Issuu on Google+

►política

Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente se reúne hoje Orgão tratará, entre outros temas, de novos critérios para eleição de conselheiros tutelares ■Pág. 4

ANO 1 | EDIÇÃO 53 | DIÁRIO | quinta - feira, 11 de abril DE 2013 - R$ 1,00 Circulação nos municípios de Cachoeirinha, Gravataí, Alvorada, Canoas e Sapucaia do Sul ►incêndio br quim

Vítima de incêndio da BR Quim ainda precisa de doação de sangue Esposa do funcionário Diego do Nascimento, Fernanda Sessim da Silva deu entrevista exclusiva para o Correio de Cachoeirinha e contou como está a situação do marido ■Páginas centrais ►talentos da cidade

►geral

Nova reunião para definir polo de Instituto Federal em Cachoeirinha ■Página 5

►Gravataí

Condomínio de empresas lança obras e anuncia a criação de 5,5 mil empregos ■Página 8

Confira a história de Vinicius Brasil, o Guerreiro Poeta

►polícia

Projeto prevê prisão de policial que se omitir em caso de violência contra mulher

■Página 9


Pág. 2 ■ Cachoeirinha, 11/04/2013

Opinião correiodecachoeirinha@gmail.com 3497-1078

Doação de sangue

Diego do Nascimento D’Almeida, que está internado no hospital por conta do incêndio que atingiu a BR Quim, em Cachoeirinha, precisa de doações de sangue para repor o que já foi

utilizado, de qualquer tipo. Quem quiser doar pode se dirigir ao Hospital Conceição, em Porto Alegre, das 7h30min às 17h, de segunda a sexta, e das 7h30min às 12h aos sábados. LOTERIAS

Opinião Maracutaia grossa à vista! A discussão da PEC 37 parece uma disputa entre promotores e delegados. Essa mudança quer retirar do Ministério Público (MP) o direito de investigar, deixando-o como matéria exclusiva da Polícia Civil. O pano de fundo é a possível existência de uma excessiva concentração de poder no MP. Parece, mas não é. No cerne dessa proposta do deputado Lourival Mendes, esconde-se uma safadeza das grossas. Esqueça-se de investigação de “bagrinhos”. As cadeias estão cheias deles. O ponto central é a investigação do crime organizado, dos crimes de “colarinho branco” e da Lei da Ficha Limpa. A classe média pode ter nojo de política. Os corruptos, pelo contrário, gostam e despejam nela muito dinheiro. Delegados e promotores são recrutados por concurso público. Há bons e maus promotores e delegados, porém, há uma importante diferença no exercício profissional. Os policiais são subordinados ao Executivo. Exercem a política de segurança pública do grupo político dominante. Podem ser promovidos, removidos ou rebaixados em função da avaliação política de seu desempenho. O Ministério Público é um órgão de Estado, com atuação autônoma. Administrado, exclusivamente, por membros da entidade. Ao governador do Estado cabe apenas escolher um, dentro de uma lista tríplice previamente apresentada pela instituição. Não podem ser transferidos de modo arbitrário, nem ter seus salários reduzidos. Do ponto de vista da sociedade, sairemos fortalecidos ou enfraquecidos se ela for aprovada? Quem tem mais condições de resistir às pressões? A propósito, a Constituição de 1988 fará 25 anos. Quantos casos de abuso de poder foram praticados pelo MP em todo esse período? O silêncio é a resposta. Luiz Fernando Oderich| Da ONG Brasil Sem Grades

Uma empresa do Grupo 2M Ltda

CNPJ nº 03.851.285/0001-62

PREVISÃO DO TEMPO

quinta-feira Mín.18°, máx. 30° Sol com muitas nuvens. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Artigo do dia

Divulgação de dívida ativa pela Serasa Em notícia veiculada na página da Secretaria da Receita Estadual/RS na internet, em 13 de dezembro de 2012, o governo anunciava a possibilidade de inclusão de devedores contumazes em banco de dados privado restritivo de crédito, administrado pela empresa Serasa S.A. Até então se tratava apenas de ameaça, porém o Sefaz/ RS e a empresa Serasa S.A. firmaram o Convênio nº 4798/2010, publicado em 31/01/2012, com o objetivo de disponibilizar as informações relativas às inscrições na Dívida Ativa da Fazenda Pública Estadual no banco de dados privado, prática que hoje se confirma. O procedimento adotado pelo Estado do Rio Grande do Sul inviabiliza o exercício da atividade econômica e cria uma via oblíqua para cobrança dos débitos tributários. Qualquer negociação para compra de matéria-prima, insumos e acesso ao crédito em instituições financeiras privadas restam inviabilizadas diante do cadastro negativo junto a Serasa. Nesse sentido, afirma-se que o procedimento adotado pela Sefaz/RS atenta contra o livre exer-

cício da atividade econômica, previsto no artigo 170, parágrafo único da Constituição Federal, que assim versa: “É assegurado a todos o livre exercício de qualquer atividade econômica, independente de autorização de órgãos públicos, salvo nos casos previstos em lei”. Além disso, a inserção das informações quanto à dívida ativa da empresa em banco de dados privado, consultado por fornecedores e demais instituições financeiras, equivale à interdição do estabelecimento, pois em muitos casos as empresas não conseguem adquirir sequer a matéria-prima para produção. O STF decidiu em desfavor dos estados quando da adoção de meios de execução indiretos com intuito de coagir as empresas ao pagamento ou parcelamento de débitos tributários, conforme os enunciados sumulares nº 70, 323 e 547 do STF. As empresas que se encontram inseridas no banco de dados da empresa Serasa decorrente da existência de dívida ativa devem questionar judicialmente, já que se trata de procedimento vedado pela Constituição Federal e pelo STF. Fabiano Simon de Vargas | Advogado

Os artigos publicados com a assinatura nesta página não traduzem necessariamente a opinião do jornal e são de inteira responsabilidade dos seus autores. As cartas para o Espaço do Leitor, com a assinatura´, endereço, númnero de Identidade e Telefone de contato para confirmação deverão ser enviadas para o e-mail da Redação do Correio de Cachoeirinha: correio de cachoeirinha@gmail.com Por razões de clareza ou espaço, as cartas poderão ser publicadas resumidamente.

