Page 1

A CARAVANA, Julho de 2001

Página 1

A CARAVANA JULHO 2001 Fundado em 01/12/1966

NÚMERO 389 – ANO XXXIII http://meuwebsite.com.br/Cenmc

e-mail: cenmc@hotmail.com INFORMATIVO DO CENTRO ESPÍRITA NAIR MONTEZ DE CASTRO Rua Vilela Tavares 173 - Lins Rio de Janeiro/RJ - Telefone 595-5462

OS SINAIS DE RENOVAÇÃO

Ante a assembléia familiar, o Mestre tomou a palavra e falou, persuasivo: - E quando o Reino Divino estiver às portas dos homens, a alma do mundo estará renovada. O mais poderoso não será o mais desapiedado e, sim, o que mais ame. O vencedor não será aquele que guerrear o inimigo exterior até à morte em rios de sangue, mas o que combater a iniquidade e a ignorância, dentro de si mesmo, até à extinção do mal, nos círculos da própria natureza. O mais eloquente não será o dono do mais belo discurso, mas, sim o que aliar as palavras santificantes aos próprios atos, elevando o padrão da vida, no lugar onde estiver. O mais nobre não será o detentor do maior número de títulos que lhe conferem a transitória dominação em propriedades efêmeras da Terra, mas aquele que acumular, mais intensamente, os créditos do amor e da gratidão nos corações das mães e das crianças, dos velhos e dos enfermos, dos homens leais e honestos,

operosos e dignos, humildes e generosos. O mais respeitável não será o dispensador de ouro e poder armado e, sim, o de melhor coração. O mais santo não será o que se isola em altares do supremo orgulho espiritual, evitando o contato dos que padecem, por temer a degradação e a imundície, mas sim, aquele que descer da própria grandeza, estendendo mãos fraternas aos miseráveis e sofredores, elevando-lhes a alma dilacerada aos planos da alegria e do entendimento. O mais puro não será o que foge ao intercâmbio com os maus e criminosos confessos, mas aquele que se mergulha no lodo para salvar os irmãos decaídos, sem contaminar-se. O mais sábio não será o possuidor de mais livros e teorias, mas justamente aquele que, embora saiba pouco, procura acender uma luz nas sombras que ainda envolvem o irmão mais próximo...

em combate aos próprios irmãos, por exigências de conquista ou pelo ódio de raça, em tempestades de lágrimas e sangue, porquanto estarão guerreando as trevas da ignorância, as chagas da enfermidade, as angústias da fome e as torturas morais e todos os matizes... Quando o arado substituir o carro suntuoso dos triunfadores, nas exibições públicas de grandeza coletiva; quando o livro edificante absorver o lugar da espada no espírito do povo; quando a bondade e a sabedoria presidirem às competições das criaturas para que os bons sejam venerados; quando o sacrifício pessoal em proveito de todos constituir a honra legítima da individualidade, a fim de que a paz e o amor não se percam, dentro da vida _ então uma nova Humanidade estará no berço luminoso do Divino Reino... Nesse ponto, a palavra doce e soberana fez branda pausa e, lá fora, na tepidez da noite suave, as estrelas fulgentes, a cintilares no alto, pareciam saudar essa era distante...

O Amigo Divino pousou os olhos lúcidos na noite clara que resplandecia, lá fora, em pleno coração da natureza, fez longo intervalo e acentuou: - Nessa época sublime, os homens não se ausentarão do lar

