Issuu on Google+

www.jmijui.com.br

CANOLA

Planta contribui para a rotatividade de culturas Pág. 8 Ijuí, Quarta-feira, 24 de julho de 2013

Ano 40 - Nº 58

R$ 2,00

Caixa vai retomar 15 apartamentos de famílias por fraude

Tentativa de venda e aluguel dos imóveis estão entre as principais irregularidades constatadas. Pág. 3

Após denúncias de irregularidades envolvendo as unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida em Ijuí, a Caixa Econômica Federal deu início ao processo burocrático de reintegração de posse dos imóveis. Pág. 3

Devolução dos imóveis deve iniciar no mês de agosto

ECONOMIA

Criação de empregos é a pior em quatro anos

Fraudes foram detectadas nos Condomínios Júlio Taube e Minha Casa

REALIDADES EXPOSTAS PELO FRIO

Pesquisa do Ministério do Trabalho mostra queda de 21,1% frente ao mesmo período de 2012. Pág. 5

ATO MÉDICO

Deputado critica vetos Osmar Terra (PMDB-RS) apoia exclusividade de médicos para diagnósticos e prescrição de receitas. Pág. 9

PRECATÓRIOS

Mais de 40 mil esperam pelo pagamento Mesmo com o Estado pagando o dobro do desembolsado em 2012, o valor ainda é insuficiente para reduzir a dívida total, que só aumenta. Pág. 5

Capa_.indd 1

No bairro Getúlio Vargas, família de cinco pessoas vive numa casa de apenas três cômodos, sem forro. Vento gelado que entra pelas frestas intensifica o frio do inverno, que teve temperaturas negativas nesta semana. Pág. 3

24/07/2013 09:07:55


2

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

Radar

Jornal da Manhã

Curtas JM

Indicadores

Velocidade da internet - O Brasil perdeu quatro posições no ranking mundial de velocidade média de internet no primeiro trimestre deste ano, na comparação com os três meses anteriores. No período, a taxa média cresceu 4,4% e atingiu 2,3 Mbps (megabits por segundo), mas o país caiu do 69º para o 73º lugar, segundo estudo que será divulgado hoje pela Akamai, dona de uma rede com 110 mil servidores. A taxa de conexão no Brasil também ficou abaixo da média global, que foi de 3,1 Mbps. A líder Coreia do Sul registrou 14,2 Mbps --foram pesquisados 177 países. Crescem os inadimplentes - A média mensal de contatos com inadimplentes feitos por empresas de cobrança registrou alta de 3,5% neste ano, de acordo com dados do Igeoc (que reúne companhias especializadas em recuperação de crédito). O envio de mensagens cresceu 4,58% em 2013. Atualmente, são necessários cerca de quatro contatos com os consumidores para se ter um retorno. O momento econômico do país, de crescimento baixo, não favorece as empresas de cobrança, segundo Blanco. Em épocas de crise, a inadimplência é maior, mas também é mais difícil conseguir receber dos devedores. Economia patina, mas consórcios crescem - Enquanto a economia brasileira patina, um setor não tem do que se queixar. É o de consórcios, que registrou alta de 9,6% no total de participantes, no primeiro semestre em relação ao mesmo período do ano passado. Foram quase 1,3 milhão de novas adesões e mais de 600 mil contemplações. Com R$ 40,8 bilhões em negócios no semestre passado, 6,8% mais que os R$ 38,2 bilhões dos primeiros seis meses de 2012, um dos destaques foi o de imóveis. Somente no primeiro trimestre, por exemplo, o segmento respondeu por 14,97% de média nacional dos negócios com parcelamentos.

Poupança 23.07.2013.................................0,5% TJLP Julho/2013......................................5,00% Ouro 22.07.2013............................R$ 96,00(gr) Dolar Comercial (compra)....................R$2,2350 Dolar Comercial (venda) ....................R$2,2360 Dolar turismo (compra) . .....................R$2,1370 Dolar turismo (venda)..........................R$2,3400 Euro (compra) ....................................R$2,8400 Euro (venda) .......................................R$3,0530 IPC/FIPE Junho/2013...............................0,32 % IGPM/FGV Junho/2012............................ 0,75% INPC/IBGE Junho/2012.............................0,28% IPCA/IBGE Junho/2012.............................0,26%

Proteção contra geada- Algumas pessoas, além de se proteger do frio intenso, também protegem as plantas da geada que ainda não foi forte em Ijuí, mas com a previsão de mais frio, muitos estão se preparando e optam em cobrir as plantas de seu jardim, para que não morram. Para isso, usam panos e papelões para cobrí-las.

Pouca arrecadação - O governo federal deixou de arrecadar R$ 35 bilhões no primeiro semestre devido a reduções de impostos, "desonerações", soube-se ontem. Extrapolando para o ano, dá pouco mais do que o equivalente a 1,5% do PIB. Com esse dinheiro no caixa, o deficit federal cairia a 0,2%. Quase zero. Claro, se o governo não tivesse baixado impostos, o crescimento do PIB talvez fosse ainda menor neste 2013; a receita seria, pois, talvez, ainda menor. A coisa toda é enrolada. Essa conta serve ao menos para indicar que o governo federal não tem estado longe do deficit zero. Isto é, gastar apenas o que arrecada, ter um Orçamento equilibrado, não é nada impossível. Inflação X devolução de cheques - O percentual de cheques devolvidos no primeiro semestre cresceu para 2,08% do total compensado ante taxa de 2,07% no mesmo período de 2012. O índice foi o maior apurado para uma primeira metade de ano desde 2009. A inflação mais alta explica esse cenário, pois diminui o poder de compra do trabalhador, cuja renda já está comprometida com prestações. A falta de planejamento nos financiamentos, nas compras parceladas com cheques pré-datados, mais difíceis de se renegociar, são outros fatores que explicam o resultado.

p2.indd 1

UPF/RS 2013......................................R$ 13,742 *valores acima de R$ 300,00

Taxa Selic %

Getúlio

Recursos para o Turismo - O Ministério do Turismo divulgou ontem, a destinação de R$ 19 milhões reservados para a implantação de sinalização turística em 34 destinos históricos de 17 estados de todas as regiões brasileiras. O objetivo é tornar a comunicação dos destinos adequada aos padrões internacionais. A sinalização turística ficou entre os itens com as menores avaliações positivas, de acordo com pesquisas realizadas pelo Ministério do Turismo durante a Copa das Confederações. No ano passado, o MTur destinou R$ 38,5 milhões para equipar as cidades-sede da Copa do Mundo de 2014 com sinalização turística. INSS - Começa amanhã, o pagamento da folha de julho dos segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Aqueles que recebem até um salário mínimo e possuem cartão com final 1 terão os depósitos liberados nessa data. Os que recebem acima do mínimo, terão os depósitos liberados a partir de 1º de agosto.

IGP-DI-FGV Junho/2013............................0,76%

MÊS

TAXA

IRPF

DEZEMBRO 2012

0,55

2,09

JANEIRO 2013

0,60

1,49

FEVEREIRO 2013

0,49

1,00

MARÇO 2013

0,55

ABRIL 2013

0,61

MAIO 2013

0,60

JUNHO 2013

0,61

Loterias

1º - 9.578 2º - 9.050

Observatório “O governo diz que vai economizar R$ 2,5 bilhões em conta de subsídios, por exemplo, que inclui a diferença de taxa de juros que o Tesouro paga aos credores e aquilo que recebe dos devedores. Isso parece mais um postergação de gastos do que uma redução efetiva de custos", disse o economista da Tendências Consultoria Felipe Salto sobre o anúncio do governo federal em cortar R$ 10 bi no orçamento do Páis. "Obrigado! Obrigado! Obrigado a vocês todos e a todas as autoridades pela magnífica acolhida em terra carioca!", escreveu o Papa Francisco em seu Twitter na noite de segunda-feira. "O caixa 2 é o financiamento ilegal e pode acontecer em qualquer sistema. A melhor forma de coibir isso é ter campanhas mais baratas, porque aí ele vai se tornar visível. Hoje, as campanhas são tão caras que, se aparecerem R$ 300 mil a mais, mal se percebe. ", Guilherme Simões Reis, professor de Ciência Política da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro ao falar sobre o financiamento de campanhas eleitorais que é um dos temas mais controversos da proposta de reforma política.

3º - 7.304 4º - 8.818 5º - 8.906

QUINA - CONCURSO nº 3246 35 39 51 74 80 DUPLASENA- CONCURSOnº 1196 1º FAIXA

02 10 29 39 44 48 2º FAIXA

23 24 29 32 41 46

"O parlamentar quer mais atenção do governo, quer mais participação porque quer o prestígio de entregar uma obra, mostrar seu trabalho. Quer o ônus e o bônus",", disse Eliseu Padilha, presidente da Fundação Ulysses Guimarães sobre o fato de o PMDB querer manter a aliança com a presidente Dilma Rousseff em 2014.

24/07/2013 08:49:25


Geral

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

3

Beneficiários terão que Frio evidencia devolver apartamentos problemas de habitação em Ijuí MINHA CASA, MINHA VIDA

Denúncias envolvendo os condomínios habitacionais populares do Programa Minha Casa, Minha Vida voltam à pauta. Dessa vez, o próprio gerente-geral da Caixa Econômica Federal (CEF) de Ijuí, João Carlos de Almeida, é quem conta que em torno de 15 famílias passam por processo de reintegração de posse, devido a identificação de irregularidades envolvendo os apartamentos no município. A principal fraude está relacionado à venda. “Nós já temos casos de denúncias comprovadas de pessoas que venderam seus apartamentos, ou que alugaram, ou que não estão morando no apartamento", revela o gerente. "A pessoa assina um contrato comprometendo-se a morar nesse imóvel, no mínimo, por 120 meses, que é o prazo do financiamento". Para definir os beneficiados do programa a Caixa confere os

comprovantes de renda, como contracheque e fundo de garantia e se não há outro imóvel em nome da pessoa, através de uma negativa do Registro de Imóveis de Ijuí. No entanto, João Carlos ressalta que o fato dos cartórios não serem interligados podem ocorrer omissão de informações, e a Caixa não tem como solicitar uma negativa em cada município. "A pessoa pode ter um imóvel no nome do filho, do pai, por exemplo. Sempre que houver qualquer programa social sempre terá pessoas tentando burlar o sistema", lamenta João Carlos. Após, a CEF valida as informações e o beneficiário assina um documento comprometendose com a Instituição de não desfazer-se do imóvel pelo prazo de 10 anos. "Quando existe uma comprovação de irregularidade, é encaminhado pela Secretaria à CEF, onde inicia-se o procedimento para retomada. Nós temos em Ijuí 15 imóveis em processo

DURA REALIDADE

João Carlos de Almeida

final de retomada", conta João Carlos, ressaltando que são alguns no Condomínio Julio Taude e outros no Minha Casa. Ele destaca que ainda não aconteceu nenhuma reintegração de posse devido à demora do processo. "É burocrático. Mas, estão em andamento. Provavelmente, durante o mês de agosto teremos algumas retomadas", frisa. Ele revela ainda que já ocorreram distratos amistosos, de pessoas que não gostaram dos apartamentos e realizaram a devolução.

Os critérios do programa são estabelecidos pelo governo federal e também municipal CONDOMÍNIOS Os principais critérios estabelecidos pelo governo federal para ter acesso ao Programa Minha Casa, Minha Vida - Faixa 1, do qual fazem parte os condomínos Julio Taude e Minha Casa, é a renda familiar de no máximo R$ 1,6 mil e não ter sido beneficiado de outros programas habitacionais

de governo. "Para inscreverem-se, eles vão até a Secretaria de Habitação. A prefeitura por sua vez, através de documentação, busca ver se a pessoa realmente encaixa-se nos critérios. Após a verificação, junta e encaminha à CEF que faz a validação dos dados através de uma pesquisa no sistema informatizado, pra ver se essa renda

Com a chegada do frio, vêm à tona os principais problemas de moradia dos municípios. No bairro Getúlio Vargas, vivem algumas das famílias com maior dificuldade. A moradia de Maria Cristina dos Santos é um dos principais exemplos. Em apenas três cômodos – um quarto, uma cozinha e um banheiro – moram Maria Cristina, seu esposo e três filhos do casal: uma menina, de 13 anos e dois meninos, de dois e seis anos. Não há mais espaço para colocar o berço de Vitória, a quarta filha do casal, que deve chegar ainda neste mês. Nos três cômodos, frestas de mais de cinco centímetros permitem a entrada de um vento gélido. Na manhã de ontem, quando as temperaturas marcavam 5ºC, as crianças estava embaixo das cobertas. “É a única forma de manter os meus filhos aquecidos. Não há espaço para colocar um fogão”, revela Maria Cristina, acrescentando que os buracos do

telhado também são um problema em dias de chuva. “Só em cima da cama, são seis goteiras”, conta. Morando há dois anos no bairro, Maria Cristina conta que já solicitou várias vezes às autoridades uma nova moradia. Mas ainda não obteve resposta. Ela conta que agora, com o frio, também precisa de cobertores e agasalhos para as crianças. A residência de Raquel da Luz, que vive com seus quatro filhos - duas meninas, de 12 e 10 anos e dois meninos, de 15 e 3 anos - numa casa com dois quartos, uma cozinha e um banheiro, pelo menos tem um fogão a lenha, com o qual consegue manter aquecidas as crianças nos dias de frio. Mas, assim como a casa de Maria Cristina, a de Raquel também não tem forro. “O quarto do guri é de zinco”, conta a mãe, dizendo que mora no local há seis anos. “Já fui inscrita em quatro projetos diferentes. Mas me chamaram na Habitação para dizer que neste ano não tem material para construir”, finaliza.

confere com o valor ou não. Após a validação volta para a prefeitura fazer a contatação da pessoa para que ela seja beneficiada", explica João Carlos. O Executivo, por sua vez estabelece critérios como residir no município no mínimo cinco anos e a realização de um trabalho técnico social com as famílias para validação do benefício.

