Page 1


ÍNDICE PREFÁCIO ........................................................................................................ 2 LIGA-TE ............................................................................................................... 4 PROJECTOS DE VIDA ............................................................................. 5 PACKAGE FAZ-TE À VIDA ................................................................... 6 BIJUTERIA CRIATIVA................................................................................. 7 READY, SET, GO ........................................................................................... 8 CAFÉ CONCERTO ................................................................................... 9 NOTA: Os trinta e três recursos Escolhas aqui apresentados, resultam de um processo contínuo de sistematização de práticas de intervenção social levadas a cabo pelos projetos Escolhas locais, devendo estes ser entendidos como versões em permanente desenvolvimento e evolução. Neste sentido, aconselha-se ao leitor ou possível incorporador dos mesmos, o contacto com os autores dos recursos Escolhas, em caso de interesse em aprofundar a informação aqui exposta. De referir que os Recursos Escolhas estarão igualmente disponíveis no sítio do Programa Escolhas http://www.programaescolhas.pt/recursosescolhas onde poderão encontrar informações e documentação adicional sobre os mesmos.

REVESTIR ......................................................................................................... 10 MEG@PRODUÇÕES ............................................................................... 11 RECITELEPC ................................................................................................. 12 CIDADANIA ATIVA .................................................................................... 13 ORÇAMENTO PARTICIPATIVO ....................................................... 14 THE PUPPET’S .............................................................................................. 15 HORTOBAIRRO ......................................................................................... 16 BOLA SOCIAL FUTEBOL DE RUA ........................................ 17 JOGO X ........................................................................................................... 18 VIDEOTECA DE ESCOLHAS ........................................................... 19 AGIR PARA NOVOS CAMINHOS .................................................. 20

FICHA TÉCNICA

DESIGN DIRECÇÃO Colectivo da Rainha Rosário Farmhouse www.colectivodarainha.com Coordenadora Nacional do Programa Escolhas IMPRESSÃO Joartes, Artes Gráficas COORDENAÇÃO DE EDIÇÃO Pedro Calado TIRAGEM pedroc@programaescolhas.pt 1000 exemplares Tatiana Gomes tatianag@programaescolhas.pt Julho de 2012

TASSE COM DIREITOS ......................................................................... 21 TRATA A SEXUALIDADE POR TU .................................................. 22 CRIAR-TE ......................................................................................................... 23 ESCOLA POSITIV@ ................................................................................. 24 EDUCAÇÃO AEROESPACIAL ......................................................... 25 ANIMAÇÃO DE RECREIOS .............................................................. 26 JOGOS MATEMÁTICOS ....................................................................... 27 STAFF MEDIADORES DE PARES ................................................... 28 COMUNIC’ARTE ........................................................................................ 29 BIBLIOTECA ANDARILHA .................................................................. 30 CONTAS COMIGO ................................................................................. 31 MÃCHEIA DE CHABORRILHOS ....................................................... 32 O BAIRRO É... ....................................................................................... 33 TEATRO IBISCO ......................................................................................... 34 FUTEBOL AO SERVIÇO DA INCLUSÃO SOCIAL ............. 35 UM AMARELO DE TODAS AS CORES ................................ 36


Feliciano Barreiras Duarte Secretário de Estado Adjunto do Ministro-Adjunto e dos Assuntos Parlamentares

PREFÁCIO O Programa Escolhas é um excelente exemplo, quanto aos seus objetivos, aos seus resultados e à sua função, sobretudo junto daqueles a quem se destina, que são as crianças e jovens mais desfavorecidos. A minha determinação e o meu empenho pelo Programa Escolhas e pela sua rede de projetos não são de hoje. Quando desempenhei funções nos XV e XVI Governos Constitucionais tive oportunidade de reestruturar e renovar o Programa Escolhas e de confirmar paulatinamente a sua importância, em vários distritos e concelhos de Portugal. Nesse período de tempo, foi dado um novo figurino e uma nova designação. A 2.ª Geração do Programa Escolhas, que teve como objetivo nuclear a sua estruturação como uma política pública de grande alcance, passando de cerca de 6.700 destinatários, para cerca de 43.200, reduzindo de €2,48 para €0,68 o seu custo per capita diário. Hoje é com orgulho que, em retrospetiva, me vejo associado ao trabalho desenvolvido pelo Programa Escolhas e ao momento da sua primeira avaliação. E é com satisfação que constato que a avaliação positiva que efetuámos e as alterações à estrutura do Programa então introduzidas se manifestaram como uma opção no caminho correto, que faz com que hoje contemplemos com normalidade a aprovação da 5.ª Geração do Programa Escolhas. O nome do Programa transmite bem a ideia que está por trás da sua existência – trata-se de capacitar as crianças e jovens com menos recursos para que possam, no futuro, fazer ESCOLHAS. Trata-se de lhes dar uma oportunidade de crescer, de desenvolver aptidões e conhecimentos, de potenciar as suas capacidades. O Escolhas é um instrumento absolutamente decisivo na coesão social e na igualdade de oportunidades.


