Issuu on Google+

PRESS


Artigo da vice-presidente mundial de marketing da Heidelberg, Adriana Nuneva

Na publicidade, em particular, tais características são muito relevantes, considerando a sensação lúdica de tocar o papel e também o aroma no impresso. Qual o valor disso, por exemplo, em uma publicidade de perfume?

“As pessoas parecem acreditar mais no que lêem, vêem e tateiam nos impressos”, diz o livro Interactivity by design - creating & communicating with new media, de Ray Kristof e Amy Satran. Os autores observam: “Por causa de sua idade e maturidade, a mídia gráfica tem o poder de atribuir credibilidade às informações. O impresso é um meio de expressão extremamente rico”. Eu acrescentaria apenas uma observação: e cada vez mais desenvolvido pelas possibilidades infinitas da tecnologia.

pressjb janeiro 2008

À criatividade, história atrativa e qualidade do texto somaram-se soluções gráficas excelentes, em distintos países, que muito contribuíram para o sucesso mundial da obra. O design, a qualidade da impressão, os efeitos especiais viabilizados pela tecnologia, como variações na intensidade do brilho do impresso conforme a incidência de luz, o verniz UV, a textura especial dos papéis e até o cheiro dos impressos contemporâneos são elementos que contribuem para emocionar, sensibilizar e facilitar a transmissão de informações. Dessa maneira, constituem-se em componentes importantes do processo de comunicação.

Assim, o sucesso das gráficas no mercado contemporâneo está condicionado à sua capacidade de entender as transformações do mercado e utilizar de modo pleno as tecnologias disponíveis. Isso implica planejar de modo adequado os investimentos em atualização do parque impressor e o adequado preparo dos recursos humanos, como ocorre na Print Media Academy (PMA), em São Paulo, na qual a Heidelberg treina profissionais das empresas brasileiras e os alunos da Escola Senai Theobaldo De Nigris.

Adriana Nuneva (adriana.nuneva@heidelberg.com) é vice-presidente mundial de marketing da Heidelberg (www.heidelberg.com), fabricante de produtos para a indústria gráfica.

24

É preciso utilizar o papel e as diversas tecnologias como plataformas para explorar os sentidos humanos dentro das mais variadas estratégias de comunicação. Harry Potter, a genial série de livros infanto-juvenis, com vendas que já se aproximam de 400 milhões de exemplares, é um grande exemplo de como é possível criar grandes fenômenos midiáticos com produtos impressos.


A nova era da comunicação e o desafio do meio impresso

No primeiro semestre do ano fiscal 2007, a Heidelberg registrou aumento de 36% nas suas vendas globais de equipamentos e consumíveis para a indústria gráfica e expansão de 18% no número de pedidos. Na América Latina, os negócios foram ainda mais significativos, com crescimento de 36% em comparação ao mesmo período do exercício anterior. No Brasil, as previsões sinalizam a quebra de recordes de comercialização e encomendas. Tais resultados, mais do que refletir a conjuntura positiva da economia internacional e seus reflexos nas nações latino-americanas, evidenciam que a comunicação gráfica, a despeito do advento e avanço das mídias cibernéticas e digitais, continua sendo imprescindível como disseminadora de informações, conhecimento, cultura, entretenimento, literatura, jornalismo, publicidade, propaganda e marketing. As estatísticas da companhia alemã, líder mundial na fabricação e fornecimento de equipamentos de pré-impressão, impressão, acabamento, consumíveis e serviços para o mercado gráfico, são amostragem fidedigna para pôr fim ao ceticismo dos que acreditavam que a internet e outras mídias decretariam a paulatina agonia dos impressos. .

