Page 1

ANO 4 - Nº 48 - JULHO DE 2012

Trilha Ecológica é opção para férias

Porto Mauá revela uma das mais belas Trilhas em meio à Mata Atlântica página três

Obras de nova Unidade da Criatec hidrelétrica inicia-se é instalada em em agosto Panambi Durante evento foi criada e instalada a Incubadora de Empresas

página seis

A iniciativa é da Cooperluz, que atua há 43 anos na região de Santa Rosa

página seis

Mês de Festa do Colono e Motorista A expectativa é de reunir mais de 300 veículos para o desfile em Tuparendi

página sete

Selbach receberá título de Município que Faz No dia 12 deste mês, Selbach receberá em São Paulo o título

página dois


2

ANO 4 - Nº48 - JULHO 2012

Casa familiar Rural inaugura ampliação de suas instalações

Cidades

Expotupã e Expo Cultura foram atrações em Tupã Além de novidades, o público pôde prestigiar atrações voltadas ao meio rural

Instalações do laboratório de Ciências, Físicas e Biológicas foram ampliadas

Catuípe - No Rio Grande do Sul são sete casas, as quais têm o objetivo de promover o desenvolvimento sócioeconômico das comunidades rurais, através da educação e formação integral do jovem rural para formar cidadãos em vivência grupal, desenvolvendo espírito associativo e comunitário, visando melhorar a qualidade de vida dos pequenos produtores rurais, através da aplicação na propriedade, dos conhecimentos adquiridos para obtenção de uma agricultura sustentável. A Casa Familiar Rural da região de Ijuí, que fica na localidade de Três Vendas, interior do município de Catuípe, surgiu em 2005. Hoje a Casa tem abrangência

na região Noroeste do Estado, e conta com 37 alunos de onze municípios, monitorados pela bióloga Fabiana Antonello Pinto, e pelo professor Venildo Turra. Para melhorar as condições de estudos destes alunos, foi realizada uma reforma de ampliação das instalações, contando com um Laboratório completo de Ciências Físicas e Biológicas, bem como, a aquisição de um automóvel. Estas ações foram realizadas com recursos do Ministério do Desenvolvimento Agrário, através do Programa Nacional de Desenvolvimento Territorial Sustentável (Pronat), via Territórios da Cidadania, no valor de R$ 121.200 e com contrapartida da Prefeitura Municipal de Catuípe, com R$ 15 mil.

Expediente Panorama Regional Gráfica e Editora Jornalística Sentinela LTDA CNPJ : 87.657.854/0001-23

Panorama Regional circula encartado nos jornais Jornal da Manhã (Ijuí), Folha das Máquinas (Panambi, Condor, Santa Bárbara e Pejuçara), Vila Liberdade (Condor, Panambi, Ajuricaba e Nova Ramada), Semanário (Tupanciretã), Tribuna Livre (São Paulo das Missões, Alecrim, Porto Lucena, Porto Vera Cruz e Santo Cristo), Atualidades (Três Passos), Expresso (Cruz Alta), Jornal Integração Regional (Jóia, Entre Ijuis, Eugênio de Castro, São Miguel das Missões, Vitória das Missões e Augusto Pestana), Folha Popular (Tenente Portela, Miraguaí, Vista Gaúcha, Redentora, Derrubadas e Barra do Guarita), Correio Regional (Não-Me-Toque, Victor Graeff, Ernestina, Tio Hugo e Colorado Novo), O Sentinela (São Francisco de Assis), A Notícia (Catuípe), Jornal Informativo Noroeste (Boa Vista do Buricá, São Martinho, Nova

Candelária, São José do Inhacorá, Humaitá, Sede Nova, Campo Novo, Bom Progresso, São Valério do Sul), Correio Pestanense (Augusto Pestana e Jóia), Regional (Três Passos, Campo Novo, Barra do Guarita, Derrubadas, Bom Progresso, Braga, Coronel Bicaco, Miraguaí, São Martinho, Vista Gaúcha, Sede Nova, Humaitá, Crissiumal, Esperança do Sul, Tiradentes do Sul, Tenente Portela), O Celeiro (Santo Augusto, Chiapetta, São Valério do Sul, Sede Nova, São Martinho, Coronel Bicaco, Campo Novo, Braga, Inhacorá, Nova Ramada, Redentora) A Notícia (Condor), Tribuna das Cidades (Tapera, Lagoa dos Três Cantos, Espumoso, Selbach, Colorado, Ibirubá, Victor Graeff, Salto do Jacuí, Não Me Toque, Cruz Alta, Fortaleza dos Valos, Boa Vista do Incra, Pejuçara, Boa Vista do Cadeado e Quinze de Novembro).

