__MAIN_TEXT__

Page 1

WWW.CLICJM.COM

Ijuí, Sábado e domingo, 24 e 25 de Outubro de 2020

Município volta à bandeira vermelha Indicadores da macrorregião Missioneira pioram: Cruz Alta, Ijuí e Santo Ângelo são classificadas como risco epidemiológico alto. Mapa foi divulgado pelo Estado, ontem. | 12

OBESIDADE PREOCUPA EM IJUÍ

ENTIDADES COBRAM SOLUÇÕES

Aumento de casos, principalmente em crianças, evidencia importância da ações preventivas em saúde. | 13

Incertezas e impactos do déficit do Estado nos setores produtivos são discutidos na Assembleia. | 7

COMEÇA A CONSULTA POPULAR A partir da próxima segunda-feira, até o dia 3 de novembro, eleitores gaúchos poderão votar nas propostas da Consulta Popular, em formato virtual. | 21

Ano 47 - Nº 76

R$ 3,50


2

Jornal da Manhã

SÁBADO E DOMINGO, 24 E 25 DE OUTUBRO DE 2020

RADAR FIES - O governo federal regulamentou o programa que permite a renegociação de dívidas de financiamentos concedidos com recursos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). A medida estava prevista na Lei nº 14.024/2020, sancionada em julho, que suspendeu o pagamento de parcelas do Fies até 31 de dezembro, em razão da pandemia de covid-19.A medida vale para os contratos assinados até o segundo semestre de 2017 e para os débitos vencidos e não pagos até o dia 10 de julho deste ano, na fase de amortização, quando o estudante já concluiu o curso. TURISMO - O faturamento do setor de turismo no Brasil foi de R$ 70,4 bilhões no acumulado de janeiro a agosto de 2020, resultado que representa uma redução de 33,6% em comparação a igual período de 2019. O levantamento é da Fecomércio-SP, baseado em dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No período analisado, o resultado negativo do setor foi puxado principalmente pela queda nas viagens aéreas (retração de 68,8%) e pelos serviços de hospedagem e alimentação (diminuição de 43,2%). Atividades culturais, recreativas e esportivas também apresentaram redução relevante, de 33,3%, de janeiro a agosto de 2020. ESTÁGIO - O Banco do Estado do Rio Grande do Sul - Banrisul, realizará novo processo seletivo para estágio. O edital foi publicado através do Centro de Integração Empresa - Escola do Rio Grande do Sul (CIEE - RS). Todas as vagas disponíveis são para estagiários de nível superior nos cursos de Administração (Bacharelado), Ciências Contábeis e Ciências Econômicas. As inscrições podem ser realizadas através do portal wwww.cieers.org.br até o dia 28 de Outubro. A prova on-line será realizada no dia 8 de novembro. LIVROS - Os Correios e o Ministério da Educação anunciaram, nesta semana, o início de uma das maiores operações logísticas do mundo: a distribuição de livros e materiais paradidáticos do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD). Serão entregues de 197 milhões de livros, em todos os 5.570 municípios do País. Os Correios participam do Programa Nacional do Livro Didático desde 1994. No ciclo 2019/2020, a empresa entregou mais de 90 mil toneladas de carga para 140 mil escolas. HOME OFFICE - A pandemia do novo coronavírus alterou as relações profissionais e evidenciou a possibilidade do trabalho remoto para muitos funcionários. Com as mudanças, o volume de negociações coletivas firmadas com cláusulas sobre home office saltou 13,5 pontos percentuais e alcançou 15,9% dos acordos no Brasil. Em 2019, a norma estava presente em somente 2,4% das convenções. Os dados foram divulgados ontem, pelo Salariômetro, da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), que leva em conta informações do Ministério da Economia.

OLHO DA RUA A Associação dos Aposentados de Ijuí, União das Associações de Bairros de Ijuí e o antigo Telecentro, estão recebendo nova pintura. A ação faz parte do projeto de revitalização da Praça da República.

INDICADORES Poupança 23.10.2020 ..................0,4 % Ouro 23.10.2020............. R$ 343,6(gr) Dólar Comercial.................... R$ 5,6307 Dólar turismo ....................... R$ 5,8824 Euro ......................................... R$ 6,68 IPC/FIPE Setem /2020............... 1,12% INPC Setem /2020 ..................... 0,87% IGPM Setem /2020..................... 4,34% IPCA Setem /2020...................+0,64% TR Setem/2020 .........................+0,0% SELIC Setem/2020 ......................+2 %

LOTERIAS

1º 2º 3º 4º 5º ENTRE ASPAS

-

NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

7.858 1.233 9.006 8.963 7.890

LOTOFÁCIL

CONCURSO nº 2064

06 07 09 10 11 "Senhores, é simples assim: um manda e o outro obedece. Mas a gente tem um carinho, entendeu? Dá para desenrolar, dá para desenrolar." Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello

"A economia reagiu em uma velocidade acima da esperada. Assim, tivemos um descompasso entre a oferta e a procura de insumos. No auge da crise, vimos a desmobilização das cadeias produtivas e baixos estoques. Além disso, temos a forte desvalorização do real." Diretor de Desenvolvimento Industrial da CNI, Carlos Abijaodi "Isso está previsto no Código Penal em algum lugar. Se estamos concebendo a possibilidade de alguém daqui de dentro, intencionalmente, procrastinar, postergar ou realizar qualquer impedimento para que um medicamento salve vidas... Eu jamais vou poder cogitar isso." Diretor-presidente da Anvisa, Antonio Barra Torres

GETÚLIO

12 13 17 18 19 20 21 22 24 25 QUINA

CONC URSO nº

5398

09 14 37 54 80 PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo

HOJE

MÁX.

27° Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

MIN.

19°

DOMINGO

MÁX.

31° Sol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.

MIN.

18°

SEGUNDA

MÁX.

24°

Chuvoso durante o dia e à noite.

MIN.

15°

Fonte: Climatempo


Jornal da Manhã

SÁBADO E DOMINGO, 24 E 25 OUTUBRO DE 2020

EMPREGO

Número de jovens que não trabalham cresce A pandemia fez aumentar como nunca a parcela de jovens que são chamados de nem-nem: não estudam nem trabalham. A população na faixa etária de 20 a 24 anos nessa situação subiu de 28,6% no último trimestre de 2019 para 35,2% no segundo trimestre deste ano, o maior patamar já visto e o maior avanço já registrado, especialmente em um intervalo de apenas seis meses. Na faixa entre 25 e 29 anos, a população de nem-nem subiu de

25,5% para 33%. Diretor da Fundação Getúlio Vargas Social, economista Marcelo Neri, que fez o levantamento, alerta que a situação dos jovens é preocupante porque junta-se a crescente desigualdade educacio nal com a dificuldade dos recémformados de se inserir no mercado de trabalho. “O desemprego é um componente importante, mas não é o único e não é o maior. O desemprego é alto, mas a perda por precarização, por informalidade e redução de salário é tão grande quanto o desemprego”, diz. O cenário provoca descrença entre os jovens. Neri diz que 30% dos jovens brasileiros acreditam que não têm perspectiva de ascender socialmente pelo trabalho. Isso coloca o Brasil em 103º lugar em um ranking de 130 países. No Peru, esse percentual A desemprego é alto, mas a perda por precarização, por informalidade e redução de salário é tão grande quanto o desemprego."

Marcelo Neri

é 3%. "As ferramentas do jovem de inserção, que na verdade são as ferramentas de propulsão da economia, educação e trabalho, na visão do jovem esses elementos estão aquém do que eles precisam", explica. O pesquisador ressalta que o jovem tem que acreditar que é possível subir na vida, senão para quê vai estudar e trabalhar para sobrevivência. “A situação é um vácuo que foi formado e precisa ser ocupado com coisas positivas e concretas. O jovem tem que conseguir vislumbrar isso, o que não está conseguindo com a situação atual." Outro estudo da FGV Social, aponta que renda trabalhista da metade mais pobre caiu 27,9% contra 17,5% dos 10% brasileiros mais ricos. Os jovens entre 20 e 24 anos voltaram a aparecer entre os que mais perderam renda (-26%), ao lado dos indígenas (-28,6%) e dos analfabetos (-27,4%). Para mudar este cenário, de acordo com Neri, é necessário uma educação mais voltada para a realidade do jovem, Ensino Técnico para capacitar ao mercado, e melhorias no ambiente de trabalho são fatores que podem contribuir para melhorar o cenário.

Casas de festas esperam recuperação As casas de festas infantis, um dos setores que mais sofreram com a pandemia e tiveram nesta semana a autorização para o retorno, estão sendo desafiadas neste momento. Assim como outros segmentos, a reabertura tem limitações e deve respeitar protocolos. O funcionamento, por exemplo, só é permitido em regiões que estejam em bandeira amarela ou laranja há pelo menos 14 dias. No caso de bandeira amarela, o ambiente poderá ter no máximo 100 pessoas, entre participantes e funcionários do estabelecimento. Em caso de bandeira laranja, o limite cai para 70 pessoas. Além disso, as mesas deverão ter um distanciamento de dois metros e os brinquedos deverão ser higienizados após cada uso e as festas ficam proibidas em caso de bandeira vermelha. Cada evento também não poderá ultrapassar quatro horas de duração. Embora a retomada

Letícia Giovelli, proprietária da Casa de Festas Aquarella Kids

seja um alento para o setor, a recuperação dos prejuízos deve ficar mesmo para 2022. O motivo é que as festas costumam ser agendadas com antecedência e boa parte delas foi cancelada ou remarcada para o ano que vem. Na casa de festas Aquarella Kids, por exemplo, os eventos serão realizados obedecendo as

regras de segurança, esclarece a proprietária Letícia Giovelli. Fechado desde março, o estabelecimento viu a receita cair nos primeiros meses de pandemia. A sobrevivência só foi possível com renegociações com fornecedores e clientes. "Mas a reabertura, mesmo com todos os controles irá nos ajudar."

3

Ijuí tenta entrar na rota de voos comerciais Com a conclusão da sinalização noturna do Aeroporto Municipal João Batista Boss Filho e a ampliação da pista para 1,8 mil metros de extensão, sendo 1,3 mil metros dela pavimentada, o poder Executivo de Ijuí voltou a debater a possibilidade do município entrar na rota de voos comerciais no interior do Estado. Recentemente, a empresa Azul Linhas Aéreas anunciou que vai retomar os voos comerciais entre Porto Alegre, Pelotas e Santa Maria, após elas terem sido suspensas em decorrência da pandemia do coronavírus, que iniciou em março. Prefeito de Ijuí Valdir Heck esteve reunido em audiência com o deputado estadual Gerson Burmann (PDT) para tratar dessa antiga demanda do município. "Diante dessas melhorias e das que vierem acontecer, eu entendo que nós podemos ser inseridos em rota de aviões de companhias que queiram fazer o transporte comercial", revelou o chefe do Executivo, em entrevista ao Grupo JM. Heck destaca que esses avanços junto ao Aeroporto ocorreram pelas parcerias que o Executivo realizou Prefeito Valdir Heck com as entidades e empresas privadas do município. "De longa data se buscava a sinalização noturna, e com a parceria da Associação Comercial e empresário, implementamos essas ações, finalizando e permitindo que aeronaves possam pousar à noite em Ijuí, como já está acontecendo", disse, lembrando que a parceria entre prefeitura e Ceriluz possibilitou a ampliação da ponta Norte do aeroporto. "Os pilotos dizem que o nosso Aeroporto está muito bem localizado e isso facilita as manobras de pouso e início de voos", acrescentou. No encontro, o deputado estadual Gerson Burmann sugeriu a realização de estudos para viabilizar a inclusão de Ijuí na rota de voos do Estado.

Sicredi cadastra associados ao PIX até 15 de novembro Sicredi está realizando o cadastramento de associados para uso do Pix, sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central do Brasil até o dia 15 de novembro. O novo sistema de pagamento começará a funcionar dia 16 de novembro e promete revolucionar as transações financeiras no País. Associados interessados em usar a solução podem cadastrar as Chaves Pix, que podem ser CPF ou CNPJ e, para aqueles que já indicaram estes na fase de précadastro, dados como e-mail e números de telefones celulares. Essas chaves servirão como identificação dos usuários no momento da operação financeira. Gerente da agência Sicredi Ijuí Imigrantes, Jéferson José de Marchi, explica que o Pix não é um novo aplicativo e sim uma solução que estará disponível dentro do aplicativo Sicredi e no app Woop Sicredi, conta 100%

digital. "Com o PIX o associado poderá fazer a transação 24 horas por dia, em qualquer lugar do País, todos os dias da semana", disse em entrevista ao Grupo JM. Marchi ressalta que o Pix será alternativa à Transferência Eletrônica Disponível (TED) ou ao Documento de Ordem de Crédito (DOC). Com um simples clique, os consumidores poderão transferir, pagar ou receber imediatamente a qualquer horário ou dia. As movimentações financeiras poderão ser feitas por pessoas físicas e jurídicas utilizando as Chaves Pix cadastradas, via QR Code ou ainda usando os dados bancários, como já é feito atualmente. "O Pix nada mais é que um TED turbinado", acrescenta. Mesmo com a nova forma de pagamento, no Sicredi as opções de TED e DOC continuarão disponíveis para todos os clientes da cooperativa.


4

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de outubro de 2020

ÁGUA

Consumo excessivo e falta de chuvas geram impactos A água é um dos recursos naturais mais preciosos da Terra, imprescindível para a vida em geral e para a humanidade em especial. No seu estado propício para o consumo como água potável, ela é um bem finito. Segundo estudos recentes da Organização das Nações Unidas (ONU), até 2025, três bilhões de pessoas estarão sem acesso à água de boa qualidade. Agravando a situação, as condições climáticas tem acarretado na falta de chuvas e altas temperaturas na região. Em Ijuí, a última chuva havia ocorrido no dia 27 de setembro, e foram registrados 17 milímetros. Ontem voltou a chover, e as previsões apontam que os próximos sete dias poderão ter chuva significativa em diversas regiões do Rio Grande do Sul. Na segunda, a propagação de uma frente fria provocará chuva em todo o Estado, com possibilidade de temporais isolados. Na terça e quarta-feira, a entrada de uma nova massa de ar seco e frio afastará a nebulosidade e provocará diminuição das temperaturas, com valores abaixo de 10°C durante o período noturno. Os totais previstos deverão oscilar entre 15mm e 30 mm na maior parte do Estado. O excesso de calor gera, além do desperdício de água, o aumento de consumo de energia elétrica. Segundo o presidente do Departamento Municipal de Energia Elétrica de Ijuí (Demei) Ruben Härter, foi registrado um aumento de 45% da média normal para esse período do ano. As formas mais comuns de desperdício de água são a

Legislação ambiental é apresentada a candidatos

Nesta semana, a Assembleia Permanente das Entidades de Defesa do Meio Ambiente do Rio Grande do Sul (Apedema-RS) apresentou aos candidatos ao Executivo e Legislativo uma plataforma com base nas conquistas para a área ambiental dos últimos anos. Trata-se de 10 pontos fundamentais da legislação, com os quais a entidade entende que é fundamental o comprometimento político e de gestão municipal. Como integrante da coordenação da Apedema-RS, a Associação Ijuiense de Proteção ao Ambiente Natural (Aipan) encaminhou o documento a ser assinado a partidos, comitês, candidatos (as) e coligações municipais. Todos os signatários terão a divulgação de sua participação em um vídeo produzido pela Apedema-RS, que será publicizado no dia 29 de outubro. Em Ijuí, a pauta apresentada reforça as demandas explicitadas pela Carta aos Candidatos às Eleições Municipais construída pelo Fórum da Agenda 21 de Ijuí – 2020, a qual foi entregue no início de outubro às três coligações que participam do pleito de 2020. De acordo com a presidente da Aipan, Francesca Werner Ferreira, todas as questões colocadas, são o cumprimento da legislação ambiental, tanto em âmbito municipal quanto estadual e federal.

Multas novas não são cobradas pelo Ibama

torneira mal fechada, o banho demasiadamente demorado, a lavagem de calçadas, os excessos na limpeza dos carros, entre outras práticas. Uma considerável parte do desperdício acontece no transporte da água até o consu-

midor, resultado de tubulações públicas velhas ou danificadas, obras mal realizadas, além de redirecionamentos de água clandestinos. Por isso, ao identificar essas situações a população deve entrar em contato com a Corsan.

