Page 1

PUB

N.º 3461 | ANO XCII |16 Maio 2013 | Director Manuel Pereira da Costa | Administrador José da Silva Pinho | Preço 0.60 euros

PUBLICAÇÕES PERIÓDICAS

TAXA PAGA

PORTUGAL S. JOÃO DA MADEIRA

Autorizado a circular em invólucro fechado de plástico Autorização DE 05182001 DCB

Semanário Regionalista e de Cultura

mais lido no distrito

91 anos

São João da Madeira Santa Maria da Feira Lourosa PUB

Elevação foi concretizada a 16 de Maio de 1984

Somos Cidade há 29 anos Pág. 3

Hóquei em Patins - 29 anos depois

ADS na final da Taça de Portugal

PUB

Pág. 19

De 23 a 26 de Maio

Festa do Parque cumpre tradição

Pág. 5

Agrupamento Oliveira Júnior

Sarau com a maior participação de sempre

Pág. 3

Família sanjoanense reclama erro da EDP

Sem luz há quatro meses

Pág. 2

Dia Internacional dos Museus

18 associações envolvidas na comemoração

Pág. 6

‘O Regional’ anuncia

novos empregos

em colaboração com o IEFP

Pág. 25


2

16 de Maio de 2013

Alegado erro na factura de electricidade Semanário Regionalista e de Cultura

Semanário Regionalista e de Cultura Propriedade de: José Soares da Silva Ld.ª Contribuinte n.º 500371326 Capital Social 100 000, 00 euros Sócios e Gerentes, com mais de 10% do capital: José da Silva Pinho e Maria Ângela Silva Pinho Redacção e Administração: Rua 11 de Outubro, 178 Apartado 135 3700 - 210 S.J. DA MADEIRA Telefone: 256 836 180 Fax: 256 836 189 Registo no ICS n.º 102728 Depósito Legal nº 642/82 Assinatura anual: 22,50 Euros Estrangeiro: 70 Euros Número avulso: 0,60 Euros Tiragem média/mensal: 25 000 exemplares Director: Manuel Pereira da Costa Subdirector: José da Silva Pinho Editor: José Miguel da Silva Pinho

Família sanjoanense sem luz há quatro meses DR

Uma família sanjoanense está sem luz eléctrica na sua residência há quatro meses. Desde Janeiro, após recusar o pagamento de uma factura de acertos com a qual não concordou, Virgílio Costa tem andado numa roda-viva para resolver a sua situação, mas esta “novela” parece não ter fim à vista.

lê: «a minha Cliente será obrigada, sem outro aviso, a accionar os competentes meios legais, decerto mais gravosos». Este documento teve resposta do advogado de Virgílio Costa, onde foi feita uma exposição de todo o processo relatado, realçando que o seu cliente «ficou surpreendido com o corte de energia, depois de comunicar a leitura do contador a 27 de Janeiro, o que lhe causou prejuízos vários, ainda não calculados».

António Gomes Costa

Não podemos ficar calados

antoniocosta@oregional.pt

jmiguel@oregional.pt

Chefe de Redacção: Manuel Ismaelino

pauloalmeida@oregional.pt

Assistente Administrativa: Susana Tavares susana@oregional.pt

publicidade@oregional.pt Fotocomposição e Montagem: Carla Maria | Ricardo Mateus Edição on line: Carla Maria Comercial: Ângelo Oliveira aoliveira@oregional.pt

Redacção: António Gomes Costa antoniocosta@oregional.pt

(Cart. Prof. n.º 5947)

Joana Gomes Costa joanacosta@oregional.pt

(Cart. Prof. n.º 7240)

Salomão Rodrigues salomao@oregional.pt

(Cart. Prof. n.º 5072)

Redactores: César Augusto, António Santos, Augusto Lopes, Maria Ângela, Ricardo Stockler, Paulo Guimarães, Durbalino Dias, Manuel António, Arménio Adé M. de Poiares: Manuel J. Conceição Repórteres Fotográficos: Ângelo Oliveira, Carlos Santos e Marcotin Colaboradores: Ângelo Oliveira, L. Kingwell, Onibla, Ramiro Tavares, José A. Dias, João P. Costa, Carlos A. Dias, Armando F. Marques, M. Cândida N. Nunes, Ana Vinha, Cristina Bastos, Ricardo Pinto, Serafim Barata, Adília Cardoso, Luís Ferreira, Josias Gil, Ferreira dos Santos

Os artigos assinados são da inteira responsabilidade dos seus autores e não vinculam, necessariamente, a direcção do jornal “O Regional”

Coraze - Oliveira de Azeméis Telf.: 910252676 / 910253116 / / 914602969 geral@coraze.com

Membro da Rádio Regional Sanjoanense Telef.: 256 836 185

jornal@oregional.pt publicidade@oregional.pt rrs@oregional.pt Internet - www.oregional.pt

ww w.o reg ion al.p t

“Todas as entidades dizem que tenho razão. Mas a EDP continua a afirmar que tenho que pagar. Será que esta entidade está acima da lei?”. Este é o desabafo de um habitante de S. João da Madeira, que há meses trava uma luta com a EDP (Electricidade de Portugal) e, neste momento, está sem luz há quatro meses, com todos os incómodos que a situação traz para a sua família, que necessita de cuidados e que não podem ser satisfeitos, uma vez que a ligação eléctrica está cortada. Virgílio Costa, morador na Rua Teixeira de Pascoais, em S. João da Madeira, em declarações à nossa reportagem, referiu que o caso diz respeito a uma factura de electricidade com um acerto de 15 meses, o que, segundo ele, “não é permitido por lei para além dos seis meses, como é previsto na lei vigente, decreto n.º 12/2008”.

O queixoso recorda que tem batido a todas as portas para resolver a situação ingrata que a sua família está a viver, além de ter feito duas reclamações na EDP de Santa Maria da Feira, em Janeiro deste ano, invocando os diversos decretos-lei que protegem a sua situação. Mostrando a sua revolta, interroga-se “se um cidadão, num estado de direito e em pleno século XXI, pode estar tanto tempo privado de um bem essencial, como o fornecimento de luz eléctrica”. Mostra ainda o seu descontentamento por “outras pessoas não reclamarem como eu. Vou até ao fim. É uma empresa poderosa, mas nunca será

mais forte do que a lei”. Além da queixa apresentada na EDP, Virgílio Costa já pediu apoio à ERSE (Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos), à DECO PROTESTE, ao Provedor de Justiça, “mas a todos a EDP parece dar pouca atenção”, lamenta.

“EDP parece dar pouca atenção” Aquele sanjoanense vai mais longe nas suas críticas. Afirma que, após o corte da corrente eléctrica na sua casa em 28 de Janeiro de 2013, o contador marcava 7616 kw, e, em 4 de Fevereiro de 2013, recebeu uma factura e a contagem já era de 7622kw. Perante

esta situação, questiona-se como é que, após o contador desligado, é possível terem aumentado os kw. E, continuando a não entender o “imbróglio” em que está envolvido, e sem solução à vista, aconselha os sanjoanenses a pagarem sem reclamar, “pois se o não fizerem vão ficar sem luz”, realçou. ‘O Regional’ teve acesso a todos os documentos deste processo e verificámos a troca de correspondência entre o advogado da EDP Serviço Universal, S.A., em Março em 2013, a exigir uma pagamento de 94.03€, já com o acréscimo de juros de mora, dando um prazo para que o mesmo fosse efectivado, findo o qual se

Entretanto, depois de vários telefonemas e desta missiva, o queixoso recebeu, no início de Abril, uma carta da EDP, dando conta de «que estamos a proceder à análise da situação que nos expôs e que, com a brevidade possível, comunicaremos qual o resultado das conclusões obtidas». Descontente com esta situação, este sanjoanense deu a conhecer este seu caso ao Provedor de Justiça e denunciou este caso à DECO - Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor, que diz lhes “dar razão” e que “também solicitou diligências sobre este assunto à EDP”, pois “não podemos ficar calados com situações destas”, referiu este sanjoanense. A nossa reportagem tentou obter um esclarecimento sobre este assunto junto do advogado da empresa, mas até ao fecho da nossa edição o mesmo não foi possível.

Iniciativa da Junta de Freguesia S. João da Madeira

Voltaram as «Manhãs Desportivas» Com um domingo de sol, o desafio da Junta de Freguesia de S. João da Madeira foi abraçado por muitos que participaram no regresso das «Manhãs Desportivas». Foi no passado domingo que decorreu a primeira edição de 2013 desta iniciativa, com o Parque Urbano do Rio Ul a ser palco de uma caminhada e corrida de manutenção, seguida de uma sessão de yoga e aula de Zumba, momentos que contaram com a participação da Associação «Os Kágados», da secção de atletismo dos Serviços Sociais do Pessoal do Município de S. João da

PATRICE ALMEIDA

Marketing e Publicidade: Paulo Almeida

Madeira, da Associação «É Bom Viver» e do ginásio Gimnofísico. O apelo desta iniciativa continua a ser o mesmo: «Mexa-se pela sua Saúde».


3

16 de Maio de 2013

Comemorações do 16 de Maio

S. João da Madeira é Cidade há 29 anos S. João da Madeira comemora hoje, 16 de Maio, os 29 anos desde a sua Elevação a Cidade. Uma data que será assinalada com a inauguração das novas instalações das escolas de Casaldelo e Carquejido e da assinatura de protocolos no âmbito da Oliva Creative Factory, entre momentos culturais.

«Pelos documentos se faz e se reconstitui a História. Preservemos o futuro no respeito pelo presente. Em razão destes dois pensamentos enviamos os documentos juntos. Eles traduzem a vontade de um povo que, pela iniciativa de alguns, vai ganhando foros de emancipação na autonomia da sua liberdade. Com este sentido e por aquelas razões vos endereçamos a fotocópia dos instrumentos que deram expressão legal àquela respeitada vontade». Foi há 29 anos, a 16 de Maio de 1984, que a Assembleia da República remeteu este texto, acompanhado da Lei 13/84, relativo à Elevação de S. João da Madeira a

Joana Gomes Costa

joanacosta@oregional.pt

Cidade. O documento, assinado por Fernando Monteiro Amaral, o presidente da Assembleia da República à época, está agora em exposição no Arquivo Histórico da Cidade, localizado no edifício dos Paços da Cultura, e assinala mais um marco histórico que S. João da Madeira volta a assinalar.

Programa dividido entre hoje e sábado As comemorações do 29.º aniversário da Elevação de S. João da Madeira a Cidade começam esta quinta-feira, 16 de Maio, com a apresentação do

Escolas do Agrupamento Oliveira Júnior e grupos convidados em festa

Plano Local de Promoção e Protecção dos Direitos da Criança, no Auditório dos Paços da Cultura (10h). Segue-se a apresentação trabalhos de alunos «English Portfolio» do Instituto de Línguas (11h). Para a tarde está agendada a inauguração das novas instalações das escolas de Casaldelo (14h) e Carquejido (14h45). À noite, também inserido nestas comemorações, mas organizado pelos Bombeiros Voluntários de S. João da Madeira (que estão a comemorar o seu 85.º aniversário), tem lugar um espectáculo musical de Bossa Nova por Marcos Buzana (Bossa Nova), promovido pelos Bombeiros

Voluntários, nos Paços da Cultura (21h45). Para o próximo sábado, dia 18 de Maio, está marcada a assinatura de dois protocolos (10h) no âmbito do projecto Oliva Creative Factory: uma para a cedência de uma colecção de Arte e outro com a Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva. Neste dia, a Câmara promove também visita às obras da Escola das Fontainhas (11h15) e Casa da Criatividade (12h) e inaugura a exposição «Tapeçarias de Portalegre. A Arte com Obras de Arte», no Museu da Chapelaria (16h).

Sarau alcançou a maior participação de sempre

As escolas do Agrupamento Oliveira Júnior voltaram a juntar-se para mais um Sarau Gimnodesportivo. A XIV edição deste evento contou com um recorde de participantes, ao registar 896 participantes no total de actuações. E o público, mais uma vez, voltou a comparecer em massa ao Pavilhão das Travessas, registando-se cerca de 4000 pessoas entre assistentes, convidados e participantes. Alunos, professores e pessoal auxiliar de todas as escolas do Agrupamento Oliveira Júnior – desde o pré-escolar ao ensino secundário – responderam à chamada e participaram activamente no XIV Sarau Gimnodesportivo, realizado no passado dia 10 de Maio, no Pavilhão das Travessas. «Do passado, ao presente» foi o lema da edição 2013 do evento organizado pelo Departamento de Expressões da Escola Oliveira Júnior, sede do Agrupamento com o mesmo nome. O público teve a oportunidade de assistir a um espectáculo com ginástica acrobática e artística e dança moderna e POP, entre muita animação e música, que teve como protagonistas artistas de todas as idades das escolas do Agrupamento e grupos

convidados. Com um programa composto por 21 actuações, participaram no Sarau as escolas Oliveira Júnior, Espadanal, Ribeiros e os jardins-de-infância das Travessas e Devesa Velha, a par, como habitualmente, com grupos convidados que este ano foram a Escola de Danças Ana Luísa Mendonça, os Alunos de Apolo (Vila Nova de Gaia), a Escola de Dança Ginasiano, a Escola do Cerco (Porto), o Colégio Liceal de Lamas e o grupo de dança do Centro Cultura e Desporto (CCD) de S. João da Madeira. À XIV edição, o Sarau Gimnodesportivo alcançou um recorde de participação, com mais de nove centenas de elementos a passarem pelo palco. Também nas bancadas se reflectiu a forte adesão

do público a este espectáculo que envolve todo o Agrupamento e até pais e encarregados de educação, numa noite de diversão e convívio. No Pavilhão das Travessas estiveram cerca de 4 mil pessoas, entre assistentes, convidados e participantes. JGC

* Mais fotografias nos meios digitais de ‘O Regional’


4

91anos

16 de Maio de 2013

Qualidade, profissionalismo e experiência de

49 anos

UM PROJECTO EM FIÃES A PENSAR EM SI ENFERMAGEM | FISIOTERAPIA | SERVIÇO MÉDICO | LAZER E CULTURA CAPELA | PSICOLOGIA | NUTRICIONISTA | ANIMADORES

MENSALIDADES RESIDENCIAS SENIORES LAR DE IDOSOS CENTRO DE REPOUSO

D ES D E 850 €

A Sénior Residente está estrategicamente situada na cidade de Fiães - S.ta Maria da Feira, apenas a 15 minutos de Vila Nova de Gaia, e dos concelhos vizinhos de S. João da Madeira, Oliveira de Azeméis, Ovar, Espinho, Arouca e Gondomar.

Rua da Presa, 118 - 4505-283 - S.ta Maria da Feira | Telefone 220 825 096 | Telem. 933 126 860 | www.seniorresidence.pt | geral@seniorresidence.pt


91anos

5 AMI 784

DR

16 de Maio de 2013

Telef.: 256 824 766 | 969 661 604

www.larfacil.pt

Bolsa de Imóveis

T4

S. J. Madeira Próximo escolas

T3

Renovado

Praça da República

Garagem fechada 2 autos

55.000 euros

T2+1

Cesar

Terraço amplo Cozinha equipada Lareira na sala

Excelente oportunidade

38.500 euros

Ao investidor

T2

renovado

Próximo 8ª Avenida c/inquilino

65.000 euros

42.000 euros

T2

T2

De 23 a 26 de Maio realiza-se a Festa do Parque

“Não temos uma grande festa mas temos festa” Apesar de todas as dificuldades, vão-se realizar as Festas do Parque de Nossa Senhora dos Milagres, em S. João da Madeira, entre 23 e 26 de Maio. Do programa religioso constam o Terço e Procissão de Velas, Missa Solene e a Procissão em honra da padroeira. Quatro dias de festa dando continuidade àquela que já foi a “maior” festividade na cidade. António Gomes Costa

antoniocosta@oregional.pt

“Apesar de ser cada vez mais difícil garantir o futuro da festa, tudo faremos para não a deixar cair”. Esta é a grande certeza de António Correia, da Comissão Zeladora da Capela do Parque de Nossa Senhora dos Milagres, em

S. João da Madeira, que garante que as dificuldades têm vindo a aumentar nos últimos anos. “É uma pena, pois estamos a falar da romaria mais popular do concelho e que já trouxe vários nomes da canção, concentrava todos os anos milhares de pessoas e marcava a diferença pela monumental sessão de fogo de artifício”. Mas, apesar dos esforços e da boa vontade da organização, as dificuldades continuam a ser muitas, tanto na conquista de novas pessoas para integrarem a comissão, bem como a obtenção de donativos. “Existe uma grande falta de disponibilidade por parte das pessoas para darem continuidade a esta tradição festiva e os donativos são cada vez menos”. Recorda que há muito que a comissão tem tentado junto dos jovens incutir a importância destas festividades, “mas eles não

querem, não entendem e custa-nos muito ver esta festa acabar um dia”, pois “as recordações são muitas”, refere. Apesar de todos os sacrifícios, S. João da Madeira vai festejar a Festa do Parque de Nossa Senhora dos Milagres, de 23 a 26 de Maio. A organização espera a participação de todos os sanjoaneses, até porque, apesar de não ser uma festividade como antigamente, “é possível manter a mesma beleza”.

Festividade religiosa garantida Do programa religioso consta a celebração do Terço, a realização da Procissão de Velas, a Missa Solene e a Procissão em honra da padroeira, no domingo à tarde. A festividade irá encerrar com vários grupos de dança. “Não temos uma grande festa mas temos festa”, conclui

a organização. O certo é que aquilo que já foi uma grande festa tem sido uma mini festa do Parque, que irá contar este ano uma vez mais com alguns divertimentos e momentos musicais. Não se sabe ao certo do ano em que a festividade nasceu. Aquilo que apurámos é que esta sofreu um interregno de 13 anos e só voltou a realizar-se em 1975, tendo a festividade decorrido até aos dias de hoje. António Correia diz que o grande sonho da comissão é um dia poder voltar a realizar estas festas com a grandiosidade que a cidade já conheceu mas, para isso, “temos que superar todas as dificuldades financeiras que o país vive, pois a Capela não tem verbas para as realizar sem a ajuda da população”. E, se mais não é possível, “pelo menos asseguramos a parte religiosa”.

PROGRAMA Festa do Parque de Nossa Senhora dos Milagres Quinta-Feira 23/05: durante o dia - Música variada Sexta-Feira 24/05: durante o dia - Música variada Sábado 25/05: durante o dia - Música Variada 21h00: Terço e Procissão de Velas em honra de Nossa Senhora dos Milagres Domingo 26/05: 11h30: Missa Solene em honra de Nossa Senhora dos Milagres 17h00: Terço e Procissão em honra de Nossa Senhora dos Milagres, acompanhada pela Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de S. João da Madeira

com terraço

como novo

Rua do Brasil Lareira na sala Garagem fechada

Ed. St.ª Eulália /Arrifana

59.500 euros

Preço de oportunidade

Imóveis retoma banco

T3

Cozinha equipada Lareira c/recuperador Garagem e arrumos

novo Retoma banco Cesar

95.000 euros Condições Condições de financiamento de financiamento excepcionais excepcionais

CENTRO

Lote para moradia

Renovado, cozinha equipada Lugar garagem

Fontainhas Área = 624m2 Antes 55.000 euros

T2

S. J. Madeira

58.000 euros

Agora 45.000 euros

Arrendamento habitação Tipologia T1 T2 T2 T2 T2 T2 T3 T3 T3 T3 T3 T3 T3 T2 ter. Casa

Localização Preço Rua Banda da Música - S.J. Madeira 225€ Trav. Manuel Luís Leite Jr - S.J. Madeira 280€ Rua Banda da Música - S.J. Madeira 300€ Rua Fundo de Vila - S.J. Madeira 300€ Rua Águas - S.J. Madeira 325€ Rua Padre Porfírio Moreira - Arrifana 330€ Rua Manuel Luís Leite Jr - S.J. Madeira 290€ Av. Benjamim Araújo - S.J. Madeira 300€ Rua Domingos José Oliv. - S.J. Madeira 350€ Rua José Soares Silva - S.J. Madeira 300€ Rua Comendador Rainho - S.J. Madeira 325€ Rua Travessas - S. Roque 380€ Rua Fonte da Piolha - Milheirós 350€ Rua Grupo Desp. Milheiroense - Milheirós 285€ Rua Terras St Maria - Nog. Cravol 300€

Obs

Elect. Mob.

Mob. Mob. Rec. Elect Novo Novo.

Tel.: 256 824 766 | telem. 969 661 604


6

16 de Maio de 2013

Dia 23 de maio, 18h15, na Torre da Oliva

Comendador Fernando Pinho Teixeira na primeira Tertúlia TECNET Inscrições gratuitas pelo e-mail geral@sanjotec.com As Tertúlias TECNET pretendem ser uma plataforma de estímulo ao empreendedorismo, baseando-se na partilha de experiências inter-geracionais, entre empresários de sucesso e jovens empreendedores. A primeira sessão está marcada para 23 de maio, às 18h15, na Torre da Oliva, numa organização da Sanjotec (Centro Empresarial e Tecnológico de S. João da Madeira). O Comendador Fernando Pinho Teixeira, do Grupo Ferpinta, é o primeiro empresário convidado destas tertúlias, imbuídas do espirito TECNET-Business Camp, que decorreu no

passado mês de Dezembro, também na Torre da Oliva. Esse evento juntou, pela primeira vez num mesmo espaço, mais de 80 empresas da rede nacional de Parques de Ciência e Tecnologia e Incubadoras. As Tertúlias TECNET são apresentadas como uma oportunidade para ouvir de viva voz o testemunho de quem, ao longo de décadas, “conseguiu afirmar-se no mundo empresarial, construindo verdadeiras redes de empresas e de negócios, alicerçados numa enorme força de vontade, numa visão, muitas vezes utópica, mas que a perseverança, o querer, a resiliência e os muitos sacrifícios pessoais e familiares, fizeram com que se tornasse realidade”. Ao mesmo tempo, a cons-

trução de redes de conhecimento inter-geracionais permitirá potenciar novas oportunidades de desenvolvimento de negócios através de desafios lançados pelos Empresários Convidados e do networking que se irá gerar entre os participantes. Pretende-se também nas Tertúlias TECNET “prestar uma singela homenagem a empresários que fizeram obra de mérito, que criaram empresas e empregos, que partiram para novas geografias e que nunca deixaram de acreditar num futuro melhor...” Os interessados podem inscrever-se já através do e-mail geral@sanjotec.com. A participação é gratuita, estando limitada ao número de lugares disponíveis.

Conselho Municipal da Juventude avança A Câmara Municipal de S. João da Madeira aprovou esta semana o regulamento do Conselho Municipal da Juventude, documento que já havia sido submetido a discussão pública, não tendo havido participações ou sugestões. Os conselhos municipais de juventude são órgãos consultivos dos municípios sobre matérias relacionadas com a política de juventude, sendo presidido pelo presidente da câmara municipal e composta por representantes dos partidos com assento nas assembleias municipais, assim como de associações juvenis e de estudantes com sede em cada município e ainda de organizações de juventude partidária, entre outros. O regulamento que vai criar o Conselho Municipal da Juventude de S. João da Madeira vai ter agora de ser submetido à apreciação e votação em Assembleia Municipal.

No Centro Coordenador dos Transportes

Aprovada cedência de espaço à Associação Comercial Foi aprovada, esta semana, em reunião de Câmara, a cedência de uma loja no Centro Coordenador dos Transportes à Associação Comercial dos Concelhos de Ovar e S. João da Madeira, para ali instalar a sua sede no concelho sanjoanense. De acordo com o protocolo agora aprovado, a instituição vai também ter acesso à sala de reuniões e outros espaços da Casa das Associações, seguindo os mesmos termos adoptados para todas as outras associações que têm neste local a sua sede. A cedência foi aprovada por unanimidade, inserindo-se na fase de “dinamização” da Associação, que “entende ser importante ter um espaço de contacto com os comerciantes”, como explicou o vice-presidente da autarquia, Rui Costa.

Votação adiada

Período antes da ordem do dia

Espaço para balneário dos Serviços Sociais

Factura da água voltou à discussão No período antes da ordem do dia da reunião de Câmara desta semana, o vereador Luís Ferreira voltou a abordar a questão do preço da água, citando uma notícia do jornal Público em que analisa comparativamente a factura paga pelos diferentes municípios do país (com água, saneamento e tratamento de lixo), com base em dados da Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR). Considera Luís Ferreira que as conclusões retiradas pela análise dos valores vem confirmar as conclusões do estudo elaborado pelo PS. Destaca o socialista que, nesta análise, que se baseia no valor de uma factura para um consumo mensal de dez metros cúbicos de água, S. João da Madeira apresenta o preço mais caro entre os municípios de Entre Douro e Vouga, é o 5.º no distrito de Aveiro e 8.º quando comparados os concelhos da Área Metropolitana do Porto. O vice-presidente da Câmara sanjoanense, Rui Costa, criticou o facto deste tipo de análise “se limitar a comparar facturas, sem se focar no detalhe” de cada serviço incluído no total a pagar, lembrando que, por exemplo, no que diz respeito ao

Aprovado regulamento

tratamento do lixo, S. João da Madeira tem recolha diária, algo que não é comum em muitos concelhos. Desta análise do jornal Público, Rui Costa retira apenas a conclusão da tendência de alguns municípios em aproximarem o preço ao custo real do abastecimento, considerando que “nada havia de diferente ao que já era conhecido”. O vereador social-democrata Paulo Cavaleiro destacou um “detalhe que o PS parece ignorar”: “Nós não discutimos o valor da factura, nunca dissemos que tínhamos a factura mais barata”, afirmou, acrescentando que “o nosso preço da água não é o mais caro”. “O PS sempre falou na água e agora é que fala na factura, o que é diferente”, defendeu Paulo Cavaleiro, considerando que “água e saneamento é diferente de resíduos” e lembrando que há municípios que não cobram qualquer valor pelo saneamento e resíduos. “Ter recolha [de lixo] todos os dias é diferente de ter recolha três vezes por semana. Podemos é discutir se queremos ou não ter este serviço”, concluiu. Mas Luís Ferreira mantém a convicção de que “este estudo vem reiterar” as “conclusões” do PS.

Na ordem de trabalhos para a reunião de Câmara desta semana estava agendado um protocolo com os Serviços Sociais do Município para a cedência de um espaço no Bairro do Orreiro (em frente ao parque infantil), que deverá ser transformado em balneários para a secção de Atletismo desta associação que, actualmente, não dispõe de espaço adequado para que os atletas – muitos crianças e jovens – se equipem e tomem banho. O espaço em causa está devoluto e terá de ser alvo de obras de adaptação para instalação de chuveiros e restante equipamento. A proposta para este protocolo foi apresentada pelo presidente do município, Ricardo Figueiredo, mas a sua votação foi adiada para a próxima reunião a pedido dos vereadores do PS, que avançaram querer analisar o documento e falar com a associação em causa. Ricardo Figueiredo sublinhou que esta solução “vai ao encontro do que [a associação] pretende”, mas aceitou o adiamento da votação.

Sábado, 18 de Maio

Associações participam no Dia Internacional dos Museus 18 associações sanjoanenses aceitaram o desafio e associaram-se às actividades do Dia Internacional dos Museus, que se assinala este sábado, dia 18 de Maio, participando na elaboração de chapéus que vão integrar a exposição «Este chapéu é o nosso!». Para o apoio à participação nesta iniciativa, a Câmara aprovou a atribuição de um subsídio de 50 euros a cada associação “para contribuir na construção do respectivo chapéu”. Mas o Dia Internacional dos Museus, este ano dedicado ao mote «Museus (Memória + Criatividade) = Transformação Social» em S. João da Madeira também ficará marcado com a realização de uma Feira de Design e Artesanato Urbano (de 17 a 19 de Maio), visitas encenadas e exposições temporárias. Tudo com epicentro no Museu da Chapelaria.