Ao contrário de algumas previsões equivocadas feitas há algum tempo, percebe-se que, em números absolutos, o mercado gráfico cresce de modo expressivo, interagindo em perfeita harmonia com os meios digitais. Configura-se, com muita clareza, uma nova era nos processos comunicacionais. Hoje, quaisquer estratégias nesta área não podem prescindir de um conjunto de mídias para atingir com eficácia todos os públicos-alvos. Ademais, a tinta sobre o papel, como atestam especialistas de todo o mundo, conota imensa credibilidade e agrega sensações insubstituíveis ao ato de captar uma informação. Essas constatações mudam sensivelmente o foco da discussão. Não há mais por que perder tempo divagando sobre a fictícia extinção da mídia impressa. O importante, concreto e real é analisar como utilizar as tecnologias disponíveis, cada vez mais avançadas, para acrescentar valor e tornar o impresso item cada vez mais importante no mix da comunicação contemporânea. O desafio – factível nos equipamentos, impressoras, processos e materiais gráficos – é tornar os impressos mais atrativos e com design inovador.


sala de estar Diretor-presidente João Batista Monteiro Xavier Diretor comercial Luiz Sérgio Carneiro Baptista Diretor de produção Alex Cristiano de Oliveira Xavier

CONTATOS Paraíba Luciana Duarte - (83) 9372-6424 Cláudio Régis - (83) 9352-8490 Adriano Palmeira - (83) 9352-8806 Rosely Accioly - (83) 9372-7047 Martinho Filho - (83) 9372-6205

Publicação Bimestral da Gráfica JB João Pessoa. Janeiro 2008 Criação, edição e produção FAZ Comunicação Editor: Allysson Teotonio Reportagem: Fabiana Nóbrega

Sede Rua Monsenhor Walfredo Leal, 681 - Tambiá João Pessoa - PB CEP: 58.020-540 Fone: (83) 3015-7200. João Pessoa - PB E-mail: comercial@grafjb.com.br Site: www.grafjb.com.br

Rio Grande do Norte José Adalberto - (84) 9124-1579 Cláudio José - (84) 9124-1590 Alagoas Eurivaldo Alves - (82) 9116-6268

Direção de Arte: Guto di Bessa Av. Maranhão, 500, 2° andar Bairro dos Estados, João Pessoa-PB. Telefax: (83) 3243-9503. E-mail: imprensa@fazcomunicacao.com.br

Capa impressa em papel Couché Image Fosco 170g Miolo impresso em papel Couché Image Fosco 145g

O que houver de melhor para 2008! Vinte e cinco anos muito bem vividos! Muitas histórias para contar, experiências acumuladas, vitórias e um grande aprendizado... Em 2008, a JB celebra bodas de prata em um casamento muito bem sucedido com nossos clientes, e para comemorar essa data tão especial estamos preparando grandes surpresas para todos. A começar pela modernização da nossa logomarca, que você está conhecendo agora. Teremos a volta do prêmio Press JB, a continuação do Projeto Qualifiq, que trará grandes nomes do mundo gráfico à capital paraibana, além da chegada de novos equipamentos! Tudo isso e muitas outras surpresas para trazer ainda mais qualidade ao seu tempo, brindando esse momento tão especial na vida da Gráfica JB junto com você. Que 2008 seja realmente especial para todos nós!

pressjb janeiro 2008

Gerente de Comunicação Flávia Rocha flavia@grafjb.com.br

Pernambuco Lauro Venâncio - (81) 9105-8693 Fábio Pimentel - (81) 9105-3657 Marcos Luna - (81) 9107-8073 André Oliveira - (81) 9108-5743

22

Gerente comercial Ismael Fernandes Barros


06 portfolio/ Múltipla Comunicação; TP Publicidade; Antares Publicidade; Daaz Propaganda 08 agência/ MP2 Marketing: Crescimento com muitas vitórias e novas conquistas para 2008 13 gente/ O impressor Márcio Nogueira Cruz dos Santos 16 capa/ JB é uma das três empresas que mais apóiam cultura em João Pessoa 18 onde estamos/ Catálogo Picolé de Manga de Cultura_Artes Plásticas_Exposição fotográfica Fauna Vegetal_ Cartilha do projeto Guajirú_ JB na III Consuper e II Fequimatel 20 tudo Prêmio Criatividade 2007_Prêmio Bárbaro do RN_ Gráfica JB na Feira Embala Nordeste_ Abigraf inaugura regional Paraíba_ Gráfica JB na diretoria da ADVB-PB_ Agência Antares ganha prêmio para JB, em Maceió JB

