Issuu on Google+

N.º 132 | Ano 12 | Distribuição gratuita

informação | participação | cidadania • Edição da Câmara Municipal de Sesimbra • Junho 2010

quinta do conde

Futuro Parque da Ribeira Centrais

Apresentação pública

orquestras sinfónicas juvenis

Plano Estratégico de Turismo

Aulas estão a ser um sucesso Pág. 10

Pág. 15


A tend i m ent o p ú b l i c o

pelo executivo da Câmara Augusto Pólvora (CDU) Presidente Modernização Administrativa e Qualidade, Administração e Planeamento Urbanístico, Gabinete de Projecto Municipal da Lagoa de Albufeira, Gabinete de Planeamento Estratégico, Gabinete Jurídico, Informação e Relações Públicas, Gabinete Médico-Veterinário Municipal, Ambiente e Água, Fiscalização Municipal e Recursos Humanos Terças-feiras, das 9.30 às 12.30 horas (Gabinete da Presidência - Sesimbra) Quintas-feiras, das 14.30 às 17.30 horas (Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde) Felícia Costa (CDU) Vereadora Educação, Cultura, Acção Social e Saúde e Turismo Quintas-feiras, das 9 às 12.30 horas (Gabinete da Vereadora/DECL - Sesimbra) Terças-feiras, das 9 às 12.30 horas (Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde) José Polido (CDU) Vereador Administração e Finanças, Actividades Económicas, Desporto e Juventude Terças-feiras, das 9 às 12.30 horas (Gabinete do Vereador - Sesimbra) Quartas-feiras, das 16 às 17.30 horas (Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde)

sumário grande plano • Fotodigisub 2010 • Gimnapraia • MGBOOS vence em Madrid • Títulos para as Lutas do Bastos • Distribuição de cal

04

no terreno • Nova conduta nas Caixas • Pontos de água e efluentes • Arranjos no Mercado • Caixa redutora na Cotovia • Marginal de Sesimbra • Arranjos no Castelo • Melhoramentos no Cemitério de Santiago • Rotunda na Corredoura

05

destaques 06 | 07 • Movimento Associativo de parabéns • Bibliotecas de Praia e de Jardim • Quatro anos de projecto Prove • Passeio Borda d' Água • Amarelo vence downhill de Sesimbra

município 08 | 09 | 10 • Empréstimos garantem investimentos nas três freguesias • Novo modelo de Opções Participadas para 2011 • Acessos à Praia da Califórnia • Renovação do Largo do Município • Apresentação do Plano Estratégico de Turismo

cultura 17 • Câmara atribui Prémio Científico • Jovem sesimbrense recebe prémio Secil

ambiente_________________ 11 • Tratamento das areias das praias • Limpeza da envolvente às praias • Iluminação LED nos espaços públicos

aconteceu_____________________20 • Feira Festa superou expectativas

centrais • Futuro Parque da Ribeira

12 | 13

educação 14 | 15 • Início da construção da nova escola de Sampaio • Biblioteca escolar no Pinhal do General • Projecto Orquestras Sinfónicas Juvenis património 16 • Arrábida a Património da UNESCO • Castelo é Monumento Nacional há cem anos

actividades económicas 18 | 19 • Câmara homenageia pescadores • Logótipo do Peixe-espada Preto • PROMAR apoia Sesimbra • Pescadores apresentam reivindicações

pessoas 21 • José e Luís Rocha • Este mês em www.cm-sesimbra.pt tome nota • Feira do Livro • Super Bock Super Rock • Melech Mechaya • Sesimbra Art Spaces • Santos Populares • Festival do Caracol • Festas de Santiago • Formação em ginástica utilidades

22 | 23

23

sérgio marcelino (CDU) Vereador Obras Municipais, Logística e Informática Terças-feiras, das 10 às 12.30 horas (Gabinete do Vereador - Sesimbra) Quintas-feiras, das 10 às 12.30 horas (Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde) CARMEN CRUZ (CDU) Vereadora Recursos Humanos e Habitação Alternando quinzenalmente entre Sesimbra e Quinta do Conde, às terças-feiras, das 9.30 às 12.30 horas (Gabinete do Vereador - Sesimbra) e das 9.30 às 12.30 horas (Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde) AMÉRICO GEGALOTO (PS) Vereador Sem Pelouros Sesimbra: Primeira quarta-feira do mês, das 14.30 às 17.30h Quinta do Conde: Terceira quarta-feira do mês, das 14 às 15.30h As marcações devem ser feitas até à sexta-feira anterior, através do telefone 21 228 85 14 (Gabinete do Vereador - Sesimbra)

Prémio Científico O geólo-

go Pedro Brito recebeu o Prémio Cientíco Sesimbra, no valor de 10 mil euros. O trabalho galardoado será publicado em livro pela autarquia. Este ano foram apresentados nove candidaturas que o júri considerou de grande interesse.

FRANCISCO LUÍS (PSD) Vereador Segurança e Protecção Civil, Fiscalização Municipal e Ambiente Terças-feiras, das 10 às 12.30 horas (Gabinete do Vereador - Sesimbra) Por marcação prévia feita até às quintas-feiras à tarde, para atendimento nas segundas-feiras seguintes à tarde. (Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde)

09

Largo do Município

Este espaço nobre da vila e do concelho vai receber um conjunto de intervenções, englobadas na valorização da frente marítima, que pretendem devolver-lhe a identidade e vivência que o caracterizaram durante séculos.

17 FICHA TÉCNICA Edição e Propriedade Câmara Municipal de Sesimbra | DIRECTOR Augusto Pólvora (Presidente da Câmara Municipal) cOORDENAÇÃO, REDACÇÃO, PAGINAÇÃO, FOTOGRAFIA, REVISÃO E SECRETARIADO Gabinete de Informação e Relações Públicas da Câmara Municipal Avenida da Liberdade, n.º 7 – 2970-635 Sesimbra • Telefone: 21 228 85 90 • Fax: 21 228 86 87 • E-mail: girp@cm-sesimbra.pt | DESIGN GRÁFICO Rui Dias (projecto e direcção), Bruno Campos (paginação e ilustração) e Raquel Santana (paginação) | FOTOGRAFIA GIRP/CMS | CAPA Rui Dias | PRÉ-IMPRESSÃO E IMPRESSÃo Belgráfica, Ld.ª | DISTRIBUIÇÃO CTT (via postal), GIRP/CMS (serviços públicos, colectividades, comércio e hotelaria) | TIRAGEM 10 000 exemplares | dEPÓSITO lEGAL N.º 134399/99 | ISSN 1646-6632 DISTRIBUIÇÃO GRATUITA | Notas: O conteúdo integral ou parcial (textos e imagens) desta revista não pode ser reproduzido sem autorização expressa da Câmara Municipal. Os eventos divulgados em antecipação podem ser alterados por motivos imprevistos.


EDITORIAL

12.13

.

Parque da Ribeira Na Quinta do Conde vai nascer o maior espaço verde e de lazer

do concelho, com cerca de quatro hectares. É composto por dois quilómetros de percursos pedonais, dois courts de ténis, polidesportivo, paredes de escalada, anfiteatro e pequenos lagos atravessados por passadiços em madeira. Prêve-se que as obras se iniciem ainda este ano.

Dia do Pescador

A Câmara Munici­pal atribuiu um conjunto de distinções à comunidade piscatória local, o ponto alto das comemorações do Dia do Pescador, 31 de Maio. A colocação de uma coroa de flores junto ao Monumento ao Pes­cador, uma missa de homenagem e uma exposição sobre a Arte do Palangre completaram o programa.

08

Opções Participadas Este ano, as Opções

Participadas vão apresentar um conjunto de alterações, tanto no modelo proposto como nas formas de divulgação. A utilização da Internet como incentivo à participação é uma das principais apostas das OP11, que se iniciam em Setembro.

18 informaç ão | par ticipaç ão | ci d a d a n i a

Se deseja receber a revista Se­­­­­­­simbra Município e/ou a agenda de acontecimentos Sesimbr'Acontece por correio, sem custos, solicite-o indicando-nos o seu nome e morada atra­vés do e-mail girp@cm-sesimbra.pt ou do telefone 21 228 85 90.

Novo Parque da Ribeira Depois de há dois anos o Parque da Vila ter mudado substancialmente a imagem da Quinta do Conde, criando um Augusto Pólvora Presidente da Câmara novo espaço verde de dois hectares, rapidamente apropria­do pelas populações da freguesia e espaços envolventes, perspectiva-se agora a possibilidade real de concretização de um novo parque urba­no de maior dimensão. O Parque da Ribeira consubstancia uma am­­­­­bição antiga de transformar a várzea da Ri­­bei­ra de Coina num grande parque urbano, que no futuro poderá ligar Negreiros a Coi­­­na, ser­vindo os concelhos de Se­­­simbra, Setúbal, Barreiro, Palmela e Seixal. Este é, aliás, um objectivo consagrado no novo Pla­ no Regional de Ordenamento da Área Metropolitana de Lisboa, em fase de con­­clu­são. Assumindo a designação de Parque Ur­­­bano de Coina, recupe­rará parcialmente o papel que o Rio Coina te­­­ve no passado, quando era navegável até “Coi­­na-a-Velha” (actual Aldeia da Piedade) e servia de meio de ligação entre os diversos municípios. A Câmara Municipal de Sesimbra, em colaboração com os promotores de diversos espaços comerciais a localizar a nascente da EN10, entre o nó desnivelado e a A2, vai promover a construção de uma primeira fase deste Parque, com uma área de quatro hectares que rapidamente esperamos po­der duplicar para oito hectares, utilizando terrenos municipais e terrenos cedidos por esses mesmos promotores. É um modelo de parceria que já se revelou profícuo no Parque da Vila e que esperamos que seja também bem sucedido no Parque da Ribeira. As imagens que apresentamos nesta edi­ ção são bem elucidativas das mais-valias do novo espaço para o recreio e lazer e da importância que terá na qualidade de vida da Quinta do Conde, que se afirma cada vez mais como um espaço urbano qualificado onde vale a pena viver!

