__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1

SEMENTES Soja • Trigo • Aveia


ALTO PADRÃO EM SEMENTES CERTIFICADAS Produzir sementes de qualidade, com alta germinação e vigor é prioridade na Coocam. Com multiplicadores comprometidos, que realizam um manejo profissional desde o plantio até a colheita dos campos sementeiros, a cooperativa atende os associados e também o mercado externo, especialmente nos estados de Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul e São Paulo. Coocam conta com uma Unidade de Beneficiamento de Sementes (USB) e uma Estação de Tratamento de Sementes Industrial (TSI), que garantem comodidade e segurança ao produtor. As variedades de soja, trigo e aveia são produzidas conforme as normas e exigências dos órgãos regulamentadores, como o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA.

AFILIADA


TRATAMENTO DE SEMENTES INDUSTRIAL (TSI) Com moderna estrutura de Tratamento de Sementes Industrial (TSI), a Coocam oferece inúmeros benefícios aos multiplicadores de sementes. Algumas vantagens: • Precisão e garantia na dosagem; • Excelente cobertura e distribuição; • Sementes com alto padrão e uniformidade; • Mais segurança ao operador; • Melhor aderência dos produtos; • Operação computadorizada e menor dano da semente; • Aumento da fluidez sem necessidade de adição de grafite; • Menor descarte de embalagens vazias no campo; • Tratamentos customizados, podendo atender cada caso de maneira inteligente.

PARCEIROS


NOSSA HISTÓRIA Iniciada em 1993 quando alguns produtores plantaram uma pequena semente que se multiplicou e, desde então, muitas pessoas colhem os frutos. Isso porque a semeadura foi regada com persistência e dedicação. Focada no crescimento e no desenvolvimento dos produtores agropecuários, associados, colaboradores e das comunidades onde atua, a Coocam tem uma história formada pelos pilares do cooperativismo.

4

• Sementes Coocam •

Anualmente, realiza Dias de Campo nas filiais, para deixar o produtor mais informado sobre as melhorias tecnológicas e mudanças do setor do agronegócio. Através de projetos socioambientais, contribui com um mundo mais sustentável. A Semana do Campo Limpo é um grande exemplo de educação ambiental. Com programas e serviços diversificados, a Coocam é sinônimo de credibilidade e confiança.


ÍNDICE SOJA BRASMAX ZEUS 55I57 RSF IPRO

7

BRASMAX RAIO 50I52 RSF IPRO

8

BRASMAX LANÇA 58I60 RSF IPRO

9

BRASMAX GARRA 63I64 RSF IPRO

10

BRASMAX COMPACTA 65I65 RSF IPRO

11

BRASMAX ATIVA RR

12

BRASMAX VALENTE 6968 RSF

13

BRASMAX ALVO DON MARIO 5.9 I

14

BRASMAX TORNADO 6863 RSF

15

SOYTECH BS 1580 IPRO

16

SOYTECH BS 2606 IPRO

17

TRIGO TBIO SINTONIA BIOTRIGO

20

TBIO TORUK BIOTRIGO

21

TBIO SOSSEGO BIOTRIGO

22

TBIO AUDAZ BIOTRIGO

23

AVEIA AVEIA PRETA EMBRAPA 139 (NEBLINA)

25

PARCEIROS

• Sementes Coocam •

5


6

• Sementes Coocam •


S OJ A

O PODER DO MÁXIMO RENDIMENTO. PONTOS FORTES • Alto potencial produtivo; • Precocidade; • Excelente adaptação em regiões de maior altitude; • Porte controlado com resistência ao acamamento.

