e vem incentivando o investimento em animais de alta produtividade. As vacas e novilhas que participam do concurso são sempre de alto padrão genético e chegam a produzir mais de sessenta quilos de leite por dia. Serão disputadas cinco categorias: Acima de 50Kg Até 49,999Kg Novilha Gordura Cria da Fazenda

ESGOTA 15/7 ÀS 22H

16/7 – 6H, 14H E 22H ORDENHAS 17/7 – 6H, 14H E 22H 18/7 – 6H, 14H E 22H

ENCERRAMENTO 19/7 ÀS 12H

LEILÃO DAS MARAVILHAS Em 2012 a Cooperativa lançou o Leilão Maravilhas do Leite, com o grande diferencial de levar a arremate todas as 24 vacas e novilhas que participam do Concurso Leiteiro. Uma grande oportunidade para quem quer melhorar o rebanho, e adquirir os animais de alto padrão genético e com maior potencial de produção leiteira da região. Este ano será realizada a 4ª edição do Maravilhas do Leite, que vem sendo muito bem recebido pelos cooperados e produtores rurais do leste de Minas. O leilão acontece no dia 19 de julho às 13h, logo após o término da premiação do 38º Concurso Leiteiro.

PROJETO CRÊ$ER GENÉTICA Em 2014, a Cooperativa deu um novo passo no projeto Crê$er Genética e passou a oferecer, além da IATF (Inseminação Artificial em Tempo Fixo), a tecnologia de FIV (Fertilização In Vitro). Em janeiro de 2015 as primeiras bezerras frutos da FIV começaram a nascer e já demonstram o sucesso do procedimento. Para apresentar essas bezerras à comunidade, a Cooperativa vai realizar uma exposição de bezerras, que vai acontecer todos os dias da Expoagro, dentro do Galpão Leiteiro. 8

COOPERJORNAL | Julho 2015


COOPERATIVA PARTICIPA DA 46ª EXPOAGRO GV

UNIVERSIDADE DO LEITE

13/7

14/7

Módulo Teórico (turmas A e B)

Módulo prático

17h00 – Manejo de ordenha e Controle de Mastite

16H00 - TurmaS A EB

18h30 – Cases de Sucesso do Programa Leite Legal (Brasil/Regional)

14/7 19H00 - Palestra: “Rumos do agronegócio em nossa região e a importância da gestão como instrumento fundamental de sustentabilidade”, ministrada pelo representante de agronegócio do Sebrae, Rogério Nunes Fernandes.

ARMAZÉM Durante a Expoagro, a Cooperativa monta uma loja conceito do Armazém ao lado do Galpão Leiteiro. Nela ficam expostos os produtos que são vendidos nos Armazéns Matriz e Filial, para que todos que visitem a feira possam conhecer a qualidade que o Armazém oferece e também as facilidades de pagamento. Além disso, vários produtos ganham descontos especiais durante a Expoagro. Venha nos visitar e fazer bons negócios.

AGROPECUÁRIA NA ESCOLA Iniciado em 2010 por iniciativa da União Ruralista Rio Doce (URRD), o Agropecuária na Escola é um projeto sócio educativo, didático e cultural, que visa proporcionar a interação e a integração de crianças com a mostra de agropecuária, realizada durante a Expoagro. A Cooperativa apoia o projeto desde o seu início, sempre com muita preocupação em apresentar às crianças a cadeia produtiva do leite, para que elas conheçam melhor e valorizem o produto que consomem. O cooperativismo também é um tema abordado, sempre por meio de brincadeiras e dinâmicas. Entre os dias 13 e 17 de julho cerca de 500 crianças passarão pelo Galpão Leiteiro da Cooperativa, sempre às 8h da manhã, e serão recebidas pela diretoria e pelo educador cooperativista Marciano de Jesus para aprender sobre a origem do leite, o processo industrial para a produção dos derivados e os benefícios do seu consumo para a saúde.

COOPERJORNAL | Julho 2015

9


Décadas na Cooperativa

Em março e abril, quatro cooperados foram homenageados por estarem associados à Cooperativa há décadas, contabilizando vitórias e conquistas

No dia 19 de março, os conselheiros Ademar Feliciano Leite, Mário Dias Leão e Fernando Ferreira, juntamente com o vice-presidente da Cooperativa, João Marques, e do gerente de captação e logística, Héber Marques, foram até a propriedade do cooperado Ramiro Felipe Monteiro, em Marilac, para homenageá-lo

10

COOPERJORNAL | Julho 2015

por estar associado à Cooperativa há 40 anos. São décadas vivendo o cooperativismo e participando das ações promovidas pela Cooperativa. Já no dia 15 de abril o vice-presidente, João Marques, organizou uma Confraternização entre Amigos na propriedade dele, Fazenda Baixa do Bugre, em Marilac, para homenagear outros

três cooperados que também contabilizam décadas de associação à Cooperativa. O evento contou com a presença de muitos amigos, cooperados e autoridades, tudo num clima de descontração e alegria em comemorar tanto tempo partilhando o cooperativismo.


DÉCADAS NA COOPERATIVA

O cooperado Geraldo Dias Leão representando o cooperado Eustáquio Santos, que tem 41 anos de associação

Sr. José Dias Filho, 42 anos de associação

Sr. Moacir Batista Lage, 43 anos de associação COOPERJORNAL | Julho 2015

11


100 lotes de animais de excelência em genética e produtividade leiloados

16º Leilão é sucesso

A Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce realizou no dia 30 de maio o 16º Leilão de Vacas e Novilhas Leiteiras O evento confirmou sua tradição como um dos mais importantes eventos agropecuários da região e levou mais de mil pessoas, entre cooperados e produtores rurais em geral, ao Tattersal de Leilões do Parque de Exposições de Governador Valadares. Antes do início do leilão houve uma apresentação do trabalho de equoterapia que é oferecido de forma gratuita a crianças especiais. O presidente da Associação de Equoterapia para Deficientes do Leste de Minas, Sr. Geraldo Alcântara de Miranda, falou sobre o projeto, explicou que o trabalho é filantrópico é realizado por meio de doações. Em seguida uma corrente do bem

12

COOPERJORNAL | Julho 2015

tomou conta do Tattersal, Muitas pessoas fizeram suas doações e contribuíram para que o projeto se solidifique e fortaleça, podendo ajudar cada vez mais crianças. O leilão teve uma grande novidade este ano: a 1ª Feira de Touros. Durante todo o sábado, no dia do leilão, touros das raças Gir e Guzerá estiveram expostos nos currais do Parque de Exposições e puderam ser comprados nas mesmas condições do leilão, incluindo o financiamento a baixos juros oferecido pelo Sicoob Crediriodoce Foram vendidos 100 lotes de vacas e novilhas leiteiras e de acordo com o presidente da instituição, Guilherme Olinto Resende,

essa disseminação genética enriquece bastante o rebanho dos compradores. “Nosso leilão é sempre muito importante para a pecuária de leite do Vale do Rio Doce. Oferecemos animais com alta capacidade de produção, o que melhora bastante o rebanho de quem compra e consequentemente a rentabilidade da propriedade. Fazemos excelentes parcerias, e conseguimos oferecer as melhores condições de pagamento para os compradores”, afirma Resende. Ao fim do leilão foi sorteada uma moto 0km entre os todos os compradores presentes e quem ganhou foi o cooperado Agnaldo Pereira de Brito.


