Page 1

dossier

PROTAGONISTAS

Dossier de Gestão e Tratamento de Água [45]

SENSORES NAS ETAR´S Siemens, S.A.

[48]

EFICIÊNCIA EM SISTEMAS DE ACCIONAMENTOS AC: NOVOS DESENVOLVIMENTOS PARA O SEGMENTO DA ÁGUA ABB ROBOTICS

[52]

GESTÃO E TRATAMENTO DE ÁGUAS Luís Cristóvão em colaboração com Weidmüller

[55]

TELEGESTÃO E IMPORTÂNCIA DAS COMUNICAÇÕES NO PROCESSO DA ÁGUA Schneider Electric Portugal

Os sistemas de tratamento de água compreendem desde o manancial de abastecimento, a captação de água, a estação de tratamento de água e a distribuição de água potável. Uma indústria de transformação e uma Estação de Tratamento de Água (ETA) transformma a matéria-prima (água bruta) retirada da natureza, em produto final (água potável), ocorrendo neste processo, uma geração de resíduos que retornam ao meio ambiente de maneira inadequada. A maioria das Estações de Tratamento de Água de Abastecimento (ETA’s) não trata os resíduos sólidos, gerados principalmente nas etapas de sedimentação e filtração. Sem o tratamento e disposição final, os resíduos gerados em ETA’s são lançados em corpos de água, não respeitando a legislação ambiental vigente. A grande preocupação com a qualidade e quantidade disponível de recursos hídricos faz com que seja necessário identificar os impactos ambientais causados por resíduos gerados em ETA’s e, propor medidas mitigadoras visando minimizar os impactos negativos desta actividade. Com base nestes objectivos, considera-se que as características da água bruta, os produtos químicos utilizados e o tipo de tratamento adoptado são factores determinantes nas características e quantidades de resíduos gerados nos decantadores e na água de lavagem de filtros; a escolha do tratamento e disposição final da fase sólida do lodo é função de aspectos técnicos e económicos, e deve ser imprescindível no projecto e implementação de ETAs. As soluções de controlo distribuído, a aplicação de novos processos de instrumentação, os sensores e os accionamentos que permitem consideráveis desenvolvimentos energéticos, juntamente com os sistemas inteligentes de gestão e tratamentos de água são, neste momento, as principais necessidades deste sector de Tratamento de Água. Uma vez que este tratamento é muito importante para uma boa qualidade da água e também do ambiente devem ser adoptadas todas as medidas necessárias e garantir um bom acompanhamento no processo. Para isso suceder é imprescindível uma óptima gestão destas Estações de Tratamentos de Água. Todas estas considerações serão desenvolvidas no Dossier sobre Gestão e Tratamento de Água.

Por Ricardo Sá e Silva

Dossier de gestão e tratamento de água  
Dossier de gestão e tratamento de água  

Autor: Ricardo Sá e Silva; Revista: robótica nº84

Advertisement