Escola Fazenda pode estar PIS começa a de mudança para o Santana ser pago até IMEAB O prefeito em exercício Ubirajara Teixeira já solicitou à Secretaria Municipal de Educação (Smed) e à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Semdec) um estudo sobre a viabilidade técnica e a possibilidade de transferir a Escola Fazenda do Imeab para o antigo Instituto Municipal de Menores, no Distrito de Santana, que hoje pertence a um grupo de associados. “Temos conversado com os proprietários que em vários momentos levantaram a possibilidade de doar aquela área ao município, desde que seja feito um projeto relevante", revela Teixeira. A área pertencente a Escola atualmente é de 25 hectares, e o novo local tem em torno de 19 hectares. Sobre essa redução

p3_new2_materia_meia_pg.indd 9

na área, o prefeito em exercício acredita que não será um empecilho já que não é a extensão da área que vai dizer se o ensino tem qualidade ou não". Teixeira ressalta que a mudança de local abre a possibilidade no ponto de vista econômico para o município, tornando-se um novo Distrito Industrial com a instalação de empreendimentos futuros, gerando trabalho e renda. Além disso, segundo ele, o espaço do Parque de Exposições Wanderley Burmann necessita ser ampliado pela quantidade de público que atrai e o quanto isso significa em investimentos no município. "Quem acompanha a realização da Expo-Ijuí sabe que existe um estrangulamento do Parque, que exige a ampliação em sua extensão, o que vai atrair mais investidores e mais movimentação econômica", frisa.

30 de junho BENEFÍCIO

A Caixa Econômica Federal iniciou ontem o pagamento do Programa de Integração Social (PIS) aos trabalhadores com direito a saque do benefício no exercício 2013/2014. Até 30 de junho de 2014, data de encerramento do novo exercício, 19,4 milhões de trabalhadores terão direito ao abono salarial, e mais de 26,5 milhões poderão receber os rendimentos do PIS. Hoje, o benefício está disponível para trabalhadores que têm conta-corrente ou poupança na Caixa. Segundo o banco, empresas conveniadas ao Caixa PIS-Empresa creditam o benefício diretamente na folha de pagamento dos meses de julho ou agosto. Os benefícios ficarão disponíveis até 30 de junho de 2014.

Grávida de oito meses, Maria não tem um lugar para colocar o berço do bebê

Representante da ACI participa do 4º Conexsul EM PORTO ALEGRE O 4º Conexsul, Congresso de Executivos das Associações Empresariais do Extremo Sul, promovido pela Câmara de Indústria e Comércio de Garibaldi, com apoio da CDL e Sebrae, aconteceu no último final de semana. O diretor executivo da Associação Comercial e Industrial de Ijuí, Romeu Etgeton, esteve presente. Segundo ele, o congresso discutiu o papel das associações empresariais. “O evento foi o momento de troca

de experiências entre os participantes e ofereceu a possibilidade de conhecer os projetos desenvolvidos em outras entidades”, salientou. Durante dois dias também foram debatidas novas ações para a manutenção e crescimento das organizações. Representantes de entidades do Rio Grande do Sul e Santa Catarina participaram do Congresso. As palestras trataram sobre marketing nas instituições, motivação para liderar mudanças, a arte de encantar e vender, empreendedorismo, inovação e etiqueta empresarial.

24/07/2013 09:27:34


4

Geral

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

Inverno tem a primeira temperatura negativa NA REGIÃO A região registrou, na manhã de ontem, a primeira temperatura negativa do ano: -1,6, segundo dados do Irder. Outros municípios da região também registraram temperaturas negativas. Moradores de Jóia, inclusive, afirmam que nevou na cidade, por volta da 1h30 da madrugada. De acordo com a professora de agrometeorologia da Unijuí, Cleusa Bianchi, essa intensa onda de frio já era prevista há mais de 15 dias. “As baixas temperaturas são muito normais nessa época do ano, principalmente se aproximando do último mês do inverno”, destaca, acrescentando que em Ijuí, a sequência de baixas temperaturas, como as dessa semana, não ocorria há mais de cinco anos. Segundo Cleusa, as temperaturas devem continuar baixas até amanhã e, a partir do final de semana, podem elevar-se um pouco mais. “Mas as máximas não devem ficar acima dos 15ºC ou 20ºC”, observa. Além de episódios de neve e geada, o Estado do Paraná registrou ocorrência de geada negra, o que não acontecia há 30 anos. De acordo com a professora, a geada

Jornal da Manhã

Secretários municipais de Saúde posicionam-se a favor do Mais Médicos NO ESTADO

Temperatura negativa deixou as plantas cobertas pela geada. No detalhe, gelo acumulou-se sobre a madeira

negra não se caracteriza pela formação de gelo sobre as plantas, mas é causada por um vento muito seco, com temperaturas bastante baixas. “Dá um efeito de geada nas plantas, mas não se forma gelo sobre elas, sendo muito mais prejudicial para as plantas”, explica.

Com as baixas temperaturas desta semana, a ocorrência de neve foi confirmada em vários municípios pelas estações meteorológicas, dentre eles Caçapava do Sul, Canela, Canguçu, Encruzilhada do Sul, Erechim, Gramado, Itaara e Lavras do Sul. Em Santa Rosa, fez -5,3ºC.

Mais de 600 gestores de Saúde do Estado participaram ontem do Congresso das Secretarias Municipais de Saúde 2013 para o lançamento no Estado do “Programa Mais Médicos, Mais Saúde” do governo federal, na oficina Estadual de Mobilização ao Programa Mais Médicos. Eleonora Menicucci, ministrachefe da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República, esteve presente no evento. O presidente do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Sul, Arilson Cardoso, disse que o assunto de um programa que incentivasse a adesão de médicos para atuar na Atenção Básica do Sistema Único de Saúde (SUS), inclusive com a possibilidade da vinda de profissionais de fora do País, vem sendo discutido pela entidade desde a edição do Congresso do Cosems/RS realizado em Bento Gonçalves no ano de 2011. Cardoso disse, também, que se o programa conseguir estruturar as equipes multidisciplinares dos

municípios, com a alocação de mais médicos, o governo federal precisará estar atento para uma demanda adormecida. Ao apresentar o programa, a ministra Eleonora Menicucci falou que a iniciativa nasce à luz da reivindicação da fixação de médicos no Interior do País e que essa demanda não pode esperar. “Como resolver esta questão? Sabemos que não é fácil. Queremos construir um programa que foque direto neste ponto e que comece agora. É por isso que o Mais Médicos, Mais Saúde vem em forma de Medida Provisória (MP)”, expõe Eleonora. Desta forma, agora o programa vai para debate no Congresso Nacional e para a sociedade. Porém, ela diz que não se pode esperar os seis meses até que a MP seja aprovada. Ontem, o Ministério da Saúde realizou o cadastramento dos municípios gaúchos no programa Mais Médicos durante a programação do Congresso. Apesar do prazo para adesão ter sido fixado no dia 25 de julho, com previsão de início da atuação dos profissionais nos municípios para o dia 2 de setembro, o programa terá adesão permanente.

Médicos protestam contra MEC institui política nacional para vetos ao projeto de lei criar mais cursos de Medicina NO PAÍS Médicos de mais de 10 Estados paralisaram ontem o atendimento em hospitais da rede pública em manifestação contra o Programa Mais Médicos e os vetos ao projeto de lei que regulamenta a medicina, conhecido como Ato Médico. O atendimento a casos de urgência e emergência estão mantidos, segundo informaram

p4_new2.indd 11

sindicatos da categoria. Em alguns estados, os profissionais participaram de atos públicos. Um dos objetivos do Programa Mais Médicos é contratar profissionais estrangeiros para trabalhar no interior do País e nas periferias das grandes cidades. No RS, ao invés da paralisação, médicos optaram por realizar uma assembleia para definir os rumos da categoria.

CARÊNCIA O Ministério da Educação instituiu ontem, através de portaria, uma política nacional de expansão para incentivar a criação de cursos de graduação em Medicina, em instituições federais de educação superior e a ampliação de vagas nos cursos já existen-

tes. O atendimento ao Sistema Único de Saúde (SUS) deverá ser o elemento central do projeto pedagógico do curso. A expansão ocorre no âmbito do Programa Mais Médicos que tem, entre os objetivos, expandir o número de vagas de Medicina e levar médicos para o interior do país. As instituições federais de educação superior vão apresentar

as propostas para abrir cursos. Essas propostas serão analisadas pela Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior (Seres) que vai avaliar critérios como o projeto pedagógico, o perfil do corpo docente e o projeto de infraestrutura. A implantação e o cumprimento dos requisitos de qualidade dos cursos serão monitorados.

24/07/2013 09:28:00


Geral

Jornal da Manhã

Setor de serviços lidera empregos formais no País NOVAS VAGAS Segundo o Ministério do Trabalho, o setor de serviços liderou a criação de empregos formais no primeiro semestre deste ano, com 361.180 postos abertos, ao mesmo tempo em que a indústria de transformação foi responsável pela contratação de 186.815 trabalhadores com carteira assinada. Já a construção civil abriu 133.436 vagas para trabalhadores com carteira assinada. O setor agrícola, por sua vez, gerou 115.745 empregos no primeiro semestre, enquanto o comércio fechou 13.693 vagas formais nos seis primeiros meses de 2013. A administração pública foi responsável pela contratação de 30.861 pessoas no primeiro semestre. Por regiões do país, ainda de acordo com o Ministério do Trabalho, o destaque ficou por conta do Sudeste, com 474.030 postos formais abertos nos seis primeiros meses de 2013. Em segundo

Setor da construção civil foi o segundo gerador de emprego no País

lugar, aparece a região Sul, com a abertura de 227.978 vagas com carteira. A região Centro-Oeste, por sua vez, abriu 130.224 postos de trabalho. Já a regiões Norte

Membros e representantes de entidades da classe varejista do Rio Grande do Sul se reuniram na manhã de ontem, em frente ao Palácio Piratini, para exigir o fim do diferencial de alíquota do ICMS para produtos comprados fora do Estado, cobrado desde 2009 de pequenas e médias empresas (MPEs), enquadradas no Simples Nacional. A decisão de eliminar a cobrança está nas mãos do governador Tarso Genro, que até o dia 29 de julho deverá enviar um parecer com a aprovação ou não do PL 146/2003.

Caso o Executivo opte pela manutenção da cobrança, o assunto retorna para a Assembleia Legislativa que definirá a questão em plenário. “O Sindilojas RS apoia a causa conjunta dos lojistas para que o governo dê fim à cobrança e os isente de pagar o imposto de 5% além do Simples Nacional. Essa bitributação inviabiliza os pequenos comerciantes", declarou o vice-presidente do Sindilojas Porto Alegre, Paulo Kruse. Esta é a segunda ação do movimento lojista que pressiona pelo fim da bitributação. A primeira ocorreu no dia 16 de julho, Dia do Comércio.

criou 20.506 vagas formais no primeiro semestre deste ano, enquanto que o Nordeste fechou 26.570 empregos com carteira assinada no mesmo período.

p5_new2.indd 10

O Brasil criou 826.168 novos postos formais de trabalho no primeiro semestre deste ano, informou ontem o Ministério do Trabalho e Emprego, com base em dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Isso representa uma queda de 21,1% frente ao mesmo período do ano passado, quando foram abertas 1,04 milhão de vagas. É o pior resultado para o período desde 2009, quando foram criados 397.936 empregos com carteira assinada. A queda na criação de empregos formais no primeiro semestre deste ano acontece em um momento no qual a crise financeira internacional ainda tem mostrado efeitos na Europa, ao mesmo tempo em que a China tem registrado expansão inferior aos últimos anos. Nos Estados Unidos, há sinais de uma pequena aceleração da economia. No Brasil, por sua vez, o

governo adotou uma série de medidas para tentar estimular a economia no ano passado, com reflexos em 2013, como, por exemplo, a desoneração da folha de pagamentos, a redução do IOF para empréstimos de pessoas físicas e a desoneração da linha branca e dos automóveis – entre outros. Entretanto, já teve de reverter algumas medidas, como a queda de juros que prevaleceu em 2012, para combater a inflação. Neste ano, os juros já subiram em três oportunidades, para 8,5% ao ano. Além disso, a retirada de estímulos ao crescimento nos EUA tem gerado aumento do dólar no Brasil, que também tem tido dificuldade em angariar a confiança dos investidores. No fim do ano passado, o governo informava que previa um crescimento de 4,5% para o Produto Interno Bruto deste ano, valor que já foi revisado para uma expansão bem menor, de 3%. O mercado financeiro, porém, prevê uma alta do PIB de somente 2,3% para 2013.

