Page 1

A CARAVANA, maio 2017

Página 1

A

CARAVANA Rio de Janeiro - Brasil Nº 577 – Ano L

MAIO 2017 INFORMATIVO DO

CENTRO ESPÍRITA NAIR MONTEZ DE CASTRO

A INABALÁVEL CERTEZA DE DEUS

areia. Você nunca se indagou quem administra este imenso Universo? O porquê de tanta O jovem acreditava ser uma harmonia? mente brilhante. Elaborava ideias, Sua intelectualidade não lhe diz imergia o pensamento nos livros que todo efeito tem uma causa? E buscando maior conhecimento. que se esse efeito é grandioso, Orgulhava-se de seu saber. imensurável deve ser a causa? Certo dia, deparou-se com um Percebeu alguma vez os detalhes filósofo que, extasiado ante o das folhas de uma palmeira? A espetáculo ímpar da natureza, perfeição do ovo? O potencial de expressava sua admiração ao uma minúscula semente que traz Criador: em si a árvore gigantesca? Quem é Você que está por trás Já se perguntou quem deu origem da cortina das nuvens? Por que a tantas espécies vegetais e silencia a Sua voz e grita através animais? A tanta riqueza que se dos fenômenos da natureza? encontra no seio da terra e na Por que gosta de se ocultar aos profundeza dos mares? olhos humanos? Deixe-me Guarde a certeza de que você descobri-lO. pode duvidar de que Deus existe. O rapaz, com ar de intelectual, Mas Deus não duvida de que lhe disse: você existe. Você está totalmente equivocado. Muitos filósofos acreditavam em Deus não existe. Ele é uma Deus. Não tinham medo de invenção do cérebro humano argumentar e discutir a respeito. para suportar as limitações da Afinal, não sabemos quase nada vida. A ciência é o Deus do ser sobre a caixa de segredos da humano. nossa existência. Milhões de Sem se perturbar, o filósofo livros são como uma gota no respondeu: oceano. Se você me disser que é um ateu, * * * que não crê em Deus, sua atitude Somos, em verdade, uma grande é respeitável. Ela reflete sua pergunta procurando uma opinião e sua convicção pessoal. resposta. Ou muitas respostas: Agora, dizer que Deus não existe Quem somos? Para onde vamos? é uma ofensa à inteligência, pois Por que fomos criados? reflete uma afirmação irracional. A ciência é um produto do Não aja como um menino homem. Use-a mas não se deixe brincando com a ciência e contagiar pelo vírus do orgulho. construindo seu orgulho sobre a

A sabedoria do ser humano não está no quanto ele sabe. Mas no quanto ele tem consciência de que não sabe. A nobreza de um ser humano está na sua capacidade de reconhecer a sua pequenez. Silenciou o filósofo. O jovem ficou a pensar. Olhou o sol que brilhava forte, sentiu a brisa leve no rosto, ouviu o farfalhar das folhas que se perdiam pelo chão. E continuou a pensar... * * * Deus está em toda parte e está dentro de nós. Quando tomamos de uma fruta e nos extasiamos com a sua cor, a sua textura, o seu sabor, estamos sentindo a Divindade. Quando contemplamos as nuvens imitando andarilhos pelo céu, e as vemos destilar lágrimas generosas sobre a terra, estamos contemplando o cuidado de Deus com Suas criaturas. No verde das árvores, no vermelho das rosas, nas cores do arco-íris, Deus se manifesta. No dia abençoado, na noite escura. No rosto das pessoas que passam, nas sementes que brotam - em tudo Deus está. Permitamonos descobri-lO. Redação do Momento Espírita, com base no cap. 10, do livro O futuro da Humanidade – a saga de Marco Polo, de Augusto Cury, ed. Sextante. Em 19.4.2017.


A CARAVANA, maio 2017

Página 2

A NAVALHA DE OCCAM É fácil escrever difícil. Basta colocar no papel as idéias que surgem no bestunto, ainda que, não raro, desandem em destemperos mentais. Difícil é escrever fácil. Exige demorada e árdua elaboração para tornar a leitura elegante, atraente e objetiva, sem impor prodígios de concentração e entendimento. Trata-se de uma gentileza que todo autor esclarecido deve ao leitor que se dispõe a examinar suas criações. O texto que exige cuidadosa interpretação é mais charada do que literatura. Fica por conta da capacidade de quem lê, no empenho em orientar-se por labirintos tortuosos, fruto dos devaneios do autor. Jesus dizia que a verdade está ao alcance dos simples. Os doutos e entendidos costumam sofrer uma intoxicação intelectual que oblitera o bom senso e os leva a imaginar que tortuosidade e complexidade são sinônimos de cultura e saber. ***

