Issuu on Google+

Canto do Galo Agrupamento de Escolas Gonรงalo Nunes - Barcelos Revista nยบ6 - junho 2013

D. Ximenes Belo

bispo timorense na nossa escola

Nobel da Paz

1996

p4

p34

ultramaratonista

Carlos Sรก

na EB 2,3 Gonรงalo Nunes


E.B.2,3 GONÇALO NUNES

2 4

Canto do Galo/junho2013

Agrupamento de Escolas Gonçalo Nunes

Corta-mato enche Parque da Cidade

R

ealizou-se no dia 30 de janeiro, no Parque da cidade, o habitual corta-mato do Agrupamento de Escolas Gonçalo Nunes. Esta atividade, organizada pelo grupo disciplinar de Educação Física e do Clube do Desporto Escolar, contou este ano com cerca de oitocentos alunos distribuídos pelos vários escalões etários. Esta atividade não só concentra no parque da cidade quase todo o corpo docente e não docente como também muitos pais e encarregados de educação que, todos os anos, marcam presença para verem os seus educandos lutar por um lugar entre os primeiros. Recorde-se que os primeiros seis alunos por escalão/género, num total de 33, representarão o Agrupamento de Escolas Gonçalo Nunes no Corta-Mato do Desporto Escolar do distrito de Braga. De salientar o trabalho da Polícia de Segurança Pública, que prestou um apoio positivo quer no trajeto escola/parque e vice-versa, quer com a sua presença durante o desenrolar de toda a atividade, assim como dos bombeiros com uma ambulância e pessoal de apoio a primeiros socorros.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONร‡ALO NUNES

EXAMES - 6ยบano da EB 2,3 Gonรงalo Nunes 2ยบ lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

3 5


4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013

Mais um campeão homenageado na nossa escola

Carlos Sá

O

barcelense Carlos Sá, atleta nacional de ultramaratona, grande destaque no panaroma nacional de atletismo, marcou presença no nosso corta-mato. Nascido na Freguesia de Vilar do Monte deste concelho de Barcelos, este atleta atualmente é praticante de atividades de montanha, sobretudo trailer e ultramaratonista. É portador de uma valiosa carreira desportiva destacando-se recentemente o seu recorde mundial de ascensão ao Aconcágua (6962 metros de altitude - maior pico do continente americano).

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Medalhas para os 10 primeiros

A

cerimónia de entrega de prémios contou com a presença da vereadora da Educação e Cultura da C.M. Barcelos Dr.ª Armandina Saleiro, o Presidente da Junta de freguesia de Barcelos, Sr. Alberto Martins, da EMDB, Sr. Ilídio Morais, o atleta Carlos Sá, presidente da Associação de Pais da EB 2,3 de Gonçalo Nunes, Aura Gonçalves, a presidente da Assembleia de Escola, professora Rosário Castro, o diretor do Agrupamento professor António Barros, o subdiretor professor Cassiano Silva e os adjuntos do diretor, professor Alcino Silva e professora Amélia Saraiva.

ENSINO DE QUALIDADE

5


E.B.2,3 GONÇALO NUNES

6 4

Canto do Galo/junho2013

CLASSIFICAÇÕES ESCALÃO Benjamins Femininos 4º Ano EB1 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º

Flávia Silva Cláudia Oliveira Helena Rei Bruna Rocha Bárbara Seara Ana Sousa Inês Cachada Luana Oliveira Ana Rita Gomes Ana S. Ferreira

4ºD 4º I 4ºG 4ºG 4ºB 4ºG 4ºG 4ºA 4ºE 4ºL

ESCALÃO Benjamins Masculinos 4º Ano EB1 Abade de Neiva Aldão António Fogaça António Fogaça Gonçalo Pereira António Fogaça António Fogaça Gonçalo Pereira António Fogaça Bairro 1º Maio

ESCALÃO Infantis A Femininos Nascidos 2002/2003 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º

Diana Alexandra Silva Vânia Costa Ana Cristina Silva Ana Carvalho Beatriz Castro Beatriz Dias Ana Catarina Silva Ana Luísa Carvalho Fabiana Pereira Bárbara Silva

António Vilas Boas Samuel Carvalho Fábio Figueiredo Gonçalo Cardoso Diogo Miranda Pedro Lopes Renato Costa João Martins Rafael Rodrigues Diogo Pinto

João Pedro Abilheira Diogo Pereira João Teixeira Pedro Amaral Daniel Sá André Silva João Barros Luís Vale Luís Carvalho Diogo Castro

ESCALÃO Infantis A Masculinos Nascidos 2002/2003 5º C 5º I 5º C 5º H 5º E 5º D 5º A 5º H 5º L 5º E

1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º

André Miranda Pedro Sá Diogo Braga José Vasconcelos Francisco Gomes Diogo Amorim João Carvalho Guilherme Melo Diogo Nunes Diogo Faria

6º D 7º B 6º G 6º G 6º M 6º H 6º B 6º M 6º K 6º G

1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º

Helena Gonçalves Bárbara Fernandes Maria Céu Neiva Ana Santos Diana Silva Inês Oliveira Liliana Faria Ana Costa Alexandra Santos Rita Sousa

4º D 4º E 4º A 4º E 4º E 4º G 4º G 4º M 4º G 4º G

Abade Neiva António Fogaça Gonçalo Pereira António Fogaça António Fogaça António Fogaça António Fogaça Bairro 1º Maio António Fogaça António Fogaça

ESCALÃO Infantis B Femininos Nascidos 2000/2001 5º K 5º H 5º K 5º H 5º A 5º H 5º H 5º B 5º H 5º K

1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º

Beatriz Caravana Ana Mariz Beatriz Silva Sara Gomes Mónica Costa Mariana Neiva Maria Gomes Inês Mendes Eduarda Barros Catarina Pinheiro

7ºA 6ºC 6ºK 6ºN 6ºG 6ºD 6ºH 7ºA 7ºA 6º J

ESCALÃO Iniciados Masculinos Nascidos 1998/1999

ESCALÃO Iniciados Femininos Nascidos 1998/1999

ESCALÃO Infantis B Masculinos Nascidos 2000/2001 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º

1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º

9º B 8º D 8º A 7º D 7º B 8º B 8º A 8º A 8º C 8º C

1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º

Paulo Ferreira Nélson Sobral Jonathan Miranda Ricardo Gonçalves Carlos Barbosa Rui Oliveira Rui Costa João Loureiro Hugo Loureiro Hugo Azevedo

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO

9º D 9º B 9º D 9º B 8º E 7º D 7º C 8º C 8º B 8º E


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

CLASSIFICAÇÕES ESCALÃO Juvenis Femininos Nascidos 1996/97

1º 2º

Ângela Oliveira Cristina Fernandes

ESCALÃO Juvenis Masculinos Nascidos 1996/97 9º B 8º B

ESCALÃO Juniores Masculinos Nascidos 1994/1995 1º Bruno Gonçalves

JEV 2

José Santos

8º C

Vitor Silva

8º B

Nuno Vieira

9º B

Fernando Machado

JEV1

Carlos Borges

9º C

Bruno Torres

9º B

Mega Sprint, Mega Salto e Mega Km Clube de Desporto Escolar e Grupo Disciplinar de Educação Física

U

m grupo de 22 alunos da nossa escola participou, no dia 9 de março de 2013, no Projeto Mega – Fase Distrital que se realizou na pista de atletismo Gémeos Castro, em Guimarães. Esta iniciativa é dinamizada há cerca de oito anos, através de uma parceria entre a Federação Portuguesa de Atletismo e a Direção Geral da Educação/Desporto Escolar, visando uma articulação de meios e interesses comuns entre o desporto federado e o desporto escolar. A preparação da representação da escola nesta atividade esteve a cargo da professora Luísa Machado e do professor Jaime Carvalho e contou com a cooperação de todos os professores da disciplina. A seleção dos alunos para esta atividade teve por base a realização de torneios intraturmas, nas provas de salto em comprimento, corrida de velocidade e corrida de 1000 metros. ,A participação nesta atividade visa motivar e sensibilizar os alunos para a prática do atletismo e proporcionar-lhes oportunidades de colocar em prática os conhecimentos técnicos da modalidade, adquiridos durante as aulas, numa pista oficial de atletismo. Os nossos alunos participaram em todas as provas com elevado espírito desportivo, grande empenho e boa prestação desportiva. De salientar, entre outras classificações, o 1º lugar obtido pelo aluno António Vilas Boas (6º D) na prova de 1000 metros infantis; o 3º lugar de André Miranda (5º K) no salto em comprimento benjamins, o 4º lugar entre 34 participantes do aluno Pedro Sá (5º H) na final dos 40 metros no escalão de benjamins, os 5º lugares de Ana Jesus (6ºB) e Fabiana Pereira (5ºL) no salto em comprimento de infantis e benjamins respetivamente, bem como o 5º posto da classificação atingido por José Vasconcelos (5ºH) e o 6º de Beatriz Castro (5ºE), ambos na respetiva prova de 1000 metros do escalão de benjamins do seu género. É importante também referir que nesta jornada atlética estiveram presentes 502 alunos, em representação de 37 estabelecimentos de ensino do distrito de Braga, sendo que a EB 2,3 Gonçalo Nunes foi a segunda escola com maior número de alunos participantes. O nosso aluno António Vilas Boas, campeão nacional de benjamins no ano de 2012, foi selecionado para representar a Coordenação Local do Desporto Escolar de Braga na prova de 1000 metros Infantis, na Fase Nacional do Projeto Mega, no Estádio Municipal do Parque da Cidade de Vila Nova de Gaia. EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

7 5


E.B.2,3 GONÇALO NUNES

8 4

Canto do Galo/junho2013

Torneio de Boccia

Boa representação da nossa escola

I

ntegrado no quadro competitivo da Coordenação Local do Desporto Escolar de Braga, realizou-se no passado dia 18 de abril, na nossa escola, um Torneio de Boccia. A competição foi disputada em prova individual na divisão I (jogadores em cadeira de rodas) e por equipas na divisão II (outros jogadores com necessidades educativas especiais). Participaram neste Torneio 71 alunos em representação de 9 escolas do distrito de Braga. Os alunos do grupo-equipa da EB 2,3 Gonçalo Nunes tiveram uma muito digna participação. Na divisão I, Dara Crespo foi 2ª classificada; Rui Silva foi 6º e Isaura Lopes obteve o 7º lugar entre os 12 participantes. Na divisão II, a equipa da nossa escola constituída pelos alunos Carlos Santos, Ricardo Lopes, Diogo Silva e Joel Gomes classificou-se em 5º lugar entre 14 formações participantes. Merece destaque o clima de convívio e cooperação que se registou entre todos os participantes, que favoreceu a aprendizagem mútua e possibilitou a conclusão do Torneio dentro do horário previsto.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Torneio Gira-Vólei de Barcelos

90 alunos defenderam as cores da EB 2,3 Gonçalo Nunes

A

nossa escola esteve, mais uma vez, presente no Encontro Local do Projeto Gira-Vólei, que se realizou no passado dia 24 de maio. A participação neste encontro foi preparada com bastante antecedência, através da realização de torneios intraturma, onde cada professor apurou as melhores duplas masculinas e femininas para representarem cada uma das turmas. Os alunos que frequentaram ao longo do ano letivo as atividades semanais do Centro Gira-Vólei também participaram neste Encontro local, em que a nossa Escola esteve presente, com cerca de 90 alunos. Deste encontro, apuraram-se 15 duplas da nossa Escola para o Encontro Regional de Braga, que se disputou no dia seguinte, no mesmo local. Nesta fase do Torneio, a dupla do 5º J, constituída pelos alunos Igor Barroso e João Fernandes, obteve um honroso 2º lugar, classificação que os apurou para o Encontro Nacional a disputar em Castelo de Vide. Este projeto envolveu um grande número de alunos e ganhou a popularidade que lhe garantem o interesse dos alunos, nos próximos anos.

