Page 1

ESPORTE Maratoninha do Sesc reune 300 crianças

desleal Diego Feitosa age como dono de Missão Velha

apito | pág. 8

coluna rebate | pág. 3

O periódico do Cariri independente

anos

www.jornaldocariri.com.br

D e 10 a 16 de outubro de 2017 Ano 20 Número 2817 Preço : R$1,50

NEGÓCIO DA CHINA

Gilmar Bender pressiona Prefeitura para ganhar rua O secretário de Meio Ambiente e Serviços Públicos de Juazeiro do Norte, Luiz Ivan, comunicou que não vai assinar a doação de uma rua para o empresário e ex-candidato a prefeito Gilmar Bender. O secretário diz que Bender tenta se dar bem com a apro-

sistema fecomércio

vação do projeto e a implantação da empresa em detrimento do interesse público em Juazeiro. O intuito do empresário é fechar a rua e aumentar seu terreno para alugar à empresa de construção civil Carajás. política | pág. 4

CÂMARA DE JUAZEIRO

Barbalha vai doar terreno Base de Arnon avalia recuo para instalar Sesc e Senac em novo Código Tributário política | pág. 3

política | pág. 4

Serena Morais

CRATO

TAC garante acompanhantes para gestantes

Após um TAC entre o Ministério Público e o município de Crato, o Hospital e Maternidade São Francisco vai se adequar, até dezembro, à Lei do Acompanhante. Segundo a determinação, a gestante pode escolher uma pessoa para acompanhá-la durante o trabalho do parto. Tanto os hospitais públicos quanto privados devem cumprir a norma vigente desde 2005.

CRAJUBAR

metropolitana | pág. 5

Secretarias de Saúde combatem mortalidade infantil e materna METROPOLITANA | pág. 5 Serena Morais

solidariedade

Campanha ajuda na luta contra o câncer

No Outubro Rosa, o restaurante Terraço São Bento, em Crato, adotou campanha para ajudar a Casa de Apoio São Bento, que acolhe pacientes em tratamento oncológico no Hospital São Vicente de Paulo, em Barbalha. Até o dia 30 de outubro, 10% da venda do prato Filé à Parmegiana com Risoto Calabrês serão revertidos à casa, que atualmente está com todos os leitos ocupados devido alta demanda na região. epa | pág. 7

zona azul

Barbalha adota estacionamento rotativo METROPOLITANA | pág. 5


2

Região do cariri, De 10 A 16 DE OUTUBRO de 2017

anos

Opinião

A instalação do Sesc e Senac é uma garantia que o povo de Barbalha vai ter de equipamentos que investem na sociedade. Estou muito feliz com essa conquista. Argemiro Sampaio - prefeito de Barbalha

Editorial

UNIDOS PELA SAÚDE

Um dos principais indicadores de qualidade de vida no mundo é a taxa de mortalidade infantil. Estados pobres, corruptos e atrasados possuem elevadas taxas de óbito por nascimento. Trata-se de um elemento que se compõe de fatores como a má qualidade dos serviços de saúde pré-natal, as deficiências educacionais, problemas de saneamento básico e de segurança alimentar. Quanto maior a taxa de natalidade, maior a ineficiência dos serviços públicos. O Cariri sempre foi um centro de referência em termos de saúde. Inicialmente, graças à ação da Igreja Católica, a saúde foi objeto de

cuidados especiais com base na filantropia e na busca pela excelência. Posteriormente, o Estado assumiu parcialmente essas funções. Investimentos federais, estaduais e municipais somaram-se à ação da Igreja e de agentes privados para atender a tal propósito. Nada disso, contudo, eliminou os problemas determinantes da mortalidade infantil, que não se referem apenas aos hospitais. Dá-se, porém, que a melhor gestão de recursos, de pessoal e de medicamentos teria o excelente efeito de melhorar o cenário da mortalidade infantil no Cariri. Uma ótima notícia para

os caririenses e todos os que se valem dos serviços hospitalares da Região Sul: as Secretarias de Saúde de Crato, Juazeiro e Barbalha unirão suas forças para combater a mortalidade materna e a mortalidade infantil. Na verdade, não é essa união algo absolutamente novo. Há tempos que essas Secretarias de Saúde já atuam de modo concertado e planejado. Mas a institucionalização dessas ações é algo essencial para se conquistar novos sucessos nessa área. O efeito dessas medidas de planejamento e de atuação conjunta já é perceptível com a melhoria dos índices de mortalidade materna e

infantil desde o ano passado em comparação com 2017. São medidas dessa natureza que permitem ter esperanças em um setor tão sensível e importante para a sociedade e o povo do Cariri. Este jornal não tem medido esforços em criticar os desvios e os abusos cometidos pelas autoridades públicas do Cariri. Quando, todavia, há ações merecedoras de reconhecimento, não se pode mirar para o lado e deixar de elogiar aos sucessos e êxitos na gestão da Administração Pública. Espera-se que esse planejamento estratégico prossiga e tenha cada vez mais êxito.

G

As Secretarias de Saúde D s de Crato, Juazeiro e p Barbalha unirão suas Bt forças para combater a pp mortalidade materna e a s i mortalidade infantil. Na d verdade, não é essa união c algo absolutamente C O novo. Há tempos que p C essas Secretarias de d n Saúde já atuam de modo c concertado e planejado. ad Mas a institucionalização dessas ações é algo U T s essencial para se e conquistar novos C sucessos nessa área. a

d C

T

CHARGE

SEXTILHA

TODA QUEDA ENSINA MUITO PORQUE TRAZ APRENDIZADO A LÁGRIMA LIMPA A VISÃO A DOR NOS MANDA UM RECADO HUMILDADE, PACIÊNCIA... E ANDAR COM MAIS CUIDADO. WeLLINGTON COSTA

CARTA O poder público precisa cuidar dos animais de rua. Tanto eles como nós, humanos, estão suscetíveis a doenças. Não devemos agir após o problema aparecer e, sim, antes disso. Sou favorável ao projeto de controle de natalidade, proposto pela vereadora Jacqueline Gouveia. O vejo como de suma importância para garantir que não ocorra um crescimento ainda maior dos animais nas ruas, que são menosprezados por todos. Natália Pereira, Juazeiro do Norte

Nós, depois a arquitetura e o urbanismo Alexandre Lucas

do sujeito e nas suas demandas sociais. O que nos coloca diante de refletir sobre o direito social à cidade, ou ainda, o direito de democratização da cidade na suas múltiplas dimensões: mobilidade, acessibilidade de bens e serviços, ludicidade, segurança, comodidade, imaterialidade e inovação tecnológica como fator de desenvolvimento social. Esses pressupostos partem do princípio de que o direito a cidade é negado a partir do modo de apropriação privada e antagônica de sociedade, que estratifica socialmente e espacialmente os indivíduos. É preciso redefinir uma arquitetura e um urbanismo de ocupação e definição pelas camadas populares. O que só se define a partir do povo organizado e com consciência de classe. As linhas desconectadas da arquitetura e do urbanismo gestado nos escritórios desassociado da pratica social do povo não reflete as necessidades e anseios da população. O viés desta engrenagem não é unicamente técnico, mas essencialmente social.

Pedagogo, artista/ educador e integrante do Coletivo Camarada

A ocupação criativa das cidades deve fomentar o processo de apropriação dos espaços numa perspectiva de criar elos de integração e organização popular. As relações de identidade e pertencimento com os espaços é o que gesta os lugares. O que requer a devida compreensão de que os espaços não se separam dos sujeitos sociais. A intervenção urbanística e arquitetônica deve ou deveria sempre considerar a memória, história de ocupação e apropriação dos espaços e as necessidades sociais como elementos centrais para pensar as interferências alinhadas a humanização e a qualidade de vida da população. Interferir no espaço é, antes de tudo, interferir na dimensão simbólica

Fundado em 5 de setembro de 1997 O Jornal do Cariri é uma publicação da Editora e Gráfica Cearacom Ltda CNPJ: 15.915.244/0001-71

Diretor-presidente: Donizete Arruda Diretora de Redação: Jaqueline Freitas Diretoria Jurídica: Vicente Aquino Diagramação: Evando F. Matias

A arquitetura e o urbanismo da cidade não pode ser um pacote governamental como fórmula universal para cada lugar ou uma maquiagem para o processo de higienização social. As interferências na cidade devem se entrelaçar com o desenvolvimento social, compreendendo o campo conflituoso entre a produção social e apropriação privada, em outras palavras, a necessária tomada de posição e de ruptura da estrutura econômica. O recorte de classe se faz imprescindível e inseparável deste contexto, considerando que não haverá harmonia e nem desenvolvimento social equiparado numa sociedade desigual e sistemicamente baseada para exploração como mecanismo de sobrevivência do modo de produção capitalista. A luta pelo direito à cidade reveste-se para as camadas populares como uma luta pela democratização econômica e transformação social que possibilite o pensar os sujeitos, as suas utopias e criatividades, antes das cercas, asfaltos e concretos.