Mais de 40 mil pessoas aguardam pagamento de precatórios no RS TRIBUNAL DE JUSTIÇA Mais de 40 mil pessoas estão na fila dos precatórios no Rio Grande do Sul. Mesmo com o Estado pagando o dobro do desembolsado em 2012, o valor ainda é insuficiente para reduzir a dívida total, que só aumenta. Até o fim do ano, cerca de R$ 600 milhões devem ser pagos, segundo dados divulgados pelo coordenador da Central de Precatórios do Tribunal

de Justiça do RS, Luiz Antônio Alves Capra. “Temos agregado mais pessoal para o exame desses precatórios e também para revisar os processos de análise deles e torná-los cada vez mais rápidos”, garante o procurador do estado Vitor Hugo Skrsypcsak. Mesmo que o ritmo de pagamentos venha crescendo, está longe de chegar ao total da dívida, atualmente estimado em mais de

R$ 5 bilhões. De acordo com o advogado Ricardo Bertelli, do Sindicato dos Servidores Públicos Aposentados e Pensionistas do Estado do Rio Grande do Sul (Sinapers), o objetivo da entidade é tentar construir junto ao governo meios de liquidar essa dívida o mais rápido possível. “Estamos propondo a questão da federalização da dívida, ou seja, buscar recursos junto à União para quitar os valores”, explica Bertelli.

Governo analisa prioridades para o desenvolvimento do Estado ESTRATÉGIAS

Ato público exigiu extinção do diferencial de alíquota do ICMS para MPE’s

5

Crise reflete na criação de novos postos de trabalho DADOS OFICIAIS

Lojistas protestam pelo fim da bitributação PRESSÃO NO PIRATINI

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

O governador Tarso Genro coordenou a reunião dos objetivos estratégicos 2.4 e 2.5 do 12º ciclo de monitoramento da Sala de Gestão na manhã de ontem. Foram analisados 22 projetos prioritários para o desenvolvimento do Estado, relacionados à promoção das políticas de proteção, inclusão e combate à miséria e também a expansão da infraestrutura social. Na primeira etapa da reunião, realizada das 9h às 11h,

o monitoramento abordou os projetos do objetivo estratégico 2.4. Neste campo, estão inseridos o Saneamento para Pequenas Comunidades, Ampliação das Vagas Prisionais, Produção de Ações Habitacionais, Ampliação e Qualificação de Hospitais Públicos Regionais entre outros. A partir das 11h, o monitoramento foi estendido ao objetivo estratégico 2.5, que contempla projetos como o RS Mais Renda, Pronatec,Apoio e Desenvolvimento de Empreendimentos da Economia Solidária e o Plano Gaúcho de Inclusão Digital (PGID).

Durante a reunião, o governador Tarso Genro falou sobre o despreparo da iniciativa privada perante intensas demandas e o reflexo deste entrave no cronograma de execução dos projetos estratégicos. Entre os pontos destacados na R5, está a retomada das obras no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), cuja previsão de término é em janeiro de 2014. Com 20.000 m² de área construída, a instituição vai disponibilizar 277 leitos, sendo 37 para UTI e 240 para reabilitação física de pessoas com deficiência.

24/07/2013 09:24:40


6

Opinião

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

Jornal da Manhã

Editorial

O frio e a realidade

O

frio intenso que assola o município e todo o Sul do País também traz à tona muitos problemas sociais. Basta percorrer os bairros mais pobres de Ijuí, como o Colonial ou Getulio Vargas 2, para perceber que muitas pessoas vivem em condições precárias em seus casebres de madeira cheios de frestas. As famílias O que se quesnumerosas tiona é por que esprecisam de sas famílias ainda ajuda, mas vivem nessas contambém precisam dições com tantos de ações que apartamentos do as ajudem a Programa Minha aprender a Casa Minha Vida conviver com a sendo construídos realidade a que em Ijuí? Será que os estão inseridas. critérios de seleção Além de investir estão equivocados, em programas já que muitos que são habitacionais, o governo também beneficiados com esses imóveis já esdeveria investir tão vendendo (com em programas contratos de gaveta) para controlar a os apartamentos que natalidade. ganharam? Claro que é preciso questionar outras nuances desse problema. Muitas famílias que são beneficiárias do Programa Bolsa Família possuem muitos filhos. Ao percorrer os bairros, muitas famílias com inúmeros filhos passam por situações complicadas com o frio intenso que envolve as crianças em idade escolar. As famílias numerosas precisam de ajuda, mas também precisam de ações que as ajudem a aprender a conviver com a realidade a que estão inseridos. Além, de investir em programas habitacionais, o governo também deveria investir em programas para controlar a natalidade. As famílias mais pobres são as que mais têm filhos e são esses que mais sentem os problemas e as dificuldades com falta de agasalhos e cobertores. O frio intenso está expondo a triste realidade dos bairros carentes de Ijuí. São famílias que moram em pequenos casebres e aguardam a hora de serem contempladas por mais programas do governo. A Secretaria de Desenvolvimento Social do município registrou nessa semana uma procura maior por cobertores, colchões e roupas quentes. O fato é que muitos buscam ajuda e depois esquecem que essas mesmas peças podem ajudar outras pessoas. Por isso, é preciso ajudar sim, mas também é preciso consciência de que essas roupas e cobertores voltem para quem precisa. Quem pode ajudar somos nós da comunidade, mas essas pessoas que buscam ajuda, precisam "se ajudar" para ao menos tentar melhorar suas situações.

Celso Adam Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos fala sobre o dissídio da categoria.

"

"

Jornal da Manhã

GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - Fone/Fax: 55-3331-0300

www.jmijui.com.br

p6_new2.indd 1

O que foi definido na assembleia realizada no fim de semana? Na sexta-feira tivemos a assembleia com as propostas das negociações do nosso dissídio coletivo. Começamos essas negociações em meados de maio e tivemos sete reuniões com o Sindicato dos Patronais, tanto de metalurgia, como de máquinas agrícolas e reparação de veículos, onde chegamos na quinta negociação sem avanços. Por isso, foram feitas várias paralisações na região, como em Horizontina, em Panambi, Passo Fundo e o setor metalmecânico fez em Porto Alegre, até chegar a um consenso de levar esta proposta para as assembleias. A nossa federação tem 28 sindicatos filiados e o último sindicato que realizou a assembleia foi o nosso. Qual foi o acordo acertado para os trabalhadores de máquinas agrícolas? O que foi aprovado para os trabalhadores a partir do mês de julho é retroativo ao mês de maio. Na indústria de máquinas agrícolas, o piso único inicial é de R$ 917,40. Nenhum servidor que trabalha com máquinas agrícolas pode ganhar menos

do que isso. O aumento, a partir de maio de 2013, é de 9,5%, até um limite de R$ 4.159,00, mas praticamente ninguém ganha acima disso. Também haverá uma ajuda de custo ao trabalhador estudante de um piso da categoria, pago em duas vezes, que é no dia 31 de agosto e no dia 30 de novembro. As horas extras são de 60%, domingos e feriados 100% e quinquênio 2%. Qual foi o dissídio para a reparação de veículos? Na reparação de veículos, tivemos um piso inicial de R$ 902,66 e um piso aprendiz, daquele trabalhador que nunca trabalhou em oficina mecânica, até seis meses, de R$ 805,42. Acima desse salário, temos a partir de 1º de maio, um reajuste de 9,5% também, além de uma antecipação em novembro de 1,5%. Há também uma ajuda de custo de um piso salarial da categoria, pago em duas vezes, em 30 de setembro e 30 de outubro. As horas extras são um pouco diferentes. As duas primeiras horas extras, é 50% e para as horas extras excedentes a duas diárias o adicional é de

100%. Domingos e feriados é 100% e o quinquênio 3%. O que foi acordado para os trabalhadores da metalurgia? Na metalurgia temos dois pisos. Um piso inicial, até 90 dias, que é o piso de experiência, é de R$ 838,20. Após os 90 dias um piso de R$ 897,60. A partir de 1º de maio um reajuste de 8,5% e a partir de julho, 9,5%. Também há um piso da categoria ao trabalhador estudante, pago em duas parcelas, 31 de julho e 31 de outubro. Para as horas extras é 50% e horas extras excedentes a duas diárias o adicional é 100%. Domingos e feriados 100% e quinquênio 3%. Tudo o que foi aprovado está sendo repassado aos escritórios de contabilidade e tem que ser pagos na folha de julho, retroativos a maio. O que será realizado, após as definições do sindicato? Vamos confeccionar um boletim, que será entregue em todas as empresas. A partir disso vamos começar a fiscalizar se realmente as empresas vão cumprir o que foi decidido.

Preservação Ambiental como base do desenvolvimento sustentável Malena Damasceno Formada em Engenharia Agronômica pela Faculdade de Ciências Agrárias do Pará Hoje, quando paramos para analisar o que fazemos para garantir a qualidade de vida, felizmente, podemos notar que a população está cada vez mais engajada em contribuir com ações para preservar os nossos recursos naturais. Um dos pontos mais positivos que devemos ressaltar é que o brasileiro está mais consciente em relação ao tema. Prova disso é a pesquisa Barômetro de Biodiversidade 2013, feita pela União para o Biocomércio Ético (UEBT). O levantamento nos mostra que somos o povo mais bem informado quando o assunto é biodiversidade. Entre os entrevistados, 96% já ouviram falar e 51% sabem definir o termo corretamente. Esses números nos colocam na frente de países como França, China, Suíça, Coréia do Sul, Inglaterra, Japão, EUA, Peru, Alemanha e Índia.

Ainda sobre essa pesquisa, outro dado que chama a atenção é que 81% dos brasileiros disseram estar preocupados em conhecer a origem dos ingredientes naturais usados para produzir cosméticos, alimentos e bebidas. O estudo global mostrou também que 84% das pessoas deixariam de consumir produtos de marcas que não possuem boas práticas na cadeia de abastecimento e 87% desejam que as empresas divulguem mais informações sobre o tema. Ao olharmos para o setor de cosméticos naturais, podemos notar o fortalecimento da indústria que produz itens a partir de matérias-primas da região amazônica. Ao lermos um rótulo, já encontramos ingredientes como o murumuru, cupuaçu, açaí, pracaxi, andiroba e castanha do Brasil. Tratam-se de poderosos ativos com propriedades hidratantes, nutritivas e antioxidantes. São altamente recomendados para o tratamento dos cabelos e do corpo, pois, diferentemente dos produtos sintéticos, não agridem o meio ambiente e ainda contribuem com a profissionalização e crescimento das comunidades que fazem

o manejo dos insumos. No país existem empresas que estão engajadas em realizar um acompanhamento ao longo de toda a cadeia de origem e processamento das matérias-primas provenientes dos biomas brasileiros. No entanto, esse é um ponto que pode e deve ser melhorado ao longo dos próximos anos. O estudo realizado pela UEBT mostrou que apenas 24% das 100 líderes de mercado comunicam aos seus consumidores o que estão fazendo em prol do meio ambiente. Certamente, aqueles que já adotaram as ações de sustentabilidade em sua política estão muito à frente. São elas as companhias que estão apoiadas no tripé da sustentabilidade e realizam todas as suas ações baseadas no respeito ao meio ambiente, desenvolvimento social e obtenção de lucro consciente. A conscientização e a preservação devem ser práticas constantes, ainda precisamos trabalhar muito para que tenhamos condições de dizer, daqui alguns anos, que 100% das pessoas e empresas estão engajadas, na teoria e na prática, com o assunto.

Artigos assinados são responsabilidade de seus autores. Para publicação, os artigos devem ser enviados para o e-mail: redacao@jornaldamanhaijui.com, na fonte times, corpo 10,5, com no máximo 30 linhas.

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Maristela Silveira Martins redacao@jornaldamanhaijui.com

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 comercial@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com Representantes Comerciais: Grupo de Diários

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318/ 3331-0320 (após às 18h) grafica@jornaldamanhaijui.com

Assinaturas E CIRCULAÇÃO: (55) 3331-0315/ 3331-0316 / 3331-0317

Semestral: r$165,00 anual: R$330,00 Correio: R$ 330,00 (semestral); R$ 660,00 (anual)

24/07/2013 08:44:22


Geral

Jornal da Manhã

Braille é tema de formação para a Educação Especial IMEAB Professores da educação especial participaram, na sexta-feira, de uma oficina de Braille,sistema de Leitura e Escritas para Cegos, que ocorreu na sala de recursos do Imeab. O sistema Braille é um processo de escrita e leitura baseado em 64 símbolos em relevo, resultantes da combinação de até seis pontos dispostos em duas colunas de três pontos cada. Pode-se fazer a re-

presentação tanto de letras, como algarismos e sinais de pontuação. A palestra foi ministrada pela professora Camila Blocker, que é deficiente visual. Ela destaca a importância de que haja um conhecimento básico dos professores, de como funciona este sistema. “A inclusão de todos é uma realidade em nossas escolas”, destaca. A oficina realizada na última semana faz parte da formação continuada, promovida pela Secretaria de Educação.

