Page 1

ESPAÇO QUALIDADE 8

Porquê a Qualidade?

Não vale a pena estarmos a pensar em grandes e extremamente elaboradas justificações que nos levem à necessidade de fazer um levantamento sistemático de processos certificáveis. Digo certificáveis, porque entendo que, em primeiro lugar, a empresa deverá defender uma posição de assegurar que os seus processos são úteis, eficientes, eficazes e adequados às reais necessidades da organização e indispensáveis ao seu bom desempenho. Então para quê a Certificação? Em trabalhos que tenho estado a realizar, muitos deles fora dos grandes centros urbanos, nomeadamente na Figueira da Foz, em Aveiro ou na Guarda, denota-se uma consciência empresarial crescente, em matéria de desenvolvimento de Sistemas de Certificação de Qualidade (SGQ), que levem as empresas a criarem ferramentas de controlo, de monitorização e de desenvolvimento competitivo, garantindo uma posição competitiva mais forte no mercado. Vejamos, assim, quais os principais argumentos para a implementação de um SGQ em qualquer empresa. Sim, uma qualquer empresa, pois existem empresas com apenas 3 colaboradores certificadas. Um SGQ permite, aumentar a notoriedade da marca. A uma empresa certificada é-lhe reconhecido o mérito de conseguir um estado organizativo satisfatório, evidenciado por entidades acreditadoras. O reconhecimento da marca é, por isso, mais forte e mais seguro.

Um SGQ permite um retorno do investimento em prazos muito curtos. A organização por processos, a monitorização dos mesmos, a capacidade de interagir e melhorar o relacionamento com os diferentes públicos, leva, inevitavelmente, à melhoria dos resultados financeiros, logo, mais dinheiro em caixa. Só assim compensa o investimento realizado num processo de gestão tão exigente, mas tão competitivo. Um SGQ permite uma fonte de comunicação sempre credibilizada. Nunca questionamos, ou sustemos um pouco a respiração ou os nossos ímpetos se estivermos perante uma empresa que se encontra certificada. Papel de carta, cartões de visita, embalagens, site, viaturas, bandeiras da recepção e muitas outras ferramentas de comunicação, são suportes onde facilmente se colocam os logótipos referentes à certificação. Com a implementação de um SGQ aumentam ainda os índices de notoriedade, pelo reconhecimento do fortalecimento dos processos e da capacidade e competências da empresa para prestar serviços de qualidade e fornecer produtos adequados às necessidades e expectativas dos clientes. Tão simples ou complexo como respondermos a questões de total pertinência: o que faço, como faço, para quem faço, em quanto tempo faço e que resultados atinjo com o que faço. Estas questões fazem de nós mais competentes, mais capazes e mais responsáveis – porque queremos e devemos fazer melhor todos os dias. Um SGQ permite, acima de tudo, a organização dos processos internos que favorecem a relação a montante, com os providers, e a

por Pedro Sanches Silva

Um SGQ permite um retorno do investimento em prazos muito curtos.

jusante com os clientes, fortalecendo, assim, toda a cadeia de valor. Mas, acima de tudo, não se desligue nunca dos processos, nem deite fora tudo o que criou. Lembre-se sempre que a sua empresa pode ter já os processos todos bem definidos, mas garanta que assim é, faça uma auditoria externa e valide-os. Com tantos pontos fortes, do que é que está à espera? Usufrua da certificação por gozo, por diversão, por satisfação em ver que, ao possui-la vai ter, sem qualquer dúvida, melhores desempenhos e, claro, com isso, melhores resultados financeiros – menos esforço, mais dinheiro, uma fórmula ganhadora.

Porquê a qualidade?  
Porquê a qualidade?  

Autor: Pedro Sanches Silva; Revista: oelectricista nº32

Advertisement