Issuu on Google+

COMUNICAÇÃO EM OUTRAS PALAVRAS

Rua Vitor Miguel de Souza, nº186 – Itacorubi – Florianópolis/SC Fone: (48) 3334-0031 - (Fone/Fax) – (48) 3334-1043

Ano 10 Ano 12 -- Edição EdiçãoNº N 23 27 Ano2010 201 29--Ano 2012

ditorial...

DistribuiçãoGratuita Gratuita Distribuição

Mostra Pedagógica Maquiagem em da Vitor Miguel excesso na escola

UM COMPUTADOR POR ALUNO

Caminho Certo

O caminho das drogas sempre é o pior dos caminhos. Mas é a triste realidade de muitos jovens no mundo. Alguns não conseguem sair desse vício. Droga é sinônimo de destruição, agressão ao corpo. O “crack” é uma das drogas mais perigosas e mortais, em segundos a droga UmRisos, distúrbio, que na adolescênbrincadeiras, jogos e chega ao cérebro, na primeira usada vicia. cia, pode estar ligado à depressão muito mais na Gincana Esportiva Muitos adolescentes à“aproveitar” ansiedade. Pág.2 5 Cultural. querendoe e a Pág. vida acabam destruindo a si Alunos e professores recebem computadores do Projeto UCA - Um mesmos. Ser dependente de Computador por Aluno. drogas é a pior das doenças, pois a pessoa se mata aos pouquinhos. Pra que estragar nossas vidas com isso? Podemos aproveitar e curtir a adolescência de várias outras formas. Não faz sentido nos prejudicarmos. Quando se fala em drogas, também está se falando de cigarro, álcool, remédios, que podem deixar qualquer ser humano dependente. A dependência A Noite Cultural deste ano contou com a participação de de drogas é consequência de alunos, pais e profissionais da escola. Apresentações de dança atos atos que os alunos Projeto formou a primeira turma teatro e um repertório de músicas de grandes compositores Nonão diapensados, 31 de outubro folclórica, podem mudar a vida de fizeram parte do evento, que teve a brilhante coordenação da da Vitor Miguel no Professora início doEscola 4ºpara e 5ºpior. ano comemoraram o de Música, Luciana Weiss Quandt, colaboração da direção alguém Por isso, ter e demais professores. do usar ano.drogas Pág. Halloween. Pág. consciência que é5 3 Um momento importante para mostrar o valoroso trabalho totalmente errado, é muito desenvolvido pelos profissionais da Vitor Miguel, além de proporcionar um espaço de integração entre as famílias do núcleo escolar. importante para uma pessoa que quer continuar tendo uma vida saudável.

Automutilação Gincana

III NOITE CULTURAL

Dia das bruxas Bombeiro Mirim

CURSO DE FOTOGRAFIA

Fotos: Arquivo do Colégio Ilustração: João Vitor Mendes, 6ª série

E

EBM VITOR VITOR MIGUEL DEDE SOUZA EBM MIGUEL SOUZA

Jornal na Escola promove Curso de Fotografia para alunos e professores.

CRIANÇADA NO SESC

Alunos da Vitor Miguel visitam o SESC na Semana da Criança.

SAÚDE ESCOLAR

Funcionários da saúde orientam os alunos da Vitor Miguel de Souza.

JOGOS ESCOLARES

Confira osostrabalhos que aconteceram todo Conheça danos causados à pele e aosdurante olhos pelo o ano em nossa escola. LeiaLeia mais na na página uso excessivo de maquiagem. mais página34

Alunos cuidam da Uso doNA uniforme Dicas para AVisita história rock: aodo Horto Despedida JORNAL ESCOLA horta dasérie escola agora é obrigatório este verão última parte Florestal da 8ª

Darllen Cecílio Dmaceno e Lucas dos Santos Pacheco– T71

C.E.O.P. Expediente

Elaboração: Alunos do Projeto “Jornal na Escola” Coordenação: Leda Maria Tirloni Professor Colaborador: Natan Dolejal

Jogos escolares ajudam a arrecadar fundos para os formandos.

Dedicados, interessados e amigos! Assim posso definir o Grupo do Foi maravilhoso trabalhar, ensinar e aprender com todos vocês. Parabéns ao Grupo pelo trabalho realizado durante o ano de 2010. Um grande abraço, Profª. Leda Maria Tirloni

Pág. Pág. 23 CEOP.