Sesimbra Município | Junho 2010




grande plano

Gimnapraia

Foto: Rui Guerra

A 12.ª edição do Gimnapraia voltou a levar o desporto à praia do Ouro, em Sesimbra. Participaram centenas de desportistas em várias modalidades mas os maiores aplausos foram para os praticantes das classes de gerontomotricidade do projecto Sempre a Mexer Para Não Envelhecer, que mostraram uma energia e talento admiráveis.

No fundo do mar

Quando um mergulhador descreve as sensações que o fundo do mar provoca e a capacidade de atracção que exerce, fá-lo normalmente com uma paixão que acaba por parecer exagerada para quem nunca mergulhou. A imagem deste caboz de tons alaranjados, captada nas águas de Sesimbra, a cerca de 10 metros de profundidade, ajuda-nos a compreender todo o fascínio que a beleza das profundezas desperta. Foi com imagens como esta que o fotógrafo subaquático Rui Guerra venceu a primeira etapa do 5.º Troféu Nacional de Fotografia Subaquática Casco Antiguo – Fotodigisub 2010, que se disputou em Abril, em Sesimbra.

Hip Hop

A associação MGBOOS sagrou-se campeã internacional de hip hop nas categorias de juvenis e seniores no campeonato internacional da modalidade, disputado no final de Maio em Madrid. A prova juntou participantes de 55 clubes de Itália, Espanha e Portugal. Em 2009, a MGBOOS obteve o terceiro lugar no escalão de seniores nesta mesma competição.

 Sesimbra Município | Junho 2010

Distribuição de cal

A Câmara Municipal promove, em Julho e Agosto, uma campanha de distribuição gratuita de cal e pincéis. O objectivo é incentivar a pintura de muros e paredes das zonas mais antigas, que usam este material como revestimento. Os interessados podem inscrever-se no Departamento de Obras Municipais, no Largo Luís de Camões, em Sesimbra.

Lutas do Bastos

O Clube de Lutas do Bastos conta com mais três campeões nacionais. São eles Rui Costa, Pedro Bastos e António Luz, que venceram nas respectivas categorias o Campeonato Nacional Individual de Luta Livre Olímpica disputado no início de Junho em Lagoa, no Algarve. No mesmo dia, o Clube obteve também vários primeiros lugares no torneio Dia Olímpico.


no terreno

Caixas

Na Rua da Liberdade, Caixas, foi instalada uma nova conduta de água e posteriormente serão remodelados os ramais domiciliários. A obra está a ser realizada pela Câmara Municipal, na sequência da empreitada de saneamento que se encontra no terreno, o que constitui uma forma de optimizar recursos.

Quinta do Conde

Arranjos no Mercado

O terreno ao lado da Junta de Freguesia da Quinta do Conde, onde estão a decorrer os festejos dos Santos Populares, e que acolhe em Julho o 1.º Festival do Caracol, foi equipado com dois pontos de água e dezoito pontos de recepção de efluentes, que servem os stands. Os trabalhos incluíram a ligação dos ramais de esgoto ao colector municipal.

No Mercado da Quinta do Conde está em curso a reparação do piso da zona de cargas e descargas, que se encontrava danificado. As obras têm lugar às segundas-feiras para não prejudicarem a actividade dos vendedores e dos utentes deste equipamento municipal. Em breve, a autarquia vai também levar a efeito a pintura exterior do mercado. A2

Quinta do Conde EN 10

EN 378

EN 377

Corredoura

Está em curso a construção de uma rotunda próximo da Igreja da Corredoura, no âmbito da melhoria das acessibilidades nesta zona. A intervenção inclui também a pavimentação da Rua Moinho do Casalão. Durante a obra, o trânsito continuará a fazer-se nos dois sentidos, embora com limitações. O investimento é de cerca de 50 mil euros.

Cemitério de Santiago

A Câmara Municipal está a levar a cabo a remodelação do Talhão C do Cemitério de Santiago. A obra consiste na criação de plataformas para as sepulturas e execução de melhoramentos dos acessos e das zonas de circulação. Esta é uma das várias obras de beneficiação que têm sido realizadas pela autarquia nos cemitérios do concelho.

Cotovia EN 379

Cotovia Caixas EN 377

Corredoura Sesimbra

Castelo de Sesimbra

No Castelo foi efectuada a reparação dos caminhos pedonais e o corte e limpeza de vegetação. Esta acção faz parte de um conjunto de melhorias que estão a ser realizadas no monumento, um dos locais mais visitados do concelho, e que incluem também a pintura das janelas do Centro de Documentação Rafael Monteiro e da Cafetaria.

Na Rua da Cotovia foi instalada uma caixa redutora para regular a pressão de água e melhorar o abastecimento público. Os trabalhos representam um investimento na ordem dos dez mil euros e ficam terminados após a instalação das válvulas de pressão. Idêntica intervenção está em curso na Almoinha, próximo dos courts de ténis municipais.

Marginal de Sesimbra

Na Avenida 25 de Abril, em Sesimbra, a autarquia procedeu à reparação do piso da zona de estar e lazer. A medida consistiu na aplicação de uma calha metálica nas arestas das plataformas de pedra, que se encontravam danificadas. A intervenção contribuiu para melhorar este local, muito frequentado por munícipes e turistas.

Sesimbra Município | Junho 2010




d

destaques

Comemorações

Movimento associativo de parabéns

Em Junho estiveram de parabéns três associações sesimbrenses. No dia 5, o Grupo Desportivo de Alfarim comemorou 34 anos com uma sessão solene e um Sarau que reuniu cerca de duzentos atletas e demonstrou toda a dinâmica do clube. Três dias depois, foi a vez da Associação de Beneficência Amizade e Solidariedade celebrar o 18.º aniversário. A sessão solene decorreu no Centro de Convívio de Argéis e juntou sócios e repre-

sentantes de várias colectividades sesimbrenses. No dia 10 de Junho, Dia de Portugal, a Associação Cultural e Desportiva da Cotovia assinalou o 20.º aniversário, que ficou marcado pela tomada de posse dos novos órgãos sociais. Durante a festa foram homenageados sócios fundadores e atletas que se têm distinguido. A Câmara Municipal esteve representada nestes três momentos pelo presidente e vereadores.

Medidas do PEC penalizam autarquias

O descontentamento face às medidas previstas no Orçamento de Estado para 2010 e no Plano de Estabilidade e Crescimento (PEC) levaram à aprovação de uma resolução por parte do Conselho Geral da Associação Nacional de Municípios Portugueses, que mereceu também o apoio da Junta Metropolitana de Lisboa, na qual se critica a incidência do PEC sobre o Poder Local, numa lógica de aumento artificial das receitas do Estado às custas da redução das receitas das autarquias. No caso de Sesimbra, a principal preocupação deve-se ao corte nas transferências de verbas e no aumento do IVA que, no seu conjunto, pode traduzir-se numa perda na ordem dos 300 mil euros. Também os limites à capacidade e endividamento são preocupantes pois podem comprometer a concretização de alguns investimentos fundamentais para o desenvolvimento económico do concelho, nomeadamente, a construção de escolas, habitação, instalação de saneamento e reabilitação urbana, previstos para os próximos anos.

 Sesimbra Município | Junho 2010


Idosos passam manhã animada

O Passeio Borda d’Água, que já se realiza há 14 anos, reuniu perto de 380 seniores, que não perderam esta oportunidade para passar uma agradável manhã nas praias de Sesimbra. O dia começou com uma animada aula de ginástica na Praça da Califórnia, prosseguiu com a habitual caminhada ao longo do areal e terminou num divertido momento com jogos tradicionais. Este ano, o passeio contou com a participação de todas as Instituições Particulares de Solidariedade Social, de três lares privados do concelho e dos alunos de gerontomotricidade do projecto Sempre a Mexer Para Não Envelhecer.

Quatro anos a promover os produtos da terra

A proximidade entre produtor e consumidor, aliada à frescura e qualidade das frutas e legumes, são a imagem de marca do projecto Prove – Promover e Vender. Iniciado em Sesimbra em 2006, com o apoio do programa comunitário Equal, o Prove estendeu-se em 2010 à Quinta do Conde, e hoje faz parte da vida de muitas famílias. Os produtos vêm acondicionados num cabaz, que pode ser levantado às sextas-feiras no Espaço Zambujal (das 16.30 às 19 horas) ou na Associação de Comerciantes e Industriais do Concelho, em Sesimbra (das 16.30 às 17.45 horas). As entregas na Quinta do Conde são feitas na Junta de Freguesia, às quintas-feiras (das 17.30 às 19 horas). Faça a sua inscrição em www.prove.com.pt.

Desporto

Amarelo vence downhill em Sesimbra

Depois de ter vencido de forma surpreendente o Lisboa Down Town, Paulo Domingues, conhecido como “Amarelo”, repetiu a vitória de 2009 em Sesimbra, na primeira etapa da Taça de Portugal de Downhill Urbano, que se disputou no dia 30 de Maio. Motivado pelo recente feito, o atleta da Quinta do Conde, que é patrocinado pela Câmara Municipal, chegou ao final com cerca de três segundos de avanço sobre Rui Cabrita, segundo­ classificado, e a qua-

se quatro segundos de Afonso Ferreira, que completou o pódio. A prova, caracterizada por des­ci­das rápidas, curvas acentua­das e saltos, contou com 98 participantes e registou grande afluência de público. Este é o terceiro ano consecuti­vo que Sesimbra recebe uma eta­pa da Taça, organizada pela Downstream - Desporto de Aven­tura, Federação Portuguesa de Ciclismo e Tiny Fish Eventos, com o apoio da Câmara Municipal.

