Page 1

Dança & Alma Informativo sobre Ballet Clássico

26 DE JUNHO DE 2013

S

CURITIBA| PARANÁ

Ballet faz bem para a saúde? Trata-se de um processo cuidadoso que quando bem orientado melhora a postura e torna a pessoa mais saudável, podendo amenizar ou mesmo sanar problemas físicos como pés tortos e outras deficiências.

egundo estudos terapêuticos a dança clássica pode servir como terapia corretiva. Porém, para que o resultado seja positivo a técnica deve ser muito bem orientada

Entretanto os fisioterapeutas ressaltam que o professor de ballet deve ter conhecimento sobre anatomia e cinesiologia. Em outras palavras, deve conhecer como é e funciona o corpo humano, principalmente em relação aos ossos e músculos

Apesar de ser uma arte, o estudo do ballet clássico é benéfico mesmo para aqueles que não tem interesse algum em ser artista.Além de soltar a imaginação e a criatividade, a prática da dança trás ritmo, musicalidade, amplia o potencial físico e o autocontrole.

PÁGINA 2

PÁGINA 3

PÁGINA 4

AS PRINCIPAIS POSIÇÕES DO

CONHEÇA TODOS OS TIPOS DE BALLET: ROMÂNTICO, CLÁSSICO E CONTEMPORÂNEO.

VOCÊ ESTA PRONTO PARA SUBIR NAS PONTAS ? CONFIRA OS PRÉ REQUISITOS.

BALLET CLÁSSICO. ALÉM DE SUPER CURIOSIDADES.

1


AS POSIÇÕES DO BALLET CLÁSSICO 1. Os braços semiflexionados formam quase um círculo, com as mãos voltadas uma para a outra um pouco abaixo do peito. Os pés precisam estar bem abertos, com os calcanhares se tocando

4. As pernas permanecem uma na frente da outra, como na posição anterior. A diferença é que os pés se afastam 30 centímetros. Os dois braços são mantidos semiflexionados, mas um deles é erguido acima da cabeça 5. Com uma perna à frente da outra, o calcanhar do pé da frente fica na altura da ponta do pé de trás. Aqui os dois braços devem ser erguidos ao mesmo tempo, mantendo as mãos distantes quatro dedos uma da outra 2

2. Aqui os pés ficam bem abertos, como na posição anterior, mas devem estar afastados um do outro. Os braços semiflexionados são abertos ao lado do corpo sem ultrapassar a altura dos ombros

CURIOSIDADE! COMO BAILARINA FICA NA PONTA DO PÉ?

É um mistério imaginar, como um ser pode se equilibrar na ponta dos dedos!! O segredo todo está na sapatilha da bailarina! Ela é feita com a ponta de gesso, e por este motivo, é dura. Através dos exercícios de força e flexibilidade dos pés, a bailarina “molda” a sua sapatilha, tornando-a apta para executar os movimentos. No ínicio, estas sapatilhas eram feitas de ferro. Imagina?! Ainda bem que mudou!!

3.Uma perna permanece à

frente da outra, com o calcanhar da primeira perna tocando o meio do pé que está atrás. Um dos braços fica como na posição 1 e o outro é aberto para o lado como na posição 2

CURIOSIDADE! O QUE É PRECISO TER PARA SE TORNAR UMA BAILARINA?

Para ser um profissional da dança, seja do ballet ou qualquer outra modalidade, é necessário gostar de dançar e ter muita disposição para os ensaios e treinamentos. Outras características são: disciplina, força física, responsabilidade, capacidade de concentração, agilidade, paciência, garra, determinação, capacidade para transpor limites, dentre muitas outras.


OS TIPOS DE BALLET Ballet Romântico

O Ballet Romântico é um dos mais antigos e que se consolidaram mais cedo na história do Ballet. Esse tipo de dança atraiu muitas pessoas na época devido ao Movimento Romântico Literário que já se adequava à realidade da época, pois antes as pessoas diziam que não gostavam de Ballet porque não mostrava nada do real. Os ballets que seguem a linha do Romântico pregam a magia, a delicadeza de movimentos, onde a moça protagonista é sempre frágil, delicada e apaixonada. Nesses Ballets se usam os chamados tutus românticos, saias mais longas que o tutu prato. Estas saias de tule com adornos são geralmente floridas, lembrando moças do campo.

Ballet Clássico

Nestes Ballets procura-se sempre incorporar seqüências complicadas de passos, giros e movimentos que se adaptem com a história e façam um conjunto perfeito. No Ballet Clássico a roupa mais comumente usada eram os tutus pratos, aquelas sainhas finas de tule, marca característica da bailarina, pois permitiam que as pernas da bailarina fossem vistas e assim ficasse mais fácil verificar se os passos estavam sendo executados corretamente.

Ballet Contemporâneo

O Ballet Contemporâneo, mais conhecido por Ballet Moderno, preserva o uso das pontas e gestuais ainda muito próximos do Ballet Clássico. Neste estilo de dança a coreografias começam a ter ideologias diferentes. As roupas usadas no Ballet Contemporâneo são geralmente colants e malhas, como em uma aula normal, para dar maior liberdade de movimento aos dançarinos. É o estilo que vem antes da dança moderna, que esquecerá os passos clássicos, dando ênfase somente aos movimentos corporais

3


BALLET INFANTIL A MELHOR IDADE PARA COMEÇAR.

As crianças brincam, jogam, se divertem e aprendem ao mesmo tempo. Elas aprendem exercícios com movimentos que estimulam a motivação, a criatividade e a expressão.

Nesta fase, a criança aprende a ser mais independente e a controlar as suas habilidades motoras e intelectuais, e a reconhecer as suas capacidades. O ballet infantil está direcionado às crianças maiores de 7 anos já que exige mais disciplina, mais musicalidade e domínio do seu corpo. Através de uma seqüência de exercícios, as aulas seguem movimentos básicos com exercícios de barra e de centro, que têm como meta desenvolver e fortalecer a musculatura das pernas, a postura do corpo e a coordenação motora.

EXPEDIENTE Diretor-Presidente EMANUEL VARELA Diretor-Financeiro LEANDRO SILVA Diretor de Edição MATHEUS CHAVES Diretoria Comercial JOSIANE SILVA Fotografia JAQUELINE NARDINO Redação e Administração CAROLINE BRANDT caroline@brandt Rua Novo Mundo 95 CEP: 81020-380 -Curitiba - PR Fone:(41) 2101-4544 GRÁFICA MKT (41) 3298-1214

você esta pronta para subir nas pontas ? Pré-requisitos para o trabalho de pontas

*Extensão do dedão: A facilidade em empurrar o dedão do pé aplicando uma pressão sobre ele e não encontrar restrições durante o movimento é essencial para o trabalho de pontas.

* Permuta dos dedos dos pés: Tentar levanter os dedos dos pés separadamente é um excelente método para avaliar o controle consciente da pequena bailarina sobre os músculos dos seus dedos. *Arquear a planta do pé: Na planta dos pés, há pequenos músculos cujo controle é essencial para subir corretamente na meia-ponta e em seguida nas pontas. 4

*Extensão do Tornozelo: Uma extensão de tornozelo adequada é essencial para que a bailarina seja capaz de subir nas pontas.

*Outras considerações: Devem se manter o controle do corpo, postura, o controle funcional, o controle dos pés, idade, o estágio de desenvolvimento, mobilidade, altura, o peso e, obviamente, a maturidade da pequena bailarina.

Informativo  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you