22 registro/ Universitários de Natal e João Pessoa visitam o parque gráfico da JB_O que houver de melhor para 2008: 25 anos da Gráfica

24 mercado/ A nova era da comunicação e o desafio do meio impresso por Adriana Nuneva

pressjb janeiro 2008

Turmas de alunos da Universidade Potiguar – UNP (Natal) e do Instituto de Educação Superior da Paraíba – Iesp (João Pessoa) visitaram, com muito entusiasmo, o parque gráfico da JB, entre os meses de novembro e dezembro. Os estudantes foram encaminhados através da disciplina de Produção e Artes Gráficas do curso de Publicidade e Propaganda oferecido por essas duas faculdades. Recepcionados e acompanhados pelo diretor comercial Luiz Sérgio Baptista e pelo gerente comercial Ismael Fernandes, eles conheceram a história da gráfica e observaram in loco o funcionamento de um parque gráfico. Segundo a professora Melissa Cirne, da UNP, essa visita técnica supervisionada por professores e profissionais da Gráfica JB cumpriu com o objetivo de proporcionar o desenvolvimento de habilidades e competências na área de impressão off set aos alunos. Eles puderam conhecer na prática os conceitos de qualidade, tecnologia de ponta e relacionamento que a JB oferece. A grande proposta dessa visita é aproximar os conhecimentos teóricos ministrados em sala de aula com a realidade do mercado de trabalho profissional, e assim promover o acesso a uma formação acadêmica de alto nível. “A visita à JB foi uma verdadeira aula de qualidade na área de produção gráfica para todos os participantes do curso de Publicidade da UNP”, garante Melissa. Concordando com a avaliação, a professora Nina Rezende, do Iesp, afirmou que a visita dos seus alunos à Gráfica JB também foi muito proveitosa em vários aspectos. Além de ter possibilitado o conhecimento prático dos conceitos vistos em sala de aula, eles constataram a qualidade dos serviços da JB. “Nos enche de orgulho saber que em João Pessoa há uma empresa gráfica com qualidade de serviço que se equipara às melhores do Brasil. Vocês estão de parabéns pela organização e pelo profissionalismo que permeia o atendimento e a produção da gráfica. Também agradecemos a atenção e o carinho com que fomos tratados pela equipe que nos acompanhou”, disse a professora.

índice

02

Universitários de Natal e João Pessoa visitam o parque gráfico da JB


Gráfica JB na diretoria da ADVB-PB

Criatividade, aconteceu em como foi apelidado o Prêmio , ana aib par a do and pag pro O “Oscar ” da aíba. O evento que vem sen iadas da Rede Globo na Par afil : as rias pel o ego vid cat mo 03 pro , em s, bro dezem 2º e 3º lugare uiu nove prêmios, para 1º, Três a nci agê a do, rca Me ria realizado há 14 anos, distrib catego o, Mercado e Campanha. Na l Sublime. Ser viço Público Comunitári ego”, do cliente Água Minera Gal aio pag “Pa VT o com ora ced spital ven “Ho a VT foi o ão caç com Comuni to D ganhou Comunitário, a agência Pon panha, Cam ria ego cat na , fim Na categoria Ser viço Público Napoleão Laureano. Por l pita Hos nte clie do . , biá no” Napoleão Laurea a o cliente Shopping Tam o VT “Hiper Promoção”, par a agência Mix ganhou com

