Issuu on Google+

Pág. 10

Pág. 20

N.º 116 | Ano 11 | Distribuição gratuita

Projectos em curso vão renovar a Quinta do Conde Sesimbra na Bolsa de Turismo

informação | par ticipação | cidadania • Edição da Câmara Municipal de Sesimbra • Janeiro 2009

Rede de parques infantis do concelho

A escolha dos mais novos Centrais


sumário ATENDIMENTO PÚBLICO pelo executivo da Câmara

Augusto Pólvora (CDU) Presidente Planeamento Estratégico, Planeamento Urbanístico, Projecto Municipal da Lagoa de Albufeira, Águas, Saneamento, Salubridade e Ambiente, Jurídico e Contencioso, e Médico-Veterinário Terças-feiras, das 9.30 às 12.30h (Gabinete da Presidência ­­- Sesimbra) Quintas-feiras, das 14.30 às 17.30h (Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde) Felícia Costa (CDU) Vereadora Cultura, Educação, Juventude, Habitação, Acção Social, Turismo, Informação e Relações Públicas Terças-feiras, das 9.30 às 12.30h (Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde) Quintas-feiras, das 9.30 às 12.30h (Gabinete da Vice-Presidente - DECL) José Polido (CDU) Vereador Administração e Finanças, Actividades Económicas e Desporto Terças-feiras, das 9.30 às 12.30h (Gabinete do Vereador - Sesimbra) Quartas-feiras, das 14.30 às 17h (Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde) Amadeu Penim (PS) Vereador Saúde Sextas-feiras, das 9.30 às 12.30h (Gabinete do Vereador - Sesimbra) Alberto Gameiro (PS) Vereador Obras Municipais e Logística Terças-feiras, das 9.30 às 12.30h (Gabinete do Vereador - Sesimbra) Quintas-feiras, das 14 às 17h (Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde) Maria Guilhermina Ruivo (PS) Vereadora Recursos Humanos e Bibliotecas Municipais Terças-feiras, das 9.30 às 12.30h (Gabinete da Vereadora - Sesimbra) 1.as e 3.as sextas-feiras de cada mês das 9.30 às 12.30h (Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde) Carlos Filipe de Oliveira (PSD) Vereador Protecção Civil, Modernização Administrativa e Informática Sextas-feiras, das 14 às 17.30h (Gabinete do Vereador - Sesimbra ou Gabinete de Atendimento da Quinta do Conde)* * Conforme as marcações

grande plano 04 • Tradição em Alfarim • Azoia no Mundial • IDP distingue José Manuel Pacheco Pereira • 50 histórias infantís • QREN em Sampaio no terreno • Repavimentação • Arranjo de calçadas • Pavimentação no Conde 3 • Conservação de bermas • Mercado melhorado • Reparações nas escolas • Fonte de Sesimbra • Avenida dos Combatentes

05

destaques 06 | 07 • Prémio Científico recebe oito candidaturas • Câmara reforça equipamentos de trabalho • Guardas nocturnos na freguesia do Castelo • 25 anos de Corta-Mato Escolar • Campanha de recolha selectiva • SIMARSUL garante pavimentações em Janeiro

• Corte de trânsito entre Alfarim e Meco • Protocolo com o Instituto Nacional de Reabilitação • Sesimbra no roteiro da Internet sem fios gratuita

ano novo 16 | 17 • 50 mil escolheram Sesimbra para entrar em 2009 Aconteceu • Comemorações de Natal

18

município 08 | 11 • Ribeira do Marchante • Câmara propõe medidas preventivas • Habitação social na Cotovia • Festas inauguram novo largo em Alfarim • Novo relvado sintético na Maçã • Obras no Externato Santa Joana • Novos equipamentos e infra-estruturas renovam Quinta do Conde • Requalificação da Cândido dos Reis • Alterações de trânsito na Carrasqueira

Cultura •Teatro e música em palco

19

centrais • Viva o espaço público

12 | 13

educação 14 • Escolas recebem quadros interactivos • Secundária da Quinta do Conde avança em 2009 acção social • Encontro de culturas

15

actividades económicas 20 • Sesimbra na Bolsa de Turismo de Lisboa • Prove recebe prémio de inovação social • Candidatura ao Promar pessoas 21 • Marina Fátima • Este mês em www.cm-sesimbra.pt tome nota • Conversas na Capela • Regata do Carnaval de Sesimbra • Maria Alice • Sérgio Godinho • Daniel Completo • Sebastião Rodrigues Soromenho • Salva Vidas... P'rá Folia III!!! • Divertimento em quatro actos (ou talvez mais...)

22

utilidades

23

Educação

A Câmara Muni­ ci­pal entregou a todas as es­colas básicas do 1.º Ciclo quadros interactivos que vão tornar as aulas mais atractivas e dinâmicas. Para além disso contribuirão para aproximar as crianças das novas te­cnologias de informação.

Réveillon

14

16.17

Cerca de 50 mil pessoas escolheram Sesimbra para entrar no novo ano. A animação junto à marginal foi uma constante, com artes de rua e música em dois palcos. No Porto de Abrigo, 50 mergulhadores voltaram a passar o ano no fundo do mar.

F I C H A T É C N I CA Edição e Propriedade Câmara Municipal de Sesimbra | DIRECTOR Augusto Pólvora (Presidente da Câmara Municipal) cOORDENAÇÃO, REDACÇÃO, PAGINAÇÃO, FOTOGRAFIA, REVISÃO E SECRETARIADO Gabinete de Informação e Relações Públicas da Câmara Municipal Avenida da Liberdade, n.º 7 – 2970-635 Sesimbra • Telefone: 21 228 85 90 • Fax: 21 228 86 87 • E-mail: girp@cm-sesimbra.pt | DESIGN GRÁFICO Rui Dias (projecto e direcção) e Bruno Campos (infografia e ilustração) | capa José Couto (fotografia) | PRÉ-IMPRESSÃO E IMPRESSÃo Belgráfica, Ld.ª | DISTRIBUIÇÃO CTT (via postal), GIRP/CMS (serviços públicos, colectividades, comércio e hotelaria) | TIRAGEM 10 000 exemplares | dEPÓSITO lEGAL N.º 134399/99 | ISSN 1646-6632 DISTRIBUIÇÃO GRATUITA | Notas: O conteúdo integral ou parcial (textos e imagens) desta revista não pode ser reproduzido sem autorização expressa da Câmara Municipal. Os eventos divulgados em antecipação podem ser alterados por motivos imprevistos.


EDITORIAL

Ano Novo, Vida Nova

12.13

Parques Infantis A oferta de espaços de lazer e recreio no concelho de Sesimbra tem vindo a crescer, de forma a proporcionar uma maior qualidade de vida à população. Actualmente, existem cerca de duas dezenas de parques à disposição dos munícipes.

Turismo

Sesimbra volta a marcar presença no Bolsa de Turismo de Lisboa, a mais importante feira de promoção turística do país. O stand da Câmara Municipal dará destaque ao turismo activo, património, natureza e mar, com uma atenção muito especial para o mergulho.

20

10 Quinta do Conde

2009 marca a concretização de algumas infra-estruturas e equipamentos essenciais para o desenvolvimento da freguesia. A nova Extensão de Saúde, o Nó Desnivelado e a Escola Básica Integrada são alguns exemplos.

informaç ão | par ticipaç ão | cid a d a n i a

Se desejar receber a revista Se­­­­­­­simbra Município e/ou a agenda de acontecimentos Sesimbr'Acontece por correio, sem custos, solicite-o indicando-nos o seu nome e morada atra­ vés do e-mail girp@cm-sesimbra.pt ou do telefone 21 228 85 90 .

A expressão em título, sendo um lugar comum usado no início de ca­­da Augusto Pólvora ano, tem provavelmente Presidente da Câmara em 2009 um sen­­tido reforçado. De facto, aquilo que nos espera este ano exige a todos um esforço significativo por mudar de vida, se ela não mudar de forma abrupta mesmo contra a nossa vontade. A crise em que vivemos há já vários anos promete agra­varse­ em 2009, e com ela espera-se o crescimento acelerado do de­sem­ pre­go e o agravamento dos dra­ mas so­­­­­­­ciais. Sesimbra dificilmente es­­­­­­­­­ca­­­­­­­­­­pará a es­tas dificuldades. A cons­­­­­­ciência desta realidade obriganos a todos a um rigor acrescido na gestão dos dinheiros públicos até porque se antevê também um decréscimo mais acentuado das receitas muni­ci­­pais, agravando a si­ tua­ção já ve­­­rificada em 2008. Temos por isso que estar preparados para ge­rir os investimentos e as acções previstas para 2009 em função des­­­ ta realidade, o que pressupõe a eventual reprogramação de al­gu­mas delas. Estamos certos de que todos compreenderão se tivermos que to­ mar este tipo de medidas. Mas vida nova significou também a forma como Sesimbra entrou em 2009, com optimismo e alegria. O conjunto de festividades natalícias que se prolongaram até aos Reis, e que tiveram como ponto alto o nosso Ré­veillon, que é já uma “marca” a nível nacional, trouxeram até Sesimbra dezenas de milhares de forasteiros e tiveram uma grande projecção na comunicação social na­ cio­nal. Esta é também uma forma de afirmarmos o nosso concelho e cons­ titui certamente um orgulho para as nossas gentes, promovendo a autoestima para o novo ano que temos pela frente.

Sesimbra Município | Janeiro 2009




Foto: Rui João Rodrigues

grande plano

Tradição em Alfarim

O Largo do Movimento das Forças Armadas, vulgarmente conhecido como Largo de Alfarim, foi palco, durante três dias, das festas de Nossa Senhora da Conceição. O espaço, recentemente remodelado, recebeu milhares de visitantes que dançaram, cantaram e confraternizaram ao som de música popular portuguesa. A procissão pelas ruas da aldeia foi o ponto alto das festividades e aquele que reuniu maior número de pessoas, que não quiseram deixar de prestar homenagem à padroeira de Alfarim.

Azoia no Mundial

Tiago Baltazar, atleta do escalão de iniciados do Grupo Desportivo União da Azoia, vai representar Portugal no Campeonato Mundial de Orientação Pedestre do Desporto Escolar, que se realiza em Madrid, de 14 a 20 de Abril. Até lá, o atleta vai participar em dois estágios: um durante as férias escolares de Carnaval e outro na Páscoa.

