Page 1

24

CMPRESS

Rafafá

Social

"As vozes do Forró das Antigas" se reúnem em grande show em Maceió

Do pé-de-serra de Luiz Gonzaga ao eletrônico com pegadas de arrocha da atualidade, o forró passou por transformações e fases variadas, sendo uma delas marcada pelo romantismo e pelas primeiras versões mais estilizadas do gênero. A época do "Forró das Antigas" começou nos anos 1990, mas, até hoje, grandes nomes ficaram marcados por fãs de todas as idades. No dia 07 de outubro, em uma super produção assinada pela CDR Entretenimento, Kátia Cilene (Mastruz com Leite), Walkíria Santos (Magníficos), Batista Lima (Limão com Mel) e Eliane a Rainha do Forró, subirão ao palco montado no Stadium no estacionamento do Maceió Shopping, onde o público poderá conferir como os cantores conseguiram fazer o sucesso do estilo atravessar gerações.

A sempre competente e linda jornalista, Marcelle Limeira

cadaminuto press cadaminuto.com.br

Após estreitar os laços com Danilo Gentili, Sikeira Jr se prepara para participar do filme "Como Se Tornar o Pior Aluno da Escola", um projeto assinado pelo apresentador do SBT

elainerafaella@hotmail.com

Serviço: 'As vozes do Forró" Kátia Cilene, Walkíria Santos, Eliane e Batista Lima Dia 07 de outubro Stadium - estacionamento do Maceió Shopping Ingressos à venda no Acesso Vip (Parque Shopping e Unicompra Farol) , Folia Brasil (G Barbosa Stella Maris) e Viva Alagoas (Maceió Shopping) Informações: 99127-4844

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

Empresários Ana Loureiro e João Marcelo Loureiro, festejando a conquista do prêmio de melhor franqueado O Boticário do Brasil

Mariah e Moacyr festejando o primeiro aninho do caçula da família A linda família de Lívia e David Pereira

O presidente da Câmara de São Miguel dos Campos, Maxwell Idalino, em momento "pai babão" com seu mais novo filho, Marthin, fruto do seu casamento com Marcela Calheiros

ANA CAROLINA FAZ SHOW INÉDITO NA CAPITAL ALAGOANA

As belas e animadas amigas, Celle Cortez e Lella Mafra

Os papais de primeira viagem, Talita e Romero, recebendo o chamego dos avós maternos da Marina

A cantora Ana Carolina retorna a Maceió no dia 22 de setembro para apresentar um show especial. Intitulado como “Grandes Sucessos”, o público alagoano pode esperar uma noite inesquecível, com um repertório repleto de músicas que marcaram sua trajetória. A apresentação acontece no Ginásio do Sesi, às 20h, e os ingressos estão disponíveis no Acesso Vip (Parque Shopping e Unicompra Farol) e Viva Alagoas (Maceió Shopping), com preços entre R$ 64 e R$ 500. Para mais informações (82) 999430909.

ASSEMBLEIA Legislativa rasga o Regimento Interno para aprovar matérias e derrubar veto / PÁGs 4 e 5 Alagoas / 08 a 14 de setembro de 2017 / Ano IV Número - 181 / cadaminuto.com.br / R$ 3.00

RENAN Calheiros parte para a guerra com o MPF após 18 inquéritos PÁG 3 RENAN Filho comemora aprovação de empréstimo e fala em novas obras para AL PÁG 6

A VAQUEJADA DEPOIS DE MIRAR NOS POLÍTICOS, JANOT TEM UM NOVO VILÃO:

Chefe do MPF entrou com ação para que o STF declare a prática inconstitucional, mesmo depois de matéria aprovada pelo Congresso. O procurador-geral quer acabar com a prática nordestina que gera 700 mil empregos e movimenta R$ 600 milhões. A polêmica que envolveu uma série de políticos nordestinos, incluindo os deputados federais Pedro Vilela (PSDB) e Arthur Lira (PP), além do senador Benedito de Lira (PP), está de volta. PÁGs. 7 e 8


2

CMPRESS

Redação

Gol de Placa

O Gol de Placa da semana vai para o deputado estadual Rodrigo Cunha (PSDB). O único que teve o bomsenso de fazer a reflexão necessária em relação à autorização de empréstimo solicitada pelo Executivo estadual. Não se trata de acusar ninguém de absolutamente nada, pois o dinheiro deve ser empregado em obras estruturantes importantes para o Estado. Mas, a Casa de Tavares Bastos deveria se interessar sobre detalhes de um projeto tão importante. Afinal, abre o precedente para “cheques em branco”, simplesmente pelo fato da maioria ser bancada governista.

Bola Fora

A Bola Fora da semana foi da Assembleia Legislativa do Estado de Alagoas. Os senhores deputados estaduais resolveram rasgar o Regimento Interno e tocar as matérias a serem votadas como bem entendem, ainda que haja um veto trancando a pauta do parlamento estadual. É uma beleza! Tudo isso em nome da eficiência? Como se não bastassem os problemas que a Casa de Tavares Bastos já possui, agora temos uma novidade: a vontade do presidente é soberana ao que diz o Regimento. Talvez, sempre tenha sido e só agora ficou mais evidente...

Expediente

BARROS MELO COMUNICAÇÃO LTDA. Endereço: Av. Jangadeiros Alagoanos, 1112 – Pajuçara Maceió/AL – CEP: 57030-000 Contatos: (82) 3313-2162 / 3313-6040 / 99102-7202

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

Editorial

QUE PAÍS É ESSE?

O verso da canção de Renato Russo - da Legião Urbana - nunca foi tão atual: “Que país é esse?”. Pode ser ecoado no mais alto volume e justamente com o clima de revolta que a canção trás. Eis um país onde o espectro político, quase que por completo, se encontra totalmente podre e pendendo para um lado só: o puro estatismo. Assim, a semana da Independência nos traz uma reflexão: independentes? Que nada! Completamente dependentes de um estamento burocrático que desperdiça o dinheiro de impostos com uma porção de estatais que há muito já deveriam ter sido privatizadas para ofertar melhores serviços e menores preços por meio da livre concorrência, reduzindo assim o Estado para que ele focasse em serviços essenciais e fosse, no máximo, um fomentador da economia. Mas, nem isso. O que temos é de um lado um projeto esquerdista falido, do outro setores que querem ir ainda mais para a esquerda e em meio a tudo isso ainda uma social-democracia que é confundida com “direita”, porque ninguém no país consegue compreender o mínimo do espectro político no qual está inserido. Não bastasse isso, por todos os lados, brotam os

Charge

Roque Sponholz

ratos por meio de episódios que são cada vez mais graves e nos dão a sensação de que a República cai a toda semana. Onde vamos parar? Em Alagoas, nesse microcosmo, prestes a completar 200 anos, as coisas não são diferentes. Em um parlamento estadual repleto de problemas e longe de ser verdadeiramente uma caixa de ressonância da sociedade, temos um presidente que rasga o Regimento Interno para dar celeridade a projetos e matérias que são de acordo dos legisladores ou de interesse do Executivo. Na mesma sessão se aprova um cheque em branco de um empréstimo de R$ 600 milhões que, mesmo que tenha os melhores fins e intenções, representa que os deputados não se preocupam com o fato do governador Renan Filho (PMDB) ter que prestar contas ao parlamento estadual sobre o que fará com o dinheiro em detalhes. E assim, a banda toca! Em Brasília, todos sob suspeita. Em Alagoas, não importa muito a forma correta como as coisas deveriam ser feitas. No meio de tudo isso, atônitos, os contribuintes. Aqueles senhores que pagam a conta bestificados com o caminhar claudicante da República.

