Issuu on Google+

Jornal

cidade

Curta nossa Fan Page e fique bem informado.

facebook.com/jornalcidadeemfocosrv

em foco

SRV

VE

NDA

CORTESIA

Ano 1 - Edição 32 - Santa Rosa de Viterbo, 30 de agosto de 2013

Opinião do Cidadão

Cidadã recorre a Dr. Gonini em atendimento à Saúde

Profissionais da Saúde colaboram em campanha para Santa Casa

Página 15

Gledson - Estrela santarrosense brilhando no rodeio

Vereador e delegado, Dr. Gonini tem saldo positivo em “Opinião do Cidadão”, enquanto atual administração é criticada

Página 3

Aulas de Hidroterapia agitam “Associação dos Aposentados” As turmas que freqüentam as aulas de hidroterapia da Associação dos Aposentados estão muito satisfeitas com os resultados alcançados. Segundo os participantes, as aulas têm trazido além da melhoria física, um bem estar psicológico e uma motivação que eles usam para realizarem suas atividades cotidianas. Página 6

Página 21


2

Edição 32 - Ano 1

VOCÊ QUER MUDAR O SEU FUTURO? AGUARDE! EM BREVE ISSO VAI ACONTECER!

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013


Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Opinião do Cidadão

Naty Cruz

Santa Rosa está uma vergonha.. Principalmente em relação á saúde. No sábado a tarde uma criança foi mordida por um cachorro no ROSTO e levada ao hospital minutos depois. Chegando lá, nem se quer deram vacina pra criança por conta do cachorro ser vacinado.

Comentaram:

Jose Roberto: Naty Cruz, veja pelo lado bom...se gastar pra melhorar a saude, não sobra dinheiro pra fazer festa, comprar pickup, pagar assessores...quem consegue viver sem isso? Jacky Nogueira: Fiquei sabendo mesmo desse caso. O médico se recusou a atendê-la adequadamente e não deu a vacina..tadiinha Tomara que fiquei tudo bem. E Naty, vai daí pra pior, é só o começo do descaso com os cidadãos. UMA VERGONHA! Mário Silvério: Quem é o Diretor da Saúde em Santa Rosa? Alguém sabe me informar, por favor? Naty Cruz: Não sei te dizer quem é.. Realmente Jacky e José Roberto, a coisa ta complicada!! Jose Roberto: Eu já escrevi nesse espaço uma vez e vou voltar a fazê-lo: Saúde pública de boa qualidade se faz com médicos em número suficiente, profissionais da área de enfermagem, equipamentos bons e funcionando, com pessoal para operá-los, instalações adequadas e leitos em número suficiente. Fora isso, qualquer conversa será “colóquios flácidos visando levar bovinos aos braços de Morfeu

Criança mordida por cachorro gera revolta em cidadã

Agora essa criança de 2 anos está com complicações por causa da mordida, já está com encaminhamento para o HC e ESTÁ AGUARDANDO VAGA AQUI. Agora alguém, por favor, me explica: Caso aconteça algo com essa criança durante a espera, QUEM É QUE VAI SE RESPONSABILIZAR? Até quando vai continuar essa pouca vergonha, essa SAFADEZA, esse DESCASO com a população? Aonde já se viu ter que esperar por atendimento médico, muitas vezes morrer durante a espera, ou então melhorar na marra gente? O que está acontecendo meu povo??? O que é que a gente significa para os nossos

representantes? Já não é a primeira vez que acontece isso, minha prima há pouco tempo teve meningite e o padrasto dela teve que procurar o Sr Delegado pra que ela fosse mandada pro HC. Ah gente, e tem mais: Muitos colocam defeito no Dr Paulo Wiezel, mas ele sempre foi o ÚNICO médico que mandava os pacientes pra Ribeirão ainda que com vaga Zero. Para os que tanto julgaram ele, está bom agora a saúde?? Para os que não pensaram antes de votar nas eleições, Tá boa agora a saúde??? Desliga a TV e pensa gente!!!Jaque, se for possível, publica esse desabafo no jornal. Vai que alguém faz alguma coi-

sa né? Boa noite gente!! Curtiram: Jaqueline de Bem, Mandinha Dias, João Vitor Martins, Kátia Caldas, Fran Cruz, Suelen Mara, Thamara Gratão, Carol Chitero, Juuh Rocha, Jacky Nogueira, Simone Cavalcante, Ritinha Teixeira, Flavia e Paulo Pereira Vidal Luiz, Marília Basso, Karem Costa, Rodrigo Leigo, Thawane Alves, TaíseTessarini França, Ilda Olfermann, Rodrigo Kaku Moreira, Vicente Cintra, Maína Pires Aguiar, Roberto Torres, Renata Rodrigues Pontes, Vanessa Davi Manuela Marcelo, Sirlei Ramos, Gabriela Tardif, Marilza Teixeira da Silva

