Issuu on Google+


Manual do Acadêmico

SUMÁRIO

Apresentação PARTE I - A FACULDADE MARTHA FALCÃO 1 Gestor Institucional 2 Histórico 3 Missão 4 Princípios e Valores 5 Proposta Pedagógica 6 Responsabilidade Social 7 Estrutura Organizacional 7.1 Conselho Diretor 7.2 Conselho de Administração, Ensino, Pesquisa e Extensão-CAEPE 7.3 Diretoria 7.4 Colegiado de Curso 7.5 Coordenação de Curso 7.6 Congregação 7.7 Serviços Auxiliares 8 Secretaria Acadêmica 9 Tesouraria 10 Serviços Gerais PARTE II - INFRA-ESTRUTURA FÍSICA E DE APOIO ACADÊMICO 1 Biblioteca 2 Internet 3 Laboratório de Informática 4 Laboratório de Design 5 Núcleo de Pesquisa, Pós-graduação, e Extensão-NUPPE 6 Núcleo Psicopedagógico 7 Núcleo de Design 8 Núcleo de Pesquisa, Extensão e Prática de Gestão-NUPPEG 9 Núcleo de Práticas Jurídicas 10 Oficinas Pedagógicas 11 Oficina de Design 12 Diretório Central do Estudante 13 Auditório 14 Mini-Auditório 15 Área de Convivência 16 Quadra Poliesportiva 17 Serviço de Informação 18 Centro de Atendimento Psicológico-CAPsi PARTE III - NORMAS E PROCEDIMENTOS ACADÊMICOS 1 Matrícula 2 Dependência

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

01


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28

Abandono de Curso Trancamento de Matrícula Cancelamento de Matrícula Transferência Facultativa Transferência Ex-Officio Abono de Faltas Sistema de Avaliação do Desempenho Acadêmico Segunda chamada de Prova Revisão de Prova Atividades Complementares Estágio Curricular Supervisionado Monitoria / Iniciação Cientifica Programa de Financiamento-FIES/PROUNI Transferência Ex-Officio Abono de Falta Segunda chamada de Prova Revisão de Prova Aproveitamento de Estudos Colação de Grau Orientação ao Formando Representante de Turma Regime Financeiro Informativo Carteira Estudantil Acesso as dependências da FMF Código de Honra

PARTE IV - SETORES E SERVIÇOS ESPECIAIS 1 Informática 2 Comissão Própria de Avaliação-CPA 3 Comissão Permanente de Processo Seletivo 4 Núcleo de Educação a Distância-NEAD 5 Núcleo de Formação Continuada- NFC/Pedagogia PARTE V - SERVIÇOS DE ASSESSORAMENTO 1 Assessoria Técnica 2 Assessoria de Comunicação 3 Assessoria Jurídica 4 Tele Marketing 5 Marketing 6 Fale Conosco PARTE VI - CONCESSÕES 1 Prêmio do Mérito Acadêmico 2 Prêmio do Mérito Educacional “ Martha Falcão” 3 Bolsa-Integral e Parcial / Pós-graduação

02

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

Apresentação As possibilidades de avanços, conquistas e sucessos, no exercício da profissão, estão diretamente associadas ao compromisso e responsabilidade que o estudante estabelece com sua graduação e, sobretudo, com o processo de formação continuada, o qual deverá ser uma constante em sua trajetória existencial e profissional, tendo em vista à necessidade permanente de atualização . O estudante do ensino superior é protagonista de sua aprendizagem, ao tempo em que busca na academia os meios necessários à consolidação de seus propósitos, ao eleger prioridades para o aperfeiçoamento continuo de suas práticas, fundamentadas em teorias que respaldam um exercício profissional competente. A educação superior na FMF sinaliza a produção de conhecimentos em busca de resoluções às questões sócio-ambientais, por meio de um processo educativo de excelência, que contemple às exigências da sociedade contemporânea e a melhoria da qualidade de vida de seus atores. Com estes propósitos e considerando a contribuição da ciência e da tecnologia como aporte aos avanços qualitativos, no campo sócio econômico e cultural, o Instituto de Ensino Superior da Amazônia IESA, instituição mantenedora da Faculdade Martha Falcão, participa na vanguarda da oferta de educação superior articulada às necessidades do mundo do trabalho, circunscrito ao Estado do Amazonas em especial e a Amazônia de modo geral, na perspectiva do desenvolvimento sustentável. Assim, a Faculdade Martha Falcão oferece os cursos de Administração: nas linhas de formação Empresarial, Financeira, Marketing e Sócio-Ambiental; Licenciatura em Pedagogia: nas áreas de formação Magistério da Educação Infantil e Magistério dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental e à formação de profissionais da educação prevista em Lei; Direito com ênfase em Direito Tributário e Direito Ambiental; Design; Ciências Contábeis; e Psicologia com ênfase em Promoção da Saúde e Promoção Sócio-Ambiental; Comunicação Social: Jornalismo e Publicidade e Propaganda e Serviço Social. Para 2009 oferecerá Cursos Superiores em Tecnologia, CST para qualificação de recursos humanos, a fim de atender à vocação econômica da região, em menor tempo de estudos. A opção por esses cursos considerou a pertinência e relevância desta vertente, para a formação de profissionais, exigida pelo mundo contemporâneo, e sinalizada pelo momento histórico da sociedade brasileira, particularmente da sociedade amazonense. O IESA/FMF selecionou para os cursos, uma equipe docente identificada e compromissada com a qualidade das suas práticas pedagógicas, tendo em vista o valor da interação, da investigação, do diálogo, do desafio, do pensamento crítico e inovador, das relações interpessoais, do respeito mútuo, da colaboração e, sobretudo, do protagonismo acadêmico, centrado em princípios científicos, éticos, democráticos que circunscrevem a missão institucional. O presente Manual tem a finalidade de orientar professores e acadêmicos na condução de suas tarefas, bem como possibilitar maior conhecimento sobre a estrutura e funcionamento da FMF e dos cursos que oferece.

MBA Fernando Matos de Souza Neto Diretora Geral FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

03


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

Parte I A FACULDADE MARTHA FALCÃO 1. Gestor Institucional Quadro Atual dos Gestores Institucionais Profª. MSc. NELLY MARIA FALCÃO DE SOUZA Presidente do IESA MBA FERNANDO MATOS DE SOUZA NETO Diretor Geral Bel. NELSIMAR DO P. S. FALCÃO GADELHA Diretora Financeira Prof. Dra. HELENA ROSA VIEIRA LIMA Vice-Diretora Profª. MSc. MARIA DE LOURDES HAWATT Diretora Acadêmica Profª. MSc. DÉBORA REBELO GOMES Coordenadora do Curso de Pedagogia Prof. MSc. EDILENE DA SILVA MADURO Coordenador do Curso de Administração Prof.ª MSc. EZELAIDE VIEGAS DA COSTA ALMEIDA Coordenador do Curso de Direito Prof. Esp. ALESSANDRO BRITO DIAS Coordenador do Curso de Design Prof.ª MSc. LUCILENE FLORÊNCIO VIANA Coordenador do Curso de Ciências Contábeis Prof. Dr. THOMÉ ELIZIARIO TAVARES FILHO Coordenador do Curso de Psicologia MSc. ELOURDLÊ MACENA Coordenadora do Curso de Serviço Social Prof. MSc. GRACE SOARES COSTA Coordenadora do Curso de Jornalismo MSc. CLÁUDIA ADRIANE SOUZA Coordenadora do Curso de Publicidade e Propaganda Bel. LETICIA CRISTINA DA SILVA BORGES Secretária da Faculdade Bel. GILMARA LANE LIMA DA SILVA Bibliotecária

04

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

2. Histórico As INFS evoluíram para a Educação Superior por meio do Instituto de Ensino Superior da Amazônia – IESA, o qual buscou o credenciamento da Faculdade Martha Falcão - FMF, Portaria MEC nº. 1610 de 28 de outubro de 1999. A Faculdade Martha Falcão está situada à: Rua Natal, nº. 300, Bairro de Adrianópolis CEP:69057-090, Manaus-AM. Fone (92)2121-0900 / Fax(92)3622-6668 site: www.marthafalcao.com.br email: fmf@infs.com.br O nome Martha Falcão foi escolhido para homenagear uma grande educadora amazonense, conhecida internacionalmente por seus feitos educativos, científicos, ideológicos e por sua militância na área da Educação Ambiental, em defesa da preservação do meio ambiente e da valorização da maior biodiversidade do planeta , existente na Amazônia. A Faculdade Martha Falcão - FMF tem contribuído com a formação e profissionalização dos jovens recém saídos do Ensino Médio, bem como aos que exercem o Magistério e dos que buscam atualização e aprimoramento dos seus conhecimentos, por meio da pós-graduação. Esta academia propõe-se a consolidar, no seio de sua comunidade acadêmica, a cultura da contra - alienação, incentivando o desenvolvimento de programas de Ensino, Pesquisa e Extensão, a fim de contribuir para o desenvolvimento de pessoas , em todas as suas dimensões e, com a defesa e preservação do meio ambiente e valorização da cultura regional, no contexto competitivo e globalizado. A trajetória da Instituição, desde seu credenciamento, foi marcada por inúmeras conquistas. Seu inicio coincidiu com o começo deste novo milênio, o qual trouxe grandes possibilidades de avanços e conquistas na área do conhecimento, da comunicação e da informação. A Faculdade Martha Falcão iniciou suas atividades acadêmicas em março de 2000, com os cursos de graduação em Pedagogia e Administração. Em agosto de 2002, iniciou o Curso de Direito. Em 2003 iniciou os cursos de Design e Ciências Contábeis e no inicio de 2004, o curso de Psicologia. Em 2008 ampliará sua oferta com os curso de Jornalismo e Comunicação Social, Publicidade e Propaganda e Serviço Social, em nível de bacharelado, e com os Cursos Superiores em Tecnologia: Gestão de Recursos Humanos, Gestão da Informação, Gestão de Produtos Industriais, Gestão de Processos Gerenciais, Design de Interiores e Gestão da Qualidade. Os dirigentes entendem a Educação Superior como instância de produção do conhecimento, na busca das soluções para os problemas da humanidade, postulando um processo educativo de excelência, presente na concepção dos projetos pedagógicos dos cursos que oferecem. A oferta de cursos de graduação, na FMF, será gradativamente ampliada visando atender a crescente demanda para a Educação Superior, no Estado do Amazonas e, principalmente na cidade de Manaus. A Faculdade Martha Falcão dedica-se à Educação Superior com seriedade e compromisso com o processo de ensino, centrado na filosofia humanista associando-o aos domínios cognitivo, afetivo, psicomotor , domínios que orientam o processo do conhecimento, na perspectiva da formação integral do ser humano, bem como na valorização da cultura e das peculiaridades regionais, enaltecendo usos e costumes de nossa terra e nossa gente, sem, contudo dissociá-las da totalidade nacional e internacional. FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

5


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

3. Missão Institucional “Formar o homem integral no sentido moral, intelectual e emocional, tornando-o capaz de atuar de maneira competente, transformadora, criativa e participativa na sociedade em que vive promovendo e estimulando a pesquisa à produção do conhecimento, para o desenvolvimento da ciência e da tecnologia”. 4. Princípios e Valores Os princípios e valores estabelecidos pela Faculdade Martha Falcão foram pensados de forma a balizar o processo decisório e as atitudes comportamentais da Instituição no cumprimento de sua Missão. Neste sentido, se propõe a expressar as convicções e a conduta da Instituição, de seus gestores e colaboradores em relação à comunidade externa e interna. Os princípios definidos para a Faculdade Martha Falcão são: 4.1 – Autonomia e Responsabilidade - a Instituição buscará consolidar seu caráter comunitário, preservando a necessidade de autonomia no exercício de sua missão; 4.2 - Compromisso Institucional - assegurada a convivência na diversidade, haverá sujeição dos interesses particulares aos interesses maiores da Faculdade Martha Falcão; 4.3 - Inovação e Pesquisa - a Instituição estará sempre aberta para responder de forma rápida e criativa às exigências e possibilidades da sociedade; 4.4 - Inserção e Participação - a Instituição estará inserida simultaneamente no cenário regional, nacional e internacional; 4.5 - Integração Acadêmica - a organização acadêmica na Instituição terá sempre a flexibilidade necessária, a articulação e a combinação fecunda das diferentes áreas e formas de conhecimento; 4.6 - Qualidade de Vida - a melhoria da qualidade de vida, nos planos individual, social e ambiental, será sempre critério de relevância para as ações da Instituição; 4.7 - Qualificação Institucional: buscando de modo permanente a qualificação institucional dos seus recursos humanos, da sua estrutura organizacional e dos seus programas e ações. Para cumprir a sua MISSÃO INSTITUCIONAL, a operacionalização das atividades da Faculdade Martha Falcão será balizada pelos seguintes valores: 1 - Atitude e proatividade; 2 - Compromisso social; 3 - Excelência na prática educativa; 4 - Participação e co-responsabilidade; 5 - Respeito ao pluralismo e à diversidade; 6 - Respeito ao ser Humano; 7 - Responsabilidade com o meio ambiente; 8 - Sustentabilidade econômico-financeira. 5. Proposta Pedagógica A proposta pedagógica da FMF indica uma instituição sócio-democrática, promotora da educação

6

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

integral do ser humano, com ações relacionadas ao Ensino, Pesquisa e Extensão, por meio de formas e métodos diversificados. Visa, em caráter prioritário, o desenvolvimento da ciência e da tecnologia , e a busca de soluções para os problemas ambientais, ao levar à comunidade de sua área de influência os valores e bens morais, culturais, científicos, técnicos, econômicos e de cidadania e responsabilidade social, para o desenvolvimento sustentável do Estado do Amazonas, da Região Amazônica e do País. Consubstancia-se nos pressupostos teórico-metodológicos: 5.1 - Educação Integral - promover a educação integral do ser humano pelo estímulo à criação cultural e ao cultivo do saber, sob diversas formas e modalidades, como exercício e busca permanente do equilíbrio social; 5.2 - Aperfeiçoamento - formar e aperfeiçoar profissionais especialistas, técnicos, professores e pesquisadores, com vistas a sua realização e valorização pessoal e profissional, bem como para contribuir com o bem estar social; 5.3 - Investigação - promover, realizar e incrementar a pesquisa como instrumento propulsor do desenvolvimento científico, tecnológico, ambiental e à busca de soluções para os problemas da sociedade; 5.4 - Extensão – incrementar o processo de extensão, com vista a contribuir com a comunidade para a satisfação de suas necessidades e aspirações, numa perspectiva de reciprocidade; 5.5 - Valores - preservar os valores morais e cívicos na busca do aperfeiçoamento da sociedade, bem como enaltecer os saberes locais e o respeito à cultura regional; 5.6 - Democracia – respeito às diferenças étnico -raciais, às diferentes formas de liberdade, às diversas correntes de pensamento, com responsabilidade, justiça e solidariedade humana. 6. Responsabilidade Social A FMF é uma IES socialmente responsável, desenvolve Programas de Responsabilidade Social com ações concretas e sistemáticas de apoio as comunidade carentes, por meio de ações e projetos sociais (próprios ou em parceria), a partir das necessidades sócio-ambientais constatada. Entre as ações destacam-se : 6.1 Creche “ Zezé Pio de Souza”- Bairro da Redenção ; 6.2 Núcleo de Alfabetização de Jovens e Adultos – Bairro da Redenção; 6.3 Núcleo de Práticas Jurídicas, com atendimento ao público carente; 6.4 Apoio Psicológico à Comunidade de São Sebastião; 6.5 Apoio Pedagógico com o Projeto Brincar é coisa Séria, para meninos de rua; 6.6 O Lúdico em diferentes contextos: hospital, zonas ribeirinha, mercado Cultural, Parque do Mindu, Oficinas Pedagógicas, para formação de educadores; 6.7 Educação Ambiental, palestras em escolas públicas; 6.8 Atendimento Jurídico no Município de Presidente Figueiredo; 6.9 Assistência comunitária na Comunidade do Livramento, Tarumã. 6.10 Gincana Cidadã: alimentos para instituições de crianças e adultos. 6.11 Natal Solidário: distribuição de brinquedos.