16º LEILÃO É SUCESSO

Os cooperados Maria José Augusta Andrade Vilela e Reginaldo Antônio Vilela participaram da 1ª Feira de Touros levando animais da raça Gir

Cooperado Geraldo Birro sempre participa do Leilão com animais de excelência genética e alta produtividade

Mais de mil pessoas passaram pelo Tattersal de Leilões

O comprador Agnaldo Pereira de Brito levou pra casa uma moto 0km COOPERJORNAL | Julho 2015

13


ABRIL SUELI SANGIORGIO KÁTIA CILENE PERPÉTUO ALVES LOPES ALTAMIRO OLÍMPIO DE SOUZA ANDRÉ DOS REIS MILLER MARTA BARBOSA DE SOUZA RODRIGUES ANTÔNIO ELIAS VOILANTE JOSÉ ELIAS HESPANHOL MATEUS TOM HESPANHOL OMAR DA SILVA CAMELO EDIVALDO AIRES DOS SANTOS JOÃO PAULO DA SILVA DOMINGOS DE SOUZA SERPA SÉRGIO SOAVE PEREIRA MAURO SELIO DE OLIVEIRA NAIR ELGITA DE OLIVEIRA EULER FERNANDES JÚNIOR JOSÉ MEDEIROS RODRIGUES WESLEY CARDOSO DOS SANTOS JOSIANE PISKE IANCKEN JUBERTO ELIAS QUINUP

GERALDO AMARAL DE OLIVEIRA RAFAEL PEREIRA EMERICK ANTÔNIO NICOLI FERNANDO BOSSANELI LUCIANO NICOLI VICTOR TISSIANEL NICOLI ISAÍAS SOARES DE OLIVEIRA VICENTE PIPPER ÁUREA ALVES DE SOUSA GEER JAQUES FERREIRA JOÃO PEDRO ALVES CACIQUE JOÃO NETO JURANDIR ALVES DE NEIVA JOSÉ FLORENCIO CHAVES LEANDRO TIMM LUIZ PEREIRA DO CARMO NERCI ALVES MOZER DE MEDEIROS PERLY ANTÔNIO DAROS SARNAGLIA FRANCISCO CARDOSO RIBEIRO ELIAS GODOY NOGUEIRA

MAIO VILMAR RIBEIRO DE SOUZA RAFAEL MUNIZ MOTA ELIAS RODRIGUES SOBRINHO MAGALHÃES DE SOUZA SERPA JOSÉ VENÂNCIO BACELAR GIL CLEBER GOMES MOURA GILVANO GONÇALVES XAVIER LUZIA CARDOSO DIAS DE OLIVEIRA LUIZ CARLOS FERREIRA MILTON JOSÉ GARCIA ERIELSON MUNIZ MOTA LUIZ CARLOS RODRIGUES DE FREITAS ERLETE VITOR LESSA KIVIAEMBERG CORREA PARENTE GERSON PEREIRA ARRUDA ORZILINA SILVESTRE DE SOUZA ALEXAndré LUIZ CABRAL DE OLIVEIRA 14

COOPERJORNAL | Julho 2015

A cooperativa deseja felicidade a todos os novos cooperados. JUNHO GERALDO BICALHO RABELO ELZA AMARAL OLIVEIRA MANOEL RODRIGUES DE MELO AMAURILDO ABELHA DA COSTA HELENIDE RODRIGUES MASCARENHAS DE PAULA EDSON LOUBACK GUILHERME DE ALMEIDA RODRIGUES GILSON LUIZ DOS SANTOS MARLI PEREIRA DE BRITO GILMAR MARTINS MAULAZ ALEXSANDRO DE OLIVEIRA MORAIS JUAREZ TEIXEIRA DA SILVA SINVAL DE SOUZA MEDRADO OTACÍLIO DE OLIVEIRA FILHO AMAURY HOTTIS RAMOS JOSÉ DE SOUZA BORGES PAULO CÉSAR PORTELA DIAS RAQUEL AVELINO DE FREITAS PAZ JOAQUIM GERALDO ZEFERINO DIEGO RIBEIRO INÁCIO MARCONI CHARLES TEIXEIRA VANDERLÉIA GARCIA DE ALMEIDA ASSOC. DOS PEQ. PROD. R.COR. IPANEMA E ADJACÊNCIAS


Cooperativa recebe cooperados da Veneza

O projeto Crê$er Genética – FIV da Cooperativa se transformou num modelo de difusão coletiva da tecnologia

No dia 18 de junho, um grupo de 16 cooperados da Cooperativa Veneza, de Nova Venécia – ES, veio a Governador Valadares em uma missão técnica, para conhecer a Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce e o projeto Crê$er Genética – FIV (Fertilização In Vitro), que é desenvolvido desde 2014. O grupo chegou e foi recebido no auditório da Cooperativa pelo presidente Guilherme Olinto, que apresentou o planejamento do projeto, os resultados que já foram alcançados, e contou um pouco da experiência que os cooperados estão tendo ao realizar a FIV. Em seguida, o grupo foi visitar a propriedade do presidente Olinto, que fica no município de Tumiritinga – MG, e depois seguiu para a propriedade do cooperado Dr. José Lucca, que fica em Valadares. Ambos participam do projeto de FIV desde a primeira rodada, e já contam com bezerras nascidas que já apresentam o avanço genético que o projeto proporciona. O vice-presidente da Veneza, Erik Zotelle Pagung, faz parte do grupo que visitou a Cooperativa e contou que ficou muito satisfeito com o que conheceram nesta visita. “Foi uma viagem de grande valia para nós. Estamos surpresos com a simplicidade na criação das bezerras. Nossos cooperados achavam a FIV uma tecnologia muito distante da realidade que têm em suas propriedades, mas aqui conseguimos ver que na verdade a FIV é uma técnica de avanço genético que pode, sim, ser implantada por nós. Queremos oferecer a FIV aos cooperados da Veneza, e vimos que a Cooperativa Agropecuária fez um trabalho muito eficiente em Valadares em região. Nosso objetivo é espelhar nesta cooperativa e oferecer também de forma coletiva essa tecnologia que é tão grandiosa,” explica Pagung.

