Issuu on Google+

Catรกlogo 2011


_Expediente

Organização_ Filipe Matzembacher João Gabriel de Queiroz Márcio Reolon Sandro Ka Projeto Gráfico e diagramação_ Carlos André Pires Fotografia e Edição de Imagem_ Eduardo Carneiro Modelo e Mack Up_ Daniel Dall'Igna Ecker Fotografias Still_ Produção dos Filmes Textos_ Christian Petermann Filipe Matzembacher Márcio Reolon Marcus Mello Sandro Ka

Revisão_ Sandro Ka Impressão_ CORAG - Imprensa Oficial do Estado do Rio Grande do Sul Contato_ CLOSE – Festival Nacional de Cinema da Diversidade Sexual 2011 +55 (51) 3233 8423 / (51) 3029 3391 – das 14h às 18h close@somos.org.br www.somos.org.br/close


_Indice

Apre- Mossenta- tra ção Competitiva

close ao meio-dia

_ _ _ 04 12 26

Mostra In- Mosmais forma- tra Pa- close tiva ralela

_ _ _ 32 06 18 Mostra da casa

_ 24


_Apresentação

SOMOS E mais uma edição do CLOSE sai do armário! Na luta para existir, para se expressar. Se revendo a todo instante, num intenso processo de criação e produção, com seus caminhos de constantes reinvenções. A segunda edição do CLOSE – Festival Nacional de Cinema da Diversidade Sexual surge em meio a um paradoxo: por um lado, festejado e desejado. “Necessário” – alguns ousariam dizer. Por outro, percebe-se como parte de um sistema de produção cultural que ainda não assimila as singularidades e a importância de se abordar e discutir, através da arte, temas tão relevantes e tão “necessários”, como a diversidade da sexualidade humana. Esta condição espelha um contexto de retrocessos sociais e uma onda de conservadorismo: um cerceamento às expressões de liberdade que a sociedade vem sofrendo. E, neste contexto, a Cultura pode ser potencializada como uma grande ferramenta de transformações e mudanças de paradigmas sociais.

Mas ele vem! O CLOSE vem novamente! Driblando preconceitos e subvertendo caminhos. Inventando novas maneiras de tomar conta da cidade e botar a discussão sobre a sexualidade na ordem do dia. E vem maior: acreditando no sucesso da sua primeira edição, amplia sua rede de parceiros e espaços de exibição; Casa de Cultura Mário Quintana, o Memorial do Rio Grande do Sul e Cinebancários. E consolida os laços com a Avante Filmes, produtora de Cinema que também olha pra frente, e além.Desejamos que, mais uma vez, o CLOSE seja um espaço de trocas, debates e diversão, contribuindo na diminuição de qualquer forma de preconceito e na criação de uma sociedade mais preparada para vivenciar a rica experiência da diversidade.

Sandro Ka Coordenador de Cultura SOMOS - Comunicação, Saúde e Sexualidade

Avante filmes É com muito prazer que chegamos na segunda edição do CLOSE, em 2011. Tendo participado juntamente do SOMOS na primeira edição, agora, assumimos a frente junto com nossos parceiros de longa data em um projeto que acreditamos ser único. Único para o Rio Grande do Sul, único para Porto Alegre. Enfim, um trabalho que trata-se de muita diversão e ao mesmo tempo, de um tema sério! Para nós, da Avante Filmes, produzir um evento que possibilita a difusão do cinema nacional, levando ao público o que há de melhor na cinematografia brasileira, nos

_Close2011 _04

traz extrema satisfação. Somando isso a nossa certeza de que a Cultura é uma das principais ferramentas para uma sociedade mais consciente, desenvolvida e politizada, vemos o CLOSE como um projeto fundamental para essa etapa que o Brasil vive no momento, onde cada vez mais o debate pela garantia de Direitos Humanos entra em pauta nas ruas e no Congresso. Juntos do SOMOS, a Avante Filmes segue firme nessa luta por Cinema e Cidadania. Viva a 2ª edição e rumo a 3ª! AVANTE FILMES