Conselho Editorial Geraldo Menezes Barbosa, Francisco Huberto Esmeraldo Cabral, Napoleão Tavares Neves e Monsenhor Gonçalo Farias Filho.

Palavra de Fé Pr. Jecer goes

QUE CLASSE DE CRISTÃO É VOCÊ? Vivemos num país cristão. A maioria dos brasileiros professa alguma crença ligada ao cristianismo. A qualquer pessoa que perguntarmos sobre sua religião certamente ela responderá que é cristã. Mas será mesmo? Até que ponto tais pessoas são verdadeiramente comprometidas com Cristo? É interessante entendermos que nem todos que se intitulam cristãos o são na verdade. Ao analisarmos as Escrituras Sagradas veremos alguns tipos de cristãos: PESSOAS QUE SE DIZEM CRISTÃS, PORÉM NEGAM. Isso mesmo. Em determinados locais em que se encontrem, apresentam-se como cristãs; noutros, o negam, seja através de palavras, atitudes e até com silêncio. O cristianismo deve ser propagado pelos seus seguidores em todas as circunstâncias. Infelizmente, existem esses, que a exemplo de Pedro quando se encontram em situação que representa perigo de vida, se acovardam. “Enquanto Simão Pedro estava se aquecendo, perguntaram-lhe: “Você não é um dos discípulos dele?”Ele negou, dizendo: “Não sou”, (João 18.25). Esses cristãos são inseguros e neles não se pode confiar, pois temem as perdas, como empregos, parceiros, amigos e outros. Esses, muitas vezes, estão nas igrejas se beneficiando das benesses, porém, com eles, a igreja não pode contar. Infelizmente entre estes há os que o negam e ainda promovem enormes escândalos causando prejuízos irreparáveis, que o digam alguns que se encontram presos e outros alvos de investigação da Polícia Federal. PESSOAS QUE NÃO SÃO CRISTÃS, PORÉM DECLARAM SER. Estes são os que buscam se beneficiar do povo humilde e fiel e deles exploram até sua boa-fé. Geralmente comparecem às igrejas em busca de angariar votos em época de eleições, frequentam igrejas com outras intenções que não cultuar e servir ao Deus Vivo e Verdadeiro. Estes nunca conheceram o Salvador Jesus nem experimentaram o Novo Nascimento. Isso se deve muitas vezes ao fato de não receberem o verdadeiro ensino da doutrina bíblica. Outros recebem, porém, rejeitam terminantemente e até discordando frontalmente. Neles não existe lugar para a Palavra de Deus. Nos tempos bíblicos eles já existiam: “Eu sei que vocês são descendentes de Abraão. Contudo, estão procurando matar-me, porque em vocês não há lugar para a minha palavra”, (João 8.37). PESSOAS QUE PROTELAM SUA DECISÃO, NÃO SÃO. MAS DIZEM QUE UM DIA, SERÃO. São os hipócritas. Vivem para enganar. São falsos e mentirosos e estão sempre em busca de proveitos e vantagens. Não têm temor de Deus e acham que podem enganá-lo. Enganam aos outros e enganam a si mesmos. Dizem que creem e que breve serão cristãos. A igreja deve, portanto, está alerta quanto a todos os mercenários que andam em visita a muitas igrejas tumultuando e levando confusão. Mas, graças a Deus, que existem os cristãos sinceros e fiéis que não temem nem mesmo a morte. Vivem para agradar e servir ao Senhor. PESSOAS QUE SÃO E DECLARAM QUE SÃO. Estes buscam perseverantemente a presença de Deus em suas vidas. Buscam o crescimento espiritual permanentemente. Procuram se apresentar para o serviço cristão e sempre com disposição. Permanecem fiéis em todas as circunstancias. “Então, chamando-os novamente, ordenaram-lhes que não falassem nem ensinassem em nome de Jesus.” Mas Pedro e João responderam: “Julguem os senhores mesmos se é justo aos olhos de Deus obedecer aos senhores e não a Deus. Pois não podemos deixar de falar do que vimos e ouvimos”, (Atos 4.18-20). Estes são guardados e protegidos pelo Senhor. Desfrutam das bênçãos e da intimidade de Deus. São dignos de recompensa na eternidade com Deus: “Não tenha medo do que você está prestes a sofrer. Saibam que o diabo lançará alguns de vocês na prisão para prová-los e vocês sofrerão perseguição durante dez dias. Seja fiel até a morte e eu lhe darei a coroa da vida”, (Apocalipse 2.10). Que tipo de cristão é você? Autêntico? Hipócrita? Indeciso? Egoísta? Vivemos em dias difíceis e devemos buscar viver o verdadeiro cristianismo. JESUS está voltando. Todos os sinais apontam para essa grande verdade. Não protele sua decisão.

D s S o d r a d A P O o

D

E R W d é e d u

S

O J a j m d r a a

A

O r m a B o m d

U

s r e p t t r P o g

Deus abençoe!

Administração e Redação Rua Pio X, 448 - Bairro Salesianos CEP: 63050-020 - Juazeiro do Norte Ceará - Fone 88 3511.2457

Sucursal Fortaleza: Rua Coronel Alves Teixeira, 1905 - sala 05 - Fone: 85 3462.2600

Sucursal Brasília: Edifício Empire Center Setor Comercial Sul - sala 307 -Brasília - DF.

Fale conosco jcjornaldocariri@gmail.com | Departamento Comercial | comercial@cearasat.com.br

Os artigos assinados são de responsabilidade dos seus autores.


Região do cariri, De 10 A 16 DE OUTUBRO de 2017

3

anos

Argemiro Sampaio prepara uma grande mobilização

Política

política de reconhecimento ao trabalho do senador Eunício Oliveira em prol do Cariri. O prefeito organiza as forças de oposição na região e está confiante no sucesso dos partidos que irão enfrentar à reeleição de Camilo

JUAZEIRO

Rebate

Donizete Arruda

Gilmar Bender quer rua de Juazeiro

Derrotado nas eleições de 2016, o empresário Gilmar Bender revela seus reais interesses em ser prefeito de Juazeiro. Numa estranha aliança com o secretário Antonio Balhman - adora projetos mirabolantes onde a sociedade sempre perde - Bender quer que o prefeito Arnon Bezerra dê a ele uma rua. Isso mesmo, uma rua para que ele possa fechá-la e aumentar seu terreno para alugar para a empresa de construção civil Carajás. O interesse privado se sobrepondo ao público em mais um negócio esquisito de doação de terreno, que até assassinato provocou em passado recente no Legislativo juazeirense. Numa atitude corajosa e digna, o secretário Luiz Ivan comunicou ao prefeito Arnon que não assinava a doação do terreno e por isso o projeto não poderia ser encaminhado ao parlamento. Em seguida, entregou seu pedido de demissão. Arnon não aceitou e desistiu de doar esse terreno, pondo fim a uma história que, com certeza, terminaria em escândalo em sua administração.

Camilo agora dialoga com Tasso

O governador Camilo Santana está em Brasília. Cumpre agenda em ministérios e se prepara para um encontro que considera fundamental para a sua reeleição ficar ainda mais tranquila. Camilo irá almoçar nesta terça-feira (10) no gabinete de Tasso Jereissati, em uma das torres do Congresso Nacional. O tête-à-tête não terá testemunhas e muito menos está confirmado na agenda dos dois caciques políticos do Ceará. Camilo pretende convencer o presidente nacional do PSDB da viabilidade de uma grande união em torno de sua candidatura à reeleição, assegurando espaços para os principais partidos e em cima de um projeto formulado por todos que estejam envolvidos nessa unidade a favor do Ceará, justifica o Governador.

União com Camilo está bem difícil

Tasso Jereissati reconhece gostar do jeito de Camilo. Considera um governador humilde, que sabe ouvir, respeita seus adversários e que trabalha pensando no coletivo. Discorda e não esconde essa posição de dependência excessiva dos Ferreira Gomes, especialmente do ex-governador Cid Gomes. Em outras conversas ocorridas em meses passados, Tasso disse a Camilo que não havia a menor possibilidade do PSDB apoiar sua reeleição, caso ele continuasse filiado ao PT. Essa condicionante se mantém e, atualmente, Tasso prefere unir as forças de oposição para enfrentar e derrotar Camilo, que ele considera ser o continuísmo de Cid e Ciro Gomes.

