Page 1


02 Edição 25 - Ano 3 Comando

No último dia 11, o tenente coronel Luiz Eduardo Freire assumiu o comando do 7º BPM (Alcântara), antes comandado pelo coronel Gilberto Tenreiro

Fale com o Presidente

O desespero te faz tomar atitudes hilárias, incompreensíveis e instáveis, tudo isso momentaneamente

Caro associado,

A

frase acima, do saudoso Saulo de Tarso, é uma mensagem exclusiva para os desesperados, que com atitudes impensadas tentam desconstruir o trabalho que esta administração vem realizando desde abril de 2010. Aos ataques de calúnias e difamação, respondo mostrando o meu trabalho. Desde que assumi a presidência da Caixa Beneficente da Polícia Militar, me dedico integralmente para honrar este compromisso. Abri mão dos finais de semana com a família e muitas das vezes coloquei a minha vida em risco. Desde o primeiro dia em que aqui pisei, como administrador, tenho desempenhado minha função com zelo, dedicação e principalmente, TRANSPARÊNCIA. Como já é de conhecimento, há anos a Caixa Beneficente enfrenta problemas de todas as ordens. Após resultado de uma intensa auditoria em todos os setores, confesso que me assustei com a situação e com a tamanha responsabilidade que começava a pesar sobre mim. Gosto de desafios e estar presidindo esta centenária instituição, na qual me associei há 33 anos, está sendo um dos maiores desafios em minha vida. Não desisto fácil e acredito que o trabalho com dignidade edifica o homem. Peço a Deus todos os dias, antes de sair de casa, que me dê sabedoria para tomar as decisões certas, decisões essas, que influenciam na vida de muita gente. Sei da minha responsabilidade perante aos milhares

CBPMERJ Diretora Executiva: Jania Bizarelli Editora: Elaine Dourado MRT 29872 Repórteres: Rodrigo Silva e Thais Cristina Marketing: Viviane Duque Estrada marketing@cbpmrj.com.br Projeto Gráfico - Diagramação: Genaro Braga - MRT 28443-RJ

Saulo de Tarso

de associados e por isso, não ajo no DESESPERO, mas com SABEDORIA e estratégia para resolver todos os obstáculos do dia a dia. No último dia 20, realizamos o nosso primeiro encontro entre associados, na Sede Campestre da Abanerj, em Jacarepaguá. Pelo público presente, tenho certeza de que todas as ações realizadas até o momento por minha administração foram acertadas. Esta foi a PRIMEIRA VEZ que a Caixa realizou um encontro desta magnitude. Nesta administração, o nosso associado é tratado com prioridade e respeito. O objetivo deste encontro, além de prestação de contas do meu mandato, foi trazer os associados para o cotidiano da Caixa. É importante eles participarem efetivamente de todas as atividades e principalmente, das decisões. Dias especiais como este serão rotina durante a minha administração. Sempre que possível estarei realizando encontros para conversar sobre todos os assuntos referentes à Caixa. Antes que haja qualquer questionamento quanto aos gastos com a realização do evento, deixo claro que todas as despesas foram pagas por empresas parceiras. Não saiu nenhum centavo da Instituição. Em abril completou dois anos de minha administração. Muitos desafios superados até o momento. Continuamos seguindo o caminho certo e posso lhes garantir que muita coisa mudou neste período. Nesses dois anos já pagamos 2 mil processos atrasados, o que significa, R$ 4 milhões em benefícios quitados.

www.cbpmrj.com.br e-mail: comunicacao@cbpmrj.com.br

Edição Ano 3 Edição 25 O Jornal CBPM INFORMA: é uma Publicação da Panorama Comunicação da Baixada CNPJ 08219620/0001-28 Tiragem desta edição: 50.000 exemplares Distribuição gratuíta e dirigida

Por diversas vezes já escrevi aqui sobre as enormes dívidas deixadas pela administração anterior. Hoje já posso trazer boas notícias, tendo em vista que uma parte destes débitos já foi negociado e os pagamentos estão sendo honrados. Há dois anos encontrei um quadro de funcionários com pelo menos seis anos sem tirar férias e uma dívida trabalhista de R$ 800 mil. A realidade já está bem diferente, quitamos R$ 600 mil da dívida, negociamos com o Ministério Público do Trabalho férias coletivas duas vezes ao ano e desde então temos cumprido. Já negociamos também junto ao governo débitos com FGTS e INSS. As contas como água, luz e telefone das unidades de atendimento e até mesmo da sede Caixa Beneficente ESTÃO TODAS PAGAS, diferentemente de como encontramos. As demanda judiciais estão todas sob controle e muito bem acompanhadas pelo nosso atuante Corpo Jurídico. Desde o início escolhi um mandato com transparência. A Caixa Beneficente está de portas abertas para receber todos os seus associados. Nada aqui é oculto e as NOSSAS CONTAS MENSAIS, DEVIDAMENTE APROVADAS PELOS CONSELHOS DELIBERATIVO E FICAL, estão à disposição de qualquer associado. Gostaria de agradecer a todos os associados que estiveram presentes ao nosso encontro. Obrigado pela confiança depositada, tendo em vista que inúmeros obstáculos foram superados para a realização deste evento. Fizeram de tudo para que ele não acontecesse, mas Graças a Deus, tudo saiu melhor do que eu esperava. Meus agradecimentos também a toda a equipe de funcionários e empresas parceiras, que tornaram esse dia ainda mais especial. Abraço fraterno,

21 - 7889-3056 Contatos: PABX: (21) 2117-2023 / (21) 2696-8522

ouvidoria@cbpmrj.com.br, pedrochavarry@gmail.com, Endereço Rua Pedro I, nº 16 - Centro, Rio de Janeiro CEP: 20060-050

O Jornal CBPM INFORMA: é um produto de circulação mensal, com caráter informativo ao público em geral. Não nos responsabilizamos por opiniões e conceitos emitidos em artigos assinados. O material publicado só poderá ser reproduzido com autorização expressa da direção ou dos respectivos autores.

Pedro Chavarry


Edição 25 - Ano 3

UPP

03

Inaugurada este mês a Unidade de Polícia Pacificadora do Morro do Adeus. Com efetivo de 250 PM, está sob o comando do capitão Vinícios de Oliveira Apolinário

Comemorações Polícia Militar do antigo Estado do Rio de Janeiro comemora aniversário de 177 anos

Sociedade Treme Terra mantém viva as lembranças de oficias que fizeram histórias na Corporação

A Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro promoveu na manhã do da 14 de abril uma solenidade para comemorar os 177 anos de criação da Polícia Militar do antigo Estado da Guanabara. O evento que contou com a presença de autoridades civis e militares, aconteceu na sede do 4º Comando de Policiamento de Área (CPA) em Niterói, antigo quartel-general da instituição. A solenidade, comemorada anualmente, marca o reconhecimento pela bravura e dedicação dos policiais da antiga Polícia Militar do Estado da Guanabara, hoje, chamados de Treme Terra. Antes da atual nomenclatura, a Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro já recebeu outros nomes como Corpo de Polícia da Província do Rio de Janeiro, Corpo Policial Provisório da Província do Rio de Janeiro, Força Militar do Estado do Rio de Janeiro, e após a fusão dos Estados da Guanabara e do Rio de Janeiro, passou ao atual nome. A sociedade Treme Terra, Presidida pelo coronel Ricardo Furtado, mantém vivas todas as histórias da Corporação. Por isso, promove e estimula a história desses policias que fizeram história desde a sua criação, em 1835 até sua extinção no ano de 1975.