Ruas Vivas promove Concurso de Montras O projeto “Ruas Vivas” informa que lançámos publicamente um Concurso de Montras aberto a todo o comércio de rua de S. João da Madeira, cujo tema é “O Chapéu”, homenageando um

dos símbolos da cidade, assim se associando ao Museu da Chapelaria no Dia Internacional dos Museus, dia 18 de Maio. O júri começará a avaliar as montras a partir da referida data.

Para além disso, durante esta semana, será distribuído pelo comércio tradicional um chapéu que deverá ser personalizado por cada loja e exposto de forma visível, de forma a criar um

elemento visual comum e identitário do comércio de S. João da Madeira.  Apelamos a todos os comerciantes que participem desta forma, assim como alargando

o horário de funcionamento do comércio nos dias dos eventos “Ruas Vivas”.  O próximo evento decorrerá no dia  1 de Junho. O programa será brevemente divulgado.


7

16 de Maio de 2013

Colecção de Arte Bruta e pólo de ensino de artes e ofícios da madeira

Aprovados protocolos no âmbito da Oliva Creative Factory

A Oliva Creative Factory vai acolher uma colecção de Arte Bruta e um pólo da Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva, onde vão ser leccionados cursos de artes e ofícios da madeira e pintura decorativa. Os respectivos protocolos foram aprovados, esta semana, em reunião de Câmara e vão ser assinados no próximo sábado, dia 18, no âmbito das comemorações da Elevação de S. João da Madeira a Cidade. Joana Gomes Costa

joanacosta@oregional.pt

A Arte Bruta é “uma vertente das artes plásticas ainda não muito explorada”, havendo poucas exposições a nível da Europa. O vice-presidente da Câmara Municipal de S. João da Madeira, Rui Costa, sublinhou que esta colecção, tendo um “carácter internacional”, pode ser “diferenciador”. Parte desta colecção esteve já exposta no Museu Vieira da Silva, com grande projecção. Segundo Rui Costa, este protocolo (com duração de três anos renováveis) é “semelhante” ao outorgado em 2008 com José e Norlinda Lima para a cedência da sua colecção privada.

A vereadora socialista Teresa Correia questionou como será feita a articulação entre as duas colecções de arte, sendo que Rui Costa esclareceu que haverá uma “apreciação global” para que seja garantida “harmonia e coerência” entre os espaços expositivos. O presidente do município, Ricardo Figueiredo, destacou que esta colecção de Arte Bruta é “algo praticamente único no panorama europeu”, pelo que acredita que poderá ser “diferenciador e atrair visitantes”.

Cursos de Artes e Ofícios Na Oliva Creative Factory vai também ser instalado um pólo da Fundação Ri-

cardo do Espírito Santo Silva (FRESS), onde vão ser leccionados cursos na área das Artes e Ofícios, projecto decorrente de acordo estabelecido com esta instituição já em 2009. Sendo uma referência no âmbito da divulgação e preservação das artes decorativas portuguesas e de ter um Museu-Escola, a FRESS tem duas escolas para ensino das Artes: a Escola Superior de Artes Decorativas (ESAD) e o Instituto de Artes e Ofícios (IAO). De acordo com o protocolo agora aprovado, o objectivo passa por ter, já no arranque do próximo ano lectivo, três cursos de educação e formação em pleno funcionamento no âmbito das Artes e Ofícios da Madeira (marceneiro embutidor

Na reunião de Câmara e em comunicado posterior

PS critica falta de documentos de suporte No período antes da ordem dia da reunião, o vereador socialista Luís Ferreira voltou a criticar a falta de disponibilização dos documentos de suporte aos assuntos a debater pelo Executivo. Em comunicado enviado às redacções após a reunião, o PS de S. João da Madeira defendeu ser «absolutamente lamentável e inadmissível a continuação da estratégia de sonegação da informação que suporta a agenda das reuniões de Câmara». O PS diz reconhecer «nesta deliberada estratégia uma clara falta de transparência e que, em muito casos, consubstancia falta de respeito e consideração pelo trabalho dos vereado-

res do PS que, desta forma, ficam impossibilitados de prepararem previamente as reuniões com a profundidade que os assuntos mereceriam». Luís Miguel Ferreira, vereador e candidato pelo PS à presidência do município sanjoanense, considera “esta atitude inaceitável”, com o qual diz não se rever e aponta que, caso vença as eleições, “os vereadores dos partidos da oposição que forem eleitos serão tratados com respeito para que possam contribuir, também eles, de forma fundamentada para o progresso da nossa terra”. Ainda na reunião da passada terça-feira, perante

estas críticas dos socialistas, o presidente da Câmara Municipal de S. João da Madeira, Ricardo Figueiredo, sublinhou que, de todos os pontos da ordem de trabalhos, os vereadores do PS tinham os documentos daqueles que “verdadeiramente tinham conteúdo” e que justificavam “distribuição prévia”, sendo que alguns haviam sido apresentados em reuniões anteriores. Dos restantes, o autarca sublinhou a “simplicidade bastante grande”, pelo que considera que a discussão e debate poderia ser feita durante a reunião sem “necessidade de análise prévia”.

e marceneiro entalhador) e da Pintura Decorativa. Estas formações (destinadas a alunos a partir do 10.º ano, dando equivalência ao 12.º) poderão vir a transformar-se em cursos de especialização tecnológica.

Protocolos assinados sábado Estes dois protocolos,

aprovados por unanimidade na reunião de Câmara da passada terça-feira, têm assinatura agendada para o próximo sábado, no âmbito das comemorações do Dia da Cidade. O vereador do PS, Luís Ferreira, criticou a Câmara por ter marcado a assinatura dos protocolos antes da realização da reunião do Executivo em que os mesmos iriam ser analisa-

dos e votados. Considera o socialista que este facto “condiciona o desempenho” dos vereadores da oposição. O vereador Paulo Cavaleiro lembrou que “há questões que são concretizadas em cima da reunião” e Rui Costa sublinhou que, “do ponto de vista formal”, estes protocolos não teria de ser aprovado em reunião de Câmara.


8

16 de Maio de 2013

«O Fundo Local e os seus Autores» na Biblioteca

João da Silva Correia homenageado Amigos, admiradores e estudiosos de João da Silva Correia lembraram e homenagearam a obra deste sanjoanense, que marcou a história do concelho, cuja obra literária faz parte do tesouro cultural que foi deixado aos sanjoanenses.

António Gomes Costa

antoniocosta@oregional.pt

A Autarquia e a Biblioteca Municipal prestaram homenagem a João da Silva Correia, através do Ciclo Temático «O Fundo Local e os seus Autores», uma sessão que se realizou no passado dia 9, com a apresentação

da obra do escritor feita por Eva Cruz, onde foram lido textos do homenageado através das vozes de Magalhães dos Santos e Susana Silva. Marçal Correia, filho do homenageado, também esteve presente. A iniciativa nasceu com o objectivo de divulgar e promover o projecto de Digitalização e Disponibilização

Pública do Fundo Local, que permite «o acesso digital às obras e aos seus autores que fazem parte do espólio» que integra aquele Fundo. Além do reconhecimento público de autores que continuam vivos através da sua obra, a Biblioteca Municipal tem como objectivo

«preservar a História e o Património Documental de S. João da Madeira e torná-lo visível e acessível a toda a comunidade», uma forma de valorizar a história citadina, a que deram corpo os diferentes documentos que foram surgindo ao longo de décadas.

DR

Depois de ouvidos textos de João da Silva Correia, numa sala que contou com a presença de familiares, amigos e admiradores deste reconhecido sanjoanense, o seu filho lembrou a dimensão humana do seu progenitor, «na sua relação com a vida, o mundo e a família».

Normando Oliveira justamente homenageado

O salão de beneméritos da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de S. João da Madeira tem mais uma foto: a do antigo presidente da Associação,

Normando Oliveira. Como presidente desenvolveu notável acção que não desmereceu dos seus antecessores, sempre com o intuito de valorizar a associação e aumentar-lhe o prestígio justamente angariado pelos beneméritos Soldados da Paz. Só quem nunca serviu, sem se servir, é que não compreenderá o espírito de devoção daqueles que, generosamente, dedicam algum do seu tempo e toda a sua inteligência ao bem comum. É o que tem feito Normando Oliveira, de alguns anos para cá. E humildemente o tem feito, porque nunca requereu para si atenções e distinções a que poderia julgar-se com direito. Foi para ele uma surpresa a distinção que lhe prestaram na sessão solene do passado dia

4, com a presença do Ministro da Administração Interna, Dr. Miguel Macedo, do ex-presidente da Câmara Municipal de S. João da Madeira e actual Secretário de Estado do Desenvolvimento Regional, Dr. Castro Almeida, do presidente da Câmara, Ricardo Oliveira Figueiredo, e outras individualidades. No descerramento da foto, foi ajudado por seu filho, o brioso Comandante dos Bombeiros. O seu discurso de agradecimento foi breve. Quis repartir aquele agradecimento pelos colegas da Direcção de então e, com um “muito obrigado”, terminou dizendo que só fizera o que o tinham deixado fazer. Foi assim reconhecida a sua acção a favor da Associação dos Bombeiros, a favor de S. João da

Madeira. Mas não ficou por aqui, nem fica, o seu bairrismo sanjoanense. A Banda de Música de S. João da Madeira mereceu também que a ela se dedicasse, emprestando-lhe as suas qualidades de inovação e empreendedorismo, muito tendo contribuído para o prestígio da Instituição mais antiga de S. João da Madeira, a comemorar os seus 150 anos. Passados os dois fachos para outras mãos, Normando Oliveira não se fica sentado no sofá nem calça pantufas da comodidade. Faz parte, a nível nacional, como 2.º Secretário, da REVIVER, Associação dos Dirigentes Operacionais dos Bombeiros. Esta Associação, em parceria com a Liga dos Bombeiros Portugueses, dirige o Fundo Social

dos Bombeiros, que, no distrito de Aveiro, já teve duas actuações: concedeu subsídios à família da jovem bombeira de Lourosa, falecida em serviço e, em S. João da Madeira, já auxiliou família necessitada de bombeiro. Esta associação nacional tem já uma delegação no distrito de Aveiro. Onde? Em S. João da Madeira, localização conseguida por Normando Oliveira, ideia que o presidente dos nossos Bombeiros, Carlos Coelho, abraçou, concedendo-lhe instalações. Nas páginas de ‘O Regional’ ficaram e ficam arquivadas todas as acções de Normando Oliveira, para memória futura. Parabéns! Manuel Ismaelino


91anos

16 de Maio de 2013

Os nossos estimados assinantes têm compreendido o esforço de renovação de “O REGIONAL” e, para nos evitar despesas de cobrança, têm pago directamente as suas assinaturas, o que muito agradecemos.

A sua imobiliária

PAGARAM A SUA ASSINATURA REFERENTE AO ANO 2013 A.Santos Leite, Lda. - S.J.M. Academia De Música De S.J. Da Madeira - S.J.M. Agência De Manuel Borregana Cabral - S.J.M. Águas De S. João, E.M., S.A. - S.J.M. Alesanti - Ind. De Calçado, Lda. - S. Roque Ana Maria Bessa Rodrigues Leite - S.J.M. Anacleto & Filhos, Lda. - S.J.M. António Ferreira Praça, Lda. - S.J.M. António Pinto De Almeida-Construções, Lda. - S.J.M. Aplical - Acess. P/ Industria Lda. - S.J.M. Arlindo Correia De Aguiar, Lda. - S.J.M. Armando Correia Rilhado - S.J.M. Arranjimagem - Unipessoal, Lda. - Cesar Assoc. De Municípios Das Terras De Santa Maria - S.J.M. ATL - SPJ Educati,Lda. - S.J.M. Augusto & Sacramento, Lda. - Arrifana Banco Espirito Santo - S.J.M. Bemicar - Ind. Calçado, Lda. - Mosteirô Bertrand Faure Portugal - S.J.M. Biosabão - Fab Deterg, Lda. - Ovar Brandao Martins, Soc. Unip., Lda. - Macieira de Sarnes C. Form. Prof. Ind De Calçado - S.J.M. Café Progresso - S.J.M. Caixa Geral De Depósitos - S.J.M. Calmon, Lda. - S.J.M. Carlos Alberto Ribeiro Silva - S.J.M. Carlos Sousa Industria, Lda. - Arrifana Carlos Sousa Indústria, Lda. - Arrifana Casa Do Benfica - S.J.M. Casa Ferreira Móveis, S.A. - Escapães Casal - Fáb Calçado, Lda. - S.J.M. CEI - Companhia Equip. Industriais, Lda. - S.J.M. Centro De Emp. Form.Prof. De Entre Douro E Vouga - Rio Meão Centro Tecnológico De Calcado Portugal - S.J.M. Certifica - Serv. Apoio Às Empresas, Lda. - S.J.M. Cipade-Ind.E Inv. Prod. Adesivos, S.A. - S.J.M. Composola – Comp. P/ Calçado, Lda. - Santiago de RibaUl Cyber Espaço Dr. Crispim - Milheirós de Poiares Danilo Da Silva Brandao Lda. - Vila de Cucujães De Oliveira Dos Santos Maria Augusta - França Dr. A. Praça De Vasconcelos - Cesar Dr. Luís Aguiar Soares, Lda. - S.J.M. Dr.ª Helena Nicolau Borges - S.J.M. Ecofilmes-Imp. E Dist. De Filmes, S.A. - S.J.M. Electro Clara - M. L. Alves Soares, Lda. - Vila de Cucujães Ema Rosa Da Silva Amorim - S.J.M. Externato D. Dinis - S.J.M. Factorum Pele - Calçados, Lda. - Arrifana Farmácia Da Praça-Soc. Unip., Lda. - S.J.M. Farmácia Laranjeira - S.J.M. Farmácia Moderna - Oliveira de Azeméis Fepsa - Feltros Portugueses, S.A. - S.J.M. Fernando Alves Dos Santos, Lda. - S.J.M. Fernando Gonçalves, Lda. - Arrifana Fernando Lima & Cª, Lda. - Mosteirô Fernando Manuel Almeida Ferreira - Milheirós De Poiares Fivelarte-Comp. Calç. Marroq., Lda. - S.J.M. Flama - Fáb. Louças E Elect., S.A. - Cesar Freguesia Da Vila De Cucujães - Vila de Cucujães Funerária José Pina, Lda. - Oliveira de Azeméis Gráfica Santos & Cunha, Lda. - S.J.M. Grupo Desportivo “Os Leões Do Monte” - Vila de Cucujães Heliotextil - Etiquetas E Passamanarias, S.A. - S.J.M.

Horse Portugal-Imp.Exp.Com. Curtumes, Lda. - Macieira de Sarnes Humberpeças - Com. E Ac. P/ Autom., Lda. - S.J.M. Idepa – Ind. De Passamarias, Lda. - S.J.M. J. António Costa - Ind. Calçado Unip. Lda. - Milheirós de Poiares J.S. Climatização - José António L. Sanches - S.J.M. Jaime Miranda Fernandes - São Roque Japopeças, Lda. - S.J.M. João Carvalho – Represent. Lda. - S.J.M. João Gomes Da Silva Pinho - S.J.M. João Rafael Duarte Lima - Arrifana João Santos Correia, Lda. - Milheirós de Poiares José Augusto Da Costa - Zé Taqueiro - S.J.M. José De Oliveira Sousa, Lda. - S.J.M. José Dias Magalhães & Filhos, Lda. - Arrifana José Luís Oliveira Rocha, Lda. - Vila de Cucujães José Maria Bastos Soares - S.J.M. Junta De Freguesia S.J.Da Madeira - S.J.M. L.M. Oliveira, Unipessoal, Lda. - Nogueira do Cravo L.M.Vieira G.Pinheiro-Soc.Unip., Lda. - S. Vicente de Pereira Jusã Ledistrónica - Comp. Eletrónicos, Lda. - S.J.M. Lídio Brandao, Lda. - S.J.M. Luís Leal E Filhos, S.A. - Arrifana Luságua - Serviços Ambientais, S.A. - Santiago de Riba-Ul Lusocal - Art P/ Calçado, Lda. - Romariz Manchete S.A. - Lisboa Manuel Augusto Correia Alves - Mosteiró Manuel Augusto Oliveira Sousa - S.J.M. Maria Alice De Sousa Dias - Arrifana Maria Amelia Carvalho Cunha Marques - Vila De Cucujães Maria Lucinda Brandao Dias Leite - S.J.M. Mário De Almeida Martins, Lda. - Mansores - Arouca Masc Expositores - Manuel Augusto Da Silva Costa Arrifana Naturana Portuguesa Confeções, Lda. - Nogueira do Cravo Paula Cristina De Almeida Ferreira - Arrifana Paulo Brandão Costa Unipessoal, Lda. - Vila de Cucujães Poly Lanema, Lda. - Ovar Resende & Costa, Lda. - Macieira de Sarnes Resende Rodrigues Davide Manuel - França Restaurante Café-Snack-Bar Bacana - S.J.M. Restaurante Caravana - S.J.M. Restaurante Pizzaria Caprichosa - S.J.M. Rogério Leal & Filhos, Lda. - S.J.M. Santos & Carlos, Lda. - S. Roque Santos & Loureiro Transp, Lda. - Milheirós de Poiares Sapical, Lda. - S. Roque Saramago & Costa - Ind. Calçado, Lda. - Arrifana Sierra Portugal, S.A. - Lisboa Silampos - Soc.Ind.Louça Metª Campos, Lda. - Cesar Silva & Ferreira, Lda. - Arrifana Sindicato Nacional Dos Profissionais Da Indústria - S.J.M. Snack-Bar “O Nosso Café” - Palmira Lima O. Paiva Milheirós de Poiares Somacal-Soc. Maq. P/Calçado, Lda. - Arrifana Triângulo Norte, Lda. - S.J.M. Turkis Kebab - Erhan Gunaydin Unip., Lda. - S.J.M. Utilsolas, Lda. - S. Roque Vabene - M.M.D. Shoes - Vila de Cucujães VGA - Calçado, Lda. - Milheirós de Poiares Vidraria Foco, Lda. - Nogueira do Cravo

O erro foi nosso... O abuso foi deles E não digam que não há gente que, para saber mais, não lê jornais… Parece uma charada, mas não é. Eu explico, porque não foi a primeira vez! No dia 1 de Maio, Dia do Trabalhador, como de costume, os jornais, para as tabacarias, são entregues entre as 6h30 e as 7h00. Como nem sempre estão abertas, ficam os jornais à porta. No dia feriado, o estabelecimento não abriu e os jornais que lá ficaram foram surripiados por amantes da cultura… Claro, sem nada pagar… Agradecemos o interesse demonstrado por ‘O Regional’. M.I.

9

Sociedade Mediação Imobiliária AMI 2455 R. Infante D. Henrique, Ed. das Laranjeiras, Loja W, N.º 333 3700-120 S.J. Madeira - Tel.: 256200360 Fax: 256200361

impacto@impacto.pt

www.impacto.pt

FALE COM A IMPACTO

TEMOS PARA SI BONS NEGÓCIOS... OPORTUNIDADES E IMÓVEIS DE BANCO COM CONDIÇÕES ESPECIAIS DE FINANCIAMENTO, SPREAD REDUZIDO, ISENÇÃO DA AVALIAÇÃO E ESTUDO DE PROCESSO, MAIOR FACILIDADE NO FINANCIAMENTO, etc... OPORTUNIDADES // BANCO S.J.M. ARRIFANA. S. MARIA DA FEIRA. OLI. DE AZEMÉIS Várias opções à sua disposição. Temos imóveis oriundos de todos os bancos e outras entidades financeiras... Tratamos do financiamento sem custos. Financiamento 100%, spread reduzido!!

ARRIFANA

T2 em bom estado

Coz. equipada, v. duplos, suite, despensa, gar. fechada. 72.000,00€ IMÓVEL DE BANCO - FINANCIAMENTO 100%, SPREAD REDUZIDO!! VISITE E FAÇA UMA PROPOSTA

T3 duplex, j/ à Câmara Municipal c/ lareira, garagem IMÓVEL DE BANCO - FINANCIAMENTO 100%, SPREAD REDUZIDO!! VISITE E FAÇA UMA PROPOSTA

SAMIL//SÃO ROQUE T3 com cozinha equipada, lavandaria lareira na sala, garagem fechada, tectos com focos...70.000,00€ IMÓVEL DE BANCO - FINANCIAMENTO 100%, SPREAD REDUZIDO!! VISITE E FAÇA UMA PROPOSTA

T2, remodelado, junto ao Mini Preço. Móveis de cozinha e eletrodom. (tudo novo) gar. fechada, arrumos. FERMIL//CUCUJÃES Lote terreno c/ 400m2 p/ moradia individual 55.000,00€

A R R E N D A MEN TOS

T2 em S.J.M , j/ 8ª Avenida coz. equip., gar. .. 325,00 € T3 em S.J.M. todo mob., gar. e arrumos ......... 450,00€ T1, junto aos táxis ...........................................260.00€ T2, junto ao shopping. (s/ garagem)................ 250.00€ T2, junto ao Centro de transportes ................. 325.00€ T2, novos, em Milheirós de Poiares ................ 350.00€ T3 c/ terraço, j/ ao Centro de Emprego ........... 400.00€

S. João da Madeira - Telef. 256 200 360 Apartamento para venda T1+1 em Rio Meão 59.000€ Apartamento T2 para venda em P. Brandão 66.000€ Apartamento T3 para venda na Torreira 145.000,00€ Apartamento para venda S.Maria de Lamas T3 58.000€ ROMARIZ Moradia de três frentes, lareira na sala, vidros duplos, varandas, roupeiros, pré instalação de aquecimento central, terreno... 110.000,00€ IMÓVEL DE BANCO - SPREAD REDUZIDO!! VISITE E FAÇA UMA PROPOSTA

T3 novos c/excelentes áreas Junto a S.J.Madeira, Móveis de cozinha, placa, forno, exaustor, esquentador,combinado, microondas, vidros duplos, ar condicionado, aspiração central, estores eléctricos, roupeiros embutidos, .... SPREAD REDUZIDO! CONDIÇÕES ESPECIAIS DE FINANCIAMENTO...

A R R EN D A MEN TOS Apartamento T3 em Fornos para Arrendar....330,00€ Apartamento com lugar de garagem, no centro da Feira T1 ........................................................280,00€ Apartamento em Fornos, garagem fechada para dois carros T3 .......................................................340,00€ Apartamento em Fornos, gar. fechada T2 ...355,00€ Apartamento c/ gar. fechada no centro da Feira T2 ................................................................. 280,00€ Apartamento em S.J.Vêr, com lugar de garagem ...... .......................................................................360,00€ Moradia em Lobão, T3 ................................. 380,00€

Santa Maria da Feira - Telef. 256 360 187


10

16 de Maio de 2013

Luís Miguel Ferreira visita serviços camarários

Ricardo Figueiredo quer conhecer bem para fazer mais pelos sanjoanenses

  Ricardo Figueiredo quer conhecer, ao pormenor, como vivem os sanjoanenses. Por isso, o presidente e candidato do PSD à Câmara de S. João da Madeira dedicou-se, na semana passada, a visitar zonas residenciais, ouvindo as expetativas da população. Ao longo dos últimos anos, os cuidados com as zonas habitacionais não foram descurados. Na rua do Poder Local, na quinta-feira passada, Ricardo Figueiredo observou o que estava feito, mas a tentar projectar o futuro. As principais preocupações dos moradores são agora as dificuldades económicas, agravadas pela conjuntura actual.

Na Rua da Mamoinha, Ricardo Figueiredo passeou pela área envolvente. «A cidade nunca está acabada», conclui o autarca, a quem agradou bastante a qualidade da paisagem e o espaço envolvente aos edifícios. «Este é um espaço muito agradável.» Em ambos os locais, a população mostrou-se satisfeita com as condições de habitabilidade o que, na perspectiva de Ricardo Figueiredo, não é motivo de regozijo, mas sim de atenção. «É sempre possível fazer mais e melhor», considerou.  O Gabinete de Comunicação do PSD

Luís Miguel Ferreira, candidato a Presidente da Câmara Municipal de S. João da Madeira pelo PS, iniciou a semana passada uma visita aos serviços da Câmara Municipal. O objetivo da visita era cumprimentar todos os colaboradores camarários no seu próprio local de trabalho. Quando for “eleito Presidente da Câmara Municipal, contarei com o saber e competência de todos os colaboradores dos serviços da Câmara, sem excepção. Vamos trabalhar em conjunto em nome do progresso de S. João da Madeira e pela melhoria da qualidade de vida dos sanjoanenses”, referiu o candidato. “Gerir uma Câmara Municipal é muito diferente de gerir uma empresa, desde logo na forma de promover o envolvimento dos colaboradores na definição e implementação dos projectos e ações”, acrescentou o candidato. A visita, que foi acompanhada pelo Vice-Presidente da Câmara, Dr. Rui Costa, passou não só pelos serviços instalados no Fórum Municipal, mas também pela Biblioteca Municipal, Complexo Desportivo Paulo Pinto, Centro de Formação Desportiva, Horto municipal, Museu da Chapelaria, Torre da Oliva e Paços da Cultura. As restantes instalações municipais serão visitadas na próxima semana.

O Gabinete de Imprensa da Candidatura

Jornadas debatem a internacionalização das marcas

As II Jornadas Internacionais de Marketing, Publicidade e Relações Públicas do ISVOUGA, a 10 de maio, este ano subordinadas ao tema “Competir num mercado global” foram um espaço de partilha de boas práticas do modo como se pode comunicar uma marca global. O evento serviu ainda para o anúncio do lançamento de revista científica on-line intitulada International Journal of Marketing, Communication and New Media.  A sessão de abertura contou com a intervenção de Teresa Leão, diretora da

instituição, Antonieta Lima, coordenadora da U3is, Unidade de Investigação e Internacionalização do ISVOUGA e de Ricardo Mena, coordenador do curso e responsável pela organização deste encontro. Num formato que combinou comunicações de cunho científico com comunicações resultantes de experiências associadas a desempenhos profissionais de alto nível, a primeira ronda de intervenções destas jornadas, moderadas por Jorge Remondes, docente do ISVOUGA, contou

com as participações de Cibelli Almeida (U.Minho), cuja apresentação incidiu na análise de uma pesquisa “sobre as melhores empresas para trabalhar”, destacando a importância da comunicação e da confiança no ambiente de trabalho, numa perspetiva de liderança e de liderado. De seguida, Ana Santiago, em representação da mesma instituição apresentou um estudo sobre o papel das celebridades na comunicação de marketing das marcas de luxo, tendo elegido como caso de estudo

a Douro Azul. Numa última abordagem, Isabel Antunes, em representação do Instituto Politécnico do Porto abordou o tema das estratégias de internacionalização de empresas subsidiárias, um tema com fortes pontos de contato com as apresentações do painel seguinte, dada a focalização sobre fatores de aproximação e de distanciamento relativamente a países com os quais as nossas empresas visem internacionalizar-se, incidindo-se neste caso em particular sobre o caso de Espanha. A apresentação da revista científica on-line precedeu o intervalo entre as sessões e foi protagonizada pelo respetivo editor, Jorge Remondes, que anunciou o call for papers, a decorrer até 25 de Outubro, e o lançamento do primeiro número em Dezembro de 2013. Já no âmbito do 2º painel e sob a moderação de Maria do Céu Bastos, docente do ISVOUGA, Francisco Serralvo, da Universidade Católica de S. Paulo,

apresentou, através de videoconferência, um breve enquadramento da evolução da economia brasileira desde meados do século XX e introduziu o caso da marca havaianas, desde o seu surgimento e associação a um produto meramente funcional, simples e conotado com um mercado de consumo, mais popular, a um produto que, uma vez reposicionado, é consumido por um mercado com considerável poder de compra. De seguida, Isabel Amaral releva a importância do protocolo enquanto ferramenta de comunicação global, ilustrando ao longo da sua apresentação situações com impactos consideráveis na qualidade das relações internacionais relativas a diversificadas culturas e identificando pontos de contacto e diferenças a ter em linha de conta com distintos países. Por último, Carlos Brito, da Faculdade de Economia do Porto, destaca factores críticos para a criação e afirmação de marcas de sucesso, destacando a inte-

ração com os clientes como forma de desenvolvimento de uma relação que muito mais do que funcional, se pretende que seja emocional, dada a lealdade que se potencia relativamente aos consumidores, por essa via. O terceiro painel, moderado por Luís Costa, subdirector de informação da RTP, contou com as intervenções de Paulo Gonçalves, responsável de comunicação da APICCAPS, que fez o ponto da situação da estratégia de divulgação do calçado nacional no exterior, de Pedro Fernandes, diretor comercial da Renova que apresentou a evolução da empresa e explicou o modo como a marca se afirmou nos mercados internacionais, apostando na diferenciação e numa política de comunicação forte. Por último, Manuel Torres, da marca Impetus, fez uma exposição da história da marca e destacou alguns dos produtos de roupa interior que conquistaram os mercados internacionais.