Ao longo dos seus 10 anos e de 4 gerações de vida, o Escolhas fez o que lhe competia: deu a oportunidade a cerca de 232.000 crianças e jovens de se relacionarem, de adquirirem novos conhecimentos e de crescerem intelectualmente. Na atual geração, os 134 projetos contaram, até final de 2011, com cerca de 71.020 participantes, com 4.117 reintegrações em escola, formação e emprego de crianças e jovens desocupados. A taxa de sucesso escolar em todos os projetos é de 82%, com 6.373 certificações na área das TIC através dos Centros de Inclusão Digital. Tudo com um custo per capita diário de €0,41. Como refere o título deste livro, o Escolhas fez escola em Portugal, e tem feito escola também na Europa, onde as distinções e o reconhecimento internacional têm sublinhado o Programa como um exemplo a seguir no que se refere à integração social dos mais desfavorecidos. Este grande conjunto de iniciativas, que tem na diversidade e na multiplicidade de atores o segredo doseu sucesso, é um excelente exemplo de interação entre o Estado e a sociedade civil. O seu espírito pode e deve ser replicado noutras áreas, na medida em que representa um exemplo de boa utilização de fundos públicos, criteriosa, com exigência e com acompanhamento, sem que à Administração compita fazer tudo. O Escolhas permite capacitar não apenas as crianças e os jovens que dele diretamente beneficiam, mas também as entidades da sociedade civil que se associam ao Programa e que dele retiram competências para afrontar outros projetos. O momento em que nos preparamos para delinear o que será a 5.ª Geração do Escolhas é um dos momentos mais difíceis da vida do nosso país. Contudo, o apoio à educação dos menos favorecidos não pode deixar de ser uma prioridade do Governo de Portugal, porque são estas crianças e estes jovens que podem, amanhã, fazer ESCOLHAS e levar Portugal para um futuro diferente, para melhor, em que as desigualdades sociais se esbatam e onde todos possam concretizar os seus objetivos. Tendo em conta o sucesso que todos lhe reconhecemos, não posso deixar de augurar longos anos de vida ao Programa Escolhas, confiando em que a réplica dos seus exemplos possa, como refere este título, fazer escola e contribuir para uma sociedade mais justa e com cada vez mais ESCOLHAS ao alcance dos nossos jovens.


LIGA-TE

6

O Recurso Liga-Te foi desenvolvido no Bairro do Alto da Cova da Moura, no concelho da Amadora, no âmbito do projecto Nu Kre. No decorrer do trabalho desenvolvido pelos diversos técnicos que intervêm no terreno, foram identificadas fragilidades ao nível das competências pessoais e sociais dos jovens que poderão constituir obstáculos à sua inserção profissional e/ou formativa. Tendencialmente, os jovens possuem reduzidas habilitações literárias, baixa autoestima, pouca autonomia, desmotivação e indiferenciação face ao seu futuro. Por outro lado, possuem um forte sentido associativo e comunitário, bem como recursos pessoais que explorados e potencializados poderão constituir maisvalias ao processo de inserção. O Liga-te consiste num programa de desenvolvimento de competências, cujo objectivo consiste na potencialização da inserção profissional e/ou formativa de jovens.

NU KRE recurso LIGA-TE

orientação vocacional e percursos integrados NU.KRE.PE@GMAIL.COM


CONSTRUÇÃO DE PROJECTOS DE VIDA A ideia da construção do manual nasce da identificação de vários desafios, que estiveram na origem da implementação do projeto ORIENTA.TE, no concelho de Cascais. São eles a existência de jovens residentes em contextos vulneráveis, com baixas expetativas face ao futuro e fraca capacidade de mobilizar recursos e a dependência destes jovens de respostas tradicionalmente assistencialistas. O manual tem como objectivos aumentar as capacidades técnicas e recursos das instituições, para o apoio à construção de projetos de vida de população jovem e aumentar o poder de escolha, autonomia, expetativas de jovens (coaching, mentorias e sociopsicodrama) e a sua efetiva inclusão socioprofissional sustentável. O manual procura disseminar uma abordagem inovadora, integrando metodologias centradas num acompanhamento individual dos jovens, potenciando as suas capacidades, a liberdade de poderem escolher de forma informada, a sua autonomia e a sua inclusão sócio-profissional sustentável.

ORIENTA-TE

SÃO DOMINGOS DE RANA

recurso MANUAL DE APOIO À CONSTRUÇÃO DE PROJECTOS DE VIDA orientação vocacional e percursos integrados ORIENTATESDR.PE@TESE.ORG.PT

7


PACKAGE FAZ-TE À VIDA A Freguesia da Baixa da Banheira, no concelho da Moita, é um território com fragilidades, em que se verifica a saída precoce do sistema escolar, motivada em grande medida pela dificuldade no exercício das funções executivas e de controlo parental, pelo pouco envolvimento com a escola, pela pouca importância atribuída à frequência e aos resultados escolares e ainda por carências de ordem económica.

8

O package “Faz-te à Vida” consiste num conjunto de instrumentos de suporte à estruturação de percursos, objetivos e ações, que possam estruturar os passos a dar por cada jovem ou grupo, para a construção de um futuro mais consistente, numa perspetiva de auto determinação e promoção do empowerment. Pretende-se contribuir para: a redução de respostas imediatistas, promovendo escolhas mais ponderadas, a melhoria do processo de tomada de decisão, a promoção do auto-conhecimento e promoção de expectativas realistas. A metodologia desenvolve-se a partir de um plano/ esquema gráfico que contempla sete passos considerados fundamentais para a construção de projetos de vida.

