Page 1

Edition #393

THE BRAZILIAN NEWSPAPER

EDIÇÃO #699

WWW.JORNALASEMANA.COM

2 a 8 de Fevereiro de 2018

“anitta na harvard” Cantora foi convidada a falar na Conference at Harvard & MIT em Abril

US$20 MILHÕES

Brasileiro que escondeu os $20 milhões no colchão é sentenciado

FAMOSOS - 28

Motorista que matou jogador do NFL é imigrante ilegal e usava documento falso POLICIA - 25

Juiza adia deportação de ativista e defensor dos imigrantes de Nova York - Ravi Ragbir

LOCAL - 06

Governo Trump pode mirar imigrantes que usam assistência alimentar e outros benefícios

Foto: Reprodução / Facebook

DESTAQUE -14

Preso o suspeito de atear fogo em família venezuelana que emigrou para Roraima BRASIL - 21

Cientistas dizem ‘adeus’ à vacina da gripe. Adesivo é a solução da futura vacinação SAÚDE - 13

Regras atuais proíbem autoridades de usar benefícios não monetários ao decidir elegibilidade para permanência no país Governo Trump está considerando dificultar que estrangeiros que vivem nos Estados Unidos recebam residência permanente caso tenham recebi-

do certos benefícios públicos, como assistência alimentar, em uma ação que pode restringir acentuadamente a imigração legal. O Departamento de

Segurança Nacional esboçou novas regras propostas.

IMIGRAÇÃO - 08


2

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

PUBLICIDADE

Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

LOCAL O Estado do Nosso País e apoio para o Comunidades Seguras

3

Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006

Grupo Mulher Brasileira trás a apresentação de uma proposta nova que vai empoderar nosso povo Por: Heloisa Maria Galvão Esta semana é uma Semana de Ação. Hoje temos o “Estado do NOSSO País”, aquele discurso que o Presidente faz todos os anos em janeiro para dizer o que fêz durante o ano e porque ele acha que o país melhorou. Você acha que o país melhorou? Se voce acha que o país melhorou, assista ao discurso do presidente. Mas se você, como nós, acha que o país está muito pior, que as medidas tomadas estão dizimando nossas comunidades, separando nossas famílias e criando um

clima de terror, então assista com o Grupo Mulher Brasileira a apresentação de uma proposta nova que vai empoderar nosso povo. Várias mulheres ativistas vamos falar, inclusive a diretora da NDWA, Ai-JenPoo, a diretora do Planned Parenthood, Cecile Richards, a criadora do movimento #MeToo, Tarana Burke, Mónica Ramirez da Alianza Nacional de Campesinas, e muitas trabalhadoras domésticas. Vai ser uma noite de resistência, comunidade e solidariedade. Voce pode nos seguir no Facebook e Twitter, ou entrar na conversa com a hashtag #State-

Foto: Reprodução / Internet

GMB orienta que liguem faça contato ao seu deputado ou senador ofOurUnion. Estamos ansiosas para conectar, nos sentirmos empoderadas e compartilhar idéias. Amanhã, quar-

ta-feira, dia 31 de janeiro, é uma dia estadual para telefonar para seus representantes políticos na State House e pe-

dir apoio para o projeto Ato Comunidades Seguras, Atualmente, o projeto está na comissão de segurança interna que

tem prazo até 7 de fevereiro próximo para votar. Participe deste dia de chamada geral com o Grupo Mulher Brasileira, MIRA e centenas de outras organizações. E muito fácil: digite SAFEMA no seu seu celular e envie para 52886 ou visite o site http://actnow.io/UD4o884 para ser conectada automaticamente. Ou se preferir, ligue para o GMB e nós ajudaremos. Se você ligar, explique ao seu deputado ou senador estadual porque este projeto é importante para você e sua família e peça que eles reivindiquem com seus colegas pela aprovação do projeto.


4

CHARGE - OPINIÃO OPINIÃO

Toninho Mindball

O Jornal A SEMANA é uma publicação semanal e independente. Distribuído gratuitamente em todo o estado de Massachusetts. Claudio Santos Presidente / Head of Operation

Sara Santos

Maior Espetáculo na Terra

Carnavalesco Joãosinho com “s” na boleia dos homenageados

Diretora de Redação

Tania Jota Diretora Comercial

Diagramação Marcos Soares

Graphic Design Frederico J Dos Santos

Colaboradores Flavia Leal Moda & Beleza

Antônio Machado Ponto de Vista

Eliana Barbosa Alto Astral

Angela Cardoso Fatos & Fotos

Central de Vendas Mônica Prado (617)863-7979 Claudio Santos (617) 417-6006 Escritório Central (617) 955 0043

Impressão Gráfica SMG

Distribuição Guerreiros da Rota DBA

Termos e Responsabilidades A responsabilidade pela qualidade dos produtos, serviços e promoções divulgadas nesse jornal é exclusiva dos anunciantes. As opiniões expressas em artigos publicados são de responsabilidade de autores e não refletem necessariamente a opinião do jornal. Os interessados em publicar seus artigos podem remeter o material para avaliação do editor chefe deste jornal através do email geral asemana@ME.com. Informações adicionais podem ser obtidas pelo telefone (617) 417-6006.

