Issuu on Google+

R$ 3,50

National History

Conjuração mineira  O plano dos inconfidentes

A formação dos grupos

 Os conspiradore s são traídos

A luta pela independência As vidas que custaram e os planos que falharam Edição 1/ lançamento maio/2011

A reação do governo


BENEZA A BELEZA DE VENEZA


REVISTA: NATIONAL HISTORY EDITORA: GERMINARE NEWS PUBLICADA: 30 DE MAIO DE 2011 VERSÃO: 27

ESCRITA POR: ALINE AUGUSTO DA CARVALHO................JORNALISTA E DIREÇAÕ DAS REDAÇÕES RAFAELA ALVES PADUA......................... JORNALISTA E PUBLICITARIA E EDITORA CHEFE MARIA CLARA FERREIRA DE JESUS............. JORNALITA E DESING DE IMAGENS MILENA NOGUEIRA DA LUZ ....................... JORNALISTA E EDITORA JULIA DE ABREU MANOEL...................... JORNALISTA E DESING DA CAPA TEMA: CONJURAÇÃO MINEIRA DEDICADO: PROFESSORA DE HISTORIA Carollina

Carvalho Ramos de Lima


FERNADA DA LIMA PITANGA Gostaria de saber por que Tiradentes foi apontado como líder da Inconfidência?

ROGERIO FERRAZ FILHO Adorei a revista de vocês pois aproveitei muito, já que ampliei meu conhecimento com ela. Mas tenho uma duvida. Minas lutava pela independência do Brasil ou apenas de sua região

Fernanda esclarecendo sua pergunta muitos historiadores apontam que Tiradentes não tinha condições o suficiente para governar, mas confessou que foi o responsável pela inconfidência .

Rogério respondendo sua pergunta Minas pretendia 1° declarar a independência e sua região, ele pensava em lutar pela independência do pais mais isso era apenas um pensamento e como a inconfidência não progrediu a independência do pais não foi concluída


Colônia vive intenso controle fiscal por parte da Coroa Havia um movimento chamado Conjuração Mineira que teve o objetivo de tornar Minas Gerais um estado livre, e que desejava implantar a republica como forma de governo.

. Esta é a bandeira da Inconfidência que teria inspirado a atual bandeira de Minas Gerais.

Os participantes se reuniram para discutir seus planos e inspiraram-se nas Ideias Iluministas da França e da Independência dos Estados Unidos da América .

Nem mesmo a bandeira passou despercebida pelos subversivos, que pretendiam apresentá-la branca e com uns dizeres em latim que significa ” liberdade ainda que tardia” . Os participantes lutariam se a derrama fosse lançada

Representação de Visconde de Barbacena , que capturou os inconfidentes


GORGEOUS SHOES


Por JULIA DE ABREU MANOEL

O grupo de Inconfidentes era formado por diferentes origens sociais só que a maioria de uma elite que tinha acesso a fontes iluministas por meio de vínculos com a Europa. O site Sua Pesquisa diz que: “A idéia do grupo era conquistar a liberdade definitiva e implantar o sistema de governo republicano em nosso país.” A seguir, leia o perfil de alguns dos inconfidentes:

Nome: Tomás Antônio Gonzaga ou Dirceu Nascimento: Miragaia, Portugal dia 11 de agosto de 1744 Morte: Ilha de Moçambique, Moçambique em 1810 Ocupação: Jurista, poeta e ativista político.