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

JORNAL

ANUNCIE: (82) 3313-2162 / 3313-6040

CARLOS MELO DIRETOR - GERAL EDITOR-GERAL

LUCIANO ANDRESON DIAGRAMADOR

SÉRGIO LUCIO

DIRETOR COMERCIAL

Responsabilidade de seus autores, não refletindo necessariamente a opinião deste semanário

23

Um ótimo café combina com um bom

www.cadaminuto.com.br email: jornalcmpress@gmail.com

LUIS VILAR

CMPRESS

www.cadaminuto.com.br Você conectado com a notícia


22

CMPRESS

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

Lula Vilar

cadaminuto press cadaminuto.com.br

O que é mais grave na semana dentre tantas coisas graves? lvilar2@gmail.com / twitter: @lulavilar

Mais uma semana e mais uma vez a sensação de que a República do Brasil chegou ao fundo do poço. Mais uma semana e mais uma vez a sensação de acabou para o ex-presidente já condenado Luis Inácio Lula da Silva (PT). Mais uma semana e mais uma vez a sensação de que o país não tem mais jeito e todas as instituições estão em completo descrédito. Mais uma semana e mais uma vez uma série de fatos graves onde muitos - por meio as redes sociais - se perguntam sobre prioridades na divulgação dos fatos que toma conta dos noticiários. Alguns questionamentos são honestos em função de tentar buscar o que é mais grave dentre tanta coisa igualmente grave. Outros questionamentos fazem parte de um enredo do lulopetismo para, mais uma vez, diante de fartas evidências e agora com o depoimento do ex-ministro e braço direito de Lula, Antônio Palocci, colocar sobre o “mito” Lula a carapuça de “perseguido” pela imprensa, pelo Judiciário, por todos os “reacionários do mundo”, que não raro são chamados pelos mesmos adjetivos que vão de fascistas a outros “istas”. Definitivamente, o Brasil não é para iniciantes. Todavia, fica a pergunta: o que é mais grave dentre tanta coisa grave? A imprensa acertou ou errou ao dimensionar tempo e espaço para uma denúncia e não deu o mesmo tempo e espaço para outra? E aí? Cansei de ler gente que repetia um discurso semelhante: o “Jornal Nacional deu mais tempo ao depoimento de Palocci (que não é uma delação) que as malas de dinheiro que são de Geddel” e por aí vai. E ainda houve o caso de Joesley Batista no meio do caminho, mos-

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

intelectual honesto). Porém, nas últimas duas décadas foi institucionalizado para além da corrupção material, contanto com toda uma intelectualidade e cultura orgânica para defendê-lo em nome de uma causa. Palocci coloca uma cereja no bolo ao apontar a raíz dessa institucionalização de como o estamento se aperfeiçoou. Quem quiser montar o "quebracabeças" que dispense o Jornal Nacional, os demais jornais, e coloque os fatos postos em uma perspectiva que observa uma cadeia de comando e os que se locupletam. Jornais sempre trarão recortes. Geddel, por exemplo, é um "rato"

que, desde os anões do Orçamento, soube se adaptar e cair pra cima, passando por FHC, Lula, Dilma e por fim, pelo governo Michel Temer. Ele é o exemplo - dentre tantos - de como, na cadeia alimentar da esgotofera, a seleção natural se dá. Agora, ele cai pra baixo. Mas, nessa selva, a cadeia alimentar não faz dele um general, tanto que pode ser expurgado do organismo sem que ninguém grite por ele ou estenda a mão. Já no topo, estão os que encaixam peças como Geddel e alimentam sua fome para fazer o sistema girar. Geddel é tão facilmente expurgado quanto aparecem novos Geddeis. E que todos os

Política

Renan vai à guerra contra o MPF BRASÍLIA

Senador alagoano se defende de acusações e acusa PGR de ser “seletiva”

3 DAVI NETO

DIVULGAÇÃO

Da Redação trando a lambança feita pela Procuradoria-Geral da República. O que é mais importante, as malas de Geddel, a cagada da PGR com o Joesley ou o depoimento do Palocci? Tudo é grave! Gravíssimo. Agora, é preciso entender que as "malas de Geddel" e os "e o fato Joesley" são partes de um todo. Este todo é um estamento burocrático que teve a corrupção institucionalizada em nome de um projeto de poder. Ou seja: o estamento sempre existiu dentro de um capitalismo de compadres, como bem denuncia Raimundo Faoro (que era um homem de esquerda, mas foi um

CMPRESS

"Geddeis" sejam expurgados. No entanto, qualquer sinal de mudança real só virá com a quebra do estamento como um todo. Isso elimina a corrupção? Não. Pois corruptos sempre existirão e devem ser punidos. Agora, a quebra do estamento fará com que tal institucionalização não seja orgânica, endêmica e parte de uma engrenagem vital para a perpetuação no poder de um grupo específico que compra, vende, distribui e se desfaz de "almas" como bem entende. Observar a Rede Globo na busca por compreender tal realidade é como querer aprender o que há de mais belo na Filosofia lendo gibi.

Com o olhar voltado para 2018, o senador alagoano Renan Calheiros (PMDB) buscou construir, como já dito em outras edições, uma “agenda positiva” para sua imagem. O objetivo é chegar ao ano eleitoral sem muitas ranhuras em função dos diversos processos que o envolvem na Operação Lava Jato. Calheiros busca se refazer como um “homem de esquerda”, se reaproximando do PT local e nacional. Em Alagoas, já posou ao lado do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT), tentando capitalizar o que ainda resta do apoio ao ex-presidente condenado pela Justiça. Paralelo a isso, Calheiros assume a posição de principal voz - no

Senado Federal - de oposição ao presidente Michel Temer (PMDB). Tem sido, por exemplo, mais atuante na briga contra as reformas propostas pelo governo atual que toda a bancada do Partido dos Trabalhadores e demais partidos de esquerda. Isso reduziu os espaços de Renan Calheiros em Brasília. Porém, trouxe sua voz à mídia em novas temáticas que não as acusações feitas pelo Ministério Público Federal (MPF), com base nas delações premiadas. Porém, novos adiamentos nos processos já começam a ocorrer, incluindo uma nova denúncia contra Renan Calheiros, que faz com que, agora, ele acumule 18 processos no Supremo Tribunal Federal (STF). Em nenhum deles, o senador é réu. Para retaliar, Calheiros tenta articular

uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), com foco nos “supersalários”. Uma forma de descredibiliza os denunciantes. Parte do jogo político.

PRONUNCIAMENTO

Com essa “missão”, Renan Calheiros criticou - no Senado Federal - de forma dura a atuação do Ministério Público Federal (MPF). De acordo com ele, o MPF age de maneira seletiva, antecipada e sem provas, o que não faz parte do processo democrático. O interessante é que quando as denúncias foram contra o presidente Michel Temer, Calheiros não teve a mesma posição. O senador disse que foi denunciado em um inquérito mal instruído, onde constam apenas palavras de

delatores e pesquisas em “fontes abertas”. Em clara alusão ao MPF, o senador disse que determinadas funções públicas impõem a seus ocupantes o dever de não enxergar a quem atinge, e que selecionam a seu bel prazer os que se livrarão dos grilhões da lei. Afirmou também, que o brilho dos holofotes ofusca os olhos e cega a razão. Sobre as delações premiadas, Renan falou que elas não são o problema, mas o modo como elas tem acontecido. “Delação premiada falaciosa é sempre nefasta, porque arrasta para o lodo a reputação de pessoas inocentes e prestando desserviço à persecução penal que se pretende séria. E a persecução penal que se pretende séria cumpre a lei e a Constituição”,

declarou. Na tribuna plenária ele frisou que não se pode negar a importância das operações policiais de combate ao crime, disse que são fundamentais, citou em especial a Lava Jato, e afirmou que essas ações merecem todo o apoio para que os fatos sejam investigados. Calheiros falou também da delação premiada dos executivos da Odebrecht, afirmando que eles foram seduzidos por quinze anos de salário para aderir às delações, sofrendo forte pressão psicológica para denunciar integrantes da classe política em troca de impunidade. “Com todo respeito, beira o ridículo denunciar alguém com base, apenas e tãosomente, na palavra de delatores e pesquisas em fontes abertas, como o google e redes sociais”, finalizou.


4

CMPRESS

LEGISLATIVO

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

De acordo com Jó Pereira, parlamento não poderia ter aprovado matéria do Estatuto da PM

Assembleia rasga regimento e aprova projetos com “pauta trancada”

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

DIVULGAÇÃO

Luis Vilar

Editor-geral

A Casa de Tavares Bastos promoveu uma verdadeira irregularidade contra o Regimento Interno do próprio parlamento estadual na semana que passou. Na única sessão legislativa que houve, o presidente Luiz Dantas (PMDB) simplesmente ignorou um veto governamental que deveria trancar a pauta e realizou uma verdadeira “lambança” ao apreciar diversas matérias importantes, como autorização de empréstimo para o governo do Estado de Alagoas e a polêmica alteração do Estatuto da Polícia Militar de Alagoas. Além disso, foi derrubado um veto que autoriza o reajuste do salário do governador de Alagoas, Renan Filho (PMDB), e do vice, Luciano Barbosa (PMDB). Renan Filho vetou o próprio reajuste alegando o momento de crise pelo qual o Estado passa, mas o parlamento entende que é preciso elevar o teto do vencimento do governador para que outras categorias que recebem valor igual possam ter o reajuste do servidor público concedido e não sejam achatadas. No mérito, há Justiça por parte dos deputados estaduais com diversos quadros do funcionalismo. Mas, na prática, a pressa e a articulação para aprovar tais matérias fizeram com que a Casa rasgasse o Regimento Interno. O fato só foi questionado pela deputada estadual Jó Pereira (PMDB). Mesmo assim, algo tão grave deve ficar por isso mesmo. É que a Casa prefere “esquecer” a tenebrosa sessão. Tudo ocorreu no dia 5 de setembro. Luiz Dantas abriu a sessão ordinária normalmente e Francisco Tenório (PMN) solicitou que colocasse matéria de interesse do Executivo em pauta em uma sessão extraordinária. Foi o audiente para que

FORÇA-TAREFA RECUPERAÇÃO DE

Dantas se atrapalhasse e encerrasse a ordinária sem sequer apreciar a “Ordem do Dia”. Por sinal, sequer tal Ordem poderia ser apresentada em função de um veto que chegou no dia 21 de junho e estaria trancando a pauta.