Edição: Taíse Heberle de Lima Diagramação: Nilton Golle. Telefone: (55) 3331- 0300 panorama@jornaldamanhaijui.com Impressão: Cia de Arte - Ijuí/RS

No último domingo de feira foi realizado o concurso de animais Tupanciretã - Exposições de animais, leilões e provas com equinos, maquinários agrícolas, comércio, negócio, meio ambiente, lazer, cultura, foram algumas das atrações destinadas aos visitantes da 57ª Expotupã e 8ª Expocultura, realizada de 23 a 27 de maio, no Parque de Exposições Cel. Marcial Terra. O evento foi promovido pelo Sindicato Rural de Tupanciretã, Jari e Quevedos em parceria com a Associação Cultural Raul Bopp, com participação de aproximadamente 270 expositores de bovinos, ovinos, equinos, maquinários, expositores de

confecções e artigos. A sustentabilidade foi novamente uma questão prioritária da organização, ações desenvolvidas pela Comissão das Produtoras Rurais, através, do Projeto Respira Tupã, buscando ampliar as ações ambientais do evento, com coleta seletiva do lixo, exposição de arte reciclada, jardim de plantas medicinais e outras ações. A reunião da regional 3 da Farsul e interiorização da entidade, contou com a presença do Deputado Estadual Pedro Westphalen, de presidentes e representantes de treze sindicatos rurais da

região. Entrega de prêmios para produtor do ano e mérito rural feminino, palestras com temas de interesse da classe produtora de outros segmentos da sociedade também estiveram presentes. No dia 27 de maio, foi realizado o Concurso de Animais de Estimação. O evento teve a participação de 15 animais de pequeno porte, que foram julgados pelo médico veterinário Gustavo Herter Terra, a veterinária Camila Barcelos Schio, a estudante de veterinária Rafaela Soares, a estudante Laura Farias e as Soberanas Amanda Balzan, Helena Kruel e Luísa Girardon.

Selbach será premiado com o título: Município que Faz Selbach - O município de Selbach será premiado com o título Município que Faz, no dia 12, em São Paulo. Esse título refere-se ao reconhecimento pelas atividades desenvolvidas em diversas áreas, utilizando como critérios de avaliação indices e estatísticas públicas oficiais, disponibilizadas pelos Ministérios da Saúde, Educação e do Trabalho, pela Firjan e IDH.

Selbach será premiada em São Paulo, na próxima semana


Cidades

ANO 4 - Nº 48 - JULHO 2012

3

Trilha Ecológica é atração na fronteira do Estado A maior parte da trilha de Porto Mauá é em meio à Mata Atlântica e conta com o auxílio da comunidade de Três Bocas Mês de julho é característico pelas férias escolares, da universidade e até do trabalho, com isso o Caderno Panorama inicia nessa semana uma série de reportagens envolvendo pontos turísticos da região. Além de divulgar as atrações turísticas dos municípios, as reportagens irão sugerir locais para que os leitores possam conhecer e ter momentos de lazer e descontração. A primeira reportagem é sobre a Trilha Ecológica de Porto Mauá, localizada no Noroeste do Estado, município fronteiriço. O município de Porto Mauá está localizado na região Noroeste do RS, às margens do Rio Uruguai, fronteira com a Província de Misiones, Argentina. O porto internacional, localizado na sede do município, permite a travessia de veículos e pedestres para a Argentina. A área do município é de 106 km2, com 2.810 habitantes, 70% de origem italiana. Em março de 1998, três líderes municipais e a extensionista do Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar de Porto Mauá participaram de um Seminário de Turismo Rural em Dois Irmãos, com o objetivo de buscar subsídios para a trilha ecológica, devido ao grande potencial de belezas naturais existente no município. A partir disso, foram feitos encontros com as 23 famílias pertencentes à comunidade escolhida (reuniões, excursões, RS Rural, treinamentos de lideranças e cursos), encontros esses promovidos pela Emater, juntamente com a prefeitura municipal, com recursos próprios e municipais, Pronaf e RS Rural. A trilha foi estruturada, o prédio da escola que estava desativado foi ampliado e transformado em restaurante e dois mirantes foram construídos. A trilha está demarcada na terra de três membros da co-

munidade, subindo um morro coberto de mata nativa. A maior parte do percurso é dentro da mata, encerrando na parte alta, em um mirante a 250 metros acima do nível do rio, com vista para o rio e para a Argentina. Do mirante em diante, a trilha segue através de uma descida abrupta por um potreiro até a sede da comunidade de Três

Bocas, onde se encontra o restaurante. Abaixo da sede, foi construído outro mirante a 50 metros do nível do rio. A trilha está localizada na comunidade de Três Bocas, o valor para percorrer a trilha acompanhados de um guia da própria comunidade, é de R$ 2 por pessoa, o agendamento deve ser feito com a Secretaria

de Turismo da prefeitura municipal pelo fone (55) 3545-1146. Pode ser solicitado almoço ou lanche para os visitantes, que também é servido pela própria comunidade, o valor depende do almoço a ser servido. Durante a trilha ecológica são contadas histórias da Bailanta do Sapucay, local de encontro

dos balseiros que desciam o rio com toras de madeira, na década de 50. Havia música e danças a cargo do dono que tinha o apelido Sapucay. Também há passeio de caíco (barco) pelo Rio Uruguai, organizado pelo grupo e tenda para venda de produtos coloniais e artesanato.