Em seu discurso, durante a solenidade, o comandante da PM, coronel Erir Ribeiro, exaltou o papel destes policiais nesta fase da corporação. “Reverenciar o dia 14 de abril de cada ano, aniversário da extinta Polícia Militar do Antigo Estado do Rio de Janeiro, e no aquartelamento de Castrioto, possui o simbolismo maior de lembrar à sociedade, às autoridades públicas, e a nós mesmos, a grandeza dos serviços que, há mais de dois séculos, são prestados pela nossa Instituição. A nós, integrantes da PMERJ, resta-nos a obrigação de preservar e, mais ainda, enriquecer o legado por eles deixado”, disse o comandante-geral. O presidente da Caixa Beneficente, coronel Pedro Chavarry, seu vicepresidente, coronel Robson Paulo e o coordenador de pousadas da Caixa, Ronald Paulo também participaram do evento. “É uma data importante e uma ótima ocasião para revermos antigos colegas e prestarmos nossas homenagens a estes grandes homens que fizeram diferença na Segurança Pública de nosso estado. Estes bravos guerreiros jamais devem ser esquecidos, mas sim, sempre lembrados e admirados por todos”, ressaltou Chavarry.

Um breve resumo sobre a antiga Polícia Militar Os “Tremes Terra”tornaram-se verdadeiros baluartes da democracia

Pedro Chavarry participa de homenagem a Tiradentes, patrono da PM

Evento de colocação de coroa de flores na estátua do mártir acontece anualmente nas escadarias da Alerj

O presidente da Caixa, Pedro Chavarry e seu vice, coronel Robson Paulo prestigiaram a comemoração na antiga sede do Comando da PM Para o vice-presidente da Caixa, coronel Robson Paulo, a data é um momento de reflexão e reconhecimento e para isso, a Associação Treme Terra tem um papel importante. “A Associação é significativa para a antiga Polícia Militar do Estado do Rio de janeiro e congrega

A Polícia Militar na antiga Província do Império Brasileiro foi criada pela Carta de Lei nº 16, de 14 de abril de 1835, por ato do Dr. Joaquim José Rodrigues Torres, o Visconde de Itaboraí, com o nome de Guarda Policial da Província do Rio de Janeiro. Inicialmente, composta por um efetivo de 241 homens, todos voluntários, cidadãos brasileiros de boa moral, com idade entre 17 e 40 anos. Os oficiais eram oriundos do Exército Brasileiro ou nomeados pelo Presidente

da Província, dentre os cidadãos aptos para as funções, com as honras e prerrogativas das “patentes”. Em sua biografia, destacamse as participações nas batalhas de Itapiru, Tuiuty, Curuzu, Humaitá, Lomas Valentinas e Angustura, tendo combatido ainda na guerra do Paraguai, onde, atendendo ao clamor da pátria, marchou para o cenário de guerra em 18 de fevereiro de 1865, sob o comando do Tenente Coronel João José de

todos os policiais militares, não só oficiais e praças, que fundaram e criaram a Policia Militar do antigo Estado. Muitos de nossos associados pertencem à antiga PM e é uma honra estarmos nesta solenidade de homenagens”, destacou Robson. Brito, com um efetivo de quinhentos e dez praças, recebendo a designação de 12º Batalhão de Voluntários da Pátria – o Treme Terra, conforme Ordem do dia do Exército nº 447. Pela suas condutas singular e feitos inigualáveis na luta contra os inimigos da Nação, os “Treme Terra” tornaram-se verdadeiros baluartes da democracia. Tudo isto, sem negligenciar de seus deveres no combate ao crime, à marginalidade, a proteção à vida e à propriedade.

O presidente da Caixa Beneficente da Polícia Militar, Pedro Chavarry, participou na manhã do último dia 21, da solenidade em homenagem a Joaquim José da Silva Xavier, Tiradentes, patrono das polícias de todo o Brasil. O evento aconteceu nas escadarias da Alerj e reuniu policiais de diversas patentes. Considerado o grande mártir da independência, Tiradentes é celebrado nesta data, por todas as polícias do Brasil. Na ocasião, houve apresentação da Banda de Música da PM e a tradicional colocação da coroa de flores aos pés da estátua do patrono nas escadarias da Alerj. Chavarry elogiou a organização do evento, coordenada pelo major Carlos, chefe do cerimonial e destacou a importância da data para a tropa. “Nesta data também é comemorado o dia do Policial Militar e as homenagens também se estendem a eles. O evento foi muito bem organizado e é sempre uma honra prestar nossas congratulações aos heróis que fizeram e fazem a diferença em nosso País”, disse Chavarry. Além de Chavarry, estavam presentes o deputado estadual Paulo Ramos; o chefe do Estado Maior Operacional, coronel Pinheiro Neto; a chefe de gabinete do Comanado, coronel Kária Neri, entre outros.


04 Edição 25 - Ano 3

Segurança

Através do Programa Estadual de Integração na Segurança (Proeis), policiais militares estão desde o início desse mês atuando nas escolas públicas

Colégio Militar Colégio da Polícia Militar terá Ensino médio em 2013 Unidade não será mais fechada e passa por reforma para receber mais alunos

A

pós pressão de entidades de classe da área de segurança pública e comando da PM, o Colégio da Polícia Militar, ameaçado de encerrar suas atividades esse ano, não será mais fechado. Muito pelo contrário, passa por reforma de infraestrutura para receber mais alunos para o ano letivo de 2013. O colégio receberá também turmas para o ensino médio, ampliando ainda mais a oferta de vagas para filhos de policiais militares. No início deste ano, o Comandante Geral da Corporação, coronel Erir Ribeiro, o diretor do colégio, coronel Cristiano Luiz Gaspar e dirigentes de instituições de classe ligados aos policiais militares, entre elas a Caixa Beneficente da Polícia Militar, se reuniram para discutir sobre o fechamento do colégio. Na ocasião, ficou decidido que todos lutariam para manter intacto este patrimônio da PM. Erir se comprometeu com a causa e cumpriu a promessa. O Colégio não corre mais risco de ser fechado. Houve uma articulação de todos para manter viva a tradição do colégio, em funcionamento desde 2006. O presidente da Caixa Beneficente, Pedro Chavarry, comemorou a notícia. “Lutamos para defender

o que é nosso. O Colégio da PM é fundamental para a formação dos filhos de nossos policiais. Já se tornou tradição, ainda mais pelo desempenho educacional obtido desde sua criação. Educação de qualidade é importante e brigamos para que nossos filhos e netos recebam o melhor”, ressalta Chavarry. O Colégio da Polícia Militar ostenta boas qualificações como, por exemplo, o primeiro lugar no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica(Ideb) do município de Niterói, o quarto no estado e a décima nona posição no país, segundo pesquisas realizadas pelo instituto. É considerada como uma das melhores instituições de ensino do país. Conta atualmente com 400 crianças efetivamente matriculadas. O quadro docente é constituído de policiais militares, praças da própria Polícia com formação de nível superior na área pedagógica habilitados a lecionar. Há uma rigorosa seleção dos currículos enviados ao colégio, que prima muito além da capacidade didática e pedagógica do professor, a apresentação pessoal, a postura militar, o relacionamento interpessoal e, sobretudo, o trato com os jovens.

Grade curricular inclui até aulas de etiqueta Na estrutura curricular há o reforço na área de ensino, com oficiais especializados em cada matéria, tanto para alunos que estão se adaptando ao ritmo do colégio, quanto para os que apresentem alguma dificuldade de aprendizado. Estão sendo implantadas também salas de informática e ciências. O colégio oferece além da educação física, atividades complementares como noções de Judô, jiu-jítsu e capoeira. Uma novidade no currículo de ano que vem, é que está sendo implantada aula de etiqueta. Dentro do programa estão incluídas aulas de como se portar nas refeições, em locais públicos, em solenidades, eventos religiosos entre outros. O colégio segue a linha militar tanto na formação como na conduta. Os alunos formam e salvam o hino nacional, mantendo tradições que hoje já não fazem mais parte do cotidiano de muitos colégios. O colégio ocupa uma área de dez mil metros quadrados. A escola funciona de 8h às 14h20min.

