Page 1

PROGRAMAÇÃO ABRIL | 2016

FICINE FÓRUM ITINERANTE DE CINEMA NEGRO TALENTOS DA BÉLGICA | FESTIVAL É TUDO VERDADE | DOC NA TELA VIVER A MÚSICA | CURTAMAISON Patrocínio

Apoio


CINEMAISON  |  ABRIL 2016

ABRIL 2016  | CINEMAISON

SUMÁRIO 3

EDITORIAL

4

EVENTO | TALENTOS DA BÉLGICA

6

FESTIVAIS | É TUDO VERDADE

EDITORIAL O Cinemaison retorna em Abril ainda recheado de mostras inéditas, noites temáticas, novos ciclos e eventos exclusivos!

7

CURTAMAISON | MOSTRA UNIVERSITÁRIA DE CURTAS METRAGENS

8

FICINE | FÓRUM ITINERANTE DE CINEMA NEGRO

9

DOC NA TELA | VIVER A MÚSICA

10

NOITE TEMÁTICA | ANNÉE ZERO

11

NOITE TEMÁTICA | CRISE DE ADOLESCÊNCIA

12

PROGRAMAÇÃO

Passará por aqui durante esse mês o Festival de Documentários “É Tudo Verdade”, completando no ano de 2016 sua 21ª edição e trazendo ao Cinemaison um clássico de Chris Marker, “Olympia 52”, e uma nova perspectiva do mesmo, “Um Novo Olhar Sobre Olympia 52”, que será apresentado pelo diretor Julien Faraut. Em parceria com a Agência CampusFrance Brasil, o Cinemaison apresenta a primeira edição do CurtaMaison - Mostra Universitária de CurtasMetragens, uma forma de impulsionar e viabilizar o circuito exibidor carioca voltado para o audiovisual universitário. Também no mês de Abril, abriremos um novo ciclo em parceria com o FICINE - Fórum Itinerante de Cinema Negro, visando valorizar a cultura audiovisual negra e trazer representatividade e democracia racial às telas com a difusão de produções clássicas e recentes que

foram marginalizadas ao longo da história. Celebrando o melhor do cinema belga, dedicaremos um dia inteiro de programação a nossos parceiros de longa data, a Bélgica, que irá reunir o melhor de sua extensa cinematografia, desde os clássicos Irmãos Dardenne, a seu mais recente sucesso vencedor de um Cesar e indicado ao Oscar, “Alabama Monroe”. Nas noites temáticas, receberemos a produtora Année Zero, empresa em ascensão no mercado audiovisual francês, com uma seleção de curtas e um longa que contaram com sua produção nos últimos anos. Além disso, daremos voz aos gritos dos jovens em “Crise de Adolescência”, com dois filmes retratando as dificuldades que precedem a vida adulta. Por fim, durante as tardes, o ciclo Doc Na Tela segue seu rumo com “Viver a Música”, retratando sob o olhar documental figuras marcantes da música francesa, como em “Michel Petrucciani”, de Michael Radford, lançado em 2011. Bons filmes!

Les Fils du Vent (França 2012). De Bruno Le Jean.

2

3


ABRIL 2016  | CINEMAISON

EVENTO | TALENTOS DA BÉLGICA

E V E N T O

TALENTOS DA BÉLGICA

Marcada por sua diversidade, a cinematografia belga tem se tornado cada vez mais um dos grandes êxitos do cinema europeu. Sendo assim, o Cinemaison dedicará no dia 18 de Abril um dia inteiro de programação com os novos talentos do cinema belga, incluindo os inesquecíveis Irmãos Dardenne com “Dois Dias, Uma Noite” e o premiado “Alabama Monroe”.

18/04

APROVADO PARA ADOÇÃO

18/04

A NATUREZA DO CONGO: TESOUROS DO LESTE

13h

15h

18/04 18h

18/04 20h

The Broken Circle Breakdown (Bélgica, 2014). De Felix Van Groeningen.