BXB PRO JOVEM recurso

PACKAGE “FAZ-TE À VIDA” orientação vocacional e percursos integrados BXBPROJOVEM.PE@RUMO.ORG.PT


BIJUTERIA CRIATIVA Desenvolvido na Costa da Caparica, no projeto Dar à Costa, o recurso Bijuteria Criativa pretende responder à necessidade de reduzir o abandono escolar promovendo o empreendedorismo e contribuindo para a formação de jovens. Este recurso incide sobretudo sobre a formação e o desenvolvimento de competências empreendedoras que permitam aos jovens a permanência na escola e a criação do seu próprio emprego ou projeto. O desenvolvimento de competências sociais e profissionais numa metodologia activa pretende ainda enriquecer os destinatários ao nível da autonomia e iniciativa.

D.A.R. À COSTA recurso BIJUTERIA CRIATIVA

empreendedorismo e participação cívica DAR.A.COSTA.PE@GMAIL.COM

9


READY, SET, GO

10

Este recurso constitui uma ferramenta para jovens que pretendem criar uma Associação Juvenil, bem como para facilitadores/ técnicos que acompanham e dinamizam grupos de jovens com o objetivo de constituir uma Associação. Partindo da experiência de três associações juvenis, constatou-se a necessidade de apoiar os processos de criação e gestão de associações juvenis, uma vez que, regra geral, estes processos apresentam lacunas ao nível do seu crescimento e da sua estruturação (seja no campo formal, no campo das ferramentas mais práticas, ou no campo da gestão de conflitos). Percebeu-se também a importância da entreajuda, da referência entre pares, para a capacitação e processo de resolução de conflitos e obstáculos. Pretende também capacitar os dirigentes de competências relacionadas com a liderança de grupos, competências de motivação e gestão de equipas de trabalho, gestão e coordenação de actividades, bem como capacita-los para uma comunicação inter-pessoal assertiva.

METAS, TRILHOS INOVA PLANETA AMEIXOEIRA recurso READY, SET, GO ASSOCIATIVISMO JOVEM empreendedorismo e participação cívica METAS2.PE@GMAIL.COM TRILHOSINOVA.PE@GMAIL.COM PLANETAAMEIXOEIRA.PE@GMAIL.COM


CAFÉ CONCERTO Implementado no concelho de Ponte de Sor este recurso surge devido à inexistência na comunidade de qualquer espaço de lazer noturno que promova a abstinência quanto ao consumo de substâncias psicoativas e como alternativa aos espaços de lazer nocturnos existentes na comunidade; escassez de atividades promotoras de interação familiar e existência de preconceitos / discriminação social na comunidade. Assim pretende-se criar um espaço de lazer noturno que promova estilos de vida sem consumo de substâncias psicoativas na noite. Este recurso visa também aumentar a participação dos destinatários em actividades promotoras de estilos de vida livres de consumos; promover a interação familiar; e promover a heterogeneidade cultural e a inclusão social.

GERAÇÃO

INCONFORMADUS recurso CAFÉ CONCERTO

empreendedorismo e participação cívica INCONFORMADUS.PE@GMAIL.COM

11


REVESTIR LOJA SOLIDÁRIA

12

O objetivo principal do recurso Revestir prende-se com a transformação da roupa em peças mais estilizadas e passível do consumo de toda a comunidade e não apenas de individuos em situação de exclusão social. Desta forma pretendemos também criar e disseminar um novo conceito de Loja Solidária. O Revestir pretende assim combater o cunho da solidariedade social como esmola e de uma forma empreendedora e criativa, transformar a roupa existente na loja solidária em peças mais atrativas e modernas. A loja solidária do Projeto Escolha Viva II, Fundão, existe desde 2007 e tem baseado a sua intervenção na recolha e distribuição de roupa junto da comunidade mais vulnerável, mas com o passar do tempo surgiu a oportunidade de transformamos um serviço de apoio à comunidade para que crie também recursos sustentáveis para o futuro e sobretudo para satisfazer as necessidades dos destionatários/ beneficários que nos procuram.

ESCOLHA VIVA II recurso

REVESTIR LOJA SOLIDÁRIA empreendedorismo e participação cívica ESCOLHAVIVA.PE@GMAIL.COM


MEG@ PRODUÇÕES O contexto de implementação do Projeto Meg@ctivo são os Bairros do Pendão e Pêgo Longo, Freguesia de Queluz e Belas, concelho de Sintra, tendo o recurso Meg@ Produções sido implementado na sede de projeto, no bairro, com os jovens inscritos no projeto. O Meg@produções é uma linha de produtos elaborados pelos jovens através do reaproveitamento de materiais. Este recurso tem como objectivos principais aumentar a participação dos jovens nas atividades desenvolvidas pelo projeto, garantir a auto-sustentabilidade (ou sustentabilidade parcial) de atividades / ações sugeridas pelos jovens, promover uma atitude pro-ativa e positiva face às dificuldades (neste caso relativamente aos escassos recursos financeiros ) e por fim criar um nicho de negócio sustentável.

MEG@TIVO recurso MEG@PRODUÇÕES

empreendedorismo e participação cívica MEGACTIVO.PE@GMAIL.COM

13


RECITELEPC O recurso ReciTelePC é desenvolvido pelo projecto Távola Redonda, na freguesia de Caneças, Odivelas. O ReciTelePc visa capacitar e autonomizar os seus destinatários nas áreas das “TIC”, permitindo ao mesmo tempo o acesso a material informático, a baixo custo, por parte dos mais carenciados.

14

Assim o ReciTelePc pretende que os jovens sejam capacitados ao nível da informática, complementando o Curso IT Essentials da Cisco Systems, numa vertente mais prática, onde os destinatários do Távola Redonda aprendem a montar e a desmontar componentes informáticos. Depois de criados os novos computadores, estes serão depois vendidos a baixo custo ou oferecidos a familias carenciadas que de outra forma não conseguiriam ter acesso a este tipo de equipamentos.