Prêmio Bárbaro de Propaganda O Em Natal (RN), também no mês de dezem bro, aconteceu o retorno do prêmio Bárba ro de Propaganda e a agência Art&C foi premiada como a “agência do ano”, levando ainda 29 prêmios, incluindo o “publicitário do ano”, George Wilde. Entre as outras ganhadoras, está a Agência Base, a Ratts Ratis, Dois.A, Aragã o e a Virttus. O prêmio Bárbaro foi criado em meados de 1990 e é uma homenagem ao publicitário pernambucano Everaldo Porciúncu la. O nome do prêmio veio do costume do publi citário de chamar as pessoas de ''bárbaro''!

pressjb janeiro 2008

Apostando em um design bastante clean e futurista, a TP Publicidade (RN) desenvolveu um padrão de comunicação visual para as peças gráficas de divulgação dos cursos de informática oferecidos pelo Senac-RN, instituição de grande referência no estado. Além de rejuvenescer a marca dos cursos, as peças ressaltam a parceria firmada com a Microsoft, de Bill Gates, e para isso a agência usou como referência o padrão de comunicação que a Microsoft vem aplicando no design das embalagens de seus programas, agregando bastante valor para a marca Senac. O cliente adorou!

7 0 0 2 e d a id iv t ia r C io m ê Pr

20

Cliente: Senac - RN Agência: TP Publicidade Formato: Plaquete “Senac Informática”, aberto 30x21cm, fechado 15x21cm. Papel: Couchê 170g Cor: 4x4 Tiragem: 2.500 Produção Gráfica: Lília Fortunato Atendimento: Eliane Angeline Criação: Mark Wynkler e Alexandre Wake Direção de Criação: Mark Wynkler Aprovação: Tereza Keyla e Glebe Júnior

O capítulo Paraíba da Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil (ADVB) foi oficialmente lançado no último mês de outubro. Convidado pelo presidente Edu Cop, o diretor comercial da Gráfica JB, Luiz Sérgio Carneiro, aceitou ser o presidente do Conselho Consultivo da Associação e o diretor de Produção da JB, Alex de Oliveira, assumiu o cargo do Conselho Fiscal. A ADVB surgiu com o objetivo de suprir a lacuna da falta de profissionalização do mercado de vendas e marketing no país. Já está presente em 14 localidades no Brasil e 3 no exterior. Agora chega à Paraíba para continuar com esse objetivo, levando em conta as particularidades da região. A associação utiliza primordialmente duas ferramentas de trabalho: o conhecimento e o reconhecimento. O conhecimento acontece através de cursos, palestras, reuniões e troca de idéias com seus associados, além dos cursos on-line que em breve serão oferecidos através do site da entidade. O reconhecimento ocorre através dos prêmios concebidos pela ADVB, tais como: Top de Marketing, Top Social, Top de RH, Top de Turismo e mais recentemente o Top Ambiental.


Gráfica JB na Feira Embala No rdeste

Expondo sua recém adquirida máq uina automática para aplicação de verniz UV, a Gráfica JB marcou presença na Feira Embala Nordeste 2007, real izada no Centro de Convenções de Pernambuco, em agosto. Destinada aos usuários de embalagens, a Feira reuniu fornecedores da cad eia integrada, com apoio das prin cipais entidades do setor no país. Também conhec ida como a “Semana Internacion al de Embalagens, Artes Gráficas, Des ign e Indústria do Plástico de Per nambuco”, a Embala Nordeste contou com dive rsos eventos de aprimoramento de produtos e ser viços para empresas dos mer cados atendidos.

frente

A Gráfica JB, através da agência Antares Comunicação, conquistou o prêmio Mercado Televisão Regional, com o VT “Quatro Cores”, no 2º Festival Gazeta de Publicidade, da TV Gazeta de Alagoas, no dia 1º de dezembro. A agência ganhou mais dois prêmios no Festival, Categoria Institucional Mídia Impressa Local (campanha Antares Mulher) e Institucional Mídia Impressa Regional (campanha Antares 8 anos), pela Antares Alagoas. O 2º Festival Gazeta de Publicidade teve recorde de trabalhos inscritos, com 240 peças profissionais e outras 52 na categoria universitária. A cerimônia de premiação aconteceu no Centro de Convenções de Maceió.

