Issuu on Google+

município marca presença na btl

Março Abril 2011 revista do Município | Arruda dos Vinhos

Arrudarevista

42


Indice Editorial

|

1

Oleões chegam a Arruda dos Vinhos

|

2

Candidatura SAMA

|

2

Guia do Munícipe on-line

|

2

SMPC aposta na prevenção e segurança

|

3

Empreendedorismo

|

3

Resultado das Eleições Presidenciais

|

3

Carta Educativa do concelho de Arruda dos Vinhos - Monitorização |

4

Censos 2011

|

4

Irene Lisboa

|

5

Galeria Municipal

|

5

Rota Histórica das Linhas de Torres

|

6

Exposição Primitivos Portugueses

|

6

Arruda dos Vinhos marca presença na BTL

|

7

Centros de Convívio Sénior com muita animação

|

7

Banco Solidário de Arruda dos Vinhos

|

8

A Arte da Leitura na Biblioteca Municipal

|

8

em Arruda dos Vinhos

|

9

Concerto de Ano Novo

|

9

Expressões na Biblioteca

|

9

Óleos alimentares usados. O que fazer?

|

10

Obras

|

12

Apontamentos Culturais

|

14

Prémio de Artes de Arruda dos Vinhos e Prémio Literário

Duas obras da Igreja Matriz de Arruda dos Vinhos integram a

Campeonato Regional de Corta-Mato Curto disputa-se

FICHA TÉCNICA Edição e Propriedade: Câmara Municipal de Arruda dos Vinhos Director: Carlos M. C. Lourenço - Presidente da Câmara Municipal de Arruda dos Vinhos Coordenação: Gabinete de Apoio à Presidência Fotografia: Gabinete de Comunicação e Imagem Composição: Gabinete de Comunicação e Imagem Distribuição digital em www.cm-arruda.pt

revista do Município | Arruda dos Vinhos

Arrudarevista


ArrudaRevista // Março2011

EDITORIAL Caras(os) Arrudenses, Num ano que se avizinha difícil face à conjuntura económica, a Câmara Municipal de Arruda dos Vinhos iniciou, em 2011, uma maior aposta no setor social. Este era, aliás, um compromisso que já havíamos assumido com os arrudenses. Neste âmbito, e até ao momento, estabelecemos uma parceria com a Santa Casa da Misericórdia de Arruda dos Vinhos e a Conferência Vicentina Nossa Senhora da Salvação para que, em conjunto, possamos desenvolver medidas de apoio social dirigidas a pessoas mais desfavorecidas por forma a minimizar as carências que possam ter. Foi desta parceria que nasceu o nosso Banco Solidário. Também no âmbito social, lançámos no início do ano um concurso para atribuição de quatro habitações sociais proporcionando aos grupos mais carenciados a possibilidade de terem uma habitação condigna. Este início de ano foi ainda marcado pelo desenvolvimento de projetos que aproximam os cidadãos à Câmara Municipal. Implementámos no nosso sítio da internet o Guia do Munícipe, uma ferramenta que permite a qualquer cidadão, no conforto do seu lar, preparar todo o processo referente a procedimentos administrativos e controlo prévio de operações urbanísticas. Integrámos, simultaneamente, a candidatura ao SAMA (Sistema de Apoio à Modernização Administrativa) liderada pela OesteCIM, que visa reforçar o desenvolvimento e implementação de práticas e procedimentos que proporcionem ao munícipe um contacto mais direto e permanente com a autarquia. Assim, o desenvolvimento de políticas de “e-government” marcarão a atuação da Câmara Municipal ao longo de 2011. Ao nível cultural e desportivo promovemos algumas atividades das quais se destacam: a Prova Regional de Corta-Mato, os ateliers da Biblioteca, a continuação de ações que promovam a Rota Histórica das Linhas de Torres e do nosso património na BTL – Feira Internacional de Turismo. Ao longo dos próximos meses continuaremos a apresentar um leque de atividades diversificadas que permitam aos arrudenses uma vida cultural de qualidade. Cara(o) Arrudense, Uma palavra final referente aos Censos 2011. Iniciaremos em março mais um Recenseamento da População e Habitação. Um instrumento importante que permitirá a todos nós (Câmara Municipal e Administração Central) perceber melhor a realidade do nosso Município. Neste sentido, gostaria de apelar a todos vós que colaborassem com os nossos recenseadores, que serão gente da terra, gente conhecida, no preenchimento dos inquéritos. Bem hajam Carlos Manuel da Cruz Lourenço Presidente da Câmara