Simone Cavalcante: É pessoal, a coisa esta feia mesmo .. SOS pra Saúde de Santa Rosa. Mário Silvério: Meu modo de pensar. Não é a Saúde que está precária ,é o nosso comando que não esta fazendo bem a coisa . Thamara Gratão: Nem me fale Naty, minha vó precisava de uma consulta.. só tinha vaga pra outubro!! Jose Roberto: No site da prefeitura, está disponível as informações do município, inclusive as despesas. Consta lá que, até a data de hoje, foram aplicados na saúde o valor de R$ 8.700.000, e mais R$ 1.200.000 na área social. Isso dá em torno de R$ 1.240.000 gastos por mês. É pouco? É muito? Não sei. Segundo informações da BBC -http:// www.bbc.co.uk/portuguese/ noticias/2013/04/130402_saude_gastos_publicos_lgb.shtml - o gasto médio mundial é de R$ 1.432 por pessoa/ano, e no Brasil está em torno de R$ 954 por pessoa/ano. Fazendo as contas com os números do site da prefeitura, então o gasto estaria em R$ 618 por pessoa/ano em Santa Rosa, portanto, abaixo, inclusive, da média brasileira. Gastos públicos crescem,

mas modelo de saúde ainda vive contradição no Brasil BBC Brasil - www.bbc.co.uk - Apesar de sistema ‘gratuito e universal’, despesas de governo em saúde foram inferiores a gastos privados. Flavia Pereira V. Luiz: Certos procedimentos no setor da saúde não depende nem de dinheiro,ou seja ,tem um protocolo a seguir ,vacina com certeza tem,eu achava que independente de um cachorro ser vacinado ou não a gente teria de ser vacinado caso fosse mordido por um cachorro ou gato. Almir Gouvea: Não é só na saúde que Santa Rosa esta mal, em todo lugar Santa Rosa não tem nada,começando de comando. Gabriela Dias: Gente..Por que não criar uma comissão popular e pautar todos estes assuntos que estão aqui e conversar diretamente com os representantes da cidade? Colocar em prática tudo que aqui esta sendo discutido,acho que é imprescindível, saúde, cultura, educação.. Naty Cruz: Só que a gente tem que se lembrar também que não adianta nada fazermos protestos,criarmos comissão popular e movermos montanha se quando chegar na hora H de fazermos valer a nossa opinião e necessidade, insistirmos em eleger pessoas que não fazem valer o nosso voto de confiança. Somos nós os responsáveis por quem colocamos para nos representar!! #Vamoacorda! Gabriela Dias: Sem dúvidas. Exercitar a memória e acompanhar os candidatos é uma obrigação. Naty Cruz: É isso aí!! Tomara que essas ‘’decepções’’ que andam acontecendo sirvam para nos abrir os olhos e acreditar que quem trai nosso voto de confiança uma vez,com certeza traitrês!! Vamos apostar na campa-

nha#DigaNãoaReeleição. Ritinha Teixeira: Temos que fazer alguma coisa mesmo. Não precisamos mais de uma ciclovia.e sim de mudanças na saúde, Se nada for feito ficara cada vez pior. pois estou vendo que nossos direitos não estão sendo respeitados. Gabriela Dias: Concordo plenamente! Por isso eu acho que deveríamos criar uma comissão e levar a discussão estes assuntos quesão expostos aqui no face. Juciane Silva: Olha, para que fazer este show com cantores caros se a saúde esta ruim? Eu concordoplenamente com você, depois que morrer não precisa de vaga não. Jose Roberto: Três dias depois que minha mãe morreu, recebi um telefonema do Hospital das Clínicas dizendo que havia liberado uma vaga de internação... Gabriela Dias: É pessoal, a demanda pelo HC esta muito alta, o pessoal da região e até de outros estados recorrem ao Hospital das Clinicas, por isso é importante que os hospitais municipais tenham qualidade. Naty Cruz: Gente.. Vamos nos unir e protestar nossos direitos! Estamos todos na luta pelo mesmo objetivo. Melhoria na qualidade de vida dos cidadãos.. Bora reivindicar! Simone Cavalcante: Éamigos, temos que lutar pela nossa cidade que esta horrível, vamos que vamos nos unir que a união faz a força. Andreia Domingos: Vamos nos unir sim,afinal se eles estão lá foi porque nós os escolhemos,e se não são capazes,temos o direito de tirá-los, não tenhamos medo de mudar para melhor para nós mesmos.

Expediente

Direção Geral Jaqueline Lasarete de Bem (16) 8169.1340 Jornalista Responsável Alexandre Neri Xavier MTB – 26.599 Impresssão Gráfica Primeira Página (16) 3373.7373

Edição 32 - Ano 1

Colaboradores

João de Bem Felipe Palomares André Nader Eduardo Bertocco Cristina Yazbek Ricardo Costa