A SESSÃO

Luiz Dantas abriu a sessão ordinária chamando atenção para uma extraordinária que seria convocada, a pedido de Francisco Tenório, no mesmo dia em função de um proje-

to de interesse do Executivo estadual. O projeto era a autorização para que um empréstimo (já autorizado anteriormente) pudesse ser feito com duas instituições bancárias e não apenas uma: o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal (CEF). Ainda que se ignore o veto para o qual Jó Pereira chamou atenção, o trâmite deveria ser a apreciação da Ordem do Dia da sessão ordinária, os pronunciamentos dos deputados estaduais que estavam inscritos, as

explicações pessoais e só então o encerrar da sessão e a convocação da outra. Porém, isso só é possível se ignorarmos o alerta de Jó Pereira. Mas, não foi assim que procedeu Dantas. Ele simplesmente encerrou a sessão ordinária porque quis. Na prática - ainda que não tenha sido a intenção - cassou as falas dos deputados estaduais e só voltou a Ordem do Dia (em uma convocação para uma segunda sessão extraordinária) porque foi contestado por Isnaldo Bulhões (PMDB). Ninguém

mais reclamou! Mas isso não torna o fato menos errado. Se existe um Regimento Interno é justamente para que os deputados estaduais não façam o que queiram com a instituição parlamentar. O precedente que se abriu na sessão de ontem, diante do silêncio dos demais parlamentares, é algo absurdo. Afinal, dá poderes para que o presidente Luiz Dantas conduza sessões e matérias como queira, extrapolando as prerrogativas também definidas em Regimento Interno.

ASFALTO

TEM OBRA! FORÇA-TAREFA RECUPERA O ASFALTO DE MACEIÓ. Prefeitura realiza uma grande operação em vias de toda a cidade. Depois do grande volume de chuva que caiu em Maceió de maio a julho, a prefeitura mobilizou suas equipes em uma grande força-tarefa para recuperar o asfalto. O trabalho já começou e ruas como a Cel. José Francisco Viêira e a Lagoa Hotel, no Trapiche, Cel. Lima Rocha, na Pitanguinha, e a Av. Governador Luís Cavalcante, no Distrito Industrial, já recebem nova pavimentação. Aguarde! Em breve, as equipes estarão também na sua rua. O trabalho não para e Maceió segue em frente.

PUBLICIDADE

215


20

CMPRESS

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

Prefeitura de Maceió cadastra 1.700 famílias atingidas pelas chuvas

Efetivar as políticas públicas habitacionais em Maceió é um dos compromissos da Prefeitura desde o início da gestão Rui Palmeira. Somente nos últimos dois meses, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente (Sedet) atendeu cerca de duas mil pessoas afetadas pelas chuvas, inserindo 1.700 no cadastro habitacional. No início de junho deste ano, foi entregue o Residencial Morada do Planalto, contemplando mais 1.200 famílias. Além disso, a Sedet incluiu no conjunto aproximadamente 30 pessoas que se encontravam em estado de emergência após perderem suas casas com o temporal. “Essas pessoas que sofreram com as chuvas têm prioridade na entrega dos novos residenciais. Foi uma recomendação do Ministério das Cidades que a Prefeitura acolheu devido ao estado de calamidade. Elas foram atendidas e agora estamos no aguardo das análises da instituição financeira responsável”, afirma o secretário de Desenvolvimento Territorial, Mac Lira. Em parceria com outros órgãos do Município, a equipe de Habitação Popular da Sedet fez mais de 1.700 cadastros habitacionais neste período. Entretanto, só de atendimentos foram mais de duas mil pessoas, somando soluções de pendências documentais ou de outros segmentos. As famílias afetadas pelas chuvas tiveram suas residências vistoriadas pela Defesa Civil do Município e receberam todo aporte necessário por parte da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas). Os dois órgãos entregaram à população um encaminhamento para efetivar o cadastro habitacional no programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal, em parceria com a Prefeitura. De acordo com Mac Lira, a

grande número de pessoas diariamente e afirmo, mais uma vez, que os cadastros habitacionais só são realizados pela Prefeitura, na própria Sedet. Em nenhum outro local, mesmo com a abordagem de terceiros, o cadastro é efetivado”. O gestor reforça que a população precisa ficar atenta às fraudes envolvendo inscrições habitacionais. “Ficamos muito preocupados, mas sempre que tomamos conhecimento desse tipo de golpe, apresentamos denúncias às autoridades. Então, pedimos que a população também o faça, visto que quem for lesado por fraudulentas inscrições habitacionais, seja devido a falsas lideranças de movimentos, ou terceiros, não será contemplado com os residenciais. Infelizmente ainda há pessoas que acreditam nessas fraudes, por mais que a gente diga que as inscrições são gratuitas e feitas apenas na Sedet com a equipe de Habitação Popular”, afirma. Prefeitura trabalha em prol dos maceioenses, com planejamento e transparência. Ele adverte que o único cadastro válido como inscri-

ção para as moradias construídas pela Prefeitura é feito na sede do órgão municipal. “Reforçamos também que a Secretaria recebe um

RESIDENCIAIS

Desde 2013, já foram entregues 5.316 unidades habitacionais, beneficiando milhares de famílias. Os

cadaminuto press cadaminuto.com.br

ASSESSORIA

residenciais entregues foram o Ouro Preto, com 240 moradias, Rio Novo (900), Parque dos Caetés (2.976) e Morada do Planalto (1.200). Além dessas unidades, a Prefeitura vai entregar, até o final do ano, mais de quatro mil residências. O conjunto Jorge Quintella contempla 816 unidades e está em processo de trâmite burocrático com a instituição financeira responsável para a entrega e o Residencial Maceió I, localizado no Eustáquio Gomes, vai beneficiar 3.900 famílias. Ainda segundo o secretário Mac Lira, o compromisso da Prefeitura é com a melhoria da qualidade de vida dos maceioenses. “Nossa equipe trabalha diariamente para proporcionar melhores condições de vida à população. Sabemos que a fila de espera é grande, mas até o fim do ano, teremos a efetivação de mais dois residenciais, resultando num total de 10.032 unidades habitacionais entregues. Isso é histórico em Maceió. Jamais outra gestão fez tanto pela população. Vamos continuar com o trabalho e promover as mudanças nos próximos anos”, declara o secretário.

5

CMPRESS

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

Projeto envolvendo PM foi aprovado sem discussão na CCJ e com relatoria especial; Albuquerque denuncia o fato

Na sessão segunda extraordinária - que deveria ter pauta específica - entrou a Ordem do Dia da ordinária, ainda com a polêmica matéria sobre o Estatuto da Polícia Militar de Alagoas, que foi a única votada na primeira sessão ordinária. Ou seja: os deputados estaduais aprovaram essa matéria sem nem saber o que tinham aprovado. Tal matéria foi votada de forma apressada e aprovada. Como ficou feio para o parlamento, a Mesa Diretora voltou atrás diante do que já se tinha feito (é possível perceber isso pelos discursos do próprio Dantas, que em momento algum assumiu que já tinha apreciado a matéria). E só fez tal “retorno” porque o deputado estadual Antônio Albuquerque (PTB) chamou atenção para questões de ordem em relação ao trâmite deste projeto. E isto já dentro de uma das extraordinárias. E aí, o que foi aprovado não foi aprovado e depois voltou a ser dito que foi aprovado! E a maioria dos parlamentares encerraram a sessão sem saber ao certo o que tinha acontecido; buscando explicações para os fatos que deveriam ser claros, inclusive para o telespectador que acompanha as sessões pela TV Assembleia. Só se tornou mais claro quando a assessoria da Casa divulgou matéria no site oficial afirmando que o texto havia sido aprovado de fato. Assim, a matéria (de extrema importância por tratar de idades de ingresso e aposentadoria na PM) foi aprovada com as emendas do deputado Francisco Tenório (PMN), aumentando a idade limite para ingresso na PM e no Corpo de Bombeiros Militar (CBMAL) para 35 anos (soldados); 40 anos para cadete e 45 anos para oficial médico. A emenda altera ainda para 60 anos (mulheres) e 65 anos (homens) a idade para aposentadoria compulsória. Ou seja: eles quiseram fugir dessa aprovação, mas não puderam. Quem queria aprovar, venceu no grito!