Um decreto publicado no ano passado pelo governo Bolsonaro que instituiu os chamados "núcleos de conciliação" para avaliar multas do Ibama e do ICMBio antes de elas serem contestadas judicialmente praticamente travou a punição a crimes ambientais no Brasil. É o que mostra levantamento feito pelo Observatório do Clima a partir de dados obtidos via Lei de Acesso à Informação(LAI). O decreto 9.760, de abril de 2019, suspendeu a cobrança da multa até que seja realizada a audiência de conciliação. O mecanismo, criado pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, foi justificado como uma tentativa de fazer órgãos fiscalizadores chegarem a um acordo, sem a necessidade de contestação judicial. Mas o levantamento revelou que, desde então, o Ibama realizou apenas cinco audiências de um total de 7.205 agendadas. O ICMBio não fez nenhuma. Na prática, nenhuma multa foi aplicada desde quando o decreto entrou em vigor, até agosto passado (data do acesso aos documentos). A análise e documentos técnicos levantados pelo OC mobilizaram um grupo de parlamentares de PT, PSB, PSOL e Rede a entrar com ação anteontem, no Supremo Tribunal Federal visando anular o decreto."A autuação é só o início de um processo sancionador. O autuado tem direito a defesa. A cobrança só ocorre quando a multa é considerada devida. Mas o que vimos é que o processo não está nem iniciando", explicou ontem Suely Araújo, especialista do Observatório do Clima. Segundo ela, as únicas multas pagas no período foram as aplicadas antes de valer a conciliação. Procurado, o Ministério do Meio Ambiente ainda não se manifestou sobre a ação nem sobre a baixa atuação dos núcleos de conciliação.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de outubro de 2020

5

CIDADES

Utilização de recursos deve ser otimizada O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) abriu, no início desta semana, consulta pública sobre os objetivos estratégicos e recomendações que integram a Carta Brasileira sobre Cidades Inteligentes. A participação é aberta a toda a sociedade e poderá ser feita até 7 de novembro por meio da Plataforma Participa + Brasil. Cidades inteligentes são aquelas que otimizam a utilização dos recursos para servir melhor os cidadãos. Isso vale para mobilidade, a energia ou para qualquer serviço

É o conceito de aplicação de tecnologias para resolver problemas, com foco nas necessidades dos cidadãos. Carlos Frees

necessário à vida das pessoas. "É o conceito de aplicação de tecnologias para resolver problemas, com foco nas necessidades dos cidadãos, tornando o Município mais ágil em suas ações, por meio de inteligência artificial e outras tecnologias de apoio à Administração pública tornando as cidades mais inteligentes", explica o consultor da Rede Brasileira de Cidades Inteligentes e Humanas (RBCIH), Carlos Venícius Frees. Dentro deste conceito se busca automatizar as ações, tornando a iluminação pública inteligente, por exemplo, com potencial forte e as luzes de LED conectadas a uma central de comando que habilita ou desabilita as lâmpadas, que se utilizam de sensores, capazes de identificar o que ocorre na região, alterando, inclusive, a taxa de luminosidade conforme a ocupação da via. "Isso economiza para o Município e o torna mais ágil." O lançamento da Carta Aberta ocorreu há cerca de dois meses, mas sua elaboração começou em

agosto do ano passado, com a participação integrada do governo federal, da sociedade civil, da academia e do setor privado. "Ela terá como base as premissas da Política Nacional de Desenvolvimento Urbano (PNDU) e visa orientar a agenda de cidades inteligentes no governo federal para os próximos anos, servindo de alicerce também para que Estados e Municípios formulem políticas relativas ao tema, de modo a consolidar o entendimento de que a tecnologia deve estar à serviço do cidadão", conta Frees, ao Grupo JM. Uma série de especialistas de todo o País, nas diferentes áreas, participaram desta elaboração. "É um modelo que trata dos objetivos, estratégias e conceitos que estão sendo adotados para disseminar esse processo. Se trata de uma consulta pública, e se desdobra em uma série de objetivos estratégicos, com autores para cada um", acrescenta o diretor da RBCIH. Ele pontua a importância de os futuros gestores municipais,

que serão eleitos no próximo mês, terem em mãos o livro O futuro é das CHICS: como construir agora as cidades humanas, inteligentes, criativas, lançado pelo Instituto Brasileiro de Cidades Inteligentes, Humanas e Sustentáveis (IBCIHS), juntamente com a RBCIH, em julho passado. Para Frees, o documento irá auxiliar os futuros prefeitos a construírem um Plano Estratégico das Cidades Inteligentes, que seja capaz de criar ambientes que ativem esse processo, construindo uma cidade boa para viver, para estudar, para trabalhar, para investir e para visitar, de forma sustentável, criativa e com alta qualidade de vida. "Para os candidatos é muito importante ter esse livro na mão, que é gratuito, basta entrar no site do Instituto e baixá-lo. Essa capacidade e capacitação das prefeituras e gestores públicos é algo muito importante, e eles precisam entender e procurar as instituições que trabalham com isso", finaliza.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de outubro de 2020

6

Opinião do JM A CONSEQUÊNCIA

A

piora nos índices, uma vez que, diariamente tanto as vias informação de que Ijuí retornou à bandeira vermelha, públicas quanto postos e bares, assim como praças, vivem cabendo ainda recurso por parte da prefeitura, que anA informação de que uma superlotação de pessoas, sem respeito ao distanciamento tecipou que não irá fazê-lo, até a próxima segunda-feira, não Ijuí retornou à bandeira mínimo e sem o uso de máscaras. chega a ser uma novidade, para quem está acompanhando vermelha, não chega a Durante um pequeno período, a redução no número de casos a evolução dos casos e óbitos por covid-19. Até ontem, 29 ser uma novidade, para na cidade deu uma falsa sensação de segurança, com a comupessoas perderam a vida por causa da doença e mais de 500 quem está acompanhando nidade passando a acreditar que o pior havia passado. Mas, casos ativos eram registrados, pela primeira vez. Além disa evolução dos casos. enquanto não houver vacina, e, portanto, a cura, ninguém está so, o município também bateu recorde no registro de casos, seguro, nem mesmo aqueles que já contraíram o vírus. Vale sendo 48 novos, em somente um dia. O Centro de Triagem, desde o primeiro feriadão, atende demanda expressiva, tendo fila de espera. lembrar que, por ser novo, sua genética na totalidade e seu comportamento Com a flexibilização, as administrações municipais e o Estado buscaram a ainda não são conhecidos, ninguém sabe dizer até que ponto aqueles que já retomada econômica e certa normalidade à vida, ação mais do que necessária, contraíram a doença estão imunes, por exemplo. A falta de conscientização considerando a situação financeira caótica dos caixas públicos. Os negócios da população com as medidas de segurança e aquela ideia de que o pior já não podem parar e ambientes propícios devem ser criados. Entretanto, na passou provam mais uma vez que ainda não aprendemos a nos comportar outra ponta, com a liberação do comércio, eventos, atividades esportivas, em sociedade, e a obedecer regras. O resultado deste comportamento recairá entre outras, ainda que limitadas e dentro de protocolos sanitários, a popu- mais uma vez sobre as atividades econômicas, que depois de tanto tempo lação entendeu que não era mais necessário adotar as medidas de segurança conseguiram reabrir, a duras penas e depois de muita mobilização, e agora e a situação perdeu o controle. Nesse contexto, cabe salientar que a falta de terão que fechar suas portas novamente. Sofre a economia, porque reduz o fiscalização por parte dos órgãos responsáveis também contribuiu para essa consumo, se perde em arrecadação e nada sobra para investimentos.

ENTREVISTA Como a covid-19 mudou o entendimento do que significa estar preparado? A pandemia mostrou que a liderança, em nível nacional e subnacional, pode pesar mais do que dispositivos sistêmicos. Não que baste ter boa liderança; um País desprovido de infraestrutura continuará despreparado. Mas, se há capacidade sistêmica, o nível de liderança —tanto em termos de respeitar a ciência e a saúde pública como de planejamento estratégico e coordenação— pode superar todo o resto. Os EUA não tinham plano, e a resposta tem sido mais tática do que estratégica em nível nacional. Daqui em diante, creio que os índices de preparo deverão levar em conta não só o país, mas seu governo. A Organização Mundial da Saúde tem sido criticada por sua resposta lenta à crise. O senhor concorda? Não. Diante de epidemias de doenças infecciosas, em que a ação precoce importa muito, o critério deveria ser a existência de evidência sugestiva de um benefício e nenhuma grande desvantagem em fazer determinada coisa. A evidência pode favorecer a ação mesmo que não seja conclusiva. Um exemplo é o lockdown preventivo. A evidência era muito forte de que ele poderia retardar a crise por vir. Embora o lado negativo não fosse pequeno, sua mitigação era possível, de modo que defendi medidas rápidas antes de sabermos todos os detalhes e dados. Uma abordagem mais analítica de decisão, em vez de uma abordagem apenas de evidência científica, é apropriada no caso. Na sua opinião é possível incluir todas as dimensões na tomada de decisões do dia a dia? Eu concordo com esse princípio, de que se os bloqueios fossem mais prejudiciais em termos de saúde mental e economia do que benéficos em

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

de casos de maneira relativamente rápida. Isso não significa que se deva lidar assim com todo surto viral. Se este fosse menos letal, a decisão poderia ser outra.

Marc Lipsitch Epidemiologista termos do vírus isso seria uma consideração importante contra. Na prática, contudo, é muito difícil comparar. Primeiro, cada efeito desses é difícil de estimar. Segundo, se o vírus está se espalhando, isso tem efeitos amplos: afeta a saúde mental e a economia, pois a reação das pessoas é tentar se isolar. Não é questão de separá-los, contá-los e pesá-los. Está tudo inter-relacionado, e a dimensão temporal é confusa. Acho que é realmente difícil e não culpo nenhuma decisão política por ter dificuldade em equilibrá-los. Mas a decisão a curto prazo, a decisão imediata de bloquear, foi válida. Minha percepção no momento é que ainda temos um equilíbrio favorável em relação a medidas de controle extremas, pois elas podem reduzir o número

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Deise Morais redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com Representantes Comerciais: Grupo de Diários

www.clicjm.com

Do ponto de vista da saúde pública, há uma forma ideal de distribuir a vacina? Depende das características da vacina. Há de se ver se ela oferece proteção contra infecção e transmissão ou apenas protege contra doenças. Se ela protege contra doenças e sintomas graves, será importante vacinar antes pessoas de alto risco; se ela protege contra a transmissão, pode valer a pena priorizar profissionais de saúde e outras pessoas. A segunda dimensão é se ela funciona tão bem nas pessoas de alto risco como funciona nos jovens saudáveis. Se sim, há um argumento forte para priorizar as pessoas com maior risco de complicação, sobretudo se houver um número limitado de doses. Se não funciona tão bem neles, então acaba sendo melhor uma estratégia em que se vacinam prioritariamente as classes de transmissão, em grande parte pessoas jovens, saudáveis, e depois se tenta proteger os idosos e as populações de risco indiretamente. A resposta está na interseção dessas duas questões. Quando a primeira vacina for aprovada, não teremos certeza de nada disso, pois os ensaios não têm o poder de estudar os efeitos em todos os subgrupos. Para o senhor seria possível isolar a resposta científica à covid-19 da política? Isso exigirá esforços a longo prazo, e o terreno dessa politização foi preparado por grupos de esquerda e de direita, mas sobretudo de direita, que politizaram questões científicas como vacinas e mudança climática. A visão de que a ciência é para todos e não tem partido precisa ser recuperada. Precisamos resgatar a ideia de que a ciência é apartidária.

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

ciadearte@jornaldamanhaijui.com

ASSINATuRAS E CIRCuLAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0317 3331-0321 SEMEStRAl: R$ 240,00 ANUAl: R$ 480,00 CORREIO: R$460,00 (SEMEStRAl); R$ 900,00 (ANUAl)


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de outubro de 2020

7

ORÇAMENTO

Setores produtivos cobram medidas O Rio Grande do Sul é o pior colocado no indicador de solidez fiscal no Ranking de Competitividade dos Estados, elaborado pelo Centro de Liderança Pública (CLP). Na posição geral, está no oitavo lugar no Ranking de Competitividade, atrás de boa parte dos Estados do Sul e Sudeste. Esses dados foram apresentados durante a terceira reunião da série coordenada pelo deputado estadual Mateus Wesp, relator do Projeto de Lei Orçamentária para 2021 (LOA 2021), com a finalidade de discutir os riscos e as alternativas para o próximo ano, quando o déficit deve chegar a R$ Marco Aurélio dos Santos Cardoso 8,1 bilhões. de representantes da Secretaria As preocupações sobre os impactos do déficit público de Articulação e Apoio aos Musobre os setores produtivos foi a nicípios e das equipes técnicas tônica de uma reunião que ocorreu responsáveis pela elaboração do nesta semana com entidades e Orçamento 2021. O secretário da Fazenda, associações ligadas aos setores econômicos e com a presença Marco Aurelio, ressaltou várias de secretários de governo, além das iniciativas lideradas pelo

governo para tornar o Estado mais competitivo, como as ações de desburocratização, reformas, privatizações, concessões e as parcerias público-privadas. Alertou, porém, que a situação fiscal do setor público tem relação direta com a sociedade e com o mercado privado, que são parceiros do Poder Público para o desenvolvimento. Entidades revelaram preocupação com a atual situação fiscal, que dificulta o investimento em infraestrutura e inovação, além de restrição de recursos para outras áreas consideradas essenciais, como segurança, educação e saúde. A falta de capacidade de investimento do Rio Grande do Sul acaba repercutindo no trabalho do dia a dia dos setores produtivos gaúchos, segundo algumas das manifestações.

Governo vai reduzir regras do e-social O presidente Jair Bolsonaro anunciou na quinta-feira uma nova rodada de flexibilização de normas trabalhistas. Um dos pontos do pacote trata da revisão das normas de segurança no trabalho para o setor de agricultura, pecuária, silvicultura e aquicultura. Com isso, o governo diz que as empresas economizarão cerca de R$ 4 bilhões por ano, com

redução de multas e despesas. Além disso, o Descomplica Trabalhista, nome dado ao programa de revisão de regras e redução de burocracia, revogou 48 atos portarias do antigo Ministério do Trabalho. O governo também anunciou uma simplificação do eSocial – sistema de envio de dados trabalhistas. Segundo o Ministério da Economia, o for-

Pronampe ganha terceira fase com juros mais altos

Carlos da Costa

mulário foi enxugado e o tempo de preenchimento dos dados deve cair 40%. Por exemplo, o CPF passa a ser o único número de identificação do trabalhador, dispensando a necessidade de outros dados como PIS.“Uma redução da burocracia para a geração de oportunidades”, disse o secretário especial de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco.

O Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe) terá uma terceira fase. O anúncio foi feito pela Secretaria de Produtividade, Emprego e Competitividade. O secretário da pasta, Carlos da Costa, também afirmou que “uma parte do programa terá duração indefinida”. O governo já negociava com o Congresso Nacional a extensão do Pronampe para o próximo ano. A terceira fase do Pronampe permitirá uma concessão de crédito maior, diante do histórico de baixa inadimplência verificado nas edições anteriores. Segundo Costa, a alavancagem permitida será de quatro vezes e terá uma cobertura de 25% pela União. A proteção contra calotes fornecida pelo governo em fases anteriores era de 85%. Porém, os juros cobrados também serão maiores. Costa não precisou qual será a nova taxa, mas afirmou que ela continuará com “um dígito”. Atualmente, os créditos são corrigidos pela taxa Selic (2%) mais 1,25% sobre o valor concedido.

Estado tem 87 mil pessoas na fila de pedidos de benefícios do INSS O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) tem 87.364 gaúchos na fila de pedidos de aposentadorias e benefícios. No País, esse número salta para mais de 1,2 milhão de pessoas. Quase metade desses pedidos, 43.194, se referem a aposentadorias. Pouco mais de 28 mil dependem de ações do INSS e no restante há pendências por parte do segurado. A maior parte, 25.607 são pedidos de aposentadoria por tempo de contribuição. Outros 3.088 gaúchos esperam por pedidos para receber o Benefício de Prestação Continuada (BPC), que é pago para pessoas com mais de 65 anos que comprovem baixa renda. O valor do BPC é de um salário mínimo mensal, R$ 1.045. De acordo com o INSS, mais de 30 mil pessoas esperam no Estado por benefícios por incapacidade. A maior parte, 29.179 são de pedidos de auxílio doença. Já as pensões por morte, chegam a 10.610.

Taxa de desemprego sobe em setembro

Resgates no Tesouro Direito aumentam

A taxa de desemprego aumentou de 13,6% em agosto para 14,0% em setembro, maior resultado da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Covid (Pnad Covid-19) mensal, iniciada em maio pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em setembro, a população ocupada totalizou 82,934 milhões de pessoas, um aumento de 1,0% em relação a agosto, 793 mil vagas a mais.

Os resgates do Tesouro Direto superaram as emissões pelo terceiro mês seguido. Em setembro, foram realizadas 403.225 operações de investimento em títulos do Tesouro Direto, no valor de R$ 1,86 bilhão. Durante esse mês, os resgates foram de R$ 2,02 bilhões. Dessa forma, houve retirada líquida de R$ 168,48 milhões. Os dados são da Secretaria do Tesouro Nacional.

Indústria tem problema para obter insumos Sondagem da Confederação Nacional da Indústria (CNI) aponta que 68% das empresas consultadas estão com dificuldades para obter insumos ou matérias-primas no mercado doméstico. Para o presidente da CNI, Robson de Andrade, a economia reagiu em uma velocidade acima da esperada. "Assim, tivemos um descompasso entre a oferta e a procura de insumos", afirma.

0,94%

é a prévia da inflação para o mês de outubro, divulgada ontem pelo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Bolsa Família não deve ter 13º salário

Poupança social digital é regulamenta por Lei

Técnicos da equipe econômica e assessores do presidente Jair Bolsonaro afirmaram que o governo não deve pagar um 13º salário para os beneficiários do Bolsa Família neste ano. Gestor do programa, o Ministério da Cidadania foi procurado, mas não se manifestou sobre o assunto. O governo Bolsonaro editou uma MP (Medida Provisória) no ano passado para pagar o 13º em 2019.

O Diário Oficial da União publicou ontem lei que regulamenta a conta de poupança social digital, usada pela Caixa Econômica Federal para o pagamento de benefícios sociais, como o auxílio emergencial. A conta de poupança social digital permite que as pessoas possam receber o auxílio emergencial e outros benefícios sociais e previdenciários sem pagar tarifa de manutenção.


8

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de outubro de 2020

PALANQUE JM

Carlos quer soluções na Média Complexidade

S

em condições de pagar por um plano de saúde, a maioria da população acaba recorrendo ao Sistema Único de Saúde (SUS) quando necessita de um atendimento. Mas, há situações na rede pública que incomodam o candidato a prefeito pelo Patriota, Carlos Kowalski, que concorre em chapa pura com o slogan Muda

Ijuí de Verdade. Na quinta-feira, ele falou ao Palanque JM sobre o tema Saúde e Retomada Póspandemia. “Ainda temos filas nos postos de saúde para marcar consultas. Em virtude da pandemia, claro, esse cenário foi alterado. Mas, antes, era comum encontrarmos aglomerações de pessoas, gente passando a madrugada na fila, para conseguir um atendimento”, apontou, lembrando que a maioria das pessoas possui celular e é possível criar um aplicativo ou permitir que as pessoas façam agendamentos por meio de ligações. “Quem não precisa de um atendimento

Carlos Kowalski defendeu ações para facilitar o acesso de usuários do SUS

de urgência ou emergência, não necessita ir até um posto de saúde. Nosso município está crescendo. Alguns postos de saúde sequer tem um espaço com cobertura para espera. Passava no posto do Herval e encontrava pessoas aguardando do lado de fora, com guarda-chuva, sob o mau tempo, para conseguir marcar uma consulta”, afirmou. Na mesma linha do agendamento a distância, Carlos destacou que a medida beneficiaria diretamente as famílias que residem no interior. “Por vezes o produtor sai de casa, deixa seu trabalho, perde o dia todo e fica sem atendimento. Pense no prejuízo que isso gera. Precisamos pensar no interior da mesma forma que pensamos a cidade. A economia do município é mantida pela agricultura”, completa. Outro problema, como aponta o candidato, está na Média Complexidade e no deslocamento que muitos pacientes fazem na busca de exames, consultas e pequenas cirurgias em outros municípios. “Usuários daqui vão para outra cidade, enquanto que pessoas de municípios vizinhos vem para Ijuí, em busca de serviços na área da saúde. Precisamos resolver isso. Precisamos ter

Legislativo terá duas sessões solenes Celebrado em 28 de outubro, o Dia do Servidor terá o ponto facultativo antecipado para a próxima segunda-feira. Em razão disso, os trabalhos na Câmara Municipal retomam na terça-feira. E para além da sessão ordinária, que acontece às 18h, duas sessões solenes estão agendadas para a mesma noite. Às 18h30, está previsto o início da sessão de entrega do Título de Cidadão Ijuiese. Foram in-

dicados para receber a homenagem, pelo poder Executivo, Melânia Tereza Fabry Jora, Sérgio Luís Allebrandt e João Agostinho Boaro; e pelo poder Legislativo, Gilson Pedrazzi, João Luiz Leone de Senna e Eduardo Aparecido Anéllo. Às 19h30, inicia-se a sessão solene de entrega do Troféu Mulher Cidadã. Serão homenageadas Lucimeri dos Anjos da Silva Correa, Daniela Menezes da Silveira Lima e Gládis Marize Berno.