A Trilha está localizada na fronteira do Estado

Comunidade de Três BOcas auxilia os visitantes

Grupo de alunos visitam a Trilha Ecológica

Mata Atlântica é a atração principal em Porto Mauá


4

Mundo das Estrelas

ANO 4 - Nº 48 - JULHO 2012

Walcyr Carrasco será novo integrante da novela das 21h Walcyr Carrasco será o novo integrante do exclusivíssimo time dos autores de novelas das 21h da Globo. Ele apresentou uma sinopse, agradou e ela já é praticamente certeza depois de “Salve Jorge”. A novela de Walcyr é uma história contemporânea ambientada num hospital. O autor não tem apenas prestígio na Globo. Ele vem se mostrando um dos mais prolíficos novelistas hoje: emendou “Morde & assopra” com “Gabriela”.

Famosa lá fora Cada vez mais famosa lá fora, por conta do seu trabalho como atriz, a ex-BBB Gyselle Soares foi a entrevistada do programa francês L’Expresso. Na atração, a piauense falou sobre sua carreira, seus projetos e revelou todos os segredos da sua boa forma. Chique, não?

Os Sarmento ficam pobres e vivem situações constrangedoras O conforto dos Sarmento está com os dias contados. A fortuna da família vai por água abaixo depois que Elano (Humberto Carrão) resolve contar a Otto (Leopoldo Pacheco) o golpe planejado por Ernani (Tato Gabus Mendes) e Conrado (Jonatas Faro). Com os bens bloqueados, os Sarmento passarão por situações constrangedoras. A falência pegará de surpresa as mulheres da casa, que não têm culpa. Dívida na mercearia: Sem dinheiro para fazer compras, os Sarmento ficarão devendo até ao Seu Messias (Edeni Giovanazzi). Isadora e Ariela chegarão a brigar por uma goiabada. Novo piscineiro: Com o escritório de advocacia fechado, Conrado ganhará uma nova ocupação: será o piscineiro da casa dos Sarmento. Ajuda de Valda: Valda (Dhu Moraes) vai se sensibilizar com os Sarmento e emprestará R$ 10 para comprar o pó de café.

Desenvolvi outro olhar, me interessou a beleza, diz Gianecchini Gianecchini surge mais bonito do que nunca com os cabelos ao natural, como George Clooney, na revista “RG”. “Viver é uma grande ilusão, não temos controle sobre nada, tudo não passa de uma grande brincadeira. Nada é absoluto”, conta o ator, que pensa em voltar à faculdade.

Dany Bananinha se envolve em confusão em hotel Dani teria se envolvido em uma confusão no Bar do Copa, no hotel Copacabana Palace, Rio de Janeiro, no dia 28 de junho. A assistente de palco do “Caldeirão do Huck” teria ficado com ciúme de um exnamorado que conversava com uma promoter. A modelo então, entrou no meio da conversa e chamou os dois de falsos. Sem querer ouvir o que Dany tinha a dizer, a promoter deu as costas para pegar sua bolsa e saiu andando. A assistente de palco, então, teria dado um soco nas costas da moça.

> SBT com nova versão de Chiquititas Depois do sucesso da nova versão de “Carrossel”, setores do SBT defendem que a emissora compre os direitos e faça uma nova versão de “Chiquititas”. A novelinha de origem argentina teve duas temporadas no SBT, em 1997 e 1998, fez sucesso. No elenco infantil, estavam Jonatas Faro e Fernanda Souza.

> Retorno de Gilberto Barros Com três horas de duração, o programa “Sábado Total” (Rede TV!), apresentado por Gilberto Barros, elevou a audiência da emissora no sábado. A atração, exibida das 14h às 17h, marcou dois pontos de média, com picos de três no horário, a RedeTV! costumava marcar um ponto. Tal resultado, porém, ainda está longe de ameaçar os concorrentes “Programa Raul Gil” (SBT), “Caldeirão do Huck” (Globo) e “Cine Aventura” (Record).

> Programa de Fátima em terceiro O programa “Encontro com Fátima Bernardes” continua patinando na audiência. Na terça-feira, a atração deixou a todo-poderosa Globo em terceiro lugar no Ibope. De acordo com números prévios do instituto, marcou parcos 4,6 pontos (cada ponto equivale a 60 mil domicílios na Grande São Paulo).

