Jornal da Manhã - Sexta-feira - 10-09-2021

from clicjm

Scroll for more

Page 1

WWW.CLICJM.COM

Ijuí, Sexta-feira, 10 de setembro de 2021

Ano 48 - Nº 90

R$ 4,00

PIB gaúcho cresce acima do índice nacional

Produto Interno Bruto do Estado sobe 2,5% no segundo semestre e do País caí 0,1% no mesmo período. | 5

BOLSONARO DIZ QUE NÃO TEVE INTENÇÃO DE AGREDIR PODERES Presidente afirma que atritos com Alexandre de Moraes serão resolvidos na Justiça | 7

BARROSO DEFENDE ELEIÇÕES LIMPAS E DEMOCRACIA

PÁGINAS 8 E 9

NÚMERO DE PRODUTORES DE LEITE CAI 50% NO RS Dados da bacia leiteira no Rio Grande do Sul foram divulgados pela Emater. | 5

POLÍTICOS REAGEM A ATOS DO 7 DE SETEMBRO Presidentes de partidos se posicionaram de forma ponderada sobre o assunto. | 7

IRRIGAÇÃO EM DEBATE

Presidente do TSE chama Bolsonaro de "farsante" e rebate acusações. | 7

Deputados sugerem convênios com municípios para acelerar obras de irrigação | 10


2

Jornal da Manhã

SEXTA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2021

RADAR

OLHO DA RUA

CONSUMO O consumo das famílias brasileiras aumentou 4,84% em julho deste ano na comparação com junho, mas caiu 1,15% ante o mesmo período do ano passado. No acumulado do ano, o índice foi positivo, ficando em 3,24%. Segundo a Associação Brasileira de Supermercados (Abras), a queda mensal foi a segunda do ano, já que em junho o Índice Nacional de Consumo das Famílias nos Lares Brasileiros havia detectado baixa de 0,68% na comparação com o mesmo mês de 2020.

Próximo ao Condomínio Frida Heck, na rua João Perondi, um lixão a céu aberto começa a se formar. Além de trazer um visual ruim, o lixo acumulado causa danos ao meio ambiente.

INSS O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) estabeleceu novas orientações para a remarcação de perícia médica. De acordo com o documento, quando o trabalhador não puder comparecer na data agendada para realização da perícia, por interesse próprio, deverá remarcar o atendimento pelo site, aplicativo Meu INSS ou pelo telefone da Central 135. Nos casos em que a perícia não puder ser realizada por indisponibilidade momentânea do local de atendimento, a referida agência da Previdência Social deve remarcar todos os agendamentos, sem necessidade de solicitação por parte do usuário. AQUECIMENTO Pesquisadores australianos constataram que alguns animais – principalmente pássaros – estão sofrendo mudanças corporais por causa do aquecimento global. Os cientistas Sara Ryding e Matthew Symonds, da Universidade Deakin, em Melbourne, examinaram estudos feitos sobre o corpo de várias espécies ao longo de décadas.Em uma revisão publicada na revista "Cell", eles concluíram que, com o aumento das temperaturas do planeta, os pássaros que têm bico maior tendem a ser favorecidos, porque conseguem dissipar calor de forma mais eficiente. CONSTRUÇÃO O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi) avançou 0,99% em agosto. O resultado ficou 0,90 ponto percentual (p.p) abaixo da taxa de julho, quando registrou 1,89% e é a menor variação desde agosto de 2020. No acumulado dos últimos 12 meses, a taxa atingiu 22,74%, pouco acima dos 22,60% anotados nos 12 meses imediatamente anteriores. O acumulado de janeiro a agosto ficou em 14,61%. Em agosto de 2020, o índice foi 0,88%. Os dados foram divulgados ontem pelo IBGE. GRÁVIDEZ A ingestão de bebidas alcoólicas durante a gravidez é fator de risco para o desenvolvimento da Síndrome Alcoólica Fetal (SAF), que pode levar a deficiências físicas e distúrbios de neurodesenvolvimento, alerta a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP). A médica Conceição Segre, coordenadora da Campanha de Prevenção à SAF da SBP, afirma que atualmente não há tratamento que leve à cura da síndrome, que pode levar a danos irreversíveis, como retardo mental e anomalias congênitas.

INDICADORES Poupança 9.9.2021 ................... 0,32 % Ouro 9.9.2021............. ... R$ 299,87(gr) Dólar Comercial.................... R$ 5,2233 Dólar turismo ....................... R$ 5,4751 Euro .......................................... R$6,18 IPC/FIPE JULHO /2021.............. 0,96% INPC JULHO /2021 .................... 1,02% IGP-M JULHO /2021 ................... 0,78% IPCA JULHO /2021..................+0,96% TR JULHO/2021 ........................+0,0% SELIC JULHO./2021 ...............+5,25 %

LOTERIAS

NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

1º - 5.582 2º - 3.314 3º - 5.368 4º - 9.987 5º - 9.097 ENTRE ASPAS " É ótimo que pessoas que não são de esquerda se manifestem contra Bolsonaro. Não é hora de tribunal sobre o passado, e sim de união contra uma ditadura. Se tivermos êxito, teremos a eleição de 2022 para debater. Se não, o debate será no cárcere ou no exílio." Governador do Maranhão, Flávio Dino "O Supremo Tribunal Federal do Brasil respondeu às ameaças de Jair Bolsonaro com uma declaração contundente que diz o que é óbvio para qualquer democrata: as decisões dos tribunais devem ser respeitadas. O presidente não está acima da lei." Diretor da Divisão das Américas da Human Rights Watch, José Miguel Vivanco

QUINA

CONC URSO nº

5653

18 21 46 49 54 MEGA SENA

CONCURSO nº

2407

13 17 31 43 54 55

PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo

"Não foi Lula ou FHC que nomearam ministros do STF. Foi a "Presidência" que, pelo sufrágio, pode delegar tal poder. No fim das contas, quem coloca o ministro no STF é o povo, que tem o direito de questionar ou mesmo reprovar as escolhas de seus representantes. Assim é a República." Deputada federal, Carla Zambelli (PSL-SP)

GETÚLIO

HOJE

MÁX.

18°

Sol com algumas nuvens. Não chove.

MIN.

SÁBADO

MÁX.

22° Sol com algumas nuvens. Não chove.

MIN.

DOMINGO

MÁX.

29° Sol com algumas nuvens. Não chove.

MIN.

13°

Fonte: Climatempo


Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 10 de setembRo de 2021

3

ECONOMIA

Alta da gasolina pesa e inflação registra alta A disparada no preço da gasolina e dos alimentos fez a inflação medida pelo IPCA atingir a maior alta em 21 anos para o mês de agosto. O avanço de 0,87% no índice superou as estimativas mais pessimistas dos analistas do mercado financeiro. No acumulado dos últimos 12 meses, o IPCA saltou para quase 10%, sendo que em oito cidades pesquisadas já ultrapassa a marca dos dois dígitos de inflação. Com esse resultado, os economistas estão revisando suas previsões de inflação para o ano e também elevando as estimativas para a taxa de juros - a ferramenta usada pelo Banco Central para tentar conter a alta de preços. “O mercado já está dando como certo que o Banco Central vai acelerar o ritmo de alta (dos juros)”, disse o analista de mercado, Luciano Rostagno. Antes da divulgação do IPCA,

as apostas miravam uma alta 1 ponto porcentual na próxima reunião do Copom, nos dias 21 e 22. Agora, muitos analistas já falam em alta de 1,25 ponto. O resultado do IPCA mostra que a inflação está cada vez mais disseminada. A difusão do indicador é a maior desde 2020 e subiu de 64% para 72% na passagem de julho para agosto. Segundo o IBGE, a alta do dólar influencia o encarecimento de combustíveis, enquanto a crise hídrica provoca um aumento na energia elétrica. Os alimentos também estão mais caros, sob pressão tanto das exportações quanto de problemas climáticos, como geada e estiagem. No IPCA, o grupo de transportes teve a maior alta de preços, de 1,46%, puxada pelos combustíveis. A gasolina subiu 2,80% e teve o maior impacto individual no IPCA do mês passado. Etanol

Granizo causa prejuízo de R$ 30 milhões no campo A chuva de granizo do início da semana causou um prejuízo de R$ 30 milhões nas lavouras ijuienses. Os dados foram apresentados ontem ao Poder Executivo pela Emater. A chuva durou quatro minutos na noite de segundafeira e atingiu com mais intensidade os distritos do Itaí, Barreiro, Rincão dos Góis e a localidade de Arroio das Antas, na região Sul do município. O levantamento assinado pelo engenheiro agrônomo da Ascar/Emater, Douglas Régis Iske e divulgado pelo Poder Executivo mostra que as maiores perdas foram registradas nas

culturas de trigo e olerícolas, que juntas somaram prejuízo de R$ 14,8 milhões. Os produtores rurais do município também tiveram prejuízos em bens imóveis, como galpões, estufas e casas. A perda foi contabilizada em cerca de R$ 400 mil. O Poder Executivo de Ijuí protocolou na última terça-feira junto à Defesa Civil do Estado um decreto de situação de emergência. Na área urbana, o último levantamento divulgado ontem aponta que 811 residência tiveram os telhados danificados pelas pedras de gelo.

Plantação de repolho foi danificada pela chuva de granizo dessa semana

(4,50%), gás veicular (2,06%) e óleo diesel (1,79%) também ficaram mais caros. “O preço da gasolina é influenciado pelos reajustes aplicados nas refinarias de acordo com a política de preços da Petrobras. O dólar, os preços no mercado internacional e o encarecimento dos biocombustíveis são fatores que influenciam os custos, o que acaba sendo repassado ao consumidor final. No ano, a gasolina acumula alta de 31,09%, o etanol 40,75% e o diesel 28,02%”, disse o analista da pesquisa, André Filipe Guedes Almeida. O aumento nos preços de automóveis usados (1,98%) e novos (1,79%) e das motocicletas (1,01%) também pesou no indicador. Os preços do transporte por aplicativo subiram 3,06% e do ônibus intermunicipal, 0,62%, em decorrência dos reajustes. A segunda maior contribuição

no IPCA de agosto foi do grupo alimentação e bebidas, que subiu 1,39% depois do avanço de 0,60% em julho. A alimentação no domicílio passou de alta 0,78% para 1,63%, principalmente por causa dos aumentos nos preços de batata-inglesa (19,91%), café moído (7,51%), frango em pedaços (4,47%), frutas (3,90%) e carnes (0,63%). No grupo habitação, que teve alta de 0,68%, o resultado foi

influenciado pela energia elétrica (1,10%), que desacelerou em relação ao mês anterior (7,88%). “O resultado é consequência dos reajustes tarifários. Além disso, a bandeira tarifária vermelha patamar 2, que adiciona R$ 9,492 a cada 100 kWh consumidos, vigorou nos meses de julho e agosto”, explicou Almeida. Os preços do gás encanado (2,70%) e do gás de botijão (2,40%) também subiram.

