Page 1

WWW.CLICJM.COM

Ijuí, Terça-feira, 4 de setembro de 2018

Ano 45 - Nº 89

R$ 3,00

Nova usina rende contratos de R$ 118 milhões à Ceriluz Cooperativa ijuiense participou de leilão nacional, e antecipou venda de energia que será produzida. | 5

Candidato foca ações para obras na região

SEMANA DA PÁTRIA

Lançada campanha Doação Farroupilha

Gerson Burmann (PDT) concedeu entrevista. | 9

Iniciativa do Sicredi tem parceria com o HCI. | 13

MEC garante nova parcela à escola do bairro Jardim

Mulher morre em acidente de trânsito

Espaço terá capacidade para 200 crianças. | 7

No sábado, na Praça da República, cerimônia marcou a abertura oficial da Semana da Pátria, com acendimento do fogo simbólico | 7

FALTA DE ESTRUTURA

Problema de longa data, buracos que se acumulam em frente a empresas localizadas na BR-285 em Ijuí | 9

Atleta ijuiense é campeã brasileira de boxe Gabrielle Sá conquistou na Bahia o título inédito do peso mosca,52 kg da ANB. | 16

Colisão ocorreu na área central de Ijuí. | 15


RADAR GASTOS NA SAÚDE - A Saúde tem potencial para se transformar numa fonte de graves problemas e de desgaste para o próximo presidente. Por causa das mudanças nas regras de reajuste de gastos do governo federal, o orçamento da área foi reduzido e congelado no momento em que a pressão pelos serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) aumenta. Desde 2014, pelo menos 3 milhões de pessoas deixaram de ter planos de saúde por causa da crise econômica. Sem assistência suplementar, esse grupo que pouco usava o SUS passou a depender dele. A área sofre com as mudanças nas regras para ajuste de gastos federais, que provocaram uma perda para a Saúde de R$ 6,8 bi em três anos, de acordo com cálculos da Associação Brasileira de Economia da Saúde (ABrES) obtidos pelo Estado. VACINAÇÃO - O Ministério da Saúde prorrogou até 14 de setembro a Campanha Nacional de Vacinação contra Pólio e Sarampo. Pelos dados preliminares, a média de vacinação está em 88%. Em apenas sete estados a meta de vacinar pelo menos 95% do público-alvo foi atingida. Estados e municípios que não atingiram a meta devem manter a campanha por mais 15 dias. Devem ser vacinadas contra a poliomielite o sarampo crianças de 1 ano a 4 anos e 11 meses. A recomendação é que estados e municípios façam busca ativa para garantir que o público-alvo da campanha seja vacinado. DETRAN - O Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul (DetranRS) está com inscrições abertas para um curso à distância voltado para pessoas que pretendam utilizar a bicicleta como meio de transporte diário. O curso, realizado pela Escola Pública de Trânsito do Detran, tem o objetivo de levar mais segurança para os usuários, e é direcionado para educadores, profissionais multiplicadores, ciclistas, e pessoas que pretendam usar as bicicletas no dia a dia. A primeira edição começa no dia 17 de setembro. A carga horária é de 24 horas, divididas em seis horas semanais, durante quatro semanas. VIOLÊNCIA DOMÉSTICA - Em cinco dias, a Justiça do Rio Grande do Sul realizou mais de 1,8 mil audiências relacionadas ao crime de violência doméstica, deliberando 1,5 mil sentenças e concedendo 1,8 mil medidas protetivas. O mutirão reuniu mais de 200 magistrados gaúchos durante a 11ª Semana da Justiça pela Paz em Casa, que aconteceu em todo o Brasil entre os dias 20 e 24 de agosto. Mutirão nacional, a Semana da Justiça pela Paz em Casa é promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em parceria com os Tribunais de Justiça estaduais. LINHA DE CRÉDITO - O Ministério da Educação (MEC) e o BNDES estudam criar uma linha de crédito para faculdades privadas. O objetivo é que com o dinheiro as instituições possam oferecer financiamento aos estudantes com juros baixos. O MEC espera que, por ela, cerca de R$ 2 bilhões sejam disponibilizados. O BNDES afirma que não há prazo para a abertura da linha. O Banco do Brasil também analisa a possibilidade de oferecer crédito consignado com regras específicas para estudantes pagarem seus cursos superiores. O ministério afirma que está pressionando os bancos para aumentar as opções de financiamento estudantil.

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

2

OLHO DA RUA INDICADORES Poupança 20.8.2018 .............................0,5 % Ouro 3.9.2018......................... R$ 157,43 (gr) Dolar Comercial (compra) ............ R$ 4,1505 Dolar Comercial (venda) ............. R$ 4,0812 Dolar turismo (compra) ............... R$ 4,1200 Dolar turismo (venda) .................. R$ 4,3300 Euro (compra) .............................. R$ 4,8200 Euro (venda) ................................. R$ 5,0602 IPC/FIPE julho/2018 ......................... +0,23% INPC Julho/2018 .............................. +0,25% IGPM Julho /2018 ............................ +0,51% IPCA Julho /2018 ............................. +0,33% ICV Diese Jun/2017 ..............................0,78% TR 10 de agosto/2018 ........................ +0,0% SELIC agosto / 2018 ........................... +6,5%

A população segue deixando lixo em local impróprio. Exemplo disso, a geladeira deixada na Rua 15 de Novembro, por pessoas que mudaram de residência, no fim de semana. Independente do motivo, cada lixo tem seu lugar. Na dúvida, basta ligar para o telefone 3332 9384. Enquanto a conscientização em relação ao lixo não for um hábito na comunidade, cenas como esta continuarão sendo encontradas.

ENTRE ASPAS "Há um momento de certa preocupação no cenário internacional de petróleo por conta, principalmente, das restrições ao Irã e da deterioração rápida da capacidade de produção da Venezuela. Então isso tem afetado e pode afetar ainda mais, até o final do ano, o preço do petróleo." Secretário executivo do Ministério de Minas e Energia, Márcio Felix "É uma necessidade que nós temos. Vários países mundo afora já contam com uma escola nacional para formar policiais, seguranças, técnicos e gestores em segurança, a partir de um currículo nacional." Ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann "No trimestre, tivemos a greve dos caminhoneiros, que, de certa forma, impactou várias atividades. Afetou consumo das famílias, afetou indústria. Mas não podemos deixar de olhar também para o mercado de trabalho, para a inflação, para a taxa de juros, para todos os demais." Gerente da Coordenação de Contas Nacionais do IBGE, Claudia Dionísio

LOTERIAS NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

1º 2º 3º 4º 5º

-

0.111 2.436 9.862 5.656 2.900

MEGA SENA

CONCURSO nº

2074 - 01.09.2018

08 18 23 37 42 58 QUINA

CONCURSO nº

4767

08 15 19 31 49 PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo

Getúlio


Notícias

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

TRABALHO

Terceirização não retira direitos, diz especialista

Na última semana, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu em plenário que é constitucional o emprego de terceirizados na atividades-fim das empresas. Isso já era permitido desde o ano passado, quando o presidente Michel Temer sancionou a lei da reforma trabalhista, que permite a terceirização tanto das chamadas atividades-meio (serviços de limpeza e segurança em uma empresa de informática, por exemplo) quanto das atividades-fim. Mas havia um impasse em relação a 4 mil ações anteriores à lei da reforma trabalhista que questionavam entendimento do Tribunal Superior do Trabalho (TST), em vigor desde 2011, segundo o qual era proibido terceirizar a atividade-fim. Agora, essas ações, que tramitam em várias instâncias da Justiça, deverão ter resultado definitivo favorável às empresas. Nas relações de trabalho do dia a dia, porém, as mudanças são poucas, explica a advogada trabalhista Ilhana Vendrusculo. "As empresas que pretendem terceirizar terão que tomar muito cuidado, analisando de maneira criteriosa a saúde financeira e a

capacidade operacional das terceirizadas", afirma a especialista. Sob o ponto de vista do trabalhador, o novo entendimento jurídico que permite a terceirização total também não promove qualquer alteração legal, e os direitos trabalhistas seguem integralmente garantidos. "A pessoa segue com seus direitos assegurados, tanto por de seu empregador legal, quanto por parte da subsidiária que contratou os serviços. Isso significa dizer que o trabalhador terá dupla garantia, com dois empregadores", detalha Ilhana Vendrusculo. Esse argumento, inclusive, foi pacificado na própria decisão do Supremo, que manteve entendimento formado pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST), de que a empresa que terceirizar será responsabilizada em caso de não pagamento de direitos trabalhistas pela empresa fornecedora da mão-de-obra. Por fim, a decisão que dá segurança jurídica à terceirização irrestrita pode provocar maior flexibilização no sistema produtivo, garantindo maior autonomia às empresas. "Em muitos casos existem

Ilhana Vendrusculo

empresas bastante prósperas em alguma atividade, mas que não têm estrutura ou capacidade financeira para desenvolver todas as etapas dos processos produtivos. Uma opção é essa empresa se especializar em algum ponto da linha de produção, e oferecer seus serviços a outras empresas", cita a advogada Ilhana Vendrusculo.

Governo prorroga fase do eSocial A primeira fase de implantação do eSocial para empresas que faturam menos de R$ 78 milhões (exceto micro e pequenas e MEIS) teve seu prazo prorrogado até setembro. A data limite anterior era 31 de agosto. O eSocial é uma ferramenta que reúne os dados trabalhistas, fiscais, previdenciários das empresas em uma só plataforma. Ainda em implantação, o

sistema está sendo adotado aos poucos, antes de passar a ser obrigatório para os 18 milhões de empregadores do país. Antes, somente patrões de empregados domésticos eram obrigados a usar o eSocial. O início da segunda fase do programa passou de setembro para o dia 10 de outubro. Nesta fase, os empregadores devem fazer seus cadastros e enviar dados

não periódicos dos trabalhadores ao eSocial. Segundo o governo, o prazo foi estendido para que as empresas tenham mais tempo de prestar informações iniciais e montar suas tabelas. A medida atinge cerca de 3 milhões de empresas. As empresas com faturamento superior a R$ 78 milhões deverão continuar enviando todos os eventos para o eSocial.

Caixa inicia empréstimos consignados Os trabalhadores com carteira assinada em todo País poderão tomar crédito consignado na Caixa Federal usando o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) como garantia. A nova modalidade de empréstimo será oferecida nas agências do banco a partir do dia 26 de setembro. No começo do mês de agosto, o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) informou que tratava do assunto com a Caixa e com o Banco do Brasil. Conforme o MTE, em caso de demissão sem justa causa, o banco receberá até 10% do saldo da conta e 40% da multa por res-

cisão, limitado ao saldo devedor do empréstimo. A quantia ficará separada na conta do FGTS do trabalhador até que o empréstimo seja quitado, mas continuará a render normalmente. A estimativa é de que esse consignado possa ser usado por 36,9 milhões de trabalhadores. Os detalhes dos procedimentos que os interessados deverão tomar também não foram detalhados pela Caixa, nem as taxas de juros que serão cobradas. Entretanto, segundo resolução do Conselho Curador do FGTS, o teto dos juros é de 3,5% ao mês, e o prazo máximo de pagamento, de 48 meses. O

valor do empréstimo vai depender de quanto cada trabalhador tem na conta do Fundo. Segundo o Ministério do Trabalho, o acordo com a Caixa permitirá aos trabalhadores o acesso a crédito em "condições privilegiadas de juros no mercado bancário, para quitar eventuais dívidas, sair de listas de inadimplência, efetuar reformas de residências, iniciar negócios individuais, adquirir bens e serviços, ou outras atividades, que os limites de crédito impediam". A possibilidade de se usar o saldo do Fundo como garantia em consignado virou lei em 2016.

3

Lotéricas voltam a receber contas de energia elétrica O Departamento Municipal de Energia de Ijuí (Demei) anunciou, ontem, que chegou a um acordo com a Caixa Econômica Federal para que as casas lotéricas conveniadas à instituição bancária voltem a receber o pagamento da conta de luz em Ijuí. O contrato entre a autarquia municipal e o banco público havia se encerrado em julho. A parceria não foi renovada, conforme o Demei, em virtude do alto reajuste imposto pela Caixa para que o serviço continuasse sendo prestado. O diretor-presidente do Departamento, Rubem Härter, chegou a afirmar que, em apenas um ano, o novo contrato representaria R$ 10 mil adicionais em taxas ao Demei. Na Câmara de Vereadores, uma moção de apelo chegou a ser aprovada para que um novo convênio fosse assinado, já que a maior parte das casas lotéricas

em Ijuí é conveniada à Caixa. Desta forma, o impossibilidade de pagar a conta de luz nestes estabelecimentos representava perdas ao consumidor, afirma o texto da moção. Com um novo contrato, os clientes do Demei poderão pagar a tarifa de energia normalmente nas lotéricas conveniadas à Caixa. “Estamos felizes com o entendimento, pois, para nós o importante é a satisfação do consumidor e, como sabemos, muitos preferem fazer o pagamento da sua conta nas Casas Lotéricas”, afirmou Rubem Härter. No entanto, a solução encontrada pelo Demei é paliativa, já que um contrato de apenas 90 dias foi assinado entre a autarquia e a Caixa Econômica Federal. Neste período, as duas partes vão negociar um novo acordo, para tentar chegar a um entendimento sobre os reajustes das taxas.

PIB ainda sente reflexo da greve dos caminhoneiros No segundo trimestre de 2018, de acordo com o IBGE, o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro registrou variação de 0,2% em relação aos três meses anteriores, na série sazonalmente ajustada. Setorialmente, houve diminuição de 0,6% na indústria, enquanto a agricultura permaneceu estável. Os serviços, em contrapartida, cresceram 0,3%. Do ponto de vista da demanda, o consumo das famílias ficou praticamente estável, com variação de 0,1%. O consumo do governo registrou variação de 0,5%. O investimento, por sua vez, registrou queda de -1,8%. Para o economista Tales Costa, da Assessoria Econômica da Fecomércio-RS, diversas pontas da economia nacional ainda se recentem das perdas acumuladas durante a greve dos caminhoneiros.

"Depois da greve, era esperado que o PIB apresentasse um resultado de crescimento menor do que o aquele que estava no radar desde o início do ano. O que a gente viu após a paralisação dos caminhoneiros é uma recuperação mais lenta da economia", avalia o economista, citando, ainda, a imprevisibilidade do processo eleitoral como elemento de instabilidade da economia. A partir disso, e diante das projeções do mercado financeiro, a Assessoria Econômica da Fecomércio-RS prevê um PIB inferior a 2%. "A expectativa é que a economia continue crescendo nos próximos trimestres, mas em níveis melhores do que tivemos até agora. Até lá, teremos a eleição definida e o um aumento gradual no consumo das famílias, um motor importante dessa recuperação".