Mostra

_Close2011 _06

Informativa


Em 25 anos de atuação profissional como crítico de cinema, este convite do CLOSE foi a primeira oportunidade que tive de selecionar uma mostra de filmes com total liberdade, dentro dos limites e possibilidades de acesso, claro. Deparei-me com um amplo leque de possibilidades de recorte, dos meus filmes LGBT favoritos e/ou mais importantes à obra de cineastas específicos ou então uma seleção de títulos “do momento”. Foi o grande desejo de rever um filme brasileiro indisponível em digital que me deu o foco da minha seleção: há muito que não se exibe em tela grande e muitos sequer conhecem o longa Bocage, o Triunfo do Amor, um filme-poema sobre a obra do poeta português, que explora a sensualidade do corpo, seja a do protagonista Victor Wagner ou a das cortesãs que o rodeiam. Exibir Bocage para novos espectadores se faz oportuno, já que Djalma, com seu Asa Branca, Um Sonho Brasileiro (1981) e depois a comédia Brasa Adormecida (1985), tem uma filmografia de notável homo-sensibilidade. Pensei então no corpo como centro de discussão para muitos dos filmes. É assim que se propõe estudar o registro audiovisual do corpo militar, um fetiche absoluto entre homossexuais, seja, por exemplo, pelo viés pessoal e poético de Sebastiane, do inglês Derek Jarman, ou no registro factual do documentário Brigada Pára-quedista, de Evaldo Mocarzel. Levando adiante o pensamento em torno da dinâmica & política do corpo, três recentes produções brasileiras centram suas atenções em cidadãos transexuais, sejam do mundo artístico, como a saudosa performer

Claudia Wonder (Meu Amigo Claudia) e a atriz cubana Phedra de Córdoba (Cuba Libre), ou anônimo (Olhe pra Mim de Novo). Entre o corpo escultural do elemento militar e o em transformação do transex, há muito a explorar pelo cinema e a filosofia humana! E o que Bendito Fruto, Rosa Morena e Ander estão fazendo no meio disso tudo? O primeiro filme está na mostra por ser uma obra de qualidades, que passou em brancas nuvens no cinema e que conta com um dos melhor desenhados casais homossexuais, mesmo que coadjuvante, a dar o ar de sua graça num filme brasileiro, interpretado por Eduardo Moscovis e Evandro Machado; já o segundo é uma co-produção com a Dinamarca que coloca de forma centrada um tema bem atual, o da adoção de crianças por pais homossexuais – no caso, um estrangeiro. E a produção espanhola Ander oferece ótimas atuações para contar mais uma história de autodescoberta tardia, em que o estereótipo do macho latino se abre à complexidade dos desejos. Para fechar, o média-metragem Cinema em Sete Cores, que pretende fazer um retrospecto da visibilidade LGBT no cinema brasileiro – o que por si só abre uma conversa sobre inclusões, exclusões e vícios de retrato. São títulos diversificados e diferenciados, em geral sobre nossa realidade, que geram entretenimento & pensamento em medidas iguais. E pensar a função do corpo e a do cidadão homossexual será sempre relevante. Christian Petermann Curador da Mostra Informativa Close2011_ 07_


_Mostra Informativa

Cinema em 7 Cores

Bocage - O Triunfo do Amor

Sinopse

Sinopse

Cinema em 7 Cores traça um panorama histórico de como o personagem gay foi retratado nas telas grandes brasileiras, desde sua origem nas chanchadas dos anos 50 até os dias atuais. O filme investiga as origens dos preconceitos, estereótipos, assim como a importância da identificação com representações construtivas desses personagens.

Um filme poema: com prólogo, três contos e um epílogo. Não é a biografia de Manuel Maria Barbosa du Bocage. O filme é a lenda vida de Bocage: uma recriação totalmente moderna de sua poesia para sempre viva e de sua vida para sempre poesia

Ficha técnica

Gênero: ficção Duração: 85min Ano de lançamento: 1997 Direção: Djalma Limongi Classificação: 16 anos

Gênero: documentário Duração: 34min Ano de lançamento: 2008 Direção: Felipe Tostes e Rafaela Dias Classificação: 14 anos

Ficha técnica

Sinopse O atabaque da umbanda em Pacatuba. Um mutirão do DNA em Juazeiro. Uma família de albinos em Missão Velha. Um road-movie no sertão nordestino, conduzido pelo transexual Sylvio Luccio. Ficha técnica

Olhe pra Mim de Novo _Close2011 _08

Gênero: documentário Duração: 77min Ano de lançamento: 2011 Direção: Claudia Priscilla e Kiko Goifman Classificação: 16 anos


Mostra _ Informativa

Rosa Morena

Bendito Fruto

Sinopse

Sinopse

Thomas vai ao Brasil tentar realizar o sonho de ser pai. Em São Paulo, ele conhece Maria, uma jovem humilde que está grávida. Ela entra em acordo com Thomas para doar o bebê em troca de melhores condições de vida. Contudo, ao ficarem mais íntimos, Thomas começa a duvidar se ela irá realmente entregar-lhe o bebê.