Sesimbra Município | Junho 2010




município

Empréstimos garantem investimentos nas três freguesias

Para garantir financiamento de projectos nas três freguesias, a Câmara Municipal aprovou, no início de Junho, a contratação de dois empréstimos a longo prazo. O primeiro, de € 1.714.000, destina-se à urbanização da Ribeira do Marchante e à rede de colectores da Fonte Esquerda, Assenta e Sentrão, que representam um investimento total de quase 3 milhões de euros. O segundo, cujo montante é de € 3.385.000, servirá para comparticipar parte do valor dos projectos que já têm financiamento assegurado no âmbito do QREN/PORLisboa, e que estão orçados em perto de 10 milhões de euros. Neste lote inclui-se a requalificação urbana do Núcleo Antigo de Sesimbra, da zona envolvente da praia do Moinho de Baixo, da Lagoa de Albufeira, da Marginal de Sesimbra, a requalificação da Fortaleza de Santiago, a recuperação do edifício da Casa do Bispo, a recuperação do edifício da Rua Dr. Aníbal Esmeriz e o cais de embarque na Praia do Ouro. Importa referir que este segundo empréstimo não deverá afectar a capacidade de endividamento da autarquia, na medida em que as intervenções referidas foram aprovadas no âmbito de candidaturas ao QREN/ PORLisboa.

 Sesimbra Município | Junho 2010

A promoção da participação via Internet é uma das apostas deste ano

Opções Participadas

Novo modelo para 2011

D

evido aos diversos in­ves­ timentos pre­vis­tos­ para o concelho, na maio­ria dos casos relacionados com can­ didaturas a fundos comunitários já aprovadas, e à própria conjun­ tura económica que se verifica, a Câmara Municipal decidiu alte­ rar o modelo das Op­ções Partici­ padas para 2011, que têm início em Setembro. A principal dife­ rença para os anos anteriores é

Praia da Califórnia

o facto de não haver uma verba destinada especificamente à ac­ ção. Por esta razão também não serão eleitos delegados nos fo­ ros. No entanto, a autarquia vai apostar numa maior divulgação do processo e envolver mais as Juntas de Freguesia. Tendo em conta a importância que a Internet assume actual­ mente como espaço de exercício da cidadania, a disponibilização

de mecanismos que incentivem a participação dos munícipes por esta via é um dos grandes objectivos. Independentemen­ te da aposta nas novas tecnolo­ gias, os encontros com os mu­ nícipes privilegiarão o contacto directo durante 13 reuniões a realizar por todo o concelho. Na Quinta do Conde, onde até aqui havia apenas uma reunião pas­ sará a haver duas.

O novo acesso à Praia da Califórnia está praticamente concluído. Neste momento já é possível chegar à praia com maior comodidade e segurança através da plataforma em madeira, que se estende desde a Praça até junto da fonte. Ao longo do passadiço foram instalados bancos e iluminação baixa, assim como rede eléctrica e de águas, para servir os concessionários das praias. Outra das mais-valias do projecto é o novo edifício dos sanitários, em substituição das antigas instalações que já se encontravam degradadas. A nível estético o projecto tem, naturalmente, muitas vantagens decorrentes da eliminação da infra-estrutura do antigo restaurante, que deu lugar a um talude enriquecido com várias espécies desta região. Os trabalhos fazem parte das várias intervenções de valorização da frente marítima de Sesimbra, apoiadas pelo QREN/PORLisboa.


Largo do Município

Câmara apresenta projecto de revitalização

O

Largo do Município, es­ paço nobre da vila e do concelho, vai receber um conjunto de intervenções que pretendem devolver-lhe a iden­ tidade e vivência que o caracte­ rizaram durante muitos séculos. É neste pressuposto que assen­ ta o projecto de reabi­­litação que propõe, por exemplo, a reinstala­ ção da fonte re­­­­­­­movida nos anos 40 e que actual­mente se encon­ tra no Largo do Calvário. Este elemento, que original­ men­te se encontrava junto aos Paços do Concelho, será des­ locado para uma zona que lhe confere uma posição mais rele­ vante e central na praça. Tal como noutras intervenções no núcleo antigo, o projecto vai privilegiar a circulação pedonal, pelo que a actual plataforma que sustenta o Pelourinho será transformada num passeio pla­

no, fácil de percorrer, deslocan­ do-se o Pelourinho, que é uma réplica do original, ligeiramen­ te para Sul. A intervenção assume igual­ mente a necessidade de mini­ mizar o impacte automóvel no núcleo urbano e, nesta medida, propõe a redução dos estaciona­ mentos existentes para permi­ tir ao peão um maior usufruto do espaço público. Ao nível da iluminação vão também ser in­ troduzidas medidas inovadoras que valorizam os edifícios e ele­ mentos que compõem o Largo. A intervenção está integra­ da no Programa de Valorização da Frente Marítima de Sesim­ bra, apoiada pelo QREN/POR­ Lisboa. Neste momento aguar­ da-se aprovação do Instituto de Gestão do Património Arquitec­ tónico e Arqueológico para que os trabalhos possam avançar

Participação pública

Tendo em conta o simbolismo deste Largo para a comunidade sesimbrense e para a própria história do concelho, e na sequência de uma política de promoção da participação pública levada a cabo pela autarquia, vão ser criados mecanismos para recolha de opiniões e sugestões, tanto via Internet como em formulários a disponibilizar nos Paços do Concelho

Sesimbra Município | Junho 2010




município Plano Estratégico

Sesimbra aposta no Turismo

O

Plano Estratégico de Tu­ rismo de Sesimbra foi apresentado no dia 16 de Junho na Igreja do Castelo, numa sessão conduzida pela vereadora do Pelouro do Turis­ mo, que contou com a presen­ ça de representantes de várias entidades locais e regionais, empresários e cidadãos. Elaborado pela empresa Au­ gusto Mateus & Associados, o do­­­­­cumento faz um diagnósti­­ co exaustivo do concelho em ter­­­­mos das possibilidades de desenvolvimento turístico­ e pro­­­­­­­põe um conjunto de re­­co­ men­­­­­­dações para a afirmação de Sesimbra como destino inter­ nacional de excelência. Desenvolvido durante mais de um ano, o Plano contou com con­­­ tributos de agentes ligados a vá­ rios sectores de actividade e de muitos cidadãos, que manifes­ taram a sua opinião durante o processo de discussão pública. A estratégia delineada assen­ ta em cinco vectores: aposta na economia do mar, reabilita­ ção urbana da vila de Sesim­ bra, aproveitamento de infra-estruturas e desenvolvimento de serviços de apoio, dinami­ zação de um turismo sustentá­ vel e sofisticação da oferta com aposta no conhecimento, cul­ tura e inovação. Augusto Mateus, ex-ministro da economia e autor do Plano, lembrou que o mundo está­ a so­ frer alterações e que dentro de

10 Sesimbra Município | Junho 2010

O economista Augusto Mateus, autor do plano, apresentou o documento alguns anos não será como o co­ nhecemos hoje. «Os des­­­tinos tu­ rísticos têm que conse­guir adap­ tar-se às alterações que estão a ocorrer», alertou. A diversifica­ ção de merca­dos é, segundo o economista, um ponto funda­ mental. «Actualmente não se pode fazer turismo a pensar em dois ou três países europeus», referiu.­ «É necessário ter em con­ ta as eco­­­­nomias emergentes co­ mo a China, a Índia ou o Brasil, assim como o turismo de lon­­­ga distância». O economista desta­ cou a posição que Portugal ocu­ pa no “ranking” mundial, muitas vezes esquecida ou desvalori­ zada. «Estamos num honroso 12.º lugar na Europa e 17.º lugar mundial», adiantou. Apesar dis­ so considerou que «não há espa­

ço na Europa e em Portugal para apresentar “coisas” iguais a tan­ tas outras. Um destino Europeu não é marcado pela novidade mas sim pela diferença». Para Augusto Mateus, um mu­ nicípio que aposte num Plano deste género «está a dar um sinal ao mundo de que compreende a importância do turismo para de­ senvolver o território». Referin­ do-se concretamente ao caso de Sesimbra defendeu «a aposta na economia do mar, a revitali­ zação do tecido urbano da vila e um distanciamento da Área Me­ tropolitana de Lisboa como con­ dição essencial para que o Plano possa ser implementado». O presidente da Câmara Mu­

nicipal, Augusto Pólvora, desta­ cou a importância de se pensar o turismo numa lógica global e reforçou algumas das ideias fortes do documento. «Quem vem à Europa não procura sol e mar, mas sim património, cul­ tura, sofisticação e qualidade do atendimento», realçou. O au­ tarca acentuou também a im­ portância de corresponder às expectativas de quem procura Sesimbra. «Depois da atracção é necessário ter capacidade para fidelizar os turistas», frisou. Augusto Pólvora garantiu que «muitas das soluções do Plano vão ao encontro das medidas implementadas pela Câma­ ra Municipal. A revitalização do núcleo antigo da vila de Se­ simbra, a recuperação e divul­ gação do património, a aposta na gastronomia e nos produtos locais, a afirmação do Réveillon como um acontecimento de re­ ferência nacional, o apoio ao desenvolvimento do mergulho ou a criação do Prémio Científi­ co são exemplos daquilo que já está a ser feito. «Neste momento fecha-se este dossiê em termos teóricos e va­ mos agora começar a passá-lo à prática. Sesimbra vai estar à al­ tura deste desafio», concluiu


ambiente

Tecnologia LED na iluminação pública

O método utilizado consiste na pulverização com um produto à base de iodo nos areais

