Page 1

Informação técnico-comercial

ECOLIFT: sistemas de recuperação de energia para elevadores Bernardo Marques Responsável de Produção, LIFTECH S.A.

Poupança de energia até 65% em

energia de volta na rede em vez de apenas a

elevadores com VF.

‘deitar fora’. Estes sistemas são constituídos por componentes eletrónicos de elevada

Os supercondensadores, também conheci-

complexidade, dispendiosos e que em mui-

dos como ultracondensadores, permitem

tas situações não trazem um ganho econó-

armazenar perto de 100 vezes mais energia

mico associado à geração de energia, pois

por unidade de volume do que os condensa-

quando esta não é consumida localmente

dores, e conseguem carregar ou entregar

por outros consumidores (iluminação, apa-

energia de forma muito mais rápida do que

relhos AVAC, e outros) é injetada na rede e será consumida por outros clientes mas

as baterias, além de resistirem a muitos mais ciclos de carga e descarga do que as

mais desfavorável e energia gerada na si-

sem qualquer compensação por parte do

baterias recarregáveis. Os supercondensa-

tuação mais favorável) andará próximo dos

operador. Ficamos, assim, com um elevador

dores são utilizados em automóveis e com-

65%, sendo que esta depende da tipologia

mais ecológico mas não mais económico.

boios elétricos para armazenar a energia

do elevador e dos seus componentes. Esta

da travagem regenerativa e agora também

eficiência será ligeiramente inferior num

O novo sistema ecoLift da Liftech foi de-

em elevadores.

elevador de tipo ‘mochila’ e será ligeiramen-

senvolvido utilizando supercondensado-

te superior num elevador com um motor

res para armazenar a energia gerada pelo

síncrono de ímanes permanentes.

motor durante a travagem, como se de

Sempre que o elevador se desloca no sen-

uma bateria se tratasse, e irá reutilizá-

tido favorável (subir vazio ou descer completo), em que é necessário travar o peso

A energia gerada na travagem é, na atua-

-la na viagem seguinte. A sua instalação

em queda por ação da força da gravidade

lidade e na grande maioria das situações,

é extremamente simples pois faz-se pela

terrestre, o motor funciona como um ge-

dissipada sobre a forma de calor na resis-

ligação de duas linhas ao barramento DC

rador de energia. Num elevador moderno a

tência de frenagem que se encontra ligada

de qualquer variador de frequência e com

eficiência no funcionamento como gerador

ao variador. Contudo, existem já sistemas

uma capacidade de armazenamento até

(rácio entre energia consumida na situação

regenerativos que permitem injetar esta

6 kW pode ser utilizado com motores de qualquer potência. Este sistema traz um ganho económico efetivo associado à redução da pegada de carbono do elevador, pois a energia gerada por este é consumida na viagem seguinte ou, caso o elevador fique parado, alimenta o variador enquanto este está em standby, em detrimento da energia da rede. Com uma eficiência de 98% entre a energia entregue e a gerada, o ecoLift permite efetivamente reduzir o consumo do elevador até 65% que se traduzirá na redução real do valor da fatura de eletricidade.

46

elevare

ECOLIFT: sistemas de recuperação de energia para elevadores  

Autor: Bernardo Marques; Revista: elevare nº6

ECOLIFT: sistemas de recuperação de energia para elevadores  

Autor: Bernardo Marques; Revista: elevare nº6

Advertisement