Couleur de peau: miel (Bélgica/França, 2012). De Jung, Laurent Boileau. Com William Coryn, Christelle Cornil, Jean-Luc Couchard. Animação. 75’. Classificação Indicativa: Livre. Orfão Jung nasceu na Coreia do Sul em 1965, e foi encontrado vagando pelas ruas de Seul até ser resgatado por um policial e adotado por uma família belga. Seu formulário de adoção continha pouquíssimas informações, pouca coisa além do nome e da menção “cor da pele: mel”. Prêmio do Público no Annecy 2012

Congo nature: les trésors de l’Est (Bélgica, 2012). De Tanguy Dumortier & Philippe Lamair. Documentário. 52’. Classificação indicativa: Livre. Do nascimento de um vulcão ao silêncio da montanha; dos predadores carnívoros a gorilas vegetarianos; das florestas de bambu às vastas savanas. Uma das maravilhas do continente africano, o leste da República Democrática do Congo possui o deserto com um dos ecossistemas mais extraordinários - mas também um dos mais ameaçados do planeta.

DOIS DIAS, UMA NOITE Deux Jours, Une Nuit (Bélgica/França/Itália, 2014). De Jean-Pierre Dardenne, Luc Dardenne. Com Marion Cotillard, Fabrizio Rongione, Catherine Salée. Drama. 95’. Classificação Indicativa: Livre. Sandra descobre que seus colegas de trabalho optaram por um significativo bônus salarial em troca de sua demissão. Ela tem apenas um fim de semana para convencê-los a desistir do bônus para que ela mantenha seu emprego. Indicado a Palm D’Or do Festival de Cannes 2014 Indicado a Melhor Filme Estrangeiro no César 2015

ALABAMA MONROE The Broken Circle Breakdown, (Bélgica, 2014). De Felix Van Groeningen. Com Johan Heldenbergh, Veerle Baetens, Nell Cattrysse. Drama. 109’. Classificação Indicativa: Livre. David Miller quer se matar. O velho arquiteto recorre a uma associação de assistência de suicídio. Mas Espe, o acompanhante, não parece muito ciente do procedimento. Enquanto isso, David Miller tenta convencer Tréplev, uma prostituta russa do quarto ao lado, a testemunhar seu último suspiro, como exige a lei na Suíça. Durante esse tempo, os três vão descobrir sentimentos peculiares. Indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro Melhor Filme Estrangeiro no César 2014

5


CINEMAISON  |  ABRIL 2016

ABRIL 2016  | CINEMAISON

FESTIVAL | É TUDO VERDADE O Festival É Tudo Verdade chega a sua 21ª edição consolidado como o principal evento dedicado à cultura do documentário na América Latina. Incluindo em sua programação mostras competitivas, retrospectivas, especiais e focos regionais, nacionais e internacionais, o “É Tudo Verdade” retorna mais um ano com uma nova seleção de dezenas de filmes que retratam o panorama da cinematografia

CURTAMAISON | MOSTRA UNIVERSITÁRIA DE CURTAS METRAGENS documental mundial. O festival acontece em São Paulo e no Rio de Janeiro dos dias 7 a 17 de Abril, passando aqui pelo Cinemaison na noite do dia 11 celebrando os Jogos Olímpicos com a dobradinha de “Olympia 52”, documentário francês de 52 de Chris Marker, e “Um Novo Olhar Sobre mpia 52”, de Julien Faraut, que traz uma nova perspectiva acerca da célebre produção de Marker.

11/04

OLYMPIA 52

11/04

UM NOVO OLHAR SOBRE OLYMPIA 52

18h

20h

6

14/04 19h

Em parceria com a Agência CampusFrance Brasil, o Cinemaison apresenta a primeira edição do CurtaMaison - Mostra Universitária de CurtasMetragens! Com o intuito de valorizar o cenário universitário do audiovisual carioca, a mostra dará aos novos produtores a oportunidade de exibir seus trabalhos realizados durante ou

paralelamente a vida acadêmica do audiovisual. Baseada nas inscrições realizadas durante o mês de Abril, a triagem se dará através da valorização da multiplicidade da diversidade nos conteúdos, culturas e estéticas apresentadas, exibindo no dia 19 de Abril uma seleção do panorama carioca do último ano no cinema universitário.