Situação interna do País eleva preço A aceleração da inflação, que se aproxima dos 10% no acumulado em 12 meses, tem origens num fenômeno global, associado à pandemia, mas é agravada por problemas nacionais, como a estiagem - que encarece a conta de luz - e a alta do dólar, causada pela crise política - que encarece importados e os combustíveis, afirmam pesquisadores do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV). Para enfrentar o problema, seria necessária a ação coordenada de todo o governo e não apenas do Banco Central (BC), criticaram os especialistas. Segundo José Júlio Senna, chefe do Centro de Estudos Monetários do Ibre/FGV, inflação elevada é um fenômeno “novo e raro”, que ocorre no mundo todo, em decorrência da covid-19. “O que a pandemia fez? Inibiu a produção e a distribuição de bens, os gargalos de oferta apareceram, e

produziu o desvio de demanda de certos serviços para certos bens”, afirmou Senna. Na visão de Senna, “ninguém sabe” até quando esse fenômeno seguirá. “Não há registro, no mundo, de analistas ou empresários que entendam que esse fenômeno vai passar na próxima quintafeira. É algo que demora, vamos entrar em 2022”, completou o pesquisador. Para o coordenador da área de Economia Aplicada do instituto, Armando Castelar, além da falta de ajuda da política econômica como um todo, o BC falha ao “ficar a reboque” no combate da inflação. Ele diz que o BC demorou a reagir, com elevação de juros e comunicados ao mercado. Segundo Castelar, o Banco Central subestimou as projeções de inflação em suas estimativas públicas e minimizou o desequilíbrio fiscal em sua comunicação.

Estiagem impede nova safra recorde A falta de chuvas e as geadas dos últimos meses frustraram de vez as perspectivas para mais uma safra de grãos recorde no País. Divulgada, ontem, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a estimativa da safra de 2021 foi reduzida para 251,7 milhões de toneladas, 1% abaixo do desempenho do ano passado. E a possibilidade de novas reduções na estimativa, nos próximos meses, não foi descartada pelo IBGE.

“São cinco meses consecutivos de redução da estimativa da safra. São perdas consolidadas, não tem mais como recuperar isso (o volume recorde de produção). O que pode ocorrer nas próximas revisões é, na verdade, termos perdas um pouco maiores no milho”, disse Carlos Alfredo Guedes, gerente da Coordenação de Agropecuária do IBGE, ao comentar o Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) de agosto.

Se confirmada, a queda na produção de grãos de 2021 será a primeira desde a safra de 2018. Naquele ano, a produção de grãos foi de 227,5 milhões, 4,7% abaixo do desempenho do ano anterior. Mesmo assim, a safra de 2021 será a segunda maior da história, atrás apenas da registrada no ano passado, que somou 254,1 milhões de toneladas. A série histórica tem início em 1975, quando o Brasil produziu 39 milhões de toneladas no ano.


4

Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 10 de seteMBRO de 2021

DATA

Prevenção ao suicídio cresce devido a ações Um tema difícil de ser tratado, mas que pode sim ser prevenido: o suicídio. Atualmente, no Brasil, em média, uma pessoa tira a própria vida a cada 45 minutos e 32 mortes são registradas todos os dias no País. Todos os anos, cerca de 800 mil pessoas morrem por suicídio no mundo, segundo a Organização Mundial da Saúde. Só no Brasil, são 12 mil, de acordo com o Ministério da Saúde. Os números preocupam. Tanto é que durante todo o mês é realizada a campanha Setembro Amarelo, de prevenção ao Suicídio. A maior parte dos casos ocorre por conta de transtornos mentais, alcoolismo e drogas e pode ser evitada. Hoje, é celebrado o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio. Data que alerta sobre a importância de se falar sobre os riscos e cuidados para se evitar ações suicidas. O principal objetivo é a conscientização sobre a prevenção do suicídio, alertando a sociedade a

respeito desta triste realidade. O suicídio é um fenômeno complexo, com diferentes características e de múltiplas determinações que afeta a sociedade como um todo e não apenas os familiares das vítimas. "Este mês é de grande impacto, que tem cor, presença. Hoje é o dia que consagra a meta da busca e socialização sobre a prevenção do suicídio. Nós lidamos com essa crise, esse abalo, tanto no ambiente hospitalar, quanto assistencial. O tema é um tabu, mas quanto mais informações tivermos para divulgar, aprendemos a valorizar coisas simples e tão necessárias para que a gente consiga, juntos, tirar esse tabu de algo que existe em nosso cotidiano", declara o médico psiquiatra Ricardo Zanon, em entrevista ao JM. No Brasil, desde 2015, o mês de setembro é o mês de alerta para cuidado da saúde mental. "Temos muitos critérios do processo de

sofrimento, critérios que abrangem sinais de alerta para algumas situações. O suicídio tem fatores determinantes relacionados a fatores sociais, psicológicos, genéticos, culturais e socioeconômicos. No passado, o suicídio era maior entre adultos, mas hoje a lógica tem se invertido e atingido as pessoas mais jovens", ressalta Zanon. Segundo ele, existem diversos fatores de risco que podem ser notados, como tentativas de suicídio prévias e, além disso, transtornos mentais. O médico também declara que a sociedade vive um processo difícil em relação à pandemia, que afeta questões econômicas, luto, falência, término de relacionamentos, perda de emprego, isolamento, doenças crônicas, entre outros. A psicóloga Neuza Scheffer, salienta que o Setembo Amarelo é importante, especialmente neste ano pela covid-19. "Precisamos falar muito sobre a questão da

Médico psiquiatra Ricardo Zanon e psicóloga Neuza Scheffer

valorização da vida, pois precisamos nos importar com o outro, implementar ações e atitudes nas relações entre as pessoas para que seja possível recuperar a saúde mental e o viver tenha sentido para cada uma das pessoas", relata. Ela também declara que é importante que cada um possa perceber quando o outro não está passando por um momento bom consigo mesmo e estar atento aos sinais de risco. "Que possamos sempre perceber que alguém próximo está precisando de ajuda, que precisa ser escutado quando está diferente e em comportamentos que não são habituais, como a vontade de desaparecer, achar que a vida não tem mais sentido,

e não se encontra a solução dos problemas, são alguns sinais de risco. Precisamos verificar que pensamentos suicidas não são drama, não são frescura, mas sim um pedido de socorro", relata. Ela também salienta que é preciso perceber essas questões para que as pessoas não se sintam cada vez mais sozinhas e se perca dela mesmo e "busque o ato mais drástico que tem." Em Ijuí, uma programação foi montada pelo Executivo em prol do Setembro Amarelo. No início do mês foram realizadas duas palestras a partir do Centro de Valorização da Vida (CVV) e da Rede de Atenção Psicossocial (Raps).

Covid-19 alerta população em casos fatais de crianças A covid-19 trouxe um risco a muitas pessoas, seja pela sua alta letalidade no que diz respeito à população idosa e, também, às pessoas com comorbidades. No entanto, com o avanço dos meses e do contágio da doença na população, cada vez mais ela vem atingindo com gravidade populações que, na teoria, desde o início da contaminações, eram consideradas mais fortes como os adolescentes e as crianças. Conforme a pediatra, infectologista e professora do curso de Medicina da Universidade Santo Amaro (Unisa), Cláudia Lopes, em maior parte a doença afeta as crianças sem maior gravidade. "Em maior parte, ocorre de forma benigna, mas em alguns casos a doença evolui para um quadro fatal. Se contabilizamos todos as doenças imunoprevisíveis, a covid 19 matou mais que todas elas juntas neste período. Então quer dizer que ela está longe de ser benigna, por isso todas as

medidas preventivas devem ser cumpridas", ressalta. Ela declara que há diversas características, similares a gripes comuns, mas que também há complicações únicas, como inflamações e outros. Porém celebra a ampliação de faixas etárias da vacina, que reduz o problema.

Cláudia Lopes


Jornal da Manhã

SEXTA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2021

5

ESTADO

PIB gaúcho avança 2,5% no segundo trimestre, diz DEE O Produto Interno Bruto (PIB) do Rio Grande do Sul subiu 2,5% do primeiro para o segundo trimestre deste ano, conforme divulgou o governo do Estado ontem. A alta do PIB gaúcho contrasta com os números do Brasil. No mesmo período, o País caiu 0,1%. Os dados são do Departamento de Economia e Estatística (DEE), vinculado à Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG). Na avaliação da coordenadora da Divisão de Análise Econômica do DEE, Vanessa Sulzbach, a agropecuária puxa a recuperação do PIB gaúcho. "A agropecuária pesa bastante no segundo trimestre e vem crescendo em cima do primeiro trimestre, quando já foi positivo", destaca. O titular da SPGG, Cláudio Gastal, ressalta que os números foram impactados pela base baixa de 2020. Além disso, o secretário fez ressalvas a questões como a crise atual. "Estamos vivendo um momento de algumas variáveis, como a própria questão

da inflação, o ambiente econômico e o ambiente político do país, que podem nos levar a algum tipo de solavanco. Mas acreditamos que a gente tem boas notícias de recuperação", aponta. No acumulado do ano, o Estado observou crescimento de 16,2%, frente alta de 6,4% no país como um todo. A pesquisadora ainda aponta que a recuperação dos impactos da estiagem e a produção industrial são os principais destaques para o crescimento no ano. Ainda assim, no recorte do trimestre, a indústria, por exemplo, teve queda. "Os resultados do segundo trimestre e do acumulado do ano são reflexos da recuperação da forte estiagem que atingiu o estado durante os meses de verão em 2020, que tiveram consequências significativas sobre a produção agrícola gaúcha. No acumulado do ano, ainda temos o bom desempenho da indústria gaúcha, sobretudo nos primeiros meses do ano", afirma Sulzbach. PIB por setor Na avaliação entre o primeiro e o

Vanessa Sulzbach

indústria cresceu 21,2%. Já os serviços tiveram alta de 9,3%. A diferença se dá em razão da retomada da produção, uma vez que o segundo trimestre de 2020 foi impactado pelas primeiras restrições motivadas pela pandemia de covid-19. Os destaques do período são as produções de soja, máquinas e equipamentos, calçados, produtos de metal, além das vendas de veículos, artigos de uso pessoal e doméstico, roupas e calçados.