ENSINO DE QUALIDADE

9 5


10 4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013

Festa de Natal

Pequenas estrelas brilharam numa manhã chuvosa

N

a manhã do dia 14 de dezembro e apesar da chuva que se fez sentir, realizou-se no ginásio da escola sede, a habitual Festa de Natal da Escola Básica dos 2º e 3º Ciclos de Gonçalo Nunes. A organização esteve a cargo do Departamento de Expressões e do evento fizeram parte atividades dinamizadas por todas as disciplinas que compõem esta unidade educativa. Com a participação de todos os alunos da escola, o vasto programa enriqueceu toda a manhã e mostrou à comunidade os dotes dos nossos alunos, que por momentos se tornaram pequenas estrelas.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

11 5

PROGRAMA 1. “Sou a Escola” 5ºE, 5ºF, 5ºH, 5ºJ, 5ºK, 5ºL, 6ºA 2. “Bolero” (Clube de Dança) Música de Pablo Alborán/Carminho - Perdóname

3. “Não te Esqueças” 5ºH, 5ºJ, 6ºG 4. “Menino Jesus à Lapa” 5ºA, 5ºB, 5ºD, 5ºJ, 6ºH 5. “Going to Florida” (Clube de Dança) Coreografia com Música de Jennifer Lopez

6. “É Natal é Tempo de Paz” 5ºF, 5ºG, 5ºK, 6ºE, 6ºF, 6ºJ 7. “Feliz Navidad” 6ºC, 6ºO 8 . “Coreografia Moderna“C.de Dança 9º A 9. “A Estrela Guia” 6ºD, 6ºG, 6ºK, 6ºM, 6ºN 10. “Pai Natal” 5ºF, 5ºG, 5ºK, 6ºE, 6ºF, 6ºJ 11. “Cha-Cha-Cha” (Clube de Dança) Música de Shakira - Rabiosa 12. “Last Christmas” 6ºB 13. “Porque é Natal” Encarregados de Educação e Diretores de Turma

14. “DanceFusionFit”

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos


12 4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013

Semana da Leitura

A

“O Mar”

Semana da Leitura realizou-se entre os dias 8 e 12 de abril, numa iniciativa da Equipa da Biblioteca Escolar (BE) do Agrupamento de Escola Gonçalo Nunes, com a colaboração do Serviço de Apoio às Bibliotecas Escolares do Concelho de Barcelos (SABE). O Plano Nacional de Leitura e a Rede de Bibliotecas Escolares escolheram como grande temática “O Mar”. O Programa foi elaborado com o intuito de convocar a leitura para a relevância histórica e cultural que o mar desempenhou na construção da identidade do povo português e na afirmação da portugalidade pelos quatro cantos do mundo, com a promoção e dinamização de iniciativas e atividades de incentivo à leitura que envolvessem as crianças, jovens, pais, famílias e comunidade educativa. Do vasto conjunto de atividades que surgiram um pouco por todas as Escolas e Jardins de Infância, destaca-se a presença de vários escritores (Alexandre Parafita, Palmira Martins e Eugénio Roda) e de ilustradores, Elsa Navarro e Emílio Remelhe, já que o despertar para o gosto pela leitura e pela escrita, o desenvolvimento de competências leitoras e de escrita só podem ser atingidos com a intensa divulgação, motivação e entusiasmo à volta do livro. Globalmente, o resultado foi muito positivo pela grande envolvência que gerou na comunidade escolar e educativa, pela pluralidade de iniciativas levadas a cabo em todo o Agrupamento e pela extraordinária promoção do livro e à leitura, pelo que é digno o reconhecimento a todos quantos tornaram possível esta Semana da Leitura e que, com muito empenho e dedicação, contribuíram para o sucesso das atividades relacionadas com a animação da leitura e com todos os trabalhos que excelentemente abrilhantaram este evento.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Semana da Leitura

Exposições na biblioteca

D

as várias exposições patentes ao público salientamos a exposição de pintura “Abraçados pelo Mar”, da autoria de Luísa Vasconcelos – em que a pintora levou à tela motivos da sua terra natal, os Açores, sendo o mar uma presença constante em todos os seus quadros e a exposição de material para atividades subaquáticas proporcionada pela Associação Barcelense de Atividades Subaquáticas (A.B.A.S.). Também patente ao público esteve a exposição “Cristãos perseguidos pelo Mundo” e outras resultantes de projetos impulsionados pela biblioteca, como é o caso do projeto Saúde Oral na Biblioteca Escolar (SOBE).

Concursos

Matilde Araújo e Jéssica Macedo vencem “Pequenos grandes poetas” A nossa biblioteca promoveu, ao longo do ano e em parceria com outras entidades, diversos concursos ligados à leitura e aos livros, dos quais destacámos os premiados: Alexandra Pereira Guimarães (5ºH), Paula Fernandes Ferreira (5º J), Guilherme Pedro do Vale (6ºD) e Vítor Miguel Vale Martins (6ºM) no concurso “Duarte e Marta”; Matilde Araújo e Jéssica Macedo do JI das Calçadas no concurso concelhio “Pequenos Grandes Poetas”.

ENSINO DE QUALIDADE

13 5


14 4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013

A biblioteca e os nossos leitores

N

a nossa Biblioteca Escolar vivenciam-se conflitos, mistérios, interrogações, paixões, soluções, numa espiral de sensações que podem remeter as crianças da educação pré-escolar e os alunos dos três ciclos para encontrarem as respostas para os seus problemas,

aprendendo e empreendendo, lutando pelo que é justo e leal, contornando problemas, enfrentando com firmeza entraves que a vida nos vai colocando, caminhando rumo ao futuro com mais segurança. A Biblioteca Escolar permite aos nossos leitores projetar os seus anseios, os seus medos, as suas emoções, pela janela das oportunidades que se lhes abre, vislumbrarem respostas que individualmente

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

não seriam tão fáceis de encontrar, estreitando laços, percebendo que em conjunto, unindo e partilhando, de forma franca e aberta, se pode crescer saudavelmente e com espírito livre e aberto, contribuindo para a formação de uma sociedade mais sincera, humana e civilizada.

É no sentido de crescer afetiva e inteletualmente que a Biblioteca desenvolve um vasto conjunto de atividades de promoção da leitura, do prazer de ler, do gosto pelos livros, da magia das palavras, do encanto das ilustrações e da descodificação das mensagens e das imagens, mobilizando-as em torno do livro e da leitura em todas as Escolas e Jardins de Infância do Agrupamento. Promovemos encontros com vários escritores (João Manuel Ribeiro, Manuela Ribeiro, António Mota, Eugénio Roda, entre outros) e ilustradores. Igualmente houve a colaboração do investigador e bibliotecário municipal Victor Pinho, bem como de animadores de leitura (Alexandra Flora), contadoras de histórias, Vitória Triães e jogadores do Gil Vicente que proporcionaram à comunidade escolar excelentes momentos de leitura.

A feira do livro

A

Feira do Livro também marcou presença no polivalente da EB 2,3 Gonçalo Nunes durante a Semana da Leitura, iniciativa que, ao longo dos últimos anos, temos acolhido com o objetivo de conquistar novos públicos para a leitura. Desta forma, a feira do livro facilita à comunidade escolar o contacto vivo e direto com as obras mais adequadas às idades dos alunos, dos géneros literários que mais os incentivam à leitura e ao conhecimento de novos autores; desta forma se amplia o leque de escolhas, com a presença das últimas novidades na literatura portuguesa ou estrangeira, nas obras infanto-juvenis, nos livros pedagógicos, nos técnico-científicos, ou na banda desenhada, o que favorece o manuseamento e as escolhas das obras preferidas. Ao longo da Semana da Leitura, passaram pela Feira do Livro muitos alunos, professores e funcionários que tiveram a oportunidade de ver, tocar, folhear, reter informação e comprar os livros dos seus gostos. O balanço é necessariamente positivo, atendendo ao valor intrínseco da iniciativa, mas também no que diz respeito ao número de visitantes e ao número de obras adquiridas, tendo em conta o momento e o contexto económico e social difícil que a sociedade portuguesa atravessa. EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

15 5


16 4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013

António Mota

Candidato ao prémio internacional ALMA O escritor António Mota é o nomeado de Portugal para o prémio literário Astrid Lindgren Memorial Award (ALMA). Este prémio, criado em memória da escritora sueca Astrid Lindgren, distingue, há dez anos, escritores e ilustradores que promovem a leitura para crianças. ALMA, como é conhecido este prémio, é o maior que existe neste tipo de promoção e vale mais de 500 mil euros.

N

o passado dia 5 de abril, a escola EB2,3 Gonçalo Nunes recebeu o escritor António Mota, em articulação com o grupo disciplinar de português e a biblioteca escolar, em parceria com a Câmara Municipal de Barcelos, através do SABE-BCL. Foi com imenso gosto que brindámos o autor António Mota com uma entrevista, realizada por alunos da “TV GONÇALO NUNES”, à personagem Pedro Alecrim do livro com o mesmo nome. O escritor foi agraciado com um RAP – relativo à sua vida e obra – interpretado pelos alunos. Houve, também, uma sessão de perguntas dos alunos, ao escritor António Mota que amavelmente deu respostas, recheadas de comentários e de ricas passagens de histórias de vida. É sempre gratificante termos no ambiente escolar a visita de escritores de renome, como é o caso do autor António Mota.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Entrevista ao Mar na era do iBúzio João Pedro e João Francisco, alunos do 5ºI, aceitaram um desafio proposto pela Biblioteca Escolar em parceria com o Clube de Jornalismo e entrevistaram o Mar.

N

um dia de férias escolares, as famílias do João Pedro (J.P.) e do João Francisco, também conhecido por J.F., encontraram-se na praia. Os dois amigos, felizes por estarem novamente juntos, sentaram-se na areia e, depois de muitas ideias, resolveram aplicar o que aprenderam nas aulas de Português e no Clube de Jornalismo. Assim, decidiram entrevistar o mar. O problema surgiu… Perguntar era fácil, mas ouvir as respostas do mar era bem mais difícil! Resolveram, então, fazer um pequeno teste. J.P. e J.F. aproximaram-se do mar e perguntaram em voz alta: - Ó mar, concedes-nos uma entrevista? Esperaram, esperaram…e, de repente, como que por magia, uma onda mais forte atirou, para junto dos seus pés, um búzio vestido com as bonitas cores do mar. Espantados, J.P. e J.F. pegaram no búzio, colocaram-no nos seus ouvidos, como costumam fazer os meninos, e escutaram um pequeno sussurro que se entendia como um “olá”. Estava desfeito o enigma; o búzio seria a ligação entre os dois meninos e o mar. Baixinho e serenamente, perguntaram: - És o mar? Esperaram um pouco e ouviram-no responder em surdina: - Souuuuuu! Os dois amigos olharam-se e, com a voz tímida, o J.P. questionou: - Queres conversar connosco? Queres responder às nossas questões? O Mar respondeu calmamente: - Sim! O que quereis perguntar? J.P. – Ouve! Queremos saber o que tens tu dentro de ti? O Mar fez uma pausa e respondeu: – Tenho muitos peixes, de várias espécies, de lindas cores e de diferentes formas e tamanhos! Tenho ainda plantas de muitas variedades, mas também tenho muito lixo. Muito lixo! Tenho pena, mas as pessoas não me respeitam.

