Issuu on Google+

ANO II - Nº 125 - FEVEREIRO DE 2011

As Primas levam humor e descontração à região Atores Luís Irgang e Alano Fernandes interpretam a irreverência das primas Milka Rotweiller e Irma Volkswagen em eventos realizados pelo Estado contracapa

Vivenciando o ensino de Educação Física na Alemanha

Lélis Larissa Scharb, acadêmica do curso de Educação Física da Unijuí, realizou intercâmbio na cidade de Tübingen, na Alemanha página seis

Excellence: de Beatles ao Heavy Metal

Banda ijuiense mescla músicas de várias bandas em seu repertório, agradando ao público mais seleto e adepto ao rock’n’roll páginas seis e sete


2

ANO II - Nº 125 - FEVEREIRO 2011

Agenda

Humaitá se prepara para a 23ª Festa Campeira Será realizada, de 4 a 6 de março, a 23ªFesta Campeira de Humaitá. O evento terá como atração principal o show com Mano Lima, que ocorre no sábado. O evento, promovido pelo CTG Epopeia Farroupilha, acontecerá no Parque de Rodeios Alfredo Schuster, com apoio da prefeitura de Humaitá e da

20ª Região Tradicionalista. Para receber o público, foi construído um novo galpão para a realização dos shows, com espaço mais amplo que o antigo. Além dos shows, serão realizadas diversas provas campeiras, dentre elas tiro de laço, raspadinha e gineteada.

Sesc promove Circuito de Literatura De 22 a 25/03/2011, estará acontecendo no Teatro do Sesc Ijuí, às 19 horas o Circuito de Literatura. Aos participantes será concedido atestado de horas. Programação: Dia 22 de março: Debate: Literatura Feminina - Mulheres sem receita. Debatedores: Cintia Moscovich e Telma Scherer Mediação: Larry Wiznievsky Local: Teatro do Sesc, às 19h. Oficina Criativa de Contos: Dias 23, 24 e 25 de março, às 19hA proposta da oficina é desenvolver a escrita criativa e a sensibilização para o texto, além de trabalhar exercícios de escrita de contos e minicontos, com o emprego dos diferentes tipos de narradores e perspectivas narrativas, além de técnicas de desbloqueio e de percepção do texto. Ministrante: Cintia Moscovich. As vagas são limitadas e a inscrição

deve ser realizada até o dia 22 de março, no Sesc Ijuí.

Em comemoração ao 1º ano do Cineclube do Centro Cultural 25 de Julho de Panambi, será exibido domingo o filme "Tropeiro Velho" do Teixerinha. Haverá distribuição de pipoca. A entrada é franca. Os organizadores convidam a população a chegar mais cedo ao local, para conversar e celebrar a conquista.

O filme Tropeiro Velho, de Teixeirinha será exibido no domingo

Caminhada de Carnaval terá início na próxima semana Terá início no dia 28 de fevereiro a Caminhada de Carnaval no Caminho das Missões. O roteiro é direcionado para aqueles que preferem uma atividade alternativa à folia carnavalesca, para conhecer a história das Missões e a cultura local. O roteiro parte de São Borja, percorrendo os 325km de caminhada até Santo Ângelo em 13 dias. No dia 5 chegam em São Nicolau, local em que os

Casa da Saúde do Sesc estará em Ijuí no mês de março A Casa de Saúde do Sesc estará em Ijuí, de 15 a 27 de março. Durante reunião, o gerente do Sesc em Ijuí, Ronaldo Soares, falou do projeto e da importância da Casa da Saúde para Ijuí: “cada espaço da casa será usado para a apresentação de um grupo de doenças. Por exemplo, na cozinha, apresentaremos doenças como colesterol e triglicerídeos”. Ronaldo também afirmou que a casa gerará empregos temporários na cidade, pois os profissionais que trabalharão na casa serão selecionados em Ijuí. Somente seis municípios do Rio Grande do Sul serão contemplados com a casa em 2011, e Ijuí é um dos selecionados. A estrutura conta com

Cineclube do Centro Cultural 25 de Julho comemora seu primeiro aniversário

300 metros quadrados, onde estarão atuando profissionais por meio do Programa Saúde Sesc. Dentro da casa, acontecerão ações de promoção e prevenção à saúde da população nas áreas de saúde bucal e visual, prevenção de doenças crônicas não degenerativas (colesterol, triglicerídeos, diabetes e hipertensão), prevenção ao câncer (mama, colo de útero, próstata, pele e bucal, de doenças sexualmente transmissíveis e ainda a prevenção da doença de Alzheimer. Durante o encontro, surgiu a ideia de ao lado da Casa de Saúde, ser implantada uma barraca do programa de combate à dengue do município “Ijuí contra a dengue”, assim como outros programas de saúde municipais.