Notícias

Jornal da Manhã Terça-feira, 4 de setembro de 2018

4

CHUVAS

Alagamentos foi principal demanda em Ijuí Pelo período de cinco dias, a chuva não deu trégua no município de Ijuí. Na madrugada de sábado, por volta da 1h30, a queda de granizo, que durou quase cinco minutos, aliado às chuvas fortes e ventania, gerou estragos em imóveis e automóveis. Diversas casas foram alagadas. "Ainda estamos realizando avaliação, porque tivemos em Ijuí três eventos ao mesmo tempo, vento, granizo e muita chuva. Estamos realizando o atendimento conforme o chamado de cada família, e tentando resolver", conta a coordenadora municipal da Defesa Civil, Sandra Martins. Já na sexta-feira, quando Ijuí registrou 128 milímetros de chuvas, inúmeras casas foram alagadas, sendo necessária ajuda de equipes do Corpo de Bombeiros, que realizaram o trabalho junto às famílias, em apoio à Defesa Civil, até por volta das 3h de sábado. Equipes do Departamento Municipal de Águas e Saneamento de Ijuí (Demasi) também atuaram durante o período de crise. "Auxiliando as famílias que necessitavam de lonas. Houve um destelhamento no bairro Colonial, inclusive de difícil acesso, o caminhão dos bombeiros atolou, e tinha crianças na casa. Foi um trabalho intenso", relata. "Nos demais bairros, minha preocupação maior foi em relação aos alagamentos, porque tanto a Defesa Civil quanto os Bombeiros

tiveram muitos chamados." No Chorão, o nível do Rio Azul subiu e invadiu diversas residências, e está sendo monitorado, assim como o Rio Ijuí, uma vez que a situação ainda não está normalizada. Até o momento, nenhuma família ficou desalojada. No sábado pela manhã, a Defesa Civil realizou a limpeza de bocas de lobo, obstruídas por lixo e barro. Na manhã de ontem, a coordenadora, acompanhada da secretária municipal de Desenvolvimento Social (SMDS), Romi Rohde, visitou famílias atingidas pelas chuvas, e que perderam móveis e agasalhos. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, Obras e Trânsito (Smodutran) também trabalha, desde ontem, na limpeza de ruas e bocas de lobo. "Peço que as famílias continuem nos chamando, procurem os órgãos da prefeitura. Não resolve colocar nas redes sociais ou na imprensa, porque as pessoas que leem não vão com máquinas e materiais para fazer a limpeza, não irão ceder lonas, isso é o trabalho da Defesa Civil, do Demasi, da SMDS, da Habitação, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente no caso de quedas de árvores, então, estamos todos preparados, por isso peço que venham até nós", solicita Sandra. A intensa chuva registrada nos

últimos dias resultou em estragos em algumas regiões do Estado. Em cinco dias, foram registrados 60 milímetros, na média regional. Na área de abrangência da Defesa Civil regional, que contempla 60 municípios - incluindo Ijuí -, não ocorreram estragos de grandes proporções, em relação a outras cidades. "Nenhum caso que necessitasse da intervenção da Defesa Civil de forma mais ampla, ou que fugisse ao controle do próprio Município", acrescenta o coordenador regional, major Paulo Kunkel. "Estamos em contato permanente com todos os coordenadores e pelo que estamos conversando, foi uma chuva boa para a agricultura." Conforme previsão meteorológica, a chuva deve reduzir a intensidade a partir de hoje, com queda nas temperaturas. No entanto, o coordenador lembra a possibilidade de ocorrer o fenômeno El Niño, no início da primavera. "Tem meteorologistas permanentemente controlando e passando informações sobre as mudanças. Hoje, as atenções estão todas voltadas para o Sul do Estado, uma vez que as chuvas elevaram os níveis de vários rios e causam transtornos significativos. Então, no momento em que começa a causar danos, o monitoramento se volta para estes locais, com intuito de prever alterações positivas ou negativas para serem passadas à comunidade."

Famílias ficam desalojadas no Estado A chuva que atinge o RS desde a semana passada provocou deslizamentos, alagamentos, tirou famílias de casa e ainda foi responsável pelo cancelamento de aulas em algumas cidades. Conforme a Defesa Civil estadual, 21 municípios gaúchos foram afetados. Mesmo com a melhora da situação, os níveis de rios seguem sendo monitorados pelas autoridades no Estado. Em Dom Pedrito, ao menos 20 pessoas tiveram que sair de suas casas. O nível do rio Santa Maria chegou a cinco metros acima do normal e várias ruas ficaram alagadas. No último boletim da Defesa Civil, divulgado no fim da manhã de ontem, a informação é de seis famílias desabrigadas (encaminhadas a abrigos públicos) e cinco desalojadas (acolhidas na casa de amigos ou parentes). Nos 21 municípios atingidos, 12 famílias ficaram desabrigadas e 54 desalojadas. No domingo, as bacias que mais preocupavam a Defesa Civil

Em Ijuí, também foram registrados desmoronamentos pontuais de terra

Em Montenegro, parte de encosta desmoronou e uma casa desabou

Parte de casa desaba e moradores pedem ajuda Na Travessa Otília de Oliveira, com a Rua 13 de Maio, a residência de um casal de recicladores foi atingida pela força da chuva, no fim de semana. Parte do teto desabou. Jorge Adelar da Silva Trindade conta que recentemente recebeu doações de cesta básica, cobertas, roupas e móveis. No entanto, com a chuva, até mesmo

as doações foram perdidas. "Não temos onde colocar o que nos doaram, porque a casa está cheia de água. Estragou a maioria dos alimentos", conta. Além da coleta de material reciclável, Jorge também realiza a condução de árvores. Quem puder ajudar a família, seja com doações ou com oportunidades de trabalho, o telefone é 99162 2065.

Cheia registrada em Pedras Altas durante o último fim de semana

eram as do Caí, Taquari, Antas, Ibicuí, Sinos, Santa Maria, Gravataí e Baixo Jacuí, com risco de inundações. Foram registrados ainda transtornos em Bagé durante o fim de semana, onde a população enfrentou pontos de alagamento provocados pela chuva forte. Em Pedras Altas, comunidades de áreas rurais ficaram isoladas e tiveram as aulas suspensas

pela prefeitura por conta da dificuldade de acesso e locomoção. Em Novo Hamburgo, no Vale do Sinos, um barranco desmoronou em um loteamento popular. Duas casas foram parcialmente soterradas, e outras ficaram sem sustentação e tiveram que ser interditadas pela Defesa Civil. Pelo menos oito famílias tiveram que buscar abrigo na casa de parentes e amigos.

Roupas, alimentos e até móveis ficam no pátio devido à alagamento


Notícias

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

5

PCH SEDE II - CENTENÁRIA

Ceriluz vende R$ 118 milhões em energia

A nova usina PCH Sede II - Centenária, que está sendo construída pela Ceriluz em Ijuí, teve suas obras iniciadas há pouco mais de três meses. O cronograma estabelecido pela cooperativa prevê que, a partir do fim de 2019, a capacidade instalada da usina alcançará 7 MW (cerca de 0,15% da demanda média de energia do Estado). Na última sexta-feira, a Ceriluz foi a única geradora gaúcha a participar de um leilão, promovido pelo Ministério de Minas Energia, que estabeleceu contratos para fornecimento de energia. Ontem, o presidente da cooperativa, Iloir de Pauli, comemorou o resultado do leilão, que garantiu a venda de energia da nova usina pelas próximas três décadas após o início da operação. "Tivemos a oportunidade de

vender 70% da geração da futura usina Sede II por um prazo de 30 anos. Fechamos contratos no valor de R$ 118,5 milhões, o que corresponde a essa energia que vamos gerar a partir do ano de 2024", detalha o presidente da Ceriluz. Inúmeras distribuidoras do País compraram a energia futura da cooperativa ijuiense. Como a pretensão é colocar a nova usina em operação já em 2020, a Ceriluz terá um prazo de três anos nos quais a energia inicial produzida pela PCH poderá ser comercializada livremente. "Essa sistemática que nos permitiu comercializar a energia antecipadamente é muito positiva, pois nos dá uma segurança financeira muito grande, independentemente se tivermos aumentos no custo da energia. É um novo

momento da nossa cooperativa, e que dá a garantia de retorno sobre o investimento que nós vamos fazer", resume de Pauli. A venda da energia futura em leilão é uma das premissas para a liberação dos recursos que vão financiar as obras da nova usina. Ao todo, o empreendimento, localizado no rio Potiribu, na Linha 04 Leste, está orçado em R$ 40 milhões. Para a operação da nova usina, a Ceriluz entrou em acordo com a prefeitura de Ijuí, a fim de desativar a Usina Velha do Demei que, se continuasse funcionando, diminuiria o potencial energético da nova PCH, que fica em um ponto abaixo do rio Potiribú. No acordo, a cooperativa se compromete a repassar ao Demei a energia equivalente à produção energética máxima da Usina Ve-

Túnel captará água do rio Potiribú e lavará por 2 km até a casa de máquinas

lha. "A prefeitura tem participação na energia que vamos produzir e, como só comercializamos uma parte da geração total, o restante da energia, somada aos contratos que estabelecemos, representará uma boa soma também ao município", afirma. Obras aceleradas O grande trunfo da PCH Sede II - Centenária é o túnel de adução que será construído, permitindo que a distância entre o ponto de captação da água e a casa de máquinas produza uma queda de 40 metros, gerando quantidade

significativa de energia. O túnel terá mais de dois quilômetros de comprimento, e sua escavação será feita através de implosões. Segundo Iloir de Pauli, o paiol que abrigará os explosivos para as obras já está sendo montado, e a licença para a realização das implosões já foi solicitada ao Exército. "Vamos começar a escavação do túnel ainda neste ano, e a expectativa é que em 2020, entre os meses de abril e maio, possamos ter a usina em funcionamento", afirma o presidente da Ceriluz.


Jornal da Manhã

OPINIÃO

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

MODERNIZAÇÃO DO TRABALHO

C

om entrada em vigor em novembro de 2017, a reforma Trabalhista vai sendo paulatinamente ratificada por diversas instâncias do poder Judiciário. O item mais recente a receber aval do Supremo Tribunal Federal (STF) foi a terceirização irrestrita que, segundo o colegiado da Corte, estabelece o princípio da liberdade das empresas em formalizar suas relações de trabalho da O maior trunfo da forma que acharem mais modernização traba- pertinente. Neste aspecto, os lhista, porém, é adequar nossa legislação ministros ainda estabeàs realidades mercado- leceram garantias aos trabalhadores, obrilógicas atuais. gando as contratantes a arcar com o pagamento dos direitos dos funcionários, caso a contratante original não cumpra com as obrigações. Como a criação da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) ocorreu nos anos 1940, era até mesmo natural que a mudança drástica em regras sensíveis das relações trabalhistas provocasse oposição ferrenha de setores que se beneficiavam de certa liberalidade que regia o mundo do trabalho. O exemplo mais claro é a chamada contribuição sindical, que recolhia recursos de todos os trabalhadores para o financiamento de inúmeras entidades sindicais 'de

gaveta', como eram conhecidos os sindicatos que pouco atuavam na representação de suas categorias profissionais, servindo mais a interesses ideológicos do que qualquer outra coisa. Com boa dose de marketing, o governo anunciava à época da validação da reforma Trabalhista que as mudanças, por si só, poderiam impulsionar a geração de empregos no País. A previsão mostrou-se um fracasso, visto que o número de trabalhadores com carteira assinada se manteve estável, com o País ostentando a preocupante marca de quase 13 milhões de desempregados, conforme dados do IBGE. O maior trunfo da modernização trabalhista, porém, é adequar nossa legislação às realidades mercadológicas atuais. É dentro deste espectro que está, por exemplo, a legalização do home office, que permitiu a legalização de trabalhadores de empresas de serviços voltados ao ambiente online, e cuja presença física em espaços coletivos de trabalho é dispensável. É certo que mudanças em legislações abrangentes são sempre traumáticas, e o cenário ideal é que amplas discussões sejam feitas, ouvindo o maior número possível de opiniões divergentes. No entanto, o cenário apocalíptico previsto por muitos com a validação da reforma Trabalhista não se confirmou, e as validações legais começam a surgir.

PONTO DE VISTA Bruno Hass Presidente fala sobre mudanças no Sindilojas Noroeste

Há mudanças no Sindilojas Noroeste? Sim, tivemos a contratação de um funcionário, que fará contato com os empresários que ainda não são associados. O objetivo é trazer este empresário para junto do sindicato e, principalmente, mostrar a ele o que pode usufruir por meio da nossa entidade. Muitos não sabem que o Sesc, o Senac, fazem parte

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

do guarda-chuva do sindicato, por exemplo. Então, com isso, queremos mostrar os benefícios que estas entidades trazem para eles, além de os diversos convênios que estamos firmando, em benefício do empresariado. Quais benefícios e convênios são disponibilizados aos empresários? Já está encaminhado, só falta definir alguns detalhes, de um convênio na área da saúde. Também temos benefícios na área financeira, de contratação de pessoal. Ou seja, em todas as áreas que já detectamos, até aqui, que podemos ajudar o empresário. Sempre buscamos auxiliar. Antes da eleição, o senhor destacava que iria concorrer respaldado por uma diretoria jovem. Como tem sido essa parceria? A gente tem dado espaço para aqueles que futuramente vão tocar as entidades. E estamos, cada vez mais, tentando rejuvenescer a entidade. Também estamos envolvendo as mulheres, para que elas possam ajudar as entidades a se desenvolver. Está na hora de deixarmos as portas abertas para que outros assumam o controle, com novos incentivos. Exatamente para fazer acontecer novas coisas na cidade, que são necessárias.

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Jocelaine Simão redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com Representantes Comerciais: Grupo de Diários

www.clicjm.com

6

ARTIGO

E se os professores fossem avaliados? Carlos Alberto Gianotti, Professor de física aposentado Tem-se mais do mesmo, nada de surpreendente nos recentes resultados ora divulgados sobre desempenho do alunado dos ensinos fundamental e médio. Sete em dez alunos do Ensino Médio mostram insuficiência em língua portuguesa e matemática. A escola pública há muito deixou de ensinar e a privada apresenta padrões aceitáveis desde que não tenha adotado improváveis propostas pedagógicas do tipo freireana. Sejamos objetivos: haverá responsáveis diretos por tal situação? O Sindicato dos Professores Estaduais, Cpers, teve a sem-cerimônia de veicular recentemente, em painéis de rua, mensagem com assertiva equivalente a "fechar escolas é abrir presídios". Em si, revelam os professores formuladores da assertiva questionável constituição lógico-cognitiva. Querem fazer crer que escolas são infecháveis; mesmo aquelas às moscas, com raros alunos e três dezenas de professores e funcionários a os atender, devem funcionar às expensas do erário com custos substanciais pela relação numérica aluno/professorfuncionário. Pela ilógica ou má-fé de certos docentes, fechar escolas equivale a abrir presídios. Quem estabelece relações dessa ordem pouco professará coerentemente, porque em classe também as expressará. Cogito sobre qual seria o resultado se professores colegiais fossem submetidos a avaliação rigorosa envolvendo os conteúdos que dizem ensinar, uma prova de redação e outra de interpretação de texto – capacidades pressupostas para educadores. Seriam muito superiores aos resultados obtidos pelos escolarizados ora divulgados? Quem sabe, uma solução para a melhoria da qualidade do ensino-aprendizado em aula – além de cursos para qualificar docentes em exercício – seria extinguir por um período com a "reserva de mercado" para a categoria dos professores escolares, os licenciados como eu, e se realizar concurso exigente de que qualquer graduado possa participar – engenheiro para ensinar matemática e física, advogado para língua portuguesa, médico para biologia e química, arquiteto para artes e história, como acontecia até os anos 1960 – todos com salário inicial, digamos, equivalente ao de juiz estadual de primeira instância. Isso agregaria valor ao mercado de trabalho e na formação escolar da juventude. Claro, a corporação viria a toda, em nome de uma deontologia sempre desconsiderada.