RS perde metade dos produtores de leite

Pesquisa do Setor Leiteiro no Rio Grande do Sul Em tamanho de área, a média das propriedades é hoje de 18,92 hectares. Em 2015, era de 19. Agricultores familiares são os responsáveis por 96,24% da produção ante 97,56% em 2015;

Fonte: Emater/RS

A média de vacas leiteiras por propriedade é de 7,73, 7,52% a mais do que há seis anos A produ�vidade média por vaca é de 13,54 litros, alta de 28,45% sobre 2015

segundo trimestre, a agropecuária subiu 5,6%. A indústria apresentou queda no RS, com redução de 4,6%. Já o setor de serviços cresceu 1%. Dentro de cada área, a indústria extrativista mineral e a construção cresceram, enquanto a indústria de transformação e os setores de energia, água, esgoto e limpeza urbana tiveram queda no PIB. "A construção civil demorou um pouco mais para retomar, para se recuperar, demorou mais que a indústria de transformação. Agora, no segundo trimestre, ela manteve a recuperação que já tinha iniciado no primeiro", diz Vanessa Sulzbach. Nos serviços, houve alta no PIB de comércio, transportes, informação e atividades imobiliárias. Já os campos de finanças e seguros, além da administração pública, apresentaram redução na produção. 2020 x 2021 Na comparação entre o segundo trimestre de 2020 com o mesmo período de 2021, os resultados são mais expressivos. O PIB da agropecuária subiu 103,7%. A

Em 2021foram levantados dados em todos os municípios do Estado. O período de coleta foi de 27 de junho a 20 de julho de 2021

Menos criadores, mais vacas por propriedade e maior produtividade (ou seja, litros por animal) é o que resume o retrato atual do setor de leite no Rio Grande do Sul. Divulgado ontem, o relatório socioeconômico 2021 da atividade feito pela Emater consolida esse cenário como uma tendência, já indicada nos levantamentos de 2019, 2017 e 2015). Considerado esse intervalo, o número de produtores vinculados à

indústria encolheu: de 84,2 mil para 40,18 mil. O estudo realizado nos 497 municípios do Estado mostra que a maior redução se dá entre os que produzem um volume diário entre 50 e 100 litros. E que o maior percentual da produção se concentra naqueles que tiram entre 201 e 500 litros por dia (veja quadro ao lado). Há claramente uma tendência. A quantidade de produtores segue diminuindo mas isso

não afeta a qualidade, e os que ficam usam mais tecnologia e têm mais produtividade, o que compensa – avalia Jaime Ries, assistente técnico estadual de bovinocultura de leite da Emater, responsável pelo relatório. Para explicar o que leva ao abandono da atividade, Ries enumera uma lista de fatores. Em algumas regiões, a aposentadoria supre a receita do leite, que não compensa o esforço físico.


6

Jornal da Manhã

SEXTA-FEIRA 10 DE SETEMBRO DE 2021

Opinião do JM ARTIGO

ECONOMIA GAÚCHA REAGE

gaúcho contrasta com os números do Brasil. No mesmo período, o País caiu 0,1%. A recuperação dos impactos da estiagem e a produção industrial são os principais destaques para o crescimento no ano. É preciso salientar que o campo foi mais uma vez protagonista no cálculo do PIB. A boa notícia é que, tradicionalmente, o agronegócio do Estado tem uma capacidade maior de disseminar seus reflexos positivos em comparação à média nacional, e o empurrão ainda deverá ser sentido no decorrer do ano.

A boa notícia é que, tradicionalmente, o agronegócio do Estado tem uma capacidade maior de disseminar seus reflexos positivos em comparação à média nacional.

Beneficiam-se, da mesma forma, o comércio de diversas cidades, especialmente nas regiões mais ligadas ao agronegócio, assim como parte significativa da indústria que tem vinculação com o campo e também vende para todo o país. O recolhimento de impostos, igualmente, responde de forma positiva. O setor de serviços teve estava registrando queda, teve um acréscimo com alta de 1% na comparação com o primeiro trimestre de 2021, e isso ocorre devido ao avanço da vacinação e a reabertura das atividades, criando um ambiente propício para um crescimento ainda mais consistente, uniforme e distribuitivo, com criação de postos de trabalho e geração de renda, em meio a um momento de desemprego elevado e inflação alta. No entanto, o Estado ainda carece, sobretudo, de uma maior recuperação do setor de serviços, que é o que mais emprega e, normalmente, exige menor qualificação para preencher os postos de trabalho. Uma recuperação mais robusta do emprego, portanto, ainda vai demorar. Mas tende a começar ocorrer assim que a economia doméstica recobrar forças, o que depende essencialmente de melhores perspectivas de vencer a crise sanitária e o Estado como o País está no caminho.

ARTIGO

Transparência nos atos públicos Gabriel Souza- Deputado e presidente da Assembleia Legislativa Além de a cultura da transparência ser algo que temos que incentivar cada vez mais dentro da administração pública, estamos vivendo um momento em que a população deseja conhecer exatamente todos os procedimentos dos governos e órgãos públicos, de todos os poderes. Por compreender esta necessidade, apresentei a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que institui na Constituição Estadual o princípio da Transparência. Apesar de o princípio constar de forma implícita tanto na Constituição Federal, no art.37, como na Constituição Estadual, no art.19, agora, com a promulgação da PEC Transparência, ele passa a estar positivado na legislação do Rio Grande do Sul. O desdobramento se dá não apenas na abertura total dos dados públicos do Estado, mas também no acompanhamento, desde a formulação e concretização de qualquer ato administrativo, passando inclusive pelo comportamento dos gestores públicos, no que se refere à transparência. E, apesar de muitas vezes os termos “publicidade” e “transparência” serem tratados como sinônimos, há uma diferença que não é apenas morfológica. Enquanto o princípio da Publici-

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

dade obriga a administração pública fazer a divulgação oficial dos atos administrativos, o da Transparência é mais amplo. Este último compreende não só tornar pública a informação, mas fornecê-la de forma clara e acessível, antes e durante a elaboração do ato administrativo. A PEC inclui ainda parágrafo no art.19 da Constituição Estadual definindo a obrigação dos órgãos públicos de disponibilizar plataformas digitais para consulta dos seus atos administrativos por parte da população. A criação destes dispositivos é fundamental para que o cidadão possa ter acesso e acompanhar os trâmites, sempre que possível de maneira online, em tempo real. O princípio da Transparência oriunda da necessidade de expor as informações daquilo que é público, ou seja, do que é de todos. O direito de acesso às informações não é um fim em si mesmo, mas um meio, um instrumento que existe para viabilizar ou garantir a realização de outros valores sociais aptos a estimular o desenvolvimento individual e coletivo. E é condição sine qua non para o exercício de outros direitos fundamentais, como o direito de participação política, direito de expressão e opinião.

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Jocelaine Simão redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com Representantes Comerciais: Grupo de Diários

www.clicjm.com

O país ideal Geder Parzianello Professor da Unipampa, doutor em Comunicação com pós-doutorado na Alemanha O país ideal, na mentalidade de muita gente, provavelmente, seria aquele em que a imprensa é amigável e amena. Não existiriam notícias ruins nem reportagens contra as coisas que elas acreditam. Ninguém discordaria de ninguém. Um país, afinal, em que os políticos aprovassem impeachment de todo e qualquer juiz que causasse desafeto. Um país que tivesse, talvez, um Judiciário submisso assim como as Forças Armadas igualmente submissas a todas as vontades de lideranças do governo. Nesse país ideal, na visão de outros tantos, vereadoras não seriam executadas, milícias não seriam poder paralelo, não haveria inflação, seca, crise hídrica, nem desemprego. O povo teria comida e condições de trabalho e renda. Índios poderiam viver em paz em suas áreas demarcadas, haveria respeito e tolerância com os diferentes, os desiguais, as minorias em proteção e direitos por mais numerosas que elas sejam. Nesse país ideal, por exemplo, violência urbana não seria banal, a segurança pública seria uma garantia do Estado. Políticos eleitos defenderiam interesses públicos, não haveria corrupção, não haveria rachadinhas, mensalão, petrolão nem escândalos como o da Covaxin. Quem comete crimes seria justamente julgado e, se culpado, seria condenado e preso. As leis funcionariam e quem as faz e quem as executa saberia que cabe a outro dos Poderes proteger e garantir o seu cumprimento. Nesse país ideal, nenhuma fala seria capaz de invocar a democracia para tentar derrubá-la. Ninguém afrontaria deliberadamente a Constituição. Não seriam usadas prerrogativas do direito à liberdade de expressão para esconder crimes previstos em Lei como contra a honra das pessoas, praticando calúnias, injúrias, difamação e ofensas, confundindo opinião com agressão, sem responsabilidade alguma. Nos dois casos, seria um mundo protegido, seguro e habitável. Sem queimadas, sem devastação de áreas florestais, sem poluição. A utopia de Thomas Morus. Só que para o bem e para o mal, o mundo ideal é apenas uma ideia em diferentes cabeças. Todos nós sabemos que a realidade frustra, é injusta e pode ser e é bem diferente do que cada um de nós gostaria. A diferença é que para a maioria das pessoas essa contradição entre o que se quer e o que se pode, entre o ideal e a realidade, é um aspecto da vida. Não se pode forjar que o mundo se molde a nossos desejos e vontades. Quando se chega a proclamar tamanha independência é porque já se perdeu o limite entre a lucidez e a falta de consciência, fruto de uma imaturidade tardiamente continuada e doentia.