Coronel Cristiano Luiz Gaspar comanda a unidade desde o ano passado

Colégio da PM é considerado uma das melhores instituições de ensino do País


Viaturas

Edição 25 - Ano 3 O Governo do Estado entregou dia 5, um lote de 306 viaturas seminovas. As viaturas, que serão utilizadas pelas guardas e defesas civis municipais, são equipadas com giroscópio e sirene e foram caracterizadas com adesivos.

05

Hospital da PM Hospital Central da PM vai ganhar nova sede

No Estácio desde 1943, hospital vai para Bonsucesso e com estrutura de primeiro mundo Por Rogério Campos

L

ocalizado na Rua Estácio de Sá nº 20, desde sua inauguração em 19 de abril de 1943, o Hospital Central da Polícia Militar vai receber novo endereço e novas instalações no bairro de Bonsucesso, próximo dos entroncamentos da Avenida Brasil, Linha Amarela e Linha Vermelha, na área do antigo 24º Batalhão de Infantaria Blindada, que também vai sediar as Unidades Especiais da PM. Atualmente o HCPM constitui uma unidade de saúde de médio porte com aproximadamente 1600 profissionais, 250 leitos distribuídos em dois prédios interligados, sendo 11 leitos destinados a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 11 leitos na UTI Pediátrica e neonatal, Emergência, Maternidade, Centro Cirúrgico e internação nas diversas especialidades, além do atendimento ambulatorial, que oferece consultas em variadas especialidades. Mas esta estrutura não comporta mais a atual demanda da corporação, causando uma sobrecarga na unidade e a real necessidade de uma expansão.

Sobrecarga no atendimento De acordo com diretor da unidade, tenente coronel Sérgio Sardinha, a nova instalação terá 400 leitos e será entregue antes da Copa de 2014.

Inaugurada sala para pacientes com Dengue

Só no ano de 2011 a unidade teve 8 mil e 300 internações, um aumento de 17% em relação ao ano de 2010, em decorrência do aumento do efetivo policial e dos seus dependentes. Para o diretor do HCPM, Tenentecoronel médico Sérgio Sardinha, essa nova instalação, com 400 leitos, possui uma localização privilegiada que vai proporcionar uma assistência com mais conforto, dignidade e proximidade ao Policial Militar e seus familiares. “ O governador tomou ciência dessa necessidade e prontamente comprou a ideia e mandou executar o projeto que está

sendo planejado desde 2009”, declara, entusiasmado, o coronel Sardinha. Ainda segundo o diretor, as coisas devem ser muito bem pensadas, antes, para não haver desperdício de dinheiro público. As obras estão planejadas para começar em janeiro de 2013 com previsão de entrega para antes da Copa de 2014, quando deve ser feita a transferência da unidade.

No dia 10 de abril do corrente, passou a ser colocado à disposição do policial militar e de seus dependentes o Setor de Atendimento à Dengue, que funciona de 8h às 20h no prédio novo do HCPM, próximo ao estacionamento. Segundo o Tenente-coronel Décio, subdiretor administrativo do hospital, o novo setor tem por finalidade desafogar a Grande Emergência e proporcionar mais conforto aos usuários da unidade de saúde. Os pacientes que estiverem com os sintomas da doença, como febre e/ou dor no corpo, podem procurar diretamente o setor que foi estruturado especialmente para este tipo de atendimento. Na opinião do Dr. Sardinha, diretor do hospital, essa é uma medida de ação preventiva. “É uma medida simples, mas quando a crise vier, nos já estamos O Hospital Central da PM possui uma sala exclusiva para atender pacientes com sintomas de Dengue. O atendimento é de 8h às 20h prontos”, afirma o diretor.


06 Edição 25 - Ano 3 Expulsão

A Asssembleia Legislativa do Rio de Janeiro promoveu este mês audiência pública para discutir as expulsões de PM que participaram do movimento de greve

Despedida Diretoria da Caixa Beneficente faz palestra na DIP Após cumprirem 30 anos de serviço, policiais passam para a inatividade

O

presidente da Caixa Beneficente, Pedro Chavarry, esteve na manhã de sexta-feira (04/05) na Diretoria de Inativos e Pensionistas da Polícia Militar (DIP) para proferir palestra aos policiais que estão passando para a inatividade, após cumprirem 30 anos de serviço na Corporação. Muitos desses policiais, que passam a ter uma vida diferente com a inatividade, são associados da Caixa Beneficente. A palestra serve para apresentar a instituição e mostrar-lhes seus direitos e como usufruir dos benefícios da Caixa, como por exemplo, as pousadas e os clubes de recreação. Com um vídeo, de duração aproximada de três minutos, Chavarry, fez um breve relato sobre a Caixa e todos os episódios de relevância desde a sua criação. Falou do processo eleitoral, que ocorrerá em bre-

ve, das dificuldades financeiras enfrentada nos últimos anos e os esforços que a atual administração tem feito para sanar todos os problemas. Chavarry destacou também, a quitação de dois mil processos durante a sua gestão, (85% desses processos foram deixados pela gestão anterior). Os policiais que assistiram à palestra foram presenteados, cada um, um final de semana com a família em uma das pousadas da Caixa. “Investimos muito em nosso setor de lazer e nesse momento em que esses guerreiros cumprem sua missão com louvor, merecem usufruir de momentos felizes e de descontração com a família. Agora eles passam a ter um momento de mais tranquilidade e terão mais tempo com a família e principalmente, poderão se divertir sem a preocupação de quando estão na atividade”, ressaltou Chavarry.

Rogério Sant’Ana Secretário Executivo

PM comemora 203 anos

Durante palestra na DIP, Chavarry fala sobre benefícios da Caixa

Expectativa para a nova fase da vida “A vida possui três fases: a infância, o trabalho (vida adulta) e a hora de descansar. Chegou a hora de aproveitar a família com mais tranquilidade e cuidar também da saúde”, falou um empolgado Auceir Rodrigues, que prometeu aproveitar ao máximo a nova vida fora da PM. Para o subtenente Marins, a inatividade é um momento esperado e feliz. “Estou com a melhor expectativa possível! Com certeza continuarei trabalhando e agora eu quero me focar no curso de Turismo, algo que eu sempre quis fazer, além da polícia. O que não pode acontecer é ficar na inércia”, conta o subtenente.

Caixa Beneficente cria plantão de atendimento na DIP

Aos associados da Caixa Beneficente da Polícia Militar, que passam diariamente pela Diretoria de Inativos e Pensionistas (DIP), em São Cristóvão, estamos com uma equipe de atendimento, de segunda à sexta-feira, a partir das

9h, na unidade, para tirar dúvidas sobre como usufruir dos serviços da Caixa. A medida tem por objetivo facilitar a vida dos policiais que passam para a reforma ou reserva, em obter informações sobre a instituição sem que precise se deslocar.

Solenidade marca os 33 anos do Instituto dos Magistrados do Brasil O presidente da Caixa Beneficente, coronel Pedro Chavarry, participou no último dia 13, da solenidade de aniversário de 203 anos da Polícia Militar, na Academia Dom João VI, em Sulacap. Neste dia, 65 alunos, ingressaram no 1º ano do Curso de Formação de Oficiais da PM.