Artigos assinados são responsabilidade de seus autores. Para publicação, os artigos devem ser enviados com identificação do autor (nome completo, documento, endereço e fone) em fonte times, corpo 10, entrelinha 11, com até 30 linhas, para o e-mail redacao@jornaldamanhaijui.com

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

ciadearte@jornaldamanhaijui.com

ASSINATURAS E CIRCULAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0317 3331-0321 SEMESTRAL: R$ 220,00 ANUAL: R$ 440,00 CORREIO: R$ 440,00 (SEMESTRAL); R$ 880,00 (ANUAL)


Notícias

Jornal da Manhã Terça-feira, 4 de setembro de 2018

ENCONTRO REGIONAL

Qualidade do Ensino Superior é debatida

7

Aberta oficialmente a Semana da Pátria O último sábado foi marcado pela cerimônia de abertura da Semana da Pátria 2018, junto à Praça da República. O ato foi realizado no palanque oficial, em frente à prefeitura, onde ocorreu o acendimento do fogo simbólico pela diretora da Escola Municipal Ruy Ramos, Iara Metz, marcando o aniversário de 70 anos do educandário. O fogo permanece sob guarda até o desfile de 7 de Setembro. Os pronunciamentos ficaram a cargo do prefeito, Valdir Heck, e do comandante do 27º GAC, tenente-coronel Gerson Ricardo Parzianello. Para o chefe do Executivo, o País tem seus referenciais, que devem servir de orgulho a todos os brasileiros. Mas é preciso praticar, defender e honrar princípios como a ética, o respeito às leis e à convivência

social. O tenente-coronel Parzianello disse que ordem, respeito e progresso são essenciais para o País, não só na semana em que o fogo simbólico da Pátria motiva a reflexão. “Que o fogo simbólico permita pensarmos num País grande”, disse. Em contato com o Grupo, a coordenadora da comissão organizadora da Semana da Pátria, Sandra Bombardieri, destacou que as escolas municipais, estaduais e particulares estarão, ao longo da semana, trabalhando o tema em sala de aula. O desfecho das atividades acontecerá no desfile cívico-militar. “Precisamos rever alguns valores e retomar isso nas escolas. Para que não se perca o civismo e o patriotismo, valores fundamentais que precisamos passar aos alunos”, reforçou.

Realizado em Santa Rosa, no Centro Cívico, encontro foi promovido pela Comissão de Assuntos Municipais

Na última semana, Instituições de Ensino Superior (IES) da região Noroeste tiveram a oportunidade de discutir sobre a qualidade do Ensino Superior e o papel das universidades comunitárias no atual cenário da política educacional brasileira. A audiência foi realizada na última quinta-feira, em Santa Rosa, através da Comissão de Assuntos Municipais da Assembleia Legislativa. Na oportunidade, participaram as faculdades pertencentes ao Fórum das Faculdades Comunitárias (Forcom) e as Universidades pertencentes ao Consórcio das Universidades Comunitárias Gaúchas (Comung). De acordo com o professor Pedro Büttenbender, da Unijuí – que esteve participando do encontro ao lado da reitora Cátia Nehring; da vice-reitora de Graduação, Cristina Pozzobon; e do professor Ariosto Sparemberger -, o encontro resulta de uma mobilização liderada pelo Forcom. “O objetivo foi debater os desafios do Ensino Superior, especialmente nos últimos anos, já que tivemos um agravamento devido às medidas tomadas pelo Ministério da Educação

de abrir, de forma desenfreada e sem maior fiscalização, cursos na modalidade de ensino a distância”, explicou. Em contato com o Grupo JM, o professor destaca que o ensino a distância não é o centro da questão. Mas, sim, a abertura de vagas sem que haja mecanismos de acompanhamento, gerando uma mera competição de preços. “As instituições comunitárias têm um papel histórico, e inclusive protagonizaram uma demanda que o Estado não teve provimento em épocas passadas, como é o caso da Unijuí. Através da comunidade se organizou a oferta do Ensino Superior em Ijuí, sem que houvesse a presença do Estado. E agora o governo, de forma deliberada, autoriza novos cursos, desconhecendo a importância que têm as instituições e a qualidade da sua oferta, representando um desmonte e uma afronta às universidades”, destacou. De acordo com o professor, a primeira definição do encontro foi levar a demanda ao Parlamento Gaúcho. “Por mais que o Ensino Superior seja uma atribuição do Ministério da Educação, e não do Estado, a política que vem sendo implementada é

uma afronta ao desenvolvimento do Rio Grande do Sul e das universidades comunitárias”, comentou Büttenbender. Através da Forcom e das universidades comunitárias, será feita uma pressão junto aos poderes centrais em Brasília e, principalmente, no Congresso Nacional e no Ministério da Educação. “Queremos um processo de valorização e reconhecimento, através do acompanhamento do cumprimento dos mecanismos de avaliação na oferta do Ensino Superior. Somos favoráveis ao reconhecimento da importância das novas modalidades e das novas tecnologias, e a Unijuí vem liderando de forma positiva este processo, mas permitindo e buscando que o governo faça investimento nas instituições. Na qualificação do seu corpo docente, na condição de oferta tanto tecnológica quanto em infraestrutura, valorizando o desenvolvimento da educação.” Também foi elaborado um documento entre Forcom, universidades e Assembleia Legislativa, através da comissão, que irá subsidiar os demais encaminhamentos a nível federal.

Confirmada nova parcela para obra De acordo com o secretário municipal de Educação, Eleandro Lizot, o Ministério da Educação confirmou a liberação da segunda parcela destinada à construção da escola de Educação Infantil no bairro Jardim. O valor, de aproximadamente R$ 130 mil, ainda não está no caixa no Município. “O primeiro passo é a liberação e, logo, teremos o dinheiro na conta”, explicou. A escola está sendo construída

com recursos do Ministério da Educação – e, como a liberação depende da União, não é possível afirmar quando o prédio ficará pronto, segundo Lizot. A obra está orçada em R$ 1,2 milhão. “O Município entra com recurso próprio, já autorizado, para fazer o fechamento de todo o terreno”, explica. Após a conclusão, a escola atenderá cerca de 200 alunos. Neste ano, segundo o secretá-

rio, já foram investidos recursos na manutenção e melhoria dos espaços físicos da Escola Municipal de Educação Infantil Solange Copetti. Está em andamento o projeto de ampliação da Escola Trilha do Saber e do novo prédio da Escola Casa da Criança. “Também já estamos atendendo as escolas que, neste último final de semana, tiveram problemas de infiltração, em razão das chuvas”, comentou.

Fogo simbólico da Pátria permanece sob guarda até o desfile, dia 7 de Setembro

Ideb tem pequeno avanço no Ensino Médio A meta do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) estabelecida para 2017 foi cumprida apenas nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental, etapa que vai do 1º ao 5º ano. A etapa alcançou 5,8 (em uma escala que vai de 0 a 10), quando a meta estipulada era de 5,5. No Ensino Médio, etapa mais crítica, o índice avançou 0,1 ponto, após ficar estagnado por três divulgações seguidas, chegando a 3,8. A meta para 2017 era 4,7. Nos Anos Finais do Ensino Fundamental, do 6º ao 9º ano, a meta foi descumprida pela primeira vez em 2013 e não atingiu mais o esperado. Em 2017, com Ideb 4,7, o País não alcançou os 5 pontos esperados. “Apesar do crescimento observado, o País está distante da

meta projetada”, avalia o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pelo Ideb. Divulgado ontem pelo Ministério da Educação (MEC), o Ideb é o principal indicador de qualidade da educação brasileira. O índice avalia o Ensino Fundamental e Médio no País, com base em dados sobre aprovação nas escolas e desempenho dos estudantes no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb). O resultado do Saeb foi divulgado na semana passada pelo MEC. Desde a criação do indicador, em 2007, foram estabelecidas diferentes metas (nacional, estadual, municipal e por escola) que devem ser atingidas a cada dois anos, quando o Ideb é calculado. O índice vai de 0 a 10.


Notícias

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

IMPASSE

Ações contestam Lula em programas eleitorais

Na madrugada de sábado, o Tribunal Superior Eleitoral vetou imagem do petista em programas eleitorais

Ao menos nove representações foram protocoladas em tribunais eleitorais contra propagandas do PT nas eleições 2018 depois de a legenda insistir em manter o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso e condenado na Lava Jato, como protagonista das inserções apesar de barrado pela Justiça Eleitoral. Uma das ações causou a suspensão na manhã de ontem de propagandas do PT no rádio. A defesa petista disse que os pedidos fazem parte da “rotina de campanha”. No sábado, 1º, o ex-presidente Lula teve seu registro de candidatura à Presidência barrado pela Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Apesar da decisão, o PT manteve o discurso em favor dele e atacou a Justiça no programa eleitoral na TV e nas ruas, insistindo na postulação do ex-presidente. Em passagem pelo Nordeste, o

ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, provável substituto de Lula nas urnas, pediu empenho da militância na defesa de Lula. Haddad se reúne nesta segunda-feira, pela manhã, com o ex-presidente na prisão em Curitiba para discutir o resultado da sessão. Lula sabe do resultado, mas durante o final de semana não pode receber visitas – nem de advogadas – conforme determinação da Justiça. O Novo foi o partido que mais protocolou representações - entre elas, a que suspendeu o programa petista no rádio. A legenda entrou com seis ações no TSE – três delas na noite de ontem, contestando inserções do PT publicadas no sábado e no domingo. O partido acusa a coligação “O Povo Feliz de Novo” de descumprir ordem judicial; as outras duas acusam a chapa petista de fazer

propaganda irregular no rádio e na TV. Nelas, o partido cita que as propagandas veiculadas no sábado descumprem o que foi decidido pelos ministros por 6 votos a 1. O candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL) e sua coligação, segundo os advogados, também entraram com ação no TSE contra a propaganda eleitoral do PT. Assim como o Partido Novo, a defesa de Bolsonaro questiona a aparição do ex-presidente entendendo que o modo como foi exposto o petista afronta a decisão da Corte. No sábado também, a coligação de Geraldo Alckmin, candidato do PSDB à Presidência, entrou com uma ação contra Lula, a chapa petista e o diretório estadual do partido em São Paulo. O PSDB argumentou que o PT está fazendo uso da propaganda dos candidatos a deputado estadual para divulgar a candidatura de Lula.

Álvaro Dias elogia decisão do TSE Candidato à presidência pelo Podemos, o senador Álvaro Dias comemorou ontem a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de rejeitar, na sexta-feira, a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), preso e condenado na Lava Jato. Ele afirmou que a decisão “respeita o Brasil decente” e que dá um recado aos políticos para que “não brinquem mais com a boa-fé do

brasileiro”. “Na verdade, o que assistimos foi uma empulhação, uma patifaria. O julgamento (do TSE) foi correto e repõe a verdade”, declarou em evento de campanha em Curitiba, capital do Estado que já governou. O senador participou de um almoço beneficente promovido por uma organização, em prol de diversas entidades de assistência social de Curitiba, especialmente na área

de assistência à saúde. Durante o evento em Curitiba, Dias tratou de propostas relacionadas à área da saúde. Entre elas está a ideia de criar uma carreira típica para o “médico federal”, que substituiria o Mais Médicos, programa criado nos governos petistas. Ele também defendeu mudanças na legislação que oferece isenção de impostos para usuários de planos de saúde.

Amoêdo propõe 'vale educação' Principal proposta para Educação do candidato à Presidência da República do partido Novo, João Amoêdo, o "vale educação" é inspirado no programa de transferência de renda criado na gestão petista, o Bolsa Família. A comparação foi feita pelo próprio presidenciável no Rio de Janeiro, no domingo. “A gente queria testar, até aproveitando o conceito do Bolsa Família, dar para as pessoas mais pobres um vale educação para que

pudessem colocar seus filhos nas escolas privadas”, disse Amoêdo, um pouco antes da caminhada da “onda laranja”, cor do partido, pela orla carioca, saindo do Leblon, bairro na zona sul onde mora o candidato. Cerca de 3 mil pessoas, de acordo com a organização do ato, caminharam com o candidato, entre eles o técnico de vôlei Bernardinho, que se filiou, e apoia o partido, mas não quis sair candidato ao governo do Rio.

Com apenas 1% de votos na última pesquisa do Ibope/Estadão/TV Globo, Amoêdo tem visto o seu nome crescer principalmente nas redes sociais, ambiente escolhido para a campanha pelo Novo. “Nossa aposta sempre foi ser coerente e sair da política tradicional”, disse o candidato que, na “guerra de likes” da internet, aparece em quarto lugar, atrás de Jair Bolsonaro (PSL), Luiz Inácio Lula da Silva e Marina Silva.

8

Ciro critica 'esquerda boboca que alisa bandido' O candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, disse ontem, em sabatina para plataforma multimídia promovida, que não faz parte “dessa esquerdinha boboca que fica alisando bandido” e que mandará prender empresários que estiverem praticando locaute em meio a greves. Ciro deu a declaração ao ser questionado como trataria uma greve de caminhoneiros e as demandas do setor se for eleito. O candidato disse que, se for eleito, em seu governo “ninguém vai fechar estrada para impedir pessoas doentes de transitar, para impedir galinha de chegar viva”. Segundo ele, 70% dos que pararam na greve de maio não eram caminhoneiros, mas “empresários que usam a linguagem da greve para fazer locaute”. “E esses daí a gente vai buscá-los no escritório de ar condicionado deles. Vai buscar com a Polícia Federal, e se for necessário, vou mandar prender”, disse. “Quem transgredir a lei vai preso, não tem conversa. Não sou dessa esquerdinha boboca, não, que fica alisando bandido”, completou.

No fim de semana, uma nota assinada pela União dos Caminhoneiros do Brasil afirmava que haveria uma greve após o feriado. Na sabatina, o candidato defendeu sua proposta de refinanciamento para brasileiros que estão no SPC (Serviço de Proteção ao Crédito), dizendo que os bancos públicos não assumiriam a dívida no caso dos cidadãos que não pagarem as novas parcelas.

Ciro Gomes

Bolsonaro propõe mudar critérios da Lei Rouanet O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, defendeu ontem, dia seguinte ao incêndio que destruiu o Museu Nacional, mudanças na Lei Rouanet – principal mecanismo de incentivo financeiro às atividades culturais no país. Criada em 1991, a Lei Rouanet, também conhecida como Lei Federal de Incentivo à Cultura, tem como objetivo, entre outras coisas, “promover e estimular a regionalização da produção cultural e artística brasileira.” "Ninguém é contra a cultura, mas

a Lei Rouanet tem que ser revista. Essa forma de conter recursos para a Lei Rouanet. O museu da Quinta [Museu Nacional] é a mesma coisa", declarou Bolsonaro ao ser questionado por jornalistas sobre o incêndio ao final de um almoço na Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg). Em campanha pelo Rio de Janeiro nesta segunda, o presidenciável do PSL também disse que, se eleito, vai tirar o status de ministério da Cultura, transformando a pasta em uma secretaria do Ministério da Educação (MEC).

Marina defende educação integral para crianças A candidata da Rede à Presidência da República, Marina Silva defendeu a educação integral para crianças. Marina falou com a imprensa após um ato no Largo da Batata, Zona Oeste da capital paulista. Ela recebeu de integrantes de um movimento social um documento com cem propostas para diversas áreas. Ela também defendeu investimentos em creches e escolas infantis. "A creche e a escola infantil são fundamentais para que a gente

tenha uma geração de pessoas que aprenderão a aprender e que saberão se relacionar consigo mesmas, com as outras pessoas, e que saberão colocar aquilo que é essencial, que elas podem abrir mão", disse Marina. Segundo a candidata, o investimento em educação também passa pela melhoria das condições de vida das famílias. "Quando as mães estão numa casa sem condição, sem alimentação, com violência, com tudo, é uma sequela para essa criança", afirmou.


Notícias "Atirando em petistas" Jair Bolsonaro (PSL) voltou a protagonizar nova polêmica. Durante comício em Rio Branco, no Acre, no último sábado, o presidenciável usou um tripé de câmera fotográfica para simular um fuzil. Com o equipamento em mãos, de cima de um trio elétrico, fingiu disparar contra seus adversários petistas dizendo: "Vamos fuzilar a petralhada aqui do Acre." A assessoria do deputado federal pelo Rio de Janeiro alega que "foi uma brincadeira, como sempre". " Vamos botar esses picaretas para correr do Acre. Já que gostam tanto da Venezuela, essa turma tem que ir para lá. Só que lá não tem nem mortadela, hein galera! Vão ter que comer capim mesmo", bradou Bolsonaro de cima do caminhão de som.

