Issuu on Google+

CENTRAIS DE ABASTECIMENTO DO

RIO GRANDE DO SUL Ano 1 | Edição 2 | Junho/Julho

JORNAL DA CEASA/RS Agricultura sustentável

Governador recebe instituições participantes do Prato Para Todos

O Rio Grande do Sul deu um importante passo para aprimorar a profissionalização da Agricultura Familiar. Lançado no dia 2 de junho, o programa Gestão Sustentável da Agricultura Familiar foi concebido pela Secretaria do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR) para promover a gestão e a adequação socioeconômica e ambiental nas propriedades rurais. A meta é alcançar 40 mil agricultores em quatro anos.

FOTO: Comunicação Palácio Piratini

O governador José Ivo Sartori, a secretária de Políticas Sociais, Maria Helena Sartori, e o presidente das Centrais de Abastecimento do Estado (Ceasa/RS), Ernesto Teixeira, fizeram a entrega de certificados aos participantes do programa Prato Para Todos em solenidade realizada no Palácio Piratini no último dia 2 de março. Leia mais nas páginas 4 e 5

Tarcisio Minetto Secretário de Desenvolvimento Rural

Associação aguarda Ministério

Ceasa/RS eficiente e enxuta

Diante as muitas multas que os permissionários vinham sofrendo mediante análises agroquímicas, a Associação dos Usuários e Atacadistas SÉRGIO di Salvo, pres. ASSUCERGS (ASSUCERGS) e a Associação dos Produtores entregaram um documento ao Ministério da Agricultura com suas preocupações sobre o tema. No documento, que ainda teve participação do CREA, FETAG e AGAS, também foram solicitadas providências em caráter de urgência. A iniciativa resultou em uma Instrução Normativa que contempla todos os produtos hortigranjeiros com proteção fitossanitárias pelo agrupamento do registro por grupo de culturas, obrigando as empresas a se adequarem em 30 dias a nova regra.

A Associação dos Produtores hortigranjeiros (ASSPHCERGS) parabeniza a Direção pela forma transparente que conduz esta Central, nos permitindo o acesso a DIRETORIA da ASSPHCERGS qualquer informação e, acolhendo nossas demandas. Estaremos sempre que necessário, sendo parceiros da Ceasa/RS na busca de uma Central mais enxuta e eficiente. Salientamos também o trabalho da SDR, onde somos recebidos de imediato e com muita seriedade. Lembramos que o nosso compromisso é com o produtor e sempre que nossos direitos forem desrespeitados buscaremos a verdade. Haja vista que do nosso trabalho vem o seu alimento. (Na foto: da esquerda para direita, Fabrício Selau, vicepresidente, Daniel Rosa, Tesoureiro, Jailto Trajano, Secretário e Evandro Finkler, presidente.)


CENTRAIS DE ABASTECIMENTO DO

RIO GRANDE DO SUL

Abastecimento, a nossa meta Quando criadas pelo Governo Federal nos anos 1970 as Ceasas tinham por objetivo regulamentar o abastecimento. Na década seguinte foram estadualizadas por meio de uma comissão na qual tive o prazer de participar, estando a frente da estadualização da Ceasa/RS no ano de 1989. Quando assumimos a gestão em março de 2015, ficamos estarrecidos com a situação encontrada. Tanto os pavilhões dos atacadistas quanto os TC´s sofriam de graves problemas, especialmente na parte elétrica. Curtos circuitos eram freqüentes, sendo que o incêndio do A 2 aparentemente fora causado por um deles. Além de recuperar o pavilhão incendiado, em parceria com os permissionários, elaboramos um novo projeto elétrico que irá beneficiar os dez pavilhões existentes na Central. Dois deles já estão concluídos e um terceiro está em andamento. O GNP teve toda iluminação substituída por lâmpadas de LED que representará economia de energia e luminosidade superior. As péssimas condições nas vias de acesso, que eram motivo de reclamação de produtores que tinham suas cargas afetadas, receberam obras de melhorias. Em parceria com a Prefeitura, por meio da SMOV e do DEP, a Avenida Fernando Ferrari foi totalmente asfaltada e sua rede de drenagem refeita. Além disso, as obras na rótula de acesso estão praticamente finalizadas. A segurança da Ceasa/RS era uma das piores do Brasil. Graças a ações como o controle rigoroso nas portarias, reduzimos drasticamente os delitos. Neste sentido, a Brigada militar e a Polícia Civil têm sido grandes parceiros se fazendo presentes todos os dias no complexo, que tem no tenente Alfredo Vasconcelos, o seu chefe de segurança interno. Ainda para aumentar a nossa proteção estamos construindo um muro de concreto no lado leste que substituirá a cerca de ferro instalada há décadas. A fibra ótica é uma realidade e até o mês de julho, a Diretoria da Ceasa/RS e o secretário Tarcísio Minetto (SDR) devem concluir o processo de negociação da área da Conab. Portanto, o balanço vem sendo positivo tanto na parte financeira quanto no social. Em setembro vamos atingir meio milhão de atendimento no Prato Para Todos, conforme prometido ao governador Sartori e a secretária de Políticas Sociais, Maria Helena Sartori. Também estaremos diplomando mil pessoas pelo curso de combate ao desperdício de alimentos, em parceria com o Sesc. Tudo isto dá uma comodidade maior ao nosso produtor, ao atacadista e ao comprador exercerem esta que é a principal atividade da Ceasa/RS, o abastecimento. Ernesto da Cruz Teixeira Presidente da Ceasa/RS