Expediente Panorama Regional Gráfica e Editora Jornalística Sentinela LTDA - CNPJ : 87.657.854/0001-23 Panorama Regional circula encartado nos jornais Jornal da Manhã (Ijuí), Folha das Máquinas (Panambi, Condor, Santa Bárbara e Pejuçara), Vila Liberdade (Condor, Panambi, Ajuricaba e Nova Ramada), Semanário (Tupanciretã), Tribuna Livre (São Paulo das Missões, Alecrim, Porto Lucena, Porto Vera Cruz e Santo Cristo), Atualidades (Três Passos), Expresso (Cruz Alta), Jornal Integração Regional (Jóia, Entre Ijuis, Eugênio de Castro, São Miguel das Missões, Vitória das Missões e Augusto Pestana), Folha de Catuípe (Catuípe), Folha Popular (Tenente Portela), Tribuna Alto Jacuí (Lagoa Três Cantos, Tapera, Espumoso, Selbach, Ibirubá, Victor Graeff), Impacto Regional (Humaitá, Sede Nova, Crissiumal, Tiradentes do Sul, Três Passos, Bom Progresso, Campo Novo), Correio Regional (Não-Me-Toque, Victor Graeff, Ernestina, Tio Hugo e Colorado Novo) e Novo Noroeste (Humaitá, Nova Candelária, Sede Nova, Bom Progresso e Campo Novo), O Sentinela (São Francisco de Assi), Cooperjornal (Três de Maio, Alegria, Boa Vista Buricá, Campina das Missões, Cândido Godoi, Crissiumal, Doutor Mauricio Cardoso, Giruá, Horizontina, Humaitá, Independência, Nova Candelária, Novo Machado, Porto Mauá, Santa Rosa, Santo Cristo, São José do Inhacorá, São Martinho, Sede Nova, Tiradentes do Sul, Três Passos, Tucunduva e Tuparandi), A Notícia (Catuípe). Colaboradores: Josemar Martins (Jornal Folha), Marla Delós Edição: Damaris Rubert Diagramação: Nilton Golle. Telefone: (55) 3331-0300 |panorama@jornaldamanhaijui.com | Impressão: Cia de Arte - Ijuí/RS

peregrinos que percorrerão os 170 quilômetros finais unem-se ao grupo para os sete últimos dias de caminhada. No dia 9 o grupo alcança São Miguel das Missões. Nessa cidade, os caminhantes que optaram em percorrer os últimos três dias estarão esperando o grupo para os 72 quilômetros finais. Para outras informações ou inscrição : caminho@caminhodasmissoes.com.br ou pelo telefone (55) 3312 9632.

Yallah Music Hall sediará a primeira edição do CarnaRock Será realizado no sábado, no Yallah Music Hall de Santo Ângelo o CarnaRock. Esta é a primeira edição do

evento. Três bandas devem animar o evento: Hard Stork, Iron Maiden Cover e Fallen.

Santa Rosa oportuniza a descoberta de talentos através da Escola Municipal de Teatro Os alunos da rede municipal que tiverem interesse em participar da Escola Municipal de Teatro podem procurar, nos turnos da manhã e tarde, o Centro Cívico e Cultural de Santa Rosa. Este ano também existem vagas para alunos novos com a idade de 3 até 6 anos. A Escola Municipal de Teatro conta com vários grupos teatrais: Arteiros, Arteirinhos, Poker Face, Inside e Brigada em Cena. Em 2010 foram realizadas várias apresentações no município e em diversas

cidades da região. Para este ano, a coordenação está trabalhando com uma agenda programada. As apresentações deverão ser marcadas antecipadamente pelas escolas ou entidades interessadas em peças teatrais. A busca constante de novos talentos é muito importante para a arte de representar, segundo a professora coordenadora, Rojane E. dos Santos Fuchs, “Há mais de 10 anos, o amor pela arte de representar faz a diferença no envolvimento na rotina teatral de Santa Rosa”.

Carnaval na Praça abrirá folia ijuiense O Carnaval na Praça 2011 será realizado na sexta-feira, dia 4 de março, abrindo as programações do Carnaval ijuiense. A animação será de Pimenta e seus Comparsas, das 20h às 24h. A Praça da República receberá blocos e foliões de toda a região. A entrada é franca. A promoção é da Coordenadoria Especial de Cultura, da prefeitura de Ijuí.


G e r a l

História de santarosense vai virar filme O caso da menina Poltergeist, que ficou conhecido no Brasil inteiro em 1988, será relatado em um dos episódios de Histórias Extraordinárias. A menina, quando tinha 13 anos, movimentava objetos, provocava ruídos, estouros de lâmpadas, entre outros fenômenos, aguçando a curiosidade de pessoas e da imprensa do Estado e até do país O caso da menina Poltergeist, que ficou conhecido no Brasil inteiro em 1988, será relatado em um dos episódios de Histórias Extraordinárias A história da santa-rosense Leonice Fritz será registrada em um episódio da série Histórias Extraordinárias. As gravações sobre o caso da menina Poltergeist foram realizadas no início de fevereiro, na localidade de Rincão da Boa Vista, interior de Santa Rosa. O curta-metragem resgata a história dos poderes de Leonice Fritz, que em 1988, se tornaram manchete nacional. A menina, então com 13 anos, movimentava objetos, provocava ruídos, estouros de lâmpadas, entre outros fenômenos. O curta-metragem Ruídos do Espírito foi gravado no local onde Leonice viveu sua infância e parte da adolescência com a família. A direção da história é de Marta Biavaschi e o roteiro de William Mayer.