Praias

Tratamento dos areais

À

semelhança dos anos an­ teriores, a Câmara Mu­ nicipal vai dinamizar até ao final da época balnear a de­ sinfecção das areias das praias de Sesimbra, Moinho de Baixo e Lagoa de Albufeira. O método consiste na pulverização de um produto à base de iodo. As apli­ cações decorrem todas as se­ manas nas praias de Sesimbra e de quinze em quinze dias no Moinho de Baixo e na Lagoa de Albufeira. O município de Sesimbra inici­ ou o processo de desinfecção das areias das praias do concelho em

Limpeza das Praias

2000. A acção mantém-se des­ de então. Com este tipo de trata­ mento combatem-se eventuais­ contaminações que possam ocor­ rer, originadas pelo lixo orgânico, animais ou outras fontes. A desinfecção é feita através de um tratamento de combate a bactérias, fungos e vírus. Ao lon­ go do processo, que se prolonga por cerca de 12 semanas duran­ te a época balnear, é efectuado o controlo da eficácia do trata­ mento, recorrendo à monitori­ zação da qualidade microbioló­ gica das areias das praias-alvo, através da colheita de amostras

Para promover a recolha selectiva nas praias, a Câmara Municipal instalou bases e sacos diferenciados nos areais da vila de Sesimbra, da costa Ocidental e da Lagoa de Albufeira. Ao todo, os utentes têm ao seu dispor 20 estruturas destinadas à reciclagem e 250 para recolha de lixos indiferenciados. Para além desta acção, a autarquia procedeu à limpeza dos taludes junto às praias, da zona do estacionamento junto à margem da Lagoa e da fonte à entrada da praia da Foz.

e realização de análises micro­ biológicas. Para que os serviços controlem a eficiência do processo é neces­ sário proceder-se à monitoriza­ ção das areias desinfectadas através da realização periódica de análises microbiológicas. Um estudo realizado nos anos an­teriores contribuiu igual­­­­­men­ te para avaliar a variabilida­ de da flora microbiana du­rante o processo e para verificar que este tratamento permitiu uma redução do número de micror­ ganismos potencialmente pato­ génicos

A Avenida da Liberdade e o Largo 5 de Outubro, em Sesimbra, são algumas das zonas para onde está prevista a instalação, a título experimental, de iluminação LED, em substituição das lâmpadas de vapor de sódio, usadas actualmente. Para além destes locais, a Câmara Municipal pretende também levar a cabo a experiência na Avenida Humberto Delgado, na Quinta do Conde, e no Jardim de Santana, no decurso da requalificação deste espaço público que deverá avançar em 2011. Estas medidas fazem parte de um conjunto de 13 projectos dos concelhos de Sesimbra, Setúbal e Palmela, destinados a melhorar a eficiência energética, que integram a candidatura apresentada pela Agência de Energia e Ambiente da Arrábida ao Plano de Promoção da Eficiência no Consumo 2011 – 2012. Os resultados devem ser divulgados pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos até final de Setembro. O que são os LED Os LED são componentes semicondutores que transformam corrente eléctrica em luz monocromática. As lâmpadas LED são mais eficientes do ponto de vista energético porque consomem menos energia que uma lâmpada incandescente e têm um período de vida superior a esta. Em termos ambientais, a utilização da tecnologia LED permite reduzir a emissão de CO2 para a atmosfera.

Sesimbra Município | Junho 2010

11


QUINTA DO CONDE

Futuro Parque da Ribeira N

o terreno situado a nas­ cente da Estrada Nacio­ nal 10, na Quinta do Con­ de, entre as áreas comerciais e a Ribeira de Coina, vai nascer o maior espaço verde e de lazer do concelho, com cerca de qua­ tro hectares. Prevê-se que as obras se iniciem ainda este ano, depois da aprovação da Comis­ são de Coordenação Regional de Lisboa e Vale do Tejo e da Admi­ nistração da Região Hidrográfi­ ca do Tejo, e estejam concluídas em 2011. Este equipamento se­ rá construído pelos promotores de um espaço comercial recente­ mente licenciado, junto à EN10, e posteriormente poderá ser alar­ gado até oito hectares, após o li­ cenciamento de espaços comer­ ciais na envolvente, num terreno propriedade do município e ter­ renos a ceder pelos promotores. O novo Parque pretende ser um local de convívio e lazer para to­

12 Sesimbra Município | Junho 2010

das as faixas etárias, que se inte­ gre na envolvente e incentive o con­tacto com a na­­­­tureza. É com­ posto por cerca de dois quilóme­ tros de percursos­ pe­­­donais, dois courts de ténis, polidesportivo, pa­­ redes de escalada, anfiteatro e pe­ que­nos lagos atravessados por pas­­­sa­diços em madeira, o que pro­­ porciona excelentes condições pa­­­­­­ ra a prática de ténis, fute­bol, ra­­­­­­­dio­­­­­­ modelismo (náutico, ter­­­­­­res­tre­ e aéreo), jogos tradicionais­ ou para a organização de even­tos­ cultu­ rais. Para além dis­­­­so, con­­­­­­­­templa parque de me­­­­rendas, par­que in­ fantil, es­ta­cio­­­­­na­mento pa­ra 90 viaturas ligei­ras e um res­tau­­rante e cafetaria com espla­na­da. No projecto foram ti­­­­­­­das­ em con­ ta medidas amigas do ambiente, como a utilização de pai­­­­néis foto­ voltaicos na ilumi­na­ção,­­ um pra­ do natural, zonas de se­­­­­­­queiro e um sistema de rega com reapro­ veitamento de águas

1.ª Fa

Coina/Seixal

12 Sesimbra Município | Junho 2010

EN10


centrais

A2/Palmela

ase

Nó desnivelado Setúbal

Quinta do Conde

Sesimbra Município | Junho 2010

13


educação

Sampaio

Começou a construção da nova escola

T

eve início a construção da Escola Básica 1 e Jardim-de-infância de Sampaio, obra que representa um investimento de 2 milhões e 235 mil euros, dos quais 800 mil resultam de uma candidatura apresentada pela Câmara Municipal ao QREN/POR Lisboa.

O novo equipamento deve estar concluído no início do ano lectivo de 2011/2012 para receber os alunos da EB1 de Santana, que será posteriormente desactivada. É composto por 12 salas de aula, duas salas para actividades lúdico-pedagógicas, uma sala

polivalente, espaços destinados ao ensino de expressão plástica para os alunos do 1.º Ciclo, qua­tro salas para as crianças do jardim-de-infância, espaços de apoio às actividades complementa­ res, cozinha, refeitório com ca­­­­­ pacidade para 150 pessoas, posto médico, gabinete de psicologia,

sala para professores, sala para funcionários, sala destinada à associação de pais e arquivo. O apoio às actividades lectivas será complementado com uma biblioteca/mediateca, reprografia e gabinetes de trabalho. No exterior serão criadas zonas verdes e um campo de jogos

Quinta do Conde

Biblioteca Escolar no Pinhal do General

F

oi inaugurada no início de Junho a biblioteca escolar da Escola Básica do 1.º Ciclo e Jardim-de-infância do Pinhal do General. O novo espaço contou com uma comparticipação financei­ra do Programa da Rede de Bibliote­­cas Escolares do Ministério da Educação, no valor de 4500 euros, para aquisição de fundo documental, no âmbito de uma candidatura apresentada pela Câmara Municipal e pelo Agrupamento de Escolas da Boa Água. A biblioteca funciona numa sa­­­

14 Sesimbra Município | Junho 2010

A nova biblioteca tem zonas de leitura, multimédia e audiovisuais

l­ a com 113 metros quadrados, tem 60 lugares sentados e dispõe de zonas de leitura formal e informal, multimédia e audiovisuais. Esta é a décima biblioteca escolar do concelho integrada na rede, e conta com a colaboração do Serviço de Apoio às Bibliotecas Escolares da Biblioteca Municipal de Sesimbra. Refira-se ainda que em Abril foi apresentada uma candidatura ao mesmo programa para a criação da biblioteca escolar na EBI da Boa Água


Os cerca de 30 alunos da Boa Água, na Quinta do Conde, aprendem música desde o início do ano lectivo

Orquestras Sinfónicas Juvenis

Aulas estão a ser um sucesso O projecto Orquestras Sinfónicas Juvenis chegou a Sesimbra no início deste ano lectivo e envolve cerca de 30 alunos do Agrupamento de Escolas da Boa Água, na Quinta do Conde. Prestes a terminarem as aulas, o balanço é bastante positivo, tanto para alunos como para professores.