COOPERJORNAL | Julho 2015

15


COMUNIDADE

Pontal/ Sta. Efigênia Itapinoã Sobrália S.G. da Piedade Bugre Cassimiro São José do Divino Jampruca Boa União Pingo D'água Periquito Mendes Pimentel VirgolÂndia Central de Minas Santa Efigênia de Minas Sabinópolis Alvarenga CAPITÃO ANDRADE

16

COOPERJORNAL | Julho 2015

LÍDERES José Ladislau de Sá Adalberto Correia de Almeida Clízio Eustáquio Pomaroli José Francisco de Souza Waldemar Camilo da Silva Roberto Carlos da Silva Vanderlei José da Costa Manoel Botelho da Costa Francisco Pires Neto Marina das Dores Ferreira José Vidal da Silva Danilo Andrade de Figueiredo João Mendes Soares Lúcio Alves Pereira

Elias de Oliveira Alves AntÔnio Rangel Correa Osni de Souza Braganca Ricardo Alves dos Santos Percinio Agustinho Neto Dirceu Maria do Carmo Leite Brandão Carlos José Rodrigues Agnaldo Pereira de Brito Paulo Dias Bragança Thiago Soares Mortimer José Divino da Fonseca Euclides Ferreira Neto Helio Ferreira dos Santos JosÉ Martiniano de Oliveira

COMUNIDADE

Itaúna (Tumiritinga) Vila São Bernardo Tarumirim Golconda Central de Sta. Helena Cór. Dos Prazeres Nacip Raydan Poaia Marilac Beija- Flor Fernandes Tourinho Coroaci Cuparaque KRENAC

LÍDERES José Luiz Teixeira José Antônio Neto OtacÍlio Nunes da Silva Marcílio dos Santos Silva Carlos Frederico R. Gomes Vicente Lopes Filho Adair Soares dos Anjos Valdir Andrade Gersoney Ruela de Oliveira Vagner Martins Andrade Maria Nildéia Pereira Mário Ribeiro de Freitas Divino Luiz Augusto Verdi Ferreira Turíbio Alves Modesto Marcos Leite Costa Pedro Chaves de Souza José Lopes Barreto Gabriel Martins Neto Marcos Antônio de Almeida Ademar Martins Sampáio Eneias Lelis Ferreira Amilton Caio de Figueiredo Ronaldo Balbino Nunes José Alves Douglas Bezerra Adilson Leomir Cecílio de Souza


Fique por dentro e participe dos eventos da Cooperativa JULHO 1 COMITÊ EDUCATIVO – SEDE DA COOPERATIVA, 13H 3 CAPITÃO ANDRADE – SALÃO PAROQUIAL, 13H 12 SOBRÁLIA – SINDICATO DOS PRODUTORES RURAIS, 14H 14 POAIA – PROPRIEDADE DO TURÍBIO, 14H 15 ALVARENGA – BANCO DE ALIMENTOS, 13H 16 ITAÚNA – PROPRIEDADE DE JOSÉ NUNES, 14H 17 VIRGOLÂNDIA – SINDICATO DOS TRABALHADORES RURAIS, 14H 20 TARUMIRIM – SINDICATO DOS PRODUTORES RURAIS, 13H 21 FERNANDES TOURINHO – CENTRO CULTURAL, 16H 22 NACIP RAYDAN – CLUBE ALVORADA, 14H 23 BEIJA-FLOR – PROPRIEDADE DO DENÍLSON, 14H 27 SÃO JOSÉ DO DIVINO – CÂMARA MUNICIPAL , 14H 28 MARILAC – SALÃO PAROQUIAL, 14H 29 JAMPRUCA – CÂMARA MUNICIPAL, 14H 30 BUGRE/CASSIMIRO – PROPRIEDADE DE SEBASTIÃO LEÃO BRAGA, 13H

AGOSTO 3 COMITÊ EDUCATIVO – SEDE DA COOPERATIVA, 13H 4 PINGO D’ÁGUA – PROPRIEDADE DO SR. RANGEL, 14H 5 PERIQUITO – PROPRIEDADE DO RICARDO ALVES, 14H 6 BOA UNIÃO – PROPRIEDADE DO SR. ELIAS, 15H 7 GOLCONDA – SALÃO DA IGREJA PRESBITERIANA, 14H 10 LAVRINHA – VILA SANTANINHA, 18H 11 KRENAK – TRIBO INDÍGENA, CENTRO CULTURAL, 14H 12 COROACI – SINDICATO DOS PRODUTORES RURAIS, 14H 13 VILA SÃO BERNARDO – SALÃO PAROQUIAL, 14H 14 CENTRAL SANTA HELENA – SALÃO PAROQUIAL, 14H 18 PONTAL – PROPRIEDADE DE JOSÉ MARIANO, 14H 19 CUPARAQUE – CRAS, 18H 20 SANTA EFIGÊNIA – SEDE DA ASSOCIAÇÃO, 14H 21 SABINÓPOLIS – SEDE DA ASSOCIAÇÃO, 15H 24 MENDES PIMENTEL – SALÃO PAROQUIAL, BAIXA DAS OLIVEIRAS, 16H 25 CENTRAL DE MINAS – CÂMARA DE VEREADORES, 14H 26 ITAPINOÃ – SEDE DA ASSOCIAÇÃO, 13H 27 SÃO GERALDO DA PIEDADE/PACA – SALÃO PAROQUIAL, 14H

SETEMBRO 1 COMITÊ EDUCATIVO – SEDE DA COOPERATIVA, 13H 3 SOBRÁLIA – SINDICATO DOS PRODUTORES RURAIS, 14H 4 CAPITÃO ANDRADE – SALÃO PAROQUIAL, 13H 8 POAIA – PROPRIEDADE DO TURÍBIO, 14H 9 ALVARENGA – BANCO DE ALIMENTOS, 13H 10 ITAÚNA – PROPRIEDADE DE JOSÉ NUNES, 14H 12 VIRGOLÂNDIA – SINDICATO DOS TRABALHADORES RURAIS, 14H 15 FERNANDES TOURINHO – CENTRO CULTURAL, 16H