Neio Lúcio, in Jesus no Lar. Psicografado por Francisco C. Xavier

OUÇA A RÁDIO RIO DE JANEIRO - 1400KHz AM - A EMISSORA DOS ESPÍRITAS


A CARAVANA, Julho de 2001

C E N T R O

E S P Í R I T A

N A I R

M O N T E Z

D E

Página 2

C A S T R O

PÁGINA DE REFLEXÃO AS DUAS FACES DA MOEDA Você sabe quem é esse senhor capaz de provocar tantas alterações na vida de algumas pessoas que com ele tomam contato mais estreito? Pois bem, vamos dar algumas dicas. Ele é capaz de mudar completamente a filosofia de vida de alguém. Faz com que um homem inverta totalmente sua postura perante as demais pessoas. Quando ele chega, para alguns, muda-lhes a maneira de ser, de sentir, de pensar. Há pessoas que, quando o recebem, se tornam arrogantes, prepotentes,despóticas. Há, ainda, aqueles que se tornam, de bom grado, seus escravos. Noutros ele altera radicalmente o senso de justiça. Pessoas simples, aparentemente humildes, tornam-se soberbas e orgulhosas, ao seu contato. Esse senhor é realmente muito poderoso. Consegue, mesmo, fazer com que o mundo gire em torno dele. Guerras cruéis, disputas sangrentas, infanticídios, homicídios de toda ordem são cometidos em sua honra. Filhos se voltam contra pais, pais contra filhos, irmão contra irmão, por causa dele. Ele é capaz de triturar os mais sagrados laços de amizade e de solidariedade. Em cada país veste-se com roupagem diferente e atende sob diversas denominações, mas em todo lugar tem seus adoradores. Você já deve ter concluído: mas então esse senhor é muito mau e deve ser banido da face da terra. Não, ele não é mau e nem deve ser banido da face da terra. Ele apenas deverá servir ao fim a que se destina: meio de progresso. Aqueles que entendem o seu verdadeiro objetivo, o utilizam para promover a paz, a cultura, o bem-estar social. Nas mãos de pessoas nobres, ele tem gerado empregos, permitido pesquisas científicas importantes, impulsionado a tecnologia, fomentado a educação e a saúde de muita gente. E agora, você já sabe quem é esse inquietante senhor? Sim, é isso mesmo. É o dinheiro. O dinheiro, por si só, é neutro. O que faz a diferença, é o valor que cada um de nós lhe atribui. Sem dúvida, é um valioso recurso que Deus deposita nas mãos do homem para servir de alavanca ao progresso da humanidade. E não há nada de errado possuí-lo em abundância. O que ocorre é que, às vezes, o colocamos acima do verdadeiro tesouro do criador, que é o ser humano. Salvo as honrosas exceções, o homem, que deveria ser o senhor, a ele se submete totalmente, tornandose escravo por opção. Dispõe-se a servi-lo a qualquer custo. E muitas vezes esse custo é a honra, a dignidade, a fidelidade, a sensatez e até a própria vida. O homem verdadeiramente sábio faz dos recursos financeiros um meio de progresso para si mesmo e para todos aqueles que Deus lhe coloca sob a responsabilidade. Já o homem medíocre faz-se mesquinho e arrogante, negando até mesmo a existência de Deus e elegendo o dinheiro como o todo poderoso, ao qual reverencia. Assim, o dinheiro é, sem contestação, um excelente recurso, mas, como toda moeda, tem duas faces. Uma é a face que permite a conquista do passaporte para a liberdade, a outra serve para adquirir cadeias de sofrimentos para muitos séculos. Como usar esse recurso, é apenas uma questão de escolha. Pense nisso! Se você está triste porque lhe faltam os mínimos recursos financeiros, considere que talvez seu crédito no Banco Celeste não esteja muito bom. E se você tem dinheiro sobrando, lembre-se sempre de que é apenas um empréstimo que o Criador lhe concede para fomentar o progresso geral. Pensemos nisso! Texto da equipe de redação do momento espírita

