Page 1

WWW.CLICJM.COM

Ijuí, Sexta-feira, 29 de novembro de 2019

Grupo Jornal da Manhã lança projeto em apoio a empresários locais

Ano 46 - Nº 149

R$ 3,00

Premiação do Curtas na Escola acontece hoje Entrega dos prêmios acontece às 19h30, no Salão de Atos da Unijuí | 7

Diálogo auxilia no combate à violência Afirma juíza de Direito Maria Luiza Pollo Gaspary sobre casos em Ijuí | 4

Campanha Amigo de Ijuí Compra Aqui foi apresentada a lideranças e empresários | 5

Nadine comemora resultados positivos Presidente da Expo-Ijuí, Nadine Dubal apresenta números desta edição. | 3

Corte no Censo irá prejudicar políticas Redução de recursos impacta nas informações da população. | 10


2

Jornal da Manhã

SEXTA-FEIRA, 29 DE NOVEMBRO DE 2019

RADAR NOTA FISCAL - A Nota Fiscal Gaúcha (NFG) atingiu a marca de 1,8 milhão de cidadãos cadastrados. O programa, criado em 2012, busca a promoção da cidadania fiscal, o combate à sonegação, o aumento da arrecadação por meio da emissão de notas fiscais e o incentivo aos cidadãos solicitarem à inclusão do CPF no ato da compra.O recorde foi batido nesta quarta-feira, na mesma semana em que a NFG recebeu o prêmio Carrinho Agas 2019 na categoria Reconhecimento pelos serviços prestados à sociedade e às empresas.

OLHO DA RUA Uma calçada situada na Rua do Comércio, além de estar danificada, encontra-se com vegetação alta, dificultando a passagem dos pedestres que precisam transitar pelo local.

CICLISTAS - Estão abertas as inscrições para a 12ª edição do Curso EAD de Educação para Ciclistas, oferecido pela Escola Publica de Trânsito do Detran/RS. O curso é gratuito e as aulas começam no dia 2 de dezembro. Direcionado a educadores, profissionais com perfil multiplicador, ciclistas e pessoas que pretendem usar a bicicleta no dia a dia, o curso possui carga horária de 24 horas, com dedicação de 6h semanais durante quatro semanas e certificação ao final. Em caso de dúvidas e informações, entrar em contato pelo e-mail cursosead@ detran.rs.gov.br. NORMA ELEITORAL - A plataforma de mensagens WhatsApp sugeriu a inclusão nas regras de propaganda eleitoral para as eleições municipais de 2020 de um artigo que vede expressamente os disparos em massa via aplicativos de troca de mensagens. Em audiência pública realizada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre tais regras, o advogado Thiago Sombra, que representa o WhatsApp, sugeriu que o artigo 34 da minuta de resolução, que proíbe a propaganda eleitoral via telemarketing, seja expandido para vedar também o disparo em massa de mensagens. INVESTIMENTOS - Em meio ao crescimento de gastos obrigatórios, os investimentos – gastos com obras e compra de equipamentos – acumulam queda em 2019. Segundo números divulgados ontem pelo Tesouro Nacional, os investimentos totalizam R$ 30,888 bilhões de janeiro a outubro, recuo de 16,3% em relação ao mesmo período do ano passado, descontada a inflação oficial pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Poupança 21.11.2019 ............... 0,39 % Ouro 21.11.2019.............R$ 196,13(gr) Dólar Comercial.................... R$ 4,2158 Dólar turismo ....................... R$ 4,6413 Euro ..................................... R$ 4,8500 IPC/FIPE setem /2019 .....................0 % INPC setem/2018 ......................-0,05% IGPM setem /2019 ....................-0,01% IPCA setem /2019 .........................0,4% TR agosto/2019.........................+0,0% SELIC agosto/2019 ...................+6,5%

LOTERIAS

BIOMETRIA - O eleitor com mais de 70 anos também deve participar da coleta de dados biométricos realizada pela Justiça Eleitoral. Embora a Constituição Federal determine que o alistamento eleitoral e o voto são facultativos para o cidadão nessa idade, no caso de revisão eleitoral, todos os eleitores, inclusive aqueles para os quais o voto é facultativo – maiores de 16 e menores de 18 anos, maiores de 70 anos e analfabetos – devem comparecer aos cartórios para o cadastramento biométrico. EXPECTATIVA - A expectativa de vida ao nascer no Brasil subiu para 76,3 anos em 2018, segundo informações divulgadas ontem pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em 2017, a expectativa de vida era de 76 anos, ou seja, aproximadamente três meses a menos do que em 2018. A pesquisa Tábua de Mortalidade 2018 só será divulgada às 10h, mas as informações básicas da pesquisa já foram antecipadas no Diário Oficial da União de ontem.

INDICADORES

NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

1º - 0.853 2º - 1.392 3º - 8.827 4º - 1.746 5º - 3.702 QUINA

CONCURSO nº

5133

17 35 52 54 62 ENTRE ASPAS "O projeto [MP que cria o Mais Médicos] vem com processo seletivo que não existia, vínculo qualificado com contratos de trabalho e carteira assinada. Aqueles que vão para as áreas mais críticas iniciam ganhando mais, e ganham mais por permanecerem lá. Também traz de volta a proteção da sociedade, com os registros dos médicos nos conselhos de medicina." Ministro Luiz Henrique Mandetta "Nos próximos 3 ou 4 anos, vamos ter um sistema financeiro muito mais tecnológico, muito diferente do que temos hoje. Esse processo de incorporação tecnológica no sistema financeiro nacional tem reflexos muito importantes na economia, na transmissão e alocação de recursos." Presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto "Considero plenamente legítimo o compartilhamento do antigo Coaf do que se contiver em seus relatórios de inteligência financeira com os órgãos de persecução criminal para fins de natureza penal, recaindo sobre o MP e a Polícia Judiciária o dever de preservar os sigilos de tais dados e informações que lhe foram transmitidos." Ministro do STF, Celso de Mello

GETÚLIO

Resultados de quarta - 27.11.2019

MEGA SENA

CONCURSO nº

2211

27 36 40 41 44 54 LOTOFÁCIL

CONCURSO nº 1896

01 02 03 06 08 09 12 15 16 17 18 20 21 22 24 PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo

HOJE

MÁX.

31° Sol com algumas nuvens. Não chove.

MIN.

14°

SÁBADO

MÁX.

33° Sol com muitas nuvens. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

MIN.

19°

DOMINGO

MÁX.

29°

Sol com muitas nuvens durante o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora.

MIN.

19°

Fonte: Climatempo


Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 29 de novembRo de 2019

3

FEIRA

Balanço da Expo-Ijuí confirma superávit "Missão cumprida." É com essa afirmação que a presidente da Expo-Ijuí, Nadine Dubal, conclui seu mandato à frente da feira deste ano. O demonstrativo de resultados financeiros foi apresentado na manhã de ontem, no auditório da Associação Comercial Industrial de Ijuí (ACI). À tarde, a presidente esteve no Grupo JM e conversou com a reportagem, enumerando receitas e deduções. Isso porque, ao longo do dia, Nadine foi, segundo ela, muito questionada sobre o aumento no valor de investimentos realizados no Parque de Exposições Wanderley Burmann - R$ 130 mil, em 2018, e R$ 305,9 mil em 2019. "Neste ano, com as condições que recebemos o Parque, tivemos que gastar, para deixá-lo em dia, desde a poda de árvores, troca de fechaduras e alambrados, corte de gramas. Então, existe uma diferença de R$ 188 mil", disse, acrescentando que durante a apresentação, pela manhã, destacou a importância da prefeitura, proprietária do Parque de

Exposições, realizar manutenção, no mínimo, trimestral, do local, que é utilizado ao longo do ano para outros eventos, inclusive a Feira dos Negócios da Indústria de Ijuí (Fenii). Nadine destaca que o maior aporte de recursos foi realizado em manutenção e equipamentos no Parque de Exposições, com aumento de 135% - melhorias que agora poderão ser usufruidas pela comunidade. O segundo maior repasse foi para a prefeitura, referente aos ingressos, R$ 179,9 mil, taxas e impostos, R$ 40,7 mil; e pagamento da taxa de luz, R$ 102 mil. "A prefeitura, pela Expo-Ijuí, recebeu entre reinvestimento do parque e recursos que serão repassados, R$ 629 mil. É mais de meio milhão, é mais do que o valor que sobra líquido de toda a feira, que é gestão da ACI", resume a empresária. Em entrevista ao Grupo JM, Nadine afirmou que a missão foi cumprida e os objetivos, que eram dois, alcançados: o fortalecimento do agronegócio e concluir a

feira com superávit. "Primeiro, o fortalecimento do agronegócio, e conseguimos. Pelo respaldo dos próprios expositores deste ano, que nos deram retorno, pelos que já renovaram, e pelos expositores que já estão nos procurando e colocando em seu aporte financeiro a participação no ano que vem. Segundo, tínhamos muito claro que não queríamos deixar débito para a feira, que tinha um histórico de estar se recuperando, e o presidente Nilo [Leal da Silva] foi muito pontual quando nos disse que gostaria de ter resultado positivo e trabalhamos todos juntos para isso", afirma Nadine. O resultado bruto da feira foi de R$ 775,8 mil. Retirando os investimentos realizados no Paque, de R$ 305,9 mil, o resultado líquido deste ano foi de R$ 459,8 mil. "Então, missão cumprida de que deixamos a feira com resultado positivo." A Expo-Ijuí conta com quatro tipos de receita, que neste ano totalizaram em torno de R$ 2,5 milhões: comercialização dos

Demei realiza investimentos na Praça O Demei Distribuição realiza investimento em eficiência energética na Praça da República. O planejamento teve início em maio de 2017, quando o projeto foi encaminhado à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). "Buscamos algo que pudesse ser visualizado pela população. Juntamente com esse projeto, que é bastante extenso, está sendo feito um trabalho com as escolas, procurando ensinar aos alunos o uso correto da energia, para que se tenha eficiência não somente na Praça, mas nos lares e empresas", conta o presidente do Demei Distribuição, Rubem Härter. Os recursos são parte da tarifa paga pelos consumidores, que é destinada à eficiência energética, e o projeto foi elaborado em parceria com a Unijuí e prefeitura. "São mais de 160 luminárias, com 16 cores em cada uma delas, e foram adaptadas dentro da Universidade pelo curso de Engenharia Elétrica, e caso sejam furtadas, o autor do furto terá uma grata surpresa que irá explodir na hora de ligá-las, pela voltagem", alerta. O projeto é exclusivo e coordenado por um sistema central instalado na Secretaria Municipal de Cultura, localizada na Praça da República. A inauguração está marcada para domingo, às 20h,

Rubem Härter

com sincronização das cores e presença das etnias. "Elas escolheram uma música natalina. O som irá tocar na Praça e as bandeiras destes países serão projetadas através de luzes." Na noite de ontem, o Demei realizou teste da iluminação para ajustes finais. A distribuição das luminárias foi projetada pelo curso de Arquitetura e Urbanismo da Unijuí. "É algo que irá atrair, será um diferencial na Praça da República neste fim de ano. E é algo que ficará e temos condições de fazer algo muito bonito."

Ainda em entrevista ao Grupo JM, Härter fez um balanço do fechamento do ano da autarquia. Segundo ele, os números são positivos e melhores em relação ao ano anterior. "No final do ano passado e início deste tivemos vários ajustes, participamos de uma audiência pública na Câmara de Vereadores porque havia uma preocupação." O principal ajuste, destacado pelo presidente, foi a nova Lei dos Parcelamentos para dívidas com o Demei. "Isso deu um equilíbrio financeiro muito forte, importante e terminamos o ano com capacidade de investimento. Há muitas empresas se instalando em Ijuí, é um momento muito favorável, principalmente para o comércio, então, constantemente estamos tendo que fazer melhorias, colocando mais transformadores, o aumento de carga vem acontecendo. Tivemos em novembro momentos com grande intensidade de consumo e estamos preparando com investimentos para que possamos ter um verão tranquilo." Para 2020, está projetada a construção de um alimentador desde a subestação até o Centro - e cerca de R$ 2 milhões de investimentos em redes. O balanço de 2019 será apresentado em abril do próximo ano.

