__MAIN_TEXT__

Page 1

ED 003 | MAR/ ABR 18


N esta edição 04

você encontrará

NOTÍCIAS • Novo canal do Youtube “ConsulPaz - Conteúdo Compartilhado” e o programa “Com a palavra, o cliente” • O sucesso do Evento CoffeeNet Florianópolis • Kick off Projeto CSC Grupo Fleury • ConsulPaz no Shared Services Sab 2018 • 3° Encontro Nacional ABSC

11 19

COM AS MUDANÇAS TECNOLÓGICAS NO CSC E TRANSFORMAÇÃO NOS PROCESSOS, COMO RETER E ENGAJAR OS COLABORADORES?

AGENDE-SE


EDITORIAL Caros leitores, Caros leitores, é com muito prazer e alegria que retorno para escrever o 2º editorial da nossa revista Conteúdo Compartilhado. O lançamento de cada número de uma revista é sempre algo a ser comemorado, afinal, é a prova de que podemos continuar compartilhando ideias e propostas, trazer temas para discussão e pontos de vistas, muitas vezes antagônicos, que provocam reflexão sobre o trabalho, a vida e o intelecto, e que nos remetem à construção de novos conhecimentos e à divulgação do resultado de um esforço que, muitas vezes, fica restrito a poucos. Neste primeiro quadrimestre de 2018, pudemos observar o mercado esboçar uma reação econômica positiva, desde a fundação da ConsulPaz CGP Associates, este foi o primeiro quadrimestre com mais demandas de estudos e projetos, e de clientes de todas as partes do país, o que, segundo a nossa visão, demonstra que mesmo diante de um cenário complexo e desafiador, as empresas, aos poucos, estão retomando seus investimentos em busca de otimizar seus resultados e voltar a crescer. Nesta edição, inicio falando sobre o artigo “Com as mudanças tecnológicas no CSC e transformação nos processos, como reter e engajar os colaboradores?”, do nosso sócio Fabio Pesaro, em que ele discorre sobre o impacto das mudanças tecnológicas e sobre como a transformação nos processos impactam nas pessoas, levando-nos a uma reflexão sobre o que estamos fazendo com nossas equipes e o que devemos e precisamos fazer para reter e desenvolver nossas pessoas. Quero aproveitar para destacar nosso novo canal no YouTube – ConsulPaz Conteúdo Compartilhado, no qual iniciamos o compartilhamento de programas e séries especiais, como o novo programa “Com a palavra, o Cliente” - já comentado no editorial anterior - e que colocamos no ar no último dia 17 de março. Decidimos iniciar este programa, com um cliente muito especial para a ConsulPaz, a RANDON, que foi nosso primeiro cliente, e, portanto, para nós é muito gratificante iniciar com a RANDON esta série especial de depoimentos sobre as parcerias e os trabalhos desenvolvidos pela ConsulPaz junto a seus clientes. No novo canal do YouTube – ConsulPaz Conteúdo Compartilhado, vamos compartilhar com vocês, além dos programas e séries, vídeo-aulas e dicas sobre nossos produtos e serviços, que poderão ajudá-los no seu dia-a-dia. Não deixe de se inscrever em nosso canal e acompanhar nossos conteúdos! A ConsulPaz CGP Associates mais uma vez esteve presente e apoiou a Associação Brasileira de Serviços Compartilhados – ABSC, desta vez, eu, como Diretor Presidente, tive a honra de abrir e dirigir os trabalhos do 3º Encontro Nacional ABSC de Serviços Compartilhados. No encontro, tivemos excelentes discussões e palestras de alto nível, que muito contribuem para o crescimento e fortalecimento do segmento. Participaram do encontro cerca de 60 executivos, representando mais de 34 empresas. Neste encontro, também contamos com a participação voluntária da sócia da ConsulPaz, Pricila, que apoiou toda a organização do evento. No mês de março último, contamos com a participação do nosso sócio Fabio Pesaro, palestrando em nome da ConsulPaz no 4° Shared Services SAB – EBDI, realizado em Itú, interior de São Paulo. Este evento contou com a participação de mais de 60 executivos de CSC de grandes empresas. Destaque para a excelente avaliação da palestra proferida pelo Fabio, e que nos presenteou, convertendo sua palestra no artigo em destaque nesta edição. Também no último dia 22 de março, tivemos a realização do nosso 1º Evento Coffee.Net em Florianópolis, em parceria com a FIESC e com a contribuição de excelentes parceiros. Neste evento, tivemos uma sequencia de palestras, todas no formato TED e de excelentes conteúdos, muito voltados para inovação e novas tecnologias. Este foi o terceiro evento organizado pela ConsulPaz e esperamos poder continuar contribuindo para o segmento com eventos diferenciados como este. Acompanhe nossa programação e, quando estivermos na sua região, não deixe de participar. Dois fatos relevantes merecem destaque neste editorial, o primeiro, foi o “go live” do Projeto Fleury, no qual está iniciando a implantação de seu Centro de Serviços Compartilhados, e a ConsulPaz, em parceria com a MH Participações, ganhou este projeto. O “kick off” ocorreu no último dia 12/3. O segundo fato relevante foi a conquista pela ConsulPaz do projeto junto à CECRED para a realização do “business case” de implantação do Centro de Serviços Compartilhados. O CECRED já pertence a nossa lista de clientes especiais e damos mais um passo no caminho da construção de um modelo robusto de CSC nesta instituição. Estas são importantes conquistas para a ConsulPaz que vem crescendo de forma consistente e com entregas robustas para seus clientes. Falando de futuro, queremos comunicar que, no próximo mês de maio, nosso sócio Ari Alexandre assume a filial Itajaí/SC. Ele vem aportar grande experiência na gestão de equipes e projetos de CSC, e já chega com o compromisso de entregar o projeto do CECRED, além de ampliar nossa base de clientes no estado. Para encerrar este nosso editorial, gostaria de retornar ao início, onde entendemos que, mesmo diante das dificuldades e complexidades colocadas, sejam elas políticas, sociais ou econômicas, o que irá mudar e fazer toda a diferença é nosso trabalho sério, comprometido e de qualidade. Diante deste propósito, é que publicamos mais uma edição da nossa revista Conteúdo Compartilhado, que traz conteúdo de qualidade, informações e notícias importantes para o nosso segmento de atuação – Processos e Serviços Compartilhados. Desejamos a todos uma excelente e prazerosa leitura, e finalizamos convidando você, leitor da revista Conteúdo Compartilhado, a participar das próximas edições, enviando sugestões de temas para nossos artigos. Envie sua sugestão para contato@consulpaz.com, será uma grande oportunidade para nossos consultores prepararem artigos que venham a atender às necessidades de nossos clientes e amigos.