J.F. – Tu és imenso e estás sempre a mexer! Não te cansas? Mar – O meu mexer chama-se ondas e marés. Vou e venho. Umas vezes lavo as praias, outras vezes sujoas. Não me sujem e eu não sujarei a praia! – Respondeu o Mar muito triste. J. P. – Sentes-te professor ou aluno? Mar – Tenho os dois lugares. Como aluno, aprendo com os peixes, com as plantas, com as pessoas, com os ventos e com as aves e, como professor, transmito a uns e outros o que aprendo. J.F. - Na escola, disseram-me que tu sabes tudo. É verdade? Mar - É verdade, porque de noite converso com as estrelas e elas contam-me as novidades. J.P. – Já ouviste falar da nossa escola? Mar – Já! Estou muito contente, porque vocês estão a falar de mim! Os dois amigos estavam muito excitados, mas foram interrompidos pelos seus pais que os chamavam. No entanto, ainda tiveram tempo para fazer uma última pergunta ao Mar. J.F. e J.P. – Podemos falar contigo mais vezes? Mar – Claro que sim! Mas fica para amanhã. Os dois amigos guardaram o Búzio, ou seja, o iBúzio e esperaram o dia seguinte para poderem falar novamente com o Mar. João Pedro Fernandes Duarte – 5º I João Francisco - 5ºI Clube de jornalismo

ENSINO DE QUALIDADE

17 5


E.B.2,3 GONÇALO NUNES

18 4

Canto do Galo/junho2013

Educação Especial

SALA DE SNOEZELEN DE ESTIMULAÇÃO MULTISSENSORIAL

A

Unidade de Apoio Especializado para alunos com Multideficiência tem a funcionar, desde este ano letivo, uma Sala de Snoezelen. A palavra “Snoezelen” é de origem holandesa, mas ainda não se encontra no dicionário da sua Língua, pois é a contração de duas palavras que equivalem às palavras inglesas “Sniffing” e “Dozing” que traduzidas significam “inspirar profundamente” e “dormitar”, respetivamente. A palavra fomenta o conceito e sugere sensações de relaxação. “Snoezelen” é uma atividade para crianças com deficiência mental, especialmente dirigida para a perceção sensorial, para a experiência através da utilização da luz, dos sons, do tato, do olfato e do paladar.» Para haver aprendizagem, desenvolvimento e motivação, todas as crianças precisam de motivação para receber os estímulos da vida diária através dos sentidos da visão, audição, olfato, paladar e tato, sendo estes sentidos associados ao ato motor. É através dos sentidos que o cérebro interpreta a informação que

recebe do meio ambiente e assim, a criança é estimulada a responder automaticamente a essa informação recebida. Contudo, uma criança com multideficiência ou deficiência mental não é capaz de absorver essa informação corretamente e naturalmente, por: - Dificuldades nos movimentos; - Défice cognitivo - incluindo a memória, concentração e atenção; - Dificuldades percetivas - a criança é incapaz de interpretar e compreender a informação recebida, as formas e os objetos; - Dificuldade na comunicação - pode apresentar dificuldade em usar a linguagem verbal e/ou compreender o que os outros lhe transmitem. Quando a criança apresenta alguma ou todas as dificuldades mencionadas, não consegue explorar e processar naturalmente as estimulações vivenciadas no dia-a-dia, pois a sua capacidade de aprendizagem é reduzida. Com esta abordagem, às crianças com multideficiência ou deficiência mental, é-lhes proporcionado um ambiente de relaxação, de contacto Um a Um, numa atmosfera de “Maternage”, oferecendo-lhes um conjunto de estímulos primários num ambiente atrativo. Como Agrupamento de Referência para esta modalidade específica de educação, a escola tem vindo a apetrechar a Unidade com os recursos técnicos e materiais adequados às necessidades educativas dos seus alunos.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Educação Especial

Ação de Sensibilização

N

o âmbito do Plano Anual e Plurianual de Atividades sob proposta da Coordenadora dos Diretores de turma do 3º ciclo, realizou-se, no dia 17 de outubro de 2012, uma Ação de Sensibilização subordinada ao tema “Respostas educativas para alunos com necessidades educativas especiais: adequações curriculares vs currículo específico individual”, orientada pela docente de educação especial Berta Costa. Participaram na ação docentes de todos os níveis de ensino e encarregados de educação.

Peixinhos especiais na Semana da Leitura

N

o dia 9 de abril, os alunos da educação especial, com currículo específico individual, realizaram

uma atividade de teatro “ O peixinho arco-íris”, no âmbito da Semana da Leitura. A atividade realizou-se na Biblioteca da EB2,3 Gonçalo Nunes e teve como dinamizadores os docentes Berta Costa e Fernando Maciel.

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

19 5


20 4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013

Educação Especial

Teatro para todos

A

lunos do Ensino Especial mostraram, no final do ano que o teatro e as coreografias são para todos. Perante casa cheia, não houve hesitações e logo que o filme introdutório acabou, os pequenos atores saltaram para o palco e exibiram os seus dotes artísticos. O teatro chamou a atenção para valores muito esquecidos na sociedade atual, entre os quais a partilha. Para o final estava reservado uma pequena coreografia e canção das Empreguetes, personagens brasileiras que fazem sensação na televisão portuguesa em horário para os mais novos. Para os jovens atores foi um momento bastante importante e de grande felicidade.

Empreguetes

O Peixinho Arco-Íris

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Bombeiros na escola

Simulacro foi um sucesso

F

altava um quarto de hora para o intervalo quando a nossa aula foi interrompida por um toque de alarme. Inicialmente pensávamos que era o final da aula mas a campainha não parava de tocar. A nossa professora de inglês que também é a nossa diretora de turma mandou-nos pôr nas posições que tínhamos treinado para uma situação de emergência. Colocamo-nos rapidamente em fila com a delegada Mónica na

frente e o Pedro, que é alto, atrás. Em último seguia a nossa professora. Com calma seguimos o percurso indicado na planta de emergência. Toda a escola reuniu, por filas, no campo polidesportivo. Os bombeiros voluntários de Barcelos demoraram pouco tempo a chegar com dois carros. Saíram 5 bombeiros do carro de incêndio e dois da ambulância. Dois meninos foram socorridos, um com uma perna partida e outro que desmaiou na sala. Soubemos, no fim que foi tudo a simular. Gostei do simulacro porque aprendemos realmente o que temos que fazer, se um novo toque de alarme acontecer. João Francisco e João Pedro 5ºI Clube de jornalismo

ENSINO DE QUALIDADE

21 5


22 4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013

3ª Feira

Ciências hands-on science O que a Ciência espera dos Jovens…

D

ecorreu no dia 15 de abril em Viana do Castelo, a 3ª Feira de Ciências Hands-on Science, nas instalações do Colégio do Minho. A Escola EB 2,3 de Gonçalo Nunes, destacou-se pela sua segunda participação, pelo número de alunos participantes (onze, entre os quais uma aluna com necessidades educativas especiais), pels cinco projetos que somaram onze atividades experimentais, pelo rigor científico, curiosidade e capacidade de concretização. Assim viu reconhecida a sua pertinência, quanto ao esforço do envolvimento da comunidade escolar, concretamente dos alunos do 8ºC, 8ºE e 9ºA, pais/encarregados de educação dos alunos do 8ºC e 8ºE, professora orientadora dos projetos, Ana Manuel Ribeirinho e direção, tendo em consideração as dificuldades económicas existentes. Apreciações como: “Ideias simples mas conseguidas”, “Que curioso, nunca pensei que fosse possível”, “Vou experimentar em casa”, “Gostei muito”, foram alguns dos comentários expressos pelos visitantes.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

“A ciência é o conhecimento do mundo que nos rodeia. Ao nascer, o bebé experimenta de imediato uma série de sensações, tentando perceber onde é que está. Isso é fazer ciência. A partir daqui, é tentar encaminhar, fazer com que a criança dê uma resposta, verbalize, ou seja, estabeleça o seu conhecimento, consiga falar sobre isso e desenvolva o seu raciocínio crítico e lógico. Esse processo é basicamente o procedimento que os cientistas fazem quando estão nos seus laboratórios - que pode ser muito útil, quer para o crescimento das crianças quer depois na sua vida prática.” A professora, recebeu um convite para integrar o projeto “pri-sci-net”, no qual irá associar a escola EB 2,3 de Gonçalo Nunes. Foi ainda oferecido um livro que passou a integrar o espólio da Biblioteca.

Professora Ana Manuel Ribeirinho

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

23 5


E.B.2,3 GONÇALO NUNES

24 4

Canto do Galo/junho2013 Departamento de lÍnguas - Espanhol

TRADICIONES NAVIDEÑAS EN ESPAÑA

L

a Navidad en España comparte tradiciones con el resto de los países donde se practica la religión católica. Como en otras partes del mundo, las familias se reúnen para compartir y disfrutar con alegría esta celebración. Los adornos, la comida, la bebida, la música, el baile, y la costumbre de regalar o compartir lo que tenemos con los demás son parecidos en Europa y América. Pero, en España la Navidad también es una celebración única, con tradiciones y costumbres distintas que reflejan el verdadero carácter español.

Los villancicos También durante los días de Navidad se pueden escuchar villancicos (canciones de Navidad), especialmente en los pueblos pequeños y, así, niños y mayores participan en una tradición muy antigua que se llama pedir el aguinaldo (se dan dulces o monedas a cambio de escuchar las canciones).

El belén Un símbolo de la Navidad importante en este país es el belén. Las representaciones del nacimiento de Jesús se pueden ver por las plazas de las ciudades y los pueblos pequeños y también en las casas, en las iglesias y en los escaparates de los comercios. Es muy común que los belenes españoles estén muy elaborados, para parecer lo más reales posible.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

El 22 de diciembre

Departamento de lÍnguas - Espanhol

Sorteo de la Lotería de Navidad

L

as fiestas navideñas realmente empiezan el día 22 de diciembre, cuando se celebra el Sorteo de la Lotería de Navidad. Este sorteo de lotería es el más grande de España. Es una tradición que practica mucha gente que tiene la ilusión de ganar millones de euros y además se comparte, pues es normal regalar décimos de lotería a amigos o familiares. Desde el año 1763, bajo del reinado del rey Carlos III, se ha realizado este sorteo de la lotería, sin faltar ni un solo año.Digamos que éste es el pistoletazo de salida de la Navidad. Este sorteo siempre viene precedido de un anuncio publicitario con mucha tradición y que siempre es impresionante.

El 24 de diciembre

la Nochebuena En España, como en muchas partes del mundo, se practica una tradición muy típica de este día en el mundo cristiano: hacer una cena especial en familia. Hay una variedad amplia de alimentos típicos que se comen en Nochebuena y en los otros días de fiesta de la Navidad, dependiendo de cada región. Algunos de los platos típicos de las celebraciones navideñas de España son el cochinillo y el cordero (preparados en muchos lugares de Castilla León y Castilla La Mancha); aves, como el pavo (más común en Andalucía); una variedad enorme de mariscos y pescados, incluyendo camarones, centollos, langostas, merluza, lubina, dorada y besugo (sobre todo en Galicia, Cantabria y el resto de la costa). De postre, se disfruta del turrón, del mazapán, de los polvorones, y de las nueces o avellanas. Para beber, hay que tomar una copa de cava (el vino español parecido al champán francés). Después de la cena, muchas personas tocan la pandereta y la zambomba y cantan villancicos.

ENSINO DE QUALIDADE

25 5


26 4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013 Departamento de lÍnguas - Espanhol

El 25 de diciembre

día de Navidad El día de Navidad también se suele comer bien en familia y, en algunos casos, Papa Noel visita a los niños para dejarles regalos, pero esta costumbre no es tan popular como en otros países. Tradicionalmente, los españoles esperan a dar los regalos el día de los Reyes Magos.