Reunião avalia alternativa ao fechamento da Vila Dique

Feira da Semana Santa foi sucesso de público

Foram comercializados produtos típicos da ocasião, como chocolates, peixes e frutos do mar, vinhos e queijos. A novidade foi a venda de produtos orgânicos que começaram a ser vendidos na Ceasa/RS no ano passado.

CARREGADORES receberão EPI’s

2

alternativa econômica ao consumidor, tanto no atacado, quanto no varejo.

VICE-Prefeito está empenhado na solução

EVENTO se repetirá todos os anos

Uma reunião em junho no gabinete do vice-prefeito, Sebastião Melo, discutiu o fechamento do acesso a Vila Dique. Participaram do encontro diversas secretarias, como a EPTC, a SMOV e o Centro Administrativo Regional (CAR), do bairro Anchieta. Melo solicitou uma reunião no local com todas as secretarias envolvidas e a Infraero que ocorreu no dia 2 de junho. As partes se reunirão para avaliar uma alternativa para liberar o trafego na região.

A Ceasa/RS promoveu de 22 a 24 de março sua Feira da Semana Santa. O evento foi um sucesso de público e vendas. O objetivo, conforme o diretor Técnico Operacional, Ailton Machado, foi o de oferecer uma

Os preços durante a Feira da Semana Santa foram de 30% a 50% menores em relação aos valores praticados nos mercados tradicionais. “Tradicionalmente, os comerciantes vendem no atacado, mas esses eventos servem para atrair também consumidores finais”, explica Ailton Machado.

Expediente Presidente: Ernesto da Cruz Teixeira

Tiragem: 3 mil exemplares

Diretor Técnico Operacional: Ailton dos Santos Machado

Avenida Fernando Ferrari, 1001

Diretor Administrativo Financeiro: Vanderlan Vasconselos

Bairro Anchieta, Porto Alegre- RS

Jornalista: Carlos Matsubara Diagramação: Adriano de Oliveira Rocha

(51) 2111 6600 / imprensa@ceasa.rs.gov.br www.ceasars.com.br


CENTRAIS DE ABASTECIMENTO DO

RIO GRANDE DO SUL

Unidade da Conab será repassada à Ceasa/RS Área de mais de sete mil m² poderá ser licitada Na posse da nova diretoria, em março de 2015, uma das promessas feitas pela nova direção era a de recuperar o pavilhão A 2, então parcialmente destruído por um incêndio semanas antes. A promessa foi cumprida e o prédio entregue aos permissionários em pleno funcionamento. Outra promessa na época foi a de tentar trazer para o patrimônio da Ceasa/RS a área onde funcionou por décadas o frigorífico da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A Conab foi sensível aos apelos e, em fevereiro deste ano, garantiu a concessão da área e do prédio para a Central de Abastecimento. “Foi uma grande luta de bastidores que envolveu o governo do Rio Grande do Sul, a Secretaria do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR) e a própria Ceasa/RS”, destacou o presidente da Central, Ernesto Teixeira. “A transferência do imóvel e de benfeitorias e a doação dos equipamentos para o Estado cria oportunidade para que a Ceasa/RS venha a estabelecer parcerias e ampliar a gama de produtos ofertados

