Page 1

WWW.CLICJM.COM

Ijuí, Sábado e domingo, 31 de agosto e 1º de setembro de 2019

Área do Agronegócio é qualificada

Vice-presidente da ExpoIjuí, André Bigolin fala sobre as melhorias. | 5

Ano 46 - Nº 87

R$ 3,00

Programa leva mais energia para o campo

Ernani Polo será o novo presidente da Assembleia Deputado assumirá o cargo a partir de 1° de fevereiro de 2020. | 14

Presidente da Fecoergs e da Ceriluz, Iloir de Pauli, e governador Eduardo Leite, apresentaram o Energia Forte no Campo, que qualifica redes de distribuição no meio rural | 12

SAÚDE EM DEBATE

Gaúchos estão empreendendo mais Sebrae divulga pesquisa sobre abertura de empresas. | 3

Reunião realizada no Executivo debateu atendimentos na UPA 24h. Presidente do Comus, Luciane Antes, também falou sobre referências regionais | 8


2

Jornal da Manhã

SÁBADO E DOMINGO, 31 DE AGOSTO E 1º DE SETEMBRO DE 2019

RADAR ENCCEJA - Até 6 de setembro, o gabarito do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) será disponibilizado. As respostas certas das questões poderão ser conferidas pelos candidatos no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), vinculado ao Ministério de Educação (MEC). A prova foi aplicada no último domingo, em 613 municípios. Será considerada habilitada a pessoa que atingir o mínimo de 100 pontos em cada uma das áreas de conhecimento do Encceja e obtiver nota igual ou superior a 5 pontos na prova de redação, que varia de 0 a 10. VACINAÇÃO - Devido ao surto de sarampo em 13 Estados brasileiros, a vacina contra a doença foi liberada para todas as crianças de seis meses até menos de um ano. Em Ijuí, a Secretaria Municipal de Saúde iniciou a aplicação das doses extras de tríplice viral na última semana. O calendário de vacinação prevê que uma dose de tríplice viral seja aplicada aos 12 meses de idade e o reforço ocorra aos 15 meses, com tetra viral. Crianças de seis meses a menos de 12 meses recebiam a aplicação quando viajavam para um local com surto da doença. A partir de agora, todas nessa faixa etária serão imunizadas. Entretanto, além da dose extra, elas deverão receber as demais aplicações previstas no calendário. COMPRAS - A Comissão de Defesa do Consumidor aprovou projeto do deputado Carlos Henrique Gaguim (DEM-TO) que torna obrigatório o serviço de rastreamento de produtos comprados fora do estabelecimento comercial, como pela internet. A finalidade da proposta é permitir que o consumidor possa acompanhar o trajeto da mercadoria até a porta da sua casa. Tratase do projeto de lei 10052/18, que recebeu parecer favorável do deputado Ricardo Teobaldo (PODE-PE). O texto muda a Lei 6.538/78, que trata dos serviços postais, e o Código de Defesa do Consumidor. ALIMENTOS - A Comissão de Defesa do Consumidor rejeitou projeto que obriga estabelecimentos culturais e de lazer, como cinemas, teatros, estádios, ginásios e bibliotecas a aceitar a entrada de consumidores portando alimentos ou bebidas compradas em outros locais. Como foi rejeitado na única comissão designada para avaliar o mérito, o projeto deve ser arquivado, a menos que haja recurso ao Plenário da Câmara para manter a tramitação. Os parlamentares justificam que a obrigação imposta pela proposta afetaria a receita dos estabelecimentos comerciais, inclusive quando o evento realizado tem cunho social. SOLIDARIEDADE - Quem for aos mercados hoje, entre 9h e 18h, poderá participar de um movimento de solidariedade, chamado pelo Núcleo Acadêmico do Sindicato Médico do Estado (Simers), liderado por estudantes de Medicina. O Trote Solidário inclui atividades como campanha de doação de sangue, arrecadação de tampinhas plásticas e arrecadação de alimentos não perecíveis. Em Ijuí, a arrecadação ocorrerá nos supermercados Zaffari, Walmart e Rei das Frutas. Os estudantes do curso de Medicina da Unijuí estarão identificados, vestindo camiseta verde do Trote Solidário.

OLHO DA RUA Alguns cavalos têm andado soltos pelas vias públicas, o que pode acarretar em graves acidentes, em vista que ao se assustar, o animal tende a se atirar contra o veículo.

INDICADORES Poupança 30.8.2019 ................. 0,37 % Ouro 30.8.2019..............R$ 203,13 (gr) Dólar Comercial..................R$ 4,11442 Dólar turismo ....................... R$ 4,3100 Euro ..................................... R$ 4,5800 IPC/FIPE Julho /2019 ................. 0,15% INPC Julho/2018 .......................+0,1% IGPM Julho /2019 .........................0,4% IPCA Julho /2019 ....................... 0,19% TR agosto/2019.........................+0,0% SELIC julho/2019 ......................+6,5%

LOTERIAS

NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

1º - 0.763 2º - 3.211 3º - 3.353 4º - 5.366 5º - 4.853 ENTRE ASPAS "Comunicação falha do governo abre caminho para ataques de concorrentes à agricultura brasileira. Por trás da preocupação ambiental de outros países, há um mote comercial de boicotar produtos brasileiros." Presidente da Associação de Comércio Exterior do Brasil, José Augusto de Castro "AArgentina é nosso terceiro parceiro comercial, então nós temos que manter essa ligação, não só por isso mas também pelo berço comum e as ligações históricas que temos. Não tem amizades eternas nem inimigos perpétuos, existem os nossos interesses." Vice-presidente Hamilton Mourão "A aprovação representa uma mudança extraordinária para o País. Em 1800, o Brasil era mais rico que os EUA, mas, hoje, os EUA são mais ricos, porque, nos últimos 250 anos, foi um dos pilares deles o conceito de que o cidadão tem razão diante do governo, enquanto o Estado brasileiro foi sempre imperial." Ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni

GETÚLIO

QUINA

CONCURSO nº

5060

03 23 29 46 57 LOTOFÁCIL

CONCURSO nº 1860

01 02 03 04 05 10 11 15 17 18 19 21 22 23 24 PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo

HOJE

MÁX. Nublado com chuva de manhã. Aberturas de sol à tarde e pancadas de chuva. Noite seca.

17° MIN.

13°

DOMINGO

MÁX.

19° Sol com algumas nuvens. Não chove.

MIN.

SEGUNDA

MÁX.

19° Sol com algumas nuvens. Não chove.

MIN.

Fonte: Climatempo


Jornal da Manhã

SÁBADO E DOMINGO, 31 DE AGOSTO E 1º DE SETEMBRO DE 2019

NEGÓCIOS

Cresce no Estado busca por empreendedorismo Uma pesquisa conduzida pelo Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP) em parceria com o Sebrae RS, mostra que o Estado saltou de 1,9 milhão de empreendedores em 2016, para 2,4 milhões de pessoas envolvidas com alguma atividade empreendedora, seja na criação de um novo negócio, seja na manutenção de negócios já estabelecidos, em 2018. Em dois anos, houve uma alta de 26,3% e esse montante já representa 4,5% de todo o empreendedorismo do Brasil. Os números confirmam a cultura empreendedora do Rio Grande Sul e têm relação com o leve crescimento da economia”, analisa o diretor-superintendente do Sebrae RS, André Vanoni de Godoy, acrescentando que o gaúcho empreende mais por oportunidade. “Em 2018, dois terços dos empreendedores iniciais afirmaram que foram motivados pela identificação de uma oportunidade no mercado. Ou seja, para

cada empreendedor por necessidade há dois empreendedores por oportunidade, que tendem a apresentar maiores chances de sucesso”, diz. A análise mais aprofundada dos dados permite também identificar outras características de quem decide começar um negócio no Estado. No quesito escolaridade, daqueles que entendem o empreendedorismo como uma necessidade, 33,1% têm Ensino Fundamental incompleto, 31,9% o Fundamental completo e Médio incompleto. “Isso mostra que o empreendedorismo precisa estar mais presente nas escolas, incentivando os alunos a se tornarem empreendedores, percebendo nesta atividade uma alternativa de futuro profissional”, comenta Godoy. Empreender segue sendo o quarto na lista dos principais sonhos dos gaúchos, atrás apenas de comprar a casa própria, viajar por todo o Brasil e comprar um carro. O potencial empreendedor,

aquele que manifesta interesse em abrir o próprio negócio no futuro, subiu consideravelmente entre a pesquisa anterior e essa: passou de 13,8% (2016) para 25,8% (2018). O número de empreendedores gaúchos deve continuar crescendo. O estudo mostra que 25,8% da população adulta têm interesse em desenvolver-se como empreendedor. Em números absolutos, aproximadamente 2 milhões de pessoas vislumbram a possibili-

Isso mostra que o empreendedorismo precisa estar mais presente nas escolas, incentivando os alunos a se tornarem empreendedores."

CTB critica MP da Liberdade Econômica

Guiomar Vidor

Para a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Rio Grande do Sul (CTB/RS), a MP da Liberdade Econômica, que tinha como objetivo desburocratizar o setor empresarial, se desconfigurou ao mexer em direitos dos trabalhadores. "Inicialmente, acho que é importante colocarmos que a geração de empregos vem sendo prometida desde o governo Temer para justificar as reformas neoliberais que foram implementadas no último período", avalia o presidente da entidade, Guiomar Vidor, exemplificando sua fala com a MP do Congelamento de Gastos; a reforma Trabalhista; e a reforma da Previdência. "Dentro dessa medida provisória, se aproveita-

ram e fizeram uma nova reforma Trabalhista. Não havia nada sobre o tema e foi incluído pelo relator, que inclusive é gaúcho, o Jerônimo Goergen [Progressistas], em torno de 40 artigos, depois reduzidos para 20, tratando de direitos dos trabalhadores." Para Vidor, o governo é incoerente. Por um lado defende a família e a religião, por outro aprova medidas que são prejudiciais às próprias famílias, ao liberar o trabalho aos domingos e feriados e excluir o pagamento de horas-extras por esses dias, por exemplo. "Outra questão diz respeito ao registro da jornada de trabalho, que desobriga o ponto para empresas que têm até 20 trabalhadores."

Cresce encaminhamento de aposentadoria A reforma da Previdência passou pela Câmara e agora está sendo analisada pelo Senado. O texto traz mudanças para a aposentadoria dos trabalhadores. Segundo dados do INSS, o número de pedidos de aposentadoria teve um aumento de 54% de junho para julho deste ano. Saíram de 153 mil para 235,5 mil. O texto da reforma passou a tramitar na Câmara dos Deputados no mês de junho e foi aprovada na casa em 1º turno em julho – o mesmo mês em que houve o maior número de pedidos de aposentadoria no ano. O INSS, no entanto, não relaciona o aumento no número de pedidos à reforma da Previdência, mas à ampliação dos serviços digitais para pedir o benefício.

O instituto ressalta que o segurado que já possui o direito adquirido, ou seja, já tem as condições necessárias para requerer a aposentadoria, não tem motivos para antecipar o processo, uma vez que eventuais mudanças nas regras de concessão não irão afetá-lo. Especialistas também recomendam cautela e planejamento para quem pensa em entrar com pedido de aposentadoria com medo de ser prejudicado pelas mudanças. Para isso, o trabalhador deve analisar os documentos e planejar com detalhe, e procurar um especialista para fazer os cálculos e tomar uma decisão coerente sobre a possibilidade de receber um bom benefício, e não ter arrependimentos.

3

Condições necessárias para abrir e manter um novo empreendimento no Estado, de acordo com especialistas

35,3% acredita na pesquisa e desenvolvimento; 35,3% na capacidade empreendedora; 23,5% nas políticas governamentais; 5,9% na abertura de mercado; No que diz respeito aos fatores limitantes, a falta de apoio financeiro e de políticas governamentais lideram com

58,8%

dade de empreender nos próximos três anos, independentemente de já possuírem, ou não, algum outro negócio. A agência do Sebrae de Ijuí presta assistência a 4 mil microempreendedores individuais (MEIs). "É uma forma da pessoa sair da informalidade e dar seu primeiro passo dentro do empreendedorismo de forma legal. O MEI é para aquele que está começando, quer ter seu próprio negócio ou prestar serviço, de forma legal, tem uma série de benefícios, e Ijuí faz um trabalho muito bacana, na Sala do Empreendedor, no sentido de dar amparo

a esses MEIs", comenta o gerente, Armando Petinelli. No que diz respeito aos fatores limitantes, a falta de apoio financeiro e de políticas governamentais são apontados como principais entraves. "O poder público deve, sim, estar sempre amparando os MEIs, capacitando-os, e o Sebrae é uma das ferramentas para ajudar nesta capacitação", diz Petinelli. Neste sentido, é válido destacar que a persistência, o planejamento e uma análise de riscos bem executada são fundamentais para o sucesso de qualquer iniciativa no campo do empreendedorismo.

Código regula pedido extrajudicial de usucapião O novo Código de Processo Civil (Lei 13.105/15) regula procedimento administrativo extrajudicial para o usucapião de bens imóveis. O que há de novo é a generalização do procedimento a qualquer suporte fático de usucapião em que haja consenso, ampliando sensivelmente o âmbito de aplicação. Em resumo, o Código de Processo Civil trouxe a previsão de pedido de usucapião extrajudicial "Não é um processo tão complexo se não há oposição do proprietário, mesmo assim entra na questão de ser um processo demorado em razão de o Judiciário estar abarrotado de processos outros para julgar, então, essa é uma das vantagens do pedido extrajudicial", explica a advogada Débora Göttert. É possível entrar com pedido de usucapião a partir de dois anos, no mínimo, residindo no

imóvel, desde que a posse tenha se dado de forma pacífica, e tenham sido feitas benfeitorias no local e pagos os impostos. O processo pode se estender até 15 anos, dependendo do caso. Advogada, Luísa Iserhard explica que, caso seja de preferência da parte interessada usar a via judicial, essa possibilidade é mantida. "Entretanto, o usucapião extrajudicial é mais fácil, feito no Cartório, e quem autoriza é o notário do Registro de Imóveis. Acontece em duas etapas, a primeira, no Tabelionato, onde é lavrada uma ata notarial, dando conta da posse desse imóvel. Posteriormente, juntamente com demais documentos, a pessoa se dirige ao Registro de Imóveis, onde será processado esse pedido de usucapião. Mesmo sendo um procedimento extrajudicial, o acompanhamento do advogado é obrigatório."


4

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

DESCASO

Bosque dos Capuchinhos está abandonado O

s moradores do bairro São Geraldo reivindicam a revitalização no Bosque dos Capuchinhos ao poder público, há anos. A reportagem do Grupo JM esteve no local, e constatou uma cena de abandono, onde há lixo descartado entre as árvores, e os brinquedos da praça infantil foram depredados. Moradora dos arredores do bosque, Herna Atkinson disse que se a administração pública não manter o local organizado e limpo, restaurando, arrumando, e tendo uma pessoa para tomar conta, um zelador ou um guarda, o bom estado de conservação não irá ser mantido. “Mesmo que os moradores se reúnam e todos façam uma festa para arrecadar dinheiro para revitalizar o bosque por conta própria, se não houver alguém disponível para cuidar e zelar, não vai funcionar. Tudo o que é do poder público é de uso coletivo, pois pagamos impostos, e todos têm direito, e, além disso, tem que envolver a comunidade para que haja a conservação.” O local, que tem potencial para ser um cartão de visitas no município, está totalmente sem iluminação, com brinquedos e banheiros depredados, e com lixo descartado em várias partes. “Há descaso do poder público por não apresentar algo bonito, pois se tu vais num lugar que já é bagunçado tu vais ficar nem aí, então tem que oferecer uma coisa de qualidade e envolver o público que vai usar

esse lugar para depois cobrar. Não adianta revitalizar o bosque uma vez e não acompanhar, porque madeira apodrece, ferro enferruja, tem que manter”, afirmou. Herna contou que as pessoas se deslocam até lá só para jogar lixo dentro do bosque. “Essa é a mentalidade do povo, por isso que tem que trabalhar com o coletivo, ter guarda, e critérios para usar”, sugeriu. O morador, Vanderlei da Silva, disse que a situação do bosque se tornou questão de segurança pública também, pois se reúnem pessoas para fazer consumo de bebidas e drogas durante a noite, e são essas pessoas que destroem o local. “Apopulação tem medo de passar por ali durante a noite, porque sempre tem grupos de pessoas aglomeradas. Não sabemos a índole dessas pessoas, mas temos medo de que façam mal para alguém que passa pela redondeza, ou que, eventualmente, cometam algum assalto nas residências próximas, além disso, os moradores tentam manter o local limpo, ajudando da melhor forma possível, mas com o tempo, se a prefeitura não dá uma mão, os moradores cansam. O presidente do bairro faz o que pode, mas as pessoas largam lixo ali, aí a pracinha está toda quebrada, e é perigoso para as crianças. É lamentável”, desabafou. Silva informou que a comunidade procurou a prefeitura diversas vezes, principalmente com relação a

questão de iluminação pública, mas que não obtiveram nenhum retorno, então os moradores tentam fazer a manutenção do local da melhor maneira possível, com os recursos que possuem. “O presidente do bairro tem que envolver todo mundo, fazer mutirões, fazer reuniões e controlar para ver se está funcionando, e ter alguém para cuidar do local. É uma questão de educação. Não quer dizer que todo mundo que entra ali tenha a intenção de vandalizar, tenha intenção de prejudicar, mas o bosque está sendo mais frequentado por esse tipo de pessoa, e há muito tempo é assim, e não se mexe na questão, que seria unir o poder público com a comunidade. Tem a ver com educação, conscientização e trabalho em conjunto”, finalizou.

Não adianta revitalizar o bosque uma vez e não acompanhar, porque madeira apodrece e ferro enferruja, tem que manter"

A quadra e as trilhas estão em estado precário de abandono

Quase todos os brinquedos da praça infantil foram quebrados

Os banheiros públicos que haviam dentro do bosque foram depredados e há lixo depositado no local


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

5

EXPO-IJUÍ

Agronegócio amplia sua participação

Depois do salto propiciado pelo desenvolvimento no campo, o Brasil deixou a posição de importador de alimentos para se tornar um dos mais dinâmicos produtores e exportadores de produtos da agropecuária do mundo. Nas últimas quatro décadas, a produtividade brasileira cresceu muito acima da americana. Nesse período, a produção de grãos saltou de 40,6 milhões para 237,8 milhões de toneladas, contribuindo para garantir o equilíbrio da balança comercial do País. Na vanguarda da produção mundial, o agronegócio se destaca em todo o País e exige cada vez mais espaço. Conhecedor deste cenário, o vice-presidente da ExpoIjuí e coordenador da Comissão do Agronegócio, André Bigolin, não tem medido esforços no resgate e fortalecimento da participação do agronegócio na feira. Para tornar isso possível, a articulação com o poder público foi fundamental, a partir das melhorias na infraestrutura da área destinada ao setor. "Chamamos o prefeito, Valdir Heck, que prontamente aceitou esse nosso pedido de melhorarmos a área para trazer novamente as empresas, e estamos com as obras bastante adiantadas, chegando à fase de finalização", comentou, em entrevista ao Grupo JM, ontem. Todos os espaços foram comercializados, inclusive algumas empresas acabaram ficando de fora, em função da limitação da área. "Até provoquei o presidente da ACI, Nilo Leal, de que iremos deixar um bom problema para ele na edição de 2020, que será o de achar uma forma de

Vice-presidente da Expo-Ijuí, André Bigolin

ampliar ainda mais o espaço do agro, porque há empresas que sinalizaram o desejo de voltar neste ano, mas não tinham em sua programação orçamentária, a participação na Expo-Ijuí. Dentro desta proposta de trabalho, de uma feira de negócios com ênfase no agro, se propuseram e estão

alocando recursos em seus orçamentos para investimentos em feiras, a participação na Expo-Ijuí 2020", afirma. Além disso, Bigolin, juntamente com a presidente da Expo-Ijuí, Nadine Dubal, trabalhou na busca de linhas de crédito diferenciadas para a feira. "A Nadine liderou esse trabalho, e ao lado do diretor da ACI, Ricardo Santiago, visitou os agentes financeiros principais, ligados ao agro, e todos aceitaram nossa proposta, de criar linhas especiais para a feira, e, sim, todos nossos agentes financeiros estarão presentes. Inclusive, um deles não estava participando com estande, agora, além de participar neste ano, fez questão de montar seu espaço junto às empresas do agronegócio. Essa é outra proposta, e desafio, que ficará para a frente de outras feiras, e também uma possibilidade de os agentes financeiros se aproximarem ainda mais daquele espaço." Para o vice-presidente, a edição de 2020 terá presença ainda mais forte do agronegócio, com a participação das principais empresas da área. "Fizemos questão de visitar cada uma, desde máquinas e implementos a caminhões, e todas relataram que, dentro desta filosofia, deste formato desejado para a feira, têm interesse em participar, e colocar em seu orçamento para 2020 a participação. O que será o ponto chave para ter essa dimensão, é onde alocaremos essas empresas, precisaríamos quase duplicar a disponibilidade que temos hoje, para que isso seja possível. Com a participação dessas empresas, não tenho dúvidas que em 2021 teremos uma feira reconhecida em todo o Estado, como um lugar de fechar negócios."