cidadeemfocosrv@gmail.com

3

A MEDICINA TEM PÁTRIA? Entidades médicas brasileiras estão apondo obstáculos na entrada de profissionais da medicina vindos de outros países. Os de Cuba são os mais refratados – talvez por questões políticas. Políticos de oposição fazem coro ao corporativismo mépor João de Bem dico, são oportunistas eleijotabem@bol.com.br toreiros aproveitando para fazer eleitores simpáticos a causa corporativista. A mídia trata de potencializar o ruflar de tambores dando espaço aos representantes de associações médicas que com o peso do rótulo influenciam a comunidade leiga apresentando razões não muito bem fundamentadas. Pessoas comuns tendem a tomar partido brasilianista engrossando o coro no discurso dos “profissionais” e seus argumentos tendenciosos. O conhecimento não tem pátria – a medicina é uma ciência universal assim como o corpo humano, em principio, é funcionalmente idêntico em qualquer parte do planeta. O que os médicos daqui sabem mais que os médicos de outros países para exercerem a medicina ambulatorial ou preventiva? Dizer que a linguagem na comunicação paciente/médico será um empecilho instransponível, generalizando que pode acarretar em diagnóstico e prescrição errada é um argumento sem conteúdo, vazio de objeto. Na verdade o Brasil não forma profissionais suficientes para atender toda a população necessitada – principalmente nos municípios distante das metrópoles. O governo ofereceu vagas – mais de 14.000 – e quantas foram preenchidas por brasileiros? Menos de 10%. Médicos são majoritariamente cosmopolitas – de nascimento e formação. Raros são os profissionais de medicina que exercem a profissão seguindo juramento de Hipócrates. As comunidades localizadas em áreas rurais distantes, de difícil acesso continuam no mesmo território brasileiro que incorpora os grandes centros. Por lei tem direito a saúde e educação na mesma condição. Estamos “vesgos” de ver na mídia as agruras de nossos irmãos que estão nessas localidades. A periferia de grandes centros também fica sem atendimento médico – nenhum profissional quer ir trabalhar com gente marginalizada pelas circunstâncias da vida. São excluídos por responsabilidade histórica de políticos profissionais que não souberam gerenciar no governo recursos arrecadados que deveriam ir para a saúde e educação. O problema remonta ao Brasil colônia. Então – qual é o problema em aliviar a dor física, de curar enfermidades, de prevenir doenças nas comunidades aonde nenhum médico cosmopolita quer ir e se a ciência médica é comum na formação do profissional de medicina? Não há humanidade lógica no discurso bairrista de nossos profissionais, se temos um enorme contingente de brasileiros desassistidos e não temos médicos em quantidade e com vontade para suprir a necessidade no curto prazo. Médico é médico – aqui ou em qualquer canto do mundo!


4

Edição 32 - Ano 1

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013


Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Opinião do Cidadão

Regi D. Ponciano

27 de agosto às 14:59

Boa tarde, o aniversário de nossa cidade esta chegando, e algumas melhorias estão sendo feitas para que nossos visitantes sejam bem recebidos, a avenida do Bosque esta sendo limpa, guias pintadas, faixas de pedestres pintadas,

O DIA DA CIDADE pontos adicionais de energia, grama baixa, uma verdadeira força tarefa, tudo muito bonito, tudo muito bem arrumado, se não fosse o simples fato de estarem fazendo tudo isso para o evento. A cidade merece? Sim merece, os visitantes merecem? Sim merecem, mas nós também merecemos que isso seja feito sempre, que seja mantido esse trabalho, não só quando temos corridas, desfiles e outros eventos próximo ao Bosque, Posso estar errado, mas parece que nossa prefeitura não liga para o que nós estamos vendo e sim para o que os visitantes vão achar que nossa cidade, mas esquecem que nós não vivemos de aparências, queremos sempre

nossa cidade bem cuidada, e outra, pra que mudar o local do desfile, acho eu que seria bem melhor o desfile na avenida principal, ou seja na Presidente Vargas, seria bom até para o comercio local, tanto para a renda quanto para a divulgação de nosso comercio local, a avenida do Bosque não tem tanto a oferecer em termos de renda e comercio quanto a avenida Presidente Vargas. Outro ponto é a nossa avenida São Paulo, que em algumas épocas a avenida esta suja, repleta de cana, montinhos de sujeira e sacos no canteiro, hoje passei por lá e esta tudo muito bonito, homens varrendo, carpindo, tirando a terra que fica vários dias na

sarjeta, isso é ótimo, é nossa cidade limpa, mas a revolta é que não estão pensando em nós, e sim em o que o visitante vai pensar se ver a cidade suja, o que os políticos da região que estarão presentes vão pensar da gestão atual, resumindo em tempos de eventos a cidade esta limpa, fora do evento vão empurrando, se tem efetivo para fazer este trabalho agora, então temos para fazer toda a semana. Curtiram: Flavia e Paulo Pereira Vidal Luiz, Luis Fernando Gasperini, Ritinha Teixeira, Marcela Ragazzi, Jaqueline de Bem, Elizete Paula Silva Silva, Vanessa Davi Manuela Marcelo.

O SOL NASCE PARA TODOS, MAS PARA ALGUNS CUSTAM MAIS CARO. Marcelo B. Sordi

27 de agosto às 20:05

O comércio de Santa Rosa é consideravelmente forte, mas poderia gerar mais empregos e mais impostos (que já são muitos). Mas é muito forte o comercio informal na cidade. Pessoas param seus carros na porta de mercados e praças, até na porta das lojas e la vendem livre-

mente seus produtos. Batem de porta em porta e lá vendem seus produtos. Não geram empregos, não geram impostos. (acho que geram votos porque não tem fiscalização de ambos os poderes ) Alguns com produtos e mercadorias de ótima qualidade, mas a maior parte ‘’descartáveis’’. Enquanto isso os comerciantes da cidade, pagam aluguel, tributos altíssimos, água, luz,

salários etc. Até quando ? Até sempre ! De fato, o sol nasce para todos mas alguns pagam mais caro por ele. Curtiram: Ritinha Teixeira, Tio Dani, Jaqueline de Bem, Fernando Mesquita, Marta Cristina Malaquias, Jussara Moussa, Mário Silvério, Luis Fernando Gasperini, Emilia Kawasaki, Carlos J. Ramos.