Olympia (França, 1952). De Chris Marker. Documentário. 82’. Classificação Indicativa: Livre. Em 1952 Chris Marker faz seu primeiro filme: um documentário sobre os Jogos Olímpicos de Helsínquia, encomendado pelo Ministério da Juventude e Esportes.

Regard neuf sur Olympia 52 (França, 2013). De Julien Faraut. Com Clémentine Domptail, Philippe Collin. Documentário. 81’. Classificação Indicativa: Livre. O diretor Julien Faraut descobre o há muito tempo esquecido primeiro filme de Chris Marker no Instituto dos Esportes da França. “Olympia 52” documentou os Jogos Olímpicos de Helsinki de 1952 e foi o precursor da carreira de um dos mais famosos documentaristas do mundo. Faraut revisita o filme para descobrir como Chris Marker se tornou Chris Marker. Sessão com a presença do diretor Julien Faraut

7

7


FICINE FÓRUM ITINERANTE DE CINEMA NEGRO Espaço de formação e reflexão sobre a produção mundial de cinema, a Cinemateca da Embaixada da França no Brasil e q Cinemateca Africa do Institut Francais que dispõem de um acervo exclusivo de cinema africano, começa no dia 12 de Abril a primeira das quatro sessões que o Fórum Itinerante de Cinema Negro (FICINE) realizará no Cinemaison em 2016. Criado em 2013, o FICINE tem por objetivo principal atuar na formação de público (audiência) para as produções audiovisuais realizadas na África e na diáspora africana. Buscando conectar iniciativas, divulgar e estimular redes de circulação/exibição, nos últimos três anos, o Fórum realizou atividades em Burkina Faso, Moçambique, Cabo Verde, Cuba e em alguns estados brasileiros, chegando agora finalmente à cidade do Rio de Janeiro através desta parceria com a Cinemateca da Maison de France. O programa das sessões FICINE no Cinemaison será composto por filmes africanos e afrodiaspóricos disponíveis no catálogo de filmes da Cinemateca. Após a projeção acontecerá sempre um debate com o propósito de apresentar para o público questões referentes ao contexto de produção e recepção das obras, informações sobre as cinematografias dos realizadores e realizadoras, assim como aprofundar reflexões sobre as dimensões estéticas e narrativas dos filmes assistidos. Para esta primeira sessão, teremos a projeção em película de La Noire de..., do diretor senegalês Ousmane Sembène, considerado o “pai do cinema africano”. O filme, de 1966, foi o primeiro longa metragem feito no continente por um realizador africano. O debate após a sessão será conduzido pela pesquisadora Janaína Oliveira, especialista nas cinematografias africanas e coordenadora do Fórum Itinerante de Cinema Negro (FICINE – www.ficine.org).

ABRIL 2016  | CINEMAISON

DOC NA TELA | VIVER A MÚSICA Reconhece-se a música como uma das sete artes eque acompanham o desenvolvimento estético do homem desde a pré-história. E foi dela que, ao longo do tempo, alguns se destacaram por viver dessa fonte inesgotável de sons e ritmos. O Doc Na Tela do mês de Abril celebra com a faixa Viver a Música, uma seleção de três documentários com músicos que, através de melodias e partituras, deixaram sua marca na história.

Michel Petrucciani (França, 2011). De Michael Radford.

04/04

MICHEL PETRUCCIANI

11/04

OS FILHOS DO VENTO

25/04

QUAL É O TRABALHO?

13h

13h

La noire de... (França/Senegal, 1966). De Ousmane Sembene.

11/04 20h

A NEGRA DE... La noire de... (França/Senegal, 1966). De Ousmane Sembene. Com Mbissine Thérèse Diop, Anne-Marie Jelinek, Robert Fontaine. Drama. 65’. Classificação Indicativa: Livre. Jovem senegalesa vai para a França, para trabalhar como empregada na casa de um casal. Lá tem sua visão romântica do país confrontada pela dura realidade do trabalho.

Sessão com debate com uma das coordenadoras do Fórum, Janaína Oliveira.