Presidente da ACI, Nilo Leal da Silva participou da apresentação do balanço

espaços - R$ 1,6 milhão; comercialização de ingressos, R$ 695,4 mil; comercialização de ingressos permanentes, R$ 24,3 mil; e patrocínios, R$ 170 mil. "Do resultado, são deduzidas todas as despesas operacionais, administrativas e as deduções de repasses, como os R$ 115 mil para Fenadi, o valor sobre os ingressos, a taxa de luz mais o ISS, que são taxas e impostos, que passamos à prefeitura. Tudo isso sai desse montante, fora as contratações." Ao longo da feira, Nadine teve alguns enfrentamentos. Ao final do evento, em entrevista ao Grupo JM, ela chegou afirmar ter sido vítima de machismo. Questionada ontem sobre como está lidando com a situação pós-feira,

ela reafirmou ser uma mulher de coragem e com vontade de fazer a diferença na comunidade. "Sou mulher, mas não sou uma mulher que possa ser vista como sexo frágil, pelo contrário, sou de muita posição, vou para o enfrentamento. Dentro da ACI, em nenhum momento tive absolutamente nada de negativo por ser mulher, mais jovem, pelo contrário, sempre tive incentivo do grupo. Fora isso, tive sim alguns enfrentamentos na feira, com expositor, pelo fato sim de ser mulher, e, num segundo momento, sofri uma intimidação, onde houve mistura do âmbito pessoal, profissional e institucional, também por ser mulher, e levei adiante porque isso encoraja outras mulheres."

Preços pagos ao produtor tiveram redução O mês de outubro registrou valorização do Índice de Inflação dos Preços Recebidos pelo Produtor Rural (IIPR) de 1,15%. Mas, no acumulado de 12 meses o indicador aponta uma queda de 1,21%. O Índice de Inflação dos Custos de Produção (IICP) do mesmo período também apresentaram resultado negativo de 2,12%. Os dados compõem o Relatório de Outubro dos Índices de Inflação do Agronegócio do RS, divulgados pela Farsul, nesta semana. Este é o quinto mês consecutivo que o IICP tem queda, fechando outubro com resultado 0,06% menor que o mesmo período do ano passado. O destaque fica com os fertilizantes, com retração de 11%. O principal fator foi a variação cambial que teve um declínio no último mês. A economista do Sistema Farsul, Danielle Guimarães, indica o câmbio como principal fator na composição dos indicadores. No resultado do IIPR está também o preço da soja influenciado pelo momento do grão nos EUA, "o principal fator de influência é a expectativa de uma queda na safra americana que parece se confirmar. O plantio teve atraso, a colheita está atrasada e com

uma produção menor. Isso afeta o mercado internacional com a alta no preço do produto". Na relação com o IPCAAlimentos, fica comprovado, no curto prazo, o descolamento entre os preços que o produtor recebe e aquele pago pelos consumidores. Enquanto houve a retração de 1,21% no IIPR o IPCAAlimentos teve alta de 3,01% no acumulado em 12 meses. Nos primeiros cinco meses de 2019, o IICP valorizou mais rapidamente que o IPCA. Após, o acumulado passou a indicar a redução nos custos de produção, enquanto o IPCA elevou até atingir 2,54% em 12 meses. "Acontece que quando a gente tem momentos de crise econômica como o Brasil passou no ano de 2017, esses produtos que a maior parte fica no mercado interno, os produtores sentem muito no bolso a queda do consumo durante a crise, produtos como leite sentem muito a crise econômica porque os produtores acabam se adaptando às novas condições de redução. Então, a gente viu nas exportações uma possibilidade de escoar esses produtos que não tinham consumo interno e acabam valorizando o preço dos produtos brasileiros aqui dentro", finaliza.


4

Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 29 de novembRo de 2019

MULHERES

"Números da violência são alarmantes”, afirma juíza No Rio Grande do Sul, 82 mulheres já foram vítimas de feminicídios em 2019. Um dos casos ocorreu em Ijuí, no mês de setembro, quando uma mulher foi morta pelo companheiro a facadas e depois se suicidou. O crime é o extremo de uma violência que começa muitas vezes despercebida, tanto pela vítima quanto pelo agressor. Na semana em que iniciou a campanha de 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher, o Grupo JM conversou com a juíza Maria Luiza Pollo Gaspary, que afirma que quanto mais conhecimento e mais informações chegam às mulheres, mais elas buscam os seus direitos. “Isso a gente tem percebido. Mas os casos de violência doméstica realmente são alarmantes e eles existem em todos os níveis da sociedade”. Dados da Delegacia da Mulher de Ijuí

apontam que mais de mil ocorrências já foram registradas neste ano no município. Já a Coordenadoria da Mulher atendeu mais de 2,6 mil vítimas em busca de atendimento desde 2014, quando foi criada. Para enfrentar este problema, a magistrada ressalta a necessidade de investimento em educação. “Então o primeiro passo para a gente coibir a violência, seja ela contra a mulher ou qualquer forma de violência, é a educação, e depois disso, procurar os órgãos responsáveis para que a gente possa coibir este tipo de prática”. Ela acredita, ainda, que é necessário que os pais mostrem desde cedo aos filhos que meninos e meninas têm o mesmo papel e as mesmas obrigações, já que segundo a juíza de Direito, a violência de gênero tem como pano de fundo principalmente os papéis que a mulher desempenha dentro da sociedade e dentro da sua casa. “A mulher

é vista como aquela que precisa cuidar do lar, das crianças, das tarefas da casa, independente se ela trabalha ou não. Então se ela não faz isso de forma satisfatória, se ela não é uma supermulher, ela acaba tendo consequências, como o do marido não achar que ela é boa suficiente para estar ao lado dele e acaba a ameaçando ou praticando outras formas de discriminação. Por isso, nós precisamos ensinar nossos filhos e filhas de que as tarefas de casa e fora de casa, do sustento do lar, eles têm que ser divididos”. A juíza ressalta ainda que os casos que são atendidos em Ijuí são "emblemáticos", porque muitas vezes o agressor não entende, quando não existe a agressão física, que ele está cometendo violência. "Então se não é uma violência física, que deixa marcas, ele não se vê como agressor. E muitas vezes nem a mulher detecta que está sendo vítima de violência".

Maria Luiza Pollo Gaspary

O primeiro passo para a gente coibir a violência, seja ela contra a mulher ou qualquer outra forma, é a educação, e depois disso, procurar os órgãos responsáveis."

'Valor em saúde' é debatido UTI Neonatal tem ação no Novembro Roxo em evento nacional Há 18 anos, a UTI Neonatal pioneiro com os recém-nascidos deranças do hospital, as famílias do Hospital de Caridade de Ijuí prematuros. Trata-se de um traba- foram especialmente convidadas

Diretor executivo da Anahp, Marco Aurélio Ferreira durante abertura do evento

A edição 2019 do Conahp, Congresso Nacional de Hospitais Privados, começou na terça-feira e se estendeu até ontem, reunindo mais de quatro mil participantes, no Expo Transamérica, em São Paulo. Este é o principal congresso do setor hospitalar no Brasil, realizado pela Anahp (Associação Nacional de Hospitais Privados) e que, neste ano, trouxe o tema “Saúde baseada na entrega de valor: o papel do hospital como integrador do sistema”. Na cerimônia de abertura, Eduardo Amaro, presidente do Conselho de Administração da Anahp, enfatizou que o tema “valor em saúde” tem estado no centro dos debates dos principais eventos nacionais e internacionais do setor. “Estamos todos atuando nessa equação de valor para, unidos, conseguirmos alcançar um modelo sustentável na saúde”. A abertura também foi prestigiada por importantes parlamentares. Augusto Nardes, ministro do TCU (Tribunal de Contas da União), comentou sobre a crise financeira da qual o Brasil está começando a se desvencilhar e os desafios na área de saúde. “O Brasil se recupera de uma fase dramática. Na saúde, os hospitais federais encontram dificuldades, com a falta de equipamentos e profissionais. O Japão se tornou uma grande potência pela eficiência, disciplina e organização, temos que retomar esta crença no Brasil, montar um projeto de governança para a saúde brasileira”. Já o diretor executivo da Anahp, Marco Aurélio Ferreira, enfatizou a importância da convergência e união entre os hospitais associados, e finalizou dizendo que a saúde brasileira deve muito aos parlamentares e profissionais que participaram do evento. “Teremos um mercado melhor se construirmos o diálogo, e é o que eu vejo hoje, pessoas dispostas a transformar a saúde brasileira. O diálogo é nossa maior ferramenta para isso”.

(HCI) é uma referência regional, com leitos regulados pela Central de Leitos do Estado. No setor, são disponibilizados oito leitos via Sistema Único de Saúde, um por convênio e um leito pediátrico. A equipe multiprofissional conta com médicos pediatras sendo médicos especialistas em neonatologia e em cardiopediatria; enfermeiro assistencial coordenador, especialista em terapia intensiva, enfermeiros assistenciais, técnicos de enfermagem, fisioterapeutas, fonoaudióloga, higienizadores, escriturária, além de equipe de apoio. Há três anos, a equipe da UTI Neonatal está com um projeto

lho que envolve a fotografia, em parceria com as renomadas fotógrafas de Ijuí, Simone e Simara, que registram a beleza dos bebês internados. “Mesmo com sondas e cateteres, as fotos desmistificam a condição de nascer prematuramente. Um trabalho excelente e gratificante, que demostra profissionalismo, carinho e humanização da nossa equipe”, avalia a enfermeira coordenadora da UTI Neonatal, Taíse Thomé da Cruz. Na quarta-feira, no auditório da instituição, as fotógrafas apresentaram o novo vídeo da série, com o tema Família Amor Maior. Além dos profissionais da UTI de recém-nascidos e li-

e receberam um kit com fotos e com o novo vídeo, gentileza da Simone e Simara. O evento fez parte da campanha mundial “Novembro Roxo”, que visa conscientizar sobre a realidade que mostra, no Brasil, uma taxa de prematuridade de 11,5% - quase duas vezes maior à observada nos países europeus. Deste percentual, 74% são prematuros tardios, ou seja, nascidos entre a 34ª e 36ª semana gestacional. Entre as causas identificadas estão a gestação na adolescência, falta de cuidados pré-natais, tabagismo e a desinformação, segundo estudo do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

Anúncio de greve gera reunião na Saúde A secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, reuniu em Porto Alegre os coordenadores e os adjuntos das 19 regionais da pasta. Entre as pautas da reunião estavam a apresentação do Plano de Reforma Estrutural do Governo do Estado, a necessidade de manter o atendimento à população e a atuação de cada unidade nas Comissões Intergestores Regionais. Em sua fala, a secretária Arita ressaltou o papel de representatividade desempenhado pelos coordenadores no Interior, tornando-se necessário o total conhecimento dos projetos de lei enviados pelo governo do Estado para apreciação da Assembleia Legislativa. A titular da Saúde

mostrou o panorama atual da Administração Estadual e explicou que as medidas buscam ajustar as contas por meio de ações como a modernização da legislação, redução de burocracias e revisão das estruturas de carreiras de servidores civis e militares. A secretária Arita orientou que as coordenadorias devem garantir a prestação de serviços essenciais à população, como, por exemplo, entrega de medicamentos, entrega de vacinas e fazer a regulação de consultas, entre outros. E, se o número de servidores paralisados for superior a manter o mínimo de 30% do atendimento, a secretária sugeriu que se faça rodízio entre os servidores que não aderiram à greve.

Arita Bergmann


Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 29 de novembRo de 2019

5

INOVAÇÃO

Grupo JM lança projeto de comunicação O auditório da Estação Cultura foi palco, ontem, do lançamento do mais novo projeto do Grupo Jornal da Manhã de Comunicação. O encontro reuniu empresários do segmento do comércio, indústria e prestação de serviços, além de lideranças de vários segmentos que conheceram a proposta da campanha Amigo de Ijuí compra Aqui, uma iniciativa do Grupo Jornal da Manhã em apoio aos agentes da economia local. Segundo o diretor executivo do Grupo JM, Breno Pochmann, a ideia é colocar toda a credibilidade de 46 anos do Jornal da Manhã ao lado do empresário ijuiense, lançando uma pauta editorial e comercial conjunta em ação de marketing coletivo. “O produto, a marca e a oferta existem, é preciso divulgar. Com essa campanha, o Grupo JM quer incentivar que as empresas e indústrias de todos os setores usem esses meios de comunicação e toda a sua estrutura para

divulgar seus produtos, serviços e os diferencias que atendem às demandas de mercado, mostrando com isso as vantagens financeiras de fidelizar seu cliente”, justifica, destacando a importância de elucidar a toda a comunidade a necessidade de uma atitude positiva frente ao comércio local. Ao lançar uma campanha institucional, o Grupo JM visa subsidiar, através de uma forte mídia, um plano de comunicação integrado. A iniciativa prevê uma cobertura diária passando pela linha editorial do jornal e da rádio e também uma grade de comerciais, anúncios e encartes nos veículos do grupo. “Será uma mídia programada que estará disponível a todos os empresários que aderirem à campanha, que inclusive poderão divulgar suas promoções, produtos e marcas”, explica o diretor ao enfatizar que qualquer segmento poderá aderir à campanha através das cotas de participação. “Por se tratar de um marketing coletivo, a campanha

Primeiro momento da campanha do Grupo Jornal da Manhã: apresentação a empresários na Estação Cultura

tem uma participação direta nos custos de mídia subsidiada pelo Grupo JM, os empresários terão uma pequena cota de participação em contrapartida a uma cobertura de três meses de trabalho”.