PARQUE DE DIVERSÕES

Carlos J. Ramos compartilhou status de Kennedy Fogaça 27 de agosto às 16:20

Enfim, entrei ao facebook para dar uma breve explicação do ocorrido de

5

Edição 32 - Ano 1

ter desmontado tão repentinamente. 1º. Nós tínhamos uma autorização para trabalharmos até dia 19/08, mas conseguimos esse tempo de serviço pelo fato de estarmos em um terreno particular e não da prefeitura, e termos uma empresa aberta registrada aqui na cidade de Santa Rosa de Viterbo. 2º Pedimos mais uma semana depois do dia 19/08, mas o prefeito negou, tentamos entrar com um mandato de segurança para trabalharmos, mas também não deu. Por isso venho agora comunicar, caso tenham alguma duvida ou reclamação basta ir perguntar ao Ilmo. Prefeito

Cassio E tem mais, ele disse para nós, que esse ano ainda passa mas que ano que vem não deixará entrar em nossa cidade Circo, Parque de diversões e nem nada. Pergunto a vocês agora. Este prefeito, o qual apoiamos e está eleito graças a nós, ele é o dono da cidade? Pelo que eu saiba não voltamos a época da ditadura na qual um manda (Prefeito) e os outros obedecem (popu-

lação Santarossense). *postagem editada, retiramos adjetivos que poderiam ser interpretados de ordem pessoal. Curtiram: Jaqueline de Bem, Thamara Gratão, Rodrigo Leigo, Marcos Souza, Luis Fernando Gasperini, Kennedy Fogaça, Thaissa Ribeiro, Flavia e Paulo Pereira Vidal Luiz, Luana Santos, Vanessa Davi Manuela Marcelo

Nota da redação: Os comentários destas postagens estão no Grupo Cidade em Foco - Opinião do Cidadão, no FACEBOOK. Ficamos impossibilitados de colocar no jornal pelas inúmeros comentários gerados pela postagem. Se você não faz parte do grupo é só solicitar a participação e leia na integra a opinião dos internautas.

É tempo de buscar ao Senhor! Esta tem sido a mensagem de Deus nesses dias, visto que, muitos dentro da igreja encontram-se desanimados e esgotados espiritualmente. Estão sendo sugados pelo tempo, não conseguem avançar, não PR. Felipe Palomares Min. Palavra e Verdade produzem frutos. Perderam o objetivo da vida cristã, andam exaustos, amargurados e depressivos. Vivem frustrados com o noticiário do quadro político do País, onde só vemos corrupção e imoralidade administrativa. Infelizmente, estas preocupações nos levam a um distanciamento enorme de Deus. E o profeta Oséias, com sua mensagem de exortação chega nesse momento oportuno em que se deve considerar a recomendação de Jesus, ou seja; vida de oração e dependência de Deus. São práticas que não podem ser deixadas de lado. Caso contrário, o fracasso é total. Por isso, devemos fortalecer no Senhor e na força do seu poder. É preciso retornar à pregação do princípio bíblico, de que Jesus salva, cura, batiza com o Espírito Santo e que, em breve voltará. A verdadeira felicidade consiste em viver na esperança da volta de Cristo. E, essa esperança nos aproxima de Deus. Urge ainda, a necessidade da busca pelo batismo com Espírito Santo, do evangelismo efervescente e do testemunho do magnífico de Deus. O louvor é outro princípio que transforma vidas, quebranta corações, salva o pecador e liberta o oprimido. Para ser vitorioso e ter paz em si mesmo, basta considerar o padrão de vida estabelecido por Deus, ainda que considerado obsoleto. “Porque é tempo de buscar ao Senhor, até que ele venha, e chova a justiça sobre vós”. Oséias 10: 12b.


6

Edição 32 - Ano 1

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Faça hidroterapia na Piscina da Associação Confira os benefícios que as aulas de hidroterapia trazem aos participantes: - Alívio da dor e espasmos musculares; - Manutenção ou aumento da amplitude muscular; - Fortalecimento muscular e treino de resistência; - Reeducação dos músculos paralisados; - Melhora na circulação e diminuição de edemas; - Manutenção e melhora do equilíbrio, coordenação e postura;

Associação estará na XI Festa do Peão de Santa Rosa De 03 a 08 de setembro a Associação dos Aposentados e Pensionistas participará da XI Festa do Peão de Santa Rosa com uma barraca de lanches. Como atração principal da barraca, a Associação trará o delicioso Lanche de Pernil. Participe e prestigie essa ação e, é claro, compre seu lanche também!

A Associação dos Aposentados e Pensionistas de Santa Rosa de Viterbo oferece há alguns anos aulas de Hidroterapia em sua sede, instalada na rua Pernambuco, no conhecido “Salão dos Aposentados”. Com uma piscina adequada e estruturada para receber as aulas com total qualidade, a Associação investe constantemente para oferecer aos seus freqüentadores um mo-

mento de alegria, descontração e que traz inúmeros benefícios ao praticante da atividade. Todas as aulas são coordenadas e acompanhadas pela fisioterapeuta responsável. Além dos benefícios fisiológicos, as aulas de hidroterapia também proporcionam um encorajamento das atividades da vida diária e uma sensação de bem estar físico e psicológico.


Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Edição 32 - Ano 1

7


8

Edição 32 - Ano 1

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Grande campanha de libertação Todas as quartas-feiras com o Pr Felipe Palomares

DIGA NÃO AS DROGAS E SIM PARA VIDA!!!