Nome: Cláudio Manuel da Costa Nascimento: Vila Ribeirão do Carmo, Minas Gerais em 5 de junho de 1729 Morte: Vila Rica, Minas Gerais em 4 de julho de 1789 Ocupação: Poeta


Nome: Inácio José de Alvarenga Peixoto Nascimento: Rio de Janeiro em 1744 Morte: Ambaca, Angola, 1793 Ocupação: Advogado e poeta brasileiro

Nome: José da Silva e Oliveira Rolim Nascimento: Diamantina, 1747 Morte: Diamantina, 1835 Ocupação: Padre e Traficante de escravos e diamantes

TOLTZ Ver as horas nunca foi tão divertido


Por RAFAELA ALVES PADUA O plano dos inconfidentes mineiros estava em bom andamento, foi combinado que eles se reboleariam caso a derrama fosse lançada. A coroa pretendia lançar a derrama, porem Joaquim Silveiro dos Reis ( um dos inconfidentes) contou o plano para a coroa, em troca de saldar suas dividas com ela. Assim Visconde de Barbacena ( governador do Brasil) cancelou a derrama para que não houvesse rebelião e prendeu todos os inconfidentes.

Imagem representando Tiradentes,apontado como responsável pela inconfidência Mineira

Encontro entres os inconfidentes no planejamento da rebelião

Tiradentes foi apontado como o responsável pela inconfidência e foi condenado a morte por mandato da rainha D. Maria I. os inconfidentes esperaram aproximadamente 3 anos para o julgamento. Alguns foram inicialmente condenados a morte também mas receberam clemência da Rainha, sendo assim exilados em locais da África como Angola e Moçambique. Apenas Tiradentes foi condenado a morte por ser o “responsável” da inconfidência ( ela serviu á Coroa para desencorajar outras rebeliões que poderiam acontecer.)


Por ALINE AUGUSTO DE CARVALHO

1789, início de fevereiro. Os Inconfidentes recebem a notícia de que a derrama seria feita só no mês seguinte. Mas porque? Como souberam? O plano foi descoberto pois um dos inconfidentes, Joaquim Silvério dos Reis, a fim de anular seu grande número de dívidas delatou ao cobrador o plano que fora feito. Imediatamente a derrama foi adiada para o mês seguinte, fazendo com que o plano fracassasse. Embora esse movimento não tenha sido bem sucedido foi um movimento muito importante para a independência brasileira.

Jornada dos Mártires, por Antônio Parreiras. Retrata a passagem, em Matias Barbosa, dos inconfidentes presos.

O grupo foi preso mas somente um deles foi condenado a morte ,Joaquim José da Silva Xavier, Tiradentes.


Por MILENA NOGUEIRA DA LUZ Joaquim José da Silva Xavier, Foi o personagem mais importante na inconfidencia mineira. Nasceu no dia 12 de Janeiro de 1746, em Minas Gerais. Com a morte dos pais, dicou nos cuidados de um padrinho. Se dedicou também às práticas farmacêuticas e ao exercício da profissão de dentista, com isso ganhou o apelido de Tiradentes. Começou a trabalhar para o governo no reconhecimento e levantamento do sertão brasileiro. Com isso, começou a se aproximar de grupos que criticavam o modo que Portugal explorava o Brasil. Se mudou para o Rio de Janeiro, onde permaneceu 1 ano. Lá realizou projetos para os rios da cidade,mas nenhum foi aprovado.Com isso a vontade de ser liberto da metrópole só aumentou.

Tiradentes sendo enforcado


Assim se juntou com outros revoltados, em um grupo chamado Inconfidentes. Esses se reunião em lugares longe de olhares das pessoas (já que pretendiam permanecer com o grupo secretamente). Marcaram a revolta para o começo de fevereiro. Mas nesse mesmo mês um dos inconfidentes conta toda as revolta para o governador, em troca do perdão de suas dividas. O primeiro inconfidente a ser preso foi Tiradentes, depois todos os inconfidentes foram presos com penas pequenas. Mas para poupar seus amigos, Tiradentes diz ser o líder da revolta. Assim, ele é condenado a forca. No dia 21 de Abril de 1792, Tiradentes é enforcado. Logo após, seu corpo é esquartejado e exposto em praça publica para todos tomarem como lição o que acontece com revoltados. ‘’ A figura de Tiradentes foi controvertida tanto para a metrópole como para os brasileiros’’.

Tiradentes morto e esquartejado pela Coroa


Sensation

Sinta mais e se derreta !!


Revista National History