>> Malhação

Carmem descobre que Luís Avelar virou cineasta Jefferson revela para Laura que viu Bernardo negociando com bandidos. Carmem encontra Antônio e descobre que Luís Avelar mudou de nome e virou cineasta. Laura discute com Débora e proíbe a filha de ver Bernardo. Gabriel consulta um advogado e constata que não pode impedir Cristal de viajar com Tomás. Todos na Comunidade dos Anjos se organizam sem Moisés. Maria ajuda a promover Betão no campeonato de kung fu.

>> Amor Eterno Amor

Kleber e Priscila se beijam Miriam se afasta de Rodrigo e Clara acorda com a discussão dos dois. Francisco ajuda João a fazer uma pipa e se emociona com o carinho que recebe do neto. Melissa orienta Virgílio a falar para Rodrigo que ele foi cúmplice de Angélica em seu sequestro. Dimas liga para Laura. Kléber e Priscila se beijam. Regina humilha Valdirene. Fernando liga para Miriam e se enfurece quando Rodrigo atende o telefone. Elisa vai até a gruta e Miriam estranha o tom da rival ao falar com ela.

>> Cheias de Charme Otto convida Penha para ir à sua festa Chayene orienta Naldo a fazer uma comida afrodisíaca. Elano fica intrigado ao descobrir que Otto aprovou o orçamento das obras. Socorro descobre o tempero secreto de Naldo. Marisete flagra Elano e Kleiton conversando sobre o esquema na obra de Otto. Brunessa fica intrigada com a suposta afinidade entre os Werneck e os Sarmento.

>> Avenida Brasil Max descobre que Nina é Rita Carminha liga para Nina e exige que ela volte para a mansão. Betânia volta para a casa de Lucinda. Pilar, a mãe de Alexia, chega ao Brasil. Tufão obriga Jorginho a ir para o treino de futebol. Suelen tenta seduzir Roni. Nilo descobre que o anel que Carminha lhe deu é falso e pede perdão a Nina. Max desconfia de Nina e decide ir atrás de Lucinda. Roni se destaca no treino, é elogiado por Tufão e Leandro fica chateado. Carminha reclama da ausência de Nina. Max descobre que Nina é Rita.


Destaque

Vestibular Fagep com inscrições abertas Agora você pode escolher o que melhor se encaixa na sua rotina diária: viajar todos os dias para fazer sua faculdade, ou ir à aula uma noite por semana; demorar 6 anos ou mais para se formar ou receber seu diploma reconhecido pelo MEC em 4 anos; pagar uma fortuna ou até mesmo se endividar, ou pagar uma mensalidade acessível que se encaixa no seu orçamento. A Faculdade Geração Positiva (FAGEP) / Universidade Norte do Paraná (Unopar) traz a você esta possibilidade e está com as inscrições abertas para o processo seletivo de Inverno, o custo da inscrição é de R$ 30 e pode ser efetivada pelo sites: www. unoparvirtual.com.br, www. fagep.com.br ou pela secretaria da instituição pelo polo Ijuí: Rua 25 de julho, 252, centro (próximo a Sogi); ou polo Cruz Alta: Rua Saturnino de Brito

1030 (próximo ao Nacional). Para este vestibular, a instituição está ofertando 10 opções de cursos superiores. Com mensalidades a partir de R$ 207 e aula apenas uma vez por semana, a Fagep vem se destacando pelos seus diferenciais tecnológicos ambiente virtual, biblioteca virtual e a possibilidade que o aluno tem de reassistir as aulas ou realizar os trabalhos e avaliações de acordo com sua disponibilidade.

As inscrições para o vestibular da Fagep/Unopar se estendem até o dia 20 de julho, a prova acontece no dia 21 de julho, sábado às 15h45. O processo seletivo constará de uma redação, sobre temas da atualidade, com duração de duas horas, nos prédios da instituição de acordo com a escolha do candidato: Fagep polo Ijuí, ou polo Cruz Alta. Mais informações pelos telefones: Ijuí: 3332-6770; Cruz Alta: 3322-0222.

CURSOS

Horários

Duração

Administração (Bacharelado)

4 anos 4 anos

221,00

3 anos e ½

207,00

4 anos

261,00

3 anos

244,00

4 anos

221,00

Serviço Social

Terça-feira 19:50 às 22:35 h Quarta-feira 19:50 às 22:35 h Quarta-feira 19:50 às 22:35 h Segunda-feira 19:50 às 22:35 h Quinta-feira 19:20 às 22:05 Terça-feira 19:20 às 22:05

Pgto Até 6º dia útil 221,00

Superior de tecnologia em Processos Gerenciais

Segunda-feira 19:50 às 22:35 h

2 anos e ½

280,00

Superior de tecnologia em Gestão Ambiental

Sexta-feira 19:50 às 22:35 h Segunda-feira 19:50 às 22:35 h Quarta-feira 19:20 às 22:05 h

2 anos e ½

244,00

2 anos e ½

244,00

2 anos e ½

290,00

Ciências Contábeis (Bacharelado) História (licenciatura) Pedagogia (Licenciatura) Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