El 31 de diciembre

Nochevieja Las celebraciones del 31 de diciembre, o Nochevieja, en España, son un espectáculo impresionante. En todas las plazas de las ciudades españolas se puede ver un escenario parecido y los protagonistas son las uvas y las campanadas. Por televi-

El 28 de diciembre

el día de los Santos Inocentes El 28 de diciembre es el Día de los Santos Inocentes. Esta fiesta tiene sus raíces en un evento muy sangriento, ya que este día se celebra la matanza de niños que cometió Herodes en Judea. Sin embargo, en los días de hoy, la costumbre es hacer alguna broma a los amigos o familiares. Este día, muchas personas se confunden porque los periódicos publican noticias absurdas o increíbles, pero todos aceptan las bromas.

sión también se retrasmiten las doce campanadas, siendo las más conocidas las de la Puerta del Sol de Madrid. Cuando el reloj toca las 12, las campanas suenan 12 veces y todos los españoles comen 12 uvas, una por cada golpe de campana. Según la tradición, los que comen las uvas tendrán 12 meses

de prosperidad durante el año que entra. Familias y amigos se quedan juntos para esta celebración que marca el final de un año y el principio de otro y, en el caso de los españoles, es muy común que celebren la fiesta hasta altas horas de la madrugada, saliendo o quedando en casa con amigos.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

El 6 de enero

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Departamento de lÍnguas - Espanhol

día de los Reyes Magos

Y

a después de varios días de fiesta, llega el día dedicado a los niños. El 6 de enero, o Día de los Reyes Magos, es el día en que los niños reciben los regalos que han estado esperando durante todas las vacaciones. El día anterior por la tarde pueden ver la Cabalgata de los Reyes Magos, un desfile dónde los Reyes les dicen adiós y tiran caramelos. Luego, antes de acostarse, los niños dejan sus zapatillas debajo del árbol de Navidad o en el balcón y se retiran a dormir con la ilusión de despertarse y descubrir los regalos que les han dejado Melchor, Gaspar y Baltasar. Para desayunar, o después de comer, la familia toma el dulce típico de este día, el Roscón de Reyes, una torta hecha con masa fina en forma de anillo y decorada con una corona y frutas escarchadas, símbolo de los rubíes y esmeraldas que adornaban los vistosos mantos de los Reyes Magos de Oriente. Entre la masa dulce se esconde un haba, para que el que la encuentre pague el roscón, y una pequeña sorpresita, para que la persona que la encuentre sea coronada como el Rey o la Reina de la casa, una manera muy agradable de comenzar el nuevo año. Ana Maria González de Miranda Profesora de Español EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

CANTO DO GALO Ficha técnica Coordenação Clube de Jornalismo Professor Fernando Maciel Colaboração especial, Adjunta do diretor, Educadora Olinda Ribeiro Redação Clube de Jornalismo e Imagem Alunos e professores Escolas do 1º, 2º e 3º Ciclos Jardins de Infância Agrupamento de Escolas Gonçalo Nunes - Barcelos Propriedade Agrupamento de Escolas Gonçalo Nunes - Barcelos On-line.w Nº6 JUNHO 2013

27 5


E.B.2,3 GONÇALO NUNES

28 4

Canto do Galo/junho2013

Emigrante

O Assalto ao Restaurante

Deve ser tão triste,

A vida de emigrante, Deixar aqueles de quem mais gostamos, E seguirmos adiante!

E

ra uma vez três primos muito chegados, que estavam de guarda ao restaurante do tio. O restaurante era muito famoso lá na aldeia, porque, na verdade, era o único lá da zona. Um dia, os três primos estavam de guarda a gabaremse de quem tinha o melhor gado, quando de repente se ouve um tiro de caçadeira vindo das traseiras. - Que foi isto companheiros? – perguntou o mais novo. – Não ouviram nada? - Sim, acho melhor irmos verificar! – disse o mais corajoso. Com muito cuidado, eles dirigiram-se para as traseiras e o mais novo escondeu-se, indo os restantes dois lá para dentro. À medida que os outros dois entravam, Zacarias observava tudo o que se estava a passar. A certa altura, o Zacarias deixou de os ver, pois eles entraram no restaurante. De repente, botaram uma jarra ao chão fazendo barulho, o que fez com que os ladrões se apercebessem que não estavam sozinhos. Houve uma grande luta entre eles fazendo com que os dois primos ficassem desmaiados no chão. Zacarias, ouvindo tanta algazarra, decide entrar combatendo os ladrões, ficando eles inconscientes no final. Zacarias acorda os primos e chama logo de seguida a polícia. A polícia chegou e levou os ladrões para a esquadra. Bruna Gonçalves, Cláudia Ribeiro, Lara Carneiro, Mariana Costa

7ºC

Eles pensam no futuro, E daí em diante, Essa é a vida triste, De um pobre emigrante! A alma fica cá, O corpo vai e padece, Fome e sede, É o que sempre acontece! Pensam em trabalhar E em sobreviver, Pois temem a morte Que acaba por acontecer! Eles querem o paraíso, E que Deus os ajude Querem gargalhadas e riso E querem que a vida deles mude! Mas eles sabem que o seu trabalho, Será recompensado, Com um lugar cativo no céu, Lá muito bem guardado! Alexandra Santos 8°C

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Textos

O roubo das Laranjas

Os três irmãos

m dia, três irmãos estavam em casa e a mãe queria fazer um bolo de laranja, mas, dando falta das laranjas, disse: - Filho, vai ao minimercado e compra laranjas. Os irmãos mais novos queriam também ir. Depois de uma grande birra, a mãe acabou por os deixar ir. No caminho, viram rapazes a jogar à bola. Os três rapazes rapidamente entraram na brincadeira. As horas foram passando e não foram comprar as laranjas e depois o minimercado já tinha fechado. Por isso, o irmão mais velho exclamou: - Vamos ao vizinho roubar aquelas laranjas que ele lá tem. - Claro mas não dizemos nada à mãe. Quando chegaram ao laranjal, o mais velho disse aos mais novos, para ficarem a vigiar, mas um deles disse: - Eu posso ir contigo, eu ajudo-te. O irmão mais velho, vendo que o irmão estava com medo, deixou-o ir. Mas o outro irmão disse. - Olha que o caseiro tem uma espingarda. O outro respondeu: - Nós havemos de lhe roubar as laranjas. Eles os dois repartiram os sacos. Entraram lá dentro, roubaram as laranjas, mas um cão saiu do nada e ladrou assim avisando o caseiro. Ele rapidamente saiu de casa e apanhou os garotos com os sacos na mão. Como sendo vizinho, levou-os a casa e disse: - Olhe aqui estão os seus filhos, apanhei-os a roubar laranjas no meu pomar. A mãe deles perguntou: - Por que razão roubaram as laranjas? Eles exclamaram: - Mãe, nós fomos brincar e não demos pela hora passar e o minimercado já tinha fechado. A mãe, entendendo a situação, pagou as laranjas ao vizinho e os garotos pediram-lhe desculpas. Depois a mãe disse: - Não o voltem a fazer, não se esqueçam que têm de ter responsabilidade. E assim resolveram os problemas.

ra uma vez três ladrões que eram todos irmãos. Viviam todos juntos numa casa muito pobre, mas eram felizes, pois, com o que roubavam, tinham boas coisas. Numa certa noite, resolveram ir roubar laranjas, pois não tinham em casa. O mais velho trazia duas sacas na mão e orientou o bando. Então um dos rapazes perguntou: - Aonde é que vamos? - À quinta mais próxima. O mais novo afirmou: - O caseiro tem espingarda. - Não te preocupes, o caseiro irá ficar sem laranjas. – afirmou um dos irmãos. Entraram pelo portão e foram direitos às laranjeiras, enquanto o irmão mais novo ficava de vigia. Enquanto o negrume escorregava dos montes e convertia o vale em florestas de sombras, o irmão mais novo ficou cheio de medo. Por causa disso, resolveu ir à casa do caseiro contar o que os irmãos iam fazer. Sabendo da história dos três irmãos, o caseiro resolveu ajudálos dando-lhes comida e emprego na sua quinta. Os três irmãos nunca mais voltaram a roubar graças ao irmão mais novo, aquele que pensava que é melhor pedir do que roubar, por mais vergonha que se tenha.

U

João Pereira, Isaura Lopes, Raquel Miranda,Fátima Pereira

E

Ana Silva, Catarina Duarte, Hugo Ricardo, Pedro Filipe - 7ºB

7ºC

ENSINO DE QUALIDADE

29 5


E.B.2,3 GONÇALO NUNES

20 30 4

Canto do Galo/junho2013

A nossa escola apoiou sempre o Gil Vicente F. C.

Jogadores procuraram sempre o apoio dos mais novos

F

oi sempre com muita euforia que os jogadores do Gil Vicente foram recebidos na nossa escola. Se uns passavam despercebidos, outros cativavam os olhares, não só dos mais entendidos em futebol, como também das colunas sociais. César Peixoto e Hugo Vieira dividiram entre si as atenções dos mais jovens embora deixassem para o lateral direito barcelense Paulo Arantes, alguns elogios.

Ainda na escola, para além do presidente António Fiúsa, estiveram Luís Manuel, Halisson, Murta, Pio e Sandro. Os jogadores gilistas distribuíram autógrafos e porta chaves com mini equipamentos. Esta campanha “Mais gente ao futebol”, segundo o presidente do Gil Vicente, António Fiúsa, prende-se com o objetivo de “levar mais gente ao estádio e promover a imagem do clube”.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Espantalho colorido vence concurso do 1ºciclo

O

concurso “O Espantalho sabe (a)mar” teve vários vencedores. Um júri indeciso teve que se vergar à qualidade dos trabalhos apresentados e assim abrir mão de mais alguns prémios. O Agrupamento de Escolas Gonçalo Nunes conseguiu um honroso primeiro lugar na categoria 1ºciclo, tendo no entanto, contribuído com 6 dos 20 espantalhos que estiveram a concurso. Para o ano haverá mais e outros espantalhos aparecerão pelo parque da cidade.

EB1 Paço Velho V.F. S.Pedro

EB1 dos Penedos Arcozelo

6ºA e 6ºB - EB 2,3 Gonçalo Nunes

EB1 de Aldão V.F. S.Martinho J.I. EB1 V.F. S.Pedro

EB1 Bairro 1º de Maio - Arcozelo

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

31 5


32 4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013

Oficina de Artesãos

“Vem aprender fazendo”

N

o dia 12 de abril. realizou-se no polivalente da escola sede uma oficina de artesãos subordinada ao tema “Vem aprender fazendo”. Foram doze os artesãos e empreendedores que apresentaram e ensinaram, durante todo o dia, o seu trabalho aos alunos. A este evento associou-se o Clube da Floresta apresentando também os trabalhos dos alunos. Todos os artesãos trabalharam ao vivo e envolveram os alunos nos trabalhos. A oficina ainda foi abrilhantada com a concertina da Conceição Reis, uma assistente técnica do nosso agrupamento.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

HALLOWEEN

O túnel dos sustos

O

departamento de Línguas através das coordenadoras de Inglês e em parceria com as coordenadoras do 1º ciclo e da educação pré-escolar, organizaram de 29 a 31 de outubro a semana dedicada ao Halloween. A atividade começou a ser planeada logo no início do ano escolar e foi desenvolvida durante os meses de setembro e outubro numa colaboração estreita entre alunos, docentes, assistentes operacionais e encarregados de educação. No dia 26 de outubro foi montada, no polivalente da escola, a exposição de todos os trabalhos realizados. Para além da exposição, foi também montado um “túnel dos sustos”, onde a luz negra e diversos sons “incomodaram” quem lá entrasse. A reação dos alunos foi muito positiva e, de certo modo, até inesperada. Todos se mostraram muito entusiasmados com a visita à exposição e ao “Túnel”, incluindo os alunos mais velhos que assim se aperceberam melhor deste aspeto da cultura anglo-saxónica, nomeadamente a origem do “Halloween” e as tradições associadas a esta data. Coordenadoras Disciplinares de Inglês

ENSINO DE QUALIDADE

33 5


E.B.2,3 GONÇALO NUNES

34 4

Canto do Galo/junho2013

D.XIMENES BELO

Agrupamento de Escolas Gonçalo Nunes recebeu bispo timorense de braços abertos

F

oi com muito orgulho que o nosso agrupamento recebeu, no dia 23 de janeiro, D. Carlos Filipe Ximenes Belo, bispo emérito de Timor-Leste e prémio nobel da paz em 1996, D. Ximenes Belo visitou a sede do nosso Agrupamento para um breve diálogo com o diretor Dr. António Barros. Nessa conversa informal com a direção, D.Ximenes Belo pretendeu conhecer a orgânica do nosso Agrupamento e visitou em especial a secretaria e a nossa moderna biblioteca. D.Ximenes Belo, Bispo Emérito de Timor e Nobel da Paz 1996 deslocou-se a Barcelos para participar numa conferência sobre o tema “Cristãos Perseguidos no Mundo”. Barcelos viu e ouviu D. Ximenes Belo na nossa biblioteca com orgulho uma das personalidades mais importantes da Igreja e do Mundo e um dos maiores defensores dos Direitos do Homem. D.Ximenes Belo começou o seu discurso evocando o artigo 18º da Declaração Universal dos Direitos do Homem: “Toda a pessoa tem direito à liberdade de pensamento, de consciência e de religião; este direito implica a liberdade de mudar de religião ou de convicção, assim como a liberdade de manifestar a religião ou convicção, sozinho ou em comum, tanto em público como em privado, pelo ensino, pela prática, pelo culto e pelos ritos”.