O assunto da semana é carnaval. A sátira, a ironia e o humor são fundamentais. Este é, sobretudo, um momento de crítica aos valores sociais vigentes, normalmente envolve uma festa pública e/ ou desfile combinando alguns elementos circenses, máscaras e uma festa de rua pública. As pessoas usam trajes durante muitas dessas celebrações, permitindo-lhes perder a sua individualidade cotidiana e experimentar um sentido elevado de unidade social. O consumo excessivo de álcool, de carne e outros alimentos proscritos durante a Quaresma é extremamente comum. Outras características comuns do carnaval incluem batalhas simuladas, como lutas de alimentos; sátira social e zombaria das autoridades e uma inversão geral das regras e normas do dia-a-dia. Quando o assunto é “Carnaval” os brasileiros voltam no tempo para recordar o carnavalesco João Clemente Jorge Trinta falecido no dia 17 de dezembro de 2011 aos 78 anos em São Luís, no Maranhão. Com ousadia e enredos luxuosos, Joãosinho Trinta passou a ser chamado de gênio e reinou no Rio de Janeiro conquistando os títulos de carnaval de 1976, 1977, 1978, 1980 e 1983 sempre afirmando que “O povo gosta de luxo. Quem gosta de miséria

é intelectual” Surpreendeu em 1989. com Ratos e Urubus, Larguem a Minha Fantasia gerando controvérsias com a Igreja Católica, ao tentar levar ao desfile uma imagem do Cristo Redentor caracterizado como mendigo. A imagem foi censurada e passou pela Avenida Marquês de Sapucaí coberta. [ Particularidade neste “Carnaval” ficou para o “Grupo Porão do Dops”. Perdeu o direito de participar contrapondo a apologia ao crime de tortura tirou das ruas o grupo de carnaval brasileiro Porão do Dops - cujo nome faz alusão ao Departamento de Ordem Política e Social, a polícia do Estado Novo e ditaduras militares brasileiros. O Tribunal de Justiça de São Paulo decidiu proibir este bloco de desfilar, pondo fim a uma polêmica que durava há vários dias. O Porão do Drops, além de estar proibido de desfilar, tem de absterse de “utilizar expressões, símbolos e fotografias que possam ser claramente entendidas como ‘apologia ao crime de tortura’ ou a quaisquer outros ilícitos penais, seja através das redes sociais, seja mediante desfile ou manifestação em local público”, segundo despacho citado pela imprensa brasileira. É às vezes referida pelos brasileiros como o “Maior Espetáculo na Terra”.

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018 Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

PUBLICIDADE

5 Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM


6

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

LOCAL

Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM

Brasileiro que escondeu US$ 20 milhões no colchão é sentenciado 3 anos de prisão O dinheiro foi encontrado em Westboro, em janeiro de 2017, durante uma investigação sobre a TelexFree Inc., Um brasileiro preso em conexão com a descoberta de cerca de US $ 20 milhões de dinheiro escondido dentro de colchão em um apartamento na cidade de Marborough em Massachusetts foi condenado a quase três anos na prisão federal. Cleber René Rizerio Rocha foi sentenciado na quinta-feira depois de se declarar culpado em outubro por acusações de lavagem de di-

nheiro. O dinheiro foi encontrado em Westborough, em janeiro de 2017, durante uma investigação sobre a TelexFree Inc., uma extinta empresa de telecomunicações na internet que os promotores dizem que era realmente um esquema de pirâmide de bilhões de dólares. Os promotores dizem que a TelexFree tinha poucos clientes e obteve a maior parte da re-

Foto: Carlos Moura/STF

ceita das pessoas comprando para a empresa com uma promessa de pagamentos por publicar anúncios on-line. As autoridades dizem que a Rocha, de 28 anos, era uma mensageiro para um executivo fugitivo da TelexFree que veio para recuperar o dinheiro para fugir das autoridades americanas e voltar ao Brasil onde viveria tranquilo e iria desfrutar dos milhões de dólares roubados.

O dinheiro foi encontrado em Westborough, em janeiro de 2017, durante uma investigação sobre a TelexFree Inc.,


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

PUBLICIDADE

7 Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM


8

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

IMIGRAÇÃO

Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006 Foto: Reprodução

Foto: Reprodução / Arquivo pessoal

Documento visto pela Reuters diz que quem recebe ajuda ‘não é autossuficiente’, o que pode pesar negativamente, mesmo para crianças cidadãs americanas, filhas de imigrantes.

Governo Trump pode mirar imigrantes que usam assistência alimentar e outros benefícios Regras atuais proíbem autoridades de usar benefícios não monetários ao decidir elegibilidade para permanência no país Governo Trump está considerando dificultar que estrangeiros que vivem nos Estados Unidos recebam residência permanente caso tenham recebido certos benefícios públicos, como assistência alimentar, em uma ação que pode restringir acentuadamente a imigração legal.

dem se tornar um fardo público. Por exemplo, autoridades dos EUA podem analisar se um solicitante inscreveu uma criança em programas pré-escolares do governo ou recebeu subsídios para contas de energia ou prêmios de seguro de saúde.

O Departamento de Segurança Nacional esboçou novas regras propostas vistas pela Reuters que irão permitir que autoridades da imigração analisem o uso por parte de possíveis imigrantes de certos benefícios financiados pelos contribuintes para determinar se eles po-

As regras esboçadas são uma diferença acentuada das diretrizes atuais, que estão em vigor há quase duas décadas e especificamente proíbem autoridades de considerar benefícios não monetários ao decidir a elegibilidade de uma pessoa para imigrar aos EUA ou perma-

necer no país. “Não-cidadãos (dos EUA) que recebem benefícios públicos não são autossuficientes e estão dependendo do governo dos EUA e de entidades estaduais e locais para recursos ao invés de suas famílias, patrocinadores ou organizações privadas”, diz o documento. “O recebimento de um estrangeiro de benefícios públicos acontece às custas do contribuinte, e disponibilidade de benefícios públicos pode fornecer um incentivo para estrangeiros imigrarem aos Estados Unidos.” Receber tais benefícios podem pesar contra um solicitante, mesmo

se forem para crianças cidadãs norte-americanas filhas de imigrantes, de acordo com o documento. Em 2016, quase 383 mil pessoas que seriam alvos dos novos padrões obtiveram residência permanente enquanto já estavam nos EUA. As regras não irão se aplicar a residentes permanentes solicitando cidadania, mas irão se aplicar a diversas pessoas morando ou trabalhando nos EUA, incluindo membros familiares de cidadãos norte-americanos e trabalhadores empregados por companhias norte-americanas. Um porta-voz dos