As gravações sobre o caso foram concluídas no início de fevereiro no interior de Santa Rosa O documentário faz parte da temporada 2011 de Histórias Extraordinárias que será apresen-

ANO II - Nº 125 - FEVEREIRO 2011

3

Rasta Blues é indicado ao Prêmio Açorianos de Música A banda Rasta Blues, nascida em Santo Ângelo em 1999, recebeu 3 indicações ao Prêmio Açorianos de Música que premiará os melhores de 2010. Em 1999, a Banda Rasta Blues ganhou o Festival Estadual de Música Estudantil "Coração de Estudante" com a composição "Sem Ti", divulgada nos meios de comunicação da cidade e da região. Em 2000, a banda gravou o primeiro single, com dez músicas (quatro próprias e seis releituras). A partir daí o grupo passou a fazer shows realizados em Santo Ângelo, São Luiz Gonzaga, São Borja, Ijuí, entre outros municípios. Em 2001, fez show na 10ª Feira Internacional do Milho Fenamilho, em Santo Ângelo, além de apresentação com a banda de rock Bandaliera. Hoje, a Rasta Blues é formada por Mateus Pizetta, Leandro Seivald "Barba", Rodrigo Menezes "Esqueleto", Jorge Vicente Sant'Anna e Igor Ramiro Martins. Radicada em Porto Alegre desde 2002, a banda tem realizado shows nas melhores casas do Rio Grande do Sul e fora dele, com participações especiais de músicos consagrados no cenário reg-

gae nacional e internacional. Destacam-se, entre outras, as apresentações nos 'Fórum Social Mundial' de 2005 e 2010; as participações em show com The Congos, Leões de Israel, Djamb, Midnite e Ponto de Equilíbrio e participações ao vivo no programa Radar da TVE-RS. Em agosto de 2010 a banda realizou o show de pré-lançamento do CD "De volta à Criação" em Santo Ângelo durante a 18ª Semana Cultural do município. Em outubro realizou o lançamento oficial do CD no Bar Opinião, em Porto Alegre, com participação especial de Solano Jacob. Por onde a banda passa tem conquistado fãs e surpreendido os mais críticos apreciadores do reggae e da música em si. Tal reconhecimento agora foi consolidado com três indicações ao mais importante prêmio artístico da capital gaúcha, o Prêmio Açorianos de Música. As indicações no gênero reggae foram para: compositor Mateus Rasta por "De Volta à Criação" de Rasta Blues; Intérprete Mateus Rasta por "De Volta à Criação" de Rasta Blues e disco "De Volta à Criação" de Rasta Blues.

tada a partir de abril, em Curtas Gaúchos, aos sábados, após o Jornal do Almoço, na RBS TV.

O caso da menina Poltergeist Os fenômenos vieram a público em abril de 1988, quando foi estampada na capa de um jornal, uma foto da menina erguendo o colchão de sua cama sem tocar. Uma equipe de TV também foi até o local e ao chegar, seus equipamentos não ligavam. Após algum tempo o câmera conseguiu fazer a mesma gravar as imagens e os sons. Ouviaram-se batidas nas paredes de madeira do quarto de Leonice. Quem conhece a história, conta que pratos decolavam da mesa de jantar, levitavam como disco-voadores, depois se espatifavam contra a parede. Luzes piscavam na roça de milho, espíritos apareciam para um bate-papo, comunicando-se por meio de batidinhas e toques, cadeiras se arrastavam sozinhas, colchões se retorciam, lâmpadas estouravam fulminadas pelo olhar. Segundo o pai da garota, Arnildo Fritz, o medo tomou conta da família em novembro de

1987 quando coisas estranhas começaram a aparecer. Primeiro foram papéis picados em baixo da cama da filha; depois vieram os

ruídos nas paredes e outros fatos inexplicáveis como lâmpadas que explodiam ou baldes de água que se locomoviam.

Nascida em Santo Ângelo, a banda recebeu três indicações ao prêmio

Região recebe a visita de Zulu King Nino Brown

Os fenômenos vieram a público em abril de 1988, quando a história ficou conhecida em todo o Estado

O Hip Hop santoangelense viveu um grande momento no sábado, quando esteve no auditório do Centro Municipal de Cultura o presidente da Zulu Nation Brasil, Zulu King Nino Brown, falando sobre a Cultura Hip Hop. Nino Browm viu o Hip Hop brasileiro nascer, crescer, e evoluir ao longo das últimas três décadas. Em 1994 mandou uma carta ao Afrika Bambaataa, criador da Universal Zulu Nation, com o intuito de agregar mais informações sobre a história do Hip Hop,

de como começou no Bronx. Junto a isso, mandou informações sobre o Hip Hop brasileiro. Em resposta, recebeu um questionário com 30 perguntas referentes à sua conduta pessoal. A partir daí então, foi nomeado Zulu King Nino Brown, responsável em fundar a Zulu Nation Brasil em 2002, sob as Normas Básicas da Universal Zulu Nation. Ele trabalha na Casa do Hip Hop de Diadema como historiador da Cultura Hip Hop e Afrodescendentes há mais de 10 anos.


4

ANO II - Nº 125 - FEVEREIRO 2011

MundodasEstrelas

Roberto Carlos abre festival e ganha prêmio no Chile O cantor Roberto Carlos abriu na noite de segunda-feira a 52ª edição do Festival Internacional de Viña del Mar, com um show marcado por antigos sucessos do rei. Vestido de branco, Roberto Carlos iniciou sua apresentação com Emoções, e foi acompanhado por cerca de 15 mil pessoas, que lotaram o anfiteatro de Quinta Vergara, local do festival. O rei voltou ao Festival de Viña del Mar após 22 anos. Após mais de 90 minutos de show, o rei recebeu duas tochas, uma de ouro e outra de prata, e uma Gaivota de Prata, os máximos prêmios concedidos pelo público no Festival de Viña del Mar.

Marina Silva pode ter sua vida retratada no cinema A ex-senadora Marina Silva pode ter sua história de vida exibida no cinema. A cineasta Sandra Werneck - a mesma que fez Cazuza e Sonhos Roubados - está conversando com Marina para adaptar a biografia Marina - A Vida Por Uma Causa para as telonas.