Cavalo Crioulo terá rodada de negócios na feira

Jaime Ghisleni

O Núcleo de Criadores de Cavalos Crioulos de Ijuí (NCCCI) terá atuação diferente nesta edição da Expo-Ijuí/Fenadi. O tradicional leilão Parceiros pela Paixão não irá acontecer, em função da perda de prazo de formatação do evento junto ao Canal Rural. No lugar, será realizado o Dia de Negócios, com a exposição dos animais que serão comercializados. "Será uma rodada de negócios. Proprietários dos animais expostos terão valores pré-fixados, e interessados farão uma negociação diretamente", explica o presidente

do Núcleo de Criadores, Jaime Ghisleni. A programação, que acontece no primeiro fim de semana da feira - 11, 12 e 13 de outubro -, conta ainda com a tradicional exposição morfológica, evento ranqueado pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulo (ABCCC); a revisão coletiva, que é um julgamento para pequenos criadores que estão entrando na raça; e a concentração de machos para a marca, em que o técnico analisa quais animais podem receber a marca de garanhão.

A participação nos eventos não será cobrada. Os criadores poderão dar uma contribuição espontânea, que será repassada à Apae de Ijuí, que dá assistência a mais de 450 pessoas. "No sábado à noite teremos duas palestras muito interessantes. Uma a cargo do laboratório da companhia dos bichos, do Carlos Alberto Noll, que irá tratar dos exames de mormo, anemia e a influenza equina. Posterior, o veterinário Jacson Collet, de Ijuí, que tem um centro de reprodução equina, em Catuípe, irá falar sobre

biotecnologias da reprodução e o cavalo crioulo. São assuntos atuais e pertinentes", enumera. Serão montadas 50 cocheiras com capacidade para alocar 80 animais, além dos que participarão dos eventos, a expectativa é de que 200 cavalos crioulos passem pelo Parque de Exposições Wanderley Burmann. "Estamos priorizando os amigos e sócios e aqueles que participam de alguma forma do núcleo, mas interessados em participar podem entrar em contato conosco, que serão bem-vindos", finaliza Ghisleni.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

6

Opinião do JM ECONOMIA CRIATIVA

S

e você já pensou em largar tudo para ter o próprio negócio ou já vezes, impedem o crescimento da cidade. E isso exige protagonismo fez isso na prática, então, faz parte de um grupo cada vez maior local, com lideranças fortes e empreendedoras, que atuem de forma Neste cenário econômico, no Rio Grande do Sul. É o que revela pesquisa divulgada pelo Sebrae integrada. O Município entra nesse processo formulando e incentivando que agora começa a se recuRS - o Estado saltou de 1,9 milhão de empreendedores em 2016, para políticas públicas que estimulem o empreendedorismo. perar da crise, é de extrema 2,4 milhões de pessoas envolvidas com alguma atividade empreenO Sebrae já realiza uma série de ações neste campo, buscando increimportância estimular o dedora, seja na criação de um novo negócio, seja na manutenção de mentar o fortalecimento dos pequenos negócios. São iniciativas como desenvolvimento, fazendo negócios já estabelecidos. Esses números representam 4,5% de todo a Redesim e a ampliação dos benefícios com a Lei Geral das Micro e com que os municípios se o empreendedorismo do Brasil. Pequenas Empresas. Todas estas ações buscam melhorar o ambiente unam em torno de ideias Os dados confirmam a cultura empreendedora do Rio Grande Sul. legal para os pequenos negócios. Elas tornam as micro e pequenas comuns de avanço e proAbrir a própria empresa é um grande desafio e, portanto, precisa ser empresas mais competitivas na formalidade, gerando mais emprego gresso. encarado com responsabilidade. Além disso, a persistência, o planejae renda de forma descentralizada, criando oportunidades, além de mento e uma análise de riscos bem executada são fundamentais para estimular o empreendedorismo. Visam, especialmente, a diminuição o sucesso de qualquer iniciativa no campo do empreendedorismo. Os desafios, embora da burocracia para abertura e fechamento de empresas. gigantes, podem ser vencidos, e no final, a recompensa é gratificante e realizadora. Neste As pequenas empresas são o motor da economia dos municípios e a principal fonte de quadro, o Sebrae RS coloca-se como parceiro dessas pessoas que vão à luta em busca renda das famílias. Os números das empresas empreendedoras apontam como os micro de melhores condições por meio do empreendedorismo. e pequenos negócios são um importante fator para o fomento das economias locais. Neste cenário econômico, que agora começa a se recuperar da crise, é de extrema Sobretudo diante da grave crise financeira pela qual o País passa, é extremamente importância estimular o desenvolvimento, fazendo com que os municípios se unam em importante que os gestores tenham coragem e motivação para estimular os pequenos torno de ideias comuns de avanço e progresso, deixando de lado diferenças que, muitas empreendedores. É necessário melhorar a economia de forma criativa.

ENTREVISTA O Piratini vai esperar a votação da reforma no Senado para apresentar um projeto para a Previdência estadual? Para nós, é importante o desfecho da reforma da Previdência no Congresso Nacional, se vai ou não nos atingir. Caso não nos atinja, temos que decidir o que fazer. Há a necessidade de fazer (a reforma da Previdência estadual) com muita rapidez. De qualquer forma, antes de apresentar qualquer medida, vamos conversar com os servidores, dialogando sobre a necessidade das reformas. Não temos dúvida alguma da necessidade de fazermos a nossa própria reforma aqui, se isso for necessário. Por que digo isso? Nós temos a projeção de um déficit de R$ 12,3 bilhões na Previdência do Estado em 2019. E a projeção que a gente faz, para 10 anos, é de que possa chegar a R$ 113 bilhões. Ou seja, isso é ingovernável. Se não tomarmos nenhuma atitude, vai ficar pior do que aconteceu em Portugal e na Grécia. Então precisamos fazer alguns ajustes aqui. Queremos fazê-los ainda neste segundo semestre.

Ranolfo Vieira Júnior (PTB) Vice-governador

Como está o andamento das PPPs na área da segurança? Queremos firmar parcerias público-privadas na segurança pública, especialmente na área de presídios, com todo o cuidado para que a segurança do sistema prisional continue sendo prestada por servidores públicos, por agentes penitenciários. Vamos fazer PPPs para a construção de novos espaços, de novas vagas, para a administração e outros serviços que não sejam de segurança, como o fornecimento de refeições.

diferenciada daquele trabalhador normal (no momento da aposentadoria). Vou defender isso. Sempre defendi. Claro, alguns pontos podem ser discutidos, talvez a questão da idade (mínima para se aposentar). Mas não vou aprofundar a discussão agora. Estou fazendo uma análise mais genérica, na qual entendo que deva haver um tratamento diferenciado.

Acredita que os profissionais da segurança devem ter uma aposentadoria diferenciada em relação às outras categorias? Acredito que algumas funções ligadas à segurança pública têm que receber uma diferenciação, sim. Todo o policial jura prestar um serviço público arriscando a própria vida. Além disso, enquanto a sociedade dorme, lá no mais distante rincão do nosso Estado, os policiais vão estar fazendo o trabalho de segurança pública. Então é uma atividade diferenciada, realizada diuturnamente, longe da família, muitas vezes. Por essas razões, (os profissionais da segurança) devem ter uma situação

Na sua opinião, a flexibilização do porte de armas aos cidadãos, ajuda ou atrapalha a segurança pública? Aquele cidadão que demonstrar a necessidade de portar uma arma de fogo, que tiver aptidão psicológica para isso, que apresentar conhecimento técnico de armamento de fogo, eu não vejo por que não possa portar uma arma. Pode até flexibilizar um pouco as regras atuais. Mas tem que respeitar alguns requisitos básicos. O Estado não pode dar uma arma para quem desconhece o manuseio da arma de fogo, nem para quem não tem equilíbrio psicológico razoável.

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Jocelaine Simão redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com Representantes Comerciais: Grupo de Diários

www.clicjm.com

Além da área da segurança, o que o senhor destacaria nos primeiros oito meses do governo Eduardo Leite? Na questão da saúde, estabelecemos um cronograma para repassar em dia os recursos destinados a hospitais e municípios. Além disso, estabelecemos um calendário de até 16 meses para quitar o repasse atrasado dos municípios. Portanto, devemos quitar essa dívida ainda no mandato dos atuais prefeitos. Também destaco o programa RS Parcerias, que busca implementar parcerias público-privadas, como uma maneira de conseguirmos fazer investimentos. Ainda na questão da infraestrutura, a Secretaria Estadual de Logística e Transporte anunciou R$ 300 milhões prospectados no BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) para serem aplicados no sistema rodoviário estadual. Temos plena convicção da necessidade de maior investimento nessa área, mas é um começo. Também tivemos êxito na Assembleia Legislativa na aprovação da venda de três estatais CEEE, CRM e Sulgás. Isso nos aproxima de um dos principais objetivos que temos no segundo semestre: a efetiva assinatura do Regime de Recuperação Fiscal (RRF) com a União. Depois da aprovação das privatizações, o que falta para assinar o RRF? Temos mantido um diálogo com a equipe do ministro da Economia Paulo Guedes, tentando demonstrar que estamos fazendo a lição de casa. É fundamental a assinatura do acordo de recuperação fiscal para a sobrevivência do Estado. Com o RRF, abriremos um novo espaço fiscal, o que vai nos dar a possibilidade de tomar outras atitudes. Essa, junto com outras ações, vai nos dar condições de, por exemplo, mantermos o nosso propósito de colocar em dia a folha de pagamento dos servidores públicos do Executivo, até o final do primeiro ano de governo. Estamos buscando a adesão ao regime, que seria uma das formas de nos assegurar uma possibilidade maior (de colocar em dia a folha). Mas só o regime, isoladamente, não vai nos trazer esse resultado. É uma série de realizações conjuntas que vai nos dar essa possibilidade.

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

ciadearte@jornaldamanhaijui.com

ASSINATuRAS E CIRCuLAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0317 3331-0321 SEMEStRAl: R$ 240,00 ANUAl: R$ 480,00 CORREIO: R$460,00 (SEMEStRAl); R$ 900,00 (ANUAl)


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

CAPACITAÇÃO

Inclusão de surdos é trabalhada em eventos Desde ontem, o intérprete internacional Marco Arriens realiza um workshop em Ijuí, junto ao auditório da Escola Estadual de Ensino Fundamental Rui Barbosa, o Ruizinho. O evento iniciou na noite desta sexta-feira, com aula teórica; e segue hoje e amanhã, com aulas teóricas e de linguagem corporal expressiva. O evento é promovido pelo Centro de Atendimento Integral ao Surdo (Cais), com apoio da Unijuí, através do Núcleo de Acompanhamento e Acessibilidade Institucional (Naai). “Essa é a primeira vez que realizo um workshop com esta formatação. Ijuí sai na frente ao atender uma demanda das leis obrigatórias de inclusão social e, principalmente, inclusão escolar”, destacou Arriens, ao Grupo JM. O workshop, segundo ele, apresenta orientações sobre como lidar com a pessoa surda, o que são as identidades surdas, e sobre como fazer a inclusão de forma correta. “Muitas vezes o aluno surdo é incluído numa escola, mas acaba excluído do próprio processo de inclusão. É preciso preparar os profissionais para que saibam quem estão recebendo e como

Antecedendo o workshop, Marco Arriens realizou palestra na Sede Acadêmica

trabalhar com este estudante surdo. Colocar um intérprete não resolve a questão. Essa é uma falsa representação de inclusão. Por isso a importância deste workshop, que prepara os educadores, os demais profissionais, para o atendimento a este público”, reforçou.

Estudantes de Córdoba se preparam para projeto O Projeto de Intervenção Urbana em Ijuí, que acontecerá entre os dias 16 e 20 de setembro, está gerando repercussões até na Argentina. Estudantes da Facultad de Arquitectura Urbanismo y Diseño, da Universidade Nacional de Córdoba, estão trabalhando sob a orientação de professores nos projetos desenvolvidos pelos estudantes da Unijuí e que serão construídos e disponibilizados em diversos locais da cidade. Fruto de uma parceria inédita para o Estado, reunindo a Unijuí, Universidade de Córdoba e Poder Público de Ijuí, por meio da Secretaria de Cultura, Lazer e Turismo, além da Ueti, representando o movimento étnico, os mobiliários urbanos que serão trabalhados pelos estudantes de ambas instituições serão instaladas em pontos da cidade, somando seis projetos no total, sendo eles: um no Parque de Exposições, um na Praça da República, três na Avenida Pinheiro Machado (canal) e um no Campus da Unijuí. Para

instalação das esculturas virão 10 professores e 50 alunos da Universidade de Córdoba que, em conjunto com os professores e estudantes dos cursos de Design e Arquitetura e Urbanismo da Unijuí, farão a produção e instalação na cidade. Antes de virem para Ijuí, os estudantes de Córdoba estão analisando os projetos que foram idealizados pelos estudantes da Unijuí. Segundo o professor Jonny Gallardo, um dos idealizadores da iniciativa, a ideia é realizar ajustes técnicos e ergonômicos, além de cálculos de materiais e insumos necessários para as atividades que acontecerão em setembro. A expectativa é grande da Instituição argentina. “O projeto tem como objetivo contribuir com a identidade regional, a cidade e sua tradição. Também é uma experiência pedagógica com uma pegada prática de alto impacto no território”, observa. O Projeto já é desenvolvido em Córdoba e, agora, pela primeira vez fora da Argentina.

Ontem pela manhã, antecedendo o workshop, foi realizada na Sede Acadêmica da Unijuí uma palestra sobre “Famílias eficientes para filhos (d)eficientes: do luto à luta”. A cargo de Arriens, o evento também foi promovido pelo Cais e Naai/Unijuí.

7

Spagnol volta à direção do Colégio Tiradentes O major João Volmei Guerra Spagnol está de volta à direção do Colégio Tiradentes da Brigada Militar de Ijuí, após um ano e meio afastado, em função de um tratamento de saúde. “Agradeço por poder voltar e dar continuidade ao trabalho que vinha exercendo, ao lado de uma equipe que só nos traz alegrias”, disse, em entrevista ao Grupo JM. “O Colégio segue comemorando bons resultados, graças ao empenho dos nossos policiais militares, dos professores que atuam em sala de aula, dos pais que acreditam no nosso trabalho e, principalmente, graças ao empenho dos nossos alunos”, destacou. Spagnol retorna num momento em que os educadores trabalham a atualização da matriz curricular, sob a luz da Base Nacional Comum Curricular (BNCC); e em que projeta-se o novo Ensino Médio. “Este é um dos desafios das escolas. Embora tenhamos uma característica especial, que é de escola militar, precisamos seguir às mesmas regras gerais, lançadas pelo Ministério da Educação. Trabalhamos nestas adaptações com antecedência, para nos preparar melhor e para colocar em prática lá na frente”, destacou. Na segunda-feira, como lembra Spagnol, inicia-se o terceiro trimestre no Colégio – que já tem atividades previstas, como

João Volmei Guerra Spagnol

a participação nas Semanas da Pátria e Farroupilha, nos jogos de integração dos Colégios, e na preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). “Por estar afastado há tanto tempo, será muito importante encontrar todos os alunos na segunda-feira”, disse, lembrando que nestes últimos dias os estudantes passaram por provas de recuperação. À redação, Spagnol lembrou que, até a próxima sexta-feira, deve ser lançado o edital para o processo seletivo de novos alunos.

Cpers exige readmissão de professores

Helenir Schürer A situação de professores contratados têm preocupado o CpersSindicato. Segundo a diretora estadual, Helenir Schürer, há muitos docentes temporários, em diferentes municípios do Estado, sofrendo com a falta de pagamento. “Temos professores indo trabalhar sem receber absolutamente nada de salário, com meses de atraso. Isso gera dificuldade até mesmo para se deslocar até a escola”, explicou a diretora ao Grupo JM. Outra questão,

já levada à Secretaria Estadual de Educação (Seduc), foi a demissão de profissionais. “Hoje temos 25 mil contratados. E o governo do Estado enviou à Assembleia Legislativa um projeto de lei solicitando autorização para contratar mais 5.024 professores. Ora, se há falta de professores, se está sendo solicitada a contratação de novos temporários, por que as demissões estão ocorrendo, no meio do ano letivo? É descabido pensar em demitir para recontratar no início do ano letivo”, afirmou Helenir. Segundo a diretora, ainda há escolas que não tiveram um dia de aula em disciplinas importantes, como Química e Física. O Cpers-Sindicato conversou com deputados e com a Comissão de Educação da AL, a fim de conseguir a elaboração de uma emenda, solicitando a realização de concurso público ainda neste ano – já que a previsão é somente para 2020 - e solicitando que os contratados não sejam demitidos em 2019. “Estamos apoiando esta emenda, que pode vir a ser votada na próxima terça-feira na Assembleia”, destacou a diretora. Muitos dos profissionais que foram demitidos, segundo Helenir, estavam em licença-saúde, para

tratamento do câncer e casos de depressão severa. “Conseguimos reverter o caso de uma professora que estava grávida e inclusive entramos com uma representação junto ao Ministério Público, que já solicitou informações ao governo do Estado. Nós queremos que estes profissionais sejam readmitidos, por uma questão humanitária. Eles se dedicaram e receberam, em troca, a demissão, no momento em que mais precisavam”, destacou. Uma emenda também é apresentada pelo Cpers-Sindicato para que recursos sejam reservados para realização de concurso público em duas áreas carentes na área da educação: alimentação e manutenção das escolas. Nos dias 6, 7 e 8 de setembro, acontecerá o congresso do CpersSindicato, um espaço considerado importante pela diretora, porque prepara para os próximos três anos as lutas que a entidade estará envolvida. "Há pessoas que dizem: olha, vão doutrinar. E eu respondo: olha, o sindicato que não faz a luta em defesa dos direitos dos seus trabalhadores, não sei por que existe. Esse é o papel de um sindicato", afirmou. O evento acontecerá em Bento Gonçalves.