O dia foi de tripla comemoração, já que também era o Dia das Mães e aniversário do secretário de Segurança, José Mariano Beltrame, também presente ao evento. As mães dos três primeiros colocados do curso de oficiais foram home nageadas com um lindo buquê de rosas.

O Instituto de Magistrados do Brasil (IBM) comemorou 33 anos de criação, dia 17 de abril, com a sentida falta do presidente, desembargador Jorge Uchoa, que estava com problemas de saúde. Diversos juristas e membros da sociedade civil e militar, prestigiaram a solenidade de aniversário, que aconte-

ceu na Escola de Magistratura do Brasil. O presidente da Caixa Beneficente, coronel Pedro Chavarry e o seu vice, coronel Robson Paulo também compareceram ao evento, que teve início às 20h. O vicepresidente do IMB, deesembargador Bernadino Machado Leituga, foi quem conduziu a solenidade.

Aniversário de 41 anos da DIP é comemorado com café da manhã na unidade

A Diretoria de Inativos e Pensionistas da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro – DIP comemorou, no dia 11 de abril, 41 anos de criação. Para celebrar a data, o comandante da unidade, coronel Antônio Henrique da Silva Oliveira, recebeu autoridades da área civil e militar para um delicioso café da manhã, servido na sede da unidade, em São Cristóvão. Na ocasião, o presidente da Caixa Beneficente, coronel Pedro Chavarry; o diretor geral de pessoal da DIP, coronel Carlos de Souza Alves; o ex-comandante-geral da PM coronel Ubiratan de Oliveira Ângelo; o provedor da Arquiepiscopal Imperial Irmandade de Nossa Senhora das Dores, Euclydes de Carvalho Britto e a chefe de gabinete do comando geral coronel Kátia Nery Nunes Boaventura foram homenageados. Em seu discurso, a coronel Kátia falou da importância da unidade para a tropa. “Fico pensando eu todos, iremos frequentar essa Casa, e que muitos não sabem a importância dessa diretoria. Aqui temos todas as informações necessárias aos militares e pensionistas, tenho total certeza que a equipe do coronel Antônio Henrique, está trabalhando para melhorar, esclarecer, ser transparente e estar sempre à disposição de nós policiais. São por esses motivos que parabenizo a equipe”, disse a chefe de gabinete do comando geral.


Alemão

Edição 25 - Ano 3

A Polícia Militar estuda a possibilidade de comando único no Morro do alemão. A medida seguiria os moldes adotados pela Força Nacional de Segurança durante ocupação

07

Evangélicos

Há 44 anos edificando vidas na Polícia Militar

União dos Evangélicos da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro já distribuiu mais de 20 mil bíblias a policiais “Uma bíblia na mão de cada policial militar”. Este é o lema principal da União dos Evangélicos da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (UEPMERJ) que já distribuiu mais de 20 mil bíblias para PMs. Fundada em 15 de novembro de 1967, a União foi criada para levar assistência espiritual aos policiais militares e seus familiares. Filiada à União dos Militares Cristãos Evangélicos do Brasil (UMCEB), tem sua estrutura legalizada através de Estatuto registrado no Cartório de Registro de Pessoas Jurídicas, possui Regimento Interno de seus Departamentos e Congregações, publicação em Boletim autorizando o funcionamento e sobrevive, estritamente, de doações de caráter voluntário dos PMs. Segundo o Major Capelão Jorge Luís dos Santos Lacerda, presidente da União desde 2007, a UEPMERJ é de caráter interdenominacional, pois não faz referencia a nenhuma denominação, mantendo somente o objetivo de pregar o Evangelho dentro da Polícia Militar. “ Essa missão vem sendo cumprida através das Congregações criadas e mantidas em todas as Unidades policiais espalhadas no Estado. As Congre-

gações possuem diretorias locais que organizam reuniões semanais”, afirma o capelão. Mas o trabalho de evangelização também é feito no processo de formação do policial e para isso, o major presta assistência religiosa na Academia de Polícia Militar Dom João VI (APM) e no Centro de Formação de Praças (CFAP) toda quarta-feira. “Se o Senhor não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela”,declara o pastor citando o Salmo 127. Ainda segundo Lacerda, essa estrutura tem incentivado a criação de Uniões similares em outros estados, bem como no Corpo de Bombeiros e Guarda Municipal do Rio de Janei- Major Lacerda (centro) , Castro e Bernadete, integram a União dos Evangélicos ro. Autor de um livro: “As virtudes que todo Capelão precisa ter”, Lac- nentes da Corporação”, declara só quer desabafar”, comenta Ávila. Para a secretária Bernadete Areias erda, lembra emocionado do caso Major Lacerda. da restauração de um policial que Membro ativo da UEPMERJ há 27 Garcia, a União é uma benção na foi preso e tinha o apelido de “diabo anos, Sérgio de Castro Ávila, dire- vida de cada policial militar. “ Sou louro”. Durante o trabalho de evan- tor de evangelismo, conta com muito grata, pois não considero gelização, esse policial se converteu orgulho que a UEPMERJ é vida isso aqui um trabalho e sim um e, após cumprir sua pena, teve sua para aqueles policiais que estão ministério”, enfatiza a secretária. vida transformada e hoje pertence passando por provações e, muitas Os policias que quiserem fazer ao “exército de Cristo”. “Quero vezes, não sabem onde buscar um parte da UEPMERJ podem endestacar o reconhecimento rece- amparo ou socorro. “ Já vi caso de trar em contato pelo telefone bido por parte dos Comandantes, policiais que queriam se suicidar e 2333-2750 ou pelo e-mail: tendo em vista o auxílio que esta nós, com nossa palavra de consolo, União presta na formação espiritual conseguimos quebrantar aquele uepmerj@ig.com.br e fortalecimento moral dos compo- coração apertado que muitas vezes

Grupamento Aeromarítimo comemora dez anos de atividade e ganha aeronave

O Grupamento Aéreo e Marítimo (GAM) ganhou um reforço de peso, dia 21 de março deste ano, quando completou dez anos de plena atividade. A unidade ganhou uma nova aeronave de instrução. Trata-se do helicóptero Schweizer 300 CBI (FÊNIX 06) , entregue durante cerimônia, em comemoração aos dez anos de criação do GAM, realizada na sede da unidade em Niterói. Entre as autoridades civis e militares presentes estavam o coronel Costa Filho, comandante geral da PM; coronel Pedro Chavarry, presidente da Caixa Beneficente da Polícia Militar; coronel Wilton Soares Ribeiro, ex-comandante geral da PM; coronel PM Lima Castro, comandante da Guarda Municipal do Rio de Janeiro e o engenheiro Rodrigo Scoda, diretor presidente da EDRA AERONÁUTICA, empresa que forneceu o equipamento.


08 Edição 25 - Ano 3 do projeto Renascer, Servir e Proteger da Divisão de Assistência Social da PM foram os Campeões Atletas campeões do 4º Campeonato Brasileiro de Handebol de Cadeira de Rodas

Encontro Sucesso de público em primeiro encontro entre associados realizado pela Caixa

Evento comemora dois anos de Pedro Chavarry à frente da administração

A

sexta-feira, 20 de abril, foi um dia histórico para a atual diretoria da Caixa Beneficente. Neste dia, a Caixa Beneficente realizou o primeiro encontro entre associados da instituição para discutir diversos temas ligados à entidade. Na ocasião, também foi comemorado os dois anos de gestão de Pedro Chavarry. O secretário executivo da Caixa, Rogério Sant’Ana foi quem deu as boas vindas ao mais de 200 associados presentes. Foram convidados a compor a mesa o presidente da entidade, Pedro Chavarry, o vice-presidente, Robson Paulo, e alguns diretores da Caixa. Através de um vídeo institucional, os associados puderam acompanhar um pouco de todo o processo de dois anos de gestão de Chavarry. No vídeo que teve duração de aproximadamente quatro minutos, eles foram informados de forma resumida, de como a Caixa Beneficente foi encontrada e sua atual situação. Em seu discurso, Pedro Chavarry, destacou as dificuldades que teve para organizar o evento e a clareza com que tem conduzido o seu mandato. “Houve muitas manobras para que este encontro não acontecesse, mas mais uma vez vencemos todos os obstáculos e mostramos que não vamos nos abater. Estou aqui com a cara e a coragem e sem nada a temer. O meu mandato sempre foi e será de muita transparência sem nada a esconder. Tudo aqui é tratado às claras. Este evento só foi possível, porque as nossas empresas parceiras financiaram.