Representante Comercial:

Jornal Diário Oficial dos Municípios Ltda | CNPJ nº 08070493/0001-48 | Tiragem – 8.000 exemplares | Avenida General Flores da Cunha, nº 1320 sala 802 - Cachoeirinha - RS | CEP: 949100-002

(51) 3272-9595

Fone: 51 - 34971078 | Acesse o site: www.correiodecachoeirinha.com

Diretor geral: Moacir Oliveira Menezes | Departamento comercial: Grupo de Diários | Redação: Carolina Candido, Caroline Weigel , Thiago Kittler | Diagramação: Carolina Candido| Colaboradores: Iara Maurente, Roberto Teixeira, Alexandre Marques


Cachoeirinha, 11/04/2013 ■ Pág. 3

Alta do tomate no Brasil provoca desabastecimento na Argentina

Comunidade correiodecachoeirinha@gmail.com 3497-1078

A alta do tomate no Brasil está provocando desabastecimento nos supermercados do outro lado da fronteira, na Argentina. A diferença é grande. No Brasil, o quilo do

tomate tem custado em torno de R$ 8. “Um quilo não dá para pegar, está muito caro. Então eu venho e pego dois, três, conforme o que eu vou usar mesmo”, afirma a dona de casa Rosa Pereira.

Enquete

Você deixou de comer/comprar tomate por causa da alta dos preços? Qual a solução para mudar essa situação? Fotos divulgação/CC

“Sim, deixei. Na feira o tomate estava R$ 3,99, o que deixa caro é os atravessadores, até chegar ao mercado muitos ganham uma beirada, assim como a cebola. A solução é plantar no quintal”.

“Hoje em dia são um ótimo investimento (risos), melhor que comprar terra! Na real, ainda não [deixamos de comprar], mas diminuímos bastante o consumo. Antes o consumo da família era entre dois e três quilos por mês. Agora eles compram apenas um quilo”.

“Não deixei, pois alguns estabelecimentos aqui da minha região estão vendendo a um preço razoável. Não sei explicar, mas parece que o SUPER aumento não chegou aqui. Não vi em nenhum veículo de comunicação uma explicação sobre esse aumento... E o mais engraçado é que em alguns lugares estão vendendo por um preço bem razoável, como é o caso da minha região”.

“Não deixei, porque fui ao Ceasa e comprei uma quantia verde e outra pequena quantia madura. A solução é ir ao Ceasa, vale a pena”.

Saionara Pereira, 46 anos, moradora da Villa City.

Cléber Freire, 23 anos, morador de Gravataí

Maria Fernanda Martins Asconavieta, 31 anos, moradora de Gravataí.

Valderi Müller dos Santos, morador do bairro Jardim Vitória.

participe | dê sua sugestão | Critique | Interaja

Facebook/correiodecachoeirinha


Pág. 4 ■ Cachoeirinha, 11/04/2013

Política correiodecachoeirinha@gmail.com 3497-1078

Lula e Bono discutem “Bolsa Família Mundial” O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta terça-feira que está “muito feliz” com o fato de o cantor Bono Vox, da banda U2, ter escolhido o Bolsa Família como exemplo mundial de programa social bem-sucedido. — Bono é uma

máquina de produzir ideias. Mas o importante é que ele está preocupado em internacionalizar as políticas públicas e sociais do Brasil — afirmou Lula, após se encontrar com o cantor, na capital britânica.

Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente se reúne hoje

Assume o novo líder da bancada do PSB

Orgão tratará, entre outros temas, de novos critérios para eleição de conselheiros tutelares

O

Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica) se reúne a partir das 9h, na sala dos Conselhos, na Prefeitura de Cachoeirinha – avenida Flores da Cunha, 2209. As reuniões do grupo acontecem todas às segundas quintas-feiras de cada mês. Segundo a representante da Associação Amigos Voluntários (AAV) no conselho, Lorete Ester Terra, estão na pauta um edital para trabalhos sociais com crianças e adolescentes e a discussão sobre a reforma da lei que rege o conselho, visando a melhor qualificação dos conselheiros tutelares. O Projeto de Lei (PL) está sendo elaborado pelo Executivo e será posteriormente enviado à Câmara de Vereadores para apreciação.

Hoje, só Ensino Médio e maioridade bastam Os únicos critérios, atualmente, para a candidatura a conselheiro tutelar são o Ensino Médio completo e a maioridade. Pelo novo regramento, o Conselho Tutelar será composto por cinco mem-

bros titulares e cinco suplentes, cada um com mandato quatro anos e permitida uma única recondução (reeleição). Os postulantes ao cargo deverão fazer inscrição, responder prova de conhecimento, comprovar trabalho com crianças e adolescentes e capacitação nos dois anos anteriores com o mínimo de 80h em cursos afins. Além disso, deverá frequentar curso administrado pelo Comdica e passar por avaliação psicológica. O Comdica, responsável pelo Conselho Tutelar e eleição dos conselheiros, tem, hoje, seis representantes do poder público e outros seis da sociedade civil.