10 4

201

104

10 3 10 3

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS 10 2

Grupo de maturação

5.5

Peso de mil grãos

209g

Ramificação

Média

Hábito de crescimento

Indeterminado

10 3

10 4 10 4

10 1

Exigência à fertilidade

COMPORTAMENTO EM RELAÇÃO ÀS DOENÇAS Cancro da haste (Meridionalis) resistente

Pústula bacteriana mod. suscetível

Mancha olho-de-rã mod. suscetível

Podridão radicular de Phytophthora (raças 1 e 3) resistente

¹Ciclo na região de adaptação. Pode haver variação no ciclo devido às condições edafoclimáticas. Dias após a emergência. Quando o plantio for realizado fora da época preferencial, deve-se aumentar 10% a população indicada de plantas. **Para áreas de alta fertilidade e sem compactação. Não semear em áreas de várzea. Para área de refúgio, recomenda-se semear BRASMAX Ativa RR (GM 5.6).

• Sementes Coocam •

7


S OJ A

A COMBINAÇÃO DE PRECOCIDADE COM MÁXIMO RENDIMENTO. PONTOS FORTES • Alto potencial produtivo; • Superprecocidade; • Excelente adaptação nas regiões de maior altitude; • Resistência a Phytophthora - Gene RPS1K; • Porte controlado e resistência ao acamamento.

104

201

104

10 3 10 3

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS

10 3

Grupo de maturação

5.0

Peso de mil grãos

201g

Ramificação

Média

Hábito de crescimento

Indeterminado

10 4 10 4

Exigência à fertilidade

COMPORTAMENTO EM RELAÇÃO ÀS DOENÇAS Cancro da haste (Meridionalis) resistente

Pústula bacteriana mod. resistente

Mancha olho-de-rã suscetível

Podridão radicular de Phytophthora (Gene RPS1K) resistente

¹Ciclo na região de adaptação. Pode haver variação no ciclo devido às condições edafoclimáticas. Dias após a emergência. Quando o plantio for realizado fora da época preferencial, deve-se aumen-tar 10% a população indicada de plantas. Para área de refúgio, recomenda-se semear BRASMAX Veloz RR (GM 5.0).

8

• Sementes Coocam •


SOJ A

SUPERANDO OS LIMITES DA PRODUTIVIDADE. PONTOS FORTES • Alto potencial produtivo;

Não semear em áreas compactadas e sem palhada

• Excelente adaptação em regiões de maior altitude; • Porte controlado com resistência ao acamamento;

203

• Alto potencial de ramificação.

201

104 104

103

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS

103

Grupo de maturação

5.8

Peso de mil grãos

177g

Ramificação

Alta

Hábito de crescimento

Indeterminado

102

103

104 104

Exigência à fertilidade

COMPORTAMENTO EM RELAÇÃO ÀS DOENÇAS Cancro da haste (Meridionalis) resistente

Pústula bacteriana suscetível

Mancha olho-de-rã suscetível

Podridão radicular de Phytophthora (Gene RPS1K) resistente

¹Ciclo na região de adaptação. Pode haver variação no ciclo devido às condições edafoclimáticas. Dias após a emergência. Quando o plantio for realizado fora da época preferencial, deve-se aumentar 10% a população indicada de plantas. Para área de refúgio, recomenda-se semear BRASMAX Alvo RR (GM 5.9), BRASMAX Turbo RR (GM 5.8) e/ou BRASMAX Ativa RR (GM 5.6).

• Sementes Coocam •

9


S OJ A

PRODUTIVIDADE ALÉM DAS EXPECTATIVAS. PONTOS FORTES • Alto potencial produtivo; • Precocidade; • Permite antecipação de plantio; • Amplia a janela de plantio da segunda safra; • STS™ (Tolerante a sulfonilureias); • Recomendado para área de várzea. CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS Grupo de maturação

6.3

Peso de mil grãos

189g

Ramificação

Média

Hábito de crescimento

Indeterminado

Exigência à fertilidade

COMPORTAMENTO EM RELAÇÃO ÀS DOENÇAS Cancro da haste (Meridionalis) resistente

Pústula bacteriana suscetível

Mancha olho-de-rã mod. resistente

Podridão radicular de Phytophthora (Raças 1 e 3) resistente

¹Ciclo na região de adaptação. Pode haver variação no ciclo devido às condições edafoclimáticas. Dias após a emergência. Quando o plantio for realizado fora da época preferencial, deve-se aumentar em 10% a população indicada de plantas. Para área de refúgio, recomenda-se semear BRASMAX Tornado RR (GM 6.2) e/ou BRASMAX Valente RR (GM 6.7). STS TM é uma marca registrada da DuPont TM de Nemours and Company ou de suas afiliadas e é utilizada sob licença da GDM e suas afiliadas brasileiras.