A propósito vale lembrar Guilherme de Occam (1285-1349), notável teólogo e filósofo inglês (nascido em Occam, nos arredores de Londres). Ingressou bem jovem na ordem franciscana. Estudou e lecionou na gloriosa universidade de Oxford. Destacou-se pela obstinação com que defendeu a separação entre a Igreja e o Estado e contestou a infabilidade papal, o que lhe valeu a excomunhão. Seria impossível, a um intelectual de sua lavra, permanecer fiel ao fantasioso dogmatismo religioso. Inteligente e lúcido, estimava a simplicidade na exposição de suas idéias. Complexidades ou conjecturas, apenas se absolutamente necessárias. Adotou um princípio que ficaria conhecido como a navalha de Occam, definindo o empenho em retirar de um pensamento ou de uma tese acessórios e complicações desnecessários, louvando-se no bom senso. Se a aplicássemos em textos herméticos e obscuros dos teólogos e filósofos que fazem a história das contradições do pensamento humano, seria uma “carnificina”. Pouco sobraria. ***

Nem sempre Occam conseguiu usar sua navalha. Isso aconteceu particularmente em relação à existência de Deus, assunto que preferia não abordar. Não a negava, mas considerava que, devido à transcendência do tema, seria impossível conjeturar sobre o Criador sem recorrer a argumentos complexos, de difícil entendimento. Os Espíritos que orientaram a codificação da Doutrina Espírita ensinaram diferente. Dotados de notável capacidade de síntese, própria da sabedoria autêntica, demonstraram que é possível passar a navalha de Occam em lucubrações complexas e reduzir a argumentação em favor da existência de Deus à sua expressão mais singela. Isso acontece na questão número quatro, em O Livro dos Espíritos. Pergunta Kardec: Onde se pode encontrar a prova da existência de Deus? Resposta: Num axioma que aplicais às vossas ciências. Não há efeito sem causa. Procurai a causa de tudo o que não é obra do homem e a vossa razão responderá. Comenta Kardec: Para crer-se em Deus, basta se lance o olhar sobre as obras da Criação. O Universo existe, logo tem uma causa. Duvidar da existência de Deus é negar que todo efeito tem uma causa e avançar que o nada pode fazer alguma coisa. Simplíssimo! Se o Universo é um efeito inteligente, tão superior ao nosso entendimento que seus segredos são inabordáveis, forçosamente tem um autor infinitamente inteligente – Deus. A partir dessa idéia o difícil é provar que Deus não existe. Teríamos que explicar o efeito sem causa, a criação sem um Criador. Quaisquer argumentos em favor desta tese ingrata seriam facilmente eliminados pelo próprio Occam, usando a navalha do bom senso.

Livro Luzes no Caminho - Richard Simonetti - http://www.richardsimonetti.com.br/artigos/exibir/91.

!" "A maior caridade que podemos fazer pela Doutrina Espírita é a sua divulgação." Chico Xavier & Emmanuel


A CARAVANA, maio 2017

Página 3

AGRADECIMENTO MANHÃ COM JESUS

LIVRO DO MÊS

Agradecemos a todos que participaram do último Encontro “Manhã com Jesus”, cujo tema foi UM PRESENTE DE DEUS. Esperamos contar com todos vocês no nosso próximo encontro.

DIA DAS MÃES O Amor é uma doação e não uma exigência. Quem realmente ama, dá tudo e nada pede. Quem pede e exige da pessoa que diz amar demonstra que verdadeiramente não ama: ao contrário, revela o egoísmo em alto grau. Amar não é receber, é dar. Não é pedir, mas proporcionar felicidade desinteressadamente. O melhor exemplo do Amor verdadeiro é o das mães, que sabem amar com renúncia.