Encerramento das atividades do Projeto Março Lilás Na última quinta-feira, o vereador Marco Barbosa visitou a Unidade de Estratégia de Saúde da Família Otacílio Silveira. Localizada no Bairro Anair, a unidade recebeu o encerramento do Projeto Março Lilás. O programa que defende a igualdade entre homens e mulheres, teve durante o mês de Março atividades nos centros de Referência da Assistência Social e nas Unidades Básicas de Saúde, além de teatro e outras ações voltadas para as mulheres do município.

No encerramento foram diversas as atividades como atendimento odontológico, massoterapeutas e manicures que estiveram à disposição das mulheres do bairro. A ação também teve palestras com atividades de recreação e sorteios. Marco Barbosa também visitou a Unidade de Estratégia de Saúde da Família Otacílio Silveira, em função das melhorias ocorridas na última semana. O local recebeu uma nova pintura, passou por uma reforma nos banheiros e ganhou um novo consultório.

Em Gravataí

A maior bancada da Câmara Municipal de Cachoeirinha nomeou na sessão da última terça-feira, quais serão os parlamentares lideres de bancada. O Partido Socialista Brasileiro (PSB), que possui o maior número de representantes na Câmara, indicou o Vereador Renato Sparremberger como Líder de sua Bancada. “É uma indicação, fruto de diálogo no partido, que me lisonjeia muito. Iremos atuar de forma coletiva, com responsabilidade, firmeza e transparência. Tudo pelo bem comum dos trabalhos legislativos e da cidade”, disse o Vereador Renato Sparremberger. Segundo os membros do partido, levou-se em consideração a história política de Renato e sua experiência dentro do partido. “É uma honra e uma imensa responsabilidade ser líder da bancada doPSB na Câmara Municipal de Cachoeirinha, vamos atuar com muita dedicação agindo como voz da população no Legislativo”, enfatiza o vereador Renato Sparremberger. Na mesma data também foi escolhida a Vereadora Jacqueline Ritter como Vice Líder da bancada e o Vereador Marco Barbosa como Líder do Governo na Câmara, substituindo o Ex-líder Vereador João Tardeti, que assumiu a Secretaria Municipal de Saúde e em seu lugar tomou posse o suplente Santo Edir (Chapolim).


Cachoeirinha, 11/04/2013 ■ Pág. 5

Petrobras deve anunciar nova plataforma no Estado

Geral correiodecachoeirinha@gmail.com 3497-1078

A Petrobras deve anunciar uma nova plataforma de petróleo no Rio Grande do Sul. Um contrato para a operação da P74 será assinado pela presidente Graça Foster em visita a Porto Alegre, marcada para esta sexta-feira. O anúncio será feito durante um evento na sede da Federação das Indústrias do Rio Grande do

Sul (Fiergs), na zona Norte da Capital. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da Fiergs. Graça Foster, acompanhada de outros cinco diretores da empresa, vai apresentar o plano de negócios e gestão 2013-2017 da empresa e as oportunidades para o Estado.

Investimento na educação

N

Nova reunião para definir polo de Instituto Federal em Cachoeirinha ocorreu ontem

a manhã de ontem, 9, os professores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRS), Jéferson Funchal e Denírio Marques, se reuniram com o Prefeito Vicente Pires, a secretária de Educação, Elisamara Roxo, a secretária de Cidadania e Assistência Social, Isabel Medeiros, e a diretora de Trabalho, Sueme Pompeo de Mattos, para discutir a viabilidade técnica e estrutural de uma parceria do instituto com o município, que vai oferecer cursos gratuitos de formação continuada à população. Se concretizada a parceria, a Prefeitura e o IFRS irão oferecer o chamado Bolsa-Formação, que

são cursos gratuitos e com uma bolsa-auxílio para o transporte e a merenda do estudante. A proposta é que o município faça o levantamento da demanda, abra as inscrições e ceda o espaço; o instituto entra com as aulas e os materiais didáticos. A maioria dos cursos oferecidos exige apenas ensino fundamental e a idade mínima para participar é 15 anos. Os interessados em se inscrever deverão atender a alguns critérios, a serem definidos pelas secretarias envolvidas. Inicialmente, serão oferecidos apenas cursos de formação continuada e, posteriormente, a ideia é que sejam disponibilizados também cursos técnicos.

■professores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRS), Jéferson Funchal e Denírio Marques, se reuniram com o Prefeito Vicente Pires, a secretária de Educação, Elisamara Roxo, a secretária de Cidadania e Assistência Social, Isabel Medeiros, e a diretora de Trabalho, Sueme Pompeo de Mattos

O foco do instituto é especialmente formar profissionais para pequenas e médias empresas, o

que atende às necessidades de Cachoeirinha. A parceria deve ser concluída até junho.