91anos

16 de Maio de 2013

11

Cenas da Vida Crónica de Ricardo Stockler

Os chinelos de Abou Karen

Mais uma vez vou tratar de calçado. Mas hoje, que bom! De forma diferente. Mais leve e mais bela. O caro leitor quer ver? Então venha daí. Vou levá-lo, nas asas da imaginação, até Bagdad. Tempo: Idade Média. Repare quem ali vai pela rua fora. Aquele andrajoso. De aspecto miserável. É o rico mercador Abou-Karen. Tanto de imundo como de avarento. Mas nele há outra coisa repelente. O par de chinelos que, há muitos anos, traz nos pés. Ora, Abou-Karen fez um dia destes negócio de vulto. Com ameaças de cadeia e a preço irrisório, extorquiu a um infeliz, seu devedor, preciosa colecção de frascos de cristal. Todos eles cheios de raríssimos perfumes. Quando a sorte bafeja deste modo algum comerciante, costume é do Oriente: convidam-se os amigos. E festeja-se o acontecimento com lauto banquete. Mas Abou-Karen, nada. Calou-se muito calado. Decidiu-se mas foi por um banho no balneário público. Autêntico luxo que não se permitia há muitos anos. No caminho, topou com certo amigo. Este, ao ver a maneira penosa como Abou se arrastava dentro dos chinelos, aconselhou-o a comprar uns novos, para se ver livre de tão grande sofrimento. Porém, o nosso homem retorquiu: “Sabes? Já tenho pensado nisso. Mas, vistas bem as coisas, acho que os meus chinelos

ainda podem durar muitos anos tal e qual estão”. E pronto! Sem mais conversas, desandou para o banho. Quando acabou, ficou espantado! No sítio, onde tinha deixado os chinelos velhos, encontrou ele agora um par de chinelinhos novos. Do mais belo brocado. Tudo bordado a ouro. Concluiu facilmente que o amigo os tinha posto ali. À disposição. Prova da sua imensa generosidade. Todo contente com mais aquele golpe de fortuna, calçou os chinelinhos primorosos e toca depressa para casa. Infelizmente, enganou-se. Os ricos chinelos tinham dono. Pertenciam ao Cádi da cidade que também tinha entrado no balneário, logo após Abou. Ao ver os chinelos imundos que toda a gente conhecia, o Cádi mandou logo os escravos arrastar o mercador à sua presença. De nada valeram protestos de inocência. Abou teve que pagar pesada multa e recebeu de retorno os chinelos velhos. Imagine-se o estado de espírito do velho avarento. Mal chegou a casa, a primeira coisa que fez foi atirá-los com toda a força e muitas pragas para o meio do rio Tigre que corria por baixo da janela da sua habitação. Dias depois, andavam por ali pescadores na faina da pesca. De repente, sentiram que a rede trazia coisa de peso.

Todos contentes, julgaram tratar-se de boa pescaria. Mas a desilusão logo sobreveio. Cedo viram no meio das redes os imundos chinelos de Abou. Ficaram furiosos, como é de ver. E vai daí - zumba! Arremessaram com violência os ditos chinelos através da janela da casa do mercador. Eles voaram pelo ar com tanta pontaria que vieram partir os preciosos cristais onde se encontravam os raríssimos perfumes. Abou ficou desesperado. Vai então, decidiu-se. De uma vez por todas ia ver-se livre dos malditos chinelos. Foi ao quintal. Fez uma grande cova e - zás! - enterrou-os nela. Porém, um vizinho viu-o cavar sem descanso. Foi a correr dizer ao Cádi que Abou andava a esconder no quintal grande tesouro. Lá vêm os guardas da cidade. Põem a ferros o nosso homem. E só, por meio de nova pesada multa, é que Abou conseguiu a liberdade. Desanimado, o velho avarento já só queria ver-se livre dos chinelos. E pensou. “Já os lancei na água. Depois, na terra. Tudo em vão. Pois bem! Vou lançá-los ao fogo. Será maneira segura de me ver livre dos meus malditos chinelos”. E para arderem melhor, pô-los a secar bem ao sol no telhado. Pronto! Ali, ao menos, ninguém lhes ia tocar. Mas enganou-se. Porque um gato, que por ali veio a passar, achou piada aos chinelos. E começou a brincar com eles. Pata

aqui. Boca acolá. Os chinelos andaram num rodopio durante longo tempo. Até que, no correr da brincadeira, o gato aproximou-os demasiadamente do beiral. Catrapuz! Lá vêm os chinelos do alto do telhado para a rua. Nesse momento, ia a passar nobre senhora com um bebé nos braços. E por um triz os chinelos matavam os dois. De novo, lá se vê em sarilhos o nosso Abou-Karen. Levado ao tribunal, nada mais tem a dizer, senão pedir ao Cádi que o ajude a libertar-se dos chinelos. O Cádi prometeu que se iria encarregar pessoalmente do assunto. Mas, para multa e custas do serviço, lá tornou a exigir grossa quantia. Como sempre acontece em demandas no Oriente, o juiz fez amiga advertência. Aconselhou Abou-Karen a não ser assim tão miserável. A vida não consiste em amontoar riquezas. Antes, em administrar com sabedoria aquilo que se tem. Isto passou-se na Arábia. Alta Idade Média. Bem sei. Hoje não há por cá mentalidade nem chinelos iguais aos de Abou Karen. Deixem-me só confessar. (Mas, atenção! É segredo). O nosso tempo comprime-nos a alma com tanto anseio que eu decidi contar a história com intenção. Dar por momentos um cibinho de prazer à criança pequenina que todos temos em nós.

Um acontecimento que apraz divulgar Há acontecimentos que nos deixam felizes e que temos gosto em divulgar. Não é só gosto, é mesmo um dever. O dever de inscrever no conhecimento público a história de pessoas singelas. Pessoas de vida incógnita e humilde. Mas pessoas, que sempre pautadas de grande lhaneza, a dada altura das suas vidas, assumiram decisões de grande elevação.

Esta é a muito breve história de alguém que pagou com o Bem, o Bem recebido de outros. Chamava-se Lúcia Duarte de Almeida Pinto e nasceu em 5 de Abril de 1929. Era natural de Castro Daire, vila que deixou ainda muito nova, quando a família se mudou para S. João da Madeira, acompanhando o pai, funcionário municipal, que fora transferido para a Câmara Municipal local. Eram 6 irmãos germanos, dos quais três ficaram solteiros, entre eles, Lúcia Pinto. Mulher bastante bonita (a quem se não conheceram namorados mas que gostava de se arranjar), padeceu desde muito jovem de uma limitação física numa perna, o que terá tolhido a sua vontade em casar-se. Cá completa a quarta classe e tira o curso de Corte e Costura. Mulher reservada mas muito prendada de mãos (de um pedaço pequeno de pano fazia lindíssimos vestidos), torna-se modista de algumas relevantes famílias sanjoanenses. Lê e escreve muito bem e é, ainda, uma competente decoradora. Cuida da mãe viúva e dos irmãos solteiros. E a vida flui entre panos e obrigações familiares.

Em 13 de Julho de 2006, com 77 anos, é acolhida no Lar de Idosos da Misericórdia. Deixara de caminhar, debilitada por artro-

ses e outras consumições. Cuidada por familiares próximos, as atenções destes eram já insuficientes, dada a sua condição. A dependência anunciava-se nas mais comezinhas tarefas do quotidiano, desde vestir-se à higiene pessoal. E a reforma era muito pequena. Testemunho do estado de necessidade a que chegou, é a carta de um

irmão, quando diz “temos ajudado (a minha irmã) como podemos mas durante a noite e em certos períodos do dia fica sozinha (…). Ela precisa urgentemente de ir para o Lar.” Assim aconteceu. Entretanto, deixara expressa a vontade de doar a quem de si cuidasse, o único bem de valor mais expressivo que agremiara, um apartamento na Cooperativa de Habitação 11 de Outubro, no lugar da Mourisca. Essa vontade é afirmada na citada carta. E testemunhada por duas sobrinhas grandemente empenhadas na salvaguarda dos cuidados que a tia carecia. Essa vontade não pode, todavia, ser confirmada notarialmente. A sua saúde já não o permitia. Lúcia Pinto continuou a residir no Lar de Idosos. Aí foi cuidada, tratada e acarinhada. Aí extinguiu os seus dias, em 1 de Maio de 2012, funesto culminar que a doença anunciara. Tinha 83 anos.

Segue-se a ainda mais breve história do gesto que respeitou o Bem que outros quiseram fazer. Logo após as exéquias, as sobrinhas, que tanto pugnaram pelos cuidados da tia, procuraram a Misericórdia. Queriam ver respeitada a sua vontade. Um irmão dela igualmente se empenha nesta demanda. Lúcia Pinto não deixara marido ou filhos pelo que estes familiares assumiram-se zeladores das suas determinações. Convocaram irmãos, sobrinhos e sobrinhos-netos e expuseram o caso. Todos aquiesceram, excepto um sobrinho-neto. A vontade da tia era para se cumprir, mesmo que alguns labutassem em dificuldades quotidianas.

Em 19 de Fevereiro de 2013, reúnem-se no Cartório Notarial de S. João da Madeira, Alfredo Duarte de Almeida Pinto, Amélia Duarte de Almeida Pinto, Maria João de Almeida Pinto, João António de Almeida Pinto, Luís Fernando de Almeida Pinto, Rui Manuel Pinto da Silva e Ana Maria Rodrigues Pinto, para outorgarem a escritura de doação dos respectivos quinhões hereditários à Santa Casa da Misericórdia de S. João da Madeira. Os esposos dos doadores casados, declaram aceitar essa doação. Assim o disseram Maria La-Salete de Oliveira Coutinho, Maria Adelaide Joaquina da Silva e Celestino Matos Martins Pinheiro. A única verba da herança era o apartamento, testemunho de uma vida moderada e frugal, mas trabalhadora e recta. Assim se cumpria a sua vontade! O gesto que Lúcia Pinto decidiu, e que quase todos os herdeiros respeitaram, deixa um lastro de grande exultação. Comprova-se a supremacia da gratidão e do reconhecimento, da honradez e da dignidade, sobre o interesse próprio e o materialismo. Bem-haja! Por parte da Misericórdia, assumimos o compromisso de dar bom uso ao produto desta doação. O valor recolhido será inequivocamente aplicado em prol do bem comum e do bem-estar dos nossos utentes. Alguns deles residentes do Lar de Idosos, sem condições materiais para assumirem os encargos que a sua condição requer… Santa Casa da Misericórdia de S. João da Madeira


12

16 de Maio de 2013

Afinal não havia «É Bom Viver» Núcleo animou «Manhãs um monstro em Sportinguista de S. João da Madeira S. João da Madeira Desportivas» No passado sábado, o Núcleo Sportinguista de S. João da Madeira esteve presente em Vila Nova de Gaia, para apoiar a equipa sénior de hóquei em patins da Sanjoanense na vitória e passagem à final four da Taça de Portugal, sendo esta uma iniciativa pioneira na nossa cidade e, possivelmente, no país, de que nos orgulhamos como sanjoanenses. Estas iniciativas são para continuar e reforçar

  No passado domingo, dia 12, a “É Bom Viver” esteve no Parque do Rio Ul, a orientar uma aula de yoga, que teve muitos participantes, contando ainda com a presença do presidente da associação e diretores. Este evento é da autoria da Junta de Freguesia de S. João da Madeira e, como eles dizem, “Junta-te a nós, Mexe-te, pela tua saúde”; sendo assim temos que comparecer, sempre, para nosso bem. Um bem-haja para os organizadores.                 Adão S. Pereira

«Superar Desafios» No passado dia 5 de Maio, a associação Superar Desafios participou na prova a contar para o troféu das serras míticas, organizada pelo ex-ciclista Cândido Barbosa, com uma participação de 180 concorrentes de todo o país. A partida foi em Oliveira de Azeméis, com passagem por Vale de Cambra, Arouca, Castelo de Paiva, Arouca, com chegada à mítica Serra da Freita. Após 123 km de muita dureza, lá chegámos.  É de enaltecer a boa organização, com a participação da associação de ciclo-turismo do centro, pois fizeram um bom trabalho. Continuem porque estão no bom caminho. Vai ser já no dia 16 de Junho que a nossa associação vai participar no Grande Fundo, que se realiza na Serra do Gerês, estando já inscritos mais de 1000 participantes. Vai ser duro, mas se te achas capaz, junta-te a nós para este desafio. Boas pedaladas.   

No âmbito da SEMANA DA TERRA, foi organizado pela ARMA um concurso sob o tema «Onde está o monstro? Que monstro é este?». Aderiram alunos da Escola Básica do 1.º ciclo com JI Conde Dias Garcia, Escola Básica do 1.º ciclo com JI das Fontainhas, Escola Básica do 1.º Ciclo com JI de Carquejido e Escola Básica dos 2.º e 3.º ciclos de S. João da Madeira e os mais jovens atletas desta associação. Dos muitos trabalhos de elevada qualidade artística, a responsável pela difícil escolha (Dr.ª Ana Elisa Oliveira) decidiu atribuir dois primeiros prémios “ex-aequo”, no valor de 75€ cada em material escolar e um segundo prémio de

Estatuto Editorial

Semanário Regionalista e de Cultura Propriedade de: José Soares da Silva Ldª Contribuinte n.º 500371326 - Capital Social 100.000.00 euros Rua 11 de Outubro, 178, 3700 - 210 S. João da Madeira Em cumprimento do artigo 16.º da Lei n.º 2/99 de 13 de Janeiro, publica-se a relação dos detentores de participações de capital da empresa José Soares da Silva L.da, inscrita no Instituto da Comunicação Social sob o n.º 102728, proprietária da publicação periódica “O Regional”, com sede na Rua 11 de Outubro, 178, 3700-210 S. João da Madeira. O capital social é de 100.000.00 euros Os sócios e administradores com mais de 10% de ca­pital são: José da Silva Pinho e Maria Ângela da Silva Pinho. Impressão: Coraze - Oliveira de Azeméis Tiragem: 6 500 exemplares José Soares da Silva, L.da, é também proprietária do jornal “O Arrifanense” (Reg. ICS 202727). O Regional, n.º 3461 de 16/05/2013

O jornal “O Regional”, no cum­primento duma obrigação legal, renova o conteúdo do seu Estatuto Editorial, na mesma linha que orientou os 91 anos de publicação inin­te­rru­­­ pta, de colocar os verdadeiros interesses do Con­­­­­celho de S. João da Madeira como a sua prioridade, não se misturando com os interesses de grupos, nem políticas partidárias. Os artigos assinados re­fle­ ctem tão somente a opinião dos seus autores e não vinculam necessariamente a Direcção do jornal. “O Regional” renova o com­­promisso de respeitar os princípios deonto­l ógi­c os da imprensa e a ética profissional, de modo a não prosseguir apenas fins comerciais, nem abusar da boa fé dos leitores, encobrindo ou deturpando a informação. O Regional, n.º 3461 de 16/05/2013

50,00€ em dinheiro, em virtude de o contemplado ser já um jovem. Assim, os premiados foram: 1.º lugar: Joana Velhas da Costa - 2.º ano - turma A Escola Básica do 1.º Ciclo com JI Conde Dias Garcia Alunos de 6 anos Escola Básica do 1.º Ciclo com JI das Fontainhas 2.º lugar: - Guilherme Silva Rodrigues Parabéns às escolas e ao respectivo quadro docente pela adesão ao projecto da ARMA, na certeza de que sempre acolheremos de braços abertos os seus pedidos de envolvimento com as escolas.

no futuro, no apoio à Associação Desportiva Sanjoanense.    No passado domingo, após a conquista da Taça de Portugal em futsal, no jogo realizado em Guimarães, tivemos a honra da visita surpresa do presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho, à nossa sede, na qual foi transmitido o grande apreço pelo trabalho realizado em favor do Sporting Clube de Portugal, assim como endereçou os maiores êxitos e elogios à Associação Desportiva Sanjoanense.  No próximo fim de semana, estaremos em Aveiro, no apoio à equipa sénior de futebol, a contar para a última jornada da Liga.   Núcleo Sportinguista de S. João da Madeira Abertura todos os dias às 14h Telefone: 256823599 | Telemóvel: 916939586 nssjm@hotmail.com   Visite a nossa página no facebook em  www.facebook/NS.SPORTING.SJM

DEMONSTRAÇÃO DA ORIGEM E DA APLICAÇÃO DE FUNDOS DA EMPRESA: JOSÉ SOARES DA SILVA, LDA. NIPC: 500 371 326 EM 31 DE DEZEMBRO DE 2011 ORIGEM DOS FUNDOS

APLICAÇÕES DOS FUNDOS

DISTRIBUIÇÕES:

INTERNAS: Resultados Liquidos do Exercício Gastos de Deprec. e de Amortiz.exerc.

4.012,34 7.889,78

Variação Ajustamentos no Exercicio

Aplicações Resultados 11.902,12 DIMINUIÇÃO CAPITAIS PROPRIOS: MOVIMENTOS FINANCEIROS:

EXTERNAS:

. A MEDIO E LONGO PRAZO . Diminuição Dívidas a Terceiros

AUMENTOS CAPITAIS PRÓPRIOS Outros instrum. de Capital Próprio

AUMENTO INVESTIMENTOS:

MOVIM.FINANCEIROS M/L PRAZO: Aumentos Dívidas a Terceiros

Investimentos Financeiros

DIMINUIÇÕES DE INVESTIMENTOS:

Aquisições Activos Tangíveis e Intangíveis

Cessação de Investimentos

4.437,50

4.437,50 . Programas de Computador

825,00

Aumento Fundos Circulantes >----->

Total

16.339,62

Total

825,00 15.514,62 16.339,62

Demonstração de Variação de Fundos Circulantes AUMENTO DOS FUNDOS CIRCULANTES 1-AUMENTO DAS EXISTÊNCIAS 2-AUMENTO DÍVIDAS DE TERCEIROS A CURTO PRAZO 3-DIMINUIÇÃO DÍVIDAS A TERCEIROS A CURTO PRAZO

DIMINUIÇÃO DOS FUNDOS CIRCULANTES 2.225,40 1-DIMINUIÇÃO DAS EXISTÊNCIAS 23.851,82 2-DIMINUIÇÃO DÍVIDAS DE TERCEIRO A CURTO PRAZO 6.079,08 3-AUMENTO DÍVIDAS A TERCEIROS CURTO PRAZO 9.190,81

4-AUMENTO DISPONIBILIDADES

4-DIMINUIÇAO DISPONIBILIDADES

5-VARIAÇÃO ACRÉSCIMOS E DIFERIMENTOS.

5-VARIAÇÃO ACRÉSCIMOS E DIFERIMENTOS. Subtotal

6-DIMINUIÇÃO FUNDOS CIRCULANTES

Total de Aumento de Fundos Circulantes

6- AUMENTO FUNDOS CIRCULANTES

32.156,30 Total de Diminuição Fundos Circulantes

S.João da Madeira , 31 de Dezembro de 2011 TOC Nº.03697

A Gerência

7.450,87 16.641,68 15.514,62 32.156,30


91anos

16 de Maio de 2013

Na verdade, não vai ser nada fácil solicitar o apoio das pessoas, em particular dos idosos Opinião de Adé reformados, a DXLIII quem o governo do PSD se prepara para taxar as suas magras reformas em dez por cento! Não vai ser fácil obter o apoio dos funcionários públicos, quando o governo PSD/ CDS-PP se prepara para despedir muitas dezenas de milhares de funcionários públicos! Não vai ser fácil obter o apoio dos jovens desempregados a quem o Primeiro Ministro propõe a emigração como recurso! Não vai ser fácil obter o apoio dos estudantes do ensino superior, quando sabem que o governo diminuiu drasticamente os orçamentos da suas universidades! Não vai ser fácil obter o apoio dos desempregados, quando se constata que o governo não tem nenhuma política para a criação de empregos! Enfim, será uma tarefa gigantesca para o PSD, esta tentativa de inverter este quadro tão negativo até outubro próximo.

2 – Estaremos nós todos obcecados pelo PSD? Se alguém se presta a criticar qualquer decisão tomada pelo nosso município, vem logo alguém do PSD dizer que estamos obcecados por ataques à Câmara Municipal. Se questionamos sobre que forma irá o candidato e cabeça de lista do PSD, Ricardo Oliveira Figueiredo, gerir o município se vier a ganhar as eleições, quando se sabe que é igualmente gestor de mais duas empresas na nossa cidade, vem logo alguém do PSD a dizer que estamos obcecados em atacar o seu partido ou mesmo o seu candidato. Se referenciamos a gestão da Junta de Freguesia como uma gestão em part-time, cujo presidente é também presidente da Associação dos Bombeiros, que supostamente pensará nos bombeiros quando está na sede da Junta de Freguesia, e pensará na Junta de Freguesia quando está no quartel dos bombeiros, vem logo alguém do PSD e diz que estamos obcecados a atacar a Junta de Freguesia, os Bombeiros e o PSD. Obcecado por quem estará o deputado do PSD, Carlos Abreu Amorim, o anunciado candidato à Câmara Municipal de Gaia, quando tece duras críticas ao seu próprio partido? O PSD local prestaria um bom serviço se, em

vez de acusar alguém de obcecação, desse a explicação das questões levantadas, quer na forma como o seu candidato pensa dividir o tempo disponível pela duas empresas de que é gestor, mais o município; e quais as vantagens para a gestão da Junta de Freguesia, quando o seu presidente é também o presidente da Associação dos Bombeiros.

será certamente dos poucos, ou mesmo o único dia do ano em que podem sair das suas casas e de Paulo Guimarães desfrutar de momentos bem passados, afastando-os da solidão diária, ainda mais se reveste de capital importância a manutenção deste tipo de eventos. Congratulo-me assim com esta iniciativa que visa, única e exclusivamente, premiar quem já deu muito de si pelos outros, e agora requer e merece a nossa atenção. Espero e acredito que esta iniciativa se possa manter por muitos e longos anos, pois será sinal de que a nossa Junta de Freguesia e Câmara Municipal continuam com as suas contas em dia, permitindo-lhes continuar a fazer apostas deste cariz. Mais uma vez, os meus parabéns à Junta de Freguesia de S. João da Madeira pela excelente organização de mais um passeio.

data continua a ser lembrado e festejado, tendo como pano de fundo uma imagem de progresso e crescimento sustentado, bem como uma continuada aposta nas pessoas com o reforço na ação social. Quando tanto se fala nas pessoas e na necessidade da criação de políticas direcionadas para os mais carenciados, é bom relembrar que esta edilidade tem vindo a fazer uma clara aposta neste âmbito, reforçando os apoios aos mais carenciados, aos mais idosos, às crianças e dirigindo as suas prioridades para um problema que tem vindo a crescer nos últimos tempos. Hoje S. João da Madeira é uma cidade que se orgulha em ser solidária. A nossa cidade é hoje uma referência na região, destacando-se das outras pelo seu dinamismo, empreendedorismo e vontade de continuar a crescer. Prova disso é a continuada aposta da nossa edilidade num investimento assertivo e que vai ao encontro das necessidades da população, mais uma vez espelhada na obra feita e em fase de construção. E se hoje continuamos a orgulhar-nos em termos uma cidade com grande qualidade de vida, isso deve-se em grande parte às apostas dos últimos anos, em que sempre se procurou o melhor para a cidade e para os sanjoanenses. É assim um motivo de redobrada satisfação a comemoração desta data, que nos enche de orgulho e nos conduz a um bairrismo, que considero saudável, até porque o exemplo transmitido pela nossa edilidade a isso nos transporta. Apostas acertadas, políticas

corretas, preocupação em nunca dar um passo maior do que a perna, uma questão que cada vez mais se reveste de capital importância para a sustentabilidade de um município e sempre com visão no futuro. Sem nunca esquecer a pesada herança da dívida de longo prazo, que sempre foi uma prioridade abater e hoje, se olharmos para a realidade dos números, podemos ficar satisfeitos e tranquilos, pois foi conseguido um excelente trabalho no sentido da redução da dívida de longo prazo. Por estes e outros motivos, sinto-me orgulhoso na minha cidade. Parabéns, S. João da Madeira.

Questões da nossa Cidade

1 – Registe-se o esforço do PSD Perante a impopularidade deste governo de coligação, em que o PSD é o principal protagonista, tenho vindo a registar o esforço que o referido partido tem vindo a fazer, de forma a que o próximo acto eleitoral, marcado para o mês de Outubro, não seja uma verdadeira catástrofe política para o PSD. Veja-se, por exemplo, o que aconteceu aqui na nossa cidade, onde a recolocação dos bustos de dois antigos presidentes da autarquia, que tinham desaparecido por furto, tenha merecido a honra da presença de Miguel Macedo, um dos dois melhores ministro deste governo e, coincidentemente, ambos com o mesmo sobrenome. E digo-o não como crítica ao esforço do PSD, mas apenas como uma constatação.

Um olhar pela cidade Opinião

Mais de mil seniores sanjoanenses vivem dia inesquecível No passado dia 8 de Maio, mais de mil seniores sanjoanenses rumaram a Valença para o tradicional passeio dos idosos, numa organização da Junta de Freguesia de S. João da Madeira e que contou com o apoio da Câmara Municipal. Em tempo de crise, a Junta de Freguesia não quis deixar de mais uma vez presentear a população sénior com esta iniciativa e manteve de pé uma organização que cada vez mais serve de união e aproximação dos seniores sanjoanenses. Assim, desta forma, foi dado o reconhecimento e ao mesmo tempo foi dado um sinal de gratidão, por tudo aquilo que já fizeram e continuam a fazer por S. João da Madeira, sem que alguma vez fosse feita qualquer tipo de distinção de classes. Desta forma, e em franco convívio, todos puderam desfrutar de um dia que certamente lhes ficará na memória. Sendo que para muitos este

13

29.º Aniversário de elevação a cidade Comemora-se hoje a passagem de mais um aniversário da elevação de S. João da Madeira a cidade. 29 anos depois desse tão marcante dia para aos sanjoanenses, o simbolismo desta

3 – Será o deputado da nação, João Almeida, o candidato surpresa do CDS/PP local? Embora nunca tivesse feito referência disso nos meus escritos, há já algum tempo que ouvia dizer que o presidente da concelhia do CDS/ PP em S. João da Madeira teria na manga uma surpresa para apresentar como seu candidato às próximas eleições autárquicas de Outubro. Ora, pelo que li nas declarações recentes do próprio deputado da nação, João Almeida, fica a ideia de que isso é perfeitamente possível. O que não acredito - e digo-o muito sinceramente - é que, se o referido deputado for realmente a jogo, obtenha um bom resultado. Porque os são-joanenses já aprenderam que, mais importante que os que aqui apenas nasceram e se foram, são os que aqui escolheram viver.

Hóquei da Sanjoanense está de parabéns A equipa sénior do hóquei em patins da Sanjoanense está de parabéns ao conseguir atingir a final four da Taça de Portugal na modalidade. Este é um feito digno de registo, tendo em linha de conta que se trata de uma equipa do escalão secundário e que irá medir forças com os seus vizinhos e primodivisionários Oliveirense. A fazer um campeonato bastante positivo, ocupando atualmente a 3.ª posição da zona norte da 2.ª divisão, e muito próximo de um lugar de subida, a Sanjoanense marca assim o seu nome a letras douradas, entrando na disputa do segundo troféu mais importante da modalidade. O simples facto de poder estar a discuti-lo é já por si só digno de registo, ficando aqui expresso as minhas palavras de incentivo e de congratulação perante tal feito.