Força da democracia O ministro Luís Roberto Barroso, relator do processo que barrou a candidatura do expresidente Luiz Inácio Lula da Silva no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), afirmou ontem que o voto do ministro Luiz Edson Fachin expõe uma divergência natural à democracia no País. Fachin foi o único magistrado na Corte a votar pela aprovação do registro de Lula em sessão na última sexta-feira. "A vida na democracia é plural. A democracia não é um regime de governo de consensos, ela é um regime em que a divergência é absolvida institucionalmente e as pessoas têm respeito por quem pensa diferentemente", disse Barroso.

Novo 'pai dos pobres'

O candidato Geraldo Alckmin (PSDB) deu início ontem a uma operação para modelar a sua imagem, reforçando a preocupação social. Rejeitado por 26% da população, considerado um político frio, o tucano quer mostrar que está atento ao povo e aos mais pobres. A estratégia é a espinha dorsal da campanha, segundo integrantes do núcleo duro, sintetizada pelo jingle, “Geraldo é cabeça e coração”. Sempre desfiando números e estatísticas, Alckmin se esforça para construir uma imagem de gestor com responsabilidade fiscal que também é comprometido com a população carente. A avaliação da equipe é que não adianta focar o aprofundamento técnico do plano de governo, será necessário demonstrar 'sensibilidade social'.

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

9

ELEIÇÕES 2018

Candidato foca em infraestrutura

Dentro da série de entrevistas com postulantes a cargos legislativos nas eleições deste ano, o Grupo JM conversou ontem com Gerson Burmann, candidato a deputado estadual pelo PDT. Ele concorre à reeleição para a Assembleia Legislativa. Em boa parte dos últimos quatro anos, Burmann ocupou a Secretaria Estadual de Obras no governo de José Ivo Sartori. Em sua fala, citou inúmeras obras em escolas e demais melhorias de infraestrutura viabilizadas através da pasta comandada por ele, além de verbas para áreas como saúde e cultura que, segundo Burmann, passaram pela atuação política de seu gabinete. "Como representante da região na Assembleia Legislativa, mas também no governo do Estado, procuramos fazer nosso trabalho no sentido de melhorar a qualidade de vida das pessoas, principalmente no município de Ijuí", afirmou o

candidato. Um dos projetos que capitaliza esta ideia, conforme o pedetista, foi a regularização de imóveis da Cohab nos bairros Modelo, Tancredo Neves e Getúlio Vargas, uma iniciativa tomada durante sua gestão à frente da Secretaria de Obras do Estado. Em termos de infraestrutura, o candidato afirma haver dois projetos que ainda precisam sair do papel em Ijuí - e que estes temas vão permear um possível novo mandato dele no Parlamento gaúcho. "A primeira delas é a questão das paralelas da BR-285, cujo projeto estava sob responsabilidade de uma empresa que faliu. Este projeto agora está nas mãos de outra empresa, e precisamos oportunizar que ele seja concluído. E a segunda questão é a inclusão desta obra no PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), pois isso garantiria recursos para que

Vereadores denunciam problemas estruturais O principal tema da sessão plenária da Câmara de Vereadores, na noite de ontem, foi a série de problemas estruturais encontrados em Ijuí. Na tribuna, o vereador Jeferson Dalla Rosa (PSB) foi o primeiro a relatar a situação precária enfrentada por muitos distritos do interior. Segundo ele, algumas localidades estão praticamente inacessíveis em virtude das péssimas condições das estradas, que com o grande volume de chuvas só permitem o trânsito de veículos pesados, como caminhões e tratores. O parlamentar cobrou do Executivo uma força-tarefa para o conserto das vias rurais, e convocou até mesmo a bancada de situação na Câmara a debater o tema. O vereador Darci Pretto (PDT)

citou, ainda, a situação precária enfrentada também pelas empresas que se localizam às margens da BR-285, onde os acessos aos empreendimentos também estão em situação precária. A faixa ao lado da pista é de responsabilidade do Departamento Nacional de Infraestrutura em Transportes (Dnit), que impede a realização de obras por parte da prefeitura ou das próprias empresas no local. Inúmeros contatos já foram feitos com a unidade do Dnit em Cruz Alta, mas não houve sequer resposta sobre a possibilidade de melhorias no local. Enquanto isso, empresas como a CarHouse Toyota, que realizou investimentos significativos para instalar uma das operações mais complexas do Estado em Ijuí, precisa conviver com buracos e muito barro em dias de chuva.

Acesso a empresas como a CarHouse Toyota fica prejudicado em dias de chuva

possamos realizar essa obra que vai melhorar muito o entorno de Ijuí em termos de infraestrutura rodoviária", avalia. Após integrar o governo de José Ivo Sartori durante mais de três anos, Burmann vivenciou na prática as limitações impostas ao poder público estadual pela crise fiscal instaurada no Rio Grande do Sul. Ao ser indagado sobre o tema, o candidato elencou algumas medidas, endossadas por seu partido, para melhorar a situação econômica da máquina pública do Estado. "Temos o entendimento de que, primeiro, precisamos promover a desburocratização do Estado. A ideia é agilizar a instalação de empresas no Rio Grande do Sul, para que possamos atrair novos empreendimentos e estimular o surgimento de empreendedores. A segunda questão que entendo como importante é a diminuição da nossa carga tributária, que

Gerson Burmann

é muito elevada em relação a outros Estados, e que atrapalha o desenvolvimento", finalizou o candidato.

Aprovados recursos ao Parque da Pedreira Na pauta de votações da sessão plenária realizada na noite de ontem, três projetos foram aprovados. Um deles é o PL que autoriza abertura de crédito adicional especial de até R$ 36,8 mil, para custeio de serviços de edificação e paisagismo no Parque Popular da Pedreira. Também foi aprovado o projeto que cria sete cargos de

eletricista de distribuição e outro cargo de consultor jurídico no Demei. Na pauta, também foi incluso o projeto de lei, de autoria do vereador Darci Pretto da Silva (PDT) para a instituição de um novo código de posturas no município, atualizando a legislação já existente. O parlamentar ainda propôs a criação de uma comissão especial para analisar o tema.

Federações apresentam demandas a candidatos Em ano eleitoral, as ruas e pavilhões do Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, também servem de passarela para os candidatos à Presidência. Em 2018, não foi diferente. Cinco presidenciáveis estiveram na 41ª Expointer em busca de novos eleitores. No núcleo das duas federações agropecuárias gaúchas mais representativas - a Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (Farsul), que representa o agronegócio empresarial, e a Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag), que atua pelos pequenos produtores familiares -, os candidatos à Presidência da República foram recebidos com uma extensa pauta que prioriza as principais reivindicações do setor. Apesar de divergências no

campo ideológico, os documentos entregues aos candidatos à Presidência pelas duas entidades possuem pontos em comum, como seguro-rural, infraestrutura, competitividade dos produtos nacionais no Mercosul, flexibilização de marcos regulatórios e acesso ao crédito. Em temas como reforma agrária, privatizações, demarcação de terras indígenas e diminuição de participação e influência do Estado no mercado, as federações se colocam em lados opostos. Entre terça e sexta-feira, Geraldo Alckmin (PSDB), Jair Bolsonaro (PSL), Henrique Meirelles (MDB), Ciro Gomes (PDT) e Alvaro Dias (Podemos) foram os presidenciáveis que circularam pela feira. Ciro Gomes protagonizou um bate-boca na Farsul sobre subsídios agrícolas; Bolsonaro sequer visitou a Fetag.


Acontece

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

10

Visita da Palestina

Casa Árabe recepcionou os visitantes na noite de domingo

E

stiveram em Ijuí, no fim de semana, Walid Rahab, diretor de relações institucionais da Federação Árabe Palestina do Brasil; Ibrahim Alzeben, embaixador da Palestina no Brasil e presidente do Conselho de Embaixadores Árabes no Brasil, e Alayan Aladdin, presidente da Federação Árabe Palestina do Brasil. Eles participaram de um jantar festivo, na Casa Árabe, na noite de domingo, com o propósito de conhecer o trabalho e a casa da etnia em Ijuí. Ontem, eles estiveram na redação do Jornal da Manhã e exaltaram a forma como a sua cultura é retratada em Ijuí e as impressões que tiveram ao visitar, pela primeira vez, o Parque de Exposições Wanderley Burmann. Segundo Ibrahim, a cidade de Ijuí está de parabéns. “Conversamos com o vice-prefeito Valdir Zardin sobre a possibilidade de intercâmbio, pois vimos que Ijuí tem muito a oferecer, além dos bons exemplos, da convivência, é acolhedora, limpa. Há muitas diversidades nessa cidade, e também na região, que nos estimula a estreitar ainda mais os laços entre palestinos e árabes aqui em Ijuí”. Segundo ele, a etnia árabe em Ijuí é pequena, mas mostra toda a cultura na dança, costumes e culinária. “Tivemos uma experiência que nos estimula a voltar mais vezes. São 10 anos como embaixador aqui no Brasil, e oficialmente, é a primeira vez em Ijuí, que me deixou muito orgulhoso”. Ibrahim exaltou Ijuí pelas 34 nacionalidades que aqui vivem em igualdade. “É uma das causas do conflito do Oriente Médio entre israelenses e palestinos, a falta de aceitação do outro. Aqui, essas 34 nacionalidades se aceitam e vivem bem. Sigam dando esse exemplo para outras nações que precisam aprender a conviver”. Durante a visita à Casa Árabe, eles homenagearam o exdeputado falecido Amauri Müller, um dos defensores pela libertação da Palestina, enquanto era deputado. A homenagem foi entregue ao filho dele, o médico Márcio Müller. Ibrahim ressaltou que a noite foi muito agradável e emociom evento artístico cultural, com professores, esnante, principalmente com a homenagem, pois a memória de tudantes, técnicos administrativos e de apoio e Amaury ultrapassou o Brasil, chegando até a Palestina. “O egressos da Unijuí, foi como se constituiu a 3ª Tertúsaudamos com muito carinho, pois era um defensor de caulia Universitária – Descobrindo Talentos, na tarde de sas justas, não somente na Palestina, mas também em todo o domingo, no palco no Salão de Atos Argemiro Jacob Brasil, desde quando era muito jovem, ele lutava pela igualBrum. dade racial entre todos”. A abertura ficou a cargo do Coral Unijuí, com “Hino ao Rio Grande” e “Céu, Sol, Sul, Terra e Cor”, seguida por apresentações de grupos vocais, instrumentais, intérpretes solistas e também declamação. Também foi feita homenagem a um dos grandes nomes da cultura gaúcha, o folclorista, compositor, radialista e pesquisador brasileiro, Paixão Côrtes, falecido recentemente, por meio de versos proferidos pelo comen-

Walid Rahab, diretor de relações institucionais da Federação Árabe Palestina do Brasil; Ibrahim Alzeben, embaixador da Palestina no Brasil e presidente do Conselho de Embaixadores Árabes no Brasil, e Alayan Aladdin, presidente da Federação Árabe Palestina do Brasil

Filho do falecido deputado Amauri Müller, o médico Márcio Müller recebeu a homenagem pelo trabalho do pai junto à comunidade palestina

Descobrindo talentos no Campus

U

tarista da Unijuí FM, Vander Olson. A regente do Coral, Helena Sala, avaliou esta terceira edição da Tertúlia Universitária. “A gente conseguiu trazer novos talentos, tinha gente que nunca tinha subido num palco e fez isso pela primeira vez, aqui na Unijuí”, declarou. A assessora de Cultura da instituição, Sirlei Schneider, projetou a quarta edição do evento. “A Tertúlia veio para ficar. Este ano, o desafio era trazer talentos internos, e para o próximo ano, vamos fomentar ainda mais esta ideia. A Tertúlia é um berçário para outros festivais”, disse. O cerimonialista Pedro Darci de Oliveira também gostou: “Foi um dos melhores eventos, porque tivemos gente nossa, aqui da casa.”

União de vozes fez parte da programação, no Campus

Gilberto Santana e Celia Weidmann curtindo a tarde de baile no Gervi

Baile no Gervi

O Gervi promove sua domingueira no próximo domingo, dia 9 de setembro. Casais que chegarem até as 15h30 ganham uma cerveja e individual um refrigerante. A animação será da banda Skala.

Pedro Darci de Oliveira foi o cerimonialista da Tertúlia


Acontece

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

Recital Novo Tom A Associação Cultural Novo Tom promoveu na noite de sexta-feira, em sua sede, o 1° Sarau Musical. Os alunos apresentaram o que aprenderam nas aulas aos seus familiares e amigos, e mostraram muita desenvoltura nos instrumentos ao interpretar músicas e poesias.

Juventude Tradicionalista

Dentro da programação da Semana Farroupilha, a 9ª Região Tradicionalista promove no próximo sábado e domingo, no CTG Clube Farroupilha, o 4º Encontro Regional e Acampamento da Juventude Tradicionalista. A programação contará com a distribuição da Chama Crioula para os Centros de Tradições Gaúchas e marca também as comemorações dos 75 anos do CTG Clube Farroupilha.

Augusto Pestana

Setembro será de muitos eventos em Augusto Pestana. No próximo domingo acontece o tradicional almoço festivo de Rincão Seco; no dia 23 acontecem duas festas: almoço festivo na Linha Santo Antônio e almoço festivo de 50 anos do Esporte Clube Ouro Verde - Rincão do Progresso. No dia 29 acontece Jantar Dançante da Oase Rincão dos Müller.

SONHO & TRADIÇÃO

Amanhã, a Paróquia São Geraldo Magela, através do Grupo de Senhoras, promove o Chá Primavera Sonho e Tradição a partir das 15h, no Centro de Eventos São Geraldo. A tarde será de muitas guloseimas, apresentação especial do CCN Piazito Carreteiro, sorteio da ação entre amigos e brindes de mesa. Toda a renda será revertida à reforma da igreja. As fichas custam R$ 13,00 e é possível solicitar para ser entregue, pelo telefone 3332-4620.

CAFÉ DAS FLORES

As Servas Luteranas Emanuel promovem amanhã, o Café das Flores, a partir das 15h, no Lar da Congregação. As fichas custam R$ 15,00 e haverá muitas delícias à mesa. A coordenação do Café das Flores é de Clarice Kelm.

COSTELÃO NO QUARTEL

No próximo domingo, a Associação dos Sargentos e Subtenentes do 27ª GAC, promove ao meio-dia o Costelão, em sua sede, às margens da ERS-522, rodovia Ijuí/Augusto Pestana. Os convites custam R$ 30,00 e para crianças até 10 anos R$ 10,00, à venda com a diretoria.

MOSTRA DE CINEMA

Começa hoje e segue até o dia 26, a Mostra Tabajara Ruas de Cinema, no Teatro do Sesc. Serão exibidos os quatro longas-metragens produzidos pelo cineasta gaúcho. As sessões acontecem às 14h e 19h, e têm entrada franca, mediante agendamento prévio pelo telefone 3332-7511. Hoje serão exibidos os longas “Netto perde sua alma” e “Netto e o Domador de Cavalos”.

RADIOLAR faz 45 anos

U

ma das empresas mais tradicionais da região, a Radiolar completou 45 anos no sábado, dia 1º de setembro e nesse dia recebeu clientes e amigos com um coquetel e promoções especiais durante todo o dia. A loja é referência no segmento de móveis e, segundo o proprietário Antônio Luiz Quatrin, elaborou uma promoção especial que vai se encerrar no dia 31 de dezembro. Ao realizar suas compras, o cliente participa do concurso cultural "De malas prontas Radiolar". Cada compra dá direito a uma ficha de inscrição e a resposta mais criativa à pergunta "Como a viagem dos meus sonhos completaria a minha vida:", irá ilustrar uma entrevista nas redes sociais e dará direito à viagem com tudo pago para dois acompanhantes. "O objetivo é que cliente possa fazer essa viagem com que ele mais goste", explica Quatrin.