EDEN PAZ CEO e Sócio Fundador da ConsulPaz CGP Associates Diretor Presidente da ABSC – Associação Brasileira de Serviços Compartilhados


NOTÍCIAS

4

Novo canal do Youtube “CONSULPAZ - CONTEÚDO COMPARTILHADO”

O mês de Abril veio recheado de conteúdo para a ConsulPaz. Uma das grandes estreias, foi o canal “ConsulPaz – Conteúdo Compartilhado” que traz assuntos interessantes do mundo dos negócios, dos serviços da ConsulPaz e o que nossos clientes tem a falar sobre o impacto positivo que geramos em seus negócios. O nome do canal não foi escolhido por acaso. Um dos grandes objetivos que a ConsulPaz tem é disseminar o conhecimento e contribuir para o crescimento dos negócios e dos profissionais. Pensando nisso, iniciamos essa jornada, com a divulgação bimensal da nossa newsletter, a qual proporcionamos aos leitores a possibilidade de discutir sobre alguns temas atuais. Agora, passaremos a compartilhar, também, vídeos falando sobre diversos assuntos, os quais você poderá acessar em nosso canal, fazendo assim, com que possamos entregar um pacote completo de conteúdos relevantes para o seu dia-a-dia.

Acesse nosso canal no youtube “ConsulPaz – Conteúdo Compartilhado”.