1


2

ArrudaRevista // Março2011

Oleões chegam a Arruda dos Vinhos Na sequência do protocolo celebrado entre a Câmara Municipal e empresa Biosys, foram colocados os dois primeiros oleões no Concelho. Estes dois oleões estão colocados junto aos Ecopontos situados na Rua do Cácere (Urbanização Panorama) e na Estrada da Quinta de Matos (Urbanização Casal do Telheiro), na Vila da Arruda dos Vinhos, e são para colocar exclusivamente óleos alimentares usados embalados.

Guia do Munícipe on-line

Candidatura SAMA Mais um projeto a trazer valor acrescentado para os doze municípios do Oeste. Foi aprovada em dezembro de 2010 a candidatura, apresentada pela OesteCIM ao SAMA (Sistema de Apoio à Modernização Administrativa), um projeto com vista à sustentabilidade dos Municípios associados. À candidatura está associado o Modelo de Gestão para o Oeste Voltado para o Munícipe (um modelo integrador para a sustentabilidade), que relaciona a Gestão Municipal com o Atendimento dos Munícipes graças ao Balcão Único Multicanal, articulados também com a expansão de uma Arquitetura de Sistemas e de Gestão Documental e de arquivo, possíveis graças a tecnologias Web e de Intranet e Extranet e com projetos de Desenvolvimento do Potencial Humano da Organização.

A Câmara Municipal de Arruda dos Vinhos disponibiliza a partir deste mês, no seu sítio da internet, o Guia do Munícipe. O projeto agora implementado visa esclarecer os cidadãos acerca dos procedimentos administrativos e de controlo prévio de operações urbanísticas decorrentes da Lei n.º 60/2007, de 4 de setembro. O regime atualmente em vigor pauta-se pela introdução de uma elevada simplificação urbanística, promovendo e valorizando a responsabilidade de cada interveniente no processo de urbanização. O presente guia pretende, assim, elucidar e orientar o munícipe na escolha dos vários procedimentos administrativos, indicando para cada um quais os documentos que o devem compor, os custos, os prazos legais bem como esclarecer algumas questões de interesse, quer a nível administrativo quer a nível técnico. O Guia permite que o Munícipe aceda diretamente aos links dos respectivos formulários permitindo assim uma maior comodidade ao cidadão.

O projeto é liderado pela OesteCIM envolvendo todos os municípios da Região Oeste (Alcobaça, Alenquer, Arruda dos Vinhos, Bombarral, Cadaval, Caldas da Rainha, Lourinhã, Nazaré, Óbidos, Peniche, Sobral de Monte Agraço e Torres Vedras) estimando-se vir a servir um total de 734.837 utilizadores entre munícipes e turistas que visitam a Região.


ArrudaRevista // Março2011

SMPC aposta na prevenção e segurança O Serviço Municipal de Protecção Civil continua a acompanhar a execução dos exercícios de evacuação previstos nos planos de prevenção e emergência dos estabelecimentos de ensino da rede pública do Concelho. Pretende-se desta forma apoiar tecnicamente a operacionalidade dos planos, corrigir os procedimentos a adoptar em caso de necessidade de evacuação e o esclarecimento sobre sinalização de emergência, percursos de evacuação e pontos de concentração. O Serviço Municipal de Proteção Civil está empenhado em incutir uma cultura de prevenção e segurança nas nossas crianças, para que se tornem adultos mais exigentes e com uma nova atitude de segurança.

Empreendedorismo Com vista ao fomento e apoio das iniciativas de caráter empreendedor que visem o desenvolvimento socioeconómico e a fixação de empreendedores e de empresas no concelho de Arruda dos Vinhos, a Câmara Municipal de Arruda dos Vinhos e o Instituto Politécnico de Lisboa assinaram, no passado dia 19 de janeiro, um protocolo de colaboração na área do empreendedorismo. Este protocolo visa o desenvolvimento de ações que possam contribuir para valorizar o tecido empresarial do Concelho, promovendo a utilização de recursos disponíveis, na perspetiva de racionalização e otimização de meios humanos e de equipamentos. Neste âmbito, a Câmara Municipal e o Instituto Politécnico de Lisboa encontram-se a preparar um conjunto de ações na área do empreendedorismo, esperando que as mesmas se venham a traduzir numa mais-valia para o Concelho.