Serviços de Cidadania e Imigração dos EUA, a agência do Departamento de Segurança Nacional responsável por implementar as regulamentações, se negou a comentar sobre a regulamentação ainda sob consideração. O esboço ainda não foi aprovado pela liderança sênior. Diretrizes atuais instruem funcionários da imigração a analisarem uma pequena variedade de benefícios públicos ao tentar determinar se alguém pode se tornar um fardo, especialmente dirigindo funcionários a não considerarem a maior parte dos bene-

fícios não monetários, como programas do governo de assistência alimentar e programas préescolares. As novas regras, caso adotadas na forma atual, irão alterar significativamente estas diretrizes. Sob o esboço das regras, uma pessoa será considerada “um fardo público” caso dependa de “qualquer assistência do governo em forma de dinheiro, cheques, ou outras formas de transferência monetária, ou assistência governamental não-monetária em forma de auxílio, serviços, ou outros alívios”, de acordo com o documento.


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

PUBLICIDADE

9 Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM


10

GERAL

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018 Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006

Menina de 7 anos morre após fazer ‘desafio do desodorante’ Segundo parentes, a menina viu o desafio nas redes sociais e sofreu uma parada cardíaca quando tentou realizá-lo Foto: Reprodução

Adrielly Gonçalves brincava do “desafio do desodorante”, que havia visto nas redes sociais, Uma menina de 7 anos morreu depois de inalar desodorante aerossol em São Bernardo do Campo. Segundo a família, Adrielly Gonçalves brincava do “desafio do desodorante”, que havia visto nas redes sociais, quando desmaiou e teve uma parada cardíaca. O desafio, segundo a família, consiste em

inalar o desodorante e manter a boca fechada pelo máximo de tempo. A menina que estava na casa de uma vizinha, enquanto a mãe trabalhava, inalou o produto enquanto estava sozinha e desmaiou. Adrielly foi socorrida à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do União às 4h de sábado, segundo informou a Pre-

feitura de São Bernardo. Ela chegou à unidade com parada cardiorrespiratória. “Os médicos realizaram manobras de atendimento para reanimar a criança, mas ela veio a óbito minutos depois”, diz a nota. A Prefeitura ainda informou que o Instituto Médico Legal (IML) irá apresentar um laudo detalhando a causa da morte da menina.


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

PUBLICIDADE

11 Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM

Edição # 693 WWW.JORNALASEMANA.COM


12

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

GUIA BOA MESA

Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM

Oasis Restaurante & Oasis Bakery

373 Main Street - Medford, MA 02155 781.396.8337 / 781.396.8303

O tradicional nome Oasis de Medford oferece um restaurante com BBQ, bar completo e também uma padaria lanchonete ao lado. A clientela fiel a opção de uma tradicional churrascaria brasileira seguindo os conceitos de qualidade com excelentes produtos e preços baixos. O ambiente agradável com espaço aconchegante e atendimento personalizado logo atraiu uma grande clientela brasileira e americana ampos abertos ate as 10pm.

Labaredas sob nova administração

500 Boston Post Rd. Marlboro, MA (508) 281-6555

O Labaredas Restaurante, um dos melhores representantes da culinária brasileira no estado, serve churrasco e buffet em Marlborough e tem notado a crescente demanda por reservas para as festividades de fim de ano. Aberto todos os dias de 11 da manhã até às 8 da noite (aos domingos de meio dia às 5 da tarde) procura manter o preço acessível e otimizar o serviço sempre, e com ambiente bem arejado e climatizado. O Melhor da região!

Picanha na chapa é no Central Grill

315 Main St. Woburn, MA 01801 (781) 281-1652

Central Grill serve autênticos pratos brasileiros em um ambiente relaxante e confortável. Uma experiência gastronômica com o melhor da comida brasileira oferecendo pratos exclusivos como o Picanha na tábua ou o Churrasco Misto, bife a cavalo, costeletas de porco, peito de frango e muita mais. Aberto para almoço e jantar todos os dias com Buffet completo. (jantar, take-out e entrega) Venha com a família e os amigos.

Terra Brasilis 14 anos de tradição

480 Shrewsbury St, Worcester, MA (508) 752-0390

Quem não gosta de relembrar os sabores brasileiros tendo um cardápio especialmente elaborado? Se a comida tiver ingredientes mineiros e um mix de sabores, melhora ainda. Com dois restaurantes em Framingham, Bridgeport(CT) e agora também em Worcester o rede Terra Brasilis tem um cardápio específico para cada dia da semana, com 60 funcionários treinados para um atendimento personalizado. Venha conferir!

Brazilian Grill-Hyannis & N.Dartmouth

680 Main Street - Hyannis, MA 464 State Rd.-N.Dartmouth, MA

A churrascaria Brazilian Grill de Hyannys e N.Dartmouth (MA) reúne o melhor da comida mineira, churrasco gaúcho e o típico tempero brasileiro, com centenas de opções. Ambiente estrategicamente planejado, carnes selecionadas, equipe treinada e clima brasileiro do mais alto padrão. Os restaurante já são referência na região, a primeira churrascaria foi inaugurada há 16 anos em Hyannis (MA). Reservas (508) 771-0109

Mineiros Bar e Steak House

371 Union Street - Rockland, MA 02370 (781) 421-3454

No Mineiros Bar e Steak House você vai saborear um delicioso churrasco e aquela comida tipicamente caseira. Venha e traga sua família para curtir momentos agradáveis em um ambiente aconchegante, com bar completo e telões ligados na programação brasileira. Desde já convidamos você para vir conhecer de perto o que ingredientes gastronômicos refinados agregados à experiência no ramo da culinária têm a oferecer.

