Page 1

Castelo - Ouro Preto - Pampulha

março / abril - 2010 - Belo Horizonte/MG 8 a edição - Ano II - Distribuição Gratuita | www.conexaonoticias.com.br

Mineirão

Começam as obras de reforma do Estádio Governador Magalhães Pinto

Página 5

Proibido fumar

O consumo de cigarro em ambientes coletivos fechados está proibido em MG

Página 4

Dia da mentira Quando mentir vira doença?

Página 6

Parque Ursulina Obra garante mais segurança

Página 4

Autêntico, apaixonado pelo que faz e dono de um ótimo humor, Ricardo Sapia recebeu o jornal Conexão otícias.


E

2 CONEXÃO NOTÍCIAS

EDITORIAL

stamos em 2010 faz tempo e co mo em todos os anos as coisas começam a andar em nosso país somente após as férias e o carnaval, embora, logo as atenções estarão voltadas para a chegada dos inúmeros feriados que teremos e para os jogos da Copa do Mundo. É aí que vem a grande preocupação, pois num ano de eleições meio a tantos eventos fica pouquíssimo espaço para a verdadeira reflexão política na escolha de um candidato sério e comprometido para dirigir um país de tantos “circos”. Sabemos que a escolha de um candidato não é uma tarefa fácil, até porque, as opções são poucas nos colocando em situação de escolher o menos ruim, justamente por isto precisamos saber usar o nosso direito de voto para reverter um quadro político tão desacreditado. Assim, espero que entre tantos eventos e tantos feriados, o brasileiro consiga ter tempo para pensar com seriedade nos critérios de seleção de seu candidato, use as ferramentas de consulta que estão sendo introduzidas e não se deixe levar apenas pelas propagandas políticas televisivas, corpo a corpo e outras do gênero que são estrategicamente montadas para persuadir os menos informados. Num país de tantas desigualdades, a urna é o único espaço onde todos os cidadãos se tornam verdadeiramente iguais. Lembre-se que somente você pode mudar os rumos da política desse país. Cida Gregori

EXPEDIENTE

Cida Gregori - RG 1512 MG Editora Responsável / Relações Públicas / Jornalista Erika Oliveira Jornalista / Revisora Márcio Wander Diagramação Alvim Dias Criação

Cida Gregori Fotografia

Gráfica Sempre Editora LTDA Tiragem:15000 exemplares

Redação / Comercial: Av. dos Engenheiros, 300, sala 06 - Castelo Belo Horizonte - MG - CEP: 30.840-300 Telefax: (31) 3418-1222 Celular: (31) 8477-6743 contato@conexaonoticias.com.br www.conexaonoticias.com.br www.twitter.com/conexaonoticias

O Conexão Notícias é um produto da empresa de comunicação Gregori e Araújo Webdesign Ltda. DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

Os artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e não refletem, necessariamente, a opinião do jornal.

“Páscoa é dizer sim ao amor e à vida; é investir na fraternidade, é lutar por um mundo melhor, é vivenciar a solidariedade.”

FELIZ PÁSCOA!

Jornal Conexão otícias Confira no nosso site, uma deliciosa receita para sua Páscoa: www.conexaonoticias.com.br

Segurança pública também é coisa de mulher

MARÇO / ABRIL / 2010

M

ARQUIVO PESSOAL

arilda Xavier Lara é promotora de polícia comunitária pela Secretaria Nacional de Segurança Pública, SENASP, coordenadora do Projeto Rede de Vizinhos Protegidos, presidente do Conselho do Centro de Apoio Comunitário - CAC Serrano e vice-presidente do Conselho de Segurança Pública (CONSEP 8) da Área Integrada de Segurança Pública (AISP 21). É ainda Pedagoga, assessora de gabinete da PBH Regional Noroeste, diretora do Movimento de Luta Pró Idoso e moradora do bairro Castelo há 20 anos.

Conexão: Quais os maiores desafios que você enfrenta na sua profissão? Marilda: Conscientizar as pessoas de que somente com a união e solidariedade poderemos construir um mundo melhor. Conexão: Para você, quais as deficiências do bairro Castelo, em termos de segurança? Marilda: O bairro Castelo é privilegiado em termos de policiamento, mas a polícia não consegue estar em todos os locais ao mesmo tempo, por isto as pessoas precisam sair do piloto automático e ficarem mais atentas, pois 90% das ocorrências se dão pela oportunidade dada pela vítima.

Conexão: Fale um pouco sobre o Projeto Rede de Vizinhos Protegidos. Marilda: O Projeto da Rede de Vizinhos Protegidos é uma parceria entre a Polícia Militar e a comunidade que estabelece um laço de confiança e uma comunicação rápida e efetiva entre as partes. O papel da PM é manter a ordem pública, prevenir e combater a criminalidade. O papel da comunidade é estar atenta aos acontecimentos ao seu redor, criar uma formar de comunicação entre os vizinhos, combinar estratégias de vigilância mútua e avisar a PM ao perceber uma atitude suspeita, possibilitando assim a abordagem preventiva. Os olhos atentos funcionam como “câmeras vivas”. O mais importante neste processo é a sensação de segurança que passamos a sentir. Posso garantir que vale a pena, pois segurança pública é qualidade de vida. Conexão: Qual a sua contribuição no Programa Rede de Vizinhos Protegidos? Marilda: Há seis anos sou coordenadora do Projeto Rede de Vizinhos Protegidos da Polícia Militar em nossa região, como voluntária, fazendo palestras orientando a comunidade junto com a PM e posso afirmar que é uma das ferramentas mais eficazes para melhorar a segurança, pois trabalha a prevenção e desperta o espírito de solidariedade entre as pessoas.

Conexão: Como começou a parceria com a Rede de Vizinhos Protegidos? Marilda: Assisti a uma palestra do idealizador do Projeto, o Major Fagundes que era Comandante da 9ª Cia. Especial do 34º BPM, e hoje é Tenente Coronel e Comanda o 49º BPM. Fiquei encantada com a proposta e com os resultados já alcançados nos bairros Caiçara e Padre Eustáquio. Procurei o Comandante da 8ª Cia. Especial, que atende nosso bairro convidei os moradores e marcamos a primeira reunião. Com dois meses de implantação do projeto, conseguimos reduzir de 20 para 2 crimes violentos. Fiquei mais encantada

ainda e me coloquei à disposição do Comandante para levar a proposta para os bairros vizinhos. Tive ajuda dos padres e pastores para a mobilização e em dois anos conseguimos contemplar os 24 bairros sob a jurisdição da 8ª Cia. Especial.

Conexão: Já sofreu preconceito, atuando no projeto Rede de Vizinhos Protegidos? Marilda: Existe a crítica de quem não consegue realizar nada, porém entrego meu trabalho a Deus e sigo em frente. O importante é o resultado positivo.

Conexão: Qual a sua opinião sobre a segurança no Brasil? Marilda: A segurança pública no Brasil está longe do ideal. Nós mineiros temos o privilégio de ter a polícia mais respeitada do país e que atua com a filosofia de polícia comunitária, ou seja, uma polícia que trabalha com a comunidade na promoção da paz social.

Conexão: O que você acha que ainda deve ser feito em termos de segurança pública? Marilda: É preciso que as pessoas compreendam que segurança pública não é só problema da polícia e que se disponha a fazer sua parte, pois o artigo 144 da nossa Constituição diz que segurança pública é dever do Estado, direito e responsabilidade de todos.

Conexão: Qual a participação da população nesse processo? Algum recado para a população? Marilda: A participação da comunidade é fundamental, pois embora o Projeto seja da Polícia Militar, nós é que damos vida a ele. É a união da sociedade civil com os órgãos de Defesa Social na construção da segurança pública. O meu recado para a população é que não esperem a solução somente por parte do poder público, que participe desta construção, procure conhecer o Comandante da Companhia da PM e o Delegado da sua região, o Administrador Regional da PBH e veja no que pode contribuir. Pode ajudar ainda na Pastoral da sua Igreja, se for católico ou no Ministério se for evangélico para melhor encaminhar nossas crianças e jovens.