5

NOTÍCIAS

Programa “COM A PALAVRA, O CLIENTE”

O programa “Com a palavra, o Cliente” é a mais nova estreia do canal “ConsulPaz – Conteúdo Compartilhado”, no YouTube. Com uma série de três vídeos, a ConsulPaz apresenta depoimentos de três de seus principais clientes, contando como foi sua experiência de trabalho com a consultoria. No primeiro programa da série, tivemos a honra de gravar com Carlos Roberto Arins do Nascimento, CIO e Gerente Executivo do CSC das empresas Randon, contando como foi a atividade realizada nas empresas Randon, em parceria com a ConsulPaz.


6

NOTÍCIAS

O sucesso do evento COFFEE.NET FLORIANÓPOLIS

No dia 22 de março deste ano, foi realizado no Centro Eventos da FIESC em Florianópolis, mais uma edição Evento Coffee.Net, um encontro que permitiu troca conhecimentos e um networking de qualidade a todos presentes.

de do de os


7

NOTĂ?CIAS

A ConsulPaz agradece a todos os envolvidos, em especial aos patrocinadores, apoiadores, FIESC e principalmente aos presentes pelo grande sucesso do evento.


8

NOTÍCIAS

Kick Off do Projeto CSC Grupo Fleury No último dia 13 de março, a ConsulPaz em parceria com a

MH Participações, realizaram o kick off do projeto CSC do Grupo Fleury. Estiveram presentes no evento nosso CEO Eden Paz, nosso sócio, Luiz Alves, Márcio Hannas CEO da MH Participações e toda liderança do CSC do Grupo Fleury. Neste projeto contamos com a participação dos consultores Cristina Hamada e Carlos Renato Dias.

“Um desafio importante para o grupo Fleury e certamente nossa experiência irá contribuir para o sucesso do projeto”. Eden Paz, CEO e Sócio.


NOTÍCIAS

ConsulPaz presente no Shared Services Sab 2018 Nos dias 07, 08 e 09 de Março ocorreu a edição 2018 do Shared Services SAB. O evento realizado pela EBDI, permitiu a integração de executivos e Parceiros de Centros de Serviços Compartilhados, proporcionando a troca de experiências e conhecimentos. A programação do encontro contou com palestras, painéis de debates, grupos de estudos, dinâmicas de grupo e de coffee breaks que permitiram o networking. Na ocasião estavam presentes, representando a ConsulPaz, nosso CEO Eden Brazil Paz Jr. e nosso sócio Fabio Pesaro​, que proferiu a palestra “Com as mudanças tecnológicas no CSC e transformação nos processos, como reter e engajar os colaboradores?”

Para Fabio...

A ConsulPaz orgulha-se de estar presente e apoiar encontros como este, de relevada importância para o segmento de CSC.

9


10

NOTÍCIAS

3° Encontro Nacional ABSC No último dia 12 de abril, foi realizado, na cidade de São Paulo, o 3º Encontro Nacional ABSC. Representada pelo nosso CEO e Presidente da ABSC, Eden Paz, a ConsulPaz teve a oportunidade de mais uma vez fazer parte de mais um importante evento que reuniu líderes e representantes de importantes Centros de Serviços Compartilhados, que teve como tema “Os CSCs na Era da Transformação: como pensar o modelo futuro”.

Na ocasião, foram realizados painéis com executivos de CSC, palestras de altíssimo nível, atividades em grupo, tudo voltado para o futuro do segmento e seus impactos. Nossa sócia, Pricila, também esteve presente apoiando na organização do evento, de forma voluntária, para garantir que tudo transcorresse como o planejado.

Não deixe de visitar o site da ABSC, de conhecer as vantagens e benefícios de se associar e de poder participar das maiores iniciativas e ações do segmento de Serviços Compartilhados (CSC) do Brasil: www.absceb.com


11 Com as mudanças tecnológicas no CSC e transformação nos processos, como reter e engajar os colaboradores?

As cada vez mais frequentes evoluções tecnológicas nas mais diversas áreas da humanidade têm desafiado todos os seres humanos, seja no dia-a-dia pessoal, seja no profissional. E, por mais que queiramos, não há como ficar indiferente às mudanças e às novidades.