Cleci Goller, Joaquim Dalla Rosa e Dóris Pizzutti na Casa Italiana, no lançamento da Expo-Ijuí

11

Diego e Alice Ristow no lançamento do Festival Nativista Canto de Luz


Notícias

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

12

CAMINHONEIROS

Categoria descarta possibilidade de nova paralisação nacional

Presidente do Sindicato dos Caminhoneiros Autônomos da região Noroeste, Carlos Alberto Litti Dahmer descarta a possibilidade de nova paralisação da categoria. Nos últimos dias, circulou pelas redes sociais, a informação de que os caminhoneiros estariam preparando uma nova greve para os próximos dias. "Não sabemos nem de onde surgiu a chamada União dos Caminhoneiros (UDC), porém, não tem representatividade, ninguém conhece a diretoria, e isso se espalhou pelo País inteiro", explica. No entanto, ele pondera que a fake news conta com algumas informações verídicas. "No que diz respeito à demora da Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT) em executar algumas tarefas que estão na lei. Por exem-

plo, o aumento do preço do diesel, que deu em média entre 13,5 e 14,5%, e ser repassado para o piso mínimo do frete, e a ANTT de forma muito morosa, estava dando sinais de que poderia demorar para fazer isso", acrescenta. Mas, ainda no sábado à noite, a Agência afirmou que o repasse deverá acontecer entre hoje e amanhã e, consequentemente, a publicação de um novo piso mínimo do frete. Outra reivindicação da categoria, junto à Agência Nacional, é relativa à fiscalização daqueles que não estão atuando na tabela. "Também há o compromisso de que haverá uma forte fiscalização nesses próximos dias, e depois de forma eletrônica por meio do que a agência está trabalhando", afirma. "Então, neste momento, está totalmente descartada [a paralisação] e nossa posição particular é de que,

Santo Ângelo terá anel cicloviário Santo Ângelo receberá a implantação de um anel cicloviário destinado a trabalhadores e estudantes. O projeto será executado em fases. A primeira terá início ainda neste ano, com investimento de R$ 551 mil, com a construção de uma ciclofaixa, ligando o Centro à Zona Norte da cidade. Segundo o secretário municipal de Planejamento, Jorge Tonetto, o projeto completo prevê extensão de 15 e 20 quilômetros. “É uma prática comum aqui, inclusive, incentivado por empresas. Precisamos oferecer espaços seguros para este deslocamento.”

Estudo deverá definir os trechos do anel que receberão ciclovias, e canteiros para separar a bicicleta dos carros. A ligação entre grandes avenidas e as áreas industriais facilitará o deslocamento dos usuários, com segurança. A verba é proveniente de emendas parlamentares, mais contrapartida do município. A ciclofaixa terá duas pistas com largura de 1,5 metro cada, com recorte dos canteiros centrais e parte da pista, preservando a vegetação e o fluxo de veículos. A ciclovia será protegida por meio-fio e faixa de sinalização reflexiva.

se há de fazer algum movimento de paralisação ou mais forte, não é de parar o País, e sim referente à ANTT, porque agora está nela a capacidade tanto de produzir novos estudos e tabelas quanto de fiscalizar e aplicar as multas para quem não está cumprindo." Litti reforça que está descartada a possibilidade de realização de novo movimento massivo, com bloqueio de rodovias. Segundo ele, não há necessidade de intervir na rotina do País e dos cidadãos, uma vez que as medidas dependem da aplicação por parte da ANTT. "Aquilo que foi conquistado em lei, e está valendo, porque não foi dada inconstitucionalidade, o que poderia acontecer na semana passada em audiência com o ministro Luis Fux, e quem deve aplicar é a Agência Nacional de Transporte Terrestre e que, em

Carlos Alberto Litti Dahmer

meu entender, é onde devemos pressionar e fazer com que cumpra o que está determinado na lei 13.703."

Prefeitos são orientados sobre regras do Susaf A regra que permite a venda de produtos de origem animal entre municípios foi alterada. Publicado pelo governo do Estado, no último dia 14, o decreto 54.189 irá aumentar a autonomia dos municípios para integrar o Sistema Unificado Estadual de Sanidade Agroindustrial Familiar, Artesanal e de Pequeno Porte (Susaf). A Famurs, governo do Estado e diversas entidades do agronegócio, por meio de um grupo de trabalho, trabalharam na edição do texto. Com a alteração, o Município e as agroindústrias deverão emitir declarações que irão substituir as vistorias antes obrigatórias. A

cidade que tem o Susaf implementado pode comercializar produtos de origem animal além dos seus limites territoriais, fortalecendo a economia dos municípios. Atualmente, apenas 31 municípios possuem o Susaf. A maior dificuldade, segundo os prefeitos, é a demora do Estado para realizar as auditorias obrigatórias. A Secretaria de Agricultura alega que a falta de pessoal para vistoriar os estabelecimentos entrava o processo. Após publicado, o decreto irá determinar vistorias e coleta de produtos por amostragem para verificar se a legislação está sendo cumprida, bem como a qualidade sanitária dos alimentos.

Representantes de 43 municípios do Noroeste gaúcho reuniramse no 3º Ciclo de Debates do Conselho Estadual de Assistência Social, envolvendo os conselhos municipais, na última semana, em Santo Ângelo. O lema do evento, descentralizar para fortalecer o Sistema Único de Assistência Social (Suas), representa a principal proposta do ciclo que é a descentralização do debate para qualificar a representação dos conselheiros e a ação de assistência social nos municípios. Participaram conselheiros de

assistência social, gestores, assistentes sociais dos municípios e representação da Assistência Técnica e Extensão Rural e Social (Aters), por meio da assistente social da Emater/RS-Ascar, Isolete Georg Bacca, da assistente técnica regional social, Vanessa Gnoatto e de extensionistas sociais de escritórios municipais. A programação teve como foco central O papel do Conselho na atual conjuntura das políticas públicas e contemplou discussões referentes aos avanços e desafios da política de assistência social.

Expointer movimenta R$ 2,3 bilhões em negócios Municípios debatem ações A 41ª Expointer, que terminou da Agricultura. As máquinas e em assistência social no último domingo, teve volume equipamentos agrícolas, carro-

de vendas superior ao ano passado. O total de negócios foi de R$ 2,3 bilhões, alta de 13% em comparação com 2017. O balanço foi apresentado no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio. Em nove dias de feira, circularam pelo parque 370.581 pessoas. A próxima edição da Expointer, em 2019, está prevista para acontecer de 24 de agosto a 1º de setembro. "Os investimentos se concretizam numa perspectiva de futuro, da necessidade de continuar produzindo alimentos", avalia Odacir Klein, secretário estadual

chefe em volume de negócios, somaram R$ 2,28 bilhões em propostas encaminhadas, aumento de 18,8% na comparação com o ano passado. "O produtor está confiante, independentemente da variação cambial ou do resultado das eleições. Até porque ele não tem outra escolha, é plantar ou plantar", disse o presidente da Farsul, Gedeão Pereira. O Banco do Brasil, responsável por 62% do crédito agrícola no Estado, superou em 35% os negócios prospectados em 2017.

SOCIALISMO Enquanto a população venezuelana padece de fome e foge de seu país em direção ao Brasil à Colômbia e Peru, a justiça americana investiga a fortuna de ex-funcionários do governo e empresários ligados ao ditador socialista Nicolás Maduro. Dentre os imóveis bloqueados pelas investigações de desvios na PDVSA, a petroleira estatal venezuelana, está um luxuoso prédio em Miami, onde é possível que o morador estacione seu carro dentro do próprio apartamento através de um elevador para veículos. VOLTEM Maduro pediu aos imigrantes venezuelanos que fugiram da ditadura no país que “parem de lavar privada” no exterior e retornem. “Digo a vocês venezuelanos que querem regressar da escravidão econômica: deixem de lavar privadas no exterior e voltem para sua pátria.” Difícil voltar. Em Maracaibo, cidade que já foi considerada a Arábia Saudita da Venezuela por sua ampla reserva de petróleo e pela riqueza proporcionada pela commodity, os moradores fazem fila para comprar carne estragada já que não é mais possível refrigerar alimentos em razão da constante falta de energia. Como diria Milton Friedman, “Se você colocar o governo federal para gerir o deserto do Saara, em 5 anos haverá escassez de areia.” MILTON FRIEDMAN “A solução do governo para um problema é usualmente tão ruim quanto o problema.” “Quando o governo – em nome de boas intenções – tenta reorganizar a economia, legislar a moralidade ou proteger interesses especiais, o resultado é a ineficiência, a falta de motivação e a perda de liberdade. O governo deve ser um árbitro, não um jogador ativo.” “A grande virtude de um sistema de livre mercado é que nele ninguém se importa com a cor das pessoas, não se importa com a religião delas, só o que importa é se elas podem produzir algo que você deseja comprar. É o sistema mais eficaz que descobrimos para permitir que pessoas que se odeiam se entendam e se ajudem mutuamente.” TABELA DO FRETE O pessoal alega que a tabela do frete não está funcionando. Todos sabiam que não funcionaria. Ou, pelo menos, deveriam saber. Nenhuma tabela tem o poder de revogar a lei da oferta e da procura. Muitos caminhoneiros já perceberam que o tiro do tabelamento está saindo pela culatra. A culatra no caso é o surgimento de um mercado paralelo. A tabela da SUNAB na época do Sarney foi um doutorado sobre como destruir a atividade econômica. O brasileiro ignora que a experiência é a carga que sempre devemos carregar.


Notícias

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

POSTO DO HERVAL

Usuários aguardam atendimento na chuva Na manhã de ontem, o vereador Adalberto Noronha (PT) recebeu uma reclamação de usuários da ESF do bairro Herval: eles aguardavam, do lado de fora do prédio por atendimento, sem proteção para a chuva que caía no momento. Muitos aguardavam a abertura da unidade desde a madrugada. “Sei que essa situação não é de hoje, que não acontece apenas no bairro Herval. Nas demais unidades de saúde, a população sofre com a mesma situação. E isso é um desrespeito ao usuário. Há anos a gente ouve que não há a necessidade de as pessoas irem cedo para a fila, que todas serão atendidas. E isso não é verdade. Muitas vão e não encontram nem medicamentos básicos. Por isso a comunidade vai para a fila de madrugada”, criticou o vereador. Noronha destacou que é obrigação do poder Executivo fiscalizar e denunciar as irregularidades. “A administração municipal precisa efetivamente tomar uma medida, porque é inaceitável que as pessoas tenham que ficar aguardando, desde a madrugada, e sob a chuva”, disse, destacando que já solicitou uma reunião com o secretário municipal de Saúde, Josias Pinheiro, para debater este e outros assuntos. Em contato com o Grupo JM, Josias destacou que o bairro Herval será contemplado com recursos de

Vereador recebeu fotos e a reclamação de usuários que aguadavam atendimento

emenda parlamentar, no valor de R$ 756 mil, para construção de uma nova unidade de saúde – que ficará localizada ao lado da sede do bairro. Como o custo total da obra será de aproximadamente R$ 890 mil, o Município fará o complemento. “Não sabemos se a obra será licitada ainda neste ano, mas queremos que a unidade seja entregue até o final de 2019”, reforça Josias. Ele destaca que já havia conversado com o presidente do bairro, João Antunes, para que, a partir do mês outubro, a sede do bairro seja aberta a partir das 6h30, para evitar casos como o de ontem. “Sempre há grande procura no primeiro dia útil do mês, quando há liberação de

exames laboratoriais. E como há uma cota, as pessoas ficam com medo de ficar sem os exames. Nós entendemos. Mas sabemos que não há recursos para atender todos”, reforçou. Noronha lembra que a Comissão Especial de Saúde da Câmara Municipal, juntamente com o Departamento de Ciências da Vida da Unijuí e com o Conselho Municipal de Saúde, estará realizando um seminário, no dia 18, a partir das 8h, para debater o sistema de saúde municipal. O evento será realizado no auditório da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e terá como tema “Desafios e possibilidades”.

13

Campanha dá incentivo à doação de sangue Lançada na manhã de ontem, no auditório do Hospital de Caridade de Ijuí (HCI), a campanha Doação Farroupilha, promovida pela Sicredi das Culturas RS, busca incentivar e conscientizar a comunidade sobre a importância da doação de sangue. Na sua 5ª edição, a iniciativa será realizada durante o mês de setembro. A campanha já se tornou tradicional nesta época do ano e é uma ação de voluntariado promovida pela instituição financeira cooperativa, que busca aproveitar a mobilização das comemorações gauchescas para fortalecer e conscientizar para esta causa. “Através desta campanha, queremos mostrar que a cooperação em prol da doação de sangue pode auxiliar a salvar muitas vidas. Além disso, acreditamos que a partir desta ação possamos estimular muitas pessoas a realizarem a sua primeira doação de sangue e a se tornarem doadores regulares, despertando o interesse para este ato de cooperação e de voluntariado. Toda a comunidade é convidada a participar desta corrente do bem”, reforça o presidente da Sicredi das Culturas RS, Antenor José Vione. Os interessados em participar da campanha podem realizar as doações no serviço de Hemote-

rapia do Hospital de Caridade de Ijuí. Os doadores devem levar um documento oficial com foto, ter entre 18 e 69 anos. Menores de 18 anos necessitam de autorização do responsável legal. Para doar sangue é preciso estar bem de saúde e bem alimentado, com peso acima de 50kg. Homens devem observar intervalo mínimo de dois meses entre uma doação e outra. Para mulheres, este intervalo é de três meses. Para fortalecer a cultura Gaúcha, o Sicredi irá sortear um kit de chimarrão entre os participantes da campanha que realizarem as doações com algum dos itens que compõem a vestimenta gaúcha, a chamada “pilcha”. Além de representantes da Sicredi das Culturas RS e do Hospital de Caridade de Ijuí, o lançamento da campanha contou com apresentações artísticas das entidades tradicionalistas de Ijuí, como o CTG Farroupilha, CTG Fogo de Chão e Grupo de Folclore Chaleira Preta. A campanha acontecerá de 3 a 28 de setembro. O atendimento no Banco de Sangue do HCI ocorre de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 13h, com opção de agendamento de horário. Mais informações sobre a doação podem ser obtidas pelo telefone 3331-9373.

Proposta do Ipergs é aprovada Ocorreu na sexta-feira uma assembleia geral extraordinária da Federação dos Hospitais Filantrópicos. E, na pauta, esteve uma nova proposta de remuneração apresentada pelo Ipergs – Instituto de Previdência do Rio Grande do Sul. “Os hospitais já haviam feito, dentro de um grupo de estudos, uma avaliação em relação à proposta, e precisávamos formar uma decisão. Porque essa nova forma de remuneração acaba por reduzir valores de repasses para alguns hospitais, enquanto que outros acabam tendo um resultado maior”, explicou o presidente da Associação dos Hospitais do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (Hospinoroeste), Amauri Lampert. A proposta do IPE foi aceita em assembleia, mas nem todos os hospitais concordaram com as modificações, que tratam do repasse em relação aos medicamentos, além do reajuste da tabela de

taxas e procedimentos. “Fizemos simulações e percebemos que hospitais que têm envolvimento com baixa e média complexidade acabam tendo os mesmos parâmetros de remuneração e, às vezes, até diferenças positivas. Mas há hospitais, como o Hospital de Caridade de Ijuí, que não vão participar do bloco da Federação e que vão negociar individualmente”, destacou Lampert. O presidente lembrou que, na sexta-feira, o governo do Estado acabou pagando programas da competência junho, que estavam em aberto. “Estamos no início de setembro com o mês de agosto pendente, além de programas de julho e agosto. Essa é a pura demonstração da dificuldade do Estado em honrar com seus compromissos”, disse, lembrando que acreditava-se que, devido às eleições, haveria um ajuste no cronograma de pagamento. “O que não aconteceu e não vai acontecer, pelo que temos informação

Campanha foi lançada pelo Sicredi, em parceria com o Banco de Sangue do HCI

Falta de médico preocupa moradores

Amauri Lampert

do Fundo Estadual de Saúde, em função da incapacidade de honrar seus compromissos.”