Comissão vai debater acesso a urgências Por solicitação do deputado Valdeci Oliveira, a reunião ordinária da próxima quartafeira, da Comissão de Saúde e de Meio Ambiente (CSMA) da Assembleia Legislativa, contará com a participação do médico Armando de Negri Filho, coordenador geral da Rede Brasileira de Cooperação em Emergências (RBCE). O profissional falará aos deputados sobre os direitos humanos na atenção às urgências e no acesso hospitalar do

SUS em tempos de coronavírus, tendo como foco pacientes e profissionais que estão no centro da crise e seus papéis na construção do futuro. "Se trata de uma pauta importante, pois mostra a fundamental importância que o SUS tem e está tendo neste momento de caos sanitário", avalia Valdeci. O tema também será abordado em congresso virtual que está sendo organizado pela RBCE para acontecer entre os dias 7 a

13 de dezembro, e que contará com a participação das Pastorais Sociais da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), da Confederação Nacional dos Trabalhadores da Seguridade Social (CNTSS) e do Movimento Nacional de Direitos Humanos, além de pesquisadores. A reunião acontece a partir das 9h, em ambiente virtual, e pode ser acompanhada pelo canal da TV AL no youtube (www.youtube.com/tvalrs).

AGENDA DOS CANDIDATOS Andrei Cossetin

Andrei participa, hoje, de café com a direção da Ueti e de caminhada no bairro Lambari. O almoço ocorre na presença do deputado federal Marcelo Brum. À tarde, ocorre bandeiraço na Praça da República. Amanhã, haverá de almoço no Rincão dos Fabrim. Ballin

Hoje, Ballin participa de reunião com empresários, caminhada e visitas. Também ocorrem reuniões com lideranças e moradores do Distrito de Santana, à noite. Amanhã, haverá reunião com candidato a vereador, visitas e encontro com a coordenação de campanha. Carlos Kowalski

Hoje pela manhã, o candidato realiza visitas à comunidade Santo Antônio é, à tarde, a bairros, como Lambari e Jardim. No domingo pela manhã, Carlos participa de cultos e, à tarde, de visitas aos bairros Lambari, Modelo e Jardim. coragem para cobrar o governo do Estado e também pressionar os deputados, para que uma solução seja encontrada. Não tem cabimento o município ter hospitais, como o novo Bom Pastor, com ampla estrutura e bem equipado, e ainda ser necessário ir para outros locais”, comentou, destacando, ainda, que Ijuí possui grandes médicos e profissionais. Para vencer a falta de recursos, o candidato propõe parcerias, como com a Unijuí, por exemplo, a fim de incentivar ações e pesquisas. Ele destaca

ainda a importância da união: "a disputa deve acabar no dia da eleição. Depois, todos devemos nos unir e trabalhar em prol do município." Está entre as propostas, segundo Carlos, promover a capacitação dos profissionais de saúde e realizar a interligação do sistema de informação da rede municipal com os hospitais. Essa interligação também permite que outros setores, outras secretarias, façam parte do mesmo sistema e compartilhem informações, facilitando o acesso pela comunidade.

Avança proposta que isenta de ICMS os hospitais A Comissão de Economia, Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, da Assembleia Legislativa, aprovou o parecer favorável ao Projeto de Lei 121 2015, de autoria do deputado Pedro Pereira (PSDB), que prevê a isenção do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) para Santas Casas e Hospitais Filantrópicos. O parecer é do deputado Adolfo Brito e foi aprovado em reunião ordinária virtual, nesta semana. O autor do projeto, deputado Pedro Pereira, explicou que o objetivo é que as Santas Casas e Hospitais Filantrópicos fiquem isentas do pagamento do imposto nas contas de luz, telefone e gás. "Eu sou médico e conheço a realidade dos nossos hospitais que passam por sérios problemas financeiros. Quero que as clínicas de hemodiálise

Pedro Pereira

e de oncologia que atendam pacientes do SUS também sejam imunes do pagamento do imposto. Com este objetivo, estou elaborando junto com a deputada Luciana Genro, uma emenda de plenário" afirmou.


Jornal da Manhã

SÁBADO E DOMINGO, 24 E 25 DE OUTUBRO DE 2020

PALANQUE JM

Andrei sugere Corujão da Saúde para reduzir filas

Na avaliação do candidato Andrei Cossetin, da coligação Acredite, Ijuí pode mais! (Progressistas, PL, PRTB, PSL, Republicanos e MDB), ainda há muitos gargalos na saúde pública de Ijuí. Ele fechou o bloco sobre Saúde e Retomada Pós-pandemia, ontem, no Palanque JM. “Na condição de vereador,

já acompanhei usuários na fila de espera de postos de saúde, durante a madrugada, em busca de uma consulta, um exame. E a primeira coisa que queremos trabalhar é a Atenção Básica, ampliando e qualificando as equipes de saúde da família, para que os postos possam funcionar de forma mais efetiva. Precisamos fortalecer a base para que não tenhamos sobrecarga na Unidade de Pronto Atendimento (UPA)", disse. É proposta da coligação a qualificação do sistema de informação, com a integração de todos os prestadores de serviços, contando, inclusive, hospitais

Andrei quer implantar o Teleagendamento e o Corujão da Saúde na cidade

e clínicas. “Também queremos implantar um projeto que foi protocolado por mim em 2015, que é do Teleagendamento. É uma iniciativa que tem dado certo em cidades do País e em Viamão, por exemplo. A exemplo do que acontece na rede privada, o usuário pode agendar a sua consulta via telefone, por um 0800. Todos os agendamentos ficariam disponibilizados num sistema, de forma transparente”, destacou, lembrando que, no mês anterior ao projeto em Viamão, eram feitas 15 mil consultas ao mês; no mês seguinte, foram 20 mil. “A Organização Mundial da Saúde diz que 30% dos recursos são perdidos no meio do caminho, na área da Saúde. E isso é uma realidade. Conversei com uma senhora, nesta semana, que realizou um exame de sangue, mas não conseguiu apresentá-lo ao médico no prazo de validade: 30 dias. Em razão da morosidade do sistema e da falta de organização. Neste ano, o orçamento na área da Saúde foi R$ 80 milhões. Em 2021, será de R$ 93 milhões. Se conseguirmos otimizar 10% dele, certamente conseguiremos ter uma saúde melhor em Ijuí”, comentou o candidato. Andrei também quer implantar o projeto Corujão da Saúde, que já existe em São

9

CRONOGRAMA Agricultura e Infraestrutura Rural

• 5/10 – Andrei Cosse�n • 6/10 – Carlos Kowalski • 7/10 – Fioravante Ballin

Educação e Formação Profissional • 8/10 - Fioravante Ballin • 9/10 - Carlos Kowalski • 12/10 - Andrei Cosse�n

Habitação e Desenvolvimento Social • 13/10 - Fioravante Ballin • 14/10 - Carlos Kowalski • 15/10 - Andrei Cosse�n

Segurança Pública e Desporto e Lazer

• 16/10 - Andrei Cosse�n • 19/10 - Carlos Kowalski • 20/10 - Fioravante Ballin

Saúde e Retomada Pós-pandemia

Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego e Renda • 26/10 - Fioravante Ballin • 27/10 - Andrei Cosse�n • 28/10 - Carlos Kowalski

Infraestrutura Urbana e Trânsito

• 29/10 - Fioravante Ballin • 30/10 - Andrei Cosse�n • 2/11 - Carlos Kowalski

Meio Ambiente e Saneamento Básico

• 3/11 - Carlos Kowalski • 4/11 - Fioravante Ballin • 5/11 - Andrei Cosse�n

Candidatos a viceprefeito

• 6/11 – Marcos Barriquello • 9/11 – Sargento Oscar • 10/11 – Vilson Dornelles

• 21/10 - Fioravante Ballin • 22/10 - Carlos Kowalski • 23/10 - Andrei Cosse�n

Paulo e que prevê a compra de cirurgias, exames e consultas especializados numa parceria entre poder público, clínicas e hospitais. Esses serviços seriam prestados no turno inverso, nas madrugadas, aproveitando as equipes que estão disponíveis e os equipamentos que estão livres. O custo seria, em razão disso, menor. Consciente das mudanças que vão ocorrer no pós-pandemia, Andrei também cita a

possibilidade de adotar a telemedicina. O candidato falou sobre sua preocupação com o orçamento do Município, que sofrerá redução em 2021, em razão da baixa arrecadação, e com o déficit atuarial do PrevIjuí, que, segundo ele, chega a R$ 682 milhões. É meta de Andrei reduzir em 40% o número de Cargos em Comissão (CCs), caso seja eleito, e valorizar os servidores concursados.

Avança projeto que amplia Danrlei propõe compra de vagas em creche visita a Ijuí, na quintapós-pandemia, criando alternativas transparência com recursos feira,Emo deputado federal Danrlei para recuperar a economia. “Tudo Nesta semana, a Comissão de Segurança e Serviços Públicos da Assembleia Legislativa aprovou parecer favorável ao Projeto de Lei 111/2017, de autoria do deputado estadual Sérgio Turra (Progressistas). A proposta cria regras de transição entre governos nas esferas estadual e municipal. Relator da matéria na Comissão de Segurança, o deputado Luís Henrique Viana (PSDB) destacou que o projeto estabelece uma série de mecanismos prudenciais no trato com as finanças públicas. Turra comemorou a aprovação do parecer. “A falta de uma legislação sobre o tema abre caminho para irregularidades. Precisamos assegurar ao prefeito ou governador eleito o maior número de informações possível, sempre observando os princípios

da ética e da transparência. E à população, garantir a continuidade dos serviços públicos essenciais”, disse. O projeto foi desenvolvido a partir de uma pesquisa do deputado junto ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-RS) e Ministério Público (MP-RS). A proposta visa instituir a criação de uma Comissão de Transição após a proclamação dos resultados da eleição. Além disso, o governo estadual ou municipal em exercício deverá garantir a infraestrutura necessária para a realização dos trabalhos da Comissão de Transição e disponibilizar informações que incluem a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), Lei Orçamentária (LOA), demonstrativos da dívida, saldos e contratos, por exemplo.

de Deus Hinterholz (PSD/RS) concedeu entrevista ao Grupo JM e falou sobre a preocupação com o País, diante da pandemia de covid-19. “Precisamos torcer pelo fim da pandemia e para que tenhamos acesso, logo, a uma vacina”, destacou, lembrando que defende que a vacina seja disponibilizada a toda a população, de forma gratuita, e que não vê como positiva a discussão política envolvendo a sua origem. “Esse debate não é bom para o País. Precisamos nos deter no Ministério da Saúde e em como ele vai se portar diante deste cenário. Precisamos trabalhar em cima da realidade, e não da utopia. Precisamos de uma vacina segura, que realmente funcione”, completou. As lideranças, por sua vez, já devem ficar atentas ao período

que conseguimos, 100% dos valores que tínhamos, repassamos ao Estado para atendimento na saúde. Essa área é prioritária e precisamos trabalhar para que uma segunda onda da covid-19 não tenha início. Mas, precisamos trabalhar outras áreas. Inclusive apresentei um projeto que será muito importante no período pós-pandemia, quando as famílias vão retornar ao mercado de trabalho. Ele permite que verbas sejam repassadas para compra de vagas em creches particulares, para quem realmente precisa”, explicou, destacando que o governo federal tem critérios que dificultam, em alguns municípios, a abertura de novas escolas. O projeto está em tramitação na Câmara Federal e vai ao encontro, como destaca Danrlei, do desejo de muitos em não

Danrlei de Deus Hinterholz

aumentar a máquina pública, com a construção de novos espaços e a contratação de novos funcionários.


10

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de outubro de 2020

IMUNIZAÇÃO

Declaração sobre vacina preocupa gestores no Estado A expectativa dos gestores municipais é que, daqui para frente, os casos de covid-19 sigam caindo. O tema foi tratado em reunião virtual da Federação das Associações dos Municípios do Estado do Rio Grande do Sul (Famurs), que contou com a presença de representantes das 27 associações de municípios e com o governador do Estado, Eduardo Leite. “O governador fez a apresentação de todos os dados relativos à situação do Estado e à previsão para o futuro. E a expectativa é seguir reduzindo o número de casos, embora isso esteja ocorrendo de forma bastante lenta. O papel de cada um de nós, gestores, neste momento, é garantir o cumprimento das

normas, como o uso da máscara. O distanciamento social vai ser fundamental, nas próximas semanas, para que possamos garantir essa queda e para consigamos, logo, voltar à normalidade”, destacou o prefeito de Taquari e presidente da Famurs, Maneco Hassen, em entrevista ao Grupo JM. Ainda sobre o tema, Maneco disse que surpreendeu os gestores e o próprio governador a atitude do presidente Jair Bolsonaro, nesta semana, desautorizando o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, a comprar doses da Coronavac - vacina da farmacêutica chinesa Sinovac, que será produzida no Brasil pelo Instituto Butantan. “Eduardo Leite relatou a reunião que teve

com o Ministério da Saúde e com os demais governadores do País. Ele também foi surpreendido com a declaração absurda do presidente. O que esperamos é que Bolsonaro mude de ideia. Isso é algo que está decepcionando e apavorando todo mundo: um presidente não querer dispor à sua população uma vacina que todos estão aguardando.” A expectativa, segundo Maneco, é que o presidente compre a vacina que for autorizada pela Anvisa, independente da sua origem. “Que não aconteça, como no início da pandemia, mais um desrespeito do governo federal no combate à pandemia”, afirmou. Na próxima terça-feira, o tema voltará a ser debatido em assembleia da Famurs.

Maneco Hassen

Presidente do PrevIjuí responde sobre rombo em caixa

Gerson Ferreira

Presidente do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Ijuí (PrevIjuí), Gerson Ferreira disse que se sentiu ofendido moralmente com a acusação de rombo no caixa do Instituto. “O PrevIjuí é uma instituição perfeita, qualificada e administrada por servidores eleitos”, afirmou, ontem, em entrevista ao Grupo JM, após a polêmica tomar conta de parte da sessão ordinária da Câmara Municipal, nesta semana. Conforme explicou Ferreira, o Instituto tem autonomia administrativa, financeira e patrimonial e, portanto, nenhum prefeito pode ‘colocar a mão’. “Acusaram os últimos prefeitos de ter desviado, colocado a mão no valor, mas a única queixa, às vezes, é com relação às alí-

quotas, que são pesadas. Que variam de um ano para o outro. Uma nova sistemática de cálculo foi implantada após a publicação de uma portaria, em 2018, pelo Ministério da Economia, via Secretaria da Previdência”, explicou. O passivo atuarial, completa o presidente, é uma previsão futura, e não uma dívida que o Executivo tem com o PrevIjuí. Não há, conforme explica, um rombo de R$ 682 milhões, conforme foi dito nesta semana, mas uma previsão para 2054. “Essa é uma previsão de passivo se o prefeito não fizer mais concurso, se não entrar mais ninguém no PrevIjuí”, disse, lembrando que, hoje, há cerca de R$ 203 milhões em caixa. Todos os dados, segundo ele, foram apresentados em abril

na Câmara Municipal. Mas, naquele momento, não houve questionamentos. “O PrevIjuí é um dos órgãos mais fiscalizados do mundo. Nem a prefeitura é assim”, disse, com o parecer de 2019 em mãos, do Ministério Público e Tribunal de Contas, que julgaram regulares as contas. “Há uma preocupação de que, se fechar o PrevIjuí, todo mundo vai ter que ir para o INSS. Essa é uma inverdade”, afirmou o presidente. Ferreira também respondeu a uma comparação feita ao Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais de Santa Rosa - Previrosa, que teria um passivo atuarial menor. Ferreira disse que há cerca de 500 servidores ativos a menos que Ijuí e também um número menor de inativos.

Prestação de contas parcial deve ser feita até amanhã Foi aberto na última quartafeira o prazo para que candidatos e partidos políticos enviem à Justiça Eleitoral a prestação de contas parcial referente às Eleições Municipais 2020. Todos os candidatos, independentemente de estarem com o registro deferido ou não, deverão encaminhar a prestação de contas parcial até amanhã, dia 25, por meio do Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE). Deve constar na prestação de contas parcial toda a movimen-

tação financeira e/ou estimável em dinheiro ocorrida do início da campanha até o dia 20 de outubro, conforme previsto na Resolução TSE nº 23.627/2020, que instituiu o novo calendário das Eleições 2020, em razão da pandemia de covid-19. De acordo com o artigo 47, parágrafo 6º, da Resolução TSE nº 23.607/2019, a não apresentação da prestação de contas parcial ou a sua entrega de forma que não corresponda à efetiva movimentação de recursos ca-

racteriza infração grave, salvo justificativa acolhida pela Justiça Eleitoral, que será apreciada no julgamento da prestação de contas final. Os dados das prestações de contas parciais serão divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral no dia 27 de outubro, por meio do sistema DivulgaCandContas. A prestação de contas é um dever de todos os candidatos, inclusive vices e suplentes, e dos diretórios partidários. Essa é uma medida que garante a

transparência e a legitimidade da atuação partidária no processo eleitoral. O candidato que renunciar à candidatura, dela desistir, for substituído, ou tiver seu pedido de registro indeferido pela Justiça Eleitoral deverá prestar contas correspondentes ao período em que participou do processo eleitoral, mesmo que não tenha realizado campanha. Se houver dissidência partidária, os dissidentes também deverão prestar contas.