Palestra foi ministrada pela professora Camila Blocker, deficiente visual

Alunos do 2º ano apresentam pesquisas ESCOLA 25 DE JULHO As turmas do 2º ano da Escola Técnica 25 de Julho apresentaram na última semana os trabalhos referentes à disciplina de Seminário Integrado. Os assuntos estiveram divididos em três eixos: comunicação e Mídias, cultura e arte, educação, economia e áreas de produção. De acordo com a professora de Seminário Integrado, Solange Koltermann, que orientou os trabalhos, os alunos apresentaram as pesquisas em forma de Feira

de Ciências. “Eles utilizaram os recursos de multimídia e montaram cenários de acordo com a pesquisa para explicar aos colegas. Trouxeram elementos dentro da pesquisa para chamar a atenção”, conta. Conforme Solange, foram apresentados temas bem diversificados, como emissora de rádio, filmes, propagandas, facebook, música, telefonia celular, cultura wiking, agricultura familiar, o lado oculto dos contos de fada, grafite, cultura brasileira, produção de cerveja, rituais, crenças, mitos, além de produção leiteira.

Alunos apresentaram os trabalhos em forma de Feira de Ciências

p7_new2_materia_meia_pg.indd 9

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

7

Governo autoriza início de obras em 65 escolas PNO O governo do Estado autorizou ontem o início das obras em 65 instituições de ensino do Rio Grande do Sul, por meio do Plano de Necessidades de Obras (PNO), com um total de investimento de R$ 13 milhões. Os secretários da Educação, Jose Clovis de Azevedo, e de Obras Públicas, Irrigação e Desenvolvimento Urbano (SOP), Luis Carlos Busato, assinaram a ordem dos primeiros 65 projetos, que integram um lote de 197, contratados até o final do ano. O ato de assinatura ocorreu na sala de reuniões da SOP, no Centro Administrativo Fernando Ferrari (Caff). O secretário Azevedo afirmou que esta assinatura é um salto de qualidade para a educação gaúcha. "Saímos de uma ação reativa para uma ação propositiva, para a qualificação do espaço escolar". Para o secretário Busato, é um dos principais projetos da pasta de Obras, pois trata da melhoria das estruturas para o ensino dos alunos gaúchos.

Os 65 projetos integram um lote de 197, contratados até o fim do ano

A previsão é de que os primeiros trabalhos iniciem entre dezembro de 2013 e janeiro de 2014. A primeira fase do PNO prevê reformas globais em 524 escolas estaduais. O PNO realizará reformas que contemplam 17 itens: Sala de estudos para professores, quadro escolar branco, aparelhos de

ar, água quente, piso nas áreas externas, paisagismo, PPCI e acessibilidade, quadra coberta, instalações elétricas, instalações hidráulicas, cozinha e refeitório, cercamento e iluminação, ambiente wireless, sala ambiente cultural, cisterna e água de vertentes, monitoramento eletrônico e identidade visual.

Mais de mil CSCJ promove o professores Banquete Real participam de CASTELOS nadas para o evento. No cardápio, como conta a história, os alunos formação degustaram o que era servido aos 36ª CRE Aproximadamente 1.200 professores da rede Estadual, de abrangência da 36ªCRE de Ijuí, estão participando de um encontro de formação continuada, que teve início na manhã de segunda-feira, sob o tema Significando os Referenciais Teóricos Metodológicos que Orientam a Educação da Rede Pública Estadual do RS. Em decorrência do grande número de participantes, enquanto os professores das escolas de Ijuí assistiam ao Painel, no Salão de Atos da Unijuí, os professores dos outros municípios participaram de Espaços de Diálogos Temáticos, em dez salas de aula disponibilizadas pela Unijuí. Nesta modalidade, palestrantes abordaram temáticas pedagógicas, provocando a discussão para debate reflexivo versando sobre a construção de uma escola pública referenciada na qualidade social. De acordo com a coordenadora da 36ª CRE, Rosmari Gobo, as mudanças metodológicas precisam nortear o cotidiano das salas de aula, objetivando uma educação mais contextualizada.

Na última semana, as turmas do primeiro ano do CSCJ, participaram de uma atividade prevista no projeto de Literatura que, neste ano, tem como tema Castelos. Após estudarem como era a alimentação na Idade Média e a alimentação saudável, os alunos, acompanhados pelas professoras Isabel Schneider, Lisiane Oster e Mirian Metzdorf, participaram de um Banquete Real. As crianças tiveram uma tarde mágica e, como príncipes e princesas, vestiram suas capas e coroas especialmente confeccio-

nobres - carne assada, pão, frutas e o suco de uva. De acordo com as professoras responsáveis pela atividade, a música da época também contagiou a todos que aprenderam a dança da realeza. A atividade ainda contou com o batizado dos cavalos e a grande cavalgada, na qual os príncipes e princesas realizaram as manobras sugeridas pelo Rei. “Em uma tarde inesquecível as turmas puderam sentir-se na era dos castelos, compreendendo, assim, os costumes e sabores da época”.

Crianças vestiram capas e coroas, confeccionadas para o evento

24/07/2013 09:28:18


8

Rural

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

Jornal da Manhã

Hortigranjeiros terão alta Cultivo da canola no preço por conta do frio avança no Estado e agrada produtor BONS RESULTADOS

As estufas contribuem para reduzir as perdas, mas culturas como o tomate precisarão vir de outros municípios da região

REDUÇÃO DE OFERTA A temperatura chegou a 4ºC na manhã de ontem. Além do ser humano, quem mais sente os impactos dessas baixas temperaturas são as lavouras. Principalmente os hortigranjeiros. O presidente da Associação dos Hortifrutigranjeiros de Ijuí, Cristiano Ceretta, conta que o frio sempre preocupa os produtores, já que a geada só traz prejuízos ao cultivo dessas culturas.

"Sempre que houver temperaturas abaixo de 3ºC, com geada, ela trará muitos prejuízos aos produtores e muitos produtos deixarão de ser comercializados de agora em diante nos estabelecimentos", explica Ceretta. Culturas como o tomate, espinafre, berinjela e chuchu, que estavam sendo cultivadas, mesmo com o frio, a partir deste momento sofrerão uma redução na oferta: "Serão produtos somente vindos de outros municípios. E com o

preço superior ao que estava sendo comercializado, já que encerrase a concorrência no município, predominando apenas os de fora", avisa Ceretta. Segundo ele, ainda não há como prever o tamanho dos prejuízos, porque os produtores já prepararam-se com estufas e o foco estará voltado ao cultivo das culturas da época. Mas, ele já adianta que, devido à falta, o preço do tomate, principalmente, sofrerá um acréscimo significativo.

Geada será um vilão das Cotrijui culturas se persistir no RS prepara TEMPERATURAS BAIXAS O frio chegou nos pampas, com temperaturas abaixo de 0ºC e nevando em diversas regiões do Estado. "Esse frio já era esperado e ele é muito importate para as culturas de inverno, principalmente para o trigo e a aveia, sendo favorável porque permite o afilhamento dessas culturas, e isso é importante para a produção final do trigo", explica a professora do Departamento de Agronomia da

Unijuí, Cleusa Bianchi. No entanto, ela ressalta que dependendo do estágio da cultura, geadas e temperaturas muito baixas podem ser prejudiciais, havendo quebras nas lavouras, mas ainda é cedo para projeções. "No caso das lavouras de canola em floração, se a geada se manter nos próximos dias, irá contribuir para quebras, mas a canola tende a repor essas flores e isso não vai representar grandes prejuízos", acentua Cleusa.

O frio contribui para o desenvolvimento das culturas, principalmente do trigo

Aguardando liberação da BR CORREDOR SANITÁRIO Produtores do Sul do País aguardam pela aprovação de um projeto que vai transformar uma das principais rodovias da região em corredor sanitário. Atualmente na BR-101, que liga o RS a Santa Catarina, só é permitido o trânsito

p8.indd 11

de produtos e subprodutos de origem vegetal que se destinam à exportação pelos portos catarinenses. Se aprovado, o tempo de viagem entre os Estados será menor, e vai permitir o trânsito de animais vivos, produtos e subprodutos de origem animal, que hoje é proibido.

novas instalações NA EXPO-IJUÍ

Representantes de vários setores da Cotrijui estiveram reunidos, na tarde de ontem, para debater temas relativos à ExpoIjuí-Fenadi 2013, que ocorre em outubro, entre os dias 10 e 20. Na oportunidade, a equipe avaliou uma série de ações que a cooperativa irá implementar durante a feira. Já está definido que a Casa Cotrijui terá uma série de inovações, tendo como conceito a apresentação de projetos de interesse do associado. Paralelamente, haverá atrações para o público urbano. Os futuros gestores das propriedades rurais, jovens e adolescentes, também terão atenção especial. As crianças, igualmente, terão suas demandas atendidas. Além das inovações projetadas pela Cotrijui, um fato já estabelecido é a solenidade de anúncio e entrega do tradicional Troféu Cotrijui, em data a ser definida. Uma nova reunião está marcada para daqui 15 dias, em que a mesma equipe estará reunida novamente. Na oportunidade serão acertados os detalhes finais, com divulgação da programação específica e atrações.

A Emater/RS-Ascar realizou a primeira Pesquisa sobre Intenção de Plantio no RS para a cultura da canola, que mostra um avanço na área plantada no Estado de 13,65% sobre a de 2012 (IBGE). A área estimada ficou em 27 mil hectares e a produtividade esperada inicialmente é de 1,3 mil quilos por hectare. A região que teve maior incremento de área foi a Noroeste, com 57% de aumento, devendo semear cerca de 4,8 mil hectares. Em Ijuí, nota-se um aumento significativo no plantio de canola na última década, isso porque, segundo um dos incentivadores desta cultura no município, Juarez Neme da Costa, as novas tecnologias e assistência técnica permitiram identificar os gargalos da cultura, resultando em uma produtividade atual de 40 sacas/ hectare. "A canola já começou a

mudar seu conceito, sendo hoje bem vista pelos produtores da região", acentua Juarez. Segundo ele, a colheita da canola que foi plantada na metade do mês de março deve ter início dentro de 20 dias. Mas, a maior parte das lavouras está em fase de floração, devendo ser colhidas no mês de outubro. "Quanto mais cedo é plantada, maior seu potencial produtivo", salienta Juarez. Outro benefício desta cultura é seu poder de rotatividade. "Porque o produtor que planta uma soja precoce utiliza depois o solo para o plantio da canola. Em setembro, ele planta o milho, e depois, o girassol", enumera Jurez. Ainda segundo ele, esta cultura é garantia de liquidez, já que o produtor tem retorno de 100% do que investiu. "Com um detalhe importante: além da rotação de cultura, assim que colhe, dentro de 15 dias já está com seu dinheiro na mão", afirma.

Contratação de crédito na safra passa de R$ 11 bilhões 2012/2013 Os financiamentos para médios produtores somaram R$ 11,36 bilhões durante a safra 2012/13, segundo dados divulgados ontem pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Os números constam no Plano Agrícola e Pecuário (PAP) do período. Os recursos fazem parte dos contratos feitos pelo Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp). Dessa forma, os produtores rurais adquiriram 59,2% dos recursos previstos pelo PAP 2012/2013. Os empréstimos destinados a custeio e comercialização ampliaram 66,2%, somando R$ 5,02 bilhões, enquanto os de investimento apresentaram alta de 32,1%, totalizando R$ 3,01 bilhões. Os limites de financiamento de custeio por produtor passaram de R$ 500 mil para R$ 600

Leite As indústrias e os produtores de leite, reunidos ontem no Conselho Paritário do Leite do Rio Grande do Sul (Conseleite/RS), homologaram o preço de referência do leite no Estado consolidado em junho e a previsão para o mês de julho. A projeção do percentual de reajuste neste período no valor do leite padrão pago ao produtor pela indústria é de 2,2%, passando para R$ 0,89.

mil, um aumento de 20% em relação à safra anterior, e referente aos de investimento, de R$ 300 mil para R$ 350 mil. Por meio de nota, o secretário de Política Agrícola do Mapa, Neri Geller, destacou que o incentivo financeiro consolida a capacidade de produção do médio produtor. “Essas ações contribuem de forma relevante para consolidar e expandir a capacidade produtiva e a competitividade da agropecuária brasileira, mantendo a posição do País no mercado agrícola internacional. O objetivo é promover o desenvolvimento das atividades rurais dos médios produtores e proporcionar o aumento da renda e da geração de empregos no campo”, disse. Para a safra 2013/14, o secretário ressalta a expansão de 18,4% de recursos disponibilizados. Os médios produtores poderão contratar até R$ 13,2 bilhões em financiamentos, com juros a 4,5%.

