Page 1

Jornal

da Graduação Ano I - Número 4 - Edição Especial/Agosto

Bem-Vindos ao segundo período de 2011!!!

A Pró-reitoria de Graduação os recebe com uma apresentação das principais oportunidades que a Universidade oferece aos seus estudantes

Curso de História do IM expande publicações de revista científica.

No Giro pela Rural confira alguns momentos das matrículas. para o segundo período


PROFESSOR

CONTA AÍ

Pró-reitor de Assuntos Estudantis aponta desafios e projetos para Universidade

O Foto: Arquivo Pessoal

professor Luiz Massard, é graduado e mestre em Medicina Veterinária e doutor em Parasitologia Veterinária. Desde 2009 ocupa o cargo de Pró-reitor de Assuntos Estudantis na UFRRJ. Nessa entrevista o prof. Massard, que dá aulas na UFRRJ desde 1974, fala sobre os desafios para melhorar a assistência estudantil na Rural. JG: Qual a Importância da Pró-reitoria de Assuntos Estudantis? Massard: Temos um papel de grande importância na UFRRJ, ao viabilizar a assistência para os estudantes matriculados nos cursos oferecidos com objetivo de propiciar condições necessárias para a manutenção dos estudantes combatendo a evasão escolar com ações assistenciais, em beneficio, principalmente dos menos favorecidos.

JG: Dos alunos matriculados em 2011-1, 83% são de escolas públicas. Quais as ações voltadas a este público que tende a ser mais carente? Massard: O Pró-reitoria elaborou um projeto de Concessão de Bolsas de permanência, utilizando parte dos recursos do Programa Nacional de Assistência Estudantil (PNAES) que são as bolsas de Apoio Financeiro à Alimentação, à Moradia, ao Transporte e de apoio Didático Pedagógico nos três campi. Além dessas iniciativas, o Setor de Atenção Especial ao Estudante vem oferecendo terapias alternativas em proveito da Comunidade Acadêmica, atingindo aproximadamente 1.200 atendimentos por ano. JG: Existem planos para aumentar o alojamento, principalmente o feminino? Massard: A curto prazo não, mas a médio prazo sim. As obras dependem de projetos e da liberação de recursos específicos, no entanto, estamos promovendo ações que visam minimizar os efeitos da grande procura por vagas nos Alojamentos. Uma delas é a implantação da Bolsa de Apoio a Moradia no Campus de Seropédica, somente para estudantes do sexo feminino.

02 02

JG: A universidade avançou na contribuição para a permanência do aluno na graduação? Massard: Sim, tanto que em todos os Campi, há forte procura pelos benefícios oferecidos que auxiliam a permanência nos cursos nos quais o estudante esteja matriculado. Os mais procurados são as Bolsas de Alimentação, Bolsas de Apoio Financeiro, Bolsas Culturais e Bolsa Atividade. A atual conjuntura demonstra que essa Instituição vem atingindo os seus objetivos e cumprido rigorosamente com as Metas do Programa Nacional de Assistência Estudantil. Expediente: Pró-reitora de Ensino de Graduação: Nidia Majerowicz / Diretor do Departamento de Assuntos Acadêmicos e Registro Geral (DAARG) Leonardo de Gil Torres / Vice-Diretora (DAARG): Marta Maria Figueiredo / Diretora da Divisão de Registros Acadêmicos: Zaida M. P. S. de Souza / Diretora da Divisão de Matrícula: Anazir Correa / Jornalista: Taise Galdino / Projeto Gráfico: Robson Barbosa / Diagramação: Taise Galdino e Samara Costa Estagiários: Gian Cornachini e Ramon César / Colaborador: Caroline Ribeiro, Alessandra Bueno, João Oliveira. / Foto Capa: Arquivo Prograd / Impressão: Imprensa Universitária. Rodovia BR 465, Km 7, antiga Rodovia Rio São Paulo Sala 92 do Pavilhão Central da UFRRJ. Seropédica/RJ - 23890-000 Telefones para contato: 21 2682-1112 / 21 2681-4699 Telefax: 21 2682-2810 E-mail: leitura@ufrrj.br Twitter: @DegUFRRJ / Orkut: DegUFRRJ / Blog: www.blogdagraduacao.blogspot.com


EM TRÂNSITO

Mobilidade verde-amarela: Alunos da UFRRJ cursam disciplinas em universidades fora do RJ