Conexão: Dia Internacional da Mulher. O que você tem a dizer a elas? Marilda: Quero parabenizar as mulheres que têm ocupado cada vez mais espaços de destaque e devo lembrar que temos uma responsabilidade muito grande na construção de um mundo melhor, pois somos mais atentas aos detalhes, mais sensíveis e temos o instinto maternal de cuidar do outro.


MARÇO / ABRIL / 2010

“TUDO JUSTO E PERFEITO”

CONEXÃO NOTÍCIAS 3

Apresentador do Minas Urgente fala da carreira e da vida pessoal Autêntico, apaixonado pelo trabalho e dono de um ótimo humor, Luiz Ricardo Garcia Sapia nasceu em Londrina, no Paraná. Como ele mesmo costuma dizer o jornalismo “aconteceu”, como tudo em sua vida, naturalmente. Era nadador e morava fora do país, quando ganhou uma bolsa de estudos para cursar Rádio e Televisão na Universidade de Miami. Diante do falecimento do pai, no Brasil, voltou e ao sofrer um acidente automobilístico não saiu mais daqui. Começou, então, a trabalhar como repórter do Programa do Cadeia, da C"T e foi locutor esportivo em uma rádio. Passados três anos, assumiu a função de apresentador, o que o tornou conhecido e reconhecido em todo o país. O gosto pela leitura e pelo estudo também o motivou a “tornar jornalista”, além da habilidade de lidar com as pessoas: “Adoro me dar com o público e tive a oportunidade de fazer isso no Balanço Geral”, diz Sapia. Ele se refere ao programa da Rede Record, no qual foi o primeiro apresentador. Era um quadro gravado fora do estúdio uma vez por mês. De lá para cá já são 17 anos como apresentador e sete anos em Belo Horizonte. Lazer? O trabalho. O apresentador vive para o trabalho e trabalha o dia inteiro. Atualmente, logo após o Programa Minas Urgente da Rede Bandeirantes de Televisão, Sapia participa do Programa do Sapia no leste mineiro. Um programa no seu estilo, onde o público participa e interfere diretamente no andamento da programação. A interação com o público é uma característica forte também do programa Minas Urgente, que utiliza de vários recursos para ouvir a população como: enquete de rua, telefone, e-mail ou o tradicional correio, além do twitter que vem tendo grande aceitação pelo público do programa. “É uma invasão de privacidade gostosa e é onde eu tenho real contato com os telespectadores”.

DIVULGAÇÃO

CARREIRA Para Sapia sua melhor entrevista foi com Billy Pol: “Foi sensacional”, lembrou ele. E também lembrou da cobertura das eleições do Paraguai, onde Fernando Lupo, tornou-se Presidente da República. “Mas cobrir uma guerra eu queria muito, estilo Vietnã”, revela. Se impressionar? “Só se for com as injustiças e a cara de pau dos políticos”. Único jornalista de uma famí-

lia de sete irmãos, Sapia é pai de cinco filhos, sendo só um residente em Belo Horizonte. “Já conquistei tudo o que eu queria. Projeto? Ter mais filhos e me casar”, brinca.

PROGRAMA MIAS URGETE Com uma linguagem coloquial, opinativa e um formato dinâmico, o Programa Minas Urgente tem prestação de serviço, esclarece dúvidas dos espectadores e conta com a presença de profissionais da área da saúde e do direito. Diariamente são cerca de 300 e-mails como demanda. Todas as sextas-feiras Sapia abre espaço em seu programa para o entretenimento (quando artistas e personalidades participam da programação). Diferente de um programa “popularesco”, a audiência da emissora revela que o público que os assiste são as classes B, C e a A, respectivamente. “As pessoas confundem popular com popularesco. Temos que ter os dois lados. Quando trago aqui um telespectador que precisa de uma geladeira e não tem condições de adquirí-la, do outro lado da linha tem um empresário que imediatamente me liga e doa a geladeira. É a interatividade, não participação popular. Televisão é naturalidade e tem muita gente da concorrência forçando estilos. Isso cansa os telespectadores e não é dessa forma que eu trabalho”, explica. Profissionais como o jornalista Ernesto Paglia, Luís Carlos Bernardes e o apresentador Ricardo Boechat, são referências para Sapia. “Na realidade nunca me espelhei em ninguém especificamente. Cada pessoa tem sua identidade. Já me chamaram de Datena Júnior, de Ratinho. O Datena é muito enjoado, não gosto do jeito dele de ficar voltando as matérias, não tenho paciência, já o Ratinho, passou. A pessoa tem que ter empatia. TV é entretenimento”, ressalta. Perguntado sobre suas aspirações políticas, já que recentemente se filiou ao PDT, Sapia brinca: “só se for para ser candidato ao Governo do Estado, ou ao Senado. Tem duas vagas para Senador em 2010. Itamar Franco está com 79 anos, José Alencar não tá muito bem de saúde, de repente abre uma berada, né?” Criticado pelo estilo do programa, o jornalista é enfático: “Não crio nada, não invento nada. Só mostro a realidade. Se não quiser assistir, vai assistir Pica-Pau. É querer tampar o sol com a peneira”. “Eu tenho um ditado: O sucesso só vem antes do trabalho, no dicionário. Você tem que trabalhar, trabalhar e trabalhar”. Finaliza.


É proibido fumar 4 CONEXÃO NOTÍCIAS

MARÇO / ABRIL / 2010

O projeto de lei foi publicado no Diário Oficial do Estado em 05 de dezembro e entra em vigor em abril

Já Lívia Mansur, 24 anos, advogada, menos fumantes no Brasil”, destaca. O consumo do cigarro em ambientes derivados de tabaco e que o fumo é prejudifuma há seis anos e acaba de descobrir que O texto sancionado pelo governador coletivos fechados sejam públicos ou privacial à saúde. O fumante também poderá ser tem uma doença originada do tabaco, chatambém proíbe que professores e outros prodos está proibido em Minas Gerais. No enpenalizado. O dono do estabelecimento mada Edema de Heinke: “Já estou a camifissionais que desenvolvam atividades com tanto, diferente da legislação mais rigorosa pode entrar com ação regressiva contra o funho de parar de fumar e pretendo ser uma alunos fumem nas dependências às quais os como o estado de São Paulo, em Minas os mante que teria provocado a autuação, que ex-fumante”, diz. Ela acredita que a lei vai estudantes tenham acesso nas escolas de estabelecimentos com mais de 100 m2 popassaria a ser responsável pelo pagamento além da proibição: “Não temos que comeducação básica de responsabilidade do Esderão criar “fumódromos”. O Projeto de Lei da multa. tado. Nas tabacarias, o consumo está autoribater os fumantes e sim os futuros fuman3.035/2009, sancionado pelo governador O deputado Gilberto Abramo (PMDB), tes, e a lei vem para diminuir a chance de zado, desde que na entrada e no interior dos Aécio Neves, prevê que o espaço para funa ocasião, citou os recentes estudos amerique pessoas venham a experimentar o ciestabelecimentos seja afixado aviso informantes deverá ser isolado por barreiras físicanos, feitos pela Universidade do Kansas e garro, dessa forma em longo prazo teremos mando que naquele local há utilização de cas e equipado com soluções técnicas que pela Universidade da Califórnia, que apongarantam a exaustão taram uma redução da fumaça para o amde cerca de 30% de biente externo. casos de ataque carEliane Delmiro, díaco depois de ado26 anos, não é futada a lei antifumo, mante, mas acredita mostrando a eficácia A Pesquisa Especial de Tabagismo maram que pretendem parar de fumar algum com 50,2%, em Alagoas, com 45,8% e no que a lei irá funcionar: deste tipo de medida (Petab), feita pelo Instituto Brasileiro de dia, mas não nos próximos 12 meses. Acre, com 45,2%. “É fundamental que a na melhoria da saúde Geografia e Estatística (IBGE) e divulgada A pesquisa aponta que a advertência O levantamento aponta ainda que, em fiscalização seja efida população. em novembro passado, aponta que do total sobre os malefícios do cigarro, contida nos 2008, homens e pessoas na faixa etária entre ciente e que os estabeEm caso de desdos brasileiros de 15 anos ou mais de idade rótulos, provoca impacto nos fumantes. 45 a 64 anos de idade, representavam o lecimentos sejam cumprimento da lei, que fumavam derivados de tabaco em 2008, Cerca de 70% afirmaram que pensam em maior percentual de fumantes do país, com o corretamente orientaos estabelecimentos 52,1% afirmaram que pensavam ou plane- parar de fumar em razão das advertências. índice de 21,6% e 22,7%, respectivamente. dos”, ressalta a jornapoderão pagar de javam parar de fumar. Segundo o IBGE, O impacto dos rótulos, segundo o IBGE, foi Além disto, o percentual de fumantes de talista. Ela ainda defende R$ 500 até R$ 6 mil cerca de 24,6 milhões de pessoas se decla- menor na região norte do país, onde 59,6% baco era maior na zona rural, com 20,4%, do a divulgação de camem multas. Os recurraram fumantes, o equivalente a 17,2% da afirmaram pensar em parar de fumar em que na urbana, com o total de 16,6%. panhas educativas para sos arrecadados com população com 15 anos ou mais. A pesquisa razão das advertências. Já na região sudeste, A escolaridade e rendimento domiciliar reforçar a existência da essas multas serão aponta ainda que 93% dos fumantes afirma- o impacto foi considerado maior, com a in- são fatores que contribuem para o tabalei e informar a popudestinados aos funram saber que o cigarro pode causar doenças fluência de 66,7% dos fumantes. Nos Esta- gismo. Ao total, 25% das pessoas sem inslação sobre os malefídos estadual e munigraves. Entretanto, destes fumantes que pre- dos, o impacto dos rótulos foi maior em trução ou com menos de um ano de estudo cios que o cigarro traz cipal de saúde e serão tendem largar o cigarro, apenas 7,3% mani- Roraima, onde 91,7% afirmaram pensar em fumavam em 2008. Além disso, 19,9% das para a saúde de quem aplicados em ações e festaram a intenção de parar de fumar no parar de fumar, seguido por Rondônia, com pessoas sem rendimento ou com menos de fuma e de quem se vê serviços voltados mês seguinte à pesquisa, que foi realizada 75,% e Distrito Federal, com 74,7%. Os me- um quarto de salário mínimo eram fumanexposto à fumaça do para a prevenção e o em setembro de 2008. Outros 33,5% afir- nores índices estaduais estão no Amazonas, tes no ano passado. cigarro. tratamento do câncer.