DIVULGAÇÃO

Francisco Tenório ainda disse conforme reportagem da jornalista Vanessa Alencar - que os deputados chegaram atrasados e quiseram tumultuar. Não é verdade! Eles chegaram atrasados, mas quem tumultuou a sessão foi a própria Mesa Diretora, criando uma jabuticaba dentro do parlamento estadual. Basta assistir a sessão para perceber os erros de procedimento. Inclusive, um dos poucos que questionaram a ação do presidente foi o deputado estadual Isnaldo Bulhões, que - corretamente - chamou atenção para o feito. Bulhões destacou: “Apenas para situar, nós tínhamos uma Ordem do Dia na sessão ordinária que foi encerrada e não foi apreciada. Então, queria saber apenas a sequência das sessões e como ficará

a pauta e o que vamos votar agora?”. A prova viva de que não se sabia o que estava acontecendo diante das peripécias de Dantas. “A Ordem do Dia da sessão anterior fica para depois”, disse Luiz Dantas, convocando uma segunda extraordinária para apreciar o que seria da ordinária. Que confusão. Quanto aos questionamentos de Albuquerque em relação a matéria do Estatuto da PM, independente dele ter chegado atrasado ou não (pois ele chegou na segunda extraordinária), faz sentido. O parlamentar do PTB frisou “que a emenda não foi apreciada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ)”, esclarecendo que não havia sido convocada esta para debater o projeto. Ou seja: Albuquerque sabia que aquela matéria não poderia

estar em pauta. Luiz Dantas rebateu dizendo que foi designado relatoria especial. Albuquerque lembrou que não havia consenso na Comissão e que não poderia ter relatoria especial. Mas, a matéria já havia sido em tese votada. Porém, Francisco Tenório disse o seguinte a Albuquerque: “vamos apreciar o veto do governador e após a apreciação a gente entra nessa discussão”. Que discussão? A matéria já havia sido aprovada. Não adiantava mais nada discutir. “Eu não posso aceitar que a matéria da Ordem do Dia não passe pela CCJ. Eu sou membro da Comissão e na terça-feira passada foi encerrada sem constar essa matéria e ela não pode estar na Ordem do Dia de hoje. Vamos as demais matérias e rogo que fique

para outro momento”, continuou Albuquerque. Mas, a matéria - repito! - já havia sido aprovada! Isnaldo Bulhões pediu para voltar para tratar a matéria da questão da PM, sem perceber que ela já tinha sido votada. “As sessões estão super confusas”, destacou. “Numa velocidade dessa, foi votado o item um e ficou boa parte do plenário atrapalhado”, salientou ainda Bulhões. É, foi isso que ocorreu. A essência do projeto ainda foi modificada em redação final, o que não poderia. Eis o que diz o Regimento em seu artigo 234: “Será de 30 dias, contado do seu recebimento, o prazo para o plenário deliberar sobre o projeto ou parte vetada)”. É isso que o parlamento não levou em conta. Eis a jabuticaba parlamentar!


06

CMPRESS

RECURSOS

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

Na oposição, Rodrigo Cunha indaga forma como ALE aprovou a matéria sem conhecer detalhes

Renan Filho comemora autorização de empréstimo de R$ 300 milhões Na semana passada, o Executivo estadual ganhou um “cheque em branco” da Assembleia Legislativa do Estado de Alagoas. O parlamento estadual autorizou, por meio da aprovação de uma matéria encaminhada pelo governo estadual, que a gestão de Renan Filho possa contrair empréstimo de até R$ 600 milhões em duas instituições bancárias: o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal (CEF). A matéria - na realidade - já havia sido aprovada anteriormente, mas precisou de uma nova autorização para que a capitação dos recursos se desse em duas instituições e não apenas uma. De um lado, o governo do Estado de Alagoas comemorou o feito e, já no dia 8 de setembro, foi publicada no Diário Oficial do Estado de Alagoas, uma a autorização da contratação de empréstimos de até R$ 300 milhões para a execução do Programa Conecta Alagoas II. A sanção do governador Renan Filho foi extremamente rápida e, segundo ele mesmo, permite que o governo faca melhorias na infraestrutura das rodovias de Alagoas. O objetivo central do projeto foi esclarecido aos deputados estaduais: trata-se do programa Conecta Alagoas. Porém, como lembra o deputado estadual oposicionista Rodrigo Cunha (PSDB), foi aprovado sem que se conhecesse os detalhes e o impacto desse empréstimo na dívida pública estadual. Até o presente momento o Executivo não esclareceu tais estudos cobrados pelo tucano. Cunha salientou que a proposta do governo é boa, pois representa investimentos em infraestrutura o que fomenta a economia, interliga regiões e faz com que possa atrair novos investimentos. Mas diante do cenário e crise, a preocupação é com

a capacidade de endividamento do Estado de Alagoas. Por isso, o tucano cobrou os detalhes. Como entendia a importância do mérito, mas também frisava que votar sem conhecer os detalhes era passar um cheque em branco ou decidir às cegas, Rodrigo Cunha se absteve na votação do projeto.

EXECUTIVO

Do outro lado, o governo comemora. De acordo com o Executivo, o Conecta Alagoas vai proporcionar a

integração e melhorias por meio de investimentos referentes à duplicação de rodovias, interligações regionais e universalização e recuperação de acessos pavimentados. Ainda de acordo com a publicação, o banco foi autorizado a debitar da conta corrente do Estado o pagamento de juros, tarifas bancárias e dos demais encargos financeiros e despesas da operação de crédito. Além dos empréstimos, também foi autorizada a abertura de crédito especial no valor de até

R$ 120 milhões para execução do programa. “Estamos votando pela segunda vez o projeto enviado pelo governador, buscando investimento de mais de R$ 600 milhões. O assunto é seríssimo, foi muito bem debatido, mas é necessário as mesmas reflexões. Elas impossibilitam do parlamentar avaliar se é uma boa escolha. Não diz onde como vai ser pago no final e de onde vai sair esse dinheiro. Há um impacto na dívida pública e só foi encaminhado à ALE uma simples folha.

DIVULGAÇÃO

O governador deve ter tido um estudo para esse empréstimo e ele não foi apresentado para a Assembleia e os deputados tem que observar isso. O regimento impede que votemos sem estudo de impacto”, colocou ainda Rodrigo Cunha. “É um empréstimo em um momento em que há desabastecimento em hospitais, problemas em escolas”, salientou. Ele reclamou ainda da ausência de discriminação das obras do Alagoas Conecta, sem mostrar os detalhes das obras.

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

Deputada Rosinha da Adefal participa de comemorações ao aniversário da Adefup

_A Deputada Federal Rosinha da Adefal participou, na tarde da última segunda (04), das comemorações ao aniversário de 20 anos da Associação dos Deficientes Físicos de União dos Palmares, instituição que levanta a bandeira da inclusão no interior de Alagoas._ A Adefup é referência na bandeira da pessoa com deficiência, diante de todas as vitórias em prol da causa. União dos Palmares é o primeiro e único município alagoano que possui uma Secretaria de Inclusão Social, conquista que faz parte da luta da Associação e que põe em destaque a necessidade de um órgão municipal direcionado para defender e apoiar esses interesses. Rosinha levou toda a sua alegria e apoio, sem deixar de enaltecer o sentimento de vitória e realização por mais um ano dessa Associação, que oferece tanto apoio para essa minoria. "A Adefup é para mim um exemplo de persistência. Hoje, infelizmente, as coisas na nossa sociedade estão tão complicadas, que digo com orgulho que esses vinte anos não são apenas de existência em si, mas são 20 anos de vitórias. Conheço o trabalho dessa Associação e bato palmas para todo esforço e garra dos seus dirigentes. É de pessoas assim, lutadoras e determinadas, que o nosso Brasil precisa para caminhar no rumo certo, garantindo os direitos das pessoas com deficiência", afirmou a deputada emocionada. A comemoração foi um momento de interação, onde os associados e dirigentes puderam confraternizar-se e conversar pessoalmente com a deputada Rosinha sobre mais apoio para os deficientes no interior de Alagoas e para que a Associação possa ser

mantida em pleno funcionamento e prestando toda assistência. "Agradecemos intensamente e não cansamos de agradecer à Deputada Rosinha da Adefal que está sempre ao nosso lado, que nos orienta, nos apoia, está sempre disponível e comprometida com as causas desta associação. Nosso exemplo e nossa voz na capital federal, tem trazido para as pessoas com Deficiência muitas conquis-

tas," comemorou o presidente da ASEFUP, Manoel Semião. Em poucas palavras Rosinha reforçou sua disponibilidade para o que se fizer necessário. "O nosso trabalho não pára em toda Alagoas, mas fico muito grata pela assistência oferecida aqui em União dos Palmares. Sem dúvida, o que estiver ao nosso alcance para promover esse auxílio, faremos!", completou