Panela de Barro é comida caseira

229 Newton St, Waltham, MA (781) 209-1888

Para você que adora comida caseira então venha conhecer o ‘Panela de Barro’, servindo a comunidade brasileira desde 2000 tem como objetivo em oferecer aos seus clientes a qualidade e o sabor tradicional da comida mineira. Ambiente familiar com um Buffet e churrasco todos os dias da semana, sucos naturais, refrigerantes e uma variedade de sobremesas. Venha se juntar a nós para o almoço ou jantar e matar a saudade de Minas.

Royal Catering sua festa em boas mãos

1268 BROADWAY - SAUGUS 01906 (617) 804-7477

Royal Taste Catering é uma empresa especializada em celebrações familiares, casamentos formais e grandes eventos corporativos, café da manhã, almoçar e jantar. Certificamos de que cada detalhe da sua próxima reunião, festa ou evento seja organizada com profissionalismo de alta qualidade. Colocamos todos os nossos esforços para satisfazer os nossos clientes e certifiquemos de que nossos clientes estejam 100% satisfeitos.


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

13

SAÚDE

Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006

Cientistas dizem ‘adeus’ à vacina da gripe. Adesivo é a solução da futura vacinação Foto: Reprodução

Seja pela fobia a agulhas ou pela dor causada, a vacina da gripe pode ter os dias contados Cientistas do Instituto de Tecnologia da Georgia e da Universidade Emory, ambas nos Estados Unidos, criaram uma alternativa indolor à vacina para a gripe. Segundo o site VivaBem, do UOL, trata-se de um adesivo que contém 100 microagulhas que se dissolvem em contacto com a pele e transportam a a fórmula da vacina para a corrente sanguínea, fazendo exatamente o mesmo efeito da vacina tradicional. Para testar a eficácia desta alternativa, os cientistas recorreram a um conjunto de 100 pes-

soas e mostraram que as respostas dos anticorpos geradas pela fórmula da vacina foram parecidas tanto nos grupos que foram ‘vacinados’ com o adesivos, como aqueles que receberam a injeção. Um detalhe é que mais de 70% dos que usaram o adesivo relataram que prefeririam ser vacinados desta maneira do que com agulhas. O primeiro ensaio clínico dos remendos da vacina contra a gripe começou em junho de 2015, com 100 participantes entre 18 e 49 anos que estavam saudáveis e que não rece-

beram a vacina contra a gripe durante a temporada de gripe 201415. O estudo foi conduzido na Hope Clinic do Emory Vaccine Center em Atlanta. O estudo foi realizado sob autorização do FDA. Os resultados do estudo são publicados em 27 de junho de 2017 na revista médica The Lancet. A pesquisa foi apoiada pelo Instituto Nacional de Imagem Biomédica e Bioengenharia dos Institutos Nacionais de Saúde. o nome correto em inglês é Microneedle Patches for Flu Vaccination

Adeus agulhadas! Curativo pequeno e indolor substituirá agulhas


14

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

COMUNIDADE

Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006

Juiza adia deportação de defensor dos imigrantes de Nova York Nascido em Trindade e Tobago e com green card desde desde 1994, Ravi Ragbir apresentou ação contra polícia migratória Foto: AP Photo/Seth Wenig

O defensor de imigrantes Ravi Ragbir, em foto de 9 de março de 2017 Artigo publicado por France Press / AFP Governo americano decidiu adiar a deportação de Ravi Ragbir, um defensor dos imigrantes nascido em Trindade e Tobago, depois que ele apresentou uma ação para protestar contra a prisão de vários líderes do movimento pró-imigração. Até que sua demanda contra a polícia migratória - apresentada junto com várias organizações de defesa dos imigrantes - seja considerada, o governo concordou em adiar temporariamente sua deportação, infor-

mou a Coalizão Novo Santuário, dirigida por Ragbir. “Esta demanda não é apenas sobre mim, é sobre todos os membros de nossa comunidade que estão falando em nossa luta pelos direitos dos imigrantes”, disse Ragbir em comunicado. Ragbir, residente legal nos Estados Unidos há 25 anos, foi preso pela polícia migratória em Manhattan em 11 de janeiro. Foi transferido a Miami para ser deportado em meio a protestos em Manhattan que deixaram cerca de 20 detidos, incluindo dois vereadores nova-iorquinos.

Mas uma juíza determinou seu retorno a Nova York e depois ordenou sua libertação, ao criticar a “cruel”, “abrupta e evidentemente desnecessária prisão”. O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, escreveu nesta semana uma carta à polícia migratória, órgão federal, na qual assegurou que a deportação do “amado líder comunitário novaiorquino (...) afetaria negativamente a comunidade imigrante”. Ragbir deveria comparecer ante a polícia migratória neste sábado para ser deportado, mas

a ação foi cancelada. O líder comunitário de 53 anos está casado com uma advogada de migração americana e tem uma filha nascida neste país. Tem um green card, ou permissão de residência, desde 1994 e recentemente contou à agência AFP que há anos vive o “terror” de ser deportado. A perseguição a líderes imigrantes devido ao seu discurso e militância política “claramente viola a Primeira Emenda” da Constituição, que protege o direito à liberdade de expressão, disse Sally Pei, do escritório de advocacia Arnold & Porter, que defenderá

Ragbir com advogados e estudantes de Direito da Universidade de Nova York. “Buscaremos acabar com esta prática vingativa”, acrescentou.