Rua Piauí, 558


Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Edição 32 - Ano 1

9


10

Edição 32 - Ano 1

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Corrida Pedestre O Pai na terra Quando falamos sobre o personagem PAI, uma visão ampla de vida se impõe por si só. Pai nos traz a ideia da criação: Deus cria o universo em função do bem viver de seus filhos. Após tudo criar, Deus dispõe o melhor de si na configuração humana à sua imagem e semelhança para que este, o ser humano, pudesse continuar, eternamente, o processo criativo do Criador. A figura do PAI também nos remete a personagens como Abraão, convocado para constituir o Povo de Deus e chamado “patriarca da humanidade”. Papel não menos importante é o de Moisés, o “pai” do povo na libertação do Egito. De seu empenho paterno nasce a libertação e a condução dos “filhos de Israel” a uma nova terra: a Terra prometida. Os profetas também se destacaram como verdadeiros pais nos momentos cruciais do Povo de Deus; assim foi Isaías, Jeremias, Ezequiel e tantos outros. José, o esposo de Maria, a mãe de Jesus, não foi diferente. Sem muito compreender tudo que acontecia ao seu redor, colocou-se à disposição de Deus na sua complexa condição de “pai de Jesus”. Em todos os casos percebe-se a importância do PAI na família, na sociedade e na vida pessoal, segundo a vocação de cada um, abrindo novos horizontes, afinal: “o caminho se faz caminhando”. A presença do Pai deve ajudar a construir relações mais duradouras e transparentes, qualificando a vida dos filhos, fomentando segurança, firmeza, caráter e, acima de tudo, visão realista e positiva do mundo. A figura do Pai ajuda a construir referências para a vida toda; por isso, é de fundamental importância no desenvolvimento saudável dos filhos. Seu empenho solícito e partilhado com a esposa deve concorrer para a agregação da família promovendo sua estabilidade física, emocional e espiritual. No mundo em que vivemos, com uma nova configuração familiar, com suas fadigas e esperanças, muitas tarefas, tanto na vida pública quanto na vida familiar, são atribuídas ao homem. Mas é importante destacar seu valor como esposo e pai. Dentre os seus deveres indispensáveis de pai está o diálogo e o cuidado para com a genitora de seus filhos, assim como, o sustento e desenvolvimento pleno e integral de toda a família. O acolhimento, o amor, o serviço material e afetivo devem constituir sempre a nota distintiva do bom pai de família. É claro que um personagem desta relevância, que nos transmitiu a vida, que iluminou tantos dos nossos caminhos obscuros, não bastaria um muito obrigado. É preciso sim, reconhecimento pleno, resposta de amor e dedicação. Que Deus abençoe todos os nossos pais para que tenham força para continuar firmes orientando a família, a sociedade e, acima de tudo, dando testemunho de seriedade e alegria de viver. FONTE: Pe. Jair Fante

A equipe Serv Saúde/Santa Rosa participou da 5ª Corrida da Emancipação na cidade de Pitangueiras- SP. No

masculino os corredores Francisco (21º lugar cat.), José Renato Alexandre (10º lugar cat.),William (26º lugar

Jogos dos Servidores Públicos Municipais Neste final de semana acontecem no Ginásio de Esportes os Jogos dos Servidores Municipais.

Confira o horário dos jogos: Sábado Damas 9h00 Bilhar e futsal 14h00 Domingo Truco 9h00 Dominó e futsal 14h00

cat.),Geraldo (29º lugar cat.), Pedro (08º lugar cat.), Paulo Abertin (26º cat.) e Celso (20º cat.) tiveram bons resultados.

No feminino, Tatiane foi à vice-campeã na sua categoria. Este evento contou com 500 participantes.

Municipal de Futsal

Foi realizado no último dia 26 de agosto o congresso técnico para definir a composição dos grupos e tabela de jogos do Campeonato Municipal de futsal 2013. Este ano o campeonato contará com 18 equipes divididas em 6 grupos. A competição acontecerá de 10 de setembro a 02 de outubro.

Copa São Paulo de ciclismo

O Departamento Municipal de Esporte e Lazer informa à população que no próximo dia 08 de setembro a Avenida São Paulo estará interditada em toda sua extensão das 6h00 às 13h00 para a realização da competição de ciclismo. Os moradores dos bairros Alto da Boa Vista, Jardim do Sol e Jardim Aquarius somente terão acesso pelas ruas José Geraldo Coelho e Mauro de Andrade Marangoni. O Departamento agradece desde já a compreensão de todos.


Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Santo Antônio da Alegria realiza 2º Concurso Qualidade do Café O Sebrae-SP realiza em parceria com a Associação de Produtores de Café e Prefeitura de Santo Antônio da Alegria, o 2º Concurso Qualidade do Café. A competição será realizada no dia 31 de agosto, sábado, entre 9h e 18h, na sede da Associação. O evento é aberto ao público, que poderá acompanhar a avaliação dos classificadores de café da Coparaiso e Triag. Os vencedores das categorias Café Natural e Micro lote, participam do concurso estadual, que será realizado em Santos, no mês de setembro. Durante o evento, o Sebrae-SP promove três palestras gratuitas no período da tarde: planejamento de produção, custo de produção e como

entrar no comércio justo (fair trade) “Os produtores de café de Santo Antônio da Alegria e região participam do AgroSebrae e estão constantemente buscando melhorias para seus produtos e gestão de suas propriedades. Temos certeza de que desse concurso sairão representantes à altura da região para a disputa no campeonato estadual”, comenta Rodrigos Mato do Carmo, gerente regional do Sebrae-SP. Podem participar produtores de café de toda a região. Interessados podem se informar diretamente na Associação de Produtores pelo telefone (16) 9 9997-9263 ou no escritório regional do Sebrae-SP de Ribeirão Preto, pelo telefone (16) 3621-4050.