 Sesimbra Município | Janeiro 2009

50 histórias infantis

A Câmara Municipal entregou aos estabelecimentos de ensino pré-escolar, do 1.º ciclo, IPSS e escolas privadas 60 exemplares da obra 50 Histórias de Quem Foi Criança, cujas receitas revertem para os projectos sociais da Fundação Rotária Portuguesa. Personalidades de várias áreas uniram-se para dar corpo a este gesto de solidariedade.

Reconhecimento

O treinador sesimbrense José Manuel Pacheco Pereira foi distinguido pelo Instituto do Desporto de Portugal (IDP) pelo seu trabalho nos escalões de formação de hóquei em patins do Grupo Desportivo de Sesimbra. Na cerimónia, realizada em Dezembro em Rio Maior, o IDP distinguiu mais 22 treinadores de várias modalidades e 21 clubes.

QREN em Sampaio

A candidatura ao Quadro de Refe­ rência Estratégico Nacional (QREN) para a construção da Escola Básica n.º 1 de Sampaio foi aprovada. A Câmara Municipal irá receber 800 mil euros de financiamento, o equivalente a 50 por cento do valor máximo elegível. O projecto representa um acréscimo de 16 salas de aula, 12 de ensino básico e quatro para jardim-de-infância.


no terreno

Repavimentação

Na urbanização da Quintinha foi efectuada a repavimentação das ruas Miguel Torga e Manuel Maria Barbosa Du Bocage, num total de três mil e 600 metros quadrados de piso betuminoso. A intervenção, orçada em 50 mil euros, terminou no final de Dezembro e permitiu melhorar a circulação nesta zona habitacional, próxima da Cotovia.

Arranjo de calçadas

Pavimentação no Conde 3

Melhorar a circulação de peões na Quinta do Conde é o objectivo dos tra­­­ba­lhos de reposição de calçada que estão a ser feitos em várias ruas da freguesia. Na Avenida da Liberdade e na Avenida Principal foi também efectuado o rebaixamento dos lancis junto às passadeiras para facilitar o acesso a cidadãos com mobilidade reduzida.

Em Fevereiro inicia-se a pavimentação das ruas D. Fernando, D. João I, D. João II, D. João IV, D. Luís, D. Pedro V e D. Maria II, na zona Sudoeste do Conde 3. Os trabalhos incluem a melhoria da rede de águas, passeios e sumidouros. A intervenção tem um custo aproximado de 358 mil euros e um prazo de execução de 300 dias. A2

Quinta do Conde EN 10

EN 378

ER 377

Fonte de Sesimbra

A autarquia está a colocar uma vedação com cerca de 600 metros em torno dos armazéns municipais da Fonte de Sesimbra. A empreitada, que inclui também a construção de uma área de estacionamento no exterior, com 900 metros quadrados, representa um investimento de cerca de 70 mil euros e deverá estar concluída durante o mês de Abril.

Reparações nas escolas

Durante as férias de Natal, a autarquia procedeu à reparação de fissuras nas paredes e à pintura do corredor de entrada da EB1 n.º 2 do Zambujal. No mesmo período, foram também pintadas duas salas de aula, colocada uma bancada de trabalho e reparado o chão noutra sala da EB 2,3 Navegador Rodrigues Soromenho.

Combatentes EN 379

Quintinha Fonte de Sesimbra Zambujal Corredoura

ER 377

Sesimbra

Conservação de bermas

Garantir a segurança de automobilistas e peões é o objectivo das obras de conservação e reparação de bermas, realizadas na freguesia do Castelo. Nalguns casos, a autarquia regularizou a situação depois dos estragos causados pelas fortes chuvas de Dezembro, como aconteceu junto à rotunda da Corredoura, Zambujal e estrada da Assenta.

Na Avenida dos Combatentes, em Sesimbra, a Câmara Municipal está a proceder ao rebaixamento das tampas de esgoto por estas se encontrarem demasiado altas em relação ao nível do pavimento. A intervenção pretende garantir boas condições de circulação nesta via, aumentando assim a segurança dos automobilistas.

Mercado melhorado

A Câmara Municipal está a proceder a melhoramentos nas entradas do Mercado Municipal de Sesimbra. Os trabalhos consistem na substituição das portas, colocação de pavimento e revestimento das paredes da entrada. Durante as obras, o acesso ao mercado de peixe faz-se pelo Largo de Bombaldes.

Sesimbra Município | Janeiro 2009




d

destaques Câmara reforça equipamentos de trabalho

O pessoal operário da Câmara Municipal está a receber, durante este mês, novo calçado que proporcionará maior se­ gurança e comodidade no exercício das suas funções. Ao todo serão distribuídos 700 pares de botas e sapatos com biqueira e sola de protecção, que representam um investimento na ordem dos 30 mil euros. Drenagem, Jardins, Varredura e Remoção são alguns dos serviços que já receberam o novo equi­ pamento. No último ano, a autarquia investiu 75 mil euros em vestuário específico para cada actividade para melhorar as condições de trabalho dos funcionários.

Prémio Científico recebeu oito candidaturas A Câmara Municipal recebeu oito candidaturas ao Prémio Científico de Sesimbra, lançado durante o Festival da Serra e do Mar, em Maio de 2008. O prémio foi instituído para distinguir anualmente o melhor trabalho de investigação centrado no Parque Marinho Luiz Saldanha em áreas relacionadas com as ciências do mar (oceanografia física, química, biológica e geológica, biologia, ecologia, conservação, pescas, geologia e arqueologia náutica e suba­quática) e com as ciências sociais (sociologia, antropologia e história). Os trabalhos foram validados por um Comité de

Conselheiros, composto por especia­listas nas diversas áreas em estudo. Para além dos objectivos referidos, o Prémio Científico é também um incentivo à criatividade e um estímulo para os investigadores, cientistas, estudantes e professores interessados em divulgar um dos principais ex-líbris do concelho, o mar, e as suas potencialidades. O júri do concurso será composto por três personalidades de reconhecido mérito científico, que procederão à avaliação das candidaturas e à selecção do trabalho vencedor, que será posteriormente publicado pela autarquia.

Desporto

25 anos de Corta-mato Escolar A 25.ª edição do Corta-mato Escolar Concelhio contou com a participação de 341 jovens dos qua­tro agrupamentos escolares do concelho e da Escola Secundária de Sampaio. A prova reali­ zou-se junto ao Cabo Espichel e ficou mais uma vez marcada pe­ lo desportivismo e convívio entre os atletas. Cada agrupamento escolar vai agora escolher seis alunos que vão re­presentar Se­ simbra no Corta-Mato Distrital, que se realiza dia 5 de Fevereiro, na Moita.

 Sesimbra Município | Janeiro 2009

Segurança

Guardas nocturnos na freguesia do Castelo Os moradores e comer­ ciantes das zonas de San­ tana, Carrasqueira, Cotovia, Sampaio, Maçã, Pedreiras e Zona Poente da freguesia do Castelo poderão dispor do serviço de guarda nocturno já a partir do mês de Janei­ ro. A Câmara Municipal atri­ buiu duas licenças para este posto de traba­lho, em regi­ me de profissão liberal, que é suportado pelas contribui­ ções de particulares e em­ presários. Nesse sentido, os

moradores e comerciantes vão começar a ser contacta­ dos para optarem pela esco­ lha deste serviço, que só será disponibilizado se o número de pessoas assim o justificar. No primeiro trimestre de 2009 será lançado um novo concurso para as restantes áreas desta freguesia e para San­­tiago e Quinta do Conde. Para mais informações, con­ sulte o site da Câmara Muni­ cipal em www.cm-sesimbra. pt.


Pavimentações na Azoia e Aiana

SIMARSUL garante início dos trabalhos ainda este mês Recolha selectiva

Resultados superam expectativas A campanha de recolha de papel, plástico e vidro pro­ movida pela Câmara Municipal durante o Natal e Ré­ veillon permitiu reunir cerca de 80 contentores (com capacidade para 800 litros) com papel e cartão, uma tonelada de vidro (cerca de 1300 garrafas) e centenas de embalagens e copos de plástico que de outra forma seriam colocados em recipientes de lixo indiferencia­ do. Estes números, que superaram as expectativas, re­ velam que os cidadãos estão cada vez mais sensibiliza­ dos para as questões ambientais .

uto Protocolo com Instititação Nacional de Raleavabi ilcelebrar um

icip A Câmara Mun o Instituto operação com Co Protocolo de sentido de Reabilitação, no Nacional para a Informação a um Serviço de criar em Sesimbr ficiência pessoas com De e Mediação para -PD. O M SI , denominado ou Incapacidade ser assia to redigido e pron protocolo está -se que do en ev s as partes, pr ba am r po do na rante o mês ção decorra du a sua formaliza passo no acordo é mais um de Janeiro. Este tado do conto social susten desenvolvimen contribuído para o qual tem celho, objectivo de serviços rquia na criação a aposta da auta ção peren rv de apoio e inte especializados . es o dos munícip sonalizada junt

Um contratempo relacionado com a empreitada das obras de saneamento na freguesia do Castelo, da responsabili­ dade da empresa SIMARSUL, atrasou substancialmente as pavimentações em alguns dos locais onde se veri­ficaram in­ tervenções, o que tem criado grandes transtornos aos mu­ nícipes e à Câmara Municipal, que nalgumas situações mais graves teve mesmo que inter­

vir. Nas zonas mais afectadas em termos de circulação viá­ ria – Azoia e Aiana –, o reiní­ cio das obras deve verificar-se ainda em Janeiro, se­gundo in­ formação da empresa. Apesar de não serem obras da sua res­ ponsabilidade, a autarquia tem acompanhado esta situação e pressionado insistentemente a SIMARSUL para tentar minimi­ zar os impactos que este atra­ so está a provocar.

