Page 1

FORMAÇÃO

revista técnico-profissional

o electricista

42

Texto cedido por Soler & Palau, Lda.

casos de aplicação

{VENTILAÇÃO DE VAPORES DE NITROGLICERINA}

O PROBLEMA Uma indústria química tinha problemas de contaminação interna provocada por vapores de nitroglicerina numa zona de tratamento e armazenagem de bidões que continham este produto. O objectivo era ventilar esta zona contaminada e evitar que os vapores e cheiros se propagassem pelo restante espaço. DADOS A TER EM CONSIDERAÇÃO Trata-se de uma sala em forma de “L” com uma superfície de 125 m2, com 2,5 m de altura e que é parte integrante de uma nave maior situada num polígono industrial.

DETERMINAÇÃO DAS NECESSIDADES Dado que a zona onde se gera a contaminação pode ter dimensões variáveis, não é possível implementar uma solução localizada do tipo chaminé. Por isso, calculámos a necessidade de caudal a partir de um ponto de vista de ventilação ambiental, ainda que com um considerável número de renovações/hora. Concretamente, considerámos serem necessárias 15 renovações de modo a que se tenha uma margem folgada e para que a contaminação expelida seja já muito diluída.

duzido através de condutas colocadas frente-a-frente, nas quais as extracções e captações se fazem através de grelhas.

› Referências dos equipamentos escolhidos Sistema de extracção 1 caixa de ventilação CVTT-12/12 a 750 rpm e 0,75 Kw. EExdIIBT4; 1 grelha de aspiração CVD-12; 1 tampa estanque CTI-12.

Sistema de impulsão Q = 125 x 2,5 x 15 = 4.700 m /h 3

1 caixa de ventilação CVTT-12/12 a 750 rpm e 0,75 Kw; 1 grelha de aspiração CVA-12; 1 tampa estanque CTI-12.

A SOLUÇÃO Com o objectivo de controlar o melhor possível o movimento do ar, propomos um sistema duplo de ventilação impulsão-extracção para se conseguir um varrimento longitudinal da sala, evitando-se assim a dispersão de gases. Em cada um dos casos, o ar será con-

› Impulsão Introduziremos ar limpo do exterior através de uma conduta de 450 mm de diâmetro na qual colocaremos 5 grelhas de impulsão reguláveis para um caudal, unitário de 940 m3/h, conforme se mostra na Figura. Esta instalação terá uma perda de carga de cerca de 18 mm c.a. Para impulsionar este ar do exterior, o ventilador recomendado é o que se indica na secção “referências dos equipamentos escolhidos”.

› Extracção

Vista da sala

Para extrair o ar da sala, conforme se indica na figura, instalar-seão duas condutas ligadas a um ventilador, nas quais se colocarão 7 grelhas de aspiração reguláveis para um caudal de 940 m3/h em cada uma. A perda de carga total desta instalação será de cerca de 19 mm c.a. Apesar dos gases expelidos serem já muito diluídos, como medida de precaução instalaremos no ventilador de extracção um motor antideflagrante do tipo EExdIIBT4. As características do ventilador são idênticas às do instalado na impulsão.

Casos de aplicação: ventilação de vapores de nitroglicerina  
Casos de aplicação: ventilação de vapores de nitroglicerina  

Autor: texto cedido por Soler & Palau; Revista: oelectricista nº32

Advertisement