COOPERJORNAL | Julho 2015

17


Cooperativa lança Universidade do Leite

A Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce, em parceria com a MSD Saúde Animal, lançou no dia 27 de abril, na sede da FAGV (Faculdade de Administração de Governador Valadares) um projeto inovador e único na região do Vale do Rio Doce: a Universidade do Leite. No evento de lançamento, a Cooperativa realizou uma aula magna que contou com palestra sobre Cooperativismo, ministrada pelo Mestre Geraldo Magela da Silva. Mais de 200 pessoas participaram do evento e as inscrições para participação superaram as expectativas. Assim, a ideia inicial de abertura de uma turma de 40 alunos precisou ser revista, e a Cooperativa abriu duas turmas com 65 alunos cada. O projeto visa qualificar os cooperados e seus colaboradores, objetivando a prestação de serviços diferenciados, focados na melhoria da qualidade e no aumento da produtividade. A Universidade do Leite é um curso reconhecido pela Universidade Corporativa da MSD Saúde Animal e o aluno, após o término da capacitação, recebe um certificado de conclusão de curso. O presidente da Cooperativa, Guilherme Olinto Resende, acredita que o projeto vai trazer muito conhecimento aos cooperados “O grande benefício da Universidade do Leite é aumentar a qualificação da mão de obra e a tecnificação das propriedades da nossa região, pois os alunos são os funcionários das fazendas e os cooperados. Assim, levamos informações sobre a importância da higiene, conforto animal, manejo reprodutivo, controle de mastites, manejo de bezerras, entre outros assuntos importantes para a produção leiteira. É mais um projeto que cumpre a nossa missão de levar desenvolvimento tecnológico aos cooperados,” explica. 18

COOPERJORNAL | Julho 2015

O CURSO SERÁ DIVIDIDO EM 5 MÓDULOS, HAVERÁ TAMBÉM DOIS DIAS COM AULAS PRÁTICAS E UM MÓDULO ESPECIAL REALIZADO DENTRO DA EXPOAGRO. OS MÓDULOS SERÃO: Criação de bezerras | Aplicação de medicamentos injetáveis Curso ordenhador | Prevenção, diagnóstico e tratamento de mastite Reprodução e melhoramento genético Nutrição animal e intensificação de pastagens Bem-estar animal (manejo racional)


COOPERATIVA LANÇA UNIVERSIDADE DO LEITE

SOLIDARIEDADE

As inscrições para participação na Universidade do Leite foram gratuitas, mediante apenas a doação de uma caixa com 12 litros de leite, para serem doados a instituições de caridade de Governador Valadares. No total as inscrições arrecadaram 130 caixas de leite, num montante final de 1.560 litros de leite. A entrega do leite às instituições aconteceu no dia 1º de junho, quando é comemorado o Dia Mundial do Leite. A data foi criada em 2001 pela Organização das Nações Unidas

para a Alimentação (FAO), com o objetivo de alertar a população sobre a importância dos lácteos para a manutenção de uma alimentação equilibrada. O vice-presidente da Cooperativa, João Marques, os conselheiros Geraldo Birro, Fernando Ferreira, Turíbio Modesto, José Barreto e Ademar Feliciano Leite e a assistente de Departamento Pessoal, Francislene Moreto, foram às três instituições para fazer a entrega. “O Dia Mundial do Leite é uma data muito importante para conscientizar a população

dos benefícios que o leite proporciona a todos nós. Fazermos essa doação nesta data é uma alegria muito grande para nós. Escolhemos três instituições que fazem um trabalho fantástico em Valadares, e temos a certeza de que o leite pode contribuir ricamente para a saúde principalmente de pessoas mais idosas e em tratamento de doenças,” explica João Marques. Cada instituição recebeu 520 litros de leite: Associação Santa Luzia, Casa Dona Zulmira e Abrigo Esperança.

PRIMEIRA AULA Aconteceu no dia primeiro de junho a primeira aula da Universidade do Leite. Na abertura o vice-presidente da Cooperativa, João Marques, falou sobre o investimento que a Cooperativa tem feito em capacitação. “Buscar o conhecimento é muito importante e ficamos muito felizes em ter condições de oferecer a Universidade do Leite aos nossos cooperados, mas a alegria é ainda maior por termos recebido uma demanda tão grande. É a maior prova de que nós produtores de leite estamos percebendo a importância da capacitação em nossa atividade,” afirma Marques. O médico veterinário da MSD Saúde Animal, Marcos Flávio Pereira, ministrou duas aulas, a primeira foi sobre “Aplicação de medicamentos injetáveis” e em seguida ele abordou “Criação de bezerras”. Os alunos participaram bastante das aulas fazendo perguntas, tirando dúvidas e interagindo com as questões levantadas por Pereira.

COOPERJORNAL | Julho 2015

19


20

COOPERJORNAL | Julho 2015


Após um longo período de planejamento, a Cooperativa lançou em junho seu novo site, com informações e layout totalmente reformulados. Além de um novo projeto gráfico, mais moderno e dinâmico, as informações e acessos foram organizados para levar até você as últimas novidades da Cooperativa. Com o novo site queremos nos aproximar de nossos associados, parceiros, clientes e comunidade, tornando a nossa comunicação mais rápida e eficiente. A nova plataforma exibe com mais clareza todos os produtos e projetoS oferecidos pela Cooperativa. Navegue pelo novo site e confira nossas novidades!