Corte de trânsito entre Alfarim e o Meco

A circulação automóvel entre a rotunda de Alfarim e a Aldeia do Meco vai estar condicionada a partir de segunda-feira, 19 de Janeiro, devido às obras de saneamento de Alfarim. A intervenção deverá prolongar-se por cerca de três semanas. Neste período, quem pretender deslocar-se entre Alfarim e Aldeia do Meco deve seguir pela Rua da Marconi e depois voltar à esquerda, junto ao restaurante O Peralta, em direcção a Torrões. A circulação no sentido oposto faz-se pela mesma alternativa. Durante os trabalhos, os transportes públicos (TST) passam também a utilizar este percurso. No caso dos moradores fica salvaguardado um corredor de acesso às suas habitações.

Iniciativa do jornal Público

Sesimbra no roteiro de Internet sem fios gratuita Sesimbra é um dos locais mencio­ nados no roteiro de zonas com aces­ so gratuito à Internet em Portugal, disponível no site do jornal Público. Parque Municipal de Campismo do Forte do Cava­lo, Porto de Re­creio e Avenida 25 de Abril são os locais referenciados neste mapa onde o utilizador pode aceder à Internet por computador portátil, PDA ou

telemó­vel através da tecnologia wireless instalada pela Câmara Muni­ cipal em 2008. No site pode também ficar a saber como ajudar a enriquecer esta valiosa ferramenta caso conheça outros lo­ cais gratuitos de acesso à rede. O mapa resulta dos contributos dos leitores do Público e está dis­ ponível através do endereço http://

static.publico.clix.pt/infografia/ hotspots/. Para além dos locais mencionados no roteiro, a autarquia disponibiliza acesso gratuito à Internet via wireless nas lojas Onda Jovem de Sesim­ bra e Quinta do Conde, Biblioteca Municipal de Sesimbra e Pólo de Leitura da Biblioteca Municipal, na Quinta do Conde.

Sesimbra Município | Janeiro 2009




município Plano Director Municipal

Câmara propõe medidas preventivas

C Ribeira do Marchante

A versão final do Plano de Urbanização da Ribeira do Marchante foi enviada à Assembleia Municipal para aprovação. As alterações resultantes da discussão pública, que de­cor­ reu entre 14 de Ou­­tu­­bro e 12 de Novembro de 2008, incidem sobre a capacida­­de construtiva das moradias­ em banda e redefinição da lo­­­ca­li­zação dos equipamentos­ colectivos previstos. A autarquia promoveu ainda uma sessão de esclarecimento em Novembro, no Grupo Desportivo e Cultural do Conde 2, onde foi apresentada a integração regional do plano, caracterização da área, proposta de zonamento, dimensionamento­ dos diferentes espaços e programação e faseamento dos trabalhos. Após a aprovação por par­­­­­te da Assembleia Municipal, o do­­cumento será enviado para publi­cação em Diário da República. Importa referir que este plano permite a construção de 850 fogos distribuídos por 450 lotes destinados a permutas com proprietários de terrenos na Quinta do Conde que, no Plano de Urbanização desta vila, estão reservados a zonas verdes, equipamentos e arruamentos.

 Sesimbra Município | Janeiro 2009

onter e clarificar as car­ gas turísticas no con­ celho é o objectivo da proposta de medidas preventi­ vas para os espaços agrícolas, florestais, agrícola/florestais e turísticos do concelho, envia­ da pela Câmara Municipal à Assembleia Municipal. Estas medidas pretendem evitar que nos próximos dois anos sejam aprovados novos projectos de natureza turísti­ ca para as áreas definidas na proposta e vão ao encontro da estratégia subjacente à revi­ são do Plano Director Munici­ pal (PDM). A proposta não põe em causa a construção de ha­ bitação própria da população residente nem abrange os em­ preendimentos previstos para a zona da Mata de Sesimbra bem como os projectos turís­ ticos que foram objecto de pe­ didos de infor­mação prévia

favoráveis, que são sufi­ cientes para cumprir os objectivos estraté­ gicos do concelho. A proposta final da revisão do PDM clari­ ficará as opções urba­ nísticas para as áreas sujeitas às medidas. A decisão resulta tam­bém de reuniões entre a Câmara Muni­ ipal e a Comissão de Coordenação e De­ senvolvimento da Re­­­­gião de Lisboa e Vale do Tejo sobre a ocupa­ ção tu­­­­­­rísti­ ca­­­ do solo e tem em con­­ta as orien­ta­ções do Pla­no Regional de Ordena­ mento do Território da Área Metropolitana de Lisboa

Áreas sujeitas a medidas preventivas (espaços agrícolas, florestais, agrícolas/florestais e turísticos)

Habitação Social na Cotovia Para responder às ne­­ces­­sidades de ha­bi­­ tação social no con­­celho, a Câmara Mu­ ni­cipal propôs à Assembleia Municipal a suspensão parcial dos números 1 e 6 do artigo 104.º­ do Regulamento do Plano Director Mu­nicipal de Sesimbra por um prazo de dois anos. A suspensão deste artigo, que impõe a densidade habitacional máxima de 70 fogos por hectare, permitirá au­­mentar de

forma significativa a oferta de habitação social num terreno com dez mil metros quadrados, localizado na Cotovia. A proposta de suspensão não tem qual­quer in­­fluên­cia no processo de cons­trução dos 70 fogos, cuja candi­ da­­tura já foi entregue ao Instituto de Habitação e Rea­bilitação Urbana, ao abrigo do programa PROHABITA per­ mitindo no entanto a construção de

mais 30 a 40 fogos a custos controlados. Na mesma candidatura, ava­liada em cerca de oito milhões de euros e pro­­­­­gramada para o período com­­preendido entre 2009 e 2013, inclui-se a reconstrução de 58 fogos no Bairro Infante D. Henrique, a reabilitação do Bairro do Zambujal, que se encontra a decorrer, e a recuperação do edifício n.º 14 do Largo Almirante Gago Coutinho, antigamente ocupado pela GNR.


Alfarim

Festas inauguraram novo largo

A

renovação do Largo do Mo­ vimento das Forças Arma­ das, em Alfarim, ter­minou a tempo da festa em honra de Nossa Senhora da Conceição, que se celebra a 26 de Dezembro. Ponto de reunião da população e onde se concentra a maior parte do comér­ cio, o largo apresenta linhas mo­ dernas, com zonas de lazer e con­ vívio, espaços verdes e lugares de estacionamento. Os principais ob­ jectivos da intervenção passaram por melhorar as infra-estruturas de apoio às festividades e anular as barreiras arquitectónicas. Em breve serão concluídas as instala­ ções sanitárias e as estruturas de apoio ao mercado tradicional. A melhoria do largo insere-se no pla­ no de requalificação da aldeia cuja primeira fase das obras, que inclui a pavimentação da maioria das ar­ térias, já está concluída

O novo largo tornou mais amplo e agradável o centro da aldeia de Alfarim

Remodelação do Externato Santa Joana

A colocação de sintético no Campo da Mação vai melhorar as condições do recinto

Maçã

Novo relvado sintético

O

campo de futebol da Ma­ çã vai ser alvo de uma profunda remodelação. O concurso lançado pela Câma­ ra Municipal tem um va­lor base de 316 mil euros e prevê a insta­ lação de relvado sintético, veda­ ção em torno do recinto de jogo e iluminação. A autarquia preten­ de também remodelar os balne­ ários e construir uma bi­lheteira. Esta intervenção faz par­ te de um conjunto de renova­ ções que a autarquia está a fa­

A funcionar num edifício com mais de cem anos, a Associação Externato Santa Joana vai dar início este mês a um conjunto de obras para melhorar as suas instalações e aumentar a capacidade para mais 38 crianças. Orçada em cerca de 700 mil euros, dos quais 97 mil serão subsidiados pela Câmara Municipal e 140 mil pelo Programa de Alargamento da Rede de Equipamentos Sociais, a intervenção inclui a cons­trução de três salas, duas para crianças dos dois aos três anos e outra para primeiro berçário, cozinha, sala para educadoras, refeitório e ainda a beneficiação das casas de banho e dos espaços exteriores. As obras vão também permitir projectar o edifício para receber pessoas com dificuldades de mobilidade. O objectivo é que os novos espaços comecem a funcionar em Setembro. Actualmente, o Externato Santa Joana tem 41 funcionários e recebe 167 crianças, 100 no pré-escolar e 67 na creche.

zer em instalações desportivas do concelho, entre as quais se destacam a colocação de relva­ dos sintéticos na ACRUTZam­ bujalense e, mais recentemen­ te, nos campos da Associação de De­­senvolvimento da Quin­ ta do Conde O recinto vai receber as equi­ pas do Grupo Desportivo de Se­ simbra enquanto decorrerem as obras de construção do novo es­ tádio da Vila Amália, que se de­ vem iniciar este ano.

Sesimbra Município | Janeiro 2009




município

GNR Igreja

Quinta do Conde

Novos equipamentos e infra-estruturas renovam a freguesia

EN10

10 Conde 1

Escola Básica 1 /JI n.º 3

3 ETAR

CTT Escola Básica Michel Giacometti Pavilhão Municipal

Bombeiros

Depois de anos de impasse na concretização de alguns equi­ 6 pamentos e infra-estruturas essenciais à qualidade de vida dos munícipes nas áreas da saúde, educação, acessibilidades e apoio social, a freguesia da Quinta do Conde viu muitas destas 5 situa­ções serem desbloqueadas nos últimos meses.