Complexo da Central livre do Aedes Aegypti

TRABALHO será executado durante todo o ano

Após dedetizações sistemáticas, nas últimas semanas não foram encontrados nenhum foco da presença do mosquito Aedes Aegypti nos mais de 40 hectares da Central de Abastecimento do Rio Grande do Sul

REUNIÃO na SDR discutiu decisão da CONAB

em seu complexo”, avalia Minetto. Localizado em uma área de 7.302.50 metros quadrados, a então unidade armazenadora da Conab poderá ser colocada à disposição para licitação pública após os trâmites oficiais. A unidade frigorífica operou durante quatro décadas na área, por meio de comodato firmado em 1973. “Esta é uma vitória a ser comemorada pela

(Ceasa/RS). Foram realizadas ações por meio de pulverização e por granulados em locais onde há acúmulos de água, tanto na área externa, quanto no interior da Central, ainda que temporários em razão das chuvas. A medida tomada pela direção visa intensificar a campanha de combate ao mosquito que é responsável pela transmissão dos vírus da zika, da dengue e da chikungunya. Conforme a empresa contratada ainda serão realizadas outras dedetizações a cada duas semanas pelo período de seis meses.

direção e comunidade da Ceasa/RS porque será mais uma fonte de recursos”, projeta Ernesto Teixeira. A Ceasa/RS aguarda a posse da nova diretoria da Conab para documento final. A decisão foi discutida em fevereiro deste ano na Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR).

Soberanas da Bergamota visitam produtores

COMITIVA da festa conversou com produtores

A Ceasa/RS recebeu em maio a visita das Soberanas da Festa da Bergamota que é realizada todos os anos entre os meses de maio e junho em São Sebastião do Caí. Elas foram recebidas com aplausos no Galpão dos Produtores.

3


CENTRAIS DE ABASTECIMENTO DO

RIO GRANDE DO SUL

Centenas de pessoas são diplomadas no Prato Para Todos Evento foi realizado no Palácio Piratini com a presença do governador Ivo Sartori a nossa contribuição pelo governo do Estado, com a secretaria, para que este país aproveite mais um pouco do que produz. Tenho certeza que isso vai fazer com que chegue mais comida na mesa daqueles que mais precisam”, declarou. Ernesto Teixeira faz questão de mencionar e agradecer o apoio dos diretores da Ceasa/RS, Ailton Machado e Vanderlan Vasconselos, além de toda equipe do programa, Claiton Ferreira, Neusa Batista e o coordenador, Otalício Nunes. Como funciona

GOVERNADOR saúda os participantes (foto: Comunicação Palácio)

O governador José Ivo Sartori, a secretária de Políticas Sociais, Maria Helena Sartori, e o presidente das Centrais de Abastecimento do Estado (Ceasa/RS), Ernesto Teixeira, fizeram a entrega de certificados aos participantes do programa Prato Para Todos em solenidade realizada no Palácio Piratini no último dia 2 de março. Na ocasião, dez entidades sociais receberam os diplomas representando

mais de cem pessoas de comunidades de Porto Alegre que foram atendidas nesta etapa do programa, que teve início em outubro do ano passado. O presidente da Ceasa/RS, Ernesto Teixeira, falou do orgulho que sente ao poder reativar o programa e constatar o seu sucesso. “Já formamos quase 800 pessoas pela cidade. Isso para nós é muito importante, acho que estamos dando

Nas oficinas, ministradas por nutricionistas do Sesc/RS, são ensinadas receitas de pratos e sucos que utilizam partes não convencionais dos alimentos, como cascas, ramas, folhas, entre outras que normalmente vão para a lata do lixo. As aulas são feitas dentro do ônibusescola da Ceasa/RS, com capacidade para até 25 pessoas, que foi equipado com uma cozinha industrial e sistemas de som e arcondicionado para que possam ser oferecidas com conforto e qualidade. A importância comunidades

das

“Quando uma comunidade se une, tem gente que dirige, que ajuda a construir, é muito positivo. A comunidade fica diferente quando tem líderes comunitários importantes fazendo esse papel”, afirmou o governador Sartori que também citou o evento de lançamento do programa Prato para Todos, no Palácio Piratini, falando das centenas de pessoas humildes e simples que lotaram o Salão Negrinho do Pastoreio. “Tínhamos como meta alcançar ORGULHOSOS, alunos exibem seu diploma (foto: Comunicação Palácio)