Deborah Secco vai à estreia de 'Bruna Surfistinha'

Lady Gaga e Elton John viram personagens de 'Os Simpsons'

A atriz Deborah Secco e diversas celebridades prestigiaram na noite de segunda-feira a préestreia do filme Bruna Surfistinha que aconteceu no Rio de Janeiro. O filme conta a história verídica de Raquel, uma jovem de classe média paulistana que tomou a decisão de se tornar garota de programa. Com o apelido "Bruna Surfistinha", ela conta suas "aventuras" em um blog, que, depois acabou se tornando o best seller O Doce Veneno do Escorpião (2005).

>>Viviane Araújo na Sapucaí A dançarina Viviane Araújo investiu R$ 40 mil na compra de pedras e cristais para a fantasia de Capitão Nascimento que usará no desfile da Salgueiro. Foram compradas 500 pedras ônix e 60 mil critais Swarovski. O estilista Guilherme Alves disse que Viviane brilhará muito na Sapucaí.

>>Famosos no Carnaval do Rio O diretor do filme de animação Rio, Carlos Saldanha, confirmou que vai desfilar na escola de samba Salgueiro e estará nos três dias de folia no Camarote do Bar Brahma. Há rumores de que os atores Anne Hathaway e Jamie Foxx, que participaram da dublagem do filme, também marquem presença no camarote.

>Crônicas de Nárnia Lady Gaga e Elton John ganharam seus próprios personagens no desenho Os Simpsons. No episódio dedicado ao Oscar, os cantores aparecem também ao lado da atriz Halle Berry e de Russell Brand, marido de Katy Perry.

Todo ano, existe um prêmio chamado Movieguide Faith and Values Awards (Prêmio de Fé e Valores no Cinema) cedido aos filmes que mais se enquadram nos preceitos cristãos. E quem ganhou na edição deste ano foi Crônicas de Nárnia: A Viagem do Peregrino da Alvorada.

Araguaia - Globo Vitor invade a fazenda de Max Manuela acredita que o nascimento do filho de Estela salvará a vida de Solano, que convida Estela para voltar a morar na estância. Max revela a Amélia que sabe de seu caso com Vitor e a ameaça caso ela o abandone. Geraldo acaba revelando para Vitor que Max foi o autor dos atentados que ele sofreu. Solano implora que Manuela o perdoe e reate o namoro. Vitor invade a fazenda de Max e afirma que vai levar Amélia embora.

Ti-Ti-Ti - Globo Magali rouba um beijo de Gino Stéfany diz para Desirée que Jorgito se apaixonou por ela. Desirée fica indignada com a traição de Jorgito. Armandinho conta para Jorgito que Stéfany armou a história do sequestro. Magali rouba um beijo de Gino e se oferece para ser a mãe dos seus filhos. Julinho se decepciona com Thales. Suzana ouve Ariclenes dizer que quem faz as roupas de Valentim é a mãe de Jacques.

Insensato Coração -

Globo

Natalie consegue sair no jornal

Sônia pede para Carol fazer um exame para confirmar a gravidez. Eunice fica radiante com a notícia da condenação de Pedro. Irene acusa Marina pelo acidente do primo. Natalie entra com Vicente na boate. Nelson apresenta Natalie para Wagner. Alice diz a Carol que André precisa saber de sua gravidez. Léo cede para Marina a sua vez de visitar Pedro e ela fica agradecida. Natalie consegue sair no jornal. André volta de viagem e procura Carol.


Geral

Piquete Farrapo resgata tradições gaúchas no Rodeio Crioulo Às margens da RS 514, em Ajuricaba, peões e prendas de toda a região se reuniram para participar do Rodeio Crioulo Tiro de laço, gineteada, raspadinha, apresentações de ginetes convidados... foram inúmeras as atrações do Rodeio Crioulo do Piquete Farrapo, realizado no final de semana em Ajuricaba e que contou com a participação de pessoas de toda a região. Além das provas campeiras, um baile com o Grupo Furacão Gaúcho, de Ajuricaba, animou o evento no sábado à noite. O rodeio do Piquete Farrapo estava marcado para ocorrer em dezembro de 2010, mas foi transferido para o último final de semana devido à chuva. A programação foi realizada em parceria com o CTG Sentinela da Ramada, de Nova Ramada.

ANO II - Nº 125 - FEVEREIRO 2011

5

Ator de Ibirubá orienta o trânsito nas sinaleiras Um jeito bem humorado de orientação no trânsito foi a maneira com que a secretaria de Assistência Social do município de Ibirubá encontrou para orientar os motoristas e pedestres a respeitarem a sinalização de trânsito junto aos novos semáforos na cidade. O "Seu Prudêncio", personagem do ator Gilmar dos Santos, se posiciona junto ao semáforo chamando a atenção dos motoristas para respeitarem a faixa de segurança e aos pedestres para que usem a faixa somente quando sinal estiver liberado para eles. A iniciativa da Secretaria de Ação Social, juntamente com a

Divisão de Trânsito do município, tem o objetivo de conscientizar a população e os condutores de veículos a respeitarem a faixa de segurança. Com os novos semáforos instalados recentemente na cidade, com sinal para pedestres, a iniciativa foi bem recebida pela população, contribuindo para que, tanto motoristas quanto pedestres conheçam e respeitem as regras de trânsito, possibilitando uma convivência harmônica e respeitosa entre eles. O "Seu Prudêncio" deverá continuar o seu importante trabalho de educação no trânsito, especialmente agora que se aproxima o final das férias escolares.