Resultados das eleições presidenciais

>

No passado dia 23 de janeiro decorreram, em Portugal, as Eleições Presidenciais, tendo-se registado no concelho de Arruda dos Vinhos, os seguintes resultados:

Exercício de evacuação na EB1 de S. Tiago dos Velhos

Total

%

Aníbal António Cavaco Silva

2326

49,42%

Manuel Alegre de Melo Duarte

1001

21,27%

Fernando de la Vetier Ribeiro Nobre

732

15,55%

Francisco José de Almeida Lopes

378

8,03%

José Manuel da Mata Vieira Coelho

186

3,95%

84

1,78%

>

Defensor de Oliveira Moura

Exercício de evacuação na EB1 de Adoseiros

Total votos válidos

4742

Votos brancos

260

5,1%

Votos nulos

92

1,8%

Inscritos

9801

Votantes

5059

51,6%

Abstenção

4742

48,4%

3


4

ArrudaRevista // Março2011

CONHECER PARA PLANEAR Carta Educativa do Concelho de Arruda dos Vinhos – Monitorização O Município iniciou a monitorização da Carta Educativa de Arruda dos Vinhos, um documento de planeamento que reflete a estratégia de intervenção municipal nos equipamentos e serviços colocados à disposição da educação, nos vários níveis de ensino, no concelho de Arruda dos Vinhos. No caso concreto do nosso Concelho, o Município tem responsabilidades de intervenção ao nível do pré-escolar e 1.º ciclo do ensino básico, tendo recentemente renovado o parque escolar no Concelho, dando melhor resposta às necessidades educativas projetadas na Carta Educativa em vigor. Tendo sido homologada pelo Ministério da Educação em outubro de 2006, a Carta Educativa está a ser alvo de monitorização, através da atualização e análise de dados disponibilizados pelos agentes educativos dos diferentes níveis de ensino: Agrupamento de Escolas e Jardins de Infância do Concelho de Arruda dos Vinhos (pré-escolar e 1.º ciclo), Externato João Alberto Faria (pré-escolar, 2.º e 3.º ciclos e secundário), Santa Casa da Misericórdia (creche, pré-escolar e 1.º ciclo) e Escola Gustave Eiffel (ensino profissional), com o objetivo de melhor planear a intervenção municipal ao nível da educação.

CENSOS 2011 XV Recenseamento Geral da População V Recenseamento Geral da Habitação No dia 21 de março de 2011 é realizada a contagem de população e habitação do nosso País, por parte do Instituto Nacional de Estatística. Para que serve esta contagem? Os dados recolhidos pelos Censos permitem saber quantos somos, como somos, onde vivemos e como vivemos. É com base nestas informações que as Câmara Municipais recebem verbas estatais, se determina o número de escolas, creches e lares de idosos que são necessários e onde se devem construir vias de comunicação, hospitais, etc. Serão distribuídos, porta a porta, a partir do dia 7 de março de 2011, inquéritos para obter todas as informações necessárias ao recenseamento da população e da habitação. Todas as respostas são confidenciais.

No concelho de Arruda dos Vinhos, o INE recrutou 20 recenseadores que irão estar em contacto com a população entre os dias 7 de março e 24 de abril, para distribuição e posterior recolha de inquéritos. As Juntas de Freguesia de Arranhó, Arruda dos Vinhos, Cardosas e S. Tiago dos Velhos estão a coordenar os recenseadores das respetivas freguesias e o Município de Arruda dos Vinhos está a colaborar com o INE na organização de todo o processo censitário no concelho, através da cedência de instalações, apoio logístico e divulgação desta atividade. Apelamos à sua colaboração! Aguarde a visita do recenseador do INE.


ArrudaRevista // Março2011

MUNICÍPIO APOIA AS ARTES Prémio de Artes de Arruda dos Vinhos (1.ª edição) Prémio Literário Irene Lisboa (4.ª edição)

Arruda dos Vinhos

PRÉMIO LITERÁRIO

Tendo como objetivo incentivar a criatividade e a fruição do conhecimento junto dos nossos concidadãos, estes dois certames procuram abranger, de uma forma mais dinâmica e plástica, diferentes ramos da construção artística, desde a literatura à pintura ou escultura, passando pelo/s olhar/es da fotografia.