E

nquanto aguardam pelo início da aula de grupo, Carla Neves, 10 anos, e Eduardo Vidal, 8 anos, aproveitam para afinar as violas d’arco e praticar as últimas músicas que aprenderam. Carla adora tocar e são poucos os momentos em que se afasta da sua viola, que utiliza sempre com todo o cuidado. «Gosto muito de ouvir Mozart e um dia gostava de tocar tão bem como ele», afirma a aluna do 4.º ano da Escola Básica 1 n.º 2 da Quinta do Conde, enquanto faz sinal ao colega para colocar a viola um pouco mais para cima. Com 8 anos, Eduardo também tem o desejo de continuar a tocar. «Adoro o som e a forma como se toca», confessa. «Eles têm muito este hábito de se ajudarem uns aos outros e gostam de mostrar que sabem. É um despique saudável», afirma Vanessa Silveira, professora de clarinete e coordenadora do pro-

O objectivo é promover a inclusão e combater o abandono e o insucesso escolar jecto no concelho, que teve início este ano lectivo no Agrupamento de Escolas da Boa Água e envolve cerca de 30 alunos do 1.º Ciclo. Inspirado no Sistema Nacional das Orquestras Juvenis e Infantis da Venezuela, o método tem-se revelado um enorme sucesso. O objectivo principal é promover a inclusão social de crianças, combater o abandono

e o insucesso escolar e contribuir para a construção de planos de vida. Mónica Moura, professora de Educação Musical e coordenadora do projecto na Escola Básica Integrada da Quinta do Conde, onde decorrem as aulas, realça que «as crianças mais rebeldes estão mais tranquilas e concentradas». O respeito pela postura numa orquestra e a

responsabilidade por terem um instrumento ao seu cuidado são factores apontados por Mónica para a mudança de comportamento. «A música tem o dom de conseguir aproximar as pessoas», acrescenta Diana Antunes, professora de violino e viola, e uma adepta assumida do projecto. Também a professora de contrabaixo, Raquel de La Cruz, sublinha que «é muito interessante e enriquecedor trabalhar nestas aulas». Este projecto tem uma forma muito própria de ensinar música e defende desde o início a integração em grupo. Segundo Vanessa Silveira, esta forma de ensinar torna-se «mais atractiva e interessante» para os jovens. Depois de terminarem as aulas, os alunos vão participar num estágio de Verão que culmina com a segunda apresentação pública do grupo, no dia 27 de Junho, no Teatro São Luiz, em Lisboa

Sesimbra Município | Junho 2010

15


património

Arrábida a Património Mundial

Sesimbra recebe primeira reunião

O

Cineteatro Municipal aco­­­­ lheu, no dia 27 de Maio, a primeira reunião do Fórum de Candidatura da Arrábida a Património Mundial da UNESCO. O encontro teve como objectivo dar a conhecer o projecto às 50 entidades envolvidas. No mesmo dia foi assinado um protocolo de colaboração entre a Associação de Municípios da Região de Setúbal e a Fundação da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, com vista à elaboração do processo de candidatura, que

abrange os valores naturais e imateriais, onde se incluem tradições, património e manifestações ligadas à agricultura, pescas, pastorícia ou gastronomia. Na qualidade de membro da Comissão Executiva, o presiden­te da Câmara Municipal de Sesimbra destacou alguns dos aspectos que dão maior consistência à candidatura daArrábida a Património Mundial, como a recente descoberta, na Lapa da Cova, de vestígios da presença dos Fenícios nesta região, as pegadas de dinossáurios e as tradições ligadas à terra e ao mar

Saiba mais As primeiras iniciativas da candidatura da Arrábida a Património Mundial da UNESCO tiveram lugar em 2001. Em 2004, o bem Arrábida foi incluído na Lista Indicativa Portuguesa e assentava essencialmente, na componente natural da Serra da Arrábida. A reformulação dos

critérios da UNESCO, em 2008, permitiu integrar os valores culturais e imateriais para concorrer a Património Mundial Misto. Importa referir que o território abrangido por esta candidatura estendese desde a Arrábida ao Cabo Espichel e inclui o Parque Marinho Luiz Saldanha.

Castelo de Sesimbra

Monumento Nacional há cem anos

N

o dia 16 de Junho de 1910, o Castelo de Sesimbra foi classificado por decreto como Monumento Nacional. Cem anos depois, a Liga dos Amigos de Sesimbra, a Junta de Freguesia do Castelo, o jornal O Se­­­simbrense e a Câmara Municipal assinalaram a data com uma palestra subordinada a este marco da identidade do concelho, conduzida pelo arqueólogo Luís Ferreira, e um recital de música renascentista, pelo grupo Animae Vox. Perante uma plateia atenta,Luís Ferreira percorreu os momentos mais relevantes do Castelo, justificando a sua clas­­­sificação por

16 Sesimbra Município | Junho 2010

O grupo Animae Vox levou a música renascentista à Igreja do Castelo ser um monumento «que viveu vários períodos marcantes da História de Portugal e que faz parte da vida dos sesimbrenses, porque foi onde nasceu o conce-

lho». Uma ideia partilhada por Fran­­cisco Jesus, presidente da Junta de Freguesia do Castelo. «É um orgulho podermos usufruir deste espaço, que foi o berço da

vila de Sesimbra e é um símbolo do concelho», afirmou. O presidente da Câmara Muni­ cipal, Augusto Pólvora, felicitou a iniciativa e lembrou que este património «tem sido reabilitado e valo­ri­zado sem quaisquer apoios financeiros de entidades exteriores». Durante a cerimónia o público teve conhecimento das iniciativas levadas a cabo pela Liga dos Amigos de Sesimbra, no sentido de valorizar o monumento, pela voz da actual presidente, Teresa Mayer e, por fim, assistiu a uma apresentação do projecto de reabilitação do Castelo, por parte do arquitecto Paulo Braula Reis


cultura Iniciativa inédita na região

Geólogo vence Prémio Científico

O

geólogo Pedro Brito recebeu, no dia 28 de Maio, o Prémio Científico Sesimbra, no valor de 10 mil euros, pelo trabalho Evolução do Estuário do Sado e da Plataforma Continental entre Sesimbra e o Canhão de Setúbal nos Últimos 50 000 Anos, que será agora publicado em livro pela autarquia. Pedro Brito, 40 anos, teve conhecimento do Prémio através de colegas e de plataformas de mensagens para especialistas e interessados em temáticas ligadas às zonas costeiras. Sentiu desde logo uma enorme vontade em participar. Apesar de ter começado a escrever apenas um mês antes de terminar o prazo de entrega, assume que só o conseguiu graças a todo o trabalho que desenvolveu na área durante os últimos anos. Pedro Brito é bolseiro de investigação do Instituto Nacional de Engenharia, Tecnologia e Inovação (INETI) e desenvolve o seu trabalho no Departamento de Geologia Marinha do INETI/LNEG, na área da Geologia Costeira. «Comecei a interessarme pela evolução recente desta zona há cerca de 8 anos. Em 2003 realizou-se o cruzeiro Tesa, a primeira campanha em que participei para aquisição de dados, com o objectivo de estudar os problemas abordados neste trabalho», revela. Baseando-se nas

informações recolhidas, e devido a um financiamento concedido pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia ao projecto SADOGEOROB, conseguiu participar noutros cruzeiros realizados na zona, com destaque para o SADOGEOROB1, em 2007, durante o qual obteve informações relevantes. «O processamento e interpretação dos dados recolhidos foram concluídos em 2009 e foi com base neles que realizei o meu douto-

ramento, intitulado Impactos da Elevação do Nível Médio do Mar em Ambientes Costeiros: O Caso do Estuário do Sado», explica. Para Pedro Brito, a promoção do Prémio Científico Sesimbra revela «uma grande visão estratégica, não só porque estimula o desenvolvimento de projectos de investigação centrados nos interesses locais, mas também porque promove a sua divulgação pela comunidade, que é provavelmente

a melhor forma de potenciar a utilidade da nova informação gerada». O geólogo destaca a importância da componente de divulgação científica, referindo que «é uma das razões porque faz sentido investir na investigação e é fundamental para aproximar a população da ciência e do conhecimento que ela pode proporcionar». Embora ainda não tenha destino para o dinheiro que recebeu, Pedro Brito gostava que, de alguma forma, contribuísse para retribuir o apoio prestado pela família e que permitiu viabilizar o trabalho que desenvolveu nos últimos anos. O Prémio Científico foi lançado em 2008 pela Câmara Municipal, em colaboração com o grupo Turifórum, para incentivar o desenvolvimento de projectos científicos relevantes para a preservação, recuperação e divulgação do património do concelho de Sesimbra. Em 2009, a organização decidiu não atribuir o galardão por considerar que as propostas não cumpriam os requisitos do regulamento. Este ano foram apresentados a concurso nove trabalhos que o júri considerou de grande interesse. A gala de entrega do Prémio Científico Sesimbra terminou com um apontamento musical pela banda French Swing Café

Arquitectura

Jovem sesimbrense recebe Prémio Secil

O

jovem arquitecto sesimbrense Fábio Neves foi um dos sete vencedores do Prémio Secil Universidades 2009, galardão que a empresa promove com o objectivo de incentivar a qualidade do trabalho académico e o reconhecimento público de jovens oriundos das escolas de arquitectura e engenharia civil. Fábio Neves, 24 anos, terminou no ano passado o Mestrado Integrado em

Arquitectura no Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa. O projecto galardoado, intitulado Museu da Indústria da Zona Oriental de Lisboa, implanta-se em torno das escadas de Israel, em Marvila, local que se encontra em elevado grau de degradação. Fábio Neves projectou o novo edifício com base na expressão da arriba calcária existente no local, «reinventando uma relação perdida com

a área onde se implantava o antigo pátio de Israel, uma das muitas vilas operárias da zona Oriental da cidade». Segundo o arquitecto, foi «a reinterpretação dos antigos fragmentos do passado», como os restos de uma antiga torre, que terá sido erguida para que o Rei D. Pedro pudesse assistir à inauguração da ligação ferroviária entre Lisboa e o Carregado, que inspiraram o projecto