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

07


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

7. Estrutura Organizacional 7.1 Conselho Diretor Conselho Diretor é a instância máxima de deliberação quanto aos assuntos de interesse da Faculdade. É constituído pelo Presidente da Mantenedora e Diretoria da FMF. Presidirá o Conselho Diretor, o Presidente da Mantenedora e, em sua ausência a Diretor Geral da Faculdade. 7.2 Conselho de Administração, Ensino, Pesquisa E Extensão-CAEPE. O Conselho de Administração, Ensino, Pesquisa e Extensão - CAEPE, órgão deliberativo em matéria administrativa, didático-científica e disciplinar é constituído pelo Diretor Geral, seu Presidente; Diretor Acadêmico, Administrativo e Financeiro; pelos Coordenadores dos Cursos de Graduação; por três representantes do corpo docente; por um representante do corpo técnico-administrativo e por um representante estudantil. Os representantes do corpo docente e do corpo técnico-administrativo são eleitos pelos respectivos pares, para um mandato de dois anos, não sendo permitida a recondução e, o representante discente é eleito por seus pares para um mandato de um ano, permitida a recondução. 7.3 Diretoria A Diretoria, exercida pelo Diretor Geral, Acadêmico, Administrativo e Financeiro é o órgão executivo superior de coordenação e supervisão das atividades da FMF. 7.4 Colegiado de Curso Os Colegiados de Curso, órgãos de deliberação coletiva com funções de assessoramento em matéria didático-científica e administrativa de cada curso, são constituídos pelo Coordenador do respectivo Curso de Graduação, seu Presidente; por um Coordenador-Adjunto; por três docentes que ministram disciplinas nos respectivos Cursos de Graduação; e por um representante do corpo discente com mandato de um ano. Os membros do corpo docente são eleitos por seus pares para um mandato de dois anos, não sendo permitida a recondução. Os Colegiados de Curso reúnem-se ordinariamente duas vezes por semestre e, extraordinariamente, quando convocados pelo Coordenador, por iniciativa própria ou a requerimento de dois terços dos membros que o constituem. 7.5 Coordenação de Curso A Coordenação de Curso é a instância executiva das atividades de natureza didático-científica responsável pelo ensino, pesquisa e extensão; congrega os professores que ministram disciplinas no respectivo Curso de Graduação. A Coordenação de cada curso é exercida por um Coordenador de Curso, designado pelo Diretor Geral. 7.6 Congregação A congregação reúne-se, ordinariamente, no início e no fim de cada semestre letivo e, extraordinariamente, quando convocada pelo Diretor Geral, ou a requerimento de dois terços dos membros que a constituem.

08

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

7.7 Serviços Auxiliares Os Serviços Auxiliares têm a seu cargo as funções destinadas a oferecer suporte operacional às atividades-fim da FMF, abrangendo registro escolar, arquivo, correspondência, mecanografia, reprografia, tesouraria, portaria, limpeza, conservação, vigilância e processamento de dados. 7.8 Secretaria Acadêmica As atividades da Secretaria são executadas sob a direção e responsabilidade de um Secretário, designado pelo Diretor Geral. É o órgão responsável pelo controle acadêmico da Faculdade. Oferece os seguinte serviços: Emissão de atestados, declarações, histórico escolar, cópia de programas de disciplinas por meio de solicitação dos estudantes, nos prazos previamente determinados; Recebimento de inscrições, matriculas e fornecimento de informações sobre cursos de pósgraduação e extensão; publicação de faltas e notas. Informações específicas de ordem acadêmica como aproveitamento de estudos, trancamento de matricula, mudança de curso ou período, dentre outros. O horário de atendimento da Secretaria Acadêmica é de 2ª a 6ª feiras, no horário de 14h às 22h. E-mail: secfmf@infs.com.br ou fmf Atenção: Fique atento às publicações nos quadros de aviso da Secretaria e também nos painés dispostos pela Faculdade. Eles sempre têm informações preciosas para todos os acadêmicos. 7.9 Tesouraria A Tesouraria é o setor responsável pelos serviços de finanças, dirigida sob a orientação da Diretoria Financeira. 7.10 Serviços Gerais Os Serviços Gerais compreendem as atividades de portaria, telefonia, reprografia, vigilância e zeladoria e são exercidos por servidores cujas atribuições estão definidas em normas internas expedidas pela Diretoria da FMF. Parte II INFRA-ESTRUTURA FÍSICA E DE APOIO ACADÊMICO 1.

Biblioteca

Dirigida por uma bibliotecária, funciona como suporte pedagógico às atividades acadêmicas e tem como finalidade o incentivo à leitura, o estímulo à pesquisa bibliográfica, científica e à orientação de estudos e consultas. É franqueada aos professores, estudantes e demais funcionário da Faculdade nos dias de 2ª a 6ª feiras, no horário matutino de 8h às 12h e vespertino/noturno de 13h às 22h e aos sábados das 8h às 12h. A biblioteca tem seu acervo ampliado por solicitação dos coordenadores de curso e professores, com a aquisição de títulos da bibliografia básica e complementar, sempre que se fizer necessário. 2.

Internet

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

9


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

O acesso à Internet é permitido aos estudantes e professores, em horário normal de uso dos Laboratórios de Informática, para fins de estudo e pesquisa com direito ao uso para: navegação, pesquisa, consulta e dowloads de documentos científicos, a fim de salvá-los em pendrive trazidos pelo usuário. Não é permitido o uso da Internet para fins de ofensa à moral e à ética. 3.

Laboratório de Informática

Os Laboratórios de Informática têm como finalidade propiciar aos pesquisadores, professores e acadêmicos a facilidade tecnológica da informação. O horário de funcionamento é de 2ª a 6ª feira das 16h às 22h e aos sábados das 8h às 12h. 4.

Laboratório de Design

Os Laboratórios de Design tem como finalidade auxiliar os acadêmicos de Design no desenvolvimento de projetos que necessitem da utilização de computadores, nas áreas de Design Gráfico, Web, Multimídia, Fotografia Digital, CAD e 3 D. 5.

Núcleo de Pesquisa, Pós-Graduação E Extensão –NUPPE.

É constituído por uma Coordenadoria Geral e um Secretário para assuntos administrativos. Coordena e supervisiona a política de Iniciação Científica e administra os Cursos de Especialização Lato Sensu. 6.

Núcleo Psicopedagógico

É a unidade clínica da Faculdade Martha Falcão - FMF, que objetiva prestar serviços assistenciais à comunidade acadêmica, em geral, que apresenta desajuste comportamental, dificuldades no processo educacional e pessoal. Profissionais responsáveis: Psicóloga e Psicopedagoga. Nos dias de 2ª a 6ª feiras, nos horários de 14hàs 17h e 18h às 22h. 7.

Núcleo de Design

O Núcleo de Design é o local de formação profissional, no qual o aluno do Curso de Design, orientado por professores, tem a possibilidade de aplicar os fundamentos teóricos em projetos profissionais. 8.

Núcleo de Pesquisa, Práticas, Ensino e Gestão – NUPPEG

O NUPPEG tem como objetivo dar aos acadêmicos as condições necessárias para o desenvolvimento científico e práticos dos conhecimentos inerentes a sua formação profissional . É o ambiente para elaboração de projetos, desenvolvimento de pesquisa, palestra, estágios e outras atividades de extensão acadêmica. Os acadêmicos prestam assessoria e consultoria em áreas afins da sua formação, por meio de convênios ou contratos de Prestação de Serviços junto ao empresariado local.

10

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

9.

Núcleo de Práticas Jurídicas

O Núcleo de Práticas Jurídicas, formado por professores e acadêmicos do Curso de Direito, servirá de integração entre teoria e prática. Serão realizadas, no núcleo, atividades simuladas e reais do Estágio de Prática Jurídica, supervisionados pela Coordenação do Curso. Por meio do Núcleo de Práticas Jurídicas são prestados serviços jurídicos à comunidade, tais como: assistência jurídica e social aos povos da floresta, assistência jurídica e estudos financeiros, tributários, entre outros, possibilitando o aprendizado prático do acadêmico e o exercício da função social da educação. 10.

Oficina Pedagógica

As Oficinas Pedagógicas permitem aos acadêmicos do Curso de Graduação em Pedagogia, o exercício prático da teoria. A Faculdade Martha Falcão dispõe para realização das oficinas: a Creche Zezé Pio de Souza e Pinocchio Centro Educacional, para a prática da Educação Infantil, e o Colégio Martha Falcão para prática de ensino nas séries iniciais do ensino fundamental , e o núcleo de Alfabetização de Adultos para experiência nesta modalidade de ensino. Os estudantes do Curso de Pedagogia ao participarem das Oficinas Pedagógicas têm a oportunidade de desenvolver projetos nos diversos campos da educação, além de cumprirem as horas destinadas às atividades complementares. 11.

Oficina de Design

A Oficina de Design atende as atividades projetais do curso e as necessidades de desenvolvimento de diferentes trabalhos. Neste espaço estão dispostas bancadas, máquinas e ferramentas, constituindo-se em local ideal para a realização de experimentos com modelos tridimensionais. Sua estrutura permite o desenvolvimento de modelos elaborados em papel, gesso, polímeros e resina, além do desenvolvimento de maquetes e objetos de médio porte desenvolvidos em madeira e metais. 12

Diretório Central dos Estudantes – DCE

O Diretório Central dos Estudantes - DCE Falcões - fundado em 16/02/2001, é uma entidade civil, independente, sem filiação político-partidária, filiada a União Nacional dos Estudantes UNE e a União dos Estudantes do Amazonas UEA, com sede própria nas dependências da própria FMF é o órgão máximo na representação geral dos estudantes. 13.

Auditório

O Auditório “Nelson Falcão”, em cada período semestral e no horário de funcionamento da Faculdade, está à disposição de professores e estudantes para reuniões, palestras, seminários, workshops, aulas e outras atividades acadêmicas. 14.

Mini Auditório

Em cada período semestral e no horário de funcionamento da Faculdade, está à disposição de professores e estudantes para reuniões, palestras, seminários, workshops, aulas e outras atividades FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

11


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

acadêmicas. 15.

Área de Convivência

A Faculdade Martha Falcão dispõe de três cantinas, sendo duas no térreo e uma no 1º andar Amazônia Café, dispõe de mesas e cadeiras apropriadas para pequenas refeições por ocasião da pausa normal entre as atividades acadêmicas. 16.

Quadra Poliesportiva

A quadra poliesportiva é uma área coberta que pode ser utilizada pelos acadêmicos da Faculdade Martha Falcão para atividades culturais e festivas. 17.

Informações Adicionais

O ingresso aos Cursos de Graduação é feito mediante classificação em Processo Seletivo, pela via de transferência de outra IES ou como Portador de Diploma de Curso Superior, mediante processo classificatório. A Faculdade Martha Falcão oferece um Sistema de Controle Acadêmico Semestral automatizado, no qual o aluno tem disponível, por meio do serviço de atendimento personalizado, ou do site: www.marthafalcao.com.br, o qual pode ser acessado, mediante sua matricula e sua senha, no seguinte menu de consultas: Consultas de notas; Consulta de confirmação de matricula; Consulta limites de falta; Consulta de vencimentos; Consulta de histórico escolar. 18.

Centro de Atendimento Psicológico – CAPsi

O CAPsi é um centro de referência na prestação de serviços à comunidade amazonense com a oferta de espaço de escuta, acolhimento e orientção para aqueles que, em momentos críticos da vida ou por situações adversas , necessitam de acompanhamento psicológico. Com esta proposta o CAPsi inaugura um novo modelo de clinica- escola voltada para área de saúde, ao tempo em que contribui efetivamente para uma sólida formação de psicólogos.

12

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

VALORES DE SERVIÇOS ACADÊMICOS SERVIÇOS

VALORES

Aproveitamento de Estudos Carteira Estudantil (2ª Via) Cancelamento de Matrícula Carnê (2ª Via) Carnê: Guia de Recolhimento para pagamento/mensalidade Certidão de Conclusão Colação de Grau em Gabinete 2ª Chamada de Prova Declaração de Vaga (Solicitação de Transferência para FMF) Declarações de Conclusão e Similares Declaração de Matricula e Similares Diploma: Registro na UFAM Diploma: Expedição e Registro (Papel simples) Curso de Administração e Ciências Contábeis Diploma: Expedição e Registro (Papel simples) Curso de Pedagogia Diploma: Expedição e Registro (Papel simples) Curso de Direito Diploma: Expedição e Registro (Papel simples) Curso de Psicologia Diploma: Expedição e Registro (Papel simples) Curso de Design Diploma: Expedição e Registro (Papel simples) Diploma: Pasta Personalizada da FMF Diploma: Expedição e Registro (Papel simples) 2ª via Diploma: Expedição e Registro (Papel especial) 2ª via Guia de Transferência (Externa) Histórico Escolar Oficial Histórico Escolar (Ex-aluno) Histórico Escolar (Verificação Interna) Manual Acadêmico (2ª via) Mudança de Curso (Inscrição) Mudança de Turma Programa de Disciplina (por Disciplina) Revisão de Freqüência Revisão de Nota (s) Reingresso Trancamento Geral de Matrícula Requerimentos para fins não especificados nos itens anteriores

R$ 15,00 R$ 15,00 R$ 15,00 R$ 15,00 R$ 2,00 R$ 35,00 R$ 35,00 R$ 50,00 R$ 20,00 R$ 30,00 R$ 15,00 R$ 100,00 R$ 27,00 R$ 21,00 R$ 47,00 R$ 35,00 R$ 30,00 R$ 90,00 R$ 70,00 R$ 60,00 R$ 150,00 R$ 150,00 R$ 10,00 R$ 20,00 R$ 3,00 R$ 15,00 R$ 15,00 R$ 15,00 R$ 5,00 R$ 15,00 R$ 15,00 R$ 15,00 R$ 15,00 R$ 15,00

Manaus, 11 de fevereiro de 2008 Nelly Falcão de Souza Diretora Presidente FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

13


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

FACHADA DA FACULDADE MARTHA FALCĂO

AUDITÓRIO NELSON FALCĂO

BIBLIOTECA FERNANDO MATOS

14

ÁREA DE CONVIVĘNCIA

SALA DE AULA

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

Parte III NORMAS E PROCEDIMENTOS ACADÊMICOS 1.