PRÉMIO DE ARTES

IRENE LISBOA 4.ª edição

Prosa (conto) e Poesia

1.ª edição

Escultura, Fotografia e Pintura

Prazos Entrega de trabalhos a concurso - até 31 de Maio de 2011 Exposição de trabalhos a concurso (Prémio de Artes) - 1 de Julho a 31 de Agosto de 2011 Divulgação dos resultados - 16 de Setembro de 2011 Cerimónia de entrega dos prémios - 23 de Setembro de 2011

A expressão artística é a manifestação maior da sensibilidade e da cultura de um povo. Atento a esta realidade, o Município de Arruda promove este ano a 1.ª edição do Prémio de Artes de Arruda dos Vinhos, a par da 4.ª edição do Prémio Literário Irene Lisboa.

E depois de gerada a criação, o mundo continua a cumprir-se nos sentidos e na memória. Neste sentido, está em fase de preparação a publicação municipal “Antologia de Prosa dos Jogos Florais Irene Lisboa” para ser editada a 23 de setembro de 2011. Sobre os prémios, consulte os regulamentos em www.cm-arruda.pt.

Galeria Municipal Organização

Prémios a atribuir aos trabalhos vencedores Prémio Literário Irene Lisboa de Prosa (conto): 500€ Prémio Literário Irene Lisboa de Poesia: 500€ Prémio de Artes - 1.000€

Recriar o mundo e re-inventar a realidade, ou mais propriamente sugerir novos mundos e novas realidades, eis o impulso primordial do obreiro, o destino da obra e a recepção do leitor, ou não fossem a vida e o tempo um permanente e constante ato de criação e de leitura.

www.cm-arruda.pt

www.facebook.com/marrudavinhos twitter.com/municipioarruda

Feito o balanço de mais um ano na Galeria, consideramos que a aposta que tem vindo a ser feita nesta área da cultura pode ser considerada ganha. Os dados revelam cerca de 1500 visitantes só na Galeria, demonstrando que há um crescente interesse e predisposição para estas manifestações artísticas. As exposições de Pintura, Escultura e de Fotografia que ao longo do ano são disponibilizadas ao visitante, proporcionam-nos conhecimento, sendo uma forma saudável e económica de alimentarmos a Alma! Reiteramos uma vez mais o convite para nos fazer uma visita, lembrando que estamos abertos de terça a domingo.

5


6 6

ArrudaRevista // Março2011

PROMOÇÃO TURISTICA E PATRIMONIAL Rota Histórica das Linhas de Torres O Circuito de Arruda dos Vinhos (Centro de Interpretação das Linhas de Torres, Forte do Cego e Forte da Carvalha) representa a concretização de um projeto iniciado há mais de uma década, financiado em 74,11% pelo Mecanismo Financeiro do Espaço Económico Europeu (Noruega, Liechtenstein e Islândia), com a recuperação parcial das estruturas militares que integram as Linhas de Torres e a interpretação histórica, militar e social dos acontecimentos locais que contribuíram para mudar o destino vitorioso de Napoleão Bonaparte.

Em 2010 assinalaram-se os duzentos anos da 3.ª Invasão Francesa, foram registadas 1200 visitas ao Centro de Interpretação das Linhas de Torres e estimam-se 4000 visitas às obras militares, desde o dia 5 de junho de 2010, dia em que foram inaugurados. Está para breve a inauguração do troço municipal do percurso pedestre que integra a Grande Rota das Linhas de Torres – GR30, dos seis Municípios (Arruda dos Vinhos, Loures, Mafra, Sobral de Monte Agraço, Torres Vedras e Vila Franca de Xira), que percorre as Linhas de Torres.

duas obras da Igreja Matriz de Arruda dos Vinhos integram a Exposição PRIMITIVOS PORTUGUESES (1450-1550) – O SÉCULO DE NUNO GONÇALVES A Exposição PRIMITIVOS PORTUGUESES (1450-1550) – O SÉCULO DE NUNO GONÇALVES, sob o Comissariado de José Alberto Seabra Carvalho, integra duas obras de autoria do Mestre de Arruda, que fazem parte do espólio da Igreja Matriz de Arruda dos Vinho: Visitação e Morte da Virgem (1550-1560). A exposição estará patente até 22 de abril de 2011 no Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa. O Município de Arruda dos Vinhos, com o apoio da Paróquia de Arruda dos Vinhos, proporcionou aos arrudenses uma visita guiada à referida exposição, que teve lugar no dia 30 de dezembro de 2010.