Sede Campestre agrada associados

Ao lado do secretário executivo, Rogério Sant’Ana, Chavarry discursa em evento

A Caixa só entrou com a organização e não tivemos qualquer custo extra”, disse. O evento, realizado na Sede Campestre da Abanerj, em Jacarepaguá, foi preparado com muito esmero pelos funcionários da instituição. Com o empenho de todos, o encontro entre associados aconteceu de forma impecável. Diversos parceiros da Caixa Beneficente fizeram questão de participar da festividade, que durou o dia inteiro.

A WORDMED, que presta serviços médicos aos associados do Caixa Família, colocou uma equipe para fazer teste de aferimento de pressão. A empresa também fez distribuição de medicamentos. A DentalPrev, que presta serviço odontológicos, fez aplicação de flúor e demonstração da forma correta de escovação. Também participaram do evento a empresa Splash Car Táxi e Disk Ótica.

O encontro, promovido pela Caixa Beneficente, para comemorar os três anos de gestão de Pedro Chavarry, foi também uma grande oportunidade para mostrar a estrutura do Clube da Abanerj que está à disposição dos associados e seus dependentes. O espaço oferece estrutura de diversão para todos os gostos e idades. São várias piscinas, churrasqueiras, salão de festa, restaurante, sala de jogos, espaços para descanso, entre outras maravilhas para um dia inteiro de curtição com a família. A parceria de uso das instalações da Abanerj traz de volta a cultura dos encontros em clubes de recreação, tendo em vista que a Caixa perdeu o clube Macembu, vendido pela gestão passada. “Eu sou do tempo do ex-presidente da Caixa, o Manhãs, ele costumava fazer esses tipos de confraternizações, que há tempos não eram feitas. As instalações do clube são muito boas e gostei muito desta iniciativa” falou Wilton José de Moraes, 78 anos e associado da Caixa desde 1963. Já o policial militar reformado, Edvaldo Moreira, ficou sabendo

no evento que clube Macembu não pertencia mais a Caixa. “Achei boa essa iniciativa, já que nunca usei as áreas de lazer da Caixa, porém quero dizer que usei uma única vez o clube Macembú, e fico triste em saber que não pertence mais a Caixa Beneficente”, disse. O secretário executivo da Caixa, Rogério Sant’Ana, informou aos associados, que as novas carteiri nhas, que dão direito ao uso das instalações dos clubes, estão sendo enviadas para as residências .“A iniciativa de realizar esse encontro estava no planejamento de metas de 2012. Nosso objetivo foi de apresentar todo o trabalho realizado pela instituição, levando também as nossas parcerias para ações sociais aos nossos beneficiários. Ao longo desse terceiro mandato do presidente Chavarry estamos criando muito mais conforto e vantagens aos associados. Já emitimos a todos os associados suas carteirinhas que estão sendo enviadas pelos correios”, Sant’Ana. Durante o evento foram sorteados brindes e os aniversariantes do mês ganharam um bolo de aniversário.


Curso

Este mês a Universidade Federal Fluminense (UFF) inaugurou o curso de Extensão e Policiamento em Áreas Turísticas, realizado pelo Batalhão de Turismo da PM. Podem participar do curso policiais e guardas

Edição 25 - Ano 3

09

Acompanhe o andamento do seu processo através do telefone 2117- 2000

Mutirão para munir o associado de informações 200 Todos os setores da Caixa Beneficente, como Caixa Família, Caixa Justiça, Pousada, Recadastramento, Ouvidoria, entre outros, participaram do evento, realizado dia 20. Cada setor tinha o seu stand com profissionais preparados para prestar qualquer esclarecimento aos associados. O corpo de advogados da Caixa tirou várias dúvidas de associados sobre assuntos variados como área Cível, Criminal, Trabalhista e Consumidor. Já o setor de pousadas mostrava aos presentes as vantagens e belezas das pousadas da Caixa Beneficente. Muitos associados aproveitaram a oportunidade para fazerem o recadastramento do plano funeral, que agora está sendo realizado pelo Grupo Capemisa. Na ocasião, eles foram informados sobre a vantagem do novo plano, que além de cobertura nacional, permite aos depen-

associados presentes

12

stands de empresas conveniadas

480

Atendimentos dentes do associado uma indenização de R$ 1 mil em caso de óbito acidental.

Almoço com música ao vivo

a tarde, foi embalado pelo som contagiante da banda de música Copa Sete. Alguns associados arriscaram uns passinhos, enquanto outros preferiram curtir em suas mesas. Foi um dia inesquecível tanto para os associados como para toda a equipe que compõe a Caixa Beneficente da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro.

Além de conhecer toda a estrutura que a Caixa Beneficente disponibiliza, da parceria com a Associação de Ex-Funcionários do Banejr (Abanerj), os associados desfrutaram de um delicioso almoço oferecido pela direção da Caixa. No cardápio um saboroso churrasco, com tudo o que tem direito. O almoço, que seguiu durante

Este dia ficará gravado em minha memória. Sou apenas um catalisador, todos os acertos da instituição se devem a equipe de funcionários aqui presente. Agradeço a todos pela presença e participação. Está sendo um dia feliz. É gratificante compartilhar com os associados e funcionários estes momentos de descontração”, enfatizou Chavarry.

os advogados do Caixa Família tiraram dúvidas de associados sobre variados temas da área jurídica

World Med

Caixa Família

Pousadas

Empresa levou profissionais de saúde. Houve orientação sobre prevenção a doenças, verificação de pressão e glicose.

Profissionais do setor do Caixa Família mostraram aos associados as diversas vantagens do serviço.

Os associados puderam conhecer, através de foto e vídeo, um pouco mais sobre as pousadas e fazer reservas.

Capemisa

Atendimento

Recadastramento

A Capemisa cuida do Plano Funeral da Caixa. Funcionários tiraram dúvidas sobre o novo serviço.

Foi montado um setor de atendimento para os associados que queriam informações sobre andamento de processo

Muitos associados aproveitaram a oportunidade para atualizar seus dados cadastrais e aderir a novos serviços


10 Edição 25 - Ano 3 Maracanã

A reforma do Maracanã está 50% concluída. Operários iniciam processo de instalação da nova cobertura do estádio, que vai sediar a final da Copa do Mundo de 2014

Aniversário Associação Beneficente dos Subtenentes e Sargentos da Polícia Militar completa 88 anos Data foi comemorada com festa na sede da instituição, em Piedade

A

Associação Beneficente dos Subtenentes e Sargentos da Polícia Militar (ASPOM) completou dia 30 de março, 88 anos de serviço social prestado ao policial militar e seus dependentes. A data foi comemorada com uma cerimônia, realizada na sede da instituição, em Piedade. O presidente da Caixa Beneficente, coronel Pedro Chavarry, o vicepresidente coronel Robson Paulo e o secretário executivo Rogério Sant’Ana prestigiaram o evento, que contou também com a presença do sargento Márcio Alexandre Alves (o herói no caso da Escola Tarso da Silveira em Realengo) e associados. A ASPOM foi fundada em 30 de março de 1924, por 48 sargentos. A entidade que é presidida por

Levi Meireles tem como um de seus principais focos a proteção e auxílio às viúvas dos subtenentes e sargentos da Polícia Militar. O presidente da Caixa Beneficente, Pedro Chavarry, destacou a importância da união entre as entidades na luta em favor de seus associados. “A ASPOM assim como a Caixa Beneficente e outras associações passam por um processo de esvaziamento de seus associados. Por isso, temos nos unido para fortalecer a nossa representatividade no quadro social. As associações se formaram para benefícios de policiais militares e seus dependentes. São anos de lutas e realizações. Torço e desejo que a Aspom continue a comemorar muitos e muitos anos de vitórias”, disse.