Nos Centros de Serviços Compartilhados não é diferente. Em seu artigo “Evolutivo e Adaptativo”, Éden Paz, o CEO da ConsulPaz, comenta sobre essa evolução e a importância em acompanhá-la. Naturalmente, as mudanças vêm acompanhadas de incertezas e, em alguns casos, também de angustia, conforme nos mostra o Indira Gandhi Institute of Development Research, que constatou que novos desenvolvimentos em tecnologias de automação, que eliminam empregos, ou a ideia de máquinas virem a substituir os seres humanos já é uma nova fonte de ansiedade, tanto em economias em desenvolvimento como em economias desenvolvidas. .


12 Alguns números que justificam a essa preocupação... o Conselho de Assessores Econômicos dos EUA (CEA) classificou as ocupações originalmente encontradas em risco de automação por Frey e Osborne (2013), por salários por hora. Eles descobriram que, 83%

dos empregos que pagam menos de US$ 20 por hora ficariam sob pressão da automação. Quanto aos empregos que pagam entre

US$ 20 e US$ 40 por hora, 31% ficariam sob pressão e dos empregos que pagam acima de US$ 40 por hora, apenas 4% sofreriam a mesma pressão. Em 2016 a Oxford Martin School avaliou o impacto variável que a automação terá em países e cidades ao redor do mundo, com base na mesma metodologia seguida por Frey e Osborne (2013), mas agora em quantidade de empregos1. Vejamos, pois, os resultados:

• 47% dos empregos nos EUA e 57% dos empregos em média nos países da OCDE estão em risco pela automação; • Nos países subdesenvolvidos estima-se que varie de 55% no Uzbequistão até 85% na Etiópia. • Nas economias emergentes, o risco de automação estimado é relativamente elevado, colocando em risco algo entre 69% (Índia) e 77% (China) dos empregos.

1

Foram consideradas 702 diferentes atividades para este estudo.


13 A maioria dos economistas classificam o Brasil como uma economia emergente, apesar de não preencher todos os requisitos (ainda que tenha potencial para tal). Por isso, a melhor colocação que li a esse respeito (me perdoem, mas não me lembro o nome do economista que fez essa colocação) é a de que o Brasil é um país “sub-emergente”.

Se retrocedermos ainda um pouco mais, verificaremos que tanto a 1° Revolução Industrial (associada à criação da máquina à vapor, em 1784), bem como a 2° Revolução (associada à descoberta da eletricidade, em 1870), contribuíram para o surgimento das indústrias e para com a produção em massa com a divisão do trabalho, conforme nos conta Lidia Goldenstein, em seu artigo “4° Revolução industrial: impactos no emprego e na educação” – postado no LinkedIn”. Mas, voltando a falar da 3ª Revolução Industrial, alguns números nos dão a real dimensão do quão exponencial é a aderência da tecnologia:


14 O telefone fixo levou cerca de 75 anos para alcançar 50 milhões de usuários. Tendo como referência essa quantidade de usuários, vejam quanto tempo cada uma das seguintes tecnologias levou para atingir a mesma marca (cronologicamente elencados – fonte IBM):

O rádio levou 38 anos; A televisão, 14 anos; A internet, 3 anos; O Facebook, 1 ano;

O jogo Angry Birds, 35 dias; e O Jogo Pokemon Go 19 dias!

Enquanto no Brasil ainda não conseguimos capacitar a mão-de-obra para nos adequarmos à 3ª Revolução, o mundo já vive a 4ª Revolução Industrial, caracterizada por uma fusão de tecnologias biológicas, físicas e digitais. E essa nova revolução contribuirá fortemente para a uma cada vez mais rápida (ainda mais exponencial, se for possível assim classificar) transformação do papel em boa parte da força de trabalho atual.