Segundo pesquisa mais da metade dos fumantes no Brasil pensam em parar

Obra no Parque Ursulina é conquista da comunidade

Foi construído no entorno do Parque Municipal Ursulina de Andrade Mello, no bairro Castelo, um passeio que garantirá mais segurança para os adeptos da caminhada no local. De acordo com o vereador Sérgio Fernando, autor do projeto, a obra trará muitos benefícios não só para a comunidade, como também para as pessoas que por ali precisam transitar, seja por questões profissionais ou pessoais. “A nossa preocupação é com a manutenção dos parques e a valorização dos poucos espaços verdes que temos na capital. A obra colabora para essa manutenção e amplia o conforto e a segurança da comunidade”, afirma. O PARQUE Uma das maiores áreas de vegetação remanescente de floresta tropical de Belo Horizonte, o Parque Ursulina de Andrade Mello foi implantado em 1996 e possui

307 mil metros quadrados. Com diversas nascentes, seu manancial contribui com água de qualidade para o bem estar da Lagoa da Pampulha. O espaço apresenta altitudes que variam de 810 a 880 metros e constitui um importante espaço de lazer, contemplação, práticas educacionais e esportivas. Sua área originou-se do processo de divisão da Fazenda São José, propriedade de Alípio Ferreira de Mello e Ursulina de Andrade Mello, que determinou a criação de um parque no local. A vegetação apresenta espécies típicas da Mata Atlântica como jequitibá, sucupira, braúna, pau d’óleo, jacarandá, ipê, embaúba e vinhático. A fauna é composta por tapiti, micos, tatus gambá, cuíca e esquilo-caxinguelê, garça, socó, saracura, peixes e anfíbios. Como opções de lazer, o espaço oferece brinquedos, equipamentos de ginástica e recantos para contemplação com mesas e bancos.

Parque Municipal Ursulina de Andrade Mello

Horário de funcionamento: terça-feira a domingo, das 8 às 18 horas. Localização: Rua Dr. Sylvio Menicucci, 640 - Castelo Informações: 3277-7112 ou 3277-4882 Entrada gratuita


Mineirão em obras CONEXÃO NOTÍCIAS 5

MARÇO / ABRIL / 2010

Lagoa da Pampulha e a Copa do Mundo

Sérgio Fernando*

Enquanto os preparativos para a Copa do Mundo se concentram em obras do Mineirão e outras de infraestrutura para a cidade, um dos mais importantes cartões postais de Belo Horizonte tem sido deixado de lado. Fala-se muito, mas são poucas as ações imediatas para a revitalização da Lagoa da Pampulha para a Copa do Mundo de 2014 e para as eventuais provas das Olimpíadas de 2016. Há pelo menos uma obra importante em execução, que é a implantação de um interceptor do lado esquerdo da Lagoa, o que vai retirar grande parte do esgoto do local. Mas ainda há muito o que fazer. Vizinha do Mineirão, a Lagoa tem sido vítima ano após ano do descuido e da falta de atenção. Para se ter uma ideia do que estou falando, a capacidade volumétrica inicial da Lagoa era de 18 milhões m³. As obras de diques para tentar desviar o assoreamento dividiram a Lagoa em três e o espelho d’ água foi reduzido. Providências se fazem urgentes para evitar danos maiores. Nos últimos anos, foram retirados da Lagoa 1,8 milhões m³ de areia e, ainda assim, seria necessário retirar agora no mínimo 500 mil m³ no período de seca, uma dragagem que já deveria ter sido feita. Como será a Lagoa do futuro? E como seria a Lagoa que queremos? Além de falar em educação ambiental, precisamos reforçar ações nesse sentido e reforçar a fiscalização para evitar construções irregulares, evitar o lixo na Lagoa e despertar a conscientização. São medidas que podem ser praticadas agora em todos os setores de nossa sociedade. Precisamos ainda de uma boa sintonia e parceria com Contagem e municípios vizinhos, que têm seus córregos desembocando na Lagoa e são agentes diretos nesse processo. Áreas habitadas na região com constantes transformações necessitam ser melhor planejadas para evitar o acúmulo de detritos na Lagoa. E a manutenção do canal de dragagem, que engloba o desvio das águas dos córregos Sarandi e Ressaca, onde ficam depositados os sedimentos, também é prioridade. A educação ambiental deve ser divulgada incansavelmente até que seja assimilada por todos. Devemos começar pelas crianças, que conseguem influenciar pais e amigos. *Vereador (PHS), presidente da Comissão de Legislação e Justiça da Câmara Municipal de Belo Horizonte www.sergiofernando.com

Começou a primeira fase de obras do Estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão, para a Copa do Mundo de 2014. A reforma geral será dividida em três etapas e tem previsão de conclusão em dezembro de 2012, já visando a Copa das Confederações. A primeira etapa prevê intervenções para correção de imperfeições, reforço na estrutura das bases de sustentação e cobertura do estádio. Na etapa seguinte, com previsão inicial para o segundo semestre, serão feitas escavações e demolições. Nesta fase das obras, as partidas dos times da capital serão transferidas para os estádios do Independência (Raimundo Sampaio) e Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (Henrique Nogueira). O Independência já passa por reforma completa para oferecer melhor infraestrutura para atletas e torcedores. As obras estão orçadas em R$ 50 milhões, sendo R$ 20 milhões recursos do Governo de Minas e R$ 30 milhões, federais. Na última etapa da reforma do Mineirão estão previstas intervenções como rebaixamento do gramado e construção dos novos vestiários. A previsão é que o estádio seja totalmente liberado até o final de 2012, para que possa sediar a Copa das Confederações de 2013. O custo total da obra não foi divulgado. O Mineirão será interditado em junho. Até lá, recebe os jogos dos times mineiros, simultaneamente às obras.