8

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

SAÚDE

Mudança de referências esbarra em gestores

Segundo a presidente do Conselho Municipal de Saúde (Comus), Luciane Antes, embora o poder Executivo queira acabar com o deslocamento de pacientes a outros municípios da região, não é tão simples trazer especialidades, como a oftalmologia, para Ijuí. Em abril, segundo ela, uma reunião chegou a ser realizada entre o Comus, a Secretaria Municipal de Saúde, 17ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS) e secretários da região, no sentido de discutir o credenciamento de hospitais na cidade. “Mas essa decisão não depende da gestão municipal. Em função das referências regionais, do Pacto pela Saúde de 2006, que estabeleceu as referências, não vamos conseguir mudar algumas coisas. Nós chegamos a debater sobre a possibilidade de Ijuí ser referência em oftalmologia. E o secretário de Saúde, Josias Pinheiro, está trabalhando para isso. Outros secretários da região não têm interesse, porque o serviço que eles têm acesso hoje, em Tenente Portela, é resolutivo. Eles não têm queixas, não gostariam de mudar de localidade”, frisou a presidente. Luciane explica que para uma cidade de pequeno porte não importa tanto o local de referência, já que o deslocamento de pacientes ocorre

Luciane Antes

uma, duas vezes por semana. Mas para uma cidade como Ijuí, que desloca usuários do SUS diariamente, a mudança têm um grande impacto, especialmente nas finanças. “Mas estamos buscando, já pensamos em realizar uma reunião e discutir com o Estado as referências regionais em saúde. Mas não temos avançado muito com isso. O ponto positivo é que temos o Hospital Bom Pastor buscando o credenciamento para oferta de alguns serviços na área de oftalmologia”, explicou. Nesta semana, o Comus rea-

lizou sua reunião ordinária, junto à Secretaria Municipal de Saúde. Na pauta, demandas relacionadas à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24h e ao Hospital de Caridade de Ijuí (HCI). “O objetivo era entender o que realmente está ocorrendo na UPA. Nas redes sociais, há muitas falas, mas nem todas as histórias acabam se confirmando. Por isso, todos os casos precisam ser averiguados”, explicou a presidente, lembrando que o coordenador da UPA, Edgar Moi, apresentou informações acerca do atendimento nos primeiros dias, dos fatos que foram noticiados e do comportamento de usuários. “O Conselho tem acompanhado a mídia e precisa ouvir os dois lados, para que possamos construir uma melhor situação para a UPA.” Luciane destacou que há uma hiperutilização dos serviços da UPA e que a comunidade precisa entender que apenas casos de urgência e emergência devem ser encaminhados à Unidade. “A UPA é um serviço essencial, que está iniciando, que realmente apresentou alguns erros em seu início, mas que está sendo estruturada. Lembrando que, até agora, ela está sendo mantida com recursos municipais. Se ainda falta algo, é porque precisamos da contrapartida do Estado e da União”, reforçou.

Atendimentos na UPA foram debatidos em reunião A definição clara sobre quem responde como porta de entrada na situação de urgência e emergência e, sobretudo, a indicação da instituição que dará suporte no caso de o Hospital de Caridade de Ijuí não poder atender, assim como também na área de assistência especializada, cuja regulação está afeta ao governo do Estado, foram encaminhamentos feitos pelo município de Ijuí ao coordenador da 17ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS, Gerson Herbstrith Prudêncio. “Estamos tendo dificuldade de suporte para os atendimentos. Às vezes, temos o paciente por várias horas na UPA e não temos para onde encaminhá-lo, porque o HCI está fechado e não temos outro local como referência”, pontua o secretário Josias Pinheiro. A reunião realizada no gabinete do prefeito Valdir Heck contou com a participação do secretário de Saúde, Josias Pinheiro; da adjunta Andréia Amorim dos Santos; do coordenador da Rede de Urgência e Emergência, Edegar Moi; coordenadora da Atenção Básica, Andreia Franco; e da coordenadora do Programa de Saúde Mental, Daiana Quadros, entre outros integrantes da equipe de Saúde e da representante do Conselho Municipal de Saúde (Comus), Yolanda Hepp. Já como resultado dos encaminhamentos solicitados na reunião, hoje, o coordenador da 17ª CRS encaminhou ofício circular, pelo qual comunica o agendamento

Josias Pinheiro

de reunião para o dia 3 de setembro, às 14h, no auditório do Hospital de Caridade, tendo como pauta principal a Planificação da Atenção Primária à Saúde, que contará com a presença da diretora do Departamento de Ações em Saúde, Ana Lúcia da Costa e representantes do Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass). O objetivo, segundo Gerson Prudêncio, é identificar os desafios na construção de uma Atenção Básica Primária e Resolutiva. Além da reunião no auditório do HCI, mesma data, às 9h, Ana Lúcia da Costa, participará de reunião no gabinete do prefeito, para falar igualmente das demandas e desafios da atenção à saúde do município de Ijuí.

Medicina Nuclear tem mantido a média de 600 atendimentos ao mês

Inaugurado em 2013, o serviço de Medicina Nuclear é relativamente novo no Hospital de Caridade de Ijuí (HCI). Um pouco diferente das demais especialidades ofertadas pela instituição, ela se baseia na aplicação de alguns insumos radioativos, denominados radioisótopos, para realização de exames de imagem e também terapias. “Esses isótopos têm algumas particularidades, permitindo que sejam empregados

no tratamento de algumas neoplasias”, explicou o médico Michel Bueno. O especialista explica que o carro-chefe da Medicina Nuclear sempre foi a prática de exames de imagem, sendo que, hoje, a maioria envolve exames de coração, para pacientes que têm suspeita de doença coronariana e risco de desenvolver infarto no futuro, além de pacientes que estão em estadiamento oncológico. “Os pacientes

que descobrem uma neoplasia vêm até o serviço de Medicina Nuclear para saber qual o grau de disseminação que essa doença se encontra no organismo”, explica Michel. Nos últimos oito meses, o setor registrou uma média de 600 atendimentos ao mês. À unidade, são encaminhados pacientes de 120 municípios da região Noroeste. Segundo Michel Bueno, a Medicina Nuclear do HCI não deixa a desejar se comparada aos

serviços da Capital, Passo Fundo e Santa Maria. “Contamos com equipamentos modernos e com uma equipe que está sempre atenta ao que está surgindo no mercado. A nossa perspectiva é que, num futuro próximo, possamos ter um equipamento para realização dos exames PET/CT.” Nesta semana, a diretoria do HCI esteve reunida com o vice-presidente, Hamilton Mourão, e o pedido para o tomógrafo foi realizado.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

SOLIDARIEDADE

Campanha Doação Farroupilha é lançada

Presidente da Sicredi das Culturas, Antenor José Vione, a médica hematologista, Cheila Eickhoff, e a gerente de relacionamento da Sicredi, Vanessa Wender, ontem, no lançamento da campanha

Cerca de mil pessoas estiveram reunidas na noite de ontem para o lançamento da campanha Doação Farroupilha, iniciativa promovida pela Sicredi das Culturas RS/ MG para incentivar as doações de sangue junto ao Núcleo de Hemoterapia do Hospital de Caridade de Ijuí durante todo o mês de setembro. O evento foi realizado no CTG Farroupilha e contou com o show do Guri de Uruguaiana. Com o espetáculo Os causos do Guri de Uruguaiana, o ator Jair Kobe, intérprete do personagem, conta “causos” e histórias gaudérias, bem como, apresenta paródias com a música mais conhecida do seu repertório: o Canto Alegretense. “Ficamos muito felizes em presentear Ijuí e da região com a apresentação do Guri de Uruguaiana neste grande evento e orgulhosos com a participação de toda a comunidade, nesta causa”, reforça o presidente da Sicredi

das Culturas RS/MG, Antenor José Vione. O evento fez parte da programação especial em comemoração ao aniversário da instituição financeira cooperativa, que completa 95 anos de história em maio de 2020. A partir desta ação foi possível arrecadar aproximadamente uma tonelada de alimentos não perecíveis, que foram trocados por ingressos para o show nas agências do Sicredi e serão doados para entidades carentes. “É importante ressaltar que a doação regular e voluntária mantém os estoques do banco de sangue suficientes para suprir as necessidades dos pacientes. Esta ação é de extrema importância pois proporciona esperança, vida e muitas vezes a vitória sobre muitas lutas. É com muita satisfação e uma grande honra que recebemos esta campanha dentro do Núcleo de Hemoterapia do HCI, pois certamente provocará mais ações desta magnitude”,

destaca a médica hematologista e responsável técnica pelo Núcleo de Hemoterapia do HCI, doutora Cheila Meincke Eickhoff. Em sua 6ª edição, a campanha Doação Farroupilha já se tornou tradicional nesta época do ano e é uma ação de voluntariado promovida pela Sicredi das Culturas RS/MG, que busca aproveitar a mobilização das comemorações gauchescas para fortalecer e conscientizar sobre a doação de sangue. Durante o mês de setembro, associados e colaboradores do Sicredi, bem como toda a comunidade local e regional, são incentivados a realizar as suas doações junto ao Núcleo de Hemoterapia do Hospital de Caridade de Ijuí. Para fortalecer a cultura Gaúcha, a instituição financeira cooperativa irá sortear um kit de chimarrão entre os participantes da campanha que realizarem as doações de sangue com algum dos itens que compõe a vestimenta gaúcha.

9

Lojas Fricke lança mais uma promoção inédita Com a finalidade de oferecer novas Tecnologias, Inovações e Treinamentos para todos os seus públicos-alvo, as Lojas Fricke e Barbadão da Construção, lançam na segunda-feira o 3º Feirão de Máquinas e Ferramentas, edição 2019. Já em sua 3° Edição, o Feirão de Máquinas e Ferramentas do Fricke tem crescido muito, e anualmente vem oportunizando para que Profissionais e Consumidores domiciliares, não só adquiram Máquinas e Ferramentas, mas também busquem um aprendizado para as suas atividades do dia a dia. Neste ano, em parceria com os principais fornecedores do País e importadores, as Lojas Fricke foi buscar para oferecer no Feirão, o que existe de melhor em termos de máquinas profissionais e domésticas. São centenas de ferramentas como Furadeiras, Parafusadeiras, Serras Circulares, Serras TicoTico, Aparelhos de Soldas, Níveis, Prumos, Escadas, Plainas, além de outros inúmeros aparelhos e complementos do seu Kit de Ferramentas Profissional ou do-

méstica, para que você mesmo possa realizar pequenos consertos na sua casa ou propriedade rural. O Feirão estará disponível durante os meses de setembro e outubro 2019, em Ijuí nas Lojas Fricke da Matriz ao lado do Colégio Ruizinho, no Fricke Metais e no Barbadão da Construção na Rua 14 de Julho e na Loja Fricke de Santo Ângelo na Avenida Brasil – Esquina com a rua 15 de Novembro. Neste período de 60 dias, todos os produtos estarão com Preços Especiais, Crediário Próprio facilitado com parcelamento e sem juros. Outra novidade deste ano serão as Oficinas com Teste Drive de todas as Ferramentas com Minicursos, inclusive com Aparelhos de Soldagem. Mais uma inovação é o Teste Drive para Mulheres, que cada vez mais estão buscando a sua autonomia no dia a dia de suas casas e propriedades rurais. Como se vê, as Lojas Fricke mais uma vez está inovando e levando Tecnologias e Alternativas de Soluções para os seus público-alvo, tanto profissionais quanto consumidores domésticos.

Feirão de Máquinas e Ferramentas do Fricke acontece na segunda-feira


10

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

ECONOMIA

"Crescimento do PIB traz certo alívio"

O crescimento do PIB, da Lava Jato, cerca de R$ de 0,4% no segundo 2,5 bilhões, mas ainda em trimestre deste ano, traz discussão no Supremo “certo alívio”, avalia o Tribunal Federal (STF). secretário do Tesouro Ainda de acordo com Nacional, Mansueto AlMansueto, há também a meida. “Não dá para soltar possibilidade de serem fogos com o resultado liberados R$ 10 bilhões de um trimestre. Mas é que seriam usados na maior do que o mercado capitalização de bancos estava esperando. É um públicos. Mas, para que certo alívio”, afirmou. Ele esses recursos sejam liacrescenta que o Brasil berados, será preciso está em processo muito aprovação de projetos lento de recuperação da de lei, com mudança na recessão, depois de dois destinação dos gastos. anos seguidos de queda Para atingir a meta de do PIB. Ele opina que a déficit primário de R$ Secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida sociedade está aprovando 139 bilhões neste ano, o governo já contingenciou R$ 31,2 as medidas de ajuste fiscal. “Se fácil”, acrescenta. Mansueto pondera que pode bilhões do Orçamento. Segundo sinaliza que está fazendo ajuste fiscal, se o País é solvente, me- haver desbloqueio de recursos em o secretário, a previsão é que o lhora o ambiente de negócios, alguns ministérios nos próximos déficit primário fique até R$ 20 a qualidade da sua educação, meses, com a melhora da arre- bilhões abaixo da meta fiscal. O o sistema tributário fica menos cadação e receitas extras, como engessamento do orçamento com complexo, a consequência natu- antecipação de dividendos pelos as despesas obrigatórias impede a ral é ter um País que vai crescer bancos públicos. Há, também, a retirada de recursos de áreas em mais. Fazer essa agenda não é previsão de entrada de recursos que há sobras para onde há falta.

Contas de FGTS já estão com dinheiro extra Termina hoje o prazo para a Caixa Econômica Federal depositar a distribuição dos lucros do FGTS. No total, são R$ 12,2 bilhões e devem ser beneficiadas 269,6 milhões de contas ativas e também inativas, que são de contratos de trabalho já encerrados. Os depósitos foram iniciados na primeira quinzena do mês. Portanto, vários trabalhadores já estão com o dinheiro extra na conta do FGTS. O saldo pode ser consultado no site da Caixa Federal, no espaço de acesso ao extrato da conta vinculada. Também é possível obter a informação em agências do banco. Conforme os valores anunciados deste ano, estão sendo depositados R$ 30,88 para cada R$

Projeto altera legislação e reduz burocracia

Percy Soares Neto

1 mil que o trabalhador tinha de saldo em 31 de dezembro de 2018. O diferencial deste ano é que a distribuição foi elevada de 50% para 100% do total do lucro obtido com o dinheiro do fundo que fica aplicado. Aliás, essa medida elevou a tão criticada rentabilidade do FGTS para 6,18% em 2019. O dinheiro do trabalhador no fundo, portanto, está devolvendo a inflação, rendendo mais do que a caderneta de poupança e trazendo um retorno acima até mesmo do que a taxa de juro Selic, que está em 6% ao ano. Em tempo, a Selic é a referência para a poupança e outros investimentos de renda fixa e deve cair mais até dezembro. Deve ser votado até o fim do ano o projeto de lei 3453/08, que apresenta um novo marco regulatório para o setor de infraestrutura do Brasil e altera a Lei de Licitações e Contratos. A proposta pretende desburocratizar a legislação para permitir mais investimentos no Brasil. A comissão especial na Câmara dos Deputados que analisa o texto, enviado pelo Senado, reuniu na quinta-feira, representantes de entidades de portos, ferrovias e saneamento básico para ouvir as experiências e reivindicações do setor. O diretor-executivo da Associação Brasileira das Concessionárias Privadas e Serviços Públicos de Água e Esgoto (Abcon), Percy Soares Neto, disse que o modelo de PPP é um sucesso e os estados têm usado esse modelo de parcerias para acelerar investimentos. Segundo ele, 6% dos municípios brasileiros já contam com PPPs no saneamento, que já representam 20% dos investimentos no setor. Recife tem a maior parceria público-privada do Brasil, mas a maioria das parcerias no Brasil é em pequenas cidades. 58% das parcerias são em cidades com menos de 20 mil habitantes, informou Percy Soares Neto.

Intenção de Consumo de Famílias gaúchas registra primeira alta no último trimestre A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) de agosto interrompeu a série de quedas dos últimos três meses, de acordo com pesquisa da Fecomércio-RS. O índice alcançou 90,5 pontos, aumento de 1,3% em comparação a julho e alta de 16,2% em relação ao mesmo período de 2018. Na média em 12 meses, também foi registrado crescimento do indicador, chegando a 87,9 pontos. Para o presidente da Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn, a divulgação dos saques do FGTS pode ter contribuído para a avaliação menos pessimista das famílias, no entanto, o cenário ainda não se consolidou. “Diante de um mercado de trabalho desafiador e sem perceber sinais de avanço da economia, prevalece a sinalização de moderação na decisão dos gastos das famílias.”. A alta foi puxada pela redução do pessimismo nas famílias com até dez salários.

Contas públicas têm déficit de R$ 2,7 bi

Importação abre mercado na Indonésia

O setor público consolidado União, Estados e municípios -, registrou déficit primário de R$ 2,763 bilhões, em julho. Esse foi o melhor resultado para o mês, desde 2013, quando houve superávit primário de R$ 2,287 bilhões. As estatísticas fiscais foram divulgadas ontem pelo Banco Central (BC). O resultado primário é formado pelas despesas menos as receitas, sem considerar os gastos com juros.

Em uma temporada com resultados excepcionais na importação, a pecuária nacional conseguiu mais um mercado na Ásia. Agora, é a vez da Indonésia anunciar a abertura de relações comerciais para a carne brasileira. O anúncio foi feito pela ministra da Agricultura, Tereza Cristina. Segundo ela, Serão dez plantas habilitadas para a importação de pelo menos 25 mil toneladas de carne bovina para a Indonésia.

11,8%

É o índice de recuo da taxa de desemprego do País no trimestre finalizado em julho deste ano. Segundo dados da Pnad Contínua, pesquisa realizada pelo IBGE.

Governo avalia mudar sistema de contratação O secretário especial de Desburocratização do Ministério da Economia, Paulo Uebel, afirmou que o governo Jair Bolsonaro avalia flexibilizar as regras de contratação de novos servidores públicos. Segundo ele, está em estudo, por exemplo, a contratação de celetistas e de funcionários temporários via concurso. A flexibilização deve constar da proposta reforma administrativa a ser enviada ao Congresso Nacional. A ideia é dar agilidade nas demissões, quando houver necessidade de cortes.

Microcrédito poderá ter limite ampliado

Secretário diz que legislação está velha

Para tentar acelerar a atividade econômica, o governo prepara medidas para elevar o uso do microcrédito no País. A intenção é ampliar já neste ano o público apto a usar a modalidade, voltada a pequenos empreendedores, e facilitar o acesso de beneficiários do Bolsa Família. O plano é levar o assunto para decisão do Conselho Monetário Nacional (CMN) com objetivo de elevar o teto de renda e receita bruta do público que pode receber os empréstimos.

O secretário especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, Carlos da Costa, disse ontem que leis trabalhistas feitas há 70 anos não se enquadram mais na realidade dos empregadores e empregados. “O mundo não pode mais e não suporta mais códigos como aqueles que foram escritos 50, 60 ou 70 anos atrás, em que o cenário era diferente. O mundo moderno é o do MEI [Microempreendedor Individual]”, afirmou.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

AJURICABA

Governo projeta salário mínimo de R$ 1.039 em 2020

Chefe da agência de Ijuí, Elis Regina explicou o levantamento, que será realizado em todo o País em 2020

IBGE orienta sobre realização do Censo Comissão municipal de Ajuricaba participou de encontro com representantes do IBGE, na última semana, no salão nobre da prefeitura de Ijuí. Foram repassadas orientações sobreo Censo Demográfico 2020. De acordo com a chefe da agência do IBGE de Ijuí, Elis Regina Allegranzzi, o Censo é fundamental para os municípios, pois servirá de base para o planejamento público e privado da próxima década. De acordo com ela, a cobertura em todos os domicílios é um desafio, pois existe uma lacuna de informações, já que o último Censo é de 2010. Serão três meses de coleta de dados, sendo que o Censo nas ruas

11

terá início em agosto de 2020, estendendo-se até outubro de 2020. Em Ajuricaba, serão visitados 2.850 domicílios, onde, segundo Elis Regina, haverá um posto de coleta, além de uma equipe com sete recenseadores e dois supervisores, gerando assim, também, emprego temporário. A chefe do IBGE de Ijuí, disse que é observado a redução no número de nascimentos, a cada ano. Segundo ela, em 2010, havia cerca de três moradores por domicílio. Hoje, esse número não chega a 2,5. Também há preocupação com relação a migração do meio rural. “Há uma redução populacional muito acentuada, principalmente pela mudança no comportamento

da população”, destaca. Antecipando as visitas domiciliares, deverá ser realizado em Ajuricaba o IBGE Educa, que tem objetivo principal de divulgar o Censo 2020 nas escolas, sensibilizando a população para receber bem o recenseador e responder a pesquisa. O governo voltou a reduzir a previsão de verba para o IBGE, o que pode levar ao cancelamento do Censo 2020, segundo alertou a presidente da instituição, Susana Guerra, em ofício enviado ao ministro da Economia Paulo Guedes. A previsão de recursos baixou para R$ 2 bi, o que levou Susana a afirmar que o processo seria "inviabilizado".