15 Mas a grande questão é: como reter e engajar os colaboradores nestes ambientes de constante mudanças? Muitas são as ações e ferramentas desenvolvidas através da área de gestão de pessoas, que têm contribuído para preparar e reter os Colaboradores como, por exemplo: • Processos de avaliação de desempenho? (já existem questionamento sobre a aplicabilidade desta ferramenta – afinal mede o passado...) • Planos de desenvolvimento de Colaboradores • Rotinas de treinamento • Trilha de carreira / Possibilidades de crescimento • Planos de Sucessão • Projetos / Tarefas desafiadoras • Possibilidade de adoção de benefícios diferenciados ou mesmo flexíveis, etc... Mas, talvez, a atenção necessária não esteja sendo dada. Craig Nelson, sócio do ISG (Information Service Group) teria dito, de acordo com o Artigo “Não tema os robôs, abrace o seu pontencial” – de Stephanie Overby – disponível no site www.cio.com.br, que...

“... a retenção de talentos e o desenvolvimento dos funcionários não estão sendo adequadamente tratados, uma vez que a louca luta pela redução de custos tende a ter prioridade sobre o impacto da automação na cultura da organização...”.


16 Adicionalmente a essa ponderação, outras perguntas necessitam ser respondidas: 1. “Quão rápido e como a evolução tecnológica afetará as atividades hoje realizadas pelo homem?” 2. A estratégia dos CSCs, de médio e longo prazos, são sólidas e claramente definidas? 3. “O atual modelo de retenção de pessoas nos CSCs se sustenta?” 4. Quais as competências serão necessárias para o CSC “DIGITAL”? 5. Qual será o papel das pessoas nesta composição / estrutura do CSC “DIGITAL”?

nova

Evidentemente essas avaliações são muito particulares e cada CSC deve buscar a sua resposta. Mas certamente Estes questionamentos nos levam a olhar com um pouco mais de atenção os nossos Colaboradores.

Talvez uma das alternativas seria resgatar um pouco do conceito de Planejamento Estratégico de RH (ou Gestão de Pessoas), nos moldes que era nos inícios dos anos 90. Não que todas as ações relacionadas não sejam aplicadas atualmente, mas sim, devem ser utilizadas de forma mais integrada nos níveis mais baixos da organização, com visão holística e, principalmente, com maior simplicidade (tanto quanto seja possível).


17

A seguir, algumas rápidas observações sobre os aspectos que influenciam, em maior ou menor grau, as ações holísticas de um planejamento estratégico de RH bem estruturado, a partir do ponto primário deste arrazoado    

 

Impacto das Tecnologias: importante para compreender os impactos nos recursos humanos na estrutura organizacional das áreas afetadas Redesenho de Processos: importante para compreender as novas estruturas organizacionais e suas necessidades em termos de recursos humanos (inclusive skills e competências). Estratégia de Treinamento: importante para estruturar de forma antecipada a formação necessária dos recursos humanos frente à futura realidade. Gestão dos Custos / Investimentos: fundamental para apoiar no equilíbrio dos custos dos CSCs, considerando a necessidade de investimentos na preparação dos recursos humanos frente à nova realidade. Administração dos Recursos Físicos e Tecnológicos: compreender as estratégias para não deixar recursos físicos e tecnológicos ociosos, pois podem gerar demandas relacionadas a novos recursos humanos decorrente de transferência de novos serviços aos CSCs. Gestão de Pessoas, com ênfase nos talentos: engajar e garantir a retenção de talentos e pessoas chaves no CSC para todas as situações. Entender o Ambiente (Clima Organizacional): entender o clima organizacional permite endereçar mais adequadamente as ações do CSC. Planos de Carreira e de Sucessão Integrados com os da Organização: A vivência no CSC deve ser visto como um passo importante (senão essencial) no plano de carreira dos talentos e executivos. Estratégia do CSC integrada à Estratégia da Organização: Fundamental para que o CSC norteie suas ações para suportar a Organização.