ArrudaRevista // Março2011

Arruda dos Vinhos marca presença na BTL A Bolsa de Turismo de Lisboa é um certame na área da promoção Turística que ocorre anualmente no espaço da FIL (Feira Internacional de Lisboa). O certame tem como obje-

tivo , promover as diversas regiões do mundo inclusivamente Portugal, não só do ponto de vista Turístico mas também Cultural, que de resto são cada vez mais os operadores e

agentes económicos a apostarem nesta “nova vertente” do Turismo. De 23 a 27 de fevereiro, o Município de Arruda dos Vinhos, estará representado neste certame, inserido no espaço do Turismo do Oeste com mais dez Municípios que integram esta região. Para além do seu património natural e edificado, dos vinhos e da gastronomia, o município de Arruda dos Vinhos vai promover e dar a conhecer o seu circuito das Linhas de Torres que integra a Rota Histórica das Linhas de Torres. Para além de todo o material de suporte referente a este património, irão estar dois figurantes vestidos à época que irão interagir com o público e dar a conhecer um pouco melhor este período da História, o Património que integra as Linhas mas sobretudo o que é a Rota Histórica das Linhas de Torres e os seus objetivos.

Centros de convívio sénior com muita animação No passado dia 6 de janeiro, e como já vem sendo hábito, o Centro de Convívio Sénior festejou o Dia de Reis, com lanche e muita animação. No decorrer do mês de fevereiro, realizaram-se nos Centros de Convívio Sénior de Arruda dos Vinhos e Cardosas sessões de esclarecimento levadas a cabo pela Unidade de Cuidados na Comunidade. Além de aprende,r os séniores inscritos nos Centros de Convívio tiveram a oportunidade de medir a tensão arterial e o nível da diabetes.

7


8

ArrudaRevista // Março2011

Banco Solidário de Arruda dos Vinhos Uma sociedade humana sustentável implica um equilíbrio entre diferentes forças e dinâmicas, que garantam a priorização e a satisfação das necessidades básicas da população (educação, alimentação, saúde e lazer), a solidariedade para com as gerações atuais e futuras, a participação da população nos processos de decisão, a preservação e racionalização dos recursos, o desenvolvimento de um sistema social promotor de medidas equitativas, de justiça social, de adequação à realidade local de cada unidade territorial e de apoio a grupos populacionais mais vulneráveis. Tendo em consideração o contexto de profunda crise social e económica o Município de Arruda dos Vinhos, a Santa Casa da Misericórdia de Arruda dos Vinhos e a Conferência Vicentina Nossa Senhora da Salvação visam promover uma parceria para o desenvolvimento de um conjunto de medidas de apoio social dirigidas aos grupos vulneráveis, rentabilizando os apoios concedidos em articulação com a Administração Central, em especial com o Instituto de Segurança Social. É fundamental a estruturação de uma rede social que impulsione um trabalho de parceria alargada para combater a pobreza e a exclusão social e que tenha como principio essencial a promoção de um desenvolvimento social integrado das pessoas e racionalização face aos recursos existentes. O Banco Solidário de Arruda dos Vinhos congrega um conjunto de medidas de apoio social de base territorial e que serão organizadas e desenvolvidas por áreas de intervenção, nomeadamente: a) Banco Social – define-se como uma estrutura articulada de apoio alimentar, habitacional e de saúde. Contempla a distribuição de bens alimentares, roupa, móveis, apoio à habitação, aquisição de medicamentos e transporte em ambulância. b) Projeto “Reeducar de Mim para Ti” – define-se como um banco de empréstimo de livros e material escolar, cujos objetivos são apoiar estudantes com dificuldades de acesso ao material escolar, reforçar a consciência do valor do livro, reaproveitar e fortalecer os valores de solidariedade e de responsabilização dos vários intervenientes neste processo. c) Equipa Técnica – define-se fundamentalmente para desenvolver um trabalho conjunto, com diferentes perspetivas, que partem das entidades signatárias. A troca de experiências e de informações onde todos os elementos são contemplados, potencia uma melhor avaliação diagnostica e consequentemente uma melhor resposta, que visa superar a fragmentação das intervenções e aponta para o esforço de construir uma visão mais integrada de cada situação.