ANS suspende 51 planos de saúde AAgência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) divulgou, ontem, uma lista com 51 planos de saúde oferecidos por dez operadoras que terão a comercialização suspensa a partir do dia 6 de setembro. A medida é decorrente das reclamações enviadas pelos consumidores nos meses de abril, maio e junho. Foram relatadas negativas de coberturas e descumprimentos dos prazos máximos para realização de consultas,

exames e cirurgias. A análise das queixas se dá dentro do programa de monitoramento da garantia de atendimento, cujo objetivo é exigir que as operadoras assegurem aos usuários o acesso aos procedimentos previstos em contrato. Para que a comercialização possa ser retomada, será preciso melhorar a qualidade do serviço para as 278,6 mil pessoas vinculadas atualmente.

O governo federal mudou a previsão para o salário mínimo de 2020 para R$ 1.039, de acordo com o projeto da lei de Diretrizes Orçamentárias (PLOA) de 2020, divulgado ontem. A projeção feita na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) estimava o mínimo em R$ 1.040. O secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, informou que o valor de R$ 1.039,00 não representa a nova política para o piso salarial brasileiro. Ao apresentar os dados do projeto de Orçamento de 2020, enviado nesta sexta ao Congresso, ele destacou que o governo tem até dezembro para definir a política para o salário mínimo. A política atual, que garante a correção do mínimo pelo crescimento da economia de dois anos anteriores mais a variação do INPC, termina no final deste ano. Para calcular o valor de R$ 1.039,00, o governo fez a correção apenas pelo INPC, garantindo o poder de compra do trabalhador, como o previsto na Constituição. Atualmente, a salário mínimo é de R$ 998. A proposta de Orçamento para 2020 prevê R$ 19 bilhões para investimentos, uma queda de 15% em relação ao projetado para este ano. Será o menor patamar de investimentos em 10 anos. No total, as chamadas despesas discricionárias, que incluem os Waldery Rodrigues investimentos e os recursos para o custeio da máquina pública, devem cair dos R$ 102 bilhões deste ano para R$ 89,1 bilhões no ano que vem. Rodrigues, disse que, diante do baixo valor disponível para as despesas discricionárias, o governo está trabalhando em medidas para recuperar espaço fiscal no Orçamento - o que significa tentar reduzir as despesas obrigatórias, aquelas que o governo não pode mexer. “Estamos trabalhando com medidas que podem recuperar esse espaço fiscal”, afirmou.

Saneamento básico deve ter nove audiências pública O relator do novo marco legal do saneamento na Câmara dos Deputados, Geninho Zuliani (DEM-SP), propôs a realização de nove audiências públicas para debater o tema na Comissão Especial, instalada na semana passada. A sugestão é de que a primeira ocorra na próxima terça-feira. A proposta é de que a primeira audiência discuta a atu-

ação das empresas estatais e a proposta de alteração do marco legal, reunindo associações como a Federação Nacional dos Urbanitários (FNU), Associação Brasileira de Agências de Regulação (Abar), Associação Nacional dos Serviços Municipais de Saneamento (Assemae), e Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento (Aesbe).

Fecomércio-RS debate proposta de reforma Tributária

Dólar tem maior alta mensal desde 2015

Ministério lista 11 reformas prioritárias para o crescimento

Fecomércio-RS e demais entidades discutiram a PEC 45, de autoria do deputado Baleia Rossi, ontem. O diretor da Fecomércio-RS, Gerson Lopes, também coordenador do Conselho de Assuntos Tributários da entidade, e destacou o apoio da entidade à PEC 45, especialmente quanto à criação do Imposto sobre Bens e Serviços, que unifica diversos tributos, especialmente o ICMS, principal tributo gerador de distorções e burocracia. Alertou também para não aprovação da nova CPMF.

O dólar fechou ontem em queda, mas acumulou alta de 8,45% em agosto. Foi a maior valorização mensal desde setembro de 2015, quando a moeda americana avançou 9,09% no mês em que o Brasil perdeu a classificação grau de investimento. Nos últimos cinco dias, o dólar acumulou alta de 0,43%, na sétima semana consecutiva de ganhos. No final do dia, a divisa terminou cotada em R$ 4,1425.

O Ministério da Economia listou 11 reformas estruturantes que são prioridades para o governo federal impulsionar o crescimento do País: Previdência, Tributária, Administrativa, MP 889 do saque do FGTS, conclusão do acordo entre o Mercosul e a União Europeia, ações para a desestatização, MP 881 de Liberdade Econômica, continuidade do programa de concessões e privatizações, medidas de liberalização comercial, redução e racionalização dos subsídios concedidos pela União e medidas para o fomento do mercado de capitais.


12

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

CERILUZ

Instalação de redes no campo ganha incentivo

A diretoria da Federação das Cooperativas de Energia e Desenvolvimento Rural do RS (Fecoergs) esteve reunida no auditório da sede do Ocergs / Sescoop, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, durante a Expointer 2019, ocasião em que recepcionou o governador do RS, Eduardo Leite. Na oportunidade, o mandatário gaúcho, acompanhado do secretário de Meio Ambiente e Infraestrutura, Arthur Lemos, fez o lançamento do Programa Energia Forte no Campo, cujo objetivo é promover a qualificação das redes de distribuição de energia elétrica no meio rural, pela concessão de crédito para construção de redes trifásicas. As cooperativas serão as organizadoras das demandas, além de avalistas de seus associados, concedendo as garantias que o banco financiador, o BRDE, exige. Conforme o governo do Estado, o Rio Grande do Sul tem mais de 506 mil propriedades rurais eletrificadas, próximo de 100% do total. Porém, somente pouco mais de um terço são redes trifásicas, causando um gargalo no desenvolvimento destas propriedades e na economia do Estado. O programa Energia Forte do

Iloir de Pauli

Campo tem o objetivo de sanar esse déficit. “O povo gaúcho é empreendedor, trabalhador e talentoso, mas se não houver energia forte, não terá capacidade de transformar o talento e o trabalho em produtividade”, resumiu o governador. A implantação dos primeiros projetos do programa vai ocorrer em 2020, quando serão disponibi-

lizados R$ 20 milhões com esse objetivo. A previsão é atender 1,2 mil propriedades rurais do Estado, com a construção de 365 quilômetros de redes trifásicas. Deste total, R$ 4 milhões será contrapartida do Estado, R$ 3 milhões dos agentes do setor (cooperativas e concessionárias), e R$ 2 milhões dos municípios, restando R$ 11 milhões a serem financiados pelos consumidores. O valor médio de financiamento por produtor, conforme os cálculos do Estado, será de R$9,8 mil, com carência de dois anos e oito anos para pagamento. "Já garantimos R$ 4 milhões no orçamento do Estado para 2020. Mas queremos ampliar esse montante no ano seguinte para, no mínimo, R$ 10 milhões", anunciou o governador. O presidente da Fecoergs e da Ceriluz, Iloir de Pauli, que recepcionou o governador, acompanhado dos presidentes da Ocergs, Vergílio Périus, e da Infracoop, Jânio Stefanello – valorizou a iniciativa, que vai, conforme ele, permitir aos agricultores alcançarem um objetivo que muitos têm há tempos, mas que acabam esbarrando nos custos dessas obras. “Hoje, 40 ou 50% das demandas de nossos associados têm um custo e eles não têm recursos para fazer esses projetos e o governo do Estado lançou um programa que vai solucionar essas dificuldades”, comemora Iloir. O presidente também salienta o fato das cooperativas serem fiadoras desses investimentos, lembrando que muitos associados já tem financiamentos agrícolas e que, sozinhos, talvez, não conseguiriam esse aporte financeiro em instituições bancárias.

Formação gratuita abordará situações de abuso sexual O Hospital Bom Pastor de Ijuí realizará, no dia 6 de setembro, uma formação gratuita a profissionais da área da saúde, educadores e acadêmicos. Em discussão, estará o tema “Abordagens em situações de violência e abuso sexual contra crianças e adolescentes”, a cargo do psicólogo Jean Von Hohendorff. Conforme explica a psicóloga Neuza Scheffler Ciechowicz, o tema, difícil de enfrentar, surgiu a partir da prática clínica na instituição, do trabalho da equipe multidisciplinar da área de Saúde Mental. Há um crescente número de casos, segundo ela, em que aparece o abuso sexual e a violência nele implicada, ocorridos na infância e na adolescência. “Esse é um tema que produz mal-estar, por ser da ordem do sexual, que atualiza e atravessa o sujeito. Mas é fundamental escutar. Muitas vezes o paciente não consegue falar, mas é importantíssimo que ele não cale. E diante desta realidade, somos convocados a buscar mais conhecimento, informações para aprimorar nosso trabalho, no sentido de proporcionar condições para que o sujeito possa ressignificar o sofrimento traumático e reconstruir a sua vida”, explicou Neuza. A psicóloga explica que a vivência de situações traumáticas, como o abuso sexual durante a infância e a adolescência, pode acarretar sérios prejuízos, tanto para desenvolvimento infantojuvenil quanto para a vida adulta, com repercussões psíquicas,

Neuza Scheffler Ciechowicz

cognitivas, emocionais, comportamentais, físicas e sociais, que variam em cada sujeito. “O trabalho dos profissionais consiste em acolher, acompanhar com o respectivo tratamento, considerando a singularidade de cada sujeito e sua história. E também incluir no tratamento a família – sendo que, no caso de crianças e adolescentes, será o responsável; no caso de adultos, as pessoas que nutrem uma ligação afetiva de amor, proteção, cuidado e amparo, sendo cônjuges, pais, irmãos.” A formação terá início às 19h30, no auditório do Sesc de Ijuí, mas a partir das 19h inscrições poderão ser realizadas. O ingresso será 1 kg de alimento não perecível.

Caminhoneiros não irão paralisar em Ijuí Com a decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, de suspender o julgamento que aconteceria na próxima quarta-feira sobre a constitucionalidade da tabela que prevê pisos mínimos para o frete, surpreendeu os caminhoneiros autônimos, que estavam se mobilizando para paralisar as atividades a partir de segunda-feira.

Com a medida, o presidente do Sindicato dos Transportadores Autônomos de Carga de Ijuí (Sinditac-Ijuí), Carlos Alberto Litti Dahmer afirmou ontem houve opção por suspender a paralisação na região. Dahmer disse ainda que outras pautas podem surgir e que nacionalmente ainda existe um debate e que alguns setores ainda querem paralisar na segunda-feira.

Caminhoneiros chegaram a colocar uma faixa no trevo do Posto 44, ontem


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

AGRICULTURA

Tereza Cristina garante solução para problemas

Ministra participou da inauguração simbólica do Pavilhão da Agricultura Familiar durante programação da Expointer

Sem trazer grandes anúncios ao setor produtivo, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, não se esquivou das cobranças feitas pelos produtores rurais durante a 42ª edição da Expointer. A ministra garantiu que os problemas setoriais serão resolvidos, mas fez um pedido de unidade entre os produtores. "Por favor, não desistam. Até para me darem força, porque vou até às últimas consequências em defesa do agronegócio brasileiro", pediu, sob aplausos. E completou: “Tenho o respaldo do presidente Jair Bolsonaro para atender a nossa classe”. Tereza Cristina lembrou da época em que participava da Expointer como produtora rural e agora, como ministra, reiterou a importância da união no agrone-

gócio. “Não esmoreçam. Ataques vamos sofrer, pelo gigantismo do nosso negócio, pelo patamar que alcançamos. A crise para nós é passageira. Vamos chegar onde queremos”, projetou. Faltando dois dias para a Semana da Pátria, a ministra aproveitou para fazer um pedido especial. “Eu convoco todos os produtores rurais do país que hasteiem uma bandeira do Brasil na porta da sua fazenda. Vamos mostrar para o mundo que o agronegócio brasileiro é unido. A nossa agricultura é pujante e sustentável.” Já o governador Eduardo Leite defendeu a redução da máquina pública como forma de dar espaço para os empreendedores gerarem riqueza ao Estado. “Estamos fortemente comprometidos com a pauta da redução de burocracia

e a simplificação e a redução da carga tributária”, garantiu. “Vamos colocar a máquina pública no seu devido tamanho, em benefício inclusive dos servidores públicos.” Ainda no parque, a ministra participou da inauguração do Pavilhão da Agricultura Familiar, onde concedeu entrevista a jornalistas e comentou sobre retaliações ao Brasil em razão dos incêndios na Amazônia. "Se ficarmos aumentando o tom da conversa teremos mais prejuízos. O Brasil não é esse país que está sendo mostrado lá fora. Nós temos mazelas, sim, mas estamos corrigindo, estamos indo para ação. O governo federal mandou as tropas do Exército, as Forças Armadas para coibir o ilegal e o ilícito na Amazônia", disse Tereza.

13

Projeto de fomento ao etanol será apresentado Na primeira quinzena de setembro, será entregue ao governador Eduardo Leite o anteprojeto que estabelece um programa estadual de estímulo à produção de etanol a base de grãos, tubérculos e cana-deaçúcar. O estabelecimento de uma política pública é desejo antigo de prefeitos, empresários, pesquisadores e agricultores, que colaboraram com o texto. A entrega da minuta será a primeira ação da Frente Parlamentar em Defesa da Produção e Autossuficiência de Etanol, da Assembleia Legislativa. Coordenador da Frente, o deputado Elton Weber, diz que o programa será um impulso para o Rio Grande do Sul como um todo. “A instituição de um programa dará segurança a quem vai investir e quem produzir. Uma lei trará o amparo jurídico para transformar esse sonho numa po-

lítica duradoura de produção de etanol no Estado.” Com a criação do programa, terras ociosas no inverno serão aproveitadas. Os agricultores familiares aguardam com expectativa pelo programa, que aumentará a demanda por grãos de inverno e itens como a batata-doce em pequenas áreas. “Esse programa se encaixa como uma luva para a agricultura familiar. A gente precisa buscar necessidades, alternativas de renda”, explica o secretário-geral da Fetag, Pedrinho Signori. O prefeito de Campo Novo, Antonio Sartori, disse que o Estado possui todos os quesitos para que o projeto seja a matriz transformadora da economia gaúcha. Ele lembrou que há seis projetos de usinas em andamento nas cidades de Campo Novo, Carazinho, Camaquã, Viadutos, Palmeira das Missões e Porto Xavier.

RS se prepara para suspender vacinação contra aftosa A vacinação contra febre aftosa é um dos principais assuntos desta Expointer. Quase 20 anos após os últimos focos da doença, o Estado prepara-se para suspender a vacinação do rebanho bovino e bubalino. Na segunda-feira, tem início a auditoria do Ministério da Agricultura que irá avaliar o serviço veterinário estadual. O assunto divide opiniões. Veterinários do serviço oficial alegam que o plano de retirada da vacina vem sendo discutido ao longo de anos. A chefe da Divisão de Defesa Sanitária Animal da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), Rosane Collares, informou que há dois anos o Rio Grande do Sul implementa medidas de mitigação de risco que possibilitam conhecer fragilidades e possíveis pontos de ingresso e de dispersão. Os auditores irão permanecer dois dias na unidade central, em Porto Alegre, para conhecer todos os processos do serviço, e após irão partir para dois roteiros: um na região da Serra, indo até a divisa com Santa Catarina, e outro na região da Fronteira. O resultado vai dizer se o Estado está habilitado a pleitear a retirada da vacina. A última auditoria foi realizada em 2017. Diretor do Sindicato dos Médicos Veterinários do Rio Grande do Sul (Simvet-RS), João Pereira Júnior destacou a importância de evolução do status sanitário no País, que conta com apenas um Estado – Santa Catarina – sem vacinação. Por outro lado, chamou a atenção para a preocupação com a fiscalização adequada nas fronteiras.


14

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

ELEIÇÕES 2020

Ana Amélia afirma que será bom PP ter candidato a prefeito de Ijuí A secretária Extraordinária de Relações Federativas e Internacionais do Rio Grande do Sul, Ana Amélia Lemos (Progressistas) acompanhou nesta semana o governador Eduardo Leite, em visita ao gabinete do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, entregar pessoalmente o recurso à decisão do Tribunal de Justiça (TJRS) que suspendeu o congelamento do repasse de recursos aos três poderes. A contenção de gastos foi adotada pelo Piratini em função da crise fiscal que tem obrigado o Estado a parcelar os salários de servidores do Executivo e atrasar diversos repasses. O recurso será analisado individualmente por Toffoli, que não quis antecipar qualquer informação. O governo gaúcho tem expectativa de que a decisão seja

tomada até a próxima semana. Ao Grupo JM, a secretária disse que segue acompanhando este pedido, visto que é necessário a compreensão dos demais poderes em relação a crise que o Estado sofre. Em Brasília, a ex-senadora também tem articulado com embaixadores e afirmou que a decisão do governador Eduardo Leite em privatizar estatais gaúchas colocou o Estado na rota de interesse de investimentos de outros países. "Então outros embaixadores vieram aqui e outros estão aqui que não temos uma relação direta, mas o Irã, por exemplo, quer comprar mais arroz do Rio Grande do Sul", destacou Sobre as eleições municipais do próximo ano, a secretária afirmou ainda que tem o compromisso de referendar a decisão

Emenda do PSB será destinada para a saúde

Vereadores da bancada do PSB, Jeferson Dalla Rosa e César Busnello

A Câmara de Vereadores de Ijuí aprovou na última segunda-feira uma verba de R$ 100 mil para aquisição de bens de consumo para a área de saúde do município. O recurso foi conquistado por meio da intermediação da bancada de vereadores do Partido Socialista Brasileiro (PSB) de Ijuí, em 2017, com o deputado na época e atual Secretário de Obras do Rio Grande do Sul, José Stédile (PSB). Ontem, os vereadores César Busnello e Jeferson Dalla Rosa, estiveram no Grupo JM, onde afirmaram que, mesmo sendo vereadores de oposição, atuam para contribuir e melhorar com a saúde e outras áreas do

município. "Somos uma oposição que faz críticas, mas críticas construtivas, com o objetivo de que o município melhore. E, muitas vezes, o Executivo recebe essas nossas provocações e não percebe a importância da oposição para que as políticas públicas saiam do papel", disse Busnello. Já o vereador Jeferson Dalla Rosa salientou que o valor pode parecer pouco, visto os custos na área da saúde, mas mostra a boa vontade dos vereadores do PSB. "A gente espera que este valor seja bem aplicado", ressalta. O recurso será divido em 25% para aquisição de bens de consumo e 75% para serviços de terceiros.

do diretório local. "Ou se será um candidato próprio ou iremos nos coligar com outros partidos. Isso o nosso diretório municipal vai decidir de maneira totalmente democrática. Eu confio muito nos nossos Progressitas de Ijuí", ressaltou. Sobre a possibilidade dos Progressistas terem candidato próprio ao Executivo no pleito municipal do próximo ano, já que o vereador e presidente da sigla, Andrei Cossetin, colocou seu nome à disposição e anunciou ser pré-candidato, Ana Amélia afirmou que se isso realmente acontecer "será muito bom para os Progressistas". "Estarei a disposição dos Progressistas para fazer campanha dos Progressistas em Ijuí e em toda a região Noroeste do nosso Estado".