COOPERJORNAL | Julho 2015

21


NOME

DATA

NOME

DATA

NOME

DATA

NOME

DATA

NOME

DATA

NOME

DATA

RAIMUNDO ALVES MENDES

15/7

José SOARES TEIXEIRA

27/7

Davi Pereira Soares

6/8

CLEMILTON José DE OLIVEIRA

17/8

MARIA DO CARMO PEREIRA ZOCOLI

29/8

MARTA MADEIRA MIRANDA

9/9

GESNER BARBOSA

16/7

MAURO BATISTA LAGE

27/7

DOMINGOS ALVES LEITE

6/8

JOAQUIM L. DE FIGUEIREDO

17/8

EDUARDO FERNANDES

30/8

Sebastião Gonçalves MARIANO

9/9

MÁRCIO JOSÉ LOPES BARRETO

16/7

SIRLENE FERREIRA DE OLIVEIRA

27/7

Edson Louback

6/8

José MIGUEL DA SILVA

17/8

FABIO FERREIRA CAMPOS

30/8

Adão DE OLIVEIRA NUNES

10/9 10/9

DILSON DOS SANTOS

17/7

ZENILTON LOUZADO DE SOUZA

27/7

ENEAS VAZ

6/8

LAFAYETE CORDEIRO DE Araújo

17/8

IZAIAS PEREIRA LIMA

30/8

Antônio GOMES DA SILVA

FAUSTO BENTO VIEIRA

17/7

Célio DE ANDRADE Gonçalves

28/7

RAIMUNDO GODOY C. FILHO

6/8

MOACIR DA SILVA NETO

17/8

José GOMES DE BRITO

30/8

JOSANEA APARECIDA DAS NEVES PENA

10/9

GERALDO ALVES DOS SANTOS

17/7

GENIL DIAS DA SILVEIRA

28/7

ROSEMBERG V. MEDEIROS

6/8

AGOSTINHO LEONíDIO DA SILVA

18/8

João CARLOS BARROSO

31/8

José NUNES DE OLIVEIRA

10/9

RAIMUNDO RODRIGUES PEREIRA

31/8

JOSÉ PINHEIRO DE FARIA

17/7

HELIO DA SILVA DRUMOND

28/7

SIDNEY Cássio SOARES

6/8

CARLOS FREDERICO R. GOMES

18/8

MARIA GERALDA C. DE Araújo

10/9

MARCOS ANTÔNIO P. GLÓRIA

17/7

José ALVANE DE ALMEIDA

28/7

FRANCISCO IVAN C. DOS SANTOS

7/8

EUDES MIRANDA DA COSTA

18/8

DJALMA FERREIRA DE S. FILHO

11/9

RANNER DA SILVA RAMOS

17/7

José PEREIRA SANTIAGO

28/7

MANOEL FRAGA FILHO

7/8

José JOAQUIM DE OLIVEIRA

18/8

ETIENE Cândido DO NASCIMENTO

11/9

ENEIAS LELIS FERREIRA

18/7

MARCELO MENDES

28/7

RUTH MARTINS DE ANDRADE

7/8

MARCélio DE O. MARTINS

18/8

Francisco Martins da Silva

11/9

JOSÉ EUSTÁQUIO FERNANDES

18/7

ROBERTO VITOR DE MIRANDA

28/7

ALCY DE OLIVEIRA PINHO

8/8

ONOFRE DOS PASSOS

18/8

NOME

DATA

ACIR CALDEIRA COSTA FILHO

12/9

OSNI DE SOUZA BRAGANCA

18/7

Antônio BRAGA NETO

29/7

LEVI PEREIRA BARBOSA

8/8

ALBERTO MAGNO DE ASSIS

19/8

JOAQUIM ALVES FERREIRA

1/9

Adão Nicolau Lioncio Filho

12/9

EDILSON PINTO DE CARVALHO

19/7

MARIA DA PENHA COSTA

29/7

Rafael Pereira Emerick

8/8

ELIAS DE AGUIAR CUNHA

19/8

Sebastião PEREIRA SANTIAGO

1/9

ALTAIR DE SOUZA LOUBACK

12/9

LÚCIO DE SOUZA BRAGA

19/7

Mário GOMES DE SOUZA

29/7

Cecília Mourão DE PINHO

9/8

ADAIR OTONE DE OLIVEIRA

20/8

VALDELIRIO MARCELINO DE SOUZA

1/9

MARIA DA Glória OLIVEIRA

12/9

MAURÍCIO LEITE COSTA

19/7

NIRSON MIGUEL ARCANJO

29/7

SALVADOR José DE OLIVEIRA

9/8

ADELMO José DE FIGUEIREDO

20/8

AMARILDO M. Esperança

2/9

Maurício GERALDO CARDOZO

12/9

SHEILLA FERREIRA V. NOVAS

19/7

PALMERINDO José MACHADO

29/7

ADEMILSON SANTANA GUERRA

10/8

Flávio MARTINS DE SOUZA

20/8

FERNANDO Antônio FERREIRA

2/9

RAIMUNDO AFONSO DA SILVA

12/9

WILSON LUIZ FERREIRA

19/7

SILVALINO ALVES DA SILVA

29/7

Célio BATISTA LAGE

10/8

GESSY SEVERINO DA SILVA

20/8

José BARRETO LOPES

2/9

VILMAR RIBEIRO DE SOUZA

12/9

HELIO JUSTINO DE LIMA

20/7

EDNARDO MARTINS DE OLIVEIRA

30/7

ELIAS ROSA FERREIRA

10/8

JORGE José AMARAL

20/8

PAULO Sérgio DIAS

2/9

CLEMENTE GOMES P. FILHO

13/9

JOSÉ ALENCAR DA SILVA

20/7

LUCIANO Gonçalves GRIPP

30/7

JoséVANE SOARES P. DA SILVA

10/8

José BERNARDO DE MEDEIROS

20/8

DILZA PINTO COSTA DE OLIVEIRA

3/9

WILSON FIDéLES DA ROCHA

14/9

JosÉ Alves Neto

20/7

PAULO Sérgio P. DE ALMEIDA

30/7

JUVERCINO PEDRO DA SILVA

10/8

Mário Gonçalves VIEIRA

20/8

Francisco Cardoso Ribeiro

3/9

ADER MARTINS DUARTE

15/9

JOSÉ Getúlio Gonçalves

20/7

VALTEIR DE OLIVERIA

30/7

Lélio DIAS DE MIRANDA

10/8

MELQUíADES DA SILVA NETO

20/8

Antônio COELHO CAMPOS

4/9

ERNANDES DA SILVA

15/9

Carmélio SIMAS COELHO

21/7

José FABIANO DE SOUZA

31/7

José SUZANO DE OLIVEIRA

11/8

WILTON DE SOUZA AMARAL

20/8

Lúcio ALVES DE JESUS

4/9

Javert Gomes Valadares

15/9

Domingos de Souza Serpa

21/7

