Issuu on Google+

boletim trimestral #03

letra

PÁG.3 A ESCOLA SOMOS TODOS NÓS PÁG.5 A SAÚDE PÚBLICA E A COMUNIDADE ESCOLAR PÁG.6 ESCOLA BÁSICA DE STO. ANTÓNIO, UMA ESCOLA ENTRE-CULTURAS

DIVISÃO DE EDUCAÇÃO E BIBLIOTECAS CÂMARA MUNICIPAL DO BARREIRO

dezembro 2007

BOAS FESTAS


EDITORIAL Temos o hábito de fazer balanço de actividades em cada final de ano. Isso é importante, contudo mais que fazer o balanço o que pretendemos é afirmar que a educação continua a ser, para nós, uma prioridade para o ano de 2008.

Artistas de Palmo e Meio Exposição de Pintura e Escultura

Sabemos que nem tudo está bem. Mas, também, vós sabeis que temos feito um enorme esforço para tentar resolver problemas e necessidades. Temos convosco procurado encontrar soluções e em parceria desenvolvido projectos que consideramos do maior interesse. Assim continuará a ser no novo ano que se avizinha. A Carta Educativa está praticamente concluída. Este é, como sabem, um importante instrumento de planeamento estratégico no âmbito das politicas de educação e que nos permitirá, também, candidatar alguns projectos ao QREN. Estamos a trabalhar afincadamente para implementar o funcionamento do conselho municipal de educação. Este órgão permitirá aprofundar, ainda mais, a cooperação e envolvimento de todas as estruturas ao nível concelhio que têm intervenção na área da educação. Neste momento decorre, já, a preparação do Carnaval da Comunidade Educativa e em Janeiro arrancaremos com os trabalhos preparatórios da Feira pedagógica. Estamos certos que no desenvolvimento destes, e de outros, projectos teremos a vossa colaboração e empenho, lado a lado, com o objectivo comum de fortalecer as nossas relações e a qualidade do ensino no nosso concelho. Ás nossas crianças e jovens e suas famílias reafirmamos a vontade inabalável de continuar a labutar no quotidiano por melhores condições e pelo desenvolvimento de projectos que contribuam decisivamente para aumentar a felicidades de todos. A finalizar deixamos os votos de sucesso, prosperidade, concretização de sonhos e Festas Felizes. Excelente 2008!

O Presidente, Carlos Humberto de Carvalho A Vereadora, Regina Janeiro

Alunos do Externato D. Manuel de Mello A Biblioteca Municipal do Barreiro teve patente ao público desde 27/10/07 até ao dia 30/11/07 uma exposição de pintura e de escultura dos alunos / artistas do Externato D. Manuel de Mello. Tudo começou com um Projecto Curricular de Turma do professor Hugo Vinagre no ano lectivo de 2006/2007. Os seus 17 alunos de 3º ano, envolveram-se num estudo sobre arte. Estudando a vida de pintores como, Salvador Dali, Jackson Pollock ou Van Gogh. Mais tarde, a professora Selma Ventura aderiu também ao Projecto com os seus 11 alunos, também de 3º ano, estudando pintores como Kandinsky ou Juan Miró, abordando, além da pintura, a escultura. No fim do ano havia um claro desenvolvimento do sentido estético, mais investimento nas expressões plásticas, uma maior criatividade e imaginação, curiosidade face ao mundo que os rodeia, um esbatimento do pensamento estereotipado conseguindo “ir mais além” e um desenvolvimento abstracto. Esta exposição veio assim disponibilizar para o público em geral o trabalho destes jovens criadores, que a Biblioteca Municipal do Barreiro teve todo o gosto em apoiar, promovendo assim a sua divulgação.


e

2. EDITORIAL - VEREADORA REGINA JANEIRO

n

No início de mais um ano lectivo realizou-se a 2ª edição da iniciativa da autarquia de Recepção à Comunidade Educativa “A Escola Somos Todos Nós”. Iniciámos esta iniciativa promovendo visitas ao Museu da Indústria, na Quimiparque, que decorreram de 01 de

