Page 1

RELATÓRIO de ENCERRAMENTO


ÍNDICE

O Evento

3

Descrição

4-8

Jogadoras Inscritas

9-10

Resultados & Prémios Comunicação

11-12 13

Reportagem Fotográfica

14-23

Imagem & Sponsors

24-36

Book Oficial

37-53

Presença Online

54-66

Media Report

67-83

Agradecimentos

84


O EVENTO


O EVENTO - DESCRIÇÃO

 Designação: 5º Açores Ladies Open  Regularidade: Evento de Periodicidade Anual  Circuito: Ladies European Tour Access Series  Campo Anfitrião: Clube de Golfe da Ilha Terceira  Local: Ilha Terceira - Açores  Data: 02/10/2015 a 04/10/2015  Direcção Torneio: Diane Barnard - LETAS  Promotor: Stream Plan,Lda

4


O EVENTO - DESCRIÇÃO

 O 5º Açores Ladies Open está inserido no circuito Europeu LET Access

Series (LETAS), o qual qualifica as melhores jogadoras profissionais de Golf da Europa para o Ladies European Tour (LET) de 2016, a primeira divisão profissional da modalidade. É o único evento feminino português integrado em circuitos profissionais internacionais.  O torneio teve um field de 59 jogadoras, de 21 países, com um prizemoney de 30.000,00€. A representar Portugal, estiveram 3 jogadoras Profissionais.  A edição do 5º Açores Ladies Open integrou no seu programa a realização de um Pro-Am, para promoção do destino Açores, que foi anulado, devido às condições climatéricas à data do evento, que tornaram impossível a sua realização.

A realização do programa do 5º Açores Ladies Open incluiu por parte da organização a gestão do torneio nas suas vertentes comunicativa, desportiva, logística, técnica e comercial.

5


O EVENTO - DESCRIÇÃO

 O 5º Açores Ladies Open contou com uma extensa cobertura mediática, na que se incluiu imprensa escrita, reportagens televisivas em canais generalistas e especializados, acções de promoção a bordo dos aviões da SATA, e com uma vasta presença on-line, não só através dos seus meios oficiais mas também nos vários canais media informativos.

 Oficialmente foram credenciados como MEDIA PARTNERS do evento os órgãos de comunicação SportTV, Record, Sol, Açoriano oriental, GolfDigest, GolfTattoo, CN Sports e Cision.  O torneio contou com a cobertura televisiva da “RTP Açores” e da “Sport TV”, que em parceria com a CN Sports, emitiu reportagens diárias e uma reportagem para o programa Golf & Golfistas. A cobertura televisiva foi ainda divulgada via web, através de vários canais on-line “Stream Plan”, “CN Sports”, e “RTP Açores”.  O gabinete de imprensa do 5º Açores Ladies Open contou com a presença de um Press Officer Oficial nacional e a colaboração de um fotógrafo para a reportagem fotográfica diária.

