Issuu on Google+


EDITORIAL


O Curso O curso de engenharia civil dura cerca de cinco anos, e foca em disciplinas como matemática, física, estatística, desenho e lógica. Existem vários caminhos que um engenheiro civil pode seguir, dando ênfase em seu curso superior. São várias as opções: ênfase em meio ambiente, estruturas metálicas, sistemas construtivos, transporte e logística, infraestrutura, produção civil e construção civil.

Engenharia Civil Engenharia civil é o ramo da engenharia que projeta e executa obras como edifícios, pontes, viadutos, estradas, barragens e outras obras. Os termos Construção civil e Engenharia civil são originados de uma época em que só existiam apenas duas classificações para a Engenharia sendo elas Civil e Militar. Antigamente a engenharia civil englobava todas as áreas, e foi se dividindo, hoje conhecemos várias divisões, como a elétrica, mecânica, química, naval, entre outras. Exemplos como engenharia naval dão origem a construção naval, mas ambas eram agrupadas apenas na grande área da civil.

Profissão e Função O engenheiro civil projeta e acompanha todas as etapas de uma construção ou reformas. Deve estudar as características dos materiais, do solo, incidência do vento, destino da construção. Com base nesses dados, desenvolve o projeto, dimensionando e especificando as estruturas a serem utilizados. No gabinete de obra, chefia as equipes, supervisionando os prazos, os custos e o cumprimento das normas de segurança, saúde e meio ambiente. A Engenharia civil tem, de alguma forma, relações com todas as atividades humanas, notadamente com a Arquitetura. Por possibilitar uma ampla variedade de atuação profissional, a engenharia civil oferece ainda grande oportunidade aos seus profissionais, possibilitando que estes que se dediquem à boa formação acadêmica tenham sucesso posteriormente, na sua carreira.


Ramos de Trabalho Nos últimos anos a engenharia tem entrado com muita força no mercado de trabalho, por conta das obras da copa, das olímpiadas e de novos prédios e empresas. Hoje em dia o que as empresas mais pedem no currículo são especializações no seu ramo e aprofundamento na sua área. Os setores de petróleo e gás são vistos como mercados promissores para a engenharia civil, pois receberão investimentos para obras de grande porte, como plataformas, gasodutos, navios e refinarias.


Bibliografia http://engsustent.blogspot.com/2010_05_01_archive.html


Trabalho