A campanha será lançada nos próximos dias e deve se estender nos meses de janeiro e fevereiro. “Aproveitamos o Natal, que é um momento com excelentes perspectivas de venda para motivar ainda mais o empresário e ainda a própria

expansão do mercado local, que exige uma atitude pró-ativa, por isso o que oferecemos é a oportunidade de igualdade para todas as empresas investirem em uma campanha institucional atrativa e com grande visibilidade”, conclui Breno.


6

Jornal da Manhã

SEXTA-FEIRA, 29 DE NOVEMBRO DE 2019

Opinião do JM VALORIZE O COMÉRCIO LOCAL

É com este objetivo, o Grupo JM lançou ontem a campanha Amigo de Ijuí compra aqui, que visa valorizar e divulgar as ações dos comerciantes e das indústrias que estão aqui há poucos ou muitos anos, investindo em nosso município, e que contribuem para melhorar o setor econômico e social da nossa cidade. O Grupo JM reconhece que são as pequenas empresas as maiores geradoras de empregos no país. Não tem saída para economia brasileira se não levar em consideração os pequenos negócios. Eles são o principal motor

Não tem saída para a economia brasileira se não levar em consideração os pequenos negócios. Eles são o principal motor da economia.

da economia. E é por isso que pelos próximos 100 dias, todos os meios de comunicação do Grupo JM estarão alinhados para dar voz aos empresários divulgarem os seus produtos e mostrar todas as variedades de marcas e ofertas. Serão inserções na rádio e nas edições do Jornal da Manhã, principalmente neste período que antecede o Natal, data importante para o comércio e para a indústria. Na versão impressa, todas as matérias serão identificadas com selos da campanha. Vamos mostrar que o dinheiro investido por cada cliente nas empresas locais faz com que esse valor circule aqui dentro, formando um cliclo que vai beneficiar a todos. O morador que compra de empresas de Ijuí, além de ajudar a manter os empregos de quem é daqui, gera mais renda, impostos para o município, que consequentemente são repassados ao governo, e que devem melhorar o serviço público e dar qualidade melhor para todos os cidadãos. Acreditamos que assim conseguiremos sair da crise. Precisamos desenvolver juntos, crescer juntos. É assim que vamos atuar, afinal, quem é Amigo de Ijuí, compra aqui!

ARTIGO

Doação chamada OAB Ricardo Breier Advogado e presidente da OAB/RS A cada mês, eu percorro milhares de quilômetros pelo Rio Grande do Sul. Somam-se a essas estatísticas muitas milhas, em razão de voos e compromissos fora do Estado. Em quase todas essas viagens como presidente da OAB/RS, colegas de profissão, jornalistas, empresários, entre outros, fazem a mesma pergunta:Por que se ausentar tanto do lar? Por que dedicar tanto tempo para a Ordem e, naturalmente, para a advocacia? O que te move? Cruzando as estradas deste Rio Grande, muitas vezes na madrugada, tendo no horizonte apenas o facho de luz do automóvel que me conduz a iluminar o asfalto, fico refletindo sobre esse trabalho voluntário. Aliás, não é só meu, mas de todos os dirigentes de Ordem das seccionais, nos conselhos e nas subseções. A realidade é que a advocacia é apaixonante. Mais do que isso: ela é fundamental para que se garanta a justiça social e os direitos dos cidadãos. Quando pensamos na Constituição, temos de relembrar o que designa o Artigo 133. “O advogado é indispensável à administração da justiça, sendo inviolável por seus atos e manifestações no exercício da profissão, nos limites da lei.” Nas minhas permanentes viagens, encontro advogados e advogadas com diferentes formações, realidades sociais e foco profissional. Lembro um jovem advogado em Uruguaiana, que tinha seu pequeno es-

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

critório em cima da oficina do pai, e que ali começava a construir uma carreira. Também guardo com imenso carinho a visita que fiz a um experiente advogado em Canoas, com escritório próximo dos trilhos da Trensurb, que externou sua surpresa em poder cumprimentar, pela primeira vez em sua longeva trajetória, um presidente da OAB/RS. Ainda recordo as conversas em escritórios do agitado centro de Porto Alegre, quando encontrei colegas em diferentes estágios da carreira, que trouxeram seus anseios e sugestões. São tantos relatos e experiências, que poderia escrever uma obra literária com vários volumes. Com tão ricas, heterogêneas e interessantes histórias de vida, existe um elemento capaz de unir todos esses profissionais: a paixão a a responsabilidade com o atuar na defesa do cidadão. Não se comemoram períodos turbulentos, mas são em períodos de ameaças que a atuação da advocacia se faz ainda mais relevante e necessária. Honramos um juramento, defendemos o que determina a Constituição, buscamos os devidos reparos. É em nome da cidadania que atuamos. É isso que move tantos dirigentes da OAB. Esse é o combustível que me motiva a contribuir para uma sociedade mais digna e justa.

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Jocelaine Simão redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com Representantes Comerciais: Grupo de Diários

www.clicjm.com

ARTIGO

A inclusão começa em casa Ceres Costa Rosa Professora e pedagoga Depois de anos trabalhando em salas de aula, não foi surpresa para mim a constatação, por meio de pesquisa, de que uma das grandes barreiras enfrentadas no processo inclusivo de crianças com necessidades educativas especiais, era oriunda das próprias famílias. Pais simplesmente não aceitavam a condição dos filhos e não passavam informações para a escola. Eram frequentes os casos em que os pais omitiam questões sobre a saúde dos filhos. Eles conheciam as escolas no período de matrículas (sem as crianças), faziam muitas indagações acerca dos processos pedagógicos, mas apenas no primeiro dia de aula que a professora conhecia a criança e se deparava com a deficiência aparente. Casos evidentes, como a síndrome de Down, hidrocefalia ou até deficiência visual eram ignorados pelos pais no contato anterior com a escola. Devido a observações realizadas acerca do comportamento e do baixo rendimento, quando a escola realizava a primeira reunião com os pais, trazendo relatos e solicitando auxílio de um pediatra, é que alguns casos eram desvendados: autismo, síndromes comportamentais, entre outros. Havia ainda relatos de que, mesmo diante dos dados levantados pela escola, os pais se posicionavam contra buscar ajuda pediátrica e diziam que seu filho era “normal”, que a escola anterior nunca disse o contrário. Quando, na verdade, a busca dessas famílias por novas escolas é dada justamente pelo fato de não aceitarem o posicionamento da escola anterior e de laudos já realizados por especialistas. Ainda hoje recebo relatos de que, infelizmente, os dados da pesquisa, feita há mais de uma década, ainda são atuais e reais. Ainda que apresentemos progresso nas leis e que elas assegurem maior acessibilidade aos lugares sociais e às escolas, há muito ainda para avançar. Não bastam mudanças arquitetônicas: rampas com largura mínima de 80 cm, área de circulação nas salas permitindo rotação de 360 graus, lousas instaladas a uma distância de 90 cm do chão, elevadores. As mudanças precisam ser internas, de concepção, de paradigma, de reeducação, de convivência, de aceitação, de respeito. É insuficiente oferecer capacitação somente aos gestores, professores e funcionários. Toda comunidade escolar deve ser preparada para essa realidade, inclusive alunos e seus familiares, com ou sem deficiência. A escola só é inclusiva quando todos caminham na mesma direção, respeitando e convivendo com as diferenças, dando o apoio e suporte necessários para que a comunidade escolar possa ter acesso às informações necessárias e contribua com essa caminhada. A indicação da escola deve ser sempre a busca pelo pediatra, e é esse profissional que fará a indicação para demais especialistas como neurologistas, fonoaudiólogos, psicólogos, entre outros. Lembrando que somos educadores, não podemos opinar no achismo: “acho que é autista porque não brinca com outras crianças”. Deixemos os laudos para os profissionais da saúde. Podemos reunir dados que facilitarão o laudo, mas não podemos fazê-lo. As escolas precisam se posicionar baseadas nas leis, sendo seu dever assegurar que qualquer diagnóstico seja realizado da forma mais precoce possível, a fim de que a criança tenha a assistência necessária para desenvolver habilidades e ter sua aprendizagem respeitada. Família e escola precisam estar de mãos dadas. Artigos assinados são responsabilidade de seus autores. Para publicação, os artigos devem ser enviados com identificação do autor (nome completo, documento, endereço e fone) em fonte times, corpo 10, entrelinha 11, com até 30 linhas, para o e-mail redacao@jornaldamanhaijui.com

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

ciadearte@jornaldamanhaijui.com

ASSINATURAS E CIRCULAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0317 3331-0321 Semestral: R$ 240,00 Anual: R$ 480,00 Correio: R$ 460,00 (semestral); R$ 900,00 (anual)


Jornal da Manhã

SEXTA-FEIRA, 29 DE NOVEMBRO DE 2019

ENSINO

Rematrículas encerram hoje na rede municipal Finaliza hoje o período para rematrículas na rede municipal de ensino. Nesta fase, pais ou responsáveis por alunos da Educação Infantil ao Ensino Profi ssional devem comparecer aos educandários, com o comprovante de residência, a fim de atualizar o cadastro. A apresentação do documento é exigência para o processo de confirmação da vaga para 2020. Já na segunda-feira, inicia-se uma nova etapa: a realização de matrículas para a Educação Infantil e para o 1º Ano do Ensino Fundamental, que se estenderá até o dia 10 de dezembro. E assim como acontece na rede estadual de ensino, na rede municipal este processo será realizado pela internet, por meio de um link que será disponibilizado no portal da prefeitura– no endereço ijui. rs.gov.br. O link remeterá a uma ficha de inscrição. Conforme consta no edital, também disponível no site do Município, a inscrição não é uma garantia de vaga. Mas é exclusivamente por meio dela que os alunos serão chamados para o preenchimento das vagas disponíveis nas escolas. Para o próximo ano, não será realizado sorteio. Condições e critérios serão observados para a chamada dos alunos, conforme consta no documento. O período de matrículas novas

Em algumas escolas municipais, como o Imeab, rematrículas geraram filas

será de 18 a 27 de dezembro. Ou seja, primeiro, é feita a inscrição e depois da homologação, e só então os pais comparecerão à escola para efetivar a matrícula. Interessados em realizar a transferência de alunos para escolas municipais poderão fazer a inscrição de 3 a 14 de fevereiro. Ontem, a Secretaria Municipal de Educação divulgou o resultado das eleições que definiram os diretores para a gestão 2020/2021. A oficialização foi realizada pela Comissão Central do processo, após análise da documentação

entregue pelas escolas. As diretoras eleitas serão empossadas no dia 17 de dezembro, a partir das 15h30, na Estação Cultura. A votação contou com a participação de professores, servidores, pais e alunos a partir do 5º Ano. Houve somente uma candidata a diretora inscrita por escola, sendo que todas foram eleitas. Na EMF Joaquim Porto Villanova não houve inscrições. Portanto, de acordo com a legislação vigente, haverá indicação do diretor pela mantenedora. O exercício do mandato vale a partir do dia 2 de janeiro de 2020.

7

Curtas na Escola premia vencedores hoje O 3º Festival Estudantil Curtas na Escola chega ao fim na noite de hoje. A partir das 18h30, alunos e professores serão recepcionados no Salão de Atos da Unijuí e, às19h30, acontece a entrega do prêmio Charles Chaplin aos vencedores. Depois de quase um ano de trabalho nas escolas, com professores e alunos, serão conhecidos os filmes vencedores nas categorias Infantil, Infanto-juvenil e Juvenil, nos gêneros Animação, Documentário e Ficção. Também serão premiados Melhor Ator, Melhor Atriz, Melhor edição/ áudio, Melhor Roteiro, Melhor Filme - em cada gênero, e Melhor Filme escolhido pelo júri popular, com votação pela internet. Realizado pelo Núcleo de

Tecnologia Educacional (NTE) da 36ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), e promovido pelo Jornal da Manhã, o 3º Festival Estudantil envolveu escolas da rede estadual da região de abrangência da 36ª CRE e das redes municipal e particular de Ijuí. Para premiação de hoje, foram convidados alunos e professores premiados, mas que ainda não sabem qual prêmio levarão para casa. Ao todo, esta terceira edição do Festival recebeu a inscrição de 100 curtas nas diferentes categorias. Com patrocínio de Unimed Noroeste/RS, Sicredi, Óptica Wolff e Fecomércio/Senac, o Festival conta com o apoio de Unijuí e Sesc Ijuí.