PRÉMIO NOBEL 1996 D. Ximenes Belo nasceu em Baucau, sendo o quinto filho de Domingos Vaz Filipe, professor primário, e de Ermelinda Baptista Filipe. Ingressou no Seminário em Daré, arredores de Dili, formando-se em 1968. Sendo nomeado Bispo em de Timor-Leste em 1988, a sua oposição aos massacres de timorenses, valeram-lhe a hostilidade do regime de Jacarta, por essa razão, e por ter sempre procurado romper o isolamento de Timor-Leste e chamar a atenção do mundo para o que ali se passava, recebeu o Prémio Nobel da Paz em 1996.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Minigolfe modalidade visa 1º ciclo

O

protocolo estabelecido entre a Câmara Municipal de Barcelos e a Federação de Minigolfe trouxe para Barcelos esta apreciada modalidade. O nosso Agrupamento será pioneiro e nesse sentido professores de atividade física desportva do 1.º Ciclo e da disciplina de Educação Física do 2.º e 3.º ciclos do Agrupamento de Escolas Gonçalo Nunes, participaram numa ação de formação de minigolfe com vista a adquirirem as competências básicas necessárias para implementar a modalidade no nosso Agrupamento. Os 10 kits de material de minigolfe que foram entregues pela federação de minigolfe, eram compostos por um tapete amovível representando uma pista de minigolfe de 2,5 metros x 0,5 metros, um taco e uma bola de iniciação ao Diretor do Agrupamento Gonçalo Nunes (Dr. António Barros) e a vereadora da cultura (Dra. Armandina Saleiro) testaram o material e aproveitaram para aferir as minigolfe. suas capacidades, nesta modalidade.wwww

Rede de bibliotecas escolares de Barcelos

N

o passado dia 10 de maio, na Biblioteca Municipal de Barcelos, foi assinado o Protocolo da Rede de Bibliotecas Escolares de Barcelos pelos representantes de todas as entidades parceiras: o Presidente da Câmara Municipal de Barcelos e os Diretores de Escolas do concelho de Barcelos. É de salientar a importância deste protocolo para a formalização da Rede de Bibliotecas de Barcelos, com vista à sua integração plena na Rede Nacional de Bibliotecas Escolares, tendo sido afirmado pelo representante do município que apoiará o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelas bibliotecas do concelho. EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

35 5


36 4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013

Clube da Floresta

Arranjos Natalícios

R

ealizámos arranjos de Natal, postais e outros materiais decorativos. Participámos com satisfação nas atividades que per-

mitiram desenvolver técnicas de trabalho, valorização da natureza como fonte de materiais naturais. A ocupação dos nossos tempos livres de uma forma saudável e formativa sensibilizou-nos para o não consumismo de produtos não naturais. Desenvolvemos também a criatividade e destreza manual.

Mostra Pedagógica

ROCHAS, MINERAIS FÓSSEIS Esta atividade é uma mais-valia para os alunos, pois permite uma consolidação dos conteúdos lecionados na disciplina de Ciências Naturais. Além disso, trata-se de uma atividade à qual os alunos já se habituaram e solicitam a sua realização anualmente. Ciências Naturais do 3ºCiclo e CEF

Mostra de Plantas Toda a mostra suscitou curiosidade levando a questões de carácter mais técnico e específico ao nível da manutenção das plantas expostas. Os professores envolvidos, quer da equipa pedagógica CEF, quer do grupo disciplinar de ciências naturais do 3ºciclo, foram ajudando os alunos das turmas CEF a responder, impulsionando a aquisição de competências que se relacionem com o contacto com público, a utilização de linguagem adequada e específica e regras de convivências com os outros, parâmetros que serão essenciais para a etapa de Formação em Contexto de Trabalho que se aproxima para os alunos do 2ºano.

Ciências Naturais do 3ºCiclo e CEF

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Departamento de Matemática e Ciências Físicas e Naturais

Jogos matemáticos movimentam todos os alunos

D

epois de um apuramento por turma, a seleção final dos nossos alunos decorreu durante o V Campeonato Escolar de Jogos Matemáticos, na tarde do dia trinta de janeiro e contou com a participação de centena e meia de alunos divididos, pelos três jogos em prova - Gatos & Cães, Hex e Rastros. Neste campeonato ficaram apu-

Classificações “Gatos & Cães” 1º lugar – Pedro Ferreira - 5ºC 2º lugar – André Manuel - 6ºL 3º lugar – Ana Sofia - 6ºC “Hex” (2º Ciclo) 1º lugar – André Silva - 6ºK 2º lugar – José Pedro - 6ºF 3º lugar – João Pedro - 6ºF “Rastros” (2º Ciclo) 1º lugar – Diogo Filipe - 6ºA 2º lugar – João Pedro - 5ºF 3º lugar – Luís Filipe - 6ºN

rados os representantes da nossa escola na final nacional dos matemáticos. Em todos os jogos, foi notório o entusiasmo e espírito competitivo por parte da totalidade dos participantes, respeitando as normas deste campeonato e as regras pré definidas. A final do Campeonato Nacional de Jogos Matemáticos que se realizou em Évora, foi mais um incentivo que os pequenos matemáticos tiveram para vencerem as suas provas.

“Rastros” (3º Ciclo) 1ºlugar – Vasco Daniel - 8ºC 2ºlugar– Nelson Joaquim - 9ºA 3º lugar – Bruno Filipe - CEF2 “Hex” (3º Ciclo) 1ºlugar – Bebiana Maria - 9ºC 2ºlugar – João Vítor - 8ºD 3ºlugar – José Filipe - 7ºA

ENSINO DE QUALIDADE

37 5


38 4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013

A aventura de Ulisses

O

Departamento curricular de línguas promoveu nos dias 15, 16 e 17 de janeiro uma ida ao teatro Rivoli, no Porto. Durante três dias consecutivos todos os alunos do 6º ano da nossa escola assistiram à peça de teatro “A Aventura de Ulisses”, inspirada na obra “Ulisses”, de Homero. Analisando a magia em palco e as ações narradas na peça, os alunos puderam desenvolver um pensamento reflexivo sobre a obra e estabelecer uma relação com a versão de Maria Alberta Menéres, lida em contexto de sala de aula, no decorrer do 1º ou 2º período, na modalidade de leitura orientada. O espetáculo mostrou-se cativante, despertando a atenção e boas gargalhadas de todos, provocadas por uma linguagem atual, contextualizada e bem-humorada. No final “Adorei!” foi a palavra mais pronunciada pelos alunos que participaram nesta iniciativa.

Coordenação da Disciplina de Português

Dia de São Valentim

N

o dia 8 de fevereiro foi montada uma exposição, na biblioteca da nossa escola, com todos os trabalhos realizados, nas aulas de Inglês, Francês e Espanhol. Foi também colocado um marco do correio onde foram depositadas as cartas para posterior entrega. A entrega do correio de São Valentim foi realizada no dia 15 de fevereiro, com a colaboração dos alunos das turmas dos Cursos de Educação e Formação. Coordenação das disciplinas de Espanhol, Francês e Inglês do 3º ciclo

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B. 2,3 GONÇALO NUNES

EMRC - Concurso/Exposição

Presépios Tradicionais

O

grupo disciplinar de EMRC promoveu e organizou, mais uma vez, um Concurso/Exposição de Presépios Tradicionais dirigido aos alunos do 2º ciclo. Criatividade não faltou perante num tema tão querido em ambiente familiar. Pais e filhos deram mãos e recorrendo a diversos materiais construiram presépios que pareciam verdadeiras obras de arte.

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

39 5


40 4

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Canto do Galo/junho2013

Oficina de Artes

N

o decorrer do primeiro período deste ano letivo a “Oficina de Artes” - espaço de enriquecimento escolar – mais uma vez, desafiou a comunidade educativa a colaborar na construção de uma Árvore Ecológica, com dez metros de altura e seis de diâmetro, que foi exposta no recinto da escola sede, a partir do dia 12 de dezembro, e durante toda a época natalícia. A resposta foi imediata e entusiástica, tendo tido a adesão de diversos intervenientes do meio escolar. A Educação Ambiental esteve, uma vez mais, presente nesta intervenção ecológica, pretendendo, assim, promover e conjugar a sensibilidade ambiental e artística, com a reutilização de sacos plásticos. A técnica selecionada foi a “Tapeçaria” (com tiras dos referidos sacos reutilizados tendo a rede executada, no ano anterior, como suporte). Com o empenho de todos, numa atitude de plena colaboração, procedeu-se à recolha de sacos plásticos que, depois de meticulosamente cortados, deram origem a tiras, prontas a serem “tecidas”. E, assim, nasceu uma nova árvore gigante natalícia. Durante o segundo e terceiro período desenvolveram-se várias atividades, entre as quais: realização de papel reciclado, modelação com Fimo, realização de tapeçaria, tapetes de arraiolos, pintura de camisolas. Alguns alunos inscritos na Oficina de Artes dinamizaram um Workshop –“Realização de papel reciclado” na atividade promovida pela associação de pais no dia 12 de abril.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.2,3 GONÇALO NUNES

Ao encontro da arte

O

s alunos das turmas 5ºF, G, H, I, 6ºD e K, no âmbito da disciplina de Educação Visual visitaram, ao longo do ano, a Galeria de Arte Municipal de Barcelos onde tiveram a oportunidade de ver as obras dos artistas: João Cutileiro, José Emídio e Armanda Passos.

Ação ambiental

N

o dia 1 de junho de 2013, alguns alunos e pais das turmas 5ºF,G e H juntamente com a professora Maria José Machado participaram numa atividade “Ação de Limpeza do rio Cávado”, organizada e dinamizada pela associação dos Amigos da Montanha e pelo Núcleo de Braga da Quercus. A atividade enquadrava-se no tema que foi desenvolvido nas aulas de Educação Tecnológica – Impacto Ambiental e Social. Os objetivos trabalhados nesta disciplina, passam por formar alunos capazes de exercer uma cidadania ativa aptos a serem críticos, interventivos, participativos na sociedade em que vivem.

ENSINO DE QUALIDADE

41 5


42 4

DEPARTAMENTO DA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR Canto do Galo/junho2013

A matemática na educação pré-escolar

N

a educação pré-escolar, as aprendizagens no domínio da matemática vão “acontecendo” à medida que as crianças se deparam com situações-problema, fazem descobertas sobre o mundo, estabelecem relações entre os objetos, refletem sobre aquilo que as rodeia. Fazem-no quando jogam, manipulam e observam, usando os números, a relação entre eles e a forma das coisas. Tudo isto faz pensar que a matemática não pertence exclusivamente à escola, faz parte da vida. A matemática na educa-

Exposição

ção pré-escolar não se limita apenas à aprendizagem do número, mas é uma área muito vasta que, transversalmente,

passa pela classificação, formação de conjuntos, seriação e ordenação, sequências e padrões, noções de tempo

e espaço, medição, pesagem e resolução de problemas. A matemática está presente nas brincadeiras da criança, cabendo ao educador um papel crucial, nomeadamente: no questionamento que promove; no incentivo à resolução de problemas e encorajamento à persistência; no acesso a atividades que envolvam números e padrões; no propor tarefas de natureza investigadora; na organização de jogos com regras; no combinar experiências formais e informais utilizando a linguagem matemática própria.

“A Matemática é fixe!”