Pág. 46

Pág. 46


Florianópolis, dezembro de 2012

2

Adeus, 8ª série

O

Júlia Carla Teixeira

s alunos da turma 81 estão dando tchau para a escola Vitor Miguel De Souza e para os amigos. Muitos dos alunos estão com medo e outros confiantes. Alguns estão tristes, pois estão desde a 1ª série e é difícil deixar a escola. Aqui conhecemos muitas pessoas. Amigas e amigos que não irão sair da nossa memória e pro-

Foto: Arquivo do Colégio

o dia 10 e 11 de outubro, aconteceu no colégio a gincana cultural e esportiva. Nesses dias os alunos foram divididos em grupos. Cada grupo era representado por uma cor: amarelo, roxo, azul, verde, preto e rosa, e escolheu um nome para a equipe. A coordenadora Deisy e os professores organizaram a gincana e elaboraram as provas. No primeiro dia aconteceu a gincana cultural e os alunos

dos mascotes, bandeiras e gritos de guerras de suas cores. Algumas das atividades foram: soletrando, confecção de painel com temas variados, apresentação de dança e música, além das questões preparadas pelos professores. No segundo dia, durante a parte da manhã aconteceu a gincana esportiva que teve provas como corrida do saco, bambolê, pular corda e cabo de guerra. Na parte da tarde aconteceram os jogos interséries. A equipe vencedora foi a de cor amarela.

fessores que sempre nos ajudaram e estão lutando para termos um futuro. Nem mesmo as discussões nós iremos esquecer. Alguns dos alunos se esforçaram muito desde o começo do ano para passar e até venderam lanches e rifas para arrecadar dinheiro para a formatura, que será na FIESC no dia 13 de dezembro. Antes disso, os alunos ainda vão poder se divertir no passeio que farão para um parque aquático em Palmas, no dia 12.

A decepção com falsos amigos Marina Soares, Júlia Carla Teixeira e Rebeka Augusto

N

a nossa vida é importante ter amizades, só que temos que conhecer bem as pessoas para poder confiar nelas, porque nem todas são verdadeiras e muitas vezes nos decepcionamos com as falsas amizades. Às vezes, as decepções acontecem porque você conta um segredo para uma pessoa e ela trai sua confiança contando seu segredo para outras ou até mesmo quando essa pessoa

Foto: Google Images

N

Eliane Silva e Julia Carla Teixeira iniciaram com a apresentação

Foto: Arquivo do Colégio

Gincana na semana das crianças

fala mal de você pelas costas. As falsas amizades são apenas um detalhe porque os verdadeiros amigos, apesar de raros, nos ajudam nas horas mais difíceis, estão sempre presentes e nunca negam um sentimento sincero.

Equipe do Jornal: Júlia Carla Teixeira, Com colaboração de Paula Isaias Marina Soares, Rebeka Augusto, Thaís Pacheco, Bruna Gonçalves Vieira, Kaua- Direção da Escola: Ricardo Paz ne da Silva, Ana Júlia Alves, Eliane SilDiagramação: Comunica! Empresa va, Priscila Silva. Júnior de Jornalismo Com colaboração de Jonatan Eliseu, Daniel Pereira, Professor Marcão e João Impressão: Gráfica Diário Catarinense Vitor. Tiragem: 1000 exemplares Coordenação: Profª Marcia Baltar e Pedro Rocha.


Florianópolis, dezembro de 2012

3

Fotos: Arquivo do Colégio

Exposições na Mostra Pedagógica

N

Eliane Silva e Júlia Carla Teixeira inglês, de portuguêse havia uma bém ofereceram chá e bolachas à disposição dos alunos e a outra

o dia 24 de novembro de 2012, num sábado, aconteceu a mostra pedagógica na escola.Nesse dia, os alunos, professores e os profissionais da escola puderam mostrar os trabalhos que fizeram durante todo o ano letivo. Na sala da turma 71 estavam expostos os trabalhos de

exposição de todas as edições do Comunicação Em Outras Palavras. A professora Marcia preparou um trabalho tirando fotos com o UCA para estudar vocabulário sobre roupas e acessórios. O chá literário foi um trabalho que a 81 fez coma professora Irani e Marcia. Eles fizeram cartazes e pergaminhos com citações de escritores famosos como Machado de Assis e William Shakespeare. Tam-

para ser uma coisa mais familiar. Na sala da 61 foi montado um verdadeiro laboratório de ciências. Lá o professor Cicero fez uma exposição de trabalhos sobre plantas e tipagem sanguínea. Passando pelos corredores todos podiam conferir a exposição dos bombeiros mirins. O refeitório estava decorado e dividido em duas partes. Uma parte era de jogos e brinquedos

parte tinha bancos e um espaço para apresentações. Nesse local aconteceram as apresentações de teatro, vídeo de fábulas do 4º ano com a professora Luciane, apresentação do projeto da rádio e transmissão de um programa, palestra com uma nutricionista, revista digital da professora Albertine e apresentação de um vídeo de história feito pelos alunos do professor Marcão.

