Page 233

adaptado: semelhantes processos psicológicos podem funcionar em múltiplos níveis hierárquicos resultando em processos similares no mesmo padrão das variações de timing na performance. Reep e Keller (2009) relatam um estudo onde diferenças entre as repetições gravadas de uma passagem são mais facilmente percebidas pelo próprio executante do que as diferenças entre as repetições das mesmas passagens percebidas por outros executantes, sugerindo que a discriminação visual melhora devido à percepção da ressonância. Assim, a capacidade de pianistas de prever o seu padrão de ação próprio e característico ajuda a sua percepção da irregularidade temporal. Esses resultados não apoiam outras hipóteses construídas pela literatura no domínio musical, mas eles sugerem aos pianistas que ouçam suas performances e gerem suas expectativas temporais idiossincráticas, inclusive simulando uma ação interna. O apresentado a seguir tem o intuito de demonstrar como soaram minhas performances, em dois momentos já vivenciados. Os dados para a construção dos gráficos apresentados foram obtidos pelo programa Sonic Visualiser, que foi desenvolvido pelo Center for Digital Music, Queen Mary, University of London. O Sonic Visualiser é um programa especificamente concebido para analisar gravações, tendo sido projetado para oferecer diferentes formas de visualizar a música que se ouve. O programa é baseado na ideia de camadas sobrepostas. Um tutorial e um manual para a utilização do programa são fornecidos em anexo ao “download” no link: http://www.sonicvisualiser.org/. Algumas das ferramentas fornecidas pelo programa condicionam a verificação do tempo expressivo – timing – para o trecho que se analisa e se escuta. O programa fornece diretamente a visualização da qualidade das ondas sonoras emitidas que foram captadas na referente gravação da performance. Torna-se possível enxergar parcamente alguns aspectos vinculados, inclusive dinâmicas produzidas durante tal performance. Porém, tal mapeamento está muito ligado à qualidade da fonte produtora do som. O tema aqui desenvolvido é uma busca pelo entendimento da própria performance musical e possível fonte de feedback para minhas próximas performances e concepção da música como elemento de comunicação. Não procurarei abordar questões específicas da psicologia da música, de antemão, menciono que várias conclusões já discutidas na literatura são da mesma maneira percebidas nas minhas performances como elementos de temporalidade natural.

Comparação das performances da peça O passarinho de pano A figura abaixo (Figura 1) apresenta um trecho inicial da peça tomada para análise performática. A representação mental de tal texto comporta várias dimensões, porém o foco de interesse nessa comunicação não abarca tal escopo, menciono que, apesar dessa sistemática acadêmica, meu interesse circunda igualmente esse delinear.

CONGRESO INTERNACIONAL DE PIANO - La música latinoamericana para piano

~ 226 ~

Profile for Congreso Piano

Congreso Internacional de Piano  

Congreso Internacional de Piano "La música Latinoamericana para piano" 18 al 21 de Noviembre de 2010 Buenos Aires Argentina

Congreso Internacional de Piano  

Congreso Internacional de Piano "La música Latinoamericana para piano" 18 al 21 de Noviembre de 2010 Buenos Aires Argentina

Advertisement