INDICADORES RURAIS

Preços de ontem, 23/07/2013 Soja: R$ 62,50 Milho: R$ 22,80

24/07/2013 09:28:37


Política

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

Deputado gaúcho critica vetos de Dilma e fala sobre reestruturação da saúde Secretário durante o governo Yeda Crusius, deputado Osmar Terra (PMDB-RS) quer derrubar vetos ao ato médico e defende plano de carreira para profissionais da saúde POSICIONAMENTO

Osmar Terra

Deputado posiciona-se contra os vetos presidenciais e aposta na maior atratividade do SUS para resolver falta de profissionais

A lei que regulamenta o exercício da Medicina, o Ato Médico, foi sancionada pela presidente Dilma Rousseff, com vetos. O texto estabelece atividades privativas dos médicos e as que poderão ser executadas por outros profissionais de saúde, foi publicado no Diário Oficial da União de 11 de julho. O artigo 4º, o mais polêmico e que motivou protestos de diversas categorias da saúde, como fisioterapeutas, enfermeiros e psicólogos, teve nove pontos vetados, inclusive o inciso que atribuía exclusivamente aos médicos o diagnóstico de doenças. A classe médica considera que esse ponto era a essência da lei. Secretário da Saúde do Rio Grande do Sul por quatro anos, o deputado federal Osmar Terra

(PMDB-RS) lamentou o veto de Dilma. "O governo federal deverá apresentar uma proposta alternativa, mas acredito que o Congresso vai derrubar os vetos da presidente. O projeto ficou durante 12 anos em discussão no Congresso. Muita gente foi ouvida. O Ato Médico prevê que o profissional com mais tempo de estudo, quem se dedica mais a um assunto, faça o diagnóstico e proponha um tratamento. Trata-se da alma da lei. Este artigo foi vetado e não sei o que o governo vai colocar no lugar", disse o deputado. Terra falou também sobre o programa Mais Médicos, em que o governo federal planeja buscar profissionais de outros países para atuar no Brasil. "O governo não resolve esse problema de recursos humanos há 11 anos, desde o início do governo Lula se discute um plano de carreira para os médicos. Mas não vejo a possibilidade da

criação de um sistema de saúde que seja atraente, que estimule os médicos a trabalharem no sistema público. O médico está, muitas vezes, ganhando bem na iniciativa privada e larga tudo para atuar no SUS. Chegando lá, ele não tem estabilidade, não tem garantia, e depende, na maioria dos lugares, como a contratação é feita pelos municípios, da boa vontade dos prefeitos e gestores públicos", afirmou. Sobre a nova Lei Antidrogas, proposta por ele, Terra disse que aguarda a votação da matéria no Senado. "Votamos na Câmara, e agora a lei vai para apreciação dos senadores, inclusive em regime de urgência. O projeto tem inúmeros pontos que precisam ser analisados de forma mais calma. Nós podemos esperar, quem não pode é a sociedade, que está vendo parte da nossa juventude ser consumida pelas drogas", finalizou.

9

Câmara tem três comissões ativas POUCOS RESULTADOS A Câmara de Ijuí divulgou ontem os dados completos de todas as Comissões Especiais abertas atualmente no Legislativo do município. Hoje, apenas três comissões estão com trabalhos abertos. Apenas o Comitê Pró–Desenvolvimento de Ijuí, presidido pelo vereador Darci Pretto da Silva (PDT), o comitê para estudo e revisão do Sistema de Inspeção Municipal (SIM), presidido pela vereadora Rosana Tenroller (PT), além da comissão que estuda a destinação de resíduos sólidos em Ijuí, tiveram encaminhamentos no último mês. A comissão que revisa o regimento interno da Casa, aberta ainda na legislatura anterior, foi recentemente desarquivada, mas ainda não teve trabalhos concluídos. Já a comissão externa que trata para apoiar os programas de financiamento estudantil, também foi desarquivada, mas não teve seguimento dos estudos.

PDT ratifica indicação Comissão de Economia da Assembleia para presidência da AL debate impacto da Ferrovia Norte-Sul LEGISLATIVO ESTADUAL O líder da bancada do PDT na Assembleia Legislativa, deputado Gerson Burmann, ratificou a indicação do deputado Gilmar Sossella para a presidência da Casa no próximo ano, conforme decisão da bancada no início da atual legislatura. Os deputados Gerson Burmann, Diógenes Basegio, Vinícius Ribeiro, Marlon Santos, Gilmar Sossella, a deputada Juliana Brizola e o deputado Décio Franzen reafirmaram que a indicação é fruto de discussões internas da bancada e do partido, conforme critérios políticos e técnicos que têm sido sempre respeitados. No início da 52ª Legislatura, os deputados eleitos debateram e definiram as indicações tanto para a presidência da Assembleia Legislativa, quanto para a liderança da bancada, a presidência das duas comissões permanentes destinadas ao PDT e

p9__new2 OK.indd 2

TRANSPORTES

Gerson Burmann demais espaços da bancada. Nesse encontro, Sossella teve a sua indicação confirmada para o cargo de presidente do Legislativo e, também, sua indicação para a 1ª Secretaria em 2013, conforme a gestão compartilhada definida com os demais indicados de outras bancadas (PT, PMDB e PP).

Com mais de 24 requerimentos aprovados para a realização de audiências públicas ainda este ano, a Comissão de Economia e Desenvolvimento Sustentável da Assembleia Legislativa deve estar no centro dos debates da casa legislativa, segundo o presidente da comissão, Daniel Bordignon (PT). Ontem, foi discutida a construção da Ferrovia Norte-Sul, que vai ligar o Estado de São Paulo ao porto de Rio Grande, no Rio Grande do Sul. Os deputados gaúchos ainda discutem o trecho da ferrovia, para definir os municípios que receberão as rodovias. O estudo do traçado terá impactos econômicos e sociais. “A Ferrovia Norte-Sul foi uma obra que iniciou no governo Sarney, em 1987, e, passados mais de 20 anos, ainda não atinge o

Comissão deve seguir debates sobre traçado da nova ferrovia no Estado País da forma como deveria. No Rio Grande do Sul, em especial, estamos discutindo onde ela passará, onde serão as possibilidades de roteiro e os ramais que podem ser agregados. Ela deve vir no sentido de integração econômica, de baratear custos de transporte, logística, de exportação”, explica Bordignon. O modal, conforme o presidente da comissão, foi abando-

nado a partir da década de 50, em favor do transporte rodoviário. “Foram escolhas que se fizeram em defesa de interesses nobres e não muito nobres, em favor da indústria automobilística, de caminhões, combustíveis. Isso levou esse modal, que é o mais barato no transporte de cargas e passageiros, ser completamente abandonado na década de 80”, lembrou o deputado.

24/07/2013 09:28:57


10

Política

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

Jornal da Manhã

Calheiros diz que Congresso não está agindo com "irresponsabilidade fiscal"

Renan Calheiros

Autor da proposta de passe livre para estudantes no transporte público, Renan afirma que a celeridade nas votações dos projetos "não é inimiga da responsabilidade"

Em artigo publicado ontem no site do Senado, o presidente da instituição, Renan Calheiros (PMDB-AL), diz que o Congresso não está agindo com "irresponsabilidade fiscal" ao aprovar projetos da "agenda positiva" que ampliam os gastos públicos. "A fonte é o Orçamento. Apenas 3,8 milhões de estudantes pagam a meia passagem. Esta é a dura realidade brasileira. A celeridade não é inimiga da responsabilidade. Ninguém está abrindo a chave da irresponsabilidade fiscal. Pelo contrário. Tudo está sendo analisado e sopesado", afirmou. Renan apresentou o projeto do passe livre em meio aos protestos realizados no País, em junho. O texto não avançou no Senado porque o relator, senadorVital do Rêgo (PMDBPB), ainda procura mecanismos

ficais que financiem a gratuidade do transporte aos estudantes. O governo anunciou ontem corte de R$ 10 bilhões nas despesas orçamentárias deste ano, pressionado a promover um ajuste fiscal maior para ajudar no combate da inflação e resgatar a credibilidade da equipe econômica. Apesar do ajuste, o relator prometeu apresentar seu parecer sobre a proposta no segundo semestre, quando o Senado retoma as votações da "agenda positiva" - lista de projetos selecionados por Renan para serem aprovados como resposta da Casa às manifestações populares. No artigo, o presidente do Senado afirma que "todas as fontes estão sendo identificadas e conferidas" para viabilizar a aprovação do

projeto. "É preciso ficar claro que todas as nações que estão à frente do Brasil, economicamente, custeiam o transporte e é um equívoco raciocinarmos apenas no binômio tarifas-impostos", afirmou. Renan também afirma que as manifestações contribuíram para "desenferrujar estruturas burocratizadas" do processo legislativo, tornando o Congresso mais "ágil e permeável" às demandas da sociedade. "O processo legislativo é cheio de manobras regimentais e políticas. Vimos, agora, que ele pode e deve ser mais célere. A democracia avança mais quando conferimos agilidade ao processo legislativo, que é burocratizado, lento e anacrônico. Além de robustecer a democracia, o ativismo faz evoluir os conceitos de cidadania", afirma Renan.

Denúncias têm interesse Lula prefere o silêncio político, diz Campos MINISTÉRIOS IRREGULARIDADES Cotado para disputar a Presidência da República em 2014, o governador Eduardo Campos (PSB-PE) disse nesta segunda-feira que as denúncias de irregularidades envolvendo a empresa Ideia Digital e os governos de Pernambuco e Paraíba têm conotação política. Além de haver indícios de superfaturamento em um dos contratos entre a empresa e o governo de Pernambuco, a Polícia Federal diz que a Ideia Digital é suspeita de financiar ilegalmente campanhas do PSB e do PSD. "Ninguém aqui é inocente para achar que não tem interesse político", disse o gover-

nador, ao comentar o inquérito da Polícia Federal. Há indícios de superfaturamento em um dos contratos assinados com a empresa. O governo pernambucano já pagou R$ 51,2 mi dos R$ 77,5 mi contratados. Campos disse que seu governo já teve acesso ao inquérito da PF e negou que haja menção a irregularidades. "A PF não fala, não prova, não comprova absolutamente nada em relação a Pernambuco." Campos disse que os contratos foram suspensos em 2012, quando foi divulgada a suspeita de superfaturamento e desvio de verbas do Ministério da Ciência e Tecnologia em programa de implantação de internet grátis na Paraíba.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou ontem que não poderia comentar sobre a sugestão, já externada por aliados da presidente Dilma Rousseff, de diminuir o número de ministérios do governo federal. Questionado sobre o assunto ao chegar para uma palestra em Brasília, ele respondeu: "Como posso dar palpite numa coisa se faz dois anos e sete meses que eu saí do governo?", afirmou ao ser indagado por jornalistas se considera os cortes necessários. O PMDB, maior partido aliado do governo, tem se mostrado a favor da redução do número de ministérios. Em entrevista na

Luiz Inácio Lula da Silva

semana passada, o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), declarou ser a favor da redução de 39 para 25 o total de ministérios.

PT prevê dois turnos em 2014 e pede que autoridade de Dilma seja preservada REPRESENTATIVIDADE O PT já admite que a presidente Dilma Rousseff pode não vencer a eleição de 2014 no primeiro turno, ao contrário do que previa o marqueteiro João Santana. Proposta de resolução levada ao Diretório Nacional, no sábado, diz que o partido enfrentará “intensa luta política e ideológica, incluindo aí dois turnos de eleições presidenciais”. Para os petistas, é preciso que a autoridade de Dilma seja “preservada e defendida” com mais ênfase porque os protestos de rua geraram uma “nova situação política”. Em debates internos, os petistas, ao avaliar o significado dos protestos de junho, reconheceram “graves equívocos políticos na prática do PT” e a necessidade de “reorientação” e “reconstrução das bases sociais e dos vínculos

p10_new2esta.indd 12

populares” do partido diante dos “sinais de fadiga da velha ordem institucional”. “Sabemos que, para estar à altura destes desafios, nos caberá analisar o novo quadro, reconhecer com humildade os erros cometidos e reciclar nosso programa, estratégia e condutas”, destaca o documento. Os rumos da economia, destaca o PT, merecem atenção especial. “Até porque a redução do crescimento incide negativamente no ambiente político e social”, diz a resolução. O texto ainda não foi aprovado. A corrente majoritária do PT, a Construindo um Novo Brasil (CNB), está rachada e não houve acordo para a votação da resolução, que ainda pode ser alterada e só passará pelo crivo da Executiva Nacional em agosto. As divergências foram acentuadas com pressões de alas à esquerda do PT para que o tom de críticas

ao governo Dilma – que enfrenta dificuldades na economia e queda de popularidade – fosse acentuado. A versão preliminar da resolução afirma que o principal porta-voz da “trava ao desenvolvimento” está nos monopólios de comunicação. Além disso, os petistas veem uma “barricada de interesses” – formada pela “hegemonia conservadora sobre as principais instituições do Estado, como Congresso e Justiça” – erguendo obstáculos para a ação da presidente Dilma. Em outro documento, intitulado O Brasil quer mais e melhor, a chapa que apoia a reeleição do deputado Rui Falcão à presidência do PT pede cuidado com os “porta-vozes dos capitais” na disputa de 2014. Mesmo sem citar o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), o texto faz referência indireta a ele ao

argumentar que “os neoliberais e neoconservadores” querem outro bloco social no poder e podem buscar novas opções. Os dois textos do PT combatem a chamada ditadura do marketing político e eleitoral. A chapa de Falcão faz uma autocrítica das ações do PT e diz que o governo Dilma ainda não cumpriu todas as tarefas. “Tudo o que foi feito não é suficiente para colocar o universo das políticas públicas em diálogo permanentemente fértil com as grandes causas de nosso tempo”, destaca o documento. A tese foi apresentada pela CNB, tendência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em conjunto com as correntes Novo Rumo e PT de Lutas e de Massas (PTLM). As eleições que vão renovar a cúpula do PT estão marcadas para 10 de novembro. Falcão é o favorito para continuar no comando do partido.