CMPRESS

19 ASSESSORIA


18

CMPRESS

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

Subtenente da PM de Alagoas vence etapa nordeste do prêmio “Heróis Reais”

O subtenente da Polícia Militar de Alagoas, Erivaldo Sampaio, lotado no Batalhão de Polícia de Radiopatrulha (BPRp), foi o vencedor da etapa nordeste do prêmio “Heróis Reais”. O link para votação aberta teve início no último dia 18 de agosto. O militar, que há 26 anos atua em prol da segurança alagoana, concorreu com outros dois policias dos Estados da Paraíba e Rio Grande do Norte, na categoria Bravura, alcançando um número de 90.837 votos. A conquista se deu pela ação honrosa de coragem e audácia, frente a uma negociação, onde o militar conseguiu êxito em uma ocorrência policial e impediu o suicídio de um homem que queria pular da Ponte do Reginaldo, em fevereiro deste ano, em Maceió. Como premiação da primeira etapa o subtenente além de garantir o Troféu Heróis Reais, cuja entrega ocorrerá em uma cerimônia no mês de dezembro, em Vitória (ES), ele ainda ganha uma viagem com acompanhante para as Serras Gaúchas e também uma visita para conhecer a fábrica da Taurus, em São Leopoldo (RS).

link para a votação começa a partir do dia 1º de dezembro na página do prêmio (http://bit.ly/2idnTq5) e mais uma vez a sua participação é fundamental.

O PRÊMIO

O prêmio, idealizado pelo empresário e instrutor policial Marcos Val conta com o apoio da Taurus, busca valorizar a atuação de agentes de segurança pública do Brasil (Policiais Militares, Agentes Penitenciários, Policiais Civis, Guardas Municipais, Policiais Federais e Policiais Rodoviários Federais) no desempenho de

suas funções em defesa e proteção da população, durante atendimento de ocorrências, em todo o Brasil. O “Heróis Reais” é composto das categorias Bravura e Inovação, sendo dividido em cinco etapas regionais (Norte, Centro-Oeste, Nordeste, Sul e Sudeste), com uma “final” Nacional. O prêmio contará com a participação do público que poderá votar nas melhores histórias submetidas pelos participantes. Os vencedores serão reconhecidos em eventos de premiação nas respectivas regiões, além ganharem troféus e viagens.

ASCOM PM/AL

CMPRESS

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

JUSTIÇA

75

Procurador pediu ao STF que declare inconstitucional emenda que autoriza prática esportiva

Janot reacende a polêmica e quer acabar com a vaquejada

DIVULGAÇÃO

CONQUISTA

O integrante do BPRp compartilha os méritos do prêmio com seus companheiros de labuta diária. “A conquista não é apenas do subtenente Sampaio e sim de toda a Polícia Militar, principalmente dos policiais militares que junto a mim somam diariamente em nossa Unidade Operacional para redução da criminalidade em nosso Estado”, disse. Agora, Sampaio vai concorrer na etapa nacional com os vencedores das outras regiões do Brasil na mesma categoria. O

Da Redação A polêmica envolvendo a prática esportiva da Vaquejada deve retornar a pauta. Isto porque o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao apagar das luzes de seu mandado à frente do Ministério Público Federal (MPF), resolveu pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) que declare inconstitucional a emenda que deu sinal verde a prática desportiva com buchos, quando considera-

das manifestações culturais. Caso Janot tenha êxito, representará um impacto significativo no Nordeste, em virtude dos empregos que geram. Esse, por sinal, foi um dos principais argumentos dos parlamentares nordestinos ao aprovarem a matéria. Entre eles, os alagoanos. A emenda constitucional foi aprovada poucos meses após o STF julgar inconstitucional uma lei do Ceará que regulamentava a vaquejada naquele Estado. A

emenda aprovada no Congresso não cita expressamente a vaquejada, mas a manifestação foi reconhecida como patrimônio imaterial pela lei que também trata do rodeio. Rodrigo Janot argumenta os seguinte: “a crueldade intrínseca a determinada atividade não desaparece nem deixa de ser ética e juridicamente relevante pelo fato de uma norma jurídica a rotular como ‘manifestação cultural”. O procurador-geral considera

impossível praticar vaquejada sem causar sofrimento profundo aos bois, pois eles só são derrubados quando puxados com força pela cauda, o que provoca lesões musculares. Na ação ainda se lê: “As quedas perseguidas no evento, além de evidente e intensa sensação dolorosa, podem causar traumatismos graves da coluna vertebral dos animais, causadores de patologias variadas, inclusive paralisia, e de outras partes do corpo, a exemplo

de fraturas ósseas”. O procurador-geral afirma que a tradição cultural foi popularizada, descaracterizada e transformou-se em atividade econômica, o que também é questionado na ação. O processo ainda não possui relator definido. É a segunda ação nesse sentido, já que há uma Ação Direta de Inconstitucionalidade promovida pelo Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal, que se encontra nas mãos do ministro Dias Toffoli.


08

CMPRESS

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

Associação: Vaquejada movimenta R$ 600 milhões e gera 700 mil empregos

Do outro lado da questão, um ponto que deve ser levado em conta. De acordo com a Associação Brasileira de Vaquejada, a festividade no Nordeste movimenta cerca de R$ 600 milhões e com a geração de 700 mil empregos. É este o argumento utilizado, por exemplo, pelo senador Benedito de Lira (PP) para defender a prática. Benedito de Lira e o filho, o deputado federal Arthur Lira (PP), foram líderes no movimento pela aprovação da atividade econômica que é muito importante no interior alagoano. Lira chega a ter participação na organização das festividades no município de Pilar. A proposta foi aprovada em dois turnos no Senado Federal e na Câmara e entrou em vigor em junho deste ano, quando foi promulgada em sessão solene comandada pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB), e pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (Democratas). Após a proibição, os vaqueiros protestaram contra a decisão do STF e promoveram forte cam-

panha pela aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) da Vaquejada no Congresso. Os ativistas pela proteção animal fizeram campanha contrária, argumentando que a prática é violenta e provoca sofrimento físico e mental aos animais.

ARTHUR LIRA

O deputado federal Arthur Lira destacou a defesa da proposta. “A Vaquejada está cercada de cuidados e regras. Além disso, conta com a presença de veterinários, cuidadores e fiscais que garantem que a cultura sobreviva junto com os direitos aos animais”. Lira também frisa que caso a vaquejada seja banida, o resultado seria o sacrifício da expressão cultural de um povo e prejuízos enormes para uma atividade que impulsiona comunidades, cidades em regiões. Quem também defendeu a vaquejada foi o deputado federal Pedro Vilela (PSDB). “A Vaquejada é uma atividade que movimenta a economia, principalmente no interior do Nordeste. Estamos falando de vaquei-

ros, ambulantes, comerciantes, que dependem dessa atividade para sobreviver”. Vilela disse que está longe de ser comparada a uma rinha de galo ou à farra do boi. “O que pedimos é ponderação, reflexão e que não se tome uma decisão radical que venha a proibir uma prática tradicional e cultural”.

OAB/AL

Na época da polêmica, a Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Alagoas, também se posicionou por meio da Comissão e Bem-Estar Animal. Para a advogada Adriana Alves, a proibição da vaquejada é uma vitória para a causa da proteção animal no Brasil. “A polêmica é muito grande porque é uma paixão do nordestino e envolve uma indústria da vaquejada. Existe o lado financeiro e moral. O vaqueiro é o grande vitorioso. Do outro lado é a proteção animal. Nem o abate desumano ao animal é admissível quanto mais a vaquejada da forma como é praticada, com açoite, exploração, amputação de cauda”.

JONAS PEREIRA

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

CMPRESS

17

Atletas se dizem comprometidos e criticam antigo treinador

DIVULGAÇÃO

Treinadores acionais deram total apoio ao técnico Ney da Matta e criticaram os jogadores azulinos, que por sua vez responderam. Um dia após a confusão os jogadores se reuniram na sala de imprensa e o meia Daniel Costa assumiu a palavra. “Desde o começo, nós percebemos que o treinador tinha uma dificuldade para administrar o grupo. Isso criou um desgaste muito grande e a gente suportou porque temos um compromisso com o clube, sua diretoria e a sua torcida, mas chegamos num limite.Pedimos para dar essa entrevista, porque temos um compromiss, que vamos honrar”, afirmou.