Escola Soares de Barros promove Feira de Ciências

Alunos do CEAPzinho criam livro de histórias Ideias, muitas ideias movimentam-se na cabeça das crianças que compõem o Nível 5, da Educação Infantil do Colégio Evangélico Augusto Pestana (Ceap). Certo dia, em uma roda de conversas, essas ideias começaram a se cruzar e juntas transformaram-se em uma história

cheia de aventura e diversão. Mas, as ideias não ficaram registradas somente em palavras, ganharam formas em desenhos cheios de detalhes, coloridos e alguns até em movimento. O leitor que se desafiar a conhecer esta história poderá viajar pelo mundo destas crianças.

Na última semana, na Biblioteca do Ceap, em um momento muito especial, as crianças apreciaram músicas e, juntamente com suas famílias, receberam o livro de suas histórias. Os livros elaborados pelas crianças, agora, fazem parte do acervo da Biblioteca do Ceap.

Os alunos receberam os livros de suas histórias durante um momento especial, organizado na Biblioteca

Foram expostos, na Feira de Ciências, trabalhos do 8º e 9º Ano do Fundamental

A Escola Municipal de Ensino Fundamental Soares de Barros promoveu, nesta semana, a Feira de Ciências, onde foram expostos trabalhos do 8º e 9º Ano do Ensino Fundamental. Conforme explicou a professora de Ciências e coordenadora do evento, Denise Miron, os estudantes ficaram livres para definir o tema que gostariam de trabalhar, dentro dos conteúdos que foram desenvolvidos em sala de aula no último trimestre do ano. “Os trabalhos não são apenas bonitos, mas viáveis. Nós orientamos os estudantes a desenvolver projetos que possam vir a ser executados ou que possam ser úteis para a comunidade. Sempre incentivamos a reflexão sobre o valor social, econômico e ambiental das propostas”, destacou a professora Denise, lembrando que os alunos tiveram a liberdade de escolher o tema exatamente para se sentirem estimulados na realização do projeto. Os trabalhos foram realizados em sala de aula e também fora. Entre os experimentos, estiveram pesquisas sobre o corpo humano, estudo sobre a reutilização de peças de robótica e trabalho sobre energia sustentável. “A Feira de Ciências possibilita o desenvolvimento da autonomia do aluno, a busca por informações, a interação em grupo, e favorece aspectos como a organização e a responsabilidade”, reforçou a professora, destacando que, há três anos, o evento é realizado. Neste, no entanto, a feira foi aberta à comunidade.


8

Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 29 de novembRo de 2019

INVESTIGAÇÕES

STF libera repasse de dados sigilosos sem aval O STF retomou ontem o julgamento sobre o uso de dados sigilosos em investigações sem autorização prévia da Justiça e formou maioria para liberar o compartilhamento de informações pela Receita com o Ministério Público, sem restrições. A situação do antigo Coaf, rebatizado de UIF (Unidade de Inteligência Financeira), não é bem clara. Somente os ministros Dias Toffoli e Gilmar Mendes fizeram ressalvas quanto ao procedimento de repasse de dados pela UIF, vedando relatórios "por encomenda do Ministério Público". Toffoli também votou por proibir a Receita de compartilhar extratos bancários e declarações de IR na íntegra. Já os ministros Alexandre de Moraes, Edson Fachin, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber, Luiz Fux, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes votaram em favor de permitir o compartilhamento amplo de dados da Receita, inclusive dos documentos na íntegra. Com exceção de Gilmar, esse grupo não fez ressalvas à atuação da UIF. Parte dele (Barroso, Rosa, Cármen e Lewandowski) votou para que o tema da UIF nem sequer faça parte do julgamento, pois o processo original tratava apenas da Receita. O tema da UIF entrou no processo em julho, quando a defesa do senador Flávio Bolsonaro (sem partido-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, pediu ao STF para suspender uma investigação sobre ele no Rio de Janeiro. A investigação havia partido

Maioria dos ministros foi favorável a compartilhamento sem aval judicial

de um relatório da UIF. Toffoli paralisou, na ocasião, todas as investigações e ações penais do país que haviam usado dados detalhados de órgãos de controle (Receita, UIF e Banco Central) sem autorização judicial prévia. Ao final, os ministros deverão fixar uma tese que servirá de norte para a atuação dos órgãos de controle. Diferentemente de todos os colegas, o ministro Marco Aurélio votou contra qualquer compartilhamento de dados sigilosos sem autorização da Justiça. Marco Aurélio restringiu sua análise à Receita. Se a UIF for incluída na tese e não houver ressalvas à sua atuação, como votou a maioria, a apuração sobre Flávio deverá estar liberada para prosseguir. Em julho deste ano, o presidente

do STF, Dias Toffoli, concedeu liminar (decisão provisória) suspendeu em todo o território nacional processos que tiveram origem em dados fiscais e bancários sigilosos de contribuintes compartilhados sem autorização judicial. O ministro Toffoli tomou a decisão ao analisar pedido do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), um dos cinco filhos do presidente Jair Bolsonaro. O senador argumentava que o Ministério Público do Rio de Janeiro teve acesso a informações fiscais dele sem autorização judicial. A decisão de Toffoli foi tomada após esse pedido, mas não abarcou somente a investigação de Flávio Bolsonaro. A liminar suspendeu todos os processos e investigações no país.

Bolsonaro é denunciado a tribunal

Jair Bolsonaro

Um grupo de advogados e militantes de direitos humanos informou que denunciou o presidente Jair Bolsonaro ao Tribunal Penal Internacional (TPI) por "incitar o genocídio e promover ataques sistemáticos contra os povos indígenas do Brasil". De acordo com os denunciantes, o presidente do Brasil poderia ser enquadrado em "crime contra a humanidade", previsto no Estatuto de Roma, tratado internacional do qual o Brasil é signatário desde 1998 e que reconhece o TPI. Os advogados que entraram com a ação contra Bolsonaro integram a Comissão Arns, que reúne ex-ministros de Estado e

militantes dos direitos humanos, e o Coletivo de Advocacia em Direitos Humanos (CADHu), que atua desde 2012. Bolsonaro deu risada ao ser questionado sobre a denúncia. "Próxima pergunta", disse a repórteres presentes. A denúncia foi apresentada à procuradora-chefe do tribunal, Fatou Bensouda. A ação cita os incêndios na região amazônica, que deflagraram neste ano a primeira crise internacional do governo Bolsonaro. Entre as penas previstas no Estatuto do TPI estão até 30 anos de prisão e até prisão perpétua em casos extremos. Também são possíveis sanções como multas e perda de bens.

Problemas de governança desestimulam carreira política, diz presidente O presidente Jair Bolsonaro disse, ontem, que os problemas burocráticos e de governança desestimulam os cidadãos a entrar na carreira política e a disputar cargos eletivos no Executivo. “O que leva ao desestímulo da carreira política, no caso o Executivo, são problemas que advém depois do mandato. Vejo colegas que de boa fé exerceram seus mandatos, mas não por devido zelo e, muitas vezes, por desconhecimento se veem enrolados com a Justiça e alguns levam 10, 15 até 20 anos para voltar a ter paz”, disse. Bolsonaro participou do 3º Fórum Nacional de Controle, organizado pelo Tribunal de Contas da União (TCU). Coordenado pelo ministro do TCU Augusto Nardes, o fórum tem o objetivo de integrar as instituições de controle externo e interno da União, estados e municípios, das três esferas de poder, por meio de ações de capacitação e controle; elaboração de minutas de legislação sobre governança; compartilhamento de informações; e da disseminação de boas práticas de governança entre os entes federados. Para o presidente Bolsonaro, o TCU é um dos órgãos mais importantes para a governança e integridade da máquina pública.

PGR não recorrerá da decisão de Mendes

Time de futebol pode se tornar clube-empresa

A (PGR) decidiu não recorrer da decisão do ministro Gilmar Mendes, do STF, que suspendeu as investigações sobre o senador Flávio Bolsonaro (sem partidoRJ) relacionadas ao chamado "caso Queiroz". Depois de concluído o julgamento do Coaf, qualquer que seja a decisão, Mendes deverá reavaliar a situação de Flávio.

A Câmara dos Deputados aprovou o projeto que permite a times de futebol optar pelo modelo clube-empresa. Inicialmente, os deputados aprovaram o chamado texto-base. Depois, passaram à análise dos destaques, isto é, propostas que visavam modificar a redação. Com a conclusão desta etapa, o texto seguirá para o Senado.

Conselho sugere suspensão de Eduardo O conselho de ética do PSL decidiu recomendar ao presidente do partido, Luciano Bivar (PE) (foto), advertências e suspensões a 18 parlamentares que formaram a ala bolsonarista na disputa de poder na legenda que ocorreu em meados de outubro. Eduardo Bolsonaro (SP), Bibo Nunes (RS), Alê Silva (MG) e Daniel Silveira (RJ) receberam a penalidade mais dura, de suspensão por 12 meses. As recomendações ainda serão comunicadas a Bivar, que está fora do país.

1,5

Estimativa divulgada pelo Ministério da Economia revela que o Custo Brasil consome das empresas R$ 1,5 trilhão por ano, o que representa 22% do Produto Interno Bruto (PIB). O cálculo foi feito pelo governo federal em parceria com o setor privado.

PF isenta Renan e filho por propina

MP no TCU pede investigação sobre Guedes

A Polícia Federal (PF) concluiu que "não há elementos concretos" contra o senador Renan Calheiros e seu filho, o governador de Alagoas, José Renan Calheiros Filho, no episódio em que o ex-diretor da Odebrecht Cláudio Melo Filho apontou suposto repasse de propinas da Braskem aos dois em 2014 - ano em que Renan Filho candidatou-se ao Executivo alagoano e foi eleito.

O Ministério Público de Contas, que atua perante o TCU (Tribunal de Contas da União), pediu à corte que apure possíveis prejuízos ao país decorrentes de declarações do ministro da Economia, Paulo Guedes, com reflexos na cotação do dólar. Um dos problemas foi o impacto negativo das falas na imagem internacional do Brasil.


Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 29 de novembRo de 2019

9

MAGISTÉRIO

"O governo não tem uma ideia fixa", afirma Leite Pressionado pelas críticas de aliados à proposta de mudança no plano do magistério e pela ampla greve dos professores, o governador Eduardo Leite indicou que o Palácio Piratini pode ceder em pontos da medida. "O governo não tem uma ideia fixa e quer viabilizar uma reforma importante para o Estado. Estamos convictos de que, o que estamos apresentando é razoável, dada a circunstância fiscal ", disse o governador. Perguntado se há margem para negociação em um encontro de duas horas com a imprensa, Leite não quis afirmar que está aberto a mudanças. Porém, deu sinais

de que alterações podem ocorrer, desde que se encontrem contrapartidas. "Essas propostas vêm na necessidade fiscal que o governo tem e dentro de uma agenda de competitividade. Tudo aquilo que a gente for negociar aqui, teremos de achar a fonte de financiamento", completou o governador. Nos bastidores, o Palácio Piratini analisa mudanças no plano. Entre elas, uma reforma no quadro de subsídios apresentado à Assembleia, incluindo a ampliação dos níveis de carreira e a adoção de um número maior de classes por merecimento e antiguidade. Na última semana os planos do Executivo de aprovar a medida

O governo não tem uma ideia fixa e quer viabilizar uma reforma importante para o Estado. Estamos convictos de que, o que estamos apresentando, é razoável. ainda neste ano sofreram um revés. Maior bancada da base aliada, o MDB divulgou uma nota contrária à proposta. Para Leite, há "muita incom-

Deputados debatem reforma tributária Entre avanços e retrocessos, a reforma tributária resiste para entrar em pauta na Câmara dos Deputados. Parlamentares de esquerda pressionam e querem a inclusão da cobrança de imposto sobre o patrimônio. Argumentam que os consumidores, pagando menos impostos, podem consumir mais, estimulando a economia. Para o deputado federal gaúcho Giovani Feltes (MDB), a reforma tributária subiu no telhado. "Eu estava convicto de que as coisas poderiam andar bastante, convergimos para isso, mas eu lamento muito. Falo isso assim de forma meio lamentável, porque a coisa vai ser meio complicada de acontecer". Na opinião de Giovani Feltes, "antes do final do ano, nem pensar que a reforma tributária caminhe no Parlamento". O congressista argumenta que "quando a coisa mexe também em interesses diretamente dos municípios e dos estados, em 2020, tem eleição municipal, fica difícil". Segundo o

Giovani Feltes

parlamentar, "acaba sendo quase que um impeditivo para o ano que vem a gente discutir. E isso é uma coisa que se arrasta longamente, não é uma coisa que vota logo como se fosse a aprovação de uma indicação de uma pista", assinalou. O deputado conclui

que nem mesmo no próximo ano a proposta deve andar no Congresso. "Eu gostaria que isso acontecesse, mas a percepção que eu tenho é essa, não vai andar". Já o deputado federal gaúcho Bohn Gass afirma que "o que o País precisa mesmo é a reforma tributária, porque as outras reformas, todas elas poupam o andar de cima e penalizam, tirando direitos, o andar de baixo". Para Bohn Gass, "a reforma tributária é que daria condições de então taxar, tributar e fazer justiça tributária, cobrando de quem tem renda, quem tem patrimônio, quem tem lucro". O grande problema, segundo Bohn Gass, "é que a tributação sobre o consumo são os pobres que pagam sobre a sua renda, ela vai ser progressiva e não regressiva. No Congresso, tanto o Senado quanto a Câmara priorizaram tocar as pautas que prestavam ao ministro (da Economia) Paulo Guedes e ao governo. Esse é o problema".

