Page 1

REFLEXÕES DO GRAAL Jesus o Amor de Deus

Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim.


REFLEXÕES DO GRAAL

Reflexão sobre Jesus o Amor de Deus

Pensamentos sobre Jesus o Amor de Deus baseados na obra “Na Luz da Verdade - Mensagem gem do Graal” de Abdruschin

Na Luz da Verdade – Mensagem do Graal

Página 2


REFLEXÕES DO GRAAL

Que procurais? I Volume

Fala-se com isso de Deus! Acaso se faz mister erigir uma Universidade, para nela se aprender primeiramente a faculdade de entender a noção da Divindade? Para onde leva essa mania que em grande parte está arraigada apenas na ambição? Como bêbedos cambaleiam os leitores e os ouvintes, de um lugar para o outro, incertos, tolhidos, unilaterais, pois foram desviados do caminho simples. Escutai, ó desalentados! Erguei o olhar, vós que buscais com sinceridade: o caminho para o Altíssimo se encontra pronto na frente de cada criatura humana! A erudição não é a porta que leva até lá! Escolheu Cristo Jesus, esse grande exemplo no verdadeiro caminho para a Luz, os seus discípulos entre os cultos fariseus? Entre pesquisadores das escrituras? Tirou-os da singeleza e da simplicidade, porque eles não tinham que se debater contra este grande erro, que o caminho para a Luz é difícil de aprender e árduo de seguir. Semelhante pensamento é o maior inimigo das criaturas humanas, pois é mentira!

Na Luz da Verdade – Mensagem do Graal

Página 3


REFLEXÕES DO GRAAL

Culto I Volume

O Filho de Deus deu aos seres humanos, do modo mais simples e mais claro, na sua Palavra, o caminho certo pelo qual deviam conduzir sua existência terrena, correspondente à tessitura da Criação, a fim de, através das leis de Deus que se manifestam no tecer da Criação, serem apoiados auxiliadoramente e elevados às alturas luminosas, para obterem paz e alegria aqui na Terra. Infelizmente, contudo, as igrejas não se conservaram no caminho da salvação e soerguimento dos seres humanos, dado pelo próprio Filho de Deus e por ele exatamente explicado, mas sim acrescentaram à sua doutrina ainda muita coisa segundo seu próprio pensar, e desta forma causaram naturalmente confusão, que tinha de acarretar cisões, porque não correspondia às leis da Criação e por essa razão eram também, não obstante isso soasse de maneira estranha, contra a clara doutrina do Filho de Deus, segundo a qual eles, no entanto, se denominam cristãos.

Na Luz da Verdade – Mensagem do Graal

Página 4


REFLEXÕES DO GRAAL

Castidade I Volume

“Todo aquele que ao agir reflete que não deve causar dano a seu semelhante, o qual nele confia, nem empreender nada que possa oprimi-lo, então acabará agindo sempre de forma a permanecer espiritualmente sem carga de culpas e por essa razão poderá realmente ser chamado casto!” As palavras singelas, compreendidas direito, podem guiar o ser humano através de toda a Criação, inteiramente protegido, e soerguê-lo aos jardins luminosos, sua Pátria verdadeira. As palavras são a chave para a atuação certa na Terra, pois a verdadeira castidade repousa nelas. Jesus, Filho de Deus, expressou exatamente a mesma coisa com as seguintes palavras: “Ama a teu próximo como a ti mesmo!” Deveis, contudo, acautelar-vos de cair nos antigos erros humanos e de ajeitar outra vez o sentido das palavras e deformá-las parcialmente, para que sirvam os vossos interesses egoísticos, apaziguando-vos quando agis erradamente, embalando o descuido de vosso próximo ou até iludindo-o.

Na Luz da Verdade – Mensagem do Graal

Página 5


REFLEXÕES DO GRAAL

A Estrela de Belém I Volume

Apenas por alguns foi a Estrela outrora reconhecida como a realização das promessas. Assim pela própria Maria e por José, que, comovido, escondeu o rosto. Três reis descobriram o caminho para o estábulo e ofereceram presentes terrenos; contudo, logo a seguir deixaram a criança desamparada, cujo percurso na Terra deviam amparar com seus tesouros, com seu poder, para que nenhum sofrimento lhe adviesse durante o cumprimento de sua missão. Não reconheceram devidamente suas sublimes incumbências, não obstante terem sido elucidados para poderem achar a criança. Um estado de inquietação impelia Maria a deixar Nazaré, e José, vendo seu sofrimento silencioso, sua ansiedade, lhe satisfez a vontade, só para alegrá-la. Entregou os cuidados de sua carpintaria ao mais velho de seus ajudantes e viajou com Maria e a criança para um país longínquo. Com o decorrer dos dias de trabalho e com suas preocupações diárias se foi apagando nos dois lentamente a lembrança da Estrela Radiante, principalmente pelo facto de Jesus não haver mostrado nada fora do comum em sua infância, e sim ter sido inteiramente normal como todas as crianças. Só depois que José, que sempre foi o melhor amigo paternal de Jesus, após seu regresso à cidade natal, veio a falecer, foi que viu, nos últimos momentos terrenos de seu trespasse, por cima de Jesus, Na Luz da Verdade – Mensagem do Graal