Matrícula

Ato formal de ingresso no Curso e de vinculação a FMF. A efetivação da matrícula é realizada na Secretaria Acadêmica, em prazos estabelecidos no Calendário Acadêmico, e solicitada por meio de requerimento próprio anexando-se à documentação exigida no prazo estipulado. Esgotando o prazo e não tendo sido entregue a documentação, a matrícula poderá ser cancelada a qualquer tempo. O acadêmico recebe um número de identificação, por ocasião de matricula inicial, que o acompanhará ao longo de sua trajetória acadêmica em sua FMF. Exemplo: Ano de ingresso: 05 Curso: Administração do meio Ambiente: 01 Nº de ordem dentro do Curso: 001 ___________________________________________ 05 01001 OBS: A matrícula do ingressante da FMF tem procedimento próprio, com orientação da Secretaria Acadêmica e Coordenações de Cursos. A matrícula é feita por séries semestrais, admitindo-se a dependência em até duas disciplinas, observada a compatibilidade de horário. A matrícula é renovada semestralmente em prazos estabelecidos no Calendário Acadêmico e somente será efetivada com a entrega do contrato de prestação de serviços educacionais, devidamente preenchido e assinado, acompanhada do comprovante de pagamento das taxas e quitação de eventuais débitos anteriores. Importante: a não efetivação da matrícula no início de casa semestre, dentro dos prazos estabelecidos no Calendário Acadêmico, representará abandono. A solicitação de serviços: Qualquer solicitação dar-se-á, exclusivamente por escrito, em requerimento próprio, junto à secretaria. O aluno deve verificar a resposta à sua solicitação. 2.

Dependência de Disciplina

É promovido para o semestre seguinte o acadêmico aprovado em todas as disciplinas ou reprovado, no máximo, em duas disciplinas. Devem ser cursadas em regime de dependência, as disciplinas pendentes de séries anteriores àquela em que o aluno está matriculado e nas quais não obteve aprovação. 3.

Abandono de Curso

A não renovação da matrícula implica abandono de Curso e desvinculação do aluno da FMF. O abandono caracteriza-se pela não confirmação de continuidade de estudos. Quando o estudante abandona seu curso, seu contrato de prestação de serviços educacionais deve ser honrado, no semestre que o abandono ocorrer. Se o abandono ocorrer pela não confirmação

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

15


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

de continuidade de estudos, deverá honrar o contrato até o final do semestre letivo. 4.

Trancamento de Matrícula

O estudante pode trancar sua matrícula. É concedido o trancamento de matrícula se requerido dentro do prazo estabelecido no Calendário Acadêmico. È exigido estar quite com a Faculdade, até o mês da solicitação, inclusive para o efeito de , interrompidos temporariamente os estudos, manter-se vinculado à FMF e conquistar direito à renovação de matricula. A concessão de dois trancamentos consecutivos deverá ser justificada e dependerá de manifestação do Diretor Acadêmico, o qual poderá ou não concedê-lo 5.

Cancelamento de Matrícula

A qualquer tempo, o acadêmico poderá cancelar sua matricula, perdendo direito, portanto, à continuidade de seus estudos, salvo novo processo seletivo. É a desvinculação do aluno da FMF, nos seguintes casos: I. Por solicitação do interessado, requerido em formulário próprio da Instituição; II. Por aplicação de pena disciplinar. 6.

Transferência Facultativa

É a forma de admissão de estudantes oriundos de outra instituição de Ensino Superior Nacional ou estrangeira, no decorrer do curso de graduação. Regida pela Portaria Nº. 230, de 09 de março de 2007. Requisitos: I – a existência de vínculo com a instituição de origem II - a existência de vagas e a aprovação do aluno interessado em processo seletivo na instituição para onde ele quer se transferir. 7.

Transferência Ex Oficio

Efetivada entre instituições vinculadas a qualquer sistema de ensino, em qualquer época do ano e independentemente da existência de vaga, quando se tratar de servidor público federal civil ou militar estudante, ou de seu dependente estudante, se requerida em razão de comprovada remoção ou transferência de oficio. 8.

Compensação de Ausência

Não há compensação de ausência, exceto nos casos previstos em Lei. O aluno é obrigado a ter no mínimo, 75% de freqüência nas disciplinas em que estiver matriculado. No caso de o aluno não atingir esse limite, ficará automaticamente reprovado, independente das notas obtidas nas avaliações. Somente se concede abono de faltas na FMF em virtude de doença infecto-contagiosa, por força de determinação legal, ou em conseqüência de acidente no curso da gestação ou do parto. Os pedidos devem ser instruídos com documentação hábil e devem ser solicitados até 3 (três) dias após a ocorrência da falta.

16

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

9.

Sistema de Avaliação do Desempenho Acadêmico.

A FMF entende o sistema de avaliação do desempenho acadêmico, como subsidiário do processo de ensino-aprendizagem. O processo de avaliação do desempenho acadêmico compreende a avaliação formativa e somativa em todas as etapas de desenvolvimento das atividades curriculares, tendo com prevalência os resultados concretos de aprendizagem. A avaliação da aprendizagem é realizada pelos professores das disciplinas componentes da estrutura curricular de cada curso, ao longo de cada período letivo. Incide sobre a freqüência e o aproveitamento acadêmico. A freqüência às aulas e demais atividades acadêmicas, permitidas apenas aos matriculados, é obrigatória, vedado o abono de faltas. Independentemente dos demais resultados obtidos, será considerado reprovado na disciplina o acadêmico que não obtiver freqüência de, no mínimo, 75% (setenta e cinco) por cento das aulas e demais atividades programadas. A verificação e registro da freqüência são de responsabilidade do professor e o controle cabe à Secretaria Acadêmica. O rendimento acadêmico é avaliado por meio de acompanhamento contínuo do aluno e dos resultados por ele obtidos nas provas, exercícios, projetos, relatórios de pesquisa e demais atividades programadas em cada disciplina. A avaliação do desempenho do acadêmico é feita, atribuindo-se uma nota expressa em grau numérico de zero a dez, com aproximação em décimos. A média de aprovação em cada disciplina é obtida mediante as notas de provas, de trabalhos, de exercícios, de projetos, de relatórios e demais atividades programadas, conforme critério de avaliação estabelecido pelo CAEPE. Ao acadêmico que deixar de comparecer às verificações do aproveitamento na data fixada, poderá ser concedida uma segunda oportunidade, requerida no prazo de três dias. Poderá ser concedida revisão da nota atribuída, quando requerida no prazo de dois dias da divulgação. Atendida em qualquer caso a freqüência mínima de 75% ( setenta e cinco) por cento às aulas e demais atividades, será considerado aprovado na disciplina: Acadêmico que obtiver média igual ou superior a 5,0 (cinco) na disciplina; Os critérios de avaliação do acadêmico atenderão às normas regimentais da FMF e serão definidos por: •Assiduidade e pontualidade; •Disponibilidade para estudos com ênfase em leitura; •Participação nos debates; •Apresentação e defesa de trabalho; •Coerência e consistência teórica em trabalhos ou provas; •Contribuição inovadora; •Liderança e organização; •Atualização de informações; •Relacionamento interpessoal; •Adaptação ao curso, •Autodisciplina; •Cumprimento das normas regimentais. As avaliações serão realizadas ao longo do desenvolvimento das disciplinas, por meio da utilização de instrumentos, procedimentos e recursos variados, a exemplo de exercícios, sínteses,

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

17


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

testes, inferências, seminários, trabalhos individuais e em grupos, visitas técnicas, pesquisa de campo, estudo de caso, entre outros, a critério do professor. As avaliações terão 3 (três) momentos formais e 1 (um) final, se necessário. No desempenho mínimo de cada avaliação, o aluno terá que demonstrar o domínio de 50% dos conteúdos ministrados, equivalente à nota 5,0 (cinco) para efeito de aprovação imediata. Média inferior a 5,0 (cinco), nas 3(três) avaliações, o aluno será obrigado a prestar exame final para obtenção de média igual ou superior a 5,0 (cinco), para efeito de aprovação na disciplina. · A 3ª Avaliação terá caráter interdisciplinar, por período, constando de 36 (trinta e seis) questões de múltipla escolha valendo 0,25 pontos por questão e 2 (duas) questões discursivas valendo 0,5 pontos cada. · A 3ª Avaliação será nos moldes do ENADE, a fim de socializar o modelo oficial ao qual todo aluno será submetido. · O exame final será requerido na Secretaria Acadêmica, em 48 h após o resultado da 3ª Avaliação. · As Avaliações de 2ª chamada serão requeridas na Secretaria Acadêmica, em 24 h após a realização da mesma. O esforço individual do aluno terá prioridade sobre os trabalhos em grupo. As provas e/ ou trabalhos individuais devem exigir um domínio máximo de 70% dos conteúdos contidos nos respectivos instrumentos de avaliação, aos quais serão somados os demais 30% dos trabalhos em grupo, numa escala de 0 a 10 ( zero a dez) As Avaliações são cumulativas adotando-se, para o cálculo das médias, as fórmulas abaixo: a) MF= 1ªAv + 2ª Av+ 3ª Av. ≥5,0 (cinco) 3 b) EF= M I + EF ≥ 5,0 (cinco) 2 O acadêmico será considerado reprovado na disciplina, se: a média do rendimento acadêmico for inferior a três; a freqüência for inferior a 75% (setenta e cinco) por cento ou se a média final apurada for inferior a cinco. É promovido para o período seguinte o acadêmico aprovado em todas as disciplinas ou reprovado, no máximo, em duas disciplinas. Devem ser cursadas, em regime extraordinário, as disciplinas de períodos anteriores àquele em que o aluno está matriculado e nas quais não obteve aprovação. O regime de dependência será permitido ao acadêmico que tenha cursado a disciplina em semestres anteriores, com freqüência igual ou superior a 75% da carga horária total da disciplina, exigindo-se, apenas, que se submeta a todas as avaliações realizadas nessa disciplina durante o semestre, independentemente de freqüência às aulas. O regime de dependência será permitido ao acadêmico que tenha cursado a disciplina em semestres anteriores, com freqüência igual ou superior a 75% da carga horária total da disciplina, exigindo-se, apenas, que se submeta a todas as avaliações realizadas nessa disciplina durante o semestre independentemente de freqüência às aulas. O acadêmico não poderá cursar as disciplinas dos períodos em que está matriculado e cujos horários de aula forem incompatíveis com os da (s) disciplina (s) em regime extraordinário. Neste caso, entende-se por incompatibilidade a superposição, ainda que parcial, dos horários de aula das disciplinas dos períodos não consecutivos. O acadêmico que estiver repetindo um semestre pode requerer aproveitamento de estudos das disciplinas em que foi aprovado e, conforme normas fixadas pelo Colegiado do Curso, cursar concomitantemente, outras disciplinas do semestre subseqüente, desde que haja vaga e

18

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

compatibilidade de horário. Podem ser ministradas aulas de dependência em horário especial, consoante normas aprovadas pelo Colegiado do Curso. Os acadêmicos que tiverem extraordinário aproveitamento nos estudos, e forem submetidos a exame por disciplina aplicado por Banca Examinadora Especial, poderão ter abreviado a duração de seus cursos, de acordo com a legislação em vigor. 10.

Segunda Chamada de Prova

A segunda chamada de prova é permitida ao acadêmico que deixar de comparecer as verificações do aproveitamento na data fixada, podendo ser concedida segunda oportunidade, requerida no prazo de três dias após a realização da avaliação. O aluno deve justificar o motivo determinante de seu pedido que será apreciado pelo Coordenador de Curso, a quem cabe a decisão. Será cobrada uma taxa referente ao serviço 11.

Revisão de Prova

Poderá ser concedida, de acordo com o Regimento da FMF, a revisão da nota atribuída. Os pedidos de revisão devem ser protocolados no prazo de dois dias da divulgação da nota, justificadamente. Obs: Ver norma acadêmica n° 11 e Anexo 01 (página 60) 12.

Atividades Complementares

As Atividades Complementares compõem a estrutura curricular de todos os cursos. Consistem em inovações tecnológicas, pedagógicas e metodológicas, operacionalizadas nos cursos oferecidos pela Faculdade Martha Falcão, ampliando as possibilidades de interação acadêmica, flexibilização curricular e criação, produção e compartilhamento do conhecimento. O desenvolvimento das Atividades Complementares se traduz em mecanismos de aproveitamento dos conhecimentos adquiridos pelo estudante, em atividades de monitoria, estágios, iniciação científica, extensão, participação em eventos científicos ou culturais ou em programas ou cursos oferecidos por organizações empresariais, ou ainda, cursos de formação complementar à sua formação, como inglês e informática. È uma iniciativa do estudante , dentro ou fora da Instituição. Estas atividades necessitam ser comprovadas e, posteriormente analisadas e validadas pelo Coordenador de Curso ou professor responsável, designado para o controle destas atividades. A Integração das Atividades Complementares, na proposta pedagógica de cada curso, é desenvolvida em sinergia com as atividades aplicadas em sala de aula. Isto significa mais aprendizado e maiores possibilidades de exercitar o conhecimento teórico obtido. Elas interagem com as demais atividades de formação. Considerando-se que o currículo é muito mais que o conteúdo das disciplinas, estas atividades propiciam significativa contribuição para o desenvolvimento de competências e habilidades, tais como as de aprender a aprender, tomar decisões, respeitar a ética profissional, desenvolver comportamento empreendedor, entre outras. (Maiores informações no Regulamento Institucional de Atividades Complementares)

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

19


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

13.