6


O EVENTO – DESCRIÇÃO

A alemã Karolin Lampert desafiou todas as previsões e o mau tempo que interrompeu a jornada durante algumas horas para conquistar o seu primeiro título profissional no Açores Ladies Open, de 30 mil euros em prémios monetários, depois de ter sido uma das melhores amadoras do Mundo. A alemã de 21 anos chegou a ser 14ª do ranking mundial amador e nessa fase da sua carreira passou pelo Montado, em Palmela, onde se sagrou vice-campeã do Campeonato Internacional Amador de Portugal em 2013, com 5 pancadas abaixo do Par, só superada pela espanhola Clara Sanchez (-7). Dois anos volvidos, chegou ao Clube de Golfe da Ilha Terceira para disputar o mais importante torneio de golfe feminino português, integrado no Ladies European Tour Access Series (LETAS), a Segunda Divisão europeia, e fez um percurso de trás para a frente: Era 5ª aos 18 buracos com 71 (-1), passou para 2ª (-3) aos 36 buracos depois de uma segunda volta de 70 (-2) e acabou por vencer com 214 pancadas, 2 abaixo do Par, após uma derradeira ronda em 73 (+1). «É sem dúvida nenhuma a minha vitória mais importante, porque é o meu primeiro título profissional e estou orgulhosa dele», disse Karolin Lampert, que partiu para a última volta com 4 pancadas de atraso, uma vantagem que parecia confortável para a inglesa Emma Goddard, a líder dos dois primeiros dias. Para mais, tratando-se de uma jogadora da Primeira Divisão europeia, o Ladies European Tour (LET). «Era um situação difícil, recuperar 4 pancadas, mas ela “drivou” para fora de limites no buraco 2 e eu pensei que talvez ela estivesse a ficar um pouco nervosa. Nestas condições, é preciso ser-se muito paciente, ela perdeu um pouco o seu jogo e eu fui capaz de fazê-lo, de jogar o meu jogo, mas foi uma luta o dia todo», acrescentou a jogadora que, enquanto amadora, integrou «durante seis anos a seleção alemã» e obteve resultados de relevo, com vitórias nos Campeonatos Internacionais da Alemanha, Espanha, França (em sub-18), no Europeu de Clubes, foi vice-campeã mundial por equipas e convocada para a Junior Solheim Cup em 2013 ao serviço da seleção da Europa. A irmã do profissional de golfe Moritz Lampert teve razão em salientar a derrocada da sua adversária mais direta porque Emma Goddard fez 1 duplo-bogey no 2, 1 bogey no 3 e 1 triplo no 6 para perder claramente o comboio. Terminou com uma frustrante volta de 80 (+8), que a deixou com um agregado de 217 pancadas, 1 acima do Par, empatada no 3º lugar com a brasileira Victoria Lovelady, a cazaque Jamila Jaxaliyeva e a amadora espanhola Luna Sobrón. O desastre de Emma Goddard permitiu à finlandesa Krista Bakker ascender ao 2º lugar, graças à melhor volta do dia, em 68 pancadas, 4 abaixo do Par. Foi, aliás, a única das 29 jogadoras que passaram o cut a bater o Par-72 do campo e embolsou 3.333 euros.

7


O EVENTO – DESCRIÇÃO

Karolin Lampert, por seu lado, recebeu um cheque de 4.834 euros, mas, mais do que isso, ao vencer no Açores Ladies Open qualificou-se para o WPGA International Challenge, na próxima semana, em Inglaterra, o último torneio do LETAS em 2015. «Não tinha entrada e estou mesmo contente de ter-me qualificado para poder competir mais antes da Escola de Qualificação em dezembro», disse a alemã do St. Leon Rot Golf Club, onde há duas semanas se realizou a Solheim Cup. Valeu a pena a espera de várias horas, dada a interrupção da última volta devido à chuva que alagou o campo: «A minha opinião é que poderíamos voltar a jogar se o campo estivesse jogável e se estivesse justo. Eu acho que estava. Houve muitos greenkeepers a ajudarem no campo, mas, é verdade, acabou por ser um dia muito longo. Creio que estamos todas contentes por termos terminado as três voltas. Acho que foi uma boa decisão. Nem sempre as jogadoras gostam de jogar em dias destes, mas acho que nos tornamos mais fortes depois disto». Superar dificuldades não é algo de estranho a Karolin Lampert. Depois de uma belíssima carreira amadora, passou a Escola de Qualificação do LET em finais de 2013, competiu no ano passado na Primeira Divisão europeia, mas, entretanto, perdeu o cartão para 2015. Ainda jogou quatro torneios do LET esta época e falhou o cut em todos. Desceu ao LETAS e voltou a não passar um único cut em 10 torneios na Segunda Divisão, para, finalmente, despontar nos Açores. «Tenho vindo a trabalhar no duro, mudei de treinador há dois meses, fiz algumas coisas diferentes, o meu novo treinador acredita em mim e estava a dizer-me que estava na hora, porque tinha ficado muito contente com as minhas duas primeiras voltas. Quando passei o cut, o primeiro deste ano, disse-me para continuar, disse-me que sabia que eu conseguiria porque ganhei alguns torneios quando era amadora e senti-me confortável nesta situação de estar no último grupo», sublinhou. Depois de ser tão bem sucedida nos dois principais torneios portugueses femininos, é impossível não sentir uma relação especial com o nosso país: «Adoro vir a Portugal, passamos muitas férias cá e gosto do ambiente neste país». Na cerimónia de entrega de prémios estiveram Diana Valadão (Ilhas de Valor), Diana Barnard (LETAS), Nuno Mimoso (Federação Portuguesa de Golfe), Carlos Raulino (Clube de Golfe da Ilha Terceira), José Carmona Santos (Stream Plan) e as jogadoras Karolin Lampert (campeã), Krista Bakker (vice-campeã) e Luna Sobrón (a melhor amadora).