Sesimbra Município | Junho 2010

17


actividades económicas

Compareceram à cerimónia muitos pescadores, familiares e representantes de vários sectores da comunidade

No Monumento ao Pescador foi colocada uma coroa

Comemorações

Câmara homenageia pescadores

N

uma cerimónia simples mas cheia de significa­do, que decorreu na Sociedade Musical Sesimbrense, a Câ­­mara Municipal atribuiu um conjunto de distinções à comunidade piscatória local, o ponto alto das comemorações do Dia do Pescador, 31 de Maio. Foi uma forma da autarquia reiterar o seu apoio aos homens do mar e manifestar solidariedade com o sector, que enfrenta vários constrangimentos. O presidente da Câmara Municipal, Augusto Pólvora, começou por lembrar que «a autarquia efectuou recentemente um conjunto de reuniões com várias entidades ligadas à pesca e fiscalização para lhes dar conhecimento de situações que estão a causar sérios problemas aos pescadores de Sesimbra». Como exemplos referiu as restrições

A arte do palangre está em exposição na Capela do Espírito Santo dos Mareantes de Sesimbra impostas ao reboque de aiolas para a Costa da Galé, a sinalização das artes de pesca ou as exigências relativas ao rol de tripulação, aos coletes, portalós e outras, que «tanto transtorno

têm causado a estes “resistentes”», em alusão aos pescadores. Aproveitando a presença da sub­­­­­­­directora da Direcção-geral de Pescas e Aquicultura, Augusto Pól­­­vora solicitou à

Ad­­­­­ministração Cen­tral «mais apoio pa­­­ra estes homens», e a finalizar referiu-se às medidas di­­­namizadas pela autarquia no âmbito da promoção do pescado, das quais se salientam os certames gastronómicos associados ao Espadarte e ao Peixeespada Preto. Após a entrega das distinções, que contou com a presença do ve­­­­­­reador do Pelouro das Activida­ des Económicas da Câmara Muni­­ cipal e dos presidentes das juntas de freguesia de Santiago e do Cas­­telo, a comitiva dirigiu-se ao Monumento ao Pescador onde foi colocada uma coroa de flores. As comemorações prosseguiram com um missa em homenagem aos pescadores. De referir que na Capela do Espírito Santo foi inaugurada, na mesma data, uma exposição sobre a Arte do Palangre

Os distinguidos em 2010 Este ano, a somar às artes de pesca e ao pescador sénior em actividade, a Câmara Municipal distinguiu a pesca da toneira e palangre por embarcações até quatro metros de comprimento, como forma de reconhecer a importância de pesca realizada por aiolas.

Luís Adrião Pesca do Cerco

18 Sesimbra Município | Junho 2010

Emiliano Pai Pesca Longínqua

Novo Imperador Pesca do Peixe-espada preto

Estrela Divina Pesca Polivalente Costeira

Dulcemar Pesca Polivalente Local

Dois Pesca da to realiza


de flores

O Secretário de Estado das Pescas e Agricultura assinou protocolos com a ArtesanalPesca e a APSS

Logótipo do Peixe-espada Preto de Sesimbra

No decorrer da entrega das distinções aos pescadores foi apresentado o logótipo do Peixe-espada Preto da pesca artesanal de Sesimbra, no âmbito de um concurso promovido pela ArtesanalPesca. «A ideia que presidiu à criação da imagem faz parte de uma estratégia de valorização dos produtos da pesca de Sesimbra, desde a captura à comercialização», afirmou António Alves, da ArtesanalPesca, durante a apresentação do trabalho vencedor. Segundo o autor, Domingues Vaz, o logótipo procura «conciliar a tradição com o futuro, através de uma imagem simples, forte e muito directa».

Rapazes oneira e palangre ada por aiolas

Indústria pesqueira e infra-estruturas

PROMAR apoia Sesimbra

O

Secretário de Estado das Pescas e Agricultura, Luís Vieira, assinou, no início de Junho, dois protocolos de apoio financeiro em Sesimbra, decorrentes de candidaturas ao PROMAR. O primeiro, celebrado com a ArtesanalPesca, visa financiar o investimento de 1,3 milhões de euros destinados à modernização das infra-estruturas desta organização.

facto de existirem entidades interessadas em investir no sector das pescas no concelho, mas que dificilmente poderão levar até ao fim os seus projectos. Situação que no entender de José Polido se deve ao facto de Sesimbra estar integrada da região de Lisboa, contemplada com uma percentagem de verbas inferior a outras zonas do país com portos de pesca

Deputados visitam porto de pesca

Pescadores apresentam reivindicações

A

Levy António dos Santos Amigo Pescador Sénior em actividade

O segundo, com a Administra­ção dos Portos de Setúbal e Sesimbra, visa a construção da Ponte Cais n.º 3, no Porto de Abrigo, para a acostagem de embarcações, e tem um custo es­­timado de 2,2 mi­ lhões de euros. Presente na assinatura, o ve­­­­­­­­­­­­­­reador do Pelouro das Activi­ da­des­­­­ Económicas da Câmara Mu­ni­­­­­­cipal, José Polido, alertou o Secre­­tário de Estado para o

Comissão de Agricultu­ra, Desenvolvimento Ru­­­ral e Pescas da Assembleia da República esteve no porto de Sesimbra, no dia 15 de Junho, no âmbito de uma visita de trabalho que percorreu vários portos de pesca do país e que em Sesimbra teve como foco principal a experiência da organização de produtores ArtesanalPesca, quer na regulação de preços como na transformação de pescado. Ainda que fora do programa

pre­visto pela Comissão Parlamentar, os deputados ouviram as preocupações dos pescadores sesimbrenses relativamente a situações que lhes estão a dificultar a vida a bordo. A Federação de Pescas do Sul solicitou uma reunião com a Comissão, a fim de debater a actuação das autoridades marítimas e vários aspectos da legislação que consideram inadequada à realidade das pescas. Augusto Pólvora, presidente da

Câmara Municipal, que acompanhou os deputados, juntamente com outros eleitos locais, mostrou-se solidário com os pescadores e garantiu que as reivindicações dos homens do mar são legítimas. O autarca reiterou ainda a disponibilidade da autarquia em encontrar soluções, em conjunto com os organismos que tutelam as pescas, para dar um novo alento à actividade destes profissionais

Sesimbra Município | Junho 2010

19


aconteceu

Quinta do Conde

Feira Festa superou expectativas

À

20.ª edição, a Feira Festa da Quinta do Conde, um dos certames mais populares do concelho de Sesimbra, superou todas as expectativas e assumiu-se como uma das mais importantes mostras de actividades económicas da região. A organização destaca os 45 expositores, na sua maioria de empresas, tanto do concelho de Sesimbra como do Seixal e Setúbal, e os mais de 30 mil visitantes que passaram pelo recinto. O cartaz, com nomes como Adelaide Ferreira, Toy ou os Hands on Approach, foi um dos principais atractivos. De salientar o festival de ranchos folclóricos, que juntou grupos de Norte a Sul do país e a participação de vários projectos musicais da freguesia. A Feira do Livro despertou também muito interesse. De referir que apesar do elevado número de visitantes que passaram pela Feira, a segurança, garantida pela GNR da Quinta do Conde e pelos Bombeiros Voluntários de Sesimbra, foi mais uma vez exemplar. Para o ano a Comissão Organizadora, composta por associações locais com apoio da Junta de Freguesia e Câmara Municipal, conta manter a mesma dinâmica

20 Sesimbra Município | Junho 2010

O stand da Câmara Municipal apresentou o futuro Parque da Ribeira e foi muito visitado

Os setubalenses Hands on Approach fecharam com chave de ouro o certame


ambiente pessoas

José e Luís Rocha

Os rostos do Moinho do Outeiro

J

osé e Luís Rocha, pai e filho, são os rostos da recuperação do Moinho do Outeiro, na Azoia, inaugurado em Maio. José Rocha, 77 anos, adquiriu o imóvel em 1997, completamente degradado, concretizando assim um sonho antigo. «Sempre gostei muito deste moinho porque achava que era bom de vento», justifica. A paixão pela moagem está-lhe no sangue, uma herança do bisavô, do avô e do pai, que apesar de ser canteiro se tornou moleiro depois de comprar o moinho da família, no Zambujal, vendido devido a uma hipoteca. José Rocha recorda como se fossem hoje os dias difíceis passados pelo pai para colocar o moinho a funcionar, e o quanto lá trabalhou. Depois do pai ter falecido, também José teve de lutar para manter o moinho a moer. «Quando estava na tropa um temporal danificou-o muito e tive de investir todas as minhas economias para o recuperar», recorda. No início dos anos 80, várias adversidades levaram José a fechar o moinho e a abrir uma padaria. Um dos seus três filhos, Luís Rocha, 51 anos, seguiu as pegadas do pai, tanto na escolha da profissão como na paixão, e abraçou de alma e cora-