3. A ESCOLA SOMOS TODOS NÓS 4. SHAPE UP - CONGRESSO DAS CIDADES EDUCADORAS REUNIÃO GERAL DO SHAPE UP NO BARREIRO

5. A SAÚDE PÚBLICA E A COMUNIDADE ESCOLAR - MÁRIO DURVAL

6. ESCOLA BÁSICA DE STO. ANTÓNIO, UMA ESCOLA ENTRE - CULTURAS PROF. LUÍS MANUEL MOURINHA

7. AGRUPAMENTO DO BARREIRO TÁGIDES EB1 Nº1 DO BARREIRO

8. ENSINO E EDUCAÇÃO NA FREGUESIA DO BARREIRO - RAUL MALACÃO

sumário

a scola somos todos ós

ARTISTAS DE PALMO E MEIO

Outubro a 5 de Novembro, integradas nas comemorações contacto dos alunos do pré-escolar e do 1º ciclo do ensino básico com a história da Companhia União Fabril que se instalou no Barreiro em 1907, tendo as fábricas iniciado a sua laboração em 19 de Setembro de 1908, centenário esse que a Câmara Municipal do Barreiro, a Companhia União Fabril, SGPS e a Quimiparque Parques Empresariais, SA, tem vindo a organizar, e que terá lugar em 2008, tendo participado nesta cerca de 2000 alunos. Das várias iniciativas que integraram o programa, destacamos ainda as opções participadas para apresentação do estudo preliminar da carta educativa do concelho do Barreiro e o jantar de recepção à comunidade educativa, que reuniu cerca de 700 pessoas (pessoal docente e não docente), tendo sido entregues os diplomas de homenagem aos professores que se aposentaram no ano lectivo anterior.

l

Divisão de Educação e Bibliotecas Parque da Cidade Edifício Américo Marinho Tel. 21 217 09 00 / Fax: 21 217 09 01 Auditório Municipal Augusto Cabrita Parque da Cidade Tel.: 21 214 74 00 (geral) Tel.: 21 214 74 10 (bilheteira) E-mail: bilheteira@cm-barreiro.pt Centro de Educação Ambiental da Mata Nacional da Machada e Sapal do Rio Coina Tel.: 21 215 31 14 E-mail: ceambiental@mail.telepac.pt Comissão de Protecção de Crianças e Jovens do Barreiro Av. Alfredo da Silva, 51, 1º, 2830-302 Barreiro Tel.: 21 206 80 64/57 Fax: 21 206 80 51 E-mail: cpcj.barreiro@iol.pt Divisão de Sustentabilidade Ambiental Rua José Magro nº2 – A Linha Verde: 800 205 681 Espaço J Rua Dr. António José de Almeida, nº 69 Tel.: 21 207 97 76 E-mail: ejota@mail.telepac.pt Espaço Internet Biblioteca Municipal do Barreiro Rua da Bandeira Tel.: 21 207 01 16 E-mail: espaconet.barreiro@sapo.pt Piscina Municipal Av. Bento Gonçalves Tel.: 21 207 03 45

contactos úteis

do centenário da CUF. Proporcionando um primeiro

FICHA TÉCNICA PROPRIEDADE E EDIÇÃO - CÂMARA MUNICIPAL DO BARREIRO E-MAIL: GERAL@CM-BARREIRO.PT INTERNET: WWW.CM-BARREIRO.PT RECOLHA, TRATAMENTO DE INFORMAÇÃO, REDACÇÃO, EDIÇÃO DE TEXTOS, DESIGN, PAGINAÇÃO E FOTOGRAFIA DIVISÃO DE EDUCAÇÃO E BIBLIOTECAS / DIVISÃO DE CULTURA E PATRIMÓNIO HISTÓRICO E MUSEOLÓGICO / DIVISÃO DE COMUNICAÇÃO PERIODICIDADE: TRIMESTRAL DISTRIBUIÇÃO GRATUITA DEPÓSITO LEGAL ISNN TIRAGEM: 3000 EXEMPLARES IMPRESSÃO: BELGRÁFICA CONTACTOS: PARQUE DA CIDADE EDIFÍCIO AMÉRICO MARINHO TEL. 212170957/ FAX: 212170901

3


u r t CN r i O s

“Shape Up” no Congresso das Cidades Educadoras

Decorreu em Santa Maria da Feira, nos dias 25 e 26

de Novembro, o II Congresso Nacional da Rede

Portuguesa das Cidade Educadoras. Sob o tema Municípios Educadores vs Territórios Multiculturais, fora abordadas temáticas actuais e pertinentes como a importância da rede de apoio à primeira infância, o impacto das AEC e as politicas educativas locais, a educação/formação e a (re)inserção no mercado de trabalho e os municípios enquanto mosaicos multiculturais. Foi no âmbito deste último tema que a Câmara Municipal do Barreiro, também membro da Comissão Executiva desta Rede, apresentou o projecto Shape Up, por se tratar não só de um projecto transnacional, mas que focas as diferentes culturas e valores, abrangendo a comunidade em conjunto com as crianças numa organização flexível para influenciar os determinantes da obesidade infantil.