DE BRASILIA “O PSB está perplexo e numa posição esquizofrênica” Ciro Gomes (PSB-CE), sobre insistência de Eduardo Campos em disputar Presidência em 2014 Claudio Humberto

Sob investigação, Arruda quer disputar DF pelo PR Ex-governador do DF, preso durante investigações da Polícia Federal, José Roberto Arruda ameaça voltar às urnas em 2014. Ele articula junto ao dono do PR, o mensaleiro Valdemar da Costa Neto, que deu sinal verde para sua filiação e contratou pesquisa do Ibope para avaliar o cenário político local. A filiação está prevista para setembro, um mês após o Ministério Público rever o processo da Caixa de Pandora. Dois no esquema... Se aceitar Arruda, o PR terá dois filiados envolvidos no caso Pandora: o distrital Ayrton Gomes pode até ser cassado por conta do escândalo. Pior que tá, fica O PR, cujo dono deve ser preso após fim do julgamento do mensalão, em agosto, aposta na filiação de celebridades e fichas-sujas para 2014. Terra sem lei Assim como Arruda, o ficha-suja Joaquim Roriz também quer disputar o GDF, segundo sua filha Liliane Roriz revelou ao DiariodoPoder.com.br. Merece um drinque O Rio foi uma festa na chegada do Papa: coquetel para paparicadores oficiais no palácio Guanabara, e coquetel molotov do lado de fora. Universidade federal no AM humilha professores Três professores da Universidade Federal do Amazonas esperam há meses a conclusão dos inquéritos administrativos para apurar supostas denúncias de assédio moral, nos quais uma delas chegou a ser agredida por reclamar das condições de trabalho: mestre em Geologia, concursada, Maria do Rosário Carmo foi obrigada a dar aula de enfermagem e fisioterapia; doutora em Genética Molecular Humana, Izabel Heckmann não pôde entrar no laboratório para trabalhar. ‘Vista grossa’ Elas se dizem alvos não só de colegas, mas também da direção da universidade, que faz “vista grossa” a uma prática que se generaliza. Duro ofício Dizem também que perseguição, sobrecarga de trabalho, humilhações a professores são frequentes na Ufam em Coari e Manaus. ‘Igual à ditadura’ A Associação de Docentes da universidade vai entrar com ação no Ministério Público Federal, caso a reitoria não puna os responsáveis. Novena Menor que o de Dilma, o discurso de Lula a Bento 16 em 2007 citou “prioridades”: ampliar a atenção especial à juventude, principalmente às suas parcelas mais pobres” e dar uma “educação de qualidade”. Racismo Ex-secretário do PMDB-GO, Kid Neto apagou, em seguida, mensagem sobre ministro Joaquim Barbosa ignorar Dilma com o Papa, mas ficou gravada no Twitter: “agora age como preto”. Ontem se desculpou com um “bom dia brasileiros e brasileiras de todas as raças e credos”. Engarrafadinho O prefeito Eduardo Paes (RJ) deveria se queixar ao Papa, após pedir que peregrinos usassem transporte público contra engarrafamentos: a cidade viveu caos ontem com o metrô parado. Paes ainda brincou que Francisco poderia andar “como quisesse”, até “de bicicleta comigo”.

24/07/2013 09:29:21


Polícia

Jornal da Manhã

Fronteira Noroeste vai receber novas viaturas APARELHAMENTO O secretário estadual da Segurança Pública, Airton Michels, e o comandante-geral da Brigada Militar, coronel Fábio Duarte Fernandes, estiveram em Santa Rosa ontem para a entrega de quatro viaturas, que serão utilizadas em áreas de fronteira. As caminhonetes, modelo Amarock, foram adquiridas com recursos do plano da Estratégia Nacional de Segurança Pública nas Fronteiras (Enafron). Duas picapes ficarão em Santa Rosa, uma em Três Passos e outra em São Luiz Gonzaga. Ainda há outras 10 caminhonetes destinadas a Uruguaiana (02), Bagé (02), Santana do Livramento (02), São Borja (01), Jaguarão (01), Itaqui (01) e Rio Grande (01).

Mortes em assaltos a bancos crescem 11,1% no País CRIMINALIDADE O número de mortes em assaltos envolvendo bancos no País cresceu 11,1% no primeiro semestre deste ano na comparação com igual período do ano passado, aponta levantamento divulgado nesta semana pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf) e a Confederação Nacional dos Vigilantes (CNTV). A pesquisa, elaborada com o apoio técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), mostra que o total de vítimas passou de 27 para 30. O Estado que concentra maior número de casos (46%) é São Paulo, com 14 mortes. Os clientes continuam sendo as principais vítimas dos assaltos envolvendo bancos. Foram 21 casos no primeiro semestre deste

BM de Ajuricaba tem novo comandante TENENTE NUGLISCH O comandante do Comando Regional de Polícia Ostensiva Missões (CRPO-Missões), tenente-coronel Claiton Rui da Costa Portilho, recebeu nesta semana, em Santo Ângelo, a apresentação do 1º tenente Valmor Valdemo Nuglisch, recentemente transferido para o 29º BPM com destino ao Pelotão de Ajuricaba, onde passa a ser o novo comandante. Natural do município, o tenente Nuglisch atuou como sargento. Ao fim do Curso Básico de Administração Policial Militar (CBAPM) na Academia de Polícia Militar, em Porto Alegre, foi promovido a tenente e exerceu suas atividades iniciais

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

como oficial em Coronel Bicaco. O comando do 29º BPM deu as boas-vindas ao novo integrante da unidade, reiterando a importância da continuidade do trabalho que vinha sendo realizado pelo 1º tenente Claudiomiro Nunes Furtado, comandante da BM em Ajuricaba desde dezembro de 2006, agora integrado ao 29º BPM. Em texto divulgado em seu blog oficial, o Batalhão afirma que "espera que o oficial interaja com a comunidade de Ajuricaba e trabalhe intensamente pelo bem comum, com entusiasmo, energia e responsabilidade, atuando em sintonia com os objetivos propostos pela unidade e pelo nosso comando de área, em sua vasta gama de ações e operações".

11

Acidente O tombamento de uma carreta provocou a morte de um homem por volta das 17h de ontem no km 40 da ERS-126, no município de Ibiraiaras, no Norte do Rio Grande do Sul. O veículo, que estava carregado com soja, perdeu o controle em uma curva, segundo a Brigada Militar. O motorista estava sozinho e morreu no local. O Comando Rodoviário da Brigada Militar ainda não fez a identificação da vítima. Após o tombamento, a carga se espalhou pela rodovia e o trecho foi parcialmente interditado.

Apreensão No mês passado, assaltantes fizeram reféns em assalto a banco em Sarandi

ano, um aumento de 40% em relação ao mesmo período do ano passado. Os vigilantes aparecem em seguida, com quatro mortes. Segundo a CNTV, existem cerca de 700 mil vigilantes no País, sendo que 25% trabalham em instituições bancárias. Como medidas de prevenção

que poderiam ser adotadas, especialistas apontam a instalação de biombos e divisórias, além de câmeras e portas de segurança. A falta de investimentos por parte das instituições bancárias que garantam aos clientes uma movimentação segura também foram apontadas pelos especialistas.

O Batalhão da Polícia Ambiental de Santa Rosa apreendeu neste fim de semana 19 caixas de fertilizantes, entre eles adubo e ureia, que seriam vendidos para a Argentina. A operação ocorreu durante patrulhamento realizado ao longo do Rio Uruguai, na localidade de Três Ilhas, no interior de Crissiumal. Além do adubo e da ureia, um barco e um motor também foram apreendidos.

Secretário de Segurança recebe superintendente de polícia britânico TROCA DE CONHECIMENTO O secretário da Segurança Pública, Airton Michels, recebeu ontem o superintendente da polícia de Southampton (Inglaterra), Steve France, em Porto Alegre, com o objetivo de trocar informações sobre a atuação das forças policiais. France falou da história da polícia britânica, ressaltando que o trabalho entre os policiais e os cidadãos é realizado em conjunto. "Se trabalha com a cooperação, o que não significa fazer o que o público quer e, sim, seguir a lei. A força só é usada quando as outras formas forem insuficientes. Lá, o público é a polícia e vice-versa." O inglês ainda ressaltou que a atuação da polícia é o equilí-

Secretário trocou ideias sobre o setor de segurança pública com a polícia britânica

brio entre a liberdade total e o controle total. "A polícia, em meu país, tem tentado aprender com os seus erros. Independente das dificuldades de cada nação, a polícia é a mesma. O objetivo é sempre cuidar das pessoas e das propriedades", disse.

Participaram também do encontro representantes da chefia da Polícia Civil, do comando da Brigada Militar, departamento de Inteligência de Segurança Pública, Projeto RS na Paz, Assessoria Copa 2014 e departamento de Gestão Estratégica Operacional.

Polícia já indiciou 60 pessoas após protestos violentos na Capital MANIFESTAÇÕES A Polícia Civil do Rio Grande do Sul indiciou cerca de 60 pessoas durante os protestos ocorridos nos meses de junho e julho em Porto Alegre. A maioria dos indiciamentos foi por atos de vandalismo, mas muitos também envolvem saques e confrontos com a Brigada Militar, conforme o delegado Marco Antônio Souza, que coordena as investigações relacionadas aos crimes ocorridos durante as manifestações na capital gaúcha. "Os inquéritos foram enca-

p11_new2.indd 9

minhados à Justiça. Dos cerca de 60 indiciamentos, 21 foram por desacato. O resto é por saque e atos de vandalismo. A maioria por vandalismo", disse o delegado. No protesto realizado na noite de segunda-feira no Centro de Porto Alegre, nenhum ato mais grave foi registrado. O único momento de tensão foi quando um grupo provocou os policiais que faziam a segurança da sede da prefeitura e um jovem bateu com um pedaço de pau no cordão de isolamento colocado pela Brigada Militar. Marco Antônio Souza também comanda a investigação relaciona-

da ao atentado contra dois carros da Brigada Militar que estavam estacionados na sede da Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Sul. Na madrugada do dia 1º de julho, as viaturas foram incendiadas dentro do estacionamento. Durante a perícia realizada no local, foram encontrados dois artefatos explosivos de fabricação caseira. "Ainda não sabemos quando será finalizado o trabalho da perícia", disse o delegado. Segundo ele, a maior possibilidade é que os artefatos explosivos tenham sido atirados de fora para dentro do pátio, danificando automóveis.

Manifestantes entraram em confronto com a Polícia na Capital no início da semana

24/07/2013 09:26:05


12

Esporte

Quarta-Feira, 24 de julho de 2013

Jornal da Manhã

Juniores do São Luiz participam de Copa no interior do RS Categoria de base do clube ijuense está na cidade de Colinas, na 12ª Copa Sul Brasileira SUB-14 E SUB-15 A equipe de juniores do São Luiz de Ijuí está disputando a fase eliminatória da 12ª Copa Sul Brasileira, na cidade de Colinas, na Serra Gaúcha, com as categorias Sub-14 e Sub-15, com atletas nascidos em 1998 e 1999. Ontem o time Sub-14 jogou contra o CPS de Ibirapuitã e perdeu por 3 a 0. Já a categoria 98 Sub-15 também jogou contra o time de Ibirapuitã e venceu por 3 a 0. Hoje, o time de Ijuí enfrenta o São José de Porto Alegre, com as duas categorias. Na quinta-feira se encerra a fase de grupos do

torneio e todos os classificados serão conhecidos. Ao todo, 40 clubes do Rio Grande do Sul e Santa Catarina participam da Copa. Quatro categorias, com a participação de quase 80 times, estão em disputa: além do Sub-14 e Sub-15, em que o São Luiz está participando, a competição também conta com as categorias Sub-13 e Sub17. Nesta primeira fase, as equipes foram divididas em grupos de 3 equipes, de acordo com o número de times participantes em cada categoria, sem que houvesse sorteio de chaves. O critério para composição das chaves foi escolhido pela organizaçãodo evento.

Juniores do São Luiz jogam hoje contra o São José -POA

Sogi-EFA participa de Circuito de Judô Galo aposta TERCEIRA ETAPA No último domingo, a equipe Sogi-EFA participou, em Santa Maria, da terceira etapa do Circuito Judô Gaúcho 2013. Dez equipes do Rio Grande do Sul e uma da Argentina participaram do campeonato. Com bons resultados, o grupo classificou quase todos os seus atletas. De acordo com o professor de judô da Sociedade Ginástica Ijuí (Sogi), Jean Veiga, a equipe SogiEFA, juntamente com o Clube, se preparam para sediar a quarta etapa do estadual, que acontece em Ijuí, no dia 18 de agosto. Segundo Jean, “o evento é um dos mais importantes do circuito estadual. Será o oitavo ano que a cidade sediará o evento”. O Campeonato, que acontece no Ginásio Municipal, está sendo organizado pela Sogi, Liga Riograndense de Judô e Associação Noroeste de Judô. Dos atletas ijuienses, na categoria Sub-13, Marcos Alles ficou

em 3º lugar, Isaias Dias Silveira 1º lugar, Daniel Alan Schollmeier 2º lugar, Julio Germano Forcelini 2º lugar, Gabriél Mathias 1º lugar, Cauâ Henrique Sides 1º lugar. No Sub15, Samuel Dias Rodrigues ficou em 2º lugar, Diorgenes Cardoso de Oliveira 3º lugar, Iuri Wilhian Machado de Oliveira 2º lugar, Marcos Bonini Pires

1º lugar. No Sub18, Anderson Portela dos Santos ficou em 3º lugar, Sérgio Leonardo Pereira ficou em 1º Categoria Open, teve Felipe Riciere Dal Molin em 1º lugar, Pedro Diego Alves Abreu em 1º, e na categoria Senior, Jeferson Leopoldo Ochulaki ficou na primeira colocação..