Maria, amante de Edgar, tem sua vida transformada para sempre. Virgína, amiga de infância de Edgar, sofre um acidente com uma tampa de bueiro. Anderson, filho de Maria, volta da Europa com uma novidade: Marcelo Monte, seu namorado, que é também o galã da nova novela das oito.

Ficha técnica

Ficha técnica

Gênero: ficção Duração: 90min Ano de lançamento: 2010 Direção: Carlos Augusto de Oliveira Classificação: 18 anos

Gênero: ficção Duração: 91min Ano de lançamento: 2004 Direção: Sérgio Goldenberg Classificação: 10 anos

Sinopse Através do retorno da atriz transexual cubana Phedra de Córdoba à Havana depois de 53 anos sem pisar no seu país, o filme coloca em discussão a luta pelos direitos dos homossexuais num ambiente extremamente machista como a ilha governada durante décadas por Fidel Castro. Ficha técnica

Cuba Libre

Gênero: documentário Duração: 73min Ano de lançamento: 2010 Direção: Evaldo Mocarzel Classificação: 12 anos Close2011_ 09_


_Mostra Informativa

Pulsões

Ander

Sinopse

Sinopse

Carlos tem um problema...

Ander tem sua vida mudada quando sua família decide contratar José, um imigrante peruano, para substituí-lo como caseiro. Ander começa a ter sentimentos inesperados e vive um grande conflito interior.

Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 12min Ano de lançamento: 2009 Direção: José Manuel Carrasco Classificação: 16 anos

Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 128min Ano de lançamento: 2009 Direção: Roberto Castón Classificação: 16 anos

Sinopse O móvel das fotos da sala de estar é o mostruário da minha família. Estamos todos, menos... Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 3min Ano de lançamento: 2008 Direção: Giovanni Maccelli Classificação: 16 anos

O Móvel das Fotos _Close2011 _10


Mostra _ Informativa

Sebastiane

Brigada Pára-Quedista

Sinopse

Sinopse

No século III depois de Cristo, durante o reinado do imperador Diocleciano, uma série de acontecimentos leva a perseguição implacável dos cristãos. Sebastiane, capitão da guarda do palácio, acusado de simpatizar com os cristãos, foge para um lugar habitado unicamente por homens. [COrpo Militar]

O documentário foca a rotina da Brigada de Infantaria Pára-Quedista, tropa de elite do Exército brasileiro. O documentário acompanha o cotidiano, o treinamento rigoroso e a visão que os próprios militares têm do cinema e dos filmes de guerra. [COrpo Militar]

Ficha técnica

Ficha técnica

Gênero: ficção Duração: 90min Ano de lançamento: 1976 Direção: Derek Jarman e Paul Humfress Classificação: 18anos

Gênero: documentário Duração: 74min Ano de lançamento: 2007 Direção: Evaldo Mocarzel Classificação: livre

Sinopse Documentário sobre a ativista, atriz, cantora e travesti Claudia Wonder, grande agitadora cultural da cidade de São Paulo. Através de depoimentos e material de época acompanhamos a trajetória de Claudia e, em paralelo, a história do país nos últimos 30 anos. [Filme de abertura] Ficha técnica

Meu Amigo Claudia

Gênero: documentário Duração: 87min Ano de lançamento: 2009 Direção: Dacio Pinheiro Classificação: 16 anos Close2011_ 11_


Mostra

_Close2011 _12

Competitiva


Ao chegar a sua segunda edição, o novíssimo Close – Festival Nacional de Cinema da Diversidade Sexual já começa a dizer a que veio, consolidando-se como uma expressiva vitrine da cinematografia LGBT, tendo atraído inscrições de todo o Brasil. Selecionar os títulos que integram a programação do festival foi um trabalho a um só tempo prazeroso e desconfortável, por implicar na necessidade de, ao acolher determinados trabalhos, também ter de fechar as portas a outros. Mas felizmente, e a exemplo do que já ocorrera no ano anterior, a quantidade de filmes inscritos em 2011 permite trazer a Porto Alegre uma seleção que se impõe sobretudo por sua relevância cinematográfica, e não só pela pertinência da abordagem das questões ligadas ao universo LGBT. Ao elegermos os filmes, também procuramos estabelecer um diálogo entre os títulos da mostra competitiva e da mostra paralela, colocando o