Pág. 6 ■ Cachoeirinha, 11/04/2013

Pouco mais de 15 dias Quim, vítima ainda preci

Esposa do funcionário Diego do Nascimento, Fernanda Sessim da Silva deu entrevist

O

incêndio que atingiu a BR Quim no dia 22 de março ainda reflete na vida de Fernanda Sessim da Silva, 21 anos, esposa de Diego do Nascimento D’Almeida, 26 anos, funcionário da empresa, que ficou gravemente ferido na tragédia. Com 50% do corpo queimado, Diego está desde o dia do acidente sendo atendido no Hospital Cristo Redentor em Porto Alegre. “Eu estava trabalhando e meu irmão me ligou para dizer que havia ocorrido um acidente ali perto da empresa do Diego. Ele me pediu para ligar para o meu marido”, conta Fernanda, em entrevista exclusiva ao Correio de Cachoeirinha. O celular estava desligado, já que naquela área era proibido utilizar o equipamento. “Eu liguei para um amigo dele, que me contou o que havia ocorrido. Na mesma hora, corri para o hospital Padre

Jeremias (onde ele foi atendido por primeiro)”, relata. No momento do incêndio, Diego virou rapidamente de costas, queimando a parte das costas, das coxas e braços. O rosto não sofreu nenhuma queimadura. “O pior do incêndio foi porque era um produto químico. Se fossem só as chamas, não teria ■Diego, Luana e Fernanda queimado tanto o que quem deveria estar corpo dele”, explica Fernanda, comple- em cima do tanque setando que Diego sofreu gurando a mangueira era queimaduras de 1º, 2º e 3º ele, e não o Robson, mas naquele dia eles tinham grau. No hospital, Diego feito diferente, ele ficou perguntou como estava embaixo já que o Robson o colega que estava aju- se ofereceu para subir”, dando no processo, Rob- relata Fernanda. Atualson Luís Canabarro, que mente, Diego, que trabafaleceu no incêndio. “Foi lhava na BR Quim como difícil contar para ele, ele auxiliar de logística I, não estava bem preocupado está mais na UTI, mas o com o Robson. Ele disse processo de recuperação

é lento. “Risco sempre tem, mas ele se esforça, quer se recuperar. No 3º debridamento (processo de raspagem e limpeza da pele), ele reclamou de muita dor, falou coisas incoerentes, mas o lembrei da sua filha, Luana, de 1 ano e 11 meses, dizendo que ele precisava lutar por ela”, declara a esposa. Com o auxílio da fisioterapeuta, Diego do Nas-

cimento já consegue se sentar, apoiado na maca, mexe os braços e pernas, mas ainda não caminha, pois os enxertos não foram feitos. “O médico disse que a pele dele ainda não está preparada para receber o enxerto. Ela precisa estar limpa o suficiente para que ele retire do próprio corpo a pele e cubra a área afetada”.


Cachoeirinha, 11/04/2013 ■ Pág. 7

após o incêndio na BR isa de doação de sangue

ta exclusiva para o Correio de Cachoeirinha e contou como está a situação do marido

Recuperação Após o incêndio, os médicos se surpreenderam ao perceber que o acidente não havia afetado nenhum órgão dele. “Ele recebeu, nos primeiros dias, bastante soro, para hidratação. Por sorte, no momento da explosão, a fumaça do incêndio foi pra cima, não atingiu ele diretamente”. Fernanda se divide entre os cuidados com Diego e os cuidados com a pequena Luana Heloá Cabral D’Almeida. “Minha sogra e meus pais tem me ajudado bastante. Nunca pensei que fosse enfrentar uma barra dessas, a gente não espera essas coisas. Mas pelo menos ele está bem, em nenhum momento ele

ficou inconsciente, e ele se esforça bastante para melhorar, para ficar 100% novamente”, declara. A previsão é de mais dois meses de hospital, e depois disso uma longa recuperação em casa. No momento, o que a família precisa é de doadores de sangue, de qualquer tipo, para cobrir o sangue utilizado por Diego, principalmente nas trocas de curativos. “Quando ele vai para o bloco, ou quando precisa trocar os curativos, ele perde muito sangue. Acredito que ele já tenha utilizado umas 10 bolsinhas de sangue, mas por enquanto, apenas cinco pessoas foram doar”, explica a jovem.

Como doar sangue? Quem quiser ajudar, pode se dirigir ao Hospital Conceição, em Porto Alegre, das 7h30min às 17h, de segunda a sexta, e das 7h30min às 12h aos sábados, e fazer a doação para Diego do Nascimento D’Almeida. O paciente precisa de doadores de qualquer tipo sanguíneo.

você leu no


Pág. 8 ■ Cachoeirinha, 11/04/2013

Corte de árvores do Gasômetro segue suspenso

Geral correiodecachoeirinha@gmail.com 3497-1078

O Ministério Público e a Procuradoria-geral do Município não entraram em acordo sobre o corte das árvores no entorno da Usina do Gasômetro, na Capital. Ele seguirá suspenso por tempo indeterminado.

A decisão foi tomada após uma audiência de conciliação realizada nesta quarta-feira na 10ª Vara da Fazenda Pública no Foro Regional da Tristeza, na zona Sul da Capital. O encontro foi mediado pela juíza Nadia Mara Zanella.

Gravataí

Condomínio de empresas lança obras e anuncia a criação de 5,5 mil empregos Política de atração de empreendimentos do município foi decisiva para a vinda da GLP, instalada no km 11 da ERS-118

A

Global Logistic Properties (GLP), um dos principais fornecedores de condomínios logísticos do mundo, lançou oficialmente na manhã desta quarta-feira (10) as obras de construção da unidade de Gravataí, no km 11 da ERS-118. Localizada em uma área de 25 hectares, o investimento de R$ 150 milhões vai gerar dois mil empregos diretos e outros 3,5 mil indiretos. A principal vantagem de um condomínio logístico é o rateio de custos. O inquilino do GLP Gravataí terá uma infraestrutura completa de serviços, como restaurante, refeitório, área de descanso para caminhões, segurança 24 horas, auditórios entre outros. O empreendimento consiste em cinco galpões modulares – além de infraestrutura de serviços – direcionados para indústrias leves, operadores logísticos, empresas de transporte, e-commerce (vendas pela internet), atacadistas e varejistas. Na prática, empresas contratam a locação desses espaços para serem usados para armazenamento e distribuição de produtos. A previsão dos empreendedores é de que em novembro próximo os dois primeiros galpões estejam prontos para funcionamento. O prefeito Marco Alba ressaltou a importância da política de atração de novos empreendimentos do município, inicia-