Artigos assinados são responsabilidade de seus autores. Para publicação, os artigos devem ser enviados com identificação do autor (nome, profissão, documento, endereço e fone) em fonte times, com no máximo 2.750 caracteres (espaço maior), ou 2.050 caracteres (espaço menor) com espaçamento, para o e-mail redacao@jornaldamanhaijui.com

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

ciadearte@jornaldamanhaijui.com

ASSINATURAS E CIRCULAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0317 3331-0321 Semestral: R$ 280,00 Anual: R$ 560,00 Correio: R$ 460,00 (semestral); R$ 900,00 (anual)


Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 10 De seteMBRO De 2021

7

GOVERNO

Atos de 7 de Setembro geram tensão política O 7 de Setembro deste ano foi de muita movimentação política no País. A data simbólica, tradicionalmente marcada por desfiles e outras atividades alusivas à Independência do Brasil, foi símbolo, desta vez, da divergência política. Atos tomaram ruas da maioria das cidades brasileiras. Pelo fato de muitos manifestantes pedirem intervenções no Supremo Tribunal Federal (STF), discute-se, em nível nacional, se os protestos foram atos-antidemocráticos, o que traria riscos ao governo Bolsonaro e agravaria a crise na relação entre os poderes. O JM ouviu alguns presidentes de partidos do município que se posicionaram de forma ponderada sobre o assunto. O presidente do Progressistas, Chico Ortiz, foi categórico ao afirmar que toda e qualquer manifestação deve ser respeitada, desde que ocorra de forma democrática, pacífica e ordeira. “A minha avaliação sobre as manifestações é positiva, no sentido, que é legitima, popular, e como prevê a Constituição, ocorreu de forma livre e democrática, baseada no descontentamento de uma grande parcela da sociedade com a atuação do Supremo Tribunal Federal, principalmente no que tange às liberdades individuais. A voz do povo é a voz de Deus diante do poder. Nós temos seis poderes,

Legislativo, Executivo, Judiciário, poder da mídia, do povo e de Deus. O que ocorre que cada poder tem o seu papel e ao mesmo tempo o seu espaço, e hoje parte da população entende que alguns desses poderes estão com um papel e espaço exacerbado; Toda a manifestação popular e ordeira é legítima.” Para o presidente do PSB César Busnello, o presidente da República mantém a sua característica de afrontar os poderes e a democracia. “Como cidadão brasileiro que paga seus impostos e luta por um País melhor, eu fico indignado com a postura do presidente da República, um chefe de Estado, que deveria ser uma pessoa pública, que oficialmente representa a unidade nacional, prezar pela democracia, pois ele foi eleito democraticamente, e não a todo instante tentar desafiar e atacar as instituições. Em uma democracia é preciso saber conviver com os três poderes, ou seja, com o Legislativo, Executivo e também com o Judiciário, que é importante nesta balança. E se não fosse o STF corrigir alguns equívocos lamentáveis que foram feitos por esse governo, nós estaríamos bem pior. Eu acho que nem vai ser o STF ou o Congresso que vai pedir o impeachment dele, mas será a economia. Enquanto ele deveria se preocupar com o custo de

Chico Ortiz (PP)

César Busnello (PSB)

Josias Pinheiro (PDT)

vida da população, fica achando conflitos com as instituições democráticas já estabelecidas. Não apareceu nada de novo neste governo Bolsonaro para economia, questão social, não houve nada. Diz que tem transparência e que não há corrupção, isso é o mínimo que se espera de um governo, mas a gente não vê programas sociais, soluções para o desemprego.” O presidente do PDT, Josias Pinheiro, disse que lamenta todos os episódios e radicalismo de direita e da esquerda. “Sabemos que ao longo da história sempre se teve esses dois lados, mas nes-

te momento há um radicalismo exagerado. Hoje nem mesmo a nossa bandeira podemos utilizar porque se apropriaram dela indevidamente. É um símbolo nacional e não de um partido político. Hoje nós teríamos que estar discutindo o preço do gás de cozinha, do combustível, da cesta básica, questões que envolvem a necessidade da população e não voto impresso", disse, frisando que o presidente foi eleito sete vezes deputado em votações em urnas eletrônicas." Foi eleito presidente com o voto eletrônico, e também não teve fraude, e agora porque há uma

necessidade de mudança. Não se entende este ataque ao Supremo, claro que tem falhas, o PDT discorda de muitas posições do Supremo, mas é um poder constituído e a Democracia exige respeito aos poderes, e esse que a gente espera que o povo brasileiro compreenda. Não podemos ser fanáticos. A origem dos grandes conflitos foi pelo fanatismo, pela falta do bom senso, pela falta de inteligência, e é esse cenário que nos enxergamos hoje no nosso País. Essa falta de postura das nossas lideranças, que deveriam trabalhar pela unificação do povo."

Barroso defende sistema eleitoral e cita recessão democrática O ministro Luís Roberto Barroso, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), afirmou ontem que a "democracia só não tem lugar para quem pretenda destruí-la." A afirmação foi feita em discurso na abertura da sessão do TSE em que Barroso rebateu, ponto a ponto, discurso do presidente Jair Bolsonaro durante manifestações antidemocráticas realizadas no 7 de Setembro. "A democracia tem lugar para conservadores, liberais e progressistas. O que nos une na

Luís Roberto Barroso

"Não podemos permitir a destruição das instituições para encobrir o fracasso econômico, social e moral que estamos vivendo.”

diferença é o respeito à Constituição, aos valores comuns que compartilhamos e que estão nela inscritos", disse Barroso. Sobre a insistência de Bolsonaro em afirmar, sem apresentar provas, que houve fraude nas eleições de 2018, Barroso disse que o presidente da República se utiliza de "retórica vazia" e que as "pessoas de bem" sabem "quem é o farsante." "O Presidente da República repetiu, incessantemente, que teria havido fraude na eleição na qual se elegeu. Disse eu, então, à época, que ele tinha o dever moral de apresentar as provas. Não apresentou. Continuou a repetir a acusação falsa e prometeu apresentar as provas. Após uma 'live' que deverá figurar em qualquer futura antologia de eventos bizarros, foi intimado pelo TSE para cumprir o dever jurídico de apresentar as provas, se as tivesse. Não apresentou. É tudo retórica vazia. Hoje em

dia, salvo os fanáticos (que são cegos pelo radicalismo) e os mercenários (que são cegos pela monetização da mentira), todas as pessoas de bem sabem que não houve fraude e quem é o farsante nessa história." Ele frisou que "as eleições brasileiras são totalmente limpas, democráticas e auditáveis. Eu não vou repetir uma vez mais que nunca se documentou fraude, que por esse sistema foram eleitos FHC, Lula, Dilma e Bolsonaro e que há 10 (dez) camadas de auditoria no sistema. Agora: contagem pública manual de votos é como abandonar o computador e regredir, não à máquina de escrever, mas à caneta tinteiro. Seria um retorno ao tempo da fraude e da manipulação. Se tentam invadir o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal, imagine-se o que não fariam com as seções eleitorais!" Barroso disse que “começa

a ficar cansativo para o Brasil ter que repetidamente desmentir falsidades, para que não sejamos dominados pela pós-verdade, pelos fatos alternativos, para que a repetição da mentira não crie a impressão de que ela é verdade.” Barroso disse também que “insulto não é argumento, ofensa não é coragem”. “Não é só o real que está desvalorizando. Somos vítima de chacota e de desprezo mundial. Um desprestígio maior do que a inflação, do que o desemprego, do que a queda de renda, do que a alta do dólar, do que a queda da Bolsa, do que desmatamento da Amazônia, do número de mortos pela pandemia, do que a fuga de cérebros e de investimentos." Barroso, anunciou a criação da Comissão de Transparência das Eleições (CTE), que vai atuar para ampliar a transparência e a segurança de todas as etapas de preparação e realização das eleições.


Uma campanha do Grupo JM: sempre valorizando as empresas

Ijuí, 10 de setembro de 2021

Empreendedor, participe da entidade que norteia novas oportunidades de negócios e crescimento empresarial Indústria

Agronegócio

Setor industrial sólido almejando crescimento

A força do agro de Ijuí/RS e região

Comércio

Serviços

Segmento que movimenta a economia ijuiense

Prestação de serviços aspirando inovação contínua

@aciijui

(55) 99682-8753

marketing@aciijui.com.br


Ijuí, 10 de setembro de 2021


10

Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 10 de setembRo de 2021

POLÍTICA

Em declaração à nação, Bolsonaro recua

Em uma declaração à nação divulgada na tarde de ontem pelo Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro recuou e afirmou que nunca teve “nenhuma intenção de agredir quaisquer dos Poderes”. A sinalização de trégua ocorre no momento de grave crise institucional, dois dias depois do chefe do Executivo federal criticar o Supremo Tribunal Federal (STF) e atacar o ministro Alexandre de Moraes, integrante da Corte, a quem chamou de “canalha”. “Quero declarar que minhas palavras, por vezes contundentes, decorrem do calor do momento e dos embates que sempre visaram o bem comum”, acrescenta Bolsonaro. Em outro trecho da carta, elaborada em 10 tópicos, Bolsonaro reitera o seu respeito “pelas instituições da República, forças motoras que ajudam a governar o país. Democracia é isso: Executivo, Legislativo e Judiciário trabalhando juntos em favor do povo e todos respeitando a Constituição”. O pronunciamento oficial foi divulgado no mesmo dia em que o presidente da República enviou um avião da frota presidencial para buscar o ex-presidente Michel Temer em São Paulo. O emedebista chegou à capital federal por volta das 11h e se reuniu com Bolsonaro

Ex-presidente Michel Temer (E) esteve com o presidente Jair Bolsonaro

e o advogado-geral da União, Bruno Bianco, em um encontro que não foi divulgado pelas agendas oficias da Presidência e da Advocacia-Geral da União (AGU). Em fevereiro de 2017, Temer, então presidente, indicou Alexandre de Moraes para o Supremo Tribunal Federal – à época ministro da Justiça, Moraes ocupou a cadeira deixada por Teori Zavascki, que morreu em janeiro daquele ano após queda de avião no Rio de Janeiro. Também participaram do encontro os ministros Ciro Nogueira (Casa Civil) e Flávia Arruda (Secretaria de Governo).