10

• Sementes Coocam •


SOJ A

GIGANTE EM PRODUTIVIDADE. PONTOS FORTES • Alto potencial produtivo; • Ideal para ambientes de alta tecnologia; • Porte controlado com resistência ao acamamento; • Alto potencial de ramificação.

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS Grupo de maturação

6.5

Peso de mil grãos

177g

Ramificação

Alta

Hábito de crescimento

Indeterminado

Exigência à fertilidade

COMPORTAMENTO EM RELAÇÃO ÀS DOENÇAS Cancro da haste (Meridionalis) resistente

Pústula bacteriana resistente

Mancha olho-de-rã mod. suscetível

Podridão radicular de Phytophthora (Raça 1) resistente

¹Ciclo na região de adaptação. Pode haver variação no ciclo devido às condições edafoclimáticas. Dias após a emergência. Quando o plantio for realizado fora da época preferencial, deve-se aumentar 10% a população indicada de plantas. Para área de refúgio, recomenda-se semear BRASMAX Alvo RR (GM 5.9), BRASMAX Turbo RR (GM 5.8) e/ou BRASMAX Ativa RR (GM 5.6).

• Sementes Coocam •

11


S OJ A

PONTOS FORTES • Altíssimo potencial produtivo; • Ideal para ambientes de alta tecnologia; • Altamente responsiva à época de plantio e densidade. 104 104 103

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS

103

Grupo de maturação

5.6

Peso de mil grãos

174g

Porte

Baixo

Resistente ao Acamamento

Sim

Hábito de crescimento

Determinado

103

104 104

Exigência à fertilidade

COMPORTAMENTO EM RELAÇÃO ÀS DOENÇAS Cancro da haste (Meridionalis) resistente

Pústula bacteriana suscetível

Mancha olho-de-rã mod. resistente

Podridão radicular de Phytophthora (Raças 1, 3 e 4) resistente

Ciclo na região de adaptação. Pode haver variação no ciclo devido às condições edafoclimáticas. Dias após a emergência. Quando o plantio for realizado fora da época preferencial, deve-se aumentar em 10% a população indicada de plantas.

1

12

• Sementes Coocam •


SOJ A

PONTOS FORTES • Excelente pacote sanitário; • Bom comportamento à Macrophomina; • Rusticidade e estabilidade produtiva em condições adversas; • Bom comportamento na várzea;

207 206

205 204

202

• Ideal para abertura de plantio.

203

201

104 104

103

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS

103

Grupo de maturação

6.7

Peso de mil grãos

189g

Porte

Alto

Resistente ao Acamamento

Sim

Hábito de crescimento

Indeterminado

103

102

104 104

101

Exigência à fertilidade

COMPORTAMENTO EM RELAÇÃO ÀS DOENÇAS Cancro da haste (Meridionalis) resistente

Pústula bacteriana suscetível

Mancha olho-de-rã resistente

Podridão radicular de Phytophthora (Gene RPS1K) resistente

1 Ciclo na região de adaptação. Pode haver variação no ciclo devido às condições edafoclimáticas. Dias após a emergência. Quando o plantio for realizado fora da época preferencial, deve-se aumentar em 10% a população indicada de plantas.