TÁVOLA REDONDA recurso

RECITELEPC

empreendedorismo e participação cívica PTAVOLAREDONDA.PE@GMAIL.COM


CIDADANIA ATIVA O recurso Cidadania Ativa elaborado pelo Projecto Áfri-Cá II (Bairro Dr. Francisco de Sá Carneiro, Caxias) foi testado nas 10 freguesias do Concelho de Oeiras. Este recurso procura dar resposta a uma lacuna de conhecimentos, competências e experiências específicas dos jovens no âmbito da participação, cidadania e democracia, que afecta com particular incidência os jovens provenientes de contextos socioeconómicos vulneráveis, impedindo-os de dar o seu contributo e participar ativamente junto das estruturas de representação política e outras entidades com impacto no seu bem-estar. A Cidadania Ativa consiste num programa de capacitação na área da cidadania e democracia participativa, para ser aplicado por técnicos locais junto de jovens em idade de pré-voto (14-18 anos) no sentido de os sensibilizar e preparar para o exercício da reflexão e ação cívica e política ao nível local.

AFRI-CÁ

ASAS E RAÍZES II recurso

CIDADANIA ATIVA manual de apoio à participação local

empreendedorismo e participação cívica AFRICA.BYP.PE@GMAIL.COM

15


ORÇAMENTO PARTICIPATIVO

16

Implementado em São Brás de Alportel este recurso pretende reduzir o défice de participação da população juvenil na sociedade portuguesa. Pretende-se promover o desenvolvimento do espírito de cidadania dos jovens; favorecer o protagonismo juvenil; incentivar ao desenvolvimento de um projecto comum com vista à prática da democracia, respeito pelo próximo e solidariedade; melhorar a qualidade de vida dos habitantes, neste caso dos mais jovens; incentivar a população juvenil a participar no crescimento e desenvolvimento do seu concelho. O recurso visa dotar os utilizadores e beneficiários de estratégias de intervenção com vista à promoção da cidadania ativa por parte da população juvenil, através do desenvolvi-mento de processos de educação/formação e apoiar a implementação de processos de Orçamento Participativo Crianças e Jovens.

@VENTURA recurso ORÇAMENTO PARTICIPATIVO DE CRIANÇAS E JOVENS

empreendedorismo e participação cívica AVENTURA.PE@GMAIL.COM


THE PUPPET’S O recurso The Pupett´s - Amizade em Movimento foi desenvolvido no bairro do Lagarteiro, na cidade do Porto. Este recurso surge da paixão de dois jovens pela dança que começaram a ensaiar coreografias na rua com um rádio ligado a uma das casas destes jovens. Passado algumas semanas outros jovens se juntaram e ensaiavam regularmente. Aqui começa a surgir o sentimento de identidade, lealdade e coesão de grupo, batizando o grupo com o nome de “The Puppet’s”. Este recurso tem como objectivos: o incremento da auto-determinação e auto-representação de grupos sociais em desvantagem; o aumento da representação de grupos de jovens em desvantagem nos órgãos de decisão dos projectos / intervenções dos quais são destinatários; o combate à discriminação no meio social, cultural e laboral onde estes jovens se inserem; e a projectos de promoção do empowerment dos profissionais e públicos-alvo.

LAGARTEIRO E O MUNDO recurso

THE PUPPET’S AMIZADE EM MOVIMENTO

empreendedorismo e participação cívica LAGARTEIROEOMUNDO.PE@GMAIL.COM

17


HORTOBAIRRO O HortoBairro, desenvolvido pelo projecto CLP Manteigadas, tem como objectivo aumentar a capacidade empreendedora nos jovens de Setúbal. Através do HortoBairro pretende-se desenvolver uma ferramenta de animação comunitária e criar um circuito entre produtos da horta, produtos artesanais e loja solidária dinamizado pela comunidade que, com diferentes papeis partilham um objectivo comum, o de requalificar um espaço.

18

Através da ocupação do tempo livre com actividades relacionadas com o HortoBairro trabalha-se o empowerment através de um sistema de reciprocidade e desenvolvem-se capacidades técnicas básicas de jardinagem e gestão, tentanto aumentar o envolvimento da comunidade, o aumento da capacidade empreendedora dos utilizadores e da sua consciência ambiental. Um dos principais objectivos do HortoBairro é a promoção da inclusão social, da autonomia, auto-estima e da responsabilização e apropriação por parte de quem utiliza o HortoBairro.

CENTRO LÚDICO-PEDAGÓGICO

MANTEIGADAS recurso

MANUAL TEÓRICO-PRATICO HORTOBAIRRO

empreendedorismo e participação cívica CLPMANTEIGADAS.PE@GMAIL.COM


BOLA SOCIAL FUTEBOL DE RUA A fraca produção científica existente em Portugal no que respeita à inclusão no e pelo desporto com especial enfoque para o futebol de rua constituem os principais factores de motivação para a criação do presente recurso que pretende constituir não apenas uma ferramenta de intervenção mas também contribuir para a validação da metodologia do futebol de rua na área da ciências sociais do Bairro Padre Cruz em Lisboa. O principal objetivo do recurso Bola Social: Futebol de rua consiste em criar um suporte teórico-prático acerca da metodologia sociodesportiva, nomeadamente do Futebol de Rua enquanto estratégia de desenvolvimento de competências psicossocais e inclusão social. O manual integra a componente téoricoprática da modalidade do futebol de rua, organizado de forma a que, técnicos/as formados/as nas áreas das ciências sociais e do desporto possam desenvolver treinos sociodesportivos de Futebol de Rua com crianças e jovens de forma integrada e planificada.