A Arte da Leitura na biblioteca Resultante de uma parceria entre o Município e a Direção Geral do Livro e das Bibliotecas, a Biblioteca Municipal Irene Lisboa acolheu, no dia 8 de janeiro, uma ação de formação na área da promoção da leitura. Ao longo da iniciativa, os formadores Andreia Brites e Sérgio Letria, apresentaram estratégias de mediação de leitura, abordando a temática da motivação junto dos mais jovens, bem como a definição de critérios na escolha de livros infantis e juvenis. Tendo como público-alvo técnicos ligados à área das bibliotecas, mas sobretudo os pais, foi ainda apresentada uma atividade de audição de texto literário, tendo por objetivo a motivação para a continuação da leitura em casa.


ArrudaRevista // Março2011

Campeonato Regional de Corta-mato curto

disputa-se em arruda dos vinhos Decorreu no passado dia 30 de janeiro, em Arruda dos Vinhos, o CortaMato Regional de Atletismo. A organização do evento esteve a cargo do Município Arrudense, Associação de Atletismo de Lisboa e do Clube Recreativo e Desportivo Arrudense. No terreno, gentilmente, cedido pela GUCILARTE, juntaram-se mais de 3 centenas de atletas que, num dia bastante frio, participaram neste evento. De destacar a forte presença de jovens arrudenses e das fortes equipas do Sport Lisboa e Benfica e do Sporting Clube de Portugal.

concerto de Ano Novo

Expressões na biblioteca

No dia 8 de janeiro, pelas 21 horas, o Grupo Coral Cant´Arruda apresentou um concerto de Ano Novo.

Numa perspetiva de complementaridade e enriquecimento das rotinas de intervenção da biblioteca na comunidade, foram desenvolvidos nestes últimos dois meses 15 ateliês na área das expressões.

No evento, que contou com casa cheia, participaram ainda a Banda da Santa Casa da Misericórdia de Arruda dos Vinhos e os flautistas Marilyn e Tâmara. Ao longo de uma hora foram apresentados vários temas alusivos à época festiva, com momentos de elevada qualidade artística.

Todos podem participar, desde os mais jovens até aos séniores. Todos os dias no espaço da biblioteca há lugar para diferentes mundos, seja na área da promoção e fruição da leitura e do empréstimo, mas também do incentivo à criação e ao relacionamento interpessoal entre os cidadãos.

9


10

ArrudaRevista // Março2011

Ă“leos alimentares usados

O Que fazer?


ArrudaRevista // Março2011

Sabia que...

Como fazer?

• Os óleos alimentares usados são considerados um resíduo segundo a Lista Europeia de Resíduos (LER)? • Em Portugal, o produtor é responsável pelos resíduos que gera e pelo destino final destes (D.L. n.º 178/2006 de 5 de setembro)? • Os óleos alimentares usados, quando indevidamente descarregados para o esgoto provocam problemas nos sistemas de tratamento de águas residuais? • Os óleos alimentares usados podem ser valorizados em produtos como biodiesel e sabão, sendo por isso essencial proceder à recolha seletiva e encaminhálos para destinos adequados?

• Escolha uma garrafa de plástico usada e coloque o autocolante identificando óleo alimentar usado. • Coloque na garrafa o óleo alimentar usado na confecção de alimentos, se possível com o auxílio de um funil.

e que... • Uma família de quatro pessoas consome em média 1 litro de óleo por semana? • 1 litro de óleo doméstico deitado no ralo da banca da cozinha chega a contaminar de uma só vez 1 milhão de litros de água, o suficiente para a sobrevivência de uma pessoa, até aos 40 anos? • 1000 litros de óleos alimentares usados permitem produzir entre 920 a 980 litros de biodiesel, combustível que apresenta índices de emissão de dióxido de carbono que podem ser 80% mais baixos do que os que são emitidos ao utilizar gasóleo?