público diante de variadas representações de uma mesma situação. Um aspecto que surpreende na presente edição é o grande número de filmes dirigidos por mulheres e a predominância de trabalhos que exploram os temas do lesbianismo e da sexualidade na terceira idade. Em alguns casos, como nos curtas Irene, de Patrícia Galucci, e Três Vezes Por Semana, de Cris Reque, essas três vertentes se cruzam, tendo como resultado obras muito fortes. Mostrar aos espectadores portoalegrenses que mulheres e homens em idade avançada também podem exercer sua sexualidade de forma intensa e apaixonada certamente será uma das contribuições mais relevantes do Close 2011. Marcus Mello Curador das Mostras Competitiva e Paralela Close2011_ 13_


_Mostra Competitiva

Bailão

Casa

Sinopse

Sinopse

A memória de uma geração visitada por seus personagens. O cenário é o centro de São Paulo; o enredo, a urgência da vida. E o Bailão o ponto de convergência dessas histórias.

O filme alterna entre a relação amorosa e a ocupação de um espaço dentro e fora de duas garotas.

Ficha técnica

Gênero: experimental Duração: 6min23 Ano de lançamento: 2009 Direção: René Guerra Classificação: livre

Gênero: documentário Duração: 17min Ano de lançamento: 2010 Direção: Marcelo Caetano Classificação: livre

Ficha técnica

Sinopse As vertigens na paisagem urbana levam o Homem-ave de volta às suas origens, numa metáfora sobre a vida. “Homem-ave” é um filme a partir do universo poético do cantor Ney Matogrosso e dos poemas de Cassiano Ricardo. Ficha técnica

Homem-Ave _Close2011 _14

Gênero: experimental Duração: 7min Ano de lançamento: 2010 Direção: Rafael Saar Classificação: 10 anos


Mostra _ Competitiva

Irene

Lamúria

Sinopse

Sinopse

Irene é uma senhora que vive reclusa numa casa de campo. Quando sua neta decide aparecer inesperadamente para uma visita junto com sua amiga, a reclusão de Irene é perturbada e ela começa reviver sentimentos que pareciam esquecidos

Bruno (Jonatha Medeiros) recebe a tarefa de compor um poema romântico em uma aula de literatura. A construção do poema será também uma jornada de autoconhecimento e uma tentativa de expressar tudo aquilo que sente pelo professor da disciplina.

Ficha técnica

Ficha técnica

Gênero: ficção Duração: 14min Ano de lançamento: 2011 Direção: Patricia Galucci e Victor Nascimento Classificação: 18 anos

Gênero: ficção Duração: 14min48 Ano de lançamento: 2011 Direção: Nathan Cirino Classificação: 10 anos

Sinopse Maçã é um filme sobre sexualidade e sobre o que nela pode haver de incerteza, dúvida, mistério e fantasia. Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 10min46 Ano de lançamento: 2011 Direção: Pedro Paulo de Andrade Classificação: 12 anos

maçã Close2011_ 15_


_Mostra Competitiva

O Lugar de Todos Sinopse

Sinopse

Rua.

Helena, 17 anos, vive uma história de amor que vai inspirar sua busca por liberdade. Porém, ela também vai descobrir que o processo de amadurecimento envolve difíceis escolhas que levarão a desilusões e perdas.

Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 8min44 Ano de lançamento: 2011 Direção: Laura Montalvão Classificação: 16 anos

_Close2011 _16

Ontem

Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 13min Ano de lançamento: 2010 Direção: Patricia Galucci Classificação: 16 anos


Mostra _ Competitiva

Poliamor

Três Vezes por Semana

Sinopse

Sinopse

Numa sociedade onde predominam valores afetivos monogâmicos, algumas pessoas optam por um arranjo de relacionamento que está se tornando conhecido com Poliamor.

Sílvia é uma senhora solitária que acumulou frustrações e mágoas durante a vida. A aula de hidroginástica é sua única diversão: as colegas, as conversas, os passeios. A mesmice do cotidiano parece eterna, até que ela se transforma.

Ficha técnica Gênero: documentário Duração: 15min Ano de lançamento: 2010 Direção: José Agripino Classificação: 14 anos

Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 15min Ano de lançamento: 2011 Direção: Cris Reque Classificação: livre

Close2011_ 17_


Mostra

_Close2011 _18

Paralela


Close2011_ 19_


_Mostra paralela

Avenida Parada

Cordeiro de Deus

Sinopse

Sinopse

A Polícia Militar e a Polícia Civil montam um mega esquema de segurança para a Parada Gay em São Paulo. Mostramos esses policiais nas situações mais inusitadas, no esforço de garantir o sucesso de um evento igualmente inusitado. Em nome do respeito à cidadania e à diversidade sexual.

Peepshow de um desejo sacrificado.

Ficha técnica

Ficha técnica Gênero: experimental Duração: 1min23 Ano de lançamento: 2011 Direção: Marja Calafange Classificação: 12 anos

Gênero: documentário Duração: 22min32 Ano de lançamento: 2011 Direção: Carla Albuquerque Classificação: 12 anos

Sinopse “Aquele que agride em nome de DEUS está pondo em ação a TUA palavra. E a palavra do SENHOR sempre estará acima da lei dos homens”. Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 1min43 Ano de lançamento: 2011 Direção: Fabrício Mira Classificação: 16 anos

Deus Odeia Gays _Close2011 _20


Mostra _ paralela

Homofobia Sim

Koka

Sinopse Sinopse Desabafo de um cidadão decente, preocupado com a família, a moral e os bons costumes, sobre ser hétero.

Uma transformista, um club que se chama SEVEN na cidade que se transforma no centro da sétima arte.

Ficha técnica Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 4min48 Ano de lançamento: 2011 Direção: Fabrício Mira Classificação: 12 anos

Gênero: documentário Duração: 5min Ano de lançamento: 2011 Direção: Ricky Mastro Classificação: 16 anos

Sinopse A vida da quituteira Elvira é uma panela de pressão prestes a explodir. Ludmilo, seu filho, é um aspirante aos palcos do teatro musical que furta medicamentos psicotrópicos para vender. A solução aparece quando Elvira, durante sua celebrada feijoada de sábado, “chuta o pau da barraca”. Ficha técnica

Ludimilo, My Baby

Gênero: ficção Duração: 14min20 Ano de lançamento: 2010 Direção: Luiz Fernando Borges Classificação: 16 anos Close2011_ 21_


_Mostra paralela

Novembro Paralelo

O Diário de Márcia

Sinopse

Sinopse

No dia 14/11/2010 um ato de intolerância chocou o Brasil, mas num 2010 paralelo a justiça chegou, de uma forma diferente.

“Se fosse doença eu teria procurado a cura; se fosse aprendido, eu já teria desaprendido. Se fosse opção, eu jamais teria optado.” (Márcia, 46 anos, transexual paraibana)

Ficha técnica Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 10min30 Ano de lançamento: 2011 Direção: Ivan Ribeiro Classificação: 14 anos

Gênero: documentário Duração: 20min Ano de lançamento: 2011 Direção: Bertrand Lira Classificação: 12 anos

Sinopse Catarina e Natália buscam juntas os acordes de uma canção que pretende derrubar uma parede. Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 16min50 Ano de lançamento: 2011 Direção: Pedro Paulo de Andrade Classificação: livre

Parede Branca do que Poderia Ser _Close2011 _22


Mostra _ paralela

Preguiça

Procura-se Garoto de Programa

Sinopse

Sinopse

A praia e dois.

Este documentário pretende apresentar os profissionais do sexo masculino além da esfera óbvia do sexo. Questões de preconceito, opiniões sobre família, filhos, relacionamentos. Que sonhos têm esses rapazes?

Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 8min Ano de lançamento: 2009 Direção: Raphael Fonseca Classificação: 12 anos

Ficha técnica Gênero: documentário Duração: 15min Ano de lançamento: 2010 Direção: Michel Schettert Classificação: livre

Sinopse Anderson entra num declínio da vida. Perde namorado, emprego e briga com amigos. Ele não sabe lidar com os acontecimentos e tenta ir em frente percebendo as novas possibilidades que a vida começa a lhe apresentar. Ficha técnica

Simplesmente um Homem

Gênero: ficção Duração: 12min Ano de lançamento: 2011 Direção: Eduardo Roza Classificação: livre

Close2011_ 23_


mostra

da casa A sessão MOSTRA DA CASA, apresenta um apanhado de produções audiovisuais realizados por profissionais ligados ao Grupo SOMOS e à Avante Filmes. Trata-se de uma coletânea de filmes recentes que abordam a questão da sexualidade em suas temáticas, _Close2011 _24

instigando o debate sobre a interação entre Cinema e Questão Social. A sessão traz ao público obras inéditas, em sua maioria, e o CLOSE as exibe em primeira mão, antes de começarem seus circuitos de festivais e exibições em televisão.


Mostra _ da casa

A Rua Sinopse A rua como espaço de sociabilidade LGBT. Ficha técnica Gênero: documentário Duração: 8min Ano de lançamento: 2011 Direção: Filipe Matzembacher e Márcio Reolon Classificação: 10anos

A Rosa Sinopse

Preservativo Sinopse

Um espaço reflexo de uma mulher. Rosa Mossoró e sua história.

Um garoto de programa, uma vendedora de sex-shop e um adolescente virgem narram – enquanto assistimos à fabricação de um preservativo – sua relação com o ato sexual.

Ficha técnica

Ficha técnica

Gênero: documentário Duração: 8min Ano de lançamento: 2011 Direção: Filipe Matzembacher e Márcio Reolon Classificação: 10anos

Gênero: documentário Duração: 5min 20seg Ano de lançamento: 2011 Direção: Filipe Matzembacher, Márcio Reolon e Samuel Telles Classificação: 12anos

A Turma Sinopse

Lugares Comuns que Nunca Sonhamos Sinopse

Um clube de convivência com mais de 50 anos. A tocante Turma OK.

Seguindo o conselho de sua tia, Baltazar decide se mudar para uma pensão.

Ficha técnica Ficha técnica Gênero: documentário Duração: 8min Ano de lançamento: 2011 Direção: Filipe Matzembacher e Márcio Reolon Classificação: 10anos

Gênero: ficção Duração: 16min Ano de lançamento: 2011 Direção: João Gabriel de Queiroz Classificação: 10anos

Close2011_ 25_


Close _Close2011 _26

ao meio dia


Em sua segunda edição, o CLOSE firma parceria com o Memorial do Rio Grande do Sul para a realização de duas atividades especiais: a Mostra CLOSE ao Meio Dia e CLOSE: Ação Educativa. CLOSE ao Meio Dia apresenta uma seleção com os melhores filmes da primeira edição do Festival, com destaque para o grande premiado Eu não quero voltar Sozinho, de Daniel Ribeiro. De forma gratuita e exibido em horário alternativo, o CLOSE propõe uma programação diferenciada para quem

desejar saborear boas horas de Cinema no intervalo do almoço, num dos espaços culturais mais importantes do Centro Histórico de Porto Alegre. A Mostra CLOSE: Ação Educativa tem como foco a realização de cine-debates, voltados a grupos escolares. Temas como sexualidade e juventude estão presentes na seleção de filmes especialmente organizada pela Produção do Festival. A atividade integra também as ações do Projeto Qual é a Sua?, voltado ao público jovem LGBT. Close2011_ 27_


_Close ao Meio dia

Homens

Felizes para Sempre

Sinopse

Sinopse

Histórias de coragem revelam desencontros e alegrias vividos por homossexuais em pequenas cidades do nordeste do Brasil

Vida real e paixão batem a sua porta

Ficha técnica

Gênero: documentário Duração: 7min Ano de lançamento: 2009 Direção: Ricky Mastro

Gênero: documentário Duração: 20min Ano de lançamento: 2008 Direção: Lucia Caus e Bertrand Lira

Depois de Tudo Sinopse Depois da despedida, a espera. Depois da espera, a volta. Depois de tudo, o que mais querem é estar juntos e um dia basta para esperarem pelo próximo.

Ficha técnica

Quenda Sinopse Como é ser gay numa cidade como o Rio? Baladas, namoros, discriminação e violência. No curta três jovens gays vão falar sobre as suas experiências de vida enfrentando a cidade, a família e lutando para viverem o seu jeito de ser. *Esse filme também faz parte da mostra CLOSE: Ação Educativa.

Ficha técnica Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 12min Ano de lançamento: 2008 Direção: Rafael Saar

Páginas de Menina Sinopse Em 1955, a jovem Ingrid começa a trabalhar na Livraria Machado de Assis, onde conhece Silvia, a gerente. O que poderia ser um encontro casual vai influenciar as escolhas que moldarão seu futuro de modo importante e duradouro. Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 12min Ano de lançamento: 2009 Direção: Mônica Palazzo _Close2011 _28

Gênero: documentário Duração: 14min Ano de lançamento: 2010 Direção: Alexandre Bortolini e Warllem Machado


Eu Não Quero Voltar Sozinho

Depois da Pele

Close _ ao Meio dia

Sinopse Sinopse A vida de Leonardo, um adolescente cego, muda completamente com a chegada de um novo aluno em sua escola. Ao mesmo tempo, ele tem que lidar com os ciúmes da amiga Giovana e entender os sentimentos despertados pelo novo amigo Gabriel. *Esse filme também faz parte da mostra CLOSE: Ação Educativa.

Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 17min Ano de lançamento: 2010 Direção: Daniel Ribeiro

Amanda e Monick Sinopse Documentário sobre duas travestis numa cidadezinha de 6 mil habitantes perdida no Cariri paraibano. Uma se prostitui, a outra leciona em uma escola da comunidade.

A intimidade é desnudada em diálogos pós-sexo. Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 13min49 Ano de lançamento: 2010 Direção: Márcio Reolon e Samuel Telles

Suspeito Sinopse Tem uma lagartixa no quarto do Marcelo. Ninguém percebeu ela até hoje. Só eu... E agora você. Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 18min Ano de lançamento: 2008 Direção: Eduardo Mattos

*Esse filme também faz parte da mostra CLOSE: Ação Educativa.

Ficha técnica Gênero: documentário Duração: 18min Ano de lançamento: 2007 Direção: André da Costa Pinto

Close2011_ 29_


_Close ao Meio dia

Rotina Matinal

E Agora Luke?

Sinopse

Sinopse

Uma travesti pensa que o cliente pode ser alguém diferente. O dia amanhece e ela volta à sua rotina.

Luke é um rapaz que está iniciando a vida adulta e é obrigado a se defrontar com os seus valores religiosos, sociais e morais, quando um segredo seu é descoberto.

Ficha técnica Ficha técnica Gênero:ficção Duração: 11min51 Ano de lançamento: 2009 Direção: Daniel Donato

Eu e o Cara da Piscina

Gênero: animação Duração: 4min Ano de lançamento: 2010 Direção: Alan Nóbrega

A Descoberta de Luke

Sinopse Sinopse Guilherme sente-se atraído por seu melhor amigo, mas tem medo de dizer isso a ele. Através da internet, ele descobre uma maneira de concretizar seu desejo.

Luke é um rapaz que acaba de completar 18 anos e vai a uma sauna gay. Lá ele descobre que as coisas não são bem como ele imaginava, mas nem tudo está perdido.

Ficha técnica Ficha técnica Gênero: ficção Duração: 8min Ano de lançamento: 2009 Direção: William Mayer

_Close2011 _30

Gênero: animação Duração: 2min Ano de lançamento: 2007 Direção: Alan Nóbrega


Mostra Cinema Social ,

CINEMA TRANSFORMADOR Quando a linguagem do Cinema é capaz de dar forma a idéias, desejos e anseios, revela-se como uma potente ferramenta de inclusão social e canal de diálogo. A Mostra Cinema Social, Cinema Transformador desta edição do CLOSE apresenta produções audiovisuais de duas experiências distintas no Brasil: a Oi Kabum! Escola de Arte e Tecnologia Recife e as Oficinas Culturais promovidas pelo SOMOS – Comunica-

ção, Saúde e Sexualidade (Porto Alegre/RS). A mostra reúne filmes produzidos por estudantes e usuários destas instituições, que participam de programas de formação artística e/ou profissional dirigidos a jovens em situação de vulnerabilidade social. A proposta da Mostra é promover um espaço de compartilhamento e troca de experiências entre realizadores audiovisuais, pesquisadores, arte-educadores, estudantes e público-geral. Close2011_ 31_


_Close2011 _32

Mais Close


Curadoria_ & júri

CURADORIA - MOSTRA INFORMATIVA CHRISTIAN PETERMANN

JÚRI DE PREMIAÇÃO GILBERTO PERIN

Formado em Jornalismo pela Faculdade de Comunicação Social Cásper Líbero. Atua como crítico de cinema há 25 anos.

Graduado pela Faculdade de Comunicação Social da PUCRS, em 1976. Diretor de cena, roteirista, fotógrafo e jornalista. Dirigiu curtas-metragens, médias e minisséries para a televisão, e também DVDs musicais. Há onze anos, é diretor do Núcleo de Programas Especiais da RBS TV, em Porto Alegre (RS), onde realiza documentários e programas de ficção.

Colaborador do Guia da Folha (SP) e das revistas mensais Rolling Stone e Junior, além de eventualmente escrever para a Revista da Cultura, ligada à Livraria Cultura. Apresenta um quadro fixo de cinema às quintas-feiras no programa Todo Seu (TV Gazeta/ SP), apresentado por Ronnie Von. É curador do festival Cine MuBE – Vitrine Independente, com sexta edição prevista para dezembro de 2011 (produção Mega Cultural/MuBE). É sócio-fundador da ABRACCINE (Associação Brasileira dos Críticos de Cinema). CURADORIA - MOSTRA COMPETITVA E MOSTRA PARALELA MARCUS MELLO Crítico de cinema, editor da revista Teorema e colaborador das revistas Aplauso e Cinética. Programador da Sala P. F. Gastal, cinema mantido pela Secretaria Municipal da Cultura de Porto Alegre. Professor do curso de especialização Cinema Expandido, na PUCRS. Membro da SOCINE – Sociedade Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual e da diretoria da ACCIRS – Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Sul. Tem artigos publicados nos livros Cinema dos Anos 90 (Editora Argos, 2005) e Cinema Mundial Contemporâneo (Papirus Editora, 2008), entre outros.

JÚRI DE PREMIAÇÃO ALEXANDRE ROCHA DA SILVA Pós-doutor em Comunicação pela Universite de Paris III (Sorbonne-Nouvelle), atualmente é professor do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação da FABICO/ UFRGS. Tem experiência na área de Comunicação, com ênfase em Semiótica, Audiovisualidades e Micropolíticas. É vice-coordenador do Grupo de Pesquisa Semiótica da Comunicação da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom) e dirige o Diretório CNPq Semiótica e culturas da comunicação (GPESC). JÚRI DE PREMIAÇÃO Fabiano de Souza Fabiano de Souza é diretor e roteirista de cinema e TV. É editor da Teorema e professor do curso de Produção Audiovisual da FAMECOS - PUCRS. Rodou sete curtas metragens, entre eles Um Estrangeiro em Porto Alegre (1999), Cinco Naipes (2004) e Telefone de Gelo (2011). Realizou o longa A Última Estrada da Praia. Lançou o livro Caio Fernando Abreu e o cinema: o eterno inquilino da sala escura. Close2011_ 33_


_Parceiros

_Close2011 _34


Coordenação Geral_ Filipe Matzembacher Márcio Reolon Sandro Ka Produção_ Caio Sehbe Filipe Matzembacher Márcio Reolon Sandro Ka Produção Executiva_ Filipe Matzembacher João Gabriel de Queiroz Márcio Reolon Assistência de Produção Executiva_ Ariane Laubin Direção de Produção_ Renata Schuh Assistência de Produção_ Angelo Borsa Elissa Brito Isadora Victora João Eduardo Stefanelo Luciana Costa Mariana da Rosa Artista gráfico_ Carlos André Pires Assessoria de Imprensa_ Camejo Comunicação Núcleo de Comunicação – SOMOS Fotografia_ Carol Iglessias Cassio Maffazzioli Gabriel Bolfoni Germano Oliveira Luciana Costa Rodrigo Schames Walter Karwatzki

Agradecemos a todos e todas que, de alguma forma, contribuíram para a realização de mais um CLOSE!

Equipe Ação Educativa | Qual é a Sua?_ Aline Aiko Yoshida Galvão Claudia de Quadro GuilhermeFerreira Rodrigo Schames

Ficha técnica_ CLOSE 2011

Equipe de Apoio_ Alexandre Böer Bernardo Amorim Caio Klein Claudia Penalvo Claudia de Quadro Daniel Kveller Graziela Rosário Juliana Kamp Mauricio Nardi Pitanga Castelo Branco Rafael Brum Site CLOSE _ Diego Leismann Mariana González Redes Sociais_ Rodrigo Schames Responsável Técnico_ Samuel Telles Vinheta CLOSE 2011_ Filipe Matzembacher e Márcio Reolon | Direção Sandro Ka | Produção Eduardo Carneiro | Direção de Fotografia João Gabriel de Queiroz | Edição Samuel Telles | Finalização "Blush in the Face", de MadBlush | Trilha Sonora Daniel Dall'Igna Ecker | Modelo/Ator Cerimonial de Premiação_ Cassandra Calabouço Heinz Limaverde

Agradecimentos_

Close2011_ 35_



CLOSE Festival 2011 - Catalog