da ainda no governo de transição de Acimar Silva (2011/2012): “São os empreendedores que geram riqueza, trabalho, renda e os recursos que vão para os cofres públicos, por isso temos de tratá-los com competência e respeito no encaminhamento de licenciamentos e das análises técnicas”. “É com muita satisfação que estamos lançando o empreendimento GLP Gravataí na mesma semana em que a cidade completa 250 anos. Também é um momento histórico para a GLP, pois é o lançamento do primeiro condomínio logístico de padrões mundiais aqui na região”, afirmou o diretor-presidente da GLP no Brasil, Scott Pryce. O empresário ressaltou o bom encaminhamento e a acolhida que teve na Prefeitura de Gravataí. Pryce explicou a natureza de funcionamento da GLP: “Somos uma empresa que constrói centros de distribuição de alta qualidade nos melhores mercados do mundo. E em cada mercado no qual estamos presentes somos os líderes”. O dirigente disse que a escolha recaiu sobre Gravataí “em razão do potencial de consumo da cidade, à oferta de mão de obra qualificada na região e à necessidade de melhorar a infraestrutura logística neste mercado”. O representante do parceiro local do empreendimento, Salvadori

■A Global Logistic Properties (GLP), um dos principais fornecedores de condomínios logísticos do mundo, lançou oficialmente na manhã desta quarta-feira (10) as obras de construção da unidade de Gravataí

Incorporações e Participações, o empresário canoense Eltamar Salvadori, destacou o trabalho feito pelo secretário de Coordenação e Planejamento (Secoplan), Cláudio Santos. “Quando procuramos a Prefeitura de Gravataí, percebemos que havia uma postura diferente, e em maio e junho do ano passado fomos recebidos pelo prefeito Acimar”, lembrou Salvadori. Em oito meses, a Prefeitura emitiu as licenças e o alvará para início das obras. “Queremos que a Prefeitura esteja à altura do potencial econômico da cidade”, reiterou Marco Alba.

A GLP Gravataí é resultado de uma parceria com a Salvadori Incorporações e Participações e terá cinco galpões:

- Galpão 1 (8 módulos) – 22.798 metros quadrados - Galpão 2 (4 módulos) – 15.243 metros quadrados - Galpão 3 (5 módulos) – 20.076 metros quadrados - Galpão 4 (10 módulos) – 27.231 metros quadrados - Galpão 5 (10 módulos) – 27.231 metros quadrados


Cachoeirinha, 11/04/2013 ■ Pág. 9

Geral correiodecachoeirinha@gmail.com 3497-1078

Feto é encontrado em lixeira de hospital em Santa Maria Um feto foi encontrado por volta do meio-dia desta quarta feira no banheiro do Hospital de Caridade Astrogildo de Azevedo, em Santa Maria. Segundo a funcionária de plantão, uma senhora chegou ao local pedindo uma consulta com um médico ginecologista, mas não havia hosrário

disponível.A mulher teria, então, pedido licença para ir ao banheiro. Logo depois uma técnica em enfermagem foi até o banheiro e encontrou o feto na lixeira. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento. A mulher não foi identificada.

Rimas de Brasil desde Cachoeirinha Vinícius Brasil, o rapper Guerreiro Poeta, mostra o seu trabalho

C

achoeirinha tem música de todos os estilos. Um dos representantes do hip-hop do município é o músico Vinícius Brasil, que conta a sua trajetória ao Correio de Cachoeirinha. Aos seis anos de idade ele já cantava para o público. “Eu era louco por Raul Seixas. Me apresentei na formatura fazendo playback [dublagem]. Era aquela, ‘vai cair a estrela do céu, vai cair a noite no mar’” – citando a música “Dentadura Postiça”, do cantor baiano. O “Guerreiro Poeta” como é conhecido no meio rap, atualmente, começou assim a se interessar por música. Mas o microfone foi trocado pela bola. “Tentei ser jogador, mas não deu certo. Eu era meia direita, esquerda... Mas foi uma época muito boa. Contudo, ele lembra, veio a “época da malandragem”, com “mil tretas, mil desencontros nos caminhos”. Foi a hora de voltar à música. A descoberta do rap Então na adolescência, Vinícius começou a se interessar pelo “rap Brasil”, que se destacou em meados dos anos 90 com a já clássica estrofe “era só mais um Silva” de MC Marcinho e trabalho de outros artistas como Gabriel, O Pensador e Claudinho e Buchecha. Até um dia que um parceiro lhe apresentou a uma fitinha cassete dos Racionais MCs. “Aí eu ‘chapei’! Era muito parecido com o que eu e meus parceiros vivíamos, era aquela coisa de ‘quebrada’. Isso foi em “90 e poucos”, como ele mesmo conta. Então, em 2004, Vinícius começou realmente a escrever rap seriamente, quando passou a se dedicar também a leitura para ampliar seu conhecimento. “Li todos os livros do Paulo Coelho. O livro O Monte Cinco dele é muito ‘louco’, li três vezes!” Com o grupo Profecia Urbana ele lançou um EP e participou de uma coletânea de músicos de rap de Cachoeirinha. “Colocamos Cachoeirinha no mapa do hip-hop gaúcho”, emplaca. Tocaram pela Região Metropolitana, Serra e também em Santa Catarina.