Provas campeiras e apresentação de ginetes foram realizadas durante o rodeio

Malabares marcou o retorno às aulas em Três de Maio Mais de dois mil estudantes iniciaram suas atividades letivas na Setrem na segunda-feira. Para alguns, o momento foi marcado pela oportunidade de rever amigos, outros de conhecer a instituição, sua estrutura e novos colegas. Todos foram recepcionados pela direção, coordenadores e professores na entrada do Campus. Os alunos divertiram-se com apresentação de malabares com fogos, através de grupo oriundo de Três Passos, vindo especialmente para a ocasião. À tarde inúmeras brincadeiras ocorreram na Unidade de Educação Infantil da Instituição. Iniciaram as atividades letivas os pequenos do Pré I e II. No Campus, entraram em sala de aula, com muito entusiasmo, as turmas vespertinas dos cursos técnicos: De-

sign Gráfico, Design de Moda, Design Móveis, Agropecuária e Informática. À noite, foi a vez de estudantes dos nove cursos superiores (Administração, Agronomia, Enfermagem, Engenharia de Produ-

ção, Pedagogia, Psicologia, Sistemas de Informação, Tecnologia em Design de Moda e Tecnologia em Rede de Computadores) e turmas de técnicos noturnos (Informática, área do Design, Gerência Empresarial e Vendas).

Grupo de Três Passos realizou apresentação de malabares com fogos

"Seu Prudêncio" se posiciona junto ao semáforo, orientando os motoristas

Carazinho terá parque ecológico O município de Carazinho terá o seu primeiro parque ecológico. Trata-se de uma área de 2,8 hectares de mata nativa, localizada no centro da cidade. Na criação do Parque do Sabiá - referência às espécies de pássaros que se hospedam no local - serão investidos R$ 195 mil, liberados pelo Ministério do Turismo e mais R$ 24 mil do Fundo Municipal do Meio Ambiente. Estão previstas trilhas ecológicas com identificação das espécies existentes no parque. Um dos objetivos é promover, pelo menos duas

vezes por semana, caminhadas com orientação de biólogo. Como os recursos para investimento estão disponíveis, é possível prever para o fim do primeiro semestre a liberação do parque à comunidade. Em volta da área será construído um calçadão para caminhadas. Integra ainda o projeto a colocação de bancos, mesas para leitura e jogos de xadrez, dama e dominó. Para garantir a segurança, foi firmada parceria com a Brigada Militar e a Polícia Ambiental.


6

Conteúdo

ANO II - Nº 125 FEVEREIRO DE 2011

À espera de oportunidades A Excellence é uma banda de Hard Rock ijuiense, formada por Valterson Wottrich (vocal e guitarra), Lucas Prauchner (guitarra), Marcos Rigoli (bateria) e Robson Van Der Ham (baixo). Na região, a banda ainda procura espaço e oportunidades. Ao Panorama, os integrantes relatam a história da Excellence, além de destacarem as expectativas para o futuro musical Conte um pouco sobre a história da banda: Até o segundo semestre de 2004, eu (guitarrista), Marcos (baterista) e Cilas (baixista da primeira formação da banda) tocávamos em uma banda chamada Fallen Angel. Após mudanças de cidade de alguns integrantes, a Fallen Angel terminou, mas nós três continuamos tocando juntos e planejando uma nova banda, a Excellence, que viria a estrear em julho de

2005. A proposta foi, desde o princípio, mesclar elementos de diversas vertentes do rock e do heavy metal, mas buscando desenvolver uma identidade própria. Por diferenças de interesse musical ou por motivos pessoais, tivemos mais algumas mudanças de integrantes durante este período. Com a entrada do Valterson (vocalista, em 2006) e do Robson (baixista, em 2008) para a banda, estabilizamos a formação e consegui-

mos moldar o "som da Excellence", que é o que pode ser escutado no nosso primeiro CD, "Against the Odds", lançado no final de 2010. O Marcos Rigoli escreveu uma carta, na qual destacava a falta de apoio dos ijuienses à banda. Você acha que isso é uma forma de preconceito? Valterson: Acredito que esse desabafo do Marcos foi mais específico em relação à reclamação de que às vezes a banda pas-

sa por uma situação interessante. A gente tem muito orgulho do que faz e sabe que faz isso de uma forma similar a qualquer banda top de Porto Alegre. Às vezes a gente não toca aqui em Ijuí por ter um som muito "pesado", enquanto que, em muitos casos, são contratadas bandas de "Porto Alegre" que fazem um som muito mais "pesado" do que o nosso e os donos de boate acham o som dos caras plenamente audíveis. Nós temos um show chamado "Clássicos do Rock" no qual eu duvido que quem conheça o mínimo de rock não tenha ouvido TODAS as músicas desse show. Mas os donos de casas de shows acham inviável a realização de qualquer evento por ser o som muito "pesado". Existe uma falta de parâmetro muito grande e que transparece uma visão muito pequena em se contratar algo simplesmente pelo fato de ser de "local x ou y" não se levando em conta a qualidade do que se procura. Atualmente, o que vocês acham do espaço dado ao rock? O que vocês acham das músicas que hoje são tendênci a (Justin Bieber, Lady Gaga), além do sertanejo universitário? Valterson: Acho que isso é relativo. O Brasil sempre foi um país extremamente imediatista e na música não poderia ser diferente. Todo produto quando