ALEXANDRE GARCIA Jornalista

ELEIÇÕES Em menos de um mês, o brasileiro vai às urnas para escolher seus representantes na célula básica da Federação, dois anos depois da reviravolta que, a despeito dos tradicionais condutores da opinião pública, elegeu Bolsonaro, sem dinheiro, quase sem partido. A mudança que surpreendeu especialistas, hoje está mais adiantada do que imaginam, e vai continuar a surpreendê-los. Não é apenas o poder político que muda, após mais de 20 anos; a mudança vai além. O choque da pandemia sobre as cidades não conseguiu quebrar a economia e ajudou em outra transferência - no poder econômico. A influência do poder industrial e do poder comercial e de serviços - um poder urbano - foi afetada. E o poder rural foi reforçado. O agro não parou, cresceu e sustentou o País. Mais uma vez foi fundamental nas contas externas, com recordes nas exportações, na garantia alimentar e ampliou sua participação no PIB. Não faltou comida; não houve saques e os embaixadores da China e dos Estados Unidos reconhecem que o Brasil se tornou superpotência alimentar. Deixamos a periferia para sermos protagonistas, graças ao agro. O domínio partidário nas estatais sumiu. Até a grande Petrobras fica em segundo plano quando investimentos privados aproveitam a luz do sol em gigantescas e limpas gerações de eletricidade. Os sindicatos pendurados em estatais e no imposto sindical encolheram; o dinheiro fácil das subvenções políticas secou, e isso acompanha mais um produto da pandemia: não há opinião pública que aprove desperdícios num momento desses. Está sendo tudo tão rápido que nem mesmo a bancada ruralista se deu conta da transferência de poder que lhe favorece, que a força vai para o campo conservador e com o sentimento de patriotismo gerado na comunhão com a terra brasileira. A mudança descobre o homem na Amazônia, califórnias no Nordeste. Quem imaginava que o vírus derrubasse o governo mesmo quebrando o País, não conseguiu dobrar o brasileiro, mas, ao contrário, acelerou a mudança. Até mesmo a cultura mudou do litoral e foi para o interiorzão de raiz.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de outubro de 2020

SUPREMO

Ministro propõe validar imposto sobre heranças Relator de uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) envolvendo a tributação de heranças e doações realizadas no exterior, o ministro Dias Toffoli afirmou que as leis estaduais que tratam do assunto são inconstitucionais, mas que a cobrança sobre operações já realizadas deve ser validada. Em sua decisão, o ministro se posicionou favorável à tese dos contribuintes, mas sugeriu à Corte aplicar sua decisão somente em operações que ocorram a partir da publicação do acórdão do STF sobre o julgamento da questão. Ele manifestou preocupação com os efeitos do julgamento sobre as contas dos Estados e disse que, só no Estado de São Paulo, a consequência da decisão, sem essa modulação, será um impacto negativo orçamentário de R$ 5,4 bilhões. O STF começou a julgar ontem um caso de repercussão geral para definir se os Estados da Federação têm competência para exigir Imposto sobre Transmissão Causa Mortis ou Doação (ITCMD) de doador com domicílio ou residência no exterior na ausência de lei

Dias Toffoli

federal complementar sobre o assunto. “Proponho a modulação dos efeitos da decisão, estabelecendo que ela produza efeitos apenas quanto aos fatos geradores que venham a ocorrer a partir da publicação do presente acórdão”, disse o relator. O ministro citou ainda que já houve algumas decisões proferidas no âmbito da Corte

Veto à desoneração da folha será votado dia 4 O presidente do Congresso Nacional, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), anunciou que pretende colocar em votação no

Davi Alcolumbre

próximo dia 4 o veto do presidente Jair Bolsonaro à prorrogação, até 2021, da desoneração da folha de pagamento. Bolsonaro vetou em julho o dispositivo que prorrogava até o ano que vem a desoneração da folha das empresas de 17 setores da economia e que empregam mais de 6 milhões de pessoas. A prorrogação até 2021 foi incluída pelo Congresso na medida provisória que permitiu a redução da jornada de trabalho e do salário em razão da pandemia do novo coronavírus. Com o veto, a desoneração acaba no final deste ano — a não ser que o Congresso derrube o ato do presidente. "A votação na sessão no Congresso prevê a votação do veto da desoneração. Então, dia 4 de novembro, eu pretendo colocar todos os PLNs que estão pendentes na pauta e todos os vetos”, disse Alcolumbre

nas quais foi reconhecida a possibilidade de os Estados, com base na competência legislativa plena, editarem leis prevendo a cobrança do ITCMD sobre doações ou bens objetos de herança provenientes do exterior. Isso aconteceu em casos envolvendo leis do Rio de Janeiro, relatado pelo ministro Ricardo Lewandowski, e de São Paulo, pelo ministro Roberto Barroso. “Não há dúvida de que esses julgados incutiram nas unidades federadas, em algum grau, a ideia de que a tributação em tela seria sim legítima em face do texto constitucional”, disse o ministro. O advogado tributarista Rodrigo Rigo Pinheiro afirma que, caso o posicionamento do relator prevaleça, todas as doações realizadas até a publicação do acórdão vão ser consideradas válidas e, consequentemente, o imposto sobre bens que já está sendo cobrado em auto de infração ou discutido judicialmente terá de ser pago. Até mesmo operações que ainda não foram declaradas ou sobre as quais as receitas estaduais não têm informações seriam tributadas.

11

Portar título de eleitor não é obrigatório O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou, por unanimidade, que o eleitor não pode ser impedido de votar caso não tenha em mãos o título de eleitor, sendo obrigatória somente a apresentação de documento oficial com foto. Com a decisão, os ministros do Supremo tornaram definitiva uma decisão liminar concedida pelo plenário às vésperas da eleição geral de 2010, a pedido do PT. O julgamento de mérito ocorreu no início da semana no plenário virtual, ambiente digital em que os ministros têm um prazo, em geral, de uma semana, para votar por escrito. Em uma ação direta de inconstitucionalidade (ADI), o PT havia questionado a validade de dispositivos da minirreforma eleitoral de 2009 (Lei 12.034), que introduziu na Lei das Eleições (Lei 9.504/1997) a exigência de apresentação do título de eleitor como condição para votar. Os ministros entenderam, agora de modo definitivo, que exigir que o eleitor carregue o título de eleitor como condição para votar não tem efeito prático para evitar fraudes, uma vez que o documento não tem foto.

Fux acha que Judiciário deve decidir sobre vacina

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, afirmou ontem que vê com bons olhos a Justiça entrar na discussão sobre a vacina do novo coronavírus e tomar uma decisão a respeito. "Podem escrever, haverá uma judicialização, que eu acho que é necessária, que é essa questão da vacinação. Não só a liberdade individual, como também os pré-requisitos para se adotar uma vacina", ressaltou o ministro. O ministro deu a declaração após afirmar que é comum os mais variados temas pararem no STF e exigirem uma resposta da corte. “O Supremo teve que decidir Código Florestal. Quem entende de Código Florestal no Supremo? Ninguém foi formado nisso. Idade escolar, quem entende de pedagogia ali? Questões médicas”, disse o ministro. Na última quinta-feira, o partido Rede Sustentabilidade acionou o Supremo para que a corte obrigue o governo federal a comprar 46 milhões de doses da Coronavac, vacina produzida pela farmacêutica chinesa Sinovac em convênio com o Instituto Butantan.

Ao Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Ijuí - PREVIJUÍ Obrigatória e anualmente, os Regimes Próprios de Previdência Social (RPPS) devem realizar a Avaliação Atuarial que é uma ferramenta de extrema importância executada por profissional capacitado, o atuário. O Cálculo Atuarial traz o resultado, obtido através de técnicas atuariais, estatísticas e econômico-financeiras, que demonstra se o Regime Próprio está tendo superávit, déficit ou equilíbrio atuarial. Conforme definição da Secretaria de Previdência, o resultado atuarial é apurado por meio do confronto entre o somatório dos ativos garantidores dos compromissos com os valores atuais do fluxo de contribuições futuras, do fluxo dos valores líquidos da compensação financeira a receber, menos o somatório dos valores atuais dos fluxos futuros de pagamento dos benefícios, sendo superavitário caso as receitas superem as despesas, e, deficitário, em caso contrário. De maneira mais objetiva, o Cálculo traz a valor presente na data focal da avaliação as despesas futuras do plano previdenciário e confronta com o montante de recursos financeiros que o RPPS possui e receberá de receitas futuras. O Estudo aponta, também, qual deve ser o valor das contribuições, ou alíquotas, pagas pelos contribuintes no presente para cobrir as despesas no presente e no futuro e para financiar os custos administrativos do Regime Próprio. Vale ressaltar que a alíquota aplicada deve respeitar o resultado da avaliação. O Cálculo Atuarial é a garantia de que o RPPS terá uma vida longa e próspera, proporcionando aposentadorias e pensões a todos os contribuintes. No PREVIJUÍ, as alíquotas definidas em Avaliação Atuarial são respeitadas e aplicadas no funcionamento do plano previdenciário. O PREVIJUÍ é fiscalizado pela Secretaria de Previdência -SPREV e pelo Tribunal de Contas do Estado Do Rio Grande do Sul - TCE/RS e apresenta situação regular em ambos os órgãos. Atenciosamente, Equipe BrPrev Porto Alegre, 22 de outubro de 2020


12

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de oUTUbRo de 2020

COVID-19

Ijuí retorna para bandeira vermelha Depois de duas rodadas sem regiões classificadas como risco epidemiológico alto, o mapa preliminar da 25ª semana do modelo de Distanciamento Controlado, divulgado ontem voltou a apresentar bandeira vermelha. Presentes também há duas rodadas, as bandeiras amarelas (risco epidemiológico baixo) deram lugar, novamente, a bandeiras laranjas (risco epidemiológico médio). Classificadas em amarelo na 24ª rodada, as regiões de Bagé, Cachoeira do Sul e Palmeira das Missões apresentaram piora nos indicadores e passaram, nesta 25ª, para a bandeira laranja. As regiões de Cruz Alta, Ijuí e Santo Ângelo que estavam na bandeira laranja –, também apresentaram piora nos indicadores e voltaram para a bandeira vermelha. As outras 15 regiões covid seguem em bandeira laranja. Segundo dados do Governo do Estado, embora não tenha havido grande crescimento no número de hospitalizações na região de Ijuí, o número de internados por covid-19 em leitos clínicos aumentou de 10 para 17 (70%) de uma semana para outra. Por sua vez, se mantiveram relativamente estáveis os internados por SRAG e por covid-19 em UTI. Por fim, foram registrados dois óbitos nos últimos sete dias, 246 casos ativos e 450 recuperados. A assessoria da Prefeitura informou que a partir de terça feira o Município

irá editar o novo decreto de acordo com as normas do protocolo da Cogestã, e que não pretende recorrer da decisão do governo. O número de novas hospitalizações confirmadas por covid-19 chamou a atenção da equipe que monitora os indicadores de propagação do coronavírus. Entre as duas últimas semanas, o aumento foi de 21% – de 739 para 897 –, o que repercutiu sobre a elevação de 13% de internados em leitos clínicos confirmados com covid-19. O número de óbitos cresceu 11% entre as duas últimas semanas, subindo de 213 para 236. No entanto, as internações por síndrome respiratória aguda grave (SRAG) em UTI tiveram queda de 7% e houve relativa estabilidade dos confirmados com covid-19 em UTI (aumento de apenas 1%). Mesmo contabilizando os pacientes internados por outras causas, ocorreu queda no número de leitos de UTI ocupados. A manutenção do total de leitos de UTI se traduziu novamente em aumento na razão de leitos livres para cada ocupado por covid-19. O monitoramento diário desses indicadores permitirá ao governo identificar se essas oscilações são situações pontuais ou alguma tendência mais consistente ao longo do tempo. De qualquer maneira, há a necessidade de a população reforçar os cuidados pessoais, como o uso de máscara e a higienização das mãos, e o

RS tem queda de 16% nos cursos presenciais

As instituições de Ensino Superior do Rio Grande do Sul viram o número de ingressantes nos cursos de graduação presencial cair 16,1% em 2019, mas ainda assim mantiveram um total na faixa dos 215 mil alunos. Isso porque houve um aumento praticamente na mesma proporção, de 16,2%, dos estudantes que ingressaram em cursos de edu-

distanciamento pessoal, além de evitar ao máximo as aglomerações. O sistema de cogestão do Distanciamento Controlado segue valendo. Das 21 regiões covid, apenas Uruguaiana, Bagé e Guaíba não aderiram ao sistema compartilhado. As outras 18 já adotam protocolos alternativos às bandeiras definidas pelo governo – Santa Maria, Capão da Canoa, Taquara, Novo Hamburgo, Canoas, Porto Alegre,

Santo Ângelo, Cruz Alta, Ijuí, Santa Rosa, Palmeira das Missões, Erechim, Passo Fundo, Pelotas, Caxias do Sul, Cachoeira do Sul, Santa Cruz do Sul e Lajeado. Com a bandeira vermelha ficam suspenso as visitas em presídios, as aulas presenciais, quadras esportivas e a realização de eventos. No final de semana ainda vale a bandeira que está vigente, no caso de Ijuí a laranja.

Profissionais da saúde são homenageados

cação a distância (EAD). No ano passado, 57,5% dos universitários no Estado estavam matriculados em EAD, enquanto em 2018 esse percentual era de 49,4%. Os dados foram divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e pelo Ministério da Educação (MEC) em coletiva de imprensa realizada ontem.

Estudantes do Colégio 25 de Julho prestam homenagens aos profissionais que trabalham na UPA

O sentimento de gratidão é algo extraordinário, que aquece o coração e traz paz à alma. Quando somos gratos, nos sentimos bem com nós mesmos, sem culpa por nada. A gratidão faz bem para quem se permite desfrutar desse sentimento. E com esse objetivo que os estudantes da turma 62 do Ensino Médio noturno da Escola Técnica Estadual 25 de Julho prestaram uma homenagem às instituições de saúde de

Ijuí, dada a importância destes profissionais no atual momento em que vivemos. A iniciativa foi organizada pelo professor da disciplina de Língua Portuguesa, Cristiano Zimmermann, e acompanhada pela coordenadora pedagógica Laura Dalpiaz. No intuito de trabalhar a desinibição, oratória, produção de texto e a consciência ambiental, a turma foi dividida em grupos, sendo que os alunos, após as expli-

cações e orientações do professor Cristiano, foram desafiados a elaborar uma dissertação acerca da importância dos profissionais da saúde; construir um símbolo feito com material reciclável; e elaborar cartazes com frases de incentivo aos profissionais. Segundo o professor Cristiano, esta atividade foi iniciada nas aulas remotas em que a presença da turma era sempre maciça e a ideia para tal projeto partiu alunos.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de oUTUbRo de 2020

13

SAÚDE

Crescimento do número de obesos é preocupante O percentual da população brasileira com mais de 20 anos considerada obesa mais que dobrou entre 2003 e 2019, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O dado mais recente, divulgado na quartafeira aponta que, no ano passado, 26,8% dos brasileiros nesta faixa etária eram considerados obesos, enquanto o percentual era de 12,2% há 16 anos. No período, a prevalência da obesidade feminina passou de 14,5% para 30,2%, enquanto a masculina subiu de 9,6% para 22,8%. Os dados são parte da segunda edição da Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), que investigou dois pontos: a prevalência da obesidade entre a população e o perfil dos que recorreram aos serviços de atenção primária em 2019 no Sistema Único de Saúde (SUS). A nutricionista Muriel Burkatt da Silva Michael em entrevista ao Grupo JM explica

que a obesidade é fator de risco para inúmeras doenças, como pressão alta, diabete mellitus, colesterol, doenças do cardiovasculares, câncer e hipertensão arterial, dentre outras. "Observamos claramente o aumento da obesidade, principalmente em crianças, segundo dados do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional no Município em 2018 era de 2,96%, já em 2019 passou 4,56% e este ano até o mês de setembro, a obesidade em criança passou para 11, 93%. Nas outras faixas etárias, adolescentes, adultos, idosos e grávidas observa uma estabilidade e a prevalência é alta." Dentro da rede municipal de saúde, trabalha-se a prevenção e o tratamento da obesidade. O atendimento pode ser feito tanto de forma individual quanto em grupos – nos chamados grupos de saúde, formados nas unidades básicas. Para além disso, o Município aposta nas quatro academias da saúde – localiza-

das nos bairros Glória, Getúlio Vargas, Thomé de Souza e Modelo. "Também atuamos através do programa Saúde na Escola, diminuir os índices de obesidade por meio da intervenção que as unidades de saúde fazem nos educandários." Por meio do programa Mãe Gestante, as futuras mamães também são incentivadas a amamentar, já que o leite materno desenvolve defesas e contribui para redução do colesterol, diabetes, hipertensão e da própria obesidade. "A conscientização é o melhor caminho para a obesidade. Com informação, as pessoas se alimentam melhor, acrescentando hortaliças na dieta, e reforçando a atividade física, um dos fatores determinantes para uma vida mais saudável. A melhor forma de prevenir e reverter a obesidade é com a modificação do estilo de vida, incluindo alimentação saudável e prática de atividade física."

Associação alerta para cobrança indevida

A cobrança indevida de cirurgias bariátricas realizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no Paraná foi alvo de uma operação na última semana. A organização criminosa teria lucrado mais R$ 10 milhões em um hospital, que é referência na realização desse tipo de procedimento. Em entrevista ao Grupo JM, o presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM), Marcos Leão Vilas Bôas, falou sobre a assunto e debateu a obesidade e a cirurgia bariátrica e metabólica no Brasil. Segundo ele, a entidade reconhece a existência de

uma enorme lacuna no acesso à cirurgia bariátrica pelo SUS no Brasil, onde a obesidade atinge mais de 40 milhões de pessoas, dos quais cerca de 13 milhões se apresentam com as formas graves da doença, tendo na cirurgia bariátrica sua melhor perspectiva de tratamento. “Cerca de 75% da população tem no SUS sua única alternativa assistencial, e em 2019 apenas 12.568 procedimentos foram realizados", relata. O especialista destaca ainda que as pesquisas sobre a eficácia de vacinas apontam menor imunidade em pacientes acima

do peso e isso deve se repetir quando a vacina contra o novo coronavírus estiver disponível. "A obesidade tem representado o maior fator de risco para as formas graves da covid19, e a cirurgia bariátrica aparece como uma potente arma de proteção para reduzir a gravidade da doença em pessoas com obesidade e diabetes. Além de todos os benefícios já extensamente consolidados em doenças como diabetes, hipertensão, derrame e câncer, agora também temos uma cirurgia que reduz mortalidade causada pelo novo coronavírus”, diz Marcos Leão.

Nutricionista da Secretaria Municipal de Saúde de Ijuí, Muriel Burkatt

A melhor forma de prevenir e reverter a obesidade é com a modificação do estilo de vida, incluindo alimentação saudável.” De acordo com Muriel, há nutricionistas no Município, que prestam atendimento mediante agendamento, que pode ser realizado nas unidades dos bairros. “Nossa orientação é para que a

população consuma mais frutas e verduras, aprimore a ingestão de líquidos, e também diminua a quantidade de doces – de calorias vazias, como balas. A ingestão de alimentos ultraprocessados como embutidos, conservas, temperos industrializados, ricos em sal e gordura, também deve ser evitado. O ideal é ter uma alimentação mais saudável e colorida", frisa a nutricionista. Segundo ela, somente neste mês foram realizadas 382 consultas com nutricionistas na Secretária Municipal de Saúde.