Ana Amélia Lemos

Deputado Ernani Polo será presidente de Assembleia O deputado estadual Ernani Polo (Progressistas) confirmou ontem ao Grupo JM que será o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul no próximo ano. Polo irá substituir Luiz Augusto Lara (PTB) no parlamento gaúcho. O comando da Assembleia do Estado é dividada entre o PT, MDB, Progressistas e PTB, que possuem as maiores bancadas e estarão à frente do Legislativo até 2022."Será um grande desafio e uma grande responsabilidade coordenar e presidir a Assembleia Legislativa. (...) Estaremos assumindo a partir de 1° de fevereiro de 2020, o que para nós, além de ser um grande desafio, será uma oportunidade de fazer grandes discussões no parlamento", salientou. Na presidência da Assembleia, Polo quer fazer um mandato respeitando as diferentes ideologias e pensamentos dos 17 partidos e 55 deputados que integram o parlamento. "Nessa linha, nesta visão, vamos procurar conduzir da melhor maneira possível, tendo apoio dos colegas, sabendo respeitar todas essas características e particularidades". De acordo com o deputado, o último presidente da Assembleia que representou as regiões do Planalto Médio, Celeiro, Grande Santa Rosa, Missões foi Alberto

Hoffmann, em 1953, natural de Ijuí. De Cruz Alta teve Algir Lorenzon e Pedro Westplalen. Polo é natural de Santo Augusto. "Vamos procurar cumprir a nossa missão, desempenhar este papel de presidir o parlamento gaúcho da melhor forma possível, melhor das intenções, buscando fazer com que o Legislativo Estadual também possa ser protagonista neste processo de mudança e neste desafio de um Rio Grande do Sul diferente, com melhores condições para todos os gaúchos e gaúchas", finalizou.

Ernani Polo

ALEXANDRE GARCIA Jornalista

PIROTECNIA O Papa Francisco e o Presidente Macron geraram a centelha e reacenderam os ânimos daqueles que não perdoam os brasileiros que os derrotaram em outubro. Do outro lado do Atlântico e das redações urbanas a milhares de quilômetros da floresta, atearam fogo à Floresta Amazônica, para demonstrar que o vencedor de outubro é um Nero suicida; é um erro cometido pelos eleitores que ousaram derrotar os que acreditam que detêm o poder de domar neurônios alheios. Desconhecedores da Floresta, não sabem que para ela queimar, precisa antes ser derrubada, secar por meses, e aí atear fogo. É assim que os indígenas ensinaram e sempre fizeram na coivara, usada para criar roças e pastagens. O nome em inglês – rainforest – floresta úmida, não foi entendido por muitos. No ápice das queimadas de mata derrubada, há uns 15 anos, fecharam os aeroportos da região, como testemunham meus amigos pilotos, que hoje voam sobre a Amazônia sem restrições. E isso acontecia com frequência na primeira década deste século. A diferença é que o presidente era Lula, um santo, e hoje é o maldito Bolsonaro, que ousou derrotar os que só aceitam a idéia única - sem dinheiro, sem marqueteiro, sem TV, apenas com a vontade do eleitor. Agora eles viram a chance de mostrar que o povo errou, mas precisam ser rápidos, porque já começam os sinais de sucesso em todos os campos da recuperação econômica e moral do país. Os número mostram que a quantidade de incêndios está dentro da média, mas isso não nos deve tranquilizar. A histeria pirotécnica quase tendeu a provocar estragos nas nossas exportações do agronegócio. Oportunidade para entidades como as Confederações da Indústria e da Agricultura tomarem iniciativas para fiscalizar e conter a grilagem e os desafios à lei, como o que aconteceu no Pará, no Dia do Fogo, 10 de agosto. Serviu também para alertar os governos estaduais e federal para o problema sazonal crônico da Amazônia; mas sobretudo serviu para confirmar como real a cobiça que é a causa da tese de “soberania relativa” do Brasil sobre a Amazônia. No caso do Presidente Macron, o tiro saiu pela culatra. Num usual diversionismo, ele tentou desviar de seus problemas internos com os coletes amarelos, os imigrantes e os eleitores, para a distante Amazônia. Mas nada conseguiu no G7 e só fez catalisar no Brasil a defesa da soberania sobre a nossa Amazônia. Chamou-nos a atenção para as ONGS que não evitam fogo, os estrangeiros que fingem turismo, desconfiamos do dinheiro estrangeiro e suas intenções de intrometer-se nas nossas questões e Macron sequer conseguiu fingir que defendia seus agricultores que não têm área para expandir. Reagimos com altivez de quem tem noção de que o futuro a nós pertence. Quanto aos pirotécnicos, só nos ofuscaram por alguns segundos, enquanto duraram as cores de seus fogos passageiros; na excitação da revanche, geram a autocombustão de sua credibilidade.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

15

ORÇAMENTO

Toffoli chama TJ, MP e governo para audiência O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, decidiu ontem chamar o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Carlos Eduardo Duro, o procurador-geral de Justiça, Fabiano Dallazen, e o governador Eduardo Leite para uma audiência de conciliação acerca da proposta de congelamento de despesas para o próximo ano. A Procuradoria-Geral do Estado (PGE) entrou com pedido de suspensão de liminar expedida pelo TJ, que barrou a intenção do governo de deixar as despesas de 2020 nos mesmos patamares de 2019, sem reajustes. O Ministério Público é o autor da ação. O pedido do governo foi encaminhado diretamente a Toffoli, que divulgou o despacho ontem. "O presente feito não deve ser conduzido pela via litigiosa, ao contrário, deve se orientar no sentido da autocomposição. Pelo perfil dos entes envolvidos, a formação de consenso é a solução

Dias Toffoli marcou audiência para o dia 9 de setembro para debater orçamento

mais adequada. Determino, para tanto, que se realize audiência de conciliação", diz decisão do presidente da Corte suprema. A audiência está marcada para o dia 9 de setembro, às 15h, no Supremo Tribunal Federal, em Brasília. Na terça-feira, Leite

esteve com Toffoli para reforçar os argumentos colocados na peça. Um dia depois, Duro foi até o gabinete do presidente para justificar a posição do Tribunal de Justiça. A expectativa é de que até o dia 9 não haja qualquer decisão acerca do assunto.

Bolsonaro promete indulto a policiais O presidente Jair Bolsonaro disse ontem, que o próximo indulto de Natal terá "nomes surpreendentes". Ele voltou a dizer que pretende beneficiar policiais condenados por "pressão da mídia", mas não quis citar exemplos. "Tem muito policial no Brasil, civil e militar, que foi condenado por pressão da mídia. E esse pessoal no final do ano, se Deus me permitir e eu estando vivo, vai ser indultado. Nomes surpreendentes, inclusive. Pessoas que honraram a farda, defenderam a vida de terceiros e foram condenados por pressão da mídia", afirmou em conversa com jornalistas no Palácio da Alvorada, pela manhã. "A caneta

Compactor, não é mais BIC, vai funcionar", disse. Na quinta, em transmissão nas redes sociais, Bolsonaro afirmou que o próximo indulto de Natal deve beneficiar "colegas policiais que estão presos injustamente" e que espera que o "pessoal" o abasteça com sugestões de nomes. O indulto é concedido por decreto presidencial para perdoar presos condenados a determinados crimes não violentos. Em 2018, o ex-presidente Michel Temer desistiu de editar o decreto, pois o Supremo Tribunal Federal (STF) não havia julgado ainda a validade do que havia sido assinado no ano anterior.

Raquel Dodge contesta decisão do STF

Raquel Dodge

A Procuradoria-Geral da República (PGR) pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) que as condenações do ex-executivo da Engevix, Gerson Almada, não sejam anuladas, e que eventuais novas apelações à Corte para derrubar sentenças com base na decisão que favoreceu o ex-presidente da Petrobras, Aldemir Bendine, aguardem a manifestação do plenário do STF, assim como a de Almada. Por maioria, a Segunda Turma da Corte entendeu que o réu tem direito de apresentar as alegações finais após os delatores que também são acusados no processo, e não no mesmo prazo. Como Bendine não teve esse tratamento, três ministros votaram para anular sua condenação na Lava Jato. Alegando ter enfrentado a mesma situação

do ex-presidente da Petrobras, Almada pediu que o entendimento seja estendido no seu caso. Quem irá analisar o pedido é o ministro Ricardo Lewandowski, que apresentou o voto vencedor na turma. No parecer, a procuradora diz que não concorda com a tese formada na Segunda Turma e cita que o Código de Processo Penal é ‘claro’ ao estabelecer ‘prazo comum’ aos corréus para apresentarem as contrarrazões. Em manifestação enviada ao Supremo, a chefe da PGR, Raquel Dodge, afirma que o entendimento tem potencial de afetar milhares de condenações penais. “Até mesmo condenações transitadas em julgado podem, em tese, ser impactadas pela via da revisão criminal”, disse Raquel.

Hamilton Mourão diz que objetivo principal do governo é a reforma Tributária O vice-presidente Hamilton Mourão disse ontem que o objetivo principal do governo é a reforma Tributária. Os contribuintes, segundo Mourão, pagam o equivalente a 33% do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e dos serviços produzidos no País) em impostos, em um sistema caótico, que enfrenta cerca de R$ 450 bilhões de evasão e sonegação. “O objetivo, agora, o ataque principal do governo do presidente [Jair] Bolsonaro, é a reforma tributária. Temos que regulamentar e desburocratizar”, defendeu em palestra na Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ). Mourão se manifestou favorável ao imposto com valor agregado, mesmo reconhecendo que há dificuldade para se resolver uma legislação que agrade a todos os Estados da federação. “A ideia geral é o imposto de valor agregado. Há a questão dos Estados, a legislação é complicada”, disse, lembrando que há 5,7 mil legislações diferentes na União, Estados e municípios.

Lamachia é convidado para integrar PP

Queiroz vive em São Paulo

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) entre 2016 e 2018, Claudio Lamachia recebeu um convite para filiar-se ao Progressistas (PP). A proposta foi feita pelo deputado estadual Sérgio Turra e pelo ex-ministro da Agricultura Francisco Turra, ontem, durante a Expointer. O advogado comprometeu-se a “pensar com muito carinho” no

O ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e protagonista do primeiro escândalo da gestão de Jair Bolsonaro, Fabrício Queiroz, foi localizado no hospital Albert Einstein, no bairro do Morumbi, em São Paulo, onde realiza tratamento contra um câncer no intestino. o Queiroz também está morando no mesmo bairro do hospital para facilitar os deslocamentos.

convite.

Maia diz que não dará andamento a projetos O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), sinalizou ontem que não dará prosseguimento a projetos que tratam de exploração em áreas indígenas que estão sendo discutidos na Casa. Nesta semana, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) aprovou uma proposta que autoriza atividades agropecuárias e florestais em terras indígenas, a chamada PEC do Índio.

3

É o número de investimentos prioritários do governo federal no Rio Grande do Sul. Os projetos são a Ponte do Guaíba, BR-116 (trecho Guaíba-Pelotas) e a Penitenciária Federal de Charqueadas.

Mendes critica saudosismo da Ditadura

Presidente da Ancine é afastado do cargo

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), criticou as pessoas que, hoje, dizem ter saudade do período de Ditadura Militar no Brasil (1964-1985). Para ele, é mais preocupante ainda ver os jovens com este discurso. "Quando a gente vê, em manifestações, pessoas se declararem saudosas do regime militar, vem aquela passagem do evangelho: pai, eles não sabem o que fazem", afirmou o ministro, no encontro anual da Associação dos Advogados de São Paulo.

O presidente Jair Bolsonaro assinou um decreto em que afasta Christian de Castro da diretoria da Agência Nacional de Cinema (Ancine). A informação foi publicada em uma edição extra do Diário Oficial da União, ontem. Segundo o documento, o afastamento cumpre uma decisão judicial proferida pela 5ª Vara Federal Criminal do Rio. O processo corre em sigilo. Christian de Castro tinha sido nomeado diretor-presidente no início do ano passado, e seu mandato iria até 2021.


16

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

Esportes

COPA ACADÊMICA I

Acontece dia 15 de setembro a partir das 8h no Ginásio da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB) em Ijuí a 4ª Copa Acadêmica de Futsal Feminino. Será disputada em duas categorias adulta livre e sub-18.Inscrições com a Educadora Física Taís Bidinha, no whatts 055.9.8433.5239.

COPA ACADÊMICA II

A Copa de Futsal também promove a solidariedade com o Projeto Muleke Modelo, que acontece todos os sábados no Ginásio do bairro Modelo. Estão inscritas na Copa, 14 equipes no adulto e cinco no sub-18.

Juvenil do São Luiz precisa da vitória diante doYpiranga 6ª rodada-returno Chave 13 Amanhã,1º.9 às 15h São Luiz x Ypiranga de Erechim-apito de Rodrigo Brand com os assistentes Fabrício Junges Villa e Guilherme Moreira AlvesEstádio 19 de Outubro em Ijuí Inter-SM x Associação Rosário de Esportesapito de Bruno Mattos com os assistentes Pablo Sebastian de Mello e Haury TempEstádio Presidente Vargas em Santa Maria

Sebastiany, Miron e Éber conversaram com os atletas antes do treino de ontem na Baixada

A mobilização é total no juvenil do São Luiz para o jogo de amanhã às 15h no Estádio 19 de Outubro contra o Ypiranga de Erechim pela última rodada da segunda fase do Campeonato Sub-17. O diretor Edemir Sebastiany, o coordenador Luciano Miron e o assessor Éber Costa antes do treino de ontem na Baixada se reuniram com os jogadores e falaram da importância da partida que vale a classificação para as oitavas de final."Estamos desde o começo nesta batalha e mesmo iniciando depois das outras equipes temos a chance de ficar entre os 16 melhores da competição entre 40 clubes.Explicamos aos jogadores sobre o que aconteceu no regulamento da competição, onde fomos punidos com a perda de seis pontos a exemplo do Ypiranga, do Panambi e de outros clubes. A Federação errou, lançou um regulamento e depois fez uma nota retificando. Isso é passado e vamos buscar um resultado positivo", comentou Luciano Miron. Na última atividade antes do jogo, o treinador Marcelo Galvão(Guiné) orientou um trabalho técnico-tático e de bola parada. Depois os jogadores treinaram cobranças de faltas e pênaltis.O São Luiz está definido com: Christian Rein; Beretta, Mello, Eduardo e Emerson; Battu, Cristian, Luan e Marcos; Piolho e Pablo. O ingresso terá este preço: R$ 10,00. Sócios em dia com o clube não pagam. Menores de oito anos e pessoas com mais de 60 anos terão acesso livre. O Ypiranga com o empate se classifica. No outro jogo de amanhã às 15h pela chave 13, o líder Inter-SM matematicamente classificado recebe o lanterna Associação Rosário de Esportes. Todos os jogos da última rodada serão neste domingo no mesmo horário.

Classificação 1º) Inter-SM-8 pontos 2º) Ypiranga-5 pontos-* 3º) São Luiz-3 pontos-* 4º) Associação Rosário-0 ponto * Ypiranga e São Luiz- foram punidos pelo Tribunal de Justiça Desportiva(TJD-RS) com a perda de 6 pontos cada. Demais jogos: Amanhã,1º.9 às 15h Chave 9 Internacional(POA) x Oriente(Canoas) Esportivo(Bento Gonçalves) x Estância Velha Chave 10 Novo Hamburgo x Americano São José(POA) x Gramadense Chave 11 Apafut(Caxias do Sul) x Brasil(Fa) Pinheiros(Taquari) x Santa Cruz Chave 12 Lajeadense x Encantado Juventude x Caxias Chave 14 Panambi x Santa Rosa Uruguaiana x Cruzeiro(Santiago) Chave 15 Progresso(Pel) x Bagé Brasil-Pel x Rio Grande Chave 16 Cruzeiro(Cachoeirinha)xUnião Harmonia(Canoas) Torino(Torres) x Guarani(VA)

Empate serve para o Ijuí Futsal em Ibiraiaras AAssociação Esportiva Ijuiense de Futsal(AEIF) precisa do empate hoje às 20h no Ginásio Leomar Barea em Ibiraiaras diante do Ibira, para avançar na Liga Gaúcha 3. O técnico Jaques Schultz disse que nesta semana mesmo com o número reduzido de atletas devido a lesões e problemas de saúde, os treinamentos foram de alto nível. O jogador Batatinha está com amigdalite, Buiu e Dedão não tem condições de jogo por causa de uma lesão no joelho e Ratinho teve uma situação familiar e acompanhou a sua filha de sete meses que estava internada.O time para iniciar a partida terá:Cleberson; Vinícius, Robi, Louzada e Jean. "Vamos passar por cima disso e fazer um bom jogo. O Ibira é um time qualificado e está em treinamento desde novembro.A quadra lá é muito pequena, 30x17. Sabemos das dificuldades, respeitamos o adversário mas temos que nos impor também", disse o treinador. Jaques Schultz afirmou que coloca nos treinos o que realmente quer da equipe,mas não dá tempo hábil de fazer um trabalho com planejamento por sessões de treino. Frisou que tem um time com jogadores inteligentes. Um empate classifica os dois times para a terceira fase. Derrota elimina o Ijuí Futsal.

FUTEBOL AMADOR O Campeonato Municipal de Futebol Amador de Ijuí tem andamento amanhã. Na 1ª Divisão, no campo da Imasa, jogam pela chave A às 15h15 as equipes do Juventude do Rincão dos Goi e do Bahia Esquadrão de Aço. As partidas do grupo A entre Palestino x Aimoré e Meninos da Villa x Arsenal Baterias Goi foram adiadas. Os motivos são a manutenção do campo do Estádio Bertholdo Christmann(Montanha) e indisponibilidade de outros campos. Nova data será definida A quarta rodada da 2ª Divisão terá estas partidas amanhã às 13h30 e 15h30: campo do Farroupilha,chave A, Santa Cruz x Farroupilha; e Associação Independência de Futebol x Corinthians; campo do Thomé de Souza,chave B, União x Villa Real; e Afumisa x Amigos do Mercado Copetti; campo do bairro Lambari,chave C, SER Lion Ijuí RS x Associação Club Colonial; e Talento x Juventude do Osvaldo Aranha.

GRE-NAL DO ADVOGADO A Subsecção da Ordem dos Advogados do Brasil(OAB) de Ijuí realiza hoje a partir das 9h no Estádio 19 de Outubro o Gre-Nal dos Advogados(masculino e feminino) e outras atividades recreativas durante o dia, com jogos de carta, brinquedos para crianças e chimarrão. Poderão jogar advogados estagiários devidamente inscritos na OAB. A entrada será um quilo de alimento não perecível. Os donativos serão doados a entidades carentes do município. Ao meio-dia tem almoço de confraternização. Fichas ao valor de R$ 25,00 para adultos e R$ 15,00, criança até 10 anos podem ser adquiridas na Subsecção ijuiense e com integrantes da Comissão de Esportes. No cardápio, galeto primo canto, massa ao alho e óleo, massa com molho bolonesa, massa com molho de frango, arroz branco, chicória com cebola e bacon. A programação é comemorativa ao Dia do Advogado.

COPA DUNGA

Preparador físico Anderson Dahmer orienta os jogadores da AEIF no treino

Returno-2ª fase Última rodada Hoje,31.8 Em Ibiraiaras às 20h-Ibira x Ijuí Futsal Classificação-chave E

1º) Ibira(Ibiraiaras), ANBF(Novo Barreiro) e Ijuí Futsal-10 pontos O Serade de São Borja desistiu da competição

A 22ª Copa Dunga de Futebol Sete para Menores promovida pelo Serviço Social do Comércio tem andamento hoje a partir das 13h45 no campo do Sesc em Ijuí. Serão realizados estes jogos: mirim verde, GBM SBR Engenharia x Grêmio Manjabosco; infantil, GBM Etapa Formaturas x GBM Unijuí; fraldinha, ACF x GBM Deltasul; fraldinha, ACF Conficredi x São Luiz; pré-mirim, ACF Farmed x São Luiz Vermelho; e infantil, São Luiz Branco x São Luiz Vermelho. Amanhã a partir das 14h, no campo do Sesc, acontecem estes jogos pelo feminino:Chapecoense Panambi x APFF/Pejuçara; APFF/Pejuçara x São Luiz/Iuri Scheleski e Chapecoense x Meninas na Trave.