Em contato com o Grupo JM, o presidente do bairro Industrial, João de Jesus, falou sobre a preocupação com a falta de médico no Centro Social Urbano. De acordo com ele, desde a semana passada os usuários estavam sem atendimento, em razão de o profissional ter se afastado por problemas de saúde. "Temos grande procura por atendimento, não só do bairro Industrial, mas dos bairros São Geraldo, Elizabeth, Morada do Sol e Universitário", afirmou o líder comunitário, lembrando que levou a situação, na última sexta-feira, à Secretaria Municipal de Saúde.

Titular da pasta, o secretário Josias Pinheiro disse que o atendimento será regularizado hoje, com a substituição do profissional. "Nós tentamos evitar a rotatividade de médicos nas unidades, para que os usuários possam criar um vínculo. Mas, como se trata de um problema de saúde, iremos substituir o profissional, para que a comunidade não fique sem atendimento", explica. De acordo com ele, o bairro Glória, que sempre conta com dois médicos, também está necessitando de um profissional. Uma nova contratação está sendo encaminhada.


Notícias

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

CARAZINHO

Presos serram grades e fogem de presídio Serrando a grade da janela da cela e usando uma corda feita de lençol com um gancho, seis detentos conseguiram fugir do Presídio Estadual de Carazinho, no norte do Estado, na madrugada de domingo. Até as 15h da tarde, nenhum deles havia sido recapturado. A movimentação na galeria B foi percebida nas câmeras de vigilância pelos agentes que estavam de plantão por volta das 3h15. Na tentativa de evitar a fuga, eles dispararam munições não letais, mas seis dos 15 presos que estavam na cela dois conseguiram escapar. De acordo com o diretor do presídio, Éberson Tápia de Oliveira, os fugitivos têm antecedentes por homicídio, assalto e tráfico. Os foragidos são Willian do Nascimento Moraes, Jose Carlos Floriano, Alan Azevedo de Paula, Antonio Gilberto Batista da Silva, Igor Machado de Mello e Romário Pinto da Silva. Os nove presos que não conseguiram escapar foram realocados para outras celas, já que a de número dois foi isolada para reparos. No momento da fuga, três agentes da Susepe estavam de plantão. O Presídio Estadual de Carazinho tem capacidade para 132 detentos, mas havia 328 presos no local.

Romário Pinto da Silva

Igor Machado de Mello

Três veículos colidem na BR-285, em Ijuí Uma colisão envolvendo três veículos resultou em grandes danos materiais em Ijuí. O acidente de trânsito foi registrado na BR285, nas proximidades do trevo da Avenida Coronel Dico que dá acesso ao município. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), uma caminhonete Ford Ranger com placas de Ijuí e que seguia no sentido Ijuí-Bozano, colidiu frontalmente em um veículo Ford Fusion, emplacado em Panambi que seguia no sentido contrário

e em um automóvel Fiat Stilo, emplacado em Panambi. Com a colisão, danos de grande monta foram constatados no Fusion. Nele estava um homem, que conduzia o veículo e uma mulher na carona e que sofreu apenas ferimentos leves provocados pela força do impacto. O condutor nada sofreu. Nos demais veículos estavam apenas dois motoristas que também não se feriram. A PRF controlou o trânsito que ficou em meia pista. As causas do acidente ainda são desconhecidas.

Antonio Gilberto Batista da Silva

Jose Carlos Floriano Colisão envolveu três veículos e resultou em grandes danos materiais

Força Gaúcha de Pronta Resposta começa a atuar Willian do Nascimento Moraes

Alan Azevedo de Paula

Polícia Federal revela ações de quadrilha Jovens, com muita tranquilidade, sempre no mesmo horário e com as mesmas armas. Assim agia a quadrilha que assaltou 10 agências dos Correios no Rio Grande do Sul. Segundo a Polícia Federal, um ataque ocorreu em 2017 e o restante nesse ano. Em todos os casos, funcionários e clientes foram mantidos reféns sob a mira de armas. A investigação iniciou no ano passado quando três assaltos foram elucidados. Os autores dos ataques aos Correios de Capivari do Sul, Candelária e Rolante foram presos no final do ano. Eles eram moradores do bairro Arroio da Manteiga, em São Leopoldo. O que chamou a atenção da Polícia Federal foi o fato de que, apesar das prisões, os ataques continuaram no ano seguinte. As investigações apontaram que um grupo, da mesma região do Vale do Sinos, era quem continuava cometendo os crimes. "Todos os bandidos eram do

14

mesmo círculo social. Conforme se prendia um integrante, rapidamente outro assumia o posto. O local funcionava como uma fábrica de delinquentes", disse o delegado Robson Robin da Silva, da Delegacia de Repressão a Crimes contra o Patrimônio e ao Tráfico de Armas(Delepat). Ainda segundo o delegado, dois dias antes de cometer o crime, o grupo ia até a cidade com dois carros sem ocorrências. Faziam o levantamento da região, onde seriam os pontos de encontro e retornavam para o Vale do Sinos. As câmeras das praças de pedágio confirmam. No dia do assalto, eles saíam de São Leopoldo por volta das 6h30 em três carros, sendo um roubado. Chegavam na agência dos Correios usando o carro irregular no momento em que ela estava abrindo, entre 9h e 9h30. Em seguida, rendiam os funcionários e os clientes conforme eles chegavam. Em um dos assaltos, em Capivari do

Sul, 25 pessoas foram rendidas. Eles aguardavam o cofre abrir, recolhiam o dinheiro e fugiam. Permanecendo entre 30 minutos e 50 minutos no interior do local. No total, somando os dez ataques, a Polícia Federal acredita que o grupo tenha roubado cerca de R$ 160 mil. O alvo eram somente os cofres. O delegado ressalta ainda que parte do dinheiro era gasto com festas, telefones de última geração, armas e drogas. Roubos: Tabaí - Fevereiro de 2017 Bom Retiro do Sul - Janeiro e maio de 2018 Capivaria do Sul - Fevereiro e maio de 2018 Nova Petrópolis - Março de 2018 Taquari - Março de 2018 Rolante - Maio de 2018 Candelária - Maio de 2018 Doutor Ricardo - Junho de 2018

No último sábado, a Força Gaúcha de Pronta Resposta (FGPR) começou a atuar no Rio Grande do Sul. Criada em junho de 2018 pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), a FGPR tem o objetivo de dar apoio à Brigada Militar e à Polícia Civil em situações que demandem rápida resposta por parte das forças de segurança. De acordo com o governo do Estado, agentes realizaram operações durante o fim de semana em Porto Alegre, na Região Metropolitana, no Vale do Sinos e na Serra. As ações tiveram foco no combate ao crime organizado, assaltos a agências bancárias, abigeato e preservação da ordem pública.

A tropa é formada por militares estaduais e por servidores da ativa das carreiras da segurança pública ou por inativos e aposentados designados. Os agentes irão apoiar investigações, ações de inteligência, atividades periciais, ocorrências de Defesa Civil, busca e salvamento e reforço ou apoio ao policiamento ostensivo (urbano e rural). Também estão entre as atividades o cumprimento a mandados judiciais de busca e apreensão e de prisão, operações em casas prisionais em razão de motins, auxílio no registro de ocorrências policiais, apoio à segurança em grandes eventos e ações junto ao Ministério Público.

Policiais já começaram a atuar em pontos específicos em todo o Estado


Notícias

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

ACIDENTE

Mulher morre após colisão entre carros

Uma colisão envolvendo dois veículos causou a morte de uma mulher no início da madrugada de domingo. O óbito foi registrado nas proximidades do Hospital de Caridade de Ijuí (HCI). Por volta da 1h30, no cruzamento entre a Rua 13 de Maio com a 21 de Abril, uma caminhonete Ecosport, com placas de Tupanciretã e um veículo Gol, emplacado em Ijuí, colidiram, resultando na morte de Lúcia Guimarães Trevisol, 67 anos. Com a violência do impacto, a vítima foi projetada para fora do automóvel. Ela chegou a ser socorrida e encaminhada ao

HCI, mas, devido à gravidade dos ferimentos faleceu no hospital. Lúcia era uma das três ocupantes do Gol. Outras duas pessoas, sendo uma mulher, 44 anos, e um homem, 45 anos, sofreram ferimentos leves e foram encaminhados ao HCI, medicados e liberados. Segundo o apurado no local, o condutor da Ecosport, morador de Ijuí, não se feriu. Um inquérito policial foi instaurado e deve apurar as causas da morte de Lúcia. Chovia no momento da colisão e o semáforo, existente no local, estava intermitente.

15

Funcionários de empresa são rendidos em roubo Por volta das 9h de ontem, os funcionários da sede administrativa da Coopatrigo de São Luiz Gonzaga viveram momentos de tensão com a ação de indivíduos armados. Conforme o assessor de imprensa da Coopatrigo, Roberto Marques, três elementos armados entraram na cooperativa e renderam funcionários, ocasião em que um criminoso manteve a telefonista sob a mira de um revólver enquanto outros dois renderam funcionários do caixa e do cofre, roubando valores em dinheiro. Durante a ação, um quarto indivíduo aguardava o grupo em um veículo Palio branco estacionado nas proximidades.

Conforme Marques, a ação dos criminosos foi rápida, durando cerca de dois minutos. Após pegar o dinheiro (a quantia ainda não foi avaliada), ingressaram no veículo e seguiram em direção ao Centro da cidade. Momentos após a Brigada Militar e a Polícia Civil realizarem buscas, encontrando o veículo, com placas de Bandeirante/SC, abandonado na Rua Vasco Alves, nas proximidades do Hospital Materno Infantil. A ação foi registrada pelas câmeras de segurança do estabelecimento e irão auxiliar a polícia na busca pelos criminosos. Segundo Marques, felizmente, nenhum funcionário sofreu ferimentos.

Lúcia Guimarães Trevisol

BM deflagra operação em Catuípe O fim de semana da Brigada Militar (BM) foi de combate à perturbação do sossego público em Catuípe. De acordo com a BM, frequentemente o telefone de emergência registra solicitações de atendimento a ocorrências de perturbação do sossego na área central da cidade. Neste fim de semana, após chamado de um morador das proximidades da Rua do Lazer, uma guarnição policial foi deslocada e flagrou um veículo cujo volume do som de fato perturbava o descanso dos moradores vizinhos, e tomou providências legais pertinentes. Como resultado da ação de combate à perturbação, um veículo foi removido ao depósito do Detran por encontrar-se em situação irregular; um aparelho

Veículo Gol foi recolhido pelo guincho junto ao depósito conveniado ao Detran

de som e uma arma branca, tipo punhal, apreendidos e dois autos de infração de trânsito confeccionados. O acusado da perturbação terá que apresentar-se ao Poder

Judiciário em audiência já marcada pela BM. O trabalho policial contemplou ainda abordagens a condutores diversos e a pedestres.

Veículo furtado é recuperado No final da noite deste sábado, por volta de 23h30, uma guarnição do Policiamento Comunitário da Brigada Militar (BM) de Ijuí, durante patrulhamento na Avenida Adolfo Hoese, bairro São José, localizou um veículo Fiat Uno, de cor verde, o qual se encontrava estacionado na contramão, abandoado, com a porta do motorista apenas encostada e com sinais de ter sido efetuada ligação direta nos fios. Após ser constatado que o veículo possuía registro de furto, ocorrido na Rua 7 de Setembro, aproximadamente às 22h30, os policiais solicitaram o recolhimento do carro ao depósito do guincho CRM para fins de devolução ao seu proprietário.

Carro furtado foi recuperado no bairro São José, uma hora após o crime

Brigada Militar fez buscas pelos autores do assalto que teve reféns

Homem é morto a enxadadas em Cruz Alta Um homem foi morto no sábado com golpes de enxada em Cruz Alta. A vítima foi identificada como Leonardo Sieg Bassan, 26 anos.A ocorrência foi atendida por policiais militares por volta das 15h30 do sábado no bairro Brum 2. De acordo com a Polícia Civil, houve uma discussão entre a vítima e a companheira dele. O filho da mulher, ao ver a mãe sendo agredida pelo companheiro, teria dado dois golpes de enxada na cabeça de Bassan. Ele foi levado ao Hospital São Vicente de Paulo, passou por cirurgia, mas não resistiu. Conforme a polícia, o suspeito de ter dado as enxadadas é um homem de 29 anos e está interditado por problemas mentais. O Instituto Geral de Perícias esteve no local. Um inquérito policial foi instaurado ficando

Leonardo Sieg Bassan, 26 anos, morreu após ser atingido por dois golpes de enxada

a cargo da Polícia Civil de Cruz Alta apontar as reais causas do assassinato.


Esporte

Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

Gabrielle ganha título inédito A atleta de Ijuí Gabrielle Sá (Mosquinha), 23 anos, venceu por nocaute no quarto round a oponente Milena Abelinha, da Bahia, sábado à noite no Latino Fight Championship no Instituto Araketu em Salvador e conquistou o título inédito do peso mosca,52 kg da Associação Nacional de Boxe (ANB). Gabrielle havia conquistado em 2016 o título Gaúcho de Boxe. Também foi campeã estadual de Kickboxing, vice-campeã sul-brasileira de Muai Thay e campeã das seletivas de boxe chinês. " Agradeço todas as vibrações positivas do pessoal do Sul. Isso deu mais força para subir no ringue e ganhar essa luta, conquistar o cinturão. Estou muito feliz por essa conquista inédita, principalmente para a nossa região, a nossa cidade Ijuí. Todo mundo sabe quanto batalhei. Quem acompanhou sabe o quanto lutei para estar na Bahia. Tivemos que pedir dinheiro emprestado para poder chegar até Salvador. Os meus familiares, amigos, o Alexandre, todos ajudaram. Agora vou continuar batalhando para crescer ainda mais. Conto com a ajuda de todos para que esse sonho se torne realidade sempre", disse Gabrielle Sá. O professor Alexandre Savian, que treina a atleta disse que foram dois meses de trabalho árduo tentando arrecadar recursos.

JOGOS DO SESI

JOGOS COMERCIÁRIOS As finais da etapa municipal de Ijuí do futsal dos 38º Jogos Comerciários serão disputadas hoje no Ginásio Wilson Mânica a partir das 19h30: feminino, Divas/Posto do Ganso x Assistência Técnica Machado e masculino, Quality Sports x Localiza Imóveis/City Hotel.

CANCELAMENTOS Atleta ijuiense Gabrielle Sá conquistou título inédito no boxe brasileiro Gabrielle mostra concentração antes da luta em Salvador

"Vendemos rifas, doces, pizzas, e galetos para poder viabilizar a ida da Gabrielle a Salvador. Estamos muito felizes porque valeu a pena. A Gabi conseguiu fazer uma excelente luta e ganhou esse importante título para o nosso Estado. É o primeiro atleta gaúcho na história no boxe brasileiro a ser campeão.Tinha que ser uma mulher e de Ijuí",

lembrou Savian. A atleta treinou cerca de três meses para a luta e teve que driblar a ansiedade antes de subir no ringue. Foi a primeira luta profissional da ijuiense em competição nacional. Acostumada a treinar no frio, Gabrielle teve que superar também as altas temperaturas em Salvador. Ela começou a lutar no boxe chinês por estética e acabou gostando da modalidade. Há três anos passou a disputar

competições no Estado. Segundo ela o nível técnico das mulheres está crescendo cada vez mais. Gabrielle Sá e Alexandre Savian chegam em Ijuí hoje por volta das 9h. Haverá uma carreata pelas principais ruas da cidade para homenagear a atleta campeã de boxe.O evento de sábado, em Salvador, contou com disputas nacionais e internacionais, com boxeadores da Bahia, Ceará, Rio Grande do Sul, Alagoas e Brasília.

ijuiense. O Estrela empatou aos 21 minutos do segundo tempo com Marceli. Camila aos 30 minutos da etapa final marcou o gol da vitória da equipe de Estrela que foi a 12 pontos e lidera a chave A

ao lado do Internacional. E.C.Ijuí e Brasil-Fa estão com 3 pontos. O Palestra de Carazinho é o último colocado. Ainda não pontuou. No time ijuiense aconteceram as estreias da atacante Kellen e da

meia Gabriela que joga pela Celemaster de Uruguaiana e Seleção Brasileira de Futsal. No próximo domingo em Farroupilha no Estádio das Castanheiras, o E.C.Ijuí busca reabilitação contra o Brasil.