ÍDOLO, “TAPA BURACO” OU VICE-VERSA

Ídolo do CSA, Jacozinho voltou ao dia do CSA no ano passado e atualmente treina o time sub-20 marujo. Com a confusão, o ex-jogador foi chamado as pressas para comandar o time diante do Cuiabá. Jacozinho pode seguir uma linha de auxiliares que “tapam buracos” nos clubes. Um grande exemplo em Alagoas é do ex-atacante Joãozinho Paulista, que por anos esteve como auxiliar do CRB e por muitas vezes assumiu o time profissional, mas que não conseguia ser reconhecido como treinador. Em âmbito nacional, Andrade até chegou a conquistar título brasileiro pelo Flamengo, assim como Milton Cruz se destacou no São Paulo. Porém, ambos foram demitidos.

O NOVO COMANDANTE: HERÓI OU VILÃO

Menos de 24 horas depois da demissão do técnico Ney da Matta e toda a sua comissão, a direção do CSA confirmou a chegada do novo profissional que comandará o time marujo. Flávio Araújo foi anunciado como treinador do clube na reta decisiva da Série C. Flávio Araújo tem 54 anos e uma vasta experiência em clubes brasileiros, principalmente da região nordeste. O profissional já passou por times como Fortaleza, Ceará, América de Natal e Sampaio Corrêa. A escolha pelo treinador, foi justamente pela

experiência, resultados e conhecimento do futebol nordestino. A contratação foi uma medida emergencial após a saída não programada de Ney da Matta, após confusão com jogadores. A princípio, o acerto é considerado “livre”, sem amarras contratuais, tendo em vista que o treinador não comanda o CSA na última rodada da fase de classificação e teoricamente só teria dois jogos garantidos, na fase de mata-mata. Caso passe, terá garantido o acesso para a Série B e posteriormente buscar chegar a decisão da terceira divisão nacional. Desde a saída de Ney da Matta, dirigentes azulinos realizaram uma série de reuniões e vários nomes foram ventilados, entre eles de Paulo Bonamigo, que treinou recentemente o Fortaleza, mas teria pedido um alto salário e de Mazola Junior, extreinador do CRB e que teria recusado o convite, em solidariedade ao antigo técnico. No CSA, Flávio Araújo pode terminar com herói em caso de acesso ou ser apontado como um dos responsáveis pelo fracasso do time, mesmo tendo comandado o clube em poucos jogos.


16

CMPRESS

OU VAI, OU RACHA!

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

CSA passa por grandes mudanças em momento decisivo da Série C

Paulo Chancey Junior

O sonho do acesso nunca esteve tão perto para o CSA. Com uma das melhores campanhas no Campeonato Brasileiro da Série C, o time marujo sonha em chegar a Série B. Mas se engana quem imagina eu o time navega em águas mansas. Na reta decisiva da competição nacional, o elenco vai ter que absorver a troca de treinadores, após a saída polêmica do técnico Ney da Matta e sua comissão técnica e a chegada de Flávio Araújo, faltando apenas dois jogos para o possível acesso. O problema aconteceu no último treinamento do time marujo na capital alagoana, antes do duelo diante do Cuiabá, fora de casa, pela última rodada da fase de classificação da Série C. Na reta final da atividade no Centro de Treinamento Gustavo Paiva, no Mutange, o volante Rosinei se desentendeu com o técnico Ney da Matta e houve troca de agressões, que logo foi contida pela maioria do elenco.

cadaminuto press cadaminuto.com.br

Elenco marujo terá de assimilar troca de treinadores para continuar sonhando com acesso

CMPRESS

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

Aparte

cadaminuto press cadaminuto.com.br

PREVENÇÃO AO SUICÍDIO

por Vanessa Alencar vanessaalencar2005@gmail.com

Cobra na mala

Ao repercutir a apreensão de R$ 51 milhões em caixas e malas que seriam do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), a ex-senadora e exvereadora Heloísa Helena (Rede), destacou a falta que faz uma black mamba - uma das maiores e mais venenosas cobras do mundo – nas malas de dinheiro do propinódromo do Brasil. Ela aproveitou para lembrar que Geddel foi ministro dos governos Lula e Temer e vice-presidente da CEF no governo Dilma... ASSESSORIA

ASSESSORIA

A prevenção ao suicídio, tema do Setembro Amarelo, será discutida nesta segunda-feira, 11, às 15h, em audiência pública – proposta pela vereadora Tereza Nelma (PSDB) – realizada na Câmara de Maceió. A vereadora destacou que, conforme dados oficiais, entre 2014 e 2016, mais de 500 pessoas se suicidaram em Alagoas. Ela também protocolou na Casa um Projeto de Lei tornando 10 de setembro o Dia Municipal da Prevenção ao Suicídio.

PREVENÇÃO AO SUICÍDIO II

Em pronunciamento, Tereza Nelma destacou a importância de jogar luz sobre o tema para salvar outras vidas: “Temos que nos preocupar sim! Precisamos chamar a atenção para a prevenção, que se dá através da fala, do diálogo, aconchego, terapia e medicamentos”, frisou, contando que algumas pessoas a questionaram quando souberam que ela levaria o assunto ao parlamento municipal: “Você vai falar sobre isso?”. Ela vai! E merece aplausos pela iniciativa. ASSESSORIA

CONCURSOS Porém, o caso não passou despercebido e a direção azulina anunciou esta noite, a saída do treinador, juntamente com a sua comissão, formada pelo auxiliar Jadson Oliveira, o preparador físico Altamir Júnior e o preparador de goleiros Gustavo Santos. A decisão da diretoria não chega a ser uma surpresa, tendo em vista que há alguns meses, já existia uma insatisfação de parte do elenco e também de dirigentes e conselheiros com o método de trabalho do treinador. Ney da Matta chegou ao CSA no início de maio deste ano, substituindo Oliveira Canindé, após a perda do titulo do Campeonato Alagoano para o CRB. Na competição nacional, o agora ex-treinador comandou o time em 17 jogos, com oito vitórias, sete empates e duas derrotas, com aproveitamento de 60,8%. Através da sua assessoria de comunicação, o CSA divulgou nota oficial sobre o caso em seu site oficial. Confira a nota:

O dia 7 de setembro é inesquecível para todos os azulinos. A data marca o aniversário do clube e, durante o período da manhã, as festividades tomaram conta no CT Gustavo Paiva. Após o treino da tarde, uma reunião da direção, capitaneada pelo presidente do Conselho Deliberativo, Raimundo Tavares, definiu pelo desligamento da comissão técnica em função de divergências acerca da metodologia de trabalho. O Azulão agradece ao técnico Ney da Matta, ao auxiliar Jadson Oliveira, ao preparador físico Altamir Júnior e ao preparador de goleiros Gustavo pelos serviços prestados e deseja sucesso nos próximos desafios. Neste sábado, o CSA entra em campo para enfrentar o Cuiabá pela última rodada da fase de grupos. O Azulão luta para manter a boa campanha na primeira fase e lutar pela liderança do Grupo A. O foco total do clube está voltado ao mata-mata e à briga pelo acesso à Série B.

Pelo menos 16 prefeituras alagoanas devem realizar concursos públicos entre dezembro deste ano e o começo do ano que vem. Os primeiros certames, oriundos de um consórcio entre a Barra de São Miguel, Roteiro e São Miguel dos Campos - e da intervenção decisiva do Ministério Público Estadual - estão previsto para ocorrer em dezembro, conforme a assessoria de Comunicação da Fundação Universitária de Desenvolvimento de Extensão e Pesquisa (Fundepes).

CONCURSOS II

Já a previsão para a realização dos concursos nos demais municípios é a partir de fevereiro do próximo ano. Os prefeitos e representantes de 13 municípios interessados em aderir ao consórcio para realização dos concursos se reuniram na AMA com a Fundepes, organizadora dos certames. Segundo a assessoria de Comunicação da Prefeitura de Pão de Açúcar – um dos municípios interessados no consórcio - nesta terça-feira, 11, os prefeitos devem apresentar os números de vagas e cargos que serão ofertados.

COMANDA INDIVIDUAL

Tramita na Câmara de Maceió um Projeto de Lei similar que obriga bares, restaurantes e similares a fornecerem, sempre que solicitada, comanda individual para o cliente. A matéria, de autoria do vereador Silvânio Barbosa (PMDB), é parecida com a proposta aprovada na Casa, do vereador Kelmann Vieira (PSDB), que obriga os estabelecimentos a fornecerem – também sempre que solicitada - a comanda impressa para controle do consumo pelos clientes.

9

PRIVATIZAÇÃO...