H

á mais de 20 anos que os habitantes da Quin­ ta do Conde esperavam por um novo centro de saú­ de que substituísse o actual, a funcionar num pré-fabricado. O processo arrastou-se no tempo, passou por sucessivos governos, sofreu alterações, adiamentos e foi ficando esquecido, para de­ sespero dos utentes. Em Novem­ bro de 2008, depois de muita pressão por parte de grupos de cidadãos e da Câmara Munici­ pal, foi finalmente adjudicada a obra. A Extensão de Saúde é apenas um exemplo de vários equipa­ mentos anunciados e iniciados nos últimos meses e que, a par das pavimentações e arranjos que estão a ser levados a efeito pela autarquia, vão permitir re­ novar por completo a jovem fre­ guesia, que conta com cerca de 25 mil habitantes. O nó desnivelado na Estrada Nacional 10, junto da principal entrada da vila, da responsabi­ lidade das Estradas de Portugal, é outra das obras que duran­ te muitos anos esteve no papel e que se iniciou recentemente. Trata-se de uma infra-estrutu­ ra essencial para descongestio­ nar as imensas filas de trânsi­ to que se verifica no local e para melhorar as acessibilidades na zona. Secundária em 2009 Na educação, as notícias dos últimos dias são também ani­ madoras. Primeiro, o início da

10 Sesimbra Município | Janeiro 2009

Conde 3

7

EN10

Conde 2 Escola Básica Integrada

Mercado e Gabinete Municipal

4 6 3

Investimento municipal

Equipamentos Desportivos A instalação de um espaço multiusos na Boa Água, uma parceria entre a Federação Por­ tuguesa de Futebol e a Câmara Municipal, o apoio à colocação de relvado sintético na ADQC, e a colaboração com o ginásio

1

Centro de Saúde

construção da Escola Básica In­ tegrada, obra do Ministério da Educação com participação fi­ nanceira e cedência de terreno pela Câmara Municipal, depois, o recente anúncio do avanço da Secundária da Quinta do Conde ainda em 2009, dois anos antes do previsto.

Quanto aos investimentos mu­ nicipais, destacam-se as pavi­ mentações em toda a freguesia, que representam dois milhões de euros anuais - e o arran­ jo da Avenida Principal, no co­ ração da vila. Das intervenções no parque escolar importa sa­ lientar a construção da esco­ la básica do Pinhal do General, no terreno há alguns meses, e os projectos para construção do Jardim-de-infância (JI) do Pinhal do General e ampliação do JI do Conde 1, que se podem iniciar este ano. O Parque da Vila, maior espaço verde do concelho, a Loja Ond@ Jovem, o Espaço Cidadania ou o Espaço Solidário merecem tam­ bém referência por serem equi­ pamentos e serviços recentes que estão a ter grande adesão.

Junta de Freguesia

Igreja

Boa Água 1 9

8

Boa Água 3 Depósito de água

Sport City, um dos maiores e mais bem equipados da região são, no campo desporti­vo, as­ pectos que merecem real­çe pois valorizam a oferta da freguesia.

1 | Parque da Vila

Apoio Social A par das obras em curso, da responsabilidade da Câmara Municipal ou do Governo, as as­ sociações locais estão a concre­ tizar projectos de grande im­ portância social e cultural. A aprovação da candidatura ao Programa PARES vai permitir à Liga dos Amigos da Quinta do Conde construir uma creche com capacidade para 66 crian­ ças até aos três anos, enquan­ to que a Voz do Alentejo vai ter casa própria, 12 anos depois da criação do grupo. Em ambos os casos, a autarquia cedeu os ter­ renos e participou financeira­ mente

2 | Nó Desnivelado na EN10

3 | Escola Básica Integrada da Boa Água

UNIDADE DE SAÚDE

4 | Extensão de Saúde


E DA QUINTA DO CONDE

Freguesia da Quinta do Conde

Opções Participadas

Requalificação da Cândido dos Reis

E 5 | Escola B1/JI de Pinhal do General

6 | Nova sede da Voz do Alentejo

stá em curso a requalifi­ cação da rua Cândido dos Reis, um dos principais acessos ao centro da vila de Se­ simbra. Desde a Capela do Espí­ rito Santo até ao Largo António Baptista, a rua foi totalmente melhorada ao abrigo do projec­ to de requalificação e revitaliza­ ção do Núcleo Urbano Antigo da Vila de Sesimbra. Esta fase consistiu na renova­ ção das redes de saneamento, águas, electricidade, telefones, reordenamento dos lugares de estacionamento e aumento da área de circulação de peões, à semelhança do que foi efectua­

A obra da Cândido dos Reis inclui substituição de colectores e melhoramento da rede de águas do no Largo António Baptista. No final deste mês deverá estar concluída a pavimentação da via, desde o quartel dos Bom­ beiros até ao entroncamento com a Rua Conselheiro Rama­ da Curto. A intervenção, realizada no âmbito das Opções Participa­ das, incluiu a substituição dos

colectores domésticos e plu­ viais, a renovação da rede de águas e a construção de arrua­ mentos, não só neste troço, mas também entre o Largo do Movi­ mento das Forças Armadas e a entrada da Rua Rainha D. Leo­ nor. Apesar dos incómodos que possam causar, estas interven­ ções são fundamentais

EN 37 8

7 | Loja Ond@Jovem

8 | Relvado sintético da ADQC

9 | Campo Multiusos

10 | Ginásio Sport City

Alterações na Carrasqueira Melhorar a circulação viária através da introdução de sentidos únicos em várias ruas, criar mais lugares de estacionamento e aumentar a segurança de peões e automobilistas é o objectivo de uma postura de trânsito para a Carrasqueira, enviada para aprovação da Assembleia Municipal.

A proposta tem em conta as vantagens decorrentes da construção da nova passagem hidráulica que liga a Carrasqueira ao Cabedal, que se podem traduzir num aumento do fluxo de trânsito entre a Estrada Nacional 378 e a zona poente do concelho.

Sesimbra Município | Janeiro 2009

11


centrais Parques infantis

A escolha dos mais novos A

pesar de vivermos numa época em que a maioria dos brinquedos e das brincadeiras já não prescindem da tecnologia, os parques infantis, com a sua simplicidade, continuam a manter um lugar privilegiado no imaginário das crianças. Aos tradicionais escorregas, baloiços e balancés juntam-se, hoje, uma infinidade de estruturas que vão desde

12 Sesimbra Município | Janeiro 2009

cordas, paredes de escalada, redes de pescador, molas, túneis e comboios, que dão origem a um sem-número de formas e cores. Através da imaginação dos mais novos, cada uma destas peças pode transformar-se em qualquer coisa e dar origem às aventuras mais fantásticas. Para além das brincadeiras, estes espaços públicos promovem o contacto com a natureza, o convívio com outras crianças e muitas vezes com os próprios familiares, que, em casa, devido à existência

de actividades cada vez mais individuais, acaba por não acontecer. Parques para todos os gostos No concelho existem 21 parques infantis abertos ao público, com características diferentes e para diferentes idades. O Parque da Vila, na Quinta do Conde, e o Parque da Praia do Ouro, em Sesimbra, são dois dos mais procurados. O primeiro porque tem uma enorme variedade de brinquedos e está integrado no maior parque verde do concelho, o segundo porque, para além dos

brinquedos, tem a particularidade de estar instalado na praia. Tendo em conta a importância que estes lugares assumem para a qualidade de vida dos munícipes, a Câmara Municipal fez, recentemente, um levantamento de todos eles e procedeu a melhoramentos e adaptações de acordo com a legislação existente, com vista a garantir o conforto e segurança dos utentes. O objectivo é continuar a apostar neste tipo de espaços, enquadrados, sempre que possível, em zonas de lazer, jardins, ou nas proximidades de estações de fitness destinadas a adultos


Encontrar o parque ideal, com brinquedos propícios à idade dos filhos e, se possível, com infra-estruturas de apoio, é, por vezes, difícil. Para facilitar esta tarefa, apresentamos os principais parques infantis do concelho. A lista completa será disponibilizada no site da Câmara Municipal com a descrição de cada equipamento e fotos do mesmo. D. José Localização: Rua D. José, Lagoa de Albufeira Equipamentos: Estrutura multifunções com escorrega, baloiço, torre de três pisos com escada de acesso e tubo de marinheiro. Baloiço para quatro utilizadores e barras de equilíbrio Piso: Areia lavada

Pinheiro Localização: Jardim do Pinheiro, Quinta do Conde. Equipamentos: Duas molas, baloiço, estrutura multifunções com torre, escorrega, telhado folha, rampa de escalada com corda, rede de marinheiro, escada de suspensão, jogo do galo e estação de vitalidade e fitness. Espaço vedado. Piso: Material aborrachado. Parque da Vila Localização: Junto à EN 10 – Quinta do Conde Equipamentos: Rede tridimensional, estrutura multifunções com torres, pontes de cordas, túnel, rampa para escalar, baloi­ço, escorrega, baloiço tipo cesta, túnel de madeira, comboio e casinha em madeira e molas (bambi e cavalinho). Piso: Relva

Anfiteatro da Boa Água Localização: Rua das Amoreiras, Quinta do Conde Equipamentos: Baloiço, estrutura multifunções com escorrega, escada de acesso, torre com telhado, rede de marinheiro e três molas. Espaço vedado, com portões de acesso. Piso: Material aborrachado. Quinta do Conde

Mimosas Localização: Rua das Mimosas, Lagoa de Albufeira. Equipamentos: Estrutura multifunções composta por torre com telhado, escorrega, acesso em rampa e piso inferior com baloiço. Espaço vedado. Piso: Areia lavada.

Amores-Perfeitos Localização: Rua dos Amores-Perfeitos, Carras­queira. Equipamentos: Estrutura multifunções com baloiço, torre, escada de acesso e escorrega. Tem bebedouro e três bancos. Espaço vedado. Piso: Material aborrachado.

Lagoa de Albufeira

Carrasqueira

Amizade Localização: Rua da Primavera, Lagoa de Albufeira Equipamentos: Estrutura com espaldar, torre com escorrega e rede de marinheiro, ponte de equilíbrio com acesso por rampa e escada. Piso: Areia lavada

Cabedal

Aldeia do Meco

Cotovia Pinhal de Cima

Santana

Pedreiras

Zambujal Sesimbra

Jardim-de-Infância das Pedreiras Localização: Jardim-de-Infância das Pedreiras. Equipamentos: Duas torres de uma plataforma cobertas com telhado unidas por um túnel, ten­dinha no rés-do-chão com balcão, escada, escorrega, parede de escalada e duas molas. Espaço vedado. Piso: Areia lavada.

Azoia

Praia do Ouro Localização: Praia do Ouro, Sesimbra. Equipamentos: Torre com duas plataformas, uma das quais coberta com telhado, escorrega e escada de acesso. Estrutura com rede de marinheiro, cinco espaldares, barras horizontais, duas molas e rede tridimensional. Espaço vedado. Piso: Areia.