Jornal da Manhã

INCENTIVO- Teremos jogos decisivos no Juvenil e na Liga Gaúcha de Futsal envolvendo times de Ijuí. Hoje entra em quadra o Ijuí Futsal em Ibiraiaras e com um empate diante do Ibira se classifica para a terceira fase. Amanhã no 19 de Outubro o Juvenil do São Luiz decide seu futuro diante do Ypiranga. Depois da trapalhada da Federação Gaúcha de Futebol(FGF) que fez o regulamento do Campeonato de uma maneira na questão envolvendo cartões amarelos e após mudou avisando os clubes, o Rubro precisa vencer o bom time do Ypiranga. DISPUTA-A segunda fase da Série C do Campeonato Brasileiro, o mata-mata tem hoje às 17h no Estádio Batistão, em Aracaju, Sergipe, o duelo entre Confiança e Ypiranga de Erechim. Às 19h15 no Estádio Passo D´Areia em Porto Alegre, jogam São José e Sampaio Correa-MA. Amanhã às 18h no Mangueirão em Belém do Pará, atuam Paysandu e Náutico. Segunda-Feira às 20h no Estádio Frei Epifânio, no interior do Maranhão, jogam Imperatriz e Juventude. CRITICADO- O técnico Odair Hellmann continua sendo contestado. Faz um bom trabalho, mas precisa ser cobrado. Contra o Flamengo no Maracanã, abriu o time quando estava bem posicionado e conquistando um bom resultado. Levou 2 a 0. QuartaFeira no Beira-Rio, escalou um ataque lento e foi envolvido pelo Flamengo. A entrada de Sarrafiore no lugar do zagueiro Cuesta foi puro desespero. LIBERTADORES- Definidas as datas das semifinais. As quatro partidas serão em outubro. River Plate e Boca Juniors se enfrentam no dia primeiro, no Monumental de Nuñez. No dia seguinte, o Grêmio recebe o Flamengo em Porto Alegre. Três semanas depois, a Bombonera será palco do jogo de volta entre os rivais argentinos, no dia 22, quando será conhecido o primeiro finalista. No dia 23, Flamengo e Grêmio decidem no Maracanã o segundo classificado para a final.A decisão será no dia 23 de novembro, no Estádio Nacional de Santiago, no Chile.

Vico para a Ponte Preta até 30 de abril de 2020. Por outro lado, o atleta teve o seu vínculo prorrogado com o Tricolor por mais um ano. Os dirigentes gremistas divulgaram a venda do atacante Nicolas Careca para o Estoril, de Portugal. Ele irá em definitivo por um período de três anos. O São Paulo não deverá contar com Alexandre Pato e Pablo, ausentes dos treinamentos da equipe desta semana. O primeiro se limitou a trabalhos na piscina do CT da Barra Funda por conta de uma pancada recebida no clássico contra o Santos. Já o segundo continua em processo de transição para o gramado, se recuperando de uma lesão no tornozelo. Como Raniel terá de cumprir suspensão graças ao cartão vermelho recebido contra o Vasco, em São Januário, Cuca não possui outro centroavante de origem para colocar em campo. Desta forma, Vitor Bueno e Jonas Toró surgem como favoritos para exercer a função. Toró, inclusive, se recuperou há poucos dias de dores musculares

que o tiraram dos confrontos com Ceará, Athletico-PR e Vasco. A zaga é outra dúvida de Cuca. Nos três últimos jogos do São Paulo, Anderson Martins foi titular por conta das suspensões TIMES SÃO PAULO: Tiago Volpi; Juanfran, Arboleda (Anderson Martins), Bruno Alves e Reinaldo; Tchê Tchê, Liziero e Daniel Alves; Antony, Vitor Bueno e Everton.Técnico: Cuca GRÊMIO: Júlio César, Galhardo, Paulo Miranda, David Braz e Juninho Capixaba; Michel(Darlan), Thaciano, Diego Tardelli e Luan;Everton (Pepê) e Luciano.Técnico: Renato Portaluppi Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN) Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Fabiano da Silva Ramires (ES). VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG). Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP).

de Arboleda e Bruno Alves. Na rodada passada, os três zagueiros estavam livres para atuar, porém, o comandante tricolor optou por manter Anderson Martins entre os 11, o que foi motivo de reclamação por parte da torcida.

Diego Tardelli deve iniciar a partida desde sábado contra o São Paulo

Internacional busca reabilitação diante do Botafogo O Interrnacional recebe o Botafogo hoje às 21h, no Beira-Rio, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. As duas equipes fazem campanhas semelhantes. O Colorado, derrotado pelo Goiás por 2 a 1 no fim de semana, aparece na sétima posição com 24 pontos, um a mais que o Botafogo, que vem de empate sem gols com a Chapecoense no Rio de Janeiro. O resultado do Botafogo contra os catarinenses não agradou por ser em casa. A necessidade de dar uma resposta rápida aos torcedores é um problema comum dos dois times, já que no meio de semana o Internacional foi eliminado pelo

Volante Nonato começa o jogo contra o Botafogo no Beira-Rio

Flamengo nas quartas de final da Copa Libertadores. “Sabemos que no futebol não há muito tempo para lamentações. Portanto, o nosso pensamento já está no jogo contra o Botafogo e na quarta-feira tem jogo contra o Cruzeiro pela Copa do Brasil”, disse Odair Hellmann, treinador do Internacional. Os botafoguenses, liderados pelo técnico Eduardo Barroca, também falam em recuperar em Porto Alegre os pontos perdidos contra a Chapecoense.Em termos de escalação, o Internacional tem dois problemas no time que vem escalando no Campeonato Brasileiro, já que tem optado por uma formação TIMES: INTER: Danilo Fernandes; Zeca, Klaus, Emerson Santos e Erik; Bruno Silva, Nonato, Martín Sarrafiore, Nico López e Wellington Silva; Guilherme Parede.Técnico: Odair Hellmann BOTAFOGO: Gatito Fernández; Marcinho, Joel Carli, Gabriel e Gilson; Cícero, Alex Santana, João Paulo e Luiz Fernando; Lucas Campos e Diego Souza.Técnico: Eduardo Barroca Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (Fifa-PA) Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Helcio Araujo Neves (PA). Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.

alternativa para priorizar a Copa do Brasil. O lateral-esquerdo Natanael, com uma lesão muscular na coxa direita, e o volante Rithely, que sofreu entorse no joelho direito, foram vetados. Assim, Erik ganha uma oportunidade na lateral e Bruno Silva jogará no meio-de-campo.

Pelo lado do Botafogo, Eduardo Barroca vai promover o retorno do volante Cícero, que cumpriu suspensão contra a Chapecoense e reaparece na vaga de Gustavo Bochecha. No ataque, Rodrigo Pimpão, com dores no pé direito, dará espaço a Lucas Campos.

BRASILEIRÃO 17ª RODADA Hoje,31.8 São Paulo x Grêmio-11h Bahia x CSA-17h Athletico x Ceará-19h Chapecoense x Santos-19h Internacional x Botafogo-21h

Amanhã,1º.9 Flamengo x Palmeiras-16h Fortaleza x Goiás - 16h Corinthians x Atlético-MG-19h Cruzeiro x Vasco-19h Segunda-Feira,2.9 Fluminense x Avaí - 20h

CLASSIFICAÇÃO - SÉRIE A 2019 TIMES LIBERTADORES

esporte@jornaldamanhaijui.com

Embalado pela vitória de 2 a 1 diante do Palmeiras que classificou o time para as semifinais da Libertadores, o Grêmio enfrenta o São Paulo hoje às 11h no Estádio Morumbi, pela 17ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O Tricolor permaneceu na capital paulista treinando. O Grêmio entra em campo com um time de suplentes tentando melhorar a sua situação no Brasileiro. Os titulares estão sendo preparados para o confronto da próxima quarta-feira contra o Athletico-PR pela Copa do Brasil. Suspenso, o volante Rômulo está fora do compromisso deste sábado. No seu lugar deve entrar Michel ou Darlan. Como terá que cumprir suspensão automática na Copa do Brasil, o atacante Everton deve ser aproveitado para enfrentar o São Paulo. Atualmente o Tricolor Gaúcho na competição está na 12ª colocação, com 21 pontos. Em 2018, gaúchos e paulistas empataram por 1 a 1 no Morumbi. A direção do Grêmio acertou ontem o empréstimo do atacante

SUL AMERICANA

Carlos Alberto Padilha

17

Grêmio poupa titulares no jogo contra o São Paulo no Morumbi

REBAIXADOS

DOIS TOQUES

SÁBADO E DOMINGO, 31 DE AGOSTO E 1º DE SETEMBRO DE 2019

1º Flamengo 2º Santos 3º Palmeiras 4º São Paulo 5º Corinthians 6º Atlético-MG 7º Internacional 8º Bahia 9º Botafogo 10º Athletico 11º Goiás 12º Grêmio 13º Ceará 14º Vasco 15º Fortaleza 16º Cruzeiro 17º Chapecoense 18º Fluminense 19º CSA 20º Avaí

P

J

V

E

D GP GC SG

33 33 30 30 28 27 24 24 23 22 21 21 20 20 18 15 14 12 12 7

16 16 15 16 16 16 16 16 16 16 16 16 16 16 16 16 16 15 16 16

10 10 8 8 7 8 7 6 7 7 6 5 6 5 5 3 3 3 2 0

3 3 6 6 7 3 3 6 2 1 3 6 2 5 3 6 5 3 6 7

3 3 1 2 2 5 6 4 7 8 7 5 8 6 8 7 8 9 8 9

35 28 24 20 18 22 18 18 14 23 16 20 19 16 19 14 16 19 5 8

18 17 10 11 9 17 14 15 15 17 25 21 17 22 24 23 27 25 23 22

17 11 14 9 9 5 4 3 -1 6 -9 -1 2 -6 -5 -9 -11 -6 -18 -14


18

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

TRÂNSITO

Acidentes de moto deixam 2,5 milhões de pessoas inválidas

Maria Valins

Pelo menos 2,5 milhões de brasileiros se tornaram permanentemente inválidos para o trabalho e outros 200 mil morreram em consequência de acidentes de motocicletas ao longo dos últimos dez anos, revelam dados aferidos a partir do Dpvat (seguro para danos causados por veículos). Somados, o número supera o da população de Fortaleza, quinta maior cidade do país. Se incluídos os acidentados com sequelas menos graves, o total de casos chega a quase 3,3 milhões —um contingente de feridos que poderia formar a terceira maior cidade do Brasil, atrás apenas de Rio de Janeiro e São Paulo. O número indica também uma aceleração de tendência. Em dez anos, o total de acidentados com motos e ciclomotores (veículos

de até 50 cilindradas) cresceu 72%. É mais do que o dobro do avanço registrado em acidentes com outros meios de transporte, que subiu 28% no mesmo período. O salto foi ainda maior, de 142%, no caso de invalidez permanente. Os dados foram compilados pela seguradora Líder, responsável pela administração do seguro Dpvat (seguro para danos causados por veículos) e vão ao encontro de estudos anteriores que já apontavam para a epidemia de mortes de motocicletas no país. De todas as indenizações pagas pelo seguro Dpvat, 72% estão relacionadas a acidentes com moto ou ciclomotores. Nos números analisados pela seguradora, estão somados pedidos de indenizações por morte, invalidez e despesas médicas pagas tanto a motociclistas quanto a seus passageiros e outras

pessoas atingidas por motos em acidentes de trânsito. Os condutores representam 68% dos que sofreram acidentes. Em segundo lugar estão os pedestres, envolvidos em 21% das ocorrências. O restante são passageiros dos veículos. Superintendente da seguradora Líder, Maria Valins, aponta forte correlação entre o crescimento da frota de motocicletas na última década e o aumento de acidentes graves gerados por esse tipo de veículo. De 2009 a 2018, o crescimento da frota de motocicletas e ciclomotores no Brasil foi de 82%, acima do aumento de 69% da frota geral. "Não estamos vendo ações de políticas públicas eficazes para minimizar esses riscos. A gente não vê progresso, ao contrário, vê o aumento das indenizações”.

PIB do transporte recua no segundo semestre de 2019 Apesar do Produto Interno Produto(PIB) brasileiro ter registrado alta de 0,4% no segundo trimestre de 2019, na comparação com os três primeiros meses de 2019, o PIB do setor de transporte recuou 0,3%. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta semana. O documento mostra que essa é a terceira queda consecutiva – no quarto trimestre de 2018, a retração foi de 0,3%; e, no primeiro trimestre de 2019, de 0,6%. No acumulado de 12 meses, porém, o PIB do transporte registra alta de 1,3%. Isso, conforme o boletim, se deve ao crescimento de 2,2% no terceiro trimestre de 2018, que captou os efeitos da retomada da atividade após a paralisação dos

caminhoneiros em maio do ano passado. Segundo a CNT, para que o desempenho do transporte seja positivo no final deste ano, o PIB do setor precisa registrar crescimento de, pelo menos, 1,0% no segundo semestre de 2019. O boletim destaca que, nos três últimos trimestres, o PIB do transporte acumula variação negativa de 1,2%, enquanto o PIB brasileiro apresenta alta de 0,4% na mesma base de comparação. “Excluindo a indústria extrativa, o transporte foi o setor que teve o pior desempenho nos últimos três trimestres, explicado pelos problemas enfrentados pelo segmento de cargas, principal componente do PIB do setor.”

Setor de transportes é o que teve o pior desempenho nos últimos trimestres

Análise de mudanças no Código está parada

Diretor do Denatran pede exoneração do cargo

Instalada em 12 de junho na Câmara, a Comissão Especial que foi criada para analisar o projeto de lei do presidente Jair Bolsonaro que prevê mudanças no Código de Trânsito ainda não começou a funcionar. Isso porque não foram indicados ainda todos os integrantes, faltam 7 titulares e 14 suplentes. A escolha cabe aos líderes partidários, mas o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), tem a prerrogativa de avisar os partidos que irão escolher os representantes devido a demora. Só que até agora não o fez. O presidente Bolsonaro foi pessoalmente à Câmara, em 4 de junho, entregar a proposta que flexibiliza algumas das regras atuais. Veja as primeiras mudanças propostas pelo governo: Ampliação de 20 para 40 o número de pontos na CNH para que a carteira seja suspensa. Cadeirinhas no banco de trás seguem obrigatórias para crianças de até 7 anos, mas passa de uma infração gravíssima com multa para uma advertência por escrito.A renovação da CNH passa a ser a cada dez anos, hoje é 5 anos. Para maiores de 65 anos a renovação é de cinco anos, contra os atuais 3 anos.

Em uma carta encaminhada à Secretaria de Transportes do Ministério da Infraestrutura, o diretor-geral do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), Jerry Adriane Dias Rodrigues, pede para deixar o cargo e critica a estrutura do órgão. No documento, Rodrigues alega que falta estratégia e gestão. Segundo ele, não há uma estratégia para atingir as premissas estabelecidas pelo Código de Trânsito Brasileiro e pelo Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões de Trânsito. "Tampouco estou conseguindo estabelecer essa estratégia, a fim de subsidiar o ministro e suas decisões", argumenta. "Quero deixá-lo à vontade para procurar alguém mais alinhado a sua forma de pensar e de trabalhar. Esta semana faço o meu pedido de exoneração." Na carta de três páginas endereçada ao ministério, o diretor agradece pela confiança nele depositada. "No entanto, depois de passados cerca de oito meses (...), sinto que não estou conseguindo responder à altura (...), razão pela qual estou colocando em suas mãos a função de diretor do Denatran pelas razões que seguem".

Emater|Ascar

ORIENTAÇÕES NUTRICIONAIS PARA UMA VIDA SAUDÁVEL Uma dieta saudável e equilibrada deve fornecer, diariamente, todos os nutrientes indispensáveis ao bom funcionamento do organismo. Estes nutrientes são: proteínas (presentes nas carnes, leite e derivados, ovos e leguminosas (feijão/ lentilha) carboidratos (presentes nos cereais e derivados: arroz, pães, massas, aipim, etc.; e vitaminas e sais minerais (encontrados, principalmente, em frutas e hortaliças). É importante observar, porém, as seguintes orientações gerais: -Procure seguir horários de alimentações ( mais ou menos de 3 em 3 horas), evitando intervalos prolongados entre refeições; -Coma devagar, com calma, em ambiente tranqüilo, e mastigando bem os alimentos; evite comer olhando televisão e celulares; -Consuma mais cereais integrais (arroz integral, farinha integral, aveia, centeio), verduras cruas e frutas com casca, para sua alimentação ser mais rica em fibras, vitaminas e minerais; -Inclua sempre nas refeições saladas e legumes; -Consuma, de preferência, carnes magras (carne branca de frango, peru, peixe), retirando a pele de aves; -Evite frituras, prefira alimentos cozidos, assados ou grelhados. -Utilize diversos temperos nos alimentos diminuindo a adição de sal; Evite utilizar produtos ultra processados; -Aumente o consumo de líquidos (cerca de 2 litros/dia, entre as refeições); -Evitar alimentos ricos em colesterol: vísceras (miúdos), ovos, frutos do mar (camarão, lagosta), queijos gordurosos, etc. -Prefira leite desnatado, queijos brancos, requeijão. -Evitar alimentos ricos em sal (salames, salamitos, patês, caldos concentrados, alimentos defumados), e diminua a adição de sal nos alimentos na hora do preparo e à mesa. -Consuma com moderação guloseimas: balas, chocolate, sorvete, açúcar, bolos, tortas, refrigerantes, etc. -Procure acostumar-se com o sabor natural dos alimentos. Use moderadamente os adoçantes artificiais e os produtos dietéticos, pois estes não contêm açúcar, mas alguns podem ser bastante calóricos. -Evite ou diminua o consumo de bebidas alcoólicas e fumo. -A obesidade é um fator de risco para a saúde; sempre que houver necessidade de redução de peso, procure orientações de um médico e ou nutricionistas de sua confiança. -Recomenda-se fazer atividades físicas moderadas (com caminhadas ou outros exercícios físicos com acompanhamento e orientação profissional especializado ( professor de educação física ou fisioterapeuta). Lembre que “comer” significa “nutrir-se”, isto é, ingerir alimentos que forneçam os nutrientes necessários para manter a saúde e não simplesmente para compensar os aborrecimentos e tensões”.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

SEGURANÇA

Rodovias federais têm aumento de acidentes

Acidente com vítima fatal ocorreu no dia 8 de julho, na ERS-158, em Panambi

O número de acidentes de trânsito nas rodovias federais da região da 10ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal (DPRF) cresceu 43,75%. Os dados são relativos ao mês de julho deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado, e foram divulgados ontem pela PRF. Foram 16 acidentes registrados, que deixaram 17 feridos leves, quatro feridos graves e uma

pessoa morta. Em comparação com o mesmo período de 2018, houve acréscimo de sete acidentes. No ano passado, foram nove acidentes registrados, com oito feridos leves e dois graves, não sendo registrada nenhuma morte. Dos acidentes deste ano, nove foram atendidos pela Unidade Operacional de Ijuí e sete pela Unidade Operacional de Cruz Alta.