MARCONE XISTO OLIVEIRA

31/7

Antônio LOPES

12/8

éLCIO DA SILVA ATHAYDE

22/8

ABEL CARLOS DE OLIVEIRA

5/9

João BORGUI NETTO

15/9

GERALDO José CARDOSO

21/7

José NUNES FERNANDES

12/8

João BATISTA DE OLIVEIRA

22/8

ALCEDINO Lourenço DA CRUZ

5/9

Leandro Timm

15/9

MANOEL ARAGOSO LIBERATO

21/7

RENATO FERRANTE MEDINA

12/8

José PEREIRA DE MOURA

22/8

GEOVANY RIBEIRO BELTRAME

5/9

Sebastião ALVES DE ANDRADE

21/7

Amaury Hottis Ramos

13/8

MAGNO LEITE COSTA

22/8

IRANY SOARES DOS SANTOS

5/9

ADJUTO DOS REIS

22/7

NOME

DATA

FRANCISCO LACERDA FELICIO

13/8

RICARDO ABDIAS B. OLIVEIRA

22/8

MARIA DO CARMO L. Brandão

5/9

GILBERTO LOPES

22/7

ADENIR RODRIGUES DA SILVA

1/8

NELSON HENRIQUE DA SILVA

13/8

ROBERTO CARLOS DA SILVA

22/8

VALDECI BARBOSA Gonçalves

5/9

JUAREZ ALVES COSTA

22/7

AGNALDO FAUSTINO PEREIRA

1/8

CONCESSA DE SOUZA E SILVA

14/8

WANDERLEY AMARO VIANA

22/8

ADEMAR ROMANOS DE MESQUITA

6/9

MARIA DO CARMO P. RIBEIRO

22/7

José MARIA LANINI

1/8

Ermídia Maria Rangel

14/8

Antônio José de O. Silva

23/8

MARCOS Antônio L. BARRETO

6/9

ORLANDO PEREIRA MENDES

22/7

MANOEL DE SOUZA SANTOS

2/8

GERALDO COELHO

14/8

Sebastião MEDINA FERRANTE

23/8

OSVALDO BENTO VILELA

6/9

André MARCOS DE MATOS

23/7

João FERREIRA CAMPOS

3/8

José ROBERTO CAMELO

14/8

Sebastião MENDES DE SA

23/8

Tarcisio Jaques Ferreira

6/9

NOME

DATA

SILVANIA APARECIDA S. CHAVES

14/8

SELVERINO José BERTOLACIO

23/8

7/9

Marlene Gomes de Oliveira

3/7

DIVINO NORBERTO DOS SANTOS

24/8

MARCOS LEITE COSTA

7/9

Lívio Soraggi Coura

10/7

GERALDO DA SILVA REIS

24/8

MOACIR BINO DA COSTA

7/9

Fernando Silva R. Quirino

15/7

GERALDO MANGELA LOPES

24/8

8/9

Rana Kessy Vieira de Souza

18/7

MIGUEL RODRIGUES DE ALMEIDA

24/8

8/9

Vitor Azevedo Lisboa

30/7

8/9

Davi Pereira Soares

6/8 14/8

José FRANCISCO DE LIMA

23/7

José Basílio FILHO

3/8

Célio Chisté

JURACY F. DE RODRIGUEZ

23/7

José FERREIRA LOPES

3/8

WALTAIR MOREIRA CAMPOS

14/8

Sebastião LOPES DE FARIAS

23/7

ODAIR RIBEIRO GOMES

3/8

Antônia FAUSTA DE MOURA

15/8

FRANCISCO MATEUS DA SILVA

24/7

RENATO FRANCISCO C. PEDROZA

3/8

DIANA DULCE DE SOUZA LUZ

15/8

José MARIA VILELA

24/7

Sebastião Leão BRAGA

3/8

FERNANDO ALVES DA SILVA

15/8

MARIA APARECIDA DOS REIS M.

24/7

GIRLéSIO DIAS RUELA

4/8

JÔ LUCIANO MARINHO

15/8

José LUIZ TEIXEIRA

25/8

OlÁvio Nunes Tambasco

15/8

WALDEVINO CAETANO DE O. FILHO

25/8

FRANCISCA PEREIRA BARBOSA

8/9

Wilian Salvador de Asevedo

JAINIO RODRIGUES DE SOUSA

26/8

João CAMPOS DE OLIVEIRA

8/9

Isaque de Oliveira Lourenço

15/8

Mário DIAS Leão

26/8

José CARLOS MOREIRA FIALHO

8/9

Diego Anderson dos Santos

25/8

MARCELO DE OLIVEIRA LIMA

8/9

Célio Dias da Silva

1/9

EDEVAL JUSTINO DA SILVA

9/9

Heber Marques de Almeida

2/9

ERNANE BATISTA

9/9

Daniele de Souza

5/9

JOAQUIM Sérgio DA SILVA

9/9

Nilsinho Dias Pereira

5/9

Carlos Antônio de O. Nogueira

9/9

22

AILTON RODRIGUES DE ALMEIDA AURéLIO FERNANDES MADEIRA CARLOS JOAQUIM DA COSTA

Mário COSTA JUNIOR

24/7

Sebastião CANUTO NETO

4/8

SALVADOR VERISSIMO

24/7

ADELAINE CRISTINA ALVES

5/8

SANTOS FERREIRA DA CRUZ

15/8

Sérgio Soave Pereira

25/7

ARISTEU DE Araújo GOMES

5/8

VALMIR Basílio DE JESUS N.

15/8

VALDECI MATEUS DA SILVA

25/7

EDUARDO FERREIRA DE SOUZA

5/8

DEMERVAL ALVES DOS S.FILHO

16/8

Antônio RANGEL CORREA

27/8

DIVINO FERREIRA DA SILVA

26/7

ELZA MARIA MACHADO

5/8

JEREMIAS RAFAEL DOS SANTOS

16/8

CEZáRIO F. DE VASCONCELOS

27/8

HELITON Valério S. Brandão

26/7

EVANDRO RODRIGUES DA SILVA

5/8

João GUALBERTO NETO

16/8

Marconi Charles Teixeira

27/8

JADIR PEREIRA DE AMORIM

26/7

Gilvano Gonçalves Xavier

5/8

MOACYR F. SOALHEIRO

16/8

José AUGUSTO DA SILVA

28/8

JOANES VALINHO DA SILVA

26/7

JAIR NEVES DE OLIVEIRA

5/8

ROBERTO César DE ALMEIDA

16/8

PAULO CEZAR DORNELAS

28/8

Joracino Pereira de Macedo

9/9

João PEREIRA DA SILVA

26/7

RONALDO VIEIRA PERES

5/8

ADALGIZA MARIA MENDES B.