ção o sonho de recuperar o Moinho do Outeiro, que data de 1837. «O meu pai sabia que eu gostava, e quando o comprou foi logo com a intenção de que fosse a minha herança», esclarece. Passados 13 anos desde a compra do edifício, o Moinho do Outeiro está irreconhecível, fruto de muito trabalho e dedicação. «Apaixonei-me por isto. A minha mulher até diz que casei com o moinho e que apanhei a doença dos moinhos como o meu pai», confessa. Para funcionar melhor aumentaram-no em mais 4 metros, o que faz com que seja um dos poucos no país com uma envergadura tão grande, cerca de 9 metros de vara. Quanto à recuperação interior, Luís Rocha assume que «foi uma tarefa muito difícil, pois já não há quem trabalhe nesta área, mas valeu a pena». Por «especial favor», conseguiram contactar um carpinteiro, com perto de 80 anos, de Torres Vedras, mas muitas das adaptações e o bom funcionamento dos equipamentos devem-se essencialmente à habilidade e teimosia de Luís. «Tive de aprender como trabalhavam todos os aparelhos e puxar muito pela cabeça para os perceber, mas enquanto não funciona-

ram bem não descansei». Com orgulho, José garante que «não há muitos carpinteiros que façam o trabalho que o filho tem feito». Luís assegura também que muito do conhecimento que tem foi adquirido em miúdo, quando ajudava o pai no moinho do Zambujal. «Em vez de ir jogar à bola o meu pai punha-me a mim e aos meus irmãos a limpar trigo e a peneirar farinha, por isso também sei como as coisas funcionam». Actualmente, o Moinho do Outeiro é um ponto de atracção turística da zona, preservando uma das tradições rurais mais características do concelho. Para apoio aos visitantes existe no local uma cafetaria onde Luís Rocha amassa o pão feito com a farinha produzida no moinho, o que lhe dá um sabor especial. «Temos tido muita gente e recebido muitos elogios», confessa, não escondendo o desejo de se dedicar inteiramente a este projecto. «Também tenho juntado o útil ao agradável e a farinha que não uso na cafetaria utilizo-a para fabricar pão que comercializo nos meus pontos de venda directa, mas no futuro talvez alugue a padaria em Setúbal para ter mais descanso e me poder dedicar mais a isto»

este mês em www.cm-sesimbra.pt Bibliotecas de Praia

As bibliotecas de praia estão de regresso às praias do Ouro e Califórnia, na vila de Sesimbra, Lagoa de Albufeira e Moinho de Baixo, no Meco, a partir de 1 de Julho. Este ano, o conceito foi alargado ao Parque da Vila, na Quinta do Conde. Conheça o programa completo destes espaços no site da autarquia. Galeria de Imagens dos Santos Populares

Os Santos Populares decorrem de 10 a 30 de Junho. Na área Galeria de Imagens pode ver alguns dos melhores momentos dos festejos.

Centenário do Castelo de Sesimbra

O Castelo de Sesimbra comemorou, no dia 16 de Junho, cem anos de classificação como Monumento Nacional. Para além de outras iniciativas, a autarquia promoveu uma exposição sobre a história deste símbolo do património sesimbrense, que pode conhecer na área Exposições Online. Comemorações dos 600 Anos do Cabo Espichel

O site da autarquia disponibiliza uma página com toda a informação sobre as comemorações dos 600 anos do culto de Nossa Senhora do Cabo, iniciadas em 2008.

Sesimbra Município | Junho 2010

21


t t ome nota

Feira do Livro

A Feira do Livro está de volta de 23 de Julho a 15 de Agosto na Praça da Califórnia, em Sesimbra. Participam cerca de 70 editoras, que representam os mais variados géneros literários, desde o romance à ficção, passando pela literatura infantil. Haverá também livros do dia com descontos especiais. Não perca, das 12 às 24 horas.

Melech Mechaya

A espirituosa banda Melech Mechaya sobe ao palco do Cineteatro Municipal no dia 10 de Julho, às 22 horas. O espectáculo proporciona uma viagem festiva pela música klezmer, com uma sonoridade contagiante que une aromas árabes e ritmos ciganos à tradição judaica. Uma “pândega” não aconselhável a cardíacos.

Meco, Sol e Rock n’ Roll

Prince, Keane, Pet Shop Boys, Vampire Weekend e The National são alguns dos destaques do cartaz do Super Bock Super Rock, um dos principais festivais de Verão que se realizam em Portugal. A Herdade do Cabeço da Flauta, junto à Aldeia do Meco, foi o local escolhido para a edição deste ano, que decorre entre 16 e 18 de Julho.

Festival do Caracol

22 Sesimbra Município | Junho 2010

ale oB

Música e actividades desportivas são alguns dos atractivos da próxima edi­­­ção das Festas de Santiago, que de­­­­corre entre 18 e 25 de Julho. Umadasnovidadeséafeiradedoçaria e mel, na Fortaleza de Santiago, uma boa oportunidade para pro­­ var­ e adquirir algumas iguarias tra­­ di­­cionais. No programa há também espaço para uma exposição de artes de jovens de Sesimbra. As Festas são or­­­­­­ganizadas pela Junta de Freguesia de San­­­tiago, com o apoio da Câmara Municipal.

gas

Festas de Santiago

Br

un

Sesimbra Art Spaces

Lagoa Henriques, um dos grandes vultos das artes em Portugal, e autor, entre outras obras, da escultura representativa de Fernando Pessoa que está no café A Brasileira, em Lisboa, vai ser homenageado na Sesimbra Art Spaces, Bienal Internacional de Artes Plásticas, que decorre entre 31 de Julho e 29 de Agosto. A 5.ª edição da iniciativa volta a reunir perto de uma centena de artistas de todo o mundo que apresentam em vários espaços públicos do concelho obras de escultura, cerâmica, pintura, desenho e joalharia. A abertura está marcada para dia 31 de Julho, às 19 horas, na Fortaleza de Santiago.

Chili de caracol, feijoada de caracol e caracoleta grelhada são alguns dos pratos que podem ser apreciados no 1.º Festival do Caracol do Concelho de Sesimbra, que decorre entre 2 e 4 de Julho, a partir das 18 horas, no Largo da Junta de Freguesia da Quinta do Conde. Animação musical e baile completam o programa da iniciativa, organizada pela Junta de Freguesia da Quinta do Conde, Câmara Municipal de Sesimbra e movimento associativo local.


u

ambiente CONTACTos municipais

As bibliotecas de praia regressam às praias do Ouro e Califórnia, na vila de Sesimbra, Lagoa de Albufeira e Moinho de Baixo, no Meco, entre 1 de Julho e 31 de Agosto. Este projecto, promovido pela Câ­­ mara Municipal de Sesimbra há mais de 20 anos, permite a requisição de livros de vários géneros e a leitura de jornais e revistas gratuitamente. Para além disso, as bibliotecas dinamizam várias actividades para os mais novos, como jogos, ateliês de lei­­tura e oficinas de expressão plástica, dramatização e ilustração. O objectivo é aproveitar os momentos de lazer para promover o livro e a leitura. Na praia do Ouro e da Califórnia, as bibliotecas funcionam de segunda a sexta, das 9.30 às 12.30 e das 16 às 19 horas. No Meco e Lagoa de Albufeira o horário é das 11 às 18 horas.

Câmara Municipal de Sesimbra (Geral) Tel.: 21 228 85 00 E-mail: girp@cm-sesimbra.pt Site: www.cm-sesimbra.pt Linha Verde (RECLAMAÇÕES) Tel.: 800 22 88 50 Assembleia Municipal de Sesimbra Tel.: 21 228 85 51 Gabinete Municipal da Quinta do Conde Tel.: 21 210 94 70 Posto de Turismo Tel.: 21 228 85 40 E-mail: turismo@cm-sesimbra.pt Loja Ond@Jovem (Sesimbra) Tel.: 93 998 25 96 E-mail: onda_jovem_sesimbra@cm-sesimbra.pt Loja Ond@Jovem (Quinta do Conde) Tel.: 21 210 22 31 E-mail: onda_jovem_qdc@cm-sesimbra.pt Centro de Recursos Educativos Tel.: 21 268 15 91 E-mail: cref@sesimbra-edu.net Espaço Solidário Tel.: 21 210 26 49 Espaço Cidadania Tel.: 21 210 95 00 Gabinete de Apoio ao Empresário Tel.: 21 268 80 98 / 80 21 Gabinete de Apoio ao Consumidor Tel.: 21 228 86 67 Mercado de Sesimbra Tel.: 21 223 58 93 Mercado da Quinta do Conde Tel.: 21 210 94 99 Cemitério de Sesimbra Tel.: 21 228 85 70 Cemitério do Castelo (encerra às 3.as e 5.as) Tel.: 21 268 57 59 Cemitério de Aiana Tel.: 93 955 39 92 Cemitério da Quinta do Conde Tel.: 21 210 71 72

juntas de freguesia

Junta de Freguesia do Castelo Tel.: 21 268 92 10 Email: geral@jf-castelo.pt Site: www.jf-castelo.pt Junta de Freguesia da Quinta do Conde Tel.: 21 210 83 70 Email: geral@jf-quintadoconde.pt Site: www.jf-quintadoconde.pt Junta de Freguesia de Santiago Tel.: 21 228 84 10/3 Email: geral@jf-santiago.pt Site: www.jf-santiago.pt

Este ano, pela primeira vez, o conceito de Biblioteca de Praia vai ser alargado ao Parque da Vila, na Quinta do Conde, o maior espaço verde do município. Os objectivos mantêm-se e o modelo de funcionamento também. Tendo em conta que é um espaço de lazer que atrai centenas de pessoas todas as semanas prevê-se uma grande afluência a esta nova biblioteca, que estará aberta de sexta a terça, das 9 às 12 e das 17 às 20 horas.