BOLA PRA FRENTE recurso

BOLA SOCIAL FUTEBOL DE RUA

desenvolvimento de competências pessoais e sociais BOLAPRAFRENTE.PE@FUTRUA.ORG

19


JOGO X

20

O Jogo X foi concebido pelo projeto Poder (Es)Colher, tendo sido aplicado na Escola Básica de 1º ciclo de Povos, situada no Bairro Municipal de Povos em Vila Franca de Xira. A promoção de competências pessoais e sociais em crianças e jovens tem vindo a ser reconhecida como metodologia válida na prevenção da adoção de comportamentos de risco, que podem ser observados em diversos níveis da vida do sujeito, seja social, educacional, pessoal, familiar ou relacional. O “Jogo X” pretende desenvolver cinco áreas centrais do ajustamento psicossocial das crianças, designadamente: comunicação, cooperação/grupo, resolução de problemas/gestão de conflitos, imagem corporal/identidade de género e afetos/ auto-estima. O desenvolvimento do programa deverá ocorrer em contexto de sala de aula, na presença do professor, por dois técnicos com formação na área do desenvolvimento infantil e intervenção comunitária.

PODER (ES)COLHER recurso JOGO X

desenvolvimento de competências pessoais e sociais PODERESCOLHER.PE@GMAIL.COM


VIDEOTECA DE ESCOLHAS A Videoteca de Escolhas é desenvolvida pelo projeto Vida a Cores abrangendo a comunidade - crianças, jovens e famílias do concelho de Castelo Branco. A principal problemática observada que motivou a criação deste recurso prende-se com o facto de muitos dos destinatários do projeto terem lacunas graves no que diz respeito a competências básicas (como por exemplo a higiene). O principal objetivo do Recurso Escolhas é o desenvolvimento de competências pessoais e sociais. A nível da empregabilidade, o que se pretende é que os jovens (em idade ativa) saibam como procurar emprego, como fazer um CV, como se comportar numa entrevista de emprego. A nível do bullying, o que se pretende é prevenir situações de bullying, alertando os jovens para o problema. A nível da higiene, o que se pretende é dotar as crianças de competências básicas de higiene (pessoal, de sono, ambiental, etc.).

A VIDA A CORES recurso

VIDEOTECA DE ESCOLHAS

desenvolvimento de competências pessoais e sociais AVIDAACORES.PE@GMAIL.COM

21


AGIR PARA NOVOS CAMINHOS Este manual que tem origem na experiência de projectos desenvolvidos nos territórios de Mira Sintra/Agualva (projeto Novos Desafios) e Rio de Mouro (Projeto Escolhas Saudáveis), tem por base a abordagem de diversas temáticas através da dinamização de atividades, utilizando metodologias específicas.

22

Pretende responder a necessidades dos técnicos no acesso a instrumentos de trabalho que lhes permita trabalhar as competências pessoais e sociais nos jovens entre os 12 aos 18 anos, de forma a reduzir comportamentos sociais desajustados e/ou desviantes, desmotivação/insucesso escolar e abandono escolar. Através da metodologia ativa utilizada na implementação do recurso (roleplay, dinâmicas de grupos, debates, jogos pedagógicos, troca de papéis, brainstorming), os jovens adquirem uma nova gestão dos seus comportamentos reduzindo comportamentos sociais desajustados e/ou desviantes, desmotivação/insucesso escolar e abandono escolar.

NOVOS DESAFIOS II ESCOLHAS SAUDÁVEIS recurso AGIR PARA NOVOS CAMINHOS

desenvolvimento de competências pessoais e sociais NOVOSDESAFIOSII.PE@GMAIL.COM ESCOLHASSAUDAVEISPE@GMAIL.COM


TASSE COM DIREITOS Este recurso pretende ir ao encontro da necessidade sentida de promover junto das crianças e jovens um aumento das suas competências de cidadania e de participação, por se verificar um défice nas suas capacidades de analisar criticamente o mundo que os rodeia, para argumentar, defender um ponto de vista ou pôr em prática uma determinada ideia ou projeto. A implementação deste recurso, pelas questões/tarefas específicas existentes nas cartas que o acompanham, permite lançar propostas concretas para reflexão e debate. O TASSE com DIREITOS é um jogo que visa a construção, por equipas, da Cidade dos Direitos. Para conseguir cumprir a Missão, cada equipa deve, ao longo do tempo de desenvolvimento do jogo, conquistar pontos mediante a resolução de cartas de pergunta e de tarefa que poderão, posteriormente, ser trocados pelos “tijolos” que servem de base à construção da Cidade.

TASSE recurso TASSE COM DIREITOS

desenvolvimento de competências pessoais e sociais TASSE-PE@MAIL.TELEPAC.PT

23


TRATA A SEXUALIDADE POR TU A necessidade que despoletou o desenvolvimento deste recurso foi o elevado número de adolescentes grávidas, os comportamentos de riscos face à saúde sexual que os jovens adotam e a existência de inúmeras relações afetivas onde predominam violência psicológica e física.