Luís Reis Santos Localização: Largo Luís Reis Santos, Charneca da Cotovia. Equipamentos: Estrutura multifunções com torre, escorrega de acesso por espaldar e escada de suspensão. Espaço vedado. Piso: Material aborrachado. Azoia Localização: Junto à Escola Básica da Azoia. Equipamentos: Estrutura multifunções com torre e escorrega, espaldar horizontal e rede de marinheiro. Estrutura multifunções composta por espaldar, rede de marinheiro, dois baloiços e corda para trepar. Espaço vedado. Piso: Areia lavada.

Espaço de Jogo e Recreio de Argéis Localização: Bairro dos Pescadores, Sesimbra Equipamentos: Torres com plataforma coberta com telhado, unidas por um túnel, tendinha no rés-dochão com balcão, escada com corrimão em tubo inox, escorrega e parede de escalada. Piso: Areia lavada.

Sesimbra Município | Janeiro 2009

13


educação ambiente Primeiro Ciclo

Escolas recebem quadros interactivos

A

s 15 escolas básicas do 1.º Ciclo do concelho receberam, da Câmara Municipal, quadros interactivos com sistema EBEAM (ver caixa) e respectivos projectores. O investimento, de 14 mil euros, faz parte de um plano para equipar todas estas escolas com equipamentos que fomentem a utilização das novas tecnologias aplicadas ao ensino e à prática pedagógica. Além de facilitar a tarefa dos professores e de tornar as aulas mais atractivas e inovadoras, o sistema permite que os alunos tenham um contacto cada vez mais próximo com os meios tecnológicos, factor determinante para o seu sucesso escolar e profissional. Os novos quadros permitem transformar uma parede lisa num espaço dinâmico através do uso de uma caneta interactiva leve e fácil de manusear, que se assemelha ao funcionamento de um rato para computador. Os aparelhos foram entregues numa cerimónia que decorreu na sala polivalente da Biblio-

A apresentação e entrega dos quadros interactivos reuniu na Biblioteca Municipal vários professores teca Municipal, durante a qual foi feita uma apresentação que revelou todas as suas potencialidades. Os professores terão agora formação para aprender a tirar partido desta mais-valia.

Câmara aposta na tecnologia A entrega de quadros interactivos insere-se no plano da autarquia para dotar as escolas de 1.º Ciclo e os jardins-de-infância do concelho de novas tecnolo-

gias que, desde 2006 se traduziu na instalação de ecrãs LCD com leitor de DVD, computadores e quadros interactivos em todas as sala de aula, o que representa um investimento municipal de cerca de 80 mil euros

Equipamentos

Secundária da Quinta do Conde avança em 2009

A

construção da nova es­­­­co­­ ­la secundária da Quinta do Conde vai arrancar já em 2009, dois anos antes da data prevista. A garantia foi dada à vereadora do Pelouro da Educação por um representante da Direcção Regional de Educação de Lisboa (DREL) numa reunião que se realizou no início do ano. A abertura deste novo estabelecimento de ensino estava prevista na Carta Educativa do município mas apenas em 2012, pelo que este anúncio é uma ex-

14 Sesimbra Município | Setembro Janeiro 2009 2007

celente notícia para a freguesia. A obra ficará a cargo da empresa Parque Escolar, responsável pela construção e manutenção das escolas secundárias em Portugal. Mais condições de ensino Neste momento, o concelho só tem duas escolas secundárias, a Secundária de Sampaio, em Sesimbra, e a Básica 2,3 + S Michel Giacometti, na Quinta do Conde. Devido ao rápido crescimento

demográfico da Quinta do Conde, a Michael Giacometti encontrase completamente lotada, o que não lhe permite dar resposta mais adequada às necessidades do concelho. A entrada em funcionamento do novo estabelecimento vem colmatar essa situação e aumentar a qualidade do ensino na freguesia. Rodrigues Soromenho Na mesma reunião, a DREL propôs que a autarquia assu­­ma a

obra da Escola Básica Integrada da Quinta do Conde, iniciada recentemente. Perante a proposta, a Câmara Municipal informou a DREL de que só colocará esta hipótese caso receba garantias por parte do Ministério da Educação de que a Escola Básica 2,3 Navegador Rodrigues Soromenho, em Sesimbra, receberá obras de ampliação e requalificação, visto que não foi incluída na lista de 35 prioridades do Ministério da Educação para este ano. A autarquia já adquiriu terre-


acção social Ano Europeu para o Diálogo Intercultutral

Um encontro de culturas saiba mais

O sistema EBEAM possibilita a interacção com qualquer software instalado no computador. O módulo receptor permite controlar as aplicações Windows, Mac OS ou GNU projectadas na superfície do quadro. Através de um simples clique pode trabalhar-se directamente sobre uma imagem, navegar na Internet, escrever com tinta digital ou executar outras funções disponíveis no computador. Além do funcionamento simples, o software permite ligar computadores através da rede local ou de um servidor de sessões acedido por um endereço Internet, disponibilizado gratuitamente. Qualquer aluno que não possa assistir às aulas presencialmente pode fazê-lo a partir de casa, através de ligação à Internet. São ainda possíveis interacções multimédia entre grupos de alunos ou professores da mesma escola, de diferentes escolas do país ou de qualquer parte do Mundo.

nos anexos ao equipamento para o efeito e disponibiliza-se a elaborar o projecto de execução. A escola Rodrigues Soromenho funciona desde 1975 no antigo Colégio de Sesimbra e já apresenta sinais de degradação, apesar de terem sido feitos investimentos na recuperação de alguns espaços. Além disso, a população escolar do equipamento ascende a 500 alunos, um número que, caso os trabalhos de ampliação não avancem, não poderá aumentar muito mais

U

m encontro de culturas assinalou o encerramento do Ano Europeu Para o Diálogo Intercultural, no Cineteatro Municipal João Mota. O evento, que serviu para fazer o balanço do conjunto das actividades desenvolvidas ao longo do ano, contou com um par de actuações musicais e com a apresentação de um pequeno filme retrospectivo sobre as iniciativas realizadas em 2008. A sessão ini-

ciou-se com o espectáculo das Batucadeiras Coração Aberto, grupo criado há menos de um ano e constituído por 15 elementos, todos utentes do Espaço Cidadania. A paixão empregue pelo conjunto da Quinta do Conde contagiou a plateia, que se deixou levar pelos quentes ritmos de África. Entre o público estava Augusto Pólvora, presidente da Câmara Municipal de Sesimbra, Odete Graça, presidente da As-

sembleia Municipal, e o assessor da Alta Comissária para a Imigração e Diálogo Intercultural, Luís Pascoal. Todos se referiram ao êxito do projecto levado a cabo pela autarquia e manifestaram vontade de continuar a apostar na diversidade cultural como factor de enriquecimento social. O encontro fechou com a cor e magia dos Batoto Yetu, grupo de dança étnica de raiz africana que encantou os presentes

As Batucadeiras Coração Aberto estrearam-se em palco na cerimónia de encerramento do Ano Europeu para o Diálogo Intercultural

O grupo de dança étnica Batoto Yetu encantou o público presente

Batoto Yetu

Sesimbra Município | Janeiro 2009

15


ano novo Réveillon

50 mil escolhem Sesimbra para entrar em 2009 Fogo-de-artifício, música, ani­­­­­mações de rua, bares e restaurantes abertos até de madrugada e uma passagem de ano no fundo do mar foram os ingredientes que confirmaram a qualidade e as potencialidades turísticas do Réveillon de Sesimbra .

mos latinos invadiam a Avenida 25 de Abril. À meia-noite, apesar do nevoei­ro, o fogo-de-artifício iluminou o céu com várias cores. A música continuou pela noite dentro tanto junto dos palcos como na zona dos bares. Mergulho mantém a tradição

Marginal de Sesimbra

N

a noite de ano novo, a vila foi visitada por um denso e inesperado nevoei­ro, que retirou brilho ao fogo-de-artifício, mas que não foi suficiente para ofuscar a festa de cerca de 50 mil pessoas que escolheram Sesimbra para entrar em 2009. Na segunda edição, o Réveillon organizado pela Câmara Municipal, associações de comerciantes e parceiros do grupo Turifórum afirmou-se como um dos momentos altos da vila e aquele que reúne maior número de visitantes. O objectivo de promover o concelho como destino turístico e dinamizar as actividades económicas, sobretudo a restauração e hotelaria em época baixa, foi plenamente alcançado.

Rítmos latinos à beira-mar Animação de rua Perto das 20 horas de dia 31, quando a vila registava já um movimento invulgar, seme­ lhante ao de uma noite quente de Ve­rão, diversos grupos de artistas saíram à rua e foram

Sesimbra nos media

A originalidade do Réveillon de Sesimbra resultou, mais uma vez, numa presença considerável nos órgãos de comunicação social nacionais, decisiva para o sucesso do evento e para a projecção do concelho. Sesimbra foi notícia no programa Portugal em Directo, da RTP, teve direito a uma intervenção em directo conduzida por Serenella Andrade para a Praça da Alegria, foi referência nos noticiários da TVI de dia 31 e, no dia 1, as imagens do Réveillon Subaquático foram emitidas no Jornal da Noite da SIC. Foi também notícia na TSF, com

16 Sesimbra Município | Janeiro 2009

dando vida a pequenos espectáculos improvisados. À sua volta, rapidamente se reuniram muitos curiosos que acabaram por se juntar à festa. Cerca das 22.30 horas começou a animação no palco da Avenida dos Náufragos e pouco depois, os rit-

Embora o estado do mar não tenha permitido realizar o mergulho de fim de ano na baía, tal como aconteceu em 2007, cerca de meia centena de mergulhadores fizeram questão de voltar a passar as 12 badaladas debaixo de água, desta vez no Porto de Abrigo. Foi uma forma de demonstrarem a sua paixão por esta actividade e de afirmarem Sesimbra como capital do mergulho em Portugal. Apesar do frio, o grupo reuniu-se no Porto de Abrigo e pouco antes da meia-noite entrou na água. Muitos dos participantes eram repetentes nesta actividade mas mesmo assim voltaram a considerar o Réveillon Subaquático de Sesimbra como um momento inesquecível. A seguir ao mergulho, esperava-os uma tenda aquecida com uma ceia que se transformou num momento de convívio entre mergulhadores de todos os pontos do país

uma crónica sobre a passagem de ano na vila, em parceria com a revista Evasões, na Antena 1, com um directo de nove minutos em que participaram elementos da organização, na Rádio Renascença e no Rádio Clube Português. De referir que Antena 1 e Rádio Renascença fizeram directos a partir de Sesimbra poucos minutos antes da meia-noite. Na imprensa escrita, os principais jornais nacionais – Público, Jornal de Notícias, Diário de Notícias, Visão – deram também cobertura ao evento, sobretudo devido à acção de mergulho.