Superior de tecnologia em Gestão Hospitalar Superior de tecnologia em Estética e Imagem Pessoal

ANO 4 - Nº 48 - JULHO 2012

5 5

Cotrijui investe em tecnologia de produção Durante toda a sua existência, a Cotrijui busca apresentar tecnologia e inovação para potencializar as lavouras de seus associados. Na Cooperativa, a assistência técnica é proporcional às demandas dos seus cooperados. Ela é oferecida diretamente nas propriedades, em dias de campo, reuniões, palestras técnicas, e em programas radiofônicos específicos para o quadro social. O aprimoramento das atividades agropecuárias dá-se através de parcerias com empresas do ramo de agroquímicos, fertilizantes, sementes, universidades e Organizações como Embrapa, Fudacep, Fundação Pró-Sementes, Coodetec, Fepagro, OR Sementes e Emater. Em conjunto com essas instituições, o Departamento Técnico da Cotrijui repassa informações e orientações aos associados quanto às melhores cultivares indicadas, resultados do sistema de rotação de culturas, manejo de pragas, resultado das cultivares de forrageiras, sistema de irrigação de pastagens e densidade das semeaduras. A presença atuante no setor da pecuária de leite é destaque na Cotrijui como uma das principais atividades para a pequena e média propriedade. Na busca constante pela melhoria na produção leiteira, a Cooperativa disponibiliza aos seus

associados assistência técnica veterinária, agronômica, inseminação artificial e financiamento de pastagens e produção de forragens.O resultado de todo esse trabalho auxilia no gerenciamento das propriedades. O desenvolvimento genético e melhoria do manejo nutricional e sanitário dos rebanhos, torna algumas propriedades da sua área de atuação polos referenciais na produção leiteira. A cadeia de produção de suínos na Cotrijui também tem destaque.Tem início na produção de matéria prima, para fabricação de rações que são destinadas a um plantel de matrizes próprias em granjas, para aprodução de leitões, os quais são fornecidos aos produtores para terminação em sistema de parceria. O controle sanitário e o manejo nutricional das parcerias são feitos por uma equipe de médicos veterinários e técnicos agrícolas, que fornecem assistência e acompanhamento técnico diretamente nas propriedades. A terminação destes leitões é feita por associados, que são entregues para abate no frigorífico da Cotrijui, localizado no município de São Luiz Gonzaga/ RS. No frigorífico são produzidos cortes e embutidos que são comercializados nos mercados interno e externo. Cotrijui 55 anos, Nada Supera a Força de Quem Produz.

(Valores válidos para pagamentos até o 6º dia Útil) Através de dias de campo, a Cotrijui busca potencializar as atividades


6

Geral

ANO 4 - Nº 48 - JULHO 2012

Portal das Colonizações é entregue à comunidade No sábado foi realizado também o 2º Simpósio sobre as colonizações Meyer, Von Lassberg e Faulhaber

Santa Rosa terá nova hidrelétrica A Cooperativa de Geração de Energia e Desenvolvimento (Cooperluz) atua há 43 anos na região com a distribuição de energia e, desde maio de 2007, na geração. A Pequena Central Hidrelétrica Bela União, que será construída no rio Santa Rosa, terá capacidade de produção suficiente para abastecer até 3,5 mil famílias por um mês. O projeto foi apresentado na última semana, durante reunião de conselhos de núcleos da cooperativa. O lago da nova PCH deverá ocupar área de 9,6 hectares. Devido ao impacto da obra, a cooperativa já fez a reposição de 6

mil mudas de árvores. A previsão de início dos trabalhos é para agosto, com prazo de término de um ano. No auge da obra, a ser realizada por uma empresa de Curitiba, o investimento deverá gerar até 80 empregos diretos. A Cooperluz atua em 11 municípios da região, sendo que 80% do mercado localiza-se na zona rural. As atividades abrangem, além da geração e venda, a compra de energia no sistema e a distribuição para as cidades. O presidente da cooperativa, Querino Volkmer, diz que a energia gerada pela PCH Bela União será inserida no sistema nacional e comercializada por empresas.

Simpósio foi realizado junto à entrega do Portal

Panambi - No dia 23 de junho, o Portal das Colonizações, construído na Praça Engenheiro Walter Faulhaber em Panambi foi entregue à comunidade. Esta obra serve como materialização histórica da colonização do município e que partiu de estudos realizados pelo pesquisador Ivo Beuter e que levantou importantes fatos que compõem a história de outros nove municípios gaúchos e seis catarinenses. Autoridades e historiadores entraram em acordo que Panambi

foi realmente o berço das colonizações de suas cidades e que isto deveria ser uma referência para a antiga Colônia Neu Württemberg. Com isso, a administração de panambi determinou a construção do marco histórico que foi entregue à comunidade. Delegações de diversos municípios participaram da cerimônia: Mondaí/SC, Santa Bárbara do Sul, Pejuçara, Condor, Erval Seco, Cruz Alta, Tunápolis/SC, São João d’Oeste/SC, Salvador das Missões, São Pedro do Butiá,

Roque Gonzales, Santo Cristo e Chapada. Foi realizado também neste sábado no Centro Cultural 25 de julho o 2º Simpósio sobre as Colonizações Meyer, Von Lassberg e Faulhaber, que além de originar a criação do município de Panambi, contribuíram também para a formação de mais de 18 outros municípios. Durante a inauguração do Portal foi realizado o plantio de dois álamos, para atender quanto a preocupação dos ambientalistas.