Atletas da Sogi-EFA em competição estadual de Judô neste fim de semana

Inter enfrenta o São Paulo no Morumbi ainda sem reforços BRASILEIRÃO O treino da manhã desta terça-feira no gelado CT Parque Gigante teve uma surpresa: Índio fica fora da partida contra o São Paulo na quarta. O técnico Dunga confirmou a ausência do zagueiro, que participou normalmente das atividades de segunda — o que deu indícios de uma possível presença do jogador na defesa colorada. O lateral-direito Gabriel, que saiu sentindo lesão na primeira etapa da partida contra o Flamengo, também desfalcará o time. Os titulares fizeram apenas um trabalho na sala de musculação. Os reservas jogaram um

P12_new2 OK.indd 9

rachão em campo reduzido após treinar jogadas de ataque no campo suplementar, às margens do Guaíba. O vento forte e o frio, de acordo com Dunga, dificultam as atividades. Foi o último trabalho antes do embarque para a capital paulista, que ocorreu às 20h30. O Inter permanecerá fora de Porto Alegre após a partida contra o São Paulo, pois enfrenta o Náutico, no domingo, na Arena Pernambuco. Os reforços colorados ainda serão apresentados. O argentino Scocco chega na manhã de quarta-feira em Porto Alegre. O meia Alex já com condição legal de jogo, pois consta no BID do Inter — vem quinta.

Inter Muriel; Ednei Ronaldo Alves Juan Kléber; Willians Josimar Fabrício D'alessandro; Diego Forlán Jorge Henrique (Damião) Técnico: Dunga

São Paulo Rogério Ceni; Douglas Lúcio Rafael Tolói Clemente Rodriquez; Denilson Ganso Jádson Rodrigo Caio; Osvaldo Luís Fabiano Técnico: Paulo Autuori

na torcida para vencer LIBERTADORES

O Atlético Mineiro decide hoje no mineirão a Libertadores da América contra o Olimpia, do Paraguai. Apesar da derrota por 2 a 0 no primeiro jogo, o Galo aposta na força de sua torcida para reverter o resultado. Mesmo sem seu trunfo, o estádio Independência, mais de 70 mil pessoas são esperadas no Mineirão. Outro trunfo utilizado pelo Atlético é excesso de confiança de seu adversário. A festa da vitória do Olimpia no primeiro jogo da final, tomou conta das ruas do Paraguai e contou até com pôster de campeão antecipado. Na segunda-feira, no embarque para Belo Horizonte, os jogadores e membros da comissão técnica do time não fizeram questão de esconder o clima favorável e a proximidade do título continental. Algumas expressões mostraram a confiança do time paraguaio na nova conquista, desta vez em Belo Horizonte. “O Rei quer a quarta (Libertadores)" e “Olimpia tem muito colhão”, foram expressões, que se tornaram uma espécie de slogan do clube desde a semifinal da Libertadores No jogo de hoje, o Atlético deve ter a volta de Bernard, que não jogou o primeiro jogo no Defensores del Chaco por estar suspenso. Apesar de estar de saída do Atlético, tendo como destino provável o Arsenal-ING, o jogador disse estar focado na final de hoje. " Uma semana tão importante eu não quero falar sobre isso, estou focado no jogo. Já conquistei a Copa das Confederações, agora quero a Libertadores", disse.

PLACAR GERAL AMADOR Terá sequência no próximo final de semana o Campeonato Municipal de futebol Amador de Ijuí. Os jogos serão os mesmos da rodada que foi cancelada, na semana passada. Pela 1ª rodada, no Estadio 18 de Outubro, pela chave 1, jogam AimoréX Sul América, pela chave 2 jogam Palestino X União Getúlio Vargas. No Campo do Gaúcho jogam, pela chave 3, Ouro Verde X Portuguesa, e pela chave 4, Guarani Jr. X Guarani. No Campo do Flamengo Santo Antônio jogam, pela chave 5, Flamengo SantoAntônio X Juventude dos Goi e, pela chave 6, Chorão X Ijuí da Linha 8. No próximo final de semana ocorre também a disputa da rodada das chaves do campeonato da segunda divisão. FUTSAL A Secretaria Municipal de Cultura, Desporto e Turismo informa que a reunião para discussão do regulamento e liberação das fichas de inscrição para o municipal de futsal de Ijuí será no próximo dia 29/07, às 19h15 no auditório do Demei. O Municipal de Futsal será disputado nas categorias 1ª divisão, 2ª divisão, veteranos, máster e feminino. A previsão de inicio do campeonato é para o dia 26 de agosto. Maiores informações no fone 3332 9637.

CLÁSSICO NA ARENA A organização do Gre-Nal 397 começa a ser discutida amanhã. Uma reunião entre o comando da Brigada Militar e oficiais do Batalhão de Operações Especiais (Boe) avaliará a presença das duas torcidas na Arena no clássico de 4 de agosto. Só depois desse encontro é que tomará posição sobre torcida única no maior jogo dos gaúchos. Se depender da vontade de Grêmio e Inter, as arquibancadas do novo estádio gremista terão as duas cores. CONVERSA O Grêmio voltou a trabalhar ontem depois da derrota para o Criciúma, no último sábado. Os jogadores foram reunidos no vestiário pelo técnico Renato Portaluppi para uma conversa, que durou cerca de 30 minutos. Em seguida, boa parte dos jogadores subiu para o gramado suplementar com toucas e luvas devido ao frio intenso. A principal novidade foi o retorno do meia Jean Deretti, que retorna de lesão muscular. Werley, Zé Roberto, Barcos e Rhodolfo, apresentado nesta segunda-feira, ficaram apenas em atividades no vestiário. Quem foi ao gramado realizou atividades regenerativas. O time continua a preparação para a próxima rodada.

24/07/2013 09:25:49


Social|Cultural

Jornal da Manhã

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

13

Retomando as canções Depois de um tempo inativo, o grupo Vocal Querência está de volta ao cenário cultural da cidade. Valorizar a música regional do sul por meio do canto é o propósito desses amigos, todos oriundos do meio tradicionalista, que fundaram o grupo há 10 anos. Na trajetória do grupo, há muitas apresentações marcantes e emocionantes por toda a região, inclusive um título e um vice-campeonato estadual no Enart, o festinal promovido pelo MTG. Nesta retomada, o grupo regido por Dario de Borba, que também assina os arranjos, fez uma apresentação no Clube Ijuí este mês, e incluiu as canções Açude e Esquilador, destaques de seu repertório.

Austríacos - Elso Engleitner Filho e Claudia Legonde no Festival de Sopas

Absoluto - Juliana, Anelise e Ana Caroline aproveitando a noite ijuiense

Douglas Dorneles, Joaquim Gatto, Dario de Borba, Vânia Diel, Fabiane Schwede e Emília Diel

Mais dos 10 anos Rotary - Sandro e Andréia Studt no Festival do Queijo e do Vinho

Aniversário - Guttenberg e Inge do Prado no aniversário da EFA, na Cripta da Paróquia São Geraldo

A festa dos 10 anos e entrega do Prêmio Stampa rendeu inúmeras imagens, muitas delas publicadas na edição especial de cobertura da Stampa deste mës. Na edição de agosto, a revista volta a dar espaço à sua comemoração, com mais fotos que traduzem o sucesso, a animação e a elegância dos que prestigiaram a noite.

Dança no Clube Ijuí O Clube Ijuí realiza no dia 2 de agosto a aula inaugural do curso de dança de salão, a partir das 19h30 no Salão Rosa. As aulas serão ministradas por João Atenágoras. Mais informações no Clube Ijuí pelo telefone 3332-1348 a partir das 14h.

Jantar beneficente No dia 3 de agosto acontece a Noite Brasileira na sede do Lions, a partir das 20h. As fichas custam R$ 30. O evento está sendo realizado em benefício da Escola Municipal Dona Leopoldina do bairro Burtet.

Menina Modelo 2013 Dança - Tania, Ivone e Neli na tradicional festa da Casa de Dança dedicada à dança de salão

Praça - Lucídio e Aline curtindo o Colmeia do Rock

A ótima aceitação por parte das participantes e o sucesso junto ao público fizeram do concurso Menina Modelo uma atração dos eventos de outubro no Parque. Promovido anualmente pela revista Stampa e Jornal da Manhã, com produção de Luis Carlos Leindecker, o concurso foi realizado no Palco das Etnias nos dois últimos anos e está previsto para o primeiro domingo da ExpoIjui/Fenadi 2013, dia 13 de outubro.

Aimoré.A Sociedade Esportiva e Recreativa Aimoré convida para o baile da 2ª e 3ª idade, no próximo sábado, com início às 15h30 e animação da Banda Estrela Guia. Até as 16h o ingresso é livre para as mulheres. A ideia de um dançarino à disposição para as senhoras desacompanhadas teve total aprovação, portanto continua. No dia 10 de agosto será servido almoço gratuito em homenagem aos pais. As fichas, com número limitado, continuam a ser distribuídas neste sábado. Todos os grupos de Ijuí e região estão convidados.

Jantar do Peixe Orlando e Remi Krüger no Centro Evangélico

p13_new.indd 1

Beneficente - Elvio, Marieli e Marleni de Souza prestigiando jantar do Rotary Club

Casa de Dança. Na sexta-feira, a Casa de Dança realiza festa direcionada aos apreciadores da dança de salão. Lareira acesa, vinhos e muita dança. Lembrando que a casa segue as normas da dança a dois, sendo indicado traje esporte fino. As reservas de mesas podem ser feitas pelo telefone 3332-4378.

24/07/2013 09:25:27


14

Variedades

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

Jornal da Manhã

Memória JM

Horoscopo

A edição do dia 22 de julho de 1978 publicava:

Figueiredo vem a Ijuí no dia 29 e acertados outros detalhes relacionados com a visita do candidato. O general Figueiredo participará de uma exposição de trabalhos e pesquisas na Cotrijui; de um churrasco de integração com a participação de lideranças da Arena, prefeitos, viceprefeitos, vereadores, deputados regionais e líderes cooperativistas e de sindicatos e associações; de apresentação do programa de eletrificação rural da Ceriluz; e visita à Exposição de Gado Leiteiro de Ijuí, no Parque Assis Brasil.

O general João Baptista Figueiredo, candidato da Arena à Presidência da República, deverá vir a Ijuí no próximo sábado por ocasião de sua segunda visita ao Estado depois que foi oficializada a sua candidatura. A confirmação da vinda do ex-ministro do Serviço Nacional de Informações (SNI) foi trazida pelo deputado Rubi Diehl. Ontem, chegou a Ijuí o jornalista Paulo Flores, da subchefia da Casa Civil do Palácio Piratini, quando o programasugestão foi definitivamente confirmado

escolas, o assunto irá exigir uma grande compreensão de pais e educadores. Educação sexual nas escolas? Na última semana, foram apresentadas as opiniões de ijuienses sobre a inclusão de aulas de Educação Sexual nas escolas. Nessa edição, outros cidadãos apresentam suas ideias. O tema assumiu um aspecto de grande importância, ganhando páginas nos jornais e minutos nas rádios e na TV. Se for incluído no currículo das

Literatura gaúcha é uma das mais expressivas no Brasil. Guilhermino César esteve presente na 4ª Semana da Cultura da Fidene. Autor dos livros O Sistema do Imperfeito e História da Literatura do Rio Grande do Sul, ele é considerado um dos mais altos expoentes da literatura gaúcha. Em sua palestra, César afirmou que a literatura gaúcha é uma das correntes mais representativas da literatura brasileira.

CMN aprova medida de apoio à pecuária. O Conselho Monetário Nacional aprovou a prorrogação do saldo dos financiamentos de custeio por até dois anos para resgate e das prestações vencidas e a vencerem este ano relativas a investimentos dos pecuaristas do Sul do Brasil. A medida visa socorrer a pecuária leiteira e de corte da região.

A coleção completa do JM está disponível para pesquisa no acervo do Museu

Novelas

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

Sangue Bom - Globo

O maior atrativo das redes Símbolo do xerife sociais (web) (TV)

© Revistas COQUETEL 2013 Pavimento do edifício Órgão muCriação de Disney, nicipal de amparo é o símbolo da ao menor avareza (HQ)

A de Felipe Massa é a Ferrari (2013) Provimento de recursos computacionais

Bento se declara para Malu

Saramandaia -

Globo

Saramandistas e bolebolenses se enfrentam Risoleta discute com Zico e o desafia. Tiago desiste de se encontrar com Stela. Zico se enfurece com Risoleta. Saramandistas e bolebolenses se enfrentam na cidade e entregam o abaixo-assinado para o delegado. Dona Redonda forja um dossiê sobre Gibão. Helena teme que o problema com Risoleta se agrave. Firmino conta para Zico que a fuga que eles armaram será investigada. Carlito se recusa a contar seu plano para o padrinho. Risoleta procura Aristóbulo. Vitória fala para Leocádia que Zico cogitou a ideia de se separar de Helena. Carlito coloca um pequeno alto-falante dentro de um vaso de flores. Vitória observa a cumplicidade entre Zico e Helena.

P14_new2.indd 14

O "médico" da tribo indígena Madeira de esculturas Quarto das odaliscas

Alimento grudado no fundo da panela

Cetáceo de lenda amazônica Na hora (?): no momento preciso

Também (abrev.) Mineral abundante em mariscos Península grega em que se situa Atenas Andava Enérgico; ativo

I

A

Tenda, em inglês Bebida de Baco (Mit.)