MAIS MODERO O projeto arquitetônico foi elaborado pelo escritório de arquitetura Gustavo Penna contando com a parceria internacional da Von Gerkan, Marg und Partner (GMP). Ele afirmou que o Mineirão será um dos mais modernos estádios do país e uma referência para o futebol internacional. Segundo Penna, o projeto preserva a fachada original do estádio. Outra novidade será a construção de uma grande esplanada no entorno e

Obra no Independência

uma área multiuso que facilitará o fluxo de público. Gustavo Penna ressaltou ainda que uma grande passarela fará a ligação do Mineirão com o ginásio Mineirinho, onde será instalada toda equipe de apoio, imprensa e mídia durante os jogos da Copa.

O QUE MUDA O MIEIRÃO. AOTE!  O estacionamento terá capacidade aumentada para 4.180 vagas, sendo 3.140 vagas cobertas e 1.040 descobertas.  A capacidade será de 70 mil torcedores.  O campo será rebaixado em 3,5 metros para que a visibilidade do torcedor seja garantida em qualquer ponto do estádio.  O segundo acesso será através de 250 catracas que darão o acesso de todo o público ao interior do estádio em menos de uma hora.  Os vestiários e demais áreas de atletas e juízes serão reformuladas e terão acesso direto e exclusivo para a rua, sem que haja contato com imprensa ou espectadores.  A área VIP terá oito mil metros quadrados, incluindo espaços destinados aos lounges e com possibilidade de criação de 100 novos camarotes.  Dois telões serão instalados acima das tribunas principais, com dimensões de 12 x 6,8 metros, em tecnologia de última geração com alto brilho e alto contraste, que assegura boa visibilidade.  O projeto preserva a fachada do Mineirão e de seu entorno. Fonte: Portal 2014

Conhecendo os gatos

O gato é o animal doméstico mais popular na maioria dos países da Europa e em grande parte da América do Norte. Entregue a si próprio, um gato sobrevive bastante bem sem seres humanos à sua volta, embora possa substituir qualquer companhia pela a do homem porque é essencialmente um animal social. Essa independência faz com que algumas pessoas, que desconhecem a espécie, tenham ideias erradas sobre eles. É comum ouvir que “os gatos são muito traiçoeiros” ou “os gatos não se apegam ao dono e sim à casa”. Quem convive com estes felinos sabem que isso não é verdade. Para escolher um gato como animal de estimação, deve-se ter em mente que eles agem de maneira diferente que os cães e têm hábitos diferentes. A par de seu belo aspecto, é este sentimento de autonomia que agrada a muitas pessoas e as leva a escolher um gato para partilhar a sua casa, em vez de outro tipo de animal. Eles podem se adaptar bem a aparta-

mentos e são muito limpos e silenciosos. Acostumam-se bem a ficar sozinhos, muito mais que os cães. A vida média é em torno de 10 anos, embora algumas raças vivam mais que isso. Pela intensa vida reprodutiva, para tê-los como animal de estimação é necessária sua castração, tanto em machos quanto em fêmeas, isso evitará os miados das fêmeas quando no cio e o hábito de os gatos urinarem pela casa para demarcarem seu território. Por ser um animal muito limpo, os banhos são bem menos frequentes que nos cães. Fazem suas necessidades fisiológicas em uma bandeja com granulado sanitário e normalmente não é necessário ensiná-los a fazer neste local; instintivamente eles procuram um local onde poderá enterrar seus dejetos. No mais, se você procura um animal que necessita de menos cuidados que o cão e pode ser tão amigo quanto ele, o gato é a escolha certa. Carolina Barros Médica Veterinária - CRMV - MG 8657


Mentir é uma doença? 6 CONEXÃO NOTÍCIAS

O 1º. de abril é para muitos mais um dia para extravasar nas brincadeiras, principalmente para aqueles que têm o hábito de mentir. Mas qual o limite da mentira? Quando mentir é uma doença? O grande problema é quando as “mentiras sociais”, que fazem parte do nosso cotidiano, geram danos morais, econômicos e têm a intenção de prejudicar o outro. Segundo a médica psiquiatra e psicanalista Marília Brandão Lemos Morais desde a infância nos deparamos com as vantagens da mentira, de fingir dor de cabeça quando o aluno não quer ir à aula, de falar que já fez o para- Médica psiquiatra e psicanalista Marília Brandão Lemos Morais casa para brincar com o amiguinho. Essas chamadas “mentiras sociais” mentos alheios e prazer mórbido de ferir e aparecem como mecanismo de convivência prejudicar o próximo”, explica a psiquiatra. e conveniência da vida societária. “Mentimos Características da sociedade contempopara justificar uma ausência num comprorânea, como o comprometimento dos valores misso social, para proteger um doente sobre éticos, a política de se levar vantagem em a realidade de sua doença, para agradar altudo, individualismo, falta de seriedade, desguém com um elogio, etc.” respeito ao próximo e a violência, podem A Mitomania é um dos casos mais agravar o quadro do mentiroso compulsivo. graves. “Envolve o transtorno mais acenMas tem aqueles que mentem por brintuado de estruturação psíquica, é onde podem cadeiras e que acabam fazendo do dia a dia ocorrer acusações difamatórias contra terceide muita gente mais divertido, e nesse caso, ros. Traduz falta de consideração pelos sentié bem saudável. Cláudio Elísio Fonseca, 42 anos, vendedor, deixa claro que gosta de mentir, mas ressalta que são mentiras que levam apenas a ocasiões divertidas. “As pessoas sempre encaram como brincadeira e para o lado descontraído”, diz. De acordo com a especialista, apenas a mentira não é suficiente para diagnosticar doenças, é importante levar em conta a situação existencial de cada um, os sentimentos, os propósitos, intenções que acompanham suas atitudes e a dinâmica familiar, que pode ajudar as pessoas a dizerem a verdade e assumirem a responsabilidade de seus atos. ARQUIVO PESSOAL

Cláudio Elísio Fonseca

MAIS INFORMÇÕES NO SITE WWW.CONEXAONOTICIAS.COM.BR

MARÇO / ABRIL / 2010

ovo padrão brasileiro de plugues e tomadas Gabriella de Castro Vieira*

Atualmente, no Brasil existem mais de 10 modelos de plugues diferentes e quantidade semelhante de tomadas, o que gera situação de risco de choque elétrico ao consumidor, de sobrecarga na instalação elétrica e desperdício de energia, através de dissipação de calor. No formato atual, sem o poço, no momento do encaixe da tomada, o consumidor entra em contato com os pinos do plugue, que por sua vez, estão em contato com a parte viva da tomada, o que acarreta o risco de tomar choque. A padronização passou a ser obrigatória por meio de uma portaria do Instituto Nacional de Metrologia, Normatização e Qualidade Industrial (Inmetro) publicada em 2000. Naquela data foram estabelecidos diferentes prazos para que os vários segmentos da indústria adotem as novas regras a partir de janeiro de 2010, com todo o processo de conversão concluído, por parte do comércio, a partir de julho de 2011, quando todos os aparelhos elétricos e eletrônicos à venda terão que estar adaptados. Com as normas estabelecidas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT, que entraram em vigor a partir de janeiro de 2010, o consumidor não correrá o risco de tomar choques no momento da conexão do plugue com a tomada, pois o contato do dedo não é mais possível. A mudança não é drástica, uma vez que a maioria dos plugues de dois pinos comercializados em aparelhos eletroeletrônicos, fabricados no Brasil nos últimos anos, já se encontra adequada ao novo padrão, mostrando que o mesmo é compatível com a tomada atual. A maior mudança para os consumidores ocorrerá a partir deste ano, quando aparelhos como geladeira, máquinas de lavar roupa e microondas, que necessitam de incorporação do condutor-terra, apresentarão o plugue de três pinos. Para esses casos o consumidor terá que trocar a sua tomada. Nos demais, a troca da tomada será feita à medida que o consumidor julgar necessário, uma vez que o plugue padrão de dois pinos é compatível com a tomada atual. CALENDÁRIO PARA A FABRICAÇÃO E A COMERCIALIZAÇÃO 1.° de janeiro de 2009: tomadas antigas não podem ser mais comercializadas por fabricantes e importadores; 1.° de janeiro de 2010: fabricantes e importadores não podem mais produzir e importar aparelhos com plugues antigos; 1.° de outubro de 2010: fabricantes e importadores não poderão mais comercializar para o varejo aparelhos com plugues antigos que, eventualmente, tenham sido estocados; 1.° de janeiro de 2011: os comércios varejistas e atacadistas não poderão mais vender plugues e tomadas do modelo antigo que, eventualmente, tenham sido estocados; 1.° de julho de 2011: o comércio varejista não poderá mais vender aparelhos com plugues antigos.