BRILHE VOSSA LUZ Meu amigo, no vasto caminho da Terra, cada criatura procura o alimento espiritual que lhe corresponde à posição evolutiva. A abelha suga a flor, o abutre reclama despojos, o homem busca emoções. Mas ainda mesmo no terreno das emoções, cada espírito exige tipos especiais. Há sofredores inveterados que outra coisa não demandam além do sofrimento, pessimistas que se enclausuram em nuvens negras, atendendo a propósito deliberado, durante séculos. Suprem a mente de torturas contínuas e não pretendem construir senão a piedade alheia, sob a qual se comprazem. Temos os ironistas e caçadores de gargalhadas que apenas solicitam motivos para o sarcasmo de que se alimentam. Observamos os discutidores que devoram páginas respeitáveis, com o único objetivo de recolher contradições para sustentarem polêmicas infindáveis. Reparamos os temperamentos enfermiços que sorvem tóxicos intelectuais, através de livros menos dignos, com a incompreensível alegria de quem traga envenenado licor. Nos variados climas do mundo, há quem se nutra de tristeza, de insulamento, de prazer barato, de revolta, de conflitos, de cálculos, de aflições, de mentiras... O discípulo de Jesus, porém - aquele homem que já se entediou das substâncias deterioradas da experiência transitória -, pede a luz da sabedoria, a fim de aprender a semear o amor em companhia do Mestre... Para os companheiros que esperam a vida renovada em Cristo, famintos de claridade eterna, foram escritas as páginas deste livro despretensioso. Dentro dele, não há palavras de revelação sibilina. Traduz, simplesmente, um esforço para que nos integremos no Evangelho, celeiro divino do nosso pão de imortalidade. Não é exortação, nem profecia. É apenas convite. Convite ao trabalho santificante, planificado no Código do Amor Divino. Se a candeia ilumina, queimando o próprio óleo, se a lâmpada resplende, consumindo a energia que a usina lhe fornece, ofereçamos a instrumentalidade de nossa vida aos imperativos da perfeição, para que o ensinamento do Senhor se revele, por nosso intermédio, aclarando a senda de nossos semelhantes. O Evangelho é o Sol da Imortalidade que o Espiritismo reflete, com sabedoria, para a atualidade do mundo. Brilhe vossa luz! - proclamou o Mestre. Procuremos brilhar! - repetimos nós. EMMANUEL

Participe das atividades da nossa casa. Sua presença é muito importante!


A CARAVANA, julho de 2001

C. E. Nair Montez de Castro

Página 3

LIVRO DO MÊS

COORDENAÇÃO DE ATIVIDADES ASSISTENCIAIS Distribuição de Alimentos 1º domingo do mês Campanha do Quilo 2º Domingo do mês Sopa de Rua 3º Sábado do mês Sopa das quartas-feiras Todas as quartas-feiras Ambulatório Médico Todas as quartas, às 16:00 horas Segundo ou terceiro sábado, de 09:00 às 12:00 hs Distribuição de Enxovais para Gestantes e Bebês Quinzenal, as segundas-feiras, às 14:00 horas Sala de Costura Todas as segundas-feiras, às 14:00 horas Oficina de Trabalhos Manuais com Assistidos Todos os sábados – Reinício em 14/07/2001 Distribuição de Leite - Crianças até 3 Anos

Todas as segundas-feiras, às 14:00 horas Recolhimento, Prensa e Troca de Latas Horário em aberto Centro de Recreação Teresa de Jesus (pré-escolar) Segundas, quartas e sextas-feiras, às 08:00 horas – Reinício em 16/07/2001 Distribuição de Roupas e Calçados Usados Todas as segundas-feiras, às 14:00 horas Distribuição de Cobertores no Inverno A partir de junho 2001, às segundas-feiras

CAMPANHAS EM ANDAMENTO

• COBERTORES • LEITE EM PÓ

OBRIGADO PELA

ADOLESCENCIA E VIDA Divaldo Pereira Franco Espírito Joanna de Angelis Este livro é uma contribuição do iluminado Espírito Joanna de Angelis aos pais e educadores, e também aos jovens que buscam um sentido para suas vidas.

Brincadeiras do copo e do compasso podem fazer mal? Esse tipo de brincadeira volta e meia está na moda, muitos acham que é a mente que produz os efeitos. Outros nem acreditam nelas, mas por trás de uma brincadeira aparentemente inofensiva, estão sérias conseqüências. Os bons espíritos estão sempre ocupados em trabalhos de socorro e auxílio, e muitos outros, por isso não se prestam a participar desses jogos motivados pela curiosidade. É nesse momento que espíritos zombeteiros e levianos entram em ação. Às vezes podem identificar-se como espíritos de pessoas famosas ou muito boas, e até como familiar de um dos participantes da brincadeira, isso para dar maior credibilidade as suas respostas mentirosas. Podem ainda se afinizarem com algum dos participantes da brincadeira e segui-los, e estando ligados a essa pessoa ou a esse grupo, e indo aonde um ou o grupo de participantes forem, mesmo depois da brincadeira, e este espírito passa a sugerir coisas através da mente da pessoa. Lembramos aqui que a palavra certa a ser empregada é sugerir e não mandar. O espírito pode sugerir: beba isto, ou ainda use tal droga, e a pessoa usa se quiser, pois ela tem livre-arbítrio. É como se você estivesse numa roda de amigos e um deles lhe oferecesse algo, você só aceita se realmente quiser. Por isso, se te convidarem para participar dessas “brincadeiras”, não aceite e, se possível, tente convencer essas pessoas a não brincarem com essas coisas.