Tasso admite que Abolição não é sonho

Dentro de seu objetivo de unificar todos os partidos de oposição, incluindo o PMDB do presidente do Senado, Eunício Oliveira, Tasso reuniu em seu escritório, no prédio vizinho ao Shopping Iguatemi, na sexta (6), os principais líderes do movimento que acredita derrotar os Ferreira Gomes no Ceará. Lá, estiveram o vice-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa, os deputados federais Cabo Sabino, Genecias Noronha e Moses Rodrigues, além do presidente regional tucano, ex-senador Luiz Pontes, e do deputado estadual Capitão Vagner. Na pauta, a formação de uma chapa de oposição ainda este ano. A maior novidade foi a declaração de Tasso que, apesar de sua saúde inspirar cuidados, ele não descarta uma candidatura ao Abolição. Com Tasso candidato ao Governo, a vaga de vice iria para a ex-prefeita de Tauá, Patrícia Aguiar, e os dois candidatos ao Senado seriam Eunício Oliveira e Genecias Noronha. Outra alternativa seria Roberto Pessoa substituir Genecias. Capitão Vagner também é uma opção ao Senado.

Da Rússia, Eunício avisa que topa

Em Moscou, onde cumpre agenda oficial sendo recebido nesta terça (10) pelo presidente da Rússia, Vladimir Putin, o presidente do Senado, Eunício Oliveira, concedeu uma entrevista via WhatsApp à coluna, onde foi direto: pode escrever aí, no Jornal do Cariri, que faremos uma dobradinha. “Eu e Tasso iremos ser candidatos e sairemos vitoriosos das urnas, porque essa é a vontade do povo cearense”. A posição firme de Eunício, a favor de uma aliança com Tasso em detrimento de um acordo com o governador Camilo Santana, levou alegria aos partidos de oposição. Tão logo Eunício regresse de sua viagem internacional, no próximo dia 16, terá um encontro em Brasília com Tasso para definir os rumos eleitorais da oposição no Ceará

Secretária ameaça paz em Juazeiro

O clima tenso entre a administração Arnon Bezerra e a bancada de oposição na Câmara de Juazeiro do Norte parece estar controlado. A situação promete permanecer assim, desde que a secretária de Educação, Maria Loreto, permita. Em menos de um ano de gestão, a secretária já se indispôs com vários parlamentares. Nem a base do prefeito Arnon escapa do mau humor da secretária. A última vítima de Loreto foi o vereador Capitão Vieira Neto. Loreto teria destratado uma pessoa ligada ao vereador. O resultado foi pequenas críticas ao projeto Carajás, feitas por Vieira. Antes, a secretária foi grosseira com a vereadora Rita Monteiro, o que acabou colocando-a no bloco dos independentes. Vieira, Rita e pelo menos meia dúzia de aliados já teriam pedido a cabeça da secretária ao prefeito, que tenta segurá-la.

Argemiro prepara movimento pró-Eunício

O prefeito de Barbalha, Argemiro Sampaio, prepara uma grande mobilização política de reconhecimento do trabalho do senador Eunício Oliveira em prol da região do Cariri. Argemiro deve usar todo o seu prestígio de prefeito mais bem avaliado do Crajubar e busca um agradecimento público pela dedicação de Eunício ao Cariri. Até o prefeito do Crato, Zé Ailton Brasil, avalia o movimento como justo e necessário. Argemiro não fala abertamente sobre o assunto. O jovem prefeito barbalhense organiza as forças de oposição no Cariri e, mesmo mantendo a discrição, está confiante no sucesso dos partidos que irão enfrentar à reeleição de Camilo.

Urca em grave crise financeira

A doação do prédio do antigo Sesi do Crato para Universidade Regional do Cariri (Urca) passou da alegria ao pesadelo em poucos meses. O Governo do Estado adquiriu o prédio e o repassou para a Urca abrigar os cursos de Educação Física e Artes. Ocorre que o tempo passou e nenhum aluno pisou os pés no espaço para ter aula. A direção da Urca não mudou os cursos por falta de dinheiro e para colocar em dia contas de água e luz atrasadas. Os papéis são do tempo em que o prédio esteve fechado. Além da energia e da água, a Universidade estaria tendo problemas para fazer a pintura e limpeza do espaço para receber os cursos. Professores e alunos já se organizam para cobrar uma posição da Reitoria sobre o problema. O reitor Patrício Melo, que está fora do país fazendo doutorado, autorizou agenda para discutir com os líderes do movimento afim de encontrar uma solução. Assessores do Governo do Estado garantem que a responsabilidade é da Reitoria.

Traição é marca da administração

Jovem, o prefeito Diego Feitosa era a esperança de mudança em Missão Velha. O seu primeiro ano de mandato tem sido um desastre total. Rompeu com o vice, Lourinho, com o ex-prefeito Washington Fechine -determinante para sua vitória. A lista da traição não para de crescer: não satisfeito ainda traiu o deputado estadual Leonardo Araújo - fundamental em garantir sua candidatura no TRE do Ceará - e o próprio advogado Vicente Aquino, onde foi incapaz de agradecer a sua defesa com uma simples visita de cortesia. Essa atitude arrogante do prefeito Diego tem um custo alto. Sua administração é considerada uma das piores do Cariri. Indiferente a falta de aprovação popular, Diego permanece fazendo besteira

Disse me disse A vereadora Auricélia Bezerra era a favor da doação do terreno para Gilmar Bender e os vereadores Darlan Lobo e Davi Araújo, membros da Comissão que analisava a troca, os seus maiores opositores. A crise causada na Câmara pela secretária de Educação, Maria Loreto, vai além dos vereadores. Ela já atinge a própria Secretaria de Educação. Descontentes com a forma de tratamento de Loreto, vários coordenadores e diretores já teriam pedido a sua exoneração, motivados pelo mau humor da secretária. Outra tensão envolvendo vereador e secretária aconteceu entre a secretária de Saúde, Nizete Sampaio, e o vereador Cicinho Cabeleireiro. O vereador perdeu a cabeça e falou bobagens. Daí, perdeu a razão na discussão. A inauguração do novo Diretório do PSDB de Juazeiro do Norte mostrou um pouco da tensão que vem pela frente. A sigla deve ter dois candidatos a deputado federal: Manoel Salviano e o médico Rosemberg Freitas. O Ministério Público de Barbalha usou a Lei Orgânica do Município para recomendar a exoneração do filho do vereador Antônio Sampaio, da gestão Argemiro. Antônio Sampaio Júnior ocupa o cargo de adjunto na Secretaria de Desenvolvimento Econômico. Ele tem menos de 21 anos, o que é vetado por Lei municipal. No Crato, o sindicalista Júnior Matos assumiu uma cadeira na Câmara de Vereadores. Matos entrou na vaga de Dr. Mauricinho, licenciado 125 por questões de saúde. Ambos são do PDT, e Matos irá ser da base do prefeito Zé Ailton. Camilo pretende convocar o empresário Rafael Branco para uma conversa no Abolição. Quer que ele defina o lado que está e pare de jogar contra outros aliados do Governador. Desculpe a ignorância, o prefeito Diego Feitosa só sabe conjugar o verbo “trair” em sua administração em Missão Velha?

Proposta do novo Código Tributário gera polêmica

Arquivo JC

A

pesar da discussão estar apenas nos bastidores da Câmara e da Prefeitura, o projeto que versa sobre o novo Código Tributário de Juazeiro do Norte pode ser retirado de pauta, na Casa Legislativa, pela liderança do prefeito Arnon Bezerra (PTB). A polêmica estaria no aumento de impostos e tributos como ITBI (Imposto de Transmissão de Bens Imóveis), IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) e ISS (Imposto Sobre Serviços). Entre os mais preocupados com o nível de aumentos e possíveis impactos na economia do Município está o presidente da Câmara, vereador Gledson Bezerra (PMN). Ainda na sessão do dia 3, quando o projeto deu entrada na Casa, o presidente iniciou uma série de observações sobre a matéria que tramita na Comissão de Orçamento, Finanças e Fiscalização. Para Gledson, o projeto prevê várias mudanças no atual modelo de arrecadação, que podem prejudicar categorias e penalizar contribuintes com aquisitivo mais baixo. O presidente exemplifica o caso do ISS que, para algumas categorias, deve sofrer aumentos de até 100%, saltando de 2% para 4%. O presidente Gledson se

aumento de impostos como ITBI, IPTU e ISS desagrada vereadores e população

refere, entre outros, ao caso de profissionais da Saúde, como médicos, enfermeiros, veterinários, além dos serviços de hospitais e clínicas, que podem ser penalizados com uma carga tributária maior. A medida deve atingir ainda escolas e faculdades particulares. O presidente Gledson teme pelo repasse dos reajustes aos consumidores, aumentando ainda mais a crise financeira, com o aumento da inadimplência. Gledson fala que existem muitos passivos a serem executados pela Procuradoria, como alternativa para melhorar a arrecadação, sem aumentar impostos. A polêmica tomou corpo na sessão do dia 5, quando os vereadores Darlan Lobo (PMDB) e Capitão Vieira (PEN) entraram na discussão. Darlan discorda de al-

guns reajustes e cobranças das alíquotas diferenciadas, previstos no projeto. O vereador chama a atenção para a cobrança do IPTU que, para ele, não fica clara como será realizada. Com o novo código, devem ser cobrados IPTU de aposentados, servidores municipais e viúvas, que antes estavam entre as isenções concedidas pela Lei. O secretário de Gestão, Evaldo Soares, seria convidado a comparecer na Câmara para explanar sobre o projeto, mas o requerimento foi derrubado após pedido de destaque. Para o vereador Capitão Vieira, várias cobranças não ficam claras e as emendas abrem margem para que a Secretaria de Finanças cobre à sua maneira. Vieira sugeriu a contratação de técnicos especializados no assunto para