Direção da Caixa, sargento Alves e o presidente da Aspom, Levi Meireles

Governo do Estado premia profissionais da área de segurança com melhor desempenho em 2011 PMs do 16º BPM (Olaria) obtiveram melhores resultados na redução de criminalidade e faturaram R$ 9 mil cada um. Em cerimônia realizada no Teatro João Caetano, na tarde do dia 10 de abril, o Governo do Estado premiou cerca de 9 mil policiais civis e militares que atingiram as metas de redução dos índices estratégicos de criminalidade, referente ao segundo semestre de 2011. Durante a cerimônia os policiais foram aplaudidos em reconhecimento aos relevantes serviços prestados à sociedade, que diminuiu o número de homicídios e roubos no estado. Na opinião do secretário de segurança, José Mariano Beltrame, esses policiais

estão fazendo a diferença. “Não sou eu que estou dizendo isso, são os índices que mostram. Vamos continuar produzindo a paz, o que não é fácil, pois a segurança pública é um produto intangível, não pode ser comprado na prateleira, por isso, é preciso trabalhar muito para ser alcançado”, disse. Ainda segundo o secretário, os resultados positivos só foram possíveis graças ao trabalho de integração e troca de informações entre as polícias: civil e militar. Policiais do 16º BPM ganharam R$

Chavarry posa com policiais do 16ª BPM (Olaria), melhores de 2011

9 mil cada um Das Áreas Integradas de Segurança Pública (AISP) que concorriam à premiação, a AISP 16 – que reúne o 16º BPM (Olaria), 22ª DP (Penha) e 38ª DP (Brás de Pina) – ficou em primeiro lugar. A região, onde fica localizado o Complexo do Alemão, era considerada crítica. Com a ocupação do Complexo e o trabalho integrado das polícias

em toda a área, a situação mudou e a redução dos índices estratégicos de criminalidade rendeu a cada policial, daquela área, a gratificação de R$ 9 mil. Para o presidente da Caixa Beneficente, coronel Pedro Chavarry, que marcou presença no evento, a premiação reflete a disposição do governador em investir na segurança pública.

Capelão da PM é nomeado bispo auxiliar no Rio

Ordenação episcopal está marcada para o dia 23 de junho, na Catedral Metropolitana do Rio de Janeiro O capelão da Polícia Militar, Roque Costa Souza foi nomeado como novo bispo auxiliar da Arquidiocese do Rio de Janeiro, no último dia 5, pelo papa Bento XVI. O PM já tinha o cargo de reitor do Seminário Maior de São José, desde o ano de 2010, nomeou-se também como bispo titular de Castel Mediano. Sua ordenação episcopal está marcada para o dia 23 de junho de 2012, às 8h30, na Catedral Metropolitana de São Sebastião, no Rio de Janeiro. Nascido em 1966, padre Roque entrou para o seminário aos 10 anos. Em 2002, quando era pároco da Igreja São João Batista e Nossa Senhora das Graças, em Realengo (RJ), foi chamado para o serviço de assistência militar, como capelão da Policia Militar. Desde 2011, o Seminário Arquidiocesano São José, no Rio de Janeiro, está sob sua reitoria


Bombeiros

Edição 25 - Ano 3

A Secretaria de Defesa Civil e Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro anunciou dia 08/05 a convocação de 300 candidatos que constam no cadastro de reservas do concurso realizado em 2008

11

Casamento UPP do Morro dos Macacos realiza casamento comunitário de 13 policiais militares Caixa Beneficente vai presentear

O

dia 26 de maio de 2012, na certa vai ser um dia que ficará marcado na história de vida de 13 casais de policiais militares que atuam na Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro dos Macacos, em Vila Isabel, Zona Norte do Rio. Neste dia, num fato inédito na história da Segurança Pública, desde que as UPPs foram instaladas, acontece uma festa organizada em parceria com os moradores da comunidade que selam a união dos casais. A tão esperada festa está bem organizada com a ajuda dos mo-

radores. No último dia 05, aconteceu na sede da UPP uma feijoada, que tinha como objetivo angariar fundos para a realização da festa. Os salgados que serão servidos no evento, serão preparados por um grupo de mulheres que participam de um curso de culinária organizada pela unidade. O clima de interação entre comunidade e policiais da UPP, só mostra que a polícia com cidadania alcança feitos ainda inimagináveis quando todos estão do mesmo lado, em busca da paz em sociedade.

casais com um final de semana nas pousadas

UPP do Morro dos Macacos será palco da união de policiais militares

O casamento comunitário acontece dia 26 de maio, na sede da UPP do Morro dos Macacos, em Vila Isabel. Na ocasião, 13 policiais militares da unidade, realizarão o sonho de subir ao altar. Festa está sendo organizada com a ajuda de moradores

Neste momento importante na vida dos noivos e dos moradores da comunidade, a Caixa Beneficente da Polícia Militar não poderia ficar de fora. Segundo o presidente da instituição, Pedro Chavarry, os 13 casais serão presenteados com um final de semana, cada um, em uma das pousadas da Caixa. No dia do casamento, as noivas serão agraciadas com um ramalhete de flores. “Será um dia feliz para todos nós. A Caixa terá o maior prazer em estar presente e fazer parte desta história. O casamento comunitário de policiais é um marco e a certeza de que a polícia com cidadania funciona. O Estado desta forma se faz presente e trabalha com a prevenção”, ressaltou Chavarry.


12 Edição 25 - Ano 3 Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro completou dia 13 de maio de 2012, 203 anos de Gloriosa Aexistência. Durante todo o mês de maio há diversas solenidades em comemoração à data

Concerto O Comandante Geral da PM homenageia convidados

Maestro, capitão Ronaldo e coronel Kátia, chefe de gabinete da PM

Orquestra Sinfônica da Polícia Militar brilha em noite de concerto no João Caetano

Coronéis, comandantes de unidades da PM prestigiaram concerto

Marcado por emoção, evento dá início às festividades de 203 anos da PM

A

inda não eram nem 18h, mas o publico já começava a se aglomerar na porta do teatro João Caetano, na Praça Tiradentes, Centro do Rio de Janeiro, para assistir a apresentação do Concerto da Orquestra Sinfônica da Polícia Militar, marcada para as 20h. Nesta noite, a homenagem era exclusiva para a Corporação, que no dia 13 de maio, completou 203 anos de existência. Em trajes refinados, os convidados da noite, em sua maioria, policiais militares de diversas patentes, familiares e autoridades como o Secretário de Segurança Pública, José Mariano Beltrame, a chefe da Polícia Civil Marta Rocha e o comandante geral da Corporação, aguardavam ansiosos pela apresentação. Já passava um pouco das 20h quando aproximadamente 60 músicos ocuparam os seus postos no palco. Visivelmente emocionado, o maestro e comandante da Companhia Independente da

Polícia Militar-Músicos, capitão Ronaldo Almeida, em seguida assumiu o comando, para brindar a todos com uma noite inesquecível e uma apresentação impecável. O evento, que durou uma hora e meia, contou com a participação especial do tenor, André Figueiredo e da solo mezzo-soprano, Noeli Mello. Aproximadamente 300 pessoas compareceram ao espetáculo. A Companhia Independente de Polícia Militar-Músicos é o órgão responsável pela coordenação das atividades artísticos-musicais da Corporação. Desempenha um papel relevante para a aproximação e integração entre polícia e população. A companhia possui sob sua subordinação operacional a Banda Sinfônica, a Banda da Academia da PM, a Big Band 190 e outras cinco divididas em outras unidades da Corporação. Desde o ano passado é comandada pelo capitão Ronaldo Almeida, há 22 anos na Companhia.