17/8

CLAUDINEI DIAS TADINO

29/8

LECI FIRMINA COELHO

9/9

Francislene Moreto Clara

25/9

ALTAIR DE PAULA VARGAS

27/7

SILVALINO ALVES FILHO

5/8

Antônio José DE MELO

17/8

José LINO FERREIRA DE CASTRO

29/8

MARCO Aurélio LIMA

9/9

Rita Dalliene M. da Silva

30/9

COOPERJORNAL | Julho 2015


Usou antibiótico, descarte o leite!

Cooperativa lança campanha de conscientização quanto ao descarte correto do leite, quando a vaca recebe tratamento com antibióticos A ocorrência de resíduos de antibióticos nos alimentos tem se tornado uma grande preocupação para consumidores, indústria e produtores. Os efeitos negativos dos resíduos foram inicialmente identificados pela indústria de laticínios, uma vez que foi verificado que os fermentos (culturas lácteas) usados na fabricação de derivados, como iogurtes e queijos, não se desenvolviam bem em leite com resíduos de antibióticos. Um fator importante, é que a pasteurização praticamente não altera o conteúdo de resíduos no leite, e mesmo a fervura a 100ºC destrói apenas 50% dos resíduos de penicilina, mas não apresenta nenhum efeito sobre o cloranfenicol. Por parte do consumidor, a ingestão de leite com resíduos de antibióticos e outros antimicrobianos pode representar risco de ocorrência de reações alérgicas, principalmente à penicilina e seus derivados. Estas reações podem se manifestar como urticárias, dermatites e sintomas respiratórios, como asma e rinite. Além dos riscos de reações alérgicas, algumas drogas podem apresentar ação cancerígena, como os nitrofuranos e o cloranfenicol, os quais comprovadamente podem aumentar a freqüência de tumores em animais de laboratório, e, desta forma, representar um risco em potencial. Ainda que seja um assunto não totalmente esclarecido, a presença de resíduos de antibióticos pode favorecer o aumento da resistência bacteriana aos antibióticos que fazem parte da flora intestinal. Logicamente, o uso indiscriminado destas drogas em medicina humana e veterinária pode futuramente resultar em resistência múltipla de bactérias patogênicas, dificultando o tratamento de infecções. Mesmo que apresentem riscos da presença de resíduos na carne e leite, é inegável a importância do uso de antibióticos e outras drogas na moderna produção de leite, principalmente para o tratamento de mastites, metrites e de outras doenças que podem trazer prejuízos significativos se não tratadas, além de conforto do animal. Vale a pena esclarecer que os resíduos de antibióticos no leite podem ocorrer não só com o tratamento intramamário de mastites, mas também pelo uso de antibióticos injetáveis, por infusão uterina

ou mesmo via oral, pois os antibióticos são absorvidos pela corrente sanguínea e são eliminados pelo leite. De forma similar, o descarte do leite de todos os quartos deve ser feito, mesmo quando se faz o tratamento de apenas um quarto, uma vez que o antibiótico usado num quarto irá se difundir pelo sangue e atingirá os demais quartos não tratados. Sem dúvida, a principal causa da ocorrência de resíduos de antibióticos no leite é o tratamento da mastite. Algumas das principais causas que podem levar a ocorrência de resíduos de antibióticos no leite são: Não observância do período de carência do antibiótico, Erro na identificação dos animais tratados ou na anotação dos dados do tratamento, Uso de drogas em diferentes dosagens ou diferentes esquemas de tratamento para o qual o período de carência foi estabelecido, Descarte de leite apenas do quarto tratado, Vacas que têm partos antecipados e curtos períodos secos, Uso de produtos de vacas secas para tratamento de vacas em lactação, Ordenha acidental de vacas secas, Erro durante a ordenha e mistura de leite com e sem resíduos. Para exemplificar o risco da contaminação com resíduos de antibióticos no leite, apenas o leite residual, que fica no equipamento de ordenha quando é feita a ordenha de uma vaca tratada, pode contaminar o leite de até 20 vacas.

COOPERJORNAL | Julho 2015

23


Pitadas

INAUGURAÇÃO COZINHA LAR DOS VELHINHOS

O Lar dos Velhinhos inaugurou, no dia 28 de abril, sua nova cozinha. Essa conquista foi resultado das ações voluntárias do Dia de Cooperar 2014, desenvolvidas pela ECOOS (Elo Cooperativista Social), composta pelas cooperativas Agropecuária, Sicoob AC Credi, Sicoob Crediriodoce, Unicred e Unimed, que juntas abraçaram a instituição, através do projeto nomeado “CUIDAIDOSOS”, e desenvolveram um movimento para a arrecadação de fundos em benefício da restauração da cozinha.

FRENTE PARLAMENTAR DO LEITE No Dia Mundial do Leite, 1º de junho, foi lançada em Brasília – DF, a Frente Parlamentar em Defesa da Bovinocultura de Leite, presidida pelo deputado federal Celso Maldaner (PMDBSC). A solenidade de lançamento aconteceu no auditório principal do Museu da República, e integrou as atividades do Brasília FestLeite – grande festa do setor lácteo brasileiro. Esteve presente no evento o presidente da Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce, Guilherme Olinto Resende, que também é conselheiro do G100 (Associação Brasileira de Pequenas e Médias Cooperativas e Empresas de Laticínios). Para o presidente da Cooperativa, esta Frente tem muita importância para o setor leiteiro. “Esta é a primeira Frente Parlamentar criada focando em um produto específico do agronegócio e isso é um ganho muito grande para nós. O setor tem suas características peculiares e nós produtores precisamos contar com o apoio de parlamentares que discutam a valorização do nosso produto”, explica Resende.

24 24

COOPERJORNAL | Julho 2015 COOPERJORNAL | Julho 2015


PITADAS

REUNIÃO DE PLANEJAMENTO DAS COMUNIDADES COOPERATIVISTAS Foram realizadas nos meses de maio e junho as Reuniões de Planejamento das Comunidades Cooperativistas, pelo departamento de Educação Cooperativista. As reuniões, específicas para líderes de comunidade, aconteceram dia 25 de maio com o primeiro grupo, e dia 15 de junho com o segundo grupo. O objetivo desses encontros foi construir um planejamento para aumentar o número de participantes nas reuniões de comunidades, com o intuito de fortalecê-las e também fortalecer e melhorar os serviços da Cooperativa. Nessas reuniões foram formulados planos de ações que serão adaptados à realidade de cada comunidade.