• Sementes Coocam •

13


S OJ A

PONTOS FORTES • Altíssimo potencial produtivo • Responsiva em ambientes de alta tecnologia • Excelente comportamento em relação à Phytophthora - Gene RPS1K

205 203

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS

201

Grupo de maturação

5.9

Peso de mil grãos

164g

Porte

Médio

Ramificação

Alta

Resistente ao Acamamento

Sim

Hábito de crescimento

Indeterminado

104 104

103 103 103

104 104

Exigência à fertilidade

COMPORTAMENTO EM RELAÇÃO ÀS DOENÇAS Cancro da haste (Meridionalis) resistente

Pústula bacteriana mod. resistente

Mancha olho-de-rã suscetível

Podridão radicular de Phytophthora (Gene RPS1K) resistente

Ciclo na região de adaptação. Pode haver variação no ciclo devido às condições edafoclimáticas. Dias após a emergência. Quando o plantio for realizado fora da época preferencial, deve-se aumentar em 10% a população indicada de plantas.

1

14

• Sementes Coocam •


S OJ A

PONTOS FORTES • Alto potencial produtivo; • Viabiliza o plantio de segunda safra; 207

• Alto índice de ramificação;

206

• Bom comportamento na várzea.

205 204

202

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS

203

201

Grupo de maturação

6.2

Peso de mil grãos

175g

Porte

Alto

Ramificação

Alta

Resistente ao Acamamento

Sim

Hábito de crescimento

Indeterminado

104 104

103 103 103

102

104 104

101

Exigência à fertilidade

COMPORTAMENTO EM RELAÇÃO ÀS DOENÇAS Cancro da haste (Meridionalis) resistente

Pústula bacteriana suscetível

Mancha olho-de-rã mod. resistente

Podridão radicular de Phytophthora (Gene RPS1K) mod. resistente

1 Ciclo na região de adaptação. Pode haver variação no ciclo devido às condições edafoclimáticas. Dias após a emergência. Quando o plantio for realizado fora da época preferencial, deve-se aumentar em 10% a população indicada de plantas.

• Sementes Coocam •

15


S OJ A

BS 1580 IPRO PONTOS FORTES •Arquitetura que possibilita eficiência dos tratos fitossanitários, precocidade, com tolerância ao acamamento.

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS Grupo de maturação

5.8

Peso de mil grãos

175g

Hábito de crescimento

Indeterminado

Cor da pubescência

Cinza

Cor da flor

Roxa

Cor do hilo

Cinza

Exigência em fertilidade

Média/Alta

Trait

Intacta RR2 PRO

COMPORTAMENTO EM RELAÇÃO ÀS DOENÇAS Cancro da haste resistente

Pústula bacteriana resistente

Mancha olho-de-rã mod. resistente

Podridão radicular de Fitóftora a Campo mod. resistente

ÉPOCA DE SEMEADURA

16

• Sementes Coocam •


S OJ A

BS 2606 IPRO PONTOS FORTES •Amplitude de adaptação, resistência a Fitoftora, sistema radicular agressivo, e excelente engalhamento, garantem estabilidade e elevado teto produtivo.

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS Grupo de maturação

6.0

Peso de mil grãos

165g

Hábito de crescimento

Indeterminado

Cor da pubescência

Cinza

Cor da flor

Roxa

Cor do hilo

Preto Imperfeito

Exigência em fertilidade

Alta

Trait

Intacta RR2 PRO

COMPORTAMENTO EM RELAÇÃO ÀS DOENÇAS Cancro da haste mod. resistente

Pústula bacteriana resistente

Nematóide de cisto suscetível

Mancha olho-de-rã mod. resistente

Podridão radicular de Fitóftora a Campo resistente

Nematóide de Galha suscetível

ÉPOCA DE SEMEADURA

• Sementes Coocam •

17


18

• Sementes Coocam •


• Sementes Coocam •

19


TR IGO

TBIO SINTONIA GRUPO 3 |

Não responde ao manejo de N em pré-espigamento

PONTOS FORTES

REGIÕES DE VCU (Valor de Cultivo e Uso)

• Elevada porcentagem de proteína, força de glúten e estabilidade;

REGIÕES TRITÍCULAS: RS 1 e 2, SC 1 e 2, PR 1, 2 e 3, SP 2 e 3, MS 3 e 4, MG 4, GO 4 e DF 4

• Ótimo desempenho nas regiões quentes; • Excelentes resultados de panificação.