Fotos: Vicente Cideo e Samuel Fernandes

Na primeira fileira, alta cúpula da Segurança assiste espetáculo

Apresentação de crianças de projeto emociona público Um dos momentos mais marcantes e aplaudidos da noite foi apresentação das crianças da Escola Municipal Ayrton Senna, no Morro do Estado, em Niterói, que fazem parte do projeto da Companhia de Música, “Cantando com a Polícia”. Os pequenos deram um show na flauta, tocando “Eu só quero um

xodó”, de Domiguinhos. Os músicos da PM dão cursos em diversas comunidades do Rio. De acordo com capitão Ronaldo, a ideia é expandir o projeto para outras comunidades do Rio. “A música transforma socialmente. Através do projeto mostramos a essas crianças uma nova possibilidade de vida”, destacou. A unidade participa de diversos projetos sociais como visitas a hospitais e instituições de caridade.

Mostrando muito talento, músicos da PM emocionam público

PM vai promover concurso para preencher vagas na Companhia


Viagem

Edição 25 - Ano 3

O Governador Sérgio Cabral terá que devolver aos cofres do Estado R$ 2 mil recebidos indevidamente para uso na missão oficial de dois dias a Paris no final de maio do ano passado

13

Formatura sete meses de intenso Segurança pública recebe reforço Após treinamento, soldados passam de mais 1.172 policiais militares a atuar no combate ao crime Mulheres ficam nos três primeiros lugares no curso de soldados

Com o objetivo de cumprir a meta de chegar a 60 mil policiais até 2016, a Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro já formou sete turmas de soldados este ano. Só nos meses de maio e abril 1.172 policiais passaram a atuar nas ruas do Rio. As turmas terceiro sargento José Ricardo Amorim Valente (formatura em maio) e Cabo Leslei Luis Pinheiro (formatura em abril), tiveram aulas em três níveis: Básico, com disciplinas como Português, Direitos Humanos, Ética e Educação Física; Profissional, com aulas de Técnicas de Abordagem, Polícia Comunitária e Policiamento Ostensivo em geral; e Jurídico, com disciplinas como Noções de Legislação, Sociologia Jurídica e Legislação de Trânsito. O curso teve duração de

580 policiais, dentre eles, 138 mulheres finalizaram o curso de formação de soldados. Mostrando o crescimento das sete meses. na tropa, que chegam mulheres a quase quatro mil, as três primeiras colocadas do curso são mulheres. Durante formatura, no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP), a primeira colocada da turma, Ana Carolina Ney, recebeu seu diploma das mãos do governador Sérgio Cabral, enquanto o vice-governador e coordenador executivo de Infraestrutura do Estado, Luiz Fernando Pezão, premiou o segundo lugar, Renata Miriam Dionízio, e o secretário de Segurança Pública, José Mariano Beltrame, a terceira colocada, Andréa Abreu.Já a turma José Ricardo Amorim, com 592 PMs, entre eles, 77 mulheres.

As mulheres buscam cada vez mais se destacarem na Corporação. Na formatura de abril, as três primeiras colocadas do curso de soldados eram mulheres. Mais de três mil mulheres atuam na PM do Rio


14

Rio +20

Edição 25 - Ano 3

Em junho, o Rio de Janeiro sediará a Conferência Rio+ 20, sobre desenvolvimento sustentável

Benefícios MAIO / 2011 - AUX. INATIVIDADE

MAIO / 2011 - CB PECULIO NOMES ALEX SANDRO RIBEIRO DE CARVALHO ILTON ALVES RODRIGUES JURANDY DOS SANTOS JURANDY DOS SANTOS GERMANO ROBERTO DA COSTA BENEDITO DUTRA DA SILVA ANTONIO DE SOUZA BALTHAR FILHO JORGE ABRAHAO DOS SANTOS EDUARDO LUIS DE ALBUQUERQUE COTO FLAVIO NETO DOS SANTOS PEDRO SERAFIM ADAUCTO DA SILVA JOSE BARBOSA DO NASCIMENTO JOEL SOUZA DA SILVA

PROC. 10512003AC 08712006AC 10802005AC 10802005AC 02862003AC 07322005AC 02972004AC 05082004AC 04772006AC 10392005AC 02392003AC 12212005AC 06622003AC 07722005AC

MAIO / 2011 - CX PECÚLIO NOMES GERALDO DE SOUZA FINAMORE NILTON DA SILVA 09062007AC JAIME MARINS DE JESUS GEOVAH BENJAMIM DOS SANTOS ALMIR PEREIRA DE LIMA MARIO DOS SANTOS MARIO DOS SANTOS IVO GAMA UMBERTO LOURENCO DA SILVA JAYME FERREIRA DE OLIVEIRA ENNY COUTINHO LEMOS ENNY COUTINHO LEMOS AMERICO VESPUCIO DE ABREU CONTREIRA FLAVIO PELLITO EDUARDO LUIS DE ALBUQUERQUE COTO MEIRAMAR LUIZ DA SILVA IVO GAMA ANTONIO REIS DOS SANTOS GILBERTO MENEZES BRITO NELSON MARQUES JOEL SOUZA DA SILVA EDUARDO SEARES

PROC. 07342008AC 01212008AC 05322006AC 02492009AC 03202009AC 03202009AC 00792008AC 01342009AC 08502007AC 04032008AC 04032008AC 05542009AC 00202006AC 04772006AC 10112004AC 00792008AC 01152008AC 03632009AC 05482005AC 07722005AC 00732007AC

NOMES EDVALDO MOREIRA DE OLIVEIRA EDMILSON DA SILVA DE OLIVEIRA SAMUEL MOURA ANTUNES MARCOS ANTONIO SILVA ANDRADE EDSON NERY DA SILVA AILTON DE OLIVEIRA FERREIRA JAIR NEVES DA SILVA JANDEMIR MERAT LUQUETTI GILBERTO DE JESUS CARLOS ALBERTO FERREIRA DA SILVA CLAUDIO DA FONSECA GODINHO SERGIO BARBOSA LEVY ALVES FELICIANO JOAQUIM FERNANDES FERREIRA VILAS ROBERTO BATISTA DA SILVA OSEAS CORDEIRO PEREIRA JULIO CEZAR DUTRA ANTONIO JOSE SANT ANNA MIRANDA MARCO AURELIO DE BARROS FLORENZANO JOAO CARLOS VIEIRA NUNES DENIZE LUZIA DA SILVA ANTUNES PAULO ROBERTO BLEY CLEBER MARCELO CASTILHO FARIA CARLOS ALBERTO DE SOUZA VELASCO PAULO CESAR AUGUSTO JOSE FERNANDES SEIXAS FILHO GILSON GIL DIAS WILSON DA SILVA VASCONCELLOS JORGE ALBERTO DA SILVA CESAR AUGUSTO DA CRUZ RICARDO BORGES SANTOS FRANCISCO MESQUITA NETO SERGIO VIANA JOAO ALVES FELISMINO JOSE MAURO RIBEIRO TORRES KLINGER PEREIRA FILHO CARLOS JOSE DE SOUZA BATISTA HENRIQUE DO NASCIMENTO SANTOS SERGIO NATALINO DE ARAUJO GENARO FERNANDES DA SILVA JOSE CARLOS ALVES DE ALMEIDA

A Caixa Beneficente da Polícia Militar está passando por alterações no quesito atendimento ao público. Os escritórios, localizados na Praça Tiradentes e na avenida Rio Branco, farão um contato específico cada um com os associados, além de um recadastramente externo também previsto para o fim deste mês. Segundo as novas definições da Caixa, o escritório localizado no número 185/loja 1, da Avenida Rio Branco, realizará os atendimentos para adesão dos serviços, como as pousadas, plano funeral e o Caixa Justiça. Já a loja da Praça Tiradentes, situado na Rua Pedro I, nº 16, ficará responsável somente pela entrada de processos.