TIMES E.C.Ijuí Andreia; Isabelle, Tupã (Cristina), Fabiane e Laís; Bruninha, Emilene (Carolina), Khaterine (Juliana) e Gabriela; Maikele e Kellen. Técnica: Marli Lourenzon Estrela Andreia; Sara (Camila),Jose, Tatiana e Kacieli; Júlia, Loni (Ana Paula), Elena (Maikeli), Marceli e Huana (Ana) ; Karin (Vanessa) Técnico: David da Silva. Árbitro: Marlon Moreira auxiliado por Jonas André Carls e Fábio Robero Winck. Cartão amarelo: Maikele

PLACAR GERAL

As semifinais do Campeonato de Futsal Livre do Serviço Social da Indústria (Sesi) serão disputadas hoje no Centro Esportivo Arthur Fuchs em Ijuí com estas partidas: 19h, Cisbra Farinhas/Taimak x Hoff Pneus/Camera/Star Gesso; e 20h, Hidroenergia x 3 Tentos A.Os perdedores disputam o terceiro e quarto lugares, enquanto os vencedores das partidas fazem a final no dia 14 de setembro.

E.C.Ijuí sofre derrota no Gauchão Feminino O Esporte Clube Ijuí perdeu por 2 a 1 para a Associação Estrela de Futebol em jogo do returno da primeira fase do Campeonato Gaúcho de Futebol Feminino domingo à tarde no Estádio Bertholdo Christmann (Montanha) debaixo de muita chuva. Maikele aos oito minutos do primeiro tempo, abriu o placar para o time

16

Esporte Clube Ijuí, após um bom primeiro tempo, caiu de produção e perdeu para a Associação Estrela de Futebol

O Campeonato Municipal de Futebol Amador de Ijuí, 1ª e 2ª Divisões não teve rodada domingo em razão da instabilidade climática. Os jogos da 21ª Copa Dunga de Futebol Sete para Menores também não foram realizados por causa da chuva. As duas competições terão jogos no feriado de sexta-feira, sábado e domingo.

FINALISTAS A Fifa oficializou na manhã de ontem os três finalistas para conquistarem o prêmio de Melhor jogador da temporada entregue pela entidade. Sem a presença de Lionel Messi, que fazia parte dos finalistas deste 2007, os jogadores escolhidos foram Cristiano Ronaldo, Mohamed Salah e Luka Modric.O português briga pela sua sexta premiação e tem como trunfo a conquista da Liga dos Campeões pelo Real Madrid como artilheiro da competição. O croata também foi importante no terceiro título europeu consecutivo dos madrilenhos e ainda conta com o fato de ter chegado na decisão da Copa do Mundo com o seu país sendo eleito o melhor jogador do torneio. Já Salah corre por fora com uma temporada espetacular pelo Liverpool, onde conquistou o Campeonato Inglês e chegou à decisão da Liga dos Campeões. A Fifa também anunciou as três finalistas à categoria de melhor jogadora do mundo na manhã de ontem, em Londres. A brasileira Marta, vencedora por cinco vezes e indicada em 14 oportunidades, mais uma vez está entre as seletas indicadas e concorre ao lado de Ada Hegerberg e Dzsenifer Marozsan, do Lyon, da França. Marozsan também é capitã da seleção alemã. O resultado final acontecerá no dia 24 de setembro, também na capital inglesa.


Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

17

DOIS TOQUES

A diretoria do Esporte Clube São Luiz, com apoio do Conselho Deliberativo, está iniciando uma nova temporada de adesão de novos sócios. O lançamento da campanha Sócio Fiel será hoje às 19h na sede do clube, com a participação da imprensa regional, sócios e dirigentes. A ideia do Rubro é trazer novos sócios para melhorar a receita do clube e dar fôlego para investimentos em melhorias no Estádio 19 de Outubro, que hoje precisa de uma nova iluminação, de acordo com os padrões da 1ª Divisão e a construção de novos e adequados banheiros da arquibancada da geral. O vice-presidente de Marketing do Rubro Erlo Endruweit, explica

que os valores para se associar foram mantidos, sem acréscimo. Para assistir os amistosos e jogos oficiais, o clube oferece três opções, com contratos de um ano, ou seja 12 mensalidades. A cadeira está sendo comercializada por R$ 60,00 mensais, a arquibancada das sociais por R$ 40 reais e a arquibancada da geral, por apenas R$ 25,00 mensais. “Ainda decidimos que quem quitar as 12 mensalidades de uma só vez, ganhará desconto de 10%. São valores acessíveis e que permitem que possamos garantir futebol o ano todo, um sonho nosso e do torcedor de Ijuí e região”, disse Erlo Endruweit. O novo sócio vai receber uma camiseta personalizada da campanha Sócio Fiel.

Reservas vencem o Zequinha em jogo-treino os goleiros Paulo Victor, Bruno Grassi e Brenno trabalharam com o preparador, Rogério Godoy.Enquanto isso, os reservas participavam de um jogo-treino contra o São José-POA. Dividido em dois tempos de 30 minutos, o Tricolor acabou derrotando o Zequinha por 2 a 1. André e Pepê marcaram belos gols por cobertura e Vinícius no finalzinho fez para os visitantes. A equipe gremista atuou com a seguinte formação: Marcelo Grohe; Leonardo Gomes

Moledo retorna ao Inter contra o Flamengo Após o empate contra o Cruzeiro, o elenco do Internacional voltou aos treinos na manhã de ontem na Toca da Raposa II, CT do clube mineiro, visando o jogo de amanhã contra o Flamengo, às 21h45, no Beira-Rio, pelo Brasileirão. Os jogadores que não participaram da partida diante da Raposa fizeram um treinamento técnico em campo reduzido.Já os titulares ficaram no hotel realizando um trabalho regenerativo. Para o confronto do meio da semana, o técnico Odair Hellmann contará com a volta do zagueiro Rodrigo Moledo que cumpriu suspensão automática. A delegação colorada chegou ao final da tarde em Porto Alegre. O último treino do plantel colorado ocorre hoje, às 15h30 e deve ser realizado com portões fechados. Atualmente o Inter ocupa o segundo lugar no

Brasileirão, com 42 pontos, e está a três pontos do líder São Paulo. Domingo o time de Oldair Hellmann empatou em 0 a 0 com Cruzeiro, no Mineirão. A equipe mineira reclamou pedindo gol do atacante Raniel. O árbitro alegou que a bola bateu no braço de Bruno Silva na origem do lance. Uma nova reviravolta aconteceu na negociação do volante Rithely. O Sport, que detém os direitos federativos do atleta, aceitou o pedido do jogador de seguir no Internacional realizando a recuperação.As duas direções chegaram a um acordo e o empréstimo será efetivado hoje até o fim de 2019. O Leão arcará com os salários do meio-campista até que tenha condições de entrar em campo. Rithely sequer retornou ao Nordeste e permaneceu em Porto Alegre para seguir realizando tratamento intensivo.

(Kaio), Paulo Miranda, Bressan (Matheus Henrique) e Marcelo Oliveira (Juninho Capixaba); Michel, Thaciano (Jean Pyerre), Thonny Anderson, Douglas e Pepê; André (Vico). O plantel do Grêmio volta a treinar hoje, às

15h30, novamente no CT. O Tricolor goleou o Botafogo por 4 a 0, sábado à tarde na Arena e assumiu a quarta posição do Campeonato Brasileiro com 40 pontos. Os gols foram de Jael duas vezes, Alisson e André.

SÉRIE A 22ª rodada Sábado, 1º.9

Grêmio 4 x 0 Botafogo Vitória 1 x 0 América-MG Corinthians 1 x 1 Atlético-MG Vasco 0 x 3 Santos Domingo,2.9 Flamengo 0 x 1 Ceará Atlético-PR 2 x 0 Bahia São Paulo 1 x 1 Fluminense Sport Recife 1 x 0 Paraná Chapecoense 1 x 2 Palmeiras Cruzeiro 0 x 0 Inter

23ª rodada Amanhã,5,9 Bahia x Sport-19h30 Botafogo x Cruzeiro-19h30 Ceará x Corinthians-20h Palmeiras x Atlético-PR-21h Paraná x Chapecoense-21h Atlético-MG x São Paulo21h45 Inter x Flamengo-21h45 Quinta-feira,6.9 Santos x Grêmio-19h Fluminense x Vitória-19h América-MG x Vasco-20h

CLASSIFICAÇÃO BRASILEIRÃO SÉRIE A 2018 TIMES LIBERTADORES

O elenco do Grêmio retornou aos treinos ontem, no CT Luiz Carvalho, visando o jogo de quinta-feira contra o Santos, às 19h, no Pacaembu, pelo Brasileirão. Os titulares que jogaram diante do Botafogo realizaram trabalhos regenerativos no vestiário. O zagueiro Kannemann e o atacante Everton foram convocados para as Seleções da Argentina e Brasil, respectivamente, e voltam ao clube em dez dias. Cícero e Alisson foram a campo realizar corridas leves, enquanto

SUL AMERICANA

DUPLA- A boa fase de Grêmio e Internacional no Brasileirão 2018 mexe com os torcedores. Com um maior entrosamento e mesmo perdendo jogadores importantes, casos do excelente Arthur e do eficiente Jaílson, o time de Renato Portaluppi deu mostras de que vai seguir brigando pelo título, independente de estar mais focado na Libertadores. O Tricolor se aproveitou da fragilidade do Botafogo e goleou impiedosamente o time carioca sábado. Jael foi o nome do jogo. Criticado em outros momentos, o jogador ganhou a confiança da torcida e merece no momento a titularidade no ataque. É mais efetivo do que André. Não tem a habilidade do ex-jogador do Sport, mas compensa com raça e uma pontaria mais calibrada. O Internacional, que entrou no Brasileirão com os pés no chão, dá mostras a cada rodada de que pode sim brigar no pelotão de frente e sonhar com objetivos mais condizentes com sua grandeza. Odair Hellmann encontrou um padrão tático e o time tem mostrado segurança. Está há seis jogos sem sofrer gols. Marcelo Lomba outrora, um goleiro apenas regular, vem jogando muito bem. XAVANTE- O Brasil-Pel encara o Sampaio Correa hoje em São Luís no Maranhão na estreia do técnico Rogério Zimmermann.Na terceira passagem pelo clube, o treinador é a esperança de o time se livrar do rebaixamento na Série B do Campeonato Brasileiro. O momento é complicado, o time está no Z-4 e precisa urgentemente da recuperação. O técnico chegou em 2012 no Brasil em um momento em que o objetivo era tirar a equipe da 2ª Divisão e o fez com muita competência levando o clube a momentos de glória.Agora a luta é contra o rebaixamento numa competição nacional. ALVIVERDE- O Juventude que empatou em 3 a 3 com o Paysandu sexta-feira, em Belém do Pará, na estreia do técnico Luiz Carlos Winck recebe o Criciúma hoje às 20h30, no Alfredo Jaconi. A equipe teve uma outra postura e por pouco não conquistou a vitória. Os dois próximos jogos em casa diante do Criciúma e São Bento serão fundamentais para o time deixar a proximidade do Z-4 na Série B do Brasileirão.

REBAIXADOS

Carlos Alberto Padilha

esporte@jornaldamanhaijui.com

São Luiz lança campanha

1º SÃO PAULO 2º INTERNACIONAL 3º FLAMENGO 4º GRÊMIO 5º PALMEIRAS 6º ATLÉTICO-MG 7º CRUZEIRO 8º CORINTHIANS 9º ATLÉTICO-PR 10º SANTOS 11º FLUMINENSE 12º AMÉRICA-MG 13º VITÓRIA 14º BAHIA 15º BOTAFOGO 16º VASCO 17º SPORT 18º CHAPECOENSE 19º CEARÁ 20º PARANÁ

P

J

V

E

D GP GC SG

46 43 41 40 40 35 31 30 27 27 27 26 25 25 25 24 23 21 20 15

22 22 22 22 22 22 22 22 21 21 22 22 22 22 22 21 22 21 22 22

13 12 12 11 11 10 8 8 7 7 7 7 7 6 6 6 6 4 4 3

7 7 5 7 7 5 7 6 6 6 6 5 4 7 7 6 5 9 8 6

2 3 5 4 4 7 7 8 8 8 9 10 11 9 9 9 11 8 10 13

35 28 32 29 33 37 18 24 25 26 22 22 22 22 20 25 20 21 13 10

18 12 18 11 16 28 18 18 20 23 27 27 40 28 31 32 34 31 24 28

17 16 14 18 17 9 0 6 5 3 -5 -5 -18 -6 -11 -7 -14 -10 -11 -18


Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

NATUREZA

Aquecimento estimula insetos e pragas P

esquisadores da Universidade do Estado de Washington concluem, em um estudo publicado na revista Science, que a produção agrícola mundial verá seu rendimento reduzido por causa de uma característica fisiológica universal dos insetos, a de que quanto mais calor faz, mais comem. Além disso, nas regiões temperadas, o aumento das temperaturas também fará com que os insetos se reproduzam mais rápido, com a soma de ambos os efeitos. "Haverá mais insetos e eles comerão mais", diz Curtis Deutsch, um dos autores do estudo, professor de oceanografia na Universidade de Washington. Europa, Estados Unidos e China, grandes produtores de cereais, serão mais afetados

que os países em regiões tropicais como Brasil ou Vietnã, onde os insetos já estão aproveitando ao máximo as condições climáticas. Avaliar as perdas agrícolas adicionais é um exercício difícil, mas os pesquisadores o fizeram simulando o impacto de um aumento de 2°C no metabolismo dos insetos e calculando o novo apetite. Isso não leva em conta o uso adicional de pesticidas ou outras mudanças para prevenir esses estragos. Até agora, o efeito do aquecimento global no desenvolvimento das plantas era o principal foco de pesquisas. Deutsch espera que este trabalho estimule mais cientistas a estudarem o efeito sobre os insetos em regiões particulares.

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

Novela do Conde Vlad (1991)

Raça de cavalos marchadores Complexo vitamínico da maçã

Animal como o "Pumba" (Cin.) Acompanhamento típico do bacalhau (pl.) BANCO

Título britânico Mitologia (abrev.) São João (?) Rei, cidade histórica

Tamanho pequeno de camisa (abrev.)

Vladimir Brichta, ator de "Cidade Proibida"

A pilha usada em controles remotos

Resultado da falta de ferro no sangue

Indústria Nacional de Armas (sigla)

(?) David: local de acordos de paz (EUA)

Sequer; ao menos Órgão secreto (EUA)

Inocêncio de Oliveira, político

69

Solução

A G E N C I A D O R

D E L G R O T A

T

T A U R R A I S I M I O A I N N E A M I A

R O B E R T O C A M P O S

Rochelle dá festa na casa de Roberval Zefa confronta Severo por colocar a mansão à venda, e ele acaba passando mal. Rochelle dá uma festa na casa de Roberval. Maura e Ionan tentam resistir, mas se beijam novamente. Dodô procura Gorete para oferecer ajuda financeira. Valentim se enfurece ao ver Remy na casa de Karola. Roberval revela que é o comprador da mansão de Severo. Naná vai até a casa de Karola, e a flagra na cama com Remy. Roberval deixa que sua família continue morando na mansão, mas exige que todos trabalhem para ele. Karola fica indignada ao descobrir que Remy marcou uma festa em sua casa. Beto conclui que Remy pode estar chantageando Karola.