*Advogada do MDC/MG (Movimento das Donas de Casa e Consumidores de Minas Gerais)


CONEXÃO NOTÍCIAS 7

MARÇO / ABRIL / 2010

Direito

Thiago Cavaca Moura*

Ser advogado é o ato de utilizar as leis na defesa dos interesses do cliente, seja cidadão ou empresa, é a habilidade da defesa e dos direitos fundamentais, é estar imbuído do espírito de justiça. Importante frisar que tão valorosa profissão é fundamental para administração da justiça, e de grande relevância para a sociedade. A advocacia é mais do que uma escolha é um dom, que muitos perseguem mais poucos alcançam. Resistimos a cinco anos de curso, depois lutamos incansavelmente pela aprovação no exame da ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Considerada, um dos grandes desafios da profissão, a prova da OAB requer uma dedicação especial ao estudo por se tratar de um exame complexo com alto índice de reprovação em que é necessário sólidos conhecimentos em todos os ramos do Direito. Porém, o aspecto positivo do exame da Ordem é que ele contribui para a seleção dos profissionais, garantindo a excelência dos serviços prestados à sociedade. O curso de Direito está entre os cursos de graduação mais tradicionais do país e atualmente vem expandindo suas áreas de especialização, além de propiciar atuação nas áreas mais conhecidas tais como penal, trabalhista, cível, administrativo, consumidor, tributário, vem inovando nas áreas de telecomunicações, bioética, informática, ambiental, autoral e outros, isso vem ampliando o mercado de trabalho, tanto na esfera pública, quanto na privada. Alguns creem que a função do advogado é acobertar a ilicitude ou patrocinar a impunidade e a ilegalidade comprometendo o cumprimento da lei. Todavia, essas são premissas que em nada se confirmam, já que cabe ao advogado garantir o cumprimento da lei pleiteando direitos em juízo garantindo a ampla defesa e o devido processo legal, buscando para seus clientes, independentemente de seus atos um julgamento justo sempre atuando com ética e moral. O direito é garantir a dignidade da pessoa, é garantir que uma pessoa não vai pagar por atos que não cometeu, pelo simples fato de que alguém tem que pagar por estes erros. É defender aquele que precisou agir em legítima defesa ou no cumprimento do dever legal, para aqueles, que no momento de impulso, fizeram algo impensado. É claro que assim como em qualquer profissão, temos exceções, o que de maneira alguma podemos aceitar que as exceções sejam generalizadas e respinguem sobre a imagem de toda uma classe. Podemos assim dizer, que a advocacia é uma missão, e que todos devem conhecer a profissão que exercemos, que somos defensores da cidadania, da moralidade, e da justiça. E para aqueles que pretendem ser um profissional do direito deve se ter em mente que a ética, o comprometimento, e a perseverança são princípios básicos dessa profissão. *Advogado – OAB/MG 122.009 thiagocavaca@hotmail.com MAIS INFORMÇÕES NO SITE WWW.CONEXAONOTICIAS.COM.BR

O POVO FALA

Qual a maior deficiência, no trânsito do bairro Castelo e Ouro Preto?

“A

lém dos buracos que obrigam a gente a ficar desviando da mão de direção, a falta de locais para estacionar obriga muitas vezes as pessoas a pararem em fila dupla, também acho que faltam semáforos em cruzamentos perigosos”. Danielle Cristina de Oliveira, vendedora, bairro Jardim Alvorada.

“A

qualidade do asfalto no Castelo é péssima. O serviço de tapa buraco não adianta nada. Já a rotatória que está sendo construída na Av. dos Engenheiros vai ajudar bastante no fluxo de carros. Quanto ao bairro Ouro Preto a situação mais crítica é na rua Monteiro Lobato, onde o trânsito é muito intenso e se gasta muito tempo. Mão única seria uma ótima opção”. Geraldo José Ribeiro, auxiliar administrativo, bairro Alípio de Melo.

atal Solidário jornal “Conexão otícias” / Casa de azaré

A solidariedade foi o grande presente que a Casa de Nazaré, recebeu no Natal. Foi um sucesso a mobilização e participação dos leitores na Campanha Natal Solidário do Conexão Notícias. Uma grande festa foi feita pelas crianças atendidas pela Casa, principalmente com a presença do Papai Noel e da Mamãe Noel. Além de todas as cartinhas adotadas, a Campanha arrecadou alimentos, brinquedos pedagógicos, roupas e agasalhos para serem doados a futuros atendidos. O Conexão Notícias agradece a todos os colaboradores, leitores e empresários que fizeram essa festa acontecer e principalmente por ter nos ajudado a promover

um Natal diferente para essas crianças. A Casa de Nazaré é uma entidade filantrópica, localizada no bairro Castelo, e atende crianças carentes de zero a seis anos de idade, em risco social, pessoal e/ou familiar. Fundada há seis anos, a Casa de Nazaré desenvolve um trabalho voltado para a valorização humana, através da promoção e defesa dos direitos de crianças. São desenvolvidas ações nas áreas de educação, saúde, lazer, cultura e assistência social. Cerca de 20 crianças são atendidas. Para voluntariar-se para os serviços diversos na entidade ou ser um contribuinte financeiro, é só procurar a instituição na rua Castelo de Amieira, nº. 111 – Castelo.


8 CONEXÃO NOTÍCIAS

SHOWS

MARÇO / ABRIL / 2010

A-HÁ Arena Chevrolet Hall - 14/03 Informações: 3209-8989

Jogo dos 7 erros

DOA JADIRA Caminhos de Minas Restaurante, 06,13, 20 e 27 março Informações: 8832-1443/ 9994-3044 ALEXADRE PIRES Arena Chevrolet Hall- 27/03 Informações: 3209-8989

CHICO XAVIER

Data prevista de estreia: 02 de Abril de 2010

Uma adaptação para o cinema que descreve a trajetória do médium, que viveu 92 anos desta vida terrena desenvolvendo importante atividade mediúnica e filantrópica. Ficha técnica Diretor: Daniel Filho Elenco: Nelson Xavier, Ângelo Antonio, Matheus Costa, Pierre Baitelli, Christiane Torloni, Tony Ramos, Paulo Goulart, Cláucia Rodrigues, Cássio Gabus Mendes, Guilherme Fontes, Giovanna Antonelli. Gênero: Drama

ETIQUETA COTEMPORÂEA

Condições de trabalho

1. Entrada na muralha no alto do monte. 2. Deslizamento na grama. 3. Pedras ao sumir a montanha. 4. Cor calça do homem sentado na muralha. 5. Mulher subindo o monte. 6. Detalhe no teto da primeira construção. 7. Cadarço do rapaz.

Piadas

Dois amigos se encontram depois de muitos anos. Casei, separei e já fizemos a partilha dos bens. E as crianças? O juiz decidiu que ficariam com aquele que mais bens recebeu. Então ficaram com a mãe? "ão, ficaram com nosso advogado.    Um advogado e sua sogra estão em um edifício em chamas. Você só tem tempo pra salvar um dos dois. O que você faz? Você vai almoçar ou vai ao cinema?    Qual o nome do filme? Era uma vez a Marina que, para fugir da rotina da fazenda, resolveu pegar seu pônei e ir passear nos campos. De repente, apareceu uma manada de éguas em disparada e sobre a Marina. Qual o nome do filme? VI"TE MIL ÉGUAS SOBRE MARI"A Para comprar uma bola, um homem teve que escolher entre a vermelha e a azul. Ele escolheu a vermelha. Qual e o nome do filme ? LARGOU A AZUL