O

Programa Mobilidade Acadêmica 2011, uma parceria entre a Andifes (Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior) e o Banco Santander, contemplou cinco alunos da UFRRJ com bolsas para este segundo período letivo de 2011. Em um bate papo descontraído com alguns dos alunos selecionados para o intercâmbio, antes de viajarem, eles falaram sobre os objetivos e as expectativas das mudanças. Élton Nogueira, aluno do 3º período de Ciências Sociais, escolheu a Universidade Federal de Viçosa (UFV) no processo de seleção e ressalta a importância de aproveitar o que a universidade de Minas Gerais oferece, tanto em formação acadêmica, quanto em infraestrutura. “A minha proposta é fazer disciplinas que a Rural não oferece, ou que ainda estão em construção aqui”, conta. A������������������������������������������� oportunidade do intercâmbio também foi co� mentada pelo estudante Gustavo Pereira, do 5º período de Direito. “Quando você tem um curso em formação, você precisa de comprometimento dos alunos. Por isso, trazer o diferencial de ou� tra universidade é essencial para o curso ganhar credibilidade”, afirma. Particularmente, além de expectativa de morar na capital Belo Horizonte, ele conta que o intercâmbio, também na UFMG, vai contribuir para a pesquisa que desenvolve João, Ruben, Élton e Gustavo farão mobilidade aqui na Rural sobre a reforma do código do Pro� cesso Penal Brasileiro. Todos os selecionados ressaltaram a busca por novas experiências individuais e a interação com outras culturas. Rubem Vinícius Ferreira acredita que além do enriquecimento acadêmico, a vivência cultural em uma região diferente vai ser de extre� ma importância para cada um. Ele, que é aluno do 4º período de Administração de Empresas, escolheu a federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) porque a graduação contempla o 2º melhor conceito nacional de acordo com a avaliação do INEP. Rubem conta que o objetivo inicial da escolha pela UFRGS foi o mestrado voltado para a área de produção, mas uma de suas pretensões é expandir o trabalho que desenvolve sobre o perfil do aluno de administração da Rural. “Vou ter a oportunidade de entrar em contato com pesquisadores de lá e ampliar o projeto para a região sul e talvez até desenvolvê-lo em âmbito nacional”, acredita Rubem. O Programa seleciona alunos a cada ano, sendo oferecidas bolsas no valor de R$500 mensais durante cinco meses. O deslocamento dos estudantes é financiado pela UFRRJ.

www.facebook.com/ proreitoriadegraduação.ufrrj

@prograd_UFRRJ


Instituto Três Rios

Instituto Três Rios inicia período em prédio novo com laboratórios, biblioteca e salas de multimídia

Q

uem����������������������������������������������������������������������������������� é calouro, chega ao prédio novo e quem já é veterano, também. Neste segundo semestre o Instituto Três Rios (ITR) recebe, pela primeira vez, todos os seus alunos em sua sede própria, conforme explica a diretora do Instituto, Luciana de Amorim Nóbrega. “O Instituto era dividido em três prédios. Agora, todos terão lugares e estarão juntos”, conta Luciana. A diretora também ressalta que a Semana de Integração do ITR será, basicamente, uma apresentação do Instituto a todos, com palestras do curso de Administração e Gestão Ambiental. Os novos prédios dispõem de uma ampla biblioteca, três laboratórios de informática e duas salas multimídias. São 20 salas de aulas, com capacidade para abrigar 900 alunos. Os dois blocos do prédio são denominados Norte e Sul, mas receberam os apelidos de “Ala da Condessa” e “Ala do Rio”, por estarem paralelos à Av. Condessa do Rio Novo e do rio Paraíba do Sul. A secretaria e as coordenações de curso estão no segundo andar, na Ala da Condessa. Errata: na última edição (03/2011) publicamos que houve a inauguração do novo prédio do ITR, no entanto, houve apenas a mudança de alunos e técnicos, sem celebração de inauguração oficial.