14

91anos

16 de Maio de 2013

Pag.s 14-23

Campeonato Distrital da 1.ª Divisão de Aveiro - 32.ª jornada | Jogo no Parque de jogos de Cucujães

MARCOTIN

Para um bom obreiro não há má ferramenta

Cucujães - 0 Rebelo

Brinca

Nunes

Carlitos Márcio

B. Resende

Ricardo Nuno Roscas Telmo

Stephan

Marcador ------------

CUCUJÃES

Resultado ao intervalo Remates - À baliza - Interceptados - Para fora - À barra/trave Eficácia remate/golo Pontapés de Canto Foras de jogo Faltas cometidas Cartões amarelos Cartões vermelhos (ac.) Cartões vermelhos (dr.)

0 3 (0+3) 0 (0+0) 1 (0+1) 2 (0+2) 1 (0+1) 0% 5 (2+3) 2 (1+1) 9 (5+4) 1 (1+0) 0 (0+0) 0 (0+0)

SANJOANENSE

1 21 (9+12) 10 (3+7) 3 (3+0) 8 (3+5) 0 (0+0) 14,28% 6 (4+2) 4 (2+2) 13 (6+7) 1 (0+1) 0 (0+0) 0 (0+0)

CASA

S. Roque

Tempo total de jogo: 45.06+ 45.01 = 90.07 Tempo útil de jogo: 27.02 + 27.03 = 54.05 Percentagem de tempo útil jogado: 60.00% Média de idade do onze inicial: 25.81 Média de idade dos utilizados: 26.07 Média de idade dos convocados: 25.38

Sanjoanense

FORA

Estatística

Paivense

Marcadores Alex (21’) Nesson (51’) de g.p. Mário (68’)

P. Brandão

Treinador David Resende

Mourisquense

Não utilizados Pedro (gr junior), Jonas, Markitos, Ayrton

Stefan

Canedo

Substituições Toninho por Nélson (62’) Quim Pedro por Stefan (61’) Edgar por Letz (74’)

Letz

Calvão

Vítor

Milheiroense

João Pinto

Fermentelos

Mário

Cucujães

Nelson

Em final de campeonato, o técnico da Sanjoanense tem vindo a fazer várias alterações na equipa, nomeadamente no jogo em Fiães e agora em Cucujães, onde, em relação à ultima jornada, foram feitas cinco alterações. A equipa não se ressentiu dessas alterações, isso é um facto, o que se prova a qualidade do plantel, mas será que David Resende nestes dois jogos por nós mencionados, ao fazer isso não é só pelo facto de colocar os que menos jogam em

Águeda

Janita

Alex

Carregos.

Bruno Fogaça

Alba “B”

Vitor Careca

movimento, mas sim para esconder tácticas? Lembramos que o jogo de Fiães foi a um domingo e, na 4ª feira seguinte, se jogava um jogo importante para a Taça de Aveiro com o Lourosa; agora, este jogo em Cucujães, o adversário dos alvinegros na final da Taça, David Resende quer-nos parecer que “escondeu” aquele onze que acreditamos que vai subir ao relvado no Mergulhão, em Cesar, já em Junho. O jogo só teve um sentido, a equipa de Cucujães preocupada com a sua classificação para conseguir a manutenção, foi uma for-

Mealhada

augustolopes@oregional.pt augustolopes09@hotmail.com

Mansores

Augusto Lopes

Lourosa

Sanjoanense - 3

Gafanha

Não utilizados Pena, Miguel, Rui Correia, Nuno Reis

Treinador Durbalino Lima

Fiães

Substituições R. Nuno por B. Resende (32’) Valdemar por Caneas (65’) Rui Miguel por Brinca (77’)

2-2 0-2 1-2 0-1 3-0 0-1 0-1 1-1 1-1 0-2 3-2 1-4 1-0 0-3 3-6 5-1 3-0 4-0 2-0 2-0 2-1 0-3 2-0 1-4 1-3 3-1 Águeda 2-2 3-0 1-1 1-0 1-2 7-0 4-2 0-3 1-2 0-0 1-0 2-2 1-3 2-0 1-1 0-2 0-5 0-0 Calvão 1-3 1-0 3-1 1-2 Canedo 4-0 0-1 2-1 0-0 1-1 0-0 2-0 0-1 0-2 4-2 1-1 3-2 0-2 0-3 1-2 1-0 Carregos. 2-1 4-0 2-0 2-1 3-0 2-1 1-0 1-2 0-4 1-0 1-0 2-1 1-0 0-0 0-1 6-1 Cucujães 2-1 0-3 0-1 2-1 1-1 3-1 2-1 0-1 0-3 2-0 1-0 2-2 1-0 2-1 3-1 0-3 Fermentelos 1-0 3-2 0-1 1-3 0-1 1-2 1-0 2-1 1-1 2-0 0-3 0-0 4-0 1-2 1-2 1-1 Fiães 1-2 2-1 5-1 1-0 0-0 2-0 0-1 0-0 3-1 4-1 3-3 1-4 2-0 5-0 2-0 2-0 0-5 1-0 2-1 0-2 1-0 0-0 1-1 2-3 3-0 1-2 1-1 Gafanha 1-1 1-0 3-1 2-0 1-1 3-0 1-0 2-1 7-1 4-0 3-2 5-0 1-1 5-0 Lourosa 3-0 2-0 4-0 3-1 2-0 4-0 3-0 Mansores 3-2 0-3 3-2 1-1 1-1 1-2 4-1 0-3 0-0 2-5 3-1 2-2 2-1 0-4 0-4 3-0 2-2 7-0 1-2 1-1 4-1 4-2 2-0 0-2 1-2 3-1 1-2 2-3 4-1 3-0 3-2 Mealhada Milheiroense 0-0 2-2 3-1 1-1 3-1 2-1 2-0 4-1 1-0 0-1 1-2 2-0 4-1 2-2 1-2 4-1 Mourisquense 2-1 0-0 2-0 0-1 1-1 3-0 2-0 0-1 1-1 1-4 3-3 0-0 1-1 1-1 2-2 3-0 P. Brandão 2-1 2-1 2-2 1-3 0-2 1-0 1-1 1-2 2-2 5-0 3-4 2-1 1-0 4-4 2-2 3-0 Paivense 1-0 2-2 2-2 1-0 1-0 2-0 1-4 5-0 0-2 3-1 1-3 3-1 2-2 1-1 3-1 1-0 Sanjoanense 4-0 2-1 9-1 6-0 5-1 3-2 5-0 3-1 2-0 1-1 4-0 6-0 0-1 6-1 3-0 2-3 S. Roque 1-1 0-0 2-0 0-3 1-3 4-3 2-4 1-1 0-5 2-0 1-1 0-1 0-2 4-3 4-2 0-5 Alba “B”

mação que pouco ou nada arriscou. Durbalino Lima, o técnico da equipa anfitriã, montou um esquema táctico baseado num 4x4x2, isto na teoria porque, na prática, assistiu-se a um meio campo formado por cinco homens e, na frente, isolados, ficava umas vezes Brinca, outras vezes Telmo. Abrindo o activo sensivelmente a meio da primeira parte, a Sanjoanense, que quanto a nós até esteve bem nos primeiros 45 minutos, não mais conseguiu marcar até ao intervalo, não porque não tivesse criado oportunidades para tal, mas também porque lances houve que “adornos” fizeram com que o remate não surgisse.

Na 2.ª parte, embora sem grande acutilância ofensiva, o Cucujães veio diferente, para melhor, mas é aqui e a partir do minuto cinco que tudo se desmoronou, surge a grande penalidade, com ela o segundo golo dos alvinegros e, para agravar ainda mais, Roscas foi expulso, pelo que o Cucujães, a perder por 2-0, tinha também menos uma unidade. A partir daí, assistiu-se a um jogo “pachorrento”, muita circulação de bola e, pasme-se, é com um jogador a menos que o Cucujães tem a sua melhor oportunidade para marcar, por intermédio de Telmo. Valeu do na circunstância o arrojo e a classe de Janita evitando o golo.

Marcadores (totais) Quim Pedro (30), Mário e Alex (12), Stefan (11), João Pinto (8), Bruno Fogaça e Nelson (7), Mário Brandão, Markitos e Toninho (4), Rui Miguel, Vítor e Ayrton (2), Careca, Letz, Tiago e Xavier (1). Tiago Luís ( Paivense ) 1 na P. B.

Domingo - 19 de Maio - 17h00 Estádio Conde Dias Garcia

Sanjoanense - Gafanha

com relato directo e integral na R.R.S. (88.1) FM


91anos

Augusto Costa Cartão verde

15

16 de Maio de 2013

(ver nota)

Num jogo sem problemas de maior, o árbitro limitou-se a gerir a situação, com uma arbitragem tranquila, segura e personalizada e que, com sua experiência, levou os jogadores a aceitarem as suas decisões, contando ainda com a boa colaboração dos seus árbitros assistentes. Auxiliado por: Alcino Soeiro e Ricardo Pinho, do C.A. da A.F. Aveiro Disciplina: cartão amarelo para: Telmo (37’) e Tiago (70’) Cartão vermelho (directo): Roscas (50’)

Bruno Fogaça 7 (1-1) O espinhense é um artista e tem pormenores de espantar, de classe pura, de virtuosismo, sem qualquer dúvida de jogadores classificados acima da média, por nós, comentadores. Houve também boas exibições na equipa, mas Bruno Fogaça foi o cérebro da equipa, pelo menos aquele que pensa a base do jogo dos alvinegros, gerindo as situações e o tempo com a sua habitual mestria. Uma exibição agressiva, produtiva e de muita classe de um jogador que, diga-se, inegavelmente tem no sangue o virtuosismo.

Nota: Cartão Vermelho de 0 a 3 / Cartão Amarelo de 4 a 6 / Cartão Verde de 7 a 10

O jogo visto por David Resende

Analisando um a um

(a uma pergunta nossa sobre cinco alterações no onze inicial)

Janita: 5 (0-0) – Um só momento de trabalho. Tiago: 6 (2-1) – Senhor da defesa e da raça. João Pinto: 5 (0-0) – Pau para toda a obra. Careca: 5 (0-0) – Uma poltrona dava jeito. Vítor: 6 (0-0) – Fonte de energia fantástica. Letz: 5 (2-0) – O mérito de nunca desistir. Nelson: 5 (1-0) – Para o que for necessário. Stefan: 6 (1-1) – Pormenores deliciosos. Mário: 7 (1-1) – Deu o que tinha e, por vezes, o que não tinha. Bom jogo. Alex: 7 (3-1) – Elástico que nunca rebenta. Toninho: 4 (1-0) – Sem lances de magia, mas só jogou 28 minutos. Quim Pedro: 3 (0-0) – Talento preso na jaula. Edgar: 2 (1-0) – 14 minutos em jogo, só para gerir.

Como já tenho dito, o plantel é equilibrado, eu tomo opções, tivemos alguns condicionamentos durante a semana. De qualquer forma, optei por esta equipa, porque confio neles. A vitória foi indiscutível, uma primeira parte bem jogada por nós, houve um pequeno período em que perdemos a concentração, mas fomos sempre melhores do que o adversário, com mais intensidade, melhor circulação de bola, fizemos nesse período só um golo, mas podíamos ter feito três ou quatro, não só pelas oportunidades falhadas, mas também pela cerimónia que fizemos no remate à baliza. Na segunda parte, apareceu o segundo golo e, a partir daí, com um elemento a mais, fizemos o terceiro, passámos a gerir o jogo com circulação de bola, nem sempre, é certo, da melhor forma, mas de uma forma tranquila, com muita calma e serenidade, porque a vitória já estava assegurada, perante um Cucujães que trabalhou, que lutou, mas que não conseguiu mais porque fomos muito fortes. Pergunta-me para onde corre a Sanjoanense neste momento, dir-lhe-ei que em todos os jogos entrámos para ganhar, temos a nossa dignidade, defendemos um grande clube, faltam dois jogos e queremos ganhar.

Rua 1.º de Maio (Z.I. Arrifana) Telf. 256 827 440/2/6 | Fax: 256 825 632 email: geral@grifagemjp.pt www.grifagemjp.pt

www.ecomobile.pt

Filme do jogo 11’. Após pontapé de canto, Mário, ao segundo poste, faz cabeceamento ao lado da baliza. 21’. 0-1 POR ALEX. Na esquerda, Vítor faz um cruzamento, a bola viaja até ao lado direito, onde Mário faz novo cruzamento a meia altura, bola na pequena área e a bater no solo, com Alex a aparecer e a desviar de cabeça para o golo. 28’. Pontapé de canto do lado direito e Letz, ao segundo poste, a cabecear mas ao lado da baliza. 39’. Nelson, na área e depois de tirar um adversário do caminho, temporizou e perdeu a oportunidade de rematar. 42’. Remate de Vítor, defesa de Ricardo, para Stefan, depois, na recarga, falhar o golo. 43’. Cruzamento da direita de Mário, para cabeceamento de Stefan ao lado da baliza. 51’. 0-2 POR NELSON DE G.P. Na área e junto à linha de fundo, no lado direito, Alex recupera uma bola, faz depois um passe para trás e para junto da marca do castigo máximo, aparecendo aí Mário a rematar. Roscas, em cima da linha de golo, evita o golo com a mão. Grande penalidade que Nelson converteu e o Cucujães com menos uma unidade por expulsão de Roscas. 53’. Stefan deixa dois adversários pelo caminho, faz depois um passe a isolar Tiago; este, perante Ricardo, remata para grande defesa do guardião. 64’. Mais uma boa defesa de Ricardo a remate de Vítor. 66’. Mário, isolado, faz o remate para excelente defesa do guardião da casa. 69’. 0-3 POR MÁRIO. Na área e perante um aglomerado de jogadores, a bola junto à linha de golo espera pelo “rematas tu ou remato eu”, com o guardião Ricardo algo passivo, Mário intrometeu-se e encostou para o golo. 74’. Telmo isola-se e entra na área, Janita sai de entre os postes, arroja-se ao solo e evita o golo; entretanto, a bola sobra novamente para Telmo, que remata à rede lateral.

Fabrico e Comercialização de Produtos Alimentares Pré-Cozinhados - Ultra Congelados Rua do Progresso, n.º 523 - Cucujães Telef. 256 818 361 - Fax 256 808 117 | www.tiamariaprecozinhados.com

Av. Benjamim Araújo, 335 Letra N S. João Madeira Tel. 256 833 072 - Tlm.: 968 285 013

49 Anos ao serviço da construção civil

serigraff_mp@hotmail.com

Rua da Liberdade, 1042 S. João da Madeira Telf.256 824 602


16

16 de Maio de 2013

MARCOTIN

Benjamins BP Nacional Juniores

Nacional Juvenis

2.ª Fase Série B

2.ª Fase Mant./Desc. Série C

Distrital Juniores

1.ª Divisão - Série Primeiros

13.ª jornada – 11/5/13

12.ª jornada – 12/5/13

14.ª jornada – 11/5/13

Sanjoanense

Sanjoanense

Lus. Lourosa

Padroense

1 1

ADS: Pedro Silva, Ricky, Diogo, João Carlos (1), Nuno, Pinto, Tiago Tavares, Berna, Rui, António, Gil, Pedro Almeida Suplentes: Eurico, Álvaro, Renato, Tiago Costa, Renato, Leo

Distrital Iniciados

1.ª Divisão - Série Primeiros

14.ª jornada – 12/5/13

Espinho Sanjoanense

2 1

ADS: Rui, Leandro, Leo, Pedro, Ruben, Dany, Renato, Berna, Márcio, Daniel, Dany F. Suplentes: Fernandes, Ângelo, Tiago, Titi (1), Simão, Samu, Tavares

Distrital Benjamins B Série Primeiros

14.ª jornada – 11/5/13

Sanjoanense Beira Mar

3 2

ADS: Nobre, Alex, Pereirinha, Gui (1), Gonçalo (1), Diogo, Gustavo (1) Suplentes: Faria, Oliveira, Miguel, Trindade, Jorge

Eléctrico

0 1

ADS: Eurico, Dani,Jorge, Bruno, Ramires, Teles, Micoli, Xadas, Lopes, Marcelo, Resende Suplentes: Pedro, Vitinha, Teles, Diogo Loureiro, Diogo Santos, Rafael

Distrital Juvenis

1.ª Divisão - Série Últimos

14.ª jornada – 12/5/13

Oliv. Bairro Sanjoanense

2 2

ADS: Inácio, Lima (1), Nuno, Diogo, Marinho, Soares, Dario (1), Cardoso, António, Emídio, Manel Suplentes: Costa, Hugo, Leite, Oliveira, Miguel, Alex, Neto

Distrital Benjamins B Últimos Série C

14.ª jornada – 11/5/13

Arrifanense Sanjoanense

8 0

ADS: Ferreira, João Aguiar, José Miguel, Bruno Leite, Afonso, Rui, Neves Suplentes: Fábio, Pedro Lopes, Xico, Ricky, Almeida

Sanjoanense

0 6

ADS: Pangaio, Barbosa, Dani (1), Hugo, Meireles, Bruno Cardoso, Feiteira, Pedro Lisboa, Rúben (1), Jorge Neves (2), Cristiano (1) Suplentes: Cassoni, Miguéis, Júlio, Marcelo

Distrital Benjamins A Série Primeiros

15.ª jornada – 11/5/13

Sanjoanense Mourisquense

1 4

ADS: António Silva, Vitor H., Freitas, Renato, Xavi, Berna, Rafa (1) Suplentes: J. Pedro, P. Gomes, André, Teixeira, Leo

Distrital Infantis A Série Primeiros

15.ª jornada – 11/5/13

Sanjoanense Anadia

1 0

ADS: João Santos, Rafa Cardoso, Miguel Belém, Vasco Lima, Dani, Paulo Santos, Nuno Soares Suplentes: Pedro Gonçalo, Teixeirinha, Tininho, André Duarte (1), Valter

Distrital Infantis B

Distrital Infantis B

14.ª jornada – 11/5/13

14.ª jornada – 11/5/13

14.ª jornada – 12/5/13

Sanjoanense

Sanjoanense

Sanjoanense

Série Primeiros

Feirense

3 3

ADS: Valinho, Pereira (1), Duarte, Jorge, Bernardo, Faria (1), Canelas (2) Suplentes: Daniel, Tiago Pinto, Tiago Silva (1), Vicente, João Almeida

Infantis AP

Distrital Infantis B

Série Primeiros

Feirense

Traquinas A

Últimos Série C

3 3

ADS: Valinho, Pereira (1), Duarte, Jorge, Bernardo, Faria (2), Canelas Suplentes: Tiago Pinto, Rui Costa, Tiago Silva, Vicente, João Almeida

Arrifanense

Série Primeiros

3 1

ADS: João, Félix, Dani, Tiago, Ricardo, Joaquim (2), Branco Suplentes: Gustavo, João Paulo, Hugo, Branco, Flavien

15.ª jornada –11/5/13

0 Sanjoanense 7 Oliveirense

ADS: Caxana, David (4), Veloso, Medeiros, Carlitos (1), Grilo (1), Pais Suplentes: Marinho, Rafa (1), Diogo, Vargas, Fontes

Benjamins AP

Sábado - 18 de Maio escola Pandas 2003/4 Paços de Brandão 9h30 - CFD-11 Pandas 2005 Paços de Brandão 9h30 - CFD-7 Pandas 2006 Paços de Brandão 10h30 - CFD-7 Pandas 2007/8 Paços de Brandão 10h30 - CFD-5 Infantis A/P Oliveirense - ADS 9h00 - O. Azeméis Infantis B/P P. de Brandão - ADS 9h00 - P. Brandão

Benjamins B/P Taboeira - ADS 9h30 - Seminário Traquinas A/P ADS - Beira Mar 11h30 - CFD-11 Benjamins A/P Valonguense - ADS 15h30 - A. Vouga Juniores B ADS - Taboeira 15h00 - CFD-11 Juniores A Espinho - ADS 17h00 - Espinho Veteranos ADS - Canedo 17h00 - CFD-11

Domingo - 19 de Maio Juvenis B ADS - Águeda 9h00 - CFD-11

Iniciados B ADS - Mealhada 11h00 - CFD-11

Juvenis A Repesenses - ADS 11h00 - Repeses

Seniores ADS - Gafanha 17h00 - Estádio


17

16 de Maio de 2013

Benjamins AP

Benjamins BP

Infantis BP

Sérgio Gomes termina a carreira Ao fim de 24 anos de carreira, Sérgio Gomes pendurou as chuteiras ao serviço do Futebol Clube Macieirense, no passado dia 14 de Abril, após a derrota por 1-0 em Sanguedo. O avançado, natural de Nogueira do Cravo, começou a dar os primeiros pontapés na bola ao serviço da Associação Desportiva Sanjoanense, onde cumpriu toda a sua formação. Já a nível sénior, passou por clubes como o Fajões e Real Nogueirense, antes de chegar ao Macieirense, na temporada 2004/2005, onde foi um dos grandes responsáveis pela subida à 2.ª divisão distrital. Permaneceu no clube de Macieira de Sarnes até meio da temporada 2009/2010, seguindo-se depois uma época e meia no S. Roque e outra no Carregosense. Regressou esta época ao Macieirense, para voltar a ser o melhor marcador da equipa, com 13 golos, e cumprir a promessa de terminar a carreira num clube que se tornou especial para ele. Na hora da despedida, Sérgio Gomes, de 36 anos, fez questão de dizer que leva “o Macieirense no coração pelos seis anos que passei aqui”, destacou a forma como foi “abraçado” por to-

JuvenisA

Inatel - Grupo F Boco

0

3

Real Soc. Praça

Real de primeira Carregosa, Vagos, Sábado 11 de Maio de 2013 Árbitro: José Carlos (Feira) Real: Vítor, Brandão, Pinto, Fonseca, Paulinho (André Soeira 60’); Lisboa, Filipe, Carlitos, André Cunha, André Dias (cap) (Jaime, 45’), Luís Bastos Golos: Luís Bastos (21’), Brandão (49’), Carlitos (74’)

dos no clube, em especial pelo saudoso presidente Zé do Porto, e referiu ter sido “um enorme orgulho ter vestido esta camisola”. Por fim, afirmou: “o meu muito obrigado a todos os jogadores, treinadores, massagistas, diretores e adeptos por todos os momentos vividos ao serviço dos clubes por onde passei ao longo da minha carreira”. Ao longo das seis épocas e meia ao serviço do Macieirense, o camisola 9 marcou um total de 76 golos. O Futebol Clube Macieirense agradece profundamente tudo o que Sérgio Gomes fez enquanto jogador do clube e deseja-lhe as maiores felicidades para o seu futuro. Esta será sempre a tua casa.

O Real deslocou-se a Carregosa de Vagos para jogar o último jogo do campeonato fora de portas. A equipa da casa poucos argumentos apresentou para contrariar a equipa visitante, que dominou do primeiro ao último minuto. As dificuldades da equipa sanjoanense foram o vento forte e o piso irregular e muito duro. Luís Bastos aproveitou um cruzamento de André Cunha para as costas da defesa da casa e

inaugurou o marcador com um remate certeiro. Na segunda parte, Luís Bastos assistiu Brandão na pequena área e aumentou o marcador. Perto do limite do encontro, Carlitos, na cobrança de um livre directo, fechou o marcador e carimbou a justiça do jogo. O Real, na próxima semana, recebe o Beira Ria, na última jornada do campeonato, no Centro de Formação Desportiva, às 19h30. A.D.

Campeonato de Veteranos 23.ª jornada Valcambrense 0 - Lourosa 3 S. Roque 2 - Pigeiros 2 Cucujães 1 - Sanfins 1 Canedo 0 - U. Lamas 1 Canelas 2 - Sandinenses 1 Argoncilhe - Serzedo (adiado) Arrifanense - Sanjoanense (adiado) 19.ª Jornada Sanjoanense 2 - U. Lamas 1 14.ª Jornada Serzedo 1 - Pigeiros 1 Meia final da Taça Sanjoanense 1 - U. Lamas 0

Iniciados

PARC

1

6

Fundo de Vila

Fundo de Vila ao ganhar cumpriu

Fundo de Vila: Manuel António, Bruno Maia, André Costa, João Soares, Miguel Pinho, Luís Neves, Leandro Costa, Rui Pinho, Álvaro Amaral, Marcelo Dias, José Pedro e Leandro Sousa Treinador: António RamalhoFisioterapeuta: Vera Lúcia Delegados: João Capela e Vultos Sequeira Neste encontro, nunca esteve em causa a superioridade da equipa do Fundo de Vila, sendo sempre notória a grande diferença entre ambas as equipas. O que esteve algumas vezes em causa foi a displicência do conjunto de Fundo de Vila, principalmente na primeira parte do encontro. Com alguma recuperação na segunda metade, a equipa de S. João da Madeira não teve dificuldade em construir o resultado. Faltou, neste encontro que se antevia fácil, foi a garra e determinação de outros jogos. Quando tudo é fácil, fica a faltar o empenho e a vontade de correr, que foi notória em alguns elementos. Para o próximo jogo, que

Infantis

Crecor

3

se realiza em S. João da Madeira e que ditará qual a equipa que vai à final four, tem o Fundo de Vila uma tarefa bem mais complicada do que teve neste encontro. Nada que esta equipa do Fundo de Vila não tenha capacidade e qualidade para levar de vencida, assim o seu conjunto se compenetre da importância de uma presença na final four. Quanto aos golos deste encontro, foram fruto do trabalho e esforço de toda a equipa. A equipa de arbitragem teve uma boa actuação. O próximo encontro terá lugar no dia 19 de Maio, contra a equipa da Crecus, pelas 17h, no Pavilhão das Travessas.

0

D. Sanjoanense

Dínamo: João Pinho, Ricardo Almeida, André Oliveira (cap), Diogo Dias e Luís Lassal Jogaram ainda: Bruno Santos, Daniel Silva, Paulo Sá, Fábio Soares e João Chula Treinador: Luís Santos. Tr. Adjunto: José Ferreira Tr. Guarda-redes: Jorge Tavares


18

16 de Maio de 2013

Novos cachecóis

HÓQUEI EM PATINS Taça de Portugal 1/4 final

Já estão à venda, na Loja da ADS, os novos cachecóis do clube ao preço unitário de 7.5Eur Venha conhecê-los e ajude o clube! Juntos Somos Mais Fortes!