11

Edição 32 - Ano 1

Serviço 2º Concurso Qualidade do Café

Data: 31 de agosto Horário: entre 9h e 18h Local: Associação de Produtores de Café de Santo Antônio da Alegria Endereço: Zona Rural de Santo Antônio da Alegria, bairro Pinheiros Evento Gratuito Informações: Associação de Produtores: (16) 9 9997-9263 Sebrae-SP de Ribeirão Preto: (16) 3621-4050

Máquina Public Relations a serviço do Sebrae-SP Livia Borges – Gestora de Comunicação Tel. (16) 9 9771-7774 Curta a página do Sebrae-SP no Facebook Siga o Sebrae-SP no Twitter Atendimento ao cliente: 0800 570 0800 (ligação gratuita)

Extravio de Talão

A empresa Jaqueline Lasarete de Bem - ME, torna público que encontra-se extraviado os talões de notas fiscais série A de prestação de serviços de nº 001 a 250.

ESTÍMULO Não condenar, não inculpar, não agravar os problemas de quem resvalou no caminho. Todos temos aprendido de Jesus acerca da tolerância. Todos refletimos no impositivo da compaixão. Ainda assim, se não é certo “atirar a primeira pedra” aos companheiros que tombam, desgovernados, será justo negar apoio aos que se levantam? Urge fortalecer o bem onde o bem aparece. Quantas vezes, o lidador capaz de produzir um milhão de horas em ação de benemerência, cai exausto a meio da caminhada por lhe sonegarem alguns minutos de incentivo ao refazimento? Mães e pais, esposos e esposas, comumente isolados no conforto doméstico, suscetíveis de atingir até a longevidade em silencioso heroísmo, cedo se recolhem à enfermidade ou à desencarnação prematura, por não encontrarem no espaço estreito do lar, em anos a fio de labor e abnegação, uma frase ou um gesto só,aquecidos de reconhecimento e de amor, que os induzam a sofrer e a viver. Não te dês à lisonja que desfigura o caráter de quem a propina e costuma envenenar a mente desprevenida naqueles que a recebem. Onde encontres a intenção nobre “fazendo força” para servir, cunha a frase espontânea de estímulo ao trabalho por moeda invisível de compreensão e de afeto, à maneira de adubo na árvore iniciante. Estrelas derramam raios de luz nas sombras da noite. Fios dágua formam deleitosos oásis balsamizando o deserto. Podes igualmente clarear o caminho dos que edificam estradas novas para o futuro e amenizar a sede de energia dos que jazem ameaçados pelo desânimo, à frente dos empeços que enxameiam, no mundo, os alicerces das boas obras. Uma palavra de entendimento, um gesto de bênção para as criaturas que fazem o melhor de si para o bem dos outros. Um olhar generoso, uma prece furtiva, um aperto de mão. Frequentemente, o coroamento de todo um apostolado depende apenas disso. Se duvidas, observa o poder da gota de óleo quando é chamada a lubrificar a máquina seca. ANDRÉ LUIZ (Sol nas Almas, 21, W. Vieira)


12

Edição 32 - Ano 1

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013


Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Edição 32 - Ano 1

13


14

Edição 32 - Ano 1

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013


Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Edição 32 - Ano 1

15


16

Edição 32 - Ano 1

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013


Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

17

Edição 32 - Ano 1

Informática Você sofre da Síndrome da Ampulheta? Por Adriana Tempesta

“Síndrome da Ampulheta” é um termo que designa a frustração que os usuários de computador têm ao esperar alguma função diante do computador, enquanto olha aquela fatídica ampulheta se movendo lentamente. O uso de máquinas com mais de quatro anos pode trazer prejuízos aos consumidores – tanto no gasto com energia elétrica e com manutenção – como também criar ex-

periências desagradáveis e diminuir a produtividade do indivíduo. O estresse dos usuários com computadores extremamente lentos e que não produzem a contento foi batizado pela Intel como “Síndrome da Ampulheta”. Pesquisa realizada pela Intel apontam que pelo menos metade das pessoas afetadas pelo estresse tecnológico já reagiu de maneira inapropriada enquanto esperavam, seja gritando com o computador (62%), bater no

mouse (29%) ou golpear a tela ou teclado (24%). A ansiedade não é o único problema causado pelos computadores defasados – com a proliferação de serviços pela internet, como compra de ingressos para shows e cinemas, netbanking, promoções -relâmpago em sites de e-commerce e compra de passagens e check-in online em aeroportos, os usuários de máquinas antigas correm o risco de perder oportunidades e dinheiro por conta de um sistema

que não responde à tempo ou que não consegue finalizar uma determinada tarefa. “O computador nunca foi tão acessível no Brasil. O preço tem caído consistentemente, enquanto o número de modelos disponíveis nas lojas só aumenta. O consumidor que possui um computador com mais de cinco anos de uso está efetivamente perdendo tempo e dinheiro continuando com uma máquina antiga”, comentou Fernando Martins, presidente da

Intel no Brasil. “O computador deve ser um aliado na nossa vida cotidiana, e

não uma fonte de estresse e gastos desnecessários”, finaliza.