N

Eliane Silva

o dia 31 de outubro comemoramos o Halloween, que em português, quer dizer Dia das Bruxas. Esse dia é comemorado em vários países, inclusive no Brasil. Essa tradição surgiu nos Estados Unidos, Reino Unido e Canadá. Hoje em dia é normal que as crianças saiam de suas casas para pedir “doces ou travessuras”, isso quer dizer que se os donos das casas não derem doces, as crianças vão fazer travessuras. Aqui na escola, as turmas do 4º e 5º ano fizeram uma ativi-

dade de caça ao tesouro para comemorar o Halloween. Os alunos receberam dicas em inglês com palavras que já conheciam. Junto com as professoras Maria Amélia e Cida, os alunos foram para lugares diferentes do colégio. Nesses lugares eles recebiam mais dicas e saquinhos de doces, mas para ganhar os doces deveriam falar “doces ou travessuras”, só que em inglês, que se diz “trick or treat”. O último lugar a ser visitado foi a brinquedoteca. Lá, as professoras haviam preparado uma decoração típica do Halloween, com bruxas, morcegos e doces. Os alunos dividiram os doces entre si e se divertiram juntos.

Foto: Arquivo do Colégio

Festa de Halloween do 4º e 5º ano


4

Florianópolis, dezembro de 2012

Dicas e cuidados para aproveitar o verão Bruna Gonçalves Vieira

Estamos chegando ao final do ano e junto vem o verão. Nessa época estamos expostos a alguns perigos e devemos tomar certos cuidados. Para evitar a exposição ao Sol é bom usar chapéu, ficar embaixo de uma sombra quando o Sol estiver muito forte e sempre usar protetor solar. Também é importante se alimentar bem e tomar bastante água. Para isso você não deve comer tantos doces e comer mais frutas e verduras. Para sobremesa, um sorvete bem geladinho cai bem. Isso ajuda contra a desidratação. Devemos tomar bastante

Conheça pessoas e lugares novos. Você já visitou todas as praias da ilha? Pegue a agenda e procure velhos amigos. Faça exercícios física. Que tal Uma caminhada na Beira Mar? cuidado com as crianças e bebês de colo, pois eles são mais sensíveis ao calor. Tomar uma ducha bem gelada e lavar sempre o rosto ajuda a se refrescar. DICAS PARA AS FÉRIAS Tem gente que nem sabe o que fazer com tanto tempo livre.

Muitos aproveitam as férias para sair com os familiares, ir à praia, viajar, ver os amigos que faz tempo que você não vê e matar a saudade das pessoas que você ama. Preparei uma lista de coisas diferentes que você pode fazer para aproveitar essas férias:

História do rock: o início no Brasil

O

Jonatan Rodrigues e Daniel Pereira como Roberto Carlos e Caetano Veloso. Em 1963 Roberto Carlos “pontapé inicial” canta hits como “Splish Splash” e do rock no Brasil “Parei na contra mão”. Atribui-se foi Nora Ney (co- à década de 80 a popularização do nhecida cantora rock brasileiro. Foi quando surgide samba-canção), ram artistas como Legião Urbaquando gravou a música que é na, Titãs, Paralamas do Sucesso, considerada o primeiro rock, Engenheiros do Hawai e Raul “Rock Around the Clock” de Bill Seixas que foram eternizados. Halley e His Comets, em outubro De lá para cá muitas bande 1955. Em uma semana a músi- das surgiram tocando diverca já estava nos topos das paradas. sos estilos de Rock, influenEm dezembro a mesma canção ciados por esses artistas. recebia a versão em português, “Ronda das horas”. Em 1957, foi gravado o 1º rock original em português, “Rock and Roll em Copacabana”, escrito por Miguel Gustavo e gravado por Cauby Peixoto. Nos anos 60 e 70 o rock toma força no Brasil com o movimento de John Juanda e a Tropicália que revelou vários artistas que fazem muito sucesso até hoje,

Palestra sobre sexualidade Ana Júlia Alves

Leia um livro. Literatura enriquece sua cultura. Vá até a locadora e procure um filme que você nunca viu. Vire chefe de cozinha! Aprenda a cozinhar algo novo.

Vinda do Papai Noel Velhinho virá trazer, no dia 14 de dezembro, presentes O Natal está chegando e com para todos os alunos da escola. ele vem muita festa. Aqui na Nós, do CEOP, desejamos E. B. Vitor Miguel, vamos um bom Natal e um próscomemorar esta data com a pero Ano Novo a todos os vinda do Papai Noel. O Bom alunos, professores e pais.

Ana Júlia Alves

a Par r ri o l o c

No dia primeiro de novembro, os alunos de 6ª a 8ª série tiveram uma palestra sobre sexualidade com a professora Saionara, que é professora de Ciências e formada em Biologia. Ela foi convidada pela nossa coordenadora Deisy para falar sobre esse assunto porque é um tema muito importante e porque os adolescentes têm muitas dúvidas sobre isso. Ela começou mostrando fotos sobre o tema e de-

pois explicou sobre as doenças sexualmente transmissíveis e a importância de usar camisinha. Após isso, a professora respondeu as perguntas que os alunos haviam feito dias antes, nas aulas de Português. Em entrevista, os alunos nos contaram que a palestra foi boa porque a professora tirou muitas dúvidas e também que gostaram dos slides, piadas, brincadeiras e histórias que Saionara contou.


Comunicação em Outras Palavras - 29