Município de Coronel Barros

AVISO DE LICITAÇÃO O Município de Coronel Barros – RS torna público que se encontra aberto o Processo de licitação modalidade Inexibilidade - CHAMADA PÚBLICA nº 003/2021, para fins de habilitação dos fornecedores e recebimento das propostas de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar, em conformidade com a Lei nº 11.947/09 e Resolução FNDE nº. 06/2020. O prazo para a entrega dos envelopes será até de 29 de setembro de 2021 no horário das 09h00min. Maiores informações poderão ser obtidas no site http://www.coronelbarros.rs.gov.br. Coronel Barros/RS, 08 de setembro de 2021. Edison Osvaldo Arnt Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE CATUÍPE

AVISO DE LICITAÇÃO MODALIDADE: PREGÃO ELETRONICO – Registro de Preços Nº 24/2021. Abertura: 24 de setembro 2021 às 10:00 h. Objeto: Aquisição de Material Hospitalar: MODALIDADE: CHAMADA PÚBLICA 03/2021. Abertura: 17 de Setembro 2021 às 10:00 h. Objeto: Aquisição De Gêneros Alimentícios Da Agricultura Familiar. Osório Ribeiro Nardes 152, 553336:0000. http://www.catuipe.rs.gov.br/. (em editais) Catuípe/RS, 10 de setembro de 2021. JOELSON ANTÔNIO BARONI Prefeito Municipal de Catuípe.

Eles vêm tentando, há semanas, reduzir a temperatura da crise entre os Poderes. O responsável por intermediar o encontro foi o AGU (Advogado-geral da União), Bruno Bianco. Ainda na quarta-feira, ele procurou Temer para propor o encontro. Na gestão do emedebista, ele trabalhou na reforma da Previdência, cuja aprovação ocorreu no governo Bolsonaro. Segundo o ex-ministro de Temer Carlos Marun, Temer levou ao chefe do Executivo uma mensagem pela pacificação e contou ter ficado satisfeito com a conversa. Na publicação, Bolsonaro também reconhece que boa parte das “divergências” decorrem de “conflitos de entendimento acerca das decisões adotadas pelo ministro Alexandre de Moraes no âmbito do inquérito das fake news. Mas na vida pública as pessoas que exercem o poder não têm o direito de ‘esticar a corda’, a ponto de prejudicar a vida dos brasileiros e sua economia”. Na terça-feira, 7, em pronunciamento a apoiadores na Avenida Paulista, em São Paulo, o presidente da República afirmou que “não mais cumprirá” decisões de Moraes.

Fachin vota contra marco temporal de terras indígenas O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin votou ontem contra a aplicação da tese do “marco temporal” na demarcação de terras indígenas no país. O STF julga, desde o dia 26 de agosto, se a demarcação de terras indígenas deve seguir o critério que define que índios só podem reivindicar a demarcação das terras que já eram ocupadas por eles antes da data de promulgação da Constituição de 1988, o chamado “marco temporal”. Relator do caso, Fachin defendeu que a posse indígena não se iguala à posse civil e não deve ser investigada sob essa perspectiva, e sim, com base na Constituição – que garante a eles o direito originário às terras. Na sessão de ontem, apenas Fachin concluiu o voto. O ministro Nunes Marques chegou a iniciar a leitura de seu posicionamento, mas só deve concluir o voto na próxima quarta.“Autorizar, à revelia da Constituição, a perda da posse das terras tradicionais por comunidade indígena, significa o progressivo etnocídio de sua cultura, pela dispersão dos índios integrantes daquele grupo,

Edson Fachin

além de lançar essas pessoas em situação de miserabilidade e aculturação, negando-lhes o direito à identidade e à diferença em relação ao modo de vida da sociedade envolvente”, afirmou o relator. Segundo Fachin, “os direitos das comunidades indígenas consistem em direitos fundamentais, que garantem a manutenção das condições de existência e vida digna aos índios".

Audiência debate obras de irrigação em municípios Diretamente da 44ª Expointer, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, a Comissão de Agricultura, Pecuária, Pesca e Cooperativismo promoveu uma audiência pública ontem para tratar da situação da perfuração de poços artesianos e das redes de água em mais de 200 municípios gaúchos. A audiência foi proposta pelo presidente do órgão técnico, deputado Adolfo Brito (PP), e realizada em formato híbrido. O presidente da comissão, Adolfo Brito, na abertura do encontro, fez um breve retrospecto do assunto, lembrando o

repasse de R$ 10 milhões feito pela Assembleia Legislativa no ano passado, além da destinação de recursos oriundos de emendas da bancada federal gaúcha, por meio da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), do Ministério do Desenvolvimento Regional e do governo do Estado, que somaram R$ 55,1 milhões. Lamentou que, desse total, R$ 29 milhões, que viriam da Funasa, não tivessem se confirmado. “Na oportunidade, queríamos que fossem direto para o governo estadual, que tinha mais condições (de aplicá-los)”, disse o deputado.

Câmara aprova mudança na regra de distribuição das “sobras” eleitorais

Manifestações de caminhoneiros seguem em 13 Estados

A Câmara dos Deputados aprovou ontem o Projeto de Lei do Senado, que condiciona a distribuição de vagas em cargos proporcionais a partidos com um limite mínimo de votos obtidos. O projeto retorna ao Senado para nova votação, por ter sido alterado pelos deputados. O texto muda a regra de distribuição das chamadas “sobras” , que são as vagas não preenchidas pelos critérios do sistema proporcional.

Os caminhoneiros encerraram bloqueios ontem em rodovias, mas 13 estados seguiam com pontos de concetração, segundo o Ministério da Infraestrutura até o fim da tarde de ontem. A região Sul é a que concentra mais da metade das ocorrências registradas, segundo a Polícia Rodoviária Federal. As aglomerações, sem interdição da pista, também seguem na Bahia, Mato Grosso, Pará, Minas Gerais, Maranhã.


Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 10 de setembRo de 2021

ACIDENTE

Colisão entre carro e motocicleta deixa feridos Um casal ficou ferido na manha de ontem após um grave acidente registrado na BR-285, em Ijuí. O condutor da motocicleta, Emerson Alves França, 23 anos, seguia com a sua companheira, Bianca Webber, 21 anos, no sentido interior/cidade quando foi, segundo testemunhas, surpreendido por uma ação de um motorista de um Pálio que seguia na mesma direção. O automóvel fez uma manobra repentina de retorno, cortando a frente da motocicleta que atingiu em cheio a lateral do veículo. O acidente ocorreu por volta das 8h30 e o casal é morador da Linha 4 Leste. Com o impacto, os dois ocupantes da motocicletas foram ao solo e Emerson ainda foi atropelado por um caminhão que passava no local naquele momento.

Grave acidente ocorreu na manhã de ontem e causou lesões a ocupantes da moto

Ambos sofreram ferimentos graves, sendo conduzidos ao Hospital de Caridade de Ijuí. Segundo familiares, que acompanharam o resgate feito pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), o condutor da motocicleta fraturou uma das pernas atin-

gidas pelo caminhão. Já Bianca quebrou a clavícula e o braço. Ela também teve um início de hemorragia. O condutor do Pálio, emplacado em Serafina Corrêa, passou pelo teste do etilômetro, mas não foi constatado embriaguez do motorista.

Flagrantes por embriaguez crescem 39%

11

Delegacias de repressão a crimes rurais são ampliadas O governador Eduardo Leite assinou, ontem, decreto que reorganiza e amplia a competência regional das Delegacias de Polícia Especializadas na Repressão aos Crimes Rurais e Abigeato (Decrabs), da Polícia Civil. O objetivo é qualificar o combate aos crimes no campo. A solenidade, que também teve participação do vice-governador e secretário da Segurança Pública, delegado Ranolfo Vieira Júnior, e da chefe da Polícia Civil, delegada Nadine Anflor, foi realizada no Auditório da Federação da Agricultura (Farsul), dentro do parque da Expointer. Até então, as quatro Decrabs existentes no Estado - Bagé, Santiago, Camaquã e Cruz Alta - atendiam apenas os territórios específicos das Delegacias Regionais às quais estavam ligadas. Agora, passarão a atender todo o Estado, que será dividido em quatro macrorregiões. A ampliação irá qualificar o trabalho de prevenção, repressão e investigação desse tipo de crime. A ampliação será feita em razão do combate à criminalidade, que tem tido resultados positivos. Na quarta-feira, a Polícia Civil foi homenageada

com a Medalha da 55ª Legislatura da Assembleia Legislativa. A instituição recebeu o reconhecimento pela atividade das Decrabs, que tem resultado em quedas recordes nos indicadores de criminalidade no campo. A chefe de Polícia, delegada Nadine Anflor, recebeu a honraria. A criação das Decrabs foi planejada para atender a uma das principais demandas do setor produtivo gaúcho, que é o combate aos crimes rurais. O foco central é o abigeato, delito que envolve o furto de animais no campo. Também são investigados crimes de receptação e furto/ roubo de maquinário e insumos agrícola. No Rio Grande do Sul, os delitos em propriedades no campo têm cada vez mais atenção da Segurança Pública. De janeiro a julho, o número de abigeatos no Rio Grande do Sul caiu 7,9%, de 3.115 casos em 2020 para 2.870 neste ano, o menor total da série histórica de contabilização, iniciada em 2012. Em julho, o número de registro também foi o mais baixo já verificado. Foram 392 ocorrências, 15,7% menos que as 465 do mesmo mês no ano passado.

Justiça mantém júri do caso Kiss em Porto Alegre

do ano passado, o número de pessoas flagradas dirigindo embriagadas aumentou em 39%, aponta o balanço. Também para a infração do uso de celular ao

volante houve um aumento de 39%, enquanto o descumprimento da norma do cinto de segurança subiu 9%. Já os autos de infração por ultrapassagens proibidas tiveram redução 14% em relação ao ano passado, alcançando o número de 5.847, informou a PRF. Em relação aos acidentes graves houve queda de 5% em relação a 2020 e decréscimo de 20% em relação às mortes, registrando um total de 309 e 92, respectivamente. A PRF também registrou apreensões de entorpecentes. Segundo o órgão, a quantidade de maconha apreendida foi 27,3 toneladas, aumento 240% na comparação com o feriado de 7 de Setembro do ano passado. Já a apreensão de cocaína foi de 90,9 quilos, aumento de 11%.