Governador Eduardo Leite esclarece dúvidas sobre a Reforma do Estado

preensão" no projeto. O governador ainda reafirmou que está aberto para receber os deputados e esclarecer "exaustivamente" as medidas. "Não podemos fazer meia reforma. Precisamos fazer a reforma necessária, é inadiável para que o Estado vire está página e possa trabalhar com uma perspectiva de futuro", pontuou Leite. Conforme o governador, 13 mil vínculos do magistério que recebem até R$ 3 mil terão aumento no abono família e, dos 36,8 mil servidores

beneficiados com a isenção do vale-refeição, 23,6 mil são professores. Quanto à necessidade de mudar a legislação que rege os professores estaduais, Leite ressaltou que o atual Estatuto do Magistério Público está em vigor desde abril de 1974 e jamais passou por uma efetiva atualização, portanto, já não reflete as exigências atuais da categoria e impede o Estado de implementar uma política de valorização e de estímulo aos educadores gaúchos.

"Não podemos iludir os professores", diz líder do MDB O líder do MDB na Assembleia Legislativa, deputado Fábio Branco, demonstrou mais uma vez contrariedade ao projeto apresentado pelo governador Eduardo Leite para mudar o plano de carreira do magistério estadual. Em entrevista o parlamentar enfatizou a posição da bancada do partido, que divulgou nota contrária à proposta "da forma que foi encaminhada"."Nosso partido está aberto para receber propostas, mas eu disse na reunião: não podemos iludir os professores, pontualmente, dizendo que eles não vão perder nada. Eles não vão perder nada a curto prazo", analisou. Para Fábio Branco, "se o Estado Fábio Branco não tiver a capacidade de reposição da inflação ou até mesmo dos valores do piso, os salários vão ficar congelados" a longo prazo."Ontem nós fizemos uma reunião, esclarecemos alguns tópicos, e uma das preocupações não é só o plano de carreira dos professores, mas a garantia jurídica (...) Os projetos podem ser judicializados e termos um prejuízo enorme", afirmou. Branco sugeriu ao líder do governo, Frederico Antunes (PP), e ao chefe da Casa Civil, Otomar Vivian, adiar a votação para 2020. .

Tesouro do Estado terá programa focado em inovação

Projeto-piloto prevê privatização de creches

Projeto terá política de reeducação de agressores de mulheres no RS

O Tesouro do Estado realizou um workshop dentro de seu programa de inovação. A finalidade é debater ideias para um conjunto de iniciativas que a subsecretaria pretende lançar em 2020. O programa tem foco na reversão da crise financeira do Estado e na qualificação dos serviços prestados. O subsecretário do Tesouro do Estado, Bruno Jatene, destacou a importância de os desafios do Rio Grande do Sul serem compartilhados com diferentes públicos para a busca de soluções mais efetivas.

Decreto publicado no Diário Oficial da União abre caminho para o governo federal firmar parcerias com o setor privado na construção, modernização e gestão de creches e de estabelecimentos da rede pública de ensino nos estados e municípios. A iniciativa libera a realização de estudos de viabilidade e estruturação de projetospiloto para selecionar as unidades a serem atendidas. Os detalhes sobre o número de creches que poderão ser concedidas serão anunciados futuramente.

A Assembleia Legislativa vai trabalhar pela elaboração de projeto de lei coletivo que torne política pública as experiências de grupos de reflexão com homens agressores como instrumento para finalizar o ciclo de violência praticado contra as mulheres. O assunto esteve em debate durante audiência pública da Comissão de Cidadania e Direitos Humanos, como um dos atos de ativismo. A audiência pública foi solicitada pelo deputado Edegar Pretto (PT), que é o coordenador do Comitê Gaúcho do Movimento ElesPorElas, da ONU Mulheres Brasil.


10

Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 29 de novembRo de 2019

CENSO 2020

Pesquisadores alertam para corte de verba Pesquisadores alertaram ontem para os riscos de corte nas verbas do Censo Demográfico de 2020. O governo reduziu, de R$ 3,1 bilhões para R$ 2,3 bilhões, o dinheiro reservado para o levantamento dos dados sobre a população brasileira. Em debate na Comissão Mista de Orçamento (CMO), foram várias as críticas aos cortes, que terão impacto especialmente na logística do Censo. A representante do sindicato dos servidores do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Dione Oliveira, recomendou aos parlamentares a recomposição das verbas para o Censo Demográfico. "A gente tem que se contrapor a esses improvisos, resgatar o que já foi planejado, o que já foi testado e o orçamento que prevê as fases e as partes de realização do Censo que são imprescindíveis, como o número de entrevistadores, a remuneração dos entrevistadores, o gasto com publicidade, toda a logística que, essa, sim, garante a qualidade", disse. O governo defende a ideia de

que outras fontes de pesquisa poderão substituir parte dos dados que não serão coletados no ano que vem, entre eles o valor dos aluguéis pagos pelos brasileiros e se as crianças estudam ou não na rede pública. Para o pesquisador da Universidade de São Paulo (USP) Rogério Barbosa, a premissa do governo está incorreta e vai prejudicar a destinação de recursos para as políticas públicas. " Se eu sei que a pessoa está na rede pública ou na rede privada pelo Censo Escolar, mas não sei a renda da família, isso não me diz se na verdade a criança está vivendo uma situação mais ou menos apertada até para pagar a escola privada ou para se deslocar para escola pública. Essas informações coletadas no nível individual são de extrema importância, e é só assim que a gente consegue focalizar a política e de fato fazer o Orçamento valer", disse Barbosa. Segundo a pesquisadora da Fiocruz, Débora Pires, a falta de dados sobre a população brasileira poderá levar a proble-

Orlando Silva (em pronunciamento) pediu a realização do debate, que teve a participação de pesquisadores

mas na saúde, pela dificuldade que os órgãos terão em elaborar estratégias, definir prioridades e alocar os recursos. "O Censo é utilizado para distribuição de recursos, para informar política de transporte, política de saneamento, a quantidade de equipamentos (escolas, creches, hospitais), a Previdência, a composição do mercado consumidor e de trabalho, os royalties do petróleo… Tudo é feito com base nas contagens populacionais, nas estimativas do Censo e nas outras pergun-

MP não recomenda uso de agrotóxico O Ministério Público expediu, ontem, uma recomendação para a Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural para que seja suspensa a aplicação do herbicida 2.4-D enquanto perdurar a greve dos fiscais agropecuários. A partir do documento, a Secretaria deverá publicar uma portaria ou instrução normativa decretando a proibição temporária. A decisão também foi motivada pelos resultados apresentados esta semana pela Secretaria, que indicaram a presença do agrotóxico em 100% das 76 amostras coletadas em 52 propriedades rurais. O 2.4D, utilizado nas lavouras de soja, vem causando prejuízos em produções de frutas como uvas, azeitonas e maçãs no Estado, especialmente nas regiões da Campanha, Fronteira Oeste, Central e Campos de

Cima da Serra. Conforme o procurador-geral de Justiça, Fabiano Dallazen, que presidiu reunião na sede do MP que resultou no pedido de suspensão, o Estado vem tentando de todas as formas achar mecanismos de enfrentamento do problema. “Diante desses resultados das amostras e da falta de fiscalização temporária, não houve outra alternativa”, disse o PGJ. “Essa medida drástica se deve a prática continuada de alguns produtores que não se sensibilizaram com essas ações”, reforça o promotor de Justiça do Meio Ambiente de Porto Alegre, Alexandre Saltz, que está à frente das tratativas para dirimir o problema. A partir dos debates liderados pelo promotor, o Estado publicou durante este ano quatro instruções normativas que

tratam sobre a venda, aplicação e responsabilidade gerada pelo uso do herbicida. Saltz reforça que a medida decidida hoje não irá interferir nas demais ações que estão sendo tomadas de responsabilização penal dos produtores que não estão respeitando as normas contidas nas instruções normativas. Também participaram de reunião o subprocurador-geral de Justiça para Assuntos Institucionais, Marcelo Lemos Dornelles; o secretário-geral do MP, Júlio César de Melo; o coordenador do Núcleo de Resolução de Conflitos Ambientais do MP, Felipe Teixeira Neto; o presidente da Assembleia Legislativa do Estado, Luis Augusto Lara; o secretário-adjunto da Agricultura, Luiz Fernando Rodrigues Junior.

tas. Se a gente não tiver isso, a gente gera na verdade um caos administrativo. Como é que a gente consegue administrar um país se a gente não tem nenhuma informação sobre ele?", disse a pesquisadora. O debate foi proposto pelo deputado Orlando Silva (PCdoBSP), que fez um alerta. "A sensação que eu tenho é de que há quem imagine que não fazer um levantamento teria como efeito a inexistência da realidade dura que existe no nosso País. Eu considero que os painelistas

demonstraram que o custo pode ser muito superior ao sistema de despesa por parte do governo levando em conta danos que podem ser produzidos para o atendimento de necessidades da população brasileira", observou o deputado. Orlando Silva disse que, após ouvir os debatedores, pretende se reunir com o relator-geral da proposta orçamentária para 2020, deputado Domingos Neto (PSD-CE), para tentar recompor as verbas do Censo Demográfico do próximo ano.

Contabilistas escolhem nova diretoria hoje O Sindicato dos Contabilistas de Ijuí realiza eleição da nova diretoria para o triênio 2020/2022, hoje, das 13h às 19h. Apenas uma chapa foi inscrita e concorre ao pleito. A instituição congrega a classe contábil de mais de 1,3 mil profissionais e tem como ponto forte a atualização constante dos profissionais, em parceria com o Conselho Regional de Contabilidade (CRS-RS), no programa Educação Continuada. Por meio de sua atuação tem ofertado aos profissionais, cursos nas mais variadas legislações - Previdenciária,

Imposto de Renda, Trabalhista e tributações estaduais, e ética profissional. Além disso, por meio de suas lideranças, o Sindicato está presente em acontecimentos sociais, culturais e econômicos do município, tendo apoiado a manutenção de órgãos regionais na cidade - Sub-Delegacia do Tribunal Regional do Trabalho; Agência do ICMS, que é a que mais arrecada na região Noroeste; gerência executiva e Agência do INSS; Agência da Receita Federal; e a instalação da Vara Federal e da agência regional do Banrisul.

Pró-Esporte aprova projetos com investimentos

Estado irá leiloar 60 propriedades por meio de editais, uma em Ijuí

Bombeiros mudam forma de sinalização de área de banho

A Câmara Técnica do Pró-Esporte RS, em reunião realizada ontem, aprovou quatro projetos desportivos que somam investimentos de R$ 1.751.097. O encontro, ocorrido na Secretaria do Esporte e Lazer (Sel) e presidido pelo secretário adjunto em exercício da pasta, Lucas Ceccacci, contemplou programas nas modalidades futsal e automobilismo.