INTITUTO INsTITUTO

P

MULTIDISCIPLINAR MULTIDISCIPLINAR

Acadêmicos de História de Nova Iguaçu publicam estudos em revista do Instituto Multidisciplinar

06

róximo de completar um ano de atividades, em setembro de 2011, a revista eletrônica CAHistória é um veículo para promoção do pensamento acadêmico produzido pelos graduandos em História do Instituto Multidisciplinar da UFRRJ, em Nova Iguaçu. A CAHistória, que a princípio era para ser um material com as notícias do que acontecia no curso, se desenvolveu e se tornou uma publicação com artigos científicos, entrevistas, resenhas, um acervo com imagens históricas, entre outros materiais. De acordo com Allofis Batista, organizador da revista, o sucesso do trabalho se mostra no grande acesso do material em mídias digitais e também na procura por espaço para publicações. “Vamos completar o primeiro ano de atividade, e o maior indicativo de que temos seguido o caminho certo para nos mantermos em atividade e de que estamos atingindo nosso objetivo é que recebemos muitos contatos de variados lugares do país, do Rio Grande do Sul ao Rio Grande do Norte. É esta nossa maior conquista!”, comemora Batista. O projeto é uma iniciativa do Centro Acadêmico do curso em conjunto com a professora e orientadora do projeto, Drª Surama Conde Sá Pinto. Conheça mais sobre o projeto na página: http://cahistoria.wordpress.com/


FALA AÍ

ALUNO!

Rural possibilita a realização de sonho duplo de estudante de Veterinária Carlos Gramatico Aluno do 7º período do curso de Medicina Veterinária

M

eu encanto pela Rural começou há muito tempo. Quando era criança, morava no Rio de Janeiro e sempre nos finais de semana passava em frente à Universidade quando eu e minha família íamos nos distrair em Valença (RJ), onde atualmente resido. Em 2003, tive a primeira oportunidade de conhecer a Rural de verdade ao participar de um curso de Inseminação Artificial em Bovinos. A partir de então fiquei ainda mais encantado e com grande vontade de ingressar nesta Universidade. No ano de 2007, finalmente chegou a época dos vestibulares, momento em que prestei concurso para diversas instituições, almejando, especialmente, ingressar na Rural ou na Universidade Federal de Viçosa (UFV). No ano seguinte, tive a felicidade de finalmente ingressar na Rural, instituição onde atualmente curso o 7° período de Medicina Veterinária. Hoje, desenvolvo projeto de iniciação cientifica na área de reprodução animal e aprendo com os programas de aprendizagem prática que me acrescentam conhecimentos na área de grandes animais, área com que mais me identifico. Em Julho deste ano, ao participar de um Simpósio de Equinocultura realizado pela UFV, conheci muitos professores e alunos, e através deles fiquei sabendo sobre o programa de Mobilidade Acadêmica. Ao voltar para a Rural, procurei me informar como deveria proceder para conseguir fazer parte do programa, pois ali surgiria a oportunidade de estudar na UFV, uma universidade tão bem conceituada quanto a Rural. Então começou a correria de “pega papel aqui, leva papel ali”, mas por fim deu tudo certo. Eu quero agradecer à coordenação do curso e à Pró-reitoria de Graduação pela colaboração, estou muito feliz por fazer parte deste programa. Hoje vejo como uma oportunidade morar em Carlos ingressa na UFV neste semestre uma nova cidade, conhecer novos professores e alunos e passar por novas experiências de vida podem ajudar na minha formação acadêmica e vida profissional.

Fica a Dica! Calouros, vocês não podem esquecer de confirmar a sua matrícula entre os dias 08 e 15 de agosto na Coordenação do seu Curso.

Aos veteranos a nossa dica é para que fiquem atentos às datas de matrícula em disciplina no quiosque dos alunos. O prazo para encerramento da segunda fase de ajustes é até o dia 11 de agosto.

0303

É obrigatório que todos os alunos ingressantes no segundo período de 2011 procurem a coordenação de curso e assinem o termo de confirmação para prosseguir no curso. Fique atento, caso não confirme a sua matrícula, a sua vaga será cancelada e você não poderá continuar cursando.


POR DENTRO DA RURAL

UFRRJ oferece diversas bolsas para auxiliar alunos de graduação durante permanência na Rural

A

UFRRJ além de possuir uma diversidade em opções de cursos, também oferece uma série de bolsas de auxílio aos estudantes mais carentes destinada a ajudá-los durante sua vida universitária. O Jornal da Graduação levantou algumas das principais bolsas.