4


CENTRAIS DE ABASTECIMENTO DO

RIO GRANDE DO SUL

Programa Social da Ceasa/RS é o maior do Estado Iniciativa também é uma das maiores do País inicialmente 30 mil pessoas e agora já estamos em 35 mil. A expectativa até o fim do ano é atender 50 mil. Isso é proteção social, mostra que nós podemos ser solidários”, destacou Sartori. “Quando uma comunidade se une, tem gente que dirige e que ajuda a construir, é muito positivo. José Ivo Sartori, Governador do Estado

Promoção da Segurança Alimentar “O Prato para Todos é um exemplo concreto e eficaz de cooperação entre os diferentes setores da sociedade. O programa mostra que é possível unir o poder público e a iniciativa privada em torno de um mesmo objetivo, promover a segurança alimentar. Esse é o papel da política e finalidade do Estado.

Propiciar que a sociedade trabalhe em conjunto, busque alternativas, una esforços e ajude a construir programas, projetos e ações transformadores, que tenham como objetivo promover o bem-estar social”, assegurou a secretaria Maria Helena, que tem parceria com o programa através do Gabinete de Políticas Sociais. “O Prato para Todos é um exemplo concreto e eficaz de cooperação entre os diferentes setores da sociedade. Maria Helena Sartori, Secretaria de Politicas Sociais

O secretário de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), Tarcísio Minetto, agradeceu a parceria de todas as entidades e órgãos envolvidos e falou que esta é uma etapa de motivação na caminhada do programa. “As oficinas, além de educar e ensinar a aproveitar os alimentos, promove a segurança alimentar. Sabemos que no Brasil o desperdício de alimentos chega a 30% do que se produz, o que é muito”, acrescentou o secretário.

EQUIPE do programa também foi homenageada

Encontros avaliam o programa Prato Para Todos O Prato Para Todos vem promovendo uma série de encontros com as instituições beneficiadas. Chamadas de plenárias, estes encontros antecederão um grande evento com a primeira-dama e secretária de Políticas Sociais, Maria Helena Sartori, que será realizado em julho deste ano no Palácio Piratini. Conforme o presidente da Ceasa/RS, Ernesto Teixeira, o objetivo é que as 300 entidades que participam do programa sejam ouvidas. Foi distribuído um questionário com quatro perguntas básicas sobre o atendimento do programa . ‘’ isto é

muito importante porque pode acontecer, por exemplo, de uma instituição chegar aqui e não haver produtos. Ainda não ocorreu, mas enquanto tivermos este problema de quebra de safra e, portanto, com

Um agradecimento aos produtores e atacadistas O Prato Para Todos existe graças as doações de produtores e atacadistas da Ceasa/RS, que doam diariamente seus produtos ao programa. ‘’Não podemos deixar de ressaltar um outro parceiro muito importante para o Prato Para Todos, que é a empresa Seven Boys’’. salientou o presidente da Ceasa/RS, Ernesto da Cruz Teixeira.

LIDERANÇAS das entidades são ouvidas

menos doações, pode acontecer e não queremos que ninguém seja prejudicado, Explica.

Conforme o presidente, é graças a esta empresa que as cerca de 300 instituições atendidas pelo programa recebem um pão de altíssima qualidade.

55


CENTRAIS DE ABASTECIMENTO DO

RIO GRANDE DO SUL

Dia da mulher foi comemorado na Ceasa/RS Homenagens e muita animação marcaram a data Dia das Mães também é celebrado O Dia das Mães não passou em branco na empresa. A data foi comemorada ao longo de toda sexta-feira, 8 de maio.