DÊ SUA SUGESTÃO, TRAGA SUA COLABORAÇÃO, FALE COLABORAÇÃO! CONOSCO!

GRUPO DE DIVULGAÇÃO: José Carlos, Reinaldo e Marcelo.

Segundas-feiras, das 20:00 às 21:30 hs – José Carlos Quintas-feiras, das 16:00 às 17:30 hs - Reinaldo.


A CARAVANA, julho de 2001

Página 4

PROGRAMAÇÃO DE JULHO DE 2001 • Reunião das Segundas - 20:00 Hs DIA 02 09 16 23 30

TEMA

TEMA LIVRE DA LEI DE SOCIEDADE O HOMEM NO MUNDO E SEUS PROBLEMAS DA LEI DO PROGRESSO E SUA MARCHA SEDE PERFEITOS

• Reunião das Quintas - 14:30 Hs DIA 05 12 19 26

DA LEI DA SOCIEDADE O HOMEM NO MUNDO E SEUS PROBLEMAS DA LEI DO PROGRESSO E SUA MARCHA SEDE PERFEITOS

• Reunião das Sextas - 20:00 Hs DIA 06 13 20 27

TEMA

DA LEI DA SOCIEDADE O HOMEM NO MUNDO E SEUS PROBLEMAS DA LEI DO PROGRESSO E SUA MARCHA SEDE PERFEITOS

• Reunião dos Sábados - 15:00 Hs DIA 07 14 21 28

TEMA

TEMA

DA LEI DA SOCIEDADE O HOMEM NO MUNDO E SEUS PROBLEMAS DA LEI DO PROGRESSO E SUA MARCHA SEDE PERFEITOS Quem pergunta quer saber

Muitos repelem a idéia da reencarnação pelo só motivo de ela não lhes convir. Dizem que uma existência já lhes chega de sobra e que, portanto, não desejariam recomeçar outra semelhante. De alguns sabemos que saltam em fúria só com o pensarem que tenham de voltar à Terra. Perguntar-lhes-emos apenas se imaginam que Deus lhes pediu o parecer, ou consultou os gostos, para regular o Universo. Uma de duas: ou a reencarnação existe, ou não existe; se existe, nada importa que os contrarie; terão que a sofrer, sem que para isso lhes peça Deus permissão. Afiguram-se-nos os que assim falam um doente a dizer: Sofri hoje bastante, não quero sofrer mais amanhã. Qualquer que seja o seu mau-humor, não terá por isso que sofrer menos no dia seguinte, nem nos que se sucederem, até que se ache curado. Conseguintemente, se os que de tal maneira se externam tiverem que viver de novo, corporalmente, tornarão a viver, reencarnarão. Nada lhes adiantará rebelarem-se, quais crianças que não querem ir para o colégio, ou condenados, para a prisão. Passarão pelo que têm de passar. São demasiado pueris semelhantes objeções, para merecerem mais seriamente examinadas. Diremos, todavia, aos que as formulam que se tranqüilizem, que a Doutrina Espírita, no tocante à reencarnação, não é tão terrível como a julgam; que, se a houvessem estudado a fundo, não se mostrariam tão aterrorizados; saberiam que deles dependem as condições da nova existência, que será feliz ou desgraçada, conforme ao que tiverem feito neste mundo; que desde agora poderão elevar-se tão alto que a recaída no lodaçal não lhes seja mais de temer. Livro dos Espíritos, página 145

C. E. NAIR MONTEZ DE CASTRO Presidente: Sarah Santoro da Costa 1º Vice-Presidente: Léa C. dos Santos 2º Vice-Presidente: José Limeira da Silva Rua Vilela Tavares, 173 - Lins de Vasconcelos C.G.C. 34.037.010/0001-13 Inscrição Estadual: 345.856.00

A Caravana - Julho 2001  

Informativo mensal do Centro Espírita Nair Montez de Castro

A Caravana - Julho 2001  

Informativo mensal do Centro Espírita Nair Montez de Castro

Advertisement