13h

Michel Petrucciani (França, 2011). De Michael Radford. Documentário. 102’. Classificação Indicativa: Livre. Um documentário sobre o pianista de jazz francês Michel Petrucciani, falecido em 1999. Ele superou sua deficiência física e se tornou um artista reconhecido internacionalmente. Através de entrevistas e imagens de arquivo, o diretor Michael Radford interroga as fontes da criatividade do artista. Indicado ao César 2012 de Melhor Documentário

Les Fils du Vent (França 2012). De Bruno Le Jean. Documentário. 96’. Classificação Indicativa: Livre. Eles se chamam Angelo Debarre, Moreno, Ninine Garcia e Tchavolo Schmitt. Eles são guitarristas e ciganos que tocam e perpetuam a música de Django Reinhardt. Eles cultivam também um certo senso de humor, de amizade e uma forma bem particular de levarem a vida.

C’est quoi ce travail? (França, 2015). De Sébastien Jousse, Luc Joulé. Documentário. 100’. Classificação Indicativa: Livre. Os funcionários de uma fábrica que produz 800.000 peças de automóveis por dia e o compositor Nicolas Frize, cuja criação musical se dá pelo coração num ateliê. De maneiras diferentes, eles trabalham. De maneiras diferentes, eles se perguntam: o que é o trabalho?

9


CINEMAISON  |  ABRIL 2016

ABRIL 2016  | CINEMAISON

NOITE TEMÁTICA | CRISE DE ADOLESCÊNCIA 04/04 18h

NOITE TEMÁTICA | ANNÉE ZERO 25/04

17 MENINAS

18h

17 filles (França, 2012). 2011). De Muriel Coulin & Delphine Coulin. Com Juliette Darche, Louise Grinberg, Roxane Duran. Comédia dramática. 93’. Classificação etária: Livre. Em uma pequena cidade litorânea, um grupo de adolescentes decide engravidar ao mesmo tempo. Os adultos não entendem, os meninos muito menos. Por que essas garotas, todas escolarizadas no mesmo colégio, decidem ter filhos? Seleção oficial Festival de Cannes 2001

20h

Um monde sans femmes (França, 2012). De Guillaume Brac. Com Vincent Macaigne, Laure Calamy, Constance Rousseau. Comédia dramática. 58’. Classificação Indicativa: Livre. Um pequeno resort na costa de Picardia, na última semana de agosto. No momento de entrega das chaves para um apartamento alugado, Sylvain conhece uma jovem mãe e sua filha, uma mais atraente que a outra. A oportunidade de sair apenas durante alguns dias de sua vida solitária sem mulheres o chama despesperadamente. Indicado ao César 2012 de Melhor Curta-Metragem

A BELA VIDA La belle vie (França, 2013). De Jean Denizot. Com Solène Rigot, Zacharie Chasseriaud. Aventura. 93’. Classificação etária: Livre. Dez anos Sylvain e Pierre se escondem com seu pai nas estradas da França, após o divórcio de seus pais. Mas as crianças cresceram, e não é mais possível esconder-se. Quando, Peter, o mais velho, desaparece eles deverão repensar esse estilo de vida. Festival de Veneza 2013

25/04 20h

NOITE TEMÁTICA

40 - AMOR Terre battue (França, 2014). De Stéphane Demoustier. Com Olivier Gourmet, Valeria Bruni Tedeschi, Charles Mérienne. Comédia dramática. 95’. Classificação Indicativa: Livre. Jérôme trilhava uma bem-sucedida carreira de executivo, mas larga tudo pelo desejo de abrir sua própria empresa. Enquanto isso seu filho Ugo, um tenista de 11 anos de idade, segue seu próprio sonho: o de treinar em Roland-Garros. Juntos, eles acompanham os esforços um do outro.

NOITE TEMÁTICA

CRISE DE ADOLESCÊNCIA

Embalada pelo espiral de emoções na transição para a vida adulta, a adolescência é o momento do ápice das crises emocionais e psicológicas do ser humano. Na noite

10

Le Pays qui n’existe pas (França, 2012). De Cécile Ducrocq. Com Aurélia Petit, Charlotte Cétaire, Laurent Laffargue. Drama. 18’. Classificação Indicativa: 16 Anos. Jeanne, 12 anos, passa um fim de semana com os pais. Graças a uma indiscrição, Jeanne descobre que seu pai tem uma amante. Fille du calvaire (França, 2012). De Stéphane Demoustier. Com Antoine Mathieu, Denis Eyriey. Comédia dramática. 20’. Classificação Indicativa: Livre. Jerôme se apaixona por uma menina e tenta seduzi-la. Dia após dia, ele conta a evolução das tentativas a seu amigo Patrick, que lhe dá conselhos e vivencia, através de seus relatos, as aventuras de seu amigo mais novo.