AVISO SOBRE MEDICAMENTOS

O governador Renan Filho (PMDB) sancionou a lei, de autoria do deputado Galba Novaes (PMDB), que obriga os postos estaduais de distribuição de medicamentos a cadastrar os números de celulares de pacientes para informar previamente acerca da disponibilidade de remédios para retirada. Pela nova lei, o paciente inscrito em programas de retirada de medicamentos deve ser informado, via mensagem de celular ou por e-mail e com pelo menos um dia de antecedência, acerca da chegada do medicamento.

ASSESSORIA

A privatização da Eletrobras foi tema do pronunciamento do deputado Inácio Loiola (PSB) na Assembleia Legislativa (ALE). Para o parlamentar, a venda da estatal vai desmontar o setor elétrico brasileiro e encarecer as tarifas de energia elétrica. O deputado observou que de todas as empresas vinculadas a Eletrobras, sua maior preocupação é com a privatização da Chesf.

...PARA COBRIR BURACOS

Em aparte, o deputado Gilvan Barros Filho (PSDB) opinou que o presidente Michel Temer (PMDB) vem cometendo vários erros, com o intuito de “sanar os buracos deixados na economia durante os 13 anos de Governo do PT”. “Não podemos vender uma empresa a preço de banana simplesmente para enfrentar uma crise. Temos outros meios de enfrentar essa situação”, frisou.

FRALDA DESCARTÁVEL

A Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa da Câmara dos Deputados aprovou proposta, de autoria do deputado licenciado Marx Beltrão (PMDB), ministro do Turismo, obrigando o Poder Público a fornecer fraldas descartáveis para idosos e pessoas com deficiência que tenham indicação médica de uso contínuo e recebam o BPC. Beltrão destacou que o ‘Farmácia Popular’ normatizou o fornecimento de fraldas descartáveis geriátricas em 2010, mas não contemplou pessoas com deficiência que gerasse quadro de incontinência urinária.


10

CMPRESS

Rodrigo Cunha cobra funcionamento do Polo Tecnológico do Jaraguá

As obras do Polo de Tecnologia da Informação, Comunicação e Serviços (Tics), localizado no bairro de Jaraguá, já consumiu do dinheiro público R$ 17 milhões, mas ainda não se encontra em funcionamento. Quando pronto, irá abrigar empresas de tecnologia, e terá como missão promover o empreendedorismo e a inovação no Estado. Mas enquanto isso, a finalização da obra anda a passos lentos. O deputado Rodrigo Cunha vem cobrando providencias. Já visitou as obras do Polo, mos-

trando inclusive que a placa com informações sobre a construção do Polo havia sido retirada, já conversou com profissionais da área e, esta semana, falou em plenário sobre a reunião que teve com o setor, onde discutiu, entre outros assuntos, a reativação do Comitê do Parque Tecnológico e, principalmente, o modelo de gestão que deve ser implantado no Tics. O parlamentar é presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia da Casa, e reuniu empresários do setor tecnológico. "Não priorizar um pólo como

esse, que já deveria estar pronto no mínimo há um ano e meio, nos faz ter uma responsabilidade extra", disse Rodrigo Cunha. Entre os convidados participantes da reunião estava o secretário de Ciência e Tecnologia, Régis Cavalcante. "O secretário foi extremamente solícito, recebeu todas as demandas do setor, mas mais importante do que entregar o prédio, é estabelecer o modelo de gestão a ser implantado e fazer o Polo funcionar de forma positiva para nosso Estado.", disse o parlamentar.

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

ASSESSORIA

CMPRESS

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

155

O casal Jaime e Leane Magalhães em férias, com os filhos aproveitando o friozinho de San Carlos, Bariloche.

Tenho orgulho em participar do primeiro GrupoTerapêutico para Mulheres realizado na capital do agreste pelas psicólogas Karine Pinheiro, Sarah Regina e Juliana Setton. A palavra é “transformação” e “autoconhecimento”. Somos mulheres do Séc. XXI sempre em busca de sermos melhores a cada dia!

Equipe da Pestalozzi de Arapiraca em evento realizado no Maceió Shopping. Parabéns a todos por mostrar o que essa instituição maravilhosa realiza em Arapiraca.

Alunos do EPIAL/ Arapiraca estão aprendendo geografia na maior cidade do interior de Alagoas tendo aulas de campo com “bikes” percorrendo “ecotrilhas”. O professor Geovane levou seus alunos para conhecer os Aspectos Geográficos no Sítio Carrasco -UE Comunidade Quilombola. Parabéns ao professor e a Valéria Peixoto por envolverem os adolescentes em formas de ensinar extraclasse.

O sucesso continua com o mestre Afrisio Acácio todas as segundas-feiras na Tenda Cultural da praça Luiz Pereira Lima, Centro de Arapiraca. Nesta segunda, participação especial de Miguel Vieira o Príncipe do Carimbó dos anos 80. Texto e foto: Eufrásio Paulino.

Dia 05, o Patrimônio Vivo de Alagoas, o mestre circense Biribinha participou do Festival Paulista de Circo de Piracicaba. Ao lado da palhaça Bolha eles encantaram o público na Lona Arrelia. Este grande representante da arte clown é com certeza patrimônio do Brasil!!!!

A presidente da Pestalozzi de Arapiraca, Zélia Azevedo, completou idade nova no dia 04 deste mês. Parabéns e muita força e determinação para continuar essa linda jornada de responsabilidade social.


14

CMPRESS

TRANSPARÊNCIA

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

População pode ter acesso a diversas informações, como o programa Bolsa Família e Benefício de Prestação Continuada (BPC).

cadaminuto press cadaminuto.com.br

Seades possui mais de 200 informações catalogadas no Guia de Serviços do Governo do Estado

ASSESSORIA

Renata Bello

Colaboradora

Os alagoanos que precisam de informações sobre o programa Bolsa Família, Benefício de Prestação Continuada (BPC), Serviços de Convivência, entre muitos outros equipamentos de responsabilidade da Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Sedes), tem um importante aliado nessa busca: O Guia de Serviços do Governo de Alagoas. Lançado em janeiro deste ano pela Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag), o Guia tem a missão de aproximar o serviço público dos cidadãos que dele necessita. A plataforma online possui informações como endereço de órgãos estaduais, informações sobre emissão de documentos, dados sobre taxas de serviços, entre outros. A Seades está presente com mais de 200 dados e sete serviços, entre eles os Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e Centros de Referencia Especializado de Assistência Social (Creas) e informações sobre Restaurante Popular Prato Cheio, localizado no Benedito Bentes. “Nós somos uma secretaria que oferta serviços em todos os municípios alagoanos e vemos como fundamental o guia, pois com ele os beneficiários de programas sociais que moram longe da capital, conseguem obter informações precisas apenas acessando o site”, explicou o secretario titular da Seades, Fernando Pereira De acordo com o superintendente de Produção da Informação e do Conhecimento da Seplag, Thiago Ávila, até 2018 todos os órgãos governamentais estarão presentes no Guia. Para isto foi desenvolvido capacitações em grupo para o uso do Sistema Gerenciador.

CMPRESS

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

Ministro Marx Beltrão entrega tratores em Arapiraca e São Sebastião cadaminuto press cadaminuto.com.br

Em agenda na região do agreste alagoano, o ministro Marx Beltrão entregou quatro tratores e implementos agrícolas, que irão beneficiar agricultores familiares em Arapiraca e São Sebastião. Os equipamentos foram viabilizados por emenda parlamentar de autoria de Marx, que é deputado federal licenciado, através da Emater e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). No total, 34 tratores estão sendo destinados para apoiar pequenos produtores. De acordo com Maria José, da Cooperativa dos Produtores Rurais de Arapiraca (Cooperal), o maquinário vem para complementar e ajudar o homem do campo a produzir com mais qualidade. “Marx tem sido incansável quando o

assunto é buscar melhorias para os agricultores familiares e estamos muito felizes com mais uma ação aqui no agreste. Milhares de produtores rurais serão beneficiados”, afirmou. Para Beltrão, os trabalhos em prol do incremento na atividade do produtor rural são um dos compromissos firmados, além de pleitear junto aos representantes de associações mais melhorias. “Além da redução dos custos de produção e aumento da produtividade, com a máquina é possível agregar valor e renda. Implementos agrícolas também somam melhorias aos agricultores”, disse Marx. Em Arapiraca, foram entregues dois tratores e implementos agrícolas para

atender agricultores da região, Capial e Cooperal.

11

ASSESSORIA

SÃO SEBASTIÃO

Já em são Sebastião, ao lado dos vereadores Jailton da Fecon e Vando, foram entregues dois tratores e implementos agrícolas na zona rural para atender os agricultores da região e das Associações dos povoados Mata e Serra. Compromisso firmado com a agricultura familiar para fortalecer o trabalho e ajudar no aumento da produção. Os investimentos em equipamentos têm como finalidade impulsionar a atividade dos agricultores familiares e aumentar a produtividade, bem como a conservação e transporte da produção.