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul manteve a realização do júri do caso da Boate Kiss, de Santa Maria, no Foro Central de Porto Alegre. A decisão foi proferida na tarde de quarta-feira, pelo juiz Orlando Faccini Neto, que presidirá o júri, em dezembro. A Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria (AVTSM) havia requerido a mudança de lugar do julgamento. No entanto, o magistrado manteve o tribunal em Porto Alegre. Na decisão, alegou critérios de logística e segurança, conforme avaliação técnica do TJ. O auditório Araújo Vianna, considerado outra possibilidade, foi descartado pelos mesmos motivos. Além disso, o local será palco de diversos eventos entre novembro e dezembro, inviabilizando a sede para a data. No mês passado, a AVTSM começou uma mobilização para garantir que familiares das vítimas da tragédia da boate Kiss possam acompanhar o julgamento dos réus. Como durar entre dez e 15 dias, exigirá gastos com hospedagem, alimentação e transporte por parte dos familiares. Quatro envolvidos na tragédia são réus no júri, previsto para 1° de dezembro.

FACADAS

PRISÃO

HOMICÍDIO

CONTRABANDO

MANDADO

Um homicídio foi registrado em Jaboticaba. A BM foi informada sobre uma briga que teria ocorrido na rua e que havia dois indivíduos feridos por arma branca. A guarnição foi até o local e encontrou uma das vítimas caída no chão, ferido por diversos golpes de arma branca no tórax. O autor não foi identificado.

A Polícia Civil de Santo Ângelo prendeu um homem, 49 anos, por violência doméstica. A prisão foi efetuada no bairro Central, pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam). Foi cumprido um mandado de prisão preventiva ao indivíduo que possui diversos registros de antecedentes policiais.

Um homem, 38 anos, foi assasinado na madrugada de ontem, em Palmeira das Missões. Ele foi alvejado com disparos de arma de fogo em sua residência. A vítima foi verificar quem bateu a sua porta, quando foi atingida por disparos de arma de fogo. A Polícia Civil investiga o fato para encontrar autores.

A Brigada Miltar, em ação da Operação Fronteira, prendeu um homem por descaminho em Três Passos. A prisão ocorreu após abordagem de um veículo na BR-468, no km 105, com 338 garrafas de bebidas de origem estrangeira. Foram apreendidos a mercadoria avaliada em R$ 147 mil.

A BM de Ijuí prendeu um foragido da Justiça no Centro do município. O homem, 41 anos, natural de Ijuí, estava parado na rua José Bonifácio, em frente à antiga rodoviária quando foi abordado. Ele é possuidor de antecedentes criminais por ameaça, resistência, lesão corporal entre outros crimes.

Aumento é em comparação ao feriado de 7 de Setembro do ano passado

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou balanço final da Operação Independência, em todas as estradas federais do País. Em relação à operação

Plantão


12

Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 10 de setembRo de 2021

ENSINO

Projeto de alfabetização envolve alunos As atividades interativas são uma realidade nas salas de aula há algum tempo, pois, além de manter o interesse durante as aulas, elas melhoram o relacionamento entre professores e alunos. Na Escola Municipal Fundamental Dona Leopoldina, a turma do 2º Ano vivencia a proposta da sala de aula invertida por meio de uma metodologia ativa, que, de acordo com a coordenadora pedagógica, Vera Lucia Martins Gramville, que coloca o aluno como protagonista no processo de aprendizagem. “É uma oportunidade em que a criança fala, questiona. A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) enfatiza a questão dela como protagonista no processo de aprendizagem. O professor traz questões para a sala de aula, e considera a aprendizagem e o que o aluno sabe, para ampliar a construção de saberes”, afirma. Vera destaca que houve a necessidade de retomar as lacunas ocasionadas pelo período em que as crianças ficaram longe da escola. Dessa forma, a partir da leitura do livro O Aniversário do Senhor Alfabeto, surgiu o personagem Seu Alfabeto, um

boneco que faz a interação com os alunos e apresenta números, letras, conceitos, receitas e curiosidades. “Foi uma forma lúdica de chamar a atenção e envolver as crianças no processo de aprendizagem, de forma a obter, a partir dessa interação, a construção de saberes pela mediação dos professores”, comenta. A professora, Angélica Dizconzi, relata que a atividade começou a ser trabalhada no segundo semestre desse ano, após o recesso escolar, e que foi muito bem aceito. “Elas adoram o personagem, inclusive perguntam dele. Às vezes eu chego e acabo deixando ele na caixa e elas perguntam se ele já acordou, como ele está. Aí eu digo que a gente vai cantar a música para ele acordar, então eles participam bastante”, afirma Angélica. “Nós temos uma caixa onde eles trazem, contam o que fizeram no final de semana e nós estamos registrando essa caixa das memórias", acrescenta. Angélica comenta que foi pensado, com bastante carinho, em algo que pudesse chamar a atenção dos alunos.

A criação do personagem Seu Alfabeto desperta o protagonismo nas crianças

"A gente veio de um período pandêmico, onde eles estavam tendo atividades somente online ou o material físico na escola, então foi uma maneira de trazer um pouco da ludicidade, do encantamento para dentro da sala de aula através de uma proposta assim”, pontua. Ela também afirma que a atividade teve bastante envolvi-

mento e participação por parte das crianças. "Foi bem bacana essa troca, porque eles se sentem importantes diante desse momento, protagonistas, pois estão passando um conhecimento deles para alguém", pontua. Dessa forma, o personagem surgiu diante da dificuldade do processo de alfabetização em

virtude das lacunas causadas pela pandemia, e foi muito bem aceito. "As crianças gostam bastante, participam e trazem desenhos de casa para o Seu Alfabeto", ressalta Angélica. Além disso,de acordo com Angélica, a turma permanece trabalhando com o personagem até o final do ano.

Estudantes aprendem Hino Nacional em Libras

A iniciativa de aprender o Hino Nacional em Libras partiu dos próprios alunos

Na Escola Municipal Fundamental Soares de Barros, os alunos da turma 53 do 5º Ano aprenderam o Hino Nacional na Língua Brasileira de Sinais (Libras), que é a língua de sinais usada pela comunidade de surdos no Brasil,. “Um dos nossos alunos tem deficiência auditiva, e está sendo alfabetizado em Libras, e a interprete Scheila Komers

acompanha ele diariamente”, afirma a coordenadora pedagógica do Fundamental I, Rosa Mari Vieira Macuglia. De acordo com ela, a iniciativa de aprender o Hino Nacional partiu das próprias crianças, que viam a intérprete fazendo os sinais para o aluno e isso despertou a curiosidade. “Eu acho que toda a escola deveria saber Libras”, comenta.


13

Jornal da Manhã

SEXTA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2021

Esportes

INFANTO-JUVENIL

DIVISÃO DE ACESSO

Acontece no próximo domingo na AABB, o Encontro Infanto-Juvenil de Tênis em Ijuí. Os jogos serão disputados a partir das 8h para categorias dos 6 aos 16 anos. Todos os participantes ganharão medalhas. A promoção é da Associação Atlética Banco do Brasil, com apoio da Sociedade Ginástica(Ijuí) e Sociedade Recreativa Ijuí(SRI).

A 8ª rodada do Gauchão Série A2, teve a disputa destes jogos ontem: Igrejinha 3 x 1 Tupi; Veranópolis 1 x 2 Cruzeiro; Brasil-Fa 1 x 0 Passo Fundo; Guarany-Ba 1 x 0 Bagé; e Lajeadense 1 x 1 São Paulo. Hoje serão disputados dois jogos: às 15h, no Presidente Vargas em Santa Maria, Inter-SM x Guarani-VA; e 19h, no Sílvio Corrêa, São Gabriel x Avenida.

Seleção Brasileira vence a oitava partida seguida A Seleção Brasileira venceu o Peru por 2 a 0, ontem à noite na Arena Pernambuco, em Recife. O Brasil conquistou a oitava vitória em oito jogos nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo do Catar e lidera com 24 pontos. O time brasileiro segue com uma vantagem de seis pontos em relação à Argentina, que está em segundo lugar. O Peru, por sua vez, amarga a 7ª

posição com oito pontos, cinco atrás da zona de classificação. Everton Ribeiro aos 14 minutos do primeiro tempo abriu o placar. Neymar marcou o segundo gol da partida, aos 39 minutos da etapa inicial, e tornou-se o maior artilheiro do Brasil em Eliminatórias. São 12 gols do camisa 10, superando Zico e Romário. É o 69º de Neymar pela Seleção. Ao mesmo

tempo, o atacante levou um cartão amarelo e está suspenso contra a Venezuela no jogo que será disputado em outubro. Em Buenos Aires a Argentina venceu a Bolívia por 3 a 0,

com três gols de Messi. O camisa 10 chegou ao gol de número 79 com a Seleção Argentina,superando a marca de 77 gols defendida por Pelé junto ao Brasil.

ELIMINATÓRIAS 9ª rodada Ontem, 9.9 Paraguai 2 x 1 Venezuela Uruguai 1 x 0 Equador Colômbia 3 x 1 Chile Argentina 3 x 0 Bolívia Brasil 2 x 0 Peru Classificação: 1º) Brasil-24 pontos

2º) Argentina-18 pontos 3º) Uruguai-15 pontos 4º) Equador e Colômbia-13 pontos 6º) Paraguai-11 pontos 7º) Peru-8 pontos 8º) Chile-7 pontos 9º) Bolívia-6 pontos 10º) Venezuela-4 pontos Meia Everton Ribeiro abriu o placar para o Brasil no primeiro tempo

São Luiz demora na formação do elenco para o Gauchão A demora do São Luiz para a formação do elenco visando o Campeonato Gaúcho de 2022 causa preocupação. Até agora o clube não tem nenhum jogador confirmado para a próxima temporada onde jogará o Gauchão e a Série D do Campeonato Brasileiro. Em outros anos neste período, no mês de setembro, o Rubro já tinha ao menos cinco ou seis jogadores anunciados e toda a comissão técnica definida. Em outubro por exemplo, o grupo estava montado em outras temporadas. Somente o técnico Paulo Henrique Marques está certo até o momento. O prepara-

dor físico Anderson de Lazari, está no Caxias e o treinador de goleiros, Cléber Sgarbi, no Sub17 do Grêmio. Caxias, Juventude, Aimoré, Brasil-Pel, São José e Ypiranga estão jogando competições nacionais e o Novo Hamburgo disputará a Copa Dirceu de Castro, Copinha. O São Luiz ainda tem pendências junto aos jogadores e comissão técnica com relação a premiação para permanência do clube na Série A do Gauchão de 2022. Os atletas preferem primeiro receber os valores para depois conversar sobre a possibilidade de voltar ao clube.