Estágio Curricular Supervisionado

O Estágio Curricular Supervisionado segue as normas contidas na legislação educacional pertinente, sendo obrigatórios e preponderantemente práticos visando proporcionar ao estudante a participação em situações reais de vida e trabalho, abordando as diferentes dimensões da atuação profissional. O Estágio Curricular Supervisionado deve ser desenvolvido ao longo do curso, conforme a estrutura curricular de cada curso. Os objetivos do Estágio Curricular Supervisionado são: Contribuir para o aprofundamento teórico-prático do estudante; e vivenciar situações e experiências práticas que aprimorem a formação e a atuação profissional egresso dos cursos oferecidos pela FMF; Contribuir para que o estudante sistematize análises críticas, a partir do confronto entre os conhecimentos e as habilidades desenvolvidos no curso e, as práticas do cotidiano acadêmico. Possibilitar maior interação entre a Faculdade Martha Falcão e as Organizações concedentes de Estágio. O acadêmico deve verificar se seu curso exige a realização de estágio supervisionado. Caso conste em sua estrutura curricular é indispensável o seu cumprimento, posto ser obrigatório para efeito de conclusão de curso. 14.

Monitoria e Iniciação Científica

Com o objetivo de despertar vocações para a vida do magistério, da administração acadêmica e para as atividades de pesquisa e extensão, a FMF possui um Sistema de Monitoria e de Iniciação Científica. Tais funções, exercidas pelos alunos, não geram vinculo empregatício e será exercida na forma da legislação especifica e sob a orientação de um professor, sendo considerado titulo para ingresso no magistério da FMF. Informações a respeito podem ser obtidas na Coordenação de Curso. 15.

Programa de Financiamento Estudantil / FIES/ProUni

Este Programa de responsabilidade do Ministério da Educação - MEC criado em 1999 para substituir o antigo Programa de Crédito Educativo (PCE/CREDUC). O FIES destina-se a estudantes sem condições para arcar com os custos de sua formação, que estejam regularmente matriculados, ou seja, a matricula não pode estar na condição de trancamento geral de disciplinas. O ProUni- Programa de Universidade para todos, criado pelo Governo Federal, possibilita o acesso de jovens à educação superior , por meio de bolsas de estudo integrares e parciais de 50%, em cursos de graduação de instituição privada. O estudante interessado nesses programas deve procurar informações na Secretaria Acadêmica. 16.

Aproveitamento de Estudo

Aproveitamento de estudos é o processo de aceitação, pela FMF, dos estudos realizados por estudantes que cursaram disciplinas de curso superior, com aproveitamento, em outras instituições de ensino ou em cursos de graduação da própria Faculdade. O prazo para solicitação é estabelecido no Calendário Acadêmico, o aluno deverá requerê-lo em formulário padrão da FMF. Deve anexar ao seu pedido de aproveitamento de cada disciplina a cópia autenticada do programa da disciplina e histórico escolar em que figure a disciplina cursada. Tanto o

20

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

programa da disciplina como o histórico escolar devem estar autenticado pela escola de origem, para aceitação do pleito.O pedido deve ser protocolado junto a Secretaria Acadêmica. 17.

Colação de Grau

A Colação de Grau é o evento culminante da vida do estudante que preenche todos os requisitos necessários a conclusão de seu curso. A cerimônia de colação de grau é obrigatória para o acadêmico requerer na o respectivo diploma, junto à Secretaria Acadêmica. Os concludentes que integram a relação dos possíveis finalistas devem escolher uma Comissão de Formatura que os representará na Secretaria Acadêmica, Coordenação de Curso e Diretoria Geral para acertar detalhes de cerimônia, tais como: data, local, homenagens e outros requisitos que o ato requer. 18.

Orientação ao Formando

Solicitação de Colação de Grau: para ter seu nome incluído na lista dos formandos, o aluno, por ocasião de sua penúltima matrícula, deve preencher e entregar no Protocolo uma ficha/requerimento de colação de grau. Não existe a inclusão automática: quem não requerer ficará excluído da lista. Confirmação do Status de Formando: após a entrega do requerimento, o formando deve voltar ao Protocolo no prazo estipulado para receber a confirmação de sua situação de formando. Compete ao acadêmico certificar-se quanto à integralização das disciplinas do seu currículo. Em caso de dúvida deve procurar informações junto à Secretaria Acadêmica. Documentação para Colação de Grau: deve ser entregue na Secretaria Acadêmica pelo formando ou pelo representante da Comissão de Formatura, até 60 ( sessenta) dias antes da colação de grau. Não há colação de grau sem que a documentação esteja rigorosamente em dia. Exame Nacional de Desempenho do Estudante - ENADE se o curso estiver relacionado entre os de exame obrigatório, não será expedido o Diploma e nem o Histórico Escolar para quem não prestar a prova, que é realizada, anualmente. Compete ao formando obter informações junto à Coordenação de seu curso e manter-se atento aos prazos de inscrição para a realização do ENADE. A Secretaria Acadêmica entregará aos representantes de classe o levantamento das disciplinas cursadas e a serem cursadas para que os acadêmicos acompanhem seu histórico escolar, no caso de aluno matriculado no penúltimo semestre do curso. Será publicada, nas salas de aulas das turmas que irão concluir o curso, uma listagem com os nomes dos acadêmicos que devem documentos para a Secretaria Acadêmica. A Secretaria emitirá listas com os prováveis concluintes, e estas serão divulgadas nos quadros de avisos. 19.

Representante de Turma

Em cada turma, mediante escolha direta, devem ser eleitos um Representante e um ViceRepresentante de turma.Eles serão o elo entre as turmas e os Coordenadores de Cursos. 20.

Regime Financeiro

Ao efetivar sua matricula ou renovação de matricula na FMF o estudante , quando maior, ou seu responsável, quando menor, assina Contrato de Prestação de Serviços Educacionais com o Instituto

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

21


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

de Ensino Superior da Amazônia IESA. Após trinta (30) dias de inadimplência, o IESA, mantenedora da FMF, se reserva o direito de cobrar judicialmente o que lhe é devido e de encaminhar o nome do responsável para o Serviço de Proteção ao Crédito. O estudante deve se manter em dia com suas obrigações contratuais e ler atentamente seu Contrato de Prestação de Serviços Educacionais. 21.

Informativo

Com regularidade bimestral, a Faculdade Martha Falcão edita o Informativo Martha Falcão, distribuído à comunidade acadêmica. 22.

Carteira estudantil

Fica a critério do estudante a solicitação de sua carteira estudantil, junto à Secretaria Acadêmica. 23.

Acesso as Dependências da Faculdade.

O estudante terá acesso às dependências da FMF, mediante o registro de sua impressão digital no sistema de catraca situada à na entrada principal. O registro das digitais é feito junto à Secretaria Acadêmica. 24. Código de Honra Capítulo I: dos princípios e objetivos Art. 1º. O processo educativo tem por fundamento a crença no desenvolvimento das potencialidades de cada ser humano e na perfeição humana; e, por finalidade, valorizar o homem e assegurar-lhe o pleno gozo da dignidade humana. Art. 2º. O espaço acadêmico é destinado à elaboração e aquisição de conhecimentos e de experiências que contribuam para a construção de uma sociedade mais humana, justa, solidária, cooperativa e pluralista. Capítulo II : dos meios Art. 3º. Os currículos dos cursos são organizados para a formação do cidadão e do profissional. Os programas das disciplinas, como os currículos, são revistos, periodicamente, em função da contínua busca da excelência de qualidade na Educação. Art. 4º. As aulas, quaisquer que sejam as metodologias empregadas, são planejadas, em seqüência, de acordo com o plano de ensino preestabelecido, ministradas e registradas no período de tempo previsto. Capítulo III: dos direitos Art. 5º. Os acadêmicos da Faculdade Martha Falcão têm direito: I - à Educação Integral, Educação para a Democracia e para o desenvolvimento individual, social, institucional, regional, nacional e mundial; II - à ação educativa dirigida ao desenvolvimento harmônico de todas as dimensões humanas: física, afetiva, intelectual, espiritual, ética, religiosa, social, política e artística; II - à Educação que lhes possibilite o desenvolvimento de todas as suas potencialidades: a imaginação e a criatividade, o pensamento lógico, o pensamento crítico e a inteligência prática, bem como hábitos de trabalho intelectual e de pesquisa; 22

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

IV - à participação no processo educativo, ao mesmo tempo, como objeto e sujeito deste; V - a uma Educação baseada nos Direitos Humanos e na Justiça Social, de modo a terem atitudes e hábitos compatíveis com as necessidades e aspirações individual e social; V - a informações oportunas sobre os registros de sua freqüência e rendimento escolar; VII - a requerer, por escrito e tempestivamente, com base em fatos documentados e na legislação em vigor, a correção desses registros mencionados no inciso anterior, sempre que se julgar prejudicado; Art.º 6º. As atividades acadêmicas, os métodos e as técnicas de ensino devem propiciar aos estudantes a sua participação efetiva no processo educativo. Art. 7º. O acadêmico exercerá o direito de reivindicação, individual ou coletiva, preferencialmente pela via da negociação. Art. 8º. Fica assegurada a todos os membros da FMF a liberdade com responsabilidade. Art. 9º. O acadêmico terá direito ao incentivo ao desenvolvimento dos seus dotes intelectuais e artísticos. Art. 10º O acadêmico terá direito ao reconhecimento público de seus méritos pela Instituição. Capítulo IV: dos deveres Art. 11. É dever do acadêmico em sala de aula, no âmbito da Instituição, ou fora dela: I - Ser pontual e assíduo às aulas e demais atividades teórico-metodológicas; II - Ter uma conduta ética em qualquer circunstância; III Participar das aulas, para questionamentos ou esclarecimentos pertinentes ao assunto que esteja sendo exposto; IV Evitar conversas paralelas, não perturbar as atividades de classe, ficar atento à aula; V - Colaborar para o melhor êxito possível das atividades docentes; VI - Cultivar, com idéias e ações, os valores do mundo ocidental consagrado na Constituição do Brasil. VII - Conduzir-se, sempre, como cidadão digno e profissional em formação; VIII - Respeitar os bons costumes, as normas internas da Instituição e as leis; IX - Estudar, pesquisar e participar de atividades de extensão com empenho regularidade; X - Organizar seus apontamentos, obter textos e adquirir livro de consultas para sua formação profissional; XI - Preparar-se para os exames, realizar os exercícios e práticas recomendadas; XII - Freqüentar bibliotecas e consultar livros, revistas especializadas e jornais para desenvolver sua cultura geral; XIII - Dirigir-se aos colegas, funcionários e professores, com humanidade e respeito; XIV - Observar e cumprir o calendário acadêmico; XV - Usar vestuário compatível com o ambiente de um estabelecimento de ensino superior, Excluindo o uso de bermudas, camisa regata para homens e mini-saias, shortes e mini-blusas para mulheres; XVI - Comparecer aos eventos e solenidades programados pelo Departamento ou pela Instituição, com pontualidade e assiduidade XVII - Não usar meios ilícitos para obter freqüência e resultado de rendimento escolar que não correspondam ao seu desempenho acadêmico. XIII - Não utilizar qualquer modalidade de violência para resolver conflitos; XIX - Não denegrir a imagem da FMF Faculdade Martha Falcão, conduzindo-se como representante da Instituição em qualquer local público onde estiver;

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

23


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

XX - Não destruir, danificar ou inutilizar tudo aquilo que represente patrimônio da Instituição. Art. 12. O ato de matrícula importa em compromisso formal de respeito aos princípios éticos que regem a FMF, à dignidade acadêmica, às normas contidas na legislação do ensino, no seu Regimento e, complementarmente, baixadas pelos órgãos competentes e às autoridades que emanam, constituindo infração disciplinar, punível na forma do Regimento da FMF, o desatendimento ou transgressão do compromisso acima referido. § 1º Na aplicação das sanções disciplinares será considerada a gravidade da infração, assegurando sempre o direito de defesa, à vista dos seguintes elementos: a) Primariedade do infrator; b) Dolo ou culpa; c) Valor do bem moral, cultural ou material atingido; d) Grau da autoridade ofendida. § 2º A aplicação de penalidade que implique afastamento, temporário ou definitivo, das atividades acadêmicas será precedida de inquérito administrativo, mandado instaurar pelo Diretor da FMF. § 3º Em caso de dano material ao patrimônio da FMF e de sua Mantenedora, além de sanção disciplinar aplicável, o infrator estará obrigado ao ressarcimento. Art. 13º - Os alunos estão sujeitos às seguintes penalidades disciplinares: I - Advertência verbal, por inobservância às normas estabelecidas pela FMF; II - Repreensão, por escrito, por: a) Reincidência nas faltas previstas no inciso I, do Regimento Interno da FMF; b) Fraude na execução de provas ou trabalhos escolares; c) Suspensão, por: Reincidência nas faltas previstas no item II, do Regimento Interno da FMF e Incidência nas faltas previstas no item II, do Regimento Interno da FMF, quando estas forem de natureza grave; ou Desrespeito à Direção, Professores ou Funcionários da FMF. d) Desligamento por: Reincidência nas faltas previstas no inciso III, do Regimento Interno da FMF; ou Casos disciplinares graves, a critério da Direção da FMF; § 1º - São competentes para aplicação das penalidades: De advertência, os Coordenadores de Curso e o Diretor; e de advertência, repreensão, suspensão e desligamento, o Diretor. § 2º - De aplicação da penalidade de repreensão, suspensão, ou desligamento, cabe recurso ao CAEPE. § 3º - O registro da penalidade aplicada será feito em documento próprio, não constando do histórico escolar do aluno. Art. 14º - Os casos omissos serão resolvidos pelo CAEPE; Art. 15º - Este Código entra em vigor nesta data. PARTE IV SETORES E SERVICOS ESPECIAIS 1. Informática O serviço de informática funciona na prestação de assessoria aos setores da FMF, mais especificamente ao sistema de informatização dos processos de documentação do estudante. 2. Comissão Própria de Avaliação – CPA A CPA/FMF está a serviço dos decisores, com informações úteis para tomada de decisões. Informações estas oriundas do processo contínuo de avaliação institucional entre professores, estudantes e funcionários. Participam, também, da CPA representantes da sociedade civil. A CPA/FMF está estruturada à luz da legislação do SINAES, Portaria e Resoluções que disciplinam 24