■Vinícius Brasil, o rapper Guerreiro Poeta

O Guerreiro Poeta

Em 2008 ele inicia a sua carreira solo. “O ‘cara’ diz solo, mas é um monte de gente envolvida no projeto.” Com dez faixas, “Sigo Meu Coração” foi lançado de forma independente em 2010, sendo que o trabalho de criação durou todo o ano anterior, tendo à frente da produção os amigos Rafael e Lula. Vinícius conta sobre o empenho do último, proprietário do Lula Estúdio – Soluções Sonoras. “Ele apostou muito no meu ‘trampo’, se dedicou muito. Fez arranjos, bases.” O álbum foi gravado e masterizado no estúdio de Lula. “Sigo Meu Coração” teve participações especiais, como da mãe do rapper, dona Sirlei, de sua esposa – casaram no mesmo ano, quando também nasceu a filha do casal, Emily –, Tainara e de outros músicos, como Nego Prego, Branco MV, Caras do Rap, Filipe Souel, Dafhini, Nize Black. A capa foi criada pelo “camarada” Marlon ‘Sheep’.

■ Em 2008 ele inicia a sua carreira solo

Amante do drama

■O “Guerreiro Poeta” como é conhecido no meio rap, atualmente, começou assim a se interessar por música

Esse ano deve ser lançado o novo trabalho do Guerreiro, “Amante do Drama”. Vai relatar a batalha, os conflitos do poeta e sua inspiração. “Fala de dor, perda, saudade, fé, família, sonhos e redenção”, explica Vinícius. No próximo trabalho estará a música “Pra Onde Você Foi?”, escrita após um longo intervalo criativo, ocorrido em 2011, quando o rapper perdeu seu pai e pensou em largar a música. Além dela, compõem o disco os singles “Mil Razões” e “Serenatas”.


Pág. 10 ■ Cachoeirinha, 11/04/2013

Polícia correiodecachoeirinha@gmail.com 3497-1078

Homem é encontrado morto em matagal em Gravataí Márcio Lisboa foi morto a facadas em Gravataí 020, em Morungava. Segundo a Brigada Militar, a no início da madrugada desta quarta-feira. O corpo morte ocorreu em decorrência de uma briga de rua foi encontrado em um matagal às margens da ERS ocorrida durante a tarde de terça-feira, 9.

Projeto prevê prisão de policial que se omitir em caso de violência contra mulher

U

Texto será analisado pela Câmara e determina pena de seis meses a dois anos

ma proposta de alteração na Lei Maria da Penha prevê a possibilidade de prisão de policiais que não adotarem medidas de proteção em favor de mulheres em situação de violência doméstica. Isso pode ocorrer caso a omissão termine em morte ou lesão corporal da vítima. O texto foi aprovado nes-

ta quarta-feira pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado e deve seguir direto para a Câmara dos Deputados. Pelo projeto, a pena prevista nesses casos será de seis meses a dois anos de prisão. Por causa dos trabalhos da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) sobre a Violência Contra a Mulher, o

relator da proposta, senador Aníbal Diniz (PT-AC), chegou a recomendar o arquivamento do texto argumentando de que a CPMI apresentará propostas mais bem estruturadas e completas sobre o tema, mas voltou atrás. Diante da defesa do projeto por vários senadores, ele modificou o relatório e aderiu aos colegas.

Conflitos no Oriente A equipe de investigação da 1º DP/Gravatai recebeu uma informação anônima da existencia de uma sala, na Rua Otávio Schemes, n/m, com diversas máquinas. No local, os policiais civis apreenderam dez máquinas completas, porém sem os ‘ceduleiros’ . Uma pessoa foi identificada e responderá


Cachoeirinha, 11/04/2013 ■ Pág. 11

Ana Maria Braga usa colar de tomate

Entretenimento

Ana Maria Braga fez um protesto, durante o programa ‘Mais Você’, nesta quarta-feira (10), sobre a alta dos preços do tomate, nas últimas semanas, em várias regiões do País. A apresentadora estava usando um colar improvisado com o fruto. Enquanto a atração estava no ar, ela publicou

correiodecachoeirinha@gmail.com 3497-1078

uma foto do acessório em seu Instagram com a seguinte legenda: ‘Olha o meu cordão!! Bom dia!! Tomates.’ Já no programa ao vivo, a loira desfilou com o colar e ironizou: ‘É um colar valiosíssimo! Está super em alta no mercado, vale muito! O quilo dessa joia aqui, meu senhor, é o olho da cara!’

Climão! Panicats teriam ficado incomodadas com a volta de Nicole Bahls

A

volta de Nicole Bahls tem gerado desavenças no ‘Pânico na Band’. O motivo? As panicats estariam emburradas com o retorno da moça, em um novo cargo, à atração. No último domingo (7), ao marcar sua chegada, Nicole deu a entender que não será uma panicat novamente, mas sim uma assistente de palco. Segundo a coluna de Fabíola Reipert, o fato teria irritado

Cruzadas

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

Aquilo que Conselho se junta Regional ao objeto de Odonprincipal tologia

Roraima (sigla) "Passar" o café

© Revistas COQUETEL 2011 Fernando Pessoa e John Keats (Lit.) Corrige (a maquiagem)

Compôs o samba Rebanho "Falsa e manada Baiana"

A base da pirâmide social Recuperei

Pós-escrito (abrev.) Estado, em francês

Congrega jornalistas Árvore europeia

Tipo de ônibus para viagens longas Inquirir; perguntar

Relativos ao ensino Novembro (abrev.) Tíbio; morno Crime apurado pelo Conselho Federal de Medicina

Organismo das três Américas (sigla) (?) Robbins, escritor dos EUA

Várzea Ex-Partido da Frente Liberal

Tecla de escape de micros (Inform.)