ENCERRAMENTO MBA Os colaboradores da Cooperativa Éverton Junio, Jaqueline Silva, Marciano de Jesus e Thiago Lemos concluíram em julho o MBA em Gestão Estratégica de Cooperativas realizado pela FAGV (Faculdade de Administração de Governador Valadares). Desejamos sucesso e que este conhecimento contribua no trabalho desenvolvido dentro da Cooperativa.

PDGC

Com o objetivo de auxiliar dirigentes e gestores no preenchimento do questionário de autoavaliação do Programa de Desenvolvimento da Gestão das Cooperativas (PDGC), o Sistema Ocemg realizou, dia 21 de maio, workshop sobre o tema em Governador Valadares. O PDGC prepara as cooperativas para se firmarem no mercado, por meio de uma metodologia que permite fazer uma autoavaliação do modelo de

gestão e governança, identificando o estágio de maturidade do empreendimento para o aprimoramento dos pontos de oportunidade. Participaram do evento colaboradores e conselheiros da Cooperativa. No dia 24 de junho, a Cooperativa recebeu visita técnica da Gerência de Acompanhamento de Cooperativas do Sistema Ocemg/Sescoop, representada por José Fidélis, para tratar

do questionário do PDGC. Durante a visita que foi acompanhada pelo vice-presidente, João Marques, pelo gerente de controladoria, Wilian Salvador, e pela secretária executiva, Jaqueline Silva, as questões do questionário de autoavaliação bem como as respostas redigidas pela cooperativa foram comentadas com o objetivo de orientar para uma maior assertividade do preenchimento para o terceiro ciclo.

O PISCINEIRO A empresa O Piscineiro, do cooperado José Menezes, inaugurou no dia 2 de julho sua terceira loja em Governador Valadares. O amplo espaço físico consiste em um showroom de 300m² e um depósito de 150m², com mais espaço e conforto. Além de banheiras de hidromassagem e piscinas de fibra e alvenaria, a nova loja oferece aos clientes acessórios e artigos para Spa e área externa de piscinas, como mesas, espreguiçadeiras e ombrelones (sombrinhas). A terceira loja fica na avenida Minas Gerais, 2757, bairro GrãDuquesa. Na foto, o encarregado de qualidade da Cooperativa, Lívio Coura, a colaborada do setor de apoio ao cooperado da Cooperativa, Erlaine Drumond e sua filhinha, Antônia, com o casal José Menezes e Jane Eire na inauguração.

COOPERJORNAL | Julho 2015 COOPERJORNAL | Julho 2015

25 25


Social ASSEMBLEIA OCEMG

No dia 16 de abril, o presidente da Cooperativa, Guilherme Olinto Resende, esteve presente na Assembleia Geral Ordinária da Ocemg (Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado de Minas Gerais) que aconteceu na sede da instituição em Belo Horizonte. Na foto com o presidente da Ocemg, Ronaldo Scucato, e com o presidente do Conselho de Administração do Sicoob Crediriodoce e também presidente do Conselho de Administração do Sicoob Central Crediminas, Alberto Ferreira.

16º LEILÃO DA COOPERATIVA CONSELHO SICOOB CREDIRIODOCE O gerente geral da Cooperativa, Gilmar Oliveira, foi empossado dia 15 de junho como conselheiro fiscal do Sicoob Crediriodoce. Na foto, ao lado da esposa Poliara Morelato no evento de posse.

O diretor presidente do Bancoob esteve em Governador Valadares para uma palestra no dia 29 de maio, e fez questão de estender a estadia na cidade para participar do 16º Leilão de Vacas e Novilhas Leiteiras da Cooperativa. No evento ficou ao lado de Celso Mol, diretor administrativo-financeiro do Sicoob Crediriodoce, João Marques, vice-presidente da Cooperativa, Silas Dias Costa, diretor de relações institucionais do Sicoob Crediriodoce, Cantídio Ferreira, conselheiro administrativo do Sicoob Crediriodoce, e de Gilmar Oliveira, gerente geral da Cooperativa.

CAVALGADA E SOLIDARIEDADE

FAZENDA YGARAPÉS A Fazenda Ygarapés, do cooperado Mica Figueirêdo, fica em Itambacuri, no leste mineiro, e, mesmo distante geograficamente de Uberaba, no Triângulo Mineiro, recebeu muitas visitas de excursões internacionais. Vários criadores vieram de outros países para conhecer a genética da propriedade, que é recordista mundial em Guzerá Leiteiro.

2 26 6

2015 COOPERJORNAL || Julho COOPERJORNAL Julho 2015

Um dos grandes diferenciais do cooperativismoéointeressepelacomunidade, que inclusive faz parte dos seus princípios. A Cooperativa sempre apoia projetos e eventos que buscam de alguma maneira trazer benefícios para a comunidade, e em junho patrocinou duas cavalgadas beneficentes na região. Dia 13 foi a Cavalgada Beneficente da Creche José Fernandes, em Chonim de Cima, e dia 14 a Cavalgada Solidária de Coroaci.


COOPERJORNAL | Julho 2015

27


13/7

14/7

Módulo Teórico (turmas A e B) 17h00 – Manejo de ordenha e Controle de Mastite 18h30 – Cases de Sucesso do Programa Leite Legal (Brasil/Regional) Módulo prático 16H00 - TurmaS A E B 19H00 - Palestra: “Rumos do agronegócio em nossa região e a importância da gestão como instrumento fundamental de sustentabilidade”, ministrada pelo representante de agronegócio do Sebrae, Rogério Nunes Fernandes.

9 A 19/7

10H às 22h

15/7

22h00 – ESGOTA

16/7 17/7 18/7

06H | 14H | 22H - Ordenhas

19/7

12h00 – ENCERRAMENTO

19/7

13h00

06H | 14H | 22H - Ordenhas 06H | 14H | 22H - Ordenhas

AGROPECUÁRIA NA ESCOLA 13 A 17/7

9 A 19/7

28

COOPERJORNAL | Julho 2015

Exposição de bezerras fruto do projeto de FIV (Fertilização In Vitro) lançado pela Cooperativa em 2014.

08H00 - Recepção de crianças para um bate papo sobre a origem do leite, a importância do seu consumo, seus benefícios e a importância da agropecuária no sustento de todas as pessoas do planeta.

Profile for cooperativagv

COOPERJORNAL JULHO DE 2015  

O Cooperjornal é a revista da Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce que mantém seus cooperados e públicos de interesse informados sobre...

COOPERJORNAL JULHO DE 2015  

O Cooperjornal é a revista da Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce que mantém seus cooperados e públicos de interesse informados sobre...

Advertisement