Crime de fraude bancária Condenado por cometer em 2001 um crime de fraude bancária quando trabalhava em uma empresa de hipotecas, passou três anos em prisão domiciliar e dois

anos em uma prisão federal. Após ser libertado, esteve mais dois anos detido à espera de ser deportado, mas se salvou graças a vários adiamentos, o último deles vencia este ano. Desde 2007 se dedica a ajudar centenas de imigrantes em Nova York. Como ele, outros defensores do imigrantes foram deportados, ou são ameaçados de deportação, pelo governo de Donald Trump. Um exemplo é Jean Montrevil, codiretor da coalizão dirigida por Ragbir, deportado para o Haiti em janeiro.


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

PUBLICIDADE

15 Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

16

PUBLICIDADE

Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

17

PUBLICIDADE

Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM

PASSAPORTE MOVEL Vamos até você para renovar seu Passaporte


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

18

PUBLICIDADE

Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

ALTO ASTRAL FIQUE DE BEM COM A VIDA ELIANA BARBOSA Escritora / Apresentadora

www.elianabarbosa.com.br

Construindo ou destruindo? Se você é uma pessoa que vive reclamando dos resultados de sua vida, chegou a hora de parar um pouco, pensar melhor e se avaliar como pessoa e profissional. Sei que é muito complicado entender que você é o autor ou a autora de sua história e que seria muito mais fácil e cômodo enveredar pelo caminho das acusações e culpar outras pessoas ou o mundo em que vive pelos seus fracassos e suas decepções. Mas a verdade é que só você é o construtor ou o demolidor de sua própria vida. Outros podem até participar da construção ou destruição da sua existência, mas isso só acontece com a sua permissão. Dessa forma, de qualquer jeito, você escolhe os caminhos que quer trilhar pela vida. Se quiser agir como uma pedra, sendo um “cabeça-dura”, saiba que precisará de muitas “bombas” para lhe acordar, enquanto não per-

ceber que você pode ser a sua melhor ou a sua pior companhia – você constrói ou você destrói o seu destino. Em seu viver, procure ser alguém mais dócil, que escuta as “vozes da experiência”, e, assim, encontrará muitos aliados na construção da sua felicidade. Nunca existirá paz ao seu redor se esta mesma paz ainda não estiver bem instalada dentro de você! Pense nisso e comprometa-se, verdadeiramente, com o seu progresso e, assim, participe da construção de um mundo mais justo e mais pacífico, para você, para sua família, para todos nós. Este é um poder só seu! Aproveite-o com amor e sabedoria! Para que você compreenda melhor o papel que você exerce em sua existência, ofereçolhe este conto, de autor desconhecido: “Era uma vez, um homem que só

via e realçava o mal em tudo o pensava, falava ou fazia. Um dia ele morreu e partiu para o desconhecido... Só que do lado de lá havia um acompanhante que não o deixava em paz e o seguia o tempo todo. Era um companheiro muito desagradável – egoísta, pessimista, mal-humorado, maledicente, mal-agradecido, e, vivendo na autopiedade, só sentia-se bem quando estava mal. O homem, não o suportando mais, aproximou-se de um anjo e implorou: ‘Por favor, livra-me da companhia daquele sujeito, eu já não agüento mais...’ O anjo, entre admirado e compadecido, respondeu: ‘Mas não há nenhum companheiro. Aqui só existe um sistema de espelhamento, que faz com que cada um veja e conviva com o que formou de si mesmo. Depende somente de você libertar-se dele.’”

Eliana Barbosa é life coach, psicoterapeuta, articulista de jornais e de revistas de circulação nacional e internacional, autora de vários livros no campo do autodesenvolvimento, apresentadora de programas em TV e rádio, e ministra palestras e cursos transformacionais no Brasil e nos Estados Unidos. Conheça melhor as suas atividades profissionais no site www.elianabarbosa.com.br Contato: eliana@elianabarbosa.com.br

19 Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

20

MUNDO Emigrante morto com um murro por demorar a limpar carro em lavajato na Rússia

Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006

Um motorista russso enfurecido com a alegada lentidão da limpeza do carro mata funcionário com murro As imagens das câmaras de vigilância mostram um BMW a entrar numa estação de lavagem de carros aberta 24 horas, durante a madrugada, em Stupino, nos arredores de Moscovo, capital da Rússia. A dado momento, o homem abeira-se dos empregados, alegadamente enfurecido com a lentidão da limpeza. Desfere um murro num dos homens, um emigrante de 39 anos, que caiu de costas desamparado e bateu com a cabeça no chão.

O homem foi levado ao hospital, em estado de coma, mas não sobreviveu. O outro trabalhador também foi agredido, mas não corre risco de vida. A polícia deteve entretanto o agressor, mas não revelou a identidade do mesmo. Confrontado pelas autoridades, admitiu ter batido no homem. E que lhe aconteceu, perguntou a polícia. “Morreu”, terá respondido, friamente, segundo relatos da imprensa russa.