Hospital Regional Unimed Missões é inaugurado Após quatro anos e meio do início das obras, a construção do Hospital Regional Unimed Missões/RS, idealizado há mais de 30 anos, torna-se realidade com a sua inauguração no dia 30 de junho de 2012. O Hospital é um dos grandes investimentos da área da saúde no Estado do Rio Grande do Sul e será um dos maiores hospitais do Sistema Unimed, transformando a região missioneira em um polo de referência em saúde. Associando modernos conceitos de arquitetura, o Hospital Regional contará com mais de

10 mil m2 de área construída, contemplados em seis pavimentos, com Laboratório, Pronto Atendimento de Urgência, SOS Emergência, Bloco Cirúrgico, três alas de Internação, Radiologia, Farmácia, área administrativa, serviços de apoio entre outros. Foram investidos nesta primeira etapa, mais de R$ 20 milhões, subtraídos totalmente de recursos próprios e de seus cooperados, que descontaram mensalmente 10% de seus honorários para a realização da obra. A projeção é de que o Hospi-

tal atenda um público estimado em mais de 30 mil usuários e gere renda também para várias áreas, como comércio, hotelaria, transporte, alimentação entre outros setores. Além disso, serão aproximadamente criados 500 novos postos de empregos diretos e mais mil indiretos, já que movimentará vários setores da economia local e regional. Segundo o projeto, o Hospital abrigará 80 leitos, porém, no início, a capacidade será reduzida e aumentada gradativamente conforme a necessidade e demanda de clientes.

PCH deverá ocupar área de 9,6 hectares

Unijuí instala unidade da Criatec em Panambi Em evento realizado na última semana foi oficialmente criada e instalada a Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica – Unidade de Panambi. O evento, coordenado pela Unijuí/Campus Panambi, foi realizado na prefeitura, com a presença de representantes da Universidade e lideranças dos diversos segmentos envolvidos com o projeto. A Unidade de Incubação da Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica da Unijuí no Campus Panambi terá como objetivo fomentar ações e apoiar a formação e a consolidação de microempresas e empresas de pequeno porte, em demandas de interesse da Universidade e da região, nos setores tecnolo-

gicamente inovadores e capazes de promover o desenvolvimento da região, aumentando a renda e criando novas oportunidades de trabalho. A Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica - Criatec apoiará empreendedores interessados em criar e consolidar empresas orientadas á inovação tecnológica, por meio de permissão de uso e compartilhamento de área física (quando a incubação for interna), da infraestrutura e dos serviços, conforme regulamento específico. Ao Conselho Consultivo, instalado no evento, caberá, dentre outras atribuições, a elaboração do planejamento estratégico e o planejamento anual da Incubadora de Panambi.


Agenda Cultural

Município realiza 44ª Festa do Colono e Motorista Festa terá como atração o desfile dos carros, que neste ano espera-se superar o ano passado Tuparendi - Neste ano, a Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB), de Tuparendi, realizará a sua 44ª Festa do Colono e Motorista, no dia 22 de julho de 2012. No ano passado foi realizada uma das maiores festas da sua história, onde desfilaram 316 veículos e servidos 1.280 almoços. A programação já está definida: às 9h culto, às 10h desfile, meio-dia almoço, à tarde animação com a Banda Municipal de Salvador das Missões, a partir das 15h reunião dançante animada pela Banda Choppão e sorteio da Ação Entre Amigos, sendo que os três primeiros prêmios serão em dinheiro, R$ 3 mil R$ 1,5 mil e R$ 500 respectivamente. Aos condutores de veículos será cobrado somente R$ 8 pelo almoço. Neste ano, todos deverão trazer pratos e talheres para o almoço.