Leia rápido

condenação retroativa

STF reavalia aplicação da Lei da Ficha Limpa

Os políticos com mandatos nos poderes Executivo e Legislativo de Crato, Juazeiro do Norte e Barbalha não têm demonstrado preocupação com a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) em validar a aplicação da “Lei da Ficha Limpa” para casos de condenações anteriores a 2010. Por enquanto, não foram registrados casos de possíveis perdas de mandatos com a decisão. Apesar de retroagir, a Lei poderá punir apenas casos tramitados em julgado. Em casos de condenações de prefeitos, por exemplo, é preciso que o gestor tenha as contas desaprovadas pelas Câmaras Municipais. Casos como o do ex-prefeito de Crato, Samuel Araripe (PSDB), que teve uma das contas desaprovadas pela Câmara, continuam à espera de decisão da Justiça. Além disso, Samuel não ocupa cargo no momento. Nos casos voltados aos legislativos, recentemente, a Câmara de Juazeiro foi campeã de afastamentos e perda de mandatos. Na legislatura passada (2013-2016), três parlamentares foram afastados, sendo um preso por desvio de recursos públicos,

improbidade e formação de quadrilha. Em nenhum dos casos, os parlamentares voltaram ao Legislativo. O presidente da Câmara de Juazeiro, vereador Gledson Bezerra (PMN), disse concordar com a decisão do STF. Gledson concorda com as justificativas dos ministros Luiz Fux e Carmem Lúcia, presidente da Corte, quando dizem que as condenações antes de 2010 podem ser consideradas como vida pregressa, podendo ser aplicada. O presidente chama a atenção para o fato dos políticos de Juazeiro não serem afetados pela decisão. O prefeito de Barbalha, Argemiro Sampaio (PSDB), destaca que a política da cidade tem produzido bons nomes para o Parlamento e Executivo. O prefeito lembra que o Município, apesar das muitas denúncias contra ex-prefeitos, não tem registro de ocupantes de cargos eletivos que se enquadrem na Lei da Ficha Limpa. O presidente da Câmara de Crato, vereador Florisval Coriolano (PRTB), também ressaltou o fato da Câmara estar limpa e não ser atingida pela decisão do STF. Florisval admi-

esclarecer as questões aos vereadores, para que se tenha a certeza do que estão votando. Diante da polêmica anunciada, o líder do prefeito na Câmara, vereador Adauto Araújo (PSL), articulado com o presidente Gledson e o prefeito Arnon, marcou uma reunião entre os vereadores, técnicos da Prefeitura e profissionais indicados pela Câmara. O encontro está marcado para essa quarta-feira (11), no anexo da Casa. A reunião será decisiva para que o projeto seja encaminhado ao Plenário da Câmara para votação. A expectativa é que várias emendas sejam apresentadas e discutidas no encontro. Em caso de não haver entendimento, a base do prefeito ameaça pressionar a Procuradoria-Geral da Prefeitura para retirar o projeto.

tiu ser o único vereador, no exercício do mandato, que teve problemas com a Justiça Eleitoral. Florisval foi condenado em 2006 e ficou inelegível até 2014 e, portanto, pagou a pena imposta pela Justiça. Durante a sessão do STF, a decisão foi aprovada com seis votos favoráveis e cinco contrários. O resultado apertado acabou gerando polêmica e a Corte anunciou que deve voltar à discussão. Na sessão de reanálise, será avaliada a preocupação do ministro Lewandowski, que proferiu um dos votos contrários a aplicação retroativa por acreditar que a decisão afetará, inclusive, o coeficiente eleitoral. A Corte espera um levantamento mais detalhado ficou de ser feito pela Justiça Eleitoral. Reconheceram a constitucionalidade da aplicação retroativa do prazo de oito anos os ministros Luiz Fux, Edson Fachin, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber, Dias Toffoli e a presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia. Ficaram vencidos os ministros Ricardo Lewandowski, relator, Gilmar Mendes, Alexandre de Moraes, Marco Aurélio e Celso de Mello.

A Secretaria de Educação de Juazeiro do Norte realizou um encontro entre merendeiras e auxiliares lotadas na rede municipal de ensino, para formação das profissionais e implementação de novas receitas e cardápios de forma mais nutritiva. De acordo com a Gerência da Alimentação Escolar, os depósitos estão abastecidos até o fim do ano letivo. A capacitação também busca evitar desperdício dos alimentos.

O vereador barbalhense André Feitosa enviou ofício ao secretário adjunto do Governo, Fernando Santana, solicitando a extensão do Programa CNH Popular para Barbalha. O edil ressalta que o benefício permite o acesso à primeira habilitação, de forma gratuita, pelas pessoas com baixo poder aquisitivo.

O vereador Tarso Magno pediu providências ao Executivo de Juazeiro em relação às cozinhas comunitárias. De acordo com o edital, a população denuncia que alguns equipamentos estão sem funcionar, mesmo havendo verba específica mensal sendo enviada pelo Ministério do Desenvolvimento Social.

Encabeçada pelo promotor Davi Moraes, uma audiência pública debateu adequações ao transporte escolar de Crato. Na ocasião, ele ouviu as demandas da comunidade escolar e informou que um TAC foi assinado com a Secretaria de Educação do Município, para que as empresas contratadas para prestar o serviço se adéquem às normas de segurança exigidas.


4

Região do cariri, De 10 A 16 DE OUTUBRO de 2017

anos

Política

fecomércio pode instalar unidades do Sesc e Senac em Barbalha. Serviços já funcionam em Crato e Juazeiro.

doação de rua Divulgação

Chapada Madson Vagner

Justiça cega

Os políticos que têm cargos eletivos no Cariri estão, literalmente, desdenhando da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que, por seis votos a cinco, validou a aplicação da “Lei da Ficha Limpa” para casos anteriores a 2010. Nada que preocupe, já que nenhum ocupante de cargo eletivo teve processo tramitado em julgado ou a desaprovação de contas por Câmaras de Vereadores, apesar de muitas terem sido reprovadas pelo extinto Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). O mesmo STF decidiu que os Tribunais de Contas não tinham poder para desaprovar contas. Durante a sessão do STF, no dia 4 último, a preocupação do ministro Ricardo Lewandowski foi com a possível cassação de centenas de vereadores, prefeitos, além de deputados estaduais e federais. A previsão foi para todo o país e ele achou muito. Tempo perdido!

E o TCM, volta?

A decisão sobre a volta do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) deve acontecer nesta semana. A sessão do Supremo Tribunal Federal (STF), no último dia 5, que analisava pedido de liminar feito pela Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), foi suspensa pela presidente da corte, ministra Cármen Lúcia. Faltam apenas as considerações finais para que o pedido de liminar seja votado pelo plenário da Corte. A matéria tem o ministro Marco Aurélio como relator e o relatório da procuradora-geral da República (PGR), Raquel Dodge, é pelo deferimento da medida cautelar. Ou seja, há chances claras do TCM voltar. O órgão foi extinto por uma emenda à Constituição, aprovada em agosto pela Assembleia Legislativa do Estado. O caso é tratado como perseguição política.

Rompimento anunciado

O clima político em Tarrafas mudou nos últimos dias. O vice-prefeito Cícero Palácio (PT) anunciou o rompimento com o prefeito Taiano Araújo (PP). Cícero acusa Taiano de agir sob o comando do seu pai, o ex-prefeito Tertuliano Candido, atual chefe de Gabinete. Segundo o vice-prefeito, ao questionar o poder de Tertuliano, começou a sofrer boicote. Cícero alega que, como secretário de Educação, não era chamado para reuniões administrativas comandadas por Tertuliano. Com o rompimento, Cicero entregou o cargo de Secretário e prepara uma série de denúncias contra a gestão. Cícero garante que não ficará pedra sobre pedra, depois de encaminhar a vasta documentação ao Ministério Público do Estado e Federal. Há um temor por denúncias de fraudes em diversos setores. Na cidade, o clima é de tensão.

Tudo pelo poder

Com o rompimento entre o vice-prefeito de Tarrafas, Cícero Palácio (PT), e o prefeito Taiano Araújo (PP), o líder petista, Neto Alcântara, decidiu ficar do lado do poder. Neto vai continuar no apoio ao prefeito Taiano e promete trabalhar para mantê-lo na base do governador Camilo Santana (PT). Mas a tarefa de Neto não é fácil. Na briga pelo apoio de Camilo, o vice-prefeito conta com a força do deputado José Guimarães (PT) e da deputada estadual Mirian Sobreira (Pros), ambos aliados fortes de Camilo. Já o prefeito Taiano parece estar sozinho. Ele andou prometendo votos para o deputado Audic Mota (PMDB) e a notícia já chegou ao Abolição. A crise na gestão fortalece a oposição, comandada pela ex-prefeita Teca Lopes (PR), que avalia o rompimento como uma divisão de forças. Na cidade, a tendência é que Neto e Taiano fiquem sozinhos.

