Page 1

84

informação tÊcnico-comercial

igus energia para as curvas AINDA MAIS POSSIBILIDADES COM AS NOVAS CALHAS ARTICULADAS PARA MOVIMENTO CIRCULAR

Descarregar navios, movimentar paletes, orientar painÊis solares, movimentar componentes eletrónicos sensíveis de uma estação de processamento para outra ou orientar telescópios: todas estas aplicaçþes são dificilmente imaginåveis sem movimentos rotativos. Muitas vezes os projetistas são confrontados com o grande desafio de terem movimentos rotativos em simultâneo com a alimentação dos mais diversos tipos de energia, sinais e meios. Para este efeito a igus apresentou na Feira de Hannover de 2012 três novas soluçþes para movimentos circulares que melhoram o sistema modular para movimentos rotativos de maneira que passam a existir soluçþes eficientes e råpidas para praticamente todas as aplicaçþes imaginåveis.

Transportar muitos cabos diferentes em espaço restrito Para os que procuram calhas que ocupem pouco espaço ou que desejam soluçþes mais duradouras do que os desenroladores de cabo, a igus apresentou o novo “e-spoolâ€?. Este sistema combina de uma forma Ăşnica duas calhas diferentes: Uma calha articulada normal da sĂŠrie E2 ou E4 colocada num rolo que garante, por meio de uma mola integrada, o retorno a qualquer momento num www.oelectricista.pt o electricista 41

Figura 1 O novo “e-spoolâ€? da igus ajuda a transportar os mais diversos condutores em espaços muito restritos nas mais diversas direçþes.

comprimento e com uma tensĂŁo precisa nos cabos e uma “twisterbandâ€?. Na posição inicial, a calha estĂĄ completamente enrolada para poupar espaço. A “twisterbandâ€? liga o rolo com o suporte do veio que serve como uma interface para os cabos instalados. Nos desenroladores “clĂĄssicosâ€? de cabos esta função ĂŠ geralmente assumida por contactos de escovas. AĂ­ o conceito “e-spoolâ€? consegue ser muito mais flexĂ­vel e pontuar, porque ao contrĂĄrio dos contactos de escovas neste caso os cabos de dados, o ar comprimido e os lĂ­quidos podem ser ligados continuamente, podendo serem substituĂ­dos ou  

       

“twisterbandâ€?       

para cabos com um diâmetro atĂŠ 16 mm. Se for preciso mais espaço o “twisterbandâ€? poderĂĄ tambĂŠm levar cabos de ambos os lados atĂŠ ao tambor da calha. Com estas vantagens evidentes o “e-spoolâ€? ĂŠ um dispositivo completamente modular para substituir os desenroladores clĂĄssicos de cabos. AlĂŠm disso o “e-spoolâ€? pode ser a solução apropriada para pequenos espaços: pois o espaço adicional para guardar a calha, como ĂŠ o caso das aplicaçþes suspensas ou em zig-zag deixa de ser necessĂĄrio. O “e-spoolâ€? transforma-se numa solução verdadeiramente multidimensional quando equipada com calhas tridimensionais como a

“triflexâ€? da igus. Neste caso atĂŠ ĂŠ admissĂ­vel um transporte de energia “em todas as direçþesâ€?. As ĂĄreas de aplicação para o “e-spoolâ€? podem ser encontradas em empilhadores, sistemas de distribuição, camiĂľes grua mĂłveis, aplicaçþes com plataformas ou linhas de montagem e gruas.

Aumento simples: movimentos rotativos atĂŠ 900 graus Graças ao chamado “raio de curvatura inversoâ€? (RBR), as calhas porta-cabos articuladas normais podem ser utilizadas para movimentos circulares. Deitadas de lado e guiadas por meio de estruturas divididas ĂŠ possĂ­vel realizar movimentos circulares atĂŠ 600 graus. A       

extremidade do anel interior e exterior. Opcio          

    !   " 

maiores, os projetistas da igus apresentaram o novo produto MRM (Multi Rotation Module) que, com base nas calhas articuladas normais com raios de curvatura inversos e com guias apropriadas, possibilita a realização de rotaçþes muito maiores. A ideia atrås disto: como uma pilha de moedas, vårios sistemas individuais são colocados um em cima do outro e interligados para um sistema global. A måxima rotação

Igus: energia para as curvas  
Igus: energia para as curvas  

Autor: igus®, Lda.; Revista: oelectricista nº41

Advertisement