São Luiz ainda não começou a formação do seu elenco para 2022

A dança dos técnicos no Campeonato Brasileiro

O treinador Antônio Oliveira anunciou ontem, que pediu demissão à diretoria do AthleticoPR. Em comunicado divulgado nas redes sociais, o português exaltou a oportunidade recebida pelo Furacão e disse que deixa o clube com a consciência tranquila. O pedido acontece logo após o time ser derrotado pelo Cascavel, na semifinal do Campeonato Paranaense. O Athletico, no entanto, está nas

quartas de final da Copa do Brasil e na semifinal da Sul-Americana. No Brasileirão, a equipe ocupa a nona posição. Amanhã às 16h, o time enfrenta o América-MG, em Belo Horizonte. Fábio Carille foi apresentado ontem, como novo treinador do Santos, no CT Rei Pelé, na Baixada Santista. Ao lado do presidente Andrés Rueda, o técnico exaltou a qualidade do elenco do Alvinegro praiano e

evitou falar de mais reforços. Carille estreará amanhã, na Vila Belmiro, contra o Bahia, pelo Brasileirão. O Vasco anunciou a contratação de Fernando Diniz. O treinador demitido recentemente pelo Santos chega pressionado, pois os vascaínos não vivem boa fase na Série B do Brasileiro. A 23ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

que abriu segunda-feira com uma partida Avaí 3 x 1 Vasco e teve terça-feira, Brasil-Pel 1 x 1 Confiança-SE; Guarani 1 x 0 CSA; Goiás 1 x 1 Cruzeiro e Coritiba 4 x 0 Brusque, tem andamento hoje com estas partidas: às 19h no Manuel Barradas em Salvador, Vitória x Remo; e às 21h30 no Onésio Brasileiro Alvarenga em Goiânia, Vila Nova x Náutico.

CONTRATAÇÃO O Elite de Santo Ângelo anunciou a contratação de mais uma atleta para a disputa do Gauchão de Futebol Feminino. Trata-se da lateral e atacante Letícia Sanchez da Silva, 27 anos, natural de Canoas. Ela foi uma das peças-chave do Inter na conquista do título do Campeonato Gaúcho de 2017. O Elite fez uma parceria com o Esporte Clube Ijuí para jogar o Estadual. Domingo às 15h, no campo da Associação Atlética Banco do Brasil, o time realiza mais um treino. A estreia é dia 19 de setembro, na AABB,em Ijuí, contra o Flamengo de Tenente Portela.

INTER DiegoAguirre comandou trabalhos físicos e técnicos ontem à tarde no CT Parque Gigante preparando o Inter para o jogo com o Sport. A partida é válida pela primeira rodada do returno do Brasileirão. A grande novidade foi Paolo Guerrero. O peruano se reapresentou ao clube, mas trabalhou somente na academia. O centroavante realizou atividades na academia sob as observações do Departamento Médico e dos preparadores físicos colorados, além do coordenador de performance Elio Carravetta. Existe a possibilidade de aproveitamento do jogador na partida da próxima segunda-feira às 20h, em Recife. O Inter volta aos treinos na manhã de hoje.

GRÊMIO

O técnico Luiz Felipe Scolari testou várias alternativas em todos os setores da equipe do Grêmio nas duas últimas semanas sem jogos. O treinador porém, não deve fazer mudanças radicais no time para a partida de domingo às 11h, contra o Ceará. Há a possibilidade apenas de alterações pontuais, sobretudo no gol e nas laterais. Nos últimos treinos, apenas o zagueiro Pedro Geromel, o lateral Rafinha, o volante Thiago Santos e o atacanteAlisson estiveram sempre entre os titulares.Atendência é de que Kannemann, Campaz e Ferreira também iniciem a partida.


Jornal da Manhã

SEXTA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2021

NOVELAS

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

Dinheiro (pop.) Cópia de contrato Gaviões da (?), torcida organizada corintiana Agitados; violentos Mineral abundante em rochas eruptivas

(?) Coruña, porto da Espanha

Peça de vestuário para a cabeça

Santana do (?), sítio paleontológico (CE)

(?) Gees, banda Curie (símbolo)

O país sem uma religião oficial

(?) Azulay, cartunista brasileiro

Cada parcela de um investimento

Advérbio de tempo O polo da Antártida

Orelha, em inglês Confusão (gíria) Cobertura do pão, no canapé

Rotatório; giratório Chitãozinho, para Sandy A Sétima (?): o Cinema Batalha naval da Guerra do Paraguai

Mexer (massa de bolo) A 8ª letra

32

Solução

L I M

BANCO

Fotografia de aspecto acastanhado

PE

Jurema vasculha o quarto de Cora

Maurílio reclama das suspeitas de Cristina. Antoninho sugere que José Alfredo faça uma viagem. O Comendador fala pra Josué que irá com ele para São João Del Rey. Cristina diz à Jurema que vai ao Monte Roraima. Jurema vasculha o quarto de Cora em busca de pistas sobre Jairo. Cora visita Amanda. José Pedro discute com outros presos. José Pedro é solto. Téo comemora o sucesso de seu blog. Luigi briga com Felipe no restaurante. Cláudio mostra a confissão de Felipe à Beatriz e Bianca. Cora diz à Amanda que tem um caso com José Pedro. Maria Marta alfineta Maurílio.

"(?) e Amor", lema dos hippies

C

Império

Lázaro Ramos, ator de "Amor de Mãe"

Moeda iraniana

F

Agnaldo depõe na delegacia, mantendo a versão do roubo contada por Júlio. Luiza conta a Douglas que marcou um encontro com um vizinho de Eric e Mirella. Timóteo coloca um sonífero no licor de Prazeres. Canivete e Timóteo vasculham a casa de Júlio, mas não encontram nada. Júlio procura Antônia, e Domênico se enfurece. Luiza questiona Hermes sobre o relacionamento de Eric com Mirella. Eric pergunta a Malagueta sobre seu envolvimento com Júlio e Agnaldo. Maria Pia retorna com novo visual, e Lígia, Athaíde e Madalena se surpreendem.

Infame; vil Ansiosas; aflitas

P I R I N E U S

Júlio procura Antônia

Doença crônica do fígado devido ao alcoolismo

C

Pega Pega

Interjeição que designa espanto

M

Tonico enfrenta Samuel e afirma que se casará com Pilar. Luísa alerta Pedro sobre Tonico. Pilar pede a ajuda de Luísa para encontrar Dolores. Lota e Batista reencontram Lupita, que os leva até o cassino de Quinzinho. Tonico provoca Luísa por conta de Samuel. Dolores e Pilar se reencontram. Guebo promete a Samuel que estudará. Lurdes lembra de Tonico e conta a Pedro sobre o episódio que ocorreu na infância dos dois. Pedro agride Tonico.

Z A D E T A R T A R O

Pilar pede a ajuda de Luísa

Procedimento Sozinhos Divide-se profilático realizado por dentistas em games, no tênis Uso do anil, no jeans

Artefato de pesca Intenção criminosa

2/la. 3/bee — ear — set. 4/mica. 5/laico — sépia. 8/pirineus.

Nos Tempos do Imperador

© Revistas COQUETEL

Cadeia montanhosa da Europa Ramo jurídico relacionado às Forças Armadas Comemoração de 31 de outubro (BR)

A C O O R P A A N T B E O N D E A N P I E L

loud e Townsend defendem que o maior desejo de grande parte das pessoas é poder partilhar uma vida de amor e dedicação com alguém. E segundo eles, o casamento trata de amor. Ele é mantido pelo interesse,

E

C

AT

COISAS DA VIDA

sas coisas, saberei a quem pertencem. Afinal, se somente um dos lados assume responsabilidade, vai se ressentir, e, aquele que assume pouca responsabilidade ou até mesmo nenhuma, torna-se egoísta e controlador. Somos livres para reagir, tomar decisões e limitar a forma que o comportamento do outro me afeta. Casamento não é escravidão mas um relacionamento amoroso extremamente arraigado na liberdade. Cada parte é livre da outra, livre para amar o outro pois onde há controle ou sensação de controle, não há amor. Amar o outro significa desejar e proteger a liberdade de escolha dele. Significa conter a vontade que você tem de fazer que o outro veja as coisas da mesma forma que você e saber apreciá-lo por ter mentalidade, valores, gostos, escolhas e sentimentos próprios. Exercício difícil mas necessário para relações saudáveis.