Redondinha

88.1 FM Segunda a Sexta 12h00 / 12h30

2.ª LIGA

LIGA ZON SAGRES

Resultados - 41.ª Jornada

Resultados - 29.ª Jornada FC Porto 2 1 Benfica Moreirense 2 1 V. Setúbal Braga 1 3 Nacional Académica 1 1 P. Ferreira Estoril 2 Sporting 1 Marítimo 1 Rio Ave 2

Santa Clara Freamunde Sp.Covilhã Trofense Arouca Marítimo B Atlético Sporting B Oliveirense V. Guimarães B

1 Beira-Mar 0 Olhanense 0 V. Guimarães 1 Gil Vicente

Classificação J V E D F FC Porto 29 23 6 0 68 Benfica 29 23 5 1 74 P. Ferreira 29 14 12 3 42 Braga 29 15 4 10 59 Estoril 29 12 6 11 44 V. Guimarães 29 11 7 11 36 Sporting 29 10 9 10 32 Rio Ave 29 11 6 12 34 Nacional 29 10 7 12 43 Marítimo 29 9 10 10 34 Académica 29 6 10 13 32 V. Setúbal 29 7 5 17 30 Gil Vicente 29 6 7 16 30 Olhanense 29 5 9 15 26 Moreirense 29 5 9 15 29 Beira-Mar 29 5 8 16 34 Próxima Jornada - 30.ª Moreirense Benfica P. Ferreira FC Porto Rio Ave V. Guimarães Sporting Beira-Mar Gil Vicente Estoril V. Setúbal Braga Nacional Académica Olhanense Marítimo

-

C 14 19 27 44 36 46 35 42 50 45 43 54 51 42 48 51

P 75 74 54 49 42 40 39 39 37 37 28 26 25 24 24 23

0 0 0 1 3 4 0 2 0 2

FC Porto B 1

Belenenses Arouca Leixões Sporting B Aves Benfica B Portimonense Oliveirense Santa Clara Penafiel Tondela Feirense U. Madeira FC Porto B Braga B Marítimo B Atlético Naval Trofense Sp. Covilhã Freamunde V. Guimarães

C 40 44 35 44 40 52 49 48 46 43 58 59 43 49 47 46 61 50 55 52 73 56

P 91 73 68 66 65 61 61 60 58 57 56 53 53 53 47 46 44 44 40 35 33 30

Sporting B

-

C 11 19 16 22 16 14 18 24 42 48

Freamunde

Naval

FC Porto B

Classificação J V E D F Lourosa 32 28 4 0 96 Sanjoanense 32 26 4 2 110 Carregosense 32 17 6 9 44 Fiães 32 17 5 10 59 Milheiroense 32 15 8 9 53 Águeda 32 14 9 9 58 Gafanha 32 14 9 9 36 Paivense 32 13 10 9 55 Mealhada 32 12 8 12 56 Cucujães 32 11 4 17 35 Mourisquense 32 9 10 13 42 Canedo 32 10 7 15 33 P. Brandão 32 8 9 15 43 Mansores 32 9 6 17 40 Fermentelos 32 8 3 21 35 Calvão 31 7 5 20 28 Alba 32 6 6 20 33 S. Roque 32 5 5 22 28 Próxima Jornada - 33.ª | 19-5 Milheiroense Mourisquense Fermentelos Águeda Paivense Canedo Lourosa Fiães Alba S. Roque Calvão Cucujães Sanjoanense Gafanha Mansores Mealhada P. Brandão Carregosense

INFANTIS B - Primeiros

Resultados - 15.ª Jornada

Resultados - 14.ª Jornada

Ol. Bairro 0

3 3 0 0

Fiães Gafanha Canedo Anadia

Anta 0 Sanjoanense 3 Mealhada 2 Fermentelos 0 Taboeira 0

5 Oliveirense

Classificação J V E D F - C Gafanha 15 12 2 1 63 - 17 Sanjoanense 15 11 1 3 53 - 24 Feirense 15 9 3 3 51 - 20 Oliveirense 15 8 4 3 46 - 26 Anadia 15 8 2 5 54 - 27 Fiães 15 8 1 6 41 - 31 Taboeira 15 6 2 7 30 - 33 Ol. Bairro 15 2 3 10 23 - 48 Espinho 15 1 2 12 23 - 49 Canedo 15 0 0 15 11 - 120 Próxima jornada - 16.ª Fiães Ol. Bairro Oliveirense Sanjoanense Gafanha Espinho Taboeira Canedo Anadia Feirense

P 38 34 30 28 26 25 20 9 5 0

BC Estarreja Beira-Mar Feirense P. Brandão Anta Fermentelos Anadia Sanjoanense Taboeira Mealhada

F 39 50 45 32 26 26 23 27 20 19

-

Taboeira Beira-Mar BC Estarreja P. Brandão Feirense

Classificação J V E D 15 12 1 2 15 11 2 2 15 11 0 4 15 9 2 4 15 9 1 5 15 5 3 7 15 3 1 11 15 3 1 11

C 13 18 22 19 32 39 44 62

P 37 35 33 29 28 18 10 10

-

62

9

15 1 4 10 24 Próxima jornada - 16.ª Anta Fiães Sanjoanense Sanjoanense Beira Vouga Arouca Anadia Feirense Mourisquense Oliveirense

52

7

Mourisquense Feirense Arouca Anadia Fiães Oliveirense Sanjoanense Beira Vouga Anta

15 2

Valonguense

F 54 54 43 45 38 33 21 30

-

3 10 21

Ribeira Azenha 0 Beira Mar 2 Oliveirense 0

Taboeira Beira Mar Arouca Anadia Gafanha

Classificação J V E D F - C Anta 14 11 2 1 57 - 37 Vilamaiorense 14 11 1 2 62 - 22 Anadia 14 8 2 4 29 - 23 Sanjoanense 14 8 0 6 41 - 33 Beira-Mar 14 4 5 5 30 - 27 Gafanha 14 5 2 7 34 - 41 Taboeira 14 4 1 9 41 - 51 Arouca 14 4 1 9 29 - 62 Avanca 14 3 3 8 33 - 40 Esmoriz 14 2 3 9 29 - 49 Próxima jornada - 15.ª Vilamaiorense Beira Mar Avanca Esmoriz Gafanha Arouca Anadia Anta Sanjoanense Taboeira

P 63 48 48 47 42 28 22 21

Próxima jornada - 14.ª Infesta Padroense Sp. Espinho Canidelo

4 0 4 6

Águeda 1 S.J. Ver 2 Mealhada 3

1 Fiães F 27 26 32 26 29 19 17 25 20 13

Cucujães 6 Cesarense 0 Arada 2

C 13 19 23 25 22 40 32 44 42 47

P 33 31 29 28 19 17 14 13 10 7

-

C 11 20 19 15 21 23 20 29 27 49

P 33 30 26 23 21 19 16 14 10 7

Estarreja Alba Lourosa Taboeira Beira Mar

Gafanha 3 Fiães 0

C 23 15 16 30 33 31 67 121

P 33 31 28 23 22 19 9 0

P 35 34 26 24 17 17 13 13 12 9

Sanjoanense Feirense Vilamaiorense CS Jorge Taboeira Gafanha Beira Mar Fiães Oliveirense Ribeira Azenha

Resultados - 14.ª Jornada

4 Feirense 0 CS Jorge

Classificação J V E D 15 11 2 2 15 10 1 4 15 8 3 4 15 6 3 6 15 6 3 6 15 6 2 7 15 5 3 7 15 4 3 8 15 3 4 8 15 4 0 11

F 60 42 41 30 25 28 26 20 30 21

-

Próxima jornada - 16.ª Feirense Sanjoanense Vilamaiorense Taboeira CS Jorge

Oliveirense Beira Mar Ribeira Azenha Fiães Gafanha

C 19 25 26 31 35 34 35 25 52 41

P 35 31 27 21 21 20 18 15 13 12

Tarei 2 Arrifanense 8

0 Carregosense 0 Sanjoanense

Cesarense 2 Milheiroense 0

2 Arada 6 Feirense

Classificação J V E D F Feirense 14 12 2 0 22 Arrifanense 14 12 2 0 99 Sanjoanense 14 9 1 4 54 Tarei 14 5 2 7 19 Milheiroense 14 3 3 8 27 Arada 14 3 2 9 30 Carregosense 14 3 0 11 15 Cesarense 14 2 2 10 21 O Feirense venceu a série C

3 Estarreja 1 U. de Lamas 0 Milheiroense

Classificação J V E D F P. Brandão 14 11 1 2 30 Sanjoanense 14 8 3 3 45 Estarreja 14 8 1 5 32 Taboeira 14 8 1 5 35 Mealhada 14 6 2 6 26 Milheiroense 14 6 2 6 26 S.J. Ver 14 5 0 9 19 Águeda 14 4 1 9 20 Ol. Bairro 14 4 1 9 23 U. de Lamas 14 3 2 9 17 Próxima jornada - 15.ª Sanjoanense Águeda Taboeira Ol. Bairro P. Brandão U. de Lamas Mealhada S.J. Ver Milheiroense Estarreja

-

C 7 21 19 26 26 35 18 39 44 38

P 34 27 25 25 20 20 15 13 13 11

C 8 14 33 55 47 60 65 75

P 38 38 28 17 12 11 9 8

Esgueira Barrô Casal Urrô Arca Travassô ISPAB Gafanha

1 3 3 6 4 0 0 1

1 4 2 3 4 2 2 5

Feirense AJ Fiães Silvalde Saavedra D. Sanjoanense Atómicos Bairros Azagães

Classificação J V E D F Azagães 29 18 8 3 110 Feirense 29 16 9 4 139 Saavedra 29 17 6 6 102 Atómicos 29 16 8 5 102 Bairros 29 17 4 8 131 AJ Fiães 29 14 6 9 117 Urrô 29 15 3 11 101 Esgueira 29 13 5 11 89 D. Sanjoanense 29 11 7 11 102 ISPAB 29 12 4 13 95 Casal 29 10 1 18 117 Silvalde 29 8 5 16 85 Arca 29 8 4 17 96 Travassô 29 7 3 19 78 Gafanha 29 6 6 17 73 Barrô 29 2 5 22 46 Próxima Jornada - 30.ª AJ Fiães Esgueira Silvalde Barrô Saavedra Casal D. Sanjoanense Urrô Arca Atómicos Bairros Travassô Azagães ISPAB Feirense Gafanha

-

C 73 99 79 71 103 89 100 78 102 99 147 104 110 126 105 98

P 62 57 57 56 55 48 48 44 40 40 31 29 28 24 24 11

INATEL - 2.ª Fase - Série | Grupo F Resultados Boco 0 Beira Ria 1

3 Real Soc. Praça 1 Perrães

Classificação J V E D F Travanca 7 5 1 1 18 Real Soc. Praça 7 4 1 2 22 Perrães 7 3 1 3 12 Beira Ria 6 2 1 3 8 Boco 7 1 0 6 4 Próxima jornada Perrães Travanca Real Soc. Praça Beira Bia

Escola Livre 4 Acad. Feira 2

6 Marco 2 Famalicense

Jogos em atraso da 14.ª e 26.ª jornadas Marítimo

1

2 Sobreira

Inf. Sagres

5

3 Riba d'Ave

Classificação J V E D F Juv. Viana 27 23 0 4 178 Carvalhos 27 19 4 4 142 Sanjoanense 27 18 4 5 159 Riba d'Ave 27 16 3 8 119 Inf. Sagres 27 15 1 11 133 Juv. Pacense 27 13 6 8 120 Sobreira 27 13 4 10 116 Marco 27 11 5 11 132 Escola Livre 27 12 2 13 121 Póvoa 27 10 5 12 111 Paço de Rei 27 10 2 15 111 Famalicense 27 7 7 13 119 Lavra 27 5 5 17 98 Acad. Feira 27 4 7 16 79 Marítimo 27 4 6 17 70 Pess. Vouga 27 3 5 19 78 Próxima jornada - 28.ª | 18-5 Póvoa Juv. Viana Juv. Pacense Inf. Sagres Carvalhos Sobreira Marítimo Riba d'Ave Sanjoanense Paço de Rei Marco Lavra Famalicense Escola Livre Acad. Feira Pess. Vouga

C 86 85 81 93 127 105 110 143 99 122 143 143 148 118 146 137

- C P - 7 16 - 9 13 - 13 10 - 8 7 - 27 3

P 69 61 58 51 46 45 43 38 38 35 32 28 20 19 18 14

HÓQUEI EM PATINS FEMININO Zona Norte - Ap. Campeão Resultados - 6.ª Jornada Carvalhos 1 5 "Os Lobinhos" Turquel 2 1 Benfica Acad. Coimbra 4 0 V. Boa Bispo Classificação J V E D F - C Turquel 6 4 2 0 21 - 12 Benfica 6 4 1 1 22 - 8 Acad. Coimbra 6 3 2 1 23 - 19 "Os Lobinhos" 6 3 1 2 19 - 11 Sanjoanense 6 2 1 3 21 - 23 Carvalhos 6 2 0 4 15 - 27 Gulpilhares 6 1 1 4 17 - 27 V. Boa Bispo 6 1 0 5 9 - 20 Próxima jornada 7.ª | 18/5 "Os Lobinhos" V. Boa Bispo Turquel Carvalhos Benfica Sanjoanense Gulpilhares Acad. Coimbra

Resultados - 29.ª Jornada

1 Fornos 5 Feirense 4 Milheiroense

Classificação J V E D F Milheiroense 14 11 0 3 72 Arrifanense 14 10 1 3 76 Feirense 14 9 1 4 49 Cucujães 14 7 2 5 34 Sanjoanense 14 7 1 6 43 Cesarense 14 6 1 7 43 Arada 14 3 0 11 14 Fornos 14 0 0 14 5 Milheiroense venceu a série C

1 Taboeira 2 Sanjoanense

FUTSAL 1.ª Divisão Distrital

BENJAMINS B - Últimos C

2 Taboeira 1 Vilamaiorense 7 Sanjoanense

P 63 46 36 27 24 22 12

Próxima jornada | 19/5

P. Brandão 3 Ol. Bairro 2

Arrifanense S.J. Ver Beira Mar Sanjoanense

Classificação J V E D 14 10 3 1 14 9 3 2 14 8 2 4 14 7 2 5 14 6 3 5 14 5 4 5 14 5 1 8 14 4 2 8 14 3 1 10 14 2 1 11

C 7 8 14 16 19 16 26

-

Resultados - 14.ª Jornada

Resultados - 14.ª Jornada 0 4 3 0

F 25 13 21 17 8 14 8

DISTRITAL JUVENIS 1.ª DIVISÃO - ÚLTIMOS

DISTRITAL JUNIORES 1.ª Divisão Primeiros Taboeira Estarreja Alba Lourosa

Classificação J V E D U. Leiria 11 8 2 1 Repesenses 10 5 3 2 Sanjoanense 10 3 2 5 Elétrico 10 5 3 2 Lousanense 11 1 3 7 D. Cast. Branco 10 4 1 5 Seia 10 2 2 6

Lousanense D. Cast. Branco Eléctrico Seia Repesenses Sanjoanense Folga U. Leiria

Candal Tirsense Sanjoanense Gondomar

Fermentelos Anadia Anta Sanjoanense Mealhada

Resultados - 15.ª Jornada

6 2 2 1 4

C 13 14 23 19 18 38 35 27

-

Próxima jornada - 15.ª

Resultados - 14.ª Jornada Anta 8 Sanjoanense 3 Vilamaiorense 11 Esmoriz 1 Avanca 3

F 28 26 26 19 36 18 25 9

Seia 2 2 Lousanense U. Leiria 3 0 Repesenses Sanjoanense 0 1 Eléctrico Folgou DCBranco

Resultados - 14.ª Jornada 1 Arrifanense Sanjoanense 3

6 BC Estarreja 10 Beira-Mar

Classificação J V E D 14 10 3 1 14 10 1 3 14 9 2 3 14 9 1 4 14 6 1 7 14 5 2 7 14 4 2 8 14 4 1 9 14 2 4 8 14 2 1 11

TRAQUINAS A-Primeiros

Anta Beira Vouga Anadia Mourisquense Valonguense

Sanjoanense Sp. Espinho Padroense Canidelo Gondomar Candal Tirsense Infesta

Classificação J V E D 13 8 5 0 13 6 5 2 13 6 2 5 13 5 4 4 13 7 3 3 13 3 1 9 13 5 2 6 13 0 2 11

(*) Estes jogos efectuam-se a 15 de Junho para apurar os outros dois finalistas da Final Four que se vai disputar em Vagos a 22 de Junho.

Resultados - 27.ª Jornada Pess. Vouga 2 2 Póvoa Juv. Pacense 3 5 Juv. Viana 1 Inf. Sagres Sobreira 5 8 Carvalhos Riba d'Ave 2 2 Marítimo Paço de Rei 5 Lavra 6 9 Sanjoanense

11.ª Jornada

INFANTIS B - Últimos C

10 P. Brandão 3 Feirense 2 Anadia

BENJAMINS B- Primeiros

3 0 3 4 1

2 Sp. Espinho

Estarreja Mealhada Sanjoanense Arrifanense S.J. Ver Lourosa Fiães Beira Mar Alba Taboeira

Braga B

2 1 14 1

Gondomar 3

Mealhada 3

Santa Clara

Resultados - 15.ª Jornada 2 3 1 1 4

P 88 82 57 56 53 51 51 49 44 37 37 37 33 33 27 26 24

2 Canidelo 1 Infesta 1 Padroense

Arrifanense S.J. Ver Mealhada Sanjoanense Fiães

BENJAMINS A- Primeiros

Arouca Feirense Oliveirense Sanjoanense Fiães

C 14 27 33 37 41 41 34 50 46 57 50 49 56 63 64 71 53 88

Candal 2 Tirsense 3 Sanjoanense 1

Valongo - Benfica (*) Candelária - FC Porto (*)

HÓQUEI EM PATINS 2.ª Divisão - Zona Norte

NACIONAL JUVENIS Série C Permanência /Descida

Próxima jornada - 15.ª

INFANTIS A- Primeiros

Espinho Taboeira Feirense Sanjoanense

P 36 33 27 21 20 19 17 13 10 2

S. Roque Mansores P. Brandão Fermentelos Lourosa

Trofense

Belenenses

Feirense

P. Brandão Feirense Mealhada Estarreja Sanjoanense

Canedo Calvão Mourisquense Sanjoanense

V. Guimarães B

Benfica B

Resultados - 14.ª Jornada

Resultados - 13.ª Jornada

0 2 1 3 0 0 1 0 3

Arouca

U. Madeira

DISTRITAL INICIADOS 1.ª DIVISÃO - PRIMEIROS

Resultados - 32.ª Jornada

Sp. Covilhã Atlético

Aves

Classificação J V E D F Mealhada 14 11 3 0 44 Fiães 14 10 3 1 31 P. Brandão 14 8 3 3 29 Feirense 14 6 3 5 22 Lourosa 14 6 2 6 22 Espinho 14 5 4 5 16 Gafanha 14 5 2 7 16 Beira-Mar 14 4 1 9 17 Estarreja 14 3 1 10 16 Sanjoanense 14 0 2 12 17 Próxima jornada - 15.ª Espinho Lourosa Sanjoanense Mealhada Estarreja Beira-Mar P. Brandão Gafanha Feirense Fiães

-

Oliveirense

Tondela

1 0 1 1 1

1 Braga B F 73 63 49 61 47 69 59 52 53 46 51 57 42 49 39 38 44 51 38 36 45 28

JUNIORES - 2.ª Fase Série B

Águeda 4 Alba B 0 Carregosense 2 Cucujães 0 Fiães 2 Gafanha 1 Mealhada 4 Milheiroense 2 Paivense 1

Próxima Jornada - 42.ª V. Guimarães B Leixões Portimonense

0 2 1 2 2

Feirense Benfica B Trofense Naval Belenenses U. Madeira Tondela Aves Portimonense Leixões

Classificação J V E D 41 28 7 6 41 21 10 10 41 18 14 9 41 17 15 9 41 16 17 8 41 15 16 10 41 16 13 12 41 16 12 13 41 15 13 13 41 15 12 14 41 15 11 15 41 14 11 16 41 12 17 12 41 13 14 14 40 12 13 15 41 13 7 21 41 12 8 21 41 13 17 11 41 9 13 19 41 6 17 18 41 7 12 22 40 5 15 20

Penafiel

Beira-Mar Gafanha Fiães Lourosa Espinho

1 0 0 2 0 1 2 1 2 4

1.ª DIVISÃO DISTRITAL

Paço do Rei, 6 - Sanjoanense, 9 Escola Livre, 0 - Oliveirense, 7

P 14 13 11 10 7 6 4 3

Andebol - Nacional 3.ª Divisão Resultados - 10.ª Jornada Monte 29 26 1.º Maio FC Gaia 37 19 Batalha Fermentões 26 27 Sanjoanense Juve 27

34 Salgueiros 08

Classificação J V E D GM Sanjoanense 10 9 0 1 275 Salgueiros 08 10 7 1 2 309 Fermentões 10 6 0 4 280 FC Gaia 10 6 0 4 315 Juve 10 5 1 4 268 Monte 10 3 1 6 247 1.º Maio 10 1 1 8 252 Batalha 10 1 0 9 241 Próxima jornada - 11.ª | 18/5 Monte FC Gaia Sanjoanense 1.º Maio Batalha Juve Fermentões Salgueiros 08

GS 248 268 273 284 275 266 279 294

P 28 25 22 22 21 17 13 12

Andebol Feminino Nacional 2.ª Divisão - Fase Final Resultados - 6.ª Jornada Salgueiros 08 20 30 Ac. Espinho Porto Salvo 25 33 C. Vela Tavira 20 Madalenense Alpendorada 23 29 Sanjoanense Ass. Somada 43 Classificação J V E D GM - GS C. Vela Tavira 7 6 0 1 217 - 169 Ass. Somada 6 6 0 0 193 - 153 Alpendorada 6 3 1 2 164 - 150 Salgueiros 08 7 2 0 5 171 - 195 Porto Salvo 6 2 1 3 151 - 156 Ac. Espinho 6 2 0 4 144 - 158 Sanjoanense 6 2 0 4 164 - 184 Madalenense 6 1 0 5 131 - 170 Proxima jornada - 7.ª Alpendorada Ac. Espinho Porto Salvo Sanjoanense Madalenense Ass. Somada

P 19 18 13 11 11 10 10 8


19

16 de Maio de 2013

Taça de Portugal - 1/4 final

A voz do mister Vítor Pereira

Paço de Rei

6

9

Sanjoanense

MARCOTIN

Braços no ar… todos de pé… vamos cantar… ADS olé! Jogo: Parque de Santa Luzia, em V. N. de Gaia Árbitros: Paulo Rainha, António Teixeira e ClÁudia Rego, do C.R.A.H.P. do Minho PAÇO DE REI: Carlos Rocha; Paulo Moreira, Luís Alves, Vítor Matos e David Francisco Ainda utilizados: Carlos Vidal (cap.), Fábio Tojal, Carlos Mata, Marcelo Pereira e Luís Fernandes Não utilizados: Todos foram utilizados Treinador: Paulo Moreira SANJOANENSE: Alexandre Saraiva; Tiago Ferraz, Francisco Barreira, João Oliveira (cap.) e Daniel Bastos Ainda utilizados: Alfredo Nogueira, Rui Lopes, Xavier Pinho e Hugo Santos Não utilizado: Marco Lopes Treinador: Vítor Pereira Resultado ao intervalo: 1-4 Marcadores: Daniel Bastos (1’ e 4’), Chico Barreira (2’ e 38’), David Francisco (3’), Alfredo Nogueira (13’), Hugo Santos (26’ e 30’) Vítor Matos (28’), Luís Alves (29´), Paulo Moreira (31’), Tiago Ferraz (39’), Xavier Pinho (40’) e Carlos Mata (46’ e 47’) Disciplina: cartão azul para – João Oliveira (46’) e Carlos Vidal (50’)

Augusto Lopes

augustolopes@oregional.pt augustolopes09@hotmail.com

A Sanjoanense está na final four da Taça de Portugal, ou seja, onde está o terceiro classificado (Oliveirense) e, eventualmente, o primeiro e segundo classificados (F.C. Porto e Benfica) da 1.ª divisão do hóquei patins nacional. Passados 29 anos, os alvinegros voltam a estar numa final da Taça de Portugal.

Apoiados por um contingente de sanjoanenses, onde os cânticos foram uma referência positiva da claque Força Negra, daí termos aproveitado um desses cânticos para título desta nossa crónica, a Sanjoanense entrou muito bem no jogo, pelo que, com apenas quatro minutos de jogo, os alvinegros já ganhavam por

3-1. A Sanjoanense ainda chegou ao 4-1, resultado com que se chegou ao intervalo. Electrizante, assim se pode dizer este começo de jogo. Marcando logo no 1.º e 2.º minutos, a equipa de S.João da Madeira deitou por terra qualquer veleidade que porventura trouxessem do balneário a equipa da casa. Mas se electrizante foi o começo da partida, não o foi menos o início da 2.ª parte, onde, no espaço de seis minutos, aconteceram cinco golos, três para o clube da casa e dois para a Sanjoanense. Com dois golos de vantagem, os alvinegros precisavam de mais um golo para se sentirem

Já se avista a fase final O campeonato nacional da 2.ª divisão estava ao rubro, com três equipas a disputar um lugar na fase final e que dá acesso a disputar a subida à 1.ª divisão nacional. O Clube de Campismo não queria perder essa oportunidade, teria de ganhar o jogo do passado fim de semana, sob pena de ficar de fora dessa exigente fase. Assim, a equipa viajou até Ovar, para jogar com a ARC Ponte Nova e consciente de que ia encontrar uma equipa cujo objectivo também era ganhar para atingir a tal fase final e relegar-nos para fora dela. O desempenho de todos os atletas foi de forma surpreenden-

te e digno de campeões. Vencemos logo a primeira partida e os outros atletas, estimulados por esse facto, excederam-se e só pararam no resultado final de 4-0 a favor do clube que, diga-se, até ao treinador surpreendeu, não porque os atletas não tenham a qualidade suficiente, mas devido às condições deficientes do local onde o jogo foi disputado. Vitória excecional da nossa equipa, que superou todas as dificuldades encontradas. O último jogo desta fase é no dia 18/05, às 15h, na sede do Clube, tendo com adversário o Dramático de Vilar do Paraíso. Desde já apelamos ao vosso apoio.

Campistas veteranos em grande

Realizaram-se, no passado sábado (11/5), em Vila do Conde, os campeonatos nacionais de veteranos em singulares e pares. O destaque vai para José Lima, que se tornou vice-campeão nacional em singulares da classe III. Em pares, os atletas José Leça/Rui Oliveira conseguiram subir ao pódio por ter alcançado um excelente 3.º lugar nacional. Mais uma grande jornada de propaganda para o Clube de Campismo, que tem levado o seu nome a todo o país.

mais confortáveis e isso sucedeu ao minuto 38, por intermédio de Chico. Entretanto, os alvinegros perderam uma unidade importante na equipa, por volta do minuto 40, Dani, numa situação de queda, teve de ser socorrido, primeiro pelo fisioterapeuta Rui Lameira, depois no Hospital, onde foi feito o diagnóstico de uma luxação da clavícula, o que vai deixar o atleta fora da competição durante 2/3

semanas. A Sanjoanense ainda chegou ao resultado favorável de 9-4, a melhor vantagem do jogo, para, nos últimos três minutos, o Paço de Rei fazer mais dois golos e assim se chegar ao resultado final, numa partida em que a dupla de arbitragem do Minho fez um bom trabalho.

Sábado, 18 Maio | 18h00

Sanjoanense - Paço de Rei

com relato directo e integral na R.R.S. (88.1) FM

Sabíamos que a equipa do Paço de Rei ia dar tudo, tentámos entrar com cautelas, o jogo começou a correr-nos bem, fomos para a frente do resultado e isso criou mais ansiedade ao nosso adversário, que teve de ir atrás do prejuízo e isso foi desgastando. O nosso plantel permite uma rotatividade maior e foi isso que pusemos em prática. Penso que o resultado é justo, fomos superiores, o ringue tem situações e características específicas que nos criaram algumas complicações mas, apesar disso, a vitória importante e poderíamos ter aumentado o número de golos. Uma pista de cimento, muito curta, que permite remates mesmo antes do meio campo, tabelas que permitem que após o remate a bola salte para o meio da área, criando muitas confusões, enfim, foi sempre muito difícil trabalhar o jogo; ofensivamente quando pusemos o nosso plano em prática, podíamos ter marcado mais golos. Devido às características que o recinto apresenta, há muitas dificuldades para as equipas de arbitragem, mas julgo que fizeram um bom trabalho, sem qualquer influência no resultado.