Abigraf na Paraíba l, ica (Abigraf) inaugurou sua 18ª Regiona A Associação Brasileira da Indústria Gráf os e poss aram tom nte o evento, dia 19 de outubro, em João Pessoa. Dura te; José Hermano de Castro, 1º viceiden pres o com dt, empresários Marcone Tarra o -presidente; Álvaro Morais de Barros com presidente; José Jonas Cabral, 2º vice or diret do além nto, Melo como adju diretor administrativo e Nolo Pereira de e o diretor Financeiro adjunto, William ves, Cha de s rigue Financeiro, Severino Rod ta, ta Xavier, Clécio dos Anjos, Petrúcio Batis Gomes. No Conselho Fiscal, João Batis te iden pres o , urso disc os Júnior. Em seu Euler Araújo, José Neiva e Hugo de Matt possui um dos maiores parques gráficos íba Para a que Marcone Tarradt ressaltou a com aproximadamente 180 gráficas do Norte-Nordeste, pois o Estado cont ro mil pessoas. registradas, empregando diretamente quat

verso

pressjb janeiro 2008

Aliando criatividade à qualidade de imagens e impressão, o resultado não podia ser outro... Sucesso absoluto! Esses foram os ingredientes e o resultado conquistado pela Múltipla Comunicação (PE) com todos os seis modelos de folderes e uma plaquete que foram produzidos para divulgar os produtos da Ecomariner no São Paulo Boatshow 2007.

04

Agência Antares ganha prêmio para JB, em Maceió.

Cliente: Joplin/Ecomariner Agência: Múltipla Comunicação PE Formato: Folder “Ecomariner”, aberto 63x30cm, fechado 21x30cm. Papel: Couchê 230g Cor: 4x4 Tiragem: 4.000 Produção: André Craveiro Atendimento: José Haeckel Criação: André Duarte e José Haeckel Fotos: Paulo Schlick Tratamento de imagens: André Duarte


frente

Guajirú Preservação e conscientização ambiental junto à população. Esse foi o tema da cartilha desenvolvida pela Organização NãoGovernamental Guajiru, em parceria com a Gráfica JB e o Departamento de Comunicação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). A Ong tem atenção voltada à desova das tartarugas marinhas, em João Pessoa. O material foi distribuído na praia de Intermares, município de Cabedelo, onde existe a maior densidade de desova dessas tartarugas na Paraíba.

NOVAR

AS UG AR RT TA cia

EVENTO S

so As çã o Gu ajiru

A consagração do trabalho realizado ao longo de duas décadas! Muito do que foi construído nesse período pela construtora paraibana Planc, obras que embelezam as cidades de Natal (RN), São Luís (MA) e João Pessoa (PB) constituíram a matéria prima para a Antares Publicidade (PB) criar o projeto da “Revista Planc 20 anos”. Uma verdadeira obra de arte destinada a um público seleto, composto de fornecedores, clientes, equipe da construtora e parceiros.

A JB marcou presença na III Convenção de Redes de Supermercados Independentes da América Latina (III Consuper), realizada em outubro no Espaço Cultural José Lins do Rego, na capital paraibana. A Gráfica JB é parceira desde a primeira edição deste evento, que vem se tornando referência no setor supermercadista. A II Consuper reuniu mais de 50 expositores e a estimativa é que cerca de R$ 20 milhões tenham sido negociados durante a feira. Outro evento institucionalmente apoiado pela JB foi a II Feira de Equipamentos e Materiais para Indústria Hoteleira (II Fequimatel), realizada em Natal, capital do Rio Grande do Norte, no mês de novembro. O evento é voltado para o setor turístico e contou com a presença de mais de 200 stands, entre hotéis, pousadas e fornecedores.