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS Ciclo

Altura média da Planta

Espigamento

Maturação

Acamamento

Debulha

Comportamento a geada na fase vegetativa

Crestamento

precoce

precoce

mod. resistente

mod. resistente

média

precoce

mod. resistente

mod. resistente

REAÇÃO ÀS DOENÇAS

Classificação

Trigo Melhorador

Força de Glúten (W médio)

357

Estabilidade (minutos)

15,4

Dureza do Grão

Duro

Coloração

Vermelho

Peso de Mil Sementes

33

Germinação na Espiga

R/MR

• Sementes Coocam •

• VCU 1 e 2: 300 a 330 plantas finais/m² • VCU 3 e 4: de 330 a 350 plantas finais/m²

QUALIDADE INDUSTRIAL

20

DENSIDADE DA POPULAÇÃO DE PLANTAS

1

2

3 4 5 6 7

Brusone Ferrugem da Folha Giberela Mancha Amarela Mosaico Oidio Bacteriose VNAC Escala: 1 Alt. Suscetível • 3 Suscetível • 5 Mod. Suscetível 7 Mod. Resistente • 9 Resistente

8

9


TR IGO

TBIO TORUK GRUPO 2 |

Responde ao manejo de N em pré-espigamento

PONTOS FORTES

REGIÕES DE VCU (Valor de Cultivo e Uso)

• Com genética francesa, proporciona novos tetos produtivos;

REGIÕES TRITÍCULAS: RS 1 e 2, SC 1 e 2, PR 1, 2 e 3, SP 2 e 3, MS 3 e 4, MG 4, GO 4 e DF 4

• Altos níveis produtivos com uso de tecnologia, fertilidade e manejo; • Excelentes resultados de panificação.

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS Ciclo

Altura média da Planta

Espigamento

Maturação

Acamamento

Debulha

Comportamento a geada na fase vegetativa

Crestamento

médio

médio

mod. resistente

mod. resistente

baixa

médio

mod. resistente

mod. resistente

DENSIDADE DA POPULAÇÃO DE PLANTAS • VCU 1 e 2: 300 a 330 plantas finais/m² • VCU 3: 330 a 350 plantas finais/m²

REAÇÃO ÀS DOENÇAS

QUALIDADE INDUSTRIAL Classificação

Trigo Pão/Melhorador

Força de Glúten (W médio)

320

Estabilidade (minutos)

29

Dureza do Grão

Duro

Coloração

Vermelho-claro

Peso de Mil Sementes

33

Germinação na Espiga

R/MR

1

2

3 4 5 6 7

8

9

Brusone Ferrugem da Folha Giberela Mancha Amarela Mosaico Oidio Bacteriose VNAC Escala: 1 Alt. Suscetível • 3 Suscetível • 5 Mod. Suscetível 7 Mod. Resistente • 9 Resistente

• Sementes Coocam •

21


TR IGO

TBIO SOSSEGO GRUPO 2 |

Responde ao manejo de N em pré-espigamento

PONTOS FORTES

REGIÕES DE VCU (Valor de Cultivo e Uso)

• Melhor pacote fitossanitário do mercado;

REGIÕES TRITÍCULAS: RS 1 e 2, SC 1 e 2, PR 1, 2 e 3, SP 2 e 3, MS 3 e 4, MG 4, GO 4 e DF 4

• Resistência às principais doenças da cultura; • Elevado teto produtivo; • Apresenta bons resultados para panificação.

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS Ciclo

Altura média da Planta

Espigamento

Maturação

Acamamento

Debulha

médio

médio

mod. resistente

média

médio

mod. resistente DENSIDADE DA POPULAÇÃO DE PLANTAS

Comportamento a geada na fase vegetativa

mod. resistente

Crestamento

mod. resistente

QUALIDADE INDUSTRIAL

22

Trigo Pão

Força de Glúten (W médio)

308

Estabilidade (minutos)