é útil é uma maravilha e quando deixar de ser vai ser descartado e desconsiderado todo seu valor positivo. O Rock acaba vinculado e rotulado a algumas coisas negativas, o que é totalmente descabido. Mas isso é relativo. Ontem vi uma reportagem sobre os músicos que mais faturaram em 2010 e em 2º lugar ficou a banda Bon Jovi (faturamento de U$ 30,4 milhões), atrás somente de Lady Gaga (faturamento de U$ 30,5 milhões). Veja que a diferença foi mínima. Acho que, hoje, em relação à exposição e faturamento, vivese do investimento e da estratégia que se aplica. Infelizmente, não temos possibilidade de fazer esse investimento para dar início a uma carreira mais sólida com a banda, mas o fato de lançar o CD nos deu essa visão da banda ter que funcionar como uma empresa e sem ter compromissos "burocráticos". Particularmente, acho que o resultado do sucesso de qualquer banda ou artista, independente do estilo, passa, especialmente, pelo investimento em divulgação. Após um tempo se colhem os frutos. Estamos fazendo nossa parte para tentar começar a plantar. Como é o público que admira o trabalho de vocês? Em comparação há anos anteriores, aumentou ou diminuiu o número de pessoas que curtem o bom e velho rock'n'roll?

Atividade física abaixo de zero

Lélis Larissa Scharb Acadêmica de Educação Física da Unijuí / Campus Santa Rosa, intercambista na cidade de Tübingen, Alemanha

O que é um frio de 0°C para quem está acostumado a viver com uma estação do ano inteira com temperaturas variantes a 15°C negativos? Essa é a situação em que o povo germânico vive, mais precisamente os habitantes da cidade de Tübingen, situada no estado de Baden Wurttemberg, ao sul da Alemanha. Uma cidade pequena com aproximadamente 25 mil habitantes, tipicamente alemã e que conserva até hoje a arquitetura antiga de suas casas e ruas. Dias extremamente frios, neve por toda parte, estradas e árvores completamente brancas, garoa, são sintomas de um inverno rigoroso e lindo que ocorrem nos meses de dezembro, janeiro, fevereiro e março, os meses mais frios dessa nação alemã, localizada no centro do continente Europeu, e que não impede de forma alguma a prática da atividade física por aqui, muito pelo contrário, motiva. A prática de exercícios físicos é muito forte nessa região, talvez por uma das melhores universidades do esporte - Institut für Sportwissenschaft - estar situada aqui. Com uma estrutura para todos os gostos esportivos, a Universidade sedia espaços da sua própria casa para a prática de esportes dos demais habitantes de Tübingen, com uma lista considerável de propostas como Ginástica Aeróbica, Voleibol, Basquetebol, Handball, Ping-Pong, Dança (Hip-hop, Salsa, Balet), Natação, Judo, Karate, Taekwondo, Rapel, entre muitos outros, a maioria de forma gratuita ou então com custos bem acessíveis, oportunizando, assim, um grande número de aderentes ao esporte, tendo em cada

uma dessas modalidades alunos da própria Universidade como instrutores. Outro lugar bastante frequentado durante o inverno são as piscinas térmicas, abertas durante todos os dias da semana, com aulas de natação para crianças e adultos, que proporcionam o lazer de famílias e amigos de forma barata, divertida e quentinha. Mas não é somente dentro de um ginásio que a atividade física acontece, pelas ruas é muito comum nos depararmos com pessoas caminhando, correndo, pedalando, pessoas carregando seus Skis, Snowboard e seguindo em direção às montanhas que existem em volta da cidade. Montanhas essas que atraem pessoas de todas as idades, e fazem a alegria das crianças que se divertem subindo e descendo com seus coloridos trenós. O hábito que as pessoas aderiram com o passar das gerações em relação à prática de exercícios é visivelmente percebida, com o incentivo e as oportunidades que são concedidas pela Universidade do Esporte e até mesmo pela própria estrutura da cidade. Com a chegada do inverno, pesquisa já realizada comprova o aumento do índice de depressão nesse país, pois a ideia do frio nos retrai a sair menos de casa, o dia se torna bastante curto e raramente o brilho amarelo do sol é visto, e a exposição ao sol então, é praticamente nula. E é assim que o hábito, a consciência e as oportunidades do esporte se combinam, conseguindo dessa maneira fazer a união da saúde física e saúde psicológica de um considerável número de pessoas.


Geral Seria complicado falar em números, mas podemos perceber alguns pontos interessantes. O primeiro é que o ouvinte de rock se mantém um ouvinte de rock por boa parte de sua vida, quando não por toda ela. Ele não despreza a música de que gostava há 20 anos atrás como o ex-fã do RBD, do Latino, da Banda Calypso despreza aquilo de que gostava há meio ano atrás. A descartabilidade da música "da moda" que o Valterson mencionou antes tem uma proporção bem menor no rock. E sempre há nos shows da banda este público mais velho que curte rock há muito tempo. Segundo, a quantidade de adolescentes, e até mesmo crianças, se interessando por rock atualmente é bastante significativa. Já vendemos muitos CDs para a gurizada com seus 10 a 15 anos, e muitos comentam que ficam tristes de não poder ir aos shows da banda, já que a maioria acontece em locais onde é proibida a entrada de menores. Enfim, se houvesse maior público para o rock, obviamente, seria ótimo, mas não se pode deixar de dar o devido valor a toda a galera que, "Against the Odds" (contra as circunstâncias), continua movimentando a nossa realidade rock regional. Ah, o nome do disco não é por acaso não! (risos) Como é o repertório da banda? Quais as músicas mais solicitadas durante os shows?