24

O recurso desenvolvido pelo projeto Bom Sucesso de Olhão, objetiva facilitar uma intervenção na promoção de comportamentos saudáveis face à sexualidade junto da comunidade juvenil. Deste modo, pretende prevenir a gravidez na adolescência, a transmissão de infeções sexualmente transmissíveis, tal como, permitir o desenvolvimento de competências emocionais que possibilitem o estabelecimento de relações afetivas positivas. Este recurso tem como contexto ideal de intervenção as escolas, bairros e outros contextos onde seja possível formar grupos de jovens.

BOM SUCESSO recurso TRATA A SEXUALIDADE POR TU

desenvolvimento de competências pessoais e sociais BOMSUCESSOOLHAO.PE@GMAIL.COM


CRIAR-TE Este recurso surge de um conjunto de necessidades identificadas na sequência da avaliação da implementação do projeto da 3ª Geração do PE que intervinha com crianças e jovens em acolhimento institucional, e do alargamento da intervenção do projeto à comunidade envolvente, nomeadamente aos alunos do Agrupamento Augusto Gil e às crianças e jovens em risco sinalizadas pela CPCJ Porto Oriental ou com medidas tutelares educativas acompanhadas pela DGRS, residentes na freguesia de Santo Ildefonso no Porto. Este recurso pretende apresentar uma estratégia inovadora de intervenção baseada na educação não formal que promova o desenvolvimento de competências pessoais e sociais nas crianças e jovens a partir do seu envolvimento em actividades de cariz artístico, assim como apresentar metodologias e instrumentos de avaliação dessas competências.

ESCOLHAS

EM MOVIMENTO recurso CRIAR-TE

desenvolvimento de competências pessoais e sociais ESCOLHASEMMOVIMENTO.PE@GMAIL.COM

25


ESCOLA POSITIV@ A freguesia de Monte Abraão, Sintra, onde opera o projeto Raízes continua a traduzir situações de vulnerabilidade social, educativa e (in)formativa, que dificultam o usofruto pleno de igualdade de oportunidades da população com que o projeto intervém.

26

O recurso Escolhas do projeto Escola Positiv@, procura constituir-se numa metodologia complementar de resposta às dificuldades de interiorização, integração e/ou adaptação aos currículos escolares - concretamente ao nível do português - evidenciadas e/ou sentidas por crianças do 1º Ciclo. Neste recurso são destinatários(as) todas as crianças que estudem no primeiro nível de ensino, provenientes de contextos sociais mais vulneráveis e residentes em territórios com maior índice de exclusão, com poucas respostas institucionais. Apresenta-se também como mais valia para as crianças imigrantes e/ou descendentes de imigrantes, que reconheçam o crioulo cabo-verdiano, na medida que vêem facilitado o acesso a uma intervenção mais individualizada.

PROJETO RAÍZES recurso ESCOLA POSITIV@

inovação pedagógica PROJECTORAIZES4.PE@GMAIL.COM


EDUCAÇÃO AEROESPACIAL O recurso Educação Aeroespacial pretende responder à falta de motivação, ausência de hábitos de trabalho e de competências para trabalhar em grupo e desvalorização por parte dos jovens relativamente às matérias curriculares expostas em contexto de sala de aula. Este recurso foi desenvolvido na Escola Básica 2, 3 Visconde de Juromenha, Sintra. Perante a realização do recurso o jovem consegue percecionar a importância dos conhecimentos adquiridos em contexto de sala de aula, valorizando o ensino/aprendizagem da escola para a sua vida. Independentemente de ser uma atividade com uma componente lúdica, o jovem adquire uma outra visão da escola como sendo uma peça fundamental no seu desenvolvimento pessoal e social. Desta forma, consegue-se promover o sucesso escolar e fomentar o processo de socialização.

O ESPAÇO

DESAFIOS E OPORTUNIDADES recurso MALETA PEDAGÓGICA DE EDUCAÇÃO AEROESPACIAL

inovação pedagógica OSCACAS.PE4G@GMAIL.COM

27


ANIMAÇÃO DE RECREIOS Ligado ao Agrupamento Vertical Manoel de Oliveira, Freguesia de Aldoar, o projeto Acreditar, que desenvolveu o recurso Animação de Recreios, pretende responder ao problema da violência em contexto escolar. São três os objectivos principais deste recurso: diminuir a violência em contexto de recreio escolar; desenvolver e potenciar a criatividade das crianças e jovens para a criação e execução das próprias brincadeiras; promover, através das dinâmicas grupais, competências pessoais e sociais que facilitem as relações interpessoais.

28

Com base na experiência adquirida ao longo da intervenção, pretende-se facultar, aos utilizadores deste recurso, um conjunto de passos a seguir para a implementação do mesmo em contexto escolar envolvendo, de preferência, todos os elementos da comunidade educativa. O recurso é constituído por um manual, que relata passo a passo a construção desta dinâmica, incluindo alguns exemplos de jogos e dinâmicas que se podem desenvolver em contexto de recreio e por um vídeo que ilustra o desenvolvimento da animação de recreios nas escolas intervencionadas pelo Projecto Acreditar em parceria com a Associação de Ludotecas do Porto.