Gilmar Bender só pensa em seus próprios negócios O

secretário de Meio Ambiente e Serviços Públicos de Juazeiro do Norte, Luiz Ivan, acusa o empresário e ex-candidato a prefeito de Juazeiro do Norte, Gilmar Bender, de tentar se dar bem com a aprovação do projeto para doação de uma rua em detrimento do interesse público da população juazeirense. Bender pretende fechar o logradouro e aumentar seu terreno para alugar à empresa Carajás Home Center. Ao defender o interesse público, Luiz Ivan diz não ter garantia de que o empresário cumpriria o acordo de

doar duas creches em troca da rua localizada no bairro Campo Alegre, por isso, enquanto titular da Semasp, não assinará a doação. Segundo informações, a interferência causou uma tensão entre Bender e o secretário. Decidido a agilizar a implantação e passar por cima do secretário Luiz Ivan, Bender estaria articulando com o secretário de Assuntos Internacionais e deputado federal licenciado, Antônio Balhmann (Pros), junto ao grupo dos irmãos Cid e Ciro Gomes, para convencer o prefeito Arnon Bezerra e garantir a aprovação do projeto na Câmara. No

entanto, o prefeito acatou a decisão do secretário Luiz Ivan, seu irmão, e viajou sem assinar o projeto, que está sob a responsabilidade da Procuradoria do Município. A doação de terrenos, que já até provocou assassinato no Legislativo, num passado recente, voltou a gerar polêmica e tensão em Juazeiro. O projeto para doação da rua deu entrada na Casa durante a sessão do dia 28 de setembro, mas acabou sendo retirado na sessão do dia 3 de outubro, sob a alegação de corrigir atecnias. Após as correções, projeto deveria retornar à Câmara na sessão desta

Mais rompimento

O vereador de Araripe, conhecido como Zé Gordinho (PMDB), encerrou sua lua de mel com o prefeito Giovane Guedes (PR). Segundo informações, o vereador, que foi o mais votado nas eleições de 2016, reclama de falta de atenção da gestão. Zé Gordinho não esconde o descontentamento com o prefeito Giovane, nem sua nova posição ao lado do bloco de oposição, liderado pelos vereadores Roberta Almino e João de Vilma, ambos do PDT. Zé Gordinho deve, inclusive, seguir o bloco na votação ao homem de confiança do governador Camilo Santana, o adjunto Fernando Santana para deputado estadual. O prefeito não comenta o rompimento e trabalha para manter a maioria na Câmara e evitar problemas com a aprovação dos seus projetos. Por enquanto, a situação parece sob controle, mas aliados advertem: não se pode descuidar!

Pé de guerra

A Câmara e a Prefeitura de Várzea Alegre parecem estar em rota de colisão. Um dos vereadores mais influentes do Legislativo e fundamental às pretensões da gestão municipal está abandonando o prefeito Zé Helder (PMDB). Márcio Henrique (PTdoB) disse não aguentar mais tanta desorganização e abandono do interesse público. Outro alvo das críticas do vereador Márcio é o presidente da Câmara, vereador Alan Salviano. Recentemente, Alan tentou permutar um terreno da Casa, no Centro da cidade, por outro na periferia. O pronunciamento, em tom de revolta, convenceu outros colegas de parlamento e Márcio comandou a desaprovação da permuta. A atuação contundente tem preocupado a base aliada, que acusa Márcio de chamar a atenção porque quer ser candidato a prefeito em 2020.

Enquanto isso... ... Em Salitre, a festa foi para o ex-prefeito Agenor Ribeiro (PSDC), que assumiu uma vaga na Assembleia Legislativa. O presidente Zezinho Albuquerque (PDT) empossou, no dia 3, os suplentes Agenor Ribeiro e Nizo Costa (PMB). Os dois parlamentares fizeram parte da coligação PTN-PPSPSDC, na disputa de 2014. ... Agenor Ribeiro assumiu no lugar do deputado Julinho (PDT), licenciado por 120 dias. Durante a posse, Agenor ressaltou que sua região, o Cariri Oeste, é carente de representantes na Casa. Agenor denunciou a desigualdade na concorrência entre os candidatos durante as eleições. ... O início da fiscalização do Tribunal de Contas do Estado (TCE) mostrou a realidade da falta de transparência nas gestões de Prefeituras e Câmaras, que insiste em acontecer. Um levantamento identificou 53 Câmaras e 11 Prefeituras onde os Portais de Transparência funcionam em desacordo com a Lei da Transparência.

... No Cariri, uma Prefeitura e outras 14 Câmaras compõem a lista dos irregulares na transparência. A prefeitura de Salitre e as Câmaras de Abaiara, Altaneira, Antonina do Norte, Araripe, Barbalha, Caririaçu, Crato, Jati, Lavras da Mangabeira, Milagres, Nova Olinda, Salitre, Santana do Cariri e Tarrafas devem ser acionadas judicialmente.

Leia rápido

FECOMÉRCIO

Prefeito envia projeto à Câmara para doar prédio Joaquim Júnior O antigo prédio do Centro Social Urbano (CSU), em Barbalha, foi o local escolhido para sediar as unidades do Serviço Social do Comércio (Sesc) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). A doação do local para a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Ceará (Fecomércio) depende, agora, da aprovação de um projeto do Executivo de Barbalha pela Câmara Municipal. De acordo com o prefeito de Barbalha, Argemiro Sampaio, a implantação dos equipamentos é um sonho antigo, que começou a ser construído após ter vencido as eleições no último ano. Com isso, reuniões e planos foram traçados até que, na última semana, o gestor recebeu na cidade o presidente da Fecomércio, Luiz Gastão, que mostrou o interesse em implantar na cidade as unidades, que oferecem serviços voltados ao desenvolvimento cultural e socioeconômico. Segundo o prefeito, a doação será feita com cláusula de reversão, que assegura a Fecomércio com relação à posse do prédio, mesmo com a mudança de gestão, como também dá segurança ao Muni-

terça-feira (10), mas sem assinatura do prefeito, o retorno está indefinido. O projeto versa sobre concessão de incentivo para a empresa Carajás Home Center. O incentivo, baseado na concessão de área por 30 anos, visa atrair a empresa que promete gerar 650 empregos diretos e indiretos. A assessoria da empresa Carajás Home Center, lembrou que o grupo tem mais de 40 anos no mercado, está presente em outros dois estados do Nordeste e pretende construir uma loja em Juazeiro do Norte, com cerca de 200 mil metros quadrados de área coberta.

Serena Morais

luiz Gastão, presidente da Fecomércio, esteve no Cariri para discutir instalação de unidades

cípio no que diz respeito à instalação dos equipamentos. Em caso de desistência de continuar no Município, por exemplo, o prédio não poderia ser vendido e, assim, voltaria à posse da Prefeitura. “Isso é uma garantia que o povo de Barbalha vai ter de equipamentos que investem na sociedade. Estou muito feliz com essa conquista”, afirma Argemiro, enquanto aguarda a chegada de uma carta de intenção, encaminhada pela Fecomércio, falando sobre sua contribuição para a cidade de Barbalha. Tanto o Sesc como o Senac já atuam no Cariri, com sedes nos municípios de Juazeiro do Norte e Crato. O primeiro promove ações no campo da

educação, saúde, cultura, lazer e assistência. Já o Senac conta com cursos técnicos de capacitação e aperfeiçoamento voltados ao mercado de trabalho. Sobre a instalação em Barbalha, o que se sabe, até o momento, é que a Federação se comprometeu a fomentar a prática do esporte no Município e a apoiar a Casa de Acolhimento, que abriga crianças carentes para adoção. O lançamento oficial dos projetos deve ser feito após a aprovação na Câmara, mais precisamente no mês de novembro, durante a Mostra Sesc. A previsão é que, no próximo ano, ao menos uma das duas unidades já esteja em funcionamento.

Em Crato, o titular da Controladoria e Ouvidoria Geral, Otoni Lima, comemora a inclusão do Município nos parâmetros estabelecidos pelo TCE. Ano passado, a cidade estava na 124ª colocação do órgão, havendo diversas cobranças do Ministério Público e cidadãos pela falta de clareza na prestação de contas municipais.

A Secretaria Estadual de Saúde divulgou análise do 4º período (julho e agosto) do monitoramento das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti no Ceará. Várzea Alegre se destacou atingindo cobertura de 82,62% de visitas nos imóveis, se classificando como município de baixo risco. Para o secretário de Saúde, Ivo Leal, os resultados são frutos das ações do Comitê Municipal de Combate às Arboviroses.