Bolsa Alimentação por

Bolsas de Assistência Estudantil

rtro fo ncia manê ida em quamoradia, r e P Bolsa e é divid auxílio ção, este

lidadransporte, alimenta e não há u e t moda Esta Auxílio ógico e d mpi em q luno mas: io pedag o aos ca . aoa auxíl o destinad iversitário edagógic180,00, jár últim urante Undidático-p a de R$ nte o valo u Resta a bolsa rcela único estuda a junho ooCom e uma pa cedem a de março mações s erecebemais con mensais Mais infor os ender as d $ 150,00 vembro. poníveis n /sba/ de R gosto a no estão dis atos/dae de a s bolsas br/decan bre a ww.ufrrj. ços w

Bolsa trabalho A Bolsa trabalho é um programa sem vínculo empregatício com a universidade e não remunerado. Disponível em número limitado, busca diminuir as dificuldades de alguns estudantes, comprovadamente carentes, que entram na Universidade. São destinadas aos estudantes que não conseguiram atingir a pontuação de carência necessária para receberem uma das outras bolsas disponíveis. O aluno é selecionado após entrevista na Pró-reitoria de Assuntos Estudantis ou na Coordenadoria do Restaurante Universitário, e então passa a cumprir um cronograma de atividades desenvolvidas durante o desjejum ou nos períodos das refeições quando o aluno ajuda a servir os alimentos para os seus colegas, auxilia na limpeza dos refeitórios, na lavagem dos utensílios de cozinha ou participa de outras atividades correlatas. Em contrapartida, receberá a alimentação de que necessita para a sua subsistência.

ico ico Acadêm Apoio Técn no auxílio das ativimentos dintes atuam

04

arta Estuda órgãos rias em dep dades diá tíficos ou em outros orientaen dático-ci idade, sempre sob inado da Univers professor e é denomlor da ção de um ico-acadêmico. O vagas surApoio técn R$ 300,00 e as va dos sebolsa é de me a necessidade ade. gem confor trativos da Universid is tores admin

o

e

ad

ls Bo

carência

Consiste na oferta de restaurante universitário.refeições gratuitas no aluno precisa comprovar Para conquistá-la, o nômica e desenvolver ativ vulnerabilidade ecoa orientação de um pro idade acadêmica sob viços no Restaurante Uni fessor ou prestar serversitário (RU). No 1º semestre, foram oferecidas As inscrições ocorrem sem quase 700 bolsas. na após o início das aula pre na segunda semas e é realizada na Sessão de Bolsas de Alimenta ção da Pró-reitoria de Assuntos Estudantis, localizada na sala 37 do Pavilhão Central.

nsã e t Ex

Aos Residê se e alunos ncia E míni nquadr que m studa cia E mo é co am no oram lo ntil ro d studan ncedid índice nge e Reside vaga til, de a a vaga de carê que sáve ência s dispo cordo c na Resi ncia distr l pela Estudan níveis. om o núdênO ti s ib m cada uição deleção l (SERE) Setor eas v dos c é res de seme an ag po stre nos as disp didatos nAloj ame oníveis e ntos a

Estágio não obrigatório

Os estágios são realizados junto a empresas, órgãos públicos, escolas que são conveniadas com a Universidade, de acordo com os interesses e iniciativa dos estudantes. Cabe destacar que o estágio só tem validade em organizações conveniadas com a UFRRJ. Os alunos que cumprem seus estágios em instituições públicas ou privadas podem ter sua Carteira de Trabalho assinada (conforme legislação em vigor). Mais informações podem ser obtidas no SINTEEG na sala 68 no P1.

A Bolsa de Extensão financia projetos voltados para a comunidade em torno da UFRRJ. Os alunos que participam são selecionados para trabalhar em sua área específica ou não, podendo receber salários mensais de 360 ou 220 reais. No total, 50 alunos fazem parte dos projetos, que são criados por professores de qualquer área de conhecimento que desejam contribuir com a comunidade local. No entanto, a criação dos mesmos não está limitada somente aos professores, funcionários graduados também podem participar. Neste ano, serão desenvolvidos projetos de apoio às escolas do Ensino Fundamental, ações educacionais para idosos, ações de apoio às comunidades rurais, entre outros.


Bolsas

de Gra

duaçã

o

ob. om o e s ib a c l r t li m o r is B tes de a fo IBID d olas, ríc ar an sP estude incentiv74 bolsa icas e AgCiências s o a 1 Biológ rtes, s r ei a a u s iz id s o A tas d s ec lor Ofero de va UFRRJ pe Ciênciaa, Belas Os bolsisxtensão jetiv lmente a cursos d Químic agogia. uisa e e çu e de Atua entre os ática e as e Ped o, pesq ova Igua 00,00. das , Matem fia, Letr de ensinédica, N le a R$4 IBID/ Física is, Filoso ividades e Serop equiva uacao/P Sociaolvem at úblicas d olsa PIBIDj.br/grad senv scolas P ios. A b ww.ufrr em E s municípações: w outro inform Mais

