Issuu on Google+

Ano I

NĂşmero 26

Data 01 a 04/06/2012


O TEMPO - on line - 01.06.2012

Guerra do tráfico

Toque de recolher fecha escola e lojas no Taquaril KARINA ALVES Um recado supostamente vindo de traficantes fechou mais cedo as portas de cerca de 15 lojas e interrompeu as aulas do turno da noite de uma escola municipal no bairro Taquaril, na região Leste de Belo Horizonte, na tarde de anteontem. “A mensagem era para não deixar o comércio aberto depois das 17h e para as mães buscarem as crianças mais cedo na escola”, contou um comerciante, que preferiu não ser identificado. “O pessoal ficou apavorado. Eu mantive minha loja aberta, mas não tinha ninguém na rua”, contou outro comerciante, que também pediu anonimato. Moradores contaram que apenas viaturas circularam nas ruas e foi preciso escoltar três ônibus escolares ao fim do turno da tarde de quarta-feira, porque motoristas tinham medo de circular pelo bairro. De acordo com pessoas que moram na região, o problema teria começado na noite de terça-feira, quando houve uma troca de tiros entre duas gangues que estão em guerra no bairro. Balas perdidas atingiram dois alunos da Escola Municipal Fernando Dias Costa, de 13 e 14 anos. Eles já haviam saído da escola, mas estavam nas imediações da instituição. O mais velho, atingido pelas costas, passou por uma cirurgia e permanece internado no Hospital de Pronto-Socorro João XXIII. O mais novo recebeu alta anteontem. METRO - P. 03 - 01.06.2012

“O boato foi que determinaram o toque de recolher para não ferir mais ninguém inocente nessa guerra”, comentou outro morador da região. Segundo uma fonte da Polícia Civil, dois rapazes, conhecidos como Cabeção e Leozinho, estariam por trás do toque de recolher. Medidas. Apesar do reforço no policiamento na região, ninguém havia sido detido até o fechamento desta edição. A Secretaria Municipal de Educação informou que as aulas foram retomadas, e os alunos poderão ser liberados mais cedo, desde que responsáveis os busquem. Ibirité viveu situação parecida Uma situação parecida aconteceu em Ibirité, na região metropolitana de Belo Horizonte. Comerciantes do bairro Lago Azul fecharam as portas de várias lojas na última terça-feira, logo após o assassinato de um traficante conhecido como Lekinha. “O rapaz cresceu no bairro, e muita gente ficou com medo de novas mortes ocorrerem. Por isso, alguns comerciantes fecharam as portas”, comentou o capitão Wanderlei Dias, comandante da 214ª Companhia da Polícia Militar. Segundo ele, o policiamento foi intensificado, e o comércio já voltou a funcionar.


AL INFORMA - P. 01 - 01.06.2012

Estado de minas – ON LINE - 03.06.2012 Giro pelo País

TRÁFICO

Presa com 10kg de coca

Policiais da 25ª Delegacia de Polícia (Engenho Novo) prenderam na madrugada de ontem Viviane de Oliveira Souza, de 31, por suspeita de tráfico de drogas. De acordo com a Polícia Civil, as investigações para prendê-la duraram três meses. Viviane vendia drogas na comunidade do Jacarezinho, na Zona Norte do Rio, e em outras favelas da cidade, segundo a polícia. Ela foi presa em flagrante na Linha Amarela, via que liga as zonas Norte e Oeste do Rio, com 10 quilos de pasta base de cocaína. De acordo com os policiais, a droga estava escondida num “compartimento secreto” do carro que ela dirigia. Um botão no painel do veículo acionava um dispositivo para abrir o compartimento.


veja - p. 24 a 32 - 06.06.2012


cont... veja - p. 24 a 32 - 06.06.2012


cont... veja - p. 24 a 32 - 06.06.2012


cont... veja - p. 24 a 32 - 06.06.2012


cont... veja - p. 24 a 32 - 06.06.2012


cont... veja - p. 24 a 32 - 06.06.2012


01 a 04 Junho 2012