FUNCIONÁRIAS tiveram o tiveram o dia inteiro de atividades

A terça-feira, 8 de Março, começou diferente na Ceasa/RS. As funcionárias e colaboradoras da Centrais de Abastecimento do Estado haviam “sumido”! Na verdade, não. Estavam todas reunidas para um café da manhã muito especial em homenagem ao Dia Internacional das Mulheres. Foi apenas o início de uma divertida terçafeira marcada por diversas atividades ao longo do dia e que se encerrou com um animado coffee break. A iniciativa da comemoração foi da Associação dos Funcionários da Ceasa/RS (Assoceasa). “O evento nos possibilitou mostrar como elas são

belas, além de informações sobre a saúde, dicas de prevenção de doenças, alimentação saudável e outros assuntos relacionados”, justificou Álvaro Gonçalves, presidente da Assoceasa.

Cerca de 40 mamães, entre funcionárias de carreira e de empresas terceirizadas foram homenageadas com um almoço comemorativo e muitas dinâmicas com distribuição de brindes. A iniciativa foi da Associação dos Funcionários da Ceasa/RS (ASSOCEASA).

O dia começou com uma cerimônia de abertura às 8h45min, seguido de um café da manhã exclusivo para elas. Na sequência participaram de uma palestra com dicas de maquiagem e brindes da Mary kay, com direito a uma divertida sessão de fotos no final. Ao meio-dia foram recepcionadas em um coquetel no Auditório James Gehlen. A tarde ouviram uma palestra motivacional com a psicóloga Izilda Bezilacqua, sobre “A Mulher Moderna” e sorteio de produtos da Boticário e assistiram um metragem sobre o universo feminino.

CLÁUDIA dos Santos e Rosa Fernandes

Conforme o seu presidente, Álvaro Gonçalves, o Dia das Mães é uma das datas mais importantes de todas e a associação não deixaria de comemorar com as mamães da Ceasa/RS.

Logo após, participaram de uma palestra e demonstração de cuidados com a pele com acadêmicas da Ulbra em Estética e Cosmetologia. Para finalizar o Dia da Mulher todas foram recepcionadas em um coffee break de encerramento. DICAS de beleza e de maquiagem

6

DEPOIMENTOS emocionaram a todos

6


CENTRAIS DE ABASTECIMENTO DO

RIO GRANDE DO SUL

Ceasa/RS cria na crise Momento conturbado no País não impede investimentosl Este tem sido um ano de muito trabalho e, neste sentido, a diretoria da Central vem tentando corresponder às expectativas de toda comunidade da Ceasa/RS. Um exemplo é o encaminhamento à Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR) e ao Governo do Estado, da Minuta do Novo Projeto de Lei do Plano de Carreira, Cargos e Salários.

Administrativo Financeiro da Ceasa/RS.

Encontro Nacional de Ceasas

Segurança

EVENTO discutiu tendências de mercado

Outro exemplo são os editais e concorrências. Mantemos abertas periodicamente oportunidades de licitação de seus raros espaços ociosos. A última licitação para novos comerciantes foi encerrada no início de maio. Também estamos prestes a realizar um leilão de veículos, máquinas e sucatas de inservíveis. Antiga área do posto de combustíveis será recuperada, para ser aproveitada em outros negócios.

Em parceria com os permissionários realizamos a renovação e inovação de boa parte da instalação elétrica dos pavilhões. Já concluímos dois deles, o A2 e o D2, em investimentos de mais de 250 mil reais. Atualmente iniciamos as obras no D3. A meta é chegar aos 10 pavilhões até o final deste ano. Depois de 18 anos inativa, estamos trabalhando a liberação da área do antigo posto de combustível, junto a Avenida Fernando Ferrari que possibilitará a geração de novos negócios. Desde o início de sua gestão, a atual gestão já concretizou quatro importantes licitações e 22 pregões eletrônicos. “Desta forma garantimos a legalidade, a oportunidade e a economicidade para a maior Central de Abastecimento de Alimentícia do Rio Grande do Sul”, ressalta Vanderlan Vasconselos, diretor

GRADIL de concreto estará pronto em junho

A atual gestão também já iniciou a construção da cerca de concreto do lado leste para garantir o fechamento completo do nosso complexo. Para tanto, o investimento chegará a quase 350 mil reais.

O diretor Técnico Operacional, Ailton Machado, representou a Ceasa/RS no Encontro Nacional da Associação Brasileira de Centrais de Abastecimento (Abracen), em Contagem (MG).