BID ciatura, cão destesíu n as PI ç

nto es ndime e pela e r m m bo docência sor em s nos co la Bolsa os alu apreço pe xilia o profe experia a d e u a m n a s a ti r h o s o c n e das it ti D que te ocupa s prá o mon colar, isa. O alun s, trabalho nitoria são ital públipesqu s didática s para mo ado em ed de trabatarefa is. As vaga tivo divulg igindo 12h $ 250,00 mentarocesso sele mentos, ex lsa é de R. por p los departa alor da botres letivos br/quiosco pe manal. O v dois semes vicos.ufrrj. onitoria lho se uração de s :www.serpag=infom com d formaçõe sque.php? Mais inluno/quio Programa PEC-G e Bolsa Promisaes que/a Programa de Li Com o financiamento do MEC em convênio com o MinistéInternacionais cenciaturas rio das Relações Exteriores e da Educação, o Programa de da Capes Estudantes-Convênio de Graduação (PEC-G) oferece aos A Universidade alunos de países em desenvolvimento a oportunidade de com bolsas do Rural em 2010 e 2011 fo formação superior em Instituições Federais de Ensino Supeda Capes que Programa de Licenciaturas i contemplada rior. O programa seleciona alunos da África e da América sileiros dos cursopromove a mobilidade de es Internacionais Latina, entre 18 e 25 anos, que tenham concluído o ensiCoimbra (UC) s de licenciatura para a Un tudantes brano médio. A UFRRJ possui 23 alunos inscritos no PEC-G, a de passagem, em Portugal, com direito ao iversidade de maioria nos cursos de Administração, Economia, Veterinária da UC. As bolsaseguro, bolsas mensais e ise financiamento e Arquitetura e Urbanismo. plados obterão s são de dois anos e os estudnção de taxas O projeto Milton Santos de Acesso ao Ensino Superior (Proao integralizar dupla diplomação nas duas antes contemmisaes) busca oferecer apoio financeiro, aos participantes ida de sete es em os cursos. Em 2010, o ed Universidades ital permitiu a do PEC-G. Para que o aluno faça parte do programa é partirão para tudantes, e no mês de setemb preciso que possua excelente rendimento acadêmico e esteArtes, Ciências Coimbra 21 estudantes dos cu ro de 2011 Bio ja matriculado em IFES. O valor da bolsa é de R$ 545,00. é de 600 Euro lógicas, Física, Letras e Químrsos de Belas s, passagens aére com auxílio instalação, finan ica. A bolsa as e seguro pe cia mento de Bolsas PET la CAPES. São oferecidas pelo Programa de Educação Tutorial – PET, que são projetos desenvolvidos por grupos de estudantes Talentos: sob tutoria de professores da UFRRJ. As bolsas PET são lentos para Ta s vo Projeto Novoesco No do in nstru financiadas pelo MEC e lançadas anualmente em edital. Descobrindo ucação Básica de Seropédica Atualmente a Universidade conta com 11 grupos PET nos ênCi ia, Ciência na Ed log Bio em três Campi, oferecendo 116 bolsas em 2011. s das licenciaturastemática e Química, no alu ra pa do Volta O valor das bolsas é de R$ 360,00. ica, Geografia, Mano ensino-aprendizaFís s, ola ríc Ag s se cia Mais informações sobre o PET podem ser obtidas na Próomover o interes blico alvo alunos e propr a vis to oje pr o -Reitoria de graduação, sala 92, ou no site da PROGRAD édica. tendo como pú gem das ciências o fundamental e médio de Serop em http://www.ufrrj.br/graduacao/PET. recursos fessores do ensindisponibilizadas 32 bolsas com entre a Em 2011, foram lsistas atuam como mediadores a horáda UFRRJ. Os bo que o Projeto abrange. A cargnais nas Rural e as escolasé distribuída em 10 horas sema Univerria dos bolsistas o as atividades, e 10 horas na ações escolas, realizand do, planejando e avaliando as0 e tem sidade, pesquisan valor da bolsa é de RS 300,0 desenvolvidas. O ses. duração de 12 me co /Jardim Botâni OIC/UFRRJ e IC gras ao s da na sti PIBIC/CNPq, PR ca (IC) são de uisa científica sob tífi en Ci Programa “Ciência sem Fronteiras” o çã cia As bolsas de Ini senvolvem projetos de pesqs pela Pró-reitoria do Governo Federal ndo gerenciadadenominadas PIBIC duandos que de professores, se Os estudantes das IFES com nota final do ENEM suorientação de Pós-Graduação. As bolsas l de Desenvolvimenperior a 600 e com bom desempenho acadêmico e de Pesquisa s pelo Conselho de Naciona ao Ministério de poderão concorrer a uma das 27.100 bolsas de são financiada Tecnológico (CNPq), vinculadoIC e IC Jardim Bomobilidade internacional nos próximos quatro anos. to Científico e gia e as denominadas PROntários da UFRRJ. O O programa foi lançado pelo Ministério da Ciência rsos orçame sores Ciência e Tecnolo ciadas com recu tivo aos profes e Tecnologia em julho de 2011. A UFRRJ se enquatânico são finan principal objetivo o incen almente mestres, a mo ion dra nos critérios do Programa e certamente será co pc m ce is, ou ex PROIC te alidade acadêm recém-doutore contemplada com uma parcela destas bolsas que pesquisadores projetos de pesquisa com quequada aos alunos de ad serão prioritariamente destinadas às ciências exae em al ar du ivi IC, particip 179 bolsas PIB à orientação ind tas, biológicas, da terra, da saúde e às engenharias. ca, dando início. Em 2010, foram oferecidas do 283 bolsas do an ão Fiquem atentos! Tão logo tudo se concretize, a PROliz aç ta to du ra o, nic ses. da G IC Jardim Botâ durante 12 me GRAD lançará os editais. 90 PROIC e 14 das bolsas é de R$ 360,00 lor va O . IC o tip