Pró-(?): assiste a gestante carente

A letra dos maçons 1.055, em romanos

V

A

L

Sílaba de "mouro" Deusa indígena

E

Posição na hierarquia da empresa

Apartamento (abrev.)

Touro: Uma linda Lua Nova no signo de Áries marca novos inícios e sua saúde e trabalho serão altamente beneficiados nesta fase. Semana de boas notícias. Um novo projeto de trabalho pode ser proposto a você nos próximos dias.

Gêmeos: Lua Nova altamente benéfica traz boas novidades e possibilidade de inícios em contatos com grandes empresas, clubes e instituições. Um novo contrato pode ser assinado durante os próximos dias. Ótimo período para trabalhos em equipe.

Leão: A Lua entra em Áries e, em tenso aspecto com Plutão, pode gerar um pequeno problema em um projeto que envolva pessoas de cultura diferente da sua. Solucione o que for necessário calmamente, pois a energia é passageira.

Libra: A Lua entra em Áries e, unida a Plutão, pode trazer à tona emoções mais pesadas ou mais profundas. Você pode ficar chateado com um amigo(a) ou com seu amor. Procure não levar nada tão à sério, pois essa energia é passageira.

Escorpião: A Lua entra em Áries e, em tenso aspecto com Plutão, pode trazer à tona um problema de relacionamento em seu trabalho. É possível que você se chateie, mas procure não levar tão à sério, pois essa energia é muito passageira.

Virgem: Suas emoções continuam à flor da pele, mas agora sem tensão, e com algumas mudanças já feitas, você consegue entender melhor o que devia de fato ter ficado para trás. As finanças e ganhos melhoram consideravelmente.

Aquário: A Lua entra em Áries e faz um tenso aspecto com Plutão, aprofundando emoções e pensamentos. Não se deixe levar pelo pessimismo, pois essa energia é passageira. O momento é ótimo para aprofundas os estudos.

Peixes: A Lua entra em Áries e, em tenso aspecto com Plutão, pode trazer à tona uma preocupação com dinheiro. Se puder adie qualquer decisão para amanhã, pois essa energia é passageira demais para você levá-la tão a sério.

Capricórnio: A Lua

entra em Áries e, em tenso aspecto com Plutão em seu signo, pode trazer à tona um mal estar vivido em família há algumas semanas. Procure não dar muita importância ao fato, pois essa energia é passageira e tudo será rapidamente solucionado.

Acesse nosso site

Cheios de cólera 4/état — olmo. 5/plebe. 6/harold. 10/erro médico. 14/geraldo pereira.

BANCO

Câncer:A Lua Nova chega trazendo benefícios a sua carreira que, depois dos esforços empreendidos nas últimas semanas, apontam para o sucesso. Visibilidade e melhoria da sua imagem profissional chegam como resultados destes esforços.

Áries: Uma linda Lua Nova em seu signo promete grandes inícios e boas notícias em todos os setores, mas especialmente no amor e nas finanças. Semana bastante positiva, que traz de volta tudo o que foi tirado nas anteriores.

Sagitário:A Lua entra em Áries e, em tenso aspecto com Plutão, pode trazer à tona emoções não muito bem vindas por você. O amor ou um romance pode estar incomodando seu coração, mas procure não dar tanta importância, a energia é passageira.

Dígrafo de "sangue"

62

Horóscopo

www.coquetel.com.br

www.coquetel.com.br

as colegas de trabalho de Bahls, principalmente Babi Rossi. A namorada de Olin Batista, inclusive, teria disparado nos bastidores: ‘A outra lá voltou por cima da carne seca’. De acordo com a colunista, Babi se incomodou com a novidade porque achava que ganharia um quadro especial no programa. A panicat Renata Molinaro também seria outra insatisfeita com o novo posto de Nicole Bahls.

Solução R E R O G H A R T

D

E

I N

A C R C O

G E R A L D O P E R E I R A

C S S O P L R E E I T A T I V V I D O E S O M ED A G M A O L D I V O

C I C A T R G S O M

R E T O C A

O

O L I B A

P O E T A S E U R O P E U S

Salas em Cachoeirinha

Arcoplex Shopping do Vale Endereço: Av. Tutor Flores da Cunha, 4.001 - Centro - Cidade: Cachoeirinha, RS. Telefone: (51) 3469-1106

Filme | Sala A Hospedeira – Dub | Sala: Sala 1 | Horário: 14:00 16:30 19:00 21:30

Gi. Joe Retaliação – Dub | Sala: Sala 2 | Horário: 13:50 21:30 Os Croods 3D/Dub | Sala: Sala 3 | Horário: 13:00 15:00 17:00 Jack o Caçador de Gigantes – 3D/Dub | Sala: Sala 3 | 19:00 21:20