PROC. 07852011CH 03592011CH 02452011CH 02732009AC 02942009AC 11762006AC 01482008AC 04282009AC 04132007AC 02502008AC 05962009AC 01872007AC 02402008AC 02572009AC 03862008AC 03162009AC 08222007AC 07862008AC 00942011CH 06012009AC 00722011CH 04962009AC 00862011CH 04872009AC 00712009AC 01472011CH 02082011CH 01752011CH 01992009AC 02862008AC 04712007AC 03242009AC 05292009AC 04902007AC 03822011CH 00712011CH 02122011CH 00882011CH 04522011CH 04792008AC 03682011CH

CARLOS ROBERTO JOSE DE ALMEIDA SERGIO PEREIRA DE OLIVEIRA CARLOS CESAR PEREIRA ALMIR LOURENCO CARLOS ALBERTO SALVADOR SALLES JORGE AURELIO SAMPAIO FERREIRA PAULO SERGIO OLIVEIRA DOS SANTOS EDUARDO ALVARES DOS SANTOS WLADIMIR NASCIMENTO DE BARROS ANTONIO CARLOS CASTILHO DE FREITAS NILTON ALVES BRAGA MAURO FIGUEIREDO DA ROSA ENEDINA DA SILVA SALGUEIRO PAULO RUBENS XAVIER DO CARMO CARLOS ALBERTO SILVA E SOUZA ANTONIO BESERRA RICARDO DA SILVEIRA FURTADO PAULO RICARDO PAUL JORGE BRAGA LUIZ CARLOS DE OLIVEIRA PINTO JOSE DE ALENCAR MARQUES MONTEIRO DE GILMAR MARTINS PACHECO JULIO CESAR RAMOS

02952011CH 03902011CH 04972009AC 03812011CH 02822009AC 02732011CH 01902009AC 07372011CH 00632011CH 00822011CH 01632009AC 05552008AC 05182011CH 04352011CH 01432011CH 00782011CH 03862011CH 02962011CH 00962011CH 00792011CH 00022010CH 00012010CH 00772011CH

JAN / 2011 - PECULIO MORTE DO CÔNJUGE NOMES REGINALDO JOSE DOS REIS DURVAL FELISBERTO DE ATAIDE

PROC. 01622007AC 04392009AC

JUN / 2011 - CAIXA DE PECULIO MORTE CONJUGE NOMES JORGE MARQUES DE OLIVEIRA

PROC. 02602007AC

JUN / 2011 - PARTE RESERVADA PECÚLIO NOMES ALMIR PEREIRA DE LIMA

PROC. 02492009AC

JUN / 2011 - RESIDUO PECÚLIO NOMES ALMIR PEREIRA DE LIMA

PROC. 02492009AC


Aluguel

Edição 25 - Ano 3

Só este ano a Caixa Beneficente já retomou 20 imóveis ocupados irregularmente. O dinheiro desses aluguéis será utilizado para quitação de benefícios de associados.

15

Despejo Diretoria da Caixa impetra ações na Justiça para retomar imóveis

O ex-presidente da Caixa Jorge Lobão é um dos citados, já que há um ano e meio se recusa a pagar o aluguel da sala usada para o Clube de Cabos e Soldados

Com o objetivo de retomar imóveis ocupados irregularmente, a direção da Caixa Beneficente da Polícia Militar impetrou com ações na Justiça solicitando ordem de despejo aos inquilinos que há anos não pagam aluguel. O expresidente da Caixa Beneficente e atual presidente do Clube de Cabos e Soldados, Jorge Lobão, é um dos que podem ser despejados a qualquer momento por ordem da Justiça. Há um ano e

meio, Lobão ocupa o prédio da sede da Caixa, na Rua Pedro Primeiro, 16, Centro do Rio, e não paga pelo aluguel. Houve inúmeras tentativas de negociações por parte da atual administração da Caixa, mas sem sucesso, já que Lobão se recusa a sair do local e muito menos pagar pelo aluguel. Outro processo, já em fase final, é com relação ao não pagamento de aluguel do Detran/RJ, que ocupa uma loja em Madueira de propriedade

da instituição. De acordo com a direção da Caixa, além de querer receber pelos aluguéis atrasados, não há menor intenção em renovar o aluguel com o Detran. “Tenho responsabilidades com os associados da Caixa e sou cobrado por resultados. Por isso, as coisas não podiam ficar como estavam, pessoas usufruindo do patrimônio da instituição, gerando prejuízos para um todo”, ressaltou Chavarry.

Processo movido contra o presidente do Clube de Cabos e Soldados da PM tramita na 10ª Vara Cível


Toda manhã, quando sai para trabalhar, ele se despede da esposa e filhos como se fosse a última vez. Momentos antes de sair de casa divaga em seus pensamentos. “Todos já nascemos com uma passagem de volta, só não sabemos a nossa posição na fila”. Fica se perguntando porque, mas logo percebe que policiais tem um lugar preferencial nesta “fila”. Acha graça, mas logo contém o sorriso para não acordar a família, pois certamente o chamaria de louco por estar rindo de uma situação como esta. Entra no carro, a rua ainda está escura e deserta, pois é muito cedo. O estado de vigilância e consciência, fundamental a todo policial militar, aumenta

a cada esquina. Durante o trajeto observa muitos trabalhadores nos pontos esperando ônibus; uns com olhar perdido; outros ainda cochilam; alguns fumam, transparecendo a ansiedade e o possível atraso. Neste momento se consola, pois lembra que muitos colegas não têm carro e precisam disputar o ônibus, aumentando ainda mais o risco e antecipando seu lugar na “fila”. Recorda a história de um colega de farda que perdeu a vida, ainda recruta, quando dormia em um coletivo voltando para casa. Lembrou também, que na folga de amanhã, terá que comparecer ao fórum para depor sobre uma ocorrência que já nem lembra mais. Com

“Porque somos heróis anônimos, mesmo com o sacrifício da própria vida”.

Pedro Chavarry

uma freada repentina do veículo à frente, novamente é despertado dos devaneios. Vem a vontade de falar uns desaforos ao motorista, mas logo percebe que ele reduziu porque viu uma viatura que atendia a uma ocorrência de capotamento com vítimas, nada muito grave, mas que poderia se transformar num grande acidente, não fosse pela intervenção dos PMs, que haviam chegado primeiro ao local e já estavam prestando os primeiros cuidados, tão essenciais àquela família. Com a cena, ele logo encontra a resposta para a pergunta que fazia quando saia de casa. “Porque somos heróis anônimos, mesmo com o sacrifício da própria vida”.

Presidente da Caixa Beneficente

cbpm  

journal, news

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you