As opiniões são unânimes: em ape­ nas duas edições, o Réveillon de Sesimbra tornou-se num dos momentos do ano mais importantes para a dinamização das actividades económicas do município.

Pedro Filipe - Restaurante O Filipe

Henrique Amigo - X-UP Bar

O fogo-de-artifício e a organização no geral foram óptimos. Acho que toda a gente deve estar satisfeita com o investimento e com a estruturação que a Câmara Municipal fez. A todos os níveis o saldo é muito positivo e quem nos dera a nós ter uma noite destas por mês. No entanto, ao nível da animação aqui no Largo, podiam ter deixado a actuação para mais tarde. Acho que para os nossos clientes é capaz de ter sido uma noite complicada porque não é este tipo de música que querem ouvir e a banda que estava a actuar era de rock pesado. Normalmente até costumo pôr uma música ambiente, mais de baile, e este ano nem me atrevi, não se podia. Gosto muito de ter música aqui, mas, mesmo assim, o ambiente foi bom. Graças a Deus aqui corre sempre bem, temos sempre a casa cheia. Normalmente são as mesmas pessoas, que já vêm cá há muitos anos.

Este ano optámos por abrir a casa só depois da meia-noite para podermos também desfrutar e aproveitar um pouco como turistas. Achei que estava de facto muita gente e muitas pessoas novas que decidiram visitar-nos nesta altura. Ao nível do trabalho da Câmara Municipal, acho que deu o máximo e passou a ideia de que se podem fazer coisas boas todo o ano, que é o mais importante. No bar, correu tudo pelo melhor. Contratámos a nossa segurança privada para podermos também fazer a nossa selecção, visto que é uma noite complicada, e trabalhámos até às sete da manhã, o que é sinal que as coisas correram bem. Que eu tenha visto, não houve grandes confusões, apesar de achar que a esse nível podíamos ter mais segurança nas ruas, não só na noite de passagem de ano mas também durante o ano, sobretudo no Verão.

Fernanda Anacleto - Gliese Bar

Ana Garcês - Sesimbra Hotel & Spa

Hélder Chagas - Restaurante Ribamar

De uma maneira geral foi uma noite que correu muito bem, sentiu-se o esforço que tem havido de organização e divulgação. Acho que a animação de rua e as bandas escolhidas foram muito felizes, por isso, a nível geral, o saldo é positivo. Além disso, de há uns anos para cá, eu sentia falta de pessoas de fora de Sesimbra e agora tem-se notado um aumento. No entanto, acho que aqui deste lado estamos a ficar um pouco esquecidos, poderia ter havido mais alguma coisa. Quem vem para aqui só vem para o Gliese ou para o Onda Selvagem porque não tem mais nada. Mas para nós correu muito bem, estivemos sempre cheios e trabalhámos muito bem. Nestes dias, como a passagem do ano ou o Carnaval, cobramos à entrada. Também não era um valor nada de especial, eram 10 euros com direito a uma bebida, whisky ou champanhe, além das passas e do bolo-rei. Na maioria das coisas foi uma noite que correu bem.

Ao nível do serviço do hotel propriamente dito foi o melhor ano. O fedback de todos os clientes no final do evento foi excelente, temos até pessoas que já deixaram reservas feitas para outras datas. Nas vendas tivemos menos lotação que no ano passado mas o facto do Réveillon ser a meio da semana também prejudicou um pouco. Começámos por vender apenas pacotes para duas e três noites e acabámos por criar um pacote só para uma noite porque notámos que muita gente teve dificuldade em tirar dias. Fica registada sobretudo uma maior quebra no mercado estrangeiro do que no nosso. As pessoas tiveram consciência de que o fogo-de-artifício foi excelente mas não o apreciaram da melhor forma por causa do tempo, que não ajudou. De resto, a parceira com a Câmara Municipal correu muito bem e temos de continuar a apostar em mais inovações. Creio que, por exemplo, a ideia de acrescentar som e uma história ao momento do fogo-de-artifício foi muito boa e é para manter.

Creio que esteve cá bastante mais gente que em 2007. Isso também se explica facilmente: no ano passado, a zona de Bombaldes estava toda em obras e acabou por afastar os visitantes de lá. Este ano, penso que terá havido muito movimento tanto de um lado como do outro. Em relação ao fogo-de-artifício, podia ter corrido melhor se o S. Pedro tivesse ajudado. Cá dentro correu tudo bem, tivemos a casa cheia, aliás, como tem sido nos últimos anos. Acaba por ser uma noite em que amealhamos para esta época mais difícil, até ao Carnaval. Estamos num sítio privilegiado, com boa comida, boas praias e um ambiente natural excelente. Mas acho que as pessoas acabam por não optar por vir a Sesimbra porque as acessibilidades são más. É a única coisa que ainda falta resolver para podermos ter noites destas mais vezes ao longo do ano e para termos visitantes também na época baixa, aos fins-de-semana ou para jantar, por exemplo.

Sesimbra Município | Janeiro 2009

17


natal

Orquestra Metropolitana de Lisboa

Concerto de Natal

Reis Magos na Quinta do Conde

Mostra de Doces

Pai Natal no Parque da Vila

Comemorações

Natal no concelho A

recriação do Natal Renascentista deu início às comemorações da quadra natalícia em Sesimbra. Mais uma vez, o cenário esco­lhido foi o Castelo Medieval, por onde passou a corte portuguesa do século XVI, acompanhada por danças e música da época. Na mesma altura, a Fortaleza de Santiago abriu portas a uma mos­tra de doces de Natal. As doceiras sesimbrenses esmera­ram-­ -se e ado­­­­­­­­­­­­­çaram a boca de centenas de visitantes que rapidamente esgotaram azevias, filhós, sonhos, coscorões e outras iguarias. Na Capela do Espírito Santo, no Cineteatro e na Igreja da Corredoura ouviram-se cânticos de Natal enquanto que na Biblioteca o palco pertenceu aos Valdevinos, que, perante uma plateia a­tenta, apresentaram a história do Guardião das Coisas Pequenas.

18 Sesimbra Município | Janeiro Setembro 2009 2007

Festa de Natal do Idoso Como não há Natal sem Pai Natal, o Parque da Vila recebeu, durante dois dias, o simpático velhinho de barbas brancas, que contou histórias, recebeu cartas e foi fotografado, para alegria de centenas de crianças. Antes de partir para o Pólo Norte, passeou com as suas renas pela Marginal de Sesimbra.

Na Associação de Desenvolvimento da Quinta do Conde a festa foi feita por imigrantes dos quatro cantos do mundo, que deram a conhecer a sua cultura e tradições numa festa multicultural. Em festa estiveram também cerca de 460 seniores de diversas associações de idosos do concelho, que mostraram que a

O Guardião das Coisas Pequenas

boa disposição e o espírito de Natal são contagiantes, independentemente da idade. Os festejos terminaram no Dia de Reis com a visita de Gaspar, Belchior e Baltazar, que, montados em dromedários, passaram pela Quinta do Conde, de manhã, e por Sesimbra, ao final da tarde, onde foram saudados pe­la Fanfarra dos Bombeiros Vo­­­luntários de Se­­­­simbra, Bota Big Band, Grupo Coral de Sesimbra, Grupo Musical Renascer e Grupo Coral A Voz do Alentejo


aconteceu

Natal Multicultural

Os Mão Morta, banda liderada por Adolfo Luxúria Canibal, encheram o Cineteatro

Cineteatro Municipal

Teatro e música em palco

P

assava pouco da hora marcada quando os Mão Morta subiram ao palco do Cineteatro Municipal e deram início a um espectáculo inesquecível. De regresso ao formato clássico de concerto, a banda de Adolfo Luxúria Canibal levou o público ao rubro e mostrou que, com 24 anos de existência, continua a ser um dos mais carismáticos projectos de rock nacional. Num registo mais erudito, a música voltou ao palco da maior sala de espectáculos do concelho no início de Janeiro, com o Concerto de Ano Novo. Cantores líricos, acompanhados ao piano, apresentaram valsas conhecidas de Franz Lehar e da família Strauss e inter-

Dona Redonda 2

pretaram musicais de sucesso. O teatro também esteve em destaque. Depois do êxito alcançado com Dona Redonda 1, o Espaço das Aguncheiras voltou para continuar a história. A peça hilariante Dona Redonda 2 – Os Versos da Dona Maluka e as Maravilhosas Indústrias do Sr. Sarapatão divertiu o público desde o primeiro ao último minuto. O humor e a acção regressaram à sala com a peça Volta a Gil Vicente em 80 Minutos, levada à cena pela Companhia Urze Teatro. Baseado numa compilação de textos de Gil Vicente, o espectáculo fez as delícias de miúdos e graúdos. Em Fevereiro, regressa a música com a cabo-verdiana Maria Alice e com Sérgio Godinho

Volta a Gil Vicente em 80 Minutos

Concerto de Ano Novo

Sesimbra Município | Janeiro 2009

19


actividades económicas Bolsa de Turismo de Lisboa

Sesimbra desvenda um mar de emoções

Q

uem visitar o stand da Câmara Municipal na Bolsa de Turismo de Lisboa, que decorre de 21 a 25 de Janeiro, no Parque das Nações, vai ter a sensação de estar a dar um mergulho no mar de Sesimbra. Imagens de cortar a respiração desvendam a beleza e riqueza únicas de um dos mais belos fundos marinhos da Europa, aclamado por mergulhadores nacionais e internacionais. Nesta quarta par­ticipação consecutiva na maior feira nacio­nal