14

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de outubro de 2020

SAÚDE

Pandemia aumenta os casos de depressão e ansiedade A pandemia de coronavírus e, consequentemente, o medo do contágio e o distanciamento físico desencadeados pela doença têm impacto direto na saúde mental. O médico psiquiatra Bruno Guidolin, em entrevista ao Grupo JM, apontou aumento na busca por atendimento nos postos de saúde e nos serviços da atenção especializada desde o início da pandemia de coronavírus, que começou em março. Segundo ele, entre os principais sintomas de saúde mental que estão fazendo as pessoas procurarem mais os serviços de saúde estão a ansiedade e sintomas de depressão. Os medos mais comuns são o de ser infectado e contaminar outras pessoas, especialmente, quem está no grupo de risco; até mesmo os reflexos econômicos, como perder o emprego ou passar por dificuldades financeiras. Outro fator é a série de novos hábitos e medidas de higiene que pode contribuir para a intensificação dos quadros associados de ansiedade, incluindo pânico, depressão e angústia. “O isolamento foi contornado através da tecnologia, por isso, digo que ninguém ficou

isolado, mas o distanciamento físico e as novas rotinas geram oscilação emocional, porque há necessidade de certeza e de controle. Muitas pessoas irão apresentar ou já estão apresentando sintomas e traumas em função da pandemia”, aponta, frisando que o distanciamento e a falta de contato com a família também geram angústia e afetam a saúde mental. "Não é fácil passar meses sem ver amigos e familiares. Isso têm gerado ou potencializado crises de ansiedade, depressivas e outras. A falta de lazer também tem afetado. Isso tem trazido crises de ansiedade mais constantes." Para lidar com a situação, o profissional indica que as pessoas procurem meios de encarar essa fase, e, se necessário, atendimentos com profissionais especializados para auxiliar nesse processo. O psiquiatra afirma que o corpo emite sinais e que cada um deve ficar atento ao que ele diz, e também manter determinados cuidados para se cuidar e cuidar do outro. É preciso ficar atento aos sinais. "Perda de prazer em atividades que antes considerávamos prazerosas, insônia

e alterações significativas do apetite são as queixas mais comuns. Como a pandemia ainda é nova, não temos dados reais e concretos do que aconteceu com a saúde mental das pessoas. Muitos vão sair mais fortes e preparados para enfrentar os desafios que a vida impõe, outros não. Muitos conseguiram se reorganizar neste período até mesmo com empregos novos, no entanto, outros mesmo depois da vacina, terão depressão.” Ele alerta para a quarta onda se dá com o adoecimento mental da sociedade, quando uma série de doenças provocadas pelas mudanças bruscas e pelo medo da covid-19 geram consequências na saúde mental. Frisa também que o fim do preconceito com doenças mentais, como ansiedade e depressão, é fundamental para a prevenção ao suicídio. "O preconceito faz as pessoas não buscarem ajuda. O Rio Grande do Sul tem alto índice de suicídios, mas o Estado tem se preocupado muito com a saúde mental, oferecendo capacitações aos profissionais como também atendimento. Na Secretaria Municipal de Saúde é ofertada

Bruno Guidolin

capacitação aos agentes de saúde, enfermeiros, médicos, para que as pessoas possam procurar a sua Unidade Básica de Saúde e já receberem o primeiro atendimento, para que, posteriormente, sejam encaminhados aos serviços especializados, como os Caps ou até mesmo a rede hospitalar”, finaliza.

Ijuí registra 48 novos casos Programa da Saúde define de covid-19 em 24 horas tabela de repasses Foram confirmados 48 novos casos de covid-19 entre moradores de Ijuí ontem. O número representa a maior variação entre boletins da Secretaria Municipal da Saúde. O secretário de Saúde, Marco Atkinson.credita a alta ao acúmulo de resultados de testes, que foram divulgados pelo laboratório. No entanto, ele, alerta que o aumento de casos, está sendo registrado especialmente nas últimas semanas. “O aumento de casos, principalmente ativos, se deve ao relaxamento da população nas últimas semanas. Percebemos que as pessoas estão menos cuidadosas, sem máscara e promovendo aglomerações, o que pode justificar os dados”, afirma. “É importante reforçar que a pandemia ainda não acabou e é necessário mantermos aqueles mesmos cuidados para prevenção que vínhamos divulgando desde os primeiros casos de

Marco Atkinson

covid-19”, acrescenta. O número de casos ativos reflete pacientes que tem confirmação da doença e seguem em acompanhamento. São, atualmente, 1.644 casos confirmados, 353 pessoas em recuperação, 1.262 estão recuperados, 176 suspeitos e 29 óbitos.

Em meio a críticas sobre o novo modelo de financiamento da Atenção Primária de Saúde do país, o Ministério da Saúde definiu o valor fixo de incentivo que será repassado aos municípios. De acordo com o órgão, 4.472 cidades serão contempladas com a totalidade dos recursos previstos de setembro a dezembro de 2020, estimados em R$ 400 milhões. O valor foi estabelecido levando em consideração o grupo específico de profissionais da área e será equivalente, por mês, a R$ 3.225,00 para equipe de Saúde da Família, R$ 2.418,75 para equipe de Atenção Primária modalidade II e R$ 1.612,50 para equipe de Atenção Primária modalidade I. A medida faz parte do programa Previne Brasil, que desde de janeiro, modificou a forma de financiamento municipal da saúde.

Segundo Renata Costa, diretora do Departamento de Saúde da Família (DESF) no âmbito da Secretaria de Atenção Primária à Saúde (SAPS), a principal mudança é que agora as equipes deverão cadastrar as pessoas que usufruem o serviço público, levando em consideração sete indicadores. São eles: proporção de gestantes com pelo menos seis consultas pré-natal realizadas, sendo a primeira até a 20ª semana de gestação; proporção de gestantes com realização de exames para sífilis e HIV; proporção de gestantes com atendimento odontológico realizado; cobertura de exame citopatológico; cobertura vacinal de Poliomielite inativada e de Pentavalente; percentual de pessoas hipertensas com Pressão Arterial aferida em cada semestre; e percentual de diabéticos com solicitação de hemoglobina glicada.

Tendências do “pós”- pandemia Num ano “normal” as organizações estariam planejando 2021. Neste ano, com um nível de incertezas e volatilidade ainda maior, os planos terão que ser escritos com mais pontos de flexibilidade. O CEO e os consultores do “Ideia sustentável” publicaram nesta semana uma série de tendências baseadas nos resultados de seus estudos. As tendências indicam que as organizações precisam seguir alguns parâmetros no pós - pandemia, para serem mais valorizadas por clientes, colaboradores, investidores, parceiros e sociedade. Quase todos já sabem que mais transparência gera mais confiança, e vem aí a hipertransparência. Tendência de alta para as ações e responsabilidade social das empresas e entidades, aplicativos e outras iniciativas para estimular o consumo consciente, comunicação de causas sociais e ambientais como definidora de posicionamento mental das marcas. Os negócios devem ser parte da solução e não parte do problema. A pandemia trouxe uma sensibilidade maior para grandes fenômenos que podem prejudicar a existência humana na Terra. Tendência de alta para a manutenção das florestas em pé, precificação de recursos naturais, armazenamento de energia, desmaterialização e circuito fechado, eletrificação das frotas de transporte urbano, arquitetura e construções sustentáveis. Vamos ver ascender um novo tipo de liderança, aquela orientada por valores. Esta tendência não é exatamente motivada pelo que a pandemia acelerou, mas pela chegada da geração dos “millenials” ao poder, tanto como investidores, gestores, decisores e consumidores. Esta geração tem uma ideia mental de empresas com as quais querem se relacionar, seja como investidores, gestores ou consumidores e terão a preferência deles as propostas que evidenciarem ser mais sustentáveis. Espero que a reflexão contribua para que você, sua empresa, seus negócios aproveitem o melhor das tendências do pós - pandemia. Um abraço e até a próxima!


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de oUTUbRo de 2020

LEITE

Exportação é estratégia para buscar estabilidade Os países árabes e o Leste Europeu são promissores mercados para fomentar as exportações de produtos lácteos brasileiros, estratégia essencial para buscar mais estabilidade de mercado. A colocação foi feita por Carlos Cogo, consultor da Cogo Inteligência em Agronegócio, no segundo encontro do Conselho Nacional Agroindustrial (Conagro) da gestão 2020/2023, realizado nesta semana. Em conversa com representantes de diversos segmentos do agronegócio gaúcho, Cogo declarou que, após alcançar um bom nível de produtividade, o setor de lácteos do Estado tem a oportunidade de alavancar a exportação. Segundo o consultor, o segmento também tem espaço para aumentar a produtividade, a produção e a captação de leite. Hoje, são 129.877 estabelecimentos produtores no Estado, 50,6 vinculados às indústrias. “A captação média diária das maiores indústrias está privilegiando os volumes maiores, ou seja, está subindo de 200 para mais de 400 litros/produtor dia. Isso é um gargalo que vai ter que

Temos que superar os gargalos e aproveitar as situações propícias para abrir novos mercados e ampliar a competitividade. ser enfrentado com trabalho de base feito pelas instituições”, pontuou. O Valor Bruto da Produção (VBP) de leite no Estado é de R$ 4,2 bilhões e são captados 4,3 bilhões de litro/ano, de acordo com os dados apresentados por Cogo. Atualmente, o Rio Grande do Sul é o terceiro maior produtor de leite no País, representando 10,9% do VBP. “O RS é um Estado tipicamente da agricultura familiar. E o setor lácteo é muito importante quando se fala em agricultura familiar”, afirmou Cogo. Para o coordenador da Conagro e presidente do Sindicato da Indústria de Laticínios do RS (Sindilat), Alexandre Guerra, o agronegócio gaúcho apresenta diversos desafios, mas também muitas oportunidades. “Temos que superar os gargalos e apro-

Alexandre Guerra

veitar as situações propícias para abrir novos mercados e ampliar a competitividade.” Durante o encontro, Cogo ainda discorreu sobre os cenários, as oportunidades e as dificuldades enfrentadas por outros setores do agronegócio gaúcho como arroz, soja, milho e frutas. Entre os gargalos, está a necessidade imediata da ampliação das áreas irrigadas no Estado.

Cresce a venda de máquinas agrícolas Depois de um período de incertezas pela pandemia, a indústria de máquinas agrícolas do Brasil pode fechar o ano no azul, com alta de 5% a 10% nas vendas ao agricultor, puxada pela necessidade de renovação na frota de tratores e colheitadeiras, e pela retomada de investimentos do setor de grãos. É o que estima o vice-presidente da New Holland Agriculture para a América do Sul, Rafael Miotto, citando que há uma “recuperação consolidada” na venda direta aos agricultores. Para as vendas a concessionárias, no entanto, o executivo vê um processo mais lento e um avanço mais modesto no desempenho anual, em

torno de 5%. “Temos uma base de demanda... necessidade de renovar o parque de máquinas (para atualizar a tecnologia) e esse momento de remuneração muito boa, com a safra sendo vendida antecipadamente, e bons preços”, afirmou. Segundo ele, 2020 tinha potencial para ser um ano de recorde nas vendas de máquinas, considerando o cenário atual de preços das commodities, mas os impactos do coronavírus que ocorrem “fora da porteira” limitam a ampliação de investimentos. ”A pandemia não afeta o produtor, mas afeta todo o entorno dele. Ele está sendo cuidadoso.”

15

Contabilistas alertam sobre alta carga tributária O Sindicato das Empresas de Contabilidade do Rio Grande do Sul (Sescon-RS) promove no mês de outubro, a campanha Cachorro-quente Tributário. A iniciativa busca mostrar à população a composição da carga tributária brasileira e realizar ações beneficentes. O material, que está sendo distribuído pela entidade, alerta sobre quanto dos tributos pagos são arrecadados pela União, Estados e Municípios. “A cada R$ 100, um terço é pago em imposto pelo consumidor”, disse o presidente do Sescon-RS, Célio Levandovski, ao Grupo JM. De acordo com a Sescon, 67,5% dos impostos pagos são recolhidos pela União, 25,9% pelos Estados, e 6,5% pelos Municípios. A entidade aponta também que os tributos evoluíram cerca de 1,5 ponto percentual no Brasil, entre os anos de 2014 e 2018, na participação do PIB. “Por consequência, permanecem sendo arrecadados no mesmo montante, independentemente

Célio Levandovski

do estado de negócios”, explica Levandovski. A campanha também alerta que, embora a carga tributária seja alta no País, as pessoas podem direcionar seus impostos para causas nas quais acreditam, destinando parte do Imposto de Renda ao Fundo dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Desafios para o Agro no pós-covid são debatidos A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) promoveu debate virtual sobre os efeitos da pandemia para o comércio global de produtos do Agro, as oportunidades e as tendências no atual cenário global e o papel da China no novo mercado mundial e suas consequências para as exportações brasileiras - o Brasil se consolida como um dos principais fornecedores mundiais de alimentos em um cenário pós-covid. O presidente da CNA, João Martins, afirmou que a pandemia impactou profundamente a economia mundial e alterou a dinâmica do comércio internacional. Na sua avaliação, ficou provado que nenhum país é autossuficiente e a crise da pandemia expôs a interdependência entre as nações. “A preocupação com a saúde e o abastecimento fez com que os países redesenhassem suas políticas, impactando os setores econômicos.” Diante das incertezas surgidas com a pandemia, o presidente da CNA ressaltou que o Agro brasileiro mostrou sua resiliência e relevância para a economia do País e para a segurança alimentar mundial. “Enquanto vários países adotaram medidas restritivas de comércio, o Brasil manteve e até ampliou suas exportações sem comprometer o mercado interno, que é o mais importante”, destacou. O desafio agora, completou, é “continuar crescendo”.

Registro de produtos com Paraquate estão proibidos

Ipea eleva previsão para o PIB agropecuário

China volta a autorizar exportação de dois frigoríficos brasileiros

O Ministério da Agricultura e a Anvisa publicaram uma Instrução Normativa Conjunta que define os procedimentos em relação ao banimento definitivo do herbicida Paraquate da agricultura brasileira. O documento estabelece que os registros de todos os produtos técnicos à base do ingrediente ativo ficam cancelados a partir da data de publicação normativa. Já os registros dos produtos formulados serão cancelados a partir de 31 de julho de 2021.

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) elevou para 1,9% a estimativa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) da agropecuária brasileira em 2020. A projeção anterior era de alta de 1,6%, informou o órgão. A revisão veio após o IBGE e a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) traçarem expectativas mais positivas para as lavouras do País.

O governo da China informou ontem que dois frigoríficos brasileiros estão novamente autorizados a exportar carnes para o país. As unidades haviam sido suspensas entre junho e julho deste ano. Essas unidades faziam parte de uma lista de sete unidades que estavam suspensas pelos chineses por conta de preocupações com a covid-19 entre trabalhadores desse setor. A Organização Mundial da Saúde (OMS) diz que não há evidências de que o coronavírus possa ser transmitido por alimentos.


16

Jornal da Manhã

SÁBADO E DOMINGO, 24 E 25 DE OUTUBRO DE 2020

Esportes

SÉRIE C DO BRASILEIRO I

SÉRIE C DO BRASILEIRO II

Os times gaúchos jogam amanhã pela Série C do Campeonato Brasileiro. O Ypiranga do técnico Paulo Henrique Marques, ex-São Luiz, recebe o Boa às 15h30, no Estádio Colosso da Lagoa em Erechim. O São José (POA) vai à Brusque, Santa Catarina, para enfrentar o Brusque no Estádio Norberto Bauer, às 16h.

A 12ª rodada tem mais estes jogos neste domingo: às 16h no Estádio do Café, Londrina x Ituano; e às 17h no Estádio Antônio Guimarães de Almeida, em Tombos, Minas Gerais, Tombense x Volta Redonda. Na segunda-feira às 18h, jogam em Sorocaba no Estádio Walter Ribeiro, São Bento e Criciúma.

São Luiz enfrenta o líder da chave pelo returno EC São Luiz/Divulgação

SÃO LUIZ

NOVORIZONTINO

Rafael Roballo; Itaqui Júnior Alves Jadson Gabriel Araújo; Paulinho Santos Tássio Germano; M.Lagoa(Juba) Hugo Almeida Jhonatan Ribeiro Técnico: Antônio Picoli

Giovanni; Felipe Rodrigues Bruno Aguiar Edson Silva Reverson(Paulinho); Barba Léo Baiano Danielzinho; Cleo Silva Guilherme Queiroz Deivid Técnico: Roberto Fonseca

Matheus Lagoa teve boa atuação em Itajaí e pode continuar na equipe titular do São Luiz

O São Luiz enfrenta o líder da chave A8, o Novorizontino amanhã às 17h, no Estádio 19 de Outubro, pela 2ª rodada do returno da Série D do Campeonato Brasileiro. Sexto colocado com 10 pontos, o Rubro necessita da vitória. O técnico Antônio Picoli não poderá escalar o zagueiro Sílvio e o volante Rafael Jataí, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Jadson deve

atuar na zaga ao lado de Júnior Alves e Germano pode ingressar na vaga de Rafael Jataí, com Paulinho Santos atuando como primeiro volante. O atacante HugoAlmeida deve fazer sua estreia. Juba está recuperado da lesão muscular, mas tem um problema dentário e pode desfalcar o time mais uma vez. Hoje às 10h, acontece o último treino antes do jogo deste domingo.

Árbitro: Renan Novaes Insabralde(MS) com os assistentes Fabrício Lima Bassegio e Mateus Olivério Rocha(ambos do Rio Grande do Sul). Quarto Árbitro: Douglas Schwengber da Silva(RS). Analista de Campo: Júlio César Rodrigues dos Santos(RS). Local: Estádio 19 de Outubro, em Ijuí.