Atendimento por técnicos Viabilidades, Destaques, Informação Prévia, Consultas e Loteamentos Marcações: segundas, das 9 às 12.30h Atendimento: terças, das 10 às 12 e das 14.30 às 16.30h Intervenção em projectos de construção Marcações: quartas, quintas e sextas, das 9 às 12.30 e das 14 às 17.30h Atendimento: terças, das 10 às 12 e das 14.30 às 16.30h Morada: Rua da República, 3, 2970-741 Sesimbra Tel.: 21 228 85 00 Gabinete Jurídico Marcações: todos os dias, das 9 às 12.30 e das 14 ��s 17.30h Divisão da Fiscalização Municipal Atendimento: segundas, das 14.30 às 16 horas Divisão de Apoio Jurídico Contencioso Atendimento: terças, das 14.30 às 16 horas e quintas das 10 às 12 horas Morada: Largo do Município, 10, 2970-741 Sesimbra Tel.: 21 228 85 00

SERVIÇOS PÚBLICOS Tribunal Secretaria Judicial Tel.: 21 228 81 50 Ministério Público Tel.: 21 228 81 55 Conservatórias Registo Civil Tel.: 21 228 84 90 Registo Predial e Comercial Tel.: 21 228 84 70 Cartório Notarial de Sesimbra (na Cotovia) Tel.: 21 268 02 31 E-mail: notariamagda@gmail.com Cartório Notarial da Quinta do Conde Tel.: 21 210 56 66 E-mail: mbarreiros.notaria@cn-quintadoconde.com Serviço de Finanças Geral Tel.: 21 228 93 00 / 14 Tesouraria Tel.: 21 228 93 15 / 16 Centro Regional da Segurança Social Geral Tel.: 21 228 97 00 / 12 Delegação Marítima Tel.: 21 223 30 48

comunicação social Comércio do Seixal e Sesimbra Tel.: 96 760 16 34 Fórum da Quinta do Conde Tel.: 96 760 16 34 Jornal de Sesimbra Tel.: 21 228 92 00 Notícias da Zona Tel.: 21 087 97 90 Nova Morada Tel.: 21 244 37 98 O Condense Tel.: 21 086 44 55 O Sesimbrense Tel.: 21 223 31 33 / 21 181 01 04 Sesimbra FM Tel.: 21 228 92 00 Raio de Luz Tel.: 21 268 15 54

utilidades

transportes

Transportes Sul do Tejo Sesimbra Tel.: 21 268 94 10 Laranjeiro Tel.: 21 042 70 00 Moita Tel.: 21 112 63 51 E-mail: tst@tsuldotejo.pt | Site: www.tsuldotejo.pt Fertagus Tel.: 21 106 63 00 E-mail: fertagus@fertagus.pt | Site: www.fertagus.pt Táxis Santiago Tel.: 91 975 59 27 / 21 268 20 93 Tel.: 96 400 44 80 / 91 759 31 97 | Tel.: 96 687 55 95 Tel.: 96 602 36 10 | Tel.: 91 752 76 37 / 91 757 23 12 Tel.: 91 931 28 66 Castelo Tel.: 91 721 55 26 | Tel.: 96 602 35 41 Tel.: 91 937 33 47 | Tel.: 96 983 39 03 Tel.: 96 402 20 41 | Tel.: 96 802 97 54 Tel.: 96 404 53 89 | Tel. 96 263 42 55 Quinta do Conde Tel.: 91 935 60 14 Tel.: 93 450 00 25 | Tel.: 96 903 35 93 Tel.: 96 305 03 10 | Tel.: 91 963 76 87 Tel.: 96 600 11 53 / 96 705 11 35 Tel.: 96 520 46 48

EMERGÊNCIA Bombeiros Voluntários de Sesimbra Piquete de Sesimbra Tel.: 21 228 84 50 Piquete da Quinta do Conde Tel.: 21 210 61 74 Cruz Vermelha Portuguesa Quinta do Conde Tel.: 21 210 02 12 GNR Sesimbra Tel.: 21 228 95 10 Alfarim Tel.: 21 268 88 10 Quinta do Conde Tel.: 21 210 07 18 Polícia Marítima Tel.: 21 228 07 78 Centros de Saúde de Sesimbra Sesimbra Tel.: 21 228 96 00 Santana Tel.: 21 268 92 80 Quinta do Conde Tel.: 21 211 09 40 Linha SOS Criança Tel.: 800 202 651 (grátis) Linha Verde Recados da Criança Tel.: 800 20 66 56 Comissão de Protecção de Crianças e Jovens do Concelho de Sesimbra (CPCJ) Tel.: 21 268 73 45 Protecção Civil (CMS) Tel.: 21 228 05 21 Piquete de Águas (CMS) Sesimbra Tel.: 21 223 23 21 Quinta do Conde Tel.: 21 210 95 06 EDP (avarias) Tel.: 800 50 65 06 PT (avarias) Tel.: 16200 para mais informações consulte o site da Câmara Municipal www.cm-sesimbra.pt

farmÁcias de serviço Agosto

Julho

Leão Lopes Rodrigues Pata Bio-Latina Quinta do Conde Santana Cotovia

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 1 2 3 4

A Farmácia de Alfarim funciona em regime de disponibilidade. Neste regime a farmácia é obrigada à disponibilização permanente do farmacêutico ou seu auxiliar legalmente habilitado. Em caso de ausência deverá ser afixado de forma bem visível o contacto do técnico responsável.

Santiago

Quinta do Conde Castelo

Farmácia de serviço em cada freguesia

freguesia de santiago Lopes Tel.: 21 223 30 28 Leão Tel.: 21 228 80 78

freguesia da quinta do conde Rodrigues Pata Tel.: 21 210 80 50 Bio-Latina Tel.: 21 210 91 13 Quinta do Conde Tel.: 21 211 37 28/9

freguesia do castelo Santana Tel.: 21 268 83 70 Cotovia Tel.: 21 268 16 85 Alfarim Tel.: 21 268 85 47

Sesimbra Município | Junho 2010

23


2010 dia 23 | sex | 22h

dia 30 | sex | 22h

Peregrinus

Trovas d´Amigo

Formado em 2005, Trovas d’ Amigo é um grupo especializado no repertório Formou-se em 2002 como objectivo de medieval galaico-português que conta já interpretar e divulgar repertório Medieval com a presença em importantes festivais, e Renascentista. Composto por cantores e nomeadamente: Montemor-o-Velho, instrumentistas profissionais, o grupo actuou em Belmonte, Santa Maria da Feira e Guimarães. mais de 50 concertos por todo o país no âmbito No Verão de 2009 apresentou-se na Croácia, de festivais de música, recriações medievais integrando os festivais medievais das cidades ou renascentistas e concertos pedagógicos. de Sveta Helena e Karlovac. Os Trovas Destacam-se as suas interpretações da Messe de d’Amigo são músicos de formação clássica Notre Dame, de Guillaume Machaut, de algumas e tradicional. Os seus elementos integram cantigas de amigo de D.Dinis e de cantigas de conhecidos grupos de música antiga e Martim Codaz. tradicional portuguesa: Mu, Mandrágora, • Bilhete: € 3 Karrossel, Bailebúrdia, Pé na Terra, Lúmen, Igreja de N.ª Sr.ª da Consolação Cantus Anónimo e Pavaniglia.

Pelo Ensemble Carmin´Antiqua

do Castelo, Sesimbra

dia 24 | sáb | 22h

Aquitania

Formação composta por músicos com ampla experiência na música antiga e tradicional que se uniram neste projecto dedicado aos repertórios da velha Europa medieval, desde cantigas trovadorescas, Laudario di Cartona, Estampidas, Cancioneiros de Palácio, Medinaceli e Upsala. Aquitania interpreta um repertório com instrumentos históricos de enorme beleza sonora e plástica. Leonor Bonilla (voz e percussões) Juan Manuel Rubio (vielle e alaúde) Emilio Villalba (sanfona, harpa e viola di gamba) • Bilhete: € 3

Igreja de N.ª Sr.ª da Consolação do Castelo, Sesimbra

Sara Almeida (voz) Manuel Tavares (cítola) Sérgio Calisto (moraharpa) Daniela Tomaz (flautas de bisel) Ricardo Almeida (gaita e tarota) Nuno Encarnação (percussão) • Bilhete: € 3

Igreja de N.ª Sr.ª da Consolação do Castelo, Sesimbra

23

a

31

Julho dia 31 | sáb

Speculum Mirabilium | 22h Pelo Lá Batalla

Fundado e dirigido por Pedro Caldeira Cabral, o grupo La Batalla foi criado em 1984, inserido no projecto de animação cultural e reutilização funcional do Museu/Mosteiro de Santa Maria da Vitória, na Batalha.Têm-se dedicado desde o início exclusivamente à interpretação de música medieval de carácter secular, com especial destaque para o repertório dos trovadores e jograis galaico-portugueses.

Maria Repas Gonçalves (soprano e percussão) Susana Diniz Moody (contralto e viola de arco) Fernando Marques Gomes (barítono, baldosa e címbalos) Joaquim António Silva (alaúde e gaita de foles medieval) José Pedro Caiado (flautas e gaita de foles medieval) João Nuno Represas (atabales, atabaque, pandeireta, adufe, darabuca, tintinabula e trancanholas) Pedro Caldeira Cabral (arrabil, viola de arco, guitarra latina, flautas e charamelas)

ARS Concilium| 23.30h Espectáculo de Rua

Grupo de Danças Antigas Josefa d’ Óbidos Grupo de Danças Antigas Condes de Sesimbra Grupo de Música Medieval «Os Goliardos» Circo de Danan Henrique Guerra Pedro Cardoso Jorge Carvalho • Bilhete: € 5

desenho: GIRP/CM Sesimbra • Junho’10

Igreja de N.ª Sr.ª da Consolação do Castelo, Sesimbra

Transporte para os concertos

A Câmara Municipal de Sesimbra disponibiliza transporte de ida e volta em autocarro, entre a vila de Sesimbra e o Castelo. Partidas: às 21.30h no terminal rodoviário, Sesimbra


Sesimbra Município n.º 132