Os óleos alimentares usados constituem um grave problema ambiental quando eliminados através dos esgotos urbanos, dificultando e onerando o trabalho das Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR). Quando eliminados de forma incontrolada constituem um potencial perigo de contaminação, quer dos solos, quer das águas, tanto a nível de aquíferos como das ribeiras e águas do mar.

Onde entregar? • Quando a garrafa estiver cheia deixe-a num dos dois oleões já instalados no Concelho, junto aos Ecopontos situados na Rua do Cácere (Urbanização Panorama) e na Estrada da Quinta de Matos (Urbanização Casal do Telheiro), na Vila da Arruda dos Vinhos, ou • Deposite a garrafa, devidamente fechada, num contentor de lixo comum.

Qual o destino do óleo? O seu óleo alimentar usado será recolhido e reencaminhado para uma unidade de tratamento e de valorização destes resíduos para produção de biodiesel.

Colocar na garrafa • Óleo alimentar usado na confecção de alimentos.

Não Colocar na garrafa • Óleo lubrificante pois este é um resíduo perigoso que impede a valorização do óleo alimentar usado. • Resíduos de alimentos.

Fonte: Agência Portuguesa do Ambiente

11


12

ArrudaRevista // Março2011

OBRas Limpeza da ribeira das salemas

reparação da rede viária municipal

desmatações diversas

Poda de árvores


ArrudaRevista // Marรงo2011

Limpeza de bermas e valetas

13


14

ArrudaRevista // Março2011

Apontamentos Culturais

“Santuário de Nossa Senhora da Ajuda” Conta a lenda que em tempos longínquos, num lugar remoto no limite do concelho de Arruda dos Vinhos, apareceu certo dia a Virgem Maria a uma pequena criança que pastava o seu rebanho. Nossa Senhora nesta aparição indicou à menina que seu pai deveria erguer uma ermida em sua honra num lugar com abundância de água. A menina cumprindo o desejo de Nossa Senhora falou com seu pai, Afonso Anes, um agricultor de S. Tiago dos Velhos, que não acreditou nas aparições nem na palavra de sua filha, porque o local era árido e com pouca água. Certo dia, depois de mais uma das aparições de Virgem Maria à pequena pastorinha, deu-se um milagre: debaixo de uma pedra, levantada pela menina brotou água fresca e cristalina.

Fotografia gentilmente cedida pela Irmandade de Nossa Senhora da Ajuda

Bibliografia consultada Santa Maria, Frei Agostinho de; Santuario Mariano e História das Imagens milagrosas de Nossa Senhora, E das milagrosamente aparecidas, em graça dos Pregadores, e dos devotos da mesma Senhora; Da Milagrosa Imagem de Nossa Senhora da Ajuda; Tomo Segundo, Livro 2 – título L; ano de 1707;pp. 397 – 400.

Rendido ao milagre, Afonso Anes cumpriu o pedido de Nossa Senhora construindo uma ermida em sua honra a 200 metros desta fonte e desde então nunca mais faltou água naquele lugar. Afonso Anes ofereceu o local e outros devotos ofereceram os materiais para a construção da sagrada Ermida, e com as esmolas que os fiéis ofereciam em agradecimento aos favores prestados pela Virgem, foi possível terminar e aperfeiçoar a obra. Dentro desta pequena capela foi “colocada uma imagem de Nossa Senhora em pedra com altura de três palmos e com o Menino Jesus nos braços”, onde ainda hoje pode ser adorada. Esta Ermida localizada na povoação a que deu nome, Nossa Senhora da Ajuda, na Freguesia de Arranhó, é um lugar sagrado de devoção, acolhendo anualmente desde os seus primórdios, milhares de peregrinos, no dia da Natividade, a 8 de setembro.


gatos

5.ª Exposição Internacional de

ArrudaRevista // Março2011

15

182.ª e 183.ª Exposições Internacionais do Clube Português de Felinicultura

Arruda dos Vinhos Pavilhão Multiusos

19 de março 20 de março (09.00h às 18.30h)

(09.00h às 18.00h)

1.ª Exposição Oficial Associação Portuguesa de

Novidade

Coelhos Anões

19 de março 19.ª Exposição Nacional de

www.facebook.com/marrudavinhos twitter.com/municipioarruda

gci/cj/2011

www.cm-arruda.pt

Media Partner

Apoio

Organização

Porquinhos-da-Índia


16

ArrudaRevista // Marรงo2011


Arruda revista n.º 42