7

A peça do casamento chega a Santa Rosa No dia 10 de julho, o Arte Sesc – Cultura por toda parte leva a Santa Rosa o espetáculo carioca A peça do casamento. A apresentação acontece às 20h, no Teatro Sesc Santa Rosa. Com direção de Pedro Brício, atuação de Guida Vianna (Rede Globo) e Dudu Sandroni, a montagem aborda a história de um casal que vai da negação à aceitação do sentido trágico que há na vida a dois. A peça começa quando Jack chega mais cedo do trabalho e surpreende Gillian com a notícia de que vai deixá-la. Ela quase não responde, pois está imersa na leitura de seu diário que escreve há 30 anos. Como Gillian não reage da forma esperada por

Jack, inicia-se ali um duelo que se mantém até o inesperado final. A classificação etária do espetáculo é de 12 anos. Guida Vianna foi ganhadora do Shell 2004 de melhor atriz por Nada de pânico e coleciona indicações aos principais prêmios nacionais desde o início de sua carreira no teatro, nos anos 80. Recentemente participou da novela Fina Estampa, da Rede Globo. Já Dudu Sandroni, em 25 anos de carreira, foi coordenador artístico do Centro de Demolição e Construção do Espetáculo, dirigido por Aderbal Freire-Filho, além de receber o Prêmio Mambembe 1988 de melhor diretor e o Mambembe 1998 de personalidade.

No ano passado 316 veículos participaram da festa em Tuparendi

Após triagem, músicas para Coxilha podem ser conferidas Cruz Alta - Na última semana foi concluída a triagem das músicas que farão parte da 32ª Coxilha Nativista. Para o coordenador da Coxilha Nativista e secretário de Cultura de Cruz Alta, Alex Della Méa, esse é mais um exaustivo trabalho. “A triagem é o trabalho mais difícil do festival, pois no caso da Coxilha Nativista foram quase 900 músicas inscritas em que tem que se ouvir todas para fazer uma triagem, selecionar 16 para a fase geral, 10 para a fase local e depois as 24 da Coxilha Piá, em três categorias”, destaca. Já foram anunciados os classificados e agora estão sendo montadas as duas grades de apresentação, tanto da fase local, quanto da fase geral e também da Coxilha Piá. “A grade de apresentação deve ficar pronta no final desta semana”, revela Alex. O Festival acontece de 25

ANO 4 - Nº 48 - JULHO 2012

a 28 de julho. “Por enquanto estão sendo comercializadas as mesas, que é o espaço mais VIP que tem no Festival e custa R$ 200 para as quatro noites, este é o pacote, com 16 ingressos, quatro ingressos por noite”, afirma. Ele lembra que na primeira semana de vendas foram vendidas mais da metade das mesas, que re-

presentam um total de 100. Os ingressos serão comercializados por R$ 5 cada noite, a partir do dia 15 de julho, na secretaria de Cultura. As músicas selecionadas podem ser conferidas pelo site www.coxilhanativista.com.br onde estão todas as listagens das classificadas.

Triagem de 900 músicas foi realizada na última semana

Guida Vianna e Dudu Sandroni vivem a história de um casal em teatro

Hortigranjeiros realizará Feira da Terneira Santa Rosa - O 29º Encontro Estadual de Hortigranjeiros terá durante o evento uma das atrações permanentes: a Feira da Terneira. A feira já é tradicional durante várias edições do Hortigranjeiros e seu principal objetivo é a comercialização dos animais. Nessa feira estarão expostos 240 animais, sendo estes, terneiras e novilhas de produtores rurais e agricultores familiares de Santa Rosa e região. “Nossa expectativa é a comercialização de todos os animais e também a abertura de canais de distribuição direta com os produtores que estarão expondo os animais. Desta forma, a Feira torna-se referência na região para então, num futuro próximo, podermos realizar a

feira em outros municípios também”, ressalta Flavio Fagonde, assistente técnico regional na área de bovinos de leite da Emater. A Feira da Terneira estará durante o Hortigranjeiros no Pavilhão de Animais no Parque de Exposições Alfredo Leandro Carlson, durante os dias 8 a 12 de agosto. De acordo com o presidente do 29ª Hortigranjeiros, Adenir Bortoli, a Feira da Terneira é uma das diversas atrações que estão sendo preparadas para o encontro. O 29ª Hortigranjeiros, que tem entrada gratuita, é promovido pela prefeitura de Santa Rosa, Associação dos Produtores de Hortigranjeiros de Santa Rosa e Emater/RS-Ascar.


ANO 4 - Nº 48 - JULHO DE 2012

Estado aposta em campanha educativa para uso de sacolas Se o RS adotasse a medida de eliminar sacolas, cada família gaúcha seria onerada em R$ 15 mensais na aquisição de sacos para lixo Enquanto as sacolas plásticas voltam a ser distribuídas, após decisão judicial, pelos supermercados de São Paulo, o varejo gaúcho busca a construção coletiva de uma solução que não prejudique os consumidores e que diminua os danos ao meio ambiente. Ontem, a Associação Gaúcha de Supermercados, o Ministério Público do Estado e a Federação do Comércio de Bens e de Serviços do Estado do RS (Fecomércio-RS) assinaram termo de cooperação que deflagra a campanha educativa Sacola Bem Utilizada Ajuda o Meio Ambiente. Com a iniciativa, uma série de ações voltadas ao uso consciente e à redução do consumo das sacolas plásticas projeta poupar 300 milhões de unidades, em seis meses, no varejo gaúcho. A decisão de não eliminar imediatamente as sacolas do comércio foi construída a partir