Prove recebe prémio de inovação social

O projecto Prove – Promover e Vender classificou-se em terceiro lugar no evento Projectar um Novo Futuro – Encontro Internacional de Inovação Social, que marcou o encerramento do programa EQUAL, de iniciativa comunitária, a nível nacional e europeu. Esta classificação deveu-se ao contributo do projecto na comercialização de proxi­ midade entre pequenos produtores e consumidores, à promoção dos produtos locais e ao reforço da capacidade empresarial dos pequenos produtores, entre outros aspectos. O prémio foi entregue à Associação para o Desenvolvimento Rural da Península de Setúbal (ADREPES), entidade interlocutora do Prove – Promover e Vender, na cerimónia de encerramento do evento Projectar um Novo Futuro, que decorreu em Dezembro na FIL. Os cabazes do Prove são entregues há mais de dois anos em Sesimbra e o projecto tem servido de exemplo a outras regiões do país como o Alentejo, Vale do Sousa, Trás-osMontes, Minho e Ribatejo. Em primeiro lugar do Projectar um Novo Futuro classificou-se a solução Office Box do Voluntariado dinamizada no âmbito do projecto Orientar, Servir e Apoiar, que promove o voluntariado entre vizinhos, enquanto o segundo lugar do pódio foi entregue ao projecto de delegação de funções individuais e comunitárias Teatro Fórum e Peritos de Experiência, apresentado pela parceria DiverCidade.

dedicada à promoção do turismo, a autarquia destaca o mergulho, actividade que tem registado um crescimento exponencial e que assume um peso cada vez mais significativo no turismo activo e de natureza. Actualmente, é no concelho de Sesimbra que está instalado o maior número de empresas e escolas dedicadas ao mergulho em

Portugal, o que revela o potencial desta actividade e ao mesmo tempo garante uma oferta completa e diversificada. Mas as novidades não se ficam pela aposta no mergulho. Os visitantes poderão navegar pelo site do Turismo de Sesimbra, disponível em quatro ecrãs tácteis, e assistir ao novo vídeo promocional do concelho, que será apresentado durante o certame. Ao lado dos principais cartazes turísticos nacionais e internacionais, Sesimbra volta a afirmar-se como um concelho ­atractivo du­­­­­rante 365 dias por ano

Promar

Candidatura apresentada

V

alorizar os produtos e serviços do sector das pescas e promover a coesão social das comunidades piscatórias são os objectivos da candidatura apresentada pelo Grupo de Acção Costeira (Grupo Além Tejo) ao Programa Operacional das Pescas 2007-2013 (Promar). A candidatura tem em vista o desenvolvimento de projectos na Península de Setúbal, orçados em cerca de três milhões de euros, e outros no litoral alentejano, até Odemira.

20 Sesimbra Município | Janeiro 2009

Entre as acções destacam-se ac­­­­­tividades turísticas, pedagógicas, recreativas e de lazer, divulga­ção do património e promoção de acontecimentos que va­lorizem o pes­­­cado local junto dos visitantes. A Câmara Municipal de Sesim­ bra faz parte da Direcção do Gru­ po de Acção Costeira, composto por 35 entidades representativas de vários sectores­ destas regiões e pela Mútua dos Pescadores. O resultado da candida­tura será conhecido no final de Maio

Candidatura pretende valorizar a Península


ambiente pessoas

Marina Fátima

Como pintar um sonho

M

arina Fátima nasceu em Lisboa a 11 de Setembro de 1964 e desde cedo ganhou o gosto pelo desenho e pela pintura. Começou por destacar-se com os trabalhos que realizava nas aulas e que, invariavelmente, acabavam nas mãos de colegas e familiares. O bichinho pela arte foi crescendo mas só aos dezanove anos, já depois de casar, passou do papel à tela. Nos vinte anos seguintes alimentou o sonho de se tornar profissional e, gradualmente, o hobbie foi-se transformando num hábito. Em 2003, motivada pelas constantes encomendas daqueles que conheciam o seu trabalho, decidiu avançar para a profissionalização. «Os primeiros anos foram duros», recorda. «Em 2002, quando tomei essa decisão, comecei a pintar de noite, em regime pós-laboral, para conseguir um espólio que me permitisse expor. Havia noites em que fazia directas», revela. A estreia acabou por acontecer no ano seguinte, na Galeria da Ordem dos Advogados, em Setúbal, e assinalou o início da sua carreira como profissional. Desde então, nunca mais parou. Participou em quase meia centena de exposições nacionais e internacionais, onde deu a conhecer desenhos, caricaturas

e trabalhos de pintura em acrílico, carvão, pastel e óleo, vertente que assume ser «a sua grande paixão». Apesar do sucesso alcançado, só desde há dois anos passou a dedicar-se a tempo inteiro à pintura, o que lhe permite aproveitar as manhãs, altura do dia em que gosta mais de pintar. No que respeita à técnica, Marina Fátima centra-se fundamentalmente no movimento de cores e seres, uma forma de expressão muito sua, que baptizou de «movismo». O processo criativo, enquanto estuda a melhor forma de colocar ideias e sentimentos na tela, é um dos momentos que mais gozo lhe dá. Segundo a pintora, exige total concentração. «Quando estou a trabalhar estou tão concentrada naquele mundo que se alguém fala comigo de repente apanho um susto de morte», confessa, entre risos. Nunca pinta «às prestações» ou dois quadros em simultâneo. «Envolvo-me de tal forma com a obra que não consigo pensar em mais nada ou em qualquer outro quadro até acabar o que já comecei», assume. A inspiração surge do que a rodeia. As pessoas, suas condutas e comportamentos, assim como os temas que dominam a sociedade. «Já pintei sobre a Guerra

do Iraque ou o 11 de Setembro, por exemplo. São assuntos mediáticos que me preenchem o pensamento e sobre os quais sinto necessidade de mostrar a minha perspectiva. Enquanto não o faço, não descanso», afirma de forma apaixonada. Marina gosta de montar esquemas de segredos nas suas obras, que desafiem a interpretação do público. Define-se como alguém que busca «incessantemente a perfeição» e, actualmente, frequenta o curso de História de Arte da Sociedade Nacional de Belas Artes. Entre os estudos e a pintura ainda encontra tempo para assumir o cargo de vice-presidente da EcosD’Art - Associação Cultural, da Quinta do Conde, que fundou em 2004 com mais dez artistas. Cinco anos depois são mais de 80, alguns de fora do concelho. Os encontros são cada vez mais regulares e participados, facto que a «enche de orgulho». Recentemente, foi seleccionada para a Exposição Internacional de Pintura Château des Réaux, a decorrer em França no mês de Fevereiro, acontecimento que reforça a sua expansão ao nível internacional. Aos 44 anos, Marina Fátima vive um sonho de criança e projecta o nome do concelho além fronteiras

este mês em www.cm-sesimbra.pt Catálogo online da Biblioteca Municipal

O catálogo da Biblioteca Municipal já está online. Para consultar basta clicar no botão do lado direito do site. Acessível em português, espanhol e inglês, a base bibliográfica pode ser pesquisada através do autor, título, assunto, data de publicação ou palavra. No total, o serviço tem disponível cerca de 25 mil registos, entre livros, CD e DVD. Parques Infantis

Nos últimos anos é notório o crescimento dos espaços de jogo e

recreio no concelho. No total, existem perto de 20 parques para melhorar a qualidade de vida dos cidadãos. No site, os munícipes poderão aceder a informação pormenorizada sobre cada espaço. Falar de... Como Educar é Criatividade

Esta mostra de livros para a primeira infância percorre até final de Abril seis Instituições Particulares de Solidariedade Social do concelho, para estimular o diálogo sobre a criatividade na educação. Estão disponíveis no site os locais e datas onde a exposição vai estar patente.

Sesimbra Município | Janeiro 2009

21


t t ome nota

Conversas na Capela

A Intervenção Arqueológica no Casco Urbano Mais Tradicional da Vila de Sesimbra é o tema da edição de Janeiro das Conversas na Capela, no dia 23 de Janeiro, na Capela do Espírito Santo dos Mareantes. Esta é a primeira iniciativa integrada na Revitalização da Frente Marítima de Sesimbra, financiada pelo Quadro de Referência Estratégico Nacional.

Regata de Carnaval

A baía de Sesimbra recebe, de 21 a 24 de Fevereiro, a 2.ª edição da Regata de Carnaval, que deverá reunir cerca de 30 embarcações e alguns dos ve­lejadores mais experientes do país. A iniciativa é organizada pelo Clube Naval de Sesimbra e pela Associação Naval de Lisboa e tem como objectivo dinamizar a modalidade e promover o concelho na vertente turística.

Maria Alice

O espectáculo Tocatina marca o re­gresso da cabo-verdiana Maria Alice aos palcos portugueses. O repertório deste novo dis­co recria o ambiente musical de Cabo Verde e reproduz a forma de tocar dos anos 60, através de novas mornas e coladeiras, às quais se juntam outros sons típicos da artista. Esta viagem mu­­­sical envolve o Cineteatro no dia 7 de Fevereiro, a partir das 21.30 horas.

Foto: Rita Carmo

Sérgio Godinho

O último disco de Sérgio Godinho, Ligação Directa, editado em 2006, resultou num tremendo sucesso que culminou numa tournée na qual se incluíram cinco noites de espectáculos esgotados no Teatro Maria Matos. Essas noites, que originaram um disco gravado ao vivo em Maio de 2007, são agora recuperadas para um novo ciclo de concertos intitulado Nove e Meia no Maria Matos. O single É Tão Bom, escrito originalmente para a série televisiva Os Amigos de Gaspar, ganhou vida própria e é uma das surpresas deste concerto, que passa pelo Cineteatro Municipal João Mota no dia 28 de Fevereiro às 21.30 horas.

Daniel Completo

O Cineteatro Municipal João Mota foi o palco escolhido por Daniel Completo para o lançamento do seu primeiro trabalho de originais, Finisterras. A experiência que tem, fruto de um longo percurso na música tradicional portuguesa, permitiu-lhe aproveitar este trabalho para descobrir sonoridades e explorar novos ritmos. O período histórico dos Descobrimentos foi a âncora para desvendar novos pormenores sobre naus, monstros imaginários, a passagem pelo Cabo das Tormentas e a descoberta da Índia. Um concerto a não perder, dia 6 de Fevereiro, a partir das 21.30 horas.