Rubro sai na frente, mas permite o empate O São Luiz empatou em 1 a 1, com o Marcílio Dias quinta-feira à tarde, no Estádio Gigantão das Avenidas em Itajaí, Santa Catarina, pela Série D do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Rubro foi a 10 pontos e é o sexto colocado da chave A8. A equipe ijuiense não vence há quatro jogos. Amanhã às 17h, recebe o líder Novorizontino. O zagueiro Sílvio e o volante Rafael Jataí cumprem suspensão pelo terceiro cartão amarelo. O centroavante Hugo Almeida já tem condição legal de jogo e deve estrear. O São Luiz teve um bom rendimento no primeiro tempo. Com Tássio atuando mais adiantado no meio-campo no setor de criação, a equipe teve boas chances. Aos quatro minutos, Jhonatan Ribeiro após um erro defensivo do Marcílio Dias, recebeu de Matheus Lagoa e acertou a trave. Tássio finalizou com perigo aos 18 minutos, depois que Matheus Lagoa e Jhonatan Ribeiro fizeram uma tabela pela esquerda. O São Luiz abriu o placar aos 21

minutos do primeiro tempo. Matheus Lagoa roubou a bola, trocou passes com Tássio e Paulinho Santos. O atacante avançou pela direita e cruzou para a área procurando Gustavo Índio. O lateral Jerfesson Recife marcou contra. O Rubro seguiu controlando a partida. Matheus Lagoa em jogada individual teve a chance de ampliar aos 42 minutos. Finalizou rente à trave. O Marcílio criou duas oportunidades antes do encerramento da primeira etapa. Aos 44 minutos, Nathan Ferreira fez jogada pelo lado esquerdo e finalizou, o goleiro Rafael Robalo desviou a bola que ainda bateu na trave. Mikael pegou o rebote e chutou forte. O zagueiro Sílvio evitou o gol do Marinheiro. Três minutos depois, Weriton cruzou da direita e Zé Vitor cabeceou para fora. O Marcílio pressionou no segundo tempo. Chegou ao empate aos 17 minutos. Paulinho cobrou escanteio da direita e Nathan Ferreira se aproveitou do vacilo defensivo do São Luiz para empatar com um carrinho dentro da área.

1x1 MARCÍLIO Belliato; Weriton Luan Magrão J.Recife(Paulinho); Daniel Pereira Mikael Marllon; Nathan Ferreira Zé Vitor(Hélio Paraíba) Medina(Alessandro) Técnico: Waguinho Dias

SÃO LUIZ Rafael Roballo; Itaqui Sílvio Junior Alves Gabriel Araújo Rafael Jataí Paulinho Santos Tássio(Dionata Piolho); M. Lagoa (Fernando) Gustavo Índio (Germano) Jhonatan Ribeiro (Geovane) Técnico: Auxiliar Fernando Rech

Gols: Jerfferson Recife, contra aos 21 minutos do primeiro tempo(São Luiz), Nathan Ferreira aos 17 minutos do segundo tempo(Marcílio). Árbitro: Gabriel Murta Barbosa Maciel(MG) com os assistentes Clair Dapper e Alexandre Bittencourt, ambos de Santa Catarina. Cartões amarelos: Magrão, Luan, Mikael e Hélio Paraíba(Marcílio), Itaqui, Sílvio, Rafael Jataí, Tássio e Jhonatan Ribeiro(São Luiz).Local: Estádio Gigantão das Avenidas, em Itajaí, Santa Catarina.

ADVERSÁRIO

O adversário do São Luiz amanhã vive boa fase e lidera a chave A8 da Série D com 15 pontos. Quinta-Feira a equipe jogando no Estádio Jorge Ismael de Biasi, empatou em 1 a 1 com o Caxias. Thiago Sales marcou para o time grená logo a um minuto do primeiro tempo. O Novorizontino chegou ao empate aos 3 minutos com Bruno Aguiar. O autor do gol do Tigre fez uma análise da partida. “Nós buscamos a vitória a todo o momento, ela não veio, mas o importante é que somamos pontos. Conseguimos manter a nossa série invicta, e vamos continuar trabalhando duro para conseguir alcançar o nosso maior objetivo, que é a classificação. Estamos sempre em busca de nos superar, para que o nosso nível vá crescendo”, finalizou Aguiar. A equipe treinada por Roberto Fonseca não deve ser diferente daquela que enfrentou o Caxias.

SÃO CAETANO A grave crise financeira do São Caetano se tornou insustentável para os jogadores e funcionários. O elenco do Azulão formalizou uma denúncia contra o clube por conta do atraso nos pagamentos de salários, direitos de imagem e FGTS.Diante da queixa, o Sindicato de Atletas Profissionais do Estado de São Paulo (Sapesp) decretou a suspensão das atividades a partir de ontem e, com isso, a equipe não entrará em campo para enfrentar o Pelotas hoje no Estádio Anacleto Campanella, pela Série D. A decisão de dar W.O já era uma pretensão dos atletas

JOGOS

9ª rodada Hoje,24.10 Tubarão x Joinville-16h-apito de Lucas Paulo Toresin(PR) São Caetano x Pelotas-18h-apito de José Woshington da Silva(PE). Azulão não deve entrar em campo Amanhã,25.10 Caxias x Marcílio Dias-15h-apito de Diogo da Silva(SE) São Luiz x Novorizontino-17h-apito de Renan Novaes Insabralde(MS) Resultados da 8ª rodada Quarta-Feira,21.10 Pelotas 1 x 1 Tubarão Joinville 2 x 1 São Caetano Quinta-Feira, 22.10 Novorizontino 1 x 1 Caxias Marcílio Dias 1 x 1 São Luiz Classificação Chave A8 P J 1º)Novorizontino 15 7 2º)Joinvile 12 8 3º)Pelotas 12 8 4º)Marcílio Dias 11 8 5º)Caxias 11 8 6º)São Luiz 10 8 7º)Tubarão 5 8 8º)São Caetano 5 7

V E D 4 3 0 3 3 2 3 3 2 2 5 1 3 2 3 2 4 2 1 2 5 1 2 4

GP GC SG 6 2 4 13 7 6 7 5 2 4 3 1 8 8 0 5 6 -1 6 12 -6 4 10 - 6


Jornal da Manhã

SÁBADO E DOMINGO, 24 E 25 DE OUTUBRO DE 2020

17

DOIS TOQUES

Carlos Alberto Padilha esporte@jornaldamanhaijui.com

PELÉ- No dia 23 de outubro de 1940, há exatas oito décadas, nascia, em Três Corações, o maior e melhor jogador de futebol de todos os tempos. O craque que deixou sem palavras até os mais talentosos poetas. Que parou uma guerra. Que, de menino, virou Rei. E de Rei, tornou-se eterno. Há 80 anos, vinha ao mundo o mais genial dos grandes gênios da história do futebol: Pelé. Ontem, reverenciado por todo o mundo da bola, o Rei do Futebol comemorou seu aniversário.A data especial marcou um dia de muitas homenagens para Pelé. Jogadores, personalidades, federações e clubes do mundo todo, ligados ao futebol ou não, prestaram sua homenagem a ele. A carreira de Pelé foi tão encantadora quanto vitoriosa e fez dele um atleta mais do que admirado. REVERENCIADO- Pelé atuou na Seleção Brasileira, de 1957 a 1971. Os números: Jogos: 113; Gols: 95 - 84 vitórias, 15 empates e 14 derrotas Títulos: Copa do Mundo (1958, 1962 e 1970), Copa Roca (1957 e 1963), Taça do Atlântico (1960), Taça Oswaldo Cruz (1958, 1962 e 1968) e Taça Bernardo O'Higgins (1959). O Rei do Futebol ainda é o maior artilheiro da história deste esporte. Ao considerarmos os jogos oficiais (e desconsiderando amistosos) que ele disputou entre 1956 e 1977, Pelé anotou 642 gols pelo Santos, 77 pela seleção brasileira (ainda o maior goleador da história da amarelinha) e outros 37 pelo Cosmos, já no fim de carreira. A contagem total, por outro lado, chega aos 1.281 gols. RUBRO- Com uma indisposição estomacal o técnico Antônio Picoli não orientou o São Luiz quintafeira diante do Marcílio Dias. O auxiliar-técnico Fernando Rech comandou a equipe. Depois de um bom primeiro tempo, o time caiu de produção na etapa final. Amanhã é um desafio e tanto, o líder Novorizontino. LIBERTADORES-A Conmebol sorteou ontem os confrontos das oitavas de final. Os duelos: Guarani (PAR) x Grêmio (Brasil);Independiente del Valle (EQU) x Nacional (URU);Delfín (EQU) x Palmeiras (Brasil);Inter (Brasil) x Boca Juniors (ARG);Racing (ARG) x Flamengo (Brasil);Libertad (PAR) x Jorge Wilstermann (BOL);Athletico-PR (Brasil) x River Plate (ARG); e LDU (EQU) x Santos (Brasil).

Inter encara o Flamengo em duelo que vale a liderança Ricardo Duarte/Internacional

Atacante Abel Hernández e lateral Heitor no treinamento do Internacional

SÉRIE A 18ª rodada Quarta-Feira,21.10 Vasco 1 x 2 Corinthians Hoje,24.10 Bragantino x Goiás-17h Ceará x Coritiba-19h Atlético-MG x Sport-21h Amanhã,25.10

Atlético-GO x Palmeiras-16h Fluminense x Santos-16h Athletico-PR x Grêmio-18h15 Internacional x Flamengo-18h15

Os seis primeiros colocados são: líderes Internacional e Flamengo, 34 pontos; terceiro, Atlético-MG, 31 pontos; quarto, São Paulo e Santos, 27 pontos; e sexto, Fluminense, 26 pontos. O Grêmio com 21 pontos é o décimo primeiro. Os quatro últimos na zona do rebaixamento são estes: 17º, Athletico-PR, Coritiba e Bragantino, 17 pontos; e 20º, Goiás, 11 pontos.

O técnico Eduardo Coudet confirma hoje pela manhã o time do Inter que enfrenta o Flamengo amanhã às 18h15, no Estádio Beira-Rio. O duelo vale a primeira colocação. A equipe deve ter força máxima. Os Colorados ocupam a liderança do Brasileirão com 34 pontos, mas podem ser ultrapassados pelo próprio Flamengo em caso de derrota, já que os rubro-negros estão em segundo lugar com a mesma pontuação. Após confirmar sua classificação para o mata-mata da Libertadores, mesmo com a derrota de 2 a 1 para a Universidad Católica no Chile, o Internacional já voltou aos treinamentos ontem. O técnico

Eduardo Coudet comandou uma sessão de atividades mais leves para os jogadores que atuaram na última partida. O restante do elenco realizou trabalhos técnicos no gramado. O Inter não terá vida fácil na sequência da Libertadores. O Colorado foi sorteado para encarar o Boca Juniors pelas oitavas de final da competição. A primeira partida será realizada em solo brasileiro, no Beira-Rio, dia 25 de novembro às 21h30, e a segunda acontece em Buenos Aires, na La Bombonera, dia 2 de dezembro, às 21h30. Quem avançar enfrentará o ganhador de Flamengo e Racing. O sorteio foi realizado ontem na sede da Conmebol, no Paraguai.

INTERNACIONAL Marcelo Lomba; Heitor, Rodrigo Moledo, Zé Gabriel e Uendel (Moisés); Rodrigo Lindoso, Marcos Guilherme, Edenílson e Patrick; Thiago Galhardo e Abel Hernández. Técnico:Eduardo Coudet. FLAMENGO Hugo Souza; Isla, Gustavo Henrique(Noga), Natan e Filipe Luís; Thiago Maia, Gerson e Arrascaeta; Everton Ribeiro, Pedro e Vitinho. Técnico: Domènec Torrent. Árbitro: Wilton Pereira Sampaio(GO). Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva(GO) e Bruno Rafael Pires(GO).VAR: Elmo Alves Resende Cunha (GO). Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. INÍCIO:18h15

Grêmio joga com o Athletico-PR fora de casa Após confirmar a classificação para a próxima fase da Libertadores na liderança do Grupo E, empatou em 1 a 1 com o América de Cali na quinta-feira na Arena, o Tricolor volta suas atenções para

o duelo contra o Athletico-PR pelo Campeonato Brasileiro.O jogo será amanhã em Curitiba às 18h15. A equipe do Grêmio já retornou aos treinamentos no CT Luiz Carvalho. O time gremista

ATHLETICO-PR Santos; Léo Gomes (Ravanelli), Thiago Heleno, Pedro Henrique e Abner; Wellington (Richard), Erick e Christian; Nikão, Fabinho (Geuvânio) e Renato Kayzer. Técnico: Paulo Autuori. GRÊMIO Vanderlei; Orejuela, Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Lucas Silva, Maicon (Darlan), Luiz Fernando, Robinho (Isaque) e Pepê; Diego Souza. Técnico: Renato Portaluppi. ÁRBITRO: Flavio Rodrigues de Souza(SP). Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse(SP) e Daniel Paulo Ziolli(SP).VAR: Marcio Henrique de Gois(SP). Local: Estádio Arena da Baixada em Curitiba. INÍCIO: 18h15.

está na 11ª posição do Brasileiro, com 21 pontos. Renato Portaluppi não poderá contar com Jean Pyerre e Alisson, machucados. Outro desfalque é o volante Matheus Henrique, que testou positivo para covid-19 e está fora. OGrêmio conheceu ontem seu adversário nas oitavas de final da Libertadores. Em sorteio realizado no Paraguai, ficou definido que o Tricolor enfrentará Guaraní-PAR para seguir na competição.O primeiro jogo será realizado em Assunção, capital paraguaia, dia 26 de novembro às 21h30, enquanto a volta acontece em Porto Alegre dia 3 de dezembro às 21h30. Caso consiga a classificação, a equipe encara o vencedor do confronto entre Santos e LDU-EQU.

Atacante Luiz Fernando pode iniciar na equipe titular diante do Athletico-PR


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de outubro de 2020

AGRICULTURA

CMN flexibiliza regras para concessão de crédito

O Conselho Monetário Nacional (CMN) flexibilizou regras para concessão de crédito rural para pequenos produtores. O colegiado retirou a exigência de apresentação de coordenadas geodésicas para contratação de operações de crédito rural no âmbito de algumas linhas do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). De acordo com o Banco Central, o fim da exigência vale para os financiamentos destinados ao Programa Nacional de Crédito Fundiário (PNCF), ao Programa Nacional de Reforma Agrária (PNRA), ao Programa Cadastro de Terras e Regularização Fundiária (PCRF) e as operações contratadas ao amparo do Microcrédito Produtivo Rural. Para o CMN essa exigência encarece o processo de concessão desses créditos sem ganhos para a fiscalização. A apresentação dessas coordenadas era exigida desde junho deste ano para todas as operações de

Colegiado retirou exigência de apresentação de coordenadas geodésicas

crédito rural de custeio e de investimento vinculadas a uma área delimitada do imóvel rural. "No entanto, no caso específico desses financiamentos, a apresentação das coordenadas agrega custos ao processo de concessão sem o respectivo benefício, uma vez que os agricultores podem utilizar

os recursos em uma gama de atividades não vinculadas à exploração agropecuária, como o artesanato e o turismo rural. Além disso, tais operações possuem ticket médio baixo, em torno de 2 mil reais, configurando financiamentos com forte cunho social", detalhou o BC, em nota.

Soro poderá ser testado em pacientes Um soro produzido por pesquisadores da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) a partir de cavalos pode ser a nova arma da ciência para enfrentar o coronavírus. A pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Veterinária iniciada em abril conseguiu desenvolver anticorpos em equinos, ao injetar nos animais partículas da proteína do vírus desativado. A chamada partícula recombinante, usada pelos pesquisadores, faz a mediação da entrada do coronavírus na célula hospedeira e é uma das mais eficientes em despertar a reação do organismo e gerar anticorpos. Possibilita melhor resposta do que experimentos feitos com o vírus inteiro inativado, que podem gerar pouca ou nenhuma resposta do sistema imunológico. "A pesquisa inseriu esses materiais de forma controlada nos cavalos e ob-

servou que o seu organismo aprendeu a impedir que o coronavírus se multiplicasse utilizando o material genético das células", explica o professor da Pós-graduação em Veterinária da UFPel Carlos Eduardo Nogueira, doutor em medicina veterinária e um dos coordenadores do estudo. Posteriormente, os estudiosos extraíram o sangue dos cavalos e processaram um soro (a parte líquida do material orgânico, que pode ser usada para produzir medicamentos). Esse soro foi colocado em contato com o coronavírus ativo em laboratório e se verificou que o agressor não conseguiu se espalhar pelas células – ou seja, cientificamente falando, foi neutralizado. A etapa seguinte foi analisar a segurança da substância em outras espécies. "Aplicamos esse soro em cobaias, como ratos e ovelhas, e elas não apresentaram reações adversas."

18

Beto Hintz defende investimentos para setor rural O município de Augusto Pestana tem duas chapas na corrida pela Prefeitura. Uma delas liderada por Beto Hintz (PP) tendo como vice Éverton Schneider (PDT) pela coligação Com o povo rumo ao futuro. E a outra tem como candidatos Darci Sallet do MDB e como vice Gilberto Zardin (DEM). O Grupo JM fará uma série de entrevistas com os candidatos às prefeituras da região, no entanto, o candidato Darci Sallet do MDB ao ser procurado informou à equipe de reportagem que decidiu que não irá conceder entrevistas aos meios de comunicação durante este pleito. Em entrevista ao Grupo JM, o candidato pelo Progressista Beto Hintz defende investimentos para o setor rural. "O nosso principal objetivo será privilegiar e cuidar do interior, das nossas propriedades, que é o que gera o recurso para o município de Augusto Pestana, além dos resultados da bacia leiteira. Hoje, Augusto Pestana ocupa a 5ª posição como maior produtor do Estado, onde geramos R$ 9 milhões de reais por mês com impostos." Ele destaca a criação de uma patrulha da Secretaria de Agricultura para a prestação de serviços com máquinas voltado ao auxílio dentro das propriedades. Na área da educação o candiBeto Hintz dato a prefeito de Augusto Pestana quer promover gradativamente a educação em turno integral para as turmas de Pré I e Pré II da Escola Turma da Esperança e melhorias na infraestrutura com a construção de nova sala de aula Já para saúde, ele propõe a criação do programa Saúde é 10, com diversas melhorias como por exemplo a informatização do sistema com possibilidade de agendamento de consultas pela internet e liberação imediata para agendamento, pelo próprio usuário, de consultas e exames, entre outras mudanças.

Governo dispensa taxa para novos negócios A criação de um melhor ambiente de negócios e o estímulo ao empreendedorismo no Rio Grande do Sul ganharam força. O governo do Estado, por meio da Junta Comercial, Industrial e Serviços do Rio Grande do Sul (JucisRS), em parceria com a Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), anuniciou, ontem, que dispensará, por 90 dias, a cobrança de taxa de serviços para a criação de novas empresas no Estado. O anúncio foi realizado na

manhã de ontem pelo governador Eduardo Leite, pelo secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rodrigo Lorenzoni, e pela presidente da JucisRS, Lauren de Vargas Momback.“Estamos sempre pensando em estratégias, internamente, para que o Estado seja mais simples. O DescomplicaRS busca justamente viabilizar condições mais fáceis de investimentos, e esta medida é mais um gesto nesse sentido, de facilitar a vida para quem quer empreender”, reforçou Leite.