O governo do Estado programou para o mês de dezembro uma nova ofensiva para alienar dezenas de imóveis. Por meio de três editais, estarão à venda 60 propriedades, entre apartamentos, casas, lojas, salas comerciais e terrenos, que somados têm uma avaliação inicial superior a R$ 10 milhões. Os lotes ofertados estão situados também em outras 13 cidades do Estado, inclusive um terreno em Ijuí, avaliado em R$ 395 mil.

O Corpo de Bombeiros anunciou,ontem, que passará a utilizar bandeiras próximas ao mar para delimitar a área de banho segura aos veranistas no Rio Grande do Sul. Quando o mar estiver tranquilo, por exemplo, e a bandeira for verde, a área de delimitação do banho será de 300 metros (150 metros para a direita e 150 para a esquerda da guarita).


Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 29 de novembRo de 2019

HABILITAÇÃO

TRF4 mantém uso de simuladores nos CFCs

Os Centros de Formação de Condutores (CFCs) do Rio Grande do Sul seguem com o uso obrigatório do simulador. A 3ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) manteve, por unanimidade, a liminar proferida em 26 de agosto pelo relator do caso, desembargador federal Rogerio Favreto, que suspendeu os efeitos da Resolução 778/19 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que retirou a obrigatoriedade do equipamento nas aulas práticas para candidatos a obter a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Publicada em junho deste ano pelo Ministério da Infraestrutura, ela anunciou a redução da carga horária de aulas práticas para aspirantes à habilitação da categoria B e tornou facultativas as aulas teóricas e práticas para a retirada de Autorização para Conduzir Ciclomotor (ACC) com até 50 cilindradas. As medidas previstas na resolução estão vigentes nos outros 25 estados e no Distrito Federal desde o início de setembro. O Sindicato dos Centros de Formação de Condutores do Estado do Rio Grande do Sul (SindiCFC-RS) ajuizou ação com pedido de antecipação de tutela contra a União em julho, requerendo a anulação da resolução. A parte autora alegou que a decisão do Contran teria sido tomada de forma unilateral, sem consulta aos CFCs, sindicatos ou departamentos estaduais de

Incêndio destrói casa no bairro Storch O Corpo de Bombeiros de Ijuí atendeu uma ocorrência de incêndio no início da madrugada de ontem. Segundo informações apuradas pela reportagem do Grupo JM, por volta da 0h uma residência de material, localizada na Rua Antônio Setembrino Lopes, bairro Storch, estava pegando fogo. Mesmo com uma ação rápida da guarnição, quando chegaram

ao imóvel, as chamas já haviam destruído completamente a residência. Mesmo com dificuldades para controlar as chamas, os bombeiros conseguiram fazer o processo de rescaldo e o fogo não chegou a atingir as moradias próximas. Ninguém ficou ferido. De acordo com informações, a casa estava desabitada. As causas do incêndio serão investigadas pela Polícia Civil.

Ação dos simuladores segue tramitando na 6ª Vara Federal de Porto Alegre

trânsito. Em análise liminar, a 6ª Vara Federal de Porto Alegre negou o pedido do sindicato, ressaltando que o conselho possui autonomia para determinar estes parâmetros. O SindiCFC-RS recorreu ao tribunal pela alteração da decisão da tutela antecipada, sustentando que a Resolução 543/15, que implantou o simulador como critério para habilitação, esteve fundada em manifestações da sociedade e apoiada sobre estudos técnicos. Em seu voto, o relator da ação no TRF4 manteve o entendimento apresentado em sua decisão monocrática, suspendendo os efeitos

da resolução por considerar inadequada a alteração da norma sem a apresentação de novas pesquisas científicas. O desembargador ressaltou que, além do tempo de vigência da regra ser de apenas quatro anos, houve ausência de estudos técnicos que diagnosticassem a ineficiência dos simuladores. “É imprescindível demonstrar, com estudos e pesquisas de aferimento, que a introdução da exigência anterior não surtiu os efeitos pretendidos, como, por exemplo, a melhora técnica na formação dos novos condutores e redução de acidentes no trânsito”, reforçou o magistrado.

Agentes da Susepe aderem à operação padrão Agentes penitenciários da Superintendência dos Serviços Penitenciários do Rio Grande do Sul (Susepe/RS) estão adotando operação padrão. Ontem, os agentes da Penitenciária Modulada de Ijuí (PMI) aderiram. O delegado sindical da PMI, Lu-

11

ciano Douglas Romero, durante a operação padrão, que deve durar até o dia 5 de dezembro, quando ocorre em Porto Alegre uma assembleia geral da categoria, disse que os agentes irão cumprir de forma reduzida. "Hoje, uma escolta ao Judi-

Agentes da Penitenciária Modulada aderiram ontem à operação

ciário, que é recomendado ser feita por três pessoas, fazemos com duas. Então agora iremos apenas fazer cumprir o que está determinado. Vamos trabalhar como se deve fazer". Essa medida vai reduzir escoltas para audiências judiciais, atendimentos médicos, além de outros serviços, como as visitas, que durante a operação ficaran mantida em dois dias, porém, apenas um familiar poderá entrar no presídio. Romero destaca ainda que a decisão ocorre em decorrência a proposta do governador Eduardo Leite de mudança nas leis dos servidores. "Não queremos ganhar nada, apenas manter o que já temos, pois este pacote é muito prejudicial". Na região, também aderirão ontem os servidores da Penitenciária Estadual de Cruz Alta, de São Luiz Gonzaga entre outras. "Quase todos os presídios já aderiram", ressaltou o representante sindical.

Chamas destruíram residência localizada na Rua Antônio Setembrino Lopes

Plantão

ACIDENTE

ALERTA

Um acidente de trânsito com lesões corporais foi registrado na Delegacia de Polícia, na manhã de ontem. Na Avenida David José Martins houve uma colisão entre uma motocicleta e um automóvel Gol. O condutor da moto, de 28 anos, ficou ferido e foi socorrido até o Hospital de Caridade de Ijuí (HCI). As causas do acidente serão apuradas.

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio Grande do Sul (CBMRS) alerta a população que os programas institucionais denominados "Bombeiro na Escola" e "Bombeiro Mirim" são realizados por meio dos Batalhões, sem intermediários ou representantes. A instituição não cobra taxas de qualquer natureza e também não realiza inscrições.

GOLPE

PRISÃO

Um taxista caiu no golpe da recarga do celular, em Panambi. Ao todo, o homem perdeu R$ 300 com créditos feitos em quatro celulares do golpista. O taxista informou que recebeu uma ligação informando que se tratava de um tenente da Brigada Militar e precisava viajar, contratando o serviço de táxi. No entanto, pediu para o taxista fazer recargas com DDD 53.

A Brigada Militar de Ijuí, em patrulhamento na Avenida David José Martins, bairro Hamastron, abordou e prendeu um foragido da Justiça. O homem, de 25 anos, natural de, Ijuí, tinha em seu desfavor um mandado de prisão expedido pela Vara de Execuções Criminais da Comarca de Ijuí. Diante dos fatos, os policiais deram voz de prisão ao indivíduo que foi encaminhado à Modulada.

COLISÃO

ESTUPRO

Um acidente de trânsito na manhã de ontem, em Pouso Novo, no Km 308, da BR 386 deixou uma vítima fatal. A colisão traseira envolveu uma carreta com placas de Miraguaí, e um caminhão de Chapecó - SC. O Corpo de Bombeiros e o resgate da CCR se deslocaram até o acidente, mas o condutor do caminhão não resistiu e morreu no local.

A Delegacia de Polícia Civil de Santo Augusto denunciou dois homens pela prática do crime de estupro de vulnerável. De acordo com delegado, William Garcez, o crime foi registrado em fevereiro e dava conta de que uma criança, de 6 anos, estava sendo abusada sexualmente, no seio familiar, por dois parentes do sexo masculino. Com a conclusão das investigações, os dois homens foram indiciados.


12

Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 29 de novembRo de 2019

Esportes

GRÊMIO

A delegação gremista retornou a Porto Alegre após a derrota para o Athletico-PR em Curitiba, pela 35ª rodada do Brasileirão. O técnico Renato Portaluppi não poderá escalar o volante Matheus Henrique e o atacante Diego Tardelli no jogo de domingo às 19h na Arena diante do São Paulo. Estão suspensos. Serão realizados dois treinamentos antes da partida.

INTERNACIONAL

A direção do Inter em um comunicado ontem, anunciou mudanças no departamento de futebol com as saídas do vice Roberto Melo e do diretor Adauri Silveira. O presidente Marcelo Medeiros falou sobre a modificação e disse que até dezembro o comandante do departamento deve ser o executivo de futebol Rodrigo Caetano.

São Luiz retoma treinos O elenco do São Luiz volta aos treinos hoje a partir das 9h da manhã no Estádio 19 de Outubro. As atividades desta sexta-feira serão em dois turnos. Ontem houve folga. Não sairá mais o torneio que a Federação Gaúcha de Futebol(FGF) promoveria em janeiro com os clubes do interior, mais o São José(POA) que jogarão o Campeonato Gaúcho. Os jogos neste período prejudicariam o planejamento já definido pelas equipes na pré-temporada. A maioria dos clubes não aprovou a ideia de realização do torneio surgida durante o cruzeiro turístico realizado pela Federação Gaúcha de Futebol com os presidentes das agremiações. O São Luiz confirmou o lateral e volante Fernando Augusto Pereira Júnior, 77 kg e 1, 81 cm de altura. O atleta foi apresentado oficialmente no último dia 22, juntamente com os demais jogadores. Fernando tem passagens pelo Inter de Santa Maria, Grêmio Osasco Audax (SP) e Chapecoense,onde foi vice-campeão do Catarinense. "Estou muito feliz porque tive a oportunidade de jogar aqui, jogar contra pelo Inter de Santa Maria, na semifinal da Divisão de Acesso em 2017. Gostei muito da atmosfera da torcida, do Estádio, e quando surgiu a oportunidade de vir pra cá aceitei na hora", complementou o volante e lateral. Luiz Henrique Moura Chaves é mais

INGRESSOS

Luiz Henrique é um dos goleiros do Rubro

Lateral e volante Fernando reforça o São Luiz

um goleiro do Rubro. Ele foi apresentado com o elenco na última sexta-feira, 22 de novembro O atleta tem 23 anos, 1,89 cm e 86 kg. É formado na base do Internacional. Já atuou no Cruzeiro de Cachoeirinha, Aimoré, Guarany e Bagé, Novo Horizonte

de Esteio e Barra (SC). O atacante Everton Júnior e o lateralesquerdo Samuel Balbino são aguardados na próxima terça-feira. Eles se apresentam ao técnico Leandro Machado e iniciam os treinamentos.

A importância da final do futebol feminino em Ijuí A coordenadora do Esporte Clube Ijuí Marli Lourenzon teve papel decisivo para a escolha da cidade como sede do jogo final do Campeonato Gaúcho de Futebol Feminino no próximo domingo em Ijuí. Internacional e Grêmio se enfrentarão a partir das 16h no Estádio 19 de Outubro na decisão do Gauchão. A dupla faz parte da elite do futebol brasileiro. "São duas grandes equipes que estão já se fortalecendo para 2020. A ideia de Ijuí receber a final surgiu na reunião do Gauchão em maio em Porto Alegre. Foram discussões acirradas sobre o fortalecimento do futebol feminino, de que forma poderíamos nos ajudar e como a disparidade entre o futebol de Grêmio e Inter é muito grande em relação aos clubes do interior, várias equipes acabaram desistindo. A minha foi uma delas e no meio do encontro surgiu essa possibilidade que se fizesse uma final em uma cidade neutra para justamente não existir a disparidade acentuada e que a dupla Gre-Nal usasse mais equipes alternativas". Segundo Marli, o pensamento era evitar essas goleadas humilhantes que ainda acontecem no futebol brasileiro. Ela afirmou que isso pode um pouco ser culpa da Federação e das equipes em colocar atletas que muitas vezes não estão preparadas. "Foi discutido que o time que mais fizesse gols,que mais tivesse pontuação decidisse en casa e isso então estaria trazendo essas

goleadas humilhantes em cima das equipes. Às vezes acabam dando W.O. O Novelletto disse que iria fazer em uma cidade neutra para evitar esse problema. Como sei do potencial de Ijuí, do bom número de torcedores que levamos para nossos jogos, coloquei a nossa cidade como disposição, isso sem ter o aval do São Luiz. Sabia que o clube iria abraçar essa ideia. O presidente Novelletto, como tem bons laços em Ijuí aceitou na hora. Há um mês e meio surgiu a possibilidade de que essa final não fosse realizada aqui em Ijuí, mas acabou vindo para o Estádio 19 de Outubro, o que vai ser uma coisa boa". Marli Lourenzon disse que mobilizou os consulados colorados e gremistas de Ijuí e região e acredita em um grande público na Baixada. "Muitas pessoas irão ao Estádio independente de torcerem para Grêmio ou Internacional. Vão comparecer à Baixada para ver um espetáculo. Vai ser um tira-teima na final, porque há dois anos o Inter ficou campeão, no ano passado o Grêmio e neste ano as duas equipes estão bem níveladas, não dá para apontar um favorito. Vai ser muito bom para Ijuí", comentou Marli. A coordenadora do Esporte Clube Ijuí entende que o Inter está um passo à frente nas categorias de base do futebol feminino. Todo ano disputa uma Copa de Fomento da modalidade, com excelentes colocações e o Grêmio recém começa a fazer investimentos na base.