www.correiodecachoeirinha.com


quinta-feira, 11 de abril de 2016

U

m discreto endereço na Vila Jardim América abriga um Aos 14 anos o menino letrista que havia conquistado a cidaatelier simples que acolhe um grande talento de nossa cidade com seus talentos e carisma, formou o Estrela - primeiro time de. Manoel Cândido é pintor letrista e outro desses vários de futsal de Cachoeirinha. Aos 16 abriu seu Atelier na Flores da personagens que venho tendo a honra de conversar semanalmente. Um Cunha e declarou sua independência da família indo morar sozinho. admirável senhor, pitoresco em sua essência, cintilante de vivacidade e Enquanto pintor letrista mostrava-se destro artista, no esporte fazia com uma biografia tão vasta de superações que me obriga a refletir sobre torneios, arrumava quadras, angariava fundos para viagens. No denossa atual condição de seres humanos, sempre tão queixosos nos pequecorrer de sua trajetória de futsal acumulou mais de 40 troféus entre nos afazeres e carentes de reconhecimento nas minúsculas conquistas. campeonatos municipais e estaduais. Sob seu comando passaram Filho de barbeiro, Cândido nasceu em Criciúma, Santa Catarina, no jovens atletas da época que hoje se destacam no meio político e dia 28 de outubro de 1950 mas mudou-se para Cachoeirinha aos dois cultural de nossa cidade e adjacências. anos de idade onde, ao lado da família, veio firmar residência na Tamoio, Em maio de 2004 recebeu o prêmio de Cidadão Honorário de rua atrás da igreja São Vicente de Paulo. Aos doze anos foi privado da Cachoeirinha, como reconhecimento de seus serviços prestados a escola ginasial para trabalhar como engraxate em frente a barbearia do nossa comunidade. pai e assim auxiliar no orçamento da casa. Ainda hoje é fácil perceber que a assinatura de Cândido sem “Embora a gente fosse muito pobre (eu ia para escola com os pés dúvida é sua melhor publicidade. Claro, a concorrência no mercado descalços) minha infância me fez adquirir resistência para superar os tornou-se ainda mais acirrada, já que em plena era da tecnologia obstáculos que a vida pudesse me infligir.” é preciso competir com procedimentos eletrônicos e computadoA habilidade na arte em pintar letras aflorou cedo. Certo dia, enquanrizados. Já o atelier Cândido Letreiros ainda não é muito grande, to lustrava sapatos, viu o irmão mais velho desistir de fazer um letreiro continua rudimentar, com sua mesa de trabalho em um canto, paiprovisório na barbearia e resolveu ele mesmo dar continuidade ao tranéis, pincéis e pinturas em outro; um computador modesto para balho. Primeiro recebeu a negativa modernizar com as encomendas do pai, mas depois de pronto foi “Eu ia de bicicleta oferecendo meu trabalho no mais exigentes, mas ainda asidentificado o talento para pintura. sim mantendo o estilo único de E foi dessa forma, simples, rápida comércio local. Como ninguém acreditava que um Cândido. Estilo, este, que algue decisiva, que Cândido aprendeu piá de treze anos pudesse pintar bem uma fachada eu mas máquinas até tentam com na prática como desenhar letras. dizia que se o trabalho ficasse ruim não precisariam sua rápida, atual e tecnológica Então aos 13 anos o menino fran- pagar. Depois de pronto a satisfação dos clientes era precisão copiar, mas que ainda zino percebeu nessa área um ramo tanta que além de receber o que eu cobrava ainda não são páreas o suficiente para promissor e foi trabalhando de es- ganhava mais uma bela gorjeta!” confrontar o resultado humano tabelecimento em estabelecimento de tanta dedicação e de mais de que ganhou, três anos mais tarde, meio século de aperfeiçoamento coragem para abrir seu primeiro atelier. e descobertas. “Eu ia de bicicleta oferecendo meu trabalho no comércio local. “A tecnologia é importante na sociedade de hoje, mas ela não Como ninguém acreditava que um piá de treze anos pudesse pintar bem pode substituir nosso valor humano. Tenho um ótimo casamento, uma fachada eu dizia que se o trabalho ficasse ruim não precisariam pacriei dois filhos com o máximo de amor que pude e hoje vejo eles criando suas próprias histórias de vida. Uma máquina poderia me gar. Depois de pronto a satisfação dos clientes era tanta que além de recemostrar tudo isso, mas jamais me fazer sentir tudo isso.” ber o que eu cobrava ainda ganhava mais uma bela gorjeta!” Respeitando todos os imperativos técnicos Manoel Cândido faz Toda essa vanguarda e atitude contribuiu para forjar um homem com retidão moral e compromisso com seus ideais. de cada um de seus letreiros uma obra de arte.

www.correiodecachoeirinha.com

Ping Pong! Fim de Semana gosto de: Assistir Futebol em casa Música: Gosto das Sertanejas do Sérgio Reis Hobby: Jogar Bilhar Presente que gosta de dar: Roupas Gosto de Receber: Sou um homem simples, o que vier de bom coração me agrada Viagem inesquecível: São Miguel do Oeste - fronteira com Paraná Projeto de Viagem: Vitória - ES Comida preferida: Camarão. O que não pode faltar na geladeira: Cerveja bem gelada. O que não pode faltar na estante: A TV (para assistir meus jogos/risos) Uma crítica: “Precisamos de um hospital mais amplo e com melhores recursos” Um elogio: “A iluminação de Cachoeirinha está realmente ótima” Nossa política está...: Razoável. Nossos políticos estão...: apenas 20% confiáveis! Um exemplo a seguir: Pessoas honestas. Momento marcante: O meu casamento. Queixa de consumidor: O péssimo atendimento na telefonia. Sonho de consumo: Nenhum. Nunca fui um homem consumista Símbolo de bom gosto é: O futebol! Sinônimo de beleza é: Minha netinha, Vitória. Um Mestre: Nelson Bartel - pintor gaúcho Mania: Ficar em silêncio Defeito: Pouco vaidoso Qualidade: Pontualidade O que gostaria de ter descoberto aos 20: Ter aprendido a valorizar mais o meu dinheiro Receita de sucesso: Batalhar e insistir sempre com perseverança nos seus ideais! Uma frase: “Amai-vos uns aos outros como a si próprio”


ANO 1 | EDIÇÃO 53 | DIÁRIO | quinta - feira, 11 de abril DE 2013 - R$ 1,00