ia

nitor de Mo

Bolsa

ciação s de Ini

ca Científi


GIRO PELA RURAL

MATRÍCULAS 2º Semestre A Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro esteve movimentada durante os meses de junho e julho com as matrículas dos calouros que ingressam neste 2º período. Abaixo algumas fotos das matrículas.

Um dos momentos com mais adrenalina por parte dos candidatos ocorreu na chamada da segunda lista de espera. Com a finalidade de preencher com maior rapidez e eficiência as vagas da lista de espera, a Universidade adotou a partir de 2011-1 o procedimento de convocar um número de candidatos superior ao número de vagas não ocupadas. Esta metodologia se mostrou bem sucedida, havenList as do a sobra de apenas uma vaga na tra c de espe om graduação. o no ra lotam vo p Neste segundo período de 2011, roce auditór dim i esta forma de convocação foi adotada a ento o Gusta v de c partir da segunda convocação da lista de espera, onv o Duocaç ão. que ocorreu no dia 21 de julho passado, quando foram convocados 1074 candidatos para a ocupação de 350 vagas em diferentes cursos de graduação. Compareceram 659 candidatos e foram preenchidas 326 das 350 vagas disponíveis, correspondente a uma taxa de 93% de ocupação nesta convocação. As demais chamadas da lista de espera deram conta destas vagas e daquelas decorrentes de cancelamentos de matrícula.

é cnia oote m Z rícula. e a d t rova ivar ma a, ap et rolin a para ef a C Ana chamad

Pró-reitoria de Graduação, Nídia Majerowicz instrui alunos sobre a organização das chamadas para matrícula

Confira as matérias completas e outras fotos no blogdagraduacao.blogspot.com

Agenda A Universidade Rural oferece a todos os estudantes uma AGENDA 2011,elaborada para auxiliar na organização da vida acadêmica , com informações sobre a universidade e também sobre a rotina acadêmica. Os alunos devem retirar seus exemplares junto às coordenações de curso.

Você conhece o sistema online da Biblioteca da UFRRJ? A Biblioteca Central da Universidade Rural oferece um

sistema online no qual é possível fazer busca das obras disponíveis de qualquer lugar em que o aluno esteja com acesso à internet.

Outra importante ferramenta do portal é a renovação dos livros emprestados, desta forma, os alunos não precisam ir

até a Biblioteca e no link Acesso Usuário, digita o número

de matrícula e a senha do cadastro na Biblioteca e podem usufruir deste serviço.

Navegue e conheça mais sobre a nossa Biblioteca no endereço: www.biblioteca.ufrrj.br.

Há vários outros portais que oferecem acervo online. Confira:

08

www.periodicos.capes.gov.br www.dominiopublico.gov.br

Jornal da Graduação  

Pró-reitoria de Graduação UFRRJ