O hóquei em patins alvinegro ficou mais empobrecido

DR

Faleceu Zeca. Hoquista da Sanjoanense, um dos elementos da equipa vencedora da Taça das Taças, no ano de 1986, único troféu europeu que os alvinegros conquistaram na sua já longa história. Se bem que a morte em nada nos surpreende, o facto é que ficamos algo surpreendidos, embora esta era uma notícia esperada há já algum tempo, devido a uma doença grave de que padecia. Bom companheiro, amigo do seu amigo, excelente executante, como nos disse o seu colega de equipa Licínio, Zeca, depois de sair da Sanjoanense, voltou “à casa mãe”, a Oliveirense. Um até breve Zeca. No coração dos sanjoanenses há um cantinho com direito reservado para ti. O funeral realiza-se hoje, 5.ª feira, às 16h00 em Oliveira de Azemeis. Augusto Lopes

Sexta feira 17/5 Taça de Aveiro Feminino HC Paço Rei - ADSanjoanense | 22h00 Sábado 18/5 Campeonato nacional Juvenis 2.ª Fase HC Mealhada - AD Sanjonense | 12h00 Campeonato nacional seniores 2.ª divisão Norte AD Sanjoanense - HC Paço Rei | 18h00 Domingo 19/5 Torneio de encerramento infantis AP Aveiro HA Cambra - AD Sanjoanense | 10h00 Campeonato nacional de inicados 2.ª fase AD Sanjoanense - UD Oliveirense | 15h00 Campeonato nacional da 1.ª divisão feminino SL Benfica - AD Sanjoanense | 19h00


20

16 de Maio de 2013

Seniores Masculinos Sub 16 A Masculinos

Vitória justa dos alvinegros Sanjoanense

61 56 Esgueira

Parciais: 11-16, 18-9, 20-8 e 12-23 Jogaram: Pedro, André, Francisco, Tiago, Diogo, Simão, David, Bryan, Marco, Mário, Ruben e Esteves Treinador: Augusto Araújo. Seccionista: Jacinto Ferreira Estatística: Joaquim Pinheiro

ADS perde dois jogos em Aveiro e termina época bastante positiva

82 43 Sanjoanense Esgueira 78 65 Sanjoanense Esgueira

Uma vitória justa contra um adversário que nos soube colocar grandes alguns problemas na fase final do jogo.

ADS vence na Póvoa

51 56 Sanjoanense

7.ª vitória neste campeonato nacional. Relembrar as palavras proferidas nestes últimos dias, o lema é para continuar. Parabéns pela postura no jogo. Agradecimento especial aos pais que acompanharam a equipa.

Sub14 A Masculinos

ADS obtém duas vitórias e ascende ao 2.º lugar

74 44 Gumirães Dragon Force 48 54 Sanjoanense Sanjoanense

Alinharam pela ADS nas duas partidas: André Leite, Bruno Andrade, Afonso Santos, Mário Santos, Pedro Teixeira, Diogo Leite, Rodolfo Pêra, Sandro Duarte, Vítor Cabral, Frederico Moreira, José Ferreira, Rafael Soares, Francisco Reis e Lucas Costa Treinador: Victor Carregosa. Seccionista: José Alberto Ferreira Estatística: Filipe Carregosa Duas vitórias importantes e moralizadoras dos jovens alvinegros, que revelaram, no passado fim de semana, grande personalidade e querer. Na partida de sábado, a nossa jovem equipa dominou por completo o adversário, alcançando uma vitória folgada. No dia seguinte, numa partida bem disputada, a um nível elevado, o rigor defensivo, bem como a razoável selecção de soluções

ofensivas, permitiu à equipa alcançar outra importante vitória, que permitiu a subida da equipa ao 2.º lugar da classificação, sendo que desta forma a ADS reentra na luta pelo acesso à fase final nacional. No próximo fim de semana, a equipa defronta o SC Beira Mar, já apurado para a fase final nacional, pelas 14h30 de domingo, no pavilhão Paulo Pinto.

64 41 Galitos

Parciais: 24-12, 19-11, 17-11 e 4-7

Jogaram: Pedro Ferreira, André Pereira, João Trindade, Gonçalo Silva, José Pinheiro, Sérgio Brito, Alexandre Silva, Bernardo Azevedo e Diogo Alves Treinador: Rufino Tavares. Seccionista: Fernando Silva Estatística: Armando Ferreira e concretizações. Boa entrega dos atletas, que jogaram mais concentrados, o que lhes permitiu uma melhor rentabilidade das suas capacidades e um maior prazer no jogo de basquetebol.

Duas partidas distintas Atletas: Hélder, Zé, Azevedo, Sílvio, Pedro, Miguel, Remy, Diogo, Daniel, David e João Treinadores: Gabriel Valente e Zé Soares Director: Luís Vargas. Seccionista: João

Jogo num campo tradicionalmente difícil como os resultados indicam até ao momento, onde a equipa entrou determinada a conseguir alcançar mais uma vitória e a desfrutar os últimos momentos da época. A Sanjoanense teve uma atitude fantástica e obteve uma vitória saborosa, alcançando assim a

Sanjoanense

Sub14 Femininas

Parciais: 16-16, 10-15, 15-17 e 10-8

Jogaram: Rita Reis, Jéssica Aleixo, Beatriz Barata, Jéssica Silva, Kássia Laureano, Joana Matos, Andreia Peixoto, Jéssica Brandão, Beatriz Lima, Filomena Guimarães, Marta Miranda e Bruna Vieira Treinador: Frederic Pina. Adjunta: Kátia Santos Seccionista: Alexandra Lima. Estatística: Bruna Soares

Com outra atitude outra performance

Último jogo desta fase que opôs as equipas “B” da Sanjoanense e do Galitos. Jogo em que os “unhas negras” pressionaram a posse de bola, tirando partido disso para realizar fáceis transições

Sub16 Femininas Póvoa

Sub14 B Masculinos

Terminámos a nossa época competitiva ao perder o 3.º jogo das meias-finais do play-off com o Esgueira. Depois da derrota contundente no 2.º jogo, a nossa reacção não podia ter sido a melhor. Começámos mal o jogo, mas soubemos reagir e chegar aos minutos finais do jogo com hipóteses de discutir o jogo e, quem sabe, ganhá-lo. Mas nestes momentos veio ao de cima a maior experiência do

Esgueira no controlo do jogo e das posses de bola. Foram nove meses de trabalho deste excelente grupo que agora chega ao fim. Para o ano, estamos aí outra vez para trabalhar e dignificar o nosso grande clube. Parabéns a todos que fizeram parte deste grupo pela excelente época que fizemos, contra todos os prognósticos. Obrigado a todos pelo apoio durante a época.

Sub19 Femininas

ADS termina época com derrota mas com outra atitude Sanjoanense

50 61 Basq. Barcelos

Parciais: 8-21, 13-15, 23-8, 6-17 Jogadoras: Xana, Dani, Catarina, Maria,Joana, Ana, J. Costa, Camila, Tamara Staff: Vanessa e Manuel Treinador: Rui Resende e Paula Pinho Na última jornada do campeonato nacional, a ADS recebia o Barcelos. Um jogo para cumprir calendário, já que ambas as equipas não passavam à final, mas também para a nossa equipa deixar outra imagem... diferente para melhor, face à 2.ª volta deste campeonato. Conseguimos! Apesar de entrarmos em campo (outra vez) muito receosas e sem atitude defensiva, conseguimos, no 2.º e sobretudo no 3.º, mostrar o nosso valor. O 3.º período foi mesmo o melhor momento desta equipa na 2.ª volta deste campeonato. No derradeiro período, onde precisávamos de continuar o bom trabalho realizado e ter força/determinação mental,

não conseguimos e fomos novamente frágeis! Apesar da derrota, a imagem deixada foi diferente... para melhor. Para a nossa equipa, foi uma época de extremos. Fomos capazes do melhor (vencedoras do campeonato regular distrital com 12 vitórias em 14 jogos) e do pior (8.º lugar no campeonato nacional). Revelámos fragilidades a nível mental, nomeadamente em situações de pressão e pouca confiança coletiva após ajustes necessários ao nível do saber-estar e saber-ser. Mas, para uma equipa em quem poucos confiavam e não tinham expectativas, as metas alcançadas foram importantes e positivas. Fica a sensação de dever cumprido, em colaboração com pessoas fantásticas, nomeadamente a Paula Pinho, a Vanessa, o Manuel e o João. Sem esquecer os pais mais assíduos e colaborantes.

Sanjoanense

44 75 Coimbrões

Parciais: 1-23, 10-15, 18-17, 15-20

Jogaram pela ADS: Eva Carregosa, Maria Miguel, Catarina Ribeiro, Mariana Correia, Catarina Soares, Nicole Pinho, Marta Carvalho, Bruna Cruz, Mariana Moreira, Marta Morgado, Mariana Grilo, Sofia Cavadas. Treinador: Frederic Pina. Treinadora-Adjunta: Ana Filipa Soares. Seccionista: João Carlos Soares Frente a uma equipa que sabíamos que era superior, começámos muito mal, não conseguindo sair da pressão imposta pelo adversário e, acima de tudo, temendo-o, o que condicionou a nossa prestação durante a 1.ª parte, levando-nos a ir para intervalo com uma des-

Esgueira

vantagem de 27 pontos! Com uma diferença tão grande, fomos apelando para elevarmos o nível da nossa prestação, factor que foi conseguido na segunda parte, perdendo por quatro pontos, mas que revelou que a diferença era grande em vários aspectos.

36 58 Sanjoanense

Parciais: 8-11, 16-18, 3-10, 9-19 Frente a um adversário com quem tí,nhamos perdido na 1.ª volta por 21 pontos, jogo esse que «estava encravado nas nossas gargantas», entrámos muito bem, vencendo os dois períodos e partindo para a 2.ª parte cientes de que o Esgueira iria reagir. Mas aí veio o nosso espírito lutador e fizemos um 3.º período magnífico defensivamente, sofrendo apenas três pontos e partindo para o 4.º periodo na esperança de reverter a desvantagem do 1.º jogo, fazendo um jogo intenso a todos os níveis e onde os últimos minutos foram decisivos. Pressionámos muito, ganhando

muitas bolas e partindo rapidamente para o ataque, concretizando e ampliando a vantagem. As nossas meninas foram enormes, enchendo o campo com a sua alegria e garra em todos os momentos. Vocês têm capacidade, basta acreditarem em vós e no vosso trabalho. Por último, e não menos importante, um agradecimento especial aos nossos apoiantes, as nossas meninas precisam e sentem o vosso apoio, e isso mais do que nunca se viu neste jogo. Todos somos uma grande equipa, elas em campo, e vós na bancada, obrigado.

Sub8 Mistos

Sanjitos jogaram em Oliveira de Azeméis SANJITOS participantes: Ana Duarte, Ana Figueiredo, Beatriz Andrade, Duarte, Gonçalo, Leonor Santos, Leonor Valente, Pedro, Rui e Tiago A participação da equipa sub8 na 13.ª jornada da ABA levou-nos a Oliveira de Azemeis, onde defrontámos a equipa local. Foi uma jornada composta apenas pela equipa da Sanjoanense e pela equipa da Oliveirense. Perante este facto, desdobrámos os 10 atletas em duas equipas de cinco jogadores, tendo contado com a disponibilidade e ajuda preciosa do Tiago no comando técnico duma equipa. Os miúdos tiveram maior participação e mais tempo de jogo, permitindo-lhes

também desta forma maior prazer e divertimento. No intervalo entre jogos, houve lugar a um concurso de lançamento, jogo do “elimina”, onde participaram todos os atletas e em que os dois finalistas foram sanjitos, Gonçalo e Rui, tendo o Gonçalo sido o vencedor, trazendo para casa uma “lembrança”. O próximo encontro será no dia 26 de Maio, pelas 10h, na loja Decathlon, em Aveiro. Até lá... ao trabalho.


21

16 de Maio de 2013

ESPAÇO Seniores Masculinos Fermentões

26 27 Sanjoanense

A festa da subida é já no sábado

Jogadores: Ricardo Gaspar, Diogo Gomes, António Brandão, Daniel Valente, Ricardo Pinho, Hélder Santos, Alexandre Tavares, Hugo Terra, Bruno Pinho, Eduardo Pereira, Ricardo Pinho, Rui Gonçalves, Pedro Amorim, Emanuel Pinheiro Equipa técnica: Humberto Rodrigues / José Correia A equipa sénior masculina da Sanjoanense deslocou-se a Fermentões, onde teve um jogo muito difícil. O adversário estava em 3.º lugar e em caso de vitória ficaria numa boa posição para atacar a subida. No entanto, a ADS manteve a tónica habitual, com muita união e focados na vitória. Não foi um jogo fácil, muito pelo contrário, as equipas foram alternando o comando da partida com vantagens de um ou dois golos, a ADS mostrou uma qualidade superior, mas

o Fermentões, motivado por uma bancada repleta e um ambiente “quente” não permitiu à ADS “descolar” no marcador, conseguindo a vitória tangencial apenas nos minutos finais. Faltam apenas quatro jogos para o final do campeonato e a vantagem é suficiente para, em caso de vitória, festejar já no sábado, nas Travessas, a subida de divisão. O objectivo principal da época está praticamente cumprido; no entanto, a fasquia agora coloca-se mais alto, no título de campeão.

Juvenis Masculinos Sanjoanense

29 28 Samora Correia

Jogadores: João Alves, Ivo Silva, André Ferreira, Hélder Fonseca, Rodrigo Novo, André Resende, Alexandre Duarte, André Cardoso, Joao Silva, Miguel Pinho, Pedro Morais, Diogo Santos, Joao Costa e João Silva Equipa técnica: Pedro Tavares / Pedro Neto

Iniciados Masculinos Sanjoanense

41 29 Feirense “B”

Jogadores: Ramiro Pinho, António Guedes, Emanuel Carneiro, Alexandre Tavares, João Costa, Francisco Silva, João Martins, Xavier Moreira, Miguel Pinho, Miguel Rodrigues, Diogo Santos, João Alves, Daniel Andrade e Paulo Reis Equipa técnica: Ricardo Pinho No passado domingo, a equipa dos iniciados da Sanjoanense recebeu e venceu o Feirense, por 4129, em jogo da última jornada do campeonato regional de iniciados masculinos.

Com esta vitória, a nossa equipa ficou apurada para disputar a fase final desta competição. Os nossos atletas estão de parabéns. Força, ADS!

Minis Masculinos Canelas

16 11 Sanjoanense

Jogadores: Gonçalo Alves, Henrique Novo, Miguel Leite, André Teixeira, Hugo Moreira, Tomas Moreira, Pedro Silva, João Henriques, Francisco Lima, Francisco Silva, Ivo Silva, Gustavo Coelho, Miguel Almeida, Francisco Henriques Equipa técnica: Sérgio Paiva

Seniores Femininas Assomada

43 29 Sanjoanense

Jogadores: Patrícia Silva, Mariana Silva, Branca Santos, Maria Teixeira, Carina Gonçalves, Ana Gomes, Mónica Agrela, Viviana Afonso, Joana Oliveira, Ana Araújo, Ana Silva Equipa técnica: Hélder Vieira / Rui Andrade

As seniores femininas deslocaram-se ao reduto do 1.º classificado onde perderam e colocaram praticamente de parte a subida à 1.ª divisão. No entanto, a atitude em campo dignificou

o clube e, apesar de ter sido uma derrota pesada, diga-se que a 20 minutos do final a diferença era de apenas dois golos, a condição física superior da equipa de Oeiras marcou o final do jogo.

Juvenis Femininas Valongo Vouga

34 17 Sanjoanense

Jogadores: Ana Horta, Eva, Francisca, Rita, Maria, Ana, Andreia, Carla, Rita Mendes, Liliana, Sara, Lúcia Equipa técnica: Manuel António No passado fim de semana, jogou-se a última jornada da 2.ª fase, onde a jovem equipa da ADS não conseguiu realizar um bom jogo. No decorrer do encontro, a nossa equipa cometeu muitos erros defensivos, que se pagam muito caro frente a equipas mais fortes. Esta época, no geral, foi

muito positiva, pois a nossa equipa conseguiu grandes resultados, tanto a nível do campeonato, como nos torneios onde participou. Parabéns a todas as pessoas que apoiaram estas excelentes atletas e pelo empenho demonstrado ao longo desta época desportiva.

Infantis Femininas Sanjoanense

31 18 Canelas

Jogadores: Carla Moreira, Cláudia Moreira, Joana Pinho, Ana Vieira, Lara Santos, Rita Leite, Mariana Rocha, Carolina Pereira, Francisca Silva, Ana Henriques, Joana Alves, Ana Tavares, Eulália, Ana Andrade Equipa técnica: Rui Andrade Mais um jogo, mais uma vitória! Foi um jogo em que a nossa equipa esteve melhor a atacar do que a defender.

Temos que trabalhar mais para não cometer tantos erros. Viva a ADS. Viva o andebol.

Atleta das seniores femininas

Carina Gonçalves Há quanto tempo é que pratica andebol? Pratico andebol há 14 anos, com uma interrupção de dois anos. Joguei sempre na Sanjoanense, excepto no ano antes da interrupção, onde representei a equipa do São Bernardo,em Aveiro. Actualmente jogo na Sanjoanense. Como surgiu essa paixão pelo andebol? A paixão pelo andebol surgiu já há muito tempo. Em miúda, frequentava bastante os jogos do meu primo Hugo Terra (guarda-redes dos seniores masculinos) e nessa altura comecei a ter o “bichinho” pelo andebol. Quando começou a formação do andebol feminino na Sanjoanense, fui convidada a experimentar. Gostei muito da experiência, ficando nesse ano no escalão das infantis. Com o regresso do andebol senior feminino à nossa cidade, considero-me parte integrante desta geração. Quais os momentos mais felizes ou marcantes que viveu na prática desta modalidade? São muitos. Desde a conquista de campeonatos, vitórias de jogos importantes, torneios da modalidade. Um dos torneios mais marcante da minha carreira foi o que se realizou no Algarve, no escalão de juvenis, em que fomos consagradas campeãs internacionais. Tenho momentos felizes como atleta e também como treinadora, pois o processo de ensinar esta modalidade aos mais novos é gratificante, permitindo-me acompanhar a sua evolução. Na minha memória tenho momentos marcantes que ficam para toda a vida. Cresci no andebol e esta modalidade proporcionou-me grandes amizades, sendo uma verdadeira família do desporto: a família do andebol. Qual o balanço que faz até ao momento da participação das seniores femininas da Sanjoanense

no campeonato? O balanço é bastante positivo, pois juntar atletas de gerações diferentes, que já não praticavam a modalidade há algum tempo e que tinham os seus compromissos profissionais e académicos, não foi tarefa fácil. Actualmente, estamos posicionadas no 7.º lugar da fase final de acesso à 1.ª divisão nacional. Tudo isto só é possível graças ao grande esforço por parte das atletas e da equipa técnica, que certamente continuarão a dar sempre o seu melhor até ao final da época. Conciliar o desporto com a vida profissional não deve ser uma tarefa fácil. Como consegue gerir essa situação? Nem sempre é fácil conciliar a vida profissional com o desporto, mas é uma questão de organização. Aceitei o desafio esta época, mesmo sabendo que seria uma grande “ginástica” para mim, mascomo o projecto apresentado foi bastante aliciante, disponibilizei-me de imediato para contribuir para o seu sucesso. Para terminar, qual é a mensagem que deixa a todas aquelas miúdas que nunca praticaram andebol e que gostariam de experimentar? A mensagem que deixo a todas as meninas que ainda não tiveram a possibilidade de experimentar esta modalidade é que o façam, pois é um desporto divertido, onde todos podem desfrutar deste ambiente familiar e acolhedor. O andebol é espectacular!


22

16 de Maio de 2013

Super Dragões de S. João da Madeira comemoraram 2.º aniversário

Campeonato Boccia Sénior por equipas da Zona Norte

Equipa sanjoanense com bom desempenho

MARCOTIN

Augusto Lopes

augustolopes@oregional.pt augustolopes09@hotmail.com

Como vai já sendo habitual, os Super Dragões de S. João da Madeira assinalaram mais um aniversário com jantar, onde estiveram presentes mais de 50 pessoas, entre eles o chefe da mais representativa claque do F.C. Porto, Fernando Madureira, Sérginho, também ele membro da Direcção da casa-mãe, Carlos Fontes, presidente da casa do F.C. Porto nesta cidade e Vasco Melo, chefe dos Super Dragões em S. João da Ma­deira. Não querendo deixar passar esta data em claro, estiveram também presentes no aniversário alguns dos núcleos dos Super Dragões, dos quais destacamos Carlos Sousa (Trás-os-Montes), Paulo Almeida (Estarreja), Miguel Almeida (Cesar) e Quintino Teixeira (Argoncilhe), entre outros. Vasco Melo foi o primeiro a usar da palavra, mas o seu discurso foi todo ele vi-

rado para agradecimentos, com a família de Carlos Fontes e Fernando Madureira a merecerem as honras desses agradecimentos. Carlos Fontes disse da sua satisfação por o núcleo dos Super Dragões estarem sediados na casa do F.C. Porto nesta cidade e adiantou: “a casa do F.C. Porto aqui em S. João da Madeira vai apoiar sempre os Dragões desta cidade, mas só na condição de o Vasco estar na linha da frente”. Fernando Madureira disse do seu contentamento em estar em S. João da Madeira a festejar mais

um aniversário, louvando o esforço despendido pelo Dragões sanjoanenses, acompanhando o clube pelo país fora e até pelo mundo, às vezes com falta de dinheiro, com condições climatéricas adversas e até com autocarros onde a lotação é de 50 lugares e vão lá 100, “mas esse é o espírito dos Super Dragões, em qualquer lado ou estádio há que apoiar sempre a nossa equipa”. Com vários cânticos e vivas às cores azul e branco, assim se faz uma festa, toda ela também pintada de azul e branco.

 Realizou-se, no passado dia 10, o campeonato de boccia sénior por equipas da Zona Norte. Estiveram presentes 17 Associações com 50 equipas em competição, que se realizaram nos dois pavilhões da Escola do Bairro do Cerco, Porto. A Associação “É Bom Viver” esteve presente com seis equipas e 24 atletas. Os três primeiros jogos de apuramento fizeram-se da parte da manhã nos dois pavilhões em simultâneo; depois do almoço, as restantes provas de apuramento fizeram-se no pavilhão G1. Os atletas sanjoanenses estiveram muito bem em todas as provas e, a partir dos 1/16, começaram a defrontar-se entre ambas, foi o caso da A.R.V.2, que foi eliminada pela A.R.V.1. Depois, nos 1/8, voltaram a confrontar-se mais duas das nossas equipas, a A.B.V.1 venceu a sua congénere A.R.V.2 e voltou acontecer o mesmo nos ¼ de final, a A.B.V. 1 venceu e eliminou  a A.B.V.4. Nas finais, tínhamos duas equipas em competição, A.B.V.1 e A.B.V.2, que conseguiram lugar no pódio.

A A.B.V.1 qualificou-se em 3.º lugar ao vencer a V.U.V. (Vila Urbana de Valbom), o 2.º lugar foi para J.F.F. (Junta de Freguesia St.ª Maria da Feira e no primeiro lugar ficou a A.B.V.2, que vencer a J.F.F.  Mais uma vez, a Associação Cultural e Recreativa “É Bom Viver” honrou o nome de S. João da Madeira neste Campeonato de Boccia Sénior. Parabéns a todos os atletas, um obrigado à direção da Associação pelo fornecimento do novo equipamento, bem-hajam pela vossa competência e zelo pelos vossos atletas. Um agradecimento muito

especial à Câmara Municipal de S. João da Madeira pelo apoio que tem dado a esta associação. Não posso esquecer de agradecer aos árbitros pelo bom trabalho que fizeram e gratuito. À organização deste campeonato, a cargo da A.P.P.C., os meus cumprimentos pelo trabalho desenvolvido, desde a marcação de campos, colocação de mesas, cadeiras e toda a informática necessária para este campeonato, o nosso reconhecimento.   Adão S. Pereira

Classificação final 1.º classificado: A.B.V. - Associação Cultural e Recreativa “É Bom Viver”, constituída pelos atletas, Ana Maria Martins, Durbalino Costa, Joaquim Teira e José S. Santos. 2.º classificado: J.F.F. - Junta de Freguesia de Santa Maria da Feira), constituída pelos atletas, António J.P. Rodrigues, António F. Silva, Manuel Ferreira e Edgar S. Pedrosa. 3.º Classificado: A.B.V.1 - Associação Cultural e Recreativa “É Bom Viver”, constituída pelos atletas, Adão S. Pereira, Carlos Oliveira, José Augusto e Manuel Amadeu.


23

16 de Maio de 2013

Centro Columbófilo de S. João da Madeira

José Moreira a fazer uma época fantástica

La Gineta, Espanha, deu vitória a Paulo Sérgio Pela segunda vez, Paulo Sérgio vence um concurso, foi primeiro e sexto na chegada de La Gineta, Nuno Andrade, segundo, Fernando Pinto foi terceiro e quarto, Rufino Neto & Joel, quinto e sétimo, Eusébio Silva, oitavo, Luís Assunção, nono e Os Silvas, décimos, estes os primeiros dez de chegada. Rufino Neto & Joel mantêm-se à cabeça da classificação geral. Durbalino Dias Se alguém estava à espera de surpresas, estas não surgiram, pois, na frente de chegada, quase sempre os mesmos, embora pelo meio ali apareceram Eusébio Silva e Luís Assunção. Este concurso da passada semana era de grau um pouco difícil (Fundo) e teve solta de La Gineta (Espanha) 594 Km. Os 662 atletas foram soltos pelas 6h30 de sábado, procurando o melhor rumo de voo até às suas colónias. O atleta mais rápido e vencedor da etapa foi o n.º

1224815/11, que realizou o tempo de 7h14, até ao seu pombal, viajando a 81 Km hora, dando asssim a segunda vitória nesta campanha ao concorrente Paulo Sérgio, que ocupa a terceira posição na geral e continua a perseguir o primeiro lugar. Em termos de saliência, Paulo Sérgio, o vencedor, Fernando Pinto e Rufino Neto & Joel colocaram dois atletas cada nos primeiros dez de chegada. Quanto à tabela geral, Rufino Neto & Joel continua

no comando, tendo aumentado a diferença para o segundo classificado, Manuel Santos. Fernando Pinto, com a sua boa prestação neste concurso, subiu dois lugares, é agora quinto, por troca com Nuno Andrade. Manuel A. Leite baixou dois lugares, é oitavo, MG SAD subiu à sétima posição, Fernando Castro desceu para nono e José Costa saiu da elite dos primeiros dez da geral para a entrada, pela primeira vez, dos concorrentes Os Silvas.

Ordem de chegada de La Gineta 1.º Paulo Sérgio 2.º Nuno Andrade 3.º Fernando Pinto 4.º Fernando Pinto 5.º Rufino Neto & Joel 6.º Paulo Sérgio 7.º Rufino Neto & Joel 8.º Eusébio Silva 9.º Luís Asssunção 10.º Os Silvas Classificação geral 1.º Rufino Neto & Joe 2.º Manuel Sousa 3.º Paulo Sérgio 4.º Armando Ferreira 5.º Fernando Pinto 6.º Nuno Andrade 7.º MG SAD 8.º Manuel A. Leite 9.º Os Silvas 10.º Fernando Castro

4396 4335 4324 4212 4130 4103 4046 4008 3898 3894

Augusto Lopes

Campeonatos nacionais de Wushu/Kung Fu Tradicional seniores

Rui Aguiar assegura as cores da Shaolin Si com um terceiro lugar Com uma participação modesta, apenas dois atletas, nos Campeonatos Nacionais de Wushu/Kung Fu Tradicional em seniores, a Shaolin Si viu ainda assim as suas cores subirem ao pódio num terceiro lugar, conquistado por Rui Aguiar, em Armas Duplas Articuladas e Flexíveis. Este atleta, já com um título de campeão nacional de Sanda (boxe chines) e outro de campeão nacional de Wushu/Kung F Tradicional em Duilian (combate combinado) nas duas épocas anteriores, nesta época, para além do terceiro lugar já mencionado, sagrou-se vice-campeão nacional em Wushu Moderno (Nan Gun) e logrou conquistar ainda um terceiro lugar em Sanda. Luís Almeida, tendo-se estreado na competição nacional em Wushu Moderno com um honroso terceiro lugar, não conseguiu no Wushu/Kung Fu Tradicional ascender ao pódio nacional, tendo tido ainda assim uma

DR

No fim de semana que aí vem, está de volta a disciplina de Velocidade, com solta pela segunda vez de Castro Verde (366 Km), que teve como vencedor na primeira solta feita desta localidade o comandante Rufino Neto & Joel. O encestamento para Castro Verde está marcado para sábado, dia 18/05/2013, das17h30 até às 18h.