Foto: Reprodução

Um emigrante foi morto, com um só murro, por um condutor enfurecido com a alegada lentidão da limpeza do carro, nos arredores de Moscovo, na Rússia


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

BRASIL Preso o suspeito de atear fogo em família venezuelana Os episódios de xenofobia na região e os casos de conflito entre brasileiros e venezuelanos aumentaram em Roraima Foto: Reprodução

Uma mulher e uma menina de 3 anos ficaram gravemente feridas, com boa parte do corpo atingida pelas chamas A Polícia Civil de Roraima prendeu neste sábado (10) o suspeito de atear fogo em uma família de venezuelanos, na semana passada. Ele confessou o crime e, no local da prisão, foram encontrados materiais usados no ataque, como garrafas com álcool e isqueiro. O guianense Gordon Fowler, conhecido como Jamaica, foi preso em flagrante em um imóvel abandonado por volta das 21h, pela equipe da Delegacia Geral de Homicídio. Segundo a Polícia Civil, ele disse não ter nada especificamente contra as vítimas, e que teve um desentendimento com outros venezuelanos e que acabou tendo a bicicleta roubada. O acusado disse que

“tomou raiva” dos venezuelanos e decidiu se vingar. Jamaica foi encaminhado para audiência de custódia e depois será encaminhado para a Penitenciária Agrícola de Monte Cristo. Incêndio - Nos primeiros dias deste mês, ocorreram dois ataques a venezuelanos em Roraima. O primeiro caso ocorreu na madrugada de segunda-feira (5), e as vítimas foram uma mulher e um homem que estavam dormindo na varanda de uma casa. O segundo foi na madrugada de quinta-feira (8) em uma casa em Boa Vista onde vivem venezuelanos. Uma mulher e uma menina de 3 anos ficaram gravemente feridas, com boa parte do corpo atingida pe-

las chamas. O acusado vai responder por tripla tentativa de homicídio pelo ataque que atingiu a família venezuelana. Ele também vai responder por dupla tentativa de homicídio, por um ataque anterior, que atingiu duas pessoas. Nos últimos meses, aumentaram os casos de conflito entre brasileiros e venezuelanos em Roraima. Os episódios de xenofobia na região preocupam a polícia. Desde 2016, a migração de venezuelanos aumentou de forma significativa. Segundo cálculos da Prefeitura de Boa Vista, há mais de 40 mil cidadãos venezuelanos na cidade, mais de 10% da população local, de cerca de 330 mil habitantes.

21 Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006


22

ESPORTE

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018 Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006

No fim da recuperação, Gabriel Jesus diz: “Quero voltar melhor que estava” Já batendo na bola e perto de voltar para trabalho com grupo, atacante conta o pior na hora da lesão Gabriel Jesus deve voltar a treinar com o grupo do Manchester City em cerca de duas semanas. Depois da lesão no ligamento colateral medial do joelho esquerdo no fim de 2017, o atacante da seleção fala sobre os momentos finais de sua recuperação, o temor na hora que se lesionou, a busca pela taças da Premier League e da Champions, a volta à seleção e o trabalho sob o comando de Pep Guar-

diola. Em entrevista Gabriel Jesus fala sobre a lesão. “Na minha cabeça vieram muitas coisas negativas. Lógico. Por conta de uma lesão, se tratando de joelho. Nunca tive lesão nenhuma assim. Quando eu senti a dor ali, tentei ainda continuar depois do lance, e não consegui. Já veio o pior, sempre vem o pior. Mas graças a deus não foi tão ruim. Acho que deus me livrou de uma lesão pior. Pô, aquele

momento foi complicado pois já pensei em seleção, já pensei no restante da temporada, já pensei em tudo. Também pensei como iria ficar o clima aqui em casa, porque minha família inteira estava aqui. Era o final do ano. Naquele momento foi bem complicado, mas minha família me deu muito apoio. Logo passou tudo e consegui focar de novo. Estou batendo um pouquinho na bola já. Estava com muita saudade, mas ainda estou com um pouco de medo. Acho que isso, conforme o tempo for passando. Acho que daqui uma semana já batendo na bola, mais dias batendo na bola, acho que vou perdendo o medo. Acho que em pouco tempo volto a treinar com o grupo. Sempre disse que vou fazer por merecer. Vou treinar muito. Vou tentar fazer ajudar meus companheiros aqui no Manchester City.

Foto: Gonzalo Fuentes/Reuters)

Gabriel Jesus Crystal Palace x Manchester City


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

PUBLICIDADE

23 Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM


24

POLICIA

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018 Edição # 699 Edição # 540 WWW.JORNALASEMANA.COM asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006

Polícia quer enviar cães pisteiros à “casa dos horrores” em busca de cadáveres Os 13 filhos de Louise e David Turpin vão ser submetidos a testes de ADN para confirmar o grau de parentesco. Casal queria ter um 14.º filho para protagonizar um reality show

Foto: Reprodução

O casal está acusado de 38 crimes e arrisca uma pena de prisão que pode ir até aos 94 anos A polícia norte-americana pretende utilizar cães pisteiros em novas buscas à casa do casal Turpin, acusado de ter mantido em cativeiro e durante vários anos os seus 13 filhos em Perris, na Califórnia. Além disso, todos os filhos de David e Louise vão ser submetidos a testes de ADN para confirmar o seu grau de parentesco. A informação foi avançada pelo programa televisivo de investigação criminal Crime Watch Daily, do jornalista Chris Hansen, que acrescenta que as autoridades querem esclarecer se terão estado mais crianças na já denominada “casa dos horrores” para além dos 13 filhos do casal que foram encontrados na semana passada — subnutridos, sujos, no escuro, alguns acorrentados. De momento, não está afastada a suspeita da presença de cadáveres na residência. David e Louise

Turpin foram já formalmente acusados de 38 crimes, entre os quais tortura, maus tratos, negligência e detenção ilegal, arriscando uma pena de prisão que pode ir até 94 anos. Ambos se declaram inocentes. Permanecem detidos, não tendo pago uma fiança de 12 milhões de dólares. Entretanto, o tabloide britânico Daily Mirror falou com o irmão de Louise, Billy Lambert, que revelou que o casal queria ter um 14.º filho para poder protagonizar um reality show. A inspiração para este programa seria o Kate Plus 8, protagonizado por Kate Gosselin e os seus oito filhos, e que foi um sucesso de audiências nos Estados Unidos. Segundo a investigação policial, que ainda decorre, as crianças e jovens adultos nunca foram levados ao dentista, tinham direito a apenas uma refeição por dia e era frequente serem

acorrentadas às camas, sem poderem ir ao quarto de banho. Estes castigos podiam durar semanas ou meses. Tomar banho era um acontecimento anual e os filhos estavam proibidos de lavar as mãos acima da linha do pulso, sob pena de serem acusados de estar “a brincar com água” e de serem consequentemente castigados, como explicou à data do resgate Mike Hestrin, procurador do condado californiano de Riverside. O casal Turpin foi detido na sequência de um telefonema da filha de 17 anos, que terá escapado pela janela da casa da família e alertado a polícia. Com idades compreendidas entre os dois e os 29 anos, apenas o bebé apresenta um peso adequado à sua idade. Os restantes filhos apresentavam sinais evidentes de subnutrição, com o adulto mais velho, de 29 anos, a pesar apenas 37 quilos.