A meia Andressinha da Seleção Brasileira poderá estar presente no Estádio assistindo o jogo. Também foram convidadas a craque Marta e a técnica sueca Pia Sundhage que treina a Seleção. Marli disse que para o Esporte Clube Ijuí esta final na cidade significa uma coroação de todo o trabalho realizado nos últimos anos.A equipe poderá voltar a jogar o Gauchão em 2020.

Iniciou a comercialização de ingressos para o jogo de domingo às 16h no Estádio 19 de Outubro entre Inter e Grêmio, na final do Gauchão de Futebol Feminino. Torcedores deverão adquirir na secretaria do São Luiz com estes valores: geral, R$ 20,00; pavilhão, R$ 30,00 e cadeiras, R$ 40,00. Estudantes e idosos pagam meio ingresso. Menores de 10 anos não pagam. Sócios do São Luiz terão que pagar ingresso. Em caso de empate na decisão, haverá prorrogação. Persistindo a igualdade, o título será definido nas penalidades. As vencedoras ganharão R$ 30 mil, as vice embolsarão R$ 15 mil, e as terceiras colocadas ficarão com R$ 10 mil.

COPA SÃO PAULO A Federação Paulista de Futebol (FPF) divulgou ontem os 32 grupos da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2020. O início está previsto para o dia 2 de janeiro e a final será no Pacaembu, no dia 25. Tetracampeão do torneio, o Inter está no Grupo 7, que terá jogos sediados na cidade de Capivari. Ao seu lado, estão Capivariano, Confiança-PB e Linense.O Grêmio ficará em Mogi das Cruzes e enfrentará o União Mogi, RealDF e Juventus, no grupo 21. O São José está no Grupo 1, que ainda tem Osvaldo Cruz, Londrina, São José e Ponte Preta. No Grupo 9, o Brasil-Pel enfrentará Tanabi, Fortaleza e Votuporanguense.O Juventude, pelo Grupo 12, terá pela frente ComercialSP, Cuiabá e Desportiva Perlimia-PB, na cidade de Cravinhos.

CANCELAMENTO

Coordenadora do E.C.Ijuí, Marli Lourenzon

A Blue Sports juntamente com a comunidade de Rincão dos Goi tomou a decisão de não realizar a Copa Moleque Bom de Bola em dezembro."Vamos respeitar calendários de Cruz Alta e Santo Augusto. São nossos parceiros, firmamos sim a data de início de ano. A 3ª edição deverá receber a maior adesão de equipes de futebol sete no primeiro evento do ano.Os clubes que mostraram interesse em participar no dia 7 estão liberados para acrescentar nas demais competições. Somos parceiros e queremos o melhor para cada evento e até fevereiro", concluiu a nota dos organizadores da Copa Moleque Bom de Bola.


Jornal da Manhã

SEXTA-FEIRA, 29 dE novEmbRo dE 2019

13

FESTIVAIS NA RÁDIO JM

Helena Michael, Inge Ritter e Lori Bergel

A 41ª edição da Califórnia da Canção Nativa, de Uruguaiana, acontece de 5 a 7 de dezembro, e terá a transmissão da Rádio Jornal da Manhã AM 1340. O festival será desenvolvido em apenas três noites (duas classificatórias), sendo uma delas voltada para músicas de compositores locais, e na outra, às composições regionais. A grande final, com 12 composições (quatro locais e oito regionais), acontece no Teatro Rosalina Pandolfo Lisboa, em 7 de dezembro. A transmissão da Rádio Jornal da Manhã tem o patrocínio de Lokarauto Auto Locadora, Taba Imóveis, Leilões Cargnelutti, Leão das Tintas, Doutor Ortiz Schroer Júnior, Rott Terraplanagem, Agrovel – Agroveterinária, 2 Ipês Bombonas e tambores, Baterias Noll, Doutor Celso da Silva Mello e deputado federal Pompeo de Matos.

CAFÉ DO ADVENTO A Oase - Centro da Comunidade Evangélica Ijuí promoveu, na tarde de quarta-feira, a edição deste ano do Café do Advento, com muitas delícias à mesa e devoção, que reuniu um grande público em seu Salão principal.

Nilza Schmidt e Irene Berwig

VERÃO NA RECREATIVA

O Jantar de Abertura da Temporada de Verão da Sociedade Recreativa acontece amanhã, a partir das 20h, com música ao vivo de Roberto Bones. Os convites custam R$ 50 para adultos e R$ 25 para crianças de 8 a 14 anos.

ALMOÇO NA Z18

No dia 15 de dezembro acontece o 16º Almoço de Encerramento do ano da Colônia de Pescadores Z18, a partir das 10h30, com muitas atrações de delícias à mesa e animação da Banda Choppão. Os convites custam R$ 30.

Hedy Pereira e Nádia Pereira (em pé) e Sonny Michaelsen

Erna Klett e Ilse Kommers

Picnic divertido

Maria Eduarda e Joice curtindo o Absoluto Aconteceu no último sábado um picnic com várias brincadeiras de coordenação motora e em equipe para desenvolver a união das crianças que integram o grupo de dança espanhola "Los Angeles", com a participação dos familiares e diretoria do Centro de Cultura. Muitos presentes também foram entregues pelo Papai Noel.

Luan Piccoli e Josieli Didonet na Festa do Padroeiro da Cristo Rei

Luiz e Leocádia Gelati na festa de fim de ano do Clube Ijuí


Jornal da Manhã

SEXTA-FEIRA, 29 DE NOVEMBRO DE 2019

NOVELAS

Bom Sucesso

Marcos e Paloma se declaram Vera confessa a Alberto que percebeu ter usado o empresário para esquecer o exmarido. Mário mostra a Alberto seu novo livro de poemas. Na terapia, Nana insinua que não quer mais ficar com Diogo. Marcos e Paloma declaram seu amor. Gabriela conta a Patrick que Vicente a procurou pedindo para os dois manterem a amizade. Lulu se oferece para ajudar Waguinho a voltar para a escola. Alberto passa mal e não percebe que Diogo pega sua bengala, deixando o empresário cair propositalmente.

Amor de Mãe

Raul pede o divórcio Kátia diz a Lurdes que Domênico está morto. Magno e os irmãos consolam Lurdes. Vitória conhece Tiago e se emociona. Lurdes acredita que Domênico está vivo, e Magno se preocupa. Érica pede demissão, e Raul se impressiona. Betina garante a Magno que descobrirá o que aconteceu com Genilson. Danilo discute com Thelma. Lídia sofre por não conseguir se entender com Raul. Raul decide contrariar o conselho do engenheiro e se tornar sócio de Álvaro. Thelma assume para Lurdes que não contou a Danilo sobre sua doença. Thelma aconselha Lurdes a seguir procurando Domênico. Sinésio sofre um acidente. Érica e Raul saem juntos. Raul pede o divórcio, e Lídia tem uma crise. Betina beija Magno.

Hábito proibido em locais fechados (RJ e SP)

"Pele de (?)", conto de fadas

BANCO

Afastar; separar

(?) Todor, Maria-(?), atriz doce Mau, em Caipira inglês (bras.)

Épocas Que têm o sabor do jiló

"A (?) de Ray-Ban", peça de Teatro

Um dos mais conhecidos mantras

País fronteiriço a Rússia e China

Amon-(?), deus da Mitologia egípcia

Estabele- Orlando (?), cimento time de como o basquete "pé-sujo" dos EUA Peço com insistência e humildade

Fundador de Niterói (RJ) Nélson Gonçalves, cantor brasileiro Trabalhador de lojas de carnes

Gana, Egito, Sudão, Nigéria e Marrocos

Percepção estudada pela cromoterapia

Íbis, arara, tucano e jandaia

Floração das (?): é celebrada no Japão

Espalhar; disseminar (fig.) Conferir prêmio a (alguém)

© Revistas COQUETEL

Poeta da segunda geração do Romantismo, escreveu "Meus Oito Anos" Símbolo de união de Do mes- Internet conjuntos (Mat.) mo modo (red.)

Inscrição nos carros da ONU (ing.)

2, em algarismos romanos

Prefixo de "impopular"

Lázaro Ramos, ator de "Mister Brau" (TV)

Ditongo de "anágua" (Gram.)

Formato da parte sinuosa da pista 69

Solução

U

Adelaide sente falta de Justina Júlio briga com Alfredo, que pede ajuda a Afonso. Emília e Higino se surpreendem com o comportamento de Adelaide. Inês decide escrever para Afonso e Shirley discute com João. Adelaide sente falta de Justina. Uma moça se insinua para Zeca e Candoca comenta com Olga. Incentivados por Isabel e Lúcio, Julinho e Lili retomam o namoro. Karine garante a Soraia que a ajudará a chamar a atenção de Julinho. Carlos comenta com Marcelo sua desconfiança com Mabel. Josias questiona se Mabel sente vergonha de seu pai. Padre Venâncio repreende o ataque de ciúmes de Olga com Zeca. Durvalina alerta Lola para o estado de Júlio. Emília fecha negócio com Júlio.

Certificado importante no e-commerce Prática médica considerada crime no Brasil Produtos de lojas de beleza

2/rá — un. 3/bad — net. 4/loba. 5/magic. 9/arariboia — galardoar. 10/cerejeiras.

Éramos Seis

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

S A R E

a semana passada tive a grata surpresa de ter sido “amiga secreta” de uma pessoa muito especial. E na sua delicadeza sempre presente, nas palavras dela, “fiz questão de preparar o presente com muito carinho. Enquanto terminava

P S I A S I C O S O L E R A S R A M F O A R N I G I C O I A L N I R O A S

N

C A S I M I R O D E A B R E U

COISAS DA VIDA

T A N A V E M E T B E J E M E A C L A R O B M A R I O U G U N O

Psicóloga Esp. em Gestão de Pessoas Especialista em Terapia Cognitivo-Comportamental

pela vida das pessoas, buscando alternativas para seu crescimento, sonhando junto com ela, regando minhas relações para o seu devido florescimento. Martha completa a reflexão, “simpatizo cada vez mais com quem nos ajuda a remover obstáculos mentais e emocionais, e a viver de forma mais íntegra, simples e sincera”. Aprecio conviver com “removedores de obstáculos” mentais e emocionais, pois além de trazerem leveza à minha vida, são como bálsamo de fino perfume em momentos difíceis. Precisamos de gente assim...pessoas cuja sensibilidade é sem tamanho. Grosseria e aspereza não pertencem ao comportamento elegante e de quem sabe agregar. Ao contrário, leva somente à segregação e triste solidão. Nas palavras de Rousseau: “Nossa sensibilidade é incontestavelmente anterior à nossa inteligência, e temos sentimentos antes de termos ideias”. Que possamos lembrar isso todos os dias e ter sensibilidade suficiente para “perceber movimentos, adequar-se a situações, enxergar pessoas...”(Fernandes).