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

o processo de avaliação externa das IES. 3. Comissão Permanente de Processo Seletivo-NPPS Esta Comissão Permanente ocupa-se do tratamento do banco de dados, da construção dos instrumentos de avaliação, da aplicação dos exames, correção das provas nas diversas datas para seleção de candidatos 4. Núcleo de Educação a Distância - NEAD Funciona na orientação dos cursos on-line de acordo com o que determina o MEC, bem como na preparação Planos, Projetos e Programas desta nova modalidade de ensino. Os cursos de Educação a Distância estão ganhando espaço em todo território nacional e será a proposta de avanços qualitativos, na área da tecnologia educacional. 5. Núcleo de Formação Continuada - NFC/Pedagogia O NFC implementa a política de formação continuada da FMF, para professores e técnicos administrativos, por meio de Reuniões Pedagógiuca e ao final de cada período letivo em jornadas de estudos para atualização de conhecimentos teórico-metodológicos. Parte V SERVIÇOS DE ASSESSORIAS 1. Assessoria Técnica O serviço técnico é prestado pelo Núcleo de Design, por meio de acadêmicos e estagiários , no que concerne ao apoio de artes gráficas aos eventos da FMF, bem como a apresentação de vídeos institucionais representativos das atividades acadêmicas. 2. Assessoria de Comunicação Tem sua principal função na divulgação das ações e eventos praticados durante os períodos letivos, das semanas dos cursos oferecidos e demais eventos desenvolvidos pela FMF. 3. Assessoria Jurídica Presta serviços jurídicos à Faculdade , tendo em vista o cumprimento das obrigações legais pertinentes ao ensino superior e demais ações demandadas pela comunidade acadêmica. 4. Tele Marketing Tem a função de prestar esclarecimentos de dúvidas demandadas pelos acadêmicos, ao tempo em que divulga os diferenciais dos serviços oferecidos pela FMF. 5. Marketing Este serviço tem como objetivo mapear os diversos mercados, internos e externos, da Instituição funcionando como apoio a todos os setores serviços da FMF. 6. Fale Conosco Serviço disponibilizado ao público interno e externo

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

25


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

Parte VI CONCESSÕES 1. PRÊMIO DE MÉRITO ACADÊMICO PORTARIA Nº 21/2007- IESA/FMF de 06 de julho de 2007 . A PRESIDENTE DO INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DA AMAZÔNIA-IESA, no uso de suas atribuições legais e CONSIDERANDO a necessidade de incentivar, na prática acadêmica, a melhoria progressiva do desempenho do aluno, objetivando a graduação de profissionais competentes e comprometidos com o seu desenvolvimento profissional; CONSIDERANDO o interesse da instituição em reconhecer o mérito do esforço do aluno e o seu compromisso com sua performance, no desempenho das atividades acadêmicas; CONSIDERANDO, ainda, o objetivo institucional de contribuir com a promoção de talentos, liderança e protagonismo entre os acadêmicos, numa perspectiva estimuladora da produção científica com qualidade. RESOLVE: Artigo 1º - Reformular a instituição do Prêmio do “Mérito Acadêmico Professora Martha Falcão”, instituído pela Portaria Nº. 10/2003-IESA/FMF de 11 de agosto de 2003, concedido aos acadêmicos com maior coeficiente de média, obtido no semestre letivo de cada Curso de Graduação, os quais passarão a fazer jus a um Diploma de Mérito e uma Bolsa de Estudos Semestral, sob os critérios dispostos na presente Portaria . Parágrafo único – O Prêmio Mérito Acadêmico é uma concessão da mantenedora, não gerando direito regimental. Artigo 2º - A Diretoria da Faculdade Martha Falcão nomeará uma Comissão por Curso, que será constituída por cinco professores, presidida pelo respectivo Coordenador, que avaliará ao final de cada semestre letivo, o rendimento dos acadêmicos, observando os critérios quantitativos e qualitativos previstos nesta Portaria. Artigo 3º - O Concurso deverá ocorrer em duas fases, devendo, na primeira, ser avaliado o rendimento quantitativo do acadêmico, de acordo com os critérios abaixo: I - maior coeficiente de rendimento acadêmico no respectivo curso de graduação, apurado em cada semestre, dentre os alunos regularmente matriculados; II - possuir avaliação parcial superior a 7,0 (sete); III - estar adimplente com a instituição; IV - possuir freqüência igual ou superior a 80% (oitenta por cento); Artigo 4º - Os acadêmicos detentores dos três maiores coeficientes de rendimento apurados no semestre, passarão para a segunda fase, onde a Comissão nomeada nos termos do artigo 2º desta Portaria deverá observar os critérios qualitativos abaixo para classificação final: I - Participação nas atividades curriculares e extra classe; II - Relacionamento interpessoal; III - Trabalhos acadêmicos relevantes; IV - Conduta acadêmica exemplar. Artigo 5º - Somente poderá concorrer ao Prêmio do Mérito Acadêmico Martha Falcão, o acadêmico regularmente matriculado, a partir do 2º período, que obtiver no semestre, coeficiente

26

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

igual ou superior a média 9,0(nove). Artigo 6º - Em caso de empate na apuração final, a Diretoria deverá observar os seguintes critérios para desempate: I - melhor desempenho acadêmico apurado em todos os semestres anteriores; II - o acadêmico com mais idade; Artigo 7º - Da concessão do Mérito Acadêmico não cabe recurso. Artigo 8º - Revogam-se as todas às disposições em contrário. CIENTIFIQUE-SE E PUBLIQUE-SE. SALA DA DIRETORIA DA FACULDADE MARTHA FALCÃO, Manaus, 06 de julho de 2007. Profª. MSc. Nelly Falcão de Souza Diretora Geral 2. Medalha do Mérito Educacional “ Martha Falcão” Esta concessão é uma homenagem, anual, da FMF às pessoas de notório saber, que se destacam nas áreas educacional, política, social e comunitária, mais especificamente na defesa do meio ambiente. A indicação é feita pela comunidade acadêmica, em lista tríplice à decisão da Mantenedora. 3. Bolsa Integral e Parcial – Pós-Graduação. Concedidas por ocasião da colação de grau, aos acadêmicos de melhores coeficientes de desempenho , durante todo o curso de graduação.

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

27


Manual do Acadêmico

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Título: Bacharelado em Administração Linha de Formação: Sócio-Ambiental, Financeira, Empresarial e Marketing. Credenciamento: Portaria nº 1610 em 28/10/1999 Reconhecimento: Portaria nº 2.480 em 12/09/2003 Turno: Noturno Duração: 08 semestres ou 04 (quatro) anos Coordenador: Profª. Msc. Edilene da Silva Maduro. E-mail: administracao@infs.com.br O sucesso de qualquer organização, seja uma grande companhia ou uma pequena firma individual, depende da competência e das habilidades gerenciais. O administrador é o profissional legalmente habilitado para atuar em todas as funções administrativas, nos diversos níveis hierárquicos dos mais variados tipos de organização, além da possibilidade de desenvolver carreira nas atividades de assessoramento e consultoria. A habilitação legal da profissão é garantida pela Lei n.º 4.769, de 09 de setembro de 1965, que dispõe sobre o exercício da profissão de Administrador e pelo Decreto Federal n.º 61.934, de 22 de dezembro de 1967, que o regulamenta. A FACULDADE MARTHA FALCÃO oferece o curso de Administração com as seguintes linhas de formação: Empresarial, Financeira, Sócio-Ambiental e Marketing. O discente no final do terceiro ano opta por uma das linhas de formação a serem oferecidas no período letivo seguinte. Esta opção está condicionada ao número mínimo de 20 alunos interessados em cada linha de formação. O perfil do Administrador que a FMF pretende formar delineia a formação de um profissional capaz de pensar crítica e criativamente sobre o meio ambiente onde atua e sobre os condicionantes de sua atuação. A FMF dá ferramentas para que se torne mais versátil e flexível na sua qualificação, fornecendo-lhe condições e incentivo para que aprenda a aprender, o que implica perceber a graduação mais como ponto de partida do que de chegada. O profissional recebe formação que o possibilita ser ativo, capaz de compreender, dominar e fazer bom uso de ferramentas próprias as suas atividades profissionais, bem como ser capaz de assumir a liberdade de escolha, com as responsabilidades e as oportunidades e os riscos que tal liberdade impõe. Ademais, espera-se que o profissional formado esteja orientado pela consciência dos valores éticos e morais que alicerçam o seu convívio com a sociedade. Internalização de valores de responsabilidade social, justiça e ética profissional; Sólida formação humanística e visão global que o habilite a compreender o meio social, político, econômico e cultural onde está inserido e a tomar decisões em um mundo diversificado e interdependente; Sólida formação técnica e científica para atuar na administração das organizações, além de desenvolver atitudes específicas da prática profissional; Competência para empreender, analisando criticamente as organizações, antecipando e promovendo suas transformações; Capacidade de atuar de forma interdisciplinar; Capacidade de compreensão da necessidade do contínuo aperfeiçoamento profissional e do desenvolvimento da autoconfiança.

28

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Atualizada com base na Resolução n. 4, de 13/07/2005 que instituiu as Diretrizes Curriculares Nacionais para o referido curso.

1º PERÍODO

CH 80 40 40 80 80 320

2º PERÍODO Gestão das Organizações Tecnologia da Informação Legislação Empresarial Matemática Financeira Contabilidade dos Custos Total do Semestre

CH 80 40 80 80 40 320

3º PERÍODO Estatística e Indicadores Regionais Estudos Antropológicos e Sociológicos Psicologia e Comportamento Organizacional Metodologia Científica Logística Empresarial Total do Semestre

CH 80 40 80 40 80 320

4º PERÍODO Gestão Financeira e Orçamentária I Gestão de Pessoas I Gestão Mercadológica I Filosofia, Ética e Cidadania Economia Empresarial Total do Semestre

CH 80 80 80 40 40 320

Teoria da Administração Português Instrumental Estudos Políticos Econômicos Matemática Contabilidade Total do Semestre

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

29


Manual do Acadêmico

5º PERÍODO Gestão Financeira e Orçamentária II Gestão de Pessoas II Gestão Mercadológica II Gestão da Produção Gestão de Sistemas de Informação Total do Semestre

CH 40 40 40 80 80 280

6º PERÍODO Jogos de Empresas e Pesquisa Operacional Empreendedorismo Negociação Empresarial Gestão de Serviços Planejamento e Gestão Estratégica Total do Semestre

CH 80 40 40 80 40 280

7º PERÍODO Gestão de Projetos Linha de Formação A, B, C e D Estágio Supervisionado I Total do Semestre

CH 40 240 140 420

8º PERÍODO Terceiro Setor e Responsabilidade Social Linha de Formação A, B, C e D Estágio Supervisionado II Total do Semestre

CH 40 240 160 440

Demonstrativo Carga Horária Total das Disciplinas Estágio Supervisionado Atividades Complementares Total Geral do Curso

CH 2400 300 300 3000

30

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

LINHA DE FORMAÇÃO A - SÓCIO AMBIENTAL

CARGA HORÁRIA

Disciplina - 7º Período - 240 horas Gestão do Meio Ambiente Direito Ambiental Avaliação de Impactos Ambientais Ecologia da Amazônia

80 80 40 40

Disciplina - 8º Período - 240 horas Marketing Turístico-Ambiental Auditoria Ambiental Economia Ambiental Gestão de Recursos Naturais

80 80 40 40

LINHA DE FORMAÇÃO B - FINANCEIRA

CARGA HORÁRIA

Disciplina - 7º Período - 240 horas Gestão e Finanças Pública Análise das Demonstrações Financeiras Legislação Tributária Mercado de Capitais

40 80 40 80

Disciplina - 8º Período - 240 horas Gestão de Fluxo de Caixa Gestão de Cadastro, Crédito e Cobrança Controladoria e Auditoria Financeira Gestão Estratégica de Custos

80 40 40 80

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

31


Manual do Acadêmico

CARGA HORÁRIA

LINHA DE FORMAÇÃO C - EMPRESARIAL

Disciplina - 7º Período - 240 horas Auditoria Ambiental Análises das Demonstrações Financeiras Liderança e Processo Decisório Desenvolvimento do Planejamento Estratégico I

40 80 40 80

Disciplina - 8º Período - 240 horas Cultura e Clima Organizacional Planejamento de Marketing Marketing Social e de Relacionamento Desenvolvimento do Planejamento Estratégico II

40 80 40 80

CARGA HORÁRIA

LINHA DE FORMAÇÃO D - MARKETING

Disciplina - 7º Período - 240 horas Marketing de Serviços Desenvolvimento e Gerência de Produtos Comportamento do Consumidor Marketing de Varejo e vias de Distribuição

80 80 40 40

Disciplina - 8º Período - 240 horas Marketing Político e Institucional Marketing Internacional Marketing Social e de Relacionamento Planejamento de Marketing

40 80 40 80

32

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

CURSO DE PEDAGOGIA Título: Licenciatura Áreas de Formação: Magistério da Educação Infantil, Magistério dos anos Iniciais do Ensino Fundamental e a Formação de profissionais de educação prevista em Lei. Autorização: Portaria MEC n. 1610 de 28/10/1999 Reconhecimento: Portaria MEC n. 4347 de 28/12/2004 Turno: Noturno Duração: 8 (oito) semestres – 4(quatro) anos. Coordenadora: Profa. MSc. Débora Rebelo Gomes E-mail: pedagogia@infs.com.br O Curso de Graduação em Pedagogia, licenciatura fundamenta-se da Missão institucional da FMF, qual seja: “Formar o homem integral no sentido moral, intelectual, e emocional, tornando-se capaz de atuar de maneira competente, transformadora, criativa e participativa na sociedade em que vive promovendo e estimulando à pesquisa à produção do conhecimento para o desenvolvimento da ciência e da tecnologia”. As áreas de formação do Pedagogo compreendem: Formação inicial para o exercício da docência na Educação Infantil e anos iniciais do Ensino Fundamental. Os cursos de Ensino Médio, na modalidade Normal. Os cursos de Educação Profissional na área de serviços e apoio escolar, além de outras áreas nas quais sejam previstos conhecimentos pedagógicos. Assegura, também, à formação de profissionais da educação prevista no art. 64, em conformidade com o inciso VIII do art. 3° da Lei n 9.394/96. ( RES. CNE/CP nº 1, de 15 de marco de 2006.DOU, Brasília, 16 de maio de 2006,Seção 1,p.11). Assim, a formação do Pedagogo compreende a docência, áreas de serviços e conhecimentos pedagógicos e apoio escolar, nos níveis explicitados acima e as funções de técnicos e/ ou especialistas em educação, em conformidade como o que dispõe o art. 14 da Resolução acima citada. O egresso do curso de Pedagogia estará apto para atuar de maneira competente, criativa, participativa, proativa e sinérgica com habilidades para: - Atuar com ética e compromisso com vistas à construção de uma sociedade justa, equânime, igualitária; - Compreender, cuidar e educar crianças de zero a cinco anos, de forma a contribuir, para o seu desenvolvimento nas dimensões, entre outras, física, psicológica, intelectual, social; - Fortalecer o desenvolvimento e as aprendizagens de crianças do Ensino Fundamental, assim como daqueles que não tiveram oportunidade de escolarização na idade própria; - Reconhecer e respeitar as manifestações e necessidades físicas, cognitivas, emocionais, afetivas dos educandos nas suas relações individuais e coletivas; - Relacionar as linguagens dos meios de comunicação à educação, nos processos didáticopedagógicos, demonstrando domínio das tecnologias de informação e comunicação adequadas ao desenvolvimento de aprendizagens significativas; - Promover e facilitar relações de cooperação entre a instituição educativa, a família e a comunidade; - Identificar problemas socioculturais e educacionais com postura investigativa, integrativa e propositiva em face de realidades complexas, com vistas a contribuir para superação de exclusões sociais, étnico-raciais, econômicas, culturais, religiosas, políticas e outras; - Demonstrar consciência da diversidade, respeitando as diferenças de natureza ambientalecológica, étnico-racial, de gêneros, faixas geracionais, classes sociais, religiões, necessidades especiais, escolhas sexuais, entre outras;

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

33


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

- Participar da gestão das instituições contribuindo para elaboração, implementação, coordenação, acompanhamento e avaliação do projeto pedagógico; - Participar da gestão das instituições planejando, executando, acompanhando e avaliando projetos e programas educacionais, em ambientes escolares e não-escolares

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA Atualizada com base na Resolução n.1, de 15/05/2006 que instituiu as Diretrizes Curriculares Nacionais para o referido curso.