O prefeito municipal de Caririaçu, Edmilson Leite, anunciou uma reforma no Mercado Público Municipal. A obra inclui a recuperação do piso, dos banheiros, telhado, pintura, revestimento cerâmico, etc. A última reforma ocorreu no mandado passado de Edmilson.

A ANEEL mudou a bandeira tarifária das contas de luz, que passou a ser a vermelha, patamar dois. A tarifa é a mais cara do modelo e representa a cobrança de taxa extra de R$ 3,50 a cada 100 KW/H consumidos. Em setembro, a bandeira amarela cobrava R$ 2 extras. A agência explica que a operação de mais usinas térmicas aumenta o custo de produção da energia nessa época do ano.


Região do cariri, De 10 A 16 DE OUTUBRO de 2017

5

anos

Metropolitana

zona Azul chega à Barbalha

e, até o final do ano, cerca de 22 ruas já contarão com o sistema de estacionamento rotativo

MORTALIDADE

Crajubar registra 170 óbitos infantis e fetais no ano de 2017 Serena Morais

Joaquim Júnior

S

ecretarias de Saúde dos municípios da região buscam combater a mortalidade infantil e materna, através do planejamento de ações que envolvem profissionais da área junto à comunidade. Informações apontam que, entre o ano passado e este, houve redução no número de mortes. No município cratense, o coeficiente de mortalidade infantil diminuiu de 14,95, a cada 1.000 nascidos vivos em 2016, para 11,11 por 1.000 NV em 2017. Em Juazeiro, a média é de 14 óbitos para cada 1000 partos. Levando em m consideração o valor de referência de óbito infantil, de 19 óbitos para cada 1.000 e nascidos, o Município está a dentro da média. e Do início do ano a 21 de o setembro, foram registra0 dos 32 óbitos em Crato, sena do 16 de crianças com idade menor de um ano, nove com A u 0 - LEI DO ACOMPANHANTE e e s Até o mês de dezembro

acompanhamento na gestação garante expectativa de vida às mães e crianças

menos de sete dias, três com idade entre sete e 27 dias e quatro com 28 dias a um ano. Em Juazeiro do Norte,

o Hospital Maternidade São Lucas registrou 23 óbitos infantis e 32 fetais nos oito primeiros meses de 2017. Já

em Barbalha, desde o primeiro dia do ano até o dia 5 de outubro, o Hospital Maternidade São Vicente

de Paulo registrou quatro óbitos maternos, 26 fetais e 57 infantis. De acordo com a assessoria do Hospital São Lucas, o local possui uma UTI Neo com 10 leitos e uma unidade de cuidados intermediários com 14 leitos. Dessa forma, a quantidade de óbito infantil está dentro da normalidade, por se tratar de unidades que atendem pacientes graves. Para a redução dos óbitos, a unidade se utiliza do método Padovan na UTI, que ajuda na parte motora dos recém-nascidos, e da Comissão de Óbito, que sinaliza a coordenação médica da UTI e a coordenação da atenção básica quando ocorre algum óbito infantil evitável. De acordo com Danielle Norões, coordenadora da Vigilância Epidemiológica e Imunização da Secretaria de Saúde de Crato, os números mudam diariamente, à medida que aumentam os registros de nascidos vivos e óbitos. Como informou,

a tendência do indicador é de diminuição até o final do ano. “A redução reflete diretamente na qualidade da Atenção em Saúde, ou seja, pode significar uma melhora da qualidade da Atenção Básica com melhora da assistência à mulher no ciclo gravídico puerperal”, menciona. Assim como apresentou Danielle, o Secretário de Saúde do Crato, André Barreto, destacou as ações do Comitê de Investigação de Mortalidade Materna, Infantil e Fetal e a implantação da UTI Neonatal no Hospital Maternidade São Francisco como fatores que contribuíram para a diminuição dos índices negativos no Município. “Diante dos registros de eventos fatais procura-se identificar quais causas levaram a mãe ou a criança ao óbito e, diante dessa investigação, identificar as fragilidades e definir as ações para evitar que situações semelhantes voltem a acontecer”, finaliza.

Maternidade tem até dezembro para se adequar a TAC de 2017, o Hospital e Maternidade São Francisco, em Crato, deve passar por algumas adequações no setor neonatal. Recentemente, a instituição assinou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público Federal e o Município, no sentido de garantir o cumprimento da lei que permite a presença de um acompanhante, indicado pela gestante, durante o trabalho de parto. A Lei do Acompanhante, em vigor desde 2005, é desconhecida por uma parcela da sociedade, segundo os profissionais de saúde. O secretário André Barreto, titular da pasta de Saúde do Crato, afirma que as equipes de saúde da fa-

mília vão realizar ações de informação sobre esse direito. O trabalho de parto compreende antes, durante e pós-parto (período por até 10 dias), sendo assim, a Lei deve se aplicar no prazo nos hospitais particulares ou públicos. Em agosto, o Hospital e Maternidade São Francisco passou por vistorias que constataram o desrespeito a essa lei. De acordo com André Barreto, a unidade hospitalar se comprometeu a fixar divisórias individuais nos leitos de pré-parto, admitir a presença de acompanhante de livre escolha, tanto no parto normal quanto no cirúrgico, e destinar quartos privativos às mulheres que escolherem acompanhantes do sexo

Divulgação

tac garantirá presença de acompanhante, indicada pela gestante, durante o trabalho de parto

masculino para o pós-parto. O TAC tem um prazo de 90 dias para as adequações. A enfermeira Maria do Rosário destaca a importância da presença de um acompanhante no momen-

to do parto. “Uma pessoa de confiança dará a mulher muito mais tranquilidade e atenção na hora do parto. Esse carinho recebido é super interessante. Com a grávida mais tranquila e se

sentindo segura ao lado de uma pessoa conhecida, o parto pode ser mais curto e menos traumático, evitando uso de medicamento. O medo de entrar numa sala sem alguém conhecido faz

com que muitas mulheres programem seus partos (cesarianas)’, enfatiza. Ela lembra, ainda, que as pacientes devem se prevenir quanto à possibilidade de o hospital impedir o acesso de um acompanhante no parto. O primeiro passo pode ser dado entrando em contato com a ouvidoria do hospital. “Se o problema persistir, formalize queixa no Ministério Público de sua cidade. Outra opção é ligar para a Ouvidoria Geral do SUS (136). As assessorias de imprensa do Hospital e Maternidade São Lucas, em Juazeiro do Norte, e do Hospital e Maternidade São Vicente, em Barbalha, garantem que as instituições cumprem a Lei do Acompanhante”.

ZONA AZUL

Barbalha vai implantar estacionamento rotativo Barbalha será o próximo município do Cariri a adotar o sistema de estacionamento rotativo, o Zona Azul. O principal objetivo do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) é dar mais fluidez no trânsito, principalmente no centro da cidade. De acordo com o órgão, o sistema será implantado em 22 ruas, até o final do ano. O valor cobrado será semelhante ao praticado em outros municípios. O consumidor pagará R$ 2 e poderá utilizar a vaga por até duas horas. O diretor do Demutran de Barbalha, Fábio Luiz Macedo Coelho, conta que o projeto de instalação do sistema de esta-

sistema de Zona Azul será implantado em 22 ruas de Barbalha

cionamento rotativo está bem adiantado. “Nós já fizemos o levantamento das ruas que te-

rão Zona Azul, da quantidade de vagas destinadas a idosos e deficientes e também dos lo-

gradouros que passarão a ser sentido único. Toda a documentação está sendo prepa-

rada e o nosso próximo passo é realizar campanhas educativas para que os condutores se adaptem às mudanças”, explica Fábio Luiz Macedo. Entre as ruas contempladas com o Zona Azul estão a 7 de Setembro, Coronel João Coelho e Princesa Isabel. A novidade tem dividido a opinião dos barbalhenses. Para José Costa, que é gerente de uma loja de roupas no centro da cidade, a implantação do sistema rotativo é uma boa alternativa para desafogar o trânsito. “Muitos clientes, às vezes, precisam deixar o carro distante para vir comprar aqui na loja. Acredito que com o Zona Azul vai melhorar

bastante o fluxo de veículos e até impulsionar o comércio local”, diz José Costa. Já o universitário Ailton Lima Mendes acredita que a mudança pode comprometer a disponibilidade de vagas para motocicletas. “O que a gente vê em outras cidades é que quando implantam o Zona Azul fica complicado encontrar vaga para estacionar a moto. Acontece isso em Crato, Juazeiro e eu acredito que, em Barbalha, não será diferente. É importante que o Demutran fique atento a essa questão, para que os motociclistas não sejam prejudicados”, aponta Ailton Lima Mendes.