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

25

POLICIA

Motorista que matou jogador do NFL é imigrante ilegal Ele estava usando o nome falso como afirmou a polícia em uma nota oficial e é um cidadão da Guatemala e tinha sido deportado em 2007 e 2009 Foto: Reprodução

O motorista bêbado acusado de atingir e matar Edwin Jackson, linebacker do Indianapolis Colts, está vivendo ilegalmente nos Estados Unidos, como anunciou a Polícia do Estado de Indiana. O motorista do veículo que matou Jackson e o motorista Jeffrey Monroe estava usando o nome falso de Alex Cabrera Gonsales, como afirmou a polícia em uma nota oficial. O nome verdadeiro de Gonsales é Manuel Orrego-Savala e ele é um cidadão da Guatemala. Orrego-Savala tinha sido deportado em 2007 e 2009. Monroe e Jackson estavam parados no acostamento da Interstate 70 quando foram atropelados na madrugada deste domingo (4). Atualmente com 37 anos de idade, OrregoSavala foi preso depois de tentar fugir do local a pé, de acordo com a Polícia do Estado de Indiana. Ele estava dirigindo sem uma licença e estava intoxicado, segundo os policiais. Orrego-Savala está atualmente preso na cadeia do Condado de Marion (Indiana) enquanto a polícia traba-

lha com os oficiais de imigração federais dos Estados Unidos. Os investigadores também estão trabalhando com o Ministério Público para apresentar as acusações criminais. Jackson e outra pessoa, Jeffery Monroe of Avon, foram parados ao lado da I-70 quando Monroe, que parecia ser uma motorista de compartilhamento de transporte que estava levando Jackson, saiu do carro para ajudar o atleta, que estava doente. Então, o motorista de uma Ford F-150 entrou no acostamento de emergência e atingiu a traseira do carro, acertando tanto Jackson quanto Monroe, com um dos corpos caindo na faixa central da I-70, segundo nota da Polícia do Estado de Indiana. Ty Mays, policial do estado que estava na área, foi até o local depois de ver o acidente na lateral da estrada. No processo de desaceleração, ele atingiu o corpo da vítima que estava na faixa central. Monroe e Jackson morreram no local do acidente, segundo o gabinete do legista do Condado de Marion. Monroe estava com 54 anos de idade e Jackson tinha 26.

“Nós estamos de coração partido por ouvir a notícia do falecimento de Edwin Jackson. Edwin era amado por todos na organização Colts. Admiramos sua personalidade extrovertida, espírito competitivo e mentalidade trabalhadora. Ele era bastante respeitado entre todos com quem cruzou, e sua falta será muito sentida em nosso vestiário e ao longo de toda a nossa organização. Nós também compreendemos que outra pessoa perdeu a vida no acidente, apenas aumentando a nossa tristeza neste dia. Estamos chocados e entristecidos por essa tragédia, e nossos pensamentos e orações vão para as famílias de ambos os homens durante este momento difícil”, declarou o Indianapolis Colts, em nota oficial. O Indianapolis Colts trouxe Edwin Jackson para o elenco de treinamento em dezembro de 2015. O inside linebacker foi titular em oito dos 16 jogos que ele disputou durante a temporada 2016. O defensor perdeu toda esta última temporada 2017 devido a uma lesão.

Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM


26

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

POLICIA

Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM

Fundador do Megaupload tenta evitar extradição Se for extraditado aos Estados Unidos, Kim Dotcom enfrentará penas de até 20 anos de prisão por acusações de fraude, extorsão e lavagem de dinheiro Foto: Reprodução

Kim Dotcom, fundador do site Megaupload, quando foi preso em Auckland, na Nova Zelândia Titã da internet caído em desgraça Kim Dotcom volta aos tribunais da Nova Zelândia na segunda-feira (11), no que pode ser a última oportunidade do fundador do site de downloads Megaupload de evitar sua extradição aos Estados Unidos. A batalha para a extradição de Dotcom já dura mais de seis anos, desde que em janeiro de 2012 a polícia entrou em sua mansão de Auckland, enquanto ele se entrincheirava em um quarto blindado, em uma grande operação que respondeu a um pedido do FBI. Dotcom, cujo nome de batismo é Kim Schmitz, cidadão alemão de 44 anos, é acusado de pirataria on-line em grande escala pelas atividades do Megaupload, que foi desativado pelas autoridades naquela apreensão.

Se for extraditado aos Estados Unidos, Kim Dotcom enfrentará penas de até 20 anos de prisão por acusações de fraude, extorsão e lavagem de dinheiro. Tanto Dotcom como outros três cofundadores do Megaupload acusados - Finn Batato, Mathias Ortmann e Bram van der Kolk - negam as alegações e questionam a legitimidade de sua prisão ante o Tribunal de Apelações de Wellington. Se o tribunal determinar que Dotcom pode ser extraditado, o processo poderia durar meses e ele teria opções muito limitadas de revogar a decisão. Teoricamente, pode apelar à Suprema Corte, mas seus assessores legais deveriam fornecer novas evidências de que ele foi vítima de um erro judicial.