O

Departamento da Educação Pré-Escolar do Agrupamento Gonçalo Nunes organizou uma exposição de jogos matemáticos que esteve aberta a toda a comunidade educativa, no polivalente da escola sede, de 22 a 27 de maio. Tratou-se de uma mostra de materiais e jogos confecionados pelas crianças que frequentam os jardins de infância do Agrupamento, no âmbito do projeto “A Matemática é fixe!” que está a ser desenvolvido ao longo deste ano letivo. De salientar a grande participação dos pais e encarregados de educação que, em casa, juntamente

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


DEPARTAMENTO DA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR

Canto do Galo/junho2013

com os seus filhos, colaboraram na elaboração de jogos, demonstrando grande criatividade e empenho. Esta exposição é uma das muitas atividades que fazem parte do Plano Anual e Plurianual do Agrupamento e é uma forma de partilhar o trabalho realizado na área da Matemática e simultaneamente uma troca de saberes entre crianças e educadoras

de infância. A diversidade de materiais apresentados e o colorido espalhado pelos diversos placards eram suficientemente apelativos para atrair quem entrasse no recinto, especialmente os alunos desta escola que, durante todos os intervalos, se divertiram a jogar e descobrir os desafios apresentados nos jogos dos mais pequenos.

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

43 5


44 4

DEPARTAMENTO DA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR Canto do Galo/junho2013

Pais e Filhos à descoberta da Matemática

N

os meses de maio e junho, os jardins de infância deste Agrupamento organizaram a atividade “Pais e Filhos à descoberta da matemática” que teve como principal objetivo o envolvimento da família no processo educativo das crianças.

Nesse sentido, os pais e encarregados de educação foram convidados a ir ao jardim de infância “brincar” com os seus filhos utilizando os jogos confecionados por todos, durante o ano letivo, na escola e em casa. Esta vinda à escola foi divulgada aos pais com vários dias de antecedência para que se pudessem organizar, de forma a poderem estar presentes e acompanhar os seus filhos. As educadoras prepararam os vários espaços disponíveis em cada jardim de infância, salas de atividades, polivalentes e recreios, dispondo os vários jogos de forma a que

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


DEPARTAMENTO DA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR

Canto do Galo/junho2013

pais e filhos se divertissem como verdadeiros parceiros de brincadeira. Os encarregados de educação tiveram oportunidade de conhecer os trabalhos efetuados pelos seus filhos no âmbito do projeto «A Matemática é fixe» e jogar com eles usando alguns dos jogos produzidos ao longo do ano. A reação dos pais foi de total cumplicidade, aceitando o convite … O tempo previsto para a realização desta atividade passou rapidamente, demonstrando o interesse dos intervenientes. Nas unidades educativas EB1/JI de Abade de Neiva e António Fogaça, os professores do 1º ciclo aderiram a esta atividade em articulação com as educadoras, onde pais e filhos, independentemente do ano de escolaridade, participaram nos jogos que estavam ao seu dispor, numa dinâmica verdadeiramente entusiasmante. As expectativas foram largamente superadas uma vez que os encarregados de educação e as crianças aderiram com curiosidade e entusiasmo, e perceberam que a matemática pode ser divertida e está em todo o lado.

Dep. Educação Pré-escolar

ENSINO DE QUALIDADE

45 5


46

DEPARTAMENTO DA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR Canto do Galo/junho2013 Encontro com a escritora

MANUELA MOTA RIBEIRO

A

escritora Manuela Mota Ribeiro foi uma das convidadas pelo Departamento da Educação Pré-escolar do nosso Agrupamento para reforçar o projeto “De falante a leitor… um percurso de sedução, encantamento e autonomia”, em todos os nossos Jardins de Infância. Este projeto pretende estimular o desenvolvimento da linguagem de todas as crianças, incentivando o gosto pela leitura, entre outros objetivos. Esta atividade decorreu durante todo o dia 22 de outubro, no auditório da Biblioteca Municipal de Barcelos. A escritora contou a história “Kiko, o dentinho de leite”, criando momentos de grande interação com as crianças. No final, cantou a música com o mesmo nome. As obras desta escritora (médica de formação) tem, de um modo geral, uma mensagem fortemente educativa, sendo dirigidas não só às crianças, mas também a todos aqueles que se interessam pela arte de educar. Manuela Mota Ribeiro pretende através desta história do Kiko, um dentinho de leite que vive na boca do Tomás, e da bonita e muito divertida música de Sofia Ribeiro que acompanha o livro, sensibilizar as crianças e adultos para a importância da higiene oral.

Crianças entusiasmaram-se com a dinâmica do encontro

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

J. I. AV. Nª Srª FÁTIMA

«KIKO, O dentinho de Leite »

A

Escritora Manuela Mota Ribeiro escreveu esta história muito bonita, sobre um dentinho infeliz e doente que vivia na boca de um menino chamado Tomás que não lavava os dentes! Fomos ao Jardim de Infância das Calçadas ver e ouvir a escritora a contar a história.

Também aprendemos a canção do Kiko e a escritora gostou de a ouvir ! No nosso jardim lavamos os dentes todos os dias, depois do almoço, para não ficarmos com os dentes como os do Tomás !

MAGUSTO

P

elo S. Martinho fizemos muitos trabalhos para decorar a sala. Aprendemos canções sobre as castanhas e vimos a história da Maria Castanha e a lenda de S. Martinho no computador. No dia 9 de novembro fizemos o magusto com os meninos do 1º ciclo da Escola do Bairro 1º de Maio. Houve uma fogueira e depois comemos castanhas quentinhas e bebemos sumo (porque era um dia especial)!

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

47


48

J. I. AV. Nª Srª FÁTIMA

Canto do Galo/junho2013

Dia mundial da alimentação

N

este dia solicitamos a colaboração dos pais no sentido de cada criança trazer um fruto à escolha e fizemos uma deliciosa salada de fruta, cheia de vitaminas! Fizemos o registo dos frutos que trouxeram, aprendemos a canção: «A Roda dos Alimentos» e realizamos diversos trabalhos de expressão plástica sobre este tema.

Dia do Pai

N

este dia, pintámos um azulejo para oferecer ao pai no dia 19 de março, Dia do Pai! Usámos canetas de acetato para fazer os desenhos e os azulejos ficaram muito bonitos! Também fizemos um diploma e aprendemos uma canção chamada «Hoje é dia do meu pai», com uma música muito bonita!

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

J. I. AV. Nª Srª FÁTIMA

Semana da leitura

D

urante a semana da leitura fizemos muitas atividades diferentes! Participamos num encontro com a escritora Palmira Martins que nos contou duas bonitas histórias; alguns meninos compraram o livro: «A Lagarta Serafina», que foi autografado pela escritora. Durante esta semana a mãe de um dos meninos da nossa sala também nos veio contar histórias e depois fizemos desenhos sobre elas. A finalizar a semana, a nossa sala apresentou uma história cantada, aos nossos amigos do 2º ano

da Escola Bairro 1º de Maio e eles presentearam-nos com a leitura de algumas histórias variadas, feita por vários meninos e meninas da turma.

Halloween

A

nossa sala participou na exposição sobre o Halloween realizada no Agrupamento Gonçalo Nunes. Fizemos um monstro chamado Papa-Notas com diversos materiais (cones de linhas e rolos de papel higiénico pintados, bolas de esferovite, fio de sisal, palhinhas de leite). Também fomos visitar a exposição com a nossa educadora; era assustadora e muito gira! Alguns meninos pequenos tiveram um bocadinho de medo mas depressa passou!

ENSINO DE QUALIDADE

49


50

J. I. ABADE DE NEIVA

Canto do Galo/junho2013

O Dia Mundial da Alimentação O Dia Mundial da Alimentação na nossa escola foi vivido de uma forma muito gira. Todos os meninos da educação pré-escolar e do 1º ciclo transformaram-se em padeiros. Todos os adultos da escola ajudaram na preparação e confeção de deliciosos pães que partilhamos todos juntos.

O ciclo da água

Somos pequenos mas já sabemos que do meio ambiente temos de cuidar! Gostamos de observar, fazer experiências e aprender coisas novas que nos ajudem a ser responsáveis pela natureza.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

J. I. ABADE DE NEIVA

As estações do ano

A

“ A matemática é fixe”

A

o longo deste ano letivo descobrimos que a matemática é fixe e divertida. Descobrimos que a matemática está em todo o lado e a partir de muitos jogos que fizemos aprendemos que é importante para a nossa vida. Visitamos a exposição “A matemática é fixe” na escola Gonçalo Nunes. Estavam lá os jogos que nós fizemos nas salas e jogos dos meninos de outros jardins de infância. EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

o longo do ano letivo aprendemos as estações do ano e fizemos muitas atividades que já nos permitem saber muitas coisas sobre o outono, inverno e primavera. Uma das atividades que gostamos, foi aprender através do registo em tabela, qual a estação do ano em que cada menino (a) faz anos. O verão ainda não chegou mas já sabemos que é uma estação muito fixe pois tem o calor e as férias grandes.

Semana da leitura O tema da semana da leitura foi fixe – “O mar”. Todos os meninos desta unidade educativa fizeram várias atividades alusivas ao tema. Nós, os mais novos elaboramos um grande placard sobre o mar com várias técnicas. Os nossos colegas do 1º ciclo fizeram a parte escrita com poesias, textos, etc. Foi uma semana muito interessante com a visita do escritor Alexandre Perafita, a vinda à escola de encarregados de educação, com a dramatização “A menina do mar” e com a nossa coreografia da canção “O mar é lindo” e outras canções.

51 5


52

J. I. V.F. S.PEDRO

Canto do Galo/junho2013

Carnaval CARNAVAL É ALEGRIA OS PALHAÇOS DIVERTIDOS ATIRAM FITINHAS PARA O AR AOS MAIS DISTRAÍDOS

grupo P

O INVERNO CHEGOU TUDO MOLHOU O VENTO SOPROU E O FRIO COMEÇOU A MÃE ME AGASALHOU COM UM CAMISOLÃO AS LUVAS, O GORRO, E UM CASACÃO grupo P

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

J. I. V.F. S.PEDRO

“Matemática a rimar...” O tema “Matemática a rimar...” despertou o interesse das pequenas crianças que com engenho e arte elaboraram um livro do qual podemos observar algumas páginas. Grupo Q

ENSINO DE QUALIDADE

53


54

J. I. AV. das CALÇADAS

Canto do Galo/junho2013

Comemoração

Dia mundial da alimentação Os meninos do JI das Calçadas comemoraram o Dia da Alimentação participando em várias atividades muito enriquecedoras.

Roda dos alimentos

O

s meninos da turma E fizeram uma roda dos alimentos. Trouxeram os alimentos de casa e em cima da mesa desenharam uma roda gigante e colaram todos os alimentos separados.

No Dia da Alimentação fizemos uma salada de fruta. Cortamos todas as frutas e no fim comemo-la. Estava deliciosa!

Pipocas

Na nossa sala (turma D ) fizemos uma desfolhada. Trouxemos espigas de milho de casa e na sala desfolhamos o milho. Depois desbulhamos as espigas e fizemos pipocas.

“Os pequenos grandes poetas” Mais uma vez o J.I. das Calçadas participou neste concurso. A Matilde Araújo e a Jéssica Macedo, as duas de cinco anos, declamaram a poesia “Espanto” de Maria Alberta Meneres. Fizeram-no brilhantemente, sem timidez e com muita energia. Foram as estrelas da noite, ganharam o 1º prémio. Parabéns! Que o vosso talento permaneça durante todo o percurso escolar.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

J. I. AV. das CALÇADAS

Pão

O

pai de um menino, que é padeiro, veio ao nosso JI ensinar a fazer o pão. Vestiu-se com a roupa de padeiro, e começou a fazer o pão com farinha, água e sal. Depois todos os meninos fizeram um pãozinho que foram a cozer. O pão é um alimento muito bom e saudável. Levamos o pão para casa num saquinho com a receita. Comemos o pão e estava delicioso. No dia seguinte fizemos um chapéu de cozinheiro muito giro. Enfeitámo-lo com colagens de massinhas e milho e escrevemos o poema de uma canção (com música da canção Ah! Ah! Ah! Minha machadinha).