Rui Aguiar sobe ao pódio em terceiro lugar

prestação que faz antever uma evolução brilhante nas lides competitivas nacionais. Apesar de não se sagrarem campeões nacionais, estes dois atletas

asseguraram nesta época quatro lugares de pódio à Shaolin Si nas provas nacionais. Com a suspensão, por motivos profissionais, da

participação nas seleções nacionais e em Wushu/ Kung Fu Tradicional de atletas como Filipe Santos, Maria João Sousa e Pedro Conceição, a Shaolin Si viu a sua participação competitiva e conquista de títulos em seniores comprometida para o resto da época. Resta esperar pela próxima época, com a ascensão dos juniores (campeões nacionais) a seniores e com o eventual regresso dos mencionados, para que a Shaolin Si volte a marcar posição no ranking nacional senior. GISS – Augusto Pinto

augustolopes@oregional.pt augustolopes09@hotmail.com

O atleta sanjoanense José Moreira, que envergou pela primeira vez esta época a camisola do Benfica, tem brilhado com as cores encarnadas por esse país fora em várias provas de atletismo, honrando assim também o nome da cidade de S. João da Madeira. Após a morte do seu treinador, Paulo Ferreira, que aconteceu em 1 de Julho de 2010, José Moreira sentiu não só a falta do treinador como também do grande amigo. E, a juntar a tudo isso, a mudança de técnico, agora com Paulo Colaço, com novos métodos de treino, fez com que a adaptação, como é natural, levasse o seu tempo até produzir os efeitos desejados. Ultrapassado tudo isso, José Moreira, que esta época começou por correr na Conforlimpa, de onde

acabou por sair devido à desistência da prática de atletismo dessa equipa, acabou por ingressar nas fileiras do Benfica, onde, em Abril, participou na 8.ª corrida do clube que tem o nome de José Leitão, em homenagem ao atleta espinhense, que defendeu as cores do Benfica. Nessa prova, José Moreira foi 2.º classificado, com muitos atletas de topo nacionais e um atleta brasileiro 4.º classificado, mas que tinha sido oitavo na maratona dos Jogos Olímpicos de Londres. Teve ainda a honra nessa prova de receber o troféu correspondente à sua classificação das mãos de Luís Filipe Vieira. Depois disso, José Moreira participou numa prova em Vila Flor, Bragança (foto), em 5 de Maio, assim como no passado fim de semana, na meia maratona em Cortegaça, onde, em ambas as provas, foi 1.º classificado. José Moreira poderá estar a realizar a sua melhor época de sempre.

www.oregional.pt


24

16 de Maio de 2013

ERVANÁRIA SANJOANENSE Centro Dietético

Produtos Naturais Chás Medicinais e Produtos de Beleza Naturais

Temos consultas com Naturopata (Diagnóstico pela Íris) às Quartas-feiras Somos ainda agentes da: Labialfarma (Mortágua) Rua Júlio Dinis, 89 R/C — Travessa, Mini-Preço 3700 S. João da Madeira — Telefone: 256 828 564

JOÃO DAVID A. SILVA MÉDICO

R. Infante D. Henrique, 44, 2.º - sala AA (à saida do Centro C. Transportes)

jornal@oregional.pt

3700 S. João da Madeira

lapisazul@gmail.com www.lapisazul.com

(

ACORDOS COM: PT - ACS - SSCGD - SAMS Cons. 256 822 829 Segunda, Quarta e Quinta: 17h00 às 20h00 Sábado: 10h00 às 12h30 Telem. 933 400 288

Licenciatura

Manuel da Silva Costa 17|5|2013

Neste dia especial em que festejas 55 anos, tua esposa, filho, nora e neto desejam-te um feliz aniversário e que a vida te traga muitas alegrias.

Entrega de material até às 12h00 de quarta-feira

Parabéns!

Foi com muita alegria que no passado dia 11 de Maio, Clara Daniela Almeida Garcia, concretizou o seu sonho, concluindo a sua formatura em Línguas Europeias Aplicadas, na Universidade do Minho “Braga”. O seu estágio profissional e continuação do mestrado realizar-se-á em Paris. Os seus pais, irmãos e demais família desejam-lhe as maiores felicidades. Parabéns, Sr.ª Licenciada.

Anuncie neste semanário Entrega de publicidade Preferencialmente em suporte digital Photoshop, CorelDraw, Freehand, InDesign

PROCURA-SE Dá pelo nome de “Pincher” e é cão de companhia de um menino de 9 anos carente da sua companhia e em estado de choque pela sua falta. Desapareceu junto com outro cão pincher preto. Agradece-se informação e dá-se recompensa

Limpezas Doméstica | Limpezas Industriais | Engomadoria Limpezas regulares Limpezas ocasionais Pós-obras Escritórios Condomínios Lojas Pavimentos

Peça já o seu orçamento gratuito

912 852 878

apreceito@hotmail.com

Ligar ao n.º 939 447 337

Estetidente Clínica de Medicina

Contratos: MULTICARE | ADVANCE CARE | ADM

Tel. 256 833 754

Clínica Geral Psicologia Neurologia Urologia Ortopedia Cirurgia Geral

Terapia da Fala Podologia Acupunctura Medicina do Trabalho Medicina Dentária Nutricionista

S. João da Madeira | Av. Dr. Renato Araújo, 491, 1.º Andar - Sala 5 (em frente Praça de Táxis) | Tel. 256 833 754 | Vila de Cucujães | Lugar do Pontão - Tel.: 256 881 097

João Santos Correia, Lda Mourisca - S. João da Madeira

Telm. 965 000 418 - Telef. 256 835 954/6 - Fax: 256 835 955


25

16 de Maio de 2013

Aluga-se ou Vende-se

Armazém ou garagem

Aluga-se

R. Oliveira Júnior S. J. Madeira

70 euros /mês Com opção de compra

250 euros

Perto de S. João da Madeira Telm. 963 021 817

969 070 694

Vende-se T1+1

Arrenda-se

ALUGA-SE LOJA Rua de Santo António, n.º 18 Com 47 m2 r/c e com cave Informações:

Creche de Albino Dias Fontes Garcia R. Alão de Morais, 25 – S.J. Madeira Telefs: 256 823 257 e-mail: creche@sapo.pt

APARTAMENTO T0

Com arrumos na cobertura (60 m2) Mobilado / 200 metros da praia

Zona Industrial Devesa Velha Área total 1030m2 e área coberta 850 m2 Estacionamento privado 20 viaturas

96 674 5330

Arrenda-se

no Parrinho - S. João da Madeira

Alugo LOJA

c/ 90m2 S. João da Madeira Av. da Liberdade, n.º 673 Qualquer actividade Renda mensal= 350€ INFORMA 919 042 860 ou 223 755 375

ARRENDO

Casa em Cucujães reconstruída, como nova Habitação no 1.º andar Cozinha c/ móveis e exaustor Excelente varanda e marquise Quarto de banho completo e arrumos. Só 300 euros Telem. 936 267 197

Procuro

Telef. 962 651 896 Precisa-se

Cozinheira/o criativa

965 487 990

S. J. Madeira 964 225 586 256 832525

T1

Gar., arrumo, cond. fechado - Adelino A. Costa

275,00 €

T1

Gar., arrumo - Av. Liberdade

250,00 €

T1

Gar., arrumo - Rua Comendador Rainho

225,00 €

T2 T2

Garagem fechada e arrumo - Rua Timor

300,00 €

Garagem, arrumo - Av. João de Deus

300,00 €

T2

Garagem, arrumo - Av. Liberdade

275,00 €

Loja com 130m2 - Rua St.º António

Cavalheiro, viúvo ou divorciado, a partir de 59 anos, apresentável, vida estável, sério, responsável, que queira viver feliz na companhia de uma Senhora séria e sem vícios. Os interessados contactar: 918 179 091 (a partir das 21h30)

Assistente Administrativo

(Armazém ou indústria)

Café Snack-Bar

SE

Empresa Multinacional no Ramo do Calçado Área Oliveira de Azeméis Pretende admitir:

Pavilhão

Passa-se

E-

ÓPTIMA OPORTUNIDADE

Vende-se | Aluga-se

Pavilhão Industrial

ND

3

91 9734885 256 68 24 20

938 885 194

VE

06

Bom preço

256 829 000/ 914 922 758

31

Na Rua Guerra Junqueiro, n.º 73 - Junto à Oliva

LIC.4025 – SITE: WWW.APOSITIVA.PT

30

T3 250€ T3 265€

ARRENDAMENTOS T2 S.J.M. 3 ROUP. PAV. FLUTUANTE €-250,00 T3 S.J.M. L/GAR., 3 VARANDAS €-300,00 T4 FEIRA LAREIRA GARAGEM, COZ. EQ. €-250,00 T3 FEIRA G FECHADA 2 CARROS, LAREIRA, ROUP, SUITE, COZ. EQ., €-350,00

91

Em Arrifana a 50m de S. J. Madeira

com 90m2+26m2 de garagem fechada, mobilado e equipado c/electrodomésticos. Aquecimento central e aspiração central

T4

450,00 €

Preços incluem condomínio, seguro casa

Com possibilidade de subsídio de renda

Telemóvel: 968 017 351

Dias 16, 17 e 18 de maio assista à comédia

“A Curva da Felicidade” e ajude a LBV

Nos dias 16, 17 e 18 de maio assista à comédia “A Curva da Felicidade”, na Casa do Artista, Teatro Armando Cortez, em Lisboa (Estrada da Pontinha, n.º 7). Nestes dias, parte do valor do seu bilhete reverte para os Programas Socioeducativos da Legião da Boa Vontade. O ator Luís Aleluia, que conheceu pessoalmente, juntamente com João de Carvalho, Luís Mascarenhas e Victor Espadinha, o trabalho da Legião da Boa Vontade, na cidade do Porto, explica a razão que os leva a colaborar com a Instituição: “Acreditamos no projeto realizado, que é de louvar. Essa entrega e essa disponibilidade para os outros é de louvar e, nós atores, temos a outra componente que é a componente social, mediática, que podemos aproveitar. Unir sinergias a favor do próximo, eu acho que é a melhor mensagem que nós podemos passar, numa altura destas em que, muito sinceramente, muita gente precisa não só de se rir mas também de algum apoio, de algum carinho, sentirem-se apoiadas, sentir que há gente a pensar nelas. A Legião da Boa Vontade tem feito um trabalho extraordinário nesse campo e os atores, muitas vezes, estão disponíveis. Este é mais um caso em que nós vamos unir esforços com a Legião da Boa Vontade.” O divertimento é garantido, numa comédia pertinente que esteve em cena oito anos, na cidade de Madrid. Uma peça urbana, cuja história se desenvolve à volta de um casal que se separa após 20 anos de casamento, sendo agora necessário proceder-se à separação de bens... Não perca, dias 16, 17 e 18 de maio ajude a Legião da Boa Vontade e divirta-se com a peça “A Curva da Felicidade” (5ª e 6ª pelas 21h30 e sábados pelas 16h00 e 21h30), da autoria de Eduardo Galàn e Pedro Gomez, com direção de Celso Cleto. Bilhetes à venda no Teatro Armando Cortez, FNAC em BilheteiraOnline. Reservas através do 217154057

Aluga-se

Andar Moradia T3 S. J. M. - 275€

(M/F)

T2 j/ S.J.M. - 280€

Requisitos: - 12º ano na área de administração; - conhecimentos de Inglês falado e escrito; - conhecimentos de Alemão falado e escrito (preferencial); - conhecimentos de Microsoft Office: Word, Excel; - boa capacidade de resolução de problemas; - bom relacionamento interpessoal e gosto pelo trabalho em equipa; - disponibilidade imediata.

916 687 773

Resposta a este anúncio para o número 736 deste jornal

Aluga-se

ALGARVE – FÉRIAS Praia da Rocha

T2 Bom apartamento a 500m da praia

91 0916087

Aluga-se T3

Com móveis de cozinha, roupeiros, lareira, garagem fechada Av. Benjamim Araújo S. João da Madeira 965 182 592 | 256 423 595 256 465 786

Aluga-se

Pavilhão com 180 m2 para armazém ou pequena indústria S. João da Madeira

917 634 296


26

91anos

16 de Maio de 2013

Espadanal abre portas ao pré-escolar

No dia 18 de abril, a escola do Espadanal recebeu cerca de 100 crianças do pré- escolar. Os finalistas da Devesa Velha, Travessas, bem como do colégio de Santa Filomena e do Centro Infantil tiveram oportunidade de tomar contacto com uma escola do 1º ciclo. À entrada foram recebidos pelos alunos do 4.º ano de escolaridade ao som de uma canção sobre a escola. A partir desse momento, dividiram-se em grupos e rotativamente participaram em diversas atividades: segurança rodoviária (escola segura), dança, visita à escola, partilha de saberes em sala de aula, brincadeiras com arcos, cordas e histórias na biblioteca. Na sala do primeiro ano, familiarizaram-se com as letras, escutando os colegas com canções alusivas e nos

outros anos partilharam histórias, poesias e as aprendizagens do mandarim. O contacto com a cantina fez-se através do lanche feito nesse mesmo espaço. A visita não poderia terminar sem deixarem de levarem uma marca deste dia. Então, num painel gigante, contornaram as suas pequeninas mãos, deixando cada um o seu nome no interior das mesmas. À saída, foi oferecido o jornal 3D do agrupamento, balões e um flyer com informações sobre as matrículas. Como recordação da visita, todos os finalistas levaram um marcador de livros em forma de coração, com uma mensagem também deixada no painel: “Hoje deixaste ficar a tua marca na escola do Espadanal… Para o ano contamos contigo…”.

EB1/JI das Fontainhas

Primeira festa do pijama

Observação de estrelas e atuação da Banda de Música de S. João da Madeira também fizeram parte da programação da noite. Na noite de sexta-feira, a Comunidade Escolar da EB1/JI das Fontainhas teve a oportunidade de ter uma noite diferente. Os alunos e acompanhantes puderam participar numa observação de astros - com a prestimosa colaboração do professor Pedro Gual - enquanto a Banda de Música de S. João da Madeira, que graciosamente se associou ao evento, ia animando a noite.

Para finalizar a festa, o professor Miguel aqueceu a noite com coreografias bem animadas. Concluída a festa, os alunos do 2.º ano fizeram a primeira festa do pijama desta escola, pernoitando com os seus professores na biblioteca. À Associação de Pais, ao professor Pedro Gual, à Banda de Música, ao professor Miguel, à Padaria Pão Flor e a todos quantos se associaram a este evento, vimos agradecer por terem contribuído para uma noite diferente e provavelmente inesquecível.

Atividade na escola de Fundo de Vila

No mês da proteção contra os maus-tratos na infância, a a CPCJ de S. João da Madeira dinamizou uma atividade, no dia 23 de Abril, para assinalar a data. Esta consistiu no lançamento de balões azuis, levando pelo ar mensagens das crianças que frequentam as escolas deste concelho. A iniciativa pretendeu marcar o objetivo da comissão em promover e proteger os direitos e o bem-estar das crianças do concelho de S. João da Madeira. Na nossa escola, este tema foi abordado de forma muito séria e entusiástica por todas as turmas, desde o visionamento de filmes relacionados com o tema, passando pela expressão plástica, culminando com a realização das mensagens escritas que voaram pelos céus. A largada de balões foi o ponto alto desta iniciativa, que contou com a presença de alguns representantes da CPCJ. Alunos de Fundo de Vila

Um modo natural de ajudar as articulações dolorosas Nenhuma outra substância tem este efeito Inês Veiga

Farmacêutica

A osteoartrose, a deterioração da cartilagem das articulações que surge numa idade mais avançada, faz parte do processo de envelhecimento. O que é interessante saber é que a investigação científica encontrou uma solução natural que parece ser muito eficaz: glucosamina combinada com condroitina.

Estamos familiarizados com a típica situação em que o avô se levanta da sua cadeira. Pára a meio e fica “congelado”, como se algo o prendesse àquela posição. Lamenta-se, mostrando claramente que tem dores, e lá consegue pôr-se de pé. Esta imagem clássica é osteoartrose, o resultado doloroso do desgaste da

cartilagem. As extremidades ósseas expostas friccionam entre elas, originando dor, estalidos e perda de mobilidade, mas investigadores empenhados encontraram o que parece ser uma solução muito útil. Não se trata de cirurgia, nem de medicamentos de síntese… é uma combinação de dois componentes naturais. Uma chama-se glucosamina, a outra condroitina.

Tijolos de cartilagem

A glucosamina é um amino-açúcar, produzido a partir dum aminoácido

e de glucose. É um tijolo biológico e um componente estrutural da cartilagem das articulações. O que torna a glucosamina tão especial é a sua capacidade de estimular a síntese corporal de cartilagem e foi exactamente isso que a investigação mostrou ser benéfico na osteoartrose. A condroitina, o outro componente, é extraído normalmente da cartilagem de porco ou de vaca, mas também é usada a cartilagem de tubarão. A condroitina é um componente estrutural vital da cartilagem.

Ao contrário dos medicamentos analgésicos e anti-inflamatórios, que eram a opção não cirúrgica mais comum para as pessoas com osteoartrose, a glucosamina e a condroitina têm outros efeitos para além de melhorar a dor. IMPEDE A DEGRADAÇÃO DA CARTILAGEM. Até ao momento, este é o único tratamento capaz de prevenir a futura perda de cartilagem articular. Os investigadores científicos ainda não chegaram a um consenso sobre como a glucosamina combinada

Porquê “sulfato”?

com a condroitina consegue este efeito, mas parece que o tratamento inibe as enzimas que degradam a cartilagem, provocando a sua deterioração. Alguns peritos reclamaram ainda que a glucosamina pode recuperar alguma da cartilagem já degradada. Documentado cientificamente Actua mesmo? De acordo com estudos científicos, definitivamente parece que sim. Não só melhora o funcionamento das articulações, como os estudos também demonstram que reduz as dores articulares tão eficazmente como os AINE’s (medicamentos anti-inflamatórios não es-

teróides) que são amplamente utilizados para tratar articulações inflamadas e dolorosas. De facto, investigadores Espanhóis do Hospital Universitário Dr. Peset em Valência publicaram recentemente um estudo na revista científica Radiologia Europeia (European Radiology), no qual comprovaram a capacidade da glucosamina diminuir a dor e melhorar o funcionamento das articulações em pessoas com a cartilagem do joelho degradada. Eur Radiol. 2009 Arthroscopy. 2009 Jan;25(1):86-94.

Estudos demonstram que o melhor efeito é obtido com sulfato de glucosamina e sulfato de condroitina. O prefixo “sulfato” refere-se ao facto dos componentes serem combinados com enxofre. Biologicamente, a glucosamina e a condroitina necessitam da presença de enxofre para actuar adequadamente. Outra forma de glucosamina predominantemente utilizada em preparações de glucosamina nos Estados Unidos é o “cloridrato de glucosamina”. Esta forma da substância não actua tão bem quanto o sulfato de glucosamina, explicando a razão por que alguns estudos não apresentam os efeitos esperados. Algumas pessoas tomam glucosamina pura com MSM (metil sulfonil metano), que é um composto de enxofre, de modo a permitir que a glucosamina actue adequadamente. Outras combinam a glucosamina com sulfato de condroitina, outra substância estimuladora da cartilagem. A maioria dos estudos publicados com efeitos comprovados na osteoartrose utilizaram sulfato de glucosamina.


91anos

16 de Maio de 2013

Agradecimento

Agradecimento

27

Agradecimento

Gracinda de Almeida e Silva

António Pereira Coelho (Filão)

Manuel Tavares de Azevedo (O Inglês)

Casada com José de Sousa Mesquita Residia na Rua do Poder Local, n.º 485 rch/esq - S. João da Madeira

Casado com Laurinda Joaquina dos Santos Residia na Rua de Cucujães, casa n.º 9 - S. João da Madeira

Viúvo de Isaura da Costa Ribeiro Residia na Rua 5 de Outubro, n.º 267 - Cesar

59 Anos

Seu marido, filhos, genro, netos e demais família vêm por este meio agradecer a to­das as pessoas que se dignaram tomar parte das cerimónias fúnebres, ou que de outra forma se lhes associaram na dor no funeral que se realiza no dia 16 pelas 11h00. Renovam profunda gra­t idão pelas presenças amigas na missa de 7.º dia, que se rea­liza no dia 21, pelas 19h15, na Igreja Matriz de S. João da Madeira. AGÊNCIA FUNERÁRIA António José de Oliveira & Filhos, L.da Rua Amadeu Joaquim Gonçalves, n.º 33 - Arrifana Contactos: 256 811 445 / 969 015 754/ 965 815 114/ 968 685 709

Agradecimento

77 Anos

Sua esposa, filhos, noras, genros, netos, bisnetos e demais família vêm por este meio agradecer a to­das as pessoas que se dignaram tomar parte das cerimónias fúnebres, ou que de outra forma se lhes associaram na dor no funeral que se realizou no dia 11 pelas 11h00. Renovam profunda gra­tidão pelas presenças amigas na missa de 7.º dia, que se rea­liza no dia 16, pelas 19h15, na Igreja Matriz de S. João da Madeira. AGÊNCIA FUNERÁRIA António José de Oliveira & Filhos, L.da Rua Amadeu Joaquim Gonçalves, n.º 33 - Arrifana Contactos: 256 811 445 / 969 015 754/ 965 815 114/ 968 685 709

Agradecimento

85 Anos

Sua família vem por este meio agradecer a to­das as pessoas que se dignaram tomar parte das cerimónias fúnebres, ou que de outra forma se lhes associaram na dor no funeral que se realizou no dia 10 pelas 17h30. Renovam profunda gra­tidão pelas presenças amigas na missa de 7.º dia, que se rea­ lizou no dia 15, pelas 20h30, na Igreja Matriz de Cesar. Serviços Fúnebres a cargo da CASA GUEDES, Lda Rua Dr. Guilherme Alves Moreira, n.º 316 - Milheirós de Poiares Telef. 256 811 445 / Telem: 965 815 114 / 968 685 709

Agradecimento

Maximino Gomes Teixeira

Albano da Silva Rocha

Francelina Rosa de Oliveira

Viúvo de Leonilda Leite de Sousa Residia na Rua do Imigrante, n.º 295 - Fajões

Casado com Antonieta Pereira Mendes Residia no Lugar da Vila (Alvarenga)

Viúva de Manuel de Oliveira Jorge Residia na Rua do Fontanário, n.º 70 - Mirões - Cesar

90 Anos

Seus filhos, noras, genros, netos, bisnetos e demais família vêm por este meio agradecer a to­das as pessoas que se dignaram tomar parte das cerimónias fúnebres, ou que de outra forma se lhes associaram na dor no funeral que se realizou no dia 10, pelas 18h00. Renovam profunda gra­t idão pelas presenças amigas na missa de 7.º dia, que se rea­liza no dia 16, pelas 19h00, na Igreja Matriz de Fajões.

69 Anos

Sua esposa, filhos, genros, noras, netos e demais família vêm por este meio agradecer a to­das as pessoas que se dignaram tomar parte das cerimónias fúnebres, ou que de outra forma se lhes associaram na dor no funeral que se realizou no dia 12, pelas 16h30. Renovam profunda gra­tidão pelas presenças amigas nas missas de 7.º dia, que se rea­lizam no dia 17, pelas 19h00, na Igreja Matriz de Raiva e no dia 18 pelas 17h00 na Igreja de Alvarenga.

80 Anos

Seus filhos, genros, nora, netos e demais família vêm por este meio agradecer a to­das as pessoas que se dignaram tomar parte das cerimónias fúnebres, ou que de outra forma se lhes associaram na dor no funeral que se realizou no dia 16, pelas 18h00. Renovam profunda gra­t idão pelas presenças amigas na missa de 7.º dia, que se rea­liza no dia 21, pelas 20h30, na Igreja Matriz de Cesar.

Serviços Fúnebres a cargo da CASA GUEDES, Lda Rua Dr. Guilherme Alves Moreira, n.º 316 - Milheirós de Poiares Telef. 256 811 445 / Telem: 965 815 114 / 968 685 709

Serviços Fúnebres a cargo da CASA GUEDES, Lda Rua Dr. Guilherme Alves Moreira, n.º 316 - Milheirós de Poiares Telef. 256 811 445 / Telem: 965 815 114 / 968 685 709

Serviços Fúnebres a cargo da CASA GUEDES, Lda Rua Dr. Guilherme Alves Moreira, n.º 316 - Milheirós de Poiares Telef. 256 811 445 / Telem: 965 815 114 / 968 685 709

Agradecimento

Agradecimento

Agradecimento

Cecília Emília da Conceição

António Moreira da Silva (António da Oliva)

Daniel Alves da Silva

Viúva de Antóniop Gomes Andrade Residia na Rua de Cucujães Bairro dos Pobres - Casa S. Vicente de Paulo Orreiro - S. João da Madeira

Casado com Maria Narcisa de Oliveira e Sousa Residia na Rua da Fundição, n.º 60 - S. João da Madeira

Casado com Emília Godinho da Costa Silva Residia na Rua Conde Penha Longa - Faria de Baixo - Cucujães

83 Anos

Seus filhos, noras, genros, netos e demais família vem por este meio agradecer a to­das as pessoas que se dignaram tomar parte das cerimónias fúnebres, ou que de outra forma se lhes associaram na dor no funeral que se realizou no dia 11, pelas 11h00. Renovam profunda gra­tidão pelas presenças amigas na missa de 7.º dia, que se rea­liza no dia 16, pelas 19h15, na Igreja Matriz de S. João da Madeira. Serviços Fúnebres a cargo da Agência Funéraria CRISTINO LDA Santiago de Riba-Ul - Telf. 256 682 451 / Telem. 919 697 374 / 918 107 244

CMD

Clínica MédicoDentária

Dr.ª M.ª Rosário Castro e Sousa

MÉDICA DENTISTA Contratos com o SAMS, C.G. Depósitos e Ministério Justiça

Dr. Eduardo Miguel Pereira da Costa

PEDIATRA

Rua Terras de Santa Maria, n.º 1758 (em frente ao antigo cinema de Arrifana) - 3700-397 Arrifana Tlm. 925 656 010 Tlf. 256 812 094 | cliromi@gmail.com

73 Anos

Sua esposa, filhos, noras, netos e demais família vêm por este meio agradecer a to­das as pessoas que se dignaram tomar parte das cerimónias fúnebres, ou que de outra forma se lhes associaram na dor no funeral que se realizou no dia 15 pelas 16h00. Renovam profunda gra­t idão pelas presenças amigas na missa de 7.º dia, que se rea­liza no dia 21, pelas 19h15, na Igreja Matriz de S. João da Madeira. Serviços Fúnebres a cargo da Agência Funéraria CRISTINO LDA Santiago de Riba-Ul - Telf. 256 682 451 / Telem. 919 697 374 / 918 107 244

2.º Aniversário Lutuoso Olívia Martins da Silva 18/5/2013 Passaram dois anos desde que a tua presença física deixou de nos acompanhar e guiar! A dor continua insuportável, contudo tentamos prosseguir o legado que nos deixas-te. Nem sempre vencemos, mas quando olhamos para tudo o que nos ensinaste, pelo menos não desistimos… Prosseguimos a contar contigo … até ao nosso reencontro. Com amor e muita saudade! Marido, filhos, genro e neta

73 Anos

Sua esposa, filhas, genro, netos e demais família vêm por este meio agradecer a to­das as pessoas que se dignaram tomar parte das cerimónias fúnebres, ou que de outra forma se lhes associaram na dor no funeral que se realizou no dia 15 pelas 17h30. Renovam profunda gra­tidão pelas presenças amigas na missa de 7.º dia, que se rea­liza no dia 17, pelas 19h00, na Igreja Matriz de Cucujães. Serviços Fúnebres a cargo da Agência Funéraria CRISTINO LDA Santiago de Riba-Ul - Telf. 256 682 451 / Telem. 919 697 374 / 918 107 244


28

91anos

16 de Maio de 2013

Recolha de Dadores Medula Óssea

Arrifana

À atenção do presidente da Junta Uma miséria! É mesmo! O piso da Rua Afonso de Albuquerque está a precisar, mas com urgência, dos serviços da Junta de Freguesia e em especial da atenção do presidente da Junta, Sr. Dário Matos! A colocação do saneamento, privilégio de que algumas terras ainda não usufruem, esventrou a rua e agora é só calhaus à solta em quase

todo o seu percurso. Já houve quem ali torcesse um tornozelo… E se um carro projectar um calhau num vidro doutro carro, quem paga?!!! Sr. Presidente: acuda que o sofrimento já dura e perdura há tempo demasiado! Xico Larico

para o GONÇALO

P(ost) S(criptum) Já agora para lembrar o que aqui se escreveu há anos: - Na Rua Jaime Cortesão, que se entronca com esta, a “porcaria” corre a céu descoberto e dificultando o acesso aos ecopontos... X.L.