O acidente que resultou em uma morte ocorreu em 8 de julho, às 7h30, no km 145,5, da BR -158, em Condor. No local, um homem de 29 anos, morador de Panambi, dirigia uma caminhonete S-10 pela rodovia e bateu na traseira de uma carreta, com placas de Coronel Bicaco, que seguia no mesmo sentido. Os ocupantes do caminhão não ficaram feridos. Segundo a PRF, em nota, não há dados que comprovem o motivo do aumento do número de acidentes, no entanto, “pelos tipos de acidentes, percebe-se que na maioria, está presente a falta de atenção dos condutores, também é perceptível que o pavimento das rodovias teve uma piora no estado de conservação e sinalização, o que pode ter contribuído com este aumento”. A 10ª Delegacia atende 28 cidades da região Noroeste, nos eixos das BRs-158, 285, 392 e 472, sendo que estes trechos somam 493,55 quilômetros de rodovias federais. No primeiro semestre deste ano, a 10ª DPRF já havia atendido 92 acidentes, que deixaram 106 pessoas com ferimentos leves, 41 graves e 15 mortes.

Estado terá coordenadoria de crimes rurais

O Rio Grande do Sul terá uma coordenadoria dedicada a gerir e ampliar a eficiência do combate e das investigações de crimes no campo. O anúncio foi feito nesta semana, na 42ª Expointer, em Esteio (RS). A chefe da Polícia Civil do estado, delegada Nadine Anflor, apresentou o projeto que, segundo ela, trará mais agilidade nas investigações, especialmente do abigeato [furto de animais]. “Essa coordenadoria atuará como forçatarefa integrada com as patrulhas de Brigada Militar para apurar, identificar a autoria dos crimes e combater as organizações criminosas”, frisou. O projeto contará com a coor-

19

Mãe e filha são atropeladas na BR-158, em Panambi Um atropelamento com duas vítimas foi registrado, por volta das 19h15, de quinta-feira, no km 152,2, da BR- 158, em Panambi. O veículo envolvido foi uma caminhonete, VW/Amarok, de Tupanciretã. O condutor do automóvel não sofreu lesões. Segundo agentes da 10ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal (DPRF), que atendeu a ocorrência, as duas pedestres, mãe e filha, de 41 e 5 anos, respectivamente, após serem atingidas pelo veículo, caíram ao solo. Com o impacto, ambas

sofreram lesões, foram socorridas pelas equipes do Samu e Corpo de Bombeiros de Panambi, para o hospital da cidade, onde até a tarde de ontem seguiam internadas, em recuperação. A mãe teve fratura em uma costela e estava em observação no Pronto Socorro. Já a filha resultou com uma fissura óssea na cabeça. De acordo com a PRF, o acidente ocorreu no cruzamento do bairro Pavão com a BR-158, local de grande fluxo de pedestres e veículos, sendo a velocidade limitada a 50 km/h.

Caminhonete Amarok atropelou as duas vítimas que atravessavam a BR-158

Foragido é recapturado pela Brigada Militar

denação do delegado André de Matos Mendes, da Delegacia de Polícia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais (Decrab) de Bagé. Ele explica que o objetivo é replicar o formato de trabalho adotado em sua unidade para as demais e evitar a ação do crime organizado por meio de mão de obra especializada. Com isso, as Decrabs passarão a trabalhar de forma integrada e com atuação em diversas regiões, e não apenas em âmbito regional. Atualmente, há três delegacias especializadas em crimes rurais em ação: Bagé, Santiago e Cruz Alta. Em 16 de setembro, será inaugurada a quarta em Camaquã. Até o fim do próximo mês, tam-

bém deve ser aberto um cartório para registro especializado em abigeato em Montenegro, região onde vêm sendo registrados casos frequentes. Toda a estrutura ficará subordinada à nova coordenadoria. O serviço integrado atende a pedido dos criadores de animais, representados pela Federação Brasileira das Associações de Criadores de Animais de Raça (Febrac), Federação da Agricultura do RS (Farsul) e Federação dos Trabalhadores na Agricultura do RS (Fetag), que apoiam o projeto e compilam registros constantes de animais carneados ou roubados, alguns deles até premiados na Expointer.

ROUBO

ABIGEATO

SEQUESTRO

CONDENAÇÃO

PRISÃO

Um roubo a pedestres foi registrado em Ijuí. Uma mulher que caminhava pela Rua Fermino Luchesse, bairro Jardim, foi abordada por dois elementos em uma moto, que a surpreenderam. O carona desceu e obrigou a mulher a entregar um celular.

Três homens foram presos ontem de manhã pelo crime de abigeato, em Ibirubá. Os homens são suspeitos de cometerem abigeato durante a madrugada. Uma quantidade de carne de vaca, facas e uma jaqueta com vestígio de sangue foram localizados.

Um caminhoneiro, de 29 anos, de Boa Vista das Missões, foi mantido em cativeiro durante a quarta-feira, após ser surpreendido por criminosos em Rosário Oeste, no Estado do Mato Grosso. O motorista teve o caminhão roubado e foi mantido refém até as 20h.

Adair dos Santos, 29 anos, foi condenado pelo Tribunal do Júri de Santo Augusto pela morte da companheira, Bruna Danieli Pereira. O homem foi condenado a 20 anos e oito meses de prisão em regime inicial fechado. O homicídio ocorreu em junho de 2018.

A Brigada Militar de Tuparendi prendeu quatro pessoas suspeitas de tráfico de drogas no município. Durante a ação, foram apreendidas 22 buchas de cocaína, três telefones celulares, dinheiro e um veículo. Os quatro suspeitos foram encaminhados à Delegacia para registro.

Um homem foi preso na manhã de ontem pela Brigada Militar (BM) de Ijuí. Segundo a BM, por volta das 11h30, uma guarnição do 29º Batalhão da Polícia Militar (BPM) Ijuí, composta pelo efetivo do Pelotão de Operações Especiais POE, após receber informações sobre a possível localização de um foragido da Justiça, efetuou diligências em um mato localizado nos fundos da Penitenciária Modulada de Ijuí, próximo da Rua Antônio Bonamigo, no bairro Luiz Fogliatto, onde o suspeito foi localizado e abordado.

Em consulta através do sistema informatizado ele foi identificado como D.L.A., 25 anos, natural de Ijuí, o qual se encontrava foragido do Sistema Prisional, havendo em seu desfavor um mandado de prisão expedido pela Vara de Execuções Criminais de Ijuí. Diante da constatação do fato, os policiais deram voz de prisão ao apenado, sendo que logo após os procedimentos de praxe, ele foi conduzido e entregue aos cuidados dos agentes penitenciários na Penitenciária Modulada de Ijuí, ficando à disposição da Justiça.

Plantão


20

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

PROTESTO

Policiais Civis cobram definições do governo

Policiais Civis pararam as atividades ontem para protestar contra os atrasos de salários, morte de agentes, revisão de operações e publicação de aposentadoria represadas. A ação ocorreu entre 8h e 20h, em todo o Rio Grande do Sul. Em Ijuí, um grupo deservidores cruzou os braços e esteve reunido em frente à Delegacia de Polícia. Em entrevista ao Grupo JM, o presidente do Sindicato dos Agentes da Polícia Civil do Rio Grande do Sul (Ugeirm), Isaac Ortiz, disse que a categoria não tem encontrado dificuldade para dialogar com o governo do Estado, mas cobra decisões sobre as reivindicações. "A nossa mobilização é realizada por toda a categoria, contra todos aqueles desmandos. Estamos há mais de quatro anos sem receber salários em dia. Nós imaginávamos que com o governador Eduardo Leite as coisas fossem mudar, mas continuou a mesma coisa e com outros ingredientes, como a ameaça de aumentar a nossa alíquota da Previdência (de 14% para 22%), que já é uma das mais altas", comentou. "Isso nos aterroriza, nos assusta muito. Então, o governo Eduardo Leite precisa tomar decisões, para o sim ou para o não, ao menos para a gente ter um rumo", acrescentou. Ortiz destacou que o próprio governador tem se colocado à disposição para conversar. "Do ponto

Isaac Ortiz

O governo Eduardo Leite precisa tomar decisões, para sim ou para não, ao menos para a gente ter um rumo. " da conversa, nós não temos do que nos queixar. O vice-governador também tem sido muito cordial conosco, mas só que nós estamos

recebendo o salário de 30 de julho e hoje é 30 de agosto. Hoje as contas começam a vencer e tudo isso é uma angústia para nós. O governo tem que resolver isso", continuou. A chefe da Polícia Civil, delegada Nadine Anflor, declarou que respeita a manifestação da categoria e ressaltou que um diálogo tem sido mantido desde o começo de 2019 com os representantes. "Nós reconhecemos a validade das mobilizações e queremos sempre melhorar o nosso atendimento para a população. Só não queremos que ela saia prejudicada", colocou. "O governador do Estado e o vice têm falado sobre a importância do assunto e que é prioridade a colocação dos salários em dia dos servidores até o final deste ano. Ninguém gostaria de estar vivendo isso", completou. O presidente da entidade, Isaac Ortiz, anunciou ainda a realização de uma marcha da categoria no dia 17 de setembro na Capital. “A expectativa é grande”, constatou, confirmando o apoio dos colegas de outras forças de segurança pública. “O pessoal está muito indignado”, resumiu. O dirigente revelou também que os policiais civis gaúchos estarão em Brasília para acompanhar a votação da Reforma da Previdência no Senado, preocupados com o processo de inclusão de Estados.

Audiências mantêm 99% dos réus presos Quatro anos após as audiências de custódia saírem do papel, a maioria das pessoas ainda é enviada pela Justiça para o cárcere em prisão preventiva. Menos de 1% tem autorização para responder ao processo sem cumprir medidas cautelares. Em 56% dos casos, a palavra do policial é a única prova de acusação — e há queixas de que relatos de tortura estão sendo negligenciados. Os dados estão no relatório "O fim da liberdade", elaborado pelo Instituto de Defesa do Direito de Defesa (IDDD) em parceria com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O material foi apresentado nesta semana. Trata-se do maior levanta-

mento já feito sobre as audiências de custódia no Brasil. Foram acompanhados 2.774 casos de abril a dezembro de 2018, em 13 cidades de nove Estados —São Paulo, Alagoas, Bahia, Distrito Federal, Minas Gerais, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. As audiências de custódia foram regulamentadas pelo CNJ em 2015, em cumprimento ao compromisso assumido pelo país na ratificação do Pacto Internacional sobre Direitos Civis e Políticos e da Convenção Americana de Direitos Humanos. Desde então, o encontro entre a pessoa presa e o juiz deve ocorrer em até 24 horas após a comuni-

cação da prisão. É o momento em que o magistrado avalia se a detenção atendeu aos requisitos legais, se a pessoa presa foi vítima de maus-tratos ou tortura e, ainda, se precisa responder ao processo em prisão preventiva — que deve ser a exceção, não a regra. Antes, a avaliação do juízo era feita só na audiência de instrução, meses depois da prisão. Na prática, no entanto, 57% das audiências no país ainda resultam em prisão preventiva. O índice chega a 67% nos casos em que o único crime é o tráfico de drogas. Isso acontece mesmo que o tráfico seja um crime sem violência, grave ameaça nem vítimas — fundamentos previstos no Código de Processo Penal para que decisão do tipo seja decretada. Outros critérios são quando há risco de o acusado fugir, cometer novos crimes ou atrapalhar a instrução probatória.

Seis pessoas da mesma família morrem em acidente Seis pessoas de uma mesma família morreram em um acidente envolvendo dois veículos, na BR386, em Soledade, no Norte do Rio Grande do Sul, na madrugada de ontem. Entre os mortos estão o condutor do Peugeot 207, Everton da Silva Geraldi, 36 anos, que conduzia o veículo; Jaqueline Amaral Erohin Geraldi, 39 anos esposa do motorista; o filho do casal, Lorenzo Erohin Geraldi, seis anos; os pais do condutor, Ivanir Geraldi, 61 anos, e Ana Lúcia da Silva, 55 anos; Juarez Geraldi, 47 anos, irmão de Ivanir. Cinco dos passageiros morreram no local. O menino chegou a ser socorrido, mas morreu a caminho do hospital. Eles eram moradores de Canoas. A PRF informou que todos os ocupantes do banco de trás do veículo estavam sem cinto de segurança, incluindo a criança, que não estava na cadeirinha. No outro veículo, Volvo V40, estava o condutor João Miguel Borges Neto, 34 anos, morador

de Soledade. Ele já foi transferido para o Hospital São Vicente de Paula de Passo Fundo. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, o motorista estava sem cinto de segurança e foi arremessado para fora do carro No local do acidente, o km 236,4 da BR-386, não há marcas de frenagem no asfalto. Conforme o delegado Márcio Marodin, a hipótese é de o motorista do Pegeout ter dormido e invadido a pista contrária. "Trabalhamos com a hipótese de que ele tenha dormido. Claro que vamos pedir exames toxicológicos, mas é difícil pensar que se trate de um caso de embriaguez", ressaltou. Além disso, o policial acredita que o motorista do Volvo deve ter sido surpreendido com o outro carro na pista onde trafegava, já que o trecho da rodovia é de subida. Marondin vai aguardar a recuperação de Borges Neto para obter o depoimento dele. "Não há sinais de frenagem na pista e uma colisão de 80 km/h entre os dois já causaria esse estrago lamentável."

Colisão frontal ocorreu na BR-386, em Soledade, na madrugada de ontem

Quadrilha assalta banco e faz cordão humano Quatro homens armados invadiram o Banrisul de Santana da Boa Vista, fizeram cordão humano e levaram três pessoas como reféns. O trio raptado foi deixado em uma estrada de chão batido, no interior do município. As pessoas levadas pela quadrilha são uma funcionária, responsável pela limpeza da agência, e dois clientes, entre eles o agricultor Francisco Domingues. O ataque ocorreu por volta de 10h45 de ontem. "Dentro do banco eu estava tranquilo, mas, quando colocaram a arma nas minhas costas, fiquei nervoso. Mas pensei 'eles vão me largar e vou voltar'", conta o aposentado, que estava na agência para sacar o benefício

de inativo. Ainda segundo ele, nada foi levado dos clientes, apenas valores do próprio banco. De acordo com o comandante do Comando Regional de Policiamento Ostensivo da região sul, coronel Eduardo Perachi, os assaltantes estavam armados com armas longas, possivelmente metralhadoras, e fizeram cordão humano com clientes e funcionários do banco. A polícia fez bloqueios em estradas da região, na busca pelos criminosos. Até o fim da tarde de ontem um homem foi preso. O prefeito do município de 8 mil habitantes, Arilton de Oliveira Freitas, afirmou que o banco estava lotado, pois era dia de pagamento dos servidores.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

INFRAESTRUTURA

Sesc inaugura novo espaço destinado às crianças O Sesc Ijuí estará oferecendo para a comunidade mais uma opção de lazer para as crianças. A instituição contará com novo parque infantil em suas instalações e a melhoria é baseada na educação não formal, na convivência e na cultura do brincar, e mantém um olhar específico para o universo das crianças, acompanhadas por seus responsáveis adultos. Segundo o gerente do Sesc, Ronaldo Soares, o propósito é cuidar, emocionar e fazer as pessoas

felizes, buscando sempre melhorar a estrutura da unidade do Sesc Ijuí, para melhor atender todas as pessoas que visitam o local. Soares informou que os atendimentos da instituição foram ampliados nos fins de semana, aos sábados, na parte da manhã e da tarde, e aos domingos, das 14h às 18h. “Com esta nova opção de lazer, esperamos que todas as famílias da comunidade venham ao Sesc aos finais de semana também, trazendo seus filhos para um momento de integração”, disse.

PARTICIPAÇÃO, AGRADECIMENTO E CONVITE PARA CULTO

Esposo Hedy Krüger (in memoriam), filhos Neri e Inês, nora Belmira I. Krüger (Nica), netas Carin, Cláudia, Vivian e Daniele, bisnetos Milena, Marina, Rafael, Santiago e Aurora e demais familiares participam o falecimento de

HILDA JOANNA KRÜGER *31/07/1920 +27/08/2019 ocorrido no último dia 27, aos 99 anos e 27 dias. A família agradece ao Residencial Geriátrico de Carazinho na pessoa de Jerusi Faccin da Rosa e sua equipe, Dr. Felipe M. Piva (Carazinho), Funerária Brito de Ijuí, Pastor Carlos Lacerda do IECLB de Ijuí, pelas palavras de conforto e ânimo. E convidam para culto com oração memorial a ser celebrado amanhã, dia 1º de setembro, na Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (Centro) às 9h. Ijuí, 31 de agosto de 2019.

CONVITE PARA MISSA DE 7º DIA DE FALECIMENTO VERA BEATRIZ DE MOURA SCHROER *09/04/1946 +21/08/2019 Familiares convidam para missa de 7º dia de falecimento a ser celebrada hoje, dia 31, na Paróquia Cristo Rei, às 18h. A família antecipa agradecimentos. Ijuí, 31 de agosto de 2019.

CONVITE PARA MISSA DE 7º DIA DE FALECIMENTO A família de Eleutério Basso convida para missa de 7º dia da nossa querida

LUCI GARZELLA BASSO

Novo parque infantil terá funcionamento a partir de domingo

Famílias do Getúlio Vargas aguardam terrenos A retirada das famílias por ordem judicial de uma área do bairro Getúlio Vargas, completa três meses hoje. As famílias tiveram que sair para que o município adequasse a área, com objetivo de distribuir os terrenos às pessoas inscritas. Entretanto, até o momento, nenhuma solução foi apontada pelo poder Executivo e as famílias ainda aguardam pela concessão dos terrenos. A moradora Cauanã de Fátima, em entrevista ao Grupo JM, demonstrou sua indignação ao explanar que as famílias foram retiradas para que a situação dos terrenos fosse resolvida, mas que nada foi feito até agora, nem mesmo com relação às pessoas que estavam na lista de espera. O líder do movimento, Emerson Gomes, afirmou que a situação continua a mesma desde o ano de 2016, quando

21

ocorreu a ocupação. “Falei com o secretário de Habitação [Ramsés Lemos] e ele disse que esse projeto foi encaminhado para o Registro de Imóveis, onde precisou ser feito ajustes dos lotes, o que requer um prazo de 30 dias. O que eu quero dizer é que daqui a 30 dias estaremos em outubro, até ocorrer a realização da infraestrutura será novembro, e se eles não fizerem até o 31 de dezembro, essas famílias vão ter que ficar nessa situação durante todo o ano de 2020, pois em período eleitoral não pode haver a concessão dos terrenos, que acontecerá só em 2021”, explicou. Gomes salienta que as famílias estão totalmente sem infraestrutura, sem água, luz, ou qualquer tipo de condição básica para moradia.

EXÉQUIAS AO MEU SOBRINHO VITOR HUGO “Hoje faz 7 dias que se a espera significasse o seu retorno, vejo no pássaro que foge, buscar no esquecimento do seu ninho, novos ares e aventuras. O tempo passa e corre batendo tristemente no coração pesado. Não sei por que ainda queremos esperar seu retorno se os pássaros voam e cumprem com seus destinos? Por que queremos esperar se as flores também padecem para renascer novas vidas? Oxalá! Por que queremos esperar se o fogo da juventude nunca se apaga ante as sombras deslizantes dos jardins suspensos? Um relógio tece, com sons muito cansados. Querendo trazer seus passos ao vento que traz sons distantes à porta que se abre em vão! E depois..., depois mais nada! Resta contemplar o voo dos pássaros que levam e trazem a semente dos jardins de nossas esperanças. No tic-e-tac insofismável do nosso tempo.” Jose Serrer Ijuí, 31 de agosto de 2019.

que será celebrada hoje, dia 31, às 18h na Igreja Cristo Rei, Bairro Assis Brasil. Conquistou corações, plantou amizades e dignidade. Usou lealdade, simplicidade e intensa disposição para o trabalho. Semeou alegria e honestidade; colheu admiração e saudade. “Não morreu, apenas retornou ao Pai para melhor servi-lo, porque terminou a sua missão na Terra. Agora descansa em paz junto ao Pai.” Ijuí, 31 de agosto de 2019.