Que vive distraído; aéreo (bras.) Sr. e (?) Smith: filme com Brad Pitt

Dom Pedro (?), imperador do Brasil

C I A

Segundo Sol - Globo

A segunda opção na múltipla escolha

L T

Betina destrói sua sala na Samvita Elmo ajuda Betina, e Samuca se preocupa com o estado da ex-noiva. Eliseu aconselha Paulina. Dom Sabino pede mais tempo a Coronela para pagar as diárias da pensão. Dom Sabino tenta arrumar um emprego na padaria. Coronela e Januza cochicham sobre Marocas. Elmo e Samuca tentam descobrir quem revelou o local do noivado a Pedro Parede. Marocas começa a trabalhar na Samvita. Dom Sabino matricula Nico e Kiki na escola de uma amiga de Amadeu. Helen sugere que Bento more em uma pensão. Betina não aceita que Marocas trabalhe na Samvita e tenta agredi-la. Betina destrói sua sala na Samvita.

Designação de Deus, no Antigo Testamento Refinaria de Duque de Caxias (sigla)

C E N C M A U A R L A D O R E D U P R A V O S R A C A M P I P B A A V A B A

O tempo não para - Globo

© Revistas COQUETEL

Figura do liberalismo econômico, completaria 100 anos Viagem em Altar recreativa primitivo 17/4/2017

Estados onde é enVale contrada a caatinga profundo Vítima do trote Diligente; universitário trabalhador

3/del — sir. 4/camp — vamp. 6/adonai.

Globo

Julieta se machuca ao cair do cavalo Elisabeta culpa Lady Margareth pela falsa morte de Darcy. Ema e Ernesto procuram Edmundo para pedir um empréstimo financeiro. Julieta se machuca ao cair do cavalo. Tibúrcio pede para que Rômulo volte para casa. Brandão se afasta do quartel e promove Otávio a major e Randolfo, a capitão. Lady Margareth exige que Xavier dê fim à vida de Susana. Baltazar questiona Lady Margareth e Xavier sobre o atentado contra Elisabeta. Lady Margareth descobre que Darcy não morreu. Olegário diz a Charlotte que contará para Darcy sobre o relacionamento dos dois. Ernesto comunica a Ema que não vai morar na Fazenda Ouro Verde. Rômulo rompe com Josephine. Xavier oferece uma bebida com sonífero para Susana.

Colocar entre as páginas do jornal Presságio de acontecimento ruim

J

NOVELAS

Orgulho e Paixão -

Aquecimento global vai estimular crescimento de insetos e pragas, diz estudo

18

Horóscopo Áries A resposta para a maior parte das perguntas está dentro de nós, e para isso ser percebido é preciso ter serenidade. É tempo de acalmar o fluxo de pensamentos para se alinhar com o que realmente importa. Touro Entre todos os compromissos e responsabilidades que se tem, aqueles que dizem respeito à saúde do corpo e da alma são de longe os mais importantes. É tempo de valorizar aquilo que temos de mais sagrado. Gêmeos Cultivar um olhar mais otimista em relação ao que vem sentindo traz não somente melhores percepções como também um espaço interno mais leve e prazeroso. É tempo de trazer suas emoções para a luz. Câncer Nunca se esqueça da sua capacidade de superação e transformação. É tempo de lembrar dos momentos em que sua força e coragem foram determinantes, usando-os como motivação para os desafios de hoje. Leão O que desejamos para nós nem sempre é o que realmente precisamos, por isso devemos estar abertos ao que chega. É tempo de cultivar uma postura mais receptiva às possibilidades que a vida traz. Virgem A rotina deve ser organizada de forma que possamos viver nela um pouco de tudo que é importante para nós. É tempo de honrar o tempo em casa para descansar mais, relaxar a cabeça e deixar o sono em dia. Libra Se pararmos para pensar, uma das melhores partes de arcarmos com as responsabilidades é podermos nos ver livres delas. É tempo de dar seu melhor para concluir as funções, curtindo então sua liberdade. Escorpião Com o tempo, as ilusões que nós mesmos criamos acabam atribuindo grandes sombras a pequenas coisas. É tempo de fortalecer sua bravura, lidando com o que o aflige de forma mais simples e objetiva. Sagitário O caminho rumo à conquista de suas metas deve ser tão estimulante quanto confortável, fornecendo boas condições para chegar até lá. É tempo de cuidar da mente e do corpo para ter melhores resultados. Capricórnio Compartir o que é seu, sejam opiniões, posses ou sentimentos, engrandece sua própria realidade. É tempo de perceber o poder da união, da generosidade e o quanto ganhamos quando compartilhamos. Aquário Usar sua curiosidade e raciocínio como ferramentas de autoconhecimento é o que de melhor você pode fazer pelo seu bem-estar nesse momento. É tempo de entender a essência daquilo que você vem sentindo. Peixes Nossas ideias e pensamentos não têm limites, o que é tanto uma benção quanto possível motivo de ansiedade e inquietude. É tempo de trazer consciência ao que se pensa, administrando o ritmo interno.


Jornal da Manhã

Terça-feira, 4 de setembro de 2018

David Antônio dos Santos Contador | Perito Contábil

7x1 OU 6X1 = VEXAME MUNDIAL Nós brasileiros não merecíamos! A derrota da Seleção Brasileira para a Alemanha por 7 a 1 é considerado por muitos como o maior vexame da história do país, em termos futebolísticos. A eliminação na semifinal da Copa do Mundo teve fortes consequências para o povo brasileiro não apenas no âmbito esportivo como também sociais políticas e culturais. No caso especifico, seu comandante o Felipão, não perdeu a dignidade, a honra; abalou muito sim seu prestigio, que está recuperando silenciosamente, mas com competência, sendo hoje o treinador de um dos maiores clubes brasileiro. Mas nós, brasileiros, não desistimos nunca, continuamos a fazer fiasco, e para chacota mundial, agora é um presidiário, que tentava ser candidato a presidente do Brasil, sendo que teve TODAS as condições para tentar provar sua suposta inocência, mas que foi ampla e legalmente julgado e condenado, por, não um juiz singular, mas sim um colegiado de Desembargadores, que a posteriori tiveram ratificados seus juízos de valor, pelo órgão máximo da Justiça Brasileira. Desde que Lula teve a condenação confirmada no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), os líderes do PT sabiam que ele não poderia ser candidato na eleição de outubro. A decisão da maioria dos integrantes do TSE negando o registro a Lula põe fim ao faz de conta que o partido encenou nos últimos meses. O nome de Lula foi apresentado como candidato em uma estratégia calculada para tentar capitalizar sua popularidade, e na ultima hora tentar transferir para seu substituto, já escolhido antecipadamente, pois sabiam os próceres petistas que a verdade prevaleceria, e o presidiário seria barrado na Justiça Eleitoral, face a sua condenação por lavagem de dinheiro e corrupção na Justiça Comum. Com embasamento nas leis brasileiras – o que não poderia ser diferente – o ministro Barroso, disse ser uma operação singela de aplicação de uma lei clara que consagra inelegibilidade de alguém que tenha sido condenado por crime contra a administração pública ou lavagem de dinheiro por órgão colegiado. Além de entender a inelegibilidade de Lula, o magistrado não aceitou um dos principais argumentos da defesa, que pediu o cumprimento do pedido do Comitê dos Direitos Humanos da ONU para que Lula fosse mantido como candidato. Listando uma série de óbices para que a determinação do órgão internacional fosse seguida pelo Judiciário brasileiro. Ele destacou que não foram esgotadas as possibilidades de recursos internos, que representantes brasileiros não foram ouvidos e que a decisão da ONU foi tomada por apenas dois de 18 componentes do colegiado, enfatizando que o Comitê de Direitos Humanos da ONU é órgão administrativo, sem competência jurisdicional, composto por 18 peritos. Por isso, suas recomendações não têm efeito vinculante. Apesar de concordar com o entendimento do relator do caso, ministro Barroso , de que o petista está inelegível pela Lei da Ficha Limpa, o ministro Fachin foi o único voto dissonante e derrotado, disse que o país deve atender a determinação do comitê.

19

GRUPO DE ESCOTEIROS

Farrapos Carijós terá sede própria O Grupo de Escoteiros Farrapos Carijós teve início há dois anos em Ijuí, mas já tem motivos de sobra para comemorar. Na tarde de ontem, os coordenadores Quélen Tabile e Rogério Bruxel, anunciaram a construção de sede própria do grupo. "O reconhecimento é muito importante, porque o trabalho que realizamos com as crianças não é fácil, parece simples, porém não é, mas é muito gratificante", disse Quélen, emocionada. "Nós trabalhamos com multiplicadores. Se queremos um amanhã melhor, temos que investir hoje, e as crianças são nosso presente, que irão garantir nosso futuro." Ela explica que ao fundar o novo grupo, o objetivo principal foi de levar o escotismo às crianças carentes. "O uniforme é caro, e tudo depende de valores,

para acampar, viagens, e quando não há patrocínio, investidores, é difícil", acrescenta. "Em nosso grupo, ensinamos as crianças a dar valor, porque nada é de graça. Mesmo sendo doado, alguém trabalhou por aquilo, para poder doar." Quélen explica que parte dos recursos utilizados são provenientes de campanhas do Grupo, como a venda de pizzas, feitas pelos próprios pais. A sede foi doada ao grupo, mas precisa de reformas. "É um salão de madeira, que está bem deteriorado, e precisamos consertá-lo, fazer um tratamento para cupim e construir cozinha e banheiros. Agora, que temos um espaço nosso, precisamos construir um banheiro adaptado, porque temos crianças especiais no grupo", conta. "Porque são

Coordenadores do grupo, Quélen e Rogério estiveram no Grupo JM

todos iguais, mas com necessidades diferentes." Atualmente, o Grupo conta com 64 integrantes, entre lobi-

nhos e pioneiros. Quem quiser ajudar, ou adquirir uma pizza [R$ 25] pode entrar em contato pelo telefone 9 9613 8562.

Quadra da Cidadania terá continuidade em breve Programação especial do AABB Comunidade acontece na Quadra da Cidadania, no bairro Industrial, nos próximos dias. No entanto, o local segue sendo alvo de vândalos. O líder comunitário, João de Jesus, afirma que já entrou em contato com o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Obras e Trânsito (Smodutran), Jair da Rosa, na busca por soluções para esta problemática - que não é nova. "Solicitei uma limpeza emergencial para este evento que teremos no dia 15, para que as crianças tenham condições de permanecer neste local", conta. "Não tem banheiro ainda, mas foi cogitada a hipótese de instalar dois banheiros químicos pelo próprio setor de limpeza pública." Por outro lado, o presidente

pondera que a maior parte da programação será realizada na sede do bairro, justamente pela falta de estrutura adequada por parte da quadra, no momento. Reunião marcada para hoje, envolvendo o secretário municipal de Cultura, Desporto e Turismo, Sergio Correa, e a diretoria, deverá tratar da conclusão do projeto da Quadra da Cidadania. A pasta é responsável pela execução e fiscalização do projeto. O encontro terá ainda a participação do secretário Jair da Rosa. "A obra era para ter reiniciado há alguns dias, mas foram encontradas dificuldades em relação à empresa vencedora da licitação, mas deverá começar em breve, porque nossa intenção é entregar este local em condições para a comunidade", afirma João de Jesus.

Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Ijuí Fundado em 29 de julho de 1999 Registro Civil da Pessoa Jurídica: 425, folha 297 do Livro A-1 Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica: 03.384.612/0001-13 Utilidade Pública Municipal – Decreto Executivo nº. 2.573-GAB, de 05/10/1999

EDITAL DE CONVOCAÇÃO ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA O Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Ijuí-CEDEDICAI, com sede na Rua do Comércio nº 563 no 2º piso – Centro nesta cidade, pela sua presidente Edi Ida Nast de Lima, no uso das atribuições constantes no inciso I do art. 11 do Estatuto Social concomitante com o inciso II art.13, vem através da presente, convocar os sócios para a Assembleia Geral Ordinária, que será realizada no dia 18 de setembro de 2018, na sede da entidade. Primeira chamada às 17h30, com a presença de pelo menos 1/3 (um terço) dos sócios e a 18h em segunda chamada com 10% ( dez por cento) dos sócios para a seguinte: ORDEM DO DIA A) Tomar conhecimento do relatório anual das atividades da instituição, bem como apreciar e aprovar o balanço Patrimonial e demonstrativo de Resultados do Exercício de 2017; B) Assuntos gerais. Ijuí-RS, 3 de setembro de 2018. Edi Ida Nast de Lima Presidente do CEDEDICAI

Maria Luiza Lucchese Secretária

Local é alvo de vândalos e serve como moradia para pessoas desabrigadas

MUNICÍPIO DE IJUÍ – PODER EXECUTIVO AVISO DE LICITAÇÃO

PREGÃO PRESENCIAL Nº 144/2018 – OBJETO: Registro de preços para futura e eventual aquisição de materiais de artesanato. ABERTURA: 18/09/18 às 9h. Informações pelo telefone (55) 3331-8227 e/ou telefone/fax (55) 3331-8219 ou no site www.ijui.rs.gov.br, no link “Licitações”. PREGÃO PRESENCIAL Nº 145/2018 – OBJETO: Aquisição de máquina de costura e mesa em aço inox para o Clube de Mães. ABERTURA: 19/09/18 às 14h. Informações pelo telefone (55) 3331-8278 e/ou telefone/fax (55) 3331-8219 ou no site www.ijui.rs.gov.br, no link “Licitações”. TOMADA DE PREÇOS Nº 37/2018 – OBJETO: Aquisição de materiais de construção para calçamento comunitário da Rua Dorival Marcos de Carvalho e da Rua João Gressler. ABERTURA: 28/09/18 às 9h. Informações pelo telefone (55) 3331-8227 e/ou telefone/fax (55) 3331-8219 ou no site www.ijui.rs.gov.br, no link “Licitações”. TOMADA DE PREÇOS Nº 38/2018 – OBJETO: Contratação de empresa para execução global da Obra de Construção do ESF do Bairro Boa Vista. ABERTURA: 24/09/18 às 9h. Informações pelo telefone (55) 3331-8227 e/ou telefone/fax (55) 3331-8219 ou no site www.ijui.rs.gov.br, no link “Licitações”.

AVISO DE REPUBLICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 142/2018 – OBJETO: Registro de preços para futura e eventual aquisição de ataúdes, bem como serviços de translado/transporte funerário. NOVA DATA DE ABERTURA: 19/09/18 às 10h30. Informações pelo telefone (55) 3331-8278 e/ou telefone/fax (55) 3331-8219 ou no site www. ijui.rs.gov.br, no link “Licitações”. Ijuí/RS, 3 de setembro de 2018. Valdir Heck Prefeito


www.clicjm.com

SEm CObErTUrA

FUTEBOL FEMININO

Esporte Clube Ijuí (camiseta de cor laranja) perdeu para o Estrela pelo returno do Campeonato Gaúcho | 16

Caminhoneiros não farão nova paralisação Usuários do posto do Herval aguardavam por atendimento na fila, ontem | 13

Presidente do Sindicato na região Noroeste, Carlos Alberto Litti Dahmer nega informação circulada nas redes sociais | 12

VOZES NO CAMPUS

EFEITOS DA CHUVA

Tertúlia Universitária atraiu o público para o Campus na tarde do último domingo | 10

Alagamentos, em boa parte resultado de bocas de lobo entupidas, foi a principal demanda registrada pela Defesa Civil, nos cinco dias de chuvas intensas | 19

EDITORIAL | 6 O Estado não tem mais como esperar para enfrentar sua crise financeira, equilibrar as contas públicas e retomar o fornecimento de serviços.

Jornal da Manhã - Terça-feira - 04-09-2018  
Jornal da Manhã - Terça-feira - 04-09-2018  
Advertisement