Kassio Nunes toma posse como ministro do STF em novembro

Uruguai promove bloqueios sanitários em Rivera

Ciee-RS está com inscrições abertas para programa de jovens talentos

Aprovado na quarta-feira pelo Senado para vaga no Supremo Tribunal Federal (STF), o desembargador Kassio Nunes tomará posse na suprema corte no dia 5 de novembro. A data da cerimônia, que ocorrerá de forma virtual,foi acertada em encontro de Nunes com o presidente do STF, Luiz Fux. Indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para vaga aberta com a aposentadoria do decano Celso de Mello, Nunes teve seu nome aprovado por larga margem de votos no Senado.

Os principais acessos a Rivera via Santana do Livramento, na Fronteira Oeste, amanheceram com a presença de veículos pesados do exército. O governo do Uruguai montou bloqueios sanitários na fronteira em combate ao avanço do coronavírus. O movimento do governo uruguaio está dentro de uma série de medidas no enfrentamento à transmissão da doença.

O Ciee-RS está com inscrições abertas, até esta segunda-feira, para a última turma deste ano do Programa Cidadania e Talento.com. O curso é divido em 11 módulos e tem previsão de formatura para dezembro. As inscrições podem ser feitas pela internet.Podem se inscrever jovens de 14 a 24 anos, estudantes de escolas públicas dos anos finais do Ensino Fundamental ou alunos do Ensino Médio. As aulas serão virtuais, com conteúdos de informática, planejamento financeiro entre outros.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de oUTUbRo de 2020

SEGURANÇA

Criminosos planejaram sequestro por dois anos Na manhã de ontem, o delegado João Paulo de Abreu, da Delegacia de Roubos do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), detalhou em coletiva de imprensa o sequestro e o trabalho das polícias, que culminou no resgate de Tamires Regina Gemelli da Silva Mignoni, 30 anos – sequestrada cinco dias antes em Erechim. A apuração descobriu, inclusive, que o crime já havia sido planejado dois anos antes. A versão foi contada por um dos presos, um vigilante de banco na cidade de Laranjeiras do Sul, no Paraná, de onde Tamires é natural. É nesta cidade também que o pai dela, Berto Silva, é prefeito. Considerado mentor intelectual e executor do sequestro, o vigilante confessou aos policiais que há dois anos já havia tentado sequestrar a médica. Ele relatou que, com outro comparsa, planejou o crime, para tentar tirar dinheiro do pai da ginecologista. Para isso, os dois chegaram a alugar uma casa que serviria de cativeiro e agendar uma consulta com o marido da vítima, um dentista de Erechim. A partir desta consulta, os dois pretendiam sequestrar Tamires e pedir o resgate. No entanto, algo deu errado naquele momento e eles desistiram da ação. Dois anos depois, o mesmo vigilante teria decidido colocar o plano em prática. Desta vez, tomou como comparsa uma mulher, ex-companheira do homem que teria lhe ajudado a planejar o sequestro inicialmente. Segundo o delegado, em um Uno os dois seguiram do Paraná até Erechim, onde chegaram a vigiar a rotina da médica, para então cometer o crime. Na manhã

Médica posa para foto com policiais do Paraná e do Rio Grande do Sul

da sexta-feira, seguiram de táxi até o posto de saúde onde Tamires realiza os atendimentos.Aguardaram até por volta das 11h20, quando a médica deixou a unidade. Os dois abordaram a vítima com uma faca e obrigaram a seguir com eles. Abordo do carro da vítima, eles rumaram em direção a um matagal, onde Tamires foi amarrada e deixada com a mulher. O vigilante retornou no carro da médica para a área urbana. Lá, abandonou o veículo e conseguiu uma carona para ir até o local onde estava o Uno. Com este veículo, resgatou as duas e seguiu com elas em direção ao município de Itá, em Santa Catarina. Uma cabana de veraneio, alugada pelo período de 30 dias, na localidade de São Roque, no município de Itá, deveria ter sido o cativeiro de Tamires durante todo o sequestro. Foi para lá que o vigilante levou a médica inicialmente. No entanto, a repercussão do sequestro levou os criminosos a repensarem a estratégia. Eles souberam que a polícia estava em busca da vítima e, por isso, decidiram abandonar

esse local e levá-la para o Paraná. O vigilante seguiu sozinho até o município de Seara, onde abandonou o Uno, chaveado. Dali, foi em uma corrida de aplicativo até uma locadora de veículos em Chapecó, onde alugou um Voyage branco. Neste carro, retornou para o local do cativeiro em Itá, para transportar Tamires. O vigilante então teria alugado por 15 dias uma segunda casa, em Cantagalo, no Paraná, município próximo a Laranjeiras do Sul. O imóvel, com cerca de 200 metros quadrados, tinha vários cômodos, que foram trancados. Um colchão foi depositado em um corredor com cerca de dois metros quadrados. Ali, Tamires foi deixada, desamarrada. Daquele local, ela só tinha acesso a um banheiro. As refeições eram entregues pelos criminosos por meio de uma das portas. Ela era orientada a aguardar para abrir a porta, pegar o alimento e fechar novamente. A ação tentava evitar que Tamires tivesse contato visual com os sequestradores, embora ela já tivesse visto os dois.

Bando de abigeatários é desarticulado

Na manhã de ontem, agentes da Policia Civil e da Brigada Militar, vinculados à Operação Hórus, contando com o apoio do Grupo de Aviação da BM, realizaram operação policial contra crimes rurais, na fronteira de São Nicolau com aArgentina. Foram realizadas buscas em sete casas, na localidade de Santo Izidro, interior do município. Durante as ações, foram presos dois homens e apreendidas duas armas de fogo e munições.As armas seriam usadas para o abate de animais furtados nas fazendas daquela região. As investigações realizadas mostram que um grupo de criminosos age cometendo furtos de gado

Investigação apurou rota de fuga de criminosos pelo Rio Uruguai

(abigeato) há meses no interior de . São Nicolau e Garruchos, usando rotas de fuga pelos rios Uruguai e Piratini, o que dificulta a interven-

ção policial. Os presos foram autuados em flagrante e foram encaminhados ao Presídio de São Luiz Gonzaga.

19

Cinco são denunciados por matar jovem em Soledade

Os cinco homens investigados pelo envolvimento na morte de Paula Chaiane Perin Portes, 18 anos, na madrugada de 11 de junho em Soledade, no Norte do Estado, foram denunciados pelo Ministério Público (MP). Quatro são acusados de homicídio sextuplamente qualificado, ocultação de cadáver e organização criminosa. Os denunciados foram identificados como Dionatan Portela da Silva, João Albino Abegg dos Santos e Gesriel da Cunha Wedy — que estão presos — e Micael Wilian Rossi Ortiz que está foragido desde 22 de junho. Um quinto envolvido, Henrique Marder, é acusado de ocultação de cadáver e organização criminosa e está em liberdade. A polícia apreendeu com ele um Fiesta branco que teria sido usado na segunda movimentação do corpo. O promotor de Justiça Bill Jerônimo Scherer entendeu que as seis qualificadoras do homicídio são motivo torpe, asfixia, traição, dissimulação, recurso que dificultou a defesa da vítima e assegurar a ocultação e a impunidade de outros crimes A denúncia aponta que Paula foi morta por desejo de vingança de Dionatan pela jovem ter presenciado cenas de agressão praticadas por ele contra sua ex-companheira e uma das melhores amigas de Paula em Soledade. Ele também temia que Paula revelasse seu envolvimento com o crime organizado, com o tráfico de drogas e com cargas ilegais de cigarros. Desde a fase do inquérito policial, Dionatan é considerado o mandante do crime por saber que Paula tinha informações que poderiam incriminá-lo. Micael Ortiz foi usado para fazer contato prévio via redes sociais para atrair a jovem até o local do crime sob pretexto de uma confraternização. No local do encontro, um imóvel localizado no bairro Fontes, em Soledade, a jovem foi asfixia com golpe de mata-leão, segundo a investigação. Em seguida, Paula foi carregada até um veículo estacionado por um dos acusados em frente ao local e levada até uma propriedade rural pertencente à família de outro dos denunciados, onde o corpo foi ocultado. Para esconder o cadáver, cobriram a terra revolvida com galhos e plantas.

Corpo de Paula Portes foi encontrado pela polícia no dia 17 de agosto

Traficantes expulsam moradores de condomínio

Uma operação foi desencadeada na manhã de ontem no bairro Vila Augusta, em Viamão, na Região Metropolitana. O objetivo foi combater o tráfico de drogas, mas também coibir uma prática criminosa que já resultou na expulsão de moradores e na ocupação de cerca de 40 residências no condomínio popular Viver Augusta. Parte dos apartamentos, construídos pelo município com recursos federais para moradia de pessoas que viviam à beira do Arroio Feijó, no mesmo bairro, foi usada como pontos de venda de drogas ou para armazenar entorpecentes e armas. Cerca de 180 agentes cumpriram 27 mandados de prisão e 33 de busca e apreensão. No total, 18 pessoas foram presas. A Polícia Civil não está divulgando nomes, mas entre os investigados há uma assessora parlamentar da Assembleia Legislativa. Desde 2019, cerca de 240 famílias começaram a ser transferidas pelo Executivo para o condomínio construído com cerca de R$ 50 milhões do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), da União. Já no início do ano, a Brigada Militar (BM) havia feito uma ação no local com a vigilância do próprio município pelo fato de que traficantes estavam disputando território na área, ameaçando e amedrontando moradores.


20

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de outubro de 2020

ACIDENTE

Ijuiense morre ao colidir veículo em ponte Um acidente de trânsito ocorrido na madrugada de ontem resultou em uma vítima fatal, em Ijuí. O fato foi registrado por volta da 1h20, quando um veículo Fusca acabou colidindo na mureta da ponte, capotando e vindo a parar no meio da pista, na ERS-155, no Distrito de Santana. Com o impacto, o corpo da vítima foi projetado para fora do veículo, caindo sobre o asfalto. O Fusca acabou ficando no meio da pista, ocorrendo a interrupção do trânsito nos dois sentidos. Corpo de Bombeiros, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e Brigada Militar estiveram no local. De acordo com o Comando Rodoviário de Cruz Alta, a vítima é Leandro Longhini, 46 anos, morador do Distrito de Chorão. O corpo foi encaminhado ao Instituto-Médico Legal para necropsia.

Uma pequena residência de madeira foi totalmente destruída em um incêndio ocorrido no final da tarde de quinta-feira. O sinistro ocorreu em uma casa localizada na Rua Nilson Brum, nas proximidades da Unidade de Saúde do bairro 15 de Novembro. Um homem de 39 anos disse à polícia que teria acendido fogo no fogão a lenha e teria saído de casa. Quando retornou, viu todos os seu pertences queimados. O Corpo de Bombeiros foi chamado por vizinhos. O rescaldo foi feito pelos Bombeiros que impediram que as chamas se alastrassem. Equipes da Assistência Social estiveram no local para prestar auxílio ao desabrigado. Suspeita de incêndio criminoso Em boletim de ocorrência registrado na Delegacia de Polícia logo após os fatos, um vizinho do homem comunicou que o incêndio foi criminoso. Que o indivíduo é usuário de drogas, colocou fogo na residência, subiu em uma árvore e ficou assistindo tudo queimar. Uma mulher, de 31 anos, ainda teria inalado fumaça, precisando ser socorrida até o Hospital de Caridade de Ijuí. Paredes de uma casa próxima foram chamuscadas.

Leandro Longhini acabou colidindo o Fusca em mureta de ponte O delegado Amílcar Souza Neto, que estava no plantão da madrugada, esteve acompanhando os fatos. A Polícia Civil irá apurar as circunstâncias da morte.

BM localiza combustíveis desviados

Galões e litros com combustíveis

Vizinhos acusam homem de colocar fogo na própria casa

Na noite de ontem, após a Brigada Militar de Ijuí ter recebido informações sobre uma ocorrência de violência doméstica na Linha 4 Leste, próximo ao campo da Imasa, uma guarnição Policiamento Comunitário foi despachada ao local, onde contatou com a vítima, uma mulher de 42 anos e suas duas filhas, sendo que durante o decorrer do atendimento, elas entregaram para os policiais o seguinte material: uma espingarda calibre 16 sem marca; cinco cartuchos intactos marca CBC calibre 16; quatro cartuchos deflagrados calibre 16; pólvora, espoleta e chumbo para recarga de cartuchos; um revólver calibre 22 marca Rossi niquelado; e 47 munições de calibre 22 intactas. Além disso, uma das filhas do acusado relatou aos policiais

que o pai trabalha numa empresa distribuidora de combustível da cidade de Santa Maria e que regularmente retira combustível do caminhão do qual é motorista e guarda em um galpão. No local foram apreendidos aproximadamente 600 litros de gasolina e óleo diesel que estavam acondicionados em galões e litros plásticos, e a quantia de R$ 1 mil em moeda corrente que seria proveniente da venda dos combustíveis. O acusado foi abordado e identificado como um homem de 47 anos, natural de Ijuí, sendo que durante a busca pessoal foi apreendido junto com ele uma bolsa leva tudo e uma faca inox com aproximadamente 15 centímetros de lâmina com bainha de couro. Diante dos fatos, os policiais deram voz de prisão ao acusado que foi conduzido juntamente com as vítimas até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para exames de saúde e posteriormente apresentados na Delegacia de Polícia de Ijuí, onde foi lavrado o flagrante do acusado por posse irregular de arma de fogo, violência doméstica e receptação. Na sequência, o homem foi levado para a Penitenciária Modulada Estadual de Ijuí.

Área foi isolada e polícia passa a investigar denúncias de vizinhos

Adolescente é apreendido por tráfico em beco Na madrugada de quinta-feira, as guarnições da Força Tática estavam fazendo o patrulhamento a pé no interior do Beco do bairro São Paulo, e avistaram um indivíduo suspeito, parado em frente a uma residência já conhecida pelo constante tráfico de drogas. Este, ao ver os brigadianos, fugiu em direção aos prédios no interior do beco e foi acompanhado pelos PMs. Durante o trajeto, ele dispensou um invólucro plástico jogando em meio a um monte de lixo. O indivíduo foi alcançado, sendo necessário uso moderado

da força por oferecer resistência a abordagem. Ele foi identificado como sendo um adolescente de 16 anos, natural de Carazinho, com antecedentes como menor infrator. Foram localizados em seu bolso R$298 em dinheiro trocado. Feita buscas pelo material disperso pelo adolescente, foi localizada certa quantidade de crack dentro de um saco plástico, totalizando cerca de 20 pedras prontas para comercialização, além de dois aparelhos celulares. Após ser apresentado na Delegacia de Polícia, o menor foi liberado.

Droga, celulares e dinheiro foram apreendidos pela Brigada Militar


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de oUTUbRo de 2020

TRATAMENTO

Caps AD II oferece oficina de horta terapia Entre os pacientes atendidos no Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CapsAD II), com terapias e oficinas realizadas, existe o grupo interessado no cultivo de hortas. Através da atividade, os assistidos resgatam a autoestima e identificam outras oportunidades para a reabilitação social. O grupo operativo é coordenado pela educadora física Silvana dos Anjos Prates Marchioro, que está há dois anos com este projeto. Todas as terças-feiras de manhã acontece esse encontro com o objetivo de terapia com os pacientes e cuidados com a alimentação e com o outro. É um

em memÓRia ao 26° ano de FaLeCimenTo inGRiD KaRsBuRG

*27/08/1948 + 21/10/1994 “O senhor é o meu pastor e nada me faltará” Salmo 23 Homenagem do esposo Oldemar Karsburg, filho Paulo André Karsburg e demais filhos netos e netas. Ijuí, 24 de outubro de 2020.

em memÓRia ao 7º ano de FaLeCimenTo ioLanDa BaRasuoL WoLF (enFeRMeiRa ioiÔ)

*02/04/1951 +24/10/2013 A oficina de horta terapia é coordenada pela educadora física Silvana dos Anjos Prates Marchioro

tratamento que beneficia o olhar e cuidado a cada semana, com as perspectivas do crescimento dos legumes, a colheita que

eles cultivam, conforme informou Silvana. “Eles gostam tanto, que se revezam para dar continuidade ao trabalho no canteiro.

A atividade promove o resgate de valores, além de promover a reintegração social, já que a atividade poderá servir como ponte

Votação da Consulta Popular começa na segunda Inicia na segunda-feira a votação dos projetos definidos para a Consulta Popular 2020-2021. Os eleitores da região Noroeste, que engloba os municípios Ajuricaba, Augusto Pestana, Bozano, Catuípe, Condor, Coronel Barros, Ijuí, Jóia, Nova Ramada, Panambi e Pejuçara, poderão votar nas demandas definidas pelo Corede, até o dia 3 de novembro. Serão três projetos para serem votados e dois serão eleitos. O primeiro colocado com a execução de recursos em 2021 e o segundo colocado terá e execução em 2022, condicionada a receita do Estado.

Um dos projetos é o Programa de qualificação de agricultores familiares e aquisição de equipamentos, e visa desenvolver ações de apoio à agricultura familiar através de cursos de qualificação e aquisição de equipamentos. Outro projeto é o de Desenvolvimento de Micro e Pequenas Empresas Individuais e tem o objetivo de desenvolver programa de qualificação profissional através de cursos de capacitação nas diversas áreas de atuação dos microempreendedores. E terceiro projeto é o de Controle da qualidade da água e alimentos:

Avaliação de Resíduo de Agrotóxicos em água e hortaliças consumidas na Região Noroeste do RS e ações educacionais, prevê a realização de atividades de análises físicoquímicas e microbiológicas em águas, efluentes e hortaliças para a comunidade em geral. Os valores disponíveis são R$ 314 mil para execução em 2021, mais R$ 314 mil para execução 2022, condicionada a Receita do Estado. Serão contemplados com os valores os municípios que alcançarem 2% de votos proporcionais ao número de eleitores na votação geral.