Barreiro recebe Reunião Geral do Shape Up O Barreiro acolheu no passado dia 28 de Setembro a Reunião Geral do Projecto Shape Up, que terminou no dia seguinte, no Ministério da Educação Um ano depois do arranque oficial do projecto, foi feito um balanço do que até ao momento foi implementado, e os resultados foram bastante encorajadores. Neste momento, é o maior projecto europeu em curso na área da obesidade infantil. Juntaram-se 5 novas cidades às 22 já participantes, num total de 26 países, estando envolvidas 1642 alunos. É cada vez mais notório o envolvimento das crianças no planeamento de iniciativas e na participação das mesmas, criando mudanças nos seus hábitos alimentares e estilos de vida, promovendo uma visão cada vez mais próxima da realidade.

Grandes Resultados Grandes Mudanças!


A Saúde Pública e a Comunidade Escolar O Serviço de Saúde Pública do Barreiro tem a responsabilidade de apoiar e dinamizar o desenvolvimento da Educação para a Saúde nas escolas do concelho. Esta actividade que os profissionais de saúde entendem como essencial para o desenvolvimento das crianças e jovens, só atinge os seus objectivos se corresponder a uma tomada de consciência dos factores que produzem saúde, seguida de uma mudança de atitude por parte dos jovens. Neste momento, centramos os nossos esforços em duas áreas que são essenciais para garantir uma melhor saúde aos nossos jovens e crianças: nutrição e sexualidade. Porém, sabemos que não é por muitos discursos que fizermos aos jovens, que eles passarão a ter comportamentos mais responsáveis e saudáveis. Para ultrapassarmos estas limitações, temos vindo a desenvolver métodos de envolvimento das famílias e dos jovens que passam por avaliar os seus comportamentos alimentares e relações de afecto na família. As primeiras experiências são muito animadoras, pois foi possível medir a melhoria dos comportamentos alimentares das crianças envolvidas e, em conjunto com os familiares analisar essas mudanças, para as quais eles contribuíram modificando as refeições que serviam em casa ou mandavam para a escola. Esta avaliação, que se insere nas actividades pedagógicas, exige por isso um grande envolvimento e disponibilidade dos professores, que se mostraram à altura do desafio. Promover a saúde é também, para a Saúde Pública, um desafio permanente que exige novas abordagens e soluções para os novos problemas com que nos confrontamos. Esta é a aposta que estamos a ganhar.

Mário Durval Delegado de Saúde do Barreiro

AÁtrio

S

do Saber

5


descoberta

Á

Inspirados no Projecto Educativo de Escola, com o tema “Multiculturalidade”, o Projecto “Direito à Diferença” celebrou a convivência e a coexistência de culturas diferentes. Neste sentido, os alunos do 12º B e a Cidade Jovem desenvolveram um projecto de investigação sobre os temas da multiculturalidade e os problemas inerentes à vivência entre culturas diferentes. Na Escola coabitam pessoas de 14 nacionalidades e ascendências diversas. Para além da investigação teórica e da “pesquisa de campo”, foram estabelecidos vários protocolos e actividades. Nestes contactos fizemos descobertas e aprendemos muito sobre os outros e sobre nós próprios. A diversidade e o respeito pelos outros foram o lema para as várias iniciativas. Descobrimos que a diversidade é uma riqueza incomensurável e que em torno das diferenças de cada um se podem construir “identidades”, pontos de contacto entre pessoas e povos. Neste sentido, embora em pequena escala, o Projecto da Escola de Santo António poderia ser visto como um “espelho” para a grande escala - o Mundo. Funcionou como uma ponte multi-direccional entre pessoas e perspectivas de vida. Com a colaboração e apoio de várias entidades, entre elas, o ACIME, a D.G.I.D.C. (Direcção Geral de Inovação e Desenvolvimento Cultural), o Programa Escolhas, a RTP 2 (Programa Nós), a Amnistia Internacional, o Cidade Jovem e a Câmara Municipal, entre outros, organizaram-se colóquios, publicações, exposições e em Maio uma Festa Multicultural que encheu de cor e de vida o Pavilhão da Escola, onde estiveram presentes alunos, pais, Autarquias, Grupos Desportivos e Culturais. Como suporte do Projecto, criámos a nossa casa virtual, ao mesmo tempo um Porto de Abrigo e um veículo de divulgação na rede mundial. Construímos um Blogue que transmitiu a nossa mensagem e serviu de local de encontro de cibernautas, em www.areaprojecto1.blogspot.com . Descobrimos que a amizade e a partilha são o trilho que se deve percorrer. Em vez da competição optámos pela cooperação; em vez do preconceito, a compreensão. Foi assim em 2006/ 2007. Foi excelente! Foi uma experiência de prazer e de aprendizagens significativas para professores e alunos, em particular, e para a Comunidade Educativa em geral. Resultou especialmente pelo empenho e motivação em torno de um lema comum: “O Direito à Diferença”. Foi e continuará a ser. Este ano iniciámos um novo percurso, com outro Projecto, denominado por CODEC (Comunicação e Diversidade Cultural), empenhados à procura da nossa identidade, como sempre, mergulhada na imensidão das diferenças culturais.

ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE SANTO ANTÓNIO uma escola entre-culturas

Prof. Luís Manuel Mourinha


o s s no Jardim-de-infância Nº 2 da Verderena É também conhecido pelo Jardim Tágides, por ter existido neste local há alguns anos uma fábrica de chocolates que se chamava “Fábrica de Chocolates Tágides”. É um espaço amplo, muito agradável, bonito e é composto por 3 salas de actividades. Gostamos de que aqui estar e todos contribuímos para que o ambiente seja harmonioso e rico em experiências, onde se cresça de forma equilibrada e todos tenham as mesmas oportunidades educativas. Partindo da consciencialização das necessidades da nossa comunidade educativa, desenvolvemos vários projectos, entre eles, no âmbito da educação para a saúde o projecto Europeu “Shape-up”. O futuro começa hoje, por isso as nossas crianças têm acesso às novas tecnologias da informação/comunicação, e para tal proporcionamos o contacto diário com este tipo de materiais. Neste âmbito destacamos o projecto “Kidsmart”. A todos, um Natal Solidário.

Eu vou contar-vos como é a minha escola. EB1 Nº1 do Barreiro Nada melhor que o depoimento da aluna Mara Vieira - 4º ano, 10 anos, da Escola nº1 do Barreiro para a podermos conhecer. «A minha escola é muito divertida! Tem uma biblioteca, e nós temos de ler em silêncio e podemos também pintar. Também temos a sala dos computadores e vamos para lá jogar e fazer pesquisas para os trabalhos da escola. Temos também um blog na Internet - a morada é htpp://eraumaveznabiblioteca.blogspot.com. Cá na escola as professoras organizaram uma sala de actividades e lá nessa sala há várias coisas para fazermos: expressão plástica, leitura de livros e brincar às escolas. No refeitório também temos regras enquanto comemos. Ainda há a sala dos professores que tem a máquina de tirar fotocópias e o gabinete tem o telefone para telefonarmos quando há alguma emergência ou outros tipos de casos. No gabinete há um piano muito antigo e nesse gabinete temos uma foto do Conde Ferreira. Na Escola há três pátios e sete salas de aulas. A minha sala é muito gira, tem dois quadros e agora estamos a fazer trabalhos sobre o Natal. Bem espero que gostem da minha Escola, ela já tem muitos anos e ainda está inteira!»

7


A Freguesia do Barreiro, no âmbito do parque escolar, tem vindo a ressentir-se de graves insuficiências, quer nas escolas do 1º Ciclo, pelo seu estado de envelhecimento, quer na cobertura do Pré-escolar e das Creches de pendor público. Finalmente um passo de fulcral importância, para a comunidade educativa desta Freguesia, está a ser dado com a intervenção na antiga Escola Mendonça Furtado, para permitir a educação Pré-escolar e 1º Ciclo. Perspectivando-se para o ano lectivo de 2008/2009, a transferência dos alunos das escolas EB1 nº1 e EB1 nº2, para as novas instalações, cujas obras de reabilitação a cargo da Câmara Municipal do Barreiro, visam uma complementaridade entre o Pré-escolar, com duas salas de Jardim-de-Infância e o 1º Ciclo do ensino básico com oito salas. Assim, a Junta de Freguesia do Barreiro vem neste interregno, intervindo em pequenas obras de manutenção e reparação de equipamentos, nas actuais escolas de 1º ciclo, ao longo do ano lectivo. A intervenção da Junta de Freguesia passa também, por promover às crianças das escolas, momentos de confraternização, actividades lúdicas, como as realizadas com os alunos da EB1 nº1 e nº2 com a colaboração da psicóloga Ana Firme, projecção de filmes, comemoração do Dia Mundial da Criança, com actividades no parque Catarina Eufémia, assinalou-se o inicio de um novo ano escolar, com a oferta de uma lembrança, e muitas outras iniciativas que tivemos o prazer de apoiar. Como contributo da J.F.B para um melhor e mais alegre Natal de 2007, de todos os alunos do 1º Ciclo e CAIC, realizaremos uma deslocação ao "Parque de Diversões Leo". O apoio ao ensino e educação são prioridades da Junta de Freguesia do Barreiro, pelo que estamos sempre disponíveis, para conjugar esforços, com todos os agentes da Comunidade Educativa.

ensino e educação na freguesia do barreiro

Raul Malacão Presidente da Junta de Freguesia do Barreiro


LETRA e - DEZEMBRO 2007