8


O EVENTO - JOGADORAS INSCRITAS

9


O EVENTO - JOGADORAS INSCRITAS

10


O EVENTO - RESULTADOS & PRÉMIOS

11


O EVENTO - RESULTADOS & PRÉMIOS

12


COMUNICAÇÃO


REPORTAGEM FOTOGRÁFICA

14


REPORTAGEM FOTOGRÁFICA

16


REPORTAGEM FOTOGRÁFICA

17


REPORTAGEM FOTOGRÁFICA

18


REPORTAGEM FOTOGRÁFICA

20


REPORTAGEM FOTOGRÁFICA

21


REPORTAGEM FOTOGRÁFICA

23


REPORTAGEM FOTOGRÁFICA

24


REPORTAGEM FOTOGRÁFICA

25


REPORTAGEM FOTOGRÁFICA

26


COMUNICAÇÃO IMAGEM & SPONSORS


IMAGEM & SPONSORS

28


IMAGEM & SPONSORS

29


IMAGEM & SPONSORS

30


IMAGEM & SPONSORS

31


IMAGEM & SPONSORS

32


IMAGEM & SPONSORS

33


IMAGEM & SPONSORS

34


IMAGEM & SPONSORS

35


IMAGEM & SPONSORS

36


IMAGEM & SPONSORS

37


IMAGEM & SPONSORS

38


IMAGEM & SPONSORS

39


COMUNICAÇÃO BOOK OFICIAL


BOOK OFICIAL

41


BOOK OFICIAL

42


BOOK OFICIAL

43


BOOK OFICIAL

44


BOOK OFICIAL

45


BOOK OFICIAL

46


BOOK OFICIAL

47


BOOK OFICIAL

48


BOOK OFICIAL

49


BOOK OFICIAL

50


BOOK OFICIAL

51


BOOK OFICIAL

52


BOOK OFICIAL

53


BOOK OFICIAL

54


BOOK OFICIAL

55


BOOK OFICIAL

56


COMUNICAÇÃO PRESENÇA ONLINE


PRESENÇA ONLINE

58


PRESENÇA ONLINE

59


PRESENÇA ONLINE

60


PRESENÇA ONLINE

61


PRESENÇA ONLINE

62


PRESENÇA ONLINE

63


PRESENÇA ONLINE

64


PRESENÇA ONLINE

65


PRESENÇA ONLINE

66


PRESENÇA ONLINE

67


PRESENÇA ONLINE

68


PRESENÇA ONLINE

69


COMUNICAÇÃO MEDIA REPORT


MEDIA REPORT – PRESS & BUZZ ROOM

Media Room http://www.azoresladiesopen.pt/acoresladiesopen/press-room-0

Buzz Room

http://www.azoresladiesopen.pt/acoresladiesopen/buzz-room-2

Website Oficial do Torneio

http://www.azoresladiesopen.pt/acoresladiesopen/a%C3%A7ores-ladies-open-2015

Facebook

https://www.facebook.com/LadiesOpenPT/

You Tube

https://www.youtube.com/user/golfstream2011

Twitter https://twitter.com/StreamPlan_Pt

71


MEDIA REPORT

72


MEDIA REPORT

73


MEDIA REPORT

74


MEDIA REPORT

75


MEDIA REPORT

76


MEDIA REPORT

77


MEDIA REPORT

78


MEDIA REPORT

79


MEDIA REPORT

80


MEDIA REPORT

81


MEDIA REPORT

82


MEDIA REPORT

83


MEDIA REPORT

84


MEDIA REPORT

85


MEDIA REPORT

86


ALO 2015 | Relatório de Encerramento  

Relatório de Encerramento do 5º Açores Ladies Open

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you