ANO I I- Nº 125 - FEVEREIRO 2011

7

O que é mais ou menos apaixonada Por Regis Mubarak stitch535@hotmail.com

Após o lançamento do CD, a maioria dos pedidos têm sido por músicas próprias da Excellenc

Robson: Depende do local e do público que vai assistir. Temos muitas músicas no repertório, mas adequamos a cada apresentação. Talvez não seja a melhor opção tocarmos as mais "pesadas" num show para o pessoal que curte o bom e velho rock'n roll, ou na situação inversa, tocar Beatles num festival de Heavy Metal. São ocasiões bem distintas. Lucas: E com relação às mais pedidas, muitas delas são as músicas que estão hoje no repertório da banda, justamente por termos levado em consideração os pedidos do público. Em geral, grandes clássicos de bandas como Led Zeppelin, Guns N' Roses, Iron Maiden, Kiss, Black Sabbath. Após o lançamento do CD, ficamos

A Excellence tem influências de vários estilos e bandas, mas não se identifica demasiadamente com alguma banda em específico

muito contentes de a maioria dos pedidos terem sido por músicas próprias da Excellence. Podem ter certeza, elas estarão nos próximos shows! Vocês se inspiram em alguma banda para fazer o som da Excellence? Lucas: Eu diria que a quantidade de influências, conscientes e inconscientes, da banda é bastante ampla e diversificada. E isto é legal para que o som da Excellence tenha uma cara própria. Você pode identificar influências de vários estilos e bandas, mas acho que conseguimos não parecer demasiadamente com alguma banda em específico. Robson: E nos inspiramos não apenas na parte musical, mas em todos os sentidos. Não adianta a banda compor excelentes músicas, mas não gravar seu material e levar o trabalho adiante. E é isso que faz bandas ou cantores se destacarem. Qual o sonho que vocês gostariam de realizar na carreira musical? Marcos: Tocar mais e no maior número de locais possíveis. Excursionar, quem sabe um dia para outros países. Isso realmente é um sonho, maior e improvável pra gente, mas o público do exterior que acompanha o nosso trabalho, pensa que a estrutura da Excellence é bem maior que a real, e sempre diz que espera ansioso por um show da gente no seu país, então... (risos).

Escrevi recentemente no final de 1 texto que estava mais ou menos apaixonada. Recebi emails me perguntando afinal como poderia estar mais ou menos? Não entrarei nos terrenos sociológicos, filosóficos e blá... blá... blá... Nem citarei grandes pensadores ou trechos de poesias maravilhosas. Minha justificativa é bem razoável e para todos aqueles que assim como eu, já passaram dos 30, vai ficar tri fácil de entender... aliás, entender não seria o termo, mas concordar com a minha humilde explicação. Se você tem menos de 30, (e isso independente de sua atual condição civil), apaixonar-se é uma loucura 24 horas por dia! Amor, sexo, amor, sexo, amor, sexo, etc, etc, etc... Seus pensamentos, seus projetos, suas expectativas, o ar que você respira, cada segundo da sua vida é interligada ao do ser amado e nada mais importa. Nada mesmo... Mas quando se passa dos 30, já nos apaixonamos umas 2 ou 3 vezes e toda a loucura passa a ser uma loucura (mais ou menos) controlada. A gente já não consegue se desconectar das responsabilidades, dos problemas, das outras pessoas que também fazem parte da nossa vida. Não é melancólico, triste, desesperador. Apenas é o mundo dos adultos. E infelizmente, transformar-se num adulto completo é complexo. Não se pode retornar no tempo. Doi as vezes. Ah sim como dói, mas a gente se apaixona muito intensamente. No entanto, essa loucura não poderá tomar as 24 horas do seu dia, senão quem enlouquece (definitivamente) é você! Me diz só... se eu estou equivocada? (Abaixo a letra original da canção "Todo se transforma," do cantor uruguaio Jorge Drexler, que é um presente a todos os que estão completamente apaixonados ou mais ou menos ou tipo assim... vão se apaixonar loguito, por esses dias que virão!) Tu beso se hizo calor/Luego el calor, movimiento/Luego gota de sudor/Que se hizo vapor, luego viento/Que en un rincón de la rioja/Movió el aspa de un molino Mientras se pisaba el vino/Que bebió tu boca roja/Tu boca roja en la mia/La copa que gira en mi mano/Y mientras el vino caía/Supe que de algún lejano/Rincón de otra galáxia/El amor que me darias/Transformado, volveria/Un día a darte las gracias. Cada uno da lo que recibe/Y luego recibe lo que da/Nada es más simple/No hay otra norma: Nada se pierde/Todo se transforma. El vino que pagué yo/Con aquel euro italiano/Que había estado en un vagón/Antes de estar en mi mano/Y antes de eso en Torino/Y antes de torino, en prato/Donde hicieron mi zapato/Sobre el que caería el vino/Zapato que en unas horas/ Buscaré bajo tu cama Con las luces de la aurora/Junto a tus sandalias planas/Que compraste aquella vez/En salvador de Bahia/Donde a otro diste el amor/Que hoy yo te devolvería

Pretzel Ingredientes: Massa: 3 xícaras (chá) de farinha de trigo 1/2 xícara (chá) de água morna 1/2 xícara (chá) de leite morno 20 g de fermento biológico seco 1 pitada de sal 3 colheres (sopa) de açúcar 1 ovo 1/2 xícara (chá) de margarina sem sal Farinha para trabalhar a massa e enrolá-la Margarina para untar a forma Cobertura: 200 g de manteiga sem sal derretida 1 xícara (chá) de açúcar 3 colheres (chá) de canela em pó