Eu sou pequenino Mas já sei escolher (bis) Os bons alimentos Para bem viver (bis)

Eu quero crescer Ser um valentão (bis) Como hortaliças Fruta, queijo e pão (bis)

Para ter saúde Eu quero comer (bis) Carne, peixe e ovos E leite beber (bis)

Antes de comer As mãos vou lavar (bis) E os meus dentinhos Antes de deitar (bis)

“Experiências no J.I. das Calçadas” A mãe do Dinis veio ao J.I. fazer algumas experiências que encantaram as crianças: - Visualização ao microscópio de diferentes insetos, células e micróbios; - Despigmentação de plantas com diferentes cores; - Simulação de um vulcão em lava e outro em erupção; - Observação de vários fósseis e diferentes rochas; - Experimentação de fósseis em plasticina. A reação dos alunos foi muito positiva e participativa!

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

55


56

J. I. AV. JOÃO DUARTE

Canto do Galo/junho2013

SEMANA DA LEITURA

A

semana da leitura foi muito importante e divertida porque vimos muitos teatros e aprendemos muitas coisas. A mãe da Mariana fez a abertura da semana da leitura e o Miguel e a Sara puxaram a fita cor de laranja. Ela contou a história “A que sabe a lua?” em espanhol. Nós vimos muitas histórias bonitas e contadas de formas diferentes. - “O médico do mar” feito em teatro de sombras pelas educadoras Olinda, Clara, Lígia e Fátima; - “O Médico do Mar” dramatizado pelos meninos da turma C, para nós e para os meninos da Fogaça; - “O Peixinho Arco-íris” em teatro de sombras pela Graça, Augusta e Nanda; - “O gato das botas” em teatro de sombras que o Gustavo, os pais e o irmão contaram; - Também fomos à Rádio Clube dos Gonçalinhos declamar poesias sobre o mar e os meninos da turma A cantaram a canção do golfinho azul; - No Pólo de Leitura vimos outra vez o teatro do Médico do Mar, mas primeiro vimos um filme sobre a vida do fundo do mar. Vieram muitos meninos do jardim de infância das Calçadas ver e no fim declamaram poesias e dançaram para nós. Os meninos da escola Gonçalo Pereira também foram convidados a assistir ao teatro. Foi uma semana cheia de atividades mas gostamos MUITO!

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

J. I. AV. JOÃO DUARTE

À DESCOBERTA DOS CASTELOS

N

ós fizemos um trabalho muito bonito na nossa sala. Queríamos saber coisas, sobre os castelos e sobre o primeiro rei de Portugal e fizemos muitas pesquisas e pedimos ajuda aos nossos pais e aos nossos amigos do Pólo de Leitura. O Vítor ajudou-nos a fazer o castelo, uma amiga ajudou-nos a fazer os fatos e a nossa educadora contou-nos histórias bonitas, sobre o D. Afonso Henriques. A nossa área da biblioteca transformou-se na área do Castelo de Guimarães, fizemos um desfile para as pessoas saberem que o D. Afonso Henriques regressou e contamos as nossas histórias aos meninos das outras salas. Foi um dia muito feliz para nós e, ainda vamos ter outro dia feliz, porque vamos mesmo ao castelo de Guimarães. Sala C

“A MATEMÁTICA É FIXE”

O

s meninos todos do JI da Av. João Duarte, fomos ver a exposição da matemática à Escola Gonçalo Nunes. Gostámos muito e vimos muitas coisas diferentes e que tinham a ver com a matemática. Nós vimos muitos jogos, desenhos, tabelas, gráficos, números, registos e fotografias dos trabalhos. Vimos ainda, jogos que nos obrigavam a pensar, como o jogo do galo, “espetadas” de matemática e um pequeno computador, que era uma abelha. Gostamos muito do jogo dos peixinhos, dos dominós de frutos e das folhas. Os meninos crescidos também nos ajudaram a fazer o jogo do bowlling e estavam muito divertidos. Foram muito amigos e simpáticos. Foi fixe, espetacular e muito divertido!

ENSINO DE QUALIDADE

57


J. I. AV. JOÃO DUARTE

58

Canto do Galo/junho2013

Halloween

N

Dia do Pai

o nosso JI comemoramos o Halloween. Enfeitamos a nossa escolinha com bruxinhas, abóboras, morcegos, fantasminhas e muitos trabalhos. Fizemos o bolo dos monstrinhos. Cada menino fez um monstrinho com a ajuda dos pais e depois construímos um bolo com três andares. Ficou espetacular! Este bolo foi para a exposição “Halloween” da Escola Gonçalo Nunes. No dia do Halloween fizemos um almoço e de tarde fomos visitar a Exposição do Halloween. Gostamos muito, muito de ver as coisas que os meninos grandes e pequenos fizeram. Vimos o nosso bolo dos monstros, um polvo gigante, abóboras no chão, esqueletos, monstros, aranhas, morcegos, bruxas, chapéus, fantasmas… Gostamos muito do túnel. Era assustador e escuro, com uma luz que dava brilho às caras dos monstros, às bruxas, aos esqueletos e à nossa cabeça. Pintaram-nos a cara com desenhos do Halloween. Ofereceram-nos uma guloseima e um aluno que tinha óculos ofereceu-nos um lápis mágico que parecia uma varinha mágica. A exposição parecia uma sala de fantasia! A exposição foi muito, muito, muito assustadora, divertida, fantástica e espetacular! Foi fixe! Pai, papá, paizinho Tu és o meu amor És muito meigo e fofinho E cheiras bem como uma flor Pai, eu gosto de te abraçar Gosto do teu carinho Vou sempre te amar Porque és muito meiguinho Pai, ainda bem que existes Tu brincas muito comigo As tuas brincadeiras são muito fixes E eu gosto de estar contigo. texto coletivo

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

J. I. AV. JOÃO DUARTE

16 de outubro

Comemoração do Dia Mundial da Alimentação

F

oi um dia muito importante porque demos muita comida aos pobres para não terem fome. A assistente social da Cruz Vermelha veio numa carrinha ao nosso jardim de infância buscar as roupas e os alimentos que trouxemos de casa; - Partilhamos as pipocas que fizemos com os meninos do JI António Fogaça; - Também partilhámos com os da turma A e C e eles ofereceram-nos bolo e gelatina que fizeram; - Oferecemos bolo a um casal de idosos que são nossos vizinhos e amigos; - Aprendemos que é importante partilhar e sermos solidários.

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

59


60

J. I. AV. JOÃO DUARTE

Canto do Galo/junho2013

O NOSSO DESFILE DE CARNAVAL

N

o nosso carnaval, fomos vestidos de dominós. Os meninos da turma A, foram de dominós de frutos, os meninos da turma B, foram de formas geométricas e nós de dominós de animais. Nós fomos de dominós porque há matemática no dominó e nós estamos a fazer um projeto de matemática. Os nossos fatos foram feitos na escola. Fizemos um cartaz que dizia: “A jogar ao dominó, nunca estou só!” Gostamos muito do nosso Carnaval, foi muito fixe! Até ao próximo carnaval.

Beijinhos dos meninos do JI Av. João Duarte.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

O OUTONO

DEPOIS, A MARTA PENSOU NOUTRA SOLUÇÃO E PÔS FITA ADESIVA NAS FOLHAS PARA SE SEGURAREM. MAS CONTINUAVAM A CAIR MUITO DEVAGAR AO CHÃO.

J. I. AV. JOÃO DUARTE

ERA UMA VEZ UMA MENINA CHAMADA MARTA QUE ANDAVA NO PARQUE E VIU AS FOLHAS DAS ÁRVORES A CAÍREM AO CHÃO. FICOU TRISTE AO VER AS ÁRVORES VAZIAS.

A MARTA RESOLVEU PÔR COLA NAS FOLHAS PARA ELAS NÃO CAÍREM. NÃO RESULTOU, AS FOLHAS CAÍAM NA MESMA AO CHÃO UMAS ATRÁS DAS OUTRAS E POR ISSO CONTINUOU TRISTE.

ENTÃO A MARTA DECIDIU ATAR LAÇAROTES NAS FOLHAS PARA PRENDER À ÁRVORE. TAMBÉM NÃO DEU RESULTADO PORQUE AS FOLHAS CAÍAM FAZENDO UM MANTO AMARELO.

A MARTA COMEÇOU A BRINCAR COM AS FOLHAS COM MUITA ALEGRIA. SALTOU AO PÉ-COXINHO, TAPOU-SE COM AS FOLHAS, FEZ UM CHAPÉU DE FOLHAS, SACUDIU AS FOLHAS COM OS PÉS E COM AS MÃOS, FOI MUITO DIVERTIDO E FIXE.

- O outono é uma estação do ano que vem a seguir ao verão; - O outono é para preparar o inverno; - No outono as folhas caem porque o vento sopra com muita força; - O outono dá frutos (castanhas, figos, marmelos, dióspiros, maçãs, uvas, nozes, pêras,….); - Os frutos fazem bem ao nosso corpo, fazem-nos crescer e ficar homens e mulheres; - No outono chove, sopra muito vento, há trovoada, as nuvens estão cinzentas cheias de gotinhas de água, também há relâmpagos; - Temos de vestir roupa mais quente (calças compridas, sapatilhas ou botas, camisolas de manga comprida); - Nós gostamos muito do outono por causa das frutas, do tempo e das poças de água para saltar.

ENSINO DE QUALIDADE

61


62

J. I. AV. JOÃO DUARTE

Canto do Galo/junho2013

O NATAL

A

nossa festa de natal foi na escola Gonçalo Nunes. Foi uma festa engraçada e muito gira. Estava lá um palco e um cenário muito grande e bonito. Nós fizemos um teatro que se chamava “O sonho de natal”, inventado por nós todos. No teatro entraram muitas personagens (árvores de natal, Jasmine, Aladino, João Ratão, génio, Cinderela, estrelas, anjos, odaliscas, o macaco Abu, a lua, os guardas e o Tomás). No fim da festa o Pai natal chegou com 3 sacos cheios de prendas para as 3 salas. Os presentes eram verdadeiros. Todos os pais e toda a família estavam nas cadeiras a assistir ao espetáculo.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

J. I. AV. JOÃO DUARTE

OS REIS N

o dia 7 vieram os três reis magos nas motas. A mota amarela era a maior de todas e era a mais veloz. Esta mota tinha um banco pequeno para o Menino Jesus se sentar e ir com eles visitar os meninos. Os meninos do jardim-de-infância da Fogaça e da Av. João Duarte cantaram a canção dos reis e eles deram moedas de ouro, mas de chocolate. Foi muito fixe e os 3 reis magos foram muito amiguinhos. Nos outros dias fomos cantar os Reis à junta de freguesia, APAC, à escola Gonçalo Nunes, à escola Alcaides de Faria, ao Polo de Leitura e pelas redondezas do nosso jardim. Gostámos muito.

VISITA GALERIA DE ARTE BARCELOS

N

a sexta-feira, dia 19 de outubro, fomos à Galeria de Arte ver a exposição do João Cutileiro. A exposição chamava-se De…de…(alguma ajuda), degustação….O que quer dizer?!!! Que nós vimos árvores, guerreiros, desenhos estátuas de mulheres e só um homem….tudo feito em pedra. De…degustação quer dizer que nós vimos várias coisas, tudo feito em pedra. Tudo o que vimos era Arte e gostámos. As senhoras que nos receberam foram muito simpáticas.

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

63


64 4

E.B.1 PONTES S. VERÍSSIMO

Canto do Galo/junho2013

O concurso

“A Grande Aventura”

O

concurso “A Grande Aventura” foi uma iniciativa do delegado escolar da Texto Editora, Hernâni Pereira e decorreu entre 01 de março de 2013 e 10 de abril de 2013, destinandose a premiar trabalhos escritos por alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico (3.º e 4.º anos). O tema a concurso era livre. No entanto, deveria incluir, obrigatoriamente, duas personagens e duas mascotes dos manuais dos respetivos anos. Os trabalhos deveriam obedecer às seguintes modalidades: texto narrativo, texto instrucional, poema, email mais ilustração. Achei a iniciativa interessante e lancei o desafio aos meus alunos, do 3º ano, que aderiram com entusiasmo. Parabéns aos alunos premiados .