17 filles (França, 2011). De Muriel Coulin & Delphine Coulin.

04/04

O PAÍS DAS MARAVILHAS + FILLE DU CALVAIRE + UM MUNDO SEM MULHERES

“Crise de Adolescência”, passarão por aqui Camille e suas amigas, agora grávidas, em “17 Meninas” e Pierre lidando com o divórcio dos pais em “A Bela Vida”.

ANNÉE ZERO

Criada em 2008, a Année Zero é uma produtora francesa que produziu mais de vinte curtas e médias-metragens ao longo dos últimos anos que foram transmitidos por inúmeros canais da televisão francesa e premiados nacional e internacionalmente em festivais. Unificando um padrão de produção e

de estética, tem alçado aos poucos o mercado e se tornado um grande destaque no audiovisual francês. Na noite do dia 25 de Abril, o Cinemaison dá voz a esses profissionais com a exibição e dois curtas, um média e um longa, todos produzidos com a assinatura da Année Zero. “Porque cada filme é um recomeço”.

11


PROGRAMAÇÃO ABRIL / 2016 04 11 12 18 19 25

13h 15h 18h  20h 

DOC NA TELA – PETRUCCIANI ÚLTIMA CHANCE – SERAPHINE CRISE DE ADOLESCÊNCIA – 17 MENINAS CRISE DE ADOLESCÊNCIA – A BELA VIDA

13H 15H 18H  20H 

DOC NA TELA – OS FILHOS DO VENTO ÚLTIMA CHANCE – A BELA VIDA É TUDO VERDADE – OLYMPIA 52 É TUDO VERDADE  – UM NOVO OLHAR SOBRE OLYMPIA 52

19h

FICINE – A NEGRA DE...

13h 15H 18H 20H

TALENTOS DA BÉLGICA – APROVADO PARA ADOÇÃO TALENTOS DA BÉLGICA – A NATUREZA DO CONGO: TESOUROS DO LESTE TALENTOS DA BÉLGICA – DOIS DIAS, UMA NOITE TALENTOS DA BÉLGICA – ALABAMA MONROE

19h

CURTAMAISON – SELEÇÃO DE CURTAS

13h 15H 18H

DOC NA TELA – QUAL É O TRABALHO? ÚLTIMA CHANCE – APROVADO PARA ADOÇÃO NOITE ANNÉE ZERO – O PAÍS DAS MARAVILHAS + FILLE DU CALVAIRE + UM MUNDO SEM MULHERES

20h

NOITE ANNEE ZERO – 40 – AMOR

EVENTO | TALENTOS DA BÉLGICA CURTAMAISON

FICINE

É TUDO VERDADE

NOITES TEMÁTICAS

DOC NA TELA

ÚLTIMA CHANCE

PATROCÍNIO

A TV5MONDE, como patrocinadora oficial do Cinemaison, tem o prazer em fazer parte deste novo formato do cinema do Consulado Geral da França, aproximando, ainda mais, as culturas francesa e brasileira. TV5MONDE: o canal em francês, para você. ENDEREÇO CINEMAISON Teatro da Maison de France Avenida Presidente Antônio Carlos, 58, subsolo. Centro. Rio de Janeiro – RJ. Telefone : (21)3974-6644 www.cinefrance.com.br cinemafrances cinefrance cine\

APOIO:

INGRESSOS

REALIZAÇÃO:

O Cinemaison é accessível apenas para os detentores da carteirinha de sócio Para solicitar sua carteirinha, acesse o site: www.cinefrance.com.br.

CAPACIDADE DA SALA 350 Lugares Ingressos sujeitos a lotação da sala

PARCERIA:

CINEMAISON - Programação Abril 2016  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you