6

anos

Informe Publicitรกrio

Regiรฃo do cariri, De 10 A 16 DE OUTUBRO de 2017

D


Região do cariri, De 10 A 16 DE OUTUBRO de 2017

Êxpo

7

anos 12 DE OUTUBRO

dia do professor

Programação especial

Célia Morais recebe

traz lazer para criançada

justa homenagem

1

2

(1) HOMENAGEM A professora aposentada Célia Morais foi uma das homenageadas em alusão ao Dia do Professor. O IFCE de Juazeiro reconheceu, entre outros, o papel vanguardista dela no processo de educação de crianças com deficiência.

(2) CASAMENTO O casamento de Paulo José Martins, empresário do ramo de jóias, com a engenheira Mikaelly Figueiredo, foi celebrado por amigos e familiares no último final de semana. Tanto a cerimônia religiosa como a recepção ocorreram no Buffet Lagarta Pintada, em Crato.

4 (3) CORRIDA A galera da escola de idiomas Wizard participou da Corrida Inclusiva e Inovadora do Cariri, que aconteceu no Cariri Garden Shopping no último domingo (8). Na foto, eles abraçam o mascote do shopping, o romeirinho Ciço.

3

(4) ANIVERSÁRIO O jornalista Washington Feitosa comemora mais um ano de vida nesta quarta-feira (11). Parabéns, querido!

alimente essa causa

Restaurante faz campanha para ajudar Casa São Bento Amanda Salustiano

A

insuficiência de vagas no único setor oncológico da região do Cariri, no Hospital São Vicente de Paulo, em Barbalha, fez com que diversos pacientes procurassem tratamentos em outras cidades e até em diferentes estados. A dolorosa experiência de quem teve que sair de seu lar e de perto de seus familiares para enfrentar um tratamento contra um câncer embasa a luta de uma empresária cratense, que lançou a campanha “Outubro Rosa - Alimente essa causa”, no intuito de angariar verbas para a Casa de Apoio São Bento. A unidade acolhe pacientes e acompanhantes adultos, que não têm condição financeira de custear alojamentos no município durante o tratamento oncológico. Até o dia 31 desse mês, o restaurante Terraço São Bento, em Crato, reverte 10% da venda do seu principal prato, o Filé à Parmegiana com Risoto Calabrês” para a Casa de Apoio São Bento. Para a empresária Marcilene Xa-

instituição acolhe pacientes que fazem tratamento de saúde

vier, o pequeno gesto é uma forma de contribuir para a continuidade do trabalho da instituição. A identificação com a causa resulta da própria experiência no combate à doença. Desde março, ela faz tratamento contra um câncer de mama em São Paulo. Sem previsão de retorno, ela relata a dor de passar pelo tratamento longe de seu lar, amigos, parentes e trabalho. E deseja que mais nenhum paciente tenha que sair da região para ter acesso ao tratamento oncológico. “Embora o que os médicos mais recomendam para minimizar os impactos emo-

cionais da doença seja ficar o mais próximo da rotina, isso não ocorreu comigo. Tive que suportar a quimioterapia, os efeitos colaterais dela, tudo longe de casa. Na minha família, uma prima também tem tido dificuldades em seu tratamento. Sem conseguir vaga em Barbalha, ela foi encaminhada à Fortaleza. Mesmo com todo o desconforto das sessões de “químio”, que eu posso afirmar que é uma experiência de quase morte mesmo, ela ainda tem que enfrentar uma viagem de ônibus ao Crato, para só assim descansar”, relata Marcilene.

A empresária conta que ao conhecer o trabalho da Casa de Apoio São Bento, logo associou o nome ao de seu restaurante e ao santo de devoção. Ela destaca que a instituição, ligada ao Hospital São Vicente, oferece seis refeições diárias, o que é fundamental para minimizar os efeitos colaterais do tratamento. “Minha preocupação é que o hospital não se estabeleça financeiramente e encerre suas atividades, fazendo com que as pessoas do Cariri tenham que se direcionar à Fortaleza. Isso será uma luta pra mim, para que ninguém passe pelo que eu estou passando. Eu reconheço que o poder público deve cumprir seu dever com a saúde pública, mas a doença não espera. Então, espero que a iniciativa sirva de espelho aos demais empresários e mobilize muitas pessoas”, salienta. De acordo com o assessor jurídico do Hospital São Vicente, Amílcar Leite, a Casa é a única que acolhe adultos em tratamento oncológico, já que as demais são voltadas aos pacientes pediátricos. A instituição é mantida pelo

próprio hospital, que não tem condição financeira de ampliar a estrutura. Atualmente, ela dispõe de 23 leitos para os pacientes e seus acompanhantes. Todos estão ocupados. Segundo o assessor, os acolhidos contam com as refeições, ajuda espiritual, assistência médica, psicológica, segurança e transporte para o percurso de suas cidades a Barbalha e vice-versa. Ele ressalta, ainda, que o hospital tem cumprido com a demanda local, após um incremento no teto do setor oncológico. Com isso, em até 60 dias após o diagnóstico, os pacientes têm iniciado o tratamento oncológico. Do final do ano passado até março deste ano, a unidade estava com insuficiência financeira e, por isso, encaminhou alguns casos para Fortaleza. No entanto, a demanda em busca de tratamento tem crescido tanto no hospital quando por acolhimento na Casa. “O tratamento oncológico do hospital é ambulatorial. Sendo assim, os pacientes apenas fazem a sessão e aqueles que moram em ci-

dades distantes da macrorregião, e não tem condição de custear hospedagem, são acolhidos na Casa durante a semana de tratamento. Depois, o transporte institucional o leva para suas cidades. A instituição é mantida pelo hospital e doações. As faculdades Leão Sampaio e de Medicina de Juazeiro recolhem alimentos e nos doam. Mas estamos abertos a todos aqueles que tiverem boa vontade para doar alimentos, materiais, etc. Também agradecemos a iniciativa do Terraço São Bento e convidamos a população para ajudar a “alimentar essa luta”, finalizou Amílcar. O restaurante Terraço São Bento fica na Avenida Teodorico Teles S/N, esquina com a Rua Coronel Raimundo Lobo, São Miguel, Crato/ Ce. Contato: (88) 3521-8799. Já para doar diretamente à Casa de Apoio São Bento, localizada na Rua da Matriz, 14, Centro de Barbalha, as doações também podem ser feitas pela conta bancária do Hospital São Vicente: C/C 8000-4; Ag 1024-3, Banco do Brasil.

PÚBLICO INFANTIL

Dia das Crianças regado à diversão e arte Joaquim Júnior Nesta quinta-feira (12), é comemorado o Dia das Crianças. No Cariri, uma programação especial está prevista para acontecer durante toda a semana. De exibições de filme a espetáculos circenses, de brincadeiras a oficinas de perna-de-pau, de banho de piscina a show de talentos, o que não falta é opção para a criançada. Muitas delas, inclusive, gratuitas!

Após temporada em Fortaleza, o Le Cirque Amar chega ao Cariri pela primeira vez. O circo está instalado em Juazeiro do Norte e conta com artistas de países como Brasil, Russa, França, Itália, México e Argentina. “Nosso show é uma proposta moderna, diferenciada. Trouxemos o estilo europeu e deu certo por onde passamos”, explicou Bryan Stevanovich, um dos diretores. No dia 12, como informou, acontece um espetáculo

extra, no período da tarde. Para quem gosta de música, o Cariri Garden Shopping realiza o Talento Musical Garden Kids, que acontece por etapas. Em Barbalha, o Balneário do Caldas contará com a presença de palhaços com brincadeiras, recreação e sorteio de brindes. Já no Arajara Park, a programação de outubro conta com momentos de contação de história, encontro com autores e personagens da literatura

e apresentações musicais dos artistas mirins que brilharam durante o Festival de Talentos Kids 2017. Já em Crato, a Comunidade do Gesso também prepara programação com maracatu, cortejo, contação de histórias, brincadeiras e fantasias improvisadas. A organização procura voluntários para a comemoração. Interessados, tratar com Alexandre Lucas através do telefone (88) 99679-2889.

Além disso, instituições de fomento à cultura, como o Centro Cultural do Banco do Nordeste e Serviço Social do Comércio, realizam atividades voltadas ao público infantil. Durante o dia 12, no CCBNB, acontecem oficina de perna-de-pau, espetáculo de mágica, pintura de rosto e passeio de trenzinho. Para Deivid de Araújo, o melhor momento, possivelmente, será o show de mágicas. “Sempre gostei

de ver mágica e quero muito poder participar do espetáculo”, mencionou. A unidade Sesc Juazeiro realiza apresentações infantis dentro do Projeto Arte em Cena Sesc. “A temática abrange todas as idades. São apresentações lúdicas, com mensagens positivas para a construção de valores para a sociedade”, enfatizou Françoi Alcântara, técnica de cultura do Sesc. A classificação é livre e a entrada é gratuita.