Também estamos implementando um novo e moderno projeto para Execução do Sistema de Segurança e Vigilância por Câmaras e Imagens, que cobrirá toda a Central. E para garantir a saúde de todos contratamos uma empresa para manter todos os 42 hectares livres do mosquito Aedes Aegyptis, responsável pela transmissão dos vírus da zika, da dengue e da chikungunya.“Em tempos de crise, inflação, recessão e desemprego, a Ceasa/RS centraliza e une o trabalho dos produtores e dos atacadistas com uma gestão transparente e criativa para manter o atendimento e abastecimento do povo gaúcho com qualidade, quantidade e principalmente preço baixo”, finaliza Vasconselos.

DIREÇÃO mantém dialogo com produtores

Subestação para o G2 Com um custo de 90 mil reais, o novo gerador já está em funcionamento e abastecendo todo lado oeste dos TC´s. A capacidade foi ampliada de 500 KW para 750 KW.

Espaço exclusivo para motos A Direção colocou a disposição dos seus usuários dois estacionamentos exclusivos para motocicletas. Eles terão capacidade total de 300 vagas divididas em locais próximos aos principais acessos do complexo.

7


CENTRAIS DE ABASTECIMENTO DO

RIO GRANDE DO SUL

Comunicado aos produtores, comerciantes e clientes A Superintendência do INMETRO no Estado programou para as próximas semanas fiscalizações de normatização do comércio de produtos embalados “pré- medidos”, ou seja, sacos-bandejas e cumbucas, que são obrigados a indicar o peso, conforme portaria 157 de 19 de agosto de 2002. No intuito de dar conhecimento e conscientizar quanto às exigências da norma, especialmente quanto ao uso de rótulos para identificação e informação dos produtos, a Diretoria Técnica da Ceasa/RS fará ações preliminares de orientação aos produtores e comerciantes. Após este período de orientações e esclarecimentos, que deve ser de 30 dias, o INMETRO, deverá retornar à Ceasa/RS e a partir de então, iniciar os trabalhos de fiscalização. Para mais informações, procurar a sala de orientação no Pavilhão dos Produtores (GNP). Ou nos telefones (51) 2111.6620 e 2111.6615.

Diretoria da CIPA toma posse Eleitos assumiram para gestão do ano de 2016 Tomou posse a nova diretoria da Comissão interna de Prevenção de Acidentes (CIPA), gestão 2016, da Ceasa/RS. A nova presidente, Cláudia Terezinha dos Santos, agradeceu a confiança da Direção, e elegeu como uma das ações mais importantes da gestão 2015 a criação de uma turma noturna de brigadistas de incêndios. “Agora temos uma vigilância 24 horas”, destacou. Paulo Regla, já como ex-presidente, falou sobre os 28 relatórios envolvendo questões referentes à segurança do trabalho que foram realizados e que servirão para o Plano de Prevenção e Proteção Contra Incêndio (PPCI). Representando a diretoria, Vanderlan Vasconselos, diretor Administrativo Financeiro, lembrou que tempos atrás, em muitas empresas, a CIPA era “uma desculpa” para o funcionário não ser demitido. “Hoje não, é um processo de educação permanente. Ela trabalha para preservar a vida”, finaliza Vasconselos. Como ficou a Comissão Presidente - Cláudia dos Santos Titular - Rosa Marlene Fernandes 1º Suplente - Amauri M. Pereira 2º Suplente - Ronaldo Marquezotti Eleitos pelos empregados: Vice-Presidente - Eva Regina da Costa Titular - Luiz Fernando da Silva 1º Suplente - Helena Oliveira Jobim 2º Suplente - Flávio de Freitas Peixoto Os representantes do empregador e dos empregados escolheram o servidor Amauri Pereira para secretário da CIPA.

A recuperação da rede pluvial...

Obras de melhorias no bairro...

...é resultado de uma combinação entre a direção da Ceasa/RS, Secretaria Municipal de Obras e Viação (SMOV) e o Departamento de Esgotos Pluviais (DEP) para terminar com os alagamentos na Avenida Fernando Ferrari.

...como a abertura de uma rótula de acesso fazem parte da recuperação viária do Bairro Anchieta. Essas obras visam melhorar o trânsito no entorno da Central de Abastecimento do Estado.


Jornal - Ceasa/RS 02