Minutos de Sabedoria – C. Torres Pastorino

Que Jesus abençoe a todas as mãezinhas. Direção do CENMC MÃOS À OBRA Que fareis, pois, irmãos? Quando vos ajuntais, cada um de vós tem salmo, tem doutrina, tem revelação, tem língua, tem interpretação. Faça-se tudo para edificação. – Paulo (I Coríntios, 14:26) A igreja de Corinto lutava com certas dificuldades mais fortes, quando Paulo lhe escreveu a observação aqui transcrita. O conteúdo da carta apreciava diversos problemas espirituais dos companheiros do Peloponeso, mas podemos insular o versículo e aplicálo a certas situações dos novos agrupamentos cristãos, formados no ambiente do Espiritismo, na revivescência do Evangelho. Quase sempre notamos intensa preocupação nos trabalhadores, por novidades em fenomenologia e revelação. Alguns núcleos costumam paralisar atividades quando não dispõem de médiuns adestrados. Por quê? Médium algum solucionará, em definitivo, o problema fundamental da iluminação dos companheiros. Francisco Cândido Xavier / Emmanuel 16 Nossa tarefa espiritual seria absurda se estivesse circunscrita à frequência mecânica de muitos, a um centro qualquer, simplesmente para assinalarem o esforço de alguns poucos. Convençam-se os discípulos de que o trabalho e a realização pertencem a todos e que é imprescindível se movimente cada qual no serviço edificante que lhe compete. Ninguém alegue ausência de novidades, quando vultosas concessões da esfera superior aguardam a firme decisão do aprendiz de boa vontade, no sentido de conhecer a vida e elevar-se. Quando vos reunirdes, lembrai a doutrina e a revelação, o poder de falar e de interpretar de que já sois detentores e colocai mãos à obra do bem e da luz, no aperfeiçoamento indispensável. Pão Nosso - Pelo Espírito Emmanuel. Psicografado por Francisco Cândido Xavier. AJUDE-NOS A AJUDAR, TORNANDO-SE ASSOCIADO DO CENMC

PÃO$NOSSO$ Francisco$Cândido$Xavier$–$Espírito$Emmanuel$ Integram) esta) coleção) os) livros)Caminho,) verdade) e) vida;)Pão) nosso;) Vinha) de) luz;) Fonte) viva) e) Ceifa) de) luz.)Neles,) o) autor) comenta) ensinos) do) Evangelho) de) forma) original) e) atraente,) ensinando@nos)a)compreender)a)doutrina)cristã)e)a)praticá@la)em) todos) os) momentos) da) vida.) Encerram) um) convite) ao) trabalho) nobre)e)dignificante,)inspirado)nos)ensinos)da)Boa)Nova.)

COORDENAÇÃO$DE$ATIVIDADES$ASSISTENCIAIS$ AMBULATÓRIO$MÉDICO$ Quartas@feiras,)às)14h.) CAMPANHA$DO$QUILO$ 2º)domingo)do)mês,)às)9h.) DISTRIBUIÇÃO$DE$ALIMENTOS$ 1º)domingo)do)mês,)às)9h.) DISTRIBUIÇÃO$DE$ENXOVAIS$PARA$BEBÊS$ Inscrição:)segundas@feiras,)às)15h)(a)partir)do)7º)mês).) Distribuição:)última)segunda@feira)do)mês,)às)15h.) DISTRIBUIÇÃO$DE$LEITEMCRIANÇAS$ATÉ$3$ANOS$ Segundas@feiras,)às)14h.) DISTRIBUIÇÃO$DE$ROUPAS$E$CALÇADOS$ Quartas@feiras,)às)14h30min.) OFICINA$DE$INFORMÁTICA$ Crianças)da)Evangelização:)sábados,)das)9h15min)às) 10h30min.) Centro)de)Evangelização)Escola)Teresa)de)Jesus:)quartas,) das)9h)às)11h.) OFICINA$DE$PINTURA,$PONTO$DE$CRUZ$E$CROCHÊ$ Segundas,)às)14h.) SALA$DE$COSTURA$/$BAZAR$ Segundas@feiras,)às)14h.) SOPA$DAS$QUARTASMFEIRAS$ Quartas@feiras,)às)14)h.) SOPA$DA$POPULAÇÃO$EM$RUA$ 3º)sábado)do)mês.) )

CAMPANHAS EM ANDAMENTO Leite em pó integral, óleo vegetal, sal, espaguete, farinha de mesa e fubá; cobertores de adultos; conjuntinhos de camisinhas de pagão de malha, fraldas de tecido, calças enxutas, chupetas, mamadeiras, tecidos para lençóis e toalhas de banho para recém-nascidos (cores neutras, para ambos os sexos), mamadeiras, sabonetes infantis e alfinetes para fraldas. Agradecemos pela grande colaboração!