PARTICIPAÇÃO E AGRADECIMENTOS PELO TRANSCURSO DE FALECIMENTO Esposa Hedy Riethmüller Eickhoff, filhos Sueli, Valmir e Raquel, genros Milton Diemer e Júlio Cesar Souto e nora Mery Lilian Eickhoff, netos, bisnetos do sempre amado

FREDOLINO EICKHOFF

*08/03/1922 +26/08/2019 agradecem aos médicos, equipe de enfermagem do Hospital Unimed, aos componentes da Banda Municipal Carlos Gomes que vieram prestar sua última homenagem ao colega. Ao Pastor da Paróquia Evangélica da Paz do bairro São José pela palavra poderosa. Aos representantes das entidades e autoridades diversas; a todos amigos, parentes e vizinhos que vieram prestar seu apreço. Convidam para culto em memória a realizar-se no dia 8 de setembro, às 10h, na Igreja Evangélica da Linha 8 Leste, Vila Floresta, Ijuí. “Celebrai com júbilo ao Senhor, todas as terras. Servi ao Senhor com alegria, apresentai-vos diante Dele com cântico.” Salmo 100. Ijuí, 31 de agosto de 2019.


22

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSto e 1º de Setembro de 2019

CARIDADE

Instituição acolhe crianças e jovens Associação Filantrópica Monte Moriá (Afimm) é uma organização, sem fins lucrativos, que nasceu com o intuito de mudar realidades sociais de pessoas em vulnerabilidade social, tanto em Ijuí quanto na região. Sua missão é transformar realidades sociais promovendo a inclusão social de crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos, vulnerabilizados socialmente, através de ações de cultura, esporte, educação, profissionalização, saúde, lazer, trabalho e renda. Advogada, pastora e diretora da Afimm, Andreza Hockmuller, contou que a instituição nasceu após ela e o marido terem conhecido o trabalho Mobilização Mundial no Nepal, através do projeto Meninos dos Olhos de Deus, desenvolvido pelo pastor José Rodrigues, da Missão Cristã Mundial de Goiás, na ONG dele, que consistia no resgate de crianças que eram vendidas e exploradas sexualmente na Índia. “Nós nos apaixonamos por esse projeto, e então o pastor começou a abrir casas no Brasil, e como éramos

amigos dele, nos oferecemos para trazer esse projeto para Ijuí. Tivemos a honra de ser a terceira casa no Brasil a ser aberta, e então começamos como projeto Meninos dos Olhos de Deus aqui no município, em 2009, e depois em função de algumas exigências burocráticas, e inscrição no Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescentes (Comdica), tivemos que abrir um CNPJ local, e fundamos uma ONG nossa aqui, que não deixou de ser parceira da Mobilização Mundial, mas em 2010 nasceu a Afimm”, explicou. Hoje, a Afimm possui os serviços de acolhimento institucional, preservando a questão da legislação e acolhendo crianças e adolescente de ambos os sexos, de 0 a 17 anos, que são encaminhados pelo Juizado da Infância e Juventude. “As crianças vítimas de negligência, abuso, e violação de direitos, que têm medida de proteção de acolhimento institucional determinados pelo juiz, são encaminhadas para nós, e as acolhemos para garantir seus direitos fundamentais”, informou.

O acolhimento institucional é provisório, legalmente existe o prazo máximo de até dois anos para manter os acolhidos na instituição. “O ideal é que eles só venham para o acolhimento em último caso. Nossa primeira intenção rápida e urgente é de resgatar o vínculo com a família e reestruturá-la, para que essas crianças possam voltar ao seio familiar, e não havendo essa possibilidade, aí sim são encaminhados relatórios para o Judiciário e Promotoria, que entra com destituição do poder familiar, e essas crianças acabam indo para a fila de adoção, aguardando uma família substituta, conforme determinação do Judiciário”, salientou. AAfimm conta com coordenadores do projeto Casa Lar, equipe técnica, psicólogos, assistentes sociais, voluntários, cuidadores sociais, dentistas, fisioterapeutas, e auxiliares que cuidam da limpeza. Os principais projetos da instituição são o Casa Lar Acolhimento de meninos e meninas de Ijuí (Ammi), que acolhe crianças e adolescentes com medida de proteção aplicada pelo Juizado da

Antiga sede do Assis Brasil é demolida A antiga sede no bairro Assis Brasil começou a ser demolida, com o objetivo de dar lugar a construção de uma nova sede. Em entrevista ao Grupo JM, o presidente do núcleo habitacional, Eliseu Barcellos, informou que a sede tem mais de 80 anos e estava interditada há mais de 5 anos, porque se encontrava em estado precário, quase desabando. “A sede apenas não desabou porque colocamos caibros reforçando por dentro, então resolvemos abraçar essa causa perante a comunidade, e iremos depender da ajuda de todos para concluir essa obra, que terá dois pavimentos, um porão na parte de baixo, um salão na parte de cima, e haverá reforma nas canchas”, explicou. A demolição teve início após concessão de R$ 280 mil reais obtidos através de emenda parlamentar para o prosseguimento da obra. “O pessoal começou a demolir a sede

A sede tem mais de 80 anos e estava interditada há mais de 5 anos

Infância e Juventude da Comarca de Ijuí, num ambiente familiar, que lhes garanta proteção integral proporcionando um desenvolvimento saudável, bem como buscar inserilos, novamente, em sua família, ou em uma família substituta, o Mãos de Mães e Filhos, que visa proporcionar, tanto às mães, como aos seus filhos, oficinas de artesanatos, culinária e administração do lar, para que haja, não só o fortalecimento dos vínculos familiares, mas, também, a capacitação, possibilitando, dessa maneira, uma ampliação da renda. Nesse sentido, trabalha, preventivamente, para evitar novos acolhimentos e, pro-ativamente, visando facilitar o desacolhimento. “Além disso, temos alguns projetos que sonhamos em executar, que é o Residencial Inclusivo, para aquelas crianças e adolescentes que não são adotados, e ficam conosco até os 18 anos, e não têm para onde ir. Esse é nosso objetivo urgente para este ano. Também queremos ter um lar de idosos e um acolhimento institucional para mulheres. Sonhamos em ser referência em serviço de

Andreza Hockmuller

acolhimento institucional para Ijuí e região, contribuindo com a nossa sociedade. A Afimm é um lugar de provisão para aqueles que necessitam, isso significa Monte Moriá”, finalizou.

Praça da República recebe melhorias na iluminação Equipes da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, Obras e Trânsito (Smodutran) e do Departamento Municipal de Energia de Ijuí (Demei) estão trabalhando na preparação da Praça da República para a Semana da Pátria. Também está sendo realizada a montagem da cobertura, onde ficarão os guardiões do fogo simbólico. Também está em andamento o projeto de revitalização de toda a parte de iluminação da praça, que teve início no ano passado, e foi elaborado pela Unijuí juntamente com o Demei. A equipe do Demei está refazendo as caixas de passagens dos eletrodutos, e substituindo todas as lâmpadas por luminárias de LED, visando à eficiência energética, além de possibilitar que a iluminação tenha várias cores, servindo como uma forma de decoração, e auxiliando na questão de segurança pública, considerando que a praça estará sempre iluminada. A cerimônia de abertura da programação que marcará as comemorações da Semana da Pátria acontece neste domingo, com início previsto para as 10h. Já o desfile será realizado no dia 7 de setembro, a partir das 8h. Em caso de chuva, segundo a Comissão Organizadora, será transferido para o turno da tarde, com início às 13h30. E, logo após, haverá a extinção do fogo simbólico.

e as telhas quebravam nas mãos deles de tão deteriorados que estavam, não se aproveita um prego, uma tábua, um caibro, tem cupim em tudo, não se aproveita nada dessa sede, infelizmente. Gostaríamos de aproveitar o assoalho que foi colocado há alguns anos, mas verificamos que nem isso se

aproveita, mas vamos fazer um tratamento nele para ver se futuramente ele poderá ser aproveitado”, declarou. A comunidade do bairro estará realizando ações para arrecadar recursos para o pagamento do engenheiro contratado para agilizar a obra.

VAKINHA

TEATRO

BRECHÓ

ALMOÇO

DESLIGAMENTO

O Lar Meame está realizando uma Vakinha Online com o intuito de arrecadar fundos para substituir o sistema elétrico da instituição por um sistema limpo e renovável. Para quem tiver interesse em doar, basta acessar ao link vaka.me/650488, e doar qualquer valor.

O Sesc de Ijuí estará promovendo o Teatro do Sesc com a participação do humorista Badin – O Colono, que busca resgatar e manter viva a cultura colonial, no dia 4 de setembro, às 19h. Ingressos limitados já estão à venda, no Sesc, na rua Crisanto Leite, 202, Centro.

A Casa Ama está fazendo captação de doações de roupas e calçados para serem comercializados no brechó que ocorrerá no dia 5 de setembro, das 8h às 18h, sem fechar ao meio-dia. Os itens serão vendidos com valor a partir de R$ 1,00.

A Apae e a torcida do Grêmio Borrachos Noroeste estão promovendo um almoço beneficente que será realizado no dia 7 de setembro, ao meio-dia, no salão de eventos da Igreja São Geraldo. Haverá sorteio de três camisetas oficiais do Grêmio e participação de bandas.

O Departamento Municipal de Energia de Ijuí (Demei) irá realizar serviços de melhoria no sistema de distribuição, interrompendo o fornecimento de energia elétrica na terça-feira, das 8h às 11h30, no bairro Sol Nascente, e entre a Avenida Cel. Dico e Rua São Paulo.

Serviços


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 31 de agoSTo e 1º de SeTembro de 2019

23

Memória JM Notícias de AGOSTO de 1984

CARA OU COROA Armindo Pydd

INTEGRAR OU ENTREGAR **É um enorme fenômeno o fato de a maior parte da Amazônia pertencer ao Brasil. Isto porque sempre foi motivo de cobiça para outras nações. Antes da “descoberta” pelos portugueses já navios chineses teriam chegado lá. Descoberto o Brasil, holandeses, ingleses, irlandeses, franceses tentaram sua conquista. **Pelo Tratado de Tordesilhas a Amazônia ficava com a Espanha. Portugal, no entanto, através de missões religiosas jesuítas desbravou a imensa região e pelo Tratado de Madrid em 1750 assegurou seu direito. **Teriam sido os asiáticos seus primeiros habitantes há 14 séculos. Quando os portugueses chegaram seria de 3 milhões o número de indígenas lá existentes que hoje estaria em 300 mil. No século XIX inicia-se o ciclo de exploração da borracha pelos ingleses e aí houve uma enorme migração de nordestinos para a Amazônia. **O governo Vargas na década de 40 inicia a “marcha para o Oeste” para integrar a Amazônia. Criou inclusive os “soldados da borracha” prometendo aos seringueiros que aderissem à posse da terra. O exército brasileiro na década de 60 tinha como meta principal a ocupação da região. Integrar para não entregar era o mote. **Ai surgi a transamazônica. A Zona Franca de Manaus. E também as áreas protegidas que são Unidades de Conservação, Terras Indígenas, Terras Quilombolas e o combate ao desmatamento. 14% do território são hoje unidades de conservação. E aí também reside a grande discussão. Para os 24 milhões atuais de habitantes da Amazônia de hoje é preciso uma sobrevivência econômica digna. E ai entre a agricultura e o gado. **O atual interesse do mundo pela Amazônia coloca uma dúvida. Será que se quer proteger a maior floresta tropical do mundo ou o que interessa é o subsolo riquíssimo em minerais. Afinal, temos os antecedentes de 1860 com a França tentando se apoderar do Amapá, em 1885 a Inglaterra desejando e tomando uma área de Roraima. **A França, terra dos filósofos, da moda e culinária mundiais. Das ideias iluministas. Da Revolução com Liberte, Egalité, Fraternite, é também potência nuclear, colonialista com um passado brutal (Argélia, Haití etc). **O Brasil já é potência mundial na agropecuária e vai ser líder logo. E isto é algo muito poderoso. Afinal de contas, todos os seres humanos se alimentam 3 vezes por dia. Isto é estratégico para todos os países. **Vilegaignon e Colygni foram comandantes militares que no passado tentaram fundar no Brasil a França Antártica, a começar no Rio de Janeiro. Foi a razão para transferir a capital do país pelos portugueses de Salvador para o Rio. **“Se você não lê jornal não está informado. Se você lê está desinformado” (Presidente Bolsonaro).

Associados da Cotrijui aprovam nova estrutura de poder

Serrano: nenhuma proposta de compra

A Cotrijui divulgou o resultado oficial do plebiscito do último dia 21 em toda a área de ação sobre a Estrutura de Poder, no qual 6.422 associados (86,58 por cento) disseram "sim" a experiência em desenvolvimento desde 1979. O "não" recebeu 864 votos (11,67 por cento) tendo se registrado ainda 80 votos brancos (1,07 por cento) e 51 nulos (0,68 por cento). A participação no plebiscito foi considerada boa pelos organizadores, tendo em vista que 7.417 associados (52,47 por cento) dos 14.208 aptos a votar, compareceram a uma das 132 urnas espalhadas em toda a área de ação da cooperativa. Ao aprovarem o "sim", os associados da Cotrijui estava reconhecendo como positivos os resultados em desenvolvimento desde 1979 na cooperativa. (...) A partir de agora todo esse processo será incorporado nos Estatutos da Cotrijui, mantendo a figura do representante, eleito pelo voto dos associados para atuar como porta-voz de suas localidades junto a direção da cooperativa, e vice-versa, entre outras mudanças.

Os cerca de 100 funcionários do Frigorífico Serrano presentes no Fórum saíram frustrados da audiência realizada para a abertura das propostas de compra da massa falida da empresa, pois nenhuma proposta foi apresentada apesar de ter havido interesse de empresas de outros estados de comprar o patrimônio do Serrano. O juiz de direito da 2ª. Vara, Dr. Ulderico Cecatto, disse que a audiência foi prejudicada pela falta de propostas de compra, ao mesmo tempo que informava que o processo segue normalmente com seus trâmites legais. O Dr. Ulderico Cecatto disse ainda que a perspectiva de venda do patrimônio do Serrano passa a ser de venda parcelada, ou seja, de cada uma das partes que o compõe.

Cooperativa de trabalho: uma ideia que deu certo Com apenas um ano de atividade, a Cooperativa de Prestação de Serviços dos Trabalhadores de Ijuí Ltda. – Cotrail, a primeira do gênero no interior do Estado, já mostra o acerto da ideia. Os serviços prestados por seus associados começam a ser reconhecidos em toda a região onde atua a cooperativa. A sua organização serve de modelo a outras cooperativas que surgem no Estado. Atuando na prestação de serviço eventual em diversas áreas, tanto rural quanto urbana, a Cotrail é responsável pela reintegração de inúmeros trabalhadores nas atividades que habitualmente exerciam, minimizando o problema social em nossa cidade. ... Santos Dezordi, presidente da Cotrail, diz que a cooperativa hoje é uma ideia que deu certo, apesar de ainda enfrentar alguns problemas com os próprios associados, atualmente bem menores que nos primeiros meses, isso como resultado da conscientização da importância da entidade para eles próprios. Dos 20 sócios iniciais, a Cotrail tem hoje 360, e poderia ter muito mais, perto de mil, caso houvesse emprego para todos. Entretanto, por ser uma cooperativa de trabalhadores eventuais, é possível que chegue próximo aos mil sócios na próxima safra agrícola, muitos dos quais se desligarão na época de menor oferta de emprego.

Santos Dezordi, presidente da Cotrail

APAE lança campanha

Para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Ijuí, a Semana do Excepcional que transcorre de 21 a 28 de agosto, não é motivo de qualquer comemoração. Pelo contrário, é tempo de buscar nova alternativas para o enfrentamento da difícil situação financeira que a entidade atravessa. O relato desta realidade foi apresentado pelo senhor Arno Gratsch, tesoureiro da APAE, em entrevista coletiva, que teve ainda as presenças da diretora da Escola, Ana Maria Dias, que é também fonoaudióloga da clínica, e do médico Nelson Lozza Quinto, que integra a equipe de técnicos da clínica da Apae. Durante a entrevista, foi lançada a Campanha de Sócios da Apae, através de pagamento de carnês, mediante a contribuição mínima de mil cruzeiros. O objetivo, segundo Arno Gratsch, é atingir 1.500 sócios, para que a Apae possa recolher os um milhão e 500 mil cruzeiros mensais necessários à sua sobrevivência.

CONCURSOS PINTO BANDEIRA - A prefeitura divulgou dois editais com abertura de 58 vagas imediatas, mais formação de cadastro reserva para candidatos de todos os níveis de escolaridade. Os salários variam entre R$ 1.291,50 e R$ 7.372,21. Os interessados poderão se inscrever até o dia 9 de setembro, pela internet, em www.objetivas.com.br. As taxas vão de R$ 50 a R$ 100. ESTRELA - A prefeitura de Estrela promove seleção para preencher seis vagas em vário cargos de nível superior e médio pelo regime estatutário e legislação vigente na data de convocação. O edital foi divulgado pela Fundação La Salle. O período para a realização das inscrições vai até as 18h do dia 17 de setembro de 2019, por meio do

endereço eletrônico www.fundacaolasalle. org.br/concursos. O valor da inscrição será de R$ 60,00 para Fiscal Tributário e de R$ 100,00 para os demais cargos. CANDELÁRIA - A prefeitura abriu nova seleção simplificada de pessoal para preencher vagas temporárias e formar cadastro reserva em diversos cargos de Ensino Superior e Médio na Secretaria da Saúde. As inscrições devem ser feitas até o dia 9 de setembro, em www.candelaria.atende. net. O valor da inscrição será de R$ 173,85, para as funções de nível Superior, e de R$ 92,72, para as funções de nível Médio. LAGOAS DOS TRÊS CANTOS - A prefeitura realizará novo concurso público para formar cadastro reserva para o cargo

de fonoaudiólogo. O vencimento é de R$ 1.363,36 para 40 horas/semana. Os candidatos deverão se inscrever das até o dia 2 de setembro, em www.unars.com.br. Para o processo seletivo não haverá cobrança de taxa de inscrição.

BARÃO - A prefeitura publicou edital para agente comunitário de saúde, agente de combate a endemias e operador de máquinas. Os vencimentos são de até R$ 2.265,42, por jornadas de 40 e 44 horas/ semana. As inscrições vão até o dia 4 de setembro, na Secretaria Municipal de Administração. As provas escritas serão realizadas na data provável de 14 de setembro, e o prazo de validade do processo seletivo é de 2 anos.


www.clicjm.com

Juvenil do São Luiz recebe o Ypiranga em jogo decisivo

NA PRÁTICA

Rubro precisa da vitória amanhã no Estádio 19 de Outubro. | 16

Médico Michel Bueno avalia diferenciais da Medicina Nuclear 5 Cpers defende realização de concurso público neste ano

Alunos da Universidade Nacional de Córdoba se preparam para projeto de intervenção em Ijuí | 7

Sindicato busca readmissão de temporários que foram demitidos. | 7

PROTESTO

Policiais civis gaúchos paralisaram atividades

Servidores públicos somente atenderam casos urgentes e graves e da Lei Maria da Penha | 20

UNIVERSO SURDO EM DEBATE

Intérprete internacional Marco Arriens realiza, desde ontem, palestra e workshop em Ijuí, onde trabalha a necessidade de inclusão do surdo | 7

EDITORIAL | 6 Neste cenário econômico, que agora começa a se recuperar da crise, é de extrema importância estimular o desenvolvimento por meio do empreendedorismo.

Profile for clicjm

Jornal da Manhã - Sábado 31.8.2019  

Jornal da Manhã - Sábado 31.8.2019  

Profile for clicjm
Advertisement