S NA BA UR

verso

Cliente: Planc - PB Agência: Antares Publicidade Formato: Revista “Planc – 20 anos”, aberto 46x30cm, fechado 23x30cm. Papel: Capa em couchê 230g, Miolo em couchê 115g Cor: 4x4 Tiragem: 5.000 Produção: Sérgio Rique Atendimento: Sérgio Rique Criação: Sérgio Rique e Flávio Jatobá Direção de Arte: Flávio Jatobá Fotos: Edgar Rocha (MA), Dirceu Tortorello, Altair de Castro, Flavio Jatobá, Cácio Murilo, Edgley Delgado, José Marques e Opção Brasil Jornalistas convidados: Félix Alberto Lima (MA), Fábio Cardoso e Flávia Guideline

do projeto

íba ra Pa

- Br

asi

l

Ciência - Educaç ão - Meio Ambien

te

pressjb janeiro 2008

e II Fequimatel

Cartilha

18

JB na III Consuper


Exposição foto g

ráfica

Fauna Veg etal

frente

a g n a M e d é l o Pic

Atendendo à solicitação do cliente e agradando ao público alvo, composto, principalmente, por empresas de engenharia e poder público, o folder produzido pela Daaz Propaganda (AL) para divulgar os serviços da Básica Consultoria apostou no design clean e muita sofisticação, representando justamente o principal atributo que define os serviços oferecidos pela Básica: qualidade.

pressjb janeiro 2008

Catálogo

iciará as de Manga in lé o ic P G N aO e Manga de e cidadania, go “Picolé d ta lo s tá fe a c e d o d a ento os 15 anos Em clim om o lançam . A publicação celebra c 8 0 0 2 e d neiro da de um a atividades acompanha ticas”, em ja s rá lá e s P e s e a rt g A n s plásticos e Ma Cultura – de 15 artista l dos sco Picolé d o le ã ç va a a ip rn ic a c rt a e do bloco ras com a p vares, Migu oletiva de ob e do catálogo: Flávio Ta c lóvis o C ã , iç s s o o ir e xp e o part ldo Med rã a n fa o e le u q C , , s a o ir rre senildo paraiban sen, Chico Fe , Dyogenes Chaves, Jo d n ve S d e Fr osta Tadeu Lira Santos, gues Lima, sa, Denise C ri o d rb o a R B , s d re vi a a sM a Federal, Junior, D sé, Maria do a Econômic ix Jo a o C n a a d rm o e d H iciativa da , ao la Suassuna, sa grande in A Gráfica JB s . e o d ia e ó ir p e a u , ig Azulejos, Dore e Wilson F Casarão dos efrigerantes R o n e c rá n e c la P te n co Constr utora exposição a ibana. e Manga. A d a capital para lé d o o ic tr P n e G c o ON n o d a localiz

Cliente: Básica Consultoria - AL Agência: Daaz Propaganda Formato: Folder “Orientação precisa e segura”, aberto 46x31cm, fechado 15,3x31cm. Papel: Couchê 170g Cor: 4x4 Tiragem: 1.000 Produção: Adnael Silva Atendimento: Débora Coda Criação: Adnael Silva Aprovação: Robéria Bandeira e Beu Lira

06

Entre os projetos cultu rais que já receberam apoio e incentivo da Gr exposição fotográfica áfica JB, destaque para “Fauna Vegetal”, do fot a ógrafo e biólogo Cácio de setembro a outubro, Mu rilo. O evento foi realiza na Galeria e Oficina de do Arte Solo do Zarinha Ce Pessoa. Cácio é recon ntro de Cultura, em Jo hecido em todo o Norde ão ste pelo seu talento e própria aos vegetais, mo criatividade para oferec ldados com suas própri er vida as mãos, e magistralm ente transformar fotografias em grandes obras de arte.