11

Dureza do Grão

Duro

Coloração

Vermelho-claro

Peso de Mil Sementes

33

• Sementes Coocam •

• VCU 3 e 4: 330 a 350 plantas finais/m²

REAÇÃO ÀS DOENÇAS

Classificação

Germinação na Espiga

• VCU 1 e 2: 300 a 330 plantas finais/m²

Mod. resistente

1

2

3 4 5 6 7

Brusone Ferrugem da Folha Giberela Mancha Amarela Mosaico Oidio Bacteriose VNAC Escala: 1 Alt. Suscetível • 3 Suscetível • 5 Mod. Suscetível 7 Mod. Resistente • 9 Resistente

8

9


TR IGO

TBIO AUDAZ GRUPO 2

PONTOS FORTES

REGIÕES DE VCU (Valor de Cultivo e Uso)

• Cultivar de ciclo precoce mais completa do mercado;

REGIÕES TRITÍCULAS: RS 1 e 2, SC 1 e 2, PR 1, 2 e 3, SP 2 e 3, MS 3 e 4

• Altos níveis produtivos com uso de tecnologia, fertilidade e manejo; • Qualidade industrial de trigo melhorador.

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS Ciclo

Altura média da Planta

Espigamento

Maturação

Acamamento

Debulha

Comportamento a geada na fase vegetativa

Crestamento

precoce

precoce

mod. resistente

mod. suscetível

média/baixa

precoce

mod. resistente

mod. resistente

QUALIDADE INDUSTRIAL Classificação

DENSIDADE DA POPULAÇÃO DE PLANTAS • VCU 1 e 2: 300 a 330 plantas finais/m² • VCU 3: 330 a 350 plantas finais/m²

REAÇÃO ÀS DOENÇAS Melhorador

Força de Glúten (W médio)

406

Estabilidade (minutos)

25,4

Dureza do Grão

Duro

Coloração

Vermelho

Peso de Mil Sementes

32,4 g

Germinação na Espiga

Mod. resistente

1

2

3 4 5 6 7

8

9

Brusone Ferrugem da Folha Giberela Mancha Amarela Mosaico Oidio Bacteriose VNAC Escala: 1 Alt. Suscetível • 3 Suscetível • 5 Mod. Suscetível 7 Mod. Resistente • 9 Resistente

• Sementes Coocam •

23


24

• Sementes Coocam •


AVE IA

AVEIA PRETA 139 NEBLINA PONTOS FORTES

REGIÃO DE ADAPTAÇÃO

• Sucessão de culturas de soja e feijão; • Produção de palhada para o plantio direto; • Resistente ao acamamento.

PR INFORMAÇÕES DE PLANTIO Ciclo Longo Profundidade De 2 a 3cm

SC RS

Espaçamento De 17 a 30 cm Densidade 350 a 400 plantas/ha Finalidade Adubação verde/pastejo

ÉPOCA DE PLANTIO

• Sementes Coocam •

25


SISTEMA DE RASTREABILIDADE Para que o produtor possa receber informações detalhadas sobre a origem e as características das sementes, a Coocam conta com o Sistema de Rastreabilidade, uma ferramenta online que possibilita ao produtor conferir cada etapa do processo de produção das sementes até a multiplicação no campo sementeiro. O sistema informa também os testes realizados em laboratórios e os tratamentos utilizados na produção, respondendo as exigências dos consumidores com transparência e comodidade.

Aponte a câmera do seu celular para saber mais

26

• Sementes Coocam •


Cooperativa Agropecuária Camponovense

Matriz: Campos Novos (SC) Rodovia Br-470, Km 319 Campos Novos - SC CEP 89.620-000 Filiais: Barracão (RS), Curitibanos (SC), Lebon Régis (SC), Ribeirão Cascalheira (MT). E-mail: coocam@coocam.com.br Fone: (49) 3541-7000

www.coocam.com.br facebook.com/coocam.sc instagran.com/coocam_oficial youtube.com/coocam

• Sementes Coocam •

27


www.coocam.com.br

Profile for Coocam

Sementes Coocam Safra 2020/2021  

Sementes Coocam Safra 2020/2021  

Profile for coocam
Advertisement