Page 1

ATIVIDADES DE LÍNGUA PORTUGUESA Texto I

Texto II UM BILHETE PARA VOCÊ!

Vovó, Acordei cedo e fui olhar o nascer do sol lá na cancela. Sei que a senhora vai fazer cuscuz de milho para o café, então, chego às 7h30. Ah, deixe que eu passo pelo galinheiro e pego os ovos. Um cheiro no coração. Aninha. 01. Em que período do dia Aninha escreveu o bilhete para a avó? ( ) De manhã ( ) No almoço ( ) À tarde ( ) Antes de dormir 02. Por que aninha escreveu um bilhete para a avó? ( ) Para que a avó fizesse o café enquanto Aninha passeava. ( ) Para que a avó não ficasse preocupada por Aninha ter saído antes da avó acordar. ( ) Porque Aninha ia sempre visitar a avó logo de manhã cedo. ( ) Porque Aninha queria que a avó deixasse um pouco de café e cuscuz para ela.

TROCA DE BRINQUEDOS Troca-se um carrinho de madeira Em bom estado de uso Por outro brinquedo para meninas. Preferência por uma boneca de pano. Tratar com dona Tê pelo email: escoladocaribeiro@gmail.com 3. O que se observa no texto lido? ( ) É um anúncio dos brinquedos de dona Tê ( ) Indica como fazer um contrato de brinquedos ( ) Dar informações sobre uma troca de bonecas ( ) Tem um título que indica do que trata o texto 04. Para falar com dona Tê, que meio de comunicação deve ser utilizado? ( ) O jornal ( ) A internet ( ) A carta ( ) O telefone

Texto III - A BICICLETA As meninas brincavam de amarelinha na calçada da igreja quando ouviram um choro de criança. A maior delas, muito preocupada, disse para as amigas: _ Vamos ver o que aconteceu? E qual não foi o espanto quando encontraram um menino chorando ao lado de uma bicicleta. _ Por que você está chorando? – Perguntou a menina de cachos. _ Minha bicicleta quebrou_ falou choroso. Acontece que o pai da menina menor tinha uma oficina de bicicleta em casa. E como apenas tinha caído a corrente, logo o menino andava pedalando a bicicleta na rua. Era verão e os passarinhos cantavam na tarde que começava a esfriar. (Teresa Cristina Cerqueira de Sousa) 05. O trecho “Perguntou a menina de cachos”, juntamente com outros trechos, permite-nos ( ) identificar quantas meninas pulavam amarelinha. ( ) mostrar mudanças de locais dos acontecimentos. ( ) nomear o universo feminino. ( ) dar uma versão adolescente ao texto.

Texto IV VITÓRIA-RÉGIA Uma noite, a lua chegou Redonda e amarela E atirou-se nas águas Para buscar a vitória-régia. Mas a planta estava presa ao lago! Então, a flor se abriu Branca e perfumada Pelo prazer da visita. (Teresa Cristina Cerqueira de Sousa) 07. No verso: “Então, a flor se abriu” a palavra destacada indica uma ação ( ) anterior ao fato de a lua chegar. ( ) posterior ao fato de a lua chegar. ( ) neste exato momento. ( ) que precisa da palavra visita para ter compreensão.

08. Leia: “Mas a planta estava presa 06. A última frase do texto indica que a história aconteceu ao lago!”. Uma palavra com sentido ( ) no início da tarde. oposto a presa é ( ) na tarde de ontem. ( ) encarcerada ( ) encerrada ( ) pelo final da tarde. ( ) grudada ( ) livre ( ) ao meio-dia. 09. Considere os versos; “Come na panela/ He, he, he, he” e marque a alternativa CORRETA. Texto V ( A) O uso da onomatopeia funciona como o riso da barata. A BARATA ( B) As repetições de he, he, he, he trazem a ideia do raspar na panela. Olha a barata ( C) Em: “Come na panela”, temos a comunicação com as baratas. No descanso das horas (D) Os versos apontados são as falas da criança. Toda ligeira Sobe na pia Lambe a colher Prova do prato Come na panela He, he, he, he Sempre com Mais vontade E entra e sai Da cozinha E faz flic, floc Na boca Então a mamãe Acende a luz E a barata Some na noite (Teresa Cristina Cerqueira de Sousa)

WC é uma abreviatura de Water Closet e significa "Banheiro" em português.

10. Observe a imagem e crie uma história.


Leia o texto para responder as questões. Questão 01 Qual o meio de comunicação ao qual o texto se refere? (A) Rádio (B) Livro (C) Televisão (D) Internet Questão 02 A que conclusão o autor chega ao final do texto? (A) A televisão é o melhor passatempo que existe (B) É melhor ser criança do que adulto (C) A vida fora da televisão é melhor do que dentro dela (D) Os doces anunciados na televisão têm gosto de infância

TELEVISÃO Televisão é uma caixa de imagens que fazem barulho. Quando os adultos não querem ser incomodados, mandam as crianças irem assistir à televisão. O que eu gosto mais na televisão são os desenhos animados de bichos. Bicho imitando gente é muito mais engraçado do que gente imitando gente, como nas telenovelas. Não gosto muito de programas infantis com gente fingindo de criança. Em vez de ficar olhando essa gente brincar de mentira, prefiro ir brincar de verdade com meus amigos e amigas. Também os doces que aparecem anunciados na televisão não têm gosto de coisa alguma porque ninguém pode comer uma imagem. Já os doces que minha mãe faz e que eu como todo dia, esses sim, são gostosos. Conclusão: A vida fora da televisão é melhor do que dentro dela. (José Paulo Paes)

Questão 03 A definição de “televisão” dada pelo autor é: (A) Uma fonte de conhecimento. (B) Uma ajuda na educação dos filhos. (C) Uma tela que revela paisagens. (D) Uma caixa de imagens que faz barulho. Questão 04 No trecho: “A vida fora da televisão é melhor do que dentro dela”. A palavra sublinhada refere-se a que: (A) Vida (B) Televisão (C) A criança (D) A novela Questão 05 Retire do texto uma frase que confirma que o narrador não gostava de televisão: Questão 06 Coloque (V) para verdadeiro e (F) para falso: ( ) Segundo o texto, Bicho imitando gente é engraçado. ( ) O que o narrador mais gosta na televisão são os desenhos animados de bichos. ( ) O narrador não gosta dos doces que a mãe prepara. ( ) Os adultos não deixam as crianças assistir à televisão. A ordem correta da atividade acima é: (A) F, F, F, V (B) V, V, F, F (C) F, V, F, V (D) V, F,V, V Questão 07 Qual a crítica que o narrador faz em relação aos doces anunciados na televisão?


Portuguesa 6  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you