ACREDITAR recurso ANIMAÇÃO DE RECREIOS ESCOLARES

inovação pedagógica ACREDITAR.PE@GMAIL.COM


JOGOS MATEMÁTICOS O recurso Maleta Pedagógica de Jogos Matemáticos, desenvolvido pelo projeto Incluir, de Vieira do Minho, pretende responder à problemática do insucesso escolar, associado à desmotivação e desinteresse pela escola, nomeadamente no que se refere à aprendizagem da disciplina de Matemática, utilizando como estratégia de ensino a aprendizagem através do jogo. Pretende-se com o nosso recurso dotar as escolas de recursos auxiliares da acção pedagógica que funcionarão como estratégia de ensino de disciplinas cruciais como a Matemática, contribuindo, ao mesmo tempo, para o desenvolvimento de destrezas que promovam a concentração, a estratégia e o raciocínio, reforçando a aprendizagem através da sua componente mais lúdica, o jogo. Caracteriza-se como um recurso eficaz para intervir em meio escolar com crianças com diagnóstico de insucesso, um recurso que sistematiza uma estratégia de ensino/aprendizagem atrativa, fácil de jogar e implementar em contexto escolar e um recurso que é económico e muito prático de utilizar.

INCLUIR recurso MALETA PEDAGÓGICA DE JOGOS MATEMÁTICOS

inovação pedagógica INCLUIR.PE@GMAIL.COM

29


STAFF MEDIADORES DE PARES Tendo como ponto de partida a Escola E.B 2,3 Prof. Pedro d’Orey da Cunha, situado na Damaia, Amadora, esta ferramenta surgiu como necessidade de envolver alunos reconhecidos pelos seus pares na organização ordeira de eventos e na prevenção e resolução de situações problemáticas ligadas à inatividade dos alunos durante o tempo livre.

30

Este recurso pretende sistematizar a prática da experiência de mediação de pares na escola e indicar algumas estratégias de acompanhamento e formação de alunos mediadores de pares. O exercício da função de mediador de pares na escola pressupõe um conjunto de competências que permitem aos jovens dar respostas a situações com que se deparam no espaço escolar, contribuindo para um clima de paz e integração.

ACADEMIA ESCOLA MAIS recurso STAFF MEDIADORES DE PARES

inovação pedagógica ACADEMIAESCOLAMAIS.PE@GMAIL.COM


COMUNIC’ARTE O recurso Comunic’arte é desenvolvido pelo projecto VAI.PE, implementado na Escola Secundária D. João II, em Setúbal, e pela Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Setúbal (ESS-IPS), nomeadamente com o Curso de Licenciatura em Terapia da Fala. Tendo em conta a existência de muitos jovens com dificuldades / inibições na interação social, relacionadas com fracas competências comunicativas e dificuldades de comunicação, de linguagem oral e escrita, fala e voz, que potenciam o insucesso escolar foi desenvolvido este recurso com vista a atenuar este problema. O Comunic’Arte tem como objetivo reduzir a incidência das dificuldades de aprendizagem associadas a problemas de comunicação (linguagem expressiva e compreensiva, voz, fala, postura corporal e expressão não-verbal), melhorar a capacidade de comunicação, tanto ao nível do desempenho escolar, como ao nível das suas relações interpessoais, potenciado a sua progressão escolar. No programa estão envolvidos grupos nos quais participam jovens com problemas de comunicação e que recebem acompanhamento individual mas também jovens sem essas dificuldades, permitindo que este trabalho seja sentido por eles/as como uma mais-valia, refletindo-se num inequívoco aumento de autoestima e autoconfiança.

VAI PE recurso

COMUNIC’ARTE

inovação pedagógica VAIPE.PROJECTOESCOLHAS@GMAIL.COM

31


BIBLIOTECA ANDARILHA Implementado nas Escolas do Ensino Básico do Agrupamento de Escolas das Olaias, em Lisboa, em contexto de salas de aula o recurso Biblioteca Andarilha pretende focar-se no desinteresse pela leitura e estigmas associados, com o intuito de motivar para a leitura.

32

A Biblioteca Móvel pretende desenvolver competências de leitura a partir de estratégias pedagógicas ativas que implicam a participação dos destinatários na sua gestão e organização. A partir dos 10 Direitos do Leitor criados por Daniel Pennac e suas “liberdades” subjacentes promove-se a aproximação ao livro a partir da curiosidade, da diversidade, do sentido de partilha, da autonomia e da responsabilidade e cooperação de todos os particpantes.

HÁ ESCOLHAS NO BAIRRO recurso BIBLIOTECA ANDARILHA

inovação pedagógica ESCOLHASNOBAIRRO.PE@GMAIL.COM


CONTAS COMIGO:

MATEMÁTICA EM AÇÃO O projeto CSI desenvolvido em 2 Bairros Sociais, Atouguia e Gondar, em Guimarães, desenvolveu o recurso Contas comigo na Escola EB1 Nossa Senhora da Conceição dada a taxa elevada de insucesso na disciplina de matemática. O recurso tem como objectivos principais: despertar o interesse das crianças do 1º ciclo pela disciplina da matemática; adequar o ensino da matemática à fase de desenvolvimento das crianças do 1º ciclo; consciencializar as crianças sobre a importância e presença da matemática na vida diária; aumentar o sucesso escolar ao nível da disciplina da matemática e, em última análise, a inclusão escolar e social dos destinatários. O Programa “Contas Comigo: Matemática em Ação”pretende desmistificar a ideia de que a Matemática é uma disciplina do domínio exclusivo da abstração e de que sempre será o calcanhar de Aquiles da vida escolar, combatendo-se assim o desinteresse de uma grande maioria das crianças pela disciplina e, em última análise, o insucesso escolar nesta área do saber.