Pioneiro da nuvem O Megaupload foi pioneiro no universo dos sites de arquivos compartilhados, que chegou a ter cerca de 50 milhões de usuários diários em sua melhor época - 2011 - e abarcava 4% do tráfego mundial da Internet. Segundo as autoridades do FBI, o problema é que muitos dos arquivos compartilhados eram filmes e músicas protegidos pelas leis de propriedade intelectual. As autoridades americanas consideram que os acusados obtiveram US$ 175 milhões em lucros e causaram prejuízos de cerca de US$ 500 milhões aos donos de conteúdos, que iam desde obras musicais, cinematográficas até outros produtos digitais pirateados.


27 27 27

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

BIZARRAS

Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006

Depois de tomar bolo no Tinder, mulher faz fotos de encontros com ela mesma Ela teve um pequeno contratempo. Ao pedir uma mesa para um, em um restaurante, sentiu que foi mal atendida pela garçonete

Foto: Facebook/Reprodução

A australiana Laura Bull, 31, leva a sério o lema “solteira sim, sozinha nunca.” Mesmo que a companhia para um encontro amoroso seja, errr, ela mesma. Em três ocasiões, Laura se preparou toda, colocou sua melhor roupa e foi se encontrar com o ‘crush’ (é assim que tão chamando paquera agora!) após um encontro marcado pelo Tinder. Acontece que nessas três vezes, os rapazes simplesmente não apareceram. Depois de três “bolos” seguidos, em vez de pedir música no Fantástico, Laura resolveu ter um encontro amoroso com a melhor pessoa do mundo: ela mesma. “Então, era para eu ir a um encontro hoje e o cara cancelou no último momento... Então o que eu fiz? Coloquei em um vestido bonito, passei um batom e me con-

videi para sair”, escreveu Laura no Facebook. A australiana, que é mãe de duas crianças, teve um dia fantástico. Ouviu música em um parque de Brisbane, caminhou descalça e foi até nadar na praia. De noite, ela teve um pequeno contratempo. Ao pedir uma mesa para um, em um restaurante, sentiu que foi mal atendida pela garçonete. Mas Laura não se importou, pediu para sentar-se do lado de fora e mudou o garçom. No fim das contas, o “autoencontro” foi um sucesso. “A moral da história, que quero compartilhar, é que não é porque você tomou bolo ou teve os planos cancelados que deve ficar desapontada. Saia para sua própria aventura. Aproveite seu tempo porque você é linda”, escreveu.


28

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

FAMOSOS Foto: Reprodução

Edição # 613 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006

Anitta confirma participação em palestra que será realizada em Harvard em 6 e 7 de Abril

Cantora foi convidada a falar sobre sua história de superação na Brazil Conference at Harvard & MIT Convidada para dar uma palestra na Brazil Conference at Harvard & MIT para falar sobre sua história de superação e constante batalhas, a cantora Anitta confirmou em entrevista antes do desfile no carnaval de Salvador. Anitta já é sucesso internacional, já arrasa no funk, no pop, no reggaeton...

Cantora Anitta Cantora e compositora música pop

Anitta vai comandar trio elétrico em Salvador

Foto: Reprodução

Anitta promote mudanças no estilo musical Anitta fará sua estreia no circuito de trios elétricos do Carnaval de Salvador, na Bahia. A funkeira vai abrir a festa da capital baiana, na quinta-feira, comandando seu próprio carro no bloco Eu Vou!, segundo o colunista Ancelmo Gois, do jornal O Globo”. A cantora, que se apresentou no Grammy Latino, vai percorrer o percurso Barra-Ondina misturando axé e funk. No sábado de Carnaval, Alinne Rosa vai comandar o bloco. “Se-

gurem os forninhos!!! Começou a venda para o Eu Vou! Eu e Anitta vamo!”, escreveu a baiana, que já negou romance com o jogador Neymar. Neste ano, ela estava loira quando cantou, no primeiro dia de folia, ao lado de Daniela Mercury. “Foi lindo! Que honra. Há um ano atrás estava aqui me jogando na pipoca. E hoje um carinho absurdo de todos. Estou, mas muito emocionada mesmo”, escreveu Anitta nas redes sociais

E vem sempre inovando e buscando novos ritmos para dominar ainda mais as pistas de dança pelo mundo todo. E ela não para!A agenda da musa está lotada. Fazendo muito sucesso, a diva vai cantar no Rock in Rio Lisboa e já se programa para shows pelos Estados Unidos e pela Europa.“Vou cantar em

Miami, em uma premiação latina. Depois tenho agenda de gravações, divulgações e shows lá fora. Tenho apresentação marcada em Miami, em Lisboa e talvez a gente faça Europa. Agora a gente está recebendo pedidos internacionais e ajustando com a agenda o Brasil, para dividir um pouquinho lá e um pou-

quinho aqui. Estamos vendo a agenda direitinho para poder divulgar e shows em alguns países da América Latina”, disse a cantora. Ela vai falar sobre sua música, sua carreira internacional e como faz para ser administradora de si mesma e de seus próprios negócios. Arrasou! Vai, malandra


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

CLASSIFICADOS

29 Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM


30

DIVERTIR

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018 Edição # 699 asemana@icloud.com Dept. Comercial: 617-417-6006


2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

PUBLICIDADE

31 Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM


32

2 A 8 DE FEVEREIRO DE 2018

PUBLICIDADE

Edição # 699 WWW.JORNALASEMANA.COM

A SEMANA - The Brazilian Newspaper  

02 a 08 de Fevereiro de 2018

A SEMANA - The Brazilian Newspaper  

02 a 08 de Fevereiro de 2018