A gente passa a maior parte do tempo de vida com as pessoas com quem trabalhamos. Curiosamente, o horário nobre do dia de todos nós é entre pessoas que não escolhemos e que podemos, até mesmo, não gostar. No entanto, bem ou mal, funciona. E pode funcionar melhor se cada um observar pequenos cuidados para uma política de boa convivência. Não custa nada e torna oito horas do dia, muito mais agradáveis. * Não invada o ambiente com a música do computador e não se isole com o fone de ouvido a ponto de obrigar seus colegas a cutucá-lo para chamar a atenção. * Preste atenção nos tiques: evite batucar com a caneta enquanto fala ao telefone; assobiar enquanto escreve seus relatórios e balançar as pernas chutando os pés da mesa. * Cuidado com outros tiques pouco higiênicos como: ficar mexendo no nariz, fungar como se estivesse resfriado, ou produzir horríveis roncos e golfar como se o pulmão fosse sair pela garganta. * Telefonemas particulares devem ser rápidos e em tom baixo. Aliás, não fale alto nunca. * Ao sair para um cafezinho, leve consigo o celular para que ninguém tenha que aturar os sons das chamadas. * Não coma na mesa e, ao terminar o lanche, deixe a mesa impecavelmente limpa. * Não fume, em hipótese nenhuma, na mesa de trabalho. Não adianta abrir a janela e fumar ali do lado. Existem os “fumódromos”. * Seja bem educado sempre. Sorria e diga bom dia, por favor, obrigado e até amanhã aos seus colegas, porteiros, telefonistas, faxineiros e chefes. Parece óbvio? Pois não é. É só lembrar quantas vezes esses pequenos hábitos dos colegas causaram aborrecimentos no escritório. Fonte: Alô, Chiks! "a linha com Glória Kalil


CONEXÃO NOTÍCIAS 9

MARÇO / ABRIL / 2010

“Excelência na promoção da saúde e beleza da mulher” FOTOS: DIVULGAÇÃO

Informe publicitário

REATA RIBEIRO

DIVULGAÇÃO

Rainha do carnaval de Belo Horizonte

A

mulher do século XXI sabe a importância de um corpo saudável, esbelto e de aparência suave e atraente. Para atender as necessidades e objetivos da mulher moderna, foi fundada a FEMI"I"A FIT"ESS E ESTÉTICA que reúne o que há de melhor e mais moderno nos exercícios físicos e tratamentos estéticos para o corpo

feminino. A FEMI"I"A oferece atividades para todas as idades, desde exercícios elaborados para as clientes da terceira idade até modalidades para o público infantil como natação, ballet e jazz. Além disso, a FEMI"I"A apresenta algumas novidades como a plataforma vibratória e vários equipamentos para tratamento de alta performance para gordura localizada, celulite e flacidez. Como promoção, para os primeiros meses de inauguração, a FEMI"I"A oferece um mês extra, avaliação gratuita e, ainda, um brinde especial. Venha conferir!

Foi eleita rainha da Corte Momesca do carnaval de Belo Horizonte, Renata Ribeiro de Souza, de 30 anos, moradora do bairro União. Dançarina, ela ainda é professora de dança na Feminina Fitness e Estética, localizada na Pampulha. Dona de um corpo escultural, a mulata esbanja saúde. O segredo da boa forma vai além das aulas de dança, ela faz ainda aulas de ginástica, musculação, corridas, bicicleta e dieta controlada de três em três horas. A prática de exercícios vem desde os 13 anos, quando começou a jogar vôlei. O gosto pela dança não fica pra trás, também vem desde criança e por coincidência a irmã também já foi rainha do carnaval, o que a incentivou a se dedicar e se inscrever para o concurso anual. O título de Rainha representa mais do que reconhecimento, representa um salto importante na carreira profissional. Quanto às festividades do carnaval em Belo Horizonte, a dançarina esbanjou alegria, responsabilidade e muito samba no pé. Para ela, a cada ano que passa a prefeitura investe mais neste evento, mas acha que a valorização maior dos moradores da cidade e maior incentivo com as pessoas ficando na cidade, cresceria mais o evento. O evento para escolha da rainha, ainda elegeu a princesa e o rei Momo, e marcou a abertura oficial do carnaval na cidade. Ao todo, 12 candidatas disputaram o título de rainha e princesa, e quatro candidatos o título de Rei Momo. A nova Corte Momesca comandou a folia em todas as programações pré-carnavalescas e oficiais da cidade.

“Foi uma sensação maravilhosa que nunca havia sentido, pois nunca participei de nenhum concurso, então senti coisas que nunca havia sentido e o gostinho da vitória e como se você tivesse realmente alcançado os seus objetivos, pois mesmo não tendo certeza da vitória, eu estava muito esperançosa por todo o trabalho que fiz com muita seriedade pra chegar a essa vitória”.

ARQUIVO PESSOAL

Renata Ribeiro

P

CARTA DE LEITORES

assando um dia pelo bairro Castelo, peguei o jornal Conexão Notícias na portaria de um prédio. Até no momento não tinha ouvido ou visto o jornal de vocês. Gostei do jornal e faço-lhes um pedido: incluir o bairro Jardim Alvorada, pois, temos grande interesse em assuntos, como a continuação das obras na Av. Pedro II e outros, que ajudaria muito a comunidade. Agradeço a atenção de vocês, Silvia moradora do bairro Jardim Alvorada

A

chei interessante e norteadora o espaço “Diário de Profissões” do Conexão Notícias. Gostaria que vocês falassem sobre a profissão de Fisioterapia. Patrick Vasconcelos


Biblioteca Graça Rios 10 CONEXÃO NOTÍCIAS

MARÇO / ABRIL / 2010

“ão há pobre que não tenha o que doar, nem rico que não precise receber”

Vanilda de Jesus Pereira, 47 anos, é o exemplo de que o real sentido da solidariedade existe. Filha de pais analfabetos, ela não completou nem o primeiro grau e diante das adversidades da vida fundou a Biblioteca Graças Rios, que hoje conta com um acervo de 22 mil livros disponibilizados para as comunidades carentes na região do bairro Paquetá. Mas o espaço criado há 20 anos por Vanilda vai além de uma simples biblioteca, oferece creche em horário integral, aulas de reforço escolar, consultas médicas, doação de cestas básicas e cuidado com idosos. Tudo, sem ajuda governamental e sobrevivendo à base de doações e do próprio salário. “Eu costumo dizer que o trabalho não tem fim, porque sempre surgem novas dificuldades. E nós

vamos tentando superá-las. A desigualdade e a falta de oportunidades são problemas que o homem arrumou. Então, somos nós que precisamos consertar!”, ensina. São atendidas cerca de 30 crianças e 25 idosos. Para dar conta de tanta demanda, o projeto conta com a ajuda de voluntários e o apoio de doadores, além de eventos promovidos para arrecadar fundos. “Quem quiser, passa aqui, leva uma conta minha ao banco e paga! Eu não quero dinheiro aqui, não: precisamos de colaboração”, ressalta. Vanilda conta que sempre gostou de ler, mas não tinha acesso aos livros. Aos 14 anos, quando trabalhava como babá para uma família, a patroa a demitiu após ver que ela lia um livro sem autorização. O título da obra? A Escrava Isaura: “Fiquei chateada, mas foi um empurrão para mim.” Vanilda, então, comprou A Escrava Isaura, e não parou mais. No final dos anos

Vanilda de Jesus Pereira é um exemplo

Correio no bairro Castelo

80, ela passou a ajudar crianças da região onde morava com o dever de casa. “Muita gente começou a fazer doações. E o acervo foi crescendo”, explica a origem dos 22 mil livros que hoje o acervo abriga. Aos 27 anos, a cuidadora de idosos e também preparadora de corpos, enfrentou um AVC (Acidente Vascular Cerebral), o que a impossibilitou de continuar o trabalho pesado de empregada doméstica. De onde vem tanta força? Vanilda explica: “Tem uma coisa que eu penso sempre e que procuro passar a todas as pessoas que me ajudam aqui: não há pobre que não tenha o que doar, nem rico que não precise receber. Pensar nisso me dá forças pra não descansar nunca”, se emociona. E ela não pára. Está construindo um asilo ao lado da biblioteca para idosos carentes, até então os mantém na casa deles. Ela dá fralda descartável, sondas, medicamento, cadeiras de rodas para que eles tenham um pouco mais de dignidade. Ela ainda faz um pedido: “Gostaria que alguém adotasse um idoso, dando um pacote de fralda mensal. Já é muito pra gente”, pede. Hoje, o rendimento de Vanilda chega a R$800 e mesmo assim a sua luta por um mundo melhor e de ajuda aos necessitados

FIQUE POR DETRO

Agora ficou bem mais fácil utilizar os serviços de Correios na região. Localizado na Av. Miguel Perrela, 43 e 45, o Correio oferece a você serviços de banco (relacionamento com o Bradesco) e postagem, dentre muitos outros. Confira! O horário de funcionamento é de 8h30 às 18h, de segunda-feira à sexta-feira. Tel.: 3476-8037.