Página 6


REFLEXÕES DO GRAAL

que estava sozinho junto ao seu leito de morte, a Cruz e a Pomba. Trémulas foram suas últimas palavras: “Então és tu mesmo!” O próprio Jesus nada sabia disso, até que se sentiu impelido para João, a cujo respeito estava informado de que revelava sábios ensinamentos no Jordão e batizava. Nesse ato material grosseiro de um batismo o começo da missão se radicou solidamente na matéria grosseira. A venda caiu. Jesus, a partir desse momento, tornou-se cônscio de que devia trazer a Palavra do Pai à humanidade terrena. Sua vida inteira desenrolar-se-á assim diante de vós, conforme realmente foi, despida de todas as fantasias dos cérebros humanos!

Na Luz da Verdade – Mensagem do Graal

Página 7


REFLEXÕES DO GRAAL

O que separa hoje tantos seres humanos da Luz? I Volume

O Amor Divino só proporciona o que é de proveito ao espírito humano, e não o que lhe possa causar alegria na Terra e parecer agradável. A sua atuação vai muito mais além, porque domina todo o ser. […] Já há dois mil anos passou também um pregador de penitências; o Verbo feito carne seguiu-o logo após. Mas as criaturas humanas empenharam-se diligentemente em apagar o brilho límpido do Verbo, escurecendo-o, para que a força de atração de seu fulgor se fosse extinguindo pouco a pouco. E todos aqueles que querem libertar o Verbo do emaranhado de liames logo terão de sentir como os mensageiros das trevas se movimentam paroxisticamente para impedir todo e qualquer despertar jubiloso! Hoje, porém, não se repete nenhum acontecimento como no tempo de Cristo! Aí veio o Verbo! A humanidade tinha seu livre-arbítrio e decidiu-se naquele tempo principalmente pela recusa e pela condenação! Dessa época em diante ficou subjugada às leis que automaticamente se entrosaram com a resolução do livre-arbítrio de então. Os seres humanos acharam depois no caminho que escolheram todos os frutos de sua própria vontade. Fechar-se-á o ciclo brevemente.

Na Luz da Verdade – Mensagem do Graal

Página 8


REFLEXÕES DO GRAAL

Submissão I Volume

A Vontade de Deus reside nas leis da Criação! Portanto, sempre que o ser humano diz: “Seja feita a Tua Vontade!” Isso equivale à afirmativa: “Quero prezar e seguir Tuas leis na Criação!” Prezar quer dizer considerar; levar em consideração estipula, porém, viver em conformidade! Só assim pode o ser humano prezar a Vontade de Deus! Todavia, se ele a considera, se ele quer viver segundo ela, tem antes de mais nada que conhecê-la também! Mas é exatamente neste ponto que a humanidade terrena pecou da maneira mais tremenda! A criatura humana até agora jamais se importou com as leis Divinas da Criação! Isto é, não se importou com a sagrada vontade de Deus. Entretanto, nunca cessa de repetir sempre de novo: “Seja feita a Tua Vontade!” Estais vendo quão irrefletidamente se apresenta o ser humano terreno perante Deus! Quão insensatamente procura utilizar as elevadas palavras de Cristo! Gemendo, não raro torcendo-se em sofrimento e sentindo-se derrotado, mas nunca em jubiloso louvor!

Na Luz da Verdade – Mensagem do Graal

Página 9


REFLEXÕES DO GRAAL

Indolência do Espírito I Volume

As igrejas anunciam, com as palavras de Cristo, segundo o Evangelho de João: “Quando, porém, vier Aquele que é o Espírito da Verdade, Ele vos guiará em toda a Verdade. E quando o mesmo vier, castigará o mundo por seus pecados e por causa da Justiça! E trará o Julgamento. Eu, porém, voltarei ao Pai e daí em diante não me vereis mais. Saí do Pai e vim ao mundo. Torno a deixar o mundo e regresso para junto do Pai!” Tais palavras são lidas sem compreensão nas igrejas, porque pelo Filho de Deus já foi claramente dito que virá um outro que não ele, para anunciar a Verdade e para trazer o Julgamento. O Espírito da Verdade, que é a Cruz Viva! E todavia também nesse ponto a igreja ensina errado e contra essas palavras claras. Apesar de que também Paulo escreveu outrora aos coríntios: o nosso saber é imperfeito. Quando, porém, vier o que é perfeito, então cessará o que é imperfeito!” Com isso mostra o apóstolo que a vinda Daquele que anuncia a Verdade perfeita deve ainda ser esperada e a promessa do Filho de Deus a tal respeito não deve ser relacionada com a conhecida efusão da força do Espírito Santo que então já se dera, quando Paulo escreveu estas palavras. Abdruschin Mensagem do Graal Leia as dissertações em: Editora: Ordem do Graal na Terra

Na Luz da Verdade – Mensagem do Graal

Página 10

Reflexão sobre jesus o amor de deus  

Reflexões sobre Jesus o Amor de Deus, pensamentos extraídos da obra "Na Luz da Verdade - Mensagem do Graal" do escritor Abdruschin.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you