Page 43

Análise e discussão do conteúdo da entrevista

4. Análise e discussão do conteúdo da entrevista A revisão da literatura efectuada permitiu identificar três tendências distintas no que conceme à orientação conceptometodológica do processo de treino. Relativamente à primeira tendência identificada, constata-se que esta é oriunda dos países do Leste da Europa e que se caracteriza fundamentalmente pela divisão da época desportiva em períodos e pela grande importância atribuida aos factores da carga, como a intensidade, a densidade e o volume. Verifica-se ainda que a carga é vista de um modo algo abstracto, não havendo qualquer relação com a forma de jogar pretendida. A segunda tendência surge do Norte da Europa e América do Norte. Nesta, é atribuida grande importância aos aspectos energético-funcionais da actividade dos atletas, sendo frequente a realização de estudos relacionados com a avaliação da carga física de competição, tanto pelo seu aspecto exterior (características dos deslocamentos

dos jogadores, tempos de esforço e recuperação, etc.) como pelas repercussões internas no organismo do jogador. Verifica-se ainda uma terceira tendência, na qual os seus principais representantes, originários dos países latino-americanos, preconizam o “Treino Integrado” das várias dimensões (dimensão táctica, técnica, física e psicológica). Para maior facilidade de comunicação, a partir deste momento, a primeira tendência, oriunda do Leste da Europa passará a ser designada por LE. À segunda, com origem nos países do Norte da Europa e América do Norte, atribuiremos a designação de NE, sendo que a terceira tendência, cuja premissa fundamental é a integração das várias dimensões inerentes ao treino será designada por TI. Além destas três tendências, alguns autores, como é o caso de Vítor Frade, vêm defendendo uma “nova” orientação metodológica para o processo de treino em Futebol. Este autor atribuiu a designação de “Periodização Táctica” a essa “nova” concepção de treino. Com a realização da entrevista, pretendemos esclarecer algumas dúvidas que ainda subsistem acerca dos fundamentos desta concepção de treino e acerca dos aspectos que a distinguem das demais. Para se levar a efeito esse esclarecimento, será efectuado de seguida um contraponto entre o conteúdo mais relevante da entrevista e a revisão da literatura efectuada. Todavia, dado que o objectivo central deste trabalho se prende com a “Periodização Táctica”, será esta que irá nortear toda a discussão. Apenas gostaríamos de acrescentar que, tal como fizemos em relação às tendências de treino, também a partir deste momento, para maior facilidade de comunicação, passaremos a referir o nosso entrevistado, Vitor Frade, através da expressão VF.

Vitor Frade  
Vitor Frade  

fslafja;lfkjaslkfjs fsafaf

Advertisement