Daniela Pedrosa 3ºN - 1º prémio João Pedro Matos 3ºN - 2º prémio João André Torres 3ºN - 3º prémio

TURMA DO 3º N

NATAL O Pai Natal é gordinho e muito idoso. É alto tem barba comprida e branca. Usa óculos pois não vê muito bem. Veste umas calças vermelhas, um casaco também vermelho e um barrete vermelho. As botas e o cinto são pretos. A roupa é macia, quentinha e confortável. O Pai Natal é simpático, amigo, feliz, calmo, muito bondoso, carinhoso e trabalhador. Ele gosta muito de crianças, de andar de trenó puxado pela renas, dos duendes que trabalham com ele. Preocupa-se muito com os animais e com as plantas do nosso planeta. Ele é um grande amigo do ambiente. Ele não gosta que as crianças sejam mal tratadas, que passem fome e que não vão à escola. O Pai Natal é muito importante para todas as crianças porque as ajuda a sonhar, a imaginar e a serem felizes. Texto coletivo do 3º N

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.1 PONTES S. VERÍSSIMO

O velho, o rapaz e o burro de Fátima Sobral - PNL

João Pedro, Rodrigo e Sara - 3º N

ENSINO DE QUALIDADE

65 5


E.B.1 GONÇALO PEREIRA

66 4

Canto do Galo/junho2013

“O Natal da nossa Escola”

R

ealizou-se no passado dia 14 de dezembro, na EB1 Gonçalo Pereira, a tradicional Festa de Natal. O ambiente na Escola foi bastante animado, contrastando com o mau tempo que se fazia sentir em Barcelos. Após a receção aos alunos, durante toda a manhã, foram realizadas várias atividades. A partir das 9h10, iniciou-se a emissão no Rádio Clube Gonçalinhos, com Poesia, Lendas e Músicas de Natal, num trabalho de articulação com os professores titulares e os professores das AEC. O entusiasmo de professores e alunos foi evidente e todos davam o seu melhor. O Rádio Clube Gonçalinhos terminou a sua emissão cerca das 10h45 e, de seguida, no pátio da Escola, teve lugar a “A Cantata de Natal”, realizada em articulação com todos os professores das AEC. Na Cantata de Natal foi encenada a forma como Maria foi escolhida para ser a Mãe de Jesus, a sofrida viagem até Belém, o nascimento do Menino Jesus num simples e humilde curral, a visita dos Reis Magos guiados por uma estrela, num trabalho que envolveu narração, dramatização, música e dança, com 23 personagens, entre Narradores, César Augusto, José, Maria, Anjo do Senhor, Pastores, Hospedeiras, Reis Magos e Estrelas, ahh... e os animaizinhos no presépio! No final, vindo diretamente da Lapónia em renas low cost, apareceu o Pai Natal, que distribuiu presentes para todos os alunos. Foi a euforia total! Uma manhã em cheio, que envolveu toda a Comunidade Educativa, celebrando o verdadeiro Espírito do Natal. João Figueiredo, Professor de Expressão Dramática

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.1 PENEDOS

Semana da Leitura

N

o dia 8 de abril, as turmas da nossa escola foram à EB2,3 Gonçalo Nunes para participar na abertura da Semana da Leitura. A cerimónia começou com danças sobre o mar apresentadas por alunas dessa escola. Depois seguiu-se a atuação de um professor e de uma aluna que tocou piano e cantou. Após estas atuações seguiuse um intervalo. Nós lanchámos e conversámos um pouco. Na segunda parte, a nossa escola atuou. Primeiro foram os alunos do primeiro ano, que cantaram uma canção. Depois subiram ao palco os alunos do segundo ano, que disseram frases sobre o mar. A seguir foi a nossa atuação. Declamámos dois poemas inéditos sobre pescadores e peixeiras. Por fim, o quarto ano, com poemas sobre o mar. Acho que a nossa escola se saiu muito bem. Ainda houve mais atuações de outros alunos da EB2,3 Gonçalo Nunes. Eu achei que a Semana da Leitura teve um início fantástico. Guilherme Fiúza – 3ºM – EB1 dos Penedos

Teatro “Quack”

N

o dia 14 de março fomos assistir a uma peça de teatro no Auditório Municipal de Lavra. Fomos de autocarro com todos os meninos da

escola. A peça de teatro era um musical que se chamava “Quack”, inspirada na história do Patinho Feio. Na peça participaram várias personagens, entre elas o Patinho Feio, que era a personagem principal. O Patinho Feio viveu grandes aventuras e fez muitos amigos até se transformar num lindo cisne, Foi um musical muito engraçado e divertido e aprendemos que devemos ser amigos de todos e nunca nos rirmos de ninguém.

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

3ºM – EB1 dos Penedos

67 5


68

E.B.1 ALDÃO

Canto do Galo/junho2013

SEMANA DA LEITURA As nossas histórias - turma 1º H

O castelo de areia Fiz um castelo de areia Mesmo à beirinha do mar À espera que uma sereia Ali quisesse morar. Ó mar, Ó mar… Mas foi só um caranguejo Que ali me foi visitar. Ó mar, Ó mar… Mas foi só uma gaivota Que ali me foi visitar.

Dia Mundial do Livro (23 de Abril) “O Livro”

E levou o meu castelo,

- Ao Ler um livro, aprendemos muitas coisas.

O meu castelo de areia

- Quanto mais lemos, mais crescemos.

Para no mar morar nele

- Os livros são muito importantes.

A minha linda sereia.

Luísa Ducla Soares

- Os livros dão para ler e para escrever. - Os livros têm muito valor. - Os livros são especiais.

- Os livros têm muitas histórias.

- Temos que cuidar dos livros todos os dias.

- Os livros fazem-nos rir.

- Os livros são nossos amigos.

- Os livros têm magia.

- Há muitos tipos de livros.

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

Dia da Mãe e do Pai

Um feliz Dia da Mãe. Mil beijinhos do teu filhote Hugo Leite

turma 1º H

Querida avó

Minha querida Mãe Ó mãe, tu és uma flor. Mãe, tu tratas bem de mim. Ó mãe, tu és muito bonita Mãe, eu adoro-te. Ó mãe, tu cheiras bem. Eu quero dar-te muitos beijos e muito amor. Ó mãe, eu quero dar-te uma rosa tão bela como tu.

E.B.1 ALDÃO

Avó, gostas muito de mim e eu de ti. És a minha rainha. És muito bonita. Avó, ajudas-me muito. Avó, és um anjo que anda na Terra. Avó, és a minha mãe. Avó, és o meu amor eterno. Mil e um beijinhos Da tua “filhinha” Inês Pinto 1.º H – EB1/JI de Aldão

1.º H – EB1/JI de Aldão

Querido pai Ó pai, és o meu melhor amigo. Ó pai, cuidas sempre de mim. Ó pai, eu gosto muito da tua cama. Ó pai, tu andas sempre comigo. Ó pai, tu és um anjo. Ó pai, tu brincas sempre comigo. Eu, a irmã e a mãe gostamos muito de ti. Tu dás-me sempre beijinhos. Ó pai, eu gosto de estar ao teu lado. Mil e um beijinhos Da tua filhota Inês Martins 1.º H – EB1/JI de Aldão

ENSINO DE QUALIDADE

69


70

E.B.1 ALDÃO

Canto do Galo/junho2013

Dia Mundial da Criança

N

o dia 2 de Junho (domingo), com o objetivo de comemorar o Dia da Criança, a Escola EB1/JI de Aldão (Vila Frescaínha S. Martinho) juntou mais de 300 pessoas, incluindo docentes, educadoras, auxiliares, pais, encarregados de educação, alunos e amigos para mais uma atividade de promoção do convívio entre todos os elementos da comunidade escolar. Com a coordenação das docentes e educadoras, pais e encarregados de educação apoiaram os seus filhos nas pinturas dos muros exteriores da escola, embelezando todo o seu recreio e deixando “marcas” dos alunos que frequentaram a escola, neste ano letivo. Além das pinturas, que decorreram durante todo o dia, ainda se fizeram jogos tradicionais e o almoço foi organizado em piquenique, debaixo das árvores dentro do recinto escolar, havendo lugar a um grandioso convívio e até “descanso nas mantas” depois do almoço.

Este é mais um “marco” de uma escola a quem todos tecem tantos elogios por funcionar de uma forma incrível, pois a união entre todos transparece nas atividades realizadas.

A Presidente da Associação de Pais Graça Gomes

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.1 ALDÃO

O peixinho Arco-Íris

N

a nossa escola. “O peixinho Arco-Íris” foi uma das histórias trabalhadas na Semana da Leitura. É uma história muito bonita e fala-nos de um peixinho que se chamava Arco-Íris e vivia nas profundezas do mar. As suas escamas eram muito coloridas e cintilantes. Era o peixinho mais belo de todos os oceanos. O Arco-Íris era muito vaidoso e nadava junto de outros peixes para que eles reparassem na sua beleza. Os outros peixes admiravam-no e convidavam-no para brincar, mas Arco-Íris ignorava-os. Ele sentia-se mais importante do que todos os outros. Um dia, o peixinho azul seguiu o Arco-Íris, elogiou-o e pediu-lhe uma das suas escamas. Arco-Íris foi muito antipático com o peixinho azul e disse-lhe que desaparecesse. O peixinho azul fugiu com medo e foi contar aos seus amigos o que se tinha passado. A partir desse momento, todos os peixes ignoraram o Arco-Íris. Quando o Arco-Íris se apercebeu que estava só, foi desabafar com a estrela-do-mar. Ela disse-lhe que fosse falar com o polvo sábio que vivia numa gruta escura. O polvo aconselhou-o a dar uma das suas escamas a cada um dos peixes que lhe pedisse. No início, o peixe não concordou com a opinião do polvo, mas acabou por seguir o seu conselho. Ele distribuiu as suas escamas pelos outros peixes, ficando apenas com uma. Os peixes ficaram admirados com a atitude do Arco-Íris. Estavam encantados com a sua escama cintilante e convidaram-no para brincar. Arco-Íris poderia não ser agora o peixe mais belo dos oceanos, mas sentia-se muito feliz porque estava rodeado de amigos. Ele percebeu que a amizade é mais importante do que a beleza.

Texto coletivo – 2º G

Dia do Livro Hoje é o dia do Livro, Temos que comemorar Fazendo quadras em grupo, Quadras de encantar. O Livro é um grande amigo, É uma excelente companhia. Ensina-nos muitas coisas E dá-nos muita alegria. O Livro é muito importante E ensina-nos a crescer. Nos nossos tempos livres, Gostamos muito de ler. O Livro é como um baú, Que está cheio de magia. Podemos percorrer o mundo, Viajando na fantasia.

EXAMES - 6ºano da EB 2,3 Gonçalo Nunes 2º lugar no ranking das escolas do concelho de Barcelos

71


E.B.1 VILA BOA

72

Canto do Galo/junho2013

A Festa de Natal

H

oje, dia 14 de dezembro, chegamos ao fim do primeiro período. Para encerramento, fizemos a festa de Natal, como já é costume. Apresentamos vários números onde todos participamos empenhadamente. Estavam todos muito bonitos. Também chegou o Pai Natal que nos deu uma prendinha. Agora entramos de férias para recuperar forças.

Dia Internacional da Pessoa com Deficiência

H

oje, dia 3 de dezembro, comemoramos o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência vivenciando jogos como pessoas invisuais. Na sala observamos livros escritos em Braille. Foi muito interessante. 1ºG e 1ºF

POR UMA ESCOLA DE SUCESSO


Canto do Galo/junho2013

E.B.1 VILA BOA

A nossa horta

E

ste ano deu-se continuidade à horta da escola. Para que o frio, a neve e a geada não queimem as nossas plantinhas, arranjámos uma bela estufa para as proteger.

1º F, 1º G e 2º E

por uma alimentação saudável

ENSINO DE QUALIDADE

73



Canto do galo 2012 13 1junho13