1º PERÍODO Psicologia da Educação I Língua Portuguesa Sociologia da Educação Filosofia e Ética da Educação História da Educação Total do Semestre 2º PERÍODO Biologia Educacional Psicologia da Educação II Política, Leg. e Organização da Educação Básica Metodologia Científica Organização do Trabalho Pedagógico Total do Semestre 3º PERÍODO Educação de Jovens e Adultos Didática Geral Educação na Região Amazônica Educação Ambiental Estatística Aplicada a Educação Estágio Supervisionado I Total do Semestre 4º PERÍODO Currículos e Programas Jogos e o Lúdico na Infância Lingüística e Educação Educação e Novas Tecnologias Língua Brasileira de Sinais LIBRAS Práticas e Pesquisas Pedagógicas I Estágio Supervisionado II Total do Semestre 34

CH 80 80 40 80 80 360 CH 80 80 80 40 80 360 CH 40 80 80 80 40 40 360 CH 80 80 80 80 40 40 40 440 FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

5º PERÍODO Políticas e Promoção da Igualdade Étnico Racial Literatura Infantil Educação Especial Arte e Educação Dinâmica de Grupo Práticas e Pesquisas Pedagógicas II Estágio Supervisionado III Total do Semestre

CH 40 80 80 80 40 40 40 400

6º PERÍODO Metodologia e Prática da Educação Infantil Metodologia e Prática da Alfabetização Metodologia e Prática do Ensino de Língua Portuguesa Metodologia e Prática do Ensino das Ciências e Matemática Metodologia e Prática do Ensino de História e Geografia Estágio Supervisionado IV Total do Semestre

CH 80 80 80 80 80 60 460

7º PERÍODO Aconselhamento Psicopedagógico Gestão da Educação e da Escola Planejamento Educacional Fundamentos de Educação a Distância Estágio Supervisionado V Total do Semestre

CH 80 80 80 40 60 340

8º PERÍODO Avaliação Educacional Orientação Educacional na Educação Básica Supervisão Educacional na Educação Básica Orientação de Monografia Estágio Supervisionado VI Total do Semestre

CH 80 80 80 80 60 380

RESUMO Carga Horária Total das Disciplinas Estágio Supervisionado Atividades Complementares Total Geral do Curso

CH 2800 300 100 3200

35 FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

35


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

CURSO DE DIREITO Modalidade: Bacharelado Ênfase: Direito Ambiental e Direito Financeiro Tributário Autorização: Portaria MEC n. 507/02 de 27/02/2002 Turnos: Vespertino e Noturno Duração: 5(cinco) anos/ 10(dez) semestres. Coordenador: Profa. MSc. Ezelaide Viegas da Costa Almeida E-mail: direito@infs.com.br O Curso de Direito da Faculdade Martha Falcão surgiu com uma missão definida: prover a cidade de Manaus e toda a região com um Centro de Excelência no ensino das Ciências Jurídicas, destinado a formar profissionais éticos e capacitados para atuar na comunidade, através do desenvolvimento das competências necessárias, com vistas a promover o crescimento sócio-econômico de forma sustentável e com justiça social, mediante discussão coletiva, conjugada na concepção de uma proposta pedagógica inovadora. Trata-se de um curso apto a responder às necessidades de uma formação jurídica multidimensional, da qual resultem profissionais preparados para o desempenho das funções específicas do Bacharel em Direito (Juiz, Promotor de Justiça, Procurador do Estado, do Município ou Autárquico, Advogado, dentre outras). Seguindo a tradição de um ensino de qualidade nos Cursos oferecidos pela Faculdade Martha Falcão, o projeto do Curso de Direito foi elaborado excedendo todos os requisitos estabelecidos pelo Ministério da Educação e pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, com professores qualificados (especialistas, mestres e doutores), infra-estrutura pedagógica dotada de salas de aula modernas, biblioteca com excelente acervo, laboratório de informática e uma excepcional estrutura para atividades práticas, contando com escritório jurídico e salas para atividades simuladas. A estrutura curricular foi concebida visando atender à realidade social regional, tendo dois eixos norteadores previstos: Direito Ambiental e Direito Financeiro/Tributário, que atendem à demanda do mercado. O Curso de Direito da Faculdade Martha Falcão apresenta em sua estrutura curricular os novos campos de atuação do profissional do Direito, como Mediação e Arbitragem, Biodireito e Bioética, Direito Ambiental e Ecologia, Direito dos Povos das Florestas e Direito da Informática. O perfil do egresso consubstancia-se na visão interdisciplinar do Direito, compreendendo-o como um fenômeno social e ético e não apenas como um conjunto de normas que não pode ser posto em discussão, habilitando-o, desta forma, a interferir e seu meio, através da análise equilibrada dos fenômenos sociais, que leve a uma solução justa dos conflitos da sociedade amazonense; Ter capacidade de assumir uma postura crítica frente ao Direito, para adequá-lo à situação social, política e econômica emergente, de forma a interagir na sociedade amazonense, aproximado a letra fria da lei à realidade local; Desenvolver estratégias teóricas, hermenêuticas e metodológicas que permitam a superação dos limites da versão dogmática da Ciência e do Direito, questionado e tendo uma visão crítica da realidade, pensando os códigos e compreendendo juridicamente os fatos sociais em constante mutação, de forma a promover a verdadeira justiça social, considerando a realidade da cidade de Manaus e de todo o estado Amazonas; Ser capaz de adaptar, com sensibilidade e competência, o conhecimento jurídico à solução de problemas novos, para os quais nem sempre a legislação oferece resposta em suas normas;

36

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

Repensar as relações entre o Direito e a Democracia, discutindo e articulando um Direito novo, que seja instrumento de construção de uma sociedade mais justa, equilibrada e harmônica, sem negar a liberdade, o pluralismo e a possibilidade da diferença na idéia de promover o exercício pleno da cidadania à grande massa de excluídos, principalmente os moradores das regiões ribeirinhas de Manaus, as nações indígenas e os demais habitantes da floresta amazônica.

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE DIREITO Atualizada com base na Resolução n. 9, de 29/09/2004 que instituiu as Diretrizes Curriculares Nacionais para o referido curso.

1º PERÍODO Ciência Política e Teoria do Estado Economia Política Filosofia Geral e do Direito Antropologia e Sociologia História e Teoria do Direito Metodologia Científica Total do Semestre

CH 80 40 80 40 80 40 360

2º PERÍODO Direito Civil I (Parte Geral) Direito Constitucional I Sociologia do Direito Hermenêutica Jurídica Psicologia Forense Português Instrumental e Linguagem Jurídica Total do Semestre

CH 80 80 40 40 40 80 360

3º PERÍODO Direito Civil II (Obrigações) Direito Constitucional II Direito Penal I Direito Ambiental e Ecologia Direito Internacional Público Total do Semestre FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

CH 80 80 80 40 80 360 37


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

4º PERÍODO Direito Civil III (Contratos) Direito Penal II Direito do Trabalho I Teoria Geral do Processo Bioética e Biodireito Total do 4º Semestre

80 80 80 80 40 360

5º PERÍODO Direito Civil IV (Responsabilidade Civil) Direito Penal III Direito do Trabalho II Direito Processual Civil I Direito Processual Penal I Total do 5º Semestre

80 80 40 80 80 360

6º PERÍODO

80 80 80 80 40 360

Direito Civil V (Coisas) Direito Penal IV Direito Processual Civil II Direito Processual Penal II Direito Processual do Trabalho Total do 6º Semestre 7º PERÍODO Direito Civil VI (Família) Direito Processual Civil III Direito Administrativo I Mediação e Arbitragem Ética Profissional Direito das Relações de Consumo Prática Jurídica I Total do 7º Semestre

38

80 80 80 40 40 40 80 440

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

8º PERÍODO

CH 40 80 40 80 40 40 80 400

9º PERÍODO Direito Empresarial II Direito Tributário I Direito Processual Administrativo Direito da Criança e do Adolescente Optativa I Monografia I Prática Jurídica III Total do 9º Semestre

CH 80 80 40 40 40 40 80 400

10º PERÍODO Direito Tributário II Direito da Seguridade Social Direito Agrário Direito dos Povos das Florestas Direito Internacional Privado Optativa II Monografia II Prática Jurídica IV Total do 10º Semestre

CH 80 40 40 40 40 40 40 60 380

RESUMO Carga Horária Total das Disciplinas Estágio Supervisionado Atividades Complementares Total Geral do Curso

CH 3480 300 200 3980

Direito Civil VII (Sucessões) Direito Processual Civil IV Direito Administrativo II Direito Empresarial I Direito Financeiro Projeto de Pesquisa Prática Jurídica II Total do 8º Semestre

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO 39FACULDADE

39


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

CURSO DE DESIGN Modalidade: Bacharelado Ênfase: Design Gráfico e Design de Produto Autorização: Portaria n. 1340/01 de 27/02/2001 Reconhecimento: Portaria n. 383 de 19/07/2006 Turno: Noturno. Duração: 3 ( três) anos/6( seis) semestres. Coordenador: Prof. Esp. Alessandro Brito Dias E-mail: design@infs.com.br O Curso de Design tem como objetivo preparar o profissional para atuar com visão interdisciplinar e habilidades que atendam às expectativas do contexto organizacional e às necessidades empresariais. Visa, sobretudo, desenvolver a visão amazônica capaz de valorizar os aspectos sócios culturais, em face da necessidade de diferenciação no mercado globalizado, bem como formar profissionais capacitado em gestão de projetos, aptos a desenvolver atividades nas áreas de programação visual e de projeto de produto. Destaca-se à formação de profissionais na área de Design com característica multifuncional para que sejam capazes de atuar nas áreas: Design Digital, Eco Design, Marketing, Design Gráfico, Design de Produto e Gestão em Design. O perfil do egresso define-se por saber : Executar trabalhos nas áreas de programação visual, do projeto de produto; Realizar e analisar resultados de pesquisas da área mercadológica; Assumir cargos e funções da carreira do design; Realizar pesquisas de materiais e tecnologias; Comunicar com clareza seus projetos e gerir seu próprio negócio; Assessorar e emitir pareceres, expressando-se de forma escrita e/ou verbal no processo de gestão do design; Entender a dinâmica social, política econômica e a relação com o seu trabalho e com a(s) entidade(s) a que preste serviço e nela atuar crítica, consciente e eticamente; Assumir uma postura integra e coerente com o código de ética profissional, conhecer plenamente os seus deveres e direitos profissionais; Estar atento para atender o “conforto” da sociedade, em seus projetos; Atender a demanda do parque à demanda do parque industrial da Zona Franca de Manaus, e das demais organizações da região; Desenvolver o hábito da leitura de revistas e periódicos da área, bem como o hábito da participação em seminários, cursos, pesquisas e projetos, para poder manter-se sempre atualizado e competente.

40

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE DESIGN Para alunos com ingresso em Julho

1º PERÍODO Computação Gráfica Processos Criativos História do Design Ergonomia Resistência dos Materiais Técnicas de Representação Subtotal 2º PERÍODO Elementos de Linguagem Visual Semiótica Desenho de Observação Estética e História da Arte Geometria Descritiva e Desenho Geométrico Metrologia Subtotal 3º PERÍODO Design de Produtos Modulares Design Editorial Fotografia Modelos e Protótipos Produção Gráfica Ecodesign Subtotal 4º PERÍODO Design de Embalagem Homem e Sociedade Materiais e Processos Gráficos Metodologia da Pesquisa e do Projeto Tecnologia e Propriedades dos Materiais Subtotal

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

CH 60 40 60 60 40 80 340

CH 60 40 60 80 60 40 340

CH 60 80 40 60 60 40 340

CH 60 60 80 80 60 340

41


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

5º PERÍODO Design de Interface Digital Design de Produtos Inovadores Estágio Supervisionado Projeto de Design Publicidade, Propaganda e Marketing Subtotal 6º PERÍODO Gestão em Design Sistemas de Identidade Visual Projeto de Conclusão de Curso Processos Industriais e Sistemas Mecânicos Redesign de Produtos e Tecnologia Reserva Subtotal RESUMO Disciplinas Estágio Supervisionado Projeto de Design Projeto de Conclusão de Curso Atividades Complementares Total Geral do Curso