Aniversário em Memória

9.º Aniversário Lutuoso

Laurentina Rosa Trindade

José Maria Amorim Costa

15/5/2013

Bombeiros Travessas

7.º Aniversário Lutuoso Elpídio Marques de Resende 21/5/2013

Lembrando esta data, sua esposa, filho, nora e netos o recordam com saudade. Mandaram celebrar uma missa pela sua alma, no dia 21, pelas 7h30, na Santa Casa da Misericórdia.

16/5/2013

Completaria 82 anos de idade, no dia 15 de Maio. Suas filhas, genros, netos e bisnetos recordam com carinho e saudade esta data.

Ocorre no dia 16 de Maio o 9.º aniversário do seu falecimento. Lembrando esta data, sua esposa, filho e demais família, o recordam com muita saudade. Mandam celebrar missa no dia 16 pelas 19h15, na Igreja Matriz desta Cidade. Agradecem a todas as pessoas que se dignarem assistir a este acto litúrgico.

Aniversário em Memória

1.º Aniversário Lutuoso

João Tavares de Assunção

Serafim Silva Oliveira

20/5/2013

“A morte levou aquele que tanto amávamos, mas a sua memória ficará sempre no nosso coração. Uma lágrima pelos que morrem, evapora-se. Uma flor sobre o túmulo, murcha. Uma oração pela sua alma, recolhe-a Deus”

Sua esposa, filhos, noras, genro e netos lembram o seu aniversário no dia 20 de Maio, data em que completava os seus 74 anos.

2.º Aniversário Lutuoso

Arménio de Jesus Soares 14/5/2013

Pai,

Mais dois anos passados e ainda não acreditamos na sua partida. São os momentos e a saudade que gostamos de lembrar sempre. Não quero lembrar a sua partida, porque ainda existe no meu coração. A sua ausência ainda dói muito mas, apesar da distância, acredito que está sempre connosco. Beijinho e um até sempre!

S. João da Madeira 9h00 às 12h30

17/5/2013

Ocorre no dia 17 o 1.º aniversário do seu falecimento. Lembrando esta data seus filhos, noras, netos e bisnetos o recordam com grande saudade. Mandam celebrar missa no dia 18, pelas 18h30, na Igreja Matriz de Arrifana.

11.º Aniversário Lutuoso

Sílvio Rodrigues Carneiro Bulhosa

19.º Aniversário Lutuoso Manuel de Oliveira Soares 16/5/2013

Ocorre no dia 16 de Maio, o 19.º aniversário do seu falecimento. Sua esposa, filhos, noras, genros, netas e demais família o recordam com saudade.

16.º Aniversário Lutuoso René Gomes Ribeiro 21/5/2013

Recordando esta data, seus filhos, noras, netos e demais família recordam-o com muita saudade, man­dando rezar missa no dia 21, pelas 19h15, na Igreja Matriz desta Cidade. Agradecem a todas as pessoas que se dignarem assistir a este acto litúr­gico.

14.º Aniversário Lutuoso António dos Santos Andrade 21/5/2013 “Estimado por todos que o conheceram sua memória será sempre bendita” Sua esposa, filhos, genros e netos o recordam com muita saudade e mandam celebrar missa no dia 21, pelas 19h00, na Igreja Matriz de Arrifana. Renovam profunda gratidão pelas presenças amigas nestas liturgia.

22/5/2013

Esposa e filhos

Ocorre no dia 22 de Maio o 11.º aniversário do seu falecimento. Sua esposa, filhos e demais família recordam-no com muita saudade, tendo mandado celebrar missa em sua memória, no dia 22, às 18h00 na Igreja Matriz desta cidade

www.oregional.pt

2.º Aniversário Lutuoso

Germano Correia dos Santos 19/5/2013

Continuamos com imensas saudades tuas. Não nos esquecemos de orar por ti. Um dia vamo-nos encontrar. Na comemoração do 2.º aniversário do seu falecimento, sua esposa, filhos, netos e bisnetos mandam celebrar missa na Capela Santa Maria de Casaldelo no dia 18 de Maio pelas 19h00.


29

16 de Maio de 2013

Publicidade

“Os Kágados mexem devagar... mas mexem” As boas condições atmosféricas que se fizeram sentir no passado fim-de-semana atraíram dezenas de pessoas às manhãs de verão no Parque do Rio Ul na nossa cidade, onde com alegria e boa disposição participaram em todas as atividades desenvolvidas. Assim, com naturalidade, “Kágados” e “Tartarugas” juntaram-se e deram o seu exemplo, executando os exercícios físicos como habitualmente o fazem aos domingos neste local. Após a sua sessão, ainda participaram na ginástica zumba, ministrada por uma magnífica dupla a cargo da Junta de Freguesia. Lembramos que o nosso

grupo, para além de se representar nas manhãs de Verão, ainda esteve presente na Meia Maratona e caminhada de Cortegaça, com vários elementos, levando uma vez mais o nome de S. João da Madeira a esta localidade. Os “Kágados” vão também estar presentes no programa «Chapéus há muitos», no dia Internacional do Museu, que se vai realizar no próximo sábado junto ao Museu da Chapelaria. Os atletas da nossa coletividade vão estar envolvidos nas diversas atividades programadas. Os “Kágados” são assim, mexem devagar… mas mexem

Articulações sem dores!

Durante anos sofri de dores, mas um suplemento natural resolveu o meu problema. Estou 100% sem dores, conta Ana Garrido que vive em Vila Nova de Gaia.

Um suplemento natural fez toda a diferença

“Não tenho dores nos joelhos” “Teria ficado muito triste se não pudesse continuar a praticar exercício, pelo que estou maravilhada por o meu fisioterapeuta ter recomendado o suplemento de glucosamina, condroitina e vitamina C. Estou 100% sem dores e sinto-me óptima”, afirma Ana Garrido que vive em Vila Nova de Gaia. Durante muito tempo, Ana lutava contra as dores no joelho. As articulações do joelho estalavam e provocavam-lhe muitas dores. Mesmo quando estava sentada, durante algum tempo

BioActivo Glucosamina Duplo contém também vitamina C que actua da seguinte forma: • apoia a formação do colagénio e deste modo, • fornece elasticidade e resistência à tracção nas articulações • apoia o funcionamento de ossos e cartilagens

no trabalho ou a ver um filme em casa, por exemplo, sentia um grande desconforto na articulação do joelho. “O BioActivo Glucosamina Duplo* resolveu os meus problemas. O desconforto foi desaparecendo lentamente e agora já não sinto dores. Este produto parece ter sido a solução,” afirma Ana Garrido de 55 anos, aliviada por poder aproveitar e ter uma vida activa novamente. *BioActivo Glucosamina Duplo contém vitamina C que apoia o funcionamento dos ossos e cartilagens.

+ À venda em farmácias Tel: 21 413 11 30 • www.bioactivo.pt O BioActivo Glucosamina Duplo, é um suplemento alimentar e não substitui um regime alimentar variado. Para mais informações consulte o seu médico ou farmacêutico.

Ganhe um ano de produto grátis! Envie-nos uma carta, juntamente com este cupão, a relatar o seu caso de sucesso com os suplementos BioActivo. Se a sua história for uma das escolhidas, para ser utilizada no nosso material informativo, será contactado(a) pela Pharma Nord e terá um ano de produto grátis. Se desejar receber mais informações, envie-nos o seu pedido juntamente com o cupão. Enviar para: Pharma Nord, R. Dr. António Loureiro Borges, nº9, 10º, 1495-131 Algés.

Nome: Morada: C.P:

E-mail:

Telefone/Telemóvel: PT_GlucoDuplo_CaseAd_Regional_175x270_0113

PT_GlucoDuplo_CaseAd_Regional_175x270_0113.indd 1

29-01-2013 15:18:36


30

91anos

16 de Maio de 2013

Rádio Regional Sanjoanense 88.1FM

Há muito que utiliza o seu bom humor como ferramenta de trabalho. A má representação é algo que o continua a incomodar e, por isso, não aceita papéis de que não goste. Concorda que Portugal tem bons humoristas e espaço para muitos actores mas, na sua opinião, uma grande parte deles não são actores, apenas foram abençoados com carinhas larocas. José Pedro Gomes será o próximo convidado do programa «Conversa a Dois», na Rádio Regional Sanjoanense.

DR

«Conversa a Dois» convida José Pedro Gomes

PSP............................................................................ 256 815 000 GNR ........................................................................... 256 823 311 AGÊNCIAS FUNERÁRIAS António J. Oliveira Filhos, L.da ........... 256 811 445 / 969 015 754 965 815 114 Agência Alves, L.da de Alírio Alves - Filho V. N. Gaia - Espinho ..................................................................................933 050 509 M.R. Cruz, L.da .............................. 256 827 013 ou 917 526 598 Casa Guedes, L.da .......256 811 445 / 965 815 114 / 969 015 754 Cristino....................................................................... 256 682 451 Alcino ............................................... 256 412 007 ou 256 412 709 Artur Regadas..................................... 256 374 058 / 962 463 291 Agência Funerária Senhor da Pedra (Alírio Alves) .... 917 005 170 Ag. Fun. Paulo Gomes Carvalho e Filho, Lda - Mosteirô ............................ 256 802475/964753988 964754473 José Pina, Lda .................................... 256 682 116 / 919 743 670 FARMÁCIAS Praça ......................................................................... 256 822 390 Central ....................................................................... 256 830 040 Laranjeira ................................................................... 256 822 876 Lamar......................................................................... 256 822 232 Estação ...................................................................... 256 200 590 Arrifana ...................................................................... 256 812 828 Macieira de Sarnes .................................................... 256 872 100 BOMBEIROS S. João da Madeira (urgência) ...................... 256 837 120/1/2/3/4 Arrifana ...................................................................... 256 823 122 St.ª Maria da Feira ..................................................... 256 377 600 CÂMARAS MUNICIPAIS S. João da Madeira.................................................... 256 200 201 Oliveira de Azeméis ................................................... 256 600 600 St.ª Maria da Feira ..................................................... 256 370 800 HOSPITAIS S. João da Madeira.................................................... 256 837 500 Oliveira de Azeméis ................................................... 256 600 800 St.ª Maria da Feira .............................................. 256 379 700/736 TÁXIS Táxis Unidos .............................................................. 256 832 223 Táxis ................................................... 256 822 992 / 256 823 420 Arrifana ...................................................................... 256 823 540 Macieira de Sarnes .................................................... 256 823 038 Táximobil (cadeira de rodas) .................... 256 099 743 / 916 380 048

António Gomes Costa antoniocosta@oregional.pt

“Hoje chamamos actor às pessoas com a maior das facilidades. Ser actor não basta aparecer a representar em alguns palcos ou ter uma cara engraçada em que, muitas vezes, são os papás que os empurram. É muito mais do que isto”. E dá outro exemplo: “eu também não posso chamar jornalista a uma pessoa que vai a umas festas e escreve sobre elas! Jornalismo é outra coisa”. Esta é a convicção de alguém que diz já ter perdido os anos certos de profissão, “mas são já mais de três décadas”. José Pedro Gomes será o próximo convidado do programa semanal da Rádio Regional Sanjoanense «Conversa a Dois» – aos

Telefones

sábados, entre as 11h e as 12h, com repetição às quartas-feiras, entre as 19h e as 20h. Actor, autor, encenador, humorista, aos 61 anos, mostra-se cada vez mais intolerante a determinados comportamentos dos portugueses quando vão ao teatro. “Não posso aceitar que as pessoas levem crianças de colo para ver uma peça e que esta chore, pois não está a entender nada, telemóveis ligados, as pessoas continuam a tossir sem colocar as mãos na frente da boca. Estas atitudes revoltam”. Estreou-se em 1976. Numa conversa, sem pressas nem reservas, refere que é na comédia que tem construido uma carreira e

Restaurar Este órgão paroquial de imprensa sanjoanense está a celebrar mais um aniversário. Fundado em 2 de Maio de 1954, pelo saudoso Padre António Moura Aguiar, o «Restaurar», sob a direcção do actual pároco, Rev. Padre Domingos Milheiro, continua junto das famílias sanjoanenses a missão apostólico para que foi criado. Parabéns!

que, “com algum sucesso e sem falsas modéstias” (risos), tem sido feliz na profissão que escolheu. “Faço uma coisa que gosto, vivo desta profissão e, apesar dos tempos difíceis que vivemos, não me posso queixar”.

“Não gosto muito de entrevistas” Durante a entrevista, marcada pela boa disposição e acompanhada de muitas gargalhadas, revelou um pouco mais de si. “Não gosto muito de entrevistas e muito menos de aparecer nas revistas”, preservo muito a minha privacidade e aí ninguém entra porque não deixo. Diz acreditar nos sonhos e que os mesmos se realizem. “Gostava de

fazer outros trabalhos que não fossem comédia, mas tenho a consciência de que teria menos público”. Entretanto, entende que tem contribuído para uma maior aproximação dos portugueses com o teatro, “pois estavam afastados”. Nesta entrevista falou ainda da sua grande cumplicidade com o António Feio. “Eu fiquei muito zangado por ele ter morrido. Ele não podia ter morrido!”. Com um ar mais sério e com a voz engasgada, revela estar “sempre a recordá-lo e as pessoas nunca o vão esquecer, pois ele foi muito importante para o teatro”. Neste momento, percorre o país com «Os Reis da Comédia”».

«Dia da Consulta Jurídica Gratuita» No âmbito das comemorações do Dia do Advogado, a Delegação da Ordem dos Advogados de S. João da Madeira vai organizar o «Dia da Consulta Jurídica Gratuita». Esta ação vai decorrer no dia 25 de Maio de 2013 (Sábado), das 10h00 às 18h00, na sede da Delegação, sita na Casa das Associações, Avenida Dr. Renato Araújo, n.º 441, 3.º andar, em S. João da Madeira (junto ao Centro Coorde-

nador de Transportes) e as inscrições estão abertas até ao dia 21 de Maio, podendo ser feitas pelos telefones 256 833 724 / 93 987 62 56, das 9h00 às 12h30 ou, então, através do endereço electrónico saojoaodamadeira@del.oa.pt.

As consultas jurídicas serão gratuitas e abertas a todos os cidadãos que pretendam qualquer esclarecimento jurídico.

Comércio de Combustíveis, Lda

Serviço Self-service diário Telf. 256 823 266 - Fax: 256 829 510 Rua Domingos José de Oliveira Zona Industrial das Travessas, n.º1 S. João da Madeira

INSTITUIÇÕES PÚBLICAS Cartório Notarial......................................................... 256 202 420 Tesouraria da Fazenda Pública ................................. 256 827 447 Conservatória do Registo Civil .................................. 256 839 560 Tribunal Judicial ......................................................... 256 200 550 Serviço de Finanças .................................................. 256 001 850 Junta de Freguesia S.J.M. ......................................... 256 200 540 Junta de Freguesia Arrifana....................................... 256 200 750 Junta de Freguesia de Macieira de Sarnes ............... 256 834 861 Centro Saúde - Geral................................................. 256 816 000 Biblioteca Municipal ................................................... 256 200 890 Cerci .......................................................................... 256 837 830 TRANSPORTES Lima ........................................................................... 256 810 160 Teixeira ............................................... 256 823 661 / 256 832 448 Caminhos de Ferro ............................. 256 822 877 / 808 208 208 Auto Transportadora Sanjoanense ............................ 256 822 510 Transdev .................................................................... 256 660 800 Pinho Bus .................................................................. 256 822 229 RÁDIOS Regional Sanjoanense 88.1 FM ................................ 256 836 185 Informédia ............................................................... 256 831 991/2 DIVERSOS Correios ..................................................................... 256 830 730 E.N. (Electricidade do Norte) ..................................... 256 831 861 Avarias EDP............................................................... 800 506 506 Piquete de Avarias de Águas e Saneamento ........... 962 145 711 Lar da 3.ª Idade ......................................................... 256 837 240 Direcção Centro Saúde ............................................. 256 824 907 Cooperativa Agricola da Feira, S.J. Madeira, Gaia e Espinho, CRL................................................256 825 987 Pároco S.J. M. ........................................................... 256 838 402 Cartório Paroquial ...................................................... 256 822 396 Pároco Arrifana .......................................................... 256 811 014 Linha Azul .................................................................. 256 826 633 ADS (Sede)................................................................ 256 822 214 ADS (Dep. Futebol) ............................. 256 822 932/ 933 088 054 Pavilhão Travessas.................................................... 256 200 238 Auditório..................................................................... 256 200 248 Museu da Chapelaria................................................. 256 201 680 Paços da Cultura ....................................................... 256 827 783 Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de S. João da Madeira............................................... 256 822 224 Cruz Vermelha Portugal (Del. de S. J. Madeira)........ 256 323 320 ESTABELECIMENTOS DE ENSINO EB1 N.º 2 Conde Dias Garcia .................................... 256 822 566 EB1 N.º 3 do Espadanal ............................................ 256 820 037 EB1 N.º 4 de Casaldelo ............................................. 256 829 433 EB1 de Carquejido.................................................... 256 820 031 EB1 N.º 7 dos Ribeiros .............................................. 256 829 848 EB1 N.º 8 Fundo de Vila ............................................ 256 828 856 EB1 N.º 9 do Parrinho................................................ 256 829 134 EB 2,3 de S.J.M. ........................................................ 256 200 790 Escola Secundária Dr. Serafim Leite ......................... 256 837 550 Escola Secundária João da Silva Correia ................. 256 202 650 Escola Secundária Oliveira Júnior ............................. 256 201 050 Externato D. Dinis ...................................................... 256 858 040 Wall Street Institute .................................................... 256 202 260 Escola Inglesa ........................................................... 256 831 939 Triângulo Três ............................................................ 256 833 803 Instituto de Línguas ................................................... 256 833 906 Centro de Arte............................................................ 256 829 129 Academia de Música ................................................. 256 826 692 Kids Club ................................................................... 256 822 937 Jardim Infantil Centro Infantil de S.J.M. ..................... 256 824 603 Jardim Infantil das Laranjeiras ................................... 256 837 242 Jardim Infantil Colégio de Santa Filomena ................ 256 823 257 Jardim Infantil O Bercinho da Rita ............................. 256 834 188 Jardim Infantil EB1 Estrela Guia ................................ 256 824 850 Jardim Infantil EB1/Esc. Sec. do CEI ........................ 256 828 816 Jardim Infantil das Travessas .................................... 256 829 901 Jardim Infantil da Devesa Velha ................................ 256 831 022 Jardim Infantil Conde Dias Garcia ............................. 256 838 850 Jardim Infantil do Parrinho ......................................... 256 833 071 Jardim Infantil de Fundo de Vila ................................ 256 834 567 Jardim Infantil/EB1 N.º 6 das Fontaínhas .................. 256 829 274 Jardim Infantil de Casaldelo ...................................... 256 826 642 Jardim Infantil dos Condes ......................................... 256 820031 Jardim Infantil/EB1 N.º1 do Parque/Condes .............. 256 828 129 Jardim Infantil Carquejido .......................................... 256 102 031 Adrego, Marques & Rodrigues ........................... 256 826 234/832 Raiz Infinita - Explicações.......................................... 256 281 890 Centro de Ensino Integral .......................................... 256 828 816 Divertimento Infinito ................................................... 256 288 276


32

16 de Maio de 2013


31

16 de Maio de 2013

De Shanghai a Suzhou Carneiro Amor: Saudades da sua infância poderão ocupar-lhe a mente. Saúde: Cuidado com o aparelho digestivo. Dinheiro: Tenha cuidado com os conflitos entre colegas. Pode sair prejudicado. Pensamento positivo: Concentro-me com confiança no presente. Touro Amor: A sua relação poderá estar a avançar muito rapidamente. Saúde: Cuide melhor dos seus dentes. Dinheiro: Não gaste mais do que aquilo que realmente pode. Pensamento positivo: Sou prudente nos meus passos para chegar ao sucesso. Gémeos Amor: Saiba ouvir a sua cara-metade. Saúde: Espere um período regular. Dinheiro: Poderá investir em novos projetos, com prudência. Pensamento positivo: Procuro refletir bem antes de agir.

Por Josias Gil Para vencer os cerca de 90 quilómetros de Shanghai a Suzhou escolhemos o meio de transporte público mais popular entre os chineses: o comboio. O caminho de ferro é fácil, é barato e dá para milhões de pessoas e mercadorias percorrerem um país do tamanho de um continente. O comboio

espalhadas pela cidade, onde também adquirimos as entradas para a Expo. Estas viagens internas, integralmente feitas por nossa conta e risco e sem qualquer apoio, constituíram um dos pontos críticos das nossas preocupações. A primeira dificuldade começou pelo facto de os funcionários

tem uma dignidade própria, suscita uma mística que vai crescendo à medida da grandeza das distâncias que serve. É o navio terrestre que sulca os territórios até aos mais recônditos confins… É o veículo dos maiores contrastes: pode ir do máximo conforto ao extremo desconforto. Viajar de comboio é sempre de algum modo uma experiência radical, um ato de cultura, uma revelação. Ainda se sente muito isso na China. Comprámos os bilhetes numa agência perto do hotel, uma das muitas

dos guichés não falarem línguas estrangeiras que se compreendam. Bem, mas lá nos plantámos na fila e, chegados ao pé do vidro, mostrei que eramos três, indiquei a data e disse tickets Suzu. Pela cara da senhora de meia idade, percebi que Suzu nada lhe dizia. Enquanto eu repetia, denotando um quê de angústia na voz, Suzu, Suzou, Suzou, a ver se acertava na tecla da comunicação, logo solícito um jovem (sempre os jovens!), de trás, olhou para o papel que eu já tirava do bolso e de imediato

Caranguejo Amor: Estará num período bastante propício ao romantismo. Saúde: Se sofrer de alguma doença crónica, poderá ressentir-se um pouco neste período. Dinheiro: Poderá alcançar os seus objetivos profissionais. Pensamento positivo: Sei que consigo concretizar os meus objetivos. Leão Amor: É possível que reencontre alguém que não via há muito tempo. Saúde: Estará tudo na normalidade. Dinheiro: Poderá ter necessidade de utilizar as suas poupanças. Pensamento positivo: A vida traz-me boas surpresas e oportunidades. Virgem Amor: Aproveite bem os momentos mais íntimos para mostrar à sua cara-metade o tamanho do seu amor. Saúde: Procure o seu médico de família para fazer exames de rotina. Dinheiro: Dedique-se com afinco e determinação ao seu emprego porque pode ter uma excelente surpresa. Pensamento positivo: O Amor habita o meu coração. Balança Amor: Dê mais atenção às necessidades da sua cara-metade. Saúde: Possível inflamação dentária. Dinheiro: É provável que surja a oportunidade pela qual esperava, para dar andamento a um projeto que tinha parado. Pensamento positivo: Tenho força para superar todos os desafios. Escorpião Amor: Deixe de lado o passado e concentre-se mais no presente. Saúde: Poderá sofrer de quebras de tensão, tenha cuidado. Dinheiro: A impulsividade irá causar alguns estragos na sua conta bancária. Pensamento positivo: A vida é uma viagem cheia de surpresas boas. Sagitário Amor: Será elogiado pela sua tolerância e compreensão. Saúde: O bem-estar físico vai acompanhá-lo durante toda a semana. Dinheiro: Poderá receber uma quantia considerável de dinheiro. Pensamento positivo: Cultivo a harmonia na minha vida. Capricórnio Amor: Aprecie uma reunião familiar e ponha de lado as preocupações profissionais. Saúde: Possíveis problemas de obstipação. Dinheiro: Seja mais flexível; o facto de ser tão minucioso pode prejudicá-lo. Pensamento positivo: Mereço a glória que existe na minha vida.

olanda

Cabeleireiro

Rua dos Bombeiros Voluntários, n.º 420 loja E/F S. João da Madeira Tlf.: 256 823 045 - Tlm.: 919 001 652

Aquário Amor: Poderá ter uma discussão com os seus filhos. Saúde: Trate-se com amor. A sua saúde é o espelho das suas emoções. Dinheiro: Período de grande estabilidade. Pensamento positivo: Tenho a coragem necessária para fazer mudanças na minha vida. Peixes Amor: Andará um pouco desconfiado do seu parceiro. Saúde: Sentir-se-á cheio de energia. Dinheiro: Aproveite bem as oportunidades que lhe surjam. Pensamento positivo: Estou atento às oportunidades que a vida me traz.

convida

José Pedro Gomes Sábados: 11h00 / 12h00

Repetição: Quartas - feiras 19h00/20h00

nele discernindo os caracteres da palavra Suzhou, exclamou: Sutjou! Logo ali aprendemos que Suzhou não se diz nem Suzu, nem Suzou mas sim Sutjou. Nesse momento comecei a experimentar a impenetrabilidade do entendimento chinês quando entoamos as palavras com o som errado. A rapidez da fala e a subtileza das mínimas diferenças nos sons e nos tons, quase impercetíveis ao ouvido ocidental, que determinam uma enorme diversidade de significados, tornam muito apurados o ouvido e a ginástica fónica dos nativos, dotando-os de alguma inabilidade para a tosca dicção dos estrangeiros. É impossível dizer a palavra certa no tom errado. Logo, resta-nos ficar a dizer o que não queremos, ou a querer o que não dizemos… Bem, naquela fomos salvos pelo jovem solícito e lá rumámos na manhã aprazada, de táxi, do hotel para a estação dos caminhos de ferro. Os bilhetes têm impressos na parte superior o sinograma com o nome da localidade de destino e o número do comboio. As estações têm painéis eletrónicos onde se evidenciam estes números, associados aos das salas de espera, onde

se localizam as entradas para os respetivos cais de embarque. Nada que enganar: bastou seguir os números, as setas e logo nos encontrámos no sítio certo, à hora certa, que é sempre até meia hora antes da partida. Eles são muito pontuais. Ao fundo da sala, abriram-se as cancelas debaixo do painel com o número do nosso comboio. Em cada entrada havia um funcionário a verificar os bilhetes, eliminando logo ali qualquer possibilidade de engano. Ao descermos ao cais de embarque, fomos acolhidos por outro funcionário que nos conduziu ao sítio onde veio a parar a carruagem com os nossos lugares. Entrámos; o comboio era moderno, rápido, silencioso e confortável. Podemos qualificá-lo de impecável. Numa curta viagem de 90 quilómetros, a experiência foi um agradável começo, aliás, na sequência do Maglev, em que viajáramos do aeroporto a Shanghai, mas um mau início… Mau, porque não nos preparou para o que viria a seguir, quando tentámos fazer 1300 quilómetros, entre Suzhou e Xian e provocámos o mais desagradável percalço de toda a viagem…

Quinta, 16 ........................................................................ Lamar Sexta, 17 ..........................................................................Praça Sábado, 18 ................................................................ Laranjeira Domingo,19 ....................................................................Central Segunda, 20 ................................................................. Estação Terça, 21 .......................................................................... Lamar Quarta, 22.........................................................................Praça Quinta, 23. ................................................................. Laranjeira


Jornal 'O Regional' 3461  

Edição de 16 de Maio_2013

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you