Praça da Pampulha mais segura

A Praça da Pampulha ganhou um projeto de sinalização. Foram instalados redutores de velocidade e sinalização horizontal (pinturas no asfalto como faixas de pedestre); e a vertical (placa de regulamentação de velocidade), o que garante mais segurança aos frequentadores. O projeto é iniciativa da Prefeitura de Belo Horizonte em parceria com a BHTRANS.

Acervo de 22 mil livros

continua cada vez mais forte. Para você que queira ser um voluntário ou doador, a Biblioteca Graça Rios está localizada na Rua Glauber Rocha, 334, Paquetá. O telefone para contato é (31) 3498-1547.

EM TEMPO O projeto Biblioteca Graça Rios, nome dado em homenagem a uma escritora de mesmo nome, foi um dos 15 finalistas do Prêmio Vivaleitura 2008, de iniciativa do Ministério da Educação, do Ministério da Cultura e da Organização dos Estados Ibero-Americanos (OEI), e concorria pela categoria 1: Bibliotecas públicas, privadas ou comunitárias. Apesar de não ter recebido o prêmio de R$ 30 mil, oferecido ao projeto ganhador, Vanilda diz estar satisfeita com o troféu de reconhecimento.

Área de Segurança Pública é inaugurada no bairro Ouro Preto

A população já pode contar com a 23ª AISP – Área Integrada de Segurança Pública, inaugurada no bairro Ouro Preto. A obra foi realizada com recursos do Estado e teve um investimento de R$3.502.749,85. De acordo com o Comandante Geral da Polícia Civil de Minas Gerais, Antônio Monteiro de Castro, a 23ª veio dar sustentação à metodologia integrada das polícias Militar e Civil para a redução da criminalidade. “Veio desenvolver ações mais eficazes e a meta é acabar com a carceragem nas delegacias e dar mais eficiência ao sistema prisional no Estado. Já o Comandante Geral da Polícia Militar de Minas Gerais, Renato Vieira de Souza, ressaltou que a região contará com muito mais eficiência no combate ao crime e à violência. A obra foi uma iniciativa das Polícias Civil e Militar do Estado e Governo de Minas.

UFMG e Prefeitura intensificam prevenção contra dengue no campus Pampulha Multas após cinco anos não serão cobradas A UFMG e a Prefeitura de Belo Horizonte estão intensificando medidas de prevenção contra a dengue, que já são rotina no campus Pampulha. Faixas alertam para a importância dos cuidados, sessões de treinamento reúnem funcionários das áreas de limpeza e manutenção e já foram distribuídos seis mil panfletos. Um técnico da Gerência Regional de Controle de Zoonoses Pampulha faz plantão permanente no campus: ele visita os prédios uma vez por semana, verifica se há condições de risco, orienta funcionários e realiza o tratamento de combate à larva do Aedes Aegypti.

Os órgãos de trânsito de Minas Gerais não podem mais cobrar multas depois de cinco anos que foram aplicadas. A decisão foi publicada pelo Conselho Estadual de Trânsito de Minas Gerais, no Minas Gerais, Diário Oficial do Estado, em 15 de dezembro, seguindo recomendação do Contran com base na Lei Federal 9.873/1999. O prazo de cinco anos, a contar do dia da infração, vale desde sua publicação no Minas Gerais. As multas prescritas devem ser retiradas automaticamente do registro do veículo, permitindo sua regularização. A legislação completa você confere no www.conexaonoticias.com.br.


Vacinação à vista!

CONEXÃO NOTÍCIAS 11

MARÇO / ABRIL / 2010

Por que as pessoas dão boa noite pro Willian Bonner? DIVULGAÇÃO

Olá amigos do Conexão Notícias. Alguém aí dá “boa noite” pro Willian Bonner? Não é porque se trata de um cara bonito, e pode me chamar de besta, pois o motivo real é: eu acredito no “boa noite” dele. É das poucas palavras sinceras da rede lá que ele trabalha. Tempos atrás uma pesquisa mostrou que 47% dos brasileiros respondem, igualzinho a esta doida que vos escreve. E uma recente pesquisa trouxe Willian Bonner como uma das pessoas mais confiáveis do país. Se bem que a mesma pesquisa trouxe o presidente Molusco em primeiro lugar... Deixa pra lá. O fato é que o Bonner parece ser um bom moço. A mulherada sonha com um desses em casa. Suas entrevistas sempre revelam uma faceta ainda mais interessante, seja do profissional, do marido, do pai ou do filho. O Seu Bonnemer deve estar muito orgulhoso do filho! Seu Twitter (@realwbonner) é dos mais seguidos dentre as “celebridades” brasileiras, contando com quase 400 mil seguidores. Aliás, seguir o Bonner no Twitter é das coisas mais engraçadas do microblog. São enquetes pra escolher gravata, camisa (e às vezes ele fica parecendo uma penteadeira de mensalina, mas acata a votação), fotos antigas e belíssimas imagens dos filhos, onde o rosto das crianças nunca aparece. Os fãs adoram e as crianças são preservadas. Vamos combinar? Ser editor-chefe do jornal mais assistido da televisão brasileira há mais de 10 anos, tendo como colega de bancada a própria esposa, não deve ser coisa pra muitos. Além disso, ser interativo, divertido, atencioso e (por que não?) bonito é coisa pra poucos. E, meu bem, dar um “boa noite” daqueles é coisa pra um homem só! Vocês podem continuar nos acompanhando diariamente no www.pimentasnoreino.com. Um grande abraço pimentas@conexaonoticias.com.br

Lei do Inquilinato

Foi sancionada no dia 09 de dezembro de 2009, a Lei 12.212/09 chamada Lei do Inquilinato. Confira algumas das principais mudanças na lei, relacionadas aos alugueis residenciais:  Em contratos firmados com assinatura do fiador, este poderá pedir o encerramento de seu compromisso, mas ainda responderá pela fiança por um prazo de 120 dias.  O locador poderá exigir a substituição do fiador que estiver em regime de recuperação judicial. O inquilino tem 30 dias para apresentar um substituto. Caso contrário, o contrato pode ser encerrado.  O contrato poderá ser firmado sem fiador, desde que haja a concordância do locador.  Durante a vigência do contrato, o dono do imóvel não poderá recusar a restituição do imóvel pelo inquilino. Mas quem aluga deverá pagar a multa estabelecida no contrato.  Em caso de contratos sem fiador, a retomada do imóvel já poderá ser pedida a partir do atraso de um aluguel.  Neste caso, a ação de despejo será suspensa se, no prazo máximo de 15 dias, o inquilino quitar integral-

mente a dívida. Deixa de valer o requerimento em que o locatário manifesta intenção de pagar a dívida.  A partir de agora, a multa rescisória passa a ser proporcional. Se o inquilino decidir entregar o imóvel antes do fim do prazo, pagará apenas um valor proporcional ao tempo que faltava para cumprir o contrato.  A proposta também adequa ao novo Código Civil a proposta que mantém a proporcionalidade da multa rescisória em caso de devolução antecipada do imóvel locado. Em caso de divórcio ou morte do locatário, a nova Lei do Inquilinato cria regras para a manutenção ou substituição do fiador. Antes, a legislação não previa essa possibilidade.  Nos casos de despejo, a ação é suspensa se, em 15 dias, o inquilino quitar integralmente a dívida com o proprietário ou a imobiliária. Com isso, não fica mais valendo a apresentação de um simples requerimento em que o locatário atesta a intenção de pagar a dívida — algo que tem atrasado em mais de quatro meses as ações de despejo. Fonte: Lei 12.212/09