18 Por fim, importante se faz corresponder às expectativas dos Colaboradores2 bem como compreender a evolução da empresa, principalmente em relação aos aspectos que afetarão os Skills e Competências necessários nos novos cenários, no que tange ao desenvolvimento profissional. Não menos importante é considerar que a capacidade de aprender deve estar em permanente sintonia com a velocidade das constantes transformações tecnológicas3. Encontrar o equilíbrio entre a capacidade de adaptar e a capacidade de aprender e, principalmente, estar atento ao “caminhar” da CAPACIDADE evolução amenizará os DE APRENDER impactos e contribuirá para que as empresas e seus Colaboradores melhor se prepararem para o futuro.

CAPACIDADE DE ADAPTAR

Entre em contato, através do nosso e-mail contato@consulpaz.com, teremos muito prazer em discutir nossas ideias e trocar experiências. Além dos serviços de consultoria, também temos como um dos nossos propósitos compartilhar nossos aprendizados.

Fabio Pesaro Consultor Associado ConsulPaz CGP Associates www.consulpaz.com Colaboração: Eden Paz, Joaquim Rocha Arte e diagramação: Muriã Ferri

2 Luis

Fruet (Diretor de RH da Nestlé) Entrevista ao Site Mundo RH em 2016. Helena da Silva Santis (artigo sobre Planejamento Estratégico de RH de 1999)

3 Sandra


19

AGENDE-SE 23 MAIO SHARED SERVICES LEADERSHIP FORUM 2018 IEG

29 JUNHO MESAS TI SEPRORGS

fonte da imagem: freepik.com


A SUA PLATAFORMA DE GESTÃO E SERVIÇOS EMPRESARIAIS REDESENHO DE PROCESSOS SERVIÇOS COMPARTILHADOS (CSC) GESTÃO & NEGÓCIOS

PRIORIZAMOS A BUSCA DE OPORTUNIDADES E GANHOS PARA NOSSOS CLIENTES.REALIZAR É O QUE NOS MOVE, TENHA RESULTADOS REAIS HOJE!


NOSSO DIFERENCIAL

O QUE FAZEMOS A ConsulPaz é uma Consultoria de Gestão Empresarial, especializada na identificação de cenários e relações nas empresas, com soluções através da revisão e redesenho de processos administrativos e de suporte, implantação e a revisão de Serviços Compartilhados (CSC), com soluções inteligentes, inovadoras e que adicionem valor ao cliente. Atuamos na definição e na construção de Modelos de Governança, de Gestão, de Atendimento e de Sistemas Controles.

Na ConsulPaz nós priorizamos a busca de oportunidades e ganhos para nossos clientes. Sabemos como lidar com o impacto que as mudanças em processos podem causar, facilitando assim o alcance do sucesso nas mudanças. Trabalhamos de forma colaborativa com profissionais experientes e empresas parceiras que complementam nossas capacidades e escopo de atuação. Em conjunto, conseguimos otimizar os projetos, prover maior consistência técnica, aumentar a velocidade de realização e reduzir os custos e tempos de implantação dos serviços prestados.

PODEMOS AJUDAR A SUA EMPRESA SOLUÇÕES INTEGRADAS E AUTOMAÇÃO DE PROCESSOS

PROJETO, REVISÃO E IMPLANTAÇÃO DE SERVIÇOS COMPARTILHADOS

ADVISORY

GESTÃO DA MUDANÇA E IMPACTOS ORGANIZACIONAIS

DIAGNÓSTICO E ANÁLISE DE CENÁRIOS REDESENHO PROCESSOS

E

IMPLANTAÇÃO

DE

MODELOS DE GOVERNANÇA E GESTÃO

Acompanhe a ConsulPaz em seus canais digitais:

contato@consulpaz.com www.consulpaz.com

COACHING E TEAM BUILDING

ARQUITETURA ORGANIZACIONAL PROGRAMAS OPERACIONAL

DE

facebook.com/ConsulpazCGPAssociates/ Consulpaz CGP Associates

EXCELÊNCIA

Profile for ConsulPaz CGP Associates

Ed 003_Mar Abr 18_Conteúdo Compartilhado  

#ConsulPaz #ConteudoCompartilhado

Ed 003_Mar Abr 18_Conteúdo Compartilhado  

#ConsulPaz #ConteudoCompartilhado

Profile for consulpaz
Advertisement