Formato da curva de retorno (?) de Arte Moderna: ocorreu em 1922

Planeta mais quente do Sistema Solar "Marinheiro (?)", canção popular

Local de filmagens (Cin.)

Reconhece (algo) publicamente

Pessoa muito magra (fig.)

(?) Pantanal, estádio de Cuiabá Egberto para a Co- Gismonti, pa 2014 músico Respirar com muito esforço

BANCO

Monograma de "Flávia"

Medida agrária que vale 100 m2

Os enigmas de Sherlock lver para você reso Nas baNcas e livrarias

www.coquetel.com.br

35

Solução C I V O O N S O S A J E A L B H O D O T T O U S E T U M E A L E N A G A R

Paloma exige que sua família lhe conte a verdade. Paloma observa Paulinha escondida. Lutero pede para Bernarda voltar a visitá-lo. Paloma discute com Pilar e exige que a mãe marque um jantar com toda a família. Félix abre uma empresa fictícia em nome de Tamara. Félix se encontra com Anjinho novamente. Edith procura o marido no hospital. Paloma confessa a Ninho que teme ser rejeitada por Paulinha. Paulinha sente falta de Paloma. Niko demonstra sua ansiedade para ter um filho. Wagner elogia Edith. Carlito beija Valdirene. Félix mente para Edith. Bernarda decide contar a Paloma sobre o mistério que envolve o seu nascimento.

(?) Mata Atlântica, ONG ambientalista

Rodrigo (?), apresentador

E A S T I N T C E N D I U F AR O D R O P E R AP A R E M T I C A I A T E N V I N H V A Z A E A S S N I Ç O A U Ã R S F O L E

Félix se encontra com Anjinho novamente

Extintor de (?), acessório automotivo

D I I N T C E R H A A T I V V I D C A D R E

Amor à Vida - Globo

Base do molho shoyu

4/pajé — rapa — tent. 5/ática — cedro — vênus — vivaz. 6/caniço. 10/resfolegar.

Fabinho tenta subornar os policiais. Plínio é chamado à delegacia. Bento reclama por ter terminado a sociedade com Giane. Plínio não aceita a revolta de Fabinho contra Margot. Renata faz um acordo com Wilson para conseguir a conta do Kim Park de volta para Érico. Plínio promete antecipar a herança de Fabinho, depois do exame de DNA. Amora fica atônita ao ver a foto de Giane produzida. Damáris tenta chantagear Wilson. Odila fala mal de Bárbara para Sueli Pedrosa. Socorro avisa a Amora que Plínio reconhecerá a paternidade de Fabinho. Luz fala para Vitinho que Tina trabalha em sua casa. Bento se declara para Malu.

ÁRIES As palavras denotam emoções. Pode ser uma tarefa delicada e difícil expressar o que sente com transparência e honestidade. É tempo de ser cuidadoso para não magoar alguém de quem goste. TOURO Talvez neste momento você venha a comprar algo apenas por um capricho passageiro e depois questione o seu próprio comportamento. É tempo de cuidar com a extravagância e com a autoindulgência. GÊMEOS Este pode ser o momento de acreditar que tudo pode ser diferente, e melhor. Basta que você comece a agir. É tempo de deixar que o interesse pelo bem-estar geral estimule as suas atitudes. CÂNCER É possível que você esteja preocupado neste momento com algo muito maior do que você, inclusive com pessoas para além do seu círculo de amizades. É tempo de poder fazer algo para quem precisa. LEÃO Medir prós e contras em uma situação deve servir para lhe ajudar a decidir, e não para complicar mais. Deste modo, fique atento para o esgotamento mental. É tempo de não desperdiçar energia. VIRGEM Este pode ser um momento em que você pode se precipitar, correndo o risco de entrar em disputas dispensáveis. É tempo de conseguir soltar a pressão interna sem provocar vacilos desnecessários. LIBRA É possível que você tenha um pouco de dificuldade para discernir o que pode ser construtivo. Sendo assim, o melhor modo de descobrir é arriscando. É tempo de seguir o seu próprio instinto. ESCORPIÃO É possível que você esteja vendo tudo o que vem na sua direção como ameaça e, por isso, esteja na defensiva. É tempo de perceber que sensibilidade e insegurança distorcem a sua visão. SAGITÁRIO É possível que ao expor as suas ideias para as pessoas, a sua positividade passe a influenciá-las de maneira concreta. É tempo de passar adiante o sentimento de pertencer a uma unidade. CAPRICÓRNIO É possível que você sinta um desejo de encontros emocionais intensos. O que importa é a profundidade do sentimento e da relação. É tempo de aproveitar e aprender algo nas relações. AQUÁRIO O sentimento hoje pode ser bem de acordo com a música do Gonzaguinha: “Viver e não ter a vergonha de ser feliz!”. É tempo de vivenciar o puro interesse pelo significado da vida em si mesma. PEIXES Talvez o medo de encarar a realidade o esteja envolvendo em chateações desnecessárias, para evitar problemas. É tempo de perceber as preocupações que não merecem aborrecimentos.

24/07/2013 08:29:49


Comunidade

Jornal da Manhã

DIRETO DA FONTE Exportação com qualificação Usina de Ideias - DACEC usina@unijui.edu.br

Em atividade desde 2009, o núcleo do Projeto Extensão Industrial Exportadora (Peiex) localizado na região Noroeste do Rio Grande do Sul, tem se destacado no suporte às empresas gaúchas que desejam levar seus negócios para além das fronteiras brasileiras. Segundo o coordenador do Peiex, Tiago Terra, na última missão internacional realizada pelo Projeto, das 12 empresas integrantes do Peiex que viajaram ao exterior para divulgar seus produtos e serviços, cinco O Peiex é um pertenciam ao projeto que núcleo do Nose encaixa dentro de uma roeste Gaúcho, que funciona estratégia com o apoio da da Apex de Unijuí. tentar levar cada vez mais O Peiex, empresas para que é ligao mercado do à Agência externo Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), é a ponte entre as empresas de micro, pequeno e médio porte e o comércio exterior. O Projeto incrementa a competitividade e promove a cultura exportadora. “O Peiex é um projeto que se encaixa dentro de uma estratégia da Apex de tentar levar cada vez mais empresas para o mercado externo”, afirma o coordenador do Projeto. De acordo com ele, essas empresas passam por um processo de qualificação que as tornam mais competitivas e cientes da importância de estar em evidência no exterior. A capacitação oferecida pelo Peiex prepara o empresário para enfrentar os desafios da exportação. Para Tiago Terra, “além de agregar mais valor ao processo de negociação com mercados exteriores, a qualificação enriquece os saberes de empresários e funcionários que ganham mais conhecimento”.

Unimed recebe Selo de Responsabilidade RECONHECIMENTO A Unimed Noroeste/RS foi agraciada com o Selo Unimed de Responsabilidade Social 2013, conferido pela Unimed do Brasil. Esta é a terceira vez consecutiva que a cooperativa recebe a distinção. O selo é um reconhecimento à incorporação de ações de sustentabilidade na gestão. No Rio Grande do Sul, receberam o reconhecimento a Federação Unimed/RS e 21 singulares. O selo evidencia as práticas socialmente responsáveis executadas através do sistema cooperativista médico. No caso da Unimed Noroeste/RS, a responsabilidade socioambiental está inserida entre as diretrizes do Planejamento Estratégico, reforçando a aproximação da Cooperativa Médica com diferentes públicos. “O conceito de responsabilidade socioambiental

está incorporado às práticas das diferentes áreas, evidenciando o compromisso com a vida e a saúde”, frisa o presidente Leandro Roberto Oss Zambon. A certificação pela Unimed do Brasil é conferida a partir do diagnóstico elaborado com base nas informações encaminhadas pelas cooperativas. O processo contribui para auxiliar federações e singulares a constatarem seus pontos fortes e seus desafios em responsabilidade social corporativa, sendo possível, ao examinar os resultados, identificar oportunidades de aprimoramento em cada tema abordado. A entrega do certificado ocorreu durante o Simpósio das Unimeds do Estado do Rio Grande do Sul (Suergs), realizado na última sexta-feira, em Porto Alegre. O presidente Leandro Zambon recebeu a certificação do diretor do Instituto Unimed, Alcides Mandelli Stumpf.

Quarta-feira, 24 de julho de 2013

15

EM MEMORIA AO 3º MÊS DE FALECIMENTO E ANIVERSÁRIO

JOÃO DA SILVA *24/07/1954 +29/04/2013 Dizem que a saudade não tem cor, mas não é verdade, ela é cinza como um dia de chuva. Dizem que a saudade não tem sabor, mas não é verdade, ela tem o gosto salgado de uma lágrima. Dizem que a saudade não dói, mas não é verdade, ela dói tanto que não cabe no coração. Já faz três meses que o senhor partiu e hoje estaria completando mais um ano de vida, alguém que eu passaria o resto dos meus dias. Alguém que eu morro de orgulho por poder dizer: Aquele foi o CARA! Ele foi meu, esposo, pai, avô, irmão, tio, sogro, genro, foi um verdadeiro herói. Foram gargalhadas, sorrisos e o coração de uma família toda. Foi HOMEM! Perder um amor, dói. Um amigo, dói. Mas perder alguém que você tem na sua vida desde o dia que veio a esse mundão pela primeira vez é uma dor incurável.  Sentimos falta dos sorrisos no café da manhã, das piadas no fim da tarde, falta de vê-lo tão serenamente dormindo com uma paz no rosto impossível de ser descrita.  Queríamos que você nos pegasse em seu colo nem que fosse pela última vez, assim como fez na primeira vez em que nos viu. Queríamos que por uma última vez ele bagunçasse seu cabelo e passasse a mão na sua cabeça.  Poderíamos sentir a falta de milhões de coisas ou pessoas, ainda assim nada e nem ninguém faria sobrar tanta falta em nós como você faz. Queríamos ter presença para poder agarrar e apertar, mas hoje fizemos isso em pensamento e tendo a certeza de um dia poder o reencontrar. É o nosso coração inteiro que vamos ter conosco pra sempre e que vai ser uma saudade eterna.  Hoje o céu está em festa. Parabéns meu velho! Saudades eternas da esposa, filhos, netos, irmã, genros, noras, sogra, sobrinhos. Ijui 24 de julho de 2013

Esta é a terceira vez consecutiva que a cooperativa recebe a distinção

HOMENAGEM AO 1º MÊS DE FALECIMENTO CAUÊ SCHOLLES DE MORAES Os dias ficam sem por quê e diferentes, diferente, pois você não esta mais aqui! É cada momento e lembrança boa que poderíamos ficar horas e horas falando e mesmo assim não terminaria! Cada momento bom, meu amigo, cada momento engraçado, engraçado de tanto que rimos que até a barriga começava a doer. Inexplicável o que a vida faz com os melhores guerreiros que o mundo já teve a honra de abrigar, mesmo que lá de longe você está nos vendo, nós queríamos ver e ter você cada vez mais perto, te dar um abraço e ter de volta tua companhia para poder refazer tudo que convivemos e fazer muito mais. Quero que saiba que de forma alguma tua passagem por minha vida, pela vida dos teus pais, dos teus irmãos, da tua namorada, dos teus amigos e das demais parentes que te amavam, não foi somente uma passagem, foi muito mais que isso, você foi e sempre será um exemplo, um exemplo de lutar pela vida, um verdadeiro guerreiro, e só temos a agradecer por ter tido a oportunidade de conhecer uma pessoa tão especial como você, que jamais desanimou, não importando o que acontecesse. Adoramos-te muito, Cauê Guerreiro! Homenagem do amigo Juliano Schevinsky. Ijui, 24 de julho de 2013.

P15_new2 esta.indd 1

24/07/2013 09:26:29


www.jmijui.com.br

FRIO intenso

Região tem temperaturas negativas Ontem, temperaturas ficaram abaixo das registradas na segundafeira. Geada foi visível nas primeiras horas da manhã. Pág. 4

MAIS MÉDICOS

Secretários municipais se posicionam a favor Cerca de 600 gestores de saúde participaram de congresso de lançamento do programa em Porto Alegre. Pág. 4

mobilização Em dez Estados, médicos paralisaram o atendimento em protesto contra o Mais Médicos. Pág. 4

EDITORIAL As famílias precisam de ajuda, mas também precisam de ações que as ajudem a conviver com a realidade a que estão inseridas. Pág. 6

MUDANÇAS PREVISTAS

O prefeito em exercício, Ubirajara Teixeira, já solicitou um estudo técnico sobre a viabilidade de mudança da Escola Fazenda do Imeab, hoje nas margens da BR-285, para as instalações do antigo Instituto de Menores, no distrito de Santana. O objetivo é criar um novo distrito industrial e ampliar as instalações do Parque de Exposições. Pág. 3

COMPETIÇÃO

Juniores do São Luiz disputam copa Categorias Sub-14 e Sub15 do rubro disputam fase de grupos da 12ª edição da Copa Sul-Brasileira em Colinas, na Serra Gaúcha. Pág. 12

PENSADO E DITO: "Consciência é uma palavra usada pelos covardes para incutir medo aos fortes." Willian Shakespeare, dramaturgo e poeta inglês

Ultima.indd_verda.indd 1

24/07/2013 09:26:48


Jornal da Manhã 24.07.2013