22 Sesimbra Município | Janeiro 2009

Rodrigues Soromenho

O livro Sebastião Rodrigues Soromenho – Um Navegador de Sesimbra, da autoria de Carla Delgado de Piedade e editado pela Câmara Municipal, está à venda por seis euros na Capela do Espírito Santo dos Mareantes, Posto de Turismo, Biblioteca Municipal, Pólo de Leitura da Quinta do Conde e Centro de Documentação Rafael Monteiro.


u

ambiente CONTACTos municipais

Salva-Vidas... Prá Folia III!!! A campanha de distribuição gratuita de preservativos SalvaVidas... Prá Folia III!!!, que decorre anualmente durante a época de Carnaval, realiza-se este ano no dia 20 de Fevereiro. Inserida no Salva-Vidas – Projecto de prevenção de comportamentos sexuais de risco nos jovens, a iniciativa prevê também a entrega de folhetos com informação complementar nos bares, discotecas e associações do concelho.

Divertimento em Quatro Actos (ou talvez mais...) A música clássica e o canto lírico são o ponto de partida para o espectáculo Divertimento em Quatro Actos (ou talvez mais...), dirigido a crianças a partir dos três anos. Através de pequenos sketches com ingredientes cómicos e trágicos, burlescos e grotescos, intercalados com momentos musicais baseados nas obras de Purcell, Kurt Weil, Mozart e Granados, entre outros, a envolvência da música erudita é desmistificada e apresentada às crianças com uma nova roupagem. Um espectáculo divertido, no dia 13 de Fevereiro, às 21.30 horas, no Cineteatro Municipal João Mota.

Câmara Municipal de Sesimbra (Geral) Tel.: 21 228 85 00 E-mail: girp@cm-sesimbra.pt Site: www.cm-sesimbra.pt Linha Verde (RECLAMAÇÕES) Tel.: 800 22 88 50 Assembleia Municipal de Sesimbra Tel.: 21 228 85 51 Gabinete Municipal da Quinta do Conde Tel.: 21 210 94 70 Posto de Turismo Tel.: 21 228 85 40 E-mail: turismo@cm-sesimbra.pt Loja Ond@Jovem (Sesimbra) Tel.: 93 998 25 96 E-mail: onda_jovem_sesimbra@cm-sesimbra.pt Loja Ond@Jovem (Quinta do Conde) Tel.: 21 210 22 31 E-mail: onda_jovem_qdc@cm-sesimbra.pt Centro de Recursos Educativos Tel.: 21 268 15 91 E-mail: cre@sesimbra-edu.net Espaço Solidário Tel.: 21 210 26 49 Espaço Cidadania Tel.: 21 210 95 00 Gabinete de Apoio ao Empresário Tel.: 21 268 80 98 / 80 21 Gabinete de Apoio ao Consumidor Tel.: 21 228 86 67 Mercado de Sesimbra Tel.: 21 223 58 93 Mercado da Quinta do Conde Tel.: 21 210 94 99 Cemitério de Sesimbra Tel.: 21 228 85 70 Cemitério do Castelo (encerra às 3.as e 5.as) Tel.: 21 268 57 59 Cemitério de Aiana Tel.: 93 955 39 92 Cemitério da Quinta do Conde Tel.: 21 210 71 72

juntas de freguesia

Junta de Freguesia do Castelo Tel.: 21 268 92 10 Email: geral@jf-castelo.pt Site: www.jf-castelo.pt Junta de Freguesia da Quinta do Conde Tel.: 21 210 83 70 Email: jfquintaconde@netvisao.pt Site: www.quintadoconde.eu Junta de Freguesia de Santiago Tel.: 21 228 84 10/3 Email: geral@jf-santiago.pt Site: www.jf-santiago.pt

Atendimento por técnicos Viabilidades, Destaques, Informação Prévia, Consultas e Loteamentos Marcações: segundas, das 9 às 12.30h Atendimento: terças, das 10 às 12 e das 14.30 às 16.30h Intervenção em projectos de construção Marcações: quartas, quintas e sextas, das 9 às 12.30 e das 14 às 17.30h Atendimento: terças, das 10 às 12 e das 14.30 às 16.30h Morada: Rua da República, 3, 2970-741 Sesimbra Tel.: 21 228 85 00

utilidades

transportes

Gabinete Jurídico Marcações: todos os dias, das 9 às 12.30 e das 14 às 17.30h Divisão da Fiscalização Municipal Atendimento: segundas, das 14.30 às 16 horas Divisão de Apoio Jurídico Contencioso Atendimento: terças, das 14.30 às 16 horas e quintas das 10 às 12 horas Morada: Largo do Município, 10, 2970-741 Sesimbra Tel.: 21 228 85 00

SERVIÇOS PÚBLICOS Tribunal Secretaria Judicial Tel.: 21 228 81 50 Ministério Público Tel.: 21 228 81 55 Conservatórias Registo Civil Tel.: 21 228 84 90 Registo Predial e Comercial Tel.: 21 228 84 70 Cartório Notarial de Sesimbra (na Cotovia) Tel.: 21 268 02 31 E-mail: notariamagda@gmail.com Cartório Notarial da Quinta do Conde Tel.: 21 210 56 66 E-mail: mbarreiros.notaria@cn-quintadoconde.com Serviço de Finanças Geral Tel.: 21 228 93 00 / 14 Tesouraria Tel.: 21 228 93 15 / 16 Centro Regional da Segurança Social Geral Tel.: 21 228 97 00 / 12 Delegação Marítima Tel.: 21 223 30 48

Transportes Sul do Tejo Sesimbra Tel.: 21 268 94 10 Laranjeiro Tel.: 21 042 70 00 E-mail: tst@tsuldotejo.pt | Site: www.tsuldotejo.pt Fertagus Tel.: 21 106 63 00 E-mail: fertagus@fertagus.pt | Site: www.fertagus.pt Táxis Santiago Tel.: 91 975 59 27 / 21 268 20 93 Tel.: 96 400 44 80 / 91 759 31 97 | Tel.: 96 687 55 95 Tel.: 96 602 36 10 | Tel.: 91 752 76 37 / 91 757 23 12 Tel.: 91 931 28 66 Castelo Tel.: 91 721 55 26 | Tel.: 96 602 35 41 Tel.: 91 937 33 47 | Tel.: 96 983 39 03 Tel.: 96 402 20 41 | Tel.: 96 802 97 54 Tel.: 96 404 53 89 | Tel. 96 263 42 55 Quinta do Conde Tel.: 91 935 60 14 Tel.: 93 450 00 25 | Tel.: 96 903 35 93 Tel.: 96 305 03 10 | Tel.: 91 963 76 87 Tel.: 96 600 11 53 / 96 705 11 35 Tel.: 96 520 46 48

EMERGÊNCIA

comunicação social Comércio do Seixal e Sesimbra Tel.: 96 760 16 34 Fórum da Quinta do Conde Tel.: 96 760 16 34 Jornal de Sesimbra Tel.: 21 228 92 00 Notícias da Zona Tel.: 21 087 97 90 Nova Morada Tel.: 21 244 37 98 O Condense Tel.: 21 086 44 55 O Sesimbrense Tel.: 21 228 00 61 / 21 223 02 27 Sesimbra FM Tel.: 21 228 92 00 Raio de Luz Tel.: 21 268 15 54

Bombeiros Voluntários de Sesimbra Piquete de Sesimbra Tel.: 21 228 84 50 Piquete da Quinta do Conde Tel.: 21 210 61 74 Cruz Vermelha Portuguesa Quinta do Conde Tel.: 21 210 02 12 GNR Sesimbra Tel.: 21 228 95 10 Alfarim Tel.: 21 268 88 10 Quinta do Conde Tel.: 21 210 07 18 Polícia Marítima Tel.: 21 228 07 78 Centros de Saúde de Sesimbra Sesimbra Tel.: 21 228 96 00 Santana Tel.: 21 268 92 80 Quinta do Conde Tel.: 21 211 09 40 Linha SOS Criança Tel.: 800 202 651 (grátis) Comissão de Protecção de Crianças e Jovens do Concelho de Sesimbra (CPCJ) Tel.: 21 268 73 45 Protecção Civil (CMS) Tel.: 21 228 05 21 Piquete de Águas (CMS) Sesimbra Tel.: 21 223 23 21 Quinta do Conde Tel.: 21 210 95 06 EDP (avarias) Tel.: 800 50 65 06 PT (avarias) Tel.: 16200 para mais informações consulte o site da Câmara Municipal www.cm-sesimbra.pt

farmÁcias de serviço Janeiro

Leão Lopes Rodrigues Pata Bio-Latina Quinta do Conde Santana Cotovia

Fevereiro

16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19

A Farmácia de Alfarim funciona em regime de disponibilidade. Neste regime a farmácia é obrigada à disponibilização permanente do farmacêutico ou seu auxiliar legalmente habilitado. Em caso de ausência deverá ser afixado de forma bem visível o contacto do técnico responsável.

Santiago

Quinta do Conde Castelo

Farmácia de serviço em cada freguesia

freguesia de santiago Lopes Tel.: 21 223 30 28 Leão Tel.: 21 228 80 78

freguesia da quinta do conde Rodrigues Pata Tel.: 21 210 80 50 Bio-Latina Tel.: 21 210 91 13 Quinta do Conde Tel.: 21 211 37 28/9

freguesia do castelo Santana Tel.: 21 268 83 70 Cotovia Tel.: 21 268 16 85 Alfarim Tel.: 21 268 85 47

Sesimbra Município | Janeiro 2009

23


Sesimbra ’09 na BTL Bolsa de Turismo de Lisboa FIL | Parque das Nações 21 a 25 de Janeiro

Foto: FFrancisco Rasteiro ©

Foto: Filomena Sá Pinto ©

Pavilhão 1

Visite o stand da Câmara Municipal no Bar Mosaico do Sesimbra Hotel & SPA, entre 28 de Janeiro

Foto: Vertente Natural ©

e 4 de Fevereiro

Câmara Municipal de Sesimbra


Sesimbra Município n.º 116