42

CH 80 60 160 80 40 420

CH 80 60 160 60 60 420

CH 1800 160 80 160 200 2400

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

CURSO DE PSICOLOGIA Titulo: Formação de Psicólogo Ênfases: Promoção de Saúde e Processos Sócio-Ambientais. Autorização: Portaria MEC n. 2.240 de 18/08/2003 Turnos: Vespertino e Noturno Duração:5( cinco) anos/10(dez) semestres Coordenador: Prof. Dr. Thomé Eliziario Tavares Filho E-mail: psicologiafmf@infs.com.br A Psicologia tem recebido muitas críticas sobre o predomínio de uma formação elitista, com a prevalência de abordagens tradicionais, pouco contribuindo com os interesses da população. A formação em Psicologia requer, nos dias atuais, a conquista de novos paradigmas, pautando-se pelo compromisso social e rompendo com modelos tradicionais de formação. Suas ações começam a ser direcionadas para a pesquisa e a intervenção nas relações com a subjetividade, nos mais diferentes contextos. Mesmo sob tais avanços, a imagem do psicólogo na sociedade ainda carrega muitos mitos e/ou equívocos. Assim, com uma proposta de conscientização social sobre o papel da psicologia nos dias atuais, o curso de Psicologia da Faculdade Martha Falcão foi planejado, preocupando-se em formar profissionais capacitados a avaliar criticamente o contexto amazônico, em busca de novos modos de fazer e novos modos de entender o homem contemporâneo. A conquista, então, de novos espaços de atuação, não mais centrados em espaços individuais de atendimento psicológico, passa a direcionar também as ações do psicólogo para a pesquisa e a intervenção na realidade social. Nesse sentido, o profissional da área tem atuado não somente nos consultórios, mas ocupando também posições significativas nas ações voltadas à saúde mental e à saúde coletiva, à educação ambiental, em instituições educacionais, hospitalares, prisionais e judiciárias, em organizações não-governamentais (ONGs) e em projetos de inclusão social. Considerando-se o caráter histórico dos fenômenos psicossociais, tais avanços são compreendidos a partir do pressuposto epistemológico de que cada época histórica possui um cenário fértil do qual emergem diferentes saberes. O homem é um ser histórico, inserido num dado contexto, numa dada cultura. Assim, obedecendo aos novos paradigmas de formação e de acordo com as novas diretrizes curriculares do MEC, o curso de Psicologia da Faculdade Martha Falcão inicia-se no ano de 2004. Com a meta de prover a cidade de Manaus e região de um centro de excelência no ensino, destina-se a formar profissionais psi, psicólogos e docentes de psicologia, éticos e capacitados para atuar na comunidade amazonense. Com a concepção de uma proposta pedagógica que visa refletir os avanços ocorridos na área nos últimos tempos e, sob as características e necessidades regionais, pretende, através do desenvolvimento das competências e habilidades necessárias, contribuir para a promoção do crescimento sócio-econômico e cultural de forma sustentável e com compromisso social, mediante discussão coletiva. A estrutura curricular foi concebida para atender a realidade regional, adotando duas ênfases de formação: 1) processos sócio-ambientais; 2) promoção de saúde. As ênfases de formação especificam novos paradigmas que rompem com propostas tradicionais. Além delas, o curso ainda prioriza o estudo sobre o desenvolvimento humano e sobre os processos contemporâneos de subjetivação. Durante o curso, os alunos conhecem as mais diferentes concepções sobre o ser humano que especificam a complexidade do comportamento humano na forma como ele vive, como pensa, sente, se comporta e sofre. A Psicologia, portanto, tem assumido a responsabilidade de ocupar novos campos de atuação, diversificando sua inserção e interlocução com outras áreas do conhecimento. O psicólogo pode, então, intervir e pesquisar em diversas áreas, como clínica, educacional/escolar, comunitária, FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

43


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

37 ambiental, hospitalar, organizacional, do trânsito, do esporte, jurídica etc. Diversas teorias são temas de estudo no curso que dão suporte a esse conhecimento: psicanálise, behaviorismo, análise do comportamento, psicologia histórico-cultural, abordagem ecológica do desenvolvimento, teoria sistêmica, psicologia fenomenológica etc. Cada uma supõe uma forma específica de compreender o comportamento humano em sua relação com a sociedade, mas não são pensadas de forma isolada. Com a adoção de estratégias de ensino diferenciadas, o aluno vai ao longo do curso formando uma compreensão holística sobre a Psicologia. O curso possui conceituados professores, com experiência profissional em clínica, saúde, comunidade e pesquisa. Trabalham temas específicos como os relacionados: - ao desenvolvimento humano da criança, do adolescente, adulto e do idoso; - à área da saúde (sobre o trabalho do psicólogo em hospitais, sobre transtornos alimentares, depressão, saúde do trabalhador etc.), - à área sócio-ambiental (ao trabalho do psicólogo realizado em comunidades, às pesquisas em Psicologia Ambiental, aos debates sobre Inclusão Social), - à clínica contemporânea (oferecem diversas abordagens - Psicanálise, Psicodrama, Dinâmica de Grupo, Cognitivo-Comportamental, Gestalt dentre outras, para promover um novo olhar sobre a Psicologia Clínica nos dias atuais). Essa complexidade da formação acadêmica do psicólogo exige muita dedicação ao longo do curso. Para complementar os conteúdos das aulas, além das atividades de estágio, participação em eventos científicos, atividades de monitoria que possibilitam conhecer novos referenciais e se aprofundar naqueles com os quais se tem maior afinidade, muitos alunos passam a participar de grupos de estudo, de atividades extraclasse, de atividades de iniciação científica e de extensão universitária. O gosto pela leitura e o contato com uma bibliografia consistente, não apenas na área da Psicologia, também criam uma importante base para a carreira de professor, pesquisador ou psicólogo. Trata-se, assim, de um curso que vê o egresso como aquele que reafirma o seu papel transformador na sociedade, de um curso que vê na Psicologia a possibilidade de se intervir na sociedade em prol da construção de uma sociedade democrática, ajudando a garantir direitos de cidadania. ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE PSICOLOGIA Atualizada com base na Resolução n. 9, de 29/09/2004 que instituiu as Diretrizes Curriculares Nacionais para o referido curso.

1º PERÍODO História da Psicologia Psicologia Social Bases Biofisiológicas do Comportamento Sociedade, Cultura Popular e História Regional Processos Psicológicos Básicos História da Psicologia Total do Semestre

2º PERÍODO Português Instrumental Estudos Antropológicos e Sociológicos Metodologia Científica Bases Epistemológicas em Psicologia Psicologia da Personalidade Estatística Aplicada à Psicologia Psicologia da Aprendizagem e Processos Cognitivos Total do Semestre

44

CH 60 60 80 40 60 60 360 CH 40 60 40 40 80 40 60 360 FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

3º PERÍODO Métodos de Investigação e Pesquisa em Psicologia Análise Experimental do Comportamento Psicologia Institucional Desenvolvimento Humano - Infância Ética e Prática Profissional Psicologia Comunitária Total do Semestre

CH 60 80 40 80 40 60 360

4º PERÍODO Elaboração e Análise de Projetos Científicos Estudos Transdisciplinares sobre Família Desenvolvimento Humano - Adolescência e Juventude Psicologia Escolar Neuropsicologia Psicologia nos Processos de Promoção de Saúde Temas Atuais em Inclusão Social Sub-Total do Semestre Estágio Básico I Total do Semestre

CH 40 40 80 60 60 40 40 360 40 400

5º PERÍODO Psicopatologia Geral Psicologia Ambiental Teorias e Técnicas Psicoterápicas I Optativa I Ênfase: Promoção da Saúde Desenvolvimento Humano e Gerontologia Sub-Total do Semestre Estágio Básico II Total do Semestre

CH 80 60 80 40 60 320 80 400

6º PERÍODO Testes Psicológicos Psicologia Jurídica Introdução à Prática Clínica Optativa II Ênfase: Promoção Sócio-Ambiental Psicomotricidade Sub-Total do Semestre Estágio Básico III Total do Semestre

CH 60 60 60 40 60 280

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

360

45


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

7° PERÍODO Psicopatologia Fundamental Testes Projetivos Psicologia Organizacional e do Trabalho Optativa III Ênfase: Promoção da Saúde Estágio Específico I Total do Semestre

CH 80 60 60 40 120 360

8º PERÍODO Saúde do Trabalhador Dinâmica de Grupo e Relações Humanas Educação, Meio Ambiente e Subjetividade Desenvolvimento Atípico Optativa IV Ênfase: Promoção Sócio-Ambiental Estágio de Ênfase II Total do Semestre

CH 40 80 40 60 40 120 380

9º PERÍODO Tendências Atuais em Psicologia I Psicologia Hospitalar Psicologia Familiar Psicofarmacologia Teorias e Técnicas Psicoterapias II Sub-Total do Semestre Estágio Específico III Total do Semestre

CH 60 60 60 80 60 320 100 420

10º PERÍODO Tendências Atuais em Psicologia II Seleção e Orientação Profissional Psicologia na Sociedade Avaliação Psicológica Psicoterapia Fenomenologica Existencial Sub-Total do Semestre Estágio Específico IV Total do Semestre

CH 60 60 80 80 60 340 100 440

RESUMO Carga Horária das Disciplinas Estágio Atividades Complementares Total Geral do Curso 46

3202 640 160 4000 FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Titulo: Bacharelado Autorização: Portaria MEC n. 3.415 de 06/12/2002 Reconhecimento: Portaria MEC n. 993, de 8 de maio de 2006 Turno: Noturno Duração: 4 (quatro)/ 8(oito) anos semestres Coordenador: Prof. MSc. Lucilene Florêncio Viana E-mail: contabilidade@infs.com.br O Bacharel em Ciências Contábeis é o profissional presente nas mais diversas áreas da atividade humana, especialmente as concernentes aos aspectos: econômico-financeiro, acadêmico-profissional e administrativo-patrimonial. Trata-se de um profissional cercado de conhecimentos o que lhe permite a ampla inserção nas áreas descritas, motivo pelo qual a formação técnica deve ser complementada com a formação humana e ética. Conseqüentemente, nossa missão é a busca contínua da formação técnica, humana e profissional dos acadêmicos de Ciências Contábeis, proporcionando-lhes conhecimentos necessários para, de forma ética e responsável, exercer com proficiência a desejada profissão e com competência que lhes permitam uma visão global da realidade. Assim, nosso objetivo é formar pessoas para: organizar, planejar e controlar atividades e operações contábeis de empresas comerciais, industriais e de serviços; de instituições financeiras; de órgãos públicos e das entidades sem fins lucrativos; levantar as Demonstrações Contábeis, verificando os gastos, lucros e perdas, e apontando o desempenho financeiro, bem como a melhor utilização dos recursos financeiros na empresa; controlar as contas em empresas públicas e privadas, gerenciando de forma equilibrada as entradas, saídas e distribuição dos recursos disponíveis, bem como da massa patrimonial; realizar trabalhos de auditoria, perícia, consultoria e assessoria contábil, financeira, fiscal, trabalhista e tributária; analisar as Demonstrações Contábeis, verificando os pontos fracos e pontos fortes da empresa, a curto, médio e longo prazo. O curso tem uma proposta inovadora, com vistas a formar profissionais com o perfil de Contadores Gerenciais. Com uma grade curricular que contempla disciplinas inéditas nos cursos de Ciências Contábeis no estado do Amazonas e um Núcleo de Práticas que dará o suporte para a cristalização dos conhecimentos teóricos. Assim, os alunos terão o ambiente e o espaço necessários para uma boa formação. O perfil do egresso de Ciências Contábeis compreende, dentre outras , as habilidades abaixou: Ser capaz de realizar atitudes técnicas com base na ciência contábil, classificação, lançamentos e análise das demonstrações contábeis. Preparar acustórios contábeis e gerenciais dos aspectos econômicos, financeiros e patrimoniais, sabendo interpretar os seus elementos. Sugerir tomada de decisão com base nos relatórios contábeis e o desempenho das diversas áreas afins a contabilidade. Gerenciar atividades nas áreas contábeis, controladas e custos, tributária e fiscal. Ter conhecimento dos aspectos jurídicos, econômicos e administrativos que permitam as ciências contábeis.

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

47


Manual do Acadêmico

4º PERÍODO Análise de Custos Estrutura e Análise das Demonstrações Contábeis Legislação Tributária Legislação Empresarial Total do Semestre

CH 80 80 80 80 320

5º PERÍODO Economia Empresarial Psicologia e Comportamento Organizacional Auditoria Gestão de Sistema de Informação Contabilidade Fiscal e Tributário Total do Semestre

CH 40 40 80 80 80 320

6º PERÍODO Teoria da Contabilidade Empreendedorismo Contabilidade e Auditoria Pública Contabilidade Avançada Tópicos Especiais em Contabilidade I Total do Semestre

CH 40 40 80 80 40 280

7º PERÍODO Perícia Contábil Contabilidade Ambiental Logística aplicada aos Serviços Gestão de Fluxo de Caixa Contabilidade Rural Mercado de Capitais Estágio Supervisionado I Total do Semestre

CH 80 40 40 40 40 40 140 420

8º PERÍODO Contabilidade Gerencial Ciências Atuariais Ética Profissional Tópicos Especiais em Contabilidade II Estágio Supervisionado II Total do Semestre

CH 80 80 40 40 160 400

RESUMO Carga Horária Total das Disciplinas Estágio Supervisionado Atividades Complementares Total Geral do Curso FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

CH 2400 300 300 3000 49


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

CURSO DE SERVIÇO SOCIAL Modalidade: Bacharelado Autorização: Portaria MEC nº 35/08 de 17/01/08 Duração: 4 (quatro) anos/ 8 (oito) semestres Turno: Vespertino e Noturno Coordenadora: Msc. Elourdiê Macena E-mail: servicosocial@infs.com.br A Faculdade Martha Falcão com o objetivo de formar profissionais que contribuam efetivamente com a sociedade no que diz respeito ao desenvolvimento sócio-econômico e cultural oferece o Curso de Serviço Social com a duração de quatro anos e uma matriz curricular que atende as requisições para a formação de Assistentes Sociais propositivos, criativos e éticos, capacitados para proceder suas atividades em instituições públicas, privadas ou não governamentais, isto a partir de uma perspectiva de investigação e intervenção nas questões sociais e suas múltiplas expressões. O egresso do Curso de Serviço Social da Faculdade Martha Falcão irá dispor de um conjunto de elementos teórico-metodológicos que permitam o planejamento e gestão de ações nas diversas áreas de atuação do Assistente Social, como: saúde, habitação, assistência social, previdência, empresarial, ambiental, dentre outras. A proposta pedagógica do Curso de Serviço Social da Faculdade Martha Falcão prima pela qualidade e pluralidade de conhecimentos acerca da realidade, de forma que o currículo do curso foi elaborado com base nas Diretrizes Curriculares Nacionais, na realidade sócio-econômica da região e no mercado de trabalho. Os conteúdos curriculares são diferenciados em núcleo de fundamentação da formação, que agregam os conhecimentos necessários para o desenvolvimento de competências e habilidades, como segue: Núcleo de fundamentos teórico-metodológicos da vida social, destinados ao conhecimento do ser social; Núcleo de fundamentos da formação sócio-histórica da sociedade brasileira, que abrange a compreensão das características históricas em suas diversidades; Núcleo de fundamentos do trabalho profissional, que compreende os elementos constitutivos do Serviço Social que envolve o exercício profissional, a pesquisa, o planejamento e a administração em Serviço Social.

50

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL Com base na Resolução n. 15/CNE/CES,2002. Curriculares Nacionais para o referido curso.