verso


16

Entre os trabalhos recentemente apoiados pela JB, ganha destaque a exposição “Fauna Vegetal”, do fotógrafo Cácio Murilo, realizada até outubro no Zarinha Centro de Cultura. “A JB foi fundamental na divulgação desse trabalho. E uma boa divulgação, com excelente material”, agradece Cácio, explicando que a produção de um evento como esses, que durou um mês inteiro, tem um custo muito elevado. A JB contribuiu para a produção de folderes, cartazes e do portfólio de Cácio. A Gráfica também comemora o sucesso da parceria que resultou no filme "O Senhor do Castelo", longa sobre Ariano Suassuna, teatrólogo, romancista e defensor militante da cultura brasileira. O documentário, que levou quinze anos para sua finalização, tem direção de Marcus Vilar e Produção de Durval Leal Filho, uma realização da ONG Para'iwa, em coprodução da TV Viva, Comvídeo e Universidade Federal da Paraíba. “A JB é uma empresa que está em sintonia com a modernidade e com isto valoriza os empreendimentos da cultura local e regional”, comenta Durval Leal de Araújo Filho, coordenador de projetos do Para'iwa - Coletivo de Assessoria e Comunicação, uma Organização Não-Governamental que promove a educação e desenvolvimento científico através do conhecimento. Segundo ele, a JB é parceira da ONG desde o primeiro evento produzido, em 1995: o curta metragem “A Canga”. O ano começou agora, mas a JB já gravou sua marca cultural em 2008. Apoiando a iniciativa da ONG Picolé de Manga, a Gráfica esteve entre os patrocinadores do primeiro “Catálogo Picolé de Manga de Cultura – Artes Plásticas”, lançado no dia 15 de janeiro. A publicação reúne obras de 15 artistas paraibanos, que produziram telas envolvendo conceitos de poesia, cidadania, carnaval e cultura, em homenagem aos 15 anos do bloco carnavalesco Picolé de Manga, tradicional nas prévias do carnaval pessoense. “Com muita satisfação e grande honra, a ONG Picolé de Manga agradece à Gráfica JB por essa parceira, essencial para a realização do catálogo. Além de investir na grande qualidade dos serviços oferecidos, a empresa sempre se preocupou em estimular o desenvolvimento da cultura no nosso estado”, agradece Luciano Cartaxo, diretor da ONG e um dos fundadores do Bloco Picolé de Manga, que também conta com o apoio da JB há vários carnavais! E o caminho continua, sempre valorizando a nossa terra.

pressjb janeiro 2008

Entre os primeiros projetos culturais que receberam o apoio da Gráfica JB está o “Arte Postal”, de 1999, promovido pela Agência de Cultura Ensaio. A parceria permanece até hoje e, para Ricardo Peixoto, fundador da Agência, é difícil quantificar quantos livros, exposições, catálogos e outros eventos promovidos pela Ensaio já receberam o apoio da JB. Entre eles, várias edições do Projeto Lambe-Lambe de Fotografia, Projeto da Idade da Pedra, em apoio à tocadora de pífano Zabé da Loca, e a exposição “72 horas de Fotojornalismo”. “Criamos um vínculo muito forte, de família mesmo. Já fizemos grandes projetos e publicações de materiais que têm circulado o mundo inteiro”, comemora. Com o produtor cultural paraibano Eudes Hermano Travassos, a parceria de vários anos já envolveu mais de 30 projetos, como peças de teatro e shows. Entre os espetáculos apoiados, as consagradas peças paraibanas “Vau de Sarapalha”, “Como Nasce um Cabra da Peste”, “Zé Lezin” e “Pastoril Profano”, além de outras com artistas de renome nacional, como Paulo Autran, Elizabeth Savalla, Pedro Paulo Rangel e Eri Johnson. “A JB tem um papel muito importante no desenvolvimento do mercado cultural da cidade. Mais que uma parceira, é uma verdadeira irmã e não só para mim. Uma empresa que realmente tem uma concepção interessante sobre a importância da cultura, do empreendimento cultural para João Pessoa”, avalia Eudes. Produtora cultural há 21 anos, Giovanna Gondim, integrante da Cia Paraibana de Comédia e administradora do Teatro Ariano Suassuna, participa de aproximadamente duas produções semanais. Ela credita que a cultura é essencial na formação do ser humano, inclusive com papel de conscientização, mas Giovanna também conhece de perto as dificuldades para a promoção cultural. “Os custos dos espetáculos, por exemplo, são bastante altos, desde a montagem até colocá-los em cartaz. Parcerias como essa com a JB são fundamentais para que evento aconteça”, explica.