Prefeito Gilberto Gonçalves inaugura policlínica com mais de 15 especialidades médicas em Rio Largo

“Já contamos com mais de 100 serviços no nosso Guia, mas a expectativa é que, até 2018, serviços de todo o governo estejam disponíveis com as informações necessárias aos usuários na plataforma”, afirmou o superintendente Thiago Ávila.

APROXIMAÇÃO

Para aproximar a ferramenta dos gestores que fazem a Seades, a equipe de técnicos e superintendentes, foi apresentada, na ultima semana, às funcionalidades do Guia. A apresentação dos recursos disponíveis foi articulada pela Superintendência de Avaliação e Gestão da Informação (Sagi) e apresentada pelo superintendente da Seplag, Thiago Ávila e o superintendente das Centrais Já!, Alexandre Noberto. “Apresentar o guia para os gestores da nossa secretaria é fundamental

para que eles compreender as facilidades que ele traz aos cidadãos. Pretendemos com isso fazer com que eles dêem sugestões de melhorias e possam pensar junto conosco quais equipamentos da Seades devem ser inclusos na plataforma”, explica o superintendente de Avaliação e Gestão da Informação, Rodrigo Araújo. “Já estamos estudando a inclusão de novas informações no Guia de Serviços, como os equipamentos de segurança alimentar, a exemplo das Casas de Sopa”, completou.

ACESSO

Para acessar as informações disponibilizadas pela Seades no Guia de Serviço do Governo de Alagoas, basta acessar, por meio de computador, smartphone ou tablet, o link http://servicos.al.gov.br/categoria/assistenciasocial

O prefeito de Rio Largo, Gilberto Gonçalves, realizou na última sextafeira (2), em uma grande festa, um antigo sonho da população com a inauguração da Policlínica Nossa Senhora da Conceição, no Centro da Cidade. A unidade vai dispor de mais de 15 especialidades médicas, algo nunca visto no município. Na ocasião, também foi assinatura ordem de serviço para o início imediato da iluminação em LED, em mais de 9km da cidade e foi feita a entrega da UBS Olavo Calheiros, localizada no Mutirão, totalmente reformada e com médicos à disposição da população. O dia festivo contou com a presença do senador Benedito de Lira e do deputado federal, Arthur Lira, dois grandes parceiros do prefeito Gilberto Gonçalves e de Rio Largo para a reconstrução da cidade, de vereadores, secretários municipais, servidores e da população, que foi prestigiar e comemorar os benefícios. “Com muito trabalho, meu empe-

nho e de toda equipe, Rio Largo está, a partir de hoje, entrando no eixo do desenvolvimento. Prometi trabalhar pelos menos favorecidos e assim estou fazendo, cumprindo meu papel de gestor público e garantindo acesso às políticas públicas para os Riolarguenses que sofrem há décadas devido ao descaso de gestores anteriores. A policlínica chega no Centro, acessível, com profissionais de qualidade e especialidades nunca encontrada no município. A partir deste momento, as equipes já estarão nas ruas, iluminando a cidade com o que há de mais moderno e econômico, que são as lâmpadas em LED. A UBS Olavo Calheiros reabre a todo vapor, para deixar em dia a saúde do povo do Mutirão e adjacência. Só tenho a agradecer a Deus por tudo isso e por outras grandes ações que estamos desenvolvendo”, comemorou o prefeito. O palanque, montado ao lado da policlínica, reuniu diversas autoridades locais, entre vereadores e secretários

municipais, e o senador Benedito de Lira, sempre presente às conquistas de Rio Largo na gestão do prefeito Gilberto Gonçalves. Ao utilizar os microfones para deixar sua mensagem para o povo que ali prestigiava o evento e a todos que acompanhavam de longe, reafirmou seu compromisso de atender à saúde pública brasileira, em especial a de Rio Largo, pelo seu respeito e confiança ao trabalho da gestão atual. “Rio Largo não será mais a mesma após os quatro anos do prefeito Gilberto Gonçalves. Junto com ele, um guerreiro que tem o firme propósito de trabalhar pelos que mais precisam em sua cidade, estou imbuído no propósito de levantar a autoestima dos Riolarguenses. Rio Largo tem um potencial extraordinário e, por ser a terceira maior cidade de Alagoas, estava qualificada como a última devido a falta de interesse dos antigos governantes. Essa realidade já está mudando e contem com meu apoio para conquistarmos ainda mais”,

ASSESSORIA

garantiu o senador. Presente à entrega da UBS Olavo Calheiros, no Mutirão, o deputado federal Arthur Lira reafirmou sua parceria e se comprometeu de, em Brasília, fornecer as condições necessárias para que o prefeito Gilberto Gonçalves exer-

ça suas funções com tranquilidade e realize tanto seu sonho, de ver Rio Largo desenvolvido, quanto o desejo da população, de ter assistência em saúde, educação, cultura e infraestrutura, proporcionando mais qualidade de vida para todos.


12

PUBLICIDADE

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017 cadaminuto press cadaminuto.com.br

PUBLICIDADE 13

Sexta-feira 08 a 14 de setembro de 2017

cadaminuto press cadaminuto.com.br

O Município de Messias comemora 55 anos de Emancipação Política Messias começou o dia 06 de setembro cedo, quando a cidade acordou para receber os parabéns com a salva de 55 tiros, referentes aos 55 anos de Emancipação Política do Município. Daí em diante, gestores, secretariado, vereadores e visitantes se misturaram numa vasta programação desenvolvida sob o comando do prefeito em exercício, Luiz Emílio Duarte de Omena. Cada atividade festiva contou com a presença dos munícipes; do hasteamento das bandeiras no pátio da Prefeitura, a missa de

HISTÓRIA DA TERRA DO PROGRESSO E DA LIBERDADE

Ação de Graças na Igreja Matriz de São Sebastião, até as inaugurações da Escola Municipal Ildefonso Prado de Omena (reforma e ampliação), do calçamento e drenagem do Conjunto Jarbas Maya, da Casa do Artesanato e Cultura, do vestiário do Campo society Zeca da Pipoca e da Creche Arlindo Eusébio da Silva, além do lançamento do Programa Federal ‘Criança Feliz’. Estiveram prestigiando o evento comemorativo, os deputados estaduais Sérgio Toledo, Davi Davino e o deputado federal Pedro

Vilela; eles reforçaram o apoio às demandas do município na gestão 'Jarbinhas’/Luiz Emílio. Durante a noite, depois do desfile com a Banda de Fanfarra e pelotões temáticos da Rede Municipal de Educação, ocorreu a apresentação da última banda musical, ‘Conde do Forró’, que lotou a Praça Multieventos. Para encerrar as comemorações que iniciaram no dia 02, neste 07 de setembro, está sendo realizado o Torneio da Independência no Conjunto Jarbas Maya, organizado pela diretoria de esportes do município.

ção Escolar) e o PAA (Programa de Aquisição de Alimentos), priorizando a merenda escolar a partir da produção local da agricultura familiar.

que beneficiou a todos, tanto aos alunos, com um cardápio nutritivo baseado nos produtos da região, como aos agricultores familiares, que vendem suas produções sem atravessadores e ainda recebem em até 48 horas, e ao próprio município, com a circulação do dinheiro, viabilizando o desenvolvimento local. “A terra do progresso e da liberdade, apesar da crise, continua em pleno crescimento, porque aqui a gente faz”, concluiu o prefeito Luiz Emílio. Parabéns Messias!

Os mais velhos contam que Messias, antiga Vila Curralinho, recebeu este nome porque o município concentrava um bom número de carpinteiros, mas há outros que relatam a fé dos primeiros habitantes que chegaram à terra.

MESSIAS É REFERÊNCIA PARA OUTROS MUNICÍPIOS DO ESTADO E DA FEDERAÇÃO

Apresentando importantes diferenciais nos mais variados âmbitos de sua gestão, Messias vem influenciando diretamente a melhoria da qualidade de vida dos munícipes e o contínuo desenvolvimento local.

AGRICULTURA FAMILIAR DESTINADA À MERENDA ESCOLAR

A prefeitura de Messias, de forma pioneira, contratou um engenheiro agrônomo e uma nutricionista para alavancar o PNAE (Programa Nacional de Alimenta-

TODOS GANHAM

Por esta premiada iniciativa, Messias recebe visitas técnicas de outros municípios vizinhos que vêm a Casa do Empreendedor e do Agricultor com o objetivo de multiplicar a medida. Messias também é convidada para outros estados como município expositor dessa experiência

DIVULGAÇÃO

Cada Minuto Press Edição 181  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you