1º PERÍODO Fundamentos Históricos do Serviço Social Filosofia Sociologia Metodologia Científica Fundamentos da Ciência Política Leitura e Produção Textual Total do Semestre

CH 80 40 40 40 80 40 320

2º PERÍODO Fundamentos Teórico-metodológicos do Serviço Social I Economia Política Desigualdade Social Antropologia Psicologia Social Tecnologia da Informação Total do Semestre

CH 80 80 40 40 80 40 320

3º PERÍODO Formação Sócio-histórica e Política do Brasil Fundamentos Teórico-metodológicos do Serviço Social II Trabalho e Sociedade Política Social I Legislação Social e Trabalhista Total do Semestre

CH 80 80 80 80 40 360

4º PERÍODO Política e Sociedade no Brasil Contemporâneo Fundamentos Teórico-metodológicos do Serviço Social III Política Social II Tópicos Especiais em Serviço Social I Gestão e Planejamento em Serviço Social Total do Semestre

CH 80 40 80 80 40 320

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

51


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

5º PERÍODO Política Social III Pesquisa em Serviço Social I Ética Profissional Tópicos Especiais em Serviço Social II Estágio Supervisionado I Estágio I (sala de aula) Elaboração de Projetos Sociais Total do Semestre 6º PERÍODO Serviço Social e Seguridade Social Tópicos Especiais em Serviço Social III Estatística Aplicada à Pesquisa Pesquisa em Serviço Social II Políticas de Proteção Social Estágio Supervisionado II Estágio II (sala de aula) Total do Semestre 7º PERÍODO Movimentos Sociais e Serviço Social Terceiro Setor e Responsabilidade Social Estágio Supervisionado III Estágio III (sala de aula) Tópicos Especiais em Serviço Social IV Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso I Total do Semestre 8º PERÍODO Estágio Supervisionado IV Estágio IV (sala de aula) Gestão Sócio-ambiental Serviço Social no Contexto Regional Orientação de Trabalho de Conclusão do Curso II Total do Semestre RESUMO Disciplinas Estágio Supervisionado Estágio (sala de aula) Trabalho de Conclusão de Curso Atividades Complementares Carga Horária Total do Curso

52

CH 80 80 40 40 80 20 40 380 CH 40 40 40 80 80 80 20 380 CH 80 80 80 20 40 80 380 CH 80 20 80 80 80 340 CH 2320 320 80 160 120 3000

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL – JORNALISMO Coordenadora: MSc. Grace Soares Costa E-mail: jornalismo@infs.com.br Título: Bacharelado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo Credenciamento: Portaria n.? 35 de 16 de janeiro de 2008 Duração: 04 (quatro) anos/ 08 (oito) semestres O curso de Comunicação Social - Jornalismo foi criado pela Faculdade Martha Falcão, em 2008, para atender a demanda do mercado amazonense. O aumento da população local e regional e também das empresas e indústrias no Distrito Industrial, Manaus transformou-se em um novo pólo para o jornalista. O mercado de trabalho para o Jornalista é amplo, garantindo o ingresso na área até mesmo antes da conclusão do curso, pois os meios de comunicação necessitam deste profissional para o desenvolvimento de inúmeras atividades. Normalmente, o Jornalismo está relacionado aos veículos impressos - jornais e revistas, ao rádio, à televisão e à internet, mas o crescente incremento de ocupações em assessorias de imprensa, consultorias de comunicação em organizações públicas ou privadas para contribuir em projetos, faz aumentar o número de postos de emprego pra tal profissional. Outra questão que amplia a área de atuação destes profissionais da comunicação são as novas tecnologias, mais rápidas, interativas e mais baratas, permitindo um acesso diferenciado ao leitor. A união entre a comunicação e a informática trouxe uma infinita gama de possibilidades para a divulgação de todos os tipos de informação – noticiosa ou não. A segmentação das mídias faz com que interesses específicos sejam atendidos com eficiência e normalmente com qualidade. Além disso, as tecnologias da informação trazem diversidade, mudanças nos sistemas de comunicação e transformação para a vida das pessoas, pois modifica a estrutura econômica local. Desta forma, traz novas necessidades e garantias econômicas de satisfação das mesmas. Assim, os meios de comunicação são instrumentos de desenvolvimento econômico e social, difundem conhecimentos e informações para a melhoria da indústria, comércio e prestação de serviços, ainda, contribuindo para a melhoria das relações sociais, públicas e empresariais. A FMF pretende formar jornalistas que possuam características e condições de desenvolver as seguintes atribuições: · apurar e registrar fatos jornalísticos, interpretando-os, explicando-os, contextualizando-os e transformando-os em notícias, reportagens, comentários, artigos e editoriais, agindo sempre dentro do Código de Ética da categoria; · assessorar organizações públicas, privadas e de terceiro setor; · difundir informações com objetividade na apuração, interpretação e registro de fatos sociais; · produzir textos e pautas jornalísticas, coberturas, fotografias e planejamento comunicacional, respeitando as especificidades das estruturas da Língua Portuguesa e da

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

53


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

linguagem para mídia impressa, televisiva, radiofônica e internet; · relacionar-se com outras áreas sociais, culturais e econômicas que fazem interface com o Jornalismo para investigar, apurar e difundir os fatos, aplicando a técnica e a ética jornalística na contextualização da informação; · resolver problemas em diversas áreas de atuação no mercado de trabalho, como em editoras e nos meios de comunicação, incluindo emissoras de rádio, TV, revistas, jornais, agências de notícias. O egresso de Jornalismo da FMF terá ampla base humanística e visão global que o habilite a compreender o meio social, político, econômico e cultural onde está inserido e a tomar decisões em um mundo globalizado. Este Jornalista terá versatilidade para solucionar problemas, buscando compreender as demandas da sociedade. O graduado em Jornalismo terá sólida formação técnica e científica para atuar em qualquer segmento do mercado de trabalho, além de internalizar os valores de responsabilidade individual e social, justiça e ética profissional.

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO JORNALISMO Com base na Resolução n. 16/CNE/CES,2002. Curriculares Nacionais para o referido curso.

1º PERÍODO Expressão Escrita e Oral Introdução ao Jornalismo Metodologia Científica Pensamento Filosófico Tecnologia da Informação Teoria da Comunicação Carga Horária Total do Curso

CH 80 80 40 40 40 40 360

2º PERÍODO Criatividade e Tomada de Decisão Ética Fotografia Fundamentos da Economia e da Política Gestão das Organizações Redação Jornalística I – Impresso Carga Horária Total do Curso

CH 40 40 80 80 40 80 360

54

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

3º PERÍODO Estatística e Indicadores Regionais Estudos Antropológicos e Sociológicos Fotojornalismo História da Arte e Cultura da Amazônia Redação Jornalística II - Rádio Técnicas de Reportagem, Entrevista e Pesquisa Jornalística Carga Horária Total do Curso

CH 40 40 80 40 80 80 360

4º PERÍODO

CH 40 80 40 40 40 80 40 360

5º PERÍODO Comunicação Visual Empreendedorismo Jornalismo Especializado Telejornalismo Semiótica Legislação Aplicada Carga Horária Total do Curso

CH 40 40 80 80 40 40 320

6º PERÍODO Assessoria de Imprensa Comunicação Empresarial Jornal Laboratório Marketing em Empresas Jornalísticas Jornalismo e Meio Ambiente Carga Horária Total do Curso

CH 40 80 80 40 80 320

História do Jornalismo Jornalísmo On-Line Radiojornalismo Multimídia Planejamento Gráfico Redação Jornalística III – TV Sociologia da Comunicação Total do Semestre

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

55


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

7º PERÍODO

CH 40 80 80 80 280

8º PERÍODO

CH 200 40 40 280

Comunicação Comunitária Produção de Documentário Produção de Revista Projeto Experimental I (TCC) Carga Horária Total do Curso

Projeto Experimental II (TCC) Optativa Seminários em Jornalismo Carga Horária Total do Curso RESUMO Disciplinas e Conteúdos Atividades Complementares Carga Horária Total do Curso

56

CH 2640 160 2800

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL - PUBLICIDADE E PROPAGANDA Coordenadora: Profa. Cláudia Adriane Souza E-mail: publicidadepropaganda@infs.com.br Titulo: Bacharelado em Comunicação Social- Habilitação em Publicidade e Propaganda Turnos: Vespertino e Noturno Duração: 8 (oito) semestres / 4 (quatro) anos. Autorização: Portaria Nº 35, de 16 de janeiro de 2008 O curso de Comunicação Social, com habilitação em Publicidade e Propaganda, visa formar profissionais capacitados para atuar dentro de uma agência de propaganda em todos os seus departamentos: Criação, Mídia, Atendimento, Planejamento, Produção Gráfica e Produção de RTVC (Rádio, Televisão e Cinema). O Publicitário também pode atuar em produtoras de Vídeo, Áudio e Eventos, Revistas, Jornais, Emissoras de Rádio e Televisão, Gráficas, além de outras empresas, em seus departamentos de Comunicação ou Marketing. Os egressos do curso, através do aprendizado teórico e prático, terão a possibilidade de desenvolver projetos aplicados às realidades local, nacional e mundial, assimilados sempre a uma reflexão crítica e ética. Tornando-se assim verdadeiros agentes de transformação social. Algumas atribuições do egresso: - Diagnosticar as necessidades dos clientes e, respectivamente, de seus públicos-alvo, isto é, os consumidores; - Avaliar influências macro e microambientais; - Desenvolver projetos de comunicação baseados em objetivos e oportunidades; - Avaliar a adequação da relação entre mídias, custos e objetivos da comunicação; - Desenvolver assessoria de comunicação para empresas de pequeno, médio e grande portes; - Planejar a execução de políticas de comunicação interna e externa para organizações diversas; - Atuar no mercado com múltiplas atividades e serviços de publicidade em geral; - Organizar e divulgar eventos em parceria com profissionais de áreas afins ou subáreas da Comunicação Social. - Criar e produzir materiais para televisão, rádio, mídia impressa, mídia exterior, entre outras.

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

57


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO PUBLICIDADE E PROPAGANDA Com base na Resolução n. 16/CNE/CES,2002. Curriculares Nacionais para o referido curso.

1º PERÍODO Expressão Escrita e Oral Introdução à Publicidade e Propaganda Metodologia Científica Pensamento Filosófico Tecnologia da Informação Teoria da Comunicação Carga Horária Total do Curso

CH 80 80 40 80 40 40 360

2º PERÍODO Criatividade e Tomada de Decisão Ética Fotografia Fundamentos da Economia e da Política Gestão das Organizações Redação Publicitária I Carga Horária Total do Curso

CH 40 40 80 80 40 80 360

3º PERÍODO Estatística e Indicadores Regionais Estudos Antropológicos e Sociológicos Fotografia Publicitária História da Arte e Cultura da Amazônia Publicidade e Meio Ambiente Redação Publicitária II Carga Horária Total do Curso

CH 40 40 80 40 80 80 360

4º PERÍODO Criação Publicitária I Legislação Aplicada Mídia Multimídia I Prática em Publicidade e Propaganda Redação Publicitária III Sociologia da Comunicação Carga Horária Total do Curso

CH 60 40 40 40 60 80 40 360

58

FACULDADE MARTHA FALCÃO


Manual do Acadêmico

5º PERÍODO Criação Publicitária II Empreendedorismo Multimídia II Produção Publicitária em Rádio, TV e Cinema I Psicologia da Comunicação Redação Publicitária IV Carga Horária Total do Curso

CH 40 40 80 80 40 40 320

6º PERÍODO Comunicação Comparada Estágio Supervisionado I Pesquisa de Mercado Produção Publicitária em Rádio, TV e Cinema II Semiótica Carga Horária Total do Curso

CH 40 120 40 80 40 320

7º PERÍODO Estágio Supervisionado II Marketing Planejamento de Campanhas Publicitárias Planejamento e Design Gráfico Produção Digital Projeto Experimental I (TCC) Carga Horária Total do Curso

CH 80 40 40 40 40 40 280

8º PERÍODO Gestão em Publicidade e Propaganda Projeto Experimental II (TCC) Seminários em Publicidade e Propaganda Carga Horária Total do Curso

CH 40 200 40 280

RESUMO Disciplinas e Conteúdos Estágio Supervisionado Projeto Experimental (TCC) Atividades Complementares Carga Horária Total do Curso

FACULDADE MARTHA MARTHA FALCÃO FALCÃO FACULDADE

CH 2200 200 240 160 2800

59


Manual do Acadêmico PÓS-GRADUAÇĂO (LATO SENSU)

INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DA AMAZÔNIA FACULDADE MARTHA FALCÃO DIRETORIA ACADÊMICA NORMA ACADÊMICA/ FMF/D.A. Nº. 010/2010 Regulamenta o sistema de avaliação do desempenho acadêmico e dá outras providências. Considerando a relevância do processo de avaliação do desempenho acadêmico, para a excelência da formação profissional; Considerando a complexidade inerente ao processo de avaliação de desempenho acadêmico, bem como o que consta do Anexo I, componente desta N. A; Considerando a responsabilidade e o compromisso da FMF e de seus professores para a efetividade do processo de avaliação e das exigências do sistema nacional de avaliação do ensino superior. A Diretoria Acadêmica, no uso de suas atribuições legais e regimentais, define procedimentos teórico-metodológicos e normativos a serem adotados por todas as Coordenações de Cursos: Licenciaturas, Bacharelados e Tecnológicos, com relação ao Sistema de Avaliação do Desempenho Acadêmico: I- Os instrumentos de avaliação deverão corresponder aos assuntos ministrados durante o período letivo; II- Os instrumentos de avaliação aplicados no ENADE devem servir de referência aos professores, a fim de habituar os acadêmicos nessa formatação de prova, bem como se recomenda sejam aplicados exercícios nesse formato; III- O Coordenador do Curso deverá receber dos professores e proceder à análise desses instrumentos de avaliação, com 72 (setenta e duas) horas de antecedência à aplicação da prova; IV- Os instrumentos de avaliação deverão ser entregues na Secretaria Acadêmica, em envelope lacrado e rubricado, pelos professores, com 48 (quarenta e oito) horas de antecedência a sua aplicação, para que sejam providenciadas as cópias sob a responsabilidade da Secretária Acadêmica; V- O não cumprimento dos prazos estabelecidos nesta N.A. descompromete a S. A, e a reprodução dos instrumentos bem como a manutenção do sigilo dos mesmos será da inteira responsabilidade dos professores que incorrem na falta; VI- É expressamente proibida a entrega de requisição de cópias aos professores, para reprodução de qualquer tipo de material de apoio ao ensino; VII- As provas serão aplicadas pelos professores e na impossibilidade destes pelo Coordenador do Curso, ou a outro professor por ele delegado; VIII- Revoga-se a N.A. Nº. 08 de 11 de abril de 2008. IX- Os casos omissos serão resolvidos pela Coordenação de Curso. Esta Norma entrará em vigor na data de sua publicação. Manaus, 25 de janeiro de 2010. Diretoria Acadêmica

60

FACULDADE MARTHA FALCÃO



Manual Acadêmico