A CARAVANA, maio 2017

DIA$ 07) 14) 21) 28) DIA$ 01) 08) 15) 22) 29) DIA$ 04) 11) 18) 25) DIA$ 05) 12) 19) 26) DIA$ 06) 13) 20) 27)

Página 4

$ COORDENAÇÃO$DE$ASSUNTOS$ DOUTRINÁRIOS$

REUNIÕES$PÚBLICAS$ PROGRAMAÇÃO$DE$MAIO$DE$2017$ DOMINGOS,$ÀS$9H$ TEMA$ MARIA:)MÃE)DE)JESUS)E)NOSSA)MÃE) POVOAMENTO)DA)TERRA) DIVERSIDADE)DAS)RAÇAS)HUMANAS) ORIGEM)E)NATUREZA)DOS)ESPÍRITOS) SEGUNDASMFEIRAS,$ÀS$20H) TEMA$ MARIA:)MÃE)DE)JESUS)E)NOSSA)MÃE) POVOAMENTO)DA)TERRA) DIVERSIDADE)DAS)RAÇAS)HUMANAS) ORIGEM)E)NATUREZA)DOS)ESPÍRITOS) A)VIDA)E)A)MORTE) QUINTASMFEIRAS,$ÀS$14H30MIN$ TEMA$ MARIA:)MÃE)DE)JESUS)E)NOSSA)MÃE) POVOAMENTO)DA)TERRA) DIVERSIDADE)DAS)RAÇAS)HUMANAS) ORIGEM)E)NATUREZA)DOS)ESPÍRITOS) SEXTASMFEIRAS,$ÀS$20H$ TEMA$ MARIA:)MÃE)DE)JESUS)E)NOSSA)MÃE) POVOAMENTO)DA)TERRA) DIVERSIDADE)DAS)RAÇAS)HUMANAS) ORIGEM)E)NATUREZA)DOS)ESPÍRITOS) SÁBADOS,$ÀS$15H$ TEMA$ MARIA:)MÃE)DE)JESUS)E)NOSSA)MÃE) POVOAMENTO)DA)TERRA) DIVERSIDADE)DAS)RAÇAS)HUMANAS) ORIGEM)E)NATUREZA)DOS)ESPÍRITOS)

ATENDIMENTO$FRATERNO$ ! Segundas,)das)19h45min)às)20h20min.) ! Terças,)das)16h45min)às)17h20min.) ! Quintas,)das)14h40min)às)15h20min)e)19h.) ! Sextas,)das)17h)às)18h30min.) ! Domingo,)das)8h30min)às)9h.) CENTRO$DE$EVANGELIZAÇÃO$“ESCOLA$TERESA$DE$ JESUS”$ ! Segundas,)quartas)e)sextas,)das)8h)às)11h.) ESDE$M$Estudo$Sistematizado$da$Doutrina$Espírita$ INTRODUTÓRIO:$ ! Sextas,)das)20h)às)21h30min.) ! Sábados,)das)16h45min)às)18h15min.) ESDE$M$O$EVANGELHO$SEGUNDO$O$ESPIRITISMO:) ! Domingos,)das)8h)às)9h30min.) ! Sextas,)das)20h)às)21h30min.) ! Sábados,)das)16h45min)às)18h15min.)) ESDE$MOLIVRO$DOS$MÉDIUNS$ Sábados,)das)16h45min)às)18h15min.) ESTUDO$DO$EVANGELHO$ (Trabalhadores$do$CENMC)$ ! Segundas@feiras,)às)16h.) ESTUDO$DO$LIVRO$“MISSIONÁRIOS$DA$LUZ”) ! Segundas,)das)19h40min)às)21h10min.) ! Quintas,)das)16h30min)às)18h.) CURSO$DE$ESPERANTO$$ ! Quintas@feiras,)das)10h)às)11h30min.) EVANGELIZAÇÃO$ ! Sábados,)das)9h15min)às)10h30min)e)15h)às)16h.) JUVENTUDE$I$E$II$ ! Sábados,)das)15h)às)16h.)

CENTRO ESPÍRITA NAIR MONTEZ DE CASTRO Presidente: Teresinha C. Maranhão Vice-Presidente: Terezinha Vianna Rua Vilela Tavares 173 – Méier Rio de Janeiro/RJ - CEP: 20.725-220 CNPJ: 73.956.559/0001-63 - Telefone: 2595-5462

REUNIÃO$DE$DISCIPLINA$MEDIÚNICA$ Segundas,)às)18h45min;)terças,)às)18h;)quartas,)às) 16h15min)e)às)20h;)sábados,)às)14h30min.) REUNIÕES$PÚBLICAS$ Segundas)e)sextas,)às)20h;)quintas,)às)14h30min;) sábados,)às)15h;)domingos,)às)9h.) REUNIÕES$DE$TRATAMENTO$ Terças,)às)18h;)quintas,)às)19h30min;)sextas,)às)18h) (para)depressivos).) )

A Caravana - Maio 2017  

Informativo mensal do Centro Espírita Nair Montez de Castro

A Caravana - Maio 2017  

Informativo mensal do Centro Espírita Nair Montez de Castro

Advertisement