Gabinete segue com aulas de artesanato O Gabinete da Primeiradama tem promovido oficinas de artesanato, com mulheres dos Clubes de Mães dos bairros, com o objetivo de garantir que elas tenham uma atividade que auxilie na geração de renda e também como uma forma de proporcionar lazer e distração, mesmo durante a pandemia de covid-19, que impôs medidas de segurança e o distanciamento social, aumentando casos de doenças de saúde mental. Segundo a responsável Mônica Gessler, o Gabinete só suspendeu as atividades nos períodos em que

21

o município estava em bandeira vermelha, mas que posteriormente, deu seguimento às atividades. “Atendemos cerca de 500 mulheres dos Clubes de Mães. Entregamos os materiais que são utilizados para a confecção dos produtos, e, assim, elas podem vir e participar das oficinas ou produzir de casa”, relatou. Mônica informou que os materiais são adquiridos pelo Executivo, através de licitação, que normalmente é realizada no começo do ano. “É importante darmos continuidade a esse trabalho, para que elas possam se

entreter, adquirir conhecimento e independência financeira. É muito gratificante ensiná-las e ver o retorno de quando elas têm encomendas e conseguem

Buscamos conforto nos ensinamentos que você deixou e na certeza de que o nosso Deus colhe as flores mais bonitas desse mundo, e que assim como chegou sua hora, a nossa também há de chegar. Permanece em nós cada vez mais fortalecido e intenso o amor que sentimos por você. Um dia nos reencontraremos, saudades eternas marido Alcindo e seus filhos Teila Rebeca e Carlos Eduardo, netos Sargento Brian, Nicole e Nicolas e demais familiares. Ijuí, 24 de outubro de 2020.

ConViTe PaRa miSSa

Filhas - Jussara e Janete, genro Valdomiro, neta Fernanda e neto Clederson, de Ruth e FRancisco Convidam para a missa de 30 dias de falecimento de Ruth Rosa Martins e 3 anos de falecimento de Francisco Assis Martins, a ser celebrada no dia 24 de outubro de 2020, às 19h (online) na Igreja da Paróquia São Geraldo Magela.

vender seus produtos.” As oficinas de trabalho já foram iniciadas, e têm horários disponíveis todas as tardes, através de agendamento.

ConViTe PaRa miSSa de 7° dia de FaLeCimenTo de RoBeRto PRauchneR

*02/06/1923 + 17/10/2020 Celebração na Matriz Cristo Rei, dia 24/10/20 às 18h. A família agradece aos que comparecerem Ijuí, 24 de outubro de 2020.

Mãe e Pai, como nós gostaríamos de recuar no tempo, a esse tempo onde vocês estavam do nosso lado e nos davam carinho, amor e educação. Daríamos qualquer coisa para voltar a vê-los, meus queridos pais. Seus ensinamentos e todo o amor em vida que nos deram, viveram para sempre dentro dos nossos corações. Sei que vocês estão presentes em nossas vidas e que um dia nos reencontraremos. Descansem em paz. Ijuí, 24 de outubro de 2020


22

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de oUTUbRo de 2020

PROTESTO

Moradores fecham a Avenida Brasil A reportagem do Grupo JM registrou o descontentamento dos moradores do bairro Elizabeth com relação à situação da Avenida Brasil, na última semana. Ontem, os moradores realizaram o fechamento da via em forma de protesto na busca por melhorias. Segundo a moradora da Rua Dom Vidal, Cenilda Dias, a Corsan começou a realizar obras nas proximidades de sua casa, que fica a meia quadra da Avenida Brasil, mas não concluiu a obra anterior. “Nós não aguentamos mais o pó que levanta com a passagem dos veículos. Queremos que seja resolvido esse problema com urgência”, declarou. Cenilda disse que, além da poeira que é gerada, a situação em que a rua se encontra pode ocasionar acidentes graves, e, por isso, a comunidade pede a finalização da obra.

O morador Valério Beck disse que o problema persiste há mais de 30 dias, e que a Corsan já foi informada. “Entendemos que é uma obra importante, mas já faz mais de um mês que as ruas estão abertas e ninguém veio aqui consertar. Não podemos abrir a casa, colocar roupa no varal, as crianças não podem sair para fora, em plena pandemia, o que torna mais difícil a nossa vida, então, deveria haver mais compreensão por parte dos órgãos responsáveis conosco. Hoje, vieram varrer a rua. Há 30 dias a gente pede e vieram hoje, no dia do protesto. Queremos uma solução efetiva.” Beck salientou que é necessário uma preocupação por parte da empresa que executa as obras. “Que nossa ação sirva de lição para as próximas obras. Vamos continuar protestando e auxiliar quem quiser fazer esse

AABB Comunidade realiza homenagem aos alunos

Moradores mantiveram a via interditada para a passagem de veículos durante o dia

tipo de ação.” A ação seguiu ao longo do dia. Durante o horário de almoço, os moradores fizeram revezamen-

tos para que houvesse pessoas no local, e devido ao fechamento da rua, até mesmo o ônibus precisou alterar o trajeto.

Notas fiscais devem ser cadastradas até 31 outubro

entrega dos mantimentos, mas não tiveram contato com as crianças. “Não tínhamos nos encontrado com eles até o momento, então, criamos essa atividade para relembrar o vínculo com o Programa Integração.” Em anos anteriores, as datas comemorativas foram marcadas com almoço e entrega de presentes para todos os alunos, e neste ano, eles receberam materiais escolares, doces e sorvetes.

Proprietários de veículos emplacados no Rio Grande do Sul, inscritos no programa Nota Fiscal Gaúcha (NFG) e que solicitam a inclusão do CPF na nota fiscal podem obter desconto no pagamento do IPVA 2021. A soma de notas fiscais para obter o desconto do Bom Cidadão para o exercício do próximo ano encerra-se no dia 31 de outubro. Quem tiver 150 notas fiscais com CPF ou mais, até essa data, vai garantir 5% no pagamento do tributo. Além desse desconto, há outros percentuais de desconto que variam conforme a quantidade de notas fiscais no ano. Contribuintes que obterem entre 100 e 149 notas com CPF garantem 3% de desconto. Para quem acumular entre 51 e 99 notas fiscais, o benefício é de 1% no pagamento do IPVA. O desconto do Bom Cidadão é válido para o pagamento antecipado (em dezembro de 2020), para o pagamento parcelado em até três vezes (janeiro, fevereiro e março de 2021) ou ainda conforme o número final da placa do veículo - vencimento dentro do mês de abril. O período para juntar a quantidade de notas fiscais com CPF necessárias para o desconto do Bom Cidadão tem o prazo de um ano. Para o exercício do IPVA 2021, o somatório de notas começou em 1º de novembro de 2019 e vai encerrar no próximo 31 de outubro, para que dê tempo de lançar os descontos para os respectivos proprietários de veículos. Em 2020, foram 436 mil veículos que tiveram algum percentual de desconto do Bom Cidadão no pagamento do IPVA, o que representa cerca de R$ 14,4 milhões em benefício no ano.

DOAÇÃO

VAGAS

HORÁRIO

FECHAMENTO

Voluntários do projeto Meu Alvo é o Céu estão arrecadando alimentos para a produção de marmitas que serão entregues a pessoas carentes. Para doar, basta entrar em contato por meio do telefone 9 8100 4034.

O FGTAS/Sine, canal de intermediação, vagas , encaminhamentos e requisitos, divulgou vagas de emprego disponíveis para diversos setores. Para ter acesso, basta entrar em contato com a agência de Ijuí.

O Cemitério Municipal irá abrir das 7h às 20h, a partir de segunda-feira até 3 de novembro, em razão da data de Finados. Será permitida a permanência de veículos no interior do local somente por 20 minutos.

Após a confirmação de um colaborador da agência FTGAS/ Sine de Ijuí testar positivo para covid-19, a agência foi fechada, e retoma as atividades na próxima terça-feira. A sanitização do espaço já foi realizada.

Drive-thru foi organizado para a entrega de presentes aos alunos do programa

O programa AABB Comunidade comemorou, ontem, o Dia do Estudante e o Dia das Crianças com seus alunos. Foi realizado um drive-thru para a entrega de um kit com guloseimas e materiais às crianças matriculadas. Segundo a coordenadora, Gisela Kusiak, neste ano foram diversos períodos de doações em que os profissionais do programa foram até as famílias efetuar a

Serviços

QUEIMAR IGREJAS Comunistas atearam fogo em duas igrejas católicas em Santiago, no Chile, no último domingo, em meio a um ato organizado para “celebrar” o primeiro aniversário dos protestos de extrema-esquerda do ano passado. Os radicais não indicaram porque as igrejas foram o alvo de seu vandalismo. Não foi a primeira vez. O que se viu foi caos, destruição, vandalismo, selvageria e também a obsessão de matar crianças no ventre das mães. Sim, é a Cristofobia sobre a qual no momento tanto se fala. FECHAR IGREJAS Por aqui, em eleições anteriores, a boataria popular dizia que candidatos comunistas iriam fechar igrejas. Obviamente os próprios candidatos comunistas tratavam de desmentir tais absurdos. Calúnia, mentira... “onde já se viu inventar um absurdo desses”? Mas basta olhar para o que os “militantes” camaradas chilenos fizeram por lá para perceber que o absurdo é mais próximo da realidade do que se pensa. É fato, também, que nos países que se auto consideram comunistas as religiões são normalmente censuradas ou reguladas pelo PC. Lá, a fé é clandestina. Sim, o boato popular não surgiu à toa. Há também outro movimento que merece a atenção: a ideologia que se infiltra na Igreja. MEU CORPO, MINHAS REGRAS O PDT recorreu ao STF para impor a vacinação obrigatória contra a covid-19. A ação foi motivada após o presidente Jair Bolsonaro dizer que a vacina será ofertada pelo governo de forma ampla e gratuita, mas que a decisão final de injetar ou não a substância no próprio corpo será de cada pessoa. A afirmação do presidente é consonante com a declaração da vice-diretora da OMS, Mariângela Simão, que na última quinta-feira disse que a entidade não aconselhará a compulsoriedade da vacina. Da mesma forma que é explícita e inegável a grande contribuição das vacinas para o controle de trágicas doenças, evitando mazelas, também não se pode anular a autonomia do ser humano sobre seu próprio corpo, suas decisões e seus riscos. Consciência sobre vacina se adquire com informação. Afinal, quem é gado?


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 24 e 25 de oUTUbRo de 2020

23

Memória JM Notícias de OUTUBRO de 1985 Por Leticia Breunig, acadêmica de Jornalismo e estagiária da Agência Experimental Usina de Ideias

INSTALADA A UNIVERSIDADE DE IJUÍ

Especialização EaD: faça sua própria rotina de estudos

A Educação Continuada da Unijuí está ofertando a especialização de Marketing. Os interessados podem se inscrever até o dia 31 de dezembro. Para isso, deve atender a alguns requisitos: É necessário o estudante preencher o formulário de ingresso no curso, anexar os documentos solicitados e pagar a taxa de ingresso (R$150,00); Depois de contabilizado o pagamento da taxa de ingresso, o estudante receberá no e-mail cadastrado orientações sobre o curso, que encontram-se detalhadas na aba Ingresso no Curso. Direcionada para empresários, profissionais liberais, executivos de organizações, gerentes, líderes de equipe e demais profissionais que atuam ou desejam atuar em marketing e que sejam graduados em Administração, Comunicação Social, Design, Ciências Contábeis, Economia, Tecnólogos, além de outros cursos e/ou áreas afins, desde que em nível superior, tem como objetivo contribuir com a formação de profissionais de alto nível nesta área do conhecimento administrativo, carga horária de 360 horas/aula e investimento de R$ 3.000,00. Sendo um curso EaD, os dias e horários de estudo são determinados pelo estudante. É válido destacar também que o período do curso varia de acordo com a organização de cada estudante, podendo ser no mínimo de seis meses e máximo de dois anos, a contar da data de sua matrícula. * Cada disciplina é composta por um Ebook, uma Web Aula, que também traz em seu conteúdo exercícios de avaliação; * O prazo para finalizar cada disciplina é de 30 dias, após iniciá-la; * Cada disciplina possui uma avaliação final, que deve ser realizada após o término do estudo do material de aula. A avaliação é objetiva e online, com tempo de duração de 1h30min, estando aprovado o aluno que obtiver nota igual ou superior a 7,0 (sete); * Ao finalizar cada disciplina, outra será disponibilizada ao estudante, obedecendo ao mesmo formato de organização e prazos para a finalização da(s) mesma(s) e assim, sucessivamente, até a conclusão das disciplinas do curso; * Quando finalizadas todas as disciplinas do curso, o estudante deverá agendar a avaliação final, denominada Sistematização e Avaliação, realizada depois de concluídas com aprovação todas as disciplinas da grade curricular. Ela é realizada presencialmente, com duração de 3 horas, em um dos Câmpus da Unijuí. * Em caso de reprovação será possibilitado ao estudante, nos próximos 30 dias, mediante o pagamento de taxa administrativa, por uma única vez, realizar nova avaliação. Caso reprove mais de uma vez em cada disciplina, ficará sujeito a realizar matrícula em projeto especial para finalizar o curso. Ainda dá tempo de garantir inscrição ao curso. Mais informações com a Unidade de Educação Continuada da Unijuí, no (55) 3332-0553 ou educacaocontinuada@unijui.edu.br e no site www.unijui.edu.br na aba Estude na Unijuí- educação continuada.

Ato solene, dia 20 de outubro, no salão nobre da Sociedade Ginástica

A

comunidade de Ijuí e região aguardava a vocês de coração aberto, afirmou o reitor Adelar Francisco Baggio, saudando ao ministro da Educação Marco Maciel e as demais autoridades políticas, educacionais, empresariais e comunitárias que se reuniram para a solenidade de instalação da Universidade de Ijuí, no salão nobre da Sociedade Ginástica, dia 20 de outubro, às 10h30min. (...) O caráter público da Unijuí foi destacado pelo reitor Adelar Francisco Baggio, por duas vezes, em seu discurso oficial, que iniciou de forma incisiva, dizendo que a Universidade não é "outorgada, mas construída ao longo de décadas com destemor, pelo trabalho sério e árduo, comunitário e co-participativo". (...) Após saudar todas as autoridades, o ministro Marco Maciel declarou instalada a Universidade de Ijuí, a primeira da Nova República, defendendo o acesso à educação, que deve "preparar integralmente o homem para a sua plena realização pessoal e participação política e proporcionar-lhe simultaneamente, meios que o habilitem a cumprir sua função de agente econômico da sociedade em que vive".

134 mil foram ao Parque Assis Brasil O espoucar de fogos de artifício e a buzina de veículos e máquinas marcaram, exatamente às 22 horas de domingo [dia 20], o encerramento da II Expo-Ijuí. Foram 9 dias de verdadeira festa regional, nos quais, 134.921 pessoas estiveram no Parque de Exposições Assis Brasil. A emoção tomou conta do próprio público, de expositores e, principalmente, de todos que trabalharam por cerca de três meses na infra-estrutura do Parque e na organização da Expo-Ijuí, que assume a condição de uma das maiores exposições do Estado. O presidente da Comissão Central, Ortiz Iboti Schröer, estima que mais de Cr$ 200 bilhões foram movimentados no município com a Expo-Ijuí, dois quais Cr$ 80 bilhões só em vendas feitas no Parque Assis Brasil. Os outros Cr$ 120 bilhões dizem respeito ao movimento do comércio, indústria, hotéis e restaurantes, o que vai se refletir no retorno do ICM para o município.

Cidadãos Ijuienses O secretário dos Transportes Telmo Kirst participou da programação da II Expo-Ijuí, quando recebeu o título de "Cidadão Ijuiense" concedido pela administração em reconhecimento a decisiva participação do Estado nas obras de infra-estrutura do Parque de Exposições Assis Brasil. O ministro da Educação Marco Maciel, que visitou Ijuí no dia 20 de outubro, também foi agraciado com o título de "Cidadão Ijuiense", que lhe foi concedido e oficialmente entregue pelo prefeito Wanderley Burmann, após a solenidade de instalação da Universidade de Ijuí.

CONCURSOS UFSM/RS - A Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) divulgou o edital 64/2020 para realização de um novo seletivo simplificado que visa preencher, em caráter temporário, 16 vagas no cargo de professor substituto para atuação nos campi de Santa Maria e Cachoeira do Sul. As inscrições deverão ser realizadas até às 23h59 do dia 27 de outubro, pela internet, por meio do endereço eletrônico www.ufsm.br/concurso. CORPO DE BOMBEIROS - O Corpo de Bombeiros Militar abre inscrições para um processo seletivo simplificado que vai recrutar 600 salva-vidas civis para atuação

temporária nos meses de novembro de 2020 a abril de 2021 em praias e balneários do Estado. As inscrições devem ser realizadas até o dia 31 de outubro, pela internet, por meio do endereço eletrônico do Corpo de Bombeiros Militar, no endereço eletrônico www.bombeiros.rs.gov.br. VALE DO SOL - O município de Vale do Sol decidiu reabrir as inscrições do seu novo concurso público aberto em 2020. Com edital lançado em abril, o certame visa para preencher 31 vagas imediatas e formar cadastro de reserva no quadro de servidores da Prefeitura. Com a reabertura das inscrições, os candi-

datos têm até o dia 2 de novembro para se inscrever pela internet, por meio do endereço eletrônico www. legalleconcursos.com.br. NOVA ESPERANÇA DO SUL A Câmara Municipal divulgou edital de concurso para o preenchimento de uma vaga no cargo de Agente Legislativo. A função de Agente Legislativo tem como requisito ensino médio completo e idade mínima de 18 anos. As inscrições serão realizadas exclusivamente via internet, por meio do endereço eletrônico www. legalleconcursos.com.br até o dia 19 de novembro. Será cobrada taxa de inscrição no valor de R$ 70.


www.clicjm.com

SAÚDE EM DESTAQUE

Estudantes da Escola 25 de Julho são incentivados a criarem uma homenagem às instituições de saúde de Ijuí, dentro da disciplina de Língua Portuguesa. A atividade reconhece a importância dos profissionais, além de trabalhar questões como a oratória. | 12

DENUNCIADO INCÊNDIO CRIMINOSO Vizinhos acusam homem de colocar fogo na própria casa, no 15 de Novembro. | 20

STF JULGA TRIBUTAÇÃO DE HERANÇA

DIRETOR IJUIENSE NA NETFLIX

Corte analisa validar imposto sobre heranças transmitidas no exterior.

| 11

SÃO LUIZ TEM ESTREIA NO ATAQUE Hugo Almeida começa a partida diante do Novorizontino na Baixada.

Rog Souza (à esq., ao lado do ator Adriano Garib) é um dos diretores da série "Bom dia, Verônica", um grande sucesso da plaforma de streaming no Brasil e em vários países | Caderno Dois

| 16

"O retorno de Ijuí à bandeira vermelha não chega a ser uma novidade, diante do número de casos." Leia no editorial na página 6

Profile for clicjm

Jornal da Manhã - Sábado 24E25.10.2020  

Jornal da Manhã - Sábado 24E25.10.2020  

Profile for clicjm
Advertisement