8

Região do cariri, De 10 A 16 DE OUTUBRO de 2017

anos

Toque de Primeira

ATLETISMO Divulgação

Azulão da Princesa A última semana foi de mudanças no Crato Esporte Clube. Por conta da crise financeira que o time enfrenta, o técnico Wanks deixou o time e quem passou a comandar o Azulão da Princesa foi Orlando Caulin. O técnico já teve passagens pelo clube e, agora, retorna disposto a contribuir para que o time suba para a Segunda Divisão do Cearense. O empresário Rafael Branco continua ajudando a equipe e, inclusive, tem trazido reforços para o elenco. Entre as novas contratações estão o meia atacante Davisinho, o goleiro Natan e o lateral Raniel. O clube negocia com a Prefeitura para tentar custear as despesas do campeonato, mas ainda não tem nada certo. A diretoria do Azulão da Princesa promoveu festas e bingos fechados para custear a folha de pagamento, porém a situação financeira do time não é nada boa e essa crise tem se refletido dentro das quatro linhas.

Ceará no G4 Em confronto direto pelas primeiras posições da Série B do Campeonato Brasileiro, o Ceará venceu o Vila Nova pelo Placar de 2 a 0, somou 48 pontos, entrou no G4 da tabela e se prepara para a 29ª rodada, quando enfrenta o Oeste, na Arena Barueri, no dia 14 de outubro. O Vovô está dividido entre a Série B do Campeonato Brasileiro e a Taça Fares Lopes. A competição cearense é uma espécie de treino intensificado para o Brasileiro. O técnico Marcelo Chamusca vem ajustando o elenco para a fase que se aproxima e vai em busca de um resultado positivo fora de casa.

EDITAL DE INTIMAÇÃO Teófilo Antônio Coelho Rodrigues, oficial do Registro de Imóveis da 1ª Zona desta cidade e Comarca de Crato, Estado do Ceará, na forma da Lei. FAZ público, para ciência dos interessados, nos termos do Art. 26, § 4º da Lei nº 9.514/97, que se processa neste cartório, pedido de notificação extrajudicial, tendo como notificante: a CAIXA ECONÔMICA FEDERAL-CEF, e como NOTIFICADO: ROFMAN NAVARRO DAMASCENO SALVADOR, inscrito no CPF/MF sob o n° 048.385.623-14, referente ao Contrato Habitacional nº 8.4444.0683030-5, firmando em 18/07/2014, registrado sob o R-03 da Matrícula 4.781 deste Cartório, referente ao imóvel situado na Travessa Professor Pedro Teles, nº 98, bairro Muriti, Crato-CE, referido contrato encontra-se com suas obrigações relativas a (05) encargos vencidos que totalizam R$ 4.639,78 (quatro mil seiscentos e trinta e nove reais e setenta e oito centavos) até a data de 18/09/2017. Em virtude do(s) mesmo(s) se encontrar(em) em local incerto e não sabido, conforme certificado pelo Oficial de Registro de Títulos e Documentos responsável pela citada intimação, realizada em 06 de junho de 2017, registrada no livro B-198, fls. 98V. NOTIFICO portanto, para que, no prazo de 15 (quinze) dias, efetue os devidos pagamentos das prestações vencidas e que se vencerem até a data do pagamento, dos juros convencionais, das penalidades e dos demais encargos contratuais, dos encargos legais, inclusive tributos, das contribuições condominiais imputáveis ao imóvel, além das despesas de cobrança e intimação, conforme disposição expressa no Art. 26, § 1º da Lei nº 9.514/97. Na oportunidade, informamos ainda que fica(m) V. S.ª cientificado(s) que o não cumprimento da referida obrigação no prazo ora estipulado, garante o direito de CONSOLIDAÇÃO DA PROPRIEDADE DO IMÓVEL EM FAVOR DA CREDORA FIDUCIÁRIA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL – CEF. Deverá desconsiderar o presente edital caso já houver quitado seus devidos débitos. É o que contém a presente notificação. Dou Fé. Crato – CE, 4 de outubro de 2017. Teófilo Antônio Coelho Rodrigues Oficial do Registro de Imóveis

n SEGURANÇA ELETRÔNICA

n ZELADORIA

n PORTARIA

n TERCEIRIZAÇÃO DE SERVIÇOS

Travessa Slino Duda, 59 - Bairro Santa Teresa - Juazeiro do Norte - CE

Peça já seu orçamento sem compromisso

Sesc abre inscrições para maratona infantil Samylla Alves

E

stão abertas as inscrições para mais uma edição da Maratoninha Sesc, que deve reunir 300 crianças de 3 a 12 anos de idade. A prova acontecerá na quadra esportiva do Sesc, em Juazeiro do Norte, e será dividida em percursos de 20 e 40 metros, a depender da idade do participante. A competição será realizada às 16h do dia 21 de outubro. Além da prova, os atletas mirins contarão com atividades recreativas. Para participar, cada inscrito deverá doar um quilo de alimento não perecível, que será destinado ao Programa Mesa Brasil. De acordo com a supervisora de Esporte do Sesc, além de celebrar o Dia das Crianças, a prova é uma forma de estimular a atividade física na infância. “Hoje em dia, é cada vez mais comum as crianças passarem horas em frente ao computador e optarem por um estilo de vida sedentário. A Maratoninha acaba sendo uma oportunidade para que o público infantil descubra o quanto é prazeroso praticar atividade física em grupo. A prova é simbólica, todos os participantes receberão medalhas e poderão celebrar

o Dia das Crianças de uma forma divertida e saudável”, relata Jorrayna Mascarenhas. Além da prova, os pequenos poderão participar de várias atividades recreativas. “Após a Maratoninha, nós teremos pintura facial, pintura em tela, gincanas e outras brincadeiras. O nosso objetivo é proporcionar uma tarde de lazer a todos os participantes. As atividades serão supervisionadas por professores do Sesc e divididas de acordo com a idade das crianças. Os pais que ainda não fizeram a inscrição para o evento devem se antecipar porque as vagas são limitadas”, lembra a supervisora de esporte do Sesc. Para fazer a inscrição na prova, os pais ou responsáveis da criança devem procurar a Unidade Sesc em Juazeiro, portando documentos de identificação e com um quilo de alimento não perecível. As inscrições podem ser feitas de segunda a sexta-feira, em horário comercial. Todo o alimento arrecadado durante as inscrições será doado para o Programa Mesa Brasil.

Mais informações:

Unidade Juazeiro do Norte do Sesc / Rua da Matriz Nº227 / (88) 3512.3355

EDITAL DE INTIMAÇÃO Teófilo Antônio Coelho Rodrigues, oficial do Registro de Imóveis da 1ª Zona desta cidade e Comarca de Crato, Estado do Ceará, na forma da Lei. FAZ público, para ciência dos interessados, nos termos do Art. 26, § 4º da Lei nº 9.514/97, que se processa neste cartório, pedido de notificação extrajudicial, tendo como notificante: a CAIXA ECONÔMICA FEDERAL-CEF, e como NOTIFICADO(A): JUCEMIR SILVA DA HORA, inscrito no CPF/MF sob o n° 012.352.933-60, referente ao Contrato Habitacional nº 8.4444.1027297-4, firmando em 04/09/2015, registrado sob o R-03 da Matrícula 5.320 deste Cartório, referente ao imóvel situado na Rua Nossa Senhora Aparecida, nº 645, bairro Muiriti, Crato-CE, referido contrato encontra-se com suas obrigações relativas a (08) encargos vencidos que totalizam R$ 7.533,52 (sete mil quinhentos e trinta e três reais e cinquenta e dois centavos) até a data de 04/09/2017. Em virtude do(a)(s) mesmo(a)(s) se encontrar(em) em local incerto e não sabido, conforme certificado pelo Oficial de Registro de Títulos e Documentos responsável pela citada intimação, realizada em 16 de maio de 2017, registrada no livro B-197, fls. 277V. NOTIFICO portanto, para que, no prazo de 15 (quinze) dias, efetue os devidos pagamentos das prestações vencidas e que se vencerem até a data do pagamento, dos juros convencionais, das penalidades e dos demais encargos contratuais, dos encargos legais, inclusive tributos, das contribuições condominiais imputáveis ao imóvel, além das despesas de cobrança e intimação, conforme disposição expressa no Art. 26, § 1º da Lei nº 9.514/97. Na oportunidade, informamos ainda que fica(m) V. S.ª cientificado(s) que o não cumprimento da referida obrigação no prazo ora estipulado, garante o direito de CONSOLIDAÇÃO DA PROPRIEDADE DO IMÓVEL EM FAVOR DA CREDORA FIDUCIÁRIA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL – CEF. Deverá desconsiderar o presente edital caso já houver quitado seus devidos débitos. É o que contém a presente notificação. Dou Fé. Crato – CE, 4 de outubro de 2017. Teófilo Antônio Coelho Rodrigues Oficial do Registro de Imóveis

Jornal do Cariri - 10 a 16 de outubro de 2017