Confira o calendário de vacinação contra nova gripe

Foram registrados em todo o planeta mais de 14 mil casos de mortes causadas pelo vírus influenza A (H1N1). No Brasil foram registradas 1.705 mortes e cerca de 40 mil casos graves da doença. Diante desse quadro, o Ministério da Saúde anunciou o cronograma de imunização contra a Gripe. Serão 113 milhões de doses da vacina. A estimativa do governo é imunizar 91 milhões de brasileiros. O calendário de vacinação foi dividido em sete grupos prioritários. Trabalhadores de saúde, gestantes, indígenas, população com doenças crônicas de base, crianças saudáveis entre seis meses e dois anos de idade, adultos saudáveis entre 20 e 29 anos de idade e mais recentemente, adultos de 30 Etapas

Grupos

a 39 anos. O ministério não recomenda a vacinação para os que não estiverem nesses grupos. Obesidade mórbida, doenças respiratórias, cardíacas, imunodeprimidos, diabetes e doenças hepáticas, renais e hematológicas são fatores do grupo de doentes crônicos. Grávidas em qualquer período de gestação poderão tomar a vacina. Estima-se que dois terços da população não serão vacinados, incluindo todas as faixas etárias acima dos 60 anos. Serão cerca de 19 milhões de idosos, contingente que representa 10% da população brasileira estimada para 2010, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

CALENDÁRIO DE VACINAÇÃO

Datas

1ª Etapa

Profissionais de saúde

08/3/2010 a 19/3/2010

2ª Etapa

Gestantes

22/3/2010 a 21/5/2010

1ª Etapa 2ª Etapa 2ª Etapa

3ª Etapa

4ª Etapa

5ª Etapa

Povos indígenas

Doentes crônicos

Crianças de seis meses a dois anos

População com idade entre 20 e 29 anos Idosos com mais de 60 anos Pessoas de 30 a 39 anos

08/3/2010 a 19/3/2010 22/3/2010 a 02/4/2010

22/3/2010 a 02/4/2010

05/4/2010 a 07/5/2010 24/4/2010 a 07/5/2010

10/5/2010 a 21/5/2010


12 CONEXÃO NOTÍCIAS

BOCA DO POVO RESPOSTAS

1) Em relação à carta da leitora Camila Oliveira, publicada na última edição, a BHTRANS informa que foram feitos dois testes operacionais na Av. Maurette José dos Santos com a Av. dos Engenheiros, na altura do Shopping 300, para que fosse analisada qual a melhor solução de trânsito para esse cruzamento de forma a aumentar a segurança dos motoristas e pedestres. A partir desses testes, será elaborado um projeto para essa interseção. Está sendo implantada uma rotatória na interseção da Av. dos Engenheiros com rua dos Geológos, no sentido de melhorar a segurança com implantação também de sinalização horizontal, vertical e indicativa, bem como tratamento para pedestres. Esse projeto também vai auxiliar na melhoria da travessia da Av. Maurette José dos Santos com Av. dos Engenheiros (Shopping 300). Assessoria de Comunicação e Marketing da BHTRA"S. 2) Com relação à carta do leitor Renato Santos sobre o calçamento na Av. dos Engenheiros, o Conexão Notícias entrou em contato com a Sudecap e segundo o órgão não há nenhum projeto de asfaltamento.

PERGUTA

É sabido que estamos em período de grandes e fortes chuvas. E como reflexo disso, muitas ruas do bairro Castelo estão esburacadas. Exemplos disso é a rua Romualdo Lopes Cançado e a Desembargador José Satyro. Os moradores querem saber quando haverá serviço de tapa-buracos eficaz. Cláudio Monteiro

RESPOSTA

A Gerência Regional de Manutenção Viária executa semanalmente dentro das Unidades de Planejamentos (UPs) serviços de Manutenção Corretiva de Pavimento Asfáltica (Operação Tapa-Buracos). Nas terças-feiras, as ruas da UP Ouro Preto/Castelo/Sarandi são contempladas, atendendo solicitações dos cidadãos. Todas as ruas dos bairros Castelo e Castelo Manacás estão com muitas trincas e infiltrações, e algumas são de tratamento superficial simples. Isso proporciona, nesse período chuvoso, o aparecimento de buracos, nos locais onde o tráfego é mais intenso. Informamos que em 2007, 2008, 2009 e já em janeiro de 2010, executamos Manutenção Preventiva de Pavimento Asfáltico (Recapeamento Asfáltico) de 34 vias importantes na área de nossa atuação, minimizando assim o aparecimento de buracos por no mínimo 5 anos. Já foi licitada e estamos aguardando liberação para ordem de serviço do recapeamento asfáltico de mais 15 vias importantes em nossa área de atuação, incluídas três no bairro Castelo, sendo elas: * Av. Miguel Perrela (toda sua extensão) * rua Romualdo Lopes Cançado (toda sua extensão) * Av. Heráclito Mourão de Miranda, antiga Av. Atlântida (toda sua extensão) Vale destacar que as solicitações para a execução de Operação Tapa-Buracos devem ser feitas através do telefone 156 ou pela internet, através do Sistema de Atendimento ao Cidadão (SAC) no Portal da PBH. Os serviços são executados por empresa terceirizada que tem 5 dias úteis para realização do trabalho, ou informações ao solicitante, a partir da data da entrega. GERCOM-P Gerência Regional de Comunicação Social Pampulha - 3277-7889

NÃO ESQUEÇA: A Dengue se combate todo dia Junte sua família e seus vizinhos na luta contra a dengue O combate não pode parar

São Sebastião das Águas Claras MARÇO / ABRIL / 2010

Tranquilidade bem perto de você

Praticar o ecoturismo, ter contato com uma vasta fauna, um encontro com a história e a cultura, o melhor da culinária mineira e exótica em Minas Gerais. Esse lugar está a apenas 25 km de Belo Horizonte: São Sebastião das Águas Claras, muito conhecido como Macacos. Distrito de Nova Lima, não se sabe a data certa em que o distrito foi povoado, mas a descoberta do ouro na região se deu no século XVIII e já em 1740, constava como arraial no censo populacional realizado na Vila de Sabará. Com aproximadamente pouco mais de 3 mil habitantes, costuma receber em torno de 2.500 turistas por final de semana e 10 mil por mês. Por ano são em torno de 120 mil turistas. A proximidade da Capital e a beleza dos recursos naturais fazem com que o povoado venha experimentando, nos últimos anos, o crescimento da prática do ecoturismo (hiking, treking, cavalgadas, ciclismo, etc.) que atrai cada vez mais turistas que procuram a natureza e descanso. A cachoeira de Macacos é uma beleza à parte. Formada por um salto único de aproximadamente 2 metros de altura, o local é contornado por formações rochosas, por onde a água percorre. A vegetação circundante é de mata de galeria, e a fauna é repreFOTOS: DIVULGAÇÃO sentada por aves de pequeno porte, cigarras e insetos. A água é límpida e a temperatura é em torno de 20ºC. O local é bastante procurado por usuários. Segundo Lívia Nicholls do Departamento de Turismo de Nova Lima, outra construção do século XVIII, presumivelmente de sua segunda metade, erguida no Centro do Arraial de Macacos é a Capela de São Sebastião. Emoldurada por vasta vegetação e predominando numa paisagem arquitetônica de construções baixas, a Capela de São Sebastião tem à sua frente um grande cruzeiro de madeira, enquanto em seu interior está guardado um acervo de inestimável valor: o retábulo do altar-mor e imagens em madeira. “Os primeiros reparos na capela foram feitos ainda no século passado. Em 1988, ela foi totalmente restaurada. Essas obras, entretanto, em nada comprometeram as características originais. Nova restauração foi feita pelo IPHAN, concluída em setembro de 2002”, explica Nicholls. Macacos é simplesmente encantadora, um pedacinho do paraíso distante da poluição sonora, do stress das grandes cidades e pertinho de tudo. Em pouco tempo, você respira um ar puro e contempla as belezas da natureza. “O arraial de Macacos oferece tranquilidade, proximidade com a natureza e uma ótima oferta de pousadas em todo o distrito para quem busca descansar, além de bares e restaurantes para quem deseja saborear uma deliciosa comida”, finaliza.

8ª Edição  

8 www.conexaonoticias.com.br

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you