Modo de preparo: Peneire a farinha em uma tigela e reserve. No liquidificador, bata a água, o leite, o fermento, o sal, o açúcar, o ovo e a margarina. Faça uma cavidade na farinha e despeje o líquido no centro, mexendo com uma colher. Transfira para uma superfície enfarinhada e sove. Se preciso, junte mais farinha até a massa não grudar nas mãos. Cubra a massa e deixe descansar por 45 minutos. Derreta a manteiga em fogo brando e reserve. Divida a massa em porções iguais e modele os cordões compridos. Disponha em assadeiras untadas. Leve ao forno alto, pré aquecido, por 25 minutos ou até dourar. Retire do forno, passe na manteiga e polvilhe com o açucar e a canela misturados.


ANO II - Nº 125 - FEVEREIRO DE 2011

O humor e a irreverência das Primas Risos e irreverência. Este é o resultado do público que pode acompanhar as peripécias de Milka Rotweiller e Irma Volkswagen, as duas senhoras de descendência alemã, naturais de Augusto Pestana e residentes em Frederico Westphalen, interpretadas pelos atores Luís Irgang e Alano Fernandes, ambos com 21 anos

As Primas surgiram a partir de improvisações teatrais desenvolvidas no grupo de Teatro da Unijuí para serem apresentadas na Expo-Ijuí de 2004, durante o dia da etnia alemã. Devido ao sucesso da família alemã no evento, começaram a surgir novas ideias e apresentações agendadas em toda região com Milka e Irma. Inicialmente, as primas eram interpretadas por Luís Irgang e Diego Verri. Com a saída de Diego, Alano Fernandes passou a encarnar Irma. Foram festas de aniversário, bodas, casamentos, despedidas de solteiro, encontros de família, encontro de mulheres, eventos, Natal, Páscoa, Ano Novo... As Primas foram presença em muitas festas. Em 2011, Milka e Irma ganham um programa de rádio, levando todo seu humor e irreverência para a cidade de Coronel Barros, aos sábados a partir das 10h. No show de humor, Milka e Irma exaltam a figura feminina. Criticam a sociedade

machista e incentivam, de uma forma muito divertida, as mulheres a defenderem seus ideais, lutarem por seus sonhos e defenderem seus direitos. Num ano marcado pela eleição da 1ª mulher chefe de Estado, "As Primas" batem de frente com a imagem de sexo frágil e mostram que as mulheres vieram ao mundo para comandar. Ainda são citados durante o show alguns temas como a violência contra a mulher, a submissão ao homem, a sexualidade, a vida da mulher no campo e na cidade, a vaidade feminina e o desejo de ser feliz. Para o Dia da Mulher As Primas estão com uma agenda intensa de apresentações por toda região para a semana da mulher. Os shows ainda podem ser agendados com, no mínimo, uma semana de antecedência. Milka e Irma atendem eventos familiares e empresariais também. Telefones para contato: (55) 8133-5162 e 91523614.

As Primas surgiram a partir de improvisações teatrais desenvolvidas no grupo de Teatro da Unijuí

Os atores Luis Fernando - Natural de Ijuí, Luis Fernando é ator, produtor cultural, animador de festas e locutor de rádio. É acadêmico do curso de Engenharia Elétrica da Unijuí. Ingressou no meio teatral em 2002, nas oficinas de teatro da escola Imeab. Participou, em seguida, do grupo "25 Peça por Peça", na Escola 25 de Julho. Em 2005, ingressou em 1º lugar no teste do Grupo de Teatro da Unijuí, do qual participa até hoje. No ano de 2007 fundou, juntamente com seus colegas de teatro, a empresa "Animart Animações Artísticas", desenvolvendo trabalhos de animação de festas e eventos em toda região Norte e Noroeste do Estado. Em 2010, se cadastrou como produtor cultural do estado do RS e se associou na empresa de Santa Maria chamada Proart Produções Artísticas. A partir daí iniciaramse montagens de projetos culturais pelo Estado e produção de espetáculos teatrais e shows de humor, como "As Primas". Ainda em 2010, foi aprovado num teste para protagonizar o longa metragem "Cromossomo 21". No filme, ele interpreta um personagem que se apaixona por uma menina com síndrome de Down. O longa será lançado no fim do ano na cidade de Lisboa, em Portugal. "O Teatro abriu muitas portas na minha vida. Me trouxe crescimento pessoal, intelectual e profissional. O artista, acima de tudo, tem que ter sensibilidade. E o teatro me trouxe isso. Me permitiu viver mundos, conhecer pessoas e encarnar personagens, sonhar de uma forma que a vida real não permite." Alano Fernandes - Natural de Gramado, é humorista, animador de festas, ator e locutor de rádio. Alano vem de uma família de radiocomunicadores. Aos 14 anos, ingressou na área de comunicação e desde lá vem se aperfeiçoando em radio-humor. O gosto pelo humor surgiu a partir de sua própria família. Com o apoio de familiares e amigos, Alano deixou carreira militar para se tornar artista. Em 2004, ingressou no grupo de danças da etnia portuguesa de Ijuí. Em 2010 foi convidado para integrar a Proart Produções Artísticas, onde vem mostrando todo seu talento e irreverência na área do humor. É aluno do curso de Comunicação Social-Jornalismo da Unijuí e pretende ingressar também no grupo de teatro.


24-02-2011