de debates, seminários, pesquisas e reuniões promovidos pelas entidades realizadoras da campanha nos últimos dois anos. “Em 2011, uma pesquisa do Instituto Segmento apontou que 81% dos gaúchos eram contrários ao fim imediato das sacolas plásticas. Este posicionamento foi endossado pelo Movimento das Donas de Casa do RS e por diversos estudos de opinião levantados neste período, e por isso propusemos esta diminuição gradativa no uso deste material”, destaca o presidente da Agas, Antônio Cesa Longo. Mesmo reconhecendo como válida a intenção da Associação Paulista de Supermercados (Apas) ao eliminar as sacolas plásticas do varejo paulista, Longo afirma que, se o Rio Grande do Sul adotasse a mesma medida, cada família gaúcha seria onerada, em média, em R$ 15 mensais para a aquisição de sacos plásticos de lixo. Atualmente, os supermer-

cados gaúchos gastam R$ 190 milhões para a aquisição de 1,5 bilhão de sacolas plásticas por ano. Com previsão inicial de seis meses de duração, a campanha Sacola Bem Utilizada Ajuda o Meio Ambiente que buscará uma redução de pelo menos 20% no total de sacolinhas utilizadas pelo varejo gaúcho no período. “Somente nos supermercados, isto significará 300 milhões de sacolas a menos”, explica Longo, que defende o uso de ‘ecobags’, caixas de papelão e carrinhos de compras como alternativas, mas não soluções definitivas. Com a iniciativa, os supermercados e o comércio gaúcho deverão estampar, a partir do final do mês, o selo educativo Sacola Bem Utilizada Ajuda o Meio Ambiente em todas as embalagens plásticas distribuídas. Além disso, caberá aos cooperantes a divulgação, a conscientização e o treinamento dos associados e filiados.

Agricultura familiar é beneficiada com R$ 13 milhões Diversos municípios do Rio Grande do Sul tiveram nessa semana a confirmação do repasse de R$ 13 milhões do governo estadual. O Executivo estadual concretizou 170 convênios referentes à Participação Popular e Cidadã (PPC), e às áreas de irrigação e infraestrutura rural. O objetivo é beneficiar o meio rural, especialmente a agricultura familiar. Os valores são direcionados aos programas Leite Gaúcho, Agroindústria Familiar - Sabor Gaúcho e Apoio às Comunidades Indígenas. Em um programa de irrigação do Estado, a proposta é a construção de açudes, cisternas e sistemas de irrigação. O secretário estadual de Desenvolvimento Rural, Ivar Pavan, diz que estes convênios são destinados a agricultores familiares e indígenas. “Esse apoio, por meio da adminis-

tração desses municípios, vai permitir que as comunidades explorem seu potencial de desenvolvimento.”

Ivar Pavan

Ano Internacional das Cooperativas estimula debates Em uma definição clássica, poucas palavras representam tão bem a ideia de ação coletiva quanto cooperação. Segundo a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), cooperativa é uma associação autônoma de pessoas que se unem, voluntariamente, para satisfazer aspirações e necessidades econômicas, sociais e culturais comuns, por meio de uma empresa de propriedade coletiva e democraticamente gerida. Mas, mais do que uma entidade, o cooperativismo é um modelo de desenvolvimento com princípios estabelecidos, que preza a sustentabilidade, bem-estar e prosperidade de uma população.

Geograficamente, os Estados de São Paulo, Minas Gerais, Bahia e Rio Grande do Sul ocuparam em 2011 os primeiros lugares na quantidade de cooperativas. Em número de cooperados, além desses, Santa Catarina também se destaca no ranking brasileiro. As imigrações europeias, especialmente a italiana e a alemã, impulsionaram a cultura do cooperativismo no Brasil, especialmente no Sul e Sudeste. Nessas regiões, segundo informações do governo e das entidades representativas, estão localizadas cooperativas consideradas modelo em gestão. Conforme o presidente da Organização das Cooperativas

Brasileiras, Márcio Lopes de Freitas, Norte e Nordeste não possuem essa cultura calcada, especialmente na área agrícola. “No Nordeste o cooperativismo urbano, e não rural, vem se desenvolvendo, especialmente no setor de crédito”, comenta. Dar visibilidade e apoiar a profissionalização das cooperativas são metas do governo no ano internacional dedicado ao setor. “O Estado não pode intervir nas cooperativas. Então, nossa função é apoiar e estimular ações através do fomento”, explica a diretora substituta do Departamento de Cooperativismo e Associativismo (Denacoop), Vera Lúcia de Oliveria Daller.

O cooperativismo é um modelo de desenvolvimento

Panorama 05.07.2012  

Edição do Panorama Regional do JM

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you