Valorizar o conjunto das crenças e costumes que compõem a identidade de um povo e incentivar a produção da arte local. É com esse nobre objetivo que a Gráfica JB apóia, há vários anos, projetos culturais nos Estados em que atua comercialmente, mais notadamente na Paraíba. Entre peças teatrais, filmes, shows e exposições fotográficas, por exemplo, já não há como contabilizar o número de projetos incentivados, principalmente nos últimos 15 anos, e essa responsabilidade cultural garantiu que a JB fosse reconhecida como uma das três empresas paraibanas que mais apóiam a cultura em João Pessoa. Embasado em uma pesquisa de campo, esse dado foi obtido pelo estudante Túlio Araújo Alexandre, durante o seu trabalho de conclusão do curso Administração de Empresas, na Universidade Federal da Paraíba (UFPB), apresentado no final de outubro. Para realizar sua monografia sobre “Análise das ações de Marketing Cultural da Gráfica JB no tocante ao reforço da imagem institucional da empresa”, ele conversou com 400 estudantes de Comunicação Social e também detectou que a grande maioria dos entrevistados concorda totalmente que as empresas patrocinadoras de eventos culturais contribuem com a disseminação das manifestações artístico-culturais de um povo; fortalecem a área cultural e possibilitam maior acesso da população à cultura, gerando benefícios à sociedade. “O conceito 'boa qualidade` também foi fortemente associado à JB, assim como 'credibilidade' e 'profissionalismo'. As empresas que apóiam a cultura tem sua imagem fortalecida”, explica o jovem administrador.

Responsabilidade, profissionalismo e criatividade! Esses foram os fatores determinantes para o nascimento da MP2 Marketing, Publicidade & Propaganda (RN) e hoje são esses mesmos ingredientes que garantem o sucesso absoluto da empresa, conquistado a cada ano e brindado com a satisfação de cada cliente. Era agosto de 2001 e a jovem publicitária Luciana Gomes Fernandes Ribeiro, 31 anos, trabalhava para uma agência de Brasília, que há três meses havia estruturado uma sede em Natal e não tardou a receber clientes conquistados por Luciana. As expectativas estavam sendo superadas, mas da mesma forma que a empresa abriu com uma velocidade e estrutura enorme, desistiu do mercado potiguar e a publicitária foi surpreendida com o comunicado de que a agência iria fechar. “Naquele momento fiquei aflita, pois havia me comprometido com os clientes e não poderia simplesmente avisá-los do fechamento da agência. Além deles ficarem sem suporte, o meu lado profissional ficaria totalmente desacreditado no mercado. Na mesma noite do dia que recebi a notícia, conversando com meu esposo, ele falou: amanhã cedo procure um ponto para alugar e monte sua própria agência. E foi assim que fiz! Graças à Deus a MP2 vem crescendo ano a ano”, comemora Luciana. Hoje, com bons clientes e muita experiência, a MP2 encontra-se em um ótimo momento, apesar das dificuldades naturais que caracterizam o mercado, e é visando manter a grande credibilidade e desenvolvimento que a equipe é diariamente motivada para valorizar os atuais clientes e buscar novas perspectivas. “Entendemos cada trabalho como um novo ciclo, novas oportunidades de crescimento e acho que a nossa principal característica é sempre focar no bom atendimento aos nossos clientes, cumprir prazos e surpreender com novas idéias e campanhas”, afirma.

pressjb janeiro 2008

rês

mais

ltura

ssoa

08

JB

das t a m u é

as que s e r p em

a cu m a i ó ap

o Pe ã o J em


13 pressjb janeiro 2008

gente



PressJB | A revista da Gráfica JB | Edição 22