CSI

CRESCER SOLIDÁRIO E INTEGRADO

recurso PROGRAMA CONTAS COMIGO: MATEMÁTICA EM AÇÃO inovação pedagógica CSI.GUIMARAES.PE@GMAIL.COM

33


MÃCHEIA DE CHABORRILHOS O Projeto Encontros é uma intervenção de cariz comunitário procurando lutar contra o abandono/insucesso escolar das comunidades ciganas de Sobral da Adiça e Póvoa de São Miguel (Concelho de Moura). O projecto pretende promover a interculturalidade entre ciganos e não ciganos nas EB1 através do aumento de conhecimento sobre as respectivas culturas e pelo incentivo à mistura social.

34

Mãcheia de Chaborrilhos é um manual que inclui ferramentas e sugestões para trabalhar a educação para a interculturalidade no 1º ciclo do Ensino Básico em escolas onde existam crianças ciganas e não ciganas. Para além de algumas noções chave para a intervenção e do relato da experiência do projeto Encontros, Mãcheia de Chaborrilhos contem um programa de atividades que tem a duração de 1 ano letivo, com actividades com periodicidade quinzenal.

ENCONTROS recurso MÃCHEIA DE CHABORRILHOS interculturalidade ENCONTROS_PE@ADCMOURA.PT


O BAIRRO É... O projecto +Skillz, sedeado no Bairro Alto, surge como uma resposta inovadora, assente na aquisição de competências escolares, profissionais, sociais e pessoais junto de crianças e jovens, dos 11 aos 24 anos de idade, em situação de maior vulnerabilidade da área da Baixa-Chiado e Bairro Alto, no concelho de Lisboa. O Bairro Alto, é uma comunidade onde as relações de identidade e pertença à comunidade se começam a desvanecer dentro do tecido urbano. Este factor é agravado pela existência de uma dicotomia diurno - nocturno, por uma profunda heterogeneidade de práticas culturais (o popular e o alternativo cosmopolita) e por uma crescente diversidade cultural (os autóctones e os recémchegados). O Recurso O Bairro É constitui-se num manual de apoio à criação de um percurso histórico, étnico e ou cultural em comunidades locais, onde os participantes do percurso são levados a conhecer os recursos existentes, as pessoas que lá residem e a identidade dos lugares.

+ SKILLZ recurso O BAIRRO É...

interculturalidade SKILLZ.PE@GMAIL.COM

35


TEATRO IBISCO Este recurso emergiu de uma necessidade muito urgente em minimizar os conflitos inter-bairros que se estavam a sentir em finais de 2008 em que estão envolvidos 6 projetos Escolhas localizados no Concelho de Loures.

36

O Teatro Ibisco espelha muito concretamente uma metodologia de trabalho que possibilitou juntar 6 territórios (alguns rivais), uma equipa técnica com formas de trabalho diferenciadas, parceiros públicos e privados e ainda traduz muito concretamente o trabalho de capacitação pessoal e social que é efetuado pelo encenador junto dos jovens. Os principais objectivos deste recurso são ocupar os Jovens, dar formação nas diferentes áreas do teatro e promover o desenvolvimento de competências pessoais e sociais e a aproximação dos diferentes territórios.

CONSTRUINDO NOVAS CIDADANIAS SAI DO BAIRRO CÁ DENTRO PROJETAR LIDERANÇAS EU AMO SAC PROJETO ESPERANÇA PROJETO À BOLINA

recurso TEATRO IBISCO interculturalidade TEATROIBISCO@GMAIL.COM


FUTEBOL

INCLUSÃO SOCIAL O Recurso Futebol pela Inclusão Social surge no âmbito do projeto Mais Jovem situado no concelho de Vila Nova de Gaia. Este recurso surge da necessidade de se criar respostas que promovam a ocupação salutar de tempos livres de crianças e jovens de um bairro social, a par com a promoção de hábitos de vida saudável. Esta abordagem constitui-se também como uma tentativa de criar ferramentas que, de uma forma natural, ajustada e inovadora lide com as questões da exclusão social de crianças e jovens. Posto isto, através da educação para os valores, educação para a cidadania e educação para a vida saudável e responsável, este recurso pretende contribuir para o aumento da prática desportiva e de hábitos de higiene, aumento da consciência social, aumento de competências pessoais, aumento de competências sociais e aumento de competências de cidadania entre os jovens da comunidade.

MAIS JOVEM recurso FUTEBOL INCLUSÃO SOCIAL interculturalidade MAISJOVEM.PE@GMAIL.COM

37


UM AMARELO DE TODAS AS CORES “Um Amarelo de Todas as Cores” surge como um programa, que tendo como meta principal ensinar e promover competências auto-regulatórias nas crianças, é também um veículo para a continuidade escolar e consequente formação profissional das crianças ciganas. É composto por um package pedagógico, no qual consta o livro integral, o bloco de actividades, o teatro de fantoches, e ainda a experiência narrada da sua aplicação a crianças ciganas de diferentes comunidades.

38

Este recurso pretende colmatar a ausência de dispositivos pedagógicos que promovam a inclusão escolar de públicos em situação de exclusão social em específico pertencentes à etnia cigana. “Um Amarelo de Todas as Cores” tem como objectivos principais o aumento das competências pessoais, sociais e de aprendizagem das crianças e jovens envolvidos, em especial pretende promover competências de auto-regulação emocional e do estudo.

GIRO T3TRIS GERAÇÃO TECLA recurso

sarilhos do amarelo um amarelo de todas as cores

interculturalidade T3TRIS.PE@GMAIL.COM GERACAOTECLA.PE@GMAIL.COM PROJECTOGIRO.PE@GMAIL.COM


Catálogo Recursos Escolhas  

Recursos técnico-pedagógicos desenvolvidos pelos projetos Escolhas durante a 4ª geração.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you