18

Edição 32 - Ano 1

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013


Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

19

Edição 32 - Ano 1

Eduardo D. Vilas Bôas Bertocco Advogado e Consultor Jurídico

O dever de indenizar pelos prejuízos causados pelas rodovias mal conservadas.

Terreno Jd. Itamaraty

68 mil 12x27m

Casa Jd. Dom Bosco, 2 dorm.

110 mil

Casa próximo ao Verginio Melloni (de esquina)

Terreno Julio Moretti 10 x 28

Casa no Jd Dom Bosco nova – Aceita financiamento

60 mil

Sitio 2,69 alq. a 8 km da cidade

180 mil

125 mil

Casa Jd Nova Roma, nova 2 dorm.

Consulte

Casa Luiz Ganzaga 2 dorm.

Casa Julio Moretti 2 dorm.

95 mil

Dois terrenos na Avenida do Bosque

Casa Jd. Itamaraty

Consulte

120 mil

120 mil

Casa próximo à Estação 1 dorm.,

2 terrenos juntos no Morumbi 720mts

Casa no Jd. Aquarius 2 dorm.

65 mil

Consulte

Casa próximo ao hospital

Jd. Nova Roma próximo a praça

100 mil cada

Dois terrenos murados Jardim Nova Roma

190 mil

Dois terrenos murados no

próximo a escola

120 mil

120 mil

Casa + edícula fundos próximo à praça Santo Antônio

140 mil

Casa Jardim Aquarius 2 dorm. – troca por imóvel de maior valor

130 mil

Casa Centro 2 terrenos com piscina,

Consulte

Hoje vemos obras nas rodovias que ligam nosso município às cidades de São Simão e Tambaú, entretanto pouco tempo atrás as estradas estavam em péssimo estado de conservação. Apesar de o Estado ser obrigado a fornecer estradas em condições decentes aos milhares de cidadãos, o mesmo, através de sua inércia, criou a figura das concessionárias, que fazem as funções do Estado e passam a explorar o trânsito de veículos por um bem comum, mediante o pagamento do pedágio. Com isto, as concessionárias se sub-rogam nos deveres e obrigações do Estado na exploração das rodovias, devendo oferecer ao cidadão e consumidor o direito de trafegar por rodovias seguras, com piso em boas condições e sinalização adequada, oferecendo ainda no caso de acidentes, um atendimento médico gratuito e ágil. Quando do evento de um dano ao automóvel por cair em um buraco, ou desgovernar-se em razão de má sinalização, ou ainda, for vítima de roubo ou seqüestro, cabe o pedido de indenização à concessionária ou ao Estado, no caso das rodovias citadas no início. As próprias concessionárias afirmam que o sistema de concessões rodoviárias prevê a execução dos chamados Serviços Delegados, dentre eles: operação de sistema integrado de supervisão e controle de tráfego, operação dos postos de pedágio, operação dos postos móveis e fixos de pesagem de veículos, prestação de apoio aos usuários no atendimento pré-hospitalar às vítimas de acidentes de trânsito, com eventual remoção para hospitais; atendimento mecânico a veículos avariados; guinchamento; desobstrução de pista; operação de serviço de telefonia de emergência e orientação e informação aos usuários, inspeção de pista, monitoração das condições de tráfego na rodovia, conservação de rotina (pavimento, drenagem, túneis, obras de artes especiais, sinalização, dispositivos de segurança rodoviária, revestimento vegetal, etc), conservação especial (recapeamento de pista, recuperação de obras de artes especiais, substituição de sinalização vertical e horizontal, etc). A cláusula do contrato de concessão obriga a concessionária a manter seguro de responsabilidade civil por danos que atinjam a integridade física e patrimonial de terceiros, decorrentes da exploração da concessão. Nossa Constituição Federal consagra o princípio, em seu art. 37, § 6º, que as pessoas jurídicas de direito público e as de direito privado prestadoras de serviços públicos responderão pelos danos que seus agentes, nessa qualidade, causarem a terceiros, assegurado o direito de regresso contra o responsável nos casos de dolo ou culpa. Assim, defende-se a responsabilidade da Administração, registra-se ademais, a orientação jurisprudencial em favor do reconhecimento da responsabilidade objetiva do prestador de serviço, com uma previsível escalada de pedidos de indenização. Como se não bastassem as garantias legais acima, temos ainda o Código de Defesa do Consumidor, que determina que a responsabilidade do Estado pelo serviço público remunerado por tarifa ou preço público, é de natureza objetiva, tanto para as condutas comissivas como para as omissivas. Sendo assim, em casos onde o usuário seja alvo de prejuízos, deve a concessionária e o Estado responder perante o usuário, sendo condenada ao pagamento de todos os danos causados a ele, tais como franquias, consertos, além dos demais danos materiais e danos morais.


20

Edição 32 - Ano 1

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Colher de Pau

https://www.facebook.com/pages/Colher-de-Pau http://cristinayazbek.blogspot.com.br

Pão de Ervas Finas Por Cristina Yazbek

Ingredientes: 3 ovos 2 xícaras de água morna 200 ml de óleo 2 tabletes de fermento biológico 3 colheres de sopa de açúcar 1 colher de sopa de sal 4 galhos de salsinha (com o talo) 4 galhos de cebolinha

manjericão à gosto folhas de hortelã (apenas as folhas, sem os galhos) orégano à gosto 2 dentes de alho 1 cebola pequena

Modo de Preparo: Bata tudo no liquidificador e reserve. Num recipiente separado coloque 5 xícaras de farinha de trigo, e vá jogando a mistura batida no liquidificador aos poucos, mexendo com uma colher de pau. Despeje em forma (de pão de forma) untada e enfarinhada, e asse em forno 180 C até dourar.


Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

21

Edição 32 - Ano 1

Espaço country

Gledson - Estrela santarrosense brilhando no rodeio Por Ricardo Costa A 11a. Festa do Peão de Boiadeiro de Santa Rosa de Viterbo tem um gostinho especial para este jovem de 23 anos. Gledson Souza Rodrigues, santarrosense que aos 10 anos de idade iniciou-se nas montarias e aos 16 anos participou de sua primeira competição profissional, como convidado a disputar o titulo em Barretos no Rodeio Junior da Festa de Peão de Barretos. No ano de 2006, aos 17 anos, Gledson, novamente foi convidado a disputar o Barretos Junior e desta vez voltou como campeão do evento. Foi também aos 17 anos que o jovem conquistou sua primeira de um total de quatro motos em sua carreira. Hoje ele acumula mais de R$ 50 mil em prêmios conquistados nas cidades de Pirassununga, Taiaçu, Sancrerlandia (Goiás), Pitangueiras, Asceburgo e Campos Gerais (MG) e Barretos (Jr), locais onde ele passou, levou o nome da nossa Santa

Rosa e trouxe o primeiro premio. Questionado sobre o Rodeio de Santa Rosa, nosso atleta nos informou que competirá como convidado e espera partici-

par da grande final, pois terá gosto de despedida. A festa será o encerramento da temporada 2013 para Gledson, que após esta competição, ele irá se afastar um ano e meio das

arenas para passar por uma cirurgia nos dois lados do ombro devido a lesões decorrentes da profissão escolhida. Fechar o ano em grande estilo é o que espera o cowboy.

Simples assim Ola sociedade! Para variar um pouco essa semana vamos falar de algo mais divertido, vamos falar de TopTherm! É brincadeira, o assunto é serio. Mais uma novela abordando a temática gay em sua trama, após Félix Por André Nader (Mateus Solano) ser declarado pela própria esposa como homossexual em horário nobre, agora é a vez de Filipinho (Josafá Filho) em Sangue Bom se assumir. Mais polemica na “TV plim-plim”, porém agora de uma forma mais real e honesta com a realidade que é se assumir gay. Quantos jovens vivem sonhando assumirem a sexualidade para suas famílias, como fez o personagem Filipinho, mas não o fazem por medo da não aceitação? E quantos pais vivem a ilusão de saberem intimamente que seus filhos são gays, mas tem a esperança de que seja uma fase apenas, e vão vivendo ambos, pais e filhos, adiando a “dolorosa” revelação, até que não possam mais evitar. Muitas pessoas não querem que seus filhos sejam gays- como se fosse possível a liberdade de escolha, o que nunca foi uma opção- por medo de vê -los sofrerem, mas grande parte destes pais e mães, não o querem por haver idealizado sonhos com estes filhos, sonhos estes, em que o livre arbítrio e a felicidade do mesmo nunca foram levados em conta. Nós gays, não queremos a dissolução da família tradicional, apenas a inclusão da nova família na sociedade: a nossa! Composta por marido e marido ou esposa e esposa, um lar, um cachorro amarelo chamado “Fubá” e quem sabe, por que não filhos. Simples assim. Mas para que essa família possa existir, a mudança tem que começar dentro das famílias tradicionais primeiro. E antes de descriminar um filho, ou mesmo qualquer outra pessoa, lembre-se que na sociedade todos temos valor, e merecemos respeito. Como um profissional da saúde, posso afirmar que da mesma forma que corre sangue vermelho nas veias de um gay, corre nas veias de um hétero, de um negro, de uma criança, etc. E quando alguém vier precisar dos meus cuidados, como de qualquer um de meus companheiros de profissão, garanto-lhe: nunca iremos lhe questionar a cor, a religião ou orientação sexual, afinal, acima da ética profissional, como ser humano, creio que devemos amar a todos como iguais. Ate à próxima e lembrem-se: Amem a todos como seus iguais. Por Danilo Henrique, 29 de agosto de 2013.


22

Edição 32 - Ano 1

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Sociais Jaqueline de Bem Lau e Regiane - Gerente e proprietária - Regiane Fashion Hair Alisson e Felipa Arrasam nos cabelos das clientes Regiane Fahion Hair

Flavia Isidoro e família - Aniversário da filhota.

Helena de Bem - Filha de Giselle e Alexandre de Bem. Linda!!

Palestra de primeiros socorros ministrada pelo Samu Sta Rosa para a SIPAT da Sabesp no Centro Cultural em 29/08. A palestra foi ministrada por André Nader (Samu Sta Rosa) com auxílio de Danilo Henrique (Samu São Simão). Parabéns à Adriana Chitero pelo trabalho que está realizando no Samu Sta Rosa e a Sabesp por levar aos seus colaboradores a oportunidade do conhecimento.

Vera e Núbia - Manicures perfeitas Regiane Fashion Hair

Natalia Abdalla e Joaquim, curtindo a casa da vovó Zu. Lindos.


Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013

Edição 32 - Ano 1

23


24

Edição 32 - Ano 1

Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013


Cidadeemfocosrv32