A M A R G O S

Sônia Arriens Cassel

de fazer o pacote de presente, adicionava alguns detalhes especiais e cheios de significado...” Dá para imaginar o quanto fiquei emocionada, e a palavra que melhor traduz meu sentimento é gratidão. A Deus, por presentear-me com essa pérola de ser humano; pela coragem dela compartilhar comigo suas fragilidades , potencialidades , tristezas e alegrias, e, finalmente, gratidão pela oportunidade de ser bênção na vida de pessoas, o que considero uma preciosidade na minha vida. Quando tenho a rica oportunidade de tamanha “colheita”, percebo a importância de fazermos a diferença na vida dos outros. Nesse momento lembro de uma “baita” afirmação de Martha Medeiros, que diz: “Uma pessoa é gigante pra você quando se interessa pela sua vida, quando busca alternativas para seu crescimento, quando sonha junto. É pequena quando desvia do assunto”. Confesso que muitas vezes fui pequena, “desviei do assunto”...mas não desisto de tentar “ser gigante”, interessando-me genuinamente

S E L C O D C E S E G F U R A N A Ç A

14

Horóscopo Áries Quanto mais você reconhecer o poder da sua sensibilidade, mais vai se sentir seguro com suas emoções. É tempo de se envolver com atividades que promovam a conexão com a sua espiritualidade. Touro Para você se sentir de fato realizado, é preciso agora acreditar que vem fazendo o possível pela realização dos seus maiores sonhos. É tempo de se comprometer com a conquista do que você deseja viver. Gêmeos Caso você sinta os seus pensamentos e emoções mais confusos hoje, procure acalmar o ritmo para que possa restabelecer o seu equilíbrio interno. É tempo de agir em benefício do seu próprio bem-estar. Câncer Ainda que a imaterialidade e sensibilidade façam sentido para você, lembre que nem todas as pessoas possuem essa mesma consciência. É tempo de encontrar uma maneira mais clara de se relacionar. Leão Hoje a sua produtividade é beneficiada pela vitalidade e perseverança, atributos fundamentais para o bom cumprimento das responsabilidades. É tempo de usufruir da energia próspera que você vem vivendo. Virgem A suavidade ao lidar com seus compromissos é o que pode tornar o processo mais belo e até mais bem-sucedido, já que os desgastes desnecessários comprometem o rendimento. É tempo de relaxar a mente. Libra A produtividade é beneficiada quando estamos nos sentindo fortes e vigorosos, por isso é importante termos momentos de cuidado com o corpo e com a alma ao longo da rotina. É tempo de zelar pela saúde. Escorpião A positividade é hoje a principal ferramenta para que você possa desbravar o seu caminho de forma mais confiante e assertiva. É tempo de viver sabiamente a fase próspera e generosa que você iniciou. Sagitário Quando expandimos os nossos horizontes, conseguimos visualizar os caminhos que nos levam a explorar territórios diferentes e a conhecer novos mundos. É tempo de trazer mais movimentos aos seus dias. Capricórnio Ao transformar aquilo que não vem funcionando no seu sistema produtivo, você permite não somente a melhoria dos seus serviços, como também o aumento da sua satisfação profissional. É tempo de se atualizar. Aquário Quando estamos firmes na direção das nossas metas, os obstáculos se enfraquecem. Afinal, os pensamentos criam a nossa realidade e o desejo atrai as nossas conquistas. É tempo de confiar na vitória. Peixes Mesmo que a reflexão seja fundamental para questionar possibilidades, é preciso saber reconhecer o momento certo de tomar decisões. É tempo de se sentir seguro e apostar naquilo que vem planejando


Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 29 de novembRo de 2019

15

ALVORADA

Cansado do ruim por que é ruim Preciso confessar aos amigos leitores que estou cansado de ouvir que tudo é ruim, porque o Brasil é ruim! Não é só pelas discussões intermináveis, chatas, desmedidas entre fãs de Bolsonaro e de Lula, pois ouço e leio gente de diferentes níveis de escolaridade reclamando e destacando tudo o que tem de ruim no Brasil há muito tempo. Estou cansado disso! E você, como se sente? Independente do governo, Sarnei, Collor, Itamar, Fernando Henrique, Lula, Dilma, Bolsonaro, sempre houve uma avalanche de críticas, onde parece que tudo é ruim, sem destacar as coisas boas e levando a uma crença coletiva de que o Brasil é ruim. Estou cansado também porque os anos estão passando muito rápido, e este tipo de discurso, crença e práticas não constroem nada e nem apontam como melhorar. Um grande volume de problemas é conhecido e vem da cultura da nossa gente. Precisamos antes de muitas coisas, de mudanças de hábitos de muita gente independente da idade, da renda, dos níveis de escolaridade. É construindo que mudamos as coisas para melhor! Críticas sem propostas de alternativas, sem mostrar que se consegue fazer melhor só destroem. O Brasil já provou todos os tipos de governos e governantes e o hábito de destruir parte do pouco que os antecessores fizeram de bom, nos trouxe a situação atual. Porque repetir ? Podemos ver nas empresas, nas instituições, nas comunidades, nos municípios, onde as dimensões são menores, mais próximas, os resultados diferentes quanto há mais foco na critica e quando há mais foco nas proposições de melhorias. Todos os grupos, pequenos como a família, ou gigantes como um país, se fortalecem identificando as adversidades externas e unindo-se internamente, assim como o contrário também é verdadeiro, ou seja, todos os grupos, independente do tamanho, se destroem ao tratar como adversário, ou inimigo quem está sob o mesmo teto, sob a mesma marca, mesma bandeira. Agora, cá entre nós, com tanta gente dizendo e escrevendo tanta coisa ruim e errada por tantos e tantos anos, sobre nós e nosso país, como é que vamos ter auto-estima elevada? Então vamos lá, gente, menos reclamação, mais ação! Vamos olhar para o “meio copo cheio”, ao invés de focar no “meio copo vazio”. Se os governantes atuais fizerem um mau governo novamente, como tantos outros, quem vai seguir pagando a conta, querendo uma vida melhor somos eu e você que trabalhamos muito, geramos muitos impostos, e que infelizmente não vemos o retorno proporcional. Vamos agradecer a Deus pelo que temos e usar isso para construirmos. Que Ele nos dê força para mudar o que pudermos e paciência com o que não pode ser mudado. Sejamos gratos também aos que nos antecederam por terem deixado o que conseguiram, para podermos seguir em frente! Um abraço e até a próxima!

Em busca de melhorias, bairro institui Conselho Local de Saúde Uma reunião com moradores do bairro Alvorada e integrantes do posto de saúde foi realizada na noite de ontem, para a instalação do Conselho Local de Saúde, que permite um diálogo, possibilitando o reconhecimento da realidade vivida pelos trabalhadores em saúde, administradores, usuários e a sua relação com o Sistema Único de Saúde e Rede Municipal. Segundo o vereador Adalberto de Oliveira Noronha, a criação do conselho é uma orientação da própria Conferência Municipal de Saúde, para que a comunidade

tenha um espaço de participação para contribuir com as políticas públicas, as reivindicações e as necessidades, a fim de melhorar cada vez mais a qualidade da prestação de serviços na área da saúde. “Agora que os moradores do bairro Alvorada foram contemplados com essa reivindicação antiga, que é o posto de saúde específico para o núcleo habitacional, é necessário também avançar no sentido de, cada vez mais, melhorar o atendido oferecido à comunidade, e o conselho local de saúde tem o objetivo de garantir isso”, explicou.

Programa encerra as atividades do ano O Programa Integrado para a Terceira Idade (Piti) realizou, na última semana, a comemoração dos aniversariantes do segundo semestre do ano. Na oportunidade, ocorreu à eleição da nova Diretoria Interna do Programa para a gestão de 2020 e 2021, que ficou constituída pela presidente Lecir Elisabete Oliveira, vice-presidente Maria de Fátima Scheifer; secretárias Sandra Santos e Bronilda Souza; tersoureiros Evanir Sartori e Elias Dahlke; comissão social Ivone Beschorner, Maria Elena Stolz, Vera Atkinson e Zenaide Madke. No último domingo, foi realizado no CTG Laureano de Medeiros o tradicional almoço de final de ano, com apresentações de dança pelos integrantes do programa. O evento contou com a presença do vice-reitor de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão, professor Fernando Jaime González, que falou em nome da Reitoria e da

importância do programa. O coordenador geral do Programa, professor Leopoldo Schonardie Filho, agradeceu a presença da Reitoria, e a colaboração da equipe técnica chefiada pela professora Michele Santos da Rosa Basso, os bolsistas Mateus Jardel Dalabrida, Felipe Glitzenhirn Barriquello e Gabrieli Roncaglio. Também homenageou os membros fundadores do Piti, no ano de 1999, Ligia Eder, Leonilda Schiavo, Norma Weber, Alecinda Casaline, Elvira Basso e Iara Terezinha Von Groll. Por fim, o coordenador geral agradeceu a diretoria que está findando seu mandato, na presidência do casal Nilda e Davi Pierine. Nilda Pierine agradeceu a todos os membros do Piti, principalmente seus colaboradores diretos. O Piti irá efetuar, a partir do dia 17 de dezembro, o período de recesso das atividades de final de ano e de férias com data prevista para retorno no dia 3 de fevereiro.

Discussão para formação do grupo aconteceu ontem à noite

Retomadas as obras da Avenida Coronel Dico Foram retomadas, na tarde de ontem, as obras do projeto de revitalização da Avenida Coronel Dico. O trabalho está sendo realizado pela empresa Bripav, vencedora da licitação. O investimento, no valor de R$ 532.578,08, para uma área de 12.725 metros quadrados, está sendo feito com recurso de emenda parlamentar do deputado federal Pompeo de Mattos, mais a contrapartida do município, incluindo os recursos aplicados em canalização pluvial e bocasde-lobo, feitos pelo Demasi. Além da retomada das obras

da Avenida Coronel Dico, a Bripav também está atuando no asfaltamento da Saída Velha para Catuípe. Cerca de 1.900 metros de terraplanagem executados e 1.000 metros de sub-base de rachão também estão prontos. Esta é a segunda obra de pavimentação de acesso ao interior a ser executada pelo Poder Executivo de Ijuí com recursos do financiamento feito junto ao Badesul. A primeira, o acesso à Colônia Santo Antônio foi inaugurado no dia 10 de novembro, data da comemoração do centenário de colonização daquela comunidade.

MUNICÍPIO DE AJURICABA – PODER EXECUTIVO Aviso de Licitação TOMADA DE PREÇOS Nº 04/2019 – OBJETO: Contratação de empresa para ampliação do prédio da Secretaria Municipal de Saúde. CADASTRAMENTO: até às 17h30 do dia 13 de dezembro de 2019. ABERTURA: 9h30 do dia 18 de dezembro de 2019. Maiores informações pelo fone (55) 3387-0607; e-mail compras@ajuricaba.rs.gov.br; site: ajuricaba.rs.gov.br; ou diretamente no Setor de Compras junto a sede da Prefeitura durante o horário de expediente. Ajuricaba/RS, Ivan Chagas, Prefeito.

MUNICÍPIO DE IJUÍ – PODER EXECUTIVO AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 142/2019 – OBJETO: Aquisição de material de higiene pessoal destinado à Unidade Prisional de Saúde da Secretaria Municipal da Saúde. ABERTURA: 16/12/19 às 9h. Informações pelo telefone (55) 3331-8219 ou no site www.ijui.rs.gov.br, no link “Licitações – Pregão Presencial”. TOMADA DE PREÇOS Nº 61/2019 – OBJETO: Execução global para reforma na área de circulação de veículos e estacionamento do IMEAB. ABERTURA: 17/12/19 às 9h. Informações pelo telefone (55) 3331-8219 ou no site www.ijui.rs.gov.br, no link “Licitações – Tomada de Preços”.

AVISO DE REPUBLICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 132/2019 – OBJETO: Aquisição de etilômetro para a Coordenadoria de Trânsito. NOVA DATA DE ABERTURA: 16/12/19 às 13h45. Informações pelo telefone (55) 3331-8219 ou no site www.ijui.rs.gov. br, no link “Licitações – Pregão Presencial”.

Comemoração dos aniversariantes do segundo semestre deste ano

Ijuí/RS, 28 de novembro de 2019. Valdir Heck Prefeito


www.clicjm.com

FEIRA DE CIÊNCIAS

REVITALIZAÇÃO

Feira de Ciências movimentou a Escola Municipal Soares de Barros nesta semana | 7

MUDANÇA NO FUTEBOL DO INTER Vice Roberto Melo e diretor Adauri Silveira deixam seus cargos no departamento. | 12

Bripav retomou, na tarde de ontem, as obras de recuperação da Avenida Coronel Dico. | 15

Incêndio destrói residência no bairro Storch Corpo de Bombeiros atendeu ocorrência na madrugada de ontem. Residência estava desabitada. Polícia Civil investiga o caso. | 11

EDITORIAL | 6 Não tem saída para a economia brasileira se não levar em consideração os pequenos negócios. Eles são o principal motor da economia.

Profile for clicjm

Jornal da Manhã - sexta-feira - 29.11.2019  

Jornal da Manhã - sexta-feira - 29.11.2019  

Profile for clicjm
Advertisement