V S A D O S R O S E A L T O A L G R R V O S I N L A I C A A I S D C UL A R O S E T E B A C H U

Psicóloga Esp. em Gestão de Pessoas Especialista em Terapia Cognitivo-Comportamental

pela necessidade, pelo companheirismo e pelos valores mútuos de duas pessoas capazes de superar a mágoa, a imaturidade e o egoísmo para criar algo melhor do que aquilo que cada uma delas pode fazer sozinha. Consideram também, e eu concordo, que somente amar não basta pois o relacionamento conjugal precisa de outros ingredientes para seu crescimento e prosperidade. Isso significa liberdade e responsabilidade, ou seja, liberdade para discordar e assim, livres para amar. Importante lembrar que no relacionamento, cada um precisa assumir a responsabilidade pelos seus sentimentos, atitudes, comportamentos, escolhas, limites, desejos, ideias, valores, talentos...Se eu souber onde estão os limites do relacionamento, saberei de quem são certas coisas como sentimentos, atitudes e comportamentos. E, se houver algum problema com es-

C A R I R I

Sônia Arriens Cassel

D I R E I T O M I L I T A R

14

Horóscopo Áries A sua força de vontade é a estrela que lhe conduz, e por isso é importante valorizá-la. Cuide-se com generosidade, fazendo o máximo para manter a sua boa energia. É tempo de vibrar positivamente. Touro As conversas com os bons amigos são sempre momentos de renovação e descontração. Além dos nos acolher, tais trocas são também capazes de reciclar as ideias e o olhar. É tempo de diálogos engrandecedores. Gêmeos A ferramenta fundamental para o sucesso do seu dia é a paciência. Saiba que as ações impulsivas irão agora suscitar resultados que, no final, não serão os melhores. É tempo de esperar o momento ideal. Câncer O esforço e o comprometimento com os propósitos trazem de fato grandes resultados, porém é a sua satisfação que torna os frutos ainda mais grandiosos. É tempo de permitir a harmonia no seu dia a dia. Leão Ainda que seja o nosso desejo, nem sempre é fácil chegar a um acordo. Afinal, todos temos nossos próprios pontos de vista. O importante é aumentar a diplomacia. É tempo de assumir uma postura flexível. Virgem Atenção às palavras que irá utilizar hoje, principalmente em meio aos diálogos que visam acordos e entendimentos. Pense bem antes de falar, prezando pela objetividade. É tempo de se comunicar com clareza. Libra Ainda que seja fundamental o cuidado com aquilo que nos pertence, é importante reconhecer a transitoriedade da vida, mantendo uma postura mais desapegada. É tempo de deixar ir o que já não leva adiante. Escorpião A sua singularidade deve ser valorizada para que você possa viver plenamente as suas relações. Lembre que as necessidades alheias são tão importantes quanto as suas. É tempo de fortalecer o autoamor. Sagitário O olhar realista permite a compreensão objetiva daquilo que nos acontece, mas existem momentos que só mesmo a subjetividade é capaz de mostrar o que precisamos perceber. É tempo de usar a intuição. Capricórnio Nem sempre conseguimos mudar os sentimentos, mas é certo que podemos adotar novas posturas diante do que emociona. Perceba a forma mais suave de lidar com o que toca o coração. É tempo de acalmar. Aquário O equilíbrio entre a curiosidade e a assertividade é o que nos faz crescer. Invista então na definição dos seus próximos passos para fazer bom uso das oportunidades. É tempo de estabelecer metas. Peixes É preciso dar vazão às energias estagnadas, do contrário elas acabam nos fazendo agir de forma pouco amistosa. Dedique-se às atividades físicas para poder descontrair. É tempo de movimentar o corpo.


Jornal da Manhã

sexta-FeIRa, 10 de seteMBRO de 2021

15

SOLIDARIEDADE

Poder Executivo arrecada telhas As maiores vendas do varejo Grande parte dos players do comércio de bens duráveis e de consumo se prepara para seu melhor período do ano, que promete ser um dos melhores dos últimos anos. O fim do ano, as festas, o ingresso do 13º salário, arrumar a casa para o Natal, perspectivas de visitas, férias, verão... é um conjunto imbatível para animar a maioria das pessoas para as compras. A Pesquisa Mensal do Comérciomostra crescimento das vendas de bens de consumo e bens duráveis ao longo de 2021, em 9 dos 10 setores analisados. Os destaques positivos desde o início do ano têm sido os segmentos de “tecidos, vestuário e calçados”, “combustíveis e lubrificantes” e “outros artigos de uso pessoal e doméstico”. Diversos outros institutos e organizações que estudam o setor entendem que as vendas no varejo continuaram aumentando ao longo do 2º semestre, respaldadas pelos avanços na campanha de vacinação contra a Covid-19. Maiores condições de biossegurança provocam outra alteração importante na circulação de dinheiro. Se no início da pandemia, com muita insegurança e muitas informações desencontradas o dinheiro foi para aplicações financeiras conservadoras e depois, com um melhor entendimento e maior convívio nas casas, os recursos foram investidos em melhorias para a infraestrutura das moradias, mobiliário, comida e bebida, a partir de agora o dinheiro volta a cada dia, a ser mais disputado com os setores que mais tiveram retração durante a pandemia, ou seja, passeios curtos, viagens um pouco mais longas com hospedagem, além de maior frequência em restaurantes, cinemas, ambientes de cuidados pessoais e tratamentos não eletivos. Resumindo, o consumo das famílias volta a ser mais distribuído entre bens e serviços.As vendas do varejo estão projetadas para fechar o ano com crescimento de 8,2% em 2021, segundo o IBGE, recuperando com folga a queda de 1,5% em 2020. A recuperação robusta do setor a partir do 2º trimestre contribuirá de forma relevante para o crescimento do PIB Brasileiro este ano, projetado em 5,2%, previsto em analises de órgãos nacionais e internacionais.Para quem está no varejo de bens e serviços, é hora de focar nos preparativos que vão desde o reforço e a organização dos estoques, melhorias de processos para reduzir filas e atender rápido pelos meios digitais, melhorar o atendimento para não perder o contato captado.

O forte temporal que atingiu Ijuí na noite de segunda-feira e causou diversos danos, principalmente nos bairros da zona Sul, continua trazendo demandas para a comunidade. Uma delas é o repasse de telhas para as famílias fazerem o reparo de seus telhados. Para isso, o Executivo municipal está se mobilizando para agilizar esse processo, e uma das alternativas tem sido a campanha para doação de telhas (Brasilit) de 4mm e 6mm para ajudar as famílias que tiveram suas casas atingidas Os interessados em ajudar podem realizar a compra do material em lojas da cidade e a prefeitura fará a retirada. “São muitas famílias que não se enquadram no recebimento de telhas via assistência que precisam de ajuda”, comentou o prefeito Andrei Cossetin em reunião sobre a campanha. Aqueles que possuem telhas em casa e desejarem doar, também poderão entregar o material na Secretaria Municipal de

Cadastro para repasse de telhas foi realizado em três pontos da cidade Habitação. Ainda para aqueles que não conseguem levar o material, podem solicitar a retirada com Estela Riggo, no telefone 3331-8260. "Eu gostaria de agradecer a comunidade por toda a ajuda que já nos tem dado e fazer um pedido para que doem também, se tiver sobrando, ou se souber de alguém que tenha, armário,

geladeira, as pessoas acabaram perdendo seus móveis com tudo o que aconteceu", afirma Estela. Conforme levantamento do Poder Executivo, 811 casas foram atingidas pelo temporal e 3.244 foram pessoas afetadas, com uma estimativa de quatro pessoas por residência. Desde a quarta-feira, o Executivo tem promovido um

cadastro de identificação e cadastro das famílias atingidas pelas chuva de granizo, para que seja feito o repasse das telhas para a recuperação dos telhados, processo que foi realizado em três pontos do município. Ontem, o encaminhamento seguiu junto à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, no qual era feito o cadastro para receber as telhas e a atualização do Cadastro Único, necessário para o repasse dos materiais que as famílias precisam para recuperar o telhado de suas residências. O Executivo, no entanto, não informou quantas pessoas procuraram os locais, desde ontem, disponibilizados para o cadastramento para receber os materiais. A intenção poder público é angariar o maior número de pessoas atingidas e enviar o quanto antes a documentação para a União, pois desta forma o repasse de emergência para a recuperação dos telhados será feito ao município.

Os povos originários na Exposição do Madp

1. 2.

A proposta da Exposição de Longa Duração do Museu, procura contemplar a diversidade de culturas presentes na constituição de Ijuí e da região noroeste do RS. No primeiro núcleo expositivo estão representados instrumentos de trabalho e utensílios dos primeiros habitantes que chegam na região. Eram povos que entraram no território do RS através do Rio Uruguai, há 12 mil anos, que chegaram no Noroeste, acompanhando o leito dos grandes rios, por volta de 6 mil anos atrás. Muitas das peças apresentadas são tecnologias deste período como machados, raspadores, pontas de projéteis (flechas e lanças), boleadeiras, que foram coletadas em escavações arqueológicas realizadas pela equipe do Museu nos anos de 1960 e 1970. As escavações levantaram também testemunhos de povos que chegaram na região por volta de 2000 atrás, ancestrais dos Povos Kaingang e Guarani. Deste período encontramos objetos de pedra polida como machados, mãos de pilão, adornos e utensílios de cerâmica com 3. funções variadas, inclusive urnas funerárias. A pluralidade já é apresentada nesta primeira parte da exposição, onde por meio da materialidade dos objetos preservados pelo Madp podemos observar a diversidade cultural destes povos tradicionais e originários, já presentes no nosso território há muito tempo. Além da sua presença, também pode-se ressaltar as suas contribuições, como a sua responsabilidade pela introdução da agricultura na região. Texto: Belair Aparecida Stefanello, educadora vinculada ao Madp

Fotos: (1) Mão-de-pilão – instrumento da cultura Jê, usado para triturar sementes especialmente pinhões; (2) Urna funerária – cerâmica Guarani usada no enterro dos mortos; (3) Ilustração representando como aconteciam os enterros da etnia Guarani


WWW.CLICJM.COM

INCENTIVO À LEITURA E ESCRITA

GUERRERO PODE SER A NOVIDADE Peruano tem chances de iniciar na equipe titular do Inter contra o Sport.

Os alunos do 2º Ano da Escola Municipal Dona Leopoldina estão participando da proposta de sala de aula invertida, através da criação do personagem Seu Alfabeto, ocorre o incentivo à leitura e escrita. O personagem conquistou as crianças e tornou o processo de alfabetização e mais atraente e com resultados positivos | 12

| 13

FELIPÃO TESTA ALTERNATIVAS NO GRÊMIO Campaz e Ferreira podem ganhar a titularidade no jogo diante do Ceará. | 13

ACIDENTE DEIXA FERIDOS Casal em motocicleta chocou-se em lateral de veículo na BR-285. | 11

"A boa notícia é que, tradicionalmente, o agronegócio tem uma capacidade maior de disseminar seus reflexos positivos em comparação à média nacional." Leia Opinião JM na página 6

VITÓRIA DO BRASIL Seleção Brasileira venceu o Peru e lidera